MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS BAGÉ MANUAL DE LICITAÇÃO

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS BAGÉ MANUAL DE LICITAÇÃO"

Transcrição

1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS BAGÉ MANUAL DE LICITAÇÃO DEFINIÇÕES BÁSICAS Para melhor entendimento das diversas terminologias utilizadas em licitação apresentamos a seguir algumas simples definições que nos auxiliarão na compreensão do processo licitatório e seus procedimentos: 1 - LICITAÇÃO conjunto de procedimentos adotados pela Administração Pública visando a aquisição de bens e serviços, destina-se a garantir a observância do princípio da isonomia e a selecionar proposta mais vantajosa para a administração (Art. 3 º da Lei 8666/93). 2 - USUÁRIO/CLIENTE são todos os setores da Administração Pública que se utilizam do processo licitatório para a aquisição de bens e/ou serviços. 3 - FORNECEDOR/PRESTADOR DE SERVIÇO é aquele que, através de proposta escrita e assinada, oferece à Administração o objeto da licitação. 4 - OBJETO é o bem/serviço o qual a Administração pretende adquirir. 5 - PROCESSO é o conjunto de atos e documentos que compõe a rotina legal da administração, para a licitação objetiva a aquisição de bens e/ou serviços. 6 PROCEDIMENTO todos os atos que compõe o processo. Encaminhamentos diversos como: pareceres, indicações, publicações do edital, remessa de avisos eletrônicos (via ) abertura de envelopes de habilitação/propostas, etc. (Art. 38 da Lei n º 8666/93).

2 7 - HABILITAÇÃO são as condições exigidas, pela Administração Pública, dos participantes do certame licitatório, para que estes possam oferecer seus bens/serviços (Art. 27 a 33 da Lei n º 8666/93). 8 - PROPOSTA é o documento através do qual o licitante participa do certame oferecendo bens/serviços à Administração Pública, nas condições solicitadas pelo Edital. 9 - EDITAL DE LICITAÇÃO é o caderno processual que traz todas as condições e exigências de um determinado bem/serviço do qual necessita a Administração. 10- AUTORIDADE SUPERIOR é a pessoa responsável pelo deferimento do processo licitatório, determinando o início de seus atos e a homologação de seus procedimentos. 11- COMISSÃO DE LICITAÇÃO é o órgão colegiado composto por no mínimo três (03) servidores e/ou pessoas indicadas pela Autoridade Competente, para efetivar, controlar e dar seguimento até final adjudicação dos procedimentos licitatórios (Art. 51 da Lei n º 8666/93). 12- PUBLICAÇÃO são todos os atos que tem por finalidade divulgar de forma ampla e irrestrita o processo licitatório. Ex: D.O.U. jornais boletins comprasnet murais (Art. 21 da Lei n º 8666/93). 13- JULGAMENTO é o ato da Comissão de Licitação que classifica as propostas apresentadas pelos licitantes e, através de documento formal (ata) indica qual aquela que atendeu as condições exigidas pelo Edital (Art. 43 da Lei n º 8666/93). 14- ATA DE JULGAMENTO/CLASSIFICAÇÃO é a manifestação expressa da Comissão apontando a proposta que atendeu as condições do edital. 15- ADJUDICAÇÃO é o ato que indica à Autoridade Superior, qual foi, dentre as propostas apresentadas pelos fornecedores/prestadores de serviço, a mais vantajosa para a administração de conformidade com o previsto no Edital de Licitação. 16- HOMOLOGAÇÃO é o ato privativo da Autoridade Superior que confirma a proposta, indicada pela Comissão de Licitação, como a vencedora do certame.

3 FASES DA LICITAÇÃO O certame licitatório divide-se, inicialmente em duas grandes fases: FASE INTERNA - Onde se coletam todos os elementos, preços, prazos, condições, tipos de contrato, preços máximos, enfim todas as informações que darão início ao procedimento licitatório, mas que ainda não são de conhecimento público. FASE EXTERNA Realizada pela Comissão Permanente de Licitação, afere nos termos constantes do edital a melhor proposta.

4 REGISTRO DE PREÇOS É um tipo de licitação onde os fornecedores não efetivam imediatamente após a adjudicação e homologação do certame a entrega de seus produtos/serviços nem recebem os empenhos assim que forem declarados aptos a negociarem com o órgão licitante. Eles apenas comparecem ao certame para informar que estão dispostos a vender e/ou prestar os serviços ao Órgão por um preço determinado e válido por um período de 12 (doze) meses. E aqui reside a principal diferença entre as modalidades usualmente adotadas pelos órgãos públicos. Enquanto no Registro de Preços o Órgão tem uma garantia de fornecimento certo a preço previamente declarado nas outras modalidades licitatórias corre-se freqüentemente o risco de os certames fracassarem por ausência de licitantes, variação nos preços, ausência de pronta entrega/atendimento. APLICABILIDADE O registro de preços é indicado principalmente quando se apresentarem, isolada ou cumulativamente, as seguintes situações: a) aquisição de bem/serviço freqüente; b) para aquisição de bens com entrega parcelada; c) quando houver mais de um órgão ou entidade usuária do produto/serviço. FUNDAMENTAÇÃO LEGAL Lei Federal n º 8666/93 e suas alterações; Decreto n º 4342, de 23/08/2002; IN MARE N º 08, DE 04/12/98. OBJETIVO PRINCIPAL DO REGISTRO DE PREÇOS Redução de custos, otimização dos procedimentos licitatórios, garantia de fornecimento sempre ao menor preço praticado pelo mercado, aceleração dos prazos legais exigidos para a formalização dos atos administrativos inerentes a licitação, dispensa da obrigatoriedade de manutenção de estoques nas dependências do órgão (o produto fica com o licitante vencedor, no seu armazém, e por sua conta), facilidade na distribuição (o produto segue uma linha reta entre fornecedor usuário). VANTAGEM PARA OS FORNECEDORES Garantia de pagamento em 30 dias de todos os empenhos emitidos em razão do Registro de Preços. FORMA DE PAGAMENTO Conforme previsto no art. 28 da IN N º 08, de 04/12/98.

5 MODALIDADES DE LICITAÇÃO CONVITE Previsto no 3º do artigo 22 da Lei 8666/93 "Convite é a modalidade de licitação entre interessados do ramo pertinente ao seu objeto, cadastrados ou não, escolhidos e convidados em número mínimo de três pela unidade administrativa, a qual afixará, em local apropriado, cópia do instrumento convocatório e o estenderá aos demais cadastrados na correspondente especialidade que manifestarem seu interesse com antecedência de até 24 horas da apresentação das propostas". O 6º do mesmo artigo diz que "existindo na praça mais de três possíveis interessados, a cada novo convite realizado para objeto idêntico ou assemelhados é obrigatório o convite a, no mínimo, mais um interessado, enquanto existirem cadastrados não convidados nas últimas licitações". O 7º do mesmo artigo complementa "Quando por limitações do mercado ou manifesto desinteresse dos convidados for impossível a obtenção do número mínimo de licitantes exigidos no 3º deste artigo (22), essas circunstâncias deverão ser devidamente justificadas no processo, sob pena de repetição do convite. O limite para a aquisição de materiais/contratação de serviços na modalidade Convite é, atualmente, de R$ ,00; e para obras e serviços de engenharia é de até R$ ,00. O prazo mínimo para a divulgação da Carta-Convite é de 05 dias úteis, não havendo a obrigatoriedade de divulgação pela imprensa. TOMADA DE PREÇOS Previsto no 2º do artigo 22 da Lei 8666/93 "Tomada de Preços é a modalidade de licitação entre interessados devidamente cadastrados ou que atenderem a todas as condições exigidas para cadastramento até o terceiro dia anterior à data do recebimento das propostas, observada a necessária qualificação". Essa modalidade de licitação é utilizada para as compras/contratações cujo valor estimado esteja entre o valor mínimo de R$ ,01 e o valor máximo de R$ ,00. O prazo mínimo para a divulgação é de 15 dias, sendo de 30 dias quando a tomada de preços for do tipo "melhor técnica" ou "técnica e preço". A divulgação tem que ser efetuada através da Imprensa Oficial e em jornal diário de grande circulação. CONCORRÊNCIA Previsto no 1º do artigo 22 da Lei 8666/93 "Concorrência é a modalidade de licitação entre quaisquer interessados que, na fase inicial de habilitação preliminar, comprovem possuir os requisitos mínimos de qualificação exigidos no edital para a execução de seu objeto". As compras e contratações com valor estimado acima de R$ ,00 devem obrigatoriamente, ser realizadas através da modalidade Concorrência. O prazo mínimo para a divulgação é de 30 dias, sendo de 45 dias para a concorrência do tipo "melhor técnica" ou "técnica e preço". A divulgação tem que ser efetuada através da Imprensa Oficial e em jornal diário de grande circulação.

6 PREGÃO O pregão é uma modalidade de licitação realizada mediante a apresentação de propostas e lances em sessão pública, para a aquisição de bens e fornecimento de serviços comuns, qualquer que seja o valor estimado. O Pregão Eletrônico caracteriza-se por ser inteiramente realizado utilizando-se de recursos da informática. Instituído através da Lei Federal n º de 17 de julho de 2002, e do regulamento do Pregão, na forma eletrônica, aprovado pelo Decreto n º 5.450, de 31/05/2005. DISPENSA DE LICITAÇÃO São os casos de aquisição/contratação especificados pelo artigo 24 da Lei 8666/93, em que a Administração fica dispensada de realizar procedimento licitatório. O caso mais usual é aquele cujo valor estimado da compra ou contratação for igual ou inferior a R$ 8.000,00 que poderia ser chamado de compra informal. INEXIGIBILIDADE São os casos de aquisição/contratação especificados pelo artigo 25 da Lei 8666/93, em que fica inviável a competição entre os possíveis fornecedores/prestadores de serviço. O caso mais usual é aquele cujo material só pode ser fornecido por fabricante ou representante comercial exclusivo. COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS São casos de aquisições de bens de pequeno valor realizados na forma eletrônica, com o objetivo de ampliar a competitividade e racionalizar os procedimentos relativos a essas compras. Caracterizam-se, como bens de pequeno valor, aqueles que se enquadram na hipótese de dispensa de licitação prevista no inciso II do art. 24 da Lei nº 8.666/1993, desde que não se refiram à parcelas de uma mesma compra de maior vulto que possa ser realizada de uma só vez (PORTARIA N º 306, DE 13 DE DEZEMBRO DE 2001 do MP). SISTEMA DE CADASTRAMENTO UNIFICADO DE FORNECEDORES SICAF DOCUMENTOS PARA CADASTRO EM ÓRGÃO FEDERAL É um módulo informatizado, integrante do Sistema Integrado de Administração de Serviços Gerais - SIASG, de operação on-line, que o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão MP desenvolveu visando evitar a burocracia e facilitar o cadastramento dos fornecedores do Governo Federal. Tem por finalidade cadastrar e habilitar parcialmente os interessados, pessoas físicas ou jurídicas, em participar de licitações realizadas por órgão/entidades da Administração Pública Federal, integrantes do SISG (Sistema de Serviços Gerais), bem como, acompanhar o desempenho dos fornecedores cadastrados e ampliar as opções de compra do Governo Federal.

7 O interessado deverá obter o Manual de Cadastramento de Fornecedores e seus anexos e preencher os formulários abaixo e entregar a uma unidade de cadastramento de sua escolha e apresentar, em original ou por qualquer processo de cópia autenticada por cartório competente, ou por servidor da Administração Pública Federal, ou publicação em órgão da Imprensa Nacional, a documentação relativa ao cadastramento/habilitação parcial, na forma da Lei n 8.666/93 e Instrução Normativa MARE n 05/95: Dados cadastrais de fornecedor; Dados do Representante; Recibo de solicitação de serviço; Inclusão de linha de fornecimento. A empresa interessada poderá preencher diretamente através do site: as informações relativas ao cadastro, para em seguida escolher uma Unidade integrante do SISG efetivando-o. Manuais e Tabelas poderão ser consultadas no comprasnet. DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA FINS DE CADASTRO Contrato Social (última alteração consolidada) Estatuto Social registrado na Junta Comercial ou órgão equivalente Última Ata de eleição dos Administradores registrado na Junta Comercial ou órgão equivalente Cédula de Identidade e CPF dos dirigentes Prova de Registro da Entidade de Classe competente, se aplicável Registro ou Certificado de Fins Filantrópicos junto ao Conselho Nacional de Assistência Social, se aplicável. Balanço Patrimonial e demonstrações contábeis do último exercício social, já exigíveis. Certidão Negativa de Falência/Concordata Certidão Negativa da RECEITA FEDERAL Certidão Negativa do FGTS Certidão Negativa do INSS FINALIDADE Desburocratização do processo de cadastramento e habilitação parcial. Divulgação, a nível nacional, da sua área de negócio velocidade na atualização de seus dados cadastrais e de habilitação parcial. Seleção do fornecedor com base na sua linha de fornecimento de material/serviço. Diminuição da quantidade de documentos apresentados a cada processo licitatório e a cada recebimento. Redução dos custos de manutenção do cadastro de sua empresa junto aos órgãos/entidades do Governo Federal. Maior transparência e oportunidade de participação em processos licitatórios.

8 BENEFÍCIOS E VANTAGENS Cadastramento único na Administração Pública Federal. Desburocratização do processo de cadastramento e habilitação parcial. Divulgação, a nível nacional, da sua área de negócio velocidade na atualização de seus dados cadastrais e de habilitação parcial. Seleção do fornecedor com base na sua linha de fornecimento de material/serviço. Diminuição da quantidade de documentos a serem apresentados a cada processo licitatório e a cada recebimento. Redução dos custos de manutenção do cadastro de sua empresa junto aos órgãos/entidades do Governo Federal. Maior transparência e oportunidade de participação em processos licitatórios. CONTATO: Para maiores informações, favor contatar a Coordenação Administrativa da Unipampa Campus Bagé. Fone: (53) Ramal:

Projeto de Expansão e Consolidação da Saúde da Família. (PROESF Fase 2) AQUISIÇÕES de BENS e CONTRATAÇÃO DE OBRAS

Projeto de Expansão e Consolidação da Saúde da Família. (PROESF Fase 2) AQUISIÇÕES de BENS e CONTRATAÇÃO DE OBRAS Projeto de Expansão e Consolidação da Saúde da Família (PROESF Fase 2) AQUISIÇÕES de BENS e CONTRATAÇÃO DE OBRAS Aquisições através das Regras do Banco Mundial O Artigo 42 5º da Lei 8.666 permite que os

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO NEGRINHO

ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO NEGRINHO EDITAL Nº 005/2016 EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PESSOAS FÍSICAS E JURÍDICAS PARA INSCRIÇÃO OU RENOVAÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DA. De conformidade com o disposto no artigo 34 da Lei Federal nº 8666, de

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS Comissão Permanente de Licitação

ESTADO DO TOCANTINS PREFEITURA DE COLINAS DO TOCANTINS Comissão Permanente de Licitação EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA PARA CADASTRO DE FORNECEDORES O Município de Colinas do Tocantins, Estado do Tocantins, com fundamento nos artigos 34 a 37 da Lei nº 8.666/93 e demais alterações, torna público

Leia mais

PERGUNTA 1: O Edital do Pregão Eletrônico prevê, em seu item 4.1.1:

PERGUNTA 1: O Edital do Pregão Eletrônico prevê, em seu item 4.1.1: Esclarecimentos I PERGUNTA 1: O Edital do Pregão Eletrônico prevê, em seu item 4.1.1: 4.1.1 Deverão ser protocolados na ANP, Avenida Rio Branco nº 65, 16º andar, Superintendência de Abastecimento, Centro,

Leia mais

Prefeitura do Município de Piracicaba Secretaria Municipal de Administração Departamento de Material e Patrimônio Divisão de Compras

Prefeitura do Município de Piracicaba Secretaria Municipal de Administração Departamento de Material e Patrimônio Divisão de Compras O, por intermédio da, comunica que, de acordo com o que dispõe a Lei Federal nº 8.666/93 e suas alterações, os Srs. Fornecedores da Prefeitura do Município de Piracicaba que desejarem se inscrever no CERTIFICADO

Leia mais

C A R T I L H A D E C O M P R A S

C A R T I L H A D E C O M P R A S UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO DEPARTAMENTO DE RECURSOS MATERIAIS Jardim Rosa Elze s/n São Cristóvão (SE) CEP. 49100-000 FONE: 2105-6955 FAX: 2105-6956 C A R T I L H A D

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/ SELEÇÃO DE PROPOSTA PARA ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DE ESTUDOS

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/ SELEÇÃO DE PROPOSTA PARA ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DE ESTUDOS EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2016 - SELEÇÃO DE PROPOSTA PARA ACORDO DE COOPERAÇÃO PARA DESENVOLVIMENTO DE ESTUDOS E RECOMENDAÇÕES PARA A CONSTRUÇÃO DE UM PORTFÓLIO DE SERVIÇOS ( SMART CAMPUS ) PARA

Leia mais

Governo do Estado da Paraíba Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico da Paraíba Programa de Artesanato da Paraíba

Governo do Estado da Paraíba Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico da Paraíba Programa de Artesanato da Paraíba Governo do Estado da Paraíba Secretaria de Estado do Turismo e do Desenvolvimento Econômico da Paraíba Programa de Artesanato da Paraíba EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 02/2016. CADASTRAR EXPOSITORES PARA

Leia mais

Planejamento de aquisição de bens e serviços na Administração Pública. Magno Subtil

Planejamento de aquisição de bens e serviços na Administração Pública. Magno Subtil Planejamento de aquisição de bens e serviços na Administração Pública Magno Subtil Registro de Preços Decreto Estadual 7.437/2011 Sistema de Registro de Preços é o conjunto de procedimentos para registro

Leia mais

ORIENTAÇÃO TÉCNICA Nº 01/2012-AUDIN Assunto: Formalização legal dos processos de dispensa de licitação

ORIENTAÇÃO TÉCNICA Nº 01/2012-AUDIN Assunto: Formalização legal dos processos de dispensa de licitação ORIENTAÇÃO TÉCNICA Nº 01/2012-AUDIN Assunto: Formalização legal dos processos de dispensa de licitação Belém, 05 de dezembro de 2012. Conforme disposto no art. 2º da Lei nº 8.666/93 as obras, serviços,

Leia mais

PROCEDIMENTO CADASTRAL

PROCEDIMENTO CADASTRAL PROCEDIMENTO CADASTRAL SERVIÇOS DE LIMPEZA CONTROLE DE PRAGAS COLETA, TRANSPORTE E DESTINAÇÃO DE RESÍDUOS COLETA, TRANSPORTE E DESTINAÇÃO DE PILHAS E BATERIAS COLETA, TRANSPORTE DESCONTAMINAÇÃO E DESTINAÇÃO

Leia mais

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÕES:

1. DO OBJETO: 2. ESPECIFICAÇÕES: Cotação Prévia de Preço n 28/2016 Convênio nº 792864/2012 MTE/CAMP. Projeto: Fortalecimento e Expansão das Iniciativas de Fundos Solidários na Região Sul Critério: Menor Preço e Melhor Técnica. Cotação

Leia mais

MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL

MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL MINISTÉRIO DA DEFESA COMANDO DA AERONÁUTICA DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL PORTARIA DAC N o 192/DGAC, DE 14 DE MARÇO DE 2002 Aprova a Instrução de Aviação Civil que dispõe sobre os Procedimentos para Celebração

Leia mais

O Processo de Contratação e Licitação da Eletrobras

O Processo de Contratação e Licitação da Eletrobras O Processo de Contratação e Licitação da Eletrobras A Centrais Elétricas Brasileiras S.A. Eletrobras (www.eletrobras.com) - Maior companhia do setor de energia elétrica da América Latina - A Eletrobras

Leia mais

AS FRAGILIDADES DA CARTA CONVITE.

AS FRAGILIDADES DA CARTA CONVITE. www.apd.adv.br +55 (27) 3019-3993 AS FRAGILIDADES DA CARTA CONVITE. RESUMO: O texto trata das modalidades de licitação presentes no ordenamento jurídico brasileiro, dando uma ênfase à modalidade chamada

Leia mais

Perguntas e Respostas

Perguntas e Respostas Perguntas e Respostas Perguntas e Respostas 1. O microempreendedor individual pode participar de compras públicas? Sim, o Microempreendedor (MEI), pode participar de licitações. A Administração deverá

Leia mais

CONVITE PARA LICITAÇÃO

CONVITE PARA LICITAÇÃO CONVITE PARA LICITAÇÃO A Caixa Escolar Padre José Maria Xavier, convida a empresa para participar do processo licitatório, cujo objeto é a Contratação de Empresa de Consultoria e Eventos, para a Maratona

Leia mais

COMPANHIA DOCAS DO PARÁ - CDP AVISO DE LICITAÇÃO CONCORRÊNCIA CDP N. 01/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO CDP N. 2115/2011

COMPANHIA DOCAS DO PARÁ - CDP AVISO DE LICITAÇÃO CONCORRÊNCIA CDP N. 01/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO CDP N. 2115/2011 1 - CDP AVISO DE LICITAÇÃO CONCORRÊNCIA CDP N. 01/2011 PROCESSO ADMINISTRATIVO CDP N. 2115/2011 A - CDP, sociedade de economia mista vinculada à SECRETARIA DE PORTOS DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA, com sede

Leia mais

CAPÍTULO II Fornecedores SEÇÃO I Qualificação de fornecedores de produtos e insumos

CAPÍTULO II Fornecedores SEÇÃO I Qualificação de fornecedores de produtos e insumos REGULAMENTO PRÓPRIO PARA CONTRATAÇÃO DE OBRAS, SERVIÇOS E COMPRAS COM RECURSOS PROVENIENTES DO PODER PÚBLICO. CONSIDERANDO a necessidade de estabelecer normas de padronização para aquisição de materiais,

Leia mais

Nº 3 - Informações Sobre Execução

Nº 3 - Informações Sobre Execução Nº 3 - Informações Sobre Execução 1 1. VALORES ESTABELECIDOS NO CONTRATO DE EMPRÉSTIMO Nº 1628/OC-BR, PARA LICITAÇÃO /AQUISIÇÃO DE BENS E LICITAÇÃO/CONTRATAÇÃO DE OBRAS E SERVIÇOS (QUE NÃO OS DE CONSULTORIA)

Leia mais

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE BRAGANÇA PAULISTA DIVISÃO DE LICITAÇÃO, COMPRAS E ALMOXARIFADO.

PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE BRAGANÇA PAULISTA DIVISÃO DE LICITAÇÃO, COMPRAS E ALMOXARIFADO. DIVISÃO DE LICITAÇÃO, COMPRAS E ALMOXARIFADO. DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA INSCRIÇÃO E REGISTRO NO QUADRO DE FORNECEDORES DESTA PREFEITURA Endereço: Av. Antonio Pires Pimentel, n 2015 CEP: 12.914.000 Bragança

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO REITORIA. Avenida Vitória,1729 Jucutuquara Vitória ES. Tel:(27)

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO REITORIA. Avenida Vitória,1729 Jucutuquara Vitória ES. Tel:(27) DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS PLANO DE TREINAMENTO Curso: Cursos de Desenvolvimento de Servidores : Contratações públicas prática Módulo IV (Novo SICAF Sistema

Leia mais

MUNICÍPIO DE CAICÓ / RN CNPJ Nº: / Av. Cel. Martiniano, 993 Centro COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO

MUNICÍPIO DE CAICÓ / RN CNPJ Nº: / Av. Cel. Martiniano, 993 Centro COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO EDITAL DE INSCRIÇÃO E/OU RENOVAÇÃO A na forma do art. 34, 1 da Lei n 8.666/93, torna público que para fornecimento de materiais e prestações de serviços ao Município de Caicó / RN, os interessados deverão

Leia mais

ANEXO I MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO

ANEXO I MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO ANEXO I MINUTA DE CONTRATO ADMINISTRATIVO O MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DA URTIGA-RS, pessoa jurídica de direito público, inscrito no CNPJ sob nº 90.483.082/0001-65, com sede na Avenida Professor Zeferino, n.

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DE PERNAMBUCO CADFOR

ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DE PERNAMBUCO CADFOR ORIENTAÇÕES PARA INSCRIÇÃO NO CADASTRO DE FORNECEDORES DE PERNAMBUCO CADFOR SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO GERÊNCIA DE CADASTRO DE FORNECEDORES, MATERIAIS E SERVIÇOS ORIENTAÇÕES INICIAIS Como se tornar um

Leia mais

ATA PP 07/2016. EMPRESA: PERUZZO ARTES GRÁFICAS LTDA. Representante credenciado: FERNANDO JOSÉ PERUZZO (PRESENTE)

ATA PP 07/2016. EMPRESA: PERUZZO ARTES GRÁFICAS LTDA. Representante credenciado: FERNANDO JOSÉ PERUZZO (PRESENTE) 1 ATA PP 07/2016 Aos OITO dias do mês de DEZEMBRO de DOIS MIL E DEZESSEIS reuniu-se a Pregoeira do Consórcio, juntamente com integrantes da Equipe de Apoio designada, e com a Comissão Especial de Avaliação

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES

PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES PREFEITURA MUNICIPAL DE OSÓRIO SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO SETOR DE LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO 009/2011 Secretaria Municipal de Administração Processos: 100094/2011 ROMILDO BOLZAN

Leia mais

COMPANHIA DO METROPOLITANO DE SÃO PAULO - METRÔ. Setembro/2004

COMPANHIA DO METROPOLITANO DE SÃO PAULO - METRÔ. Setembro/2004 COMPANHIA DO METROPOLITANO DE SÃO PAULO - METRÔ DIRETORIA ADMINISTRATIVA E FINANCEIRA - DF GERÊNCIA DE CONTRATAÇÕES E COMPRAS - GCP Setembro/2004 Apresentação do tema Objetivo Exposição de planejamento

Leia mais

REQUERIMENTO DE CADASTRO DE FORNECEDOR PESSOA JURÍDICA

REQUERIMENTO DE CADASTRO DE FORNECEDOR PESSOA JURÍDICA REQUERIMENTO DE CADASTRO DE FORNECEDOR PESSOA JURÍDICA Solicitamos o Cadastro de Fornecedores da UniRV - Universidade de Rio Verde, nos termos da Lei nº 8666/93 Art. 27,28 e 29 atualizada, conforme informações

Leia mais

Licitações, Pregão e Contratos

Licitações, Pregão e Contratos Licitações, Pregão e Contratos Objetivo Destina-se Datas Carga horária Capacitar servidores municipais para a realização de licitações e gestão dos contratos da Administração Municipal. Aos profissionais

Leia mais

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014.

EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014. EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2014. O Prefeito Municipal de Guabiju, no uso de suas atribuições legais, em especial o art. 34, 1º da Lei 8.666/93 e suas posteriores alterações e em virtude da realização

Leia mais

SICAF. Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores Execução / Consulta Oficina 39. Instrutora: Ana Claudia da Cunha Alves.

SICAF. Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores Execução / Consulta Oficina 39. Instrutora: Ana Claudia da Cunha Alves. SICAF Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores Execução / Consulta Oficina 39 Instrutora: Ana Claudia da Cunha Alves Slide 1 O Sistema de Cadastramento Unificado de Fornecedores SICAF, é um sistema

Leia mais

EDITAL Nº 045/2010 TOMADA DE PREÇOS Nº 006/2010 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE SÊMEN BOVINO

EDITAL Nº 045/2010 TOMADA DE PREÇOS Nº 006/2010 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE SÊMEN BOVINO EDITAL Nº 045/2010 TOMADA DE PREÇOS Nº 006/2010 CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA FORNECIMENTO DE SÊMEN BOVINO O Prefeito Municipal de Vespasiano Corrêa, no uso legal de suas atribuições e de conformidade com

Leia mais

ORIENTAÇÕES PARA COMPRAS E SOLICITAÇÕES DE SERVIÇO NO CCHSA/UFPB

ORIENTAÇÕES PARA COMPRAS E SOLICITAÇÕES DE SERVIÇO NO CCHSA/UFPB MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA COLÉGIO AGRÍCOLA VIDAL DE NEGREIROS ORIENTAÇÕES PARA COMPRAS E SOLICITAÇÕES DE SERVIÇO NO CCHSA/UFPB As compras de bens materiais, animais, serviços

Leia mais

Apresentação e Treinamento do Portal dos Jurisdicionados

Apresentação e Treinamento do Portal dos Jurisdicionados Apresentação e Treinamento do Portal dos Jurisdicionados Portal dos Jurisdicionados Projeto de prestação de Contas Eletrônica via INTERNET. Processo Digital Fases do Projeto 1ª ) Licitações e Contratos

Leia mais

EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 013/2016 Tipo de julgamento: menor preço por item Processo Administrativo nº

EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 013/2016 Tipo de julgamento: menor preço por item Processo Administrativo nº EDITAL DE CARTA CONVITE Nº 013/2016 Tipo de julgamento: menor preço por item Processo Administrativo nº045.2016 CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE PSICOLOGO(A) PARA ATUAR JUNTO AO PROGRAMA NAAB- Nucleo De Apoio

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE GRAMADO CONVITE Nº. 03/2014 CERTIFICAÇÃO ISO SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL

CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE GRAMADO CONVITE Nº. 03/2014 CERTIFICAÇÃO ISO SISTEMA DE GESTÃO AMBIENTAL Aos dois dias do mês de outubro do ano de dois mil e quatorze às 14h03min, no Plenário desta Casa Legislativa, localizado na Rua São Pedro nº 369, em Gramado/RS, reuniram-se os membros da Comissão Permanente

Leia mais

Cotação Eletrônica. Orientações para usuários do SIASG. Versão 1.0

Cotação Eletrônica. Orientações para usuários do SIASG. Versão 1.0 Cotação Eletrônica Orientações para usuários do SIASG Versão 1.0 ÍNDICE 1) Fundamento legal 2) Quem pode participar 3) Local de realização 4) Procedimentos para realização de cotação eletrônica de preços

Leia mais

0c D-1 ILMA. SENHORA CORDENADORA DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO

0c D-1 ILMA. SENHORA CORDENADORA DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO 0c29.0.2.D-1 ILMA. SENHORA CORDENADORA DA COMISSÃO DE LICITAÇÃO DO CONSELHO FEDERAL DE NUTRICIONISTAS (CFN) CFN PROTOCOLOS- DATA5J..J25.JZI$ RESPONSAVEL REF.: CONCORRÊNCIA CFN N 1/2015 SANTA CLARA ENGENHARIA

Leia mais

Oficina nº 36 SIDEC Sistema de Divulgação de Compras

Oficina nº 36 SIDEC Sistema de Divulgação de Compras Oficina nº 36 SIDEC Sistema de Divulgação de Compras ABOP Slide 1 Ementa da Oficina Nº 36 / Área: Contratações Públicas / Prática SIDEC SISTEMA DE DIVULGAÇÃO DE COMPRAS Carga Horária: 4 horas Conteúdo

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 06/2016

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 06/2016 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 06/2016 Dispõe sobre os prazos e demais regras técnicas relativas à alimentação do Sistema de Licitações e Contratos LicitaCon pelos órgãos e entidades jurisdicionados do Tribunal

Leia mais

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL.

Critério: MENOR PREÇO GLOBAL. Cotação Prévia de Preço n 25/2016 Convênio nº 775707/2012 MTE/SENAES Projeto: Centro de Formação e Apoio a Assessoria Técnica em Economia Solidária da Região Sul CFES Regional Sul. Critério: MENOR PREÇO

Leia mais

Experiência com o RDC

Experiência com o RDC UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO - PROAD DEPARTAMENTO DE LICITAÇÕES - DPL Av. Desembargador Vitor Lima nº 222, 5º andar Florianópolis SC CEP 88040-400 Telefones: (48)

Leia mais

EDITAL Nº 018/2014 CONVITE 005/2014 CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE DETONAÇÃO, ESCAVADEIRA E CAMINHÃO

EDITAL Nº 018/2014 CONVITE 005/2014 CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE DETONAÇÃO, ESCAVADEIRA E CAMINHÃO EDITAL Nº 018/2014 CONVITE 005/2014 CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS DE DETONAÇÃO, ESCAVADEIRA E CAMINHÃO O Prefeito Municipal de Vespasiano Corrêa/RS, no uso legal de suas atribuições e de conformidade com a Lei

Leia mais

EDITAL 008/2016 CONVÊNIO N /2014

EDITAL 008/2016 CONVÊNIO N /2014 EDITAL 008/2016 CONVÊNIO N 813037/2014 CONTRATAÇÃO DE PESSOAS JURÍDICAS PARA A PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE WEBDESIGN NO AMBITO DO CONVÊNIO N 813037/2014 ENTRE O INSTITUTO DH E A SECRETARIA DE DIREITOS HUMANOS

Leia mais

HOMOLOGAÇÃO DE MARCAS DE TUBOS E CONEXÕES DE PVC

HOMOLOGAÇÃO DE MARCAS DE TUBOS E CONEXÕES DE PVC PROCEDIMENTO GERÊNCIA DE LOGÍSTICA DIVISÃO DE SUPRIMENTOS Data de Aprovação: 11.10.2006 Doc. de Aprovação:Res. nº 4720/2006 HOMOLOGAÇÃO DE MARCAS DE TUBOS E CONEXÕES DE PVC SUMÁRIO 1- OBJETIVO...02 2-

Leia mais

HISTÓRICO DE REVISÕES

HISTÓRICO DE REVISÕES PÁGINA: 1/11 DIRETORIA DE ADMINISTRAÇÃO DIRAD ÁREA GESTÃO DE COMPRAS/ QUALIDADE CÓDIGO DE CLASSIFICAÇÃO DO DOCUMENTO 010 TíTULO: CADASTRAR/ATUALIZAR FORNECEDOR (PESSOA FÍSICA, JURÍDICA E ONG S) SICAF/SICONV

Leia mais

LICITAÇÃO: PRINCÍPIOS E MODALIDADES

LICITAÇÃO: PRINCÍPIOS E MODALIDADES LICITAÇÃO: PRINCÍPIOS E MODALIDADES Lilian Marina Dornellas FARIA 1 RESUMO: O presente artigo busca explicar e demonstrar a importância da aplicação dos princípios que norteiam a licitação no direito administrativo,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARIRANHA ESTADO DE SÃO PAULO CNPJ /

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARIRANHA ESTADO DE SÃO PAULO CNPJ / EDITAL Nº 091/2013 CONVITE Nº 055/2013 A PREFEITURA MUNICIPAL DE ARIRANHA, Estado de São Paulo, FAZ SABER, que se acha aberta a presente licitação, sob a modalidade CONVITE, tipo MENOR PREÇO o qual será

Leia mais

MANUAL DE CONTRATOS PÚBLICOS

MANUAL DE CONTRATOS PÚBLICOS 2013 MANUAL DE CONTRATOS PÚBLICOS UNIPAMPA Pró-Reitoria de Administração 12/02/2013 Este Manual destina-se a orientar sobre procedimentos de contratações de serviços (terceirizados; energia elétrica; entre

Leia mais

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS

MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS Manual de Normas e Procedimentos Capítulo PROCEDIMENTOS SETOR 1 MANUAL DE NORMAS E PROCEDIMENTOS Manual de Normas e Procedimentos Capítulo PROCEDIMENTOS SETOR 2 Índice 1.1- Coordenadores técnicos, almoxarifes,

Leia mais

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO N.º 001/2013

DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO N.º 001/2013 DEPARTAMENTO DE COMPRAS E LICITAÇÕES EDITAL DE CHAMAMENTO N.º 001/2013 Raul Camilo Isotton, Prefeito em exercício de Dois Vizinhos/PR, no uso de suas atribuições, em especial o contido na Lei Federal n.º

Leia mais

Lei n 8.666/93, art. 7º 1.7 Documento assinado pela COMAP com a indicação das empresas a serem convidadas

Lei n 8.666/93, art. 7º 1.7 Documento assinado pela COMAP com a indicação das empresas a serem convidadas CHECK LIST DOS PROCESSOS LICITATÓRIOS DE OBRAS E SERVIÇOS DE ENGENHARIA REITORIA Este documento visa orientar a formalização dos processos licitatórios para contratação de obras e serviços de engenharia,

Leia mais

Prefeitura Municipal de Porto Alegre. Dispensa de Licitação nº 00/0000 Processo nº RECIBO

Prefeitura Municipal de Porto Alegre. Dispensa de Licitação nº 00/0000 Processo nº RECIBO cia RECIBO Pessoa Jurídica Endereço Completo CNPJ Telefone FAX e-mail Contato Retirei pela INTERNET na home-page da Prefeitura Municipal de Porto Alegre (www.portoalegre.rs.gov.br/licitacao), cópia da

Leia mais

AC.1.PGP.EVENTOS PÁGINA: 1 / 7

AC.1.PGP.EVENTOS PÁGINA: 1 / 7 TÍTULO: PADRÃO GERENCIAL DE PROCESSO Nº: 1 / 7 PGP REALIZAÇÃO E APROVAÇÃO DE EVENTOS DATA DE APROVAÇÃO: 30.03.2016 1. INTRODUÇÃO Algumas atividades da Companhia envolvem o estabelecimento de atos, contratos,

Leia mais

LICITAÇÃO CARTA CONVITE. LICITAÇÃO Carta Convite nº 008/2015. Expedido: 17 de agosto de FUNDAMENTO JURÍDICO: Lei nº de

LICITAÇÃO CARTA CONVITE. LICITAÇÃO Carta Convite nº 008/2015. Expedido: 17 de agosto de FUNDAMENTO JURÍDICO: Lei nº de LICITAÇÃO CARTA CONVITE LICITAÇÃO Carta Convite nº 008/2015. Expedido: 17 de agosto de 2015 1-FUNDAMENTO JURÍDICO: Lei nº 8.666 de 21.14.93 TIPO: Maior preço por metro quadrado. 2-O Município de Uruana,

Leia mais

MANUAL DE CADASTRAMENTO DE FORNECEDORES

MANUAL DE CADASTRAMENTO DE FORNECEDORES MANUAL DE CADASTRAMENTO DE FORNECEDORES Curitiba, OUTUBRO de 2005 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 03 REGISTRO CADASTRAL DO SESC I FICHA CADASTRAL... 04 Finalidade... 04 PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO DE FORNECEDORES

Leia mais

Integração Microsiga Protheus X Comprasnet

Integração Microsiga Protheus X Comprasnet Integração Microsiga Protheus X Comprasnet Setembro/2014 Sumário Título do documento 1. Contexto de negócio (Introdução)... 3 2. Sistemas Envolvidos... 3 3. Integração... 3 4. Escopo... 4 5. Pré-requisitos

Leia mais

CADASTRO DE FORNECEDORES - CRC (MATERIAL/SERVIÇOS)

CADASTRO DE FORNECEDORES - CRC (MATERIAL/SERVIÇOS) CADASTRO DE FORNECEDORES - CRC (MATERIAL/SERVIÇOS) ÍNDICE RELAÇÃO DE DOCUMENTOS PARA CADASTRO DE FORNECEDORES DE MATERIAL/SERVIÇOS PÁGINA 2 FICHA DE INFORMAÇÕES PARA CADASTRO DE FORNECEDORES PÁGINA 4 DECLARAÇÃO

Leia mais

Licitação da Solução de Registro Eletrônico em Saúde. Paulo Cesar de Araújo Gerente

Licitação da Solução de Registro Eletrônico em Saúde. Paulo Cesar de Araújo Gerente Paulo Cesar de Araújo Gerente SRES Constituída dos seguintes serviços: 1. Disponibilização do Software RES 2. Serviços de Integração com a Base Única 3. Serviços de Manutenção Evolutiva 4. Serviços de

Leia mais

ATO CONVOCATÓRIO Nº 68/2016 CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CVB/RS

ATO CONVOCATÓRIO Nº 68/2016 CRUZ VERMELHA BRASILEIRA FILIAL DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CVB/RS ATO CONVOCATÓRIO Nº 68/2016 FILIAL DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL CVB/RS FILIAL DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PARA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA PARA PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS QUE MENCIONA ABAIXO, POR PREÇO GLOBAL

Leia mais

Documentação Exigida Por Nível de Cadastramento

Documentação Exigida Por Nível de Cadastramento 1 Documentação Exigida Por Nível de Cadastramento Instituto Federal Catarinense Novembro de 2014 2 Sumário 1- Pessoa Física...3 2- Pessoa Jurídica...4 2.1- Órgão Público...4 2.2- Autarquias e Fundações

Leia mais

Curso Prático de Pregão Eletrônico no Comprasnet, incluindo Registro de Preços

Curso Prático de Pregão Eletrônico no Comprasnet, incluindo Registro de Preços Curso Prático de Pregão Eletrônico no Comprasnet, incluindo Registro de Preços Responsabilidade Técnica Ms. JOSEVAN DUARTE MAGALHÃES Cód. do Curso:0132014 Controle Interno da Base Aérea de São Paulo SP.

Leia mais

DISPENSA DE LICITAÇÃO

DISPENSA DE LICITAÇÃO DISPENSA DE LICITAÇÃO Processo: Secretaria: Empresa: CNPJ: Objeto: LISTA DE VERIFICAÇÕES Justificativa - deverá ser elaborada pela Secretaria Requisitante, a qual identificará a necessidade administrativa

Leia mais

Requerente: ASSISTENTE FINANCEIRO DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 16ª REGIÃO CRP16/ES.

Requerente: ASSISTENTE FINANCEIRO DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 16ª REGIÃO CRP16/ES. Parecer nº 004/2016 Requerente: ASSISTENTE FINANCEIRO DO CONSELHO REGIONAL DE PSICOLOGIA DA 16ª REGIÃO CRP16/ES. Assunto: Pregão Eletrônico Hotel para realização de Congresso Fase interna. 1. Consulta.

Leia mais

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE SAO MIGUEL DAS MISSOES ATA

Estado do Rio Grande do Sul PREFEITURA MUNICIPAL DE SAO MIGUEL DAS MISSOES ATA Pregão Modalidade 55 / 2015 1 Aquisiçao de combustíveis, óleo diesel comum, óleo diesel S10, gasolina comum e etanol combustível comum Pregao Ata de reunião realizada às 09:00 horas do dia 06 de janeiro

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARAS. Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria de Compras Telefone: REPUBLICADO

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARAS. Secretaria Municipal de Administração Coordenadoria de Compras Telefone: REPUBLICADO REPUBLICADO EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2010 PREÂMBULO Interessado: Secretaria Municipal de Comunicação Social e Institucional. Referência: Chamamento nº. 001/2010. Objeto resumido: Inscrição de

Leia mais

Nº ANO VII Segunda-feira, 10 de Março de Prazo para Municípios lançarem dados no sistema de Saúde é prorrogado

Nº ANO VII Segunda-feira, 10 de Março de Prazo para Municípios lançarem dados no sistema de Saúde é prorrogado Nº 144 - ANO VII Segunda-feira, 10 de Março de 2014 Prazo para Municípios lançarem dados no sistema de Saúde é prorrogado O prazo para Estados e Municípios repassarem informações sobre aplicações mínimas

Leia mais

Data limite para entrega da proposta: dia 02/06/2014 às 09:00min 6. REQUISITOS PARA PARTICIPAR DO CERTAME LICITATORIO

Data limite para entrega da proposta: dia 02/06/2014 às 09:00min 6. REQUISITOS PARA PARTICIPAR DO CERTAME LICITATORIO AQUISIÇÃO DE PEÇAS NOVAS ORIGINAIS E SERVIÇOS, PARA MANUTENÇÃO PREVENTIVA E CORRETIVA DE ÔNIBUS ESCOLAR. EDITAL DE DISPENSA Nº68/2014 PROCESSO N.º 3247/2014 Artigo 24, Inciso II da Lei 8.666/93 Data limite

Leia mais

EDITAL Nº 046/2014 CONVITE 014/2014 AQUISIÇÃO DE PLACAS DE SINALIZAÇÃO

EDITAL Nº 046/2014 CONVITE 014/2014 AQUISIÇÃO DE PLACAS DE SINALIZAÇÃO EDITAL Nº 046/2014 CONVITE 014/2014 AQUISIÇÃO DE PLACAS DE SINALIZAÇÃO O Prefeito Municipal de Vespasiano Corrêa/RS, no uso legal de suas atribuições e de conformidade com a Lei 8.666/93, de 21 de junho

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA ESTADO DE MINAS GERAIS GABINETE DO PREFEITO

PREFEITURA MUNICIPAL DE CARMO DA CACHOEIRA ESTADO DE MINAS GERAIS GABINETE DO PREFEITO 1 LEI Nº. 2.232, de 20 de outubro de 2011 Dispõe sobre a criação da Imprensa Oficial do Município de Carmo da Cachoeira-MG, e dá outras providências. A Câmara Municipal de Carmo da Cachoeira, por seus

Leia mais

ATA DE ABERTURA E JULGAMENTO DOS ENVELOPES COM OS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO E PROPOSTAS DE PREÇO

ATA DE ABERTURA E JULGAMENTO DOS ENVELOPES COM OS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO E PROPOSTAS DE PREÇO ATA DE ABERTURA E JULGAMENTO DOS ENVELOPES COM OS DOCUMENTOS DE HABILITAÇÃO E PROPOSTAS DE PREÇO PROCESSO N 004/2016 - EDITAL Nº. 004/2016 COTAÇÃO DE PREÇOS Nº. 004/2016 ATA N.º 01 Após a entrega dos envelopes

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Ref.: Pedido de Recurso pela inabilitação técnica no Pregão Eletrônico n o 70/2012 Autor: 3A Marques e Nunes Comércio e Serviço de Instalações e Projetos Ltda. Em: 19/12/2012 Do Recurso ao Pregão: 1. Amparada

Leia mais

Sistema de Desenvolvimento Institucional PO - Procedimento Operacional

Sistema de Desenvolvimento Institucional PO - Procedimento Operacional Unidade Universidade Federal da Bahia Pró-Reitoria de Administração Sistema de Desenvolvimento Institucional PO - Procedimento Operacional Processo PO/PROAD/CMP/ 1 de 6 Glossário de Termos: CATMAT Sistema

Leia mais

ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO EMPRESARIAL E CIVIL

ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO EMPRESARIAL E CIVIL Ementa aula 12 de novembro de 2013. 18 de novembro de 2013. ACADEMIA BRASILEIRA DE DIREITO CONSTITUCIONAL PÓS-GRADUAÇÃO EM DIREITO EMPRESARIAL E CIVIL Professora: Ana Claudia Finger Mestre em Direito do

Leia mais

RELATÓRIO ESTRATÉGICO SETOR DE LICITAÇÕES E CONTRATOS

RELATÓRIO ESTRATÉGICO SETOR DE LICITAÇÕES E CONTRATOS RELATÓRIO ESTRATÉGICO SETOR DE LICITAÇÕES E CONTRATOS INTRODUÇÃO Este relatório tem como objetivo divulgar as diversas ações implementadas por este setor no período de 2012/2013 de modo a prestar auxílio

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO CAMPO ESTADO DA BAHIA

PREFEITURA MUNICIPAL DE BELO CAMPO ESTADO DA BAHIA ADJUDICAÇÃO DO PREGÃO PRESENCIAL Nº 035/2016 O Pregoeiro Municipal torna público, nos termos da Lei nº 10.520/2002 e Lei nº 8.666/93, a ADJUDICAÇÃO do Pregão Presencial nº 035/2016 realizado no dia 18/08/2016,

Leia mais

FLUXO DE PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÕES ESPECÍFICAS PARA PROGRAMAS/ PROJETOS COM FINANCIAMENTO EXTERNO

FLUXO DE PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÕES ESPECÍFICAS PARA PROGRAMAS/ PROJETOS COM FINANCIAMENTO EXTERNO FLUXO DE PROCEDIMENTOS PARA SOLICITAÇÕES ESPECÍFICAS PARA PROGRAMAS/ PROJETOS COM FINANCIAMENTO EXTERNO 1. OBJETO Contratação de Serviço Terceiro Pessoa Física para os seguintes projetos/programas: -Projetos,

Leia mais

Lei /16 e Licitações

Lei /16 e Licitações Lei 13.303/16 e Licitações Rafael Da Cás Maffini Mestre e Doutor em Direito pela UFRGS, Professor de Direito Administrativo na UFRGS, Advogado, Sócio Diretor do escritório Rossi, Maffini, Milman & Grando

Leia mais

Solicito aos Inspetores Setoriais que orientem os Órgãos sob sua inspeção o seguinte:

Solicito aos Inspetores Setoriais que orientem os Órgãos sob sua inspeção o seguinte: COMUNICAÇÃO INTERNA Nº 17 AOS: INSPETORES SETORIAIS Manaus, 03 de novembro de 2009 Solicito aos Inspetores Setoriais que orientem os Órgãos sob sua inspeção o seguinte: 1. Formalização de processo de DISPENSA

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DAS ÁREAS ARTÍSTICO-CULTURAIS. Cadastramento de Entidades e Inscrição de Candidatos

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DAS ÁREAS ARTÍSTICO-CULTURAIS. Cadastramento de Entidades e Inscrição de Candidatos SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA SEEC Eleição dos representantes da sociedade civil no Conselho Estadual de Cultura CONSEC MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA AS ENTIDADES REPRESENTATIVAS DAS ÁREAS ARTÍSTICO-CULTURAIS

Leia mais

Av. Marechal Rondon, nº 522 Centro CEP: Pontes e Lacerda/MT (65)

Av. Marechal Rondon, nº 522 Centro CEP: Pontes e Lacerda/MT (65) EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 005/2015 SELEÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL INTERESSADA NA PRODUÇÃO DE HABITAÇÃO DE INTERESSE SOCIAL NO ÂMBITO DO PROGRAMA MINHA CASA MINHA VIDA O Município

Leia mais

COLETA DE PREÇOS nº 01/2014

COLETA DE PREÇOS nº 01/2014 COLETA DE PREÇOS nº 01/2014 1. PREÂMBULO 1.1. A ASSOCIAÇÃO MUSEU AFRO BRASIL, torna pública a realização de Seleção de Fornecedores na modalidade Coleta de Preços, pelo critério de menor preço, objetivando

Leia mais

CARTA-CONVITE Processo Seletivo nº 001/2013

CARTA-CONVITE Processo Seletivo nº 001/2013 CARTA-CONVITE Processo Seletivo nº 001/2013 A Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (ANPROTEC), com sede na cidade de Brasília, no SCN, quadra 1, bloco C Ed. Brasília

Leia mais

TERMO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS N.º 98/2014 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA PARA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE CO

TERMO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS N.º 98/2014 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA PARA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE CO TERMO DE COTAÇÃO ELETRÔNICA DE PREÇOS N.º 98/2014 PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA PARA MICROEMPRESA E EMPRESA DE PEQUENO PORTE CO. 30011 A PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA, órgão administrativo do MINISTÉRIO PÚBLICO

Leia mais

CONVITE Nº 007/ Os serviços serão prestados no prazo de 11 (onze) meses. 2 DA FORMA DE APRESENTAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO E DA PROPOSTA DE PREÇOS

CONVITE Nº 007/ Os serviços serão prestados no prazo de 11 (onze) meses. 2 DA FORMA DE APRESENTAÇÃO DA DOCUMENTAÇÃO E DA PROPOSTA DE PREÇOS CONVITE Nº 007/2016 ASSUNTO: MANUTENÇÃO DE COMPUTADORES; MANUTENÇÃO DA REDE INTERNA E MANUTENÇÃO DO SITE DA CÂMARA MUNICIPAL, NA FORMA A SEGUIR. A CÂMARA MUNICIPAL DE PRESIDENTE FIGUEIREDO, através da

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA nº. 02/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA / SISTEMA WEB

COTAÇÃO PRÉVIA nº. 02/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA / SISTEMA WEB Rua Francílio Dourado, 11 - Sala 10 Água Fria - Fortaleza, Ceará, Brasil CEP: 60813-660 Telefone: +55 (85) 3114.9658 http://abraca.autismobrasil.org/ COTAÇÃO PRÉVIA nº. 02/2014 SERVIÇO DE PESSOA JURÍDICA

Leia mais

ANEXO IV COMO APRESENTAR A DOCUMENTAÇÃO

ANEXO IV COMO APRESENTAR A DOCUMENTAÇÃO ANEXO IV COMO APRESENTAR A DOCUMENTAÇÃO ENVELOPE 1: Pessoa Física 1. Cópia de Cédula de Identidade (cópia autenticada em cartório); 2. Prova de inscrição no Cadastro de Pessoas Físicas ou cópia do CPF

Leia mais

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO nº 008/2016R Convênio MTE/SENAES nº /2013

COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO nº 008/2016R Convênio MTE/SENAES nº /2013 COTAÇÃO PRÉVIA DE PREÇO nº 008/2016R Convênio MTE/SENAES nº 782757/2013 O, entidade privada sem fins lucrativos, inscrita no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica do Ministério da Fazenda sob o n. 06.039.953/0001-40

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY AVISO PROCESSO SELETIVO São Paulo, 23 de junho de 2014. PROCESSO SELETIVO Nº 003/2014 I. Proponente: Confederação Brasileira de Rugby CNPJ: 50.380.658/0001-44 E-mail: kaiza.cappi@brasilrugby.com.br Endereço:

Leia mais

PROCESSO SELETIVO Nº 016/2013

PROCESSO SELETIVO Nº 016/2013 PROCESSO SELETIVO Nº 016/2013 O Instituto de Gestão e Humanização IGH, torna público para conhecimento dos interessados, que fará realizar Processo Seletivo objetivando a Contratação de Empresa especializada

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL

PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL PROCESSO DE SELEÇÃO PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE EMPRESA DO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº. 001/2015 PROCESSO ADMINISTRATIVO Nº. 027/2015. PREÂMBULO O Município de Água Boa-MT, através

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE CRISTINA PRAÇA SANTO ANTÔNIO 28 CENTRO TEL (35) RAMAL 24 CRISTINA ESTADO DE MINAS GERAIS CEP: 37.

PREFEITURA MUNICIPAL DE CRISTINA PRAÇA SANTO ANTÔNIO 28 CENTRO TEL (35) RAMAL 24 CRISTINA ESTADO DE MINAS GERAIS CEP: 37. ATA HABILITAÇÃO E PROPOSTA PROCESSO LICITATÓRIO Nº 499/15 TOMADA DE PREÇOS Nº002/15 Às 09:30 horas do dia 19 (dezenove) do mês de Maio do ano de 2015 (dois mil e quinze), na sala de reuniões da Prefeitura

Leia mais

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY

CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RUGBY AVISO PROCESSO SELETIVO São Paulo, 23 de junho de 2014. PROCESSO SELETIVO Nº 002/2014 I. Proponente: Confederação Brasileira de Rugby CNPJ: 50.380.658/0001-44 E-mail: kaiza.cappi@brasilrugby.com.br Endereço:

Leia mais

CADASTRO EMERGENCIAL PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INTERLOCUTOR DE LIBRAS

CADASTRO EMERGENCIAL PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INTERLOCUTOR DE LIBRAS CADASTRO EMERGENCIAL PARA EDUCAÇÃO ESPECIAL E INTERLOCUTOR DE LIBRAS O Dirigente Regional de Ensino da Diretoria de Ensino Região Itapecerica da Serra torna pública a abertura de cadastramento emergencial

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO N /2012 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2012

PROCESSO LICITATÓRIO N /2012 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2012 PROCESSO LICITATÓRIO N 120.362/2012 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2012 O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina CREA/SC, entidade fiscalizadora do exercício profissional dotada

Leia mais

MODALIDADES LICITATÓRIAS

MODALIDADES LICITATÓRIAS MODALIDADES LICITATÓRIAS Marco Luciano Wahlbrinck 1 1 INTRODUÇÃO O presente artigo visa a tecer considerações sobre as modalidades de licitações existentes no ordenamento jurídico brasileiro. Pretende-se

Leia mais

Informações Gerais Sobre o Cadastro de Fornecedores LIGHT

Informações Gerais Sobre o Cadastro de Fornecedores LIGHT Informações Gerais Sobre o Cadastro de Fornecedores LIGHT O cadastro da Light é feito exclusivamente on line, através do Portal de Fornecedores com apoio do Sistema Websupply. Não há recebimento de documentação

Leia mais

REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES

REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES Susana Filgueiras Brasília, 10 de setembro de 2012 LEGISLAÇÃO APLICÁVEL Lei nº12.462, de 5 de agosto de 2011. Decreto nº 7.581, de 11 de outubro de 2011. Lei nº 12.688,

Leia mais

Diário Oficial da União Seção 1-Nº 116, segunda-feira, 18 de junho de 2012

Diário Oficial da União Seção 1-Nº 116, segunda-feira, 18 de junho de 2012 Secretaria da Receita Federal do Brasil revoga instrução normativa que tratava a respeito dos procedimentos para ratificação de erros no preenchimento de Guia da Previdência Social (GPS) Para conhecimento,

Leia mais