PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE PÁG. 1

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE WWW.IDEFE.PT PÁG. 1"

Transcrição

1 PÓS-GRADUAÇÃO ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE 2012/2013 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. PÁG. 1

2 ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE 1ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA E DIREÇÃO EXECUTIVA Prof. Doutor Joaquim Ramos Silva NATUREZA DO CURSO E PERFIL DA FORMAÇÃO Para fazer face às mudanças de natureza geoeconómica no mundo hipercompetitivo em que vivemos, as empresas e as organizações, incluindo os Estados, procuram respostas inteligentes que se alicerçam na Economic and Strategic Intelligence (E&SI), ou tão só inteligência económica, visando a performance da organização, o acesso aos mercados e uma estratégia de afirmação coletiva. Está em causa a gestão estratégica da informação e o conhecimento acionável que interessa aos decisores, sejam eles empresariais ou da esfera do Estado. A E&SI releva ainda a prospetiva, as redes de conhecimento, a vigilância estratégica, a inovação, a valorização e securização do património informacional, a influência (lobbying), a diplomacia económica e a gestão perceção e da comunicação de crise. Acima de tudo, a E&SI permite interpretar a envolvente global e perspetivar um posicionamento adequado no quadro do novo paradigma económico que está a emergir, na base do qual se assiste ao aprofundamento da economia baseada no conhecimento e à intensificação da clusterização entre novas tecnologias e tecnologias maduras, acentuando ainda mais o papel do conhecimento, da tecnologia e da inovação no reforço da cadeia de valor e da competitividade das empresas e das organizações em geral. OBJETIVOS Desenvolver competências e aprofundar conhecimentos a nível da gestão estratégica da informação, da prospetiva, das técnicas e instrumentos de vigilância estratégica, das redes de inteligência competitiva, da valorização do património informacional, da influência, da diplomacia económica e da gestão da percepção e da comunicação de crise; Compreender a problemática da intelligence nas empresas e outras organizações e a sua utilização pelos Estados, designadamente no que se refere ao papel da informação assimétrica na tomada de decisão e na implementação de ações com alcance estratégico; Capacitar os participantes para utilizar os conhecimentos, os meios e os instrumentos da inteligência económica e estratégica em benefício da ação externa do Estado e das empresas. DESTINATÁRIOS Esta Pós-Graduação interessa a técnicos superiores, gestores, dirigentes e decisores empresariais e, também, de instituições públicas que desenvolvam atividades relacionadas com políticas públicas que se entrecruzam com a vida empresarial, particularmente a nível da qualificação, da inovação, da diplomacia económica, dos sistemas de incentivos, da facilitação do acesso aos mercados e da internacionalização empresarial.

3 PLANO CURRICULAR 1º SEMESTRE UNIDADE CURRICULAR CORPO DOCENTE HORAS CRÉDITOS Mercados, Tendências e Incertezas na Economia Global Joaquim Ramos Silva e José Félix Ribeiro 22 4,5 Economic and Strategic Intelligence (E&SI): Fundamentos e Abordagens André Magrinho 20 3,5 Empresas e Organizações Inteligentes Estêvão de Moura e Paulo Coelho 20 3,5 Prospetiva, Intelligence e Estratégia: Cenários José Félix Ribeiro e Geraldo Dias 20 3,5 2º SEMESTRE UNIDADE CURRICULAR CORPO DOCENTE HORAS CRÉDITOS Caixa de Ferramentas e Práticas Laboratoriais na Economic and Strategic Intelligence (E&SI) Sérgio Pinheiro e Ruben Eiras 20 3,5 Diplomacia Económica e Mercados Joaquim Ramos Silva 20 3,5 Redes de Economic and Strategic Intelligence Estado-Empresas André Magrinho e Joana Neves 20 3,5 Seminário: Inteligência, Diplomacia Económica e Internacionalização Empresarial Joaquim Ramos Silva, Manuel Ennes Ferreira e outros especialistas e dirigentes empresariais convidados 22 4,5 TOTAL HORAS: 164 TOTAL CRÉDITOS: 30 PÁG. 3

4 CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 1º SEMESTRE MERCADOS, TENDÊNCIAS E INCERTEZAS NA ECONOMIA GLOBAL JOAQUIM RAMOS SILVA E JOSÉ FÉLIX RIBEIRO Macro-regularidades e incertezas críticas nos processos e estratégias dos atores relevantes, europeus e internacionais. Linhas de força na UE e a problemática da zona Euro. Geopolítica, geoeconomia e dinâmica de mercados na economia global. Clusterização de atividades, tecnologias e redes. Novos drivers da economia global. Aspetos críticos da economia portuguesa. O processo de inserção da economia portuguesa na globalização. Fatores de reposicionamento nos mercados internacionais. O espaço de oportunidades das empresas e da economia portuguesa. A premência da E&SI. ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE (E&SI): FUNDAMENTOS E ABORDAGENS ANDRÉ MAGRINHO Fundamentos, Objetivos, método, ferramentas e espaço de intervenção da Economic and Strategic Intelligence, na perspetiva empresarial e como política pública. O ciclo da intelligence. Key Intelligence Topics (KIT). Vigilância ambiental (environmental scanning), tecnológica e estratégica. Funções da E&SI. Inteligência competitiva e guerra económica. As redes de inteligência económica. Atores e espaços de intervenção da inteligência económica. Necessidades de informação útil e estratégica para os decisores empresariais e económicos. Os fatores informacionais de poder na empresa. Defesa económica e segurança económica ativa. Estratégia e práticas de influência. Perception management e gestão e comunicação de crise. Ações prospetivas da inteligência competitiva e estratégica e os desafios concorrenciais. EMPRESAS E ORGANIZAÇÕES INTELIGENTES ESTÊVÃO DE MOURA E PAULO COELHO A intelligence na tomada de decisões estratégicas e na definição de objetivos operacionais. Conceitos, técnicas e instrumentos de gestão da informação no seio das organizações, numa ótica de aprendizagem e capacitação coletiva. A gestão estratégica da informação. Portefólio de competências e ações que concorrem para o bom desempenho e agilidade organizacionais. Respostas funcionais, organizacionais e técnicas. Aprendizagem, criatividade, inovação, comunicação, e orientação para o cliente. Learning organizations e gestão da mudança. A gestão estratégica das pessoas nas empresas inteligentes. PROSPETIVA, INTELLIGENCE E ESTRATÉGIA: CENÁRIOS JOSÉ FÉLIX RIBEIRO E GERALDO DIAS Integração da Economic and Strategic Intelligence num quadro interpretativo de tratamento das incertezas. O scanning do ambiente económico e organizacional. Os métodos de prospeção de cenários: técnica de construção e sua aplicação nas organizações. Planeamento por cenários. Implicações e opções estratégicas dos cenários para as empresas e para a economia portuguesa. Apresentação e discussão de cenários económicos e empresariais.

5 2º SEMESTRE CAIXA DE FERRAMENTAS E PRÁTICAS LABORATORIAIS NA ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE (E&SI). SÉRGIO PINHEIRO E RUBEN EIRAS Ferramentas da Internet inteligente. Ferramentas de pesquisa, recuperação, tratamento, análise, difusão e comunicação da informação. Valorização da informação externa: a gestão de redes. Plataformas Web based e softwares de apoio à Business Intelligence e à inovação. Conceção e utilização de um sistema de vigilância estratégica com recurso a plataformas web based e softwares de suporte. Estratégias de proteção da inovação. A vigilância tecnológica para estimular a cooperação científica e tecnológica. Metodologia e ferramentas da vigilância tecnológica. Aplicação a realidades concretas. DIPLOMACIA ECONÓMICA E MERCADOS JOAQUIM RAMOS SILVA Diplomacia económica: fundamentos, tipologia e análise de resultados. O Estado e as empresas no contexto da globalização. Cálculo económico e novas funções da diplomacia. Atores, temas e espaço de intervenção da diplomacia económica. A importância crescente dos sistemas de diplomacia económica na ação externa; a sua atuação em rede num contexto de inteligência económica. Diplomacia económica e mercados emergentes. Diplomacia económica e diplomacia comercial. O modelo português de diplomacia económica. Experiências de diplomacia económica comparadas. REDES DE ECONOMIC AND STRATEGIC INTELLIGENCE ESTADO-EMPRESAS. ANDRÉ MAGRINHO E JOANA NEVES Redes de conhecimento: caracterização, tipologias e alcance estratégico. Redes de conhecimento associadas aos clusters. A criação de uma Business Intelligence Unit (BIU) numa organização. Estudo de casos práticos. Dispositivos de Competitive and Srategic intelligence Estado-Empesas: os atores, as estratégias, as redes e os modelos organizacionais. Experiências internacionais comparadas. O estado da arte em Portugal. SEMINÁRIO: INTELIGÊNCIA, DIPLOMACIA ECONÓMICA E INTERNACIONALIZAÇÃO EMPRESARIAL. JOAQUIM RAMOS SILVA E MANUEL ENNES FERREIRA (Intervenção de especialistas e dirigentes empresariais convidados) A importância da inteligência e diplomacia económica apresentadas pelos seus atores. A articulação política externa/diplomacia económica. Análise de casos. Os desafios comportamentais e institucionais na diplomacia económica. PÁG. 5

6

7 CORPO DOCENTE ANDRÉ MAGRINHO Adjunto do presidente da Fundação AIP. Membro do Conselho de Administração do CINEL. Doutorado em Gestão pela Universidade da Beira Interior (UBI), na área da inteligência económica. ESTÊVÃO DE MOURA Presidente do Conselho de Administração da INCM - Imprensa Nacional - Casa da Moeda, SA. Doutorado em Gestão pelo ISEG. GERALDO DIAS Gestor, Editor e Analista Económico. Licenciado em Economia pelo ISCEF. JOANA NEVES Responsável pela plataforma de inteligência competitiva para apoio ao negócio internacional Business Intelligence Unit na AICEP Portugal Global. Doutorada em Gestão. JOAQUIM RAMOS SILVA Professor Associado do ISEG. Doutor em Análise e Política Económicas pela École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris. JOSÉ FÉLIX RIBEIRO Economista. Colaborador regular do IDN -Instituto de Defesa Nacional e do IPRI Instituto Português de Relações Internacionais. Doutorando em Relações internacionais pela FCSH da Universidade Nova de Lisboa. Licenciado em Economia pelo ISCEF. MANUEL ENNES FERREIRA Responsável pelo Grupo África do IPRI/UNL e consultor de organizações internacionais. Professor Auxiliar do ISEG. Doutor em Economia pelo ISEG. PAULO COELHO Consultor sénior de segurança de informação na KPMG. Membro da Comissão Técnica 163 (comissão portuguesa de segurança em sistemas de informação). Especialista em gestão de segurança de informação (ISO/IEC 27001), gestão de conformidade legal e continuidade de negócio. Mestre em Gestão de Sistemas de Informação pelo ISCTE-UL. Certificações de segurança de informação CISSP, CISA, ISO/IEC 27001, Lead Auditor. RUBEN EIRAS Responsável pelas Relações com o Sistema Científico da Galp Energia, tendo também a seu cargo o Serviço de Informação Estratégico de Vigilância Tecnológica. Mestre Executivo em Sistemas Sustentáveis de Energia pelo MIT-Portugal. SÉRGIO PINHEIRO Responsável pela Área de Inovação da Galp Energia. Master in Management e Diplôme de Grande École de Commerce pela ESCP Europe (École Superieur de Commerce de Paris). PÁG. 7

8 INFORMAÇÕES GERAIS ORGANIZAÇÃO GERAL DO CURSO E DIPLOMA O curso de Pós-Graduação em Economic and Strategic Intelligence reparte-se por dois semestres, totalizando 164 horas. As metodologias de aprendizagem conjugam a perspetiva teórica com abordagens pragmáticas sustentadas em situações reais case studies, laboratórios de práticas e elaboração e apresentação de trabalhos de equipa. Associadas a estas metodologias, acrescem as parcerias com empresas e entidades relevantes, públicas e privadas, através das quais será facilitada a compreensão e a importância da inteligência económica e estratégica. A avaliação de conhecimentos será feita de forma diversificada. Para além de uma prova escrita com duas épocas de exame, poderá integrar trabalhos individuais, trabalhos de grupo, resolução de casos, e participação individual e em grupo nas aulas. A nota mínima para a obtenção do diploma do ISEG/UTL é de dez valores. A conclusão do curso confere aos participantes o direito de receber o diploma de Pós-Graduação em Economic and Strategic Intelligence. CONDIÇÕES DE CANDIDATURA As habilitações de acesso correspondem ao grau de Licenciatura ou equivalente. Podem ainda ser admitidos à inscrição no curso não licenciados mas detentores de um currículo profissional que seja reconhecido como atestando capacidade para realização do curso. Os candidatos serão selecionados em função da classificação do diploma de 1º ciclo (Licenciatura), da classificação obtida em cursos de Pós-Graduação do ISEG em áreas relevantes, de outros graus já obtidos pelo candidato e do currículo académico, científico e profissional. Poderá ser solicitada a realização de uma entrevista ou a prestação de provas ou testes adicionais para avaliar competências linguísticas ou outras. CALENDÁRIO O curso terá início em finais de Setembro de 2012, decorrendo as sessões em horário pós-laboral. PROPINAS As propinas do curso, no total de 4.000, repartem-se da seguinte forma: MATRÍCULA (a pagar até uma semana após a aceitação no curso) 500 1ª PROPINA (a pagar até 1 de Setembro de 2012) 875 2ª PROPINA (a pagar até 1 de Novembro de 2012) 875 3ª PROPINA (a pagar até 1 de Janeiro de 2013) 875 4ª PROPINA (a pagar até 1 de Março de 2013) 875 Desconto de pronto pagamento: 10% sobre o valor total das propinas. PARA MAIS INFORMAÇÕES: Secretaria do IDEFE Telefone: /9; Fax: ISEG/IDEFE - Rua do Quelhas, 6, 4ºPiso Lisboa Com o apoio de:

9 PÁG. 9

10 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. IDEFE.PT/PGEASI

Pós-Graduação. Mercados Internacionais e Diplomacia Económica. 1ª Edição

Pós-Graduação. Mercados Internacionais e Diplomacia Económica. 1ª Edição Pós-Graduação Mercados Internacionais e Diplomacia Económica 1ª Edição 2011/2012 Mercados Internacionais e Diplomacia Económica Coordenação Científica Prof. Doutor Joaquim Ramos Silva Prof. Doutor Manuel

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EMPRESARIAL INTERNACIONAL E DIPLOMACIA ECONÓMICA

PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EMPRESARIAL INTERNACIONAL E DIPLOMACIA ECONÓMICA PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO EMPRESARIAL INTERNACIONAL E DIPLOMACIA ECONÓMICA Gestão Empresarial Internacional e Diplomacia Económica International Management and Economic Diplomacy 2 O aumento das exportações

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO EMPRESARIAL WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO EMPRESARIAL WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 GESTÃO EMPRESARIAL 4ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof.ª Doutora Carla Curado

Leia mais

gestão 2014/15 6ª EDIÇão Coordenação Científica Natureza do curso e perfil da formação

gestão 2014/15 6ª EDIÇão Coordenação Científica Natureza do curso e perfil da formação 6ª EDIÇão PÓS-GRADUAÇÃO gestão EMPRESARIAL 2014/15 6ª EDIÇão Coordenação Científica Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof.ª Doutora Carla Curado Prof. Doutor Pedro Verga Matos Natureza do curso e perfil

Leia mais

LEADERSHIP & MANAGEMENT

LEADERSHIP & MANAGEMENT 4ª edição PÓS-GRADUAÇÃO LEADERSHIP & MANAGEMENT 2013/14 4ª edição Coordenação Científica Prof. Doutor José Manuel Veríssimo Prof.ª Dr.ª Teresa Passos Natureza do curso e perfil da formação O curso de Pós-Graduação

Leia mais

2014/15 12ª EDIÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO. Natureza do curso e perfil da formação. Coordenação Científica. Prof. Doutor Eduardo Couto Mestre António Samagaio

2014/15 12ª EDIÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO. Natureza do curso e perfil da formação. Coordenação Científica. Prof. Doutor Eduardo Couto Mestre António Samagaio 12ª EDIÇão PÓS-GRADUAÇÃO Controlo de Gestão e Finanças Empresariais 2014/15 12ª EDIÇÃO Coordenação Científica Prof. Doutor Eduardo Couto Mestre António Samagaio Natureza do curso e perfil da formação Os

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 2012/2013 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 11ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof. Doutor José Augusto Felício

Leia mais

MBA Negócios Internacionais. Edital 1ª Edição 2013-2014

MBA Negócios Internacionais. Edital 1ª Edição 2013-2014 MBA Negócios Internacionais Edital 1ª Edição 2013-2014 Sines, Junho de 2013 1 Enquadramento O MBA em Negócios Internacionais é um curso de pós-graduação desenvolvido pela Escola Superior de Ciências Empresariais

Leia mais

GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA

GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 12ª edição PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 2015 12ª edição Coordenação Científica Prof. Doutor José Augusto Felício direção executiva dr. José António Rousseau (Presidente do Fórum de

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 ECONOMIA E POLÍTICA DE TRANSPORTES WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 ECONOMIA E POLÍTICA DE TRANSPORTES WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO ECONOMIA E POLÍTICA DE TRANSPORTES 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 ECONOMIA E POLÍTICA DE TRANSPORTES 1ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA E DIREÇÃO EXECUTIVA Prof. Doutor

Leia mais

GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA

GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 11ª edição PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 2013/14 11ª edição Coordenação Científica Prof. Doutor José Augusto Felício DIREÇÃO EXECUTIVA Dr. José António Rousseau ( EX-APED Associação

Leia mais

MERCADOS INTERNACIONAIS E DIPLOMACIA ECONÓMICA

MERCADOS INTERNACIONAIS E DIPLOMACIA ECONÓMICA valor acrescentado para a sua carreira MERCADOS INTERNACIONAIS E DIPLOMACIA ECONÓMICA Coordenação Científica: Prof. Doutor Joaquim Ramos Silva Prof. Doutor Manuel Ennes Ferreira PÓS-GRADUAÇÃO 07/08 Pós-Graduação

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 ECONOMIA, GESTÃO DO TURISMO E DIREÇÃO HOTELEIRA WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 ECONOMIA, GESTÃO DO TURISMO E DIREÇÃO HOTELEIRA WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO ECONOMIA, GESTÃO DO TURISMO E DIREÇÃO HOTELEIRA 2012/2013 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 ECONOMIA, GESTÃO DO TURISMO E DIREÇÃO HOTELEIRA 4ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof.

Leia mais

GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA

GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 12ª edição PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DA DISTRIBUIÇÃO E LOGÍSTICA 2015 12ª edição Coordenação Científica Prof. Doutor José Augusto Felício direção executiva dr. José António Rousseau (Presidente do Fórum de

Leia mais

Sistemas de Suporte à Decisão

Sistemas de Suporte à Decisão Pós-graduação Sistemas de Suporte à Decisão 1ª edição 2008/2009 Departamento de Inovação, Ciência e Tecnologia Pós-graduação em Sistemas de Suporte à Decisão Mensagem da Directora do DICT O DICT está certo

Leia mais

Curso de Especialização

Curso de Especialização Curso de Especialização em GESTÃO AUTÁRQUICA OBJETIVO O Curso de Especialização em Gestão Autárquica visa proporcionar uma formação avançada no domínio do planeamento estratégico, da estruturação e desenvolvimento

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO

PROGRAMA OPERACIONAL COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO PROGRAMA OPERACIONAL COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO Jorge Abegão Secretário-Técnico do COMPETE Coimbra, 28 de janeiro de 2015 Estratégia Europa 2020 ESTRATÉGIA EUROPA 2020 CRESCIMENTO INTELIGENTE

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2015-2016

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2015-2016 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL 2015-2016 2 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL COORDENAÇÃO Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof.ª Doutora Carla Curado Prof. Doutor Pedro Verga Matos APRESENTAÇÃO Este

Leia mais

Natureza do curso e perfil da formação

Natureza do curso e perfil da formação 11ª EDIÇão 11ª EDIÇão COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof. Doutor Sérgio Sousa Natureza do curso e perfil da formação A dinâmica da realidade empresarial e a maximização do contributo

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS WWW.IDEFE.PT

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS WWW.IDEFE.PT PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT 1 GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS 10 ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof.

Leia mais

Pós-Graduação Leadership & Management. 3ª Edição

Pós-Graduação Leadership & Management. 3ª Edição Pós-Graduação Leadership & Management 3ª Edição 2010/2011 Leadership & Management Direcção Científica Prof. Doutor José Verissimo Doutora Teresa Passos A Direcção Executiva é partilhada entre o IDEFE e

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 GESTÃO DE PROJETOS WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 GESTÃO DE PROJETOS WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE PROJETOS 2012/2013 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 GESTÃO DE PROJETOS 11ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA E DIREÇÃO EXECUTIVA Prof. Doutor Alberto Pereira Prof.ª Doutora

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS

PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS 2015-2016 2 PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS E BENEFÍCIOS SOCIAIS COORDENAÇÃO Prof. Doutor Paulo Lopes Henriques Prof. Doutor Sérgio

Leia mais

MBA - Executivo. Edital 2ª Edição 2013-2014

MBA - Executivo. Edital 2ª Edição 2013-2014 MBA - Executivo Edital 2ª Edição 2013-2014 Sines, Junho de 2013 Enquadramento e Objectivos O MBA Executivo é uma realização da Escola Superior de Ciências Empresariais, do Instituto Politécnico de Setúbal

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 LEADERSHIP & MANAGEMENT WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 LEADERSHIP & MANAGEMENT WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO LEADERSHIP & MANAGEMENT 2012/2013 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 LEADERSHIP & MANAGEMENT 5ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA E DIREÇÃO EXECUTIVA Prof. Doutor José Veríssimo Doutora

Leia mais

HR Strategic Delivery Model HR as a strategic partner

HR Strategic Delivery Model HR as a strategic partner www.pwc.pt/academy HR Strategic Delivery Model HR as a strategic partner Lisboa, 21 e 22 de março de 2013 Academia da PwC Um curso onde irá conhecer os desafios da função de RH e como se posicionar como

Leia mais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. MBA em Negócios Internacionais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. MBA em Negócios Internacionais Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação MBA em Negócios Internacionais Edital 1ª Edição 2012-2013 1 Enquadramento O MBA em Negócios Internacionais é

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTROLO DE GESTÃO E FISCALIDADE PARA PME S

PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTROLO DE GESTÃO E FISCALIDADE PARA PME S PÓS-GRADUAÇÃO EM CONTROLO DE GESTÃO E FISCALIDADE PARA PME S CÂMARA DO COMÉRCIO DE ANGRA DO HEROÍSMO E INSTITUTO SUPERIOR DE ECONOMIA E GESTÃO Angra do Heroísmo 2010/2011 1 Objectivos Este curso de pós-graduação

Leia mais

Pós-graduação Gestão da Sustentabilidade do Edificado. Edital 1ª Edição 2012-2013

Pós-graduação Gestão da Sustentabilidade do Edificado. Edital 1ª Edição 2012-2013 Pós-graduação Gestão da Sustentabilidade do Edificado Edital 1ª Edição 2012-2013 Barreiro, Maio de 2012 ENQUADRAMENTO A Pós-Graduação em Gestão da Sustentabilidade do Edificado (PGGSE) é uma realização

Leia mais

Contabilidade e Fiscalidade

Contabilidade e Fiscalidade www. indeg. iscte-iul. pt ARTICULA OS PRINCIPAIS TEMAS DE RELEVÂNCIA ATUAL E FUTURA NA ÁREA DA ATRAVÉS DE UMA ESTRUTURA PROGRAMÁTICA SÓLIDA E ABRANGENTE NA ÁREA CIENTÍFICA DA CONTABILIDADE Contabilidade

Leia mais

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. Gestão Logística

Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica. Sines Tecnopolo. Pós-Graduação. Gestão Logística Associação Centro de Incubação de Empresas de Base Tecnológica Sines Tecnopolo Pós-Graduação Gestão Logística Edital 1ª Edição 2012 1 Enquadramento Tem vindo a ser reconhecida, por políticas governamentais

Leia mais

MARKETING RELACIONAL. Como Transformar a Fidelização de Clientes numa Vantagem Competitiva? Regime b-learning. mestrado 2012 > 2013

MARKETING RELACIONAL. Como Transformar a Fidelização de Clientes numa Vantagem Competitiva? Regime b-learning. mestrado 2012 > 2013 2012 > 2013 mestrado MARKETING RELACIONAL Regime b-learning escola superior de tecnologia e gestão instituto politécnico de leiria Como Transformar a Fidelização de Clientes numa Vantagem Competitiva?

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Mestrado em Educação Especialização: História da Educação (Regime a Distância) Edição Instituto de Educação da Universidade de

Leia mais

Inteligência Competitiva e Comunicação no Desporto

Inteligência Competitiva e Comunicação no Desporto Pós- Graduação em Inteligência Competitiva e Comunicação no Desporto Inteligência Competitiva I Prof. Luís Madureira Pretende- se nesta Unidade Curricular esclarecer o que é a inteligência competitiva,

Leia mais

Gestão Empresarial. Comércio e Serviços

Gestão Empresarial. Comércio e Serviços Curso de Gestão Empresarial para Comércio e Serviços PROMOÇÃO: COLABORAÇÃO DE: EXECUÇÃO: APRESENTAÇÃO: > A aposta na qualificação dos nossos recursos humanos constitui uma prioridade absoluta para a Confederação

Leia mais

Pós-Graduação em Administração e Gestão de Escolas

Pós-Graduação em Administração e Gestão de Escolas Pós-Graduação em Administração e Gestão de Escolas ENQUADRAMENTO DO CURSO As escolas são estabelecimentos aos quais está confiada uma missão de serviço público, que consiste em dotar todos e cada um dos

Leia mais

Pós-Graduação Conservação e Reabilitação do Edificado

Pós-Graduação Conservação e Reabilitação do Edificado Pós-Graduação Conservação e Reabilitação do Edificado Edital 4ª Edição 2012-2013 Barreiro, Julho de 2012 Pós-Graduação Conservação e Reabilitação do Edificado 1 ENQUADRAMENTO A Pós-Graduação em Conservação

Leia mais

Pós-Graduação em Sistemas e Tecnologias de Informação para as organizações

Pós-Graduação em Sistemas e Tecnologias de Informação para as organizações Curso de Pós-Graduação em Sistemas e Tecnologias de Informação para as organizações Instituto Superior de Economia e Gestão Universidade Técnica de Lisboa 2 A globalização da Sociedade da Informação em

Leia mais

O COMPROMISSO DE UMA INSTITUIÇÃO

O COMPROMISSO DE UMA INSTITUIÇÃO O COMPROMISSO DE UMA INSTITUIÇÃO Bem-vindo aos Programas Executivos do ISAG. A experiência adquirida ao longo dos anos e a atualização de conceitos, permitiu ao ISAG European Business School desenvolver

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 SISTEMAS E TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO PARA AS ORGANIZAÇÕES WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013 SISTEMAS E TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO PARA AS ORGANIZAÇÕES WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO SISTEMAS E TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO PARA AS ORGANIZAÇÕES 2012/2013 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 SISTEMAS E TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO PARA AS ORGANIZAÇÕES 23ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 MARKETING MANAGEMENT WWW.IDEFE.PT

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 MARKETING MANAGEMENT WWW.IDEFE.PT PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING MANAGEMENT 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT MARKETING MANAGEMENT 37ª e 38ª EDIÇÕES COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof.ª Doutora Maria Margarida Duarte Prof. Doutor João

Leia mais

OFERTA FORMATIVA BRAGA

OFERTA FORMATIVA BRAGA 20 OFERTA FORMATIVA BRAGA Rua Diogo Botelho, 127 416-005 Porto T. +51 226 196 260 F. +51 226 196 259 www.catolicabs.porto.ucp.pt Campus Camões 4710-62 Braga T. +51 25 206 100 F. +51 25 206 10 www.braga.ucp.pt

Leia mais

Mestrado em Sistemas Integrados de Gestão (Qualidade, Ambiente e Segurança)

Mestrado em Sistemas Integrados de Gestão (Qualidade, Ambiente e Segurança) Mestrado em Sistemas Integrados de Gestão (Qualidade, Ambiente e Segurança) 1 - Apresentação Grau Académico: Mestre Duração do curso: : 2 anos lectivos/ 4 semestres Número de créditos, segundo o Sistema

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 CONTABILIDADE PÚBLICA, FINANÇAS E GESTÃO ORÇAMENTAL WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 CONTABILIDADE PÚBLICA, FINANÇAS E GESTÃO ORÇAMENTAL WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO CONTABILIDADE PÚBLICA, FINANÇAS E GESTÃO ORÇAMENTAL 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 CONTABILIDADE PÚBLICA, FINANÇAS E GESTÃO ORÇAMENTAL 11ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA

Leia mais

O Social pela Governança. Mestrados Profissionalizantes Planos Curriculares Empreendedorismo

O Social pela Governança. Mestrados Profissionalizantes Planos Curriculares Empreendedorismo O Social pela Governança Mestrados Profissionalizantes Planos Curriculares Empreendedorismo 2 ÍNDICE EMPREENDEDORISMO... 3 OBJECTIVOS... 3 DESTINATÁRIOS... 4 CONDIÇÕES DE ACESSO E SELECÇÃO DOS CANDIDATOS...

Leia mais

MARKETING MANAGEMENT 2014/15 39ª EDIÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO. Coordenação Científica. Natureza do curso e perfil da formação

MARKETING MANAGEMENT 2014/15 39ª EDIÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO. Coordenação Científica. Natureza do curso e perfil da formação 39ª EDIÇÃO PÓS-GRADUAÇÃO MARKETING MANAGEMENT 2014/15 39ª EDIÇÃO Coordenação Científica Profª. Doutora Maria Margarida Duarte Prof. Doutor João Mota Natureza do curso e perfil da formação O curso de Pós-Graduação

Leia mais

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012

Programa. Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 Programa Empreendedorismo Cultural e Indústrias Criativas 2012 3 Hemisfério esquerdo responsável pelo pensamento lógico e pela competência

Leia mais

Objetivos. Destinatários. ,.. Ambito

Objetivos. Destinatários. ,.. Ambito ,.. Ambito O Focility Monogement é cada vez mais uma atividade complexo, exigindo o aplicação adequado dos conhecimentos utilizados noutros mercados. A interdependência entre os negócios e o imobiliário

Leia mais

1. Objectivos. 2. Destinatários. 3. Competências

1. Objectivos. 2. Destinatários. 3. Competências DEPARTAMENTO DE POLÍTICA E TRABALHO SOCIAL REGULAMENTO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO DE LIDERANÇA E GESTÃO DE EQUIPAMENTOS SOCIAIS 1ª EDIÇÃO 2013/2014. 1 1. Objectivos Na sociedade atual as organizações de

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM

ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM Dr. José Timóteo Montalvão Machado CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO EM SAÚDE Coordenação científica Prof. Inês Pereira Prof. Alexandrina Lobo Prof. Vítor Machado Coordenação

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02 Sumário Pág. I) OBJETIVO 02 II) ESTRUTURA DO CURSO 1) Público alvo 02 2) Metodologia 02 3) Monografia / Trabalho final 02 4) Avaliação da aprendizagem 03 5) Dias e horários de aula 03 6) Distribuição de

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS 8ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof. Doutor Carlos Gouveia

Leia mais

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÕES DO INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS

REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÕES DO INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS REGULAMENTO DOS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÕES DO INSTITUTO SUPERIOR DE TECNOLOGIAS AVANÇADAS INDICE PREÂMBULO... 2 ARTIGO 1 - (Âmbito)... 2 ARTIGO 2 (Natureza)... 2 ARTIGO 3 (Gestão das atividades de pós-gradução)...

Leia mais

Pós-Graduações ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013. WWW.Idefe.PT. PáG. 1

Pós-Graduações ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2012/2013. WWW.Idefe.PT. PáG. 1 Pós-Graduações 20/201 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.Idefe.PT PáG. 1 índice Mensagem do Presidente MISSÃO, VISÃO E VALORES MENSAGEM DO administrador EXECUTIVO DO IDEFe IDEFE PORQUÊ UMA PÓS-GRADUAÇÃO NO

Leia mais

MARKETING RESEARCH. Direcção e Coordenação Científica: Prof. Doutor João Quelhas Mesquita Mota Mestre Dr.ª Helena Milagre Martins Gonçalves

MARKETING RESEARCH. Direcção e Coordenação Científica: Prof. Doutor João Quelhas Mesquita Mota Mestre Dr.ª Helena Milagre Martins Gonçalves MARKETING RESEARCH Direcção e Coordenação Científica: Prof. Doutor João Quelhas Mesquita Mota Mestre Dr.ª Helena Milagre Martins Gonçalves PÓS-GRADUAÇÃO/IDEFE Pós-Graduação // Marketing Research PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES

ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES ISAL INSTITUTO SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO E LÍNGUAS PLANO DE ATIVIDADES 2015 2 Formar gestores e quadros técnicos superiores, preparados científica e tecnicamente para o exercício de funções na empresa

Leia mais

DESAFIO PORTUGAL 2020

DESAFIO PORTUGAL 2020 DESAFIO PORTUGAL 2020 Estratégia Europa 2020: oportunidades para os sectores da economia portuguesa Olinda Sequeira 1. Estratégia Europa 2020 2. Portugal 2020 3. Oportunidades e desafios para a economia

Leia mais

Um mar de oportunidades. Mestrado em Gestão Portuária. Mensagem do Presidente da ENIDH Escola Superior Náutica Infante D. Henrique.

Um mar de oportunidades. Mestrado em Gestão Portuária. Mensagem do Presidente da ENIDH Escola Superior Náutica Infante D. Henrique. Um mar de oportunidades Mestrado em Gestão Portuária Mensagem do Presidente da ENIDH Escola Superior Náutica Infante D. Henrique A ENIDH é a Escola Superior pública portuguesa que assegura a formação de

Leia mais

SALES MANAGEMENT. 2013/14 3ª edição PÓS-GRADUAÇÃO. Coordenação Científica. Natureza do curso e perfil da formação

SALES MANAGEMENT. 2013/14 3ª edição PÓS-GRADUAÇÃO. Coordenação Científica. Natureza do curso e perfil da formação 3ª edição PÓS-GRADUAÇÃO SALES MANAGEMENT 2013/14 3ª edição Coordenação Científica Prof. Doutor José Manuel Veríssimo Prof. Dr. João Pargana Natureza do curso e perfil da formação As universidades portuguesas

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO DE PROJETOS WWW.IDEFE.PT

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 GESTÃO DE PROJETOS WWW.IDEFE.PT PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO DE PROJETOS 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT 1 GESTÃO DE PROJETOS 13ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA E DIREÇÃO EXECUTIVA Prof.ª Doutora Graça Silva Prof.ª Doutora Winnie

Leia mais

HR Scorecard Linking Strategy, People and Performance

HR Scorecard Linking Strategy, People and Performance www.pwc.pt/academy Linking Strategy, People and Performance Lisboa, 8 e 9 de abril de 2013 Academia da PwC Um curso onde irá conhecer as tendências e melhores práticas de alinhamento da estratégia com

Leia mais

ce tec CURSO DE EMPREENDEDORISMO 3ª Edição-Internacional CENTRO DE EMPREENDEDORISMO / ISMAI - TECMAIA

ce tec CURSO DE EMPREENDEDORISMO 3ª Edição-Internacional CENTRO DE EMPREENDEDORISMO / ISMAI - TECMAIA ce tec CENTRO DE EMPREENDEDORISMO / ISMAI - TECMAIA CURSO DE EMPREENDEDORISMO 3ª Edição-Internacional O CEITEC (Centro de Empreendedorismo ISMAI-Tecmaia) apresenta a 3ª edição do Curso em Empreendedorismo,

Leia mais

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE CAPITAL HUMANO

ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE CAPITAL HUMANO ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE CAPITAL HUMANO ABERTURA A People & Skills foi criada para responder às necessidades de um mercado cada vez mais apostado em desenvolver e consolidar competências que garantem

Leia mais

AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20

AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20 AS OPORTUNIDADES PARA AS EMPRESAS NO PORL 2014-20 Vítor Escária CIRIUS ISEG, Universidade de Lisboa e Augusto Mateus & Associados Barreiro, 30/06/2014 Tópicos Enquadramento A Estratégia de Crescimento

Leia mais

enquadramento objectivos

enquadramento objectivos enquadramento O curso tem uma estrutura holística, integradora e procura trabalhar as competências da gestão de recursos humanos numa perspectiva de marketing interno no âmbito de temas marcadamente actuais,

Leia mais

Neste contexto, o IDIT vai intervir em 31 empresas localizadas no Norte de Portugal, e 28 empresas localizadas na Região Centro.

Neste contexto, o IDIT vai intervir em 31 empresas localizadas no Norte de Portugal, e 28 empresas localizadas na Região Centro. NEWSLETTER 1 O IDIT O IDIT Instituto de Desenvolvimento e Inovação Tecnológica é uma associação privada de utilidade pública, sem fins lucrativos, cujo objectivo primordial é contribuir para a modernização

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Acordo de Parceria Consagra a política de desenvolvimento económico, social, ambiental e territorial Define

Leia mais

Curso de pós graduação em Auditorias a Sistemas Integrados de Gestão 1ª edição

Curso de pós graduação em Auditorias a Sistemas Integrados de Gestão 1ª edição Curso de pós graduação em Auditorias a Sistemas Integrados de Gestão 1ª edição Parceria entre a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra (ESTSC) www.estescoimbra.pt e o CTCV www.ctcv.pt Nota Prévia

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO CONTROLO DE GESTÃO E FINANÇAS EMPRESARIAIS

PÓS-GRADUAÇÃO CONTROLO DE GESTÃO E FINANÇAS EMPRESARIAIS PÓS-GRADUAÇÃO CONTROLO DE GESTÃO E FINANÇAS EMPRESARIAIS 2015-2016 2 PÓS-GRADUAÇÃO CONTROLO DE GESTÃO E FINANÇAS EMPRESARIAIS COORDENAÇÃO Prof. Doutor Eduardo Barbosa do Couto Mestre António Samagaio APRESENTAÇÃO

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS WWW.IDEFE.PT PÁG. 1

PÓS-GRADUAÇÃO ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. 2013/2014 AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 PÓS-GRADUAÇÃO AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS 2013/2014 ENTRA NUM NÍVEL SUPERIOR. WWW.IDEFE.PT PÁG. 1 AVALIAÇÃO ECONÓMICA DOS MEDICAMENTOS 8ª EDIÇÃO COORDENAÇÃO CIENTÍFICA Prof. Doutor Carlos Gouveia

Leia mais

Formação. Datas. Inscrições. Custo IMPLEMENTAÇÃO/GESTÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA INOVAÇÃO. 180 Euros

Formação. Datas. Inscrições. Custo IMPLEMENTAÇÃO/GESTÃO DE SISTEMAS DE GESTÃO DA INOVAÇÃO. 180 Euros SISTEMAS DE GESTÃO DA INOVAÇÃO Esta ação visa desenvolver nos participantes um conjunto de conhecimentos, competências e atitudes interdisciplinares para a conceção, implementação e gestão de Sistemas

Leia mais

CBA EM GESTÃO DE NEGÓCIOS

CBA EM GESTÃO DE NEGÓCIOS CBA EM GESTÃO DE NEGÓCIOS CBA EM GESTÃO DE NEGÓCIOS O CBA em Gestão de Negócios é um curso que proporciona aos participantes sólidos fundamentos em gestão e liderança. O programa tem o objetivo de formar

Leia mais

COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA 2014-2020

COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DA REGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA 2014-2020 COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO DAS EMPRESAS DA 2014-2020 18-11-2015 INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO EMPRESARIAL, IP-RAM MISSÃO Promover o desenvolvimento, a competitividade e a modernização das empresas

Leia mais

MASTER INNOVATION MANAGEMENT SYSTEMS SGS. Duração 112 Horas / 3 meses. Edição 1ª Edição. Calendário outubro dezembro 2015

MASTER INNOVATION MANAGEMENT SYSTEMS SGS. Duração 112 Horas / 3 meses. Edição 1ª Edição. Calendário outubro dezembro 2015 Edição 1ª Edição Calendário outubro dezembro 2015 Duração 112 Horas / 3 meses Regime Pós-laboral e ao sábado MASTER INNOVATION MANAGEMENT SYSTEMS Em parceria com: SGS ENQUADRAMENTO E OBJETIVOS COORDENAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES CENTRO DE PÓS-GRADUAÇÃO. Sumário I) OBJETIVO 02. 1) Público alvo 02. 2) Metodologia 02. 3) Monografia / Trabalho final 02 Sumário Pág. I) OBJETIVO 02 II) ESTRUTURA DO CURSO 1) Público alvo 02 2) Metodologia 02 3) Monografia / Trabalho final 02 4) Avaliação da aprendizagem 03 5) Dias e horários de aula 03 6) Distribuição de

Leia mais

MBA em Marketing Estratégico

MBA em Marketing Estratégico MBA em Marketing Estratégico Público - alvo O MBA em Marketing Estratégico é indicado para profissionais com experiência profissional mínima de três anos, com formação universitária em qualquer área e

Leia mais

CTCV. seminários. Programas de apoio no novo Quadro Portugal 2020. Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015

CTCV. seminários. Programas de apoio no novo Quadro Portugal 2020. Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015 23 10 2014 Programas de apoio no novo Quadro Portugal 2020 Seminário ISO 9001 e ISO 14001 Enquadramento e alterações nos referenciais de 2015 Victor Francisco Gestão e Promoção da Inovação 21 de outubro

Leia mais

O Social pela Governança. Mestrados Profissionalizantes Planos Curriculares Segurança e Higiene no trabalho

O Social pela Governança. Mestrados Profissionalizantes Planos Curriculares Segurança e Higiene no trabalho O Social pela Governança Mestrados Profissionalizantes Planos Curriculares Segurança e Higiene no trabalho ÍNDICE HIGIENE E SEGURANÇA NO TRABALHO... 3 OBJECTIVOS... 3 DESTINATÁRIOS... 3 INSCRIÇÕES E NÚMERO

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais

Especialização em Gestão Estratégica de Projetos Sociais Especialização em Gestão Estratégica de Apresentação CAMPUS COMÉRCIO Inscrições Abertas Turma 02 --> Início Confirmado: 07/06/2013 últimas vagas até o dia: 05/07/2013 O curso de Especialização em Gestão

Leia mais

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada.

As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. Anexo A Estrutura de intervenção As ações de formação ação no âmbito do presente Aviso têm, obrigatoriamente, de ser desenvolvidas com a estrutura a seguir indicada. 1. Plano de ação para o período 2016

Leia mais

e Tecnologias de Informação para

e Tecnologias de Informação para 25ª edição PÓS-GRADUAÇÃO Sistemas e Tecnologias de Informação para as Organizações 2014/15 Coordenação Científica Prof. Doutor António Palma dos Reis Profª Eng.ª Ana Lucas Natureza do curso e perfil da

Leia mais

Inovação e Inteligência Competitiva: Desafios para as Empresas e para a Economia Portuguesa

Inovação e Inteligência Competitiva: Desafios para as Empresas e para a Economia Portuguesa QUIDGEST Q-DAY: INOVAÇÃO CONTRA A CRISE Inovação e Inteligência Competitiva: Desafios para as Empresas e para a Economia Portuguesa André Magrinho TAGUSPARK: 09 de Setembro 2009 SUMÁRIO 1. Globalização

Leia mais

Esta formação tem como objectivo dotar os profissionais de conhecimentos teóricos e práticos que lhes permitam:

Esta formação tem como objectivo dotar os profissionais de conhecimentos teóricos e práticos que lhes permitam: Pós Graduação Business Process Management Gestão - Pós-Graduações Com certificação Nível: Duração: 180h Sobre o curso O Business Process Management tem vindo a ganhar um posicionamento distintivo nas organizações.

Leia mais

O COMPROMISSO DE UMA INSTITUIÇÃO

O COMPROMISSO DE UMA INSTITUIÇÃO O COMPROMISSO DE UMA INSTITUIÇÃO Bem-vindo aos Programas Executivos do ISAG. A experiência adquirida ao longo dos anos e a atualização de conceitos, permitiu ao ISAG European Business School desenvolver

Leia mais

Managing Team Performance

Managing Team Performance www.pwc.pt/academy Managing Team Performance Helping you push harder Lisboa, 22 e 24 de abril Academia da PwC Um curso onde irá conhecer as melhores práticas de gestão contínua de performance e de resultados

Leia mais

Instituto de Educação

Instituto de Educação Instituto de Educação Universidade de Lisboa Oferta Formativa Pós-Graduada Mestrado em Educação Especialização: Administração Educacional Edição Instituto de Educação da Universidade de Lisboa julho de

Leia mais

.: Instrumentos de financiamento de apoio à competitividade no âmbito do Portugal 2020. 14 de Janeiro de 2015

.: Instrumentos de financiamento de apoio à competitividade no âmbito do Portugal 2020. 14 de Janeiro de 2015 14 de Janeiro de 2015 O que é o Portugal 2020? O Portugal 2020 é um Acordo de Parceria assinado entre Portugal e a Comissão Europeia, que reúne a atuação dos 5 fundos estruturais e de investimento europeus

Leia mais

Pós-Graduação em COMUNICAÇÃO CORPORATIVA

Pós-Graduação em COMUNICAÇÃO CORPORATIVA Pós-Graduação em COMUNICAÇÃO CORPORATIVA Ingresso Março 2016 Informações: (51) 3218-1400 - www.espm.br/mba Pós-Graduação em Comunicação Corporativa O Pós em Comunicação Corporativa é um curso de Pós-Graduação

Leia mais

Gestão de Informação e Business Intelligence na Saúde. www.novaims.unl.pt PÓS-GRADUAÇÃO

Gestão de Informação e Business Intelligence na Saúde. www.novaims.unl.pt PÓS-GRADUAÇÃO Em parceria com: Escola Nacional de Saúde Pública - NOVA Instituto de Higiene e Medicina Tropical - NOVA PÓS-GRADUAÇÃO Gestão de Informação e Business Intelligence na Saúde Com o patrocínio de: www.novaims.unl.pt

Leia mais

MBA em Marketing Estratégico

MBA em Marketing Estratégico MBA em Marketing Estratégico Início em 28 de setembro de 2015 Aulas as segundas e quartas, das 19h às 22h Valor do curso: R$ 21.600,00 À vista com desconto: R$ 20.520,00 Consultar planos de parcelamento.

Leia mais

Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas e Liderança

Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas e Liderança Especialização em Gestão Estratégica de Pessoas e Liderança Apresentação CAMPUS IGUATEMI Inscrições em Breve Turma 02 --> *Alunos matriculados após o início das aulas poderão cursar as disciplinas já realizadas,

Leia mais

SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO

SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO PÓS-GRADUAÇÃO/ESPECIALIZAÇÃO EM SISTEMAS INTEGRADOS DE GESTÃO QUALIDADE, AMBIENTE, SEGURANÇA E RESPONSABILIDADE SOCIAL FORMAÇÃO SGS ACADEMY PORQUÊ A SGS ACADEMY? Criada, em 2003, como área de negócio da

Leia mais

EXECUTIVE MASTER OF FASHION BUSINESS (Pós-graduação)

EXECUTIVE MASTER OF FASHION BUSINESS (Pós-graduação) EXECUTIVE MASTER OF FASHION BUSINESS (Pós-graduação) Rua Castilho 90 2ºesq 1250-071 Lisboa, Portugal Rua José Gomes Ferreira nº219 - Aviz 4150-442 Porto, Portugal info@beill.pt / www.beill.pt Sobre A Beill

Leia mais

Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação

Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação Executive Revolution Programs Competitive intelligence e inovação Neste curso serão abordadas as melhores práticas que permitem gerir estrategicamente a informação, tendo em vista a criação de valor para

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Universidade de Évora, 10 de março de 2015 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral

Leia mais

MBA em Gestão de Negócios (Sexta e Sábado)

MBA em Gestão de Negócios (Sexta e Sábado) MBA em Gestão de Negócios (Sexta e Sábado) Apresentação CAMPUS STIEP Inscrições Abertas Turma 14 (Nova) -->Início Confirmado:05/07/2013 Mercados dinâmicos têm imposto desafios crescentes para as empresas:

Leia mais

MESTRADO EM ENGENHARIA CIVIL (MEC) Parceria: ESTBarreiro/IPS- ISE/UAlg

MESTRADO EM ENGENHARIA CIVIL (MEC) Parceria: ESTBarreiro/IPS- ISE/UAlg MESTRADO EM ENGENHARIA CIVIL (MEC) Parceria: ESTBarreiro/IPS- ISE/UAlg OBJETIVO O objectivo do curso consiste na atribuição de uma especialização de natureza profissional, decorrente da continuação dos

Leia mais

Coordenação Científica

Coordenação Científica 18ª Edição Coordenação Científica Prof. Doutor Jorge Landeiro de Vaz Natureza do curso e perfil da formação O desenvolvimento dos mercados de produtos e serviços financeiros (bancários, seguros e de fundos

Leia mais

SISTEMA DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO INOVAÇÃO EMPRESARIAL E EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO (PI 1.2, 3.1 E 3.3)

SISTEMA DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO INOVAÇÃO EMPRESARIAL E EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO (PI 1.2, 3.1 E 3.3) SISTEMA DE INCENTIVOS ÀS EMPRESAS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO INOVAÇÃO EMPRESARIAL E EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO (PI 1.2, 3.1 E 3.3) CA 9.03.2015 Versão Definitiva Consulta escrita Maio.2015 Página 1 de 17 TIPOLOGIAS

Leia mais

SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO (PI 1.2, 3.1, 3.2, 3.3 E 8.5) CA 9.03.2015 Versão Definitiva Consulta escrita Maio.

SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO (PI 1.2, 3.1, 3.2, 3.3 E 8.5) CA 9.03.2015 Versão Definitiva Consulta escrita Maio. SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS CRITÉRIOS DE SELEÇÃO (PI 1.2, 3.1, 3.2, 3.3 E 8.5) CA 9.03.2015 Versão Definitiva Consulta escrita Maio.2015 19 JUNHO DE 2015 Página 1 de 9 TIPOLOGIAS DE INVESTIMENTO

Leia mais