INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIAE ESTATÍSTICA- IBGE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIAE ESTATÍSTICA- IBGE"

Transcrição

1

2 Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson Barbosa INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIAE ESTATÍSTICA- IBGE Presidenta Wasmália Bivar Diretor-Executivo Fernando José de Araujo Abrantes ÓRGÃOS ESPECÍFICOS SINGULARES Diretoria de Pesquisas Roberto Luís Olinto Ramos Diretoria de Geociências Wadih João Scandar Neto Diretoria de Informática Paulo César Moraes Simões Centro de Documentação e Disseminação de Informações David Wu Tai Escola Nacional de Ciências Estatísticas Maysa Sacramento de Magalhães UNIDADE RESPONSÁVEL Diretoria-Executiva Fernando José de Araujo Abrantes Coordenação de Planejamento e Supervisão Gylcilene Ribeiro Storino

3 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística RELATÓRIO DE GESTÃO 2014 Rio de Janeiro Junho 2015

4 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE Diretroria-Executiva - DE Av. Franklin Roosevelt, Centro Rio de Janeiro, RJ Brasil IBGE Capa Marcos Balster Fiore e Renato Aguiar - Coordenação de Marketing/Centro de Documentação e Disseminação de Informações - CDDI

5 Diretoria-Executiva Relatório de Gestão do exercício 2014 apresentado aos órgãos de controle interno e externo e à sociedade como prestação de contas anual a que esta Unidade está obrigada nos termos do parágrafo único do art. 70 da Constituição Federal, elaborado de acordo com as disposições da Instrução Normativa TCU nº 63, de 1º de setembro de 2010, da Decisão Normativa TCU nº 134 de 04 de dezembro de 2013 alterada pela Decisão Normativa TCU nº 139 de 24 de setembro de 2014, da Portaria TCU nº 90, de 16 de abril de 2014 e das orientações do órgão de controle interno constantes na Portaria CGU nº 650, de 28 de março de Coordenação Gylcilene Ribeiro Storino Gerente do Projeto Ana Cláudia Neves do Livramento Equipe Técnica Alan Costa Carneiro Andressa Coelho Maxnuck Soares Mariana Carneiro da Silva Programação Visual e Editoração Mauro Emílio Araújo Revisão de Texto Andressa Coelho Maxnuck Soares Colaboradores Affonso Henriques de Lacerda Marcal Júnior André Eduardo O. de Paula Lico Bruno Taranto Malheiros Célia Regina Fonseca Granjeiro Cynara Castro Barbosa Dorian Fikota Edgar Júnior Bicalho Fagundes Edson Chun-Ichi Ebara Fernando José de Araújo Abrantes Geisa Maria Tavares da Silva José Ricardo Faria Campos Luiz Gutman Maria Angélica Vasconcelos de Araújo Maria Vilma Salles Garcia Marise Maria Ferreira Massashige Takiguchi Paulo César de Souza Quintslr Rafael Magalhães Costa Raissa Batista Madureira Ricardo Baptista Roberto Neves Sant anna Rose Mary Rodrigues Sergio Ribamar Horta P. Pereira Taurino Vasconcelos Muller Valéria Pereira Franco Valmir Ferreira da Silva Junior Waldir Fortunato Junior Walid Nemer Damous Sobrinho Wanderley Mazzei C. da Silva

6

7 Apresentação O documento do Relatório de Gestão, apresentado aos órgãos de controle interno e externo ao fim de cada exercício, tem por finalidade submeter à apreciação da administração pública e da sociedade o desempenho do IBGE com relação às suas diretivas estratégicas e à gestão do recurso público para atendimento das Ações de sua competência. As informações contidas no Relatório de Gestão representam um instrumento de transparência, cujo fundamento é o direito dos administrados à publicidade dos atos estatais, para que possam exercer a sua fiscalização. Esse direito, corporificado na prestação de contas perante o Tribunal de Contas da União e no processo de gestão institucional no exercício de 2014, visa à verificação do regular uso dos recursos públicos em termos de licitude, moralidade, eficiência e razoabilidade. Nesse sentido, quanto às informações apresentadas neste documento, destacam-se: macroprocessos finalísticos; acesso do cidadão; avaliação de desempenho; programação orçamentária e financeira e resultados alcançados; execução das despesas; indicadores gerenciais sobre recursos humanos; gestão do patrimônio, da tecnologia da informação e do uso dos recursos renováveis. Ressalte-se, finalmente, que este relatório é resultado de um trabalho coletivo, que integrou diversas equipes da Instituição, sendo as informações expressão do IBGE como um todo. Wasmália Bivar Presidenta do IBGE

8

9 Sumário INTRODUÇÃO 1 IDENTIFICAÇÃO E ATRIBUTOS DA UNIDADE 1.1 Identificação da Unidade Jurisdicionada 1.2 Finalidade e Competências Institucionais do IBGE 1.3 Organograma Funcional 1.4 Macroprocessos Finalísticos 2 INFORMAÇÕES SOBRE A GOVERNANÇA 2.1 Estrutura de Governança 2.2 Atuação da Unidade de Auditoria Interna 2.3 Sistema de Correição 2.4 Avaliação do Funcionamento dos Controles Internos 2.5 Remuneração paga a Administradores 3 RELACIONAMENTO COM A SOCIEDADE 3.1 Canais de acesso do cidadão 3.2 Carta de Serviços ao Cidadão 3.3 Mecanismos para medir a satisfação dos produtos e serviços 3.4 Acesso às informações 3.5 Avaliação do desempenho 3.6 Medidas Relativas à acessibilidade 4 AMBIENTE DE ATUAÇÃO 4.1 Informações sobre o ambiente de atuação da unidade jurisdicionada 5 PLANEJAMENTO DA UNIDADE E RESULTADOS ALCANÇADOS 5.1 Planejamento da Unidade 5.2 Programação orçamentária e financeira e resultados alcançados Programa Temático Objetivo Ações Ações OFSS Ação Pesquisas e Estudos Estatísticos - Código: 20U Ação Pesquisas, Estudos e Levantamentos Geocientíficos Código: 20U Ação Censos Demográfico e Agropecuário - Código: 20U Ação Gestão da Documentação e Disseminação de Informações - Código: Ação Ensino de Graduação e Pós-Graduação em Estatísticas e Geociências Código: 20U5

10 Sumário Ação Administração da Unidade Código: Assistência Médica e Odontológica aos Servidores Civis, Empregados, Militares e seus Dependentes Código: Ação Assistência Pré-Escolar aos Dependentes dos Servidores Civis, Empregados e Militares Código: Ação Auxílio-Transporte aos Servidores Civis, Empregados e Militares Código: Ação Auxílio-Alimentação aos Servidores Civis, Empregados e Militares Código: Ação Publicidade de Utilidade Pública Código: Ação Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais Código: 09HB Ação Pagamento de Aposentadorias e Pensões - Servidores Civis Código: Ação Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais Decorrente do Pagamento de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor Código: 00G Ação Cumprimento de Sentença Judicial Transitada em Julgado (Precatórios) Código: Ação Pensões Decorrentes de Legislação Especial e/ou Decisões Judiciais Código: Ação Pagamento de Pessoal Ativo da União Código: 20TP Ação Benefícios Assistenciais decorrentes do Auxílio- Funeral e Natalidade Código: 00M Ações/Subtítulos OFSS Ações não Previstas na LOA 2014 Restos a Pagar não Processados OFSS Pesquisas Estruturais da Área Econômica Gestão e Administração do Programa Ações Orçamentos de Investimento OI Análise Situacional 5.3 Informações sobre outros resultados da gestão 5.4 Informações sobre indicadores de desempenho operacional 5.5 Informações sobre custos de produtos e serviços 6 TÓPICOS ESPECIAIS DA EXECUÇÃO ORÇAMENTÁRIA E FINANCEIRA 6.1 Programação e Execução das Despesas Programação das Despesas Análise Crítica

11 Sumário Movimentação de Créditos Interna e Externa Realização da Despesa Despesas Totais por Modalidade de Contratação Créditos Originários - Total Despesas Totais por Modalidade de Contratação Créditos Originários Executados Diretamente pela UJ Despesas por Grupo e Elemento de Despesa Créditos Originários - Total Despesas por Grupo e Elemento de Despesa Créditos Originários Valores executados diretamente pela UJ Despesas Totais por Modalidade de Contratação Créditos de Movimentação Despesas Totais por Grupo e Elemento de Despesa Créditos de Movimentação Análise crítica da realização da despesa 6.2 Despesas com ações de publicidade e propaganda 6.3 Reconhecimento de Passivos por insuficiência de créditos ou recursos 6.4 Movimentação e os saldos de restos a pagar de exercícios anteriores Análise Crítica 6.5 Transferências de Recursos Relação dos Instrumentos de Transferência Vigentes no Exercício Quantidade de Instrumentos de Transferências Celebrados e Valores Repassados nos Três Últimos Exercícios Informações sobre a Prestação de Contas Relativas aos Convênios e Contratos de Repasse Informações sobre a Análise das Prestações de Contas de Convênios e de Contratos de Repasse Análise Crítica 6.6 Suprimento de Fundos Concessão de Suprimento de Fundos Utilização do Suprimento de Fundos Classificação dos Gastos com Suprimento de Fundos Análise Crítica 6.7 Renúncias sob a Gestão da UJ 6.8 Gestão de Precatórios 7 GESTÃO DE PESSOAS, TERCEIRIZAÇÃO DE MÃO DE OBRA E CUSTOS RELACIONADOS 7.1 Estrutura de Pessoal da Unidade Demonstração da Força de Trabalho à Disposição da Unidade Jurisdicionada

12 Sumário Qualificação e capacitação da Força de Trabalho Custos de Pessoal da Unidade Jurisdicionada Irregularidades na área de pessoal Acumulação Indevida de Cargos, Funções e Empregos Públicos Terceirização Irregular de Cargos Riscos identificados na gestão de pessoas Indicadores gerenciais sobre recursos humanos 7.2 Contratação de mão de obra de apoio e de estagiários Contratação de Serviços de Limpeza, Higiene e Vigilância Locação de Mão de Obra para Atividades não Abrangidas pela Plano de Cargos do Órgão Análise Crítica dos itens e Contratação de Estagiários 7.3 Revisão dos contratos vigentes firmados com empresas beneficiadas pela desoneração da folha de pagamento 7.4 Contratação de Consultores na Modalidade Produto 7.5 Informações sobre a Entidade Fechada de Previdência Complementar 8 GESTÃO DO PATRIMÔNIO MOBILIÁRIO E IMOBILIÁRIO 8.1 Gestão da Frota de Veículos Próprios e Contratados de Terceiros 8.2 Gestão do Patrimônio Imobiliário Distribuição Espacial dos Bens Imóveis de Uso Especial de Propriedade da União Imóveis sob a Responsabilidade da UJ, Exceto Imóvel funcional Imóveis Funcionais da União sob Responsabilidade da UJ Análise Crítica 8.3 Distribuição Espacial dos Bens Imóveis Locados de Terceiros 9 GESTÃO DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 9.1 Gestão da Tecnologia da Informação (TI) 10 GESTÃO DO USO DOS RECURSOS RENOVÁVEIS E SUSTENTABILIDADE AMBIENTAL 10.1 Gestão do Uso dos Recursos Renováveis e Sustentabilidade Ambiental 11 ATENDIMENTO DE DEMANDAS DE ÓRGÃO DE CONTROLE 11.1 Tratamento de deliberações exaradas em acórdão do TCU Deliberações do TCU Atendidas no Exercício Deliberações do TCU Pendentes de Atendimento ao Final do Exercício 11.2 Tratamento de Recomendações do Órgão de Controle Interno (OCI) Recomendações do Órgão de Controle Interno Atendidas no Exercício Recomendações do OCI Pendentes de Atendimento ao Final do Exercício

13 Sumário Declaração de Bens e Rendas Estabelecida na Lei nº 8.730/ Situação do Cumprimento das Obrigações Impostas pela Lei 8.730/ Situação do Cumprimento das Obrigações 11.4 Medidas Adotadas em Caso de Dano ao Erário 11.5 Alimentação SIASG e SICONV 12 INFORMAÇÕES CONTÁBEIS 12.1 Medidas Adotadas para Adoção de Critérios e Procedimentos Estabelecidos pelas Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público 12.2 Apuração dos custos dos programas e das unidades administrativas 12.3 Conformidade Contábil 12.4 Declaração do Contador Atestando a Conformidade das Demonstrações Contábeis 12.5 Demonstrações Contábeis e Notas Explicativas previstas na Lei nº 4.320/1964 e pela NBC T16.6 aprovada pela Resolução CFC nº 1.133/ Demonstrações Contábeis e Notas Explicativas exigidas pela Lei nº 6.404/ Composição Acionária das Empresas Estatais 12.8 Relatório de Auditoria Independente 13 OUTRAS INFORMAÇÕES SOBRE A GESTÃO CONSIDERAÇÕES FINAIS ANEXOS Anexo 1 Macroprocessos Finalísticos Anexo 2 Avaliação do Sistema de Controles Internos Anexo 3 Concessão de Suprimentos de Fundos Anexo 4 Utilização de Suprimento de Fundos Anexo 5 Classificação dos Gastos com Suprimento de Fundos Anexo 6 Contratos de prestação de serviços de limpeza e higiene e vigilância ostensiva Anexo 7 Contratos de prestação de serviços com locação de mão de obra Anexo 8 Conclusões contidas no relatório da auditoria independente Anexo 9 Conclusões do último estudo atuarial Anexo 10 Gestão da Frota de Veículos Próprios e Contratados de Terceiros Anexo 11 Distribuição de Imóveis Funcionais da União sob responsabilidade da UJ Anexo 12 Distribuição Espacial dos Bens Imóveis de Uso Especial Locados de Terceiros Anexo 13 Cumprimento das deliberações do TCU atendidas no exercício Anexo 14 Relatório de cumprimento das recomendações do Órgão de Controle Interno Anexo 15 - Situação das recomendações do OCI que permanecem pendentes de atendimento no exercício

14 Lista de Quadros Quadro 1 - Identificação das Unidades Orçamentárias do IBGE Quadro 2 - Informações sobre Áreas ou Subunidades Estratégicas Quadro 3 - Pesquisas e Estudos Estatísticos Quadro 4 - Principais Despesas da Ação Pesquisas e Estudos Estatísticos em 2014 Quadro 5 - Pesquisas, Estudos e Levantamentos Geocientíficos Quadro 6 - Principais Despesas da Ação Pesquisas, Estudos e Levantamentos Geocientíficos em 2014 Quadro 7 - Identificação da Ação Censos Demográfico e Agropecuário Quadro 8 - Principais despesas da Ação Censos Demográfico e Agropecuário em 2014 Quadro 9 - Identificação da Ação Gestão da Documentação e Disseminação de Informações Quadro 10 - Principais Despesas da Ação Gestão da Documentação e Disseminação de Informações em 2014 Quadro 11 - Identificação da Ação Ensino de Graduação e Pós-Graduação em Estatísticas e Geociências Quadro 12 - Principais Despesas da Ação Ensino de Graduação e Disseminação de Informações em 2014 Quadro 13 - Identificação da Ação Administração da Unidade em 2014 Quadro 14 - Principais Despesas da Ação Administração da Unidade em 2014 Quadro 15 - Identificação da Ação Assistência Médica e Odontológica aos Servidores Civis, Empregados, Militares e seus Dependentes Quadro 16 - Principais Despesas da Ação Identificação da Ação Assistência Médica e Odontológica aos Servidores Civis, Empregados, Militares e seus Dependentes em 2014 Quadro 17 - Identificação da Ação Assistência Pré-Escolar aos Dependentes dos Servidores Civis, Empregados e Militares Quadro 18 - Principais Despesas da Ação Assistência Pré-Escolar aos Dependentes dos Servidores Civis, Empregados e Militares em 2014 Quadro 19 - Identificação da Ação Auxílio-Transporte aos Servidores Civis, Empregados e Militares Quadro 20 - Principais Despesas da Ação Identificação da Ação Auxílio-Transporte aos Servidores Civis, Empregados e Militares em 2014 Quadro 21 - Identificação da Ação Auxílio-Alimentação aos Servidores Civis, Empregados e Militares Quadro 22 - Principais Despesas da Ação Auxílio-Alimentação aos Servidores Civis, Empregados e Militares em 2014

15 Lista de Quadros Quadro 23 - Identificação da Ação Publicidade de Utilidade Pública Quadro 24 - Identificação da Ação Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais Quadro 25 - Principais Despesas da Ação Identificação da Ação Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais em 2014 Quadro 26 - Identificação da Ação Pagamento de Aposentadorias e Pensões - Servidores Civis Quadro 27 - Principais Despesas da Ação Pagamento de Aposentadorias e Pensões - Servidores Civis em 2014 Quadro 28 - Identificação da Ação Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais Decorrente do Pagamento de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor Quadro 29 Identificação da Ação Cumprimento de Sentença Judicial Transitada em Julgado (Precatórios) Quadro 30 Identificação da Ação Pensões Decorrentes de Legislação Especial e/ou Decisões Judiciais Quadro 31 Identificação da Ação Pagamento de Pessoal Ativo da União Quadro 32 - Principais Despesas da Ação Pagamento de Pessoal Ativo da União em 2014 Quadro 33 Identificação da Ação Benefícios Assistenciais decorrentes do Auxílio- Funeral e Natalidade Quadro 34 - Principais Despesas da Ação Identificação da Ação Benefícios Assistenciais decorrentes do Auxílio-Funeral e Natalidade em 2014 Quadro 35 Restos a Pagar Pesquisas Estruturais da Área Econômica Quadro 36 Restos a Pagar Gestão e Administração do Programa Quadro 37 - Indicadores de Desempenho Quadro 38 Programação de Despesas Quadro 39 - Movimentação Orçamentária Externa por Grupo de Despesa Quadro 40 - Despesas por Modalidade de Contratação Créditos Originários Total Quadro 41 - Despesas por Grupo e Elementos de Despesa Créditos Originários - Total Quadro 42 - Despesas por Modalidade de Contratação Créditos de Movimentação Quadro 43 - Despesas por Grupo e Elemento de Despesa Créditos de Movimentação Quadro 44 - Despesas com Publicidade

16 Lista de Quadros Quadro 45 - Restos a Pagar inscritos em Exercícios Anteriores Quadro 46 Caracterização dos instrumentos de transferência vigentes no exercício de referência Quadro 47 - Resumo dos Instrumentos celebrados pela UJ nos três últimos exercícios Quadro 48 - Resumo da prestação de contas sobre transferências concedidas pela UJ na modalidade de convênio, cooperação e de contratos de repasse Quadro 49 Força de Trabalho da UJ Quadro 50 Distribuição da Lotação Efetiva Quadro 51 Detalhamento da estrutura de cargos em comissão e funções gratificadas da UJ Quadro 52 Cursos Presenciais e Concluintes em 2014 Quadro 53 - Cursos oferecidos na modalidade EaD (a distância) Quadro 54 Custo de Pessoal Quadro 55 - Composição do Quadro de Estagiários Quadro 56 Salário de Contribuição e Contribuição IBGE Plano RJU 2014 Quadro 57 - Dívida da Patrocinadora-Instituidora IBGE Quadro 58 - Posição da alocação dos investimentos em 2014 Quadro 59 - Rentabilidade dos Segmentos 2014 Quadro 60 Políticas de Investimentos Quadro 61 - Média Anual de Quilômetros Rodados e Custos Totais de Veículos Próprios, anos 2012, 2013 e 2014 Quadro 62 Contratos na Área de Tecnologia da Informação em 2014 Quadro 63 - Aspectos da Gestão Ambiental Quadro 64 - Demonstrativo do Cumprimento, por Autoridades e Servidores da UJ, da Obrigação de Entregar a DBR Quadro 65 Medidas Adotadas em Caso de Dano ao Erário em 2014 Quadro 66 Declaração de Inserção e Atualização de Dados no SIASG e SICONV Quadro 67 Declaração de Inserção e Atualização de Dados no SIASG e SICONV

17 Lista de Gráficos 53 Gráfico 1 Distribuição Percentual por Procedimentos Disciplinares Instaurados 54 Gráfico 2 Distribuição Percentual dos Resultados de Julgamento por Situação Gráfico 3 Distribuição Percentual dos Procedimentos Instaurados por Assunto Gráfico 4 - Taxa de Satisfação dos Usuários de Informações Estatísticas e Geocientíficas - IBGE 2003/ Gráfico 5 - Resultados do Indicador Taxa de Resultados Alcançados IBGE Gráfico 6 - Taxa de Crescimento Acumulado da Demanda por Informações Estatísticas e Geocientíficas, para os Planos Plurianuais e IBGE Gráfico 7 - Tempo de Resposta - Médio em dias do Serviço de Atendimento por Correspondência - IBGE JAN 2012 / DEZ 2014 Lista de Figuras 34 Figura 1 - Organograma Funcional do IBGE 79 Figura 2 - Pesquisa Nacional de Saúde PNS Figura 3 Contas Regionais 2012 Figura 4 - Estatísticas de Gênero Uma análise dos resultados do Censo Demográfico Figura 5 - Estatísticas de Empreendedorismo 2012 Figura 6 - Síntese de Indicadores Sociais - uma análise das condições de vida da população brasileira Figura 7 - Potencial de Agressividade Climática na Amazônia Legal Figura 8 - Logística dos Transportes no Brasil Figura 9 - Redes e Fluxos do Território: Gestão do Território

18 Lista de Abreviaturas, Siglas e Símbolos A3P ABC ABEP ABER ABIN ABRAPP AGU ALAP ALOS ANIPES ANVISA ASA AUD Agenda Ambiental da Administração Pública Agência Brasileira de Cooperação Associação Brasileira de Estudos Populacionais Associação Brasileira de Estudos Regionais Agencia Brasileira de Inteligência Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar Advocacia Geral da União Asociación Latinoamericana de Población Advanced Land Observing Satellite Associação Nacional das Instituições de Planejamento, Pesquisa e Estatística Agência Nacional de Vigilância Sanitária American Statistical Association Auditoria Interna do IBGE AVNIR-2 Advanced Visible and Near Infrared Radiometer type 2 BC100 Base Cartográfica Contínua na Escala 1: BCIM BDA BDIA BID BIRD BRICS BT CADÚNICO CAPES CAPI CDDI CDHP CDI CEFET CEJA CEMPRE CEP Base Cartográfica Contínua do Brasil ao Milionésimo Banco de Dados Administrativo Banco de Dados e Informações Ambientais Banco Interamericano de Desenvolvimento Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento Brasil, Rússia, Índia, China e Africa do Sul Base Territorial Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Computerized Assisted Personal Interviewing Centro de Documentação e Disseminação de Informações Curso de Desenvolvimento de Habilidades em Pesquisa Certificados de Depósito Interbancário Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca Centros de Educação de Jovens e Adultos Cadastro Central de Empresas do IBGE Código de Endereçamento Postal

19 Lista de Abreviaturas, Siglas e Símbolos CEPAL CESAN CFC CGPC CGU CIC CIEE CLT CMN CNAE CNEFE CNPB CNPJ CNPq COF CONCAR CPCN CPF CPGF CPS CPTEC CRBP CRC CRH CTIC DANE DBR DE DER-ES DI DITEC DOU DS Comisión Económica para América Latina Companhia Espírito Santense de Saneamento Conselho Federal de Contabilidade Conselho Nacional de Previdência Complementar Controladoria Geral da União Centro de Inteligência Corporativa Centro de Integração Empresa Escola Consolidação das Leis do Trabalho Conselho Monetário Nacional Classificação Nacional de Atividade Econômica Cadastro Nacional de Endereços para Fins Estatísticos Cadastro Nacional de Planos de Benefícios Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Coordenação de Orçamento e Finanças Comissão Nacional de Cartografia Comissão Permanente de Contas Nacionais Cadastro de Pessoas Físicas Cartão de Pagamento do Governo Federal Coordenação de Planejamento e Supervisão Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos Código Regional de Buenas Práticas Conselho Regional de Contabilidade Coordenação de Recursos Humanos Comitê de Tecnologias de Informação e Comunicação Departamento Administrativo Nacional de Estatística Declaração de Bens e Rendas Diretoria-Executiva Departamento de Estradas de Rodagem do Estado do Espírito Santo Diretoria de Informática Diretoria de Análise Técnica Diário Oficial da União Demanda Social

20 Lista de Abreviaturas, Siglas e Símbolos EAD EMBRACE ENAP ENCE ENCE/CTA ENEM ERRJ ESAD ESAF ESCELSA ESTADIC FAPERJ FIRJAN FUNDAJ GAT GECON GEOBASES GEPAD GM GMA GPS GSE GSIE IASI IATUR IBAMA IBGE IBM ICA Ensino a Distância Programa de Estudo e Monitoramento Brasileiro do Clima Espacial Escola Nacional de Administração Pública Escola Nacional de Ciências Estatísticas Coordenação de Treinamento e Aperfeiçoamento da Escola Nacional de Ciências Estatísticas Exame Nacional do Ensino Médio Escritório de Supervisão da Previc no Rio de Janeiro Escola de Administração e Negócios Escola de Administração Fazendária Espírito Santo Centrais Elétricas S.A Pesquisa Básica de Informações dos Estados Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro Fundação Joaquim Nabuco Gerência de Atendimento Gerência de Contabilidade Sistema Integrado de Bases Geoespaciais do Estado do Espírito Santo Gerência de Processos Administrativos Disciplinares Mapa Global Mapa Global das Américas Global Positioning System Gratificação por Serviço Extraordinário Grupo de Trabalho sobre Segurança das Informações Estatísticas Inter-American Statístial Institute International Association for Time Use Research Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística International Business Machines International Cartographic Association ICC International Cartographic Association IDAF IFES Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal de Espírito Santo Instituto Federal do Espírito Santo

21 Lista de Abreviaturas, Siglas e Símbolos IFM IG IGovTI IGVSB IHBI IJSN IN INCAPER INCRA INDE INDEC INE INEC INEGI INEP INPC INPE INPI INSS IOE IP IPP ISI JBRJ KM LDO LOA LSPA MCASP MDA MDS MEC MERCOSUL Índice de Fundos de Investimentos Multimercados informações geoespaciais Índice de Governança de TI Instituto Geográfico Venezuelano Simon Bolívar Instituto Haitiano de Estatística e Informática Instituto Jones dos Santos Neves Instrução Normativa Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária Implantação da Infraestrutura Nacional de Dados Espaciais Instituto Nacional de Estatística e Censos da Argentina Instituto Nacional de Estatística Instituto Nacional de Estatística e Censos da Costa Rica Instituto Nacional de Estatística do México Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Índice Nacional de Preços ao Consumidor Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais Instituto Nacional da Propriedade Industrial Instituto Nacional do Seguro Social Inventário de Operações Estatísticas Internet Protocol Índice de Preços ao Produtor International Statístical Institute Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro Kilômetro Lei de Diretrizes Orçamentárias Lei Orçamentária Anual Levantamento Sistemático da Produção Agrícola Manual de Contabilidade Aplicada ao Serviço Público Ministério do Desenvolvimento Agrário Ministério de Desenvolvimento Social e Combate a Fome Ministério da Educação Mercado Comum do Sul

22 Lista de Abreviaturas, Siglas e Símbolos MMA MME MP MPA MPLS MS MUNIC NBC NIC.br OCI OFND OFSS OI PAC PAC PAD PAIC PAINT PALOP PAM PAS PAT PDA PDTI PE PEAS PENSE PEVS PGA PGIEG PHP PIA PIB Ministério do Meio Ambiente Mapas Municipais para Fins Estatísticos Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Ministério da Pesca e Aquicultura Multi Protocol Label Switching Ministério da Saúde Pesquisa de Informações Básicas Municipais Normas Brasileiras de Contabilidade Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Órgão de Controle Interno Obrigações do Fundo Nacional de Desenvolvimento Orçamento Fiscal e da Seguridade Social Orçamento de Investimento Programa de Aceleração do Crescimento Pesquisa Anual do Comércio Processo Administrativo Disciplinar Pesquisa Anual da Indústria da Construção Plano Anual de Atividade de Auditoria Interna Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa Pesquisa de Agricultura Municipal Pesquisa Anual de Serviços Plano Anual de Treinamento Personal Digital Assistant Plano Diretor de Tecnologia da Informação e Comunicação do IBGE Plano Estratégico Pesquisa de Entidades de Assistência Social Privadas sem fins lucrativos Pesquisa Nacional de Saúde Escolar Pesquisa da Extração Vegetal e da Silvicultura Plano de Gestão Administrativa Plano Geral de Informações Estatísticas e Geográficas Personal Home Page Pesquisa Industrial Anual Produto Interno Bruto

23 Lista de Abreviaturas, Siglas e Símbolos PIBIC Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica PIMES Pesquisa Industrial Mensal de Empregos e Salários PIM-PF Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física PINS Programa de Integração dos Novos Servidores PJ Pessoa Jurídica PLOA Projeto de Lei Orçamentária Anual PLS Plano de Logística Sustentável PMC Pesquisa Mensal de Comércio PME Pesquisa Mensal de Emprego PMS Pesquisa Mensal de Serviços PNAD Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios PNAD Contínua Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua PNGEO Política Nacional de Geoinformação PNPD Programa Nacional de Pós-Doutorado da CAPES PNS Pesquisa Nacional de Saúde POSIC Política de Segurança da Informação e Comunicações PPA Plano Plurianual PPM Pesquisa da Pecuária Municipal PPSPS Plano Previdenciário Suplementar à Previdência Social PREVIC Superintendência Nacional de Previdência Complementar PROAP Programas de Apoio à Pós-Graduação PSI Processos de Seleção Interna R.CD. Resolução do Conselho Diretor RA Taxa de Resultados Alcançados RBE Revista Brasileira de Estatística RBMC Rede Brasileira de Monitoramento Contínuo RCB Revista Brasileira de Cartografia REBEP Revista Brasileira de Estudos de População REES Reunião Especializada de Estatística do Mercosul REGCI Estatísticas de Registro Civil RGPS Regime Geral de Previdência Social RH Recursos Humanos RIPSA Rede Integrada de Informações para a Saúde

Subitem CONTEÚDOS DO RELATÓRIO DE GESTÃO Todas as unidades jurisdicionadas, exceto as relacionadas na Parte C.

Subitem CONTEÚDOS DO RELATÓRIO DE GESTÃO Todas as unidades jurisdicionadas, exceto as relacionadas na Parte C. ANEXO II À DECISÃO NORMATIVA-TCU Nº 134, DE 4 DE DEZEMBRO DE 2013 PARTE A CONTEÚDOS GERAIS Os conteúdos desta Parte A são aplicáveis às unidades jurisdicionadas relacionadas no Anexo I e não destacadas

Leia mais

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA EXECUTIVA PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA EXECUTIVA PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA EXECUTIVA PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 Brasília - DF / 2014 MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES SECRETARIA EXECUTIVA PRESTAÇÃO

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2014

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2014 Programa 0901 - Operações Especiais: Cumprimento de Sentenças Judiciais Número de Ações 227 Ação Orçamentária - Padronizada da União 0005 - Cumprimento de Sentença Judicial Transitada em Julgado (Precatórios)

Leia mais

UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA (UAUDI) Conceitos & Normativos

UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA (UAUDI) Conceitos & Normativos UNIDADE DE AUDITORIA INTERNA (UAUDI) Conceitos & Normativos Exercício 2015 Auditoria Interna Unidade de Auditoria Interna - CEFET/RJ Normativos: Portaria nº 07, de 15/01/2001: cria a Unidade de Auditoria

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N o 13/2014 Aprova o Orçamento Interno da Universidade Federal da Paraíba, para o exercício financeiro de 2014.

Leia mais

CONTAS REGIONAIS DO AMAZONAS 2009 PRODUTO INTERNO BRUTO DO ESTADO DO AMAZONAS

CONTAS REGIONAIS DO AMAZONAS 2009 PRODUTO INTERNO BRUTO DO ESTADO DO AMAZONAS CONTAS REGIONAIS DO AMAZONAS 2009 PRODUTO INTERNO BRUTO DO ESTADO DO AMAZONAS APRESENTAÇÃO A Secretaria de Estado de Planejamento e Desenvolvimento Econômico SEPLAN em parceria com a SUFRAMA e sob a coordenação

Leia mais

Ministério de Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2012

Ministério de Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2012 Programa 2115 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério da Saúde 0110 - Contribuição à Previdência Privada Tipo: Operações Especiais Número de Ações 78 Assegurar às autarquias, fundações, empresas

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃo rg elatóri 2 0 1 1 o de estão 2011

RELATÓRIO DE GESTÃo rg elatóri 2 0 1 1 o de estão 2011 RELATÓRIO DE GESTÃo 2011 Presidenta da República Dilma Rousseff Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA IBGE Presidenta Wasmália Bivar

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009.

LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009. LEI COMPLEMENTAR Nº 141, DE 03 DE SETEMBRO DE 2009. O GOVERNADOR DO ESTADO DE PERNAMBUCO: Dispõe sobre o Modelo Integrado de Gestão do Poder Executivo do Estado de Pernambuco. Faço saber que a Assembléia

Leia mais

"XI - custo médio por beneficiário, por unidade orçamentária, por órgão e por Poder, dos gastos com: a) assistência médica e odontológica;"

XI - custo médio por beneficiário, por unidade orçamentária, por órgão e por Poder, dos gastos com: a) assistência médica e odontológica; Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal ASSISTÊNCIA MÉDICA E ODONTOLÓGICA AOS SERVIDORES, EMPREGADOS E SEUS DEPENDENTES Lei nº 10.707, de 30 de julho de 2003, Inciso

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR SECRETARIA EXECUTIVA RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2012

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR SECRETARIA EXECUTIVA RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2012 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR SECRETARIA EXECUTIVA RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2012 Brasília (DF), março de 2013 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Leia mais

20RG - Expansão e Reestruturação de Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica

20RG - Expansão e Reestruturação de Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica Programa 2031 - Educação Profissional e Tecnológica Número de Ações 200 Ação Orçamentária - Padronizada Setorial 20RG - Expansão e Reestruturação de Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica

Leia mais

Detalhamento da Implementação Concessão de Empréstimos, ressarcimento dos valores com juros e correção monetária. Localizador (es) 0001 - Nacional

Detalhamento da Implementação Concessão de Empréstimos, ressarcimento dos valores com juros e correção monetária. Localizador (es) 0001 - Nacional Programa 2115 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério da Saúde 0110 - Contribuição à Previdência Privada Tipo: Operações Especiais Número de Ações 51 Pagamento da participação da patrocinadora

Leia mais

Governança Pública. O Desafio do Brasil. Contra a corrupção e por mais desenvolvimento. Governança de Municípios. Março/2015

Governança Pública. O Desafio do Brasil. Contra a corrupção e por mais desenvolvimento. Governança de Municípios. Março/2015 Governança Pública O Desafio do Brasil Contra a corrupção e por mais desenvolvimento Governança de Municípios Março/2015 João Augusto Ribeiro Nardes Ministro do TCU Sumário I. Introdução-OTCUeocombateàcorrupção

Leia mais

Controle Interno do Tribunal de Contas da União

Controle Interno do Tribunal de Contas da União Controle Interno do Tribunal de Contas da União Resumo: o presente artigo trata de estudo do controle interno no Tribunal de Contas da União, de maneira expositiva. Tem por objetivo contribuir para o Seminário

Leia mais

00C5 - Reestruturação de Cargos, Carreiras, Revisão de Remunerações e Provimentos da Educação - Anualizações

00C5 - Reestruturação de Cargos, Carreiras, Revisão de Remunerações e Provimentos da Educação - Anualizações Programa 2109 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério da Educação Número de Ações 1143 Ação Orçamentária Tipo: Operações Especiais 00C5 - Reestruturação de Cargos, Carreiras, Revisão de Remunerações

Leia mais

Demonstrativo das Receitas Diretamente Arrecadadas por Órgão/Unidade Orçamentária

Demonstrativo das Receitas Diretamente Arrecadadas por Órgão/Unidade Orçamentária Demonstrativo das Receitas Diretamente Arrecadadas por Órgão/Unidade Orçamentária 01. 000 Câmara dos Deputados 1.462.885 1.388.134 74.751 01. 901 Fundo Rotativo da Câmara dos Deputados 1.462.885 1.388.134

Leia mais

REGIMENTO INTERNO DE ATUAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA FUNDAÇÃO UNIPLAC DA NATUREZA, FINALIDADE E COMPOSIÇÃO

REGIMENTO INTERNO DE ATUAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA FUNDAÇÃO UNIPLAC DA NATUREZA, FINALIDADE E COMPOSIÇÃO REGIMENTO INTERNO DE ATUAÇÃO DA DIRETORIA EXECUTIVA DA FUNDAÇÃO UNIPLAC DA NATUREZA, FINALIDADE E COMPOSIÇÃO Art. 1º A Diretoria Executiva, subordinada ao Presidente da Fundação, é responsável pelas atividades

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2013

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2013 Programa 2101 - Programa de Gestão e Manutenção da Presidência da República 0110 - Contribuição à Previdência Privada Tipo: Operações Especiais Número de Ações 121 Esfera: 10 - Orçamento Fiscal Função:

Leia mais

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAIAPÔNIA, ESTADO DE GOIÁS, APROVA E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI: TÍTULO II DISPOSIÇÕES GERAIS

A CÂMARA MUNICIPAL DE CAIAPÔNIA, ESTADO DE GOIÁS, APROVA E EU, PREFEITO MUNICIPAL, SANCIONO A SEGUINTE LEI: TÍTULO II DISPOSIÇÕES GERAIS LEI N o 1.633 DE 14 DE JANEIRO DE 2013. DEFINE A NOVA ESTRUTURA ADMINISTRATIVA DO MUNICÍPIO DE CAIAPÔNIA E DETERMINA OUTRAS PROVIDÊNCIAS A CÂMARA MUNICIPAL DE CAIAPÔNIA, ESTADO DE GOIÁS, APROVA E EU, PREFEITO

Leia mais

, SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO

, SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO , SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N o 27/2013 Aprova o Orçamento Interno da Universidade Federal da Paraíba, para o exercício financeiro de 2013.

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Diretoria-Executiva - DE RELATÓRIO DE GESTÃO 2012

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Diretoria-Executiva - DE RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Rio de Janeiro Abril 2013 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE Diretroria-Executiva

Leia mais

PORTARIA ANAC Nº 2898, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2014.

PORTARIA ANAC Nº 2898, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2014. PORTARIA ANAC Nº 2898, DE 3 DE DEZEMBRO DE 2014. Dispõe sobre orientações às unidades envolvidas na elaboração do Relatório de Gestão da ANAC referente ao exercício de 2014. O DIRETOR-PRESIDENTE DA AGÊNCIA

Leia mais

ESTRUTURA ADMINISTRATIVA. Autor: Sidnei Di Bacco/Advogado

ESTRUTURA ADMINISTRATIVA. Autor: Sidnei Di Bacco/Advogado ESTRUTURA ADMINISTRATIVA Autor: Sidnei Di Bacco/Advogado LEGISLAÇÃO ADMINISTRATIVA BÁSICA Estrutura administrativa Estatuto dos servidores Estatuto do magistério PCS dos servidores comissionados PCS dos

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Órgão: 47 Poder Executivo Quadro íntese Código/Especificação Programa Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão 89 Previdência de Inativos e Pensionistas da União 9 : Cumprimento de entenças Judiciais

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 2015

Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 2015 Diretoria Geral Ouvidoria RELATÓRIO DE ATIVIDADES DA OUVIDORIA MÊS DE OUTUBRO DE 1 A Ouvidoria do DNPM, órgão de assistência direta e imediata ao Diretor-Geral, foi criada por meio do Decreto nº 7.9, de

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR SECRETARIA EXECUTIVA RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR SECRETARIA EXECUTIVA RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO EXTERIOR SECRETARIA EXECUTIVA RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 Brasília (DF), março de 2014 MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO, INDÚSTRIA E COMÉRCIO

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2012

PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2012 PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2012 GOIÂNIA-GO, MARÇO/2013 PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADODO EXERCÍCIO DE 2012 Relatório

Leia mais

2012-2015. Programas e ações

2012-2015. Programas e ações P lano P 2012 2015 lurianual Programas e ações 2012 Presidente da República Dilma Lana Rousseff Linhares Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão Miriam Belchior INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E

Leia mais

Quadro 13 - Despesas com Tecnologia da Informação

Quadro 13 - Despesas com Tecnologia da Informação 0570 Gestão do Processo Eleitoral 3.436.813 0570 20GP Julgamento de Causas e Gestão Administrativa na Justiça Eleitoral 3.436.813 0570 20GP 0027 Julgamento de Causas e Gestão Administrativa na Justiça

Leia mais

Relatório de Gestão - 2004

Relatório de Gestão - 2004 Perfil da Organização Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente

Leia mais

MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA

MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA UJ/SE/MTur PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2012 Brasília-DF, março de 2013 MINISTÉRIO DO TURISMO SECRETARIA-EXECUTIVA

Leia mais

Desenvolvimento e Implantação do Criptossistema da Autoridade Certificadora Raiz da ICP-Brasil

Desenvolvimento e Implantação do Criptossistema da Autoridade Certificadora Raiz da ICP-Brasil Programa 1109 Massificação da Certificação Digital ICP-Brasil Ações Orçamentárias Número de Ações 18 72640000 Produto: Sistema implantado Desenvolvimento e Implantação do Criptossistema da Autoridade Certificadora

Leia mais

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008

Tabela 1 - Conta de produção por operações e saldos, segundo as Grandes Regiões e as Unidades da Federação - 2004-2008 (continua) Produção 5 308 622 4 624 012 4 122 416 3 786 683 3 432 735 1 766 477 1 944 430 2 087 995 2 336 154 2 728 512 Consumo intermediário produtos 451 754 373 487 335 063 304 986 275 240 1 941 498

Leia mais

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012

Tabela 4 - Participação das atividades econômicas no valor adicionado bruto a preços básicos, por Unidades da Federação - 2012 Contas Regionais do Brasil 2012 (continua) Brasil Agropecuária 5,3 Indústria 26,0 Indústria extrativa 4,3 Indústria de transformação 13,0 Construção civil 5,7 Produção e distribuição de eletricidade e

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 23036.000146/2007-28 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO CERTIFICADO DE AUDITORIA

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO CERTIFICADO DE AUDITORIA 1 de 10 PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO CERTIFICADO DE AUDITORIA CERTIFICADO Nº :201108660 UNIDADE AUDITADA :110008 - MINISTERIO DA PESCA E

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº. 199 DE 27 DE DEZEMBRO DE 2013

RESOLUÇÃO Nº. 199 DE 27 DE DEZEMBRO DE 2013 RESOLUÇÃO Nº. 199 DE 27 DE DEZEMBRO DE 2013 A PRESIDENTE EM EXERCÍCIO DO CONSELHO UNIVERSITÁRIO DA, no uso de suas atribuições legais e CONSIDERANDO que as entidades da Administração Pública Federal indireta

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO. Resolução n 027/2011-CONSU De 22 de dezembro de 2011

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO. Resolução n 027/2011-CONSU De 22 de dezembro de 2011 Resolução n 027/2011-CONSU De 22 de dezembro de 2011 Regulamenta as normas para o relacionamento entre a Universidade Federal do Amapá e as Fundações de Apoio prevista na Lei n 8.958, de 20 de dezembro

Leia mais

1. COMPETÊNCIAS DAS DIRETORIAS

1. COMPETÊNCIAS DAS DIRETORIAS 1. COMPETÊNCIAS DAS DIRETORIAS 1.1. Diretoria Executiva (DEX) À Diretora Executiva, além de planejar, organizar, coordenar, dirigir e controlar as atividades da Fundação, bem como cumprir e fazer cumprir

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2014

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2014 Programa 2123 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério do Esporte 00M1 - Benefícios Assistenciais decorrentes do Auxílio-Funeral e Natalidade Tipo: Operações Especiais Número de Ações 11 Despesas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 700, DE 19 DE SETEMBRO DE 2011

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 700, DE 19 DE SETEMBRO DE 2011 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO UNIVERSITÁRIO RESOLUÇÃO N. 700, DE 19 DE SETEMBRO DE 2011 Dispõe sobre a relação entre a UFPA e as Fundações de Apoio ao Ensino, Pesquisa,

Leia mais

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Abril 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Superintendência Estadual de São Paulo (Suest/SP)

RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Superintendência Estadual de São Paulo (Suest/SP) Fundação Nacional da Saúde RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Superintendência Estadual de São Paulo (Suest/SP) Superintendência Estadual de São Paulo RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2012 SUPERINTENDÊNCIA ESTADUAL

Leia mais

Detalhamento da Implementação Concessão de bolsa paga diretamente ao beneficiário e pagamento de demais despesas a ela vinculadas.

Detalhamento da Implementação Concessão de bolsa paga diretamente ao beneficiário e pagamento de demais despesas a ela vinculadas. Programa 1448 Qualidade na Escola Numero de Ações 48 Ações Orçamentárias 009U Concessão de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID Produto: Bolsa concedida Esfera: 10 Função: 12 - Educação Subfunção: 364

Leia mais

Órgão de Coordenação: Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e do Meio Ambiente SECTMA

Órgão de Coordenação: Secretaria de Estado da Ciência e Tecnologia e do Meio Ambiente SECTMA 12.4 SISTEMA DE GESTÃO PROPOSTO 12.4.1 ASPECTOS GERAIS O Sistema de Gestão proposto para o PERH-PB inclui órgãos da Administração Estadual, Administração Federal, Sociedade Civil e Usuários de Água, entre

Leia mais

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Diretoria Executiva - DE RELATÓRIO DE GESTÃO 2006

Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Diretoria Executiva - DE RELATÓRIO DE GESTÃO 2006 Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística RELATÓRIO DE GESTÃO 2006 Rio de Janeiro Março 2006 Av. Franklin Roosevelt, 166 - Centro 20021-120 - Rio de

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Paulo Bernardo Silva INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA - IBGE Presidente Eduardo Pereira Nunes

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DE 2006 RELATÓRIO DE GESTÃO PROCESSO SIMPLIFICADO

PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DE 2006 RELATÓRIO DE GESTÃO PROCESSO SIMPLIFICADO MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DO EXÉRCITO FUNDAÇÃO OSÓRIO PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DE 2006 RELATÓRIO DE GESTÃO PROCESSO SIMPLIFICADO 1 DADOS GERAIS SOBRE A UNIDADE JURISDICIONADA 1.1 Nome Completo e Oficial

Leia mais

DECRETO Nº 14.407 DE 09 DE ABRIL DE 2013. Aprova o Regulamento do Sistema Financeiro e de Contabilidade do Estado, e dá outras providências.

DECRETO Nº 14.407 DE 09 DE ABRIL DE 2013. Aprova o Regulamento do Sistema Financeiro e de Contabilidade do Estado, e dá outras providências. DECRETO Nº 14.407 DE 09 DE ABRIL DE 2013 Aprova o Regulamento do Sistema Financeiro e de Contabilidade do Estado, e dá outras providências. (Publicado no DOE de 10 de abril de 2013) O GOVERNADOR DO ESTADO

Leia mais

PEÇAS INTEGRANTES DO PROCESSO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DA ANA CONFORME IN/TCU

PEÇAS INTEGRANTES DO PROCESSO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DA ANA CONFORME IN/TCU ANEXO I PEÇAS INTEGRANTES DO PROCESSO DE PRESTAÇÃO DE CONTAS ANUAL DA ANA CONFORME IN/TCU nº 47, de 2004, DN/TCU nº 81, de 2006, e NE/CGU nº 03, de 2006, instituída pela Portaria CGU nº 555, de 2006 Discriminação

Leia mais

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS CAPÍTULO II DA FINALIDADE, VINCULAÇÃO E SEDE

O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS CAPÍTULO II DA FINALIDADE, VINCULAÇÃO E SEDE LEI N. 2.031, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2008 Institui o Serviço Social de Saúde do Acre, paraestatal de direito privado, na forma que especifica. O GOVERNADOR DO ESTADO DO ACRE seguinte Lei: FAÇO SABER que

Leia mais

Plano Anual de Atividades de Auditoria Interna - PAINT

Plano Anual de Atividades de Auditoria Interna - PAINT MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO SUL AUDITORIA INTERNA Plano Anual de Atividades de Auditoria

Leia mais

2004 - Assistência Médica e Odontológica aos Servidores Civis, Empregados, Militares e seus Dependentes

2004 - Assistência Médica e Odontológica aos Servidores Civis, Empregados, Militares e seus Dependentes Programa 2123 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério do Esporte Número de Ações 10 Tipo: Operações Especiais 09HB - Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime

Leia mais

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO

PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA CONTROLADORIA-GERAL DA UNIÃO SECRETARIA FEDERAL DE CONTROLE INTERNO TIPO DE AUDITORIA : AUDITORIA DE GESTÃO EXERCÍCIO : 2006 PROCESSO Nº : 04972.000579/2007-59 UNIDADE AUDITADA

Leia mais

Importância do Controle Externo na Contabilidade Aplicada ao Setor Público

Importância do Controle Externo na Contabilidade Aplicada ao Setor Público Importância do Controle Externo na Contabilidade Aplicada ao Setor Público Apresentação para o CRC/DF Dia do Contabilista Laércio Mendes Vieira Auditor Federal do TCU*, Membro do Grupo de CP do CFC, Contador,

Leia mais

PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIAS ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2013

PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIAS ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2013 PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIAS ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2013 GOIÂNIA-GO, MARÇO/2014 PRESTAÇÃO DE CONTAS ORDINÁRIA ANUAL RELATÓRIO DE GESTÃO CONSOLIDADO DO EXERCÍCIO DE 2013

Leia mais

Boletim Informativo* Agosto de 2015

Boletim Informativo* Agosto de 2015 Boletim Informativo* Agosto de 2015 *Documento atualizado em 15/09/2015 (Erratas páginas 2, 3, 4 e 9) EXTRATO GERAL BRASIL 1 EXTRATO BRASIL 396.399.248 ha 233.712.312 ha 58,96% Número de Imóveis Cadastrados²:

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos

Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos Presidência da República Casa Civil Subchefia para Assuntos Jurídicos DECRETO Nº 8.102, DE 6 DE SETEMBRO DE 2013 Aprova a Estrutura Regimental e o Quadro Demonstrativo dos Cargos em Comissão e das Funções

Leia mais

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO

MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO MINISTÉRIO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO GABINETE DO MINISTRO PORTARIA Nº 172, de 27 de MAIO de 2015. O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições que lhe confere

Leia mais

Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação

Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação PDTI Plano Diretor de Tecnologia da Informação 1 Agenda Contexto SISP Planejamento de TI PDTI 2 SISP Sistema de Administração dos Recursos de Informação e Informática Decreto nº 1.048, de 21 de janeiro

Leia mais

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIAE ESTATÍSTICA- IBGE

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIAE ESTATÍSTICA- IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson Barbosa INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIAE ESTATÍSTICA- IBGE Presidenta Wasmália Bivar Diretor-Executivo Fernando

Leia mais

Diretoria de Informática

Diretoria de Informática Diretoria de Informática Estratégia Geral de Tecnologias de Informação para 2013-2015 EGTI 2013-2015 Introdução: Este documento indica quais são os objetivos estratégicos da área de TI do IBGE que subsidiam

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2014

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2014 Programa 2124 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério do Meio Ambiente 00M1 - Benefícios Assistenciais decorrentes do Auxílio-Funeral e Natalidade Tipo: Operações Especiais Número de Ações 62 Despesas

Leia mais

MINISTERIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013

MINISTERIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 MINISTERIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 Petrolina-PE/2014 MINISTERIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO

Leia mais

CONSIGNADO PÚBLICO ADVOCACIA GERAL DA UNIÃO AGENCIA BRASILEIRA DE INTELIGÊNCIA ABIN AGENCIA NACIONAL DE ÁGUAS ANA AGENCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL

CONSIGNADO PÚBLICO ADVOCACIA GERAL DA UNIÃO AGENCIA BRASILEIRA DE INTELIGÊNCIA ABIN AGENCIA NACIONAL DE ÁGUAS ANA AGENCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL CONSIGNADO PÚBLICO ADVOCACIA GERAL DA UNIÃO AGENCIA BRASILEIRA DE INTELIGÊNCIA ABIN AGENCIA NACIONAL DE ÁGUAS ANA AGENCIA NACIONAL DE AVIAÇÃO CIVIL AGENCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA AGENCIA NACIONAL

Leia mais

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS, ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA.

ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS, ORGANIZAÇÃO ADMINISTRATIVA. DECRETO 44932 2008 Data: 30/10/2008 Origem: EXECUTIVO Ementa: DISPÕE SOBRE A ORGANIZAÇÃO DA ESCOLA DE SAÚDE PÚBLICA DO ESTADO DE MINAS GERAIS - ESP-MG. Relevância LEGISLAÇÃO BÁSICA : Fonte: PUBLICAÇÃO

Leia mais

ESCOLA DE GOVERNO DE ALAGOAS REGIMENTO INTERNO DA ESCOLA DE GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS

ESCOLA DE GOVERNO DE ALAGOAS REGIMENTO INTERNO DA ESCOLA DE GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS ESCOLA DE GOVERNO DE ALAGOAS REGIMENTO INTERNO DA ESCOLA DE GOVERNO DO ESTADO DE ALAGOAS ( Decreto nº 24.202, de 07 de janeiro de 2013 Anexo Único Publicado no Diário Oficial do Estado de 08 de janeiro

Leia mais

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - MDA INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA INCRA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DE ALAGOAS

MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - MDA INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA INCRA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DE ALAGOAS MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO - MDA INSTITUTO NACIONAL DE COLONIZAÇÃO E REFORMA AGRÁRIA INCRA SUPERINTENDÊNCIA REGIONAL DE ALAGOAS RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2012 Maceió/AL/2013 MINISTÉRIO

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Aprovado pela Resolução nº 01/2013/CONSUP/IFTO, de 7 de março de 2013.

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Aprovado pela Resolução nº 01/2013/CONSUP/IFTO, de 7 de março de 2013. REGULAMENTO DO NÚCLEO DE INOVAÇÃO TECNOLÓGICA Aprovado pela Resolução nº 01/2013/CONSUP/IFTO, de 7 de março de 2013. PALMAS-TO MARÇO 2013 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 2 DA CATEGORIA... 2 FINALIDADE E OBJETIVOS...

Leia mais

- PLANO ANUAL DE AUDITORIA -

- PLANO ANUAL DE AUDITORIA - TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE RORAIMA NÚCLEO DE CONTROLE INTERNO - PLANO ANUAL DE AUDITORIA - NÚCLEO DE CONTROLE INTERNO EXERCÍCIO 2015 NOVEMBRO-2014 INTRODUÇÃO O Plano Anual de Auditoria do Núcleo

Leia mais

Autarquia. Administração Indireta. Figura sujeita a polemicas doutrinárias e de jurisprudência. Ausente na estrutura do Executivo Federal

Autarquia. Administração Indireta. Figura sujeita a polemicas doutrinárias e de jurisprudência. Ausente na estrutura do Executivo Federal Administração Direta Fundação Publica Direito Público Consórcio Público Direito Público Fundação Publica Direito Privado Empresa Pública Consórcio Público Direito Privado Sociedade Economia Mista Subsidiária

Leia mais

PORTARIA TRT 18ª GP/DG nº 045/2013 (Republicada por força do art. 2 da Portaria TRT 18ª GP/DG nº 505/2014) Dispõe sobre a competência, a estrutura e

PORTARIA TRT 18ª GP/DG nº 045/2013 (Republicada por força do art. 2 da Portaria TRT 18ª GP/DG nº 505/2014) Dispõe sobre a competência, a estrutura e PORTARIA TRT 18ª GP/DG nº 045/2013 (Republicada por força do art. 2 da Portaria TRT 18ª GP/DG nº 505/2014) Dispõe sobre a competência, a estrutura e a atuação da Secretaria de Controle Interno e dá outras

Leia mais

Controle da Gestão Orçamentária e Financeira na Educação

Controle da Gestão Orçamentária e Financeira na Educação Controle da Gestão Orçamentária e Financeira na Educação PROFESSORA: Iza Angélica Carvalho da Silva CONTROLE DO GASTO PÚBLICO Controle é a fiscalização e o acompanhamento de todos os atos e fatos da execução

Leia mais

Superintendência Estadual do Acre RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2013 SUPERINTENDÊNCIA ESTADUAL DA FUNASA NO ACRE

Superintendência Estadual do Acre RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2013 SUPERINTENDÊNCIA ESTADUAL DA FUNASA NO ACRE Superintendência Estadual do Acre RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2013 RIO BRANCO, 2014 Superintendência Estadual do Acre RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2013 Relatório de Gestão do exercício de 2013

Leia mais

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras

0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos - Fundo de Terras Programa 2066 - Reforma Agrária e Ordenamento da Estrutura Fundiária Número de Ações 11 Tipo: Operações Especiais 0061 - Concessão de Crédito para Aquisição de Imóveis Rurais e Investimentos Básicos -

Leia mais

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2013

Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2013 Programa 2124 - Programa de Gestão e Manutenção do Ministério do Meio Ambiente Número de Ações 56 Tipo: Operações Especiais 09HB - Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do

Leia mais

A GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL E SEUS CONTROLES INTERNO E EXTERNO RESUMO

A GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL E SEUS CONTROLES INTERNO E EXTERNO RESUMO A GESTÃO PÚBLICA NO BRASIL E SEUS CONTROLES INTERNO E EXTERNO RESUMO O presente estudo é resultado de uma revisão bibliográfica e tem por objetivo apresentar a contextualização teórica e legislativa sobre

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO E PROCESSO ANUAL DE CONTAS

RELATÓRIO DE GESTÃO E PROCESSO ANUAL DE CONTAS RELATÓRIO DE GESTÃO E PROCESSO ANUAL DE CONTAS (Normativos e composição) Outubro - 2010 Coordenação-Geral de Técnicas, Procedimentos e Qualidade DCTEQ Eveline Brito Coordenadora-Geral de Técnicas, Procedimentos

Leia mais

Decreto nº 7.691, de 02 de Março de 2012

Decreto nº 7.691, de 02 de Março de 2012 Decreto nº 7.691, de 02 de Março de 2012 Diário Oficial da União nº 45, de 6 de março de 2012 (terça-feira) Seção 1 Págs. 24_27 Atos do Poder Executivo DECRETO Nº 7.691, DE 02 DE MARÇO DE 2012 Aprova a

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE - FURG RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO DE 2013 Março/2014 2 Relatório de Gestão 2013 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO

Leia mais

Infraestrutura de informações geoespaciais e georreferenciadas

Infraestrutura de informações geoespaciais e georreferenciadas Infraestrutura de informações geoespaciais e georreferenciadas 1. Apresentação do Problema Epitácio José Paes Brunet É cada vez mais expressiva, hoje, nas cidades brasileiras, uma nova cultura que passa

Leia mais

Instituto Federal do Espírito Santo Prestação de Contas Ordinária Anual Relatório de Gestão do Exercício de 2012

Instituto Federal do Espírito Santo Prestação de Contas Ordinária Anual Relatório de Gestão do Exercício de 2012 1 Introdução O presente relatório tem como principais objetivos a prestação de contas anual realizada junto aos órgãos fiscalizadores e a apresentação de informações que contemplem a análise da gestão

Leia mais

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Junho 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE

taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Junho 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE taxa Indicadores IBGE Pesquisa Mensal de Emprego Junho 2015 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE Presidenta da República Dilma Rousseff Ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão Nelson

Leia mais

Boletim Informativo. Junho de 2015

Boletim Informativo. Junho de 2015 Boletim Informativo Junho de 2015 Extrato Geral Brasil 1 EXTRATO BRASIL ÁREA ** 397.562.970 ha 227.679.854 ha 57,27% Número de Imóveis cadastrados: 1.727.660 Observações: Dados obtidos do Sistema de Cadastro

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Diretoria de Estatísticas Educacionais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Diretoria de Estatísticas Educacionais Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Diretoria de Estatísticas Educacionais RESULTADO DO CENSO DA EDUCAÇÃO BÁSICA 2009 O Censo Escolar, realizado anualmente pelo

Leia mais

II - Locação de Imóveis: a) 33903615 - Locação de Imóveis b) 33903910 - Locação de Imóveis

II - Locação de Imóveis: a) 33903615 - Locação de Imóveis b) 33903910 - Locação de Imóveis PORTARIA N o 172, DE 27 DE MAIO DE 2015 O MINISTRO DE ESTADO DO PLANEJAMENTO, ORÇAMENTO E GESTÃO, no uso das atribuições que lhe confere o inciso II do Parágrafo único do art. 87, da Constituição Federal,

Leia mais

01. Câmara Municipal. 02. Secretaria Municipal de Governo. 03. Gabinete do Vice-Prefeito. 04. Procuradoria Geral do Município

01. Câmara Municipal. 02. Secretaria Municipal de Governo. 03. Gabinete do Vice-Prefeito. 04. Procuradoria Geral do Município Estrutura Administrativa e Principais 01. Câmara Municipal - Lei Orgânica do Município de Teresina, de 05 de abril de 1991. - Votar o Orçamento Anual e o Plano Plurianual, bem como autorizar abertura de

Leia mais

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira

Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira Nota Técnico n.º 08/07 Relações das obras com indícios de irregularidades graves constantes nos anexos às leis orçamentárias para os exercícios de 2002

Leia mais

GOVERNANÇA CORPORATIVA

GOVERNANÇA CORPORATIVA GOVERNANÇA CORPORATIVA Os valores que lastreiam as práticas da Companhia são: transparência, prestação de contas, conformidade e equidade. Transparência refere-se em particular às informações que têm reflexo

Leia mais

Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais

Contribuição da União, de suas Autarquias e Fundações para o Custeio do Regime de Previdência dos Servidores Públicos Federais Programa 0641 Inteligência Federal Objetivo Desenvolver Atividades de inteligência e de Segurança da Informação no interesse do Estado e da Sociedade Indicador(es) úmero de Ações 14 Taxa de Relatórios

Leia mais

RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Superintendência Estadual de Mato Grosso do Sul (Suest/MS)

RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Superintendência Estadual de Mato Grosso do Sul (Suest/MS) Fundação Nacional da Saúde RELATÓRIO DE GESTÃO 2012 Superintendência Estadual de Mato Grosso do Sul (Suest/MS) RELATÓRIO DE GESTÃO DO EXERCÍCIO 2012 Relatório de Gestão do exercício de 2012 apresentados

Leia mais

O Controle Interno no Âmbito do Poder Executivo

O Controle Interno no Âmbito do Poder Executivo O Controle Interno no Âmbito do Poder Executivo Contextualização Sumário - O Controle na Administração Pública - O Controle Externo - O Controle Interno O Controle Interno do Poder Executivo do Estado

Leia mais

SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS

SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS ESTUDOS & pesquisas INFORMAÇÃO DEMOGRÁFICA E SOCIoeconômica 5 SÍNTESE DE INDICADORES SOCIAIS 2000 IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Presidente da República Fernando Henrique Cardoso

Leia mais

PODER EXECUTIVO ANEXO I ATRIBUIÇÕES DO CARGO DE ESPECIALISTA EM POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL

PODER EXECUTIVO ANEXO I ATRIBUIÇÕES DO CARGO DE ESPECIALISTA EM POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL ANEXO I ATRIBUIÇÕES DO CARGO DE ESPECIALISTA EM POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL a) formulação, implantação e avaliação de políticas públicas voltadas para o desenvolvimento sócio-econômico e

Leia mais

CERTIFICADO DE AUDITORIA Nº 001/2010

CERTIFICADO DE AUDITORIA Nº 001/2010 CERTIFICADO DE AUDITORIA Nº 001/2010 UNIDADES: Senado Federal Fundo Especial do Senado Federal - FUNSEN EXERCÍCIO: 2009 Examinamos os atos de gestão dos responsáveis relacionados às fls. 95 a 97 deste

Leia mais

PORTARIA-TCU Nº 150, DE 3 DE JULHO DE 2012

PORTARIA-TCU Nº 150, DE 3 DE JULHO DE 2012 PORTARIA-TCU Nº 150, DE 3 DE JULHO DE 2012 Dispõe sobre orientações às unidades jurisdicionadas ao Tribunal quanto à elaboração dos conteúdos dos relatórios de gestão referentes ao exercício de 2012. O

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 63, DE 1º DE SETEMBRO DE 2010

INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 63, DE 1º DE SETEMBRO DE 2010 INSTRUÇÃO NORMATIVA - TCU Nº 63, DE 1º DE SETEMBRO DE 2010 Estabelece normas de organização e de apresentação dos relatórios de gestão e das peças complementares que constituirão os processos de contas

Leia mais

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09

Concurso - EPPGG 2013. Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09 Concurso - EPPGG 2013 Prof. Leonardo Ferreira Turma EPPGG-2013 Aula 06,07,08,09 Ordem ao caos...(p4) Tema 4: 1. Práticas de gestão governamental no Brasil e seus resultados: Gestão de suprimentos e logística

Leia mais