Seminário Internacional sobre o Projeto de Reforma Tributária

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Seminário Internacional sobre o Projeto de Reforma Tributária"

Transcrição

1 Seminário Internacional sobre o Projeto de Reforma Tributária O Novo ICMS Aspectos Jurídicos e Constitucionais 4 de março de 2009 Clóvis Panzarini

2 Porque a reforma tributária? A carga tributária brasileira éalta. O sistema tributário é complexo, injusto não transparente e ineficiente. Esses dois fatores comprometem a competitividade da economia nacional. A guerra fiscal compromete a isonomia e a segurança jurídica. 2

3 Competitividade: Carga tributária x Neutralidade Não éa magnitude da carga que compromete a competitividade a economia brasileira, mas sim a má qualidade dos impostos. Um sistema tributário bem desenhado onera igualmente a produção nacional e as importações e permite plena desoneração nas exportações. Éa desobediências a princípios (como o da neutralidade e simplicidade) que compromete a eficiência do sistema (cumulatividades disfarçadas, elevados custos administrativos, tributação de bk, etc)

4 IVA nacional x IVA federal IVA: imposto de natureza nacional, pois seus efeitos transcendem as fronteiras do ente tributante. A eliminação desses efeitos pressupõe princípio de destino, o que cinge os feitos da política tributária ao território do ente tributante Nesse caso, o IVA ou IVV têm a mesma natureza o IVA éum IVV fatiado ; a soma das fatias = alíquota x preço varejo. No Brasil, o ICM (depois ICMS) foram consignados na competência estadual com princípio de origem (na verdade, misto). O federalismo fiscal foi cristalizado com essa discriminação de rendas tributárias IVA estadual éum dado do problema. 4

5 Um ICMS estadual centralizado? Centralização da legislação tributária suposta simplificação do sistema; Homogeneização horizontal das alíquotas; Principio de destino (ou quase destino, com apenas 2% na origem) acabaria com a guerra fiscal.

6 Agressões à Neutralidade do ICMS Neutralidade x cumulatividade estorno de créditos no meio da cadeia produtiva; Tributação dos bens de capital e de uso e consumo; Créditos acumulados não honrados; Guerra fiscal; Substituição tributária: MVA médio iguala desiguais.

7 Estorno de crédito no meio da cadeia produtiva Art º... II a isenção ou não incidência, salvo determinação em contrário da legislação:... b) acarretará a anulação do crédito relativo às operações anteriores; Isso implica cumulatividade (caso do álcool anidro) viés contra fornecedor local de insumos utilizados na produção de mercadorias beneficiadas com isenção ou não incidência.

8 Tributação de bens destinado ao ativo permanente e a uso e consumo I Bens destinados ao ativo permanente Hoje: creditamento do ICMS pago em 48 meses; PEC 31 A/07: creditamento àvista (após 8 anos da promulgação da emenda). II Bens de uso e consumo: Hoje: bitributado; PEC 31 A/07: creditamento pleno após 19 anos da promulgação da emenda).

9 Créditos acumulados não honrados Art 155 Hoje... 2º... X não incidirá: a) sobre operações que destinem mercadorias para o exterior, nem sobre serviços prestados a destinatários no exterior, assegurada a manutenção e o aproveitamento do montante do imposto cobrado nas operações e prestações anteriores.

10 Créditos acumulados não honrados PEC 31 A/07 I o prazo para o pronunciamento da administração tributária quanto ao aproveitamento de saldo credor pelo contribuinte éde cento e vinte dias contados da sua solicitação; II em caso de suspeita de irregularidade dos créditos que deram origem ao saldo credor, a administração tributária: a) deduzirá os créditos em averiguação do respectivo saldo; b) permitirá o aproveitamento do saldo remanescente no prazo a que se refere o inciso I; c) pronunciar se ásobre a regularidade dos créditos em averiguação em até duzentos e quarenta dias contados da solicitação do contribuinte; III sem prejuízo da posterior averiguação da regularidade dos créditos, transcorridos os prazos mencionados no inciso I ou no inciso II, c, sem que a administração tributária tenha se pronunciado quanto à solicitação do contribuinte, o respectivo saldo credor será passível de aproveitamento (quem compraria crédito de ICMS colocado sob suspeição pelo fisco??)

11 Créditos acumulados não honrados e o princípio de destino do ICMS I : com cobrança na origem acentua o problema de acumulação de créditos no destino; II: com cobrança no destino acentua o problema de acumulação de crédito na origem (cada operação interestadual terá o mesmo efeito de uma exportação para o exterior);

12 Guerra Fiscal A implementação do princípio de quase destino (plenamente 12 anos após a data da entrada em vigor do novo ICMS) inibe a guerra fiscal; Legitima a desobediência pretérita: Os benefícios concedidos até 5/07/2008, exceto os relativos à importação e atacadistas, serão, obedecido o rito, mantidos pelos prazos e nos termos previstos nos respectivos atos concessórios. Incentiva desobediência futura: Os benefício concedidos entre 5 de julho de 2008 e a data da promulgação da Emenda, poderão ser mantidos pelo CONFAZ, que o desconstituirá somente com votos desfavoráveis da maioria absoluta dos membros, contando com a reprovação de, pelo menos, um representante dos Estados e Distrito Federal de cada Região (hoje, incentivo legítimo somente com unanimidade do CONFAZ).

13 Transparência Mantém a regra constitucional de cobrança do ICMS por dentro Art. 155, 2º, XII Cabe àlei complementar... i fixar a base de cálculo, de modo que o montante do imposto a integre, também na importação do exterior de bem, mercadoria ou serviço.

14 Conclusões Acaba com a guerra fiscal a longo prazo, mas a incentiva a curto prazo; Mantém a cobrança do ICMS por dentro (falta transparência); Melhora a neutralidade (bens de uso e consumo, bk) a longo prazo (essas cumulatividades, que comprometem a neutralidade, poderiam ser substituídas por alíquotas transparentes); mantém exigência de estorno nas operações anteriores à isenção ou não incidência (discrimina fornecedores); A unificação da legislação poderá representar aumento médio da complexidade ao invés de simplificação como largamente difundido; A fixação de prazos para reconhecimento de crédito acumulado representa avanço, mas não resolve o problema.

O futuro da tributação sobre o consumo no Brasil: melhorar o ICMS ou criar um IVA amplo? Perspectivas para uma Reforma Tributária

O futuro da tributação sobre o consumo no Brasil: melhorar o ICMS ou criar um IVA amplo? Perspectivas para uma Reforma Tributária 1 XI CONGRESSO NACIONAL DE ESTUDOS TRIBUTÁRIOS O futuro da tributação sobre o consumo no Brasil: melhorar o ICMS ou criar um IVA amplo? Perspectivas para uma Reforma Tributária Osvaldo Santos de Carvalho

Leia mais

Como avançar na melhoria do sistema tributário brasileiro: uma agenda para o curto e o médio prazo

Como avançar na melhoria do sistema tributário brasileiro: uma agenda para o curto e o médio prazo Como avançar na melhoria do sistema tributário brasileiro: uma agenda para o curto e o médio prazo Fórum Estadão Brasil Competitivo: Uma agenda tributária para o Brasil Flavio Castelo Branco Gerente-Executivo

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Incidência de ISS ou ICMS nas Operações de Transportes- SP

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Incidência de ISS ou ICMS nas Operações de Transportes- SP Incidência de ISS ou ICMS nas Operações de Transportes- SP 16/06/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 3 3.1 Incidência

Leia mais

A Reforma Tributária e o Desenvolvimento

A Reforma Tributária e o Desenvolvimento A Reforma Tributária e o Desenvolvimento Por que a Reforma Tributária é Fundamental? Acelera o crescimento econômico Torna o crescimento mais sustentável É a reforma econômica mais importante Reforma Tributária

Leia mais

XII Congresso de Direito Tributário Em Questão Política Tributária: O ICMS e a Tributação na Origem ou no Destino

XII Congresso de Direito Tributário Em Questão Política Tributária: O ICMS e a Tributação na Origem ou no Destino XII Congresso de Direito Tributário Em Questão Política Tributária: O ICMS e a Tributação na Origem ou no Destino Gramado, junho de 2013 André Luiz Barreto de Paiva Filho SUMÁRIO O IMPOSTO DE VALOR ADICIONADO

Leia mais

Palestrante Clélio Chiesa Mestre e Doutor pela PUC/SP. Professor de graduação e pós-graduação em Direito Tributário. Consultor e Advogado.

Palestrante Clélio Chiesa Mestre e Doutor pela PUC/SP. Professor de graduação e pós-graduação em Direito Tributário. Consultor e Advogado. Tema: Estorno dos créditos de ICMS e alíquota de 4% nas operações interestaduais. Inconstitucionalidades. Posição do STF, STJ e Conselhos de Contribuintes. Palestrante Clélio Chiesa Mestre e Doutor pela

Leia mais

ESTADO DO ACRE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE AÇÃO FISCAL NOTA TÉCNICA

ESTADO DO ACRE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE AÇÃO FISCAL NOTA TÉCNICA ESTADO DO ACRE SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DEPARTAMENTO DE ADMINISTRAÇÃO TRIBUTÁRIA DEPARTAMENTO DE GESTÃO DE AÇÃO FISCAL NOTA TÉCNICA Tendo em vista a implantação das Áreas de Livre Comércio de Brasiléia,

Leia mais

Emenda Constitucional nº 87/2015 - Alterações no ICMS em operações de e-commerce. Orlando Dalcin odalcin@tozzinifreire.com.br

Emenda Constitucional nº 87/2015 - Alterações no ICMS em operações de e-commerce. Orlando Dalcin odalcin@tozzinifreire.com.br Emenda Constitucional nº 87/2015 - Alterações no ICMS em operações de e-commerce Orlando Dalcin odalcin@tozzinifreire.com.br ICMS Aspectos da Regra Matriz Aspecto Material Saída de mercadorias de estabelecimento

Leia mais

SIMPLES NACIONAL DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS TRATAMENTO FISCAL

SIMPLES NACIONAL DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS TRATAMENTO FISCAL Matéria São Paulo SIMPLES NACIONAL DEVOLUÇÃO DE MERCADORIAS TRATAMENTO FISCAL SUMÁRIO 1. Introdução 2. Devolução Conceito 3. Crédito do Imposto no Recebimento de Mercadorias em Devolução ICMS e IPI 4.

Leia mais

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 190, DE 2001

PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 190, DE 2001 COMISSÃO DE FINANÇAS E TRIBUTAÇÃO PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 190, DE 2001 Cria contribuição de intervenção no domínio econômico, denominada Contribuição de Equalização Tributária (CET), com base no

Leia mais

NÃO INCIDÊNCIAS O imposto não incide sobre: I operações com livros, jornais, periódicos e o papel destinado a sua impressão; II operações e

NÃO INCIDÊNCIAS O imposto não incide sobre: I operações com livros, jornais, periódicos e o papel destinado a sua impressão; II operações e ICMS - IMPOSTO SOBRE CIRCULAÇÃO DE MERCADORIAS E PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS O ICMS (imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre prestações de serviços de transporte interestadual,

Leia mais

A S S I P I ICMS IMPORTADOS RESOLUÇÃO 13

A S S I P I ICMS IMPORTADOS RESOLUÇÃO 13 A S S I P I ICMS IMPORTADOS RESOLUÇÃO 13 1 RESOLUÇÃO 13 X DECRETO 4316/95 RESOLUÇÃO 13 DECRETO 4316 COMENTÁRIOS Art. 1º A alíquota do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre

Leia mais

GUIA DIÁRIO DE ALTERAÇÕES 12.11.2015

GUIA DIÁRIO DE ALTERAÇÕES 12.11.2015 GUIA DIÁRIO DE ALTERAÇÕES 12.11.2015 1. ICMS Santa Catarina CONSULTA 77/2015 CHÁ MATE TOSTADO É MODALIDADE DE BENEFICIAMENTO DA ERVA MATE. O IMPOSTO DEVE SER CALCULADO PELA ALÍQUOTA DE 12%, CONFORME RICMS/SC,

Leia mais

Especial Área Fiscal Legislação Tributária do Estado de São Paulo Professor Dermeval Frossard

Especial Área Fiscal Legislação Tributária do Estado de São Paulo Professor Dermeval Frossard 1 O que você aconselha para quem começa agora a se preparar para a área fiscal? É necessário começar a estudar Contabilidade e Direito Tributário, pois sem exceção, estas matérias entram no edital de todos

Leia mais

LIVRO REGISTRO DE ENTRADAS - Regras para Escrituração dos Modelos 1 e 1-A

LIVRO REGISTRO DE ENTRADAS - Regras para Escrituração dos Modelos 1 e 1-A LIVRO - Regras para Escrituração dos Modelos 1 e 1-A Matéria elaborada com base na legislação vigente em: 19.09.2013. Sumário: 1 - INTRODUÇÃO 2 - LIVRO, MODELO 1 OU 1-A 2.1 - Documentos Fiscais Registrados

Leia mais

Resolução do Senado 13/2012. Análise da Aplicação da norma e do cumprimento das obrigações acessórias

Resolução do Senado 13/2012. Análise da Aplicação da norma e do cumprimento das obrigações acessórias Resolução do Senado 13/2012 Análise da Aplicação da norma e do cumprimento das obrigações acessórias 1 Tributação do Consumo: A tributação do consumo no Brasil: Repartição de competências: Art. 155. Compete

Leia mais

Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br

Especialistas em pequenos negócios / 0800 570 0800 / www.sebrae.com.br REPRESENTATIVIDADE DOS PEQUENOS NEGÓCIOS NO BRASIL 10 milhões de negócios formais (99%) e 9 milhões de informais 56,1% da força de trabalho que atua no setor formal urbano 26% da massa salarial 20% do

Leia mais

ICMS ANTECIPADO ESPECIAL - NÃO OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL

ICMS ANTECIPADO ESPECIAL - NÃO OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL ICMS ANTECIPADO ESPECIAL - NÃO OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. Em que se constitui o ICMS ANTECIPADO ESPECIAL? R= Em valor correspondente à diferença entre a alíquota interna e a

Leia mais

ILEGALIDADE NA INSTITUIÇÃO E COBRANÇA DE ICMS PELO ESTADO DO AMAZONAS: REGIME DE ESTIMATIVA E REGIME DE ANTECIPAÇÃO.

ILEGALIDADE NA INSTITUIÇÃO E COBRANÇA DE ICMS PELO ESTADO DO AMAZONAS: REGIME DE ESTIMATIVA E REGIME DE ANTECIPAÇÃO. ILEGALIDADE NA INSTITUIÇÃO E COBRANÇA DE ICMS PELO ESTADO DO AMAZONAS: REGIME DE ESTIMATIVA E REGIME DE ANTECIPAÇÃO. Júlio Yuri Rodrigues Rolim Advogado OAB/CE 27.575 O Imposto sobre Circulação de Mercadorias

Leia mais

Resolução do Senado Federal nº 13/2012: características, problemas e soluções. Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP

Resolução do Senado Federal nº 13/2012: características, problemas e soluções. Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP Resolução do Senado Federal nº 13/2012: características, problemas e soluções Marcelo Viana Salomão Mestre e doutorando PUC/SP ICMS - ICMS: imposto de conformação nacional exaustivamente regrado pela CF/88;

Leia mais

RESOLUÇÃO N 007 /2014

RESOLUÇÃO N 007 /2014 RESOLUÇÃO N 007 /2014 SICME/MT - Aprovar o benefício fiscal para as empresas fornecedoras de máquinas, equipamentos e insumos às indústrias de confecções participantes dos APL(s) Arranjos Produtivos Locais

Leia mais

Institui a chamada isonomia horizontal para que as pessoas que estejam na mesma situação, sejam tratadas de forma similar.

Institui a chamada isonomia horizontal para que as pessoas que estejam na mesma situação, sejam tratadas de forma similar. Princípio da Isonomia Tributária Primeiramente, cabe demarcar toda a difícil compreensão do princípio isonomia no Direito, vez que a mera sintetização tratamento pela igualdade, demanda a estipulação de

Leia mais

Troca de mercadorias adquiridas na mesma e em outras lojas da rede. - PROCEDIMENTOS FISCAIS.

Troca de mercadorias adquiridas na mesma e em outras lojas da rede. - PROCEDIMENTOS FISCAIS. Troca de mercadorias adquiridas na mesma e em outras lojas da rede. - PROCEDIMENTOS FISCAIS. Reposta à Consulta nº 907, de fevereiro de 2001. 1. A Consulente, empresa importadora que atua no ramo de roupas,

Leia mais

Sistema tributário brasileiro: Distorções e necessidade de mudança

Sistema tributário brasileiro: Distorções e necessidade de mudança Sistema tributário brasileiro: Distorções e necessidade de mudança Bernard Appy maio de 2015 Sistema tributário brasileiro Características desejáveis Características desejáveis de um sistema tributário

Leia mais

Reforma Tributária ria e Política de Desenvolvimento Regional Cuiabá,, Agosto 2007 Reuniões com Governadores Natureza das reuniões anteriores: Governadores de diferentes regiões do país e dirigentes das

Leia mais

Indústria brasileira de bens de capital mecânicos. Janeiro/2011

Indústria brasileira de bens de capital mecânicos. Janeiro/2011 AGENDA DE TRABALHO PARA O CURTO PRAZO Indústria brasileira de bens de capital mecânicos Janeiro/2011 UMA AGENDA DE TRABALHO (para o curto prazo) A. Financiamento A1. Taxa de juros competitiva face a nossos

Leia mais

ANEXO 18 ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL - EFD

ANEXO 18 ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL - EFD ANEXO 18 REVOGADO OS ARTIGOS 1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 6º, 7º, 8º e 8º-A pela RESOLUÇÃO ADMINISTRATIVA 10/11 de 14.12.11. Alteração: Resolução Administrativa nº 03/2015 ESCRITURAÇÃO FISCAL DIGITAL - EFD Acrescentado

Leia mais

TRANSPORTE DE CARGAS AÉREO - Tratamento Tributário relacionado ao ICMS/SC

TRANSPORTE DE CARGAS AÉREO - Tratamento Tributário relacionado ao ICMS/SC TRANSPORTE DE CARGAS AÉREO - Tratamento Tributário relacionado ao ICMS/SC Matéria elaborada com base na legislação vigente em: 04.11.2011. SUMÁRIO: 1 - INTRODUÇÃO 2 - ALÍQUOTAS DO ICMS 2.1 - Operações

Leia mais

FATO GERADOR DO ICMS NA IMPORTAÇÃO RE 540.829-SP - 11/09/2014

FATO GERADOR DO ICMS NA IMPORTAÇÃO RE 540.829-SP - 11/09/2014 FATO GERADOR DO ICMS NA IMPORTAÇÃO RE 540.829-SP - 11/09/2014 ASPECTOS HISTÓRICOS Em passado remoto, o Estado de São Paulo tentou instituir a cobrança do ICMS na importação de mercadorias e o fez por decreto.

Leia mais

Unidade I DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES. Prof. Luís Fernando Xavier Soares de Mello

Unidade I DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES. Prof. Luís Fernando Xavier Soares de Mello Unidade I DIREITO NAS ORGANIZAÇÕES Prof. Luís Fernando Xavier Soares de Mello Direito nas organizações Promover uma visão jurídica global do Sistema Tributário Nacional, contribuindo para a formação do

Leia mais

Artigos incluídos ou alterados pela Proposta:

Artigos incluídos ou alterados pela Proposta: ESTUDO PRELIMINAR SOBRE A PROPOSTA DE REFORMA TRIBUTÁRIA ENVIADA AO CONGRESSO EM FEVEREIRO DE 2008 (SE REFERE AOS TÓPICOS DE INTERESSE DOS MUNICÍPIOS) Artigos incluídos ou alterados pela Proposta: Adv.

Leia mais

PROGRAMA ICMS ANTECIPADO ESPECIAL COM GLOSA DE CRÉDITO. 1. O que é o Programa de ICMS ANTECIPADO GLOSA DE CRÉDITO?

PROGRAMA ICMS ANTECIPADO ESPECIAL COM GLOSA DE CRÉDITO. 1. O que é o Programa de ICMS ANTECIPADO GLOSA DE CRÉDITO? PROGRAMA ICMS ANTECIPADO ESPECIAL COM GLOSA DE CRÉDITO PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. O que é o Programa de ICMS ANTECIPADO GLOSA DE CRÉDITO? R= É a cobrança do ICMS de mercadorias sujeitas à exclusão de crédito

Leia mais

ASSUNTO: ESTADO DE DESTINO NÃO PODE COBRAR ICMS NAS COMPRAS VIA INTERNET

ASSUNTO: ESTADO DE DESTINO NÃO PODE COBRAR ICMS NAS COMPRAS VIA INTERNET ASSUNTO: ESTADO DE DESTINO NÃO PODE COBRAR ICMS NAS COMPRAS VIA INTERNET 1- INTRODUÇÃO 1. Em 2011, foi firmado entre 17 (dezessete) estados, mais o Distrito Federal, via CONFAZ (Conselho Nacional de Política

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Transferência de Crédito de ICMS de Fornecedor Optante do Simples Nacional

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Transferência de Crédito de ICMS de Fornecedor Optante do Simples Nacional 09/01/2015 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 4 3.1 Transferência de Crédito do ICMS pelos Optantes do... 4 3.2 Do Ressarcimento

Leia mais

COMISSÃO MISTA PARA DISCUSSÃO DA LEGISLAÇÃO DA MICRO EMPRESA E EMPRESA DE PEQUUENO PORTE

COMISSÃO MISTA PARA DISCUSSÃO DA LEGISLAÇÃO DA MICRO EMPRESA E EMPRESA DE PEQUUENO PORTE PROPOSTAS PARA TRATAMENTO TRIBUTÁRIO DA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE EM MATO GROSSO Comissão criada pela Portaria nº 030/SUGP/SEFAZ de 04/05/04 LEGENDA ATENDIDO PTA RP 2004 1. MINUTA DE LEI

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 493/01-GSF, DE 6 DE JULHO DE 2001

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 493/01-GSF, DE 6 DE JULHO DE 2001 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 493/01-GSF, DE 6 DE JULHO DE 2001 (PUBLICADA NO DOE DE 13.07.01) Este texto não substitui a norma publicada no Diário Oficial do Estado ALTERAÇÃO: Instrução Normativa nº 547/02-GSF,

Leia mais

PREPARATÓRIO RIO EXAME DA OAB

PREPARATÓRIO RIO EXAME DA OAB PREPARATÓRIO RIO EXAME DA OAB DIREITO TRIBUTÁRIO RIO 4ª PARTE CARACTERÍSTICAS CONSTITUCIONAIS DOS IMPOSTOS Prof. JOSÉ HABLE www.josehable.adv.br johable@gmail.com DOS IMPOSTOS DA UNIÃO Art. 153. Compete

Leia mais

TRIBUTAÇÃO ESTADUAL INCENTIVOS FISCAIS E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: REGRAS E LIMITES DE IMPLEMENTAÇÃO

TRIBUTAÇÃO ESTADUAL INCENTIVOS FISCAIS E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: REGRAS E LIMITES DE IMPLEMENTAÇÃO X Congresso de Direito Tributário em Questão TRIBUTAÇÃO ESTADUAL INCENTIVOS FISCAIS E DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: REGRAS E LIMITES DE IMPLEMENTAÇÃO Gramado, julho de 2011 André Luiz Barreto de Paiva Filho

Leia mais

INFORMATIVO JURÍDICO

INFORMATIVO JURÍDICO 1 ROSENTHAL E SARFATIS METTA ADVOGADOS INFORMATIVO JURÍDICO NÚMERO 5, ANO III MAIO DE 2011 1 ESTADO NÃO PODE RECUSAR CRÉDITOS DE ICMS DECORRENTES DE INCENTIVOS FISCAIS Fiscos Estaduais não podem autuar

Leia mais

CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO ESTADO DE MINAS GERAIS

CONSELHO DE CONTRIBUINTES DO ESTADO DE MINAS GERAIS Acórdão: 14.784/02/2 a Impugnação: 40.010105525-11 Impugnante: Gafor Ltda. Proc. do Suj. Passivo: João Batista Julião/Outro PTA/AI: 01.000138918-70 Inscrição Estadual: 518.058253.00-10 Origem: AF/III/Poços

Leia mais

A empresa formalizou consulta acerca da utilização de créditos relacionados à entrada de combustíveis, aos seguintes termos, em síntese:

A empresa formalizou consulta acerca da utilização de créditos relacionados à entrada de combustíveis, aos seguintes termos, em síntese: Assunto : Consulta utilização de créditos de combustíveis. EMENTA: CONSULTA EMPRESA TRANSPORTADORA - CRÉDITOS DE COMBUSTÍVEIS. ANÁLISE. 1. RELATÓRIO: A empresa formalizou consulta acerca da utilização

Leia mais

ANEXO 4.7. Substituição Tributária nas Operações com Disco Fonográfico e Fita Virgem ou Gravada.

ANEXO 4.7. Substituição Tributária nas Operações com Disco Fonográfico e Fita Virgem ou Gravada. ANEXO 4.7 Substituição Tributária nas Operações com Disco Fonográfico e Fita Virgem ou Gravada. Protocolo ICMS 19/1985 Alterações: Protocolo ICMS 09/1986, 10/1987, 53/91, 05/98, 07/2000, 12/06, 72/07,

Leia mais

SENADO FEDERAL GABINETE DO SENADOR RODOLPHO TOURINHO PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2006

SENADO FEDERAL GABINETE DO SENADOR RODOLPHO TOURINHO PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2006 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2006 Dá nova redação ao inciso VII do 2º do art. 155 da Constituição Federal, para estender a aplicação da alíquota interestadual do ICMS às operações interestaduais

Leia mais

ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos. ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos

ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos. ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos ICMS/SP - Devolução de Mercadorias - Roteiro de Procedimentos Nas relações de comércio é muito comum, por motivos como mercadoria em desacordo com o pedido, qualidade insatisfatória, não observância de

Leia mais

DIFERIMENTO DO ICMS - Recolhimento do Imposto pelo Contribuinte Substituto

DIFERIMENTO DO ICMS - Recolhimento do Imposto pelo Contribuinte Substituto DIFERIMENTO DO ICMS - Recolhimento do Imposto pelo Contribuinte Substituto Matéria elaborada com base na legislação vigente em 14.05.2012. Sumário: 1 - INTRODUÇÃO 2 - DIFERIMENTO - SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA

Leia mais

O IMPACTO DOS TRIBUTOS NA FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA

O IMPACTO DOS TRIBUTOS NA FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA TRIBUTOS CARGA TRIBUTÁRIA FLS. Nº 1 O IMPACTO DOS TRIBUTOS NA FORMAÇÃO DO PREÇO DE VENDA 1. - INTRODUÇÃO A fixação do preço de venda das mercadorias ou produtos é uma tarefa complexa, onde diversos fatores

Leia mais

VI Exame OAB 2ª FASE Padrão de correção Direito Tributário

VI Exame OAB 2ª FASE Padrão de correção Direito Tributário VI Exame OAB 2ª FASE Padrão de correção Direito Tributário Peça GABARITO COMENTADO O Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) é imposto de competência municipal, cabendo à lei complementar estabelecer

Leia mais

d) não incidirá nas prestações de serviços de comunicação nas modalidades de radiodifusão sonora e de sons e imagens de recepção livre e gratuita.

d) não incidirá nas prestações de serviços de comunicação nas modalidades de radiodifusão sonora e de sons e imagens de recepção livre e gratuita. 1. (Analista de Planejamento e Orçamento/MPOG ESAF - 2010) Sobre o ICMS - Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte e Comunicação, é incorreto afirmar-se que: a) será

Leia mais

Jurisprudência. SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 47 de 12 de Novembro de 2012

Jurisprudência. SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 47 de 12 de Novembro de 2012 SOLUÇÃO DE CONSULTA Nº 143 de 20 de Novembro de 2012 ASSUNTO: Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social Cofins/ Contribuição para o PIS/Pasep EMENTA: CRÉDITOS VINCULADOS A RECEITA NÃO TRIBUTADA.

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO CÉLULA DE PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS DE FISCALIZAÇÃO

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DA FAZENDA DIRETORIA DE FISCALIZAÇÃO CÉLULA DE PADRONIZAÇÃO DE PROCEDIMENTOS DE FISCALIZAÇÃO ICMS ANTECIPADO - OPTANTES DO SIMPLES NACIONAL PERGUNTAS E RESPOSTAS 1. Em que se constitui o ICMS ANTECIPADO para recolhimento pelos optantes do Simples Nacional? Na unificação das seguintes modalidades

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO FEDERAL

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO FEDERAL 1 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO FEDERAL Artigo 1 A Constituição Federal passa a vigorar com os seguintes artigos alterados ou acrescidos: Art. 52. Compete privativamente ao Senado Federal: XVI estabelecer

Leia mais

Pergunte à CPA. Substituição Tributária entre os Estados de SP e MG

Pergunte à CPA. Substituição Tributária entre os Estados de SP e MG 12/06/2014 Pergunte à CPA Substituição Tributária entre os Estados de SP e MG Apresentação: Helen Mattenhauer Convênio e Protocolos CONVÊNIO: Constitui um acordo entre os Estados, cujo elaboração tem por

Leia mais

Soluções estratégicas em economia

Soluções estratégicas em economia Soluções estratégicas em economia Ampliação e aperfeiçoamento dos mecanismos de desoneração tributária dos sistemas de logística reversa e estudo de impacto econômico da desoneração Estudo preparado para

Leia mais

GUERRA FISCAL - Impactos da Resolução SF 13/2012

GUERRA FISCAL - Impactos da Resolução SF 13/2012 GUERRA FISCAL - Impactos da Resolução SF 13/2012 BRITCHAM 26 de março de 2013 I. Resolução SF nº. 13/2012 Intenção de eliminar a Guerra dos Portos Reduz as possibilidades de desoneração do ICMS nos Estados

Leia mais

Ciclo de Debates ABRALATAS 2015

Ciclo de Debates ABRALATAS 2015 Ciclo de Debates ABRALATAS 2015 Viabilidade da Tributação Verde Lucilene Prado Existe no sistema jurídico brasileiro fundamentos para uma tributação que induza a comportamentos e atividades empresariais

Leia mais

CARTA DO CONTRIBUINTE BRASILEIRO OS TRIBUTOS COMO INSTRUMENTO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL

CARTA DO CONTRIBUINTE BRASILEIRO OS TRIBUTOS COMO INSTRUMENTO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL CARTA DO CONTRIBUINTE BRASILEIRO OS TRIBUTOS COMO INSTRUMENTO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL Recomendações para a construção de um sistema tributário mais justo, que aumente a competitividade do

Leia mais

Palestra. Créditos Fiscais (ICMS/ IPI/ PIS e COFINS) Julho 2012. Elaborado por: Katia de Angelo Terriaga

Palestra. Créditos Fiscais (ICMS/ IPI/ PIS e COFINS) Julho 2012. Elaborado por: Katia de Angelo Terriaga Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo Tel. (11) 3824-5400, 3824-5433 (teleatendimento), fax (11) 3824-5487 Email: desenvolvimento@crcsp.org.br web: www.crcsp.org.br Rua Rosa e Silva,

Leia mais

Perguntas e Respostas SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA (AGO- 2011) Remetente Destinatário Finalidade da mercadoria

Perguntas e Respostas SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA (AGO- 2011) Remetente Destinatário Finalidade da mercadoria INDICE: Tipo Operação Perguntas e Respostas SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA (AGO- 2011) Remetente Destinatário Finalidade da mercadoria Estoque - - Estoque de Não optante do sem ou com Regime Fidelidade Estoque

Leia mais

ANO XXII - 2011-2ª SEMANA DE JULHO DE 2011 BOLETIM INFORMARE Nº 28/2011 TRIBUTOS FEDERAIS ICMS - PR LEGISLAÇÃO - PR

ANO XXII - 2011-2ª SEMANA DE JULHO DE 2011 BOLETIM INFORMARE Nº 28/2011 TRIBUTOS FEDERAIS ICMS - PR LEGISLAÇÃO - PR ANO XXII - 2011-2ª SEMANA DE JULHO DE 2011 BOLETIM INFORMARE Nº 28/2011 TRIBUTOS FEDERAIS GUIA COMPLEMENTAR - SIMPLES NACIONAL Introdução - Casos de Emissão do DAS Complementar - Geração do DAS Após o

Leia mais

O REGIME PAULISTA DE ANTECIPAÇÃO DO ICMS E A INDEVIDA EXIGÊNCIA, DOS ADQUIRENTES VAREJISTAS, DO IMPOSTO DEVIDO POR SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA.

O REGIME PAULISTA DE ANTECIPAÇÃO DO ICMS E A INDEVIDA EXIGÊNCIA, DOS ADQUIRENTES VAREJISTAS, DO IMPOSTO DEVIDO POR SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA. O REGIME PAULISTA DE ANTECIPAÇÃO DO ICMS E A INDEVIDA EXIGÊNCIA, DOS ADQUIRENTES VAREJISTAS, DO IMPOSTO DEVIDO POR SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA. 2009-07-31 Adma Felícia B. M. Nogueira Tatiane Aparecida Mora

Leia mais

DIREITO FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO

DIREITO FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO DIREITO FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO EXCLUSÃO DO CRÉDITO TRIBUTÁRIO Art. 175 ao Art. 182 CTN Centro de Ensino Superior do Amapá Direito Financeiro e Tributário II Professora: Ilza Facundes Macapá-AP, 2013.1

Leia mais

A S S I P I. ICMS VENDAS INTERESTADUAIS NÃO CONTRIBUINTES Apresentação ASSIPI

A S S I P I. ICMS VENDAS INTERESTADUAIS NÃO CONTRIBUINTES Apresentação ASSIPI A S S I P I ICMS VENDAS INTERESTADUAIS NÃO CONTRIBUINTES Apresentação ASSIPI Os dados apresentados a seguir constam do texto da Emenda Substitutiva 5, aprovada no Senado Federal e publicada no Diário Oficial

Leia mais

Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre a prestação de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de

Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre a prestação de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de Imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre a prestação de serviços de transportes interestadual e intermunicipal e de comunicação - ICMS BASE CONSTITUCIONAL E LEGAL Artigo 155,

Leia mais

CURSO EAD ENSINO A DISTÂNCIA. Anexo 10 - CFOP e CST - Vigência desde 01/01/2003

CURSO EAD ENSINO A DISTÂNCIA. Anexo 10 - CFOP e CST - Vigência desde 01/01/2003 CURSO EAD ENSINO A DISTÂNCIA Anexo 10 - CFOP e CST - Vigência desde 01/01/2003 CÓDIGO FISCAL DE OPERAÇÕES E PRESTAÇÕES - CFOP - SEÇÃO I - CÓDIGO DE SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA - CST (Ajuste SINIEF 07/01) 002 CÓDIGO

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Descontos dos Tributos Desonerados nas Operações com ALC

Parecer Consultoria Tributária de Segmentos Descontos dos Tributos Desonerados nas Operações com ALC Descontos dos Tributos Desonerados nas Operações com ALC 18/08/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 5 3.1 Áreas de Livre

Leia mais

QUALIDADE DO SISTEMA TRIBUTÁRIO BRASILEIRO. Empresários reprovam o sistema tributário brasileiro

QUALIDADE DO SISTEMA TRIBUTÁRIO BRASILEIRO. Empresários reprovam o sistema tributário brasileiro SONDAGEM ESPECIAL Ano 9 Número 4 setembro de 2011 www.cni.org.br QUALIDADE DO SISTEMA TRIBUTÁRIO BRASILEIRO Empresários reprovam o sistema tributário brasileiro 96% dos empresários criticam o elevado número

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2015. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal promulgam a seguinte emenda constitucional:

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2015. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal promulgam a seguinte emenda constitucional: PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2015 Dispõe sobre o Imposto Sobre Transmissão Causa Mortis e Doação de Quaisquer Bens ou Direitos. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal promulgam

Leia mais

Aplicação da alíquota de 4% de ICMS nas operações. Dulcinéia L. D. Santos

Aplicação da alíquota de 4% de ICMS nas operações. Dulcinéia L. D. Santos Aplicação da alíquota de 4% de ICMS nas operações interestaduais t i Dulcinéia L. D. Santos TRIBUTAÇÃO DO ICMS NAS OPERAÇÕES INTERESTADUAIS ICMS nas operações interestaduais Alíquota do ICMS nas operações

Leia mais

SINDCONT-SP SINDCONT-SP

SINDCONT-SP SINDCONT-SP Sindicato dos Contabilistas de São Paulo (Ex-Instituto Paulista de Contabilidade - Fundado em 1919) ÓRGÃO DE PROFISSÃO LIBERAL SUBSTITUIÇÃO TRIBUTÁRIA DO ICMS DISPOSIÇÕES GERAIS CONCEITOS Lei Complementar

Leia mais

IMPOSTOS FEDERAIS: II, IE E IPI

IMPOSTOS FEDERAIS: II, IE E IPI IMPOSTOS FEDERAIS: II, IE E IPI CAIO AUGUSTO TAKANO MESTRANDO EM DIREITO ECONÔMICO, FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO USP ESPECIALISTA EM DIREITO TRIBUTÁRIO IBET PROFESSOR-ASSISTENTE DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO DO

Leia mais

Atualização do Master Shop versão 8.2015.12.18

Atualização do Master Shop versão 8.2015.12.18 Atualização do Master Shop versão 8.2015.12.18 Master Shop Versão 8.2015.12.18 As mudanças contidas nesta atualização de versão do Master Shop visam, principalmente, aos Lojistas que realizam Vendas Interestaduais

Leia mais

PARECER Nº, DE 2015. RELATOR: Senador FLEXA RIBEIRO

PARECER Nº, DE 2015. RELATOR: Senador FLEXA RIBEIRO PARECER Nº, DE 2015 Da COMISSÃO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA, INOVAÇÃO, COMUNICAÇÃO E INFORMÁTICA, sobre o Projeto de Lei do Senado n 501, de 2013 Complementar, que altera a Lei Complementar n 116, de 31 de

Leia mais

Compra e recebimento de Crédito de ICMS para pagamento de conta de Energia Elétrica

Compra e recebimento de Crédito de ICMS para pagamento de conta de Energia Elétrica Compra e recebimento de Crédito de ICMS para pagamento de conta de Energia Elétrica Engº Francisco Antônio Ramos de Oliveira Gerente de Negócios faro@cpfl.com.br 14 9148 5978 São Paulo, 16 de junho de

Leia mais

A DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTOS ( INSS PATRONAL ) 1. O CONTEXTO LEGISLATIVO

A DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTOS ( INSS PATRONAL ) 1. O CONTEXTO LEGISLATIVO A DESONERAÇÃO DA FOLHA DE PAGAMENTOS ( INSS PATRONAL ) Fonte: elaboração própria abril de 2013 EMENTA: CONTEXTO LEGISLATIVO. OS PRINCIPAIS SETORES. CONTRIBUIÇÕES PREVIDENCIÁRIAS SUBSTITUÍDAS. CRITÉRIO

Leia mais

ICMS. INCENTIVOS E BENEFÍCIOS FISCAIS. GLOSA DE CRÉDITOS. Luiz Antônio Bins

ICMS. INCENTIVOS E BENEFÍCIOS FISCAIS. GLOSA DE CRÉDITOS. Luiz Antônio Bins ICMS. INCENTIVOS E BENEFÍCIOS FISCAIS. GLOSA DE CRÉDITOS. Luiz Antônio Bins Sumário ICMS. Considerações Gerais O ICMS e a Não Cumulatividade Regime de Concessão de Benefícios e Incentivos Fiscais em Domínio

Leia mais

DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA - Hipóteses de Incidência, Cálculo e Formas de Recolhimento. Matéria elaborada com base na Legislação vigente em: 06.10.2011.

DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA - Hipóteses de Incidência, Cálculo e Formas de Recolhimento. Matéria elaborada com base na Legislação vigente em: 06.10.2011. DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA - Hipóteses de Incidência, Cálculo e Formas de Recolhimento Matéria elaborada com base na Legislação vigente em: 06.10.2011. SUMÁRIO: 1 INTRODUÇÃO 2 HIPÓTESES DE INCIDÊNCIA 2.1

Leia mais

SPED - EFD Escrituração Fiscal Digital. Anexo II Lançamento de Ajustes por documento.

SPED - EFD Escrituração Fiscal Digital. Anexo II Lançamento de Ajustes por documento. SPED - EFD Escrituração Fiscal Digital. Anexo II Lançamento de Ajustes por documento. NF Modelo 1 e 1A, Avulsa, Produtor e NF-e. Este anexo detalha todos os lançamentos de Observações e Ajustes (filhos

Leia mais

Crédito Acumulado do ICMS

Crédito Acumulado do ICMS 17 de Abril de 2009 Transaction Services Agenda Page 1 Princípio da Não-Cumulatividade 1 2 Saldo Credor x Saldo Acumulado 6 3 Geração, Apropriação e Utilização do Crédito Acumulado 10 Fundamentos Legais

Leia mais

REGIME ESPECIAL DE TRIBUTAÇÃO

REGIME ESPECIAL DE TRIBUTAÇÃO REGIME ESPECIAL DE TRIBUTAÇÃO Definição Regime Especial de Tributação (RET) é um processo administrativo por meio do qual a SEF concede, em caráter individual, tratamento especial ao contribuinte, considerando

Leia mais

PASSO A PASSO DA SIMPLIFICAÇÃO TRIBUTÁRIA NO BRASIL

PASSO A PASSO DA SIMPLIFICAÇÃO TRIBUTÁRIA NO BRASIL PASSO A PASSO DA SIMPLIFICAÇÃO TRIBUTÁRIA NO BRASIL O projeto de simplificação tributária do Movimento Brasil Eficiente MBE, já chamado de Plano Real dos Impostos, prevê a mudança em quatro etapas, implementadas

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DA DEFINIÇÃO LEI N. 1.021, DE 21 DE JANEIRO DE 1992 "Define microempresa para efeito fiscal previsto na Lei Complementar n. 48/84 e dá outras providências." O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que

Leia mais

SUBSEÇÃO III DA HABILITAÇÃO E DA TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITOS ACUMULADOS

SUBSEÇÃO III DA HABILITAÇÃO E DA TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITOS ACUMULADOS SUBSEÇÃO III DA HABILITAÇÃO E DA TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITOS ACUMULADOS Art. 41. Será passível de transferência, desde que previamente habilitado, o crédito acumulado em conta-gráfica oriundo de ICMS cobrado

Leia mais

REMESSA PARA INDUSTRIALIZAÇÃO. (atualizado até 25/02/2014)

REMESSA PARA INDUSTRIALIZAÇÃO. (atualizado até 25/02/2014) REMESSA PARA INDUSTRIALIZAÇÃO (atualizado até 25/02/2014) 2 ÍNDICE 1. CONCEITO...5 2. SITUAÇÃO TRIBUTÁRIA...5 2.1. Saída Interna...5 2.2. Saída Interestadual...5 3. PROCEDIMENTOS...5 3.1. Remessa pelo

Leia mais

Convém ressaltar, de início, que o benefício do diferimento não se confunde com a isenção ou com a suspensão do imposto.

Convém ressaltar, de início, que o benefício do diferimento não se confunde com a isenção ou com a suspensão do imposto. ICMS/SP - Diferimento - Tratamento fiscal 6 de Abril de 2010 Em face da publicação do Decreto nº 55.305/2009 - DOE SP de 31.12.2009, este procedimento foi atualizado (tópico 9 - bens do ativo imobilizado

Leia mais

PONTOS POLÊMICOS DO ICMS. José Roberto Rosa

PONTOS POLÊMICOS DO ICMS. José Roberto Rosa PONTOS POLÊMICOS DO ICMS José Roberto Rosa CRÉDITO DO ICMS A Nota Fria Créditos por documento inidôneo A Polêmica do Material de Uso ou Consumo Guerra Fiscal glosa de créditos por benefícios concedidos

Leia mais

www.icmspratico.com.br Facilitadores: Paulo Almada & Ivanildo França Fortaleza, 06/06/14

www.icmspratico.com.br Facilitadores: Paulo Almada & Ivanildo França Fortaleza, 06/06/14 Fortaleza, 06/06/14 Facilitadores: Paulo Almada & Ivanildo França Em análise: I C M S Questões Atuais Arquivos Eletrônicos ICMS-ST com Material de Construção ICMS-ST com Supermercado/minimercado/atacadistas

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos ICMS-SP Transferência de mercadoria entre estabelecimento de mesmo titular.

Parecer Consultoria Tributária Segmentos ICMS-SP Transferência de mercadoria entre estabelecimento de mesmo titular. ICMS-SP Transferência de mercadoria entre estabelecimento de mesmo titular. 13/02/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria...

Leia mais

A Resolução 13 do Senado Federal

A Resolução 13 do Senado Federal A Resolução 13 do Senado Federal Paulo Ayres Barreto Professor Associado - USP Aspectos gerais Investidores buscam ambiente seguro. Ambiente atual de negócios no Brasil afasta investidores. Custo Brasil

Leia mais

ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO E PROCESSO TRIBUTÁRIO

ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO E PROCESSO TRIBUTÁRIO Ementa aula 08 de outubro de 2013. ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO E PROCESSO TRIBUTÁRIO Professor: André Parmo Folloni Doutor em Direito pela UFPR; Mestre em Direito

Leia mais

AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS INSTRUTORA: VALÉRIA PERES

AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS INSTRUTORA: VALÉRIA PERES AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS INSTRUTORA: VALÉRIA PERES 1 Entradas de mercadorias de outros Estados sujeitas ao regime da substituição tributária no Rio Grande do Sul ( ICMS ST pago na Entrada ) Procedimentos

Leia mais

Planejamento Tributário: O desafio da Logística

Planejamento Tributário: O desafio da Logística Planejamento Tributário: O desafio da Logística Contextualização Tributos O Brasil é considerado o país mais oneroso no que diz respeito a impostos e tributos. Fonte: Receita Federal Contextualização Tributos

Leia mais

Cartilha. Perguntas e respostas Decreto regulamentando a Lei n 12.741

Cartilha. Perguntas e respostas Decreto regulamentando a Lei n 12.741 Cartilha A SMPE preparou uma cartilha para esclarecer as principais dúvidas referentes ao Decreto nº 8264/14. Ela pode também ser acessada no site da secretaria (www.smpe.gov.br). Perguntas e respostas

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Crédito diferencial de alíquota no Ativo Imobilizado - SP

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Crédito diferencial de alíquota no Ativo Imobilizado - SP Crédito 17/09/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Consultoria... 4 3.1 Crédito do ICMS próprio adquirido do Simples Nacional com destino

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2011

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2011 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2011 Acrescenta a alínea c ao inciso VII do 2º do Art. 155 da Constituição, para determinar que seja adotada a alíquota interestadual quando o destinatário não

Leia mais

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br

BuscaLegis.ccj.ufsc.Br BuscaLegis.ccj.ufsc.Br ICMS no Contrato de Demanda Reservada de Potência de Energia Elétrica Tenille Gomes Freitas* 1. ICMS O ICMS (imposto sobre operações relativas à circulação de mercadorias e sobre

Leia mais

ICMS REFORMA TRIBUTÁRIA

ICMS REFORMA TRIBUTÁRIA ICMS REFORMA TRIBUTÁRIA O Ministério da Fazenda, quando da sua exposição de motivos à sociedade brasileira acerca da necessidade da realização da Reforma Tributária, apresentou com o razões econômicas

Leia mais

CONTABILIDADE COMERCIAL I PROFESSOR Salomão Dantas Soares APOSTILA 3 Operações Típicas de Empresas Comerciais : Contabilização de Impostos e Taxas

CONTABILIDADE COMERCIAL I PROFESSOR Salomão Dantas Soares APOSTILA 3 Operações Típicas de Empresas Comerciais : Contabilização de Impostos e Taxas CONTABILIDADE COMERCIAL I PROFESSOR Salomão Dantas Soares APOSTILA 3 Operações Típicas de Empresas Comerciais : Contabilização de Impostos e Taxas TURMA: PECC Você estudará, nesta unidade, os principais

Leia mais

... LEI N. 2.956, DE 9 DE ABRIL DE 2015

... LEI N. 2.956, DE 9 DE ABRIL DE 2015 LEI N. 2.956, DE 9 DE ABRIL DE 2015 Altera e acrescenta dispositivos à Lei n. 1.358, de 29 de dezembro de 2000 que Institui o Programa de Incentivo Tributário para Empresas, Cooperativas e Associações

Leia mais

Pergunte à CPA. Devolução e Recusa de Mercadorias Regras gerais

Pergunte à CPA. Devolução e Recusa de Mercadorias Regras gerais 03/04/2014 Pergunte à CPA Devolução e Recusa de Mercadorias Regras gerais Apresentação: José A. Fogaça Neto Devolução regras gerais Artigo 4º - Para efeito de aplicação da legislação do imposto, considera-se...

Leia mais

A partir da referência maio de 2009 (entrega até 10/06) foram feitas as seguintes adequações relacionadas à DIME e DCIP:

A partir da referência maio de 2009 (entrega até 10/06) foram feitas as seguintes adequações relacionadas à DIME e DCIP: Senhores Contabilistas, A partir da referência maio de 2009 (entrega até 10/06) foram feitas as seguintes adequações relacionadas à DIME e DCIP: 1 - VALIDADOR DA DIME - CRÍTICA DOS CFOP COM CAMPOS ESPECÍFICOS

Leia mais