DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS"

Transcrição

1 DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS (Nos termos do nº3 do artº 92º do Decreto-Lei nº 169/99, de 18/09) Reunião de 8 de Julho de CANDIDATURA AO PROGRAMA CASA MELHOR 6ª EDI- ÇÃO (deliberação nº211/2008):- Presente uma carta de Paulo Alexandre Santos Beirão, residente na Rua do Ribeiro, nº42, freguesia de Fermelã, deste concelho, solicitando, na qualidade de candidato ao Programa acima mencionado, uma reapreciação do seu processo, face ao aumento do número de pessoas no seu agregado familiar, com o nascimento de mais um filho. Presente também a informação nº218/2008, de 27 de Junho corrente, da Técnica Superior de Serviço Social, Virgínia Costa, sobre este assunto. Considerando o teor da informação atrás referida, a Câmara Municipal deliberou por unanimidade admitir a candidatura apresentada e aprovar a comparticipação referida naquela informação PEDIDOS DE PARECER AO ABRIGO DO ARTº 54º DA LEI Nº91/95, DE 2 DE SETEMBRO, COM AS ALTERAÇÕES INTRODUZIDAS PELAS LEIS NºS 165/99, DE 14 DE SETEMBRO E 64/03, DE 23 DE AGOSTO: ) Requerimento nº1694/08 (deliberação nº213/ /2008):- Presente um requerimento de José Manuel

2 Grouno Valente e Outros, residente na Rua das Espartidouras, nº55, freguesia de Válega, concelho de Ovar, solicitando, na qualidade de comproprietários e ao abrigo da legislação acima referida, emissão de parecer para efeitos de constituição de compropriedade, de um prédio inscrito na matriz predial rústica da freguesia de Avanca sob o artigo número 8083 e descrito na Conservatória do Registo Predial de Estarreja sob o nº01379/ avanca, que pretendem adquirir por herança (por escritura pública de habilitação e partilha), bem como o parecer do Chefe da Divisão de Planeamento e Urbanismo, sobre este assunto e que a seguir se transcreve: Atento o disposto no parecer jurídico nºdsajal 175/07 da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDRC), de , a necessidade de parecer favorável da Câmara para ( ) A celebração de quaisquer actos ou negócios jurídicos entre vivos de que possa vir a resultar a constituição de compropriedade ou a ampliação do número de compartes de prédios rústicos ( ), a que se refere o nº1 do Artº 54º da Lei nº91/95, de 02-09, na redacção da Lei nº64/2003, de 23-08, não encontrará aplicabilidade no presente caso,

3 pois é do entendimento da ilustre jurista da CCDRC ( ) que a partilha extrajudicial da herança é um negócio mortis causa por ter na sua origem a morte do de cujus ( ) e que só são objecto de parecer da Câmara Municipal, os actos ou negócios jurídicos inter vivos. Segundo o mesmo parecer, a Direcção Geral dos Registos e do Notariado (DGRN) não comunga, contudo, deste entendimento jurídico, pois considera ( ) que a partilha extrajudicial é um negócio jurídico entre vivos por entender que o negócio jurídico que a tem por fim exclusivo (a partilha) é um negócio jurídico entre vivos. ( ) Neste contexto, isto é, estando a partilha extrajudicial da herança incluída no âmbito de aplicação do nº2 do Artº 54º do supra citado diploma legal, o necessário parecer da Câmara Municipal só pode ser desfavorável, com fundamento em que, o acto ou negócio visa ou dele resulta parcelamento físico em violação do regime legal de loteamentos urbanos, nomeadamente pela exiguidade da quota ideal a transmitir para qualquer rendibilidade económica não urbana. Ora, fazendo-se fé na localização indicada pelos requerentes nas plantas que acompanham a solicitação, o prédio em

4 questão localiza-se, de acordo com a Planta de Ordenamento do Plano Director Municipal (PDM), na Classe de Espaço Florestal Existente (fora do perímetro urbano), onde não poderão ocorrer operações de loteamento urbano, sob pena de violar a regra de localização prevista no Artº 41º Regime Jurídico de Urbanização e Edificação (RJUE). Nestes termos, face ao reduzido nº de compartes e considerando ainda, o disposto no parecer jurídico nº195.12/2004 da Divisão Administrativa e Jurídica, julga-se que não haverá inconveniente à constituição de regime de compropriedade, para fins de escritura pública de habilitação e partilha, desde que, este acto ou negócio não vise, nem dele resulte o parcelamento físico do prédio em questão, nas condições previstas no nº2 do Artº 54º do mesmo diploma legal acima mencionado. Face aos diferentes entendimentos jurídicos atrás expostos, respectivamente sufragados, pela CCDRC e DGRN, submete-se à consideração da Exma. Câmara Municipal a eventual emissão de parecer favorável. Atendendo ao parecer atrás reproduzido, a Câmara Municipal deliberou por unanimidade emitir parecer favorável

5 --- 2) Requerimento nº1695/08 (deliberação nº214/ /2008):- Presente outro requerimento de José Manuel Grouno Valente e Outros, residente na Rua das Espartidouras, nº55, freguesia de Válega, concelho de Ovar, solicitando, na qualidade de comproprietários e ao abrigo da legislação acima referida, emissão de parecer para efeitos de constituição de compropriedade, de um prédio inscrito na matriz predial rústica da freguesia de Avanca sob o artigo número 8084 e descrito na Conservatória do Registo Predial de Estarreja sob o nº01455/ avanca, que pretendem adquirir por herança (por escritura pública de habilitação e partilha), bem como o parecer do Chefe da Divisão de Planeamento e Urbanismo, sobre este assunto e que a seguir se transcreve: Atento o disposto no parecer jurídico nºdsajal 175/07 da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDRC), de , a necessidade de parecer favorável da Câmara para ( ) A celebração de quaisquer actos ou negócios jurídicos entre vivos de que possa vir a resultar a constituição de compropriedade ou a ampliação do número de compartes de prédios rústicos ( ), a que se refere o nº1 do Artº 54º da Lei nº91/95, de 02-

6 /09, na redacção da Lei nº64/2003, de 23-08, não encontrará aplicabilidade no presente caso, pois é do entendimento da ilustre jurista da CCDRC ( ) que a partilha extrajudicial da herança é um negócio mortis causa por ter na sua origem a morte do de cujus ( ) e que só são objecto de parecer da Câmara Municipal, os actos ou negócios jurídicos inter vivos. Segundo o mesmo parecer, a Direcção Geral dos Registos e do Notariado (DGRN) não comunga, contudo, deste entendimento jurídico, pois considera ( ) que a partilha extrajudicial é um negócio jurídico entre vivos por entender que o negócio jurídico que a tem por fim exclusivo (a partilha) é um negócio jurídico entre vivos. ( ) Neste contexto, isto é, estando a partilha extrajudicial da herança incluída no âmbito de aplicação do nº2 do Artº 54º do supra citado diploma legal, o necessário parecer da Câmara Municipal só pode ser desfavorável, com fundamento em que, o acto ou negócio visa ou dele resulta parcelamento físico em violação do regime legal de loteamentos urbanos, nomeadamente pela exiguidade da quota ideal a transmitir para qualquer rendibilidade económica não urbana. Ora, fazendo-se fé na loca-

7 lização indicada pelos requerentes nas plantas que acompanham a solicitação, o prédio em questão localiza-se, de acordo com a Planta de Ordenamento do Plano Director Municipal (PDM), na Classe de Espaço Florestal Existente (fora do perímetro urbano), onde não poderão ocorrer operações de loteamento urbano, sob pena de violar a regra de localização prevista no Artº 41º Regime Jurídico de Urbanização e Edificação (RJUE). Nestes termos, face ao reduzido nº de compartes e considerando ainda, o disposto no parecer jurídico nº195.12/2004 da Divisão Administrativa e Jurídica, julga-se que não haverá inconveniente à constituição de regime de compropriedade, para fins de escritura pública de habilitação e partilha, desde que, este acto ou negócio não vise, nem dele resulte o parcelamento físico do prédio em questão, nas condições previstas no nº2 do Artº 54º do mesmo diploma legal acima mencionado. Face aos diferentes entendimentos jurídicos atrás expostos, respectivamente sufragados, pela CCDRC e DGRN, submete-se à consideração da Exma. Câmara Municipal a eventual emissão de parecer favorável. Atendendo ao parecer atrás reproduzido, a Câmara Municipal delibe-

8 rou por unanimidade emitir parecer favorável. ---

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica Despacho: Despacho: Manuela Gomes Directora do Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Despacho: Concordo inteiramente com a presente Informação e proponho o seu envio ao Sr. Director do DMGUF,

Leia mais

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS (Nos termos do nº3 do artº 92º do Decreto-Lei nº 169/99, de 18/09) ------- Reunião de 21 de Fevereiro de 2007 ------- ---- TAXAS DEVIDAS POR OCUPAÇÃO

Leia mais

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS (Nos termos do nº3 do artº 92º do Decreto-Lei nº 169/99, de 18/09) --------- Reunião de 4 de Abril de 2006 --------- ----PROCESSOS DE OBRAS Nº8

Leia mais

EDITAL PUBLICITAÇÃO DAS DELIBERAÇÕES DA CÂMARA MUNICIPAL TOMADAS NA SUA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 21 DE JANEIRO DE 2015

EDITAL PUBLICITAÇÃO DAS DELIBERAÇÕES DA CÂMARA MUNICIPAL TOMADAS NA SUA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 21 DE JANEIRO DE 2015 EDITAL PUBLICITAÇÃO DAS DELIBERAÇÕES DA CÂMARA MUNICIPAL TOMADAS NA SUA REUNIÃO ORDINÁRIA DO DIA 21 DE JANEIRO DE 2015 JOSÉ GABRIEL CALIXTO, Presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, em

Leia mais

REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CERTIDÃO DE DESTAQUE. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra. Despacho:

REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CERTIDÃO DE DESTAQUE. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra. Despacho: 1/5 REQUERIMENTO PARA: Despacho: Espaço reservado aos serviços PEDIDO DE CERTIDÃO DE DESTAQUE Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra (nome do requerente),

Leia mais

2. DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIAS PROPOSTA N.º 05/MANDATO

2. DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIAS PROPOSTA N.º 05/MANDATO ---------------------ACTA N..º 03--------------------- REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE 19 DE NOVEMBRO DE 2009: ----------------------------------------------- ---------- No dia dezanove de Novembro

Leia mais

ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA VINTE DE

ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA VINTE DE Acta n.º 10 ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA VINTE DE MAIO DE DOIS MIL E QUINZE. ------- Aos vinte dias do mês de Maio do ano de dois mil e quinze, na Sala de Sessões da Câmara Municipal de Mora,

Leia mais

EDITAL Dr. José Artur Fontes Cascarejo, Presidente da Câmara Municipal de Alijó:

EDITAL Dr. José Artur Fontes Cascarejo, Presidente da Câmara Municipal de Alijó: 1 EDITAL --------- Dr. José Artur Fontes Cascarejo, Presidente da Câmara Municipal de Alijó:-------------- --------- Nos termos e para efeitos do disposto do número 1 no artigo 91º da Lei nº 5-A/2002,

Leia mais

1.1- Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2006/11/08. privada, tendo a firma Multilayer, Engenharia Civil, com sede em Freixo de Espada à

1.1- Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2006/11/08. privada, tendo a firma Multilayer, Engenharia Civil, com sede em Freixo de Espada à 332 ORDEM DE TRABALHOS 1. ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL 1.1- Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2006/11/08. 1.2- Ofício da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Alijó, comunicando que

Leia mais

REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CARTOGRAFIA PEDIDO DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA

REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CARTOGRAFIA PEDIDO DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA 1/5 REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE CARTOGRAFIA PEDIDO DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA Despacho: Espaço reservado aos serviços Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exm.º Sr. Presidente da Câmara Municipal

Leia mais

PLANO DIRECTOR MUNICIPAL DE BENAVENTE - PRIMEIRA REVISÃO - RELATÓRIO 5 COMPROMISSOS URBANÍSTICOS MAIO 2014

PLANO DIRECTOR MUNICIPAL DE BENAVENTE - PRIMEIRA REVISÃO - RELATÓRIO 5 COMPROMISSOS URBANÍSTICOS MAIO 2014 PLANO DIRECTOR MUNICIPAL DE BENAVENTE - PRIMEIRA REVISÃO - MAIO 2014 COMPROMISSOS URBANÍSTICOS Os trabalhos para a elaboração do processo de revisão do Plano Director Municipal de Benavente decorreram

Leia mais

2. ABERTURA DE PROCEDIMENTO CONCURSAL PROPOSTA N.º 04/2010. (Ponto 3 da Ordem do Dia)

2. ABERTURA DE PROCEDIMENTO CONCURSAL PROPOSTA N.º 04/2010. (Ponto 3 da Ordem do Dia) ---------------------ACTA N..º 10--------------------- REUNIÃO ORDINÁRIA PÚBLICA DA CÂMARA MUNICIPAL DE 4 DE MARÇO DE 2010: ------------------------------------------------ ---------- No dia quatro de

Leia mais

APROVA OS MODELOS DE AVISO A FIXAR PELO TITULAR DE ALVARÁ DE LICENCIAMENTO. (Portaria n.º 1108/2001, de 18 de Setembro)

APROVA OS MODELOS DE AVISO A FIXAR PELO TITULAR DE ALVARÁ DE LICENCIAMENTO. (Portaria n.º 1108/2001, de 18 de Setembro) APROVA OS MODELOS DE A FIXAR PELO TITULAR DE ALVARÁ DE LICENCIAMENTO (Portaria n.º 1108/2001, de 18 de Setembro) O Decreto-Lei n.º 555/99, de 16 de Dezembro, que aprovou o novo regime jurídico da urbanização

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PAMPILHOSA DA SERRA ACTA Nº 09

CÂMARA MUNICIPAL DE PAMPILHOSA DA SERRA ACTA Nº 09 DE PAMPILHOSA DA SERRA ACTA Nº 09 DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA 17/04/2002 (Contém folhas) Estiveram presentes os seguintes membros: Presidente: Hermano Manuel Gonçalves Nunes de Almeida (PSD)

Leia mais

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica Concordo. Remeta-se a presente Informação ao Sr. Director do DMGUF, Arq.º Aníbal Caldas. Cristina Guimarães Chefe da Divisão de Estudos e Assessoria Jurídica 2010.05.21 N.º Inf: ( ) Ref.ª: ( ) Porto, 18/05/2010

Leia mais

Venho por este meio solicitar a V. Ex.ª que se digne aprovar o respetivo projeto de arquitetura que se apresenta, em anexo.

Venho por este meio solicitar a V. Ex.ª que se digne aprovar o respetivo projeto de arquitetura que se apresenta, em anexo. Requerimento Licenciamento de Obras de Edificação Processo n.º: Data de Receção: Requerimento n.º: Recebido Por: Ex.mo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Ponte de Lima Identificação do Titular Página

Leia mais

1 de 6 11-06-2009 19:23 Portaria n.º 216-E/2008, de 3 de Março Enuncia todos os elementos que devem instruir os pedidos de emissão dos alvarás de licença ou autorização de utilização das diversas operações

Leia mais

COMUNICAÇÃO DE INÍCIO DE OBRA

COMUNICAÇÃO DE INÍCIO DE OBRA 1/5 Despacho: Espaço reservado aos serviços COMUNICAÇÃO DE INÍCIO DE OBRA Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra (nome), contribuinte (pessoa singular

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE OVAR. Estatutos da Fundação do Carnaval de Ovar

CÂMARA MUNICIPAL DE OVAR. Estatutos da Fundação do Carnaval de Ovar CÂMARA MUNICIPAL DE OVAR Estatutos da Fundação do Carnaval de Ovar A alteração dos mencionados estatutos foi aprovada pela Assembleia Municipal em reunião realizada em 13 de Janeiro de 2006, sob proposta

Leia mais

RESUMO DA ATA Nº 27/2016 REUNIÃO ORDINÁRIA DE 07 DE NOVEMBRO DE 2016

RESUMO DA ATA Nº 27/2016 REUNIÃO ORDINÁRIA DE 07 DE NOVEMBRO DE 2016 RESUMO DA ATA Nº 27/2016 REUNIÃO ORDINÁRIA DE 07 DE NOVEMBRO DE 2016 ------ Em cumprimento do disposto nos n.ºs. 1 e 2, do art.º 56.º, do anexo I, da Lei n.º 75/2013, de 12 de setembro, que estabelece

Leia mais

Acta n.º

Acta n.º LEGALIZAÇÃO DE VACARIA - Presente o processo de legalização de vacaria, no lugar de Giestinha, freguesia de Friande, em nome de Joaquim Nogueira Teixeira, residente no mesmo lugar. A Assessoria Jurídica

Leia mais

Reunião Ordinária Pública de

Reunião Ordinária Pública de -- ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA PÚBLICA DA CÂMARA MUNICIPAL DE VILA DO PORTO REALIZADA A 29 DE DEZEMBRO DE 2014-------------------------------------- -- ATA NÚMERO VINTE E SEIS DE DOIS MIL E CATORZE----------------------------------

Leia mais

MUNICIPAL SUMÁRIO 2.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 1158 RESOLUÇÕES DOS ÓRGÃOS DO MUNICÍPIO CÂMARA MUNICIPAL

MUNICIPAL SUMÁRIO 2.º SUPLEMENTO AO BOLETIM MUNICIPAL N.º 1158 RESOLUÇÕES DOS ÓRGÃOS DO MUNICÍPIO CÂMARA MUNICIPAL B O L E T I M C Â M A R A M U N I C I P A L D E L I S B O A 2.º SUPLEMENTO AO BOLETIM SUMÁRIO RESOLUÇÕES DOS ÓRGÃOS DO MUNICÍPIO CÂMARA Deliberações (Reunião Pública de Câmara realizada em 27 de abril

Leia mais

ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE TRANCOSO REALIZADA EM 2 DE JULHO DE

ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE TRANCOSO REALIZADA EM 2 DE JULHO DE ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE TRANCOSO REALIZADA EM 2 DE JULHO DE 2009. ------- *A1* Aos 2 dias do mês de Julho do ano 2009, nesta Cidade de Trancoso e sala das sessões dos Paços do

Leia mais

PLANO DE URBANIZAÇÃO DA ZONA INDUSTRIAL DO PINHAL DA REBELA VÁRZEA. RESOLUÇÃO DE EXPROPRIAÇÃO POR UTILIDADE PÚBLICA, SEM CARÁCTER DE URGÊNCIA.

PLANO DE URBANIZAÇÃO DA ZONA INDUSTRIAL DO PINHAL DA REBELA VÁRZEA. RESOLUÇÃO DE EXPROPRIAÇÃO POR UTILIDADE PÚBLICA, SEM CARÁCTER DE URGÊNCIA. PLANO DE URBANIZAÇÃO DA ZONA INDUSTRIAL DO PINHAL DA REBELA VÁRZEA. RESOLUÇÃO DE EXPROPRIAÇÃO POR UTILIDADE PÚBLICA, SEM CARÁCTER DE URGÊNCIA. Em execução das deliberações da Câmara Municipal tomadas em

Leia mais

de: Proprietário Mandatário Usufrutuário Superficiário Promitente comprador Outro (especificar)

de: Proprietário Mandatário Usufrutuário Superficiário Promitente comprador Outro (especificar) 1/7 REQUERIMENTO PARA: Despacho: Espaço reservado aos serviços PEDIDO DE PRORROGAÇÃO DE PRAZO Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra (nome do requerente),

Leia mais

Ex.mo(a) Sr.(a) Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira

Ex.mo(a) Sr.(a) Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira Requerimento n.º Processo de Obras n.º (quadro a preencher pelos serviços) (n.º 4 do artigo 4º do D.L.555/99 de 16 de Dezembro) Ex.mo(a) Sr.(a) Presidente da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira Identificação

Leia mais

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 209/2 PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE OBRAS URBANIZAÇÃO APRESENTAÇÃO DE COMUNICAÇÃO PRÉVIA DE OBRAS DE URBANIZAÇÃO. Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara

Leia mais

Termos e condições da venda a realizar tendo por objecto os imóveis que ainda integram a massa insolvente:

Termos e condições da venda a realizar tendo por objecto os imóveis que ainda integram a massa insolvente: Termos e condições da venda a realizar tendo por objecto os imóveis que ainda integram a massa insolvente: 1. Modalidade da Venda: a venda será realizada através da modalidade de negociação particular,

Leia mais

Sitos em Campo Queimado, freguesia de Outeiro Seco, concelho de Chaves

Sitos em Campo Queimado, freguesia de Outeiro Seco, concelho de Chaves NORMAS DE PROCEDIMENTO PRÉ-CONTRATUAL TENDENTE À ALIENAÇÃO/LOCAÇÃO DO DIREITO DE PROPRIEDADE DOS LOTES DO LOTEAMENTO DENOMINADO: PARQUE EMPRESARIAL DE CHAVES PARQUE DE ATIVIDADES DE CHAVES E PLATAFORMA

Leia mais

Exm.º Senhor: Vereador do Pelouro do Município de Monforte

Exm.º Senhor: Vereador do Pelouro do Município de Monforte Registo de Entrada N.º Proc.º Em / / Funcionário: Informação - Prosseguir seus termos Em / / A Responsável da UOFUOSU Despacho - Prosseguir seus termos Em / / O Vereador do Pelouro Identificação do Munícipe

Leia mais

NORMA DE PROCEDIMENTOS N.ºN.º/MÊS/08

NORMA DE PROCEDIMENTOS N.ºN.º/MÊS/08 NORMA DE PROCEDIMENTOS N.ºN.º/MÊS/08 GT/01 outubro/2016 TRAMITAÇÃO DOS PROCESSOS DE PARECER PRÉVIO DE LOCALIZAÇÃO DE PESQUISA OU EXPLORAÇÃO DE MASSAS MINERAIS - PEDREIRAS ÍNDICE: 1. APRESENTAÇÃO 2. LEGISLAÇÃO

Leia mais

Processo de Urbanização da Área Residencial de Camama

Processo de Urbanização da Área Residencial de Camama Processo de Urbanização da Área Residencial de Camama Foi com a aprovação do Decreto Presidencial n.º 190/2011, de 30 de Junho, diploma que criou o Gabinete Técnico para a Implementação e Gestão do Plano

Leia mais

EMISSÃO DE LICENÇA ESPECIAL. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

EMISSÃO DE LICENÇA ESPECIAL. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 218/2 EMISSÃO DE LICENÇA ESPECIAL Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte (pessoa singular

Leia mais

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica Concordo. Envie-se a presente informação ao Sr. Chefe da Divisão Municipal de Obras Particulares, Arq. Duarte Lema Anabela Moutinho Monteiro Chefe da Divisão de Estudos e Assessoria Jurídica 17.06.2011

Leia mais

MANUAL DE Data: 30/09/2009 PROCEDIMENTOS Página 1 de 10 LICENCIAMENTO

MANUAL DE Data: 30/09/2009 PROCEDIMENTOS Página 1 de 10 LICENCIAMENTO OBJECTIVO: DEPARTAMENTO DE URBANISMO Capítulo: II Secção: 3 PROCEDIMENTOS Página 1 de 10 Definir o modo de tratar o pedido de autorização de operação urbanística, ao abrigo do artigo 4.º e dos artigos

Leia mais

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS (Nos termos do nº3 do artº 92º do Decreto-Lei nº 169/99, de 18/09) ------- Reunião de 27 de Dezembro de 2005 -------- ---- DOAÇÃO DE COMPUTADOR

Leia mais

PEDIDO DE EMISSÃO DE ALVARÁ DE AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO DE FRACÇÃO AUTÓNOMA

PEDIDO DE EMISSÃO DE ALVARÁ DE AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO DE FRACÇÃO AUTÓNOMA Registo de entrada RE SERVADO AOS SERVIÇOS PEDIDO DE EMISSÃO DE ALVARÁ DE AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO DE FRACÇÃO AUTÓNOMA (Art.º 63 do D.L. 555/99 de 16 de Dezembro, com a redacção conferida pelo D.L. 177/2001

Leia mais

Ex.mo Senhor: Presidente da Câmara Municipal de Mortágua ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO E PROPRIEDADE HORIZONTAL. Registo de Entrada

Ex.mo Senhor: Presidente da Câmara Municipal de Mortágua ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO E PROPRIEDADE HORIZONTAL. Registo de Entrada Registo de Entrada Despacho Registado em SPO Reqº.n.º. / / Procº. / / Data / / O Assist. Técnico Em, / / O Ex.mo Senhor: Presidente da Câmara Municipal de Mortágua ASSUNTO: AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO E

Leia mais

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS

PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Diário da República, 1.ª série N.º 163 25 de Agosto de 2008 5889 PRESIDÊNCIA DO CONSELHO DE MINISTROS Centro Jurídico Declaração de Rectificação n.º 46/2008 Ao abrigo da alínea h) do n.º 1 e do n.º 2 do

Leia mais

MUNICÍPIO DE CADAVAL Câmara Municipal

MUNICÍPIO DE CADAVAL Câmara Municipal 1 AUSÊNCIA INFERIOR A TRINTA DIAS Foi presente comunicação da Senhora Vereadora, Amélia Maria Miguel Coelho, datada de 18 de outubro de 2016, cujo teor seguidamente se Boa noite, informo que por motivos

Leia mais

ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 211/2 ALTERAÇÃO AO ALVARÁ DE LICENÇA DE LOTEAMENTO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte

Leia mais

1 - IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE Nome ou Denominação Social. Nº de Contribuinte ou Identificação de Pessoa Coletiva Morada ou Sede Social

1 - IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE Nome ou Denominação Social. Nº de Contribuinte ou Identificação de Pessoa Coletiva Morada ou Sede Social 1/5 REQUERIMENTO PARA: PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE PESQUISA DE MASSAS MINERAIS Despacho: Espaço reservado aos serviços Nos termos do Decreto-Lei nº 340/2007 A preencher pela entidade coordenadora Nº Reg.

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE IDANHA-A-NOVA EDITAL

CÂMARA MUNICIPAL DE IDANHA-A-NOVA EDITAL EDITAL ---IDALINA JORGE GONÇALVES DA COSTA, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Idanha-a-Nova: FAZ SABER que, em cumprimento do que dispõe o artigo 91º. do Decreto-Lei nº.169/99, de 18 de setembro,

Leia mais

Parecer de Localização sobre Operações de Depósito de Resíduos em Aterro

Parecer de Localização sobre Operações de Depósito de Resíduos em Aterro NORMA DE PROCEDIMENTOS Janeiro de 2012 09 / OT Tramitação dos processos de Parecer de Localização sobre Operações de Depósito de Resíduos em Aterro 1. Apresentação 2. Legislação de enquadramento 3. Tramitação

Leia mais

Município de Leiria Câmara Municipal

Município de Leiria Câmara Municipal DELIBERAÇÃO DA REUNIÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE 24 DE NOVEMBRO DE 2 Serviço responsável pela execução da deliberação Departamento de Planeamento de Gestão Urbanística Epígrafe 1.8. Processo genérico n.º

Leia mais

ORDEM DO DIA A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar as actas apresentadas

ORDEM DO DIA A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar as actas apresentadas ------------------------------------------------------------------- ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA --------------------------------------------------------------------MUNICIPAL, REALIZADA A SETE DE

Leia mais

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica Manuela Gomes Directora do Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Cristina Guimarães Chefe da Divisão de Estudos e Assessoria Jurídica N/Ref.ª: (...) S/Ref.ª: ( ) Porto, 17-02-2010 Autor: Francisco

Leia mais

RECONHECIMENTO DO RELEVANTE INTERESSE PÚBLICO DE AÇÕES INTEGRADAS EM ÁREAS DE REN

RECONHECIMENTO DO RELEVANTE INTERESSE PÚBLICO DE AÇÕES INTEGRADAS EM ÁREAS DE REN GT/04 outubro/2016 TRAMITAÇÃO DOS PROCESSOS DE RECONHECIMENTO DO RELEVANTE INTERESSE PÚBLICO DE AÇÕES INTEGRADAS EM ÁREAS DE REN ÍNDICE: 1. APRESENTAÇÃO 2. LEGISLAÇÃO DE ENQUADRAMENTO 3. TRAMITAÇÃO DOS

Leia mais

LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE EIRAS

LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE EIRAS LOTEAMENTO DO PARQUE EMPRESARIAL DE EIRAS REGULAMENTO DE ATRIBUIÇÃO E VENDA DE LOTES Artigo Primeiro (Objecto) O presente regulamento estabelece as regras de atribuição e venda dos lotes do loteamento

Leia mais

MUNICÍPIO DE CUBA Câmara Municipal

MUNICÍPIO DE CUBA Câmara Municipal MUNICÍPIO DE CUBA Câmara Municipal Regulamento Municipal de Alienação de Lotes de Terreno Propriedade do Município Nota justificativa Considerando a necessidade de se criarem normas harmónicas a que há-de

Leia mais

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DAS LAJES DO PICO

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DAS LAJES DO PICO Parte da ata em minuta da Sessão Ordinária da Assembleia Municipal das Lajes do Pico, realizada aos trinta dias do mês de setembro do ano de dois mil e catorze, no Auditório Municipal das Lajes do Pico.

Leia mais

N. o 4 6 de Janeiro de 2000 DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE 261

N. o 4 6 de Janeiro de 2000 DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE 261 N. o 4 6 de Janeiro de 2000 DIÁRIO DA REPÚBLICA II SÉRIE 261 Despacho n. o 378/2000 (2. a série). Com vista à implantação e permanência definitiva do troço entre as caixas 7-E e 7-G do emissário terrestre

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DE DIREITO DE SUPERFÍCIE No dia de de dois mil e dezassete, nos Paços do Concelho,

CONSTITUIÇÃO DE DIREITO DE SUPERFÍCIE No dia de de dois mil e dezassete, nos Paços do Concelho, CONSTITUIÇÃO DE DIREITO DE SUPERFÍCIE ------ No dia de de dois mil e dezassete, nos Paços do Concelho, sito na Rua Miguel Bombarda, no Barreiro, perante mim, NIF, Notári_ com Cartório Notarial na, número,

Leia mais

ACTA Nº 10 Reunião Ordinária de Fls.01

ACTA Nº 10 Reunião Ordinária de Fls.01 Fls.01 REUNIÃO ORDINÁRIA EFECTUADA EM 22 DE MAIO DE 2002 Fls.02 ACTA Nº 10 REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA REALIZADA NOS PAÇOS DO CONCELHO provisórios DA TROFA EM 22.05.2002 PRESIDIU: Dr. Bernardino Manuel

Leia mais

MUNICÍPIO DE CÂMARA DE LOBOS CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DE CÂMARA DE LOBOS CÂMARA MUNICIPAL 66 31 Livro Folhas MUNICÍPIO DE CÂMARA DE LOBOS CÂMARA MUNICIPAL ---------------------------- ACTA NÚMERO 07/2006---------------------------- Reunião Extraordinária da Câmara Municipal de Câmara de Lobos,

Leia mais

ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA DOZE DE

ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA DOZE DE Ata n.º 12 ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA REALIZADA NO DIA DOZE DE JUNHO DE DOIS MIL E TREZE. ------- Aos doze dias do mês de Junho do ano dois mil e treze, na Sala de Sessões da Câmara Municipal de Mora, reuniu

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PENICHE * Ata da reunião de * Minuta * Fl. 1/5 MINUTA DA ATA N.º 11/2017

CÂMARA MUNICIPAL DE PENICHE * Ata da reunião de * Minuta * Fl. 1/5 MINUTA DA ATA N.º 11/2017 CÂMARA MUNICIPAL DE PENICHE * Ata da reunião de 06.03.2017 * Minuta * Fl. 1/5 MINUTA DA ATA N.º 11/2017 MINUTA DA ATA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE PENICHE, REALIZADA NO DIA 6 DE MARÇO DE

Leia mais

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 216/2 PRORROGAÇÃO DE PRAZO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte (pessoa singular

Leia mais

Despacho: Exm.º Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra

Despacho: Exm.º Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra IMP.PS.01.431.02 IMP.PS.01.431.03 COMUNICAÇÃO DE ABERTURA AO PÚBLICO DE EMPREENDIMENTOS TURÍSTICOS EM CASO DE AUSÊNCIA DE AUTORIZAÇÃO PARA FINS TURÍSTICOS (ao abrigo do artigo 31º do Decreto-lei nº 39/2008,

Leia mais

Município de Leiria Câmara Municipal

Município de Leiria Câmara Municipal DELIBERAÇÃO DA REUNIÃO DA CÂMARA MUNICIPAL DE 1 DE DEZEMBRO DE 2015 Serviço responsável pela execução da deliberação Departamento de Planeamento de Gestão Urbanística Epígrafe 9.11. Processo genérico n.º

Leia mais

Diploma. Regulamenta os procedimentos especiais de aquisição, oneração e registo de imóveis

Diploma. Regulamenta os procedimentos especiais de aquisição, oneração e registo de imóveis Diploma Regulamenta os procedimentos especiais de aquisição, oneração e registo de imóveis Portaria n.º 794-B/2007 de 23 de Julho O Decreto-Lei n.º 263-A/2007, de 23 de Julho, veio criar um procedimento

Leia mais

APOIO À RECUPERAÇÃO HABITACIONAL DE ESTRATOS SOCIAIS DESFAVORECIDOS

APOIO À RECUPERAÇÃO HABITACIONAL DE ESTRATOS SOCIAIS DESFAVORECIDOS APOIO À RECUPERAÇÃO HABITACIONAL DE ESTRATOS SOCIAIS DESFAVORECIDOS FORMULÁRIO DE CANDIDATURA I. Apoio à recuperação habitacional 1ª Candidatura Recandidatura POR FAVOR LEIA ATENTAMENTE O FORMULÁRIO DE

Leia mais

TABELA DE TAXAS PARTE B - OPERAÇÕES URBANÍSTICAS QUADRO I. Taxa devida pela apreciação de projectos de loteamento

TABELA DE TAXAS PARTE B - OPERAÇÕES URBANÍSTICAS QUADRO I. Taxa devida pela apreciação de projectos de loteamento TABELA DE TAXAS PARTE B - OPERAÇÕES URBANÍSTICAS 1. Loteamento sem obras de urbanização QUADRO I Taxa devida pela apreciação de projectos de loteamento 1.1 Informação prévia 101,15 d) 1.2 Licenciamento

Leia mais

DELIBERAÇÕES REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SANTIAGO DO CACÉM DO DIA DEZ DE DEZEMBRO DE DOIS MIL E NOVE------

DELIBERAÇÕES REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SANTIAGO DO CACÉM DO DIA DEZ DE DEZEMBRO DE DOIS MIL E NOVE------ DELIBERAÇÕES REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SANTIAGO DO CACÉM DO DIA DEZ DE DEZEMBRO DE DOIS MIL E NOVE------ Aos dez dias do mês de Dezembro de dois mil e nove, nesta cidade de Santiago do Cacém

Leia mais

Processo de Insolvência de José Rosa Machado Franco e Maria Odete Gomes da Cruz Franco

Processo de Insolvência de José Rosa Machado Franco e Maria Odete Gomes da Cruz Franco Termos da venda a realizar, tendo por objecto os bens que integram a massa insolvente: 1. Bens a serem vendidos: Bens imóveis que integram a massa insolvente, os quais se encontram descritos na parte final

Leia mais

1 - IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE Nome ou Denominação Social. Nº de Contribuinte ou Identificação de Pessoa Coletiva Morada ou Sede Social

1 - IDENTIFICAÇÃO DO REQUERENTE Nome ou Denominação Social. Nº de Contribuinte ou Identificação de Pessoa Coletiva Morada ou Sede Social 1/6 REQUERIMENTO PARA: LICENCIAMENTO DE PEDREIRA / LICENÇA DE EXPLORAÇÃO Despacho: Espaço reservado aos serviços Apresentação do pedido (nos termos Decreto Lei nº 340/2007) Anexo IV A preencher pela entidade

Leia mais

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica

Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Divisão Municipal de Estudos e Assessoria Jurídica Despacho: Despacho: Manuela Gomes Directora do Departamento Municipal Jurídico e de Contencioso Despacho: Concordo com a presente Informação e proponho o seu envio ao Sr. Director do DMGUF, Arq.º Aníbal

Leia mais

Nota Introdutória. Artigo 1.º Instrução dos Pedidos de Emissão de Certidão de Destaque

Nota Introdutória. Artigo 1.º Instrução dos Pedidos de Emissão de Certidão de Destaque NORMAS PARA INSTRUÇÃO DE PEDIDOS PARA A Nota Introdutória Os elementos instrutórios dos procedimentos previstos no Regime Jurídico da Urbanização e Edificação (RJUE) estão definidos na Portaria nº 113/2015,

Leia mais

PLANO DE PORMENOR INFRAESTRUTURAS DE APOIO DE ATIVIDADES ECONÓMICAS DE ERVIDEL TERMOS DE REFERÊNCIA ACOLHIMENTO PARA EMPRESAS, LOCALIZADO NO ESPAÇO DE

PLANO DE PORMENOR INFRAESTRUTURAS DE APOIO DE ATIVIDADES ECONÓMICAS DE ERVIDEL TERMOS DE REFERÊNCIA ACOLHIMENTO PARA EMPRESAS, LOCALIZADO NO ESPAÇO DE PLANO DE PORMENOR INFRAESTRUTURAS DE APOIO DE ACOLHIMENTO PARA EMPRESAS, LOCALIZADO NO ESPAÇO DE ATIVIDADES ECONÓMICAS DE ERVIDEL TERMOS DE REFERÊNCIA 1. Introdução 2. Oportunidade da elaboração do Plano

Leia mais

Outro (especificar) Em relação à totalidade do imóvel constante do processo nº /, (escolha opção):

Outro (especificar) Em relação à totalidade do imóvel constante do processo nº /, (escolha opção): 1/7 REQUERIMENTO PARA: Despacho: Espaço reservado aos serviços PEDIDO DE AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO DE EDIFÍCIOS OU FRAÇÕES Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal

Leia mais

ORDEM DE TRABALHOS 1 DIVISÃO ADMINISTRATIVA. 1.1 Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2007/12/12 e da acta da reunião

ORDEM DE TRABALHOS 1 DIVISÃO ADMINISTRATIVA. 1.1 Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2007/12/12 e da acta da reunião 3 ORDEM DE TRABALHOS 1 DIVISÃO ADMINISTRATIVA 1.1 Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2007/12/12 e da acta da reunião extraordinária do dia 2007-12-19. 1.2 Ofício do Presidente da Junta de Freguesia

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Comunicação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de

Leia mais

Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal do Concelho de Vila Velha de Ródão levada a efeito em doze de Abril de dois mil.

Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal do Concelho de Vila Velha de Ródão levada a efeito em doze de Abril de dois mil. FL 33 ACTA DE / /20 Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal do Concelho de Vila Velha de Ródão levada a efeito em doze de Abril de dois mil. Acta º8 --------Ao doze dias do mês de Abril de dois mil,

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Projetos de especialidades, nos termos do n.º 16, Portaria n.º 113/2015, de 22/04 16-a) 16-b) 16-c) 16-d) 16-e) 16-f)

Leia mais

MEMÓRIA DESCRITIVA. A presente memória descritiva refere-se a um loteamento a implementar em São Teotónio.

MEMÓRIA DESCRITIVA. A presente memória descritiva refere-se a um loteamento a implementar em São Teotónio. MEMÓRIA DESCRITIVA Descrição e justificação da solução proposta A presente memória descritiva refere-se a um loteamento a implementar em São Teotónio. A pretensão incide sobre um terreno propriedade do

Leia mais

PROCESSO DE ATRIBUIÇÃO DE NÚMERO DE POLÍCIA N.º 6/2015 AVENIDA NOSSA SENHORA DO CASTELO, CORUCHE CENÁRIO PIONEIRO:-

PROCESSO DE ATRIBUIÇÃO DE NÚMERO DE POLÍCIA N.º 6/2015 AVENIDA NOSSA SENHORA DO CASTELO, CORUCHE CENÁRIO PIONEIRO:- Francisco Silvestre de Oliveira, Presidente da Câmara Municipal de Coruche, torna público: De conformidade com o artigo 56.º da Lei n.º 75/2013, as deliberações tomadas na reunião ordinária de 30 de dezembro

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE VALONGO

CÂMARA MUNICIPAL DE VALONGO CONTRATO DE COMODATO Entre: PRIMEIRO - Município de Valongo, pessoa coletiva número 501 138 960, com sede na Avenida 5 de Outubro, 160, Valo.ngo,' representado por José Manuel Pereira Ribeiro, casado,

Leia mais

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 207/2 ALTERAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE UTILIZAÇÃO não precedido de operação urbanística sujeita a controlo prévio Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal

Leia mais

PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória

PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO. Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória REQUERIMENTO: CMPV 228/2 PEDIDO DE CERTIDÃO DE URBANISMO Número de Processo / / Data de Entrada / / Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Praia da Vitória (nome do requerente ), Contribuinte (pessoa

Leia mais

ORDEM DE TRABALHOS 1 DIVISÃO ADMINISTRATIVA. 1.1 Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2008/01/09.

ORDEM DE TRABALHOS 1 DIVISÃO ADMINISTRATIVA. 1.1 Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2008/01/09. 13 ORDEM DE TRABALHOS 1 DIVISÃO ADMINISTRATIVA 1.1 Aprovação da acta da reunião ordinária do dia 2008/01/09. 1.2 Ofício da Associação Amigos Abeira Douro, com sede no Peso da Régua, solicitando a colaboração

Leia mais

RESUMO DAS DELIBERAÇÕES. Reunião de Câmara de 06 de abril de A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a sinalização de trânsito

RESUMO DAS DELIBERAÇÕES. Reunião de Câmara de 06 de abril de A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a sinalização de trânsito RESUMO DAS DELIBERAÇÕES Reunião de Câmara de 06 de abril de 2016 A Câmara deliberou, por unanimidade, aprovar a sinalização de trânsito referente à pista obrigatória para peões e velocípedes na Variante

Leia mais

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS

DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS DELIBERAÇÕES APROVADAS EM MINUTA E PARA EFEITOS IMEDIATOS (Nos termos do nº3 do artº 92º do Decreto-Lei nº 169/99, de 18/09) ------- Reunião de 2 de Dezembro de 2003 -------- ---- ARREMATAÇÃO DE BANCAS,

Leia mais

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores COMISSÃO DE ASSUNTOS PARLAMENTARES, AMBIENTE E TRABALHO RELATÓRIO E PARECER

Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores COMISSÃO DE ASSUNTOS PARLAMENTARES, AMBIENTE E TRABALHO RELATÓRIO E PARECER RELATÓRIO E PARECER SOBRE O PROJECTO DE DECRETO LEGISLATIVO REGIONAL N.º 0005/2006 MEDIDAS PREVENTIVAS APLICÁVEIS NA ZONA DE IMPLANTAÇÃO DA ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DAS LAJES DO PICO Ponta Delgada, 9

Leia mais

PLANO DE PORMENOR ESPAÇOS RESIDENCIAIS EM SOLO URBANIZÁVEL TERMOS DE REFERÊNCIA

PLANO DE PORMENOR ESPAÇOS RESIDENCIAIS EM SOLO URBANIZÁVEL TERMOS DE REFERÊNCIA PLANO DE PORMENOR ESPAÇOS RESIDENCIAIS EM SOLO URBANIZÁVEL TERMOS DE REFERÊNCIA 1. Introdução 2. Oportunidade da elaboração do Plano 3. Enquadramento do plano nos instrumentos de gestão territorial 4.

Leia mais

Reunião de ACTA Nº. 22 ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE NELAS, REALIZADA EM CATORZE DE NOVEMBRO DE DOIS MIL E SEIS

Reunião de ACTA Nº. 22 ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE NELAS, REALIZADA EM CATORZE DE NOVEMBRO DE DOIS MIL E SEIS Fls. ACTA Nº. 22 ACTA DA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE NELAS, REALIZADA EM CATORZE DE NOVEMBRO DE DOIS MIL E SEIS ---- Aos catorze dias do mês de Novembro do ano de dois mil e seis, nesta Vila

Leia mais

MUNICÍPIO DE MIRA CÂMARA MUNICIPAL

MUNICÍPIO DE MIRA CÂMARA MUNICIPAL -----Aos dez dias do mês de Setembro do ano de dois mil e nove, nesta Vila de Mira e sala de reuniões da Junta de Freguesia de Mira, reuniu esta, sob a presidência do Ex.mo. Presidente da Câmara, Dr. João

Leia mais

MINUTA DA ATA N.º 8/2013

MINUTA DA ATA N.º 8/2013 MINUTA DA ATA N.º 8/2013 Minuta da Ata da reunião ordinária da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, realizada no dia 2 DE ABRIL DE 2013. Aos dois dias do mês de abril de 2013, em Vila Real de

Leia mais

Câmara Municipal. Município de Alenquer. Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Alenquer,

Câmara Municipal. Município de Alenquer. Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Alenquer, Departamento de Urbanismo Município de Alenquer Câmara Municipal REGISTO DE ENTRADA Nº Em / / Proc. N.º / / O Func. Exmo. Senhor Presidente da Câmara Municipal de Alenquer, EMISSÃO DE ALVARÁ DE OBRAS DE

Leia mais

PEDIDO DE EMISSÃO DE ALVARÁ DE LICENÇA/AUTORIZAÇÃO DE OPERAÇÕES URBANÍSTICAS

PEDIDO DE EMISSÃO DE ALVARÁ DE LICENÇA/AUTORIZAÇÃO DE OPERAÇÕES URBANÍSTICAS Registo de entrada RESERVADO AOS SERVIÇOS PEDIDO DE EMISSÃO DE ALVARÁ DE LICENÇA/AUTORIZAÇÃO DE OPERAÇÕES URBANÍSTICAS (Art.º 76º do D.L. 555/99 de 16 de Dezembro, com a redacção conferida pelo D.L. 177/2001

Leia mais

PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE ALTERAÇÃO DE LICENÇA/AUTORIZAÇÃO DE LOTEAMENTO

PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE ALTERAÇÃO DE LICENÇA/AUTORIZAÇÃO DE LOTEAMENTO Registo de entrada RESERVADO AOS SERVIÇOS PEDIDO DE LICENCIAMENTO DE ALTERAÇÃO DE LICENÇA/AUTORIZAÇÃO DE LOTEAMENTO ( Art.º27º e Art.º 33º do D.L. 555/99 de 16 de Dezembro, com a redacção conferida pelo

Leia mais

CÂMARA MUNICIPAL DE PROENÇA-A-NOVA

CÂMARA MUNICIPAL DE PROENÇA-A-NOVA CÂMARA MUNICIPAL DE PROENÇA-A-NOVA Reunião ordinária realizada no dia 06/02/2017 Deliberações Aprovadas em Minuta Na reunião do órgão executivo, realizada no dia 06/02/2017, com a presença dos membros

Leia mais

ACTA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE 02 DE DEZEMBRO DE 2011 Nº 24/2011

ACTA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE 02 DE DEZEMBRO DE 2011 Nº 24/2011 ACTA REUNIÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE 02 DE DEZEMBRO DE 2011 Nº 24/2011 PRESIDENTE: Nuno Manuel Sousa Pinto de Carvalho Gonçalves. VEREADORES PRESENTES: José Manuel Gonçalves, Maria José Fernandes

Leia mais

ACTA Nº. 12/2014. Dra. Zélia Silva Dra. Rosa Carvalho Dr. Fernando Gomes Dra. Catarina Almeida

ACTA Nº. 12/2014. Dra. Zélia Silva Dra. Rosa Carvalho Dr. Fernando Gomes Dra. Catarina Almeida ACTA Nº. 12/2014 DA REUNIÃO Ordinária Pública DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÁTÃO REALIZADA NO DIA 20-06-2014 PRESENTES PRESIDENTE VICE- PRESIDENTE VEREADORES Dr. Alexandre Vaz Sr. Paulo Santos Dr. Nuno Bártolo

Leia mais

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo

Divisão de Obras, Planeamento, Ambiente e Urbanismo Elementos instrutórios do pedido Elementos comuns aos procedimentos de controlo prévio (Informação Prévia), nos termos da Portaria n.º 113/2015, de 22/04 1) 2) 3) 4) 5) 6) Certidão da descrição e de todas

Leia mais

MUNICÍPIO DAS VELAS. Rua de São João Velas (Açores) Telefs. (295) / (295) / Fax (295) Contribuinte n.

MUNICÍPIO DAS VELAS. Rua de São João Velas (Açores) Telefs. (295) / (295) / Fax (295) Contribuinte n. 1 A C T A Nº 1/11 Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal das Velas, realizada no dia 03 de Janeiro do ano 2011:--------------------------------------------------------------------------------- -------Aos

Leia mais

Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal do Concelho de Vila Velha de Ródão levada a efeito em dezassete de Outubro de dois mil e sete.

Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal do Concelho de Vila Velha de Ródão levada a efeito em dezassete de Outubro de dois mil e sete. 89 Acta da reunião ordinária da Câmara Municipal do Concelho de Vila Velha de Ródão levada a efeito em dezassete de Outubro de dois mil e sete. Acta º21 A os dezassete dias do mês de Outubro de dois mil

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ENGENHARIA DAS ESPECIALIDADES

APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ENGENHARIA DAS ESPECIALIDADES 1/8 APRESENTAÇÃO DE PROJETOS DE ENGENHARIA DAS ESPECIALIDADES Despacho: Espaço reservado aos serviços Nº Reg. DUR Data: / / Nº Guia: Valor: Rubrica: Exmº Sr. Presidente da Câmara Municipal de Sintra (nome

Leia mais

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA ENTRE:

CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA ENTRE: CONTRATO PROMESSA DE COMPRA E VENDA ENTRE: ------------------------------------------------------------------------------------------------------- PRIMEIRA CONTRATANTE: ------------------------------------------------------------------------

Leia mais

PERÍODO DE ANTES DA ORDEM DO DIA:

PERÍODO DE ANTES DA ORDEM DO DIA: ACTA Nº 09/08 30-04-08 Aos trinta dias do mês de Abril de dois mil e oito, na sala de reuniões da Câmara Municipal de Cuba, sob a presidência do Senhor Presidente, Francisco António Orelha, realizou-se

Leia mais