CIN-FIEB A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL BAHIA INDUSTRY: INCREASINGLY INTERNATIONAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CIN-FIEB A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL BAHIA INDUSTRY: INCREASINGLY INTERNATIONAL"

Transcrição

1 CIN-FIEB A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL BAHIA INDUSTRY: INCREASINGLY INTERNATIONAL

2

3 Centro Internacional de Negócios CIN FIEB: Voltado para a promoção da inserção da indústria baiana no mercado internacional, o CIN - Centro Internacional de Negócios - da Federação das Indústrias do Estado da Bahia atua como prestador de serviços para a internacionalização das empresas, em especial das micro, pequenas e médias indústrias, visando o aumento da sua competitividade, possibilitando assim, a internacionalização e diversificação de seus mercados. O CIN integra a rede nacional dos Centros Internacionais de Negócios (CINs), coordenada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e oferece soluções tanto para as indústrias potenciais exportadoras quanto para a expansão dos mercados das empresas que já atuam internacionalmente. Presta, também, apoio na atração de investimentos externos e cooperação empresarial. International Business Center CIN FIEB Guided towards promoting the insertion of the industry of Bahia into the international market, CIN FIEB (International Business Center of the Federation of Industries of the State of Bahia) is a service provider for companies pursuing globalization and dedicated to increasing their productivity while gaining competitive advantage and diversifying their markets. CIN is part of the Brazilian Network of International Business Centers (CINs), coordinated by the National Confederation of Industries (CNI), and offers solutions for both potential exporting industries and experienced ones seeking to expand their markets. Additionally, CIN supports foreign direct investment prospection and international business cooperation.

4 Apoio à Internacionalização das Indústrias Baianas: Capacitação Gerencial e Técnica Visando fortalecer e consolidar competências empresariais com foco no processo de internacionalização das empresas, o CIN oferece programas e ações focadas nas necessidades das empresas diante de um mercado cada vez mais competitivo e internacional. Diversos cursos de capacitação sobre variados temas atuais e inovadores, ministrados por especialistas, relacionados a gestão, plano de negócios, planejamento estratégico, dentre outras especialidades, estão à disposição do empresário baiano. Inteligência e Promoção Comercial É competência do CIN a identificação de oportunidades comerciais de exportação/importação, elaboração de pesquisas e planos de marketing nos mercados-alvo, focados em setores e produtos. Local Industry Internationalization Support Management and Technical Training Aimed at strengthening and consolidating business practices geared towards internationalization, CIN offers a range of current and innovative training programs ministered by professionals experienced in management, business planning and strategic planning, among other topics. Business Intelligence and Commercial Promotion By following market trends and data, CIN identifies import/ export business opportunities, provides market research and creates business plans for sectors and products in target markets. Country brief, statistical reports and international business databases are tools used to help identify possible partners, such as representatives/agents, importers and suppliers, for national and international trade events organized by CIN. Country brief, pesquisas estatísticas e database empresarial ajudam na identificação de representantes, importadores, fornecedores e parceiros a serem contatados durante missões, rodadas de negócios e feiras nacionais e internacionais, promovidas pelo CIN e seus parceiros.

5 Parcerias Estratégicas: Articulação com Importantes Entidades Nacionais e Internacionais Visando fortalecer o processo de apoio à internacionalização das empresas baianas, o CIN possui diversos acordos de parcerias com entidades nacionais e de diversos países. Unidade de Atendimento da Apex-Brasil - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos: Para facilitar o acesso das empresas baianas às iniciativas e projetos apoiados pela Apex-Brasil, o CIN FIEB mantém uma Unidade de Atendimento na sua estrutura, através de parceria da CNI com a Apex-Brasil. Atração de Investimentos Internacionais e Cooperação Empresarial: - Iniciativas de captação de investimentos internacionais em setores estratégicos, em prol da verticalização e do aumento da competitividade da indústria da Bahia; - Apoio ao investidor internacional para implantar a sua empresa na Bahia; - Fomento à cooperação empresarial, acordos de transferência de tecnologia, subcontratação industrial e estabelecimento de joint-ventures entre empresas da Bahia e de outros países; - Recepção e assistência à missões e delegações internacionais; - Articulação com instituições de diversos países para a troca de informações, experiências e realização de projetos conjuntos. Strategic Partnerships National and International Entities In order to strengthen the process of providing support for Bahia companies going global, CIN has ensured cooperation agreements with a range of substantial entities, both local and from other countries. Apex-Brasil Service Unit (Brazilian Trade and Investment Promotion Agency) In order to expedite local businesses access to initiatives and events supported by the federal government, through Apex- Brasil, CIN hosts an Apex-Brasil Service Unit in its office. Foreign Direct Investment (FDI) and Business Development Support - International investment attraction initiatives in strategic sectors, in favor of local production chain development and competitive advantage gain, - Support for foreign investors opening businesses in Bahia; - Promotion of business cooperation, technology transfer agreements, industrial subcontracting and joint ventures between local and foreign companies; - International mission and delegation assistance; - Engages in information and knowledge exchange, as well as in joint projects, with institutions from other countries.

6 Emissão de Certificados de Origem, Através do Sistema COD Certificação de Origem Digital Emissão on-line e digital de documento comprobatório da origem da mercadoria, permitindo a obtenção de benefícios tarifários e acesso preferencial a mercados com os quais o Brasil mantém acordos comerciais. A FIEB/CIN confere legitimidade quanto à origem do produto, através de equipe especializada e disponível para prestar suporte às empresas e garantir maior competitividade nos mercados internacionais. Defesa de Interesses e Negociações Internacionais A FIEB, em parceria com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), acompanha a política de comércio exterior e as negociações internacionais do governo brasileiro com blocos econômicos, apresentando propostas e sugestões, visando à defesa dos interesses da indústria baiana. Acordos regionais, bilaterais e multilaterais são acompanhados para ampliar o acesso dos produtos brasileiros a mercados, além de monitorar temas comerciais tais como reduções de tarifas e barreiras não tarifárias e temas econômicos, de investimentos, propriedade intelectual e compras governamentais. Além disso, mantém parcerias com entidades congêneres no exterior, para troca de informações, discussão de formas de incremento comercial, regras de defesa comercial e facilitação de comércio, entre outros. Certificate of Origin issued by the COD (Digital Certification) System On-line issued digital proof of origin that evidences the origin of goods, enabling tariff benefits and preferential access in markets that have commercial agreements with Brazil. With the support of a specialized team, CIN guarantees product origin authenticity through the COD System, providing additional competitiveness for local businesses in international markets. Interest Protection and International Negotiations FIEB, in a partnership with CNI, closely follows international negotiations regarding foreign trade policies between economic blocs and the government, presenting proposals and suggestions in the industry s best interest. CIN FIEB tracks regional, bilateral and multilateral agreements in order to increase access to markets. Additionally, commercial matters, such as tariff reduction and nontariff barriers, economic matters, investments, intellectual property and government acquisitions are monitored. Furthermore, partnerships have been established with congeneric foreign entities to trade information and discuss business increment, market protection and trade facilitation, among other activities.

7

8

9 Programa de Competitividade para Internacionalização das MPMEs da Bahia O Sistema FIEB, através do CIN, indica caminhos para que as MPMEs industriais aumentem a sua competitividade, para que estejam aptas a competir no mercado nacional e internacional com os seus produtos, estabelecer alianças ou buscar novos investimentos. Através do fomento ao pensamento estratégico e do acompanhamento especializado em ações para inserção sustentada no mercado global, o Programa de Competitividade para Internacionalização das MPMEs da Bahia apoia as indústrias que buscam uma melhor atuação nos negócios. Composto de diversas etapas e ações, o Programa é desenvolvido a partir de avaliação individual da empresa, seguida de elaboração do Plano de Competitividade para Internacionalização (PCI), composto de indicações das ações necessárias para ampliar as oportunidades de negócios da empresa. Capacitação empresarial, inteligência de mercado e promoção comercial são os principais focos de atuação do Programa, desenvolvido em parceria com o Sistema FIEB e diversas outras entidades nacionais e internacionais. Competitiveness Program for the Internationalization of Small and Medium Enterprises CIN is committed to indicating ways for industrial SMEs to boost their competitiveness, so that they are able to compete with their products in national and international markets, seeking new business alliances or investments. Through specialized consultation to support companies sustainable insertion in global markets, and by fomenting strategic thinking, the Competitiveness Program for the Internationalization of Small and Medium Enterprises supports businesses seeking to improve their performance. Consisted of several phases and actions, the Program is initiated with an individual assessment of the participating company followed by the elaboration of a Competitiveness Plan for Internationalization (PCI), which points actions meant to amplify new business opportunities. Business training, market intelligence and trade promotion activities are developed by the FIEB System in association with several national and international partners.

10 Etapas do Programa Sensibilização e Difusão da Cultura Exportadora - Cursos, seminários, workshops, mesas redondas, eventos etc. Visita de Equipe Técnica Especializada a Cada Empresa Participante para Elaboração do Plano de Competitividade para Internacionalização (PCI) Capacitação e adequação de produto - Capacitação em diversas áreas para atender às demandas identificadas nos PCIs; - Atividades de capacitação empresarial, desenvolvimento tecnológico etc. Inteligência Comercial e Prospecção de Negócios - Pesquisas e estratégias para acesso a mercados; - Estudos e análises setoriais para a exportação; - Acesso a banco de dados com informações sobre mercados internacionais; - Perfis de empresas exportadoras/importadoras nos mercados-alvo; - Divulgação de oportunidades comerciais. Promoção Comercial - Organização e recepção de missões empresariais e técnicas; - Organização de rodadas de negócios; - Missões compradores/importadores; - Participação em feiras nacionais e internacionais. Program Phases Building Awareness and Disseminating a Strong Exporting Culture: - Events, seminars, lectures, workshops and round-table conferences; Participating company assessment for Competitiveness Plan for Internationalization (PCI) Preparation Business training and product adaptation: - Specialized training (business, technology, product design, etc) to prepare participating companies to comply with the improvement actions indicated in the PCI ; Commercial Intelligence and Business Prospecting - Market access research and strategies - Sectorial analysis and studies aimed at exporting - Access to databases with information on international markets - Profiles of international exporting/importing companies - Promotion of business opportunities Trade Promotion -Trade mission organization and reception -Business matchmaking events -Buyer Missions -National and international tradeshow participation

11

12 Informações e contato: Information and contact: Rua Edístio Pondé, 342 STIEP CEP , Salvador - Bahia - Brasil Tel.:

CIN-FIEB A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL

CIN-FIEB A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL CIN-FIEB A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL A INDÚSTRIA BAIANA CADA VEZ MAIS INTERNACIONAL Centro Internacional de Negócios CIN-FIEB International Business Center CIN / FIEB Voltado para a

Leia mais

Rede CIN CIN MS. Centro Internacional de Negócios FIEMS

Rede CIN CIN MS. Centro Internacional de Negócios FIEMS Rede CIN CIN MS Centro Internacional de Negócios FIEMS O que é a REDE CIN? Coordenada pela Confederação Nacional da Indústria - CNI, e criada com o apoio da Agência Nacional de Promoção de Exportações

Leia mais

Gerido pelo CIN Centro Internacional de Negócios / Sistema FIEB e Sebrae, através do acompanhamento e apoio individualizado às empresas, com foco na

Gerido pelo CIN Centro Internacional de Negócios / Sistema FIEB e Sebrae, através do acompanhamento e apoio individualizado às empresas, com foco na Gerido pelo CIN Centro Internacional de Negócios / Sistema FIEB e Sebrae, através do acompanhamento e apoio individualizado às empresas, com foco na competitividade e acesso a mercados, através da articulação

Leia mais

Enterprise Europe - Portugal

Enterprise Europe - Portugal Enterprise Europe - Portugal Oportunidades de Cooperação Internacional Agência de Inovação Bibiana Dantas Lisboa, 5-Jun-2012 Enterprise Europe Portugal Jun 2012 2 A União Europeia é um mercado de oportunidades!

Leia mais

Agenda Internacional 2009

Agenda Internacional 2009 Agenda Internacional 2009 CNI: estratégia institucional Visão Estratégica Mapa Estratégico Uma visão sobre o futuro do país e da indústria (2007-2015) Identifica prioridades estratégicas Participação de

Leia mais

A Missão da CCILC. Desenvolvimento de redes de contactos de negócio entre Portugal, a China, a Europa e os Países de Língua Portuguesa

A Missão da CCILC. Desenvolvimento de redes de contactos de negócio entre Portugal, a China, a Europa e os Países de Língua Portuguesa A CCILC Criada em 1978, foi a primeira instituição que, de um modo sistemático, auxiliou ao desenvolvimento do relacionamento económico e comercial entre Portugal e a China. Conta com associados e parceiros

Leia mais

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE MINISTÉRIO DA AGRICULTURA PROGRAMA DE APOIO AO DESENVOLVIMENTO RURAL NAS PROVINCIAS DE MANICA E SOFALA - PADR Concurso com Previa Qualificação Convite para a Manifestação de Interesse

Leia mais

Tecnologia e inovação na UE Estrategias de internacionalização

Tecnologia e inovação na UE Estrategias de internacionalização Tecnologia e inovação na UE Estrategias de internacionalização Belém, 25 de Setembro 2014 Estrutura da apresentação 1. Porque a cooperação com a União Europeia em inovação é importante para o Brasil? 2.

Leia mais

Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil ǀ Minas Gerais. Há mais de 16 anos estreitando laços entre Minas Gerais e Portugal

Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil ǀ Minas Gerais. Há mais de 16 anos estreitando laços entre Minas Gerais e Portugal Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil ǀ Minas Gerais Há mais de 16 anos estreitando laços entre Minas Gerais e Portugal A História e o papel da Câmara A Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil - Minas

Leia mais

IV Reunião das Administradoras de ZPE. Brasília, 15 de abril de 2015

IV Reunião das Administradoras de ZPE. Brasília, 15 de abril de 2015 IV Reunião das Administradoras de ZPE Brasília, 15 de abril de 2015 I. Atuação da RENAI Roteiro: II. Possibilidades de parceria RENAI - ZPEs Parte I RENAI O que é a RENAI? Rede Nacional de Informações

Leia mais

Projeto de Apoio a Inserção Internacional de. São João Batista (SC) DEZEMBRO - 2009

Projeto de Apoio a Inserção Internacional de. São João Batista (SC) DEZEMBRO - 2009 Projeto de Apoio a Inserção Internacional de MPE s Brasileiras Calçadistas do APL de São João Batista (SC) DEZEMBRO - 2009 Identificar OBJETIVOS DA AÇÃO e solucionar gargalos na gestão das empresas, principalmente

Leia mais

A Agência é responsável pela captação de negócios, orientação aos investidores, gestão de incentivos estaduais e apoio ao comércio exterior.

A Agência é responsável pela captação de negócios, orientação aos investidores, gestão de incentivos estaduais e apoio ao comércio exterior. A Agência é responsável pela captação de negócios, orientação aos investidores, gestão de incentivos estaduais e apoio ao comércio exterior. Ainda articula ações específicas na estruturação de cadeia produtivas

Leia mais

Gestão de Propriedade Intelectual aplicada ao Desenvolvimento de Inovações e Aceleração de Empresas de Base Tecnológica

Gestão de Propriedade Intelectual aplicada ao Desenvolvimento de Inovações e Aceleração de Empresas de Base Tecnológica Gestão de Propriedade Intelectual aplicada ao Desenvolvimento de Inovações e Aceleração de Empresas de Base Tecnológica Resumo As experiências vivenciadas pela equipe da Accelera IP evidenciam a dificuldade

Leia mais

Aceleração Industrial de Empresas e Educação Empreendedora: Metodologia de Trabalho Incubadora Senai Centro Internacional de Inovação

Aceleração Industrial de Empresas e Educação Empreendedora: Metodologia de Trabalho Incubadora Senai Centro Internacional de Inovação Aceleração Industrial de Empresas e Educação Empreendedora: Metodologia de Trabalho Incubadora Senai Centro Internacional de Inovação Mário Rafael Bendlin Calzavara RESUMO A Incubadora Senai Centro Internacional

Leia mais

Promovendo Vínculos no Brasil TNC-PME

Promovendo Vínculos no Brasil TNC-PME Promovendo Vínculos no Brasil TNC-PME Objetivos de Desenvolvimento Promover o desenvolvimento econômico e social aprimorando a capacidade produtiva local e a competitividade do setor doméstico através

Leia mais

Compartilhando Energia Humana. Sharing Human Energy

Compartilhando Energia Humana. Sharing Human Energy Compartilhando Energia Humana Sharing Human Energy A Chevron Brasil tem como estratégia e valor um plano de investimento social voltado para o incentivo à qualificação profissional e ao empreendedorismo

Leia mais

O BRASIL QUE VAI ALÉM BRASIL BEYOND

O BRASIL QUE VAI ALÉM BRASIL BEYOND O BRASIL QUE VAI ALÉM BRASIL BEYOND SUMÁRIO TABLE OF CONTENTS 5 13 16BUSINESS INTELLIGENCE 17 O BRASIL ESTÁ EM ÓTIMA COMPANHIA LÁ FORA BRAZIL IS IN GOOD COMPANY WHEN IT GOES ABROAD Escritórios estrategicamente

Leia mais

PLANOS DE PATROCÍNIO

PLANOS DE PATROCÍNIO PLANOS DE PATROCÍNIO APRESENTAÇÃO DO SEMINDE O foco estratégico do Seminário é: aproximar empresas que atuam no Setor de Defesa, Marinha do Brasil, Exército Brasileiro, Força Aérea Brasileira, bem como

Leia mais

DPI. Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office

DPI. Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office DPI Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento de Projetos e Internacionalização Project Development And Internationalization Support Office Apresentação/Presentation Criado em 1 de março de 2011, o Núcleo de

Leia mais

Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br

Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br Câmara Italiana de Comércio e Indústria de Santa Catarina www.brasileitalia.com.br O que é o Projeto O Projeto pretende contribuir para promover a imagem de Santa Catarina como destino de investimentos

Leia mais

Fórum Permanente de Micro e Pequenas Empresas. Comitê de Comércio Exterior. Brasília Julho de 2011

Fórum Permanente de Micro e Pequenas Empresas. Comitê de Comércio Exterior. Brasília Julho de 2011 Fórum Permanente de Micro e Pequenas Empresas Comitê de Comércio Exterior Brasília Julho de 2011 BALANÇA BRASILEIRA DE COMÉRCIO EXTERIOR DE BENS E SERVIÇOS* US$ Bilhões BRAZILIAN FOREIGN TRADE IN GOODS

Leia mais

Mercados. informação regulamentar. Quénia Condições Legais de Acesso ao Mercado

Mercados. informação regulamentar. Quénia Condições Legais de Acesso ao Mercado Mercados informação regulamentar Quénia Condições Legais de Acesso ao Mercado Julho 2010 Índice 1. Regime Geral de Importação 3 2. Regime de Investimento Estrangeiro 4 3. Quadro Legal 5 2 1. Regime Geral

Leia mais

// gaiato private label

// gaiato private label // gaiato private label // a empresa // the company A Calçado Gaiato é uma empresa prestadora de serviços no setor de calçado, criada em 2000 por Luís Pinto Oliveira e Mário Pinto Oliveira, sócios-fundadores

Leia mais

Rio de Janeiro: o melhor lugar para a sua empresa no Brasil

Rio de Janeiro: o melhor lugar para a sua empresa no Brasil Rio de Janeiro: o melhor lugar para a sua empresa no Brasil Thayne Garcia, Assessora-Chefe de Comércio e Investimentos (tgarcia@casacivil.rj.gov.br) Luciana Benamor, Assessora de Comércio e Investimentos

Leia mais

FDLI s Brazil Conference

FDLI s Brazil Conference Programa Alimentos Seguros: uma experiência brasileira Food Safety Program: a Brazilian experience FDLI s Brazil Conference Zeide Lúcia Gusmão, MSc. National Coordinator PAS SENAI Nacional Department São

Leia mais

Transferência de Tecnologia. Programa de Capacitação em Valorização de Tecnologias Universidade de Aveiro

Transferência de Tecnologia. Programa de Capacitação em Valorização de Tecnologias Universidade de Aveiro Transferência de Tecnologia Programa de Capacitação em Valorização de Tecnologias Universidade de Aveiro Eurico Neves Análise de Mercado Análise de Produto / Serviço Estratégias de licenciamento Distribuição

Leia mais

Services IMPORT ON BEHALF OF THIRD PARTY IMPORT EXPORT UNDER ORDER IMPORT INTERNATIONAL CONSULTING AND CUSTOMIZED PROJECTS

Services IMPORT ON BEHALF OF THIRD PARTY IMPORT EXPORT UNDER ORDER IMPORT INTERNATIONAL CONSULTING AND CUSTOMIZED PROJECTS Services IMPORT IMPORT ON BEHALF OF THIRD PARTY UNDER ORDER IMPORT EXPORT INTERNATIONAL CONSULTING AND CUSTOMIZED PROJECTS OUTSOURCING, PROCUREMENT, PURCHASING AGENT, Import: 7 TRADEX is updated to current

Leia mais

PROGRAMAS PARA FORTALECER A COMPETITIVIDADE COMPLEXO SERVIÇOS

PROGRAMAS PARA FORTALECER A COMPETITIVIDADE COMPLEXO SERVIÇOS Programas para fortalecer a competitividade PROGRAMAS PARA FORTALECER A COMPETITIVIDADE COMPLEXO SERVIÇOS Legenda: branco = PDP original Amarelo = modificação posterior ao lançamento da PDP Vermelho =

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA. A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação. Por. Ana Margarida Nisa Vintém UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA A Reputação e a Responsabilidade Social na BP Portugal: A importância da Comunicação Relatório de estágio apresentado à Universidade Católica Portuguesa para obtenção do

Leia mais

Programa Inovar Seed Forum e Forum de Anjos como Politica Pública de Promoção do Empreendedorismo Inovador

Programa Inovar Seed Forum e Forum de Anjos como Politica Pública de Promoção do Empreendedorismo Inovador Programa Inovar Seed Forum e Forum de Anjos como Politica Pública de Promoção do Empreendedorismo Inovador Rochester Gomes da Costa Chefe do Departamento de Empreendedorismo Inovador Area de Investimentos

Leia mais

Relacionamento Investidores Anjos e Fundos de Investimento

Relacionamento Investidores Anjos e Fundos de Investimento Relacionamento Investidores Anjos e Fundos de Investimento Cate Ambrose Presidente e Diretora Executiva Latin American Private Equity & Venture Capital Association Congresso da Anjos do Brasil 2013 LAVCA

Leia mais

Boletim Benchmarking Internacional. Inteligência de Mercado

Boletim Benchmarking Internacional. Inteligência de Mercado Boletim Benchmarking Internacional Inteligência de Mercado Dezembro de 2012 Apresentação Visando contribuir para os objetivos estratégicos do SEBRAE, são apresentadas neste boletim informações relacionadas

Leia mais

OBJETIVO CARACTERIZAÇÃO

OBJETIVO CARACTERIZAÇÃO OBJETIVO Incrementar a economia digital do Estado de Alagoas e seus benefícios para a economia local, através de ações para qualificação, aumento de competitividade e integração das empresas e organizações

Leia mais

Ministério de Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2012

Ministério de Planejamento Orçamento e Gestão Secretaria de Orçamento Federal. Ações Orçamentárias Integrantes da Lei Orçamentária para 2012 Programa 2047 - Micro e Pequenas Empresas Número de Ações 10 Tipo: Operações Especiais 0473 - Honra de Aval decorrente de Garantia do Risco das Operações de Financiamento a Micro, Pequenas e Médias Empresas

Leia mais

A Parceria Apex-Brasil e RENAI

A Parceria Apex-Brasil e RENAI A Parceria Apex-Brasil e RENAI Mário Neves Coordenador-Geral da Rede Nacional de Informações sobre o Investimento Alexandre Petry Gerente de Promoção e Facilitação de Investimentos da Apex-Brasil Ciclo

Leia mais

Topic 13: Commercializing Intellectual Property Assets: Case Study No. 2

Topic 13: Commercializing Intellectual Property Assets: Case Study No. 2 Training of Trainers Program on Effective Intellectual Property Asset Management by Small and Medium Sized Enterprises (SMEs) in Portuguese-Speaking African Countries (PALOP) Lisboa, Portugal 11 de abril

Leia mais

Este briefing contém atividades que deverão ser desenvolvidas durante o convênio supracitado.

Este briefing contém atividades que deverão ser desenvolvidas durante o convênio supracitado. Briefing Prestação de Serviços de Comunicação e Marketing para o Instituto Nacional do Plástico Programa de Incentivo à Exportação Think Plastic Brazil Introdução Este briefing propõe e organiza as ações

Leia mais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais BEM VINDO AO MUNDO RANGEL WELCOME TO RANGEL WORLD Atividade Aduaneira Customs Broker Transporte Marítimo Sea Freight ESPANHA SPAIN Transporte Aéreo Air Freight Expresso Internacional FedEx International

Leia mais

AUTORES VIVIANE ROBERTO DA SILVA ROMEIRO Universidade Católica de Goiás viviromeiro@hotmail.com

AUTORES VIVIANE ROBERTO DA SILVA ROMEIRO Universidade Católica de Goiás viviromeiro@hotmail.com Área Temática: Gestão do Comércio Exterior Título: Políticas Tecnológicas para promoção do comércio exterior: Inovação e competitividade Instituições de Fomento: UCG/ CNPq/ FUNAPE AUTORES VIVIANE ROBERTO

Leia mais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais

Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais Global Logistics Solutions Soluções Logísticas Globais BEM VINDO AO MUNDO RANGEL WELCOME TO RANGEL WORLD Toda uma organização ao seu serviço! Constituídos em 1980 por Eduardo Rangel, rapidamente marcámos

Leia mais

O papel do MBA na carreira do executivo

O papel do MBA na carreira do executivo O papel do MBA na carreira do executivo Renata Fabrini 09.03.2010 CONFERÊNCIA ANAMBA E ENCONTRO REGIONAL LATINO AMERICANO DO EMBA COUNCIL 2010 sobre a Fesa maior empresa consultoria especializada com atuação

Leia mais

SERVIÇOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO ETICOM: ASSOCIAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES DA ANDALUZIA

SERVIÇOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO ETICOM: ASSOCIAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES DA ANDALUZIA ETICOM: ASSOCIAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES DA ANDALUZIA ASSOCIAÇÃO DAS TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES DA ANDALUZIA SERVIÇOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO 1 SERVIÇOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO

Leia mais

CONNECT AMERICAS: REDE SOCIAL EMPRESARIAL

CONNECT AMERICAS: REDE SOCIAL EMPRESARIAL CONNECT AMERICAS: REDE SOCIAL EMPRESARIAL DAS AMÉRICAS Washington D. C - março 2014 NOME CLASSIFICAÇÃO CATEGORIA TEMA PALAVRAS-CHAVE REDE SOCIAL EMPRESARIAL : CONNECT AMERICAS PRÁTICA INTERNACIONALIZAÇÃO

Leia mais

Projeto: Rede MERCOSUL de Tecnologia

Projeto: Rede MERCOSUL de Tecnologia ANEXO XIII XXXIII REUNIÓN ESPECIALIZADA DE CIENCIA Y TECNOLOGÍA DEL MERCOSUR Asunción, Paraguay 1, 2 y 3 de junio de 2005 Gran Hotel del Paraguay Projeto: Rede MERCOSUL de Tecnologia Anexo XIII Projeto:

Leia mais

and work, with work having a multiplication factor double). Relacionamento Comercial Internacional International Commercial Relationship

and work, with work having a multiplication factor double). Relacionamento Comercial Internacional International Commercial Relationship Sucesso é a união de três elementos: confiança, reciprocidade e trabalho, tendo o trabalho um fator duplo de multiplicação (success is basically the union of three elements: trust, reciprocity and work,

Leia mais

AMCHAM e a Internacionalização de empresas

AMCHAM e a Internacionalização de empresas Defensores da livre iniciativa Representatividade multisetorial e nacional Amplo e diferenciado conteúdo Estabelecer a competitividade de longo prazo Fortalecimento dos canais de influência AMCHAM e a

Leia mais

Guia de Participação na MISSÃO PARA O CRESCIMENTO PORTUGAL

Guia de Participação na MISSÃO PARA O CRESCIMENTO PORTUGAL Guia de Participação na MISSÃO PARA O CRESCIMENTO PORTUGAL Encontro Internacional de Negócios Lisboa, 29 de Novembro de 2013 INTRODUÇÃO As PME portuguesas têm vindo a atravessar bastantes dificuldades

Leia mais

ABDI A 2004 11.080) O

ABDI A 2004 11.080) O Atualizada em 28 de julho de 2010 Atualizado em 28 de julho de 2010 1 ABDI ABDI A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial foi instituída em dezembro de 2004 com a missão de promover a execução

Leia mais

Luiz Carlos T. de Carvalho Assessor Chefe de Comércio e Investimentos Subsecretaria de Relações Internacionais Secretaria de Estado da Casa Civil

Luiz Carlos T. de Carvalho Assessor Chefe de Comércio e Investimentos Subsecretaria de Relações Internacionais Secretaria de Estado da Casa Civil Luiz Carlos T. de Carvalho Assessor Chefe de Comércio e Investimentos Subsecretaria de Relações Internacionais Secretaria de Estado da Casa Civil Governo do Estado do Rio de Janeiro A SUBSECRETARIA DE

Leia mais

NEGÓCIOS INTERNACIONAIS

NEGÓCIOS INTERNACIONAIS NEGÓCIOS INTERNACIONAIS Programa Prof. João Pedro Couto Objectivos Esta disciplina tem como finalidade fornecer aos alunos um conjunto de elementos que permitam aos mesmos, utilizando uma lógica de raciocínio

Leia mais

Apresentação Institucional IEL/SC

Apresentação Institucional IEL/SC Apresentação Institucional IEL/SC Natalino Uggioni Joaçaba, 12 de Maio de 2014 IEL NO BRASIL O Sistema Indústria Presente nos 26 estados brasileiros e no Distrito Federal, o Sistema Indústria é composto

Leia mais

African Development Bank

African Development Bank OPORTUNIDADES E DESAFIOS BANCO AFRICANO DE DESENVOLVIMENTO Lisboa, 18 de Abril 2008 1 2 O que investidores e empresas querem saber 1. O que é o BAD? 2. Instrumentos de financiamento 3. Áreas de negócios

Leia mais

Parque Científico e Tecnológico de Macaé

Parque Científico e Tecnológico de Macaé Parque Científico e Tecnológico de Macaé Carlos Eduardo Lopes da Silva¹ Ramon Baptista Narcizo² Joelson Tavares Rodrigues³ Resumo Este artigo apresenta os principais conceitos e estratégias que apóiam

Leia mais

Maio. Office Of Energy Efficiency and Renewable Energy U.S. Energy Department (DOE) Washington, DC

Maio. Office Of Energy Efficiency and Renewable Energy U.S. Energy Department (DOE) Washington, DC Dia Nome do Evento Realizador Local Maio 03 ACORE U.S.-China Renewable Energy Industry Forum American Council On Renewable Energy (ACORE) Washington, DC 04 CEO Leadership Series Luncheon Featuring U.S.

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DAS INCUBADORAS PARA O DESENVOLVIMENTO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS

A IMPORTÂNCIA DAS INCUBADORAS PARA O DESENVOLVIMENTO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS A IMPORTÂNCIA DAS INCUBADORAS PARA O DESENVOLVIMENTO DAS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS Antonio Armando Santos Menezes 1 Jonatas da Silva Dias 2 José Rogério Vieira de Matos 3 Rosivaldo Andrade do Nascimento

Leia mais

A Modernização Tecnológica no Setor Público: a experiência de cooperação

A Modernização Tecnológica no Setor Público: a experiência de cooperação A Modernização Tecnológica no Setor Público: a experiência de cooperação Clarice Stella Porciuncula 1 Analista de Sistemas da PUC-RS Especialista em Sistemas de Informação e Telemática na UFRGS Analista

Leia mais

Opportunities for U.S. Companies in the Brazilian Intelligent Transportation Systems Market

Opportunities for U.S. Companies in the Brazilian Intelligent Transportation Systems Market Opportunities for U.S. Companies in the Brazilian Intelligent Transportation Systems Market Miguel Hernández Commercial Officer U.S. Consulate São Paulo, Brazil April 6, 2011 OUTLINE Overview U.S. Brazil

Leia mais

Subáreas. Marketing estratégico: Marketing de varejo

Subáreas. Marketing estratégico: Marketing de varejo Marketing estratégico: Marketing de varejo Marketing de serviços: Marketing de agronegócios Área: Marketing e Vendas Competências diagnóstico mercadológico; metodologia de análise e segmentação de mercado

Leia mais

Programas de Apoio à Exportação

Programas de Apoio à Exportação INTERCÂMBIO COMERCIAL BRASIL / MERCOSUL Programas de Apoio à Exportação ENCOMEX JARAGUÁ DO SUL Flávio Martins Pimentel Coordenação-Geral de Programas de Apoio à Exportação MINISTÉRIO DO DESENVOLVIMENTO,

Leia mais

APEX- APOIO À PROMOÇÃO DA EXPORTAÇÃO DAS PME 2012

APEX- APOIO À PROMOÇÃO DA EXPORTAÇÃO DAS PME 2012 APEX- APOIO À PROMOÇÃO DA EXPORTAÇÃO DAS PME 2012 A aposta no apoio à internacionalização tem sido um dos propósitos da AIDA que, ao longo dos anos, tem vindo a realizar diversas acções direccionadas para

Leia mais

Sustainable Energy Technology at Work: Thematic Promotion of Energy Efficiency and Energy Saving Technologies in the Carbon Markets

Sustainable Energy Technology at Work: Thematic Promotion of Energy Efficiency and Energy Saving Technologies in the Carbon Markets Projecto: SETatWork Sustainable Energy Technology at Work: Thematic Promotion of Energy Efficiency and Energy Saving Technologies in the Carbon Markets IDMEC-Porto Porto,, 12 de Novembro 2009 Enquadramento

Leia mais

ESTRATÉGIA DE FIDELIZAÇÃO

ESTRATÉGIA DE FIDELIZAÇÃO ESTRATÉGIA DE FIDELIZAÇÃO PLANEJAMENTO, SEGMENTAÇÃO E AÇÕES DE PROMOÇÃO CASO ABIHPEC EIXOS ESTRATÉGICOS DO PROJETO DE (Resultado do Workshop out 2008) Objetivos Relacionados: 11 - AUMENTAR A DECLARAÇÃO

Leia mais

INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE E SETOR PRODUTIVO

INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE E SETOR PRODUTIVO INTEGRAÇÃO UNIVERSIDADE E SETOR PRODUTIVO LIRA, B. B. - belarminolira@ct.ufpb.br Universidade Federal da Paraíba, Centro de Tecnologia, Departamento de Engenharia Civil UFPB/CT/DEC. PONTES, L. R. A. -

Leia mais

Foreign Trade Promotion for German Small and Medium-Sized Enterprises (SMEs) in Brazil

Foreign Trade Promotion for German Small and Medium-Sized Enterprises (SMEs) in Brazil Foreign Trade Promotion for German (SMEs) in Brazil Vice-President of Marketing and Sales, German-Brazilian Chamber of Industry and Commerce Blumenau, November 20, 2007 Worldwide German Chambers Network

Leia mais

RELAÇÕES INTERNACIONAIS

RELAÇÕES INTERNACIONAIS RELAÇÕES INTERNACIONAIS Economist Criação with a MBA in Business Strategy Missão from the Getulio Vargas. Has titles Fatos of Master & Números of Financial Economics, University of London and International

Leia mais

Sistema Indústria. 28 Áreas de atuação 730 Unidades de Operação 4 Milhões de matrícula/ano (2014), mais de 57 milhões de alunos capacitados

Sistema Indústria. 28 Áreas de atuação 730 Unidades de Operação 4 Milhões de matrícula/ano (2014), mais de 57 milhões de alunos capacitados Sistema Indústria CNI 27 Federações de Indústrias 1.136 Sindicatos Associados 622.874 Indústrias SENAI SESI IEL 28 Áreas de atuação 730 Unidades de Operação 4 Milhões de matrícula/ano (2014), mais de 57

Leia mais

Forum Governamental de Responsabilidade Social - FGRS

Forum Governamental de Responsabilidade Social - FGRS Forum Governamental de Responsabilidade Social - FGRS Confederação Nacional do Comércio CNC 15 de Junho de 2011 De organizações para mercados e territórios: Uma reflexão para políticas públicas e empresariais

Leia mais

Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros

Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros Encontro Cooperação Internacional Descentralizada do Brasil Boas Práticas de Gestão Internacional dos Governos Subnacionais Brasileiros Prefeitura de Belo Horizonte Histórico das Relações Internacionais

Leia mais

DESAFIO À INTERNACIONALIZAÇÃO DE EBT S PROJETO PILOTO

DESAFIO À INTERNACIONALIZAÇÃO DE EBT S PROJETO PILOTO Autores: Beatrice Maria Zanellato Fonseca Mayer Leandro Carioni Laercio Aniceto Silva Maria Angélica Jung Marques Maria Gorete T. S. Hoffmann Alexandre M. Steinbruch XX Seminário Nacional de Parques Tecnológicos

Leia mais

Perfil da empresa. A CCILA concede um desconto de 25% às empresas em Portugal!

Perfil da empresa. A CCILA concede um desconto de 25% às empresas em Portugal! Requerimento B2B Renewable Energies (www.renewablesb2b.com) Perfil da empresa Assinale no(s) respectivo(s) campo(s) o(s) tipo(s) de inserção que pretende para a apresentação da sua empresa e indique o

Leia mais

28 de setembro de 2005 Clube Concórdia Rolândia/PR

28 de setembro de 2005 Clube Concórdia Rolândia/PR Planejamento Estratégico Terra Roxa Investimentos Agência de Desenvolvimento do Norte do Paraná 28 de setembro de 2005 Clube Concórdia Rolândia/PR Participantes Nome Entidade Principal Atividade Expectativa

Leia mais

ATUADORES e TRAVAS TECNOLOGIA EUROPÉIA DRIFT BRASIL CATÁLOGO DE PEÇAS REPOSIÇÃO AUTOMOTIVA 2014 / 2015

ATUADORES e TRAVAS TECNOLOGIA EUROPÉIA DRIFT BRASIL CATÁLOGO DE PEÇAS REPOSIÇÃO AUTOMOTIVA 2014 / 2015 ATUADORES e TRAVAS 2015 TECNOLOGIA EUROPÉIA DRIFT BRASIL Atuante no setor de mobilidade, orientando-se pela tecnologia, inovação e sustentabilidade, a Drift Brasil desenvolve soluções para o segmento automotivo

Leia mais

BLUE BUSINESS FORUM 4 / 6 June 2015. FIL International Fair of Lisbon - Portugal

BLUE BUSINESS FORUM 4 / 6 June 2015. FIL International Fair of Lisbon - Portugal BLUE BUSINESS FORUM 4 / 6 June 2015 FIL - www.fil.pt CCL - www.lisboacc.pt FIL International Fair of Lisbon - Portugal A language is the place where you see the world and it outlines the limits of our

Leia mais

SESSÕES DE PROMOÇÃO DO BALCÃO DO EMPRESÁRIO

SESSÕES DE PROMOÇÃO DO BALCÃO DO EMPRESÁRIO SESSÕES DE PROMOÇÃO DO BALCÃO DO EMPRESÁRIO INSIDE E REDE DE COOPERAÇÃO EMPRESARIAL DO ALENTEJO Vendas Novas, 29 outubro 2014 1 I. Serviços do Balcão do Empresário a. Enquadramento b. Questionário às necessidades

Leia mais

Resumo. Sobre a Produtivit Quem somos Missão, Visão e Valores O que fazemos Como fazemos Especialidades Parcerias Cases Clientes

Resumo. Sobre a Produtivit Quem somos Missão, Visão e Valores O que fazemos Como fazemos Especialidades Parcerias Cases Clientes Resumo Sobre a Produtivit Quem somos Missão, Visão e Valores O que fazemos Como fazemos Especialidades Parcerias Cases Clientes Sobre a Produtivit Fundada em 2009, a Produtivit é uma empresa capixaba que

Leia mais

2015 Internet das Coisas Manual de Parceiro

2015 Internet das Coisas Manual de Parceiro 2015 Internet das Coisas Manual de Parceiro Suas soluções. Nossa tecnologia. Mais inteligentes juntos. Prêmios reais, a partir de agora Bem-vindo ao Intel Technology Provider A Internet das Coisas está

Leia mais

Programa de Atração de Investimentos

Programa de Atração de Investimentos 1 Programa de Atração de Investimentos Oficina de Trabalho da RENAI - Rede Nacional de Informação sobre o Investimento Brasília, 08 de Junho de. Antecedentes 2 O Governo Brasileiro quer dar prioridade

Leia mais

Participatory Map of Rio de Janeiro

Participatory Map of Rio de Janeiro Leandro Gomes Souza Geographer Luiz Roberto Arueira da Silva Director of City Information Pereira Passos Institute - City of Rio de Janeiro About us Pereira Passos Institute (IPP) is Rio de Janeiro municipal

Leia mais

PresentationoftheProject

PresentationoftheProject KNETWORKS Centro de Gestão da Rede Informática do Governo PresentationoftheProject A Coruña Seminar 28h January 2011 Prof. Alexandre Caldas Agenda AGENDA 1. Knowledge and Information Society - Guidelines

Leia mais

Programa de Gerenciamento nos Procedimentos de Exportação: Aborda temas sobre a estrutura do comércio exterior brasileiro e processos administra4vos na exportação. Workshop de Inteligência Compe==va: Visa

Leia mais

REDE PETRO BRASIL. A Rede das Redes Petro. Eng. Ana Maria Mendonça Rede PETROGÁS Sergipe Presidente da PENSE

REDE PETRO BRASIL. A Rede das Redes Petro. Eng. Ana Maria Mendonça Rede PETROGÁS Sergipe Presidente da PENSE REDE PETRO BRASIL A Rede das Redes Petro Eng. Ana Maria Mendonça Rede PETROGÁS Sergipe Presidente da PENSE as redes Amazonas Ceará Rio Grande do Norte Pernambuco Alagoas Sergipe Bahia Minas Gerais Bacia

Leia mais

Bota pra Fazer: Negócios de Alto Impacto.

Bota pra Fazer: Negócios de Alto Impacto. Bota pra Fazer: Negócios de Alto Impacto. Instituto Educacional BM&FBOVESPA e Endeavor: Negócios de Alto Impacto. Com reconhecida experiência, o Instituto Educacional BM&FBOVESPA, a Escola de Negócios

Leia mais

Boletim Benchmarking Internacional. Encadeamento Produtivo com Foco em Aeroportos

Boletim Benchmarking Internacional. Encadeamento Produtivo com Foco em Aeroportos Boletim Benchmarking Internacional Encadeamento Produtivo com Foco em Aeroportos Dezembro de 2012 Apresentação Visando contribuir para os objetivos estratégicos do SEBRAE, são apresentadas neste boletim

Leia mais

MINISTÉRIO DO COMÉRCIO

MINISTÉRIO DO COMÉRCIO MINISTÉRIO DO COMÉRCIO REGULAMENTO INTERNO DAS REPRESENTAÇÕES COMERCIAIS DA REPÚBLICA DE ANGOLA NO ESTRANGEIRO CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS Artigo 1º (Natureza) As representações são órgãos de execução

Leia mais

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento

Criar eventos de excelência Assessoria e orientação estratégica Soluções criativas Transferência de conhecimento Your global partner Quem Somos A NewEvents, constituída por profissionais com elevado Know-how, é uma empresa pioneira e especializada na organização, formação e consultoria internacional em Gestão e Marketing

Leia mais

Commercial & Marketing. Estudos de Remuneração 2012

Commercial & Marketing. Estudos de Remuneração 2012 Commercial & Marketing Estudos de Remuneração 2012 Estudos de Remuneração Commercial & Marketing 2012 2 Nota preliminar pág. 3 Funções de Marketing Funções Comerciais Assistente de Marketing pág. 12 Supervisor

Leia mais

Tecnologias para Cidades Sustentáveis

Tecnologias para Cidades Sustentáveis Programas Estruturantes Tecnologias para Cidades Sustentáveis 1. Construções Sustentáveis de Interesse Social 2. Mobilidade e Transporte Coletivo 3. Saneamento Ambiental 4. Sistemas Sustentáveis de Energia

Leia mais

órgão nacional interveniente no comércio internacional

órgão nacional interveniente no comércio internacional MDIC órgão nacional interveniente no comércio internacional CURSO: Administração DISCIPLINA: Comércio Exterior FONTES: KEEDI, Samir. ABC DO COMÉRCIO EXTERIOR. São Paulo: Aduaneiras, 2007. www.desenvolvimento.gov.br

Leia mais

Como ter sucesso no matchmaking entre as PMEs brasileiras e britânicas UKTI no Brasil. Richard Turner 28 de agosto de 2014

Como ter sucesso no matchmaking entre as PMEs brasileiras e britânicas UKTI no Brasil. Richard Turner 28 de agosto de 2014 Como ter sucesso no matchmaking entre as PMEs brasileiras e britânicas UKTI no Brasil Richard Turner 28 de agosto de 2014 1 UK Trade & Investment (UKTI) UKTI é uma organização internacional que dá apoio

Leia mais

O desafio da Inovação na Indústria de Bens de Capital: a importância das parcerias entre empresas e universidades. Piracicaba, 21 de março de 2013

O desafio da Inovação na Indústria de Bens de Capital: a importância das parcerias entre empresas e universidades. Piracicaba, 21 de março de 2013 O desafio da Inovação na Indústria de Bens de Capital: a importância das parcerias entre empresas e universidades Piracicaba, 21 de março de 2013 A ABIMAQ Uma das principais associações industriais do

Leia mais

The Brazil United States Consumer Product Safety Conference Brazil United States Joint Press Statement June 10, 2011 Rio de Janeiro, Brazil Common Interests Ensuring a high level of consumer product safety

Leia mais

O melhor do Brasil para o mundo

O melhor do Brasil para o mundo O melhor do Brasil para o mundo Promoção das exportações de bens e serviços Promover a internacionalização das empresas Atração de investimentos estrangeiros diretos Promoção da Marca Brasil PRINCIPAIS

Leia mais

TERMO DE ADESÃO. Para participação em Projetos de Promoção de Exportação

TERMO DE ADESÃO. Para participação em Projetos de Promoção de Exportação TERMO DE ADESÃO Para participação em Projetos de Promoção de Exportação A empresa..., de CNPJ n.º..., por seu(s) representante(s) legal(is), adere ao projeto BRAZILIAN PUBLISHERS, proposto à APEX-Brasil

Leia mais

APRESENTAÇÃO COMERCIAL. Palestrante. Gabriel Rossi. Especialista em Marketing e Branding

APRESENTAÇÃO COMERCIAL. Palestrante. Gabriel Rossi. Especialista em Marketing e Branding APRESENTAÇÃO COMERCIAL Palestrante Gabriel Rossi Especialista em Marketing e Branding Quem é Gabriel Rossi Gabriel Rossi é experiente palestrante profissional em marketing, branding e cibercultura, estrategista

Leia mais

Análise de Ações da Secretaria de Comércio Exterior do Estado de Goiás para a Internacionalização de Micro e Pequenas Empresas

Análise de Ações da Secretaria de Comércio Exterior do Estado de Goiás para a Internacionalização de Micro e Pequenas Empresas Análise de Ações da Secretaria de Comércio Exterior do Estado de Goiás para a Internacionalização de Micro e Pequenas Empresas ARNALDO COSTA SANTANA JÚNIOR Administração habilitação em Comércio Exterior

Leia mais

NOTA TÉCNICA 0036_V1_2014 REALIZAÇÃO DO ENCONTRO NACIONAL DE COMÉRCIO EXTERIOR ENCOMEX 2014 JARAGUÁ DO SUL

NOTA TÉCNICA 0036_V1_2014 REALIZAÇÃO DO ENCONTRO NACIONAL DE COMÉRCIO EXTERIOR ENCOMEX 2014 JARAGUÁ DO SUL NOTA TÉCNICA 0036_V1_2014 REALIZAÇÃO DO ENCONTRO NACIONAL DE COMÉRCIO EXTERIOR Jaraguá do Sul (SC), Junho de 2014. ALINHAMENTO ESTRATÉGICO Jaraguá Ativa: Cidade inteligente e sustentável, cidade para pessoas.

Leia mais

a partnership for new applications of virtual and augmented reality targeting the automotive industry Portugal Fraunhofer Gesellschaft Agreement

a partnership for new applications of virtual and augmented reality targeting the automotive industry Portugal Fraunhofer Gesellschaft Agreement a partnership for new applications of virtual and augmented reality targeting the automotive industry Portugal Fraunhofer Gesellschaft Agreement Porto, 18th April 2007 Outline 1. Presentation of CEIIA

Leia mais

ANO I Abertura Opening Os primeiros movimentos do jogo Há um ano, três advogados vindos de renomados escritórios de advocacia, onde exerciam funções de destaque, se reuniram em torno de uma idéia:

Leia mais

Programa SEBRAE SP & SUCESU-SP de Competitividade da MPE de Software e Serviços da cidade de São Paulo. Organização e Realização

Programa SEBRAE SP & SUCESU-SP de Competitividade da MPE de Software e Serviços da cidade de São Paulo. Organização e Realização Programa SEBRAE SP & SUCESU-SP de Competitividade da MPE de Software e Serviços da cidade de São Paulo Organização e Realização Perfil do Público Alvo Empresários e executivos de MPE de Software e Serviços

Leia mais

9º Encontro Nacional de Inovação em Fármacos e Medicamentos (ENIFarMed)

9º Encontro Nacional de Inovação em Fármacos e Medicamentos (ENIFarMed) 9º Encontro Nacional de Inovação em Fármacos e Medicamentos (ENIFarMed) 18 de agosto de 2015 PALESTRA: Internacionalização dos laboratórios farmacêuticos nacionais: acesso a novos mercados O Projeto A

Leia mais