Controle de Erro em Redes de Computadores

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Controle de Erro em Redes de Computadores"

Transcrição

1 Controle de Erro em Redes de Computadores Prof. S. Motoyama Aula 24 Motoyama: Controle de Erro 1

2 Enlace de Dados O controle de erro em redes de computadores é feito na camada enlace de dados (ou na camada transporte). As camadas enlaces de dados dos processos A e B trocam mensagens, chamados de quadros através de um protocolo pré-estabelecido. O verdadeiro caminho onde esses quadros trafegam é através das camadas físicas e o meio de transmissão. Processo A Aplicação Apresentação Sessão Transporte Processo B Aplicação Apresentação Sessão Transporte Rede Enlace de dados Física Troca de mensagens (Quadros) Caminho real Rede Enlace de dados Física Motoyama: Controle de Erro 2

3 Controle de Erro Em geral o controle de erro em redes de computadores pode ser: a) ARQ (Automatic-Repeat-reQuest) Solicitação de repetição automática e, b) FEC (Forward Error Correction) Correção de erro adiante. ARQ Utiliza códigos detetores de erro. O receptor descarta o bloco ou quadro recebido com erro e, solicita retransmissão do quadro. A retransmissão continua até que o quadro seja recebido sem erro. FEC Utiliza códigos corretores de erro (códigos de blocos ou convolucionais). Quando o receptor detecta a presença de erros no quadro de dados, localiza e corrige os erros. É um esquema complexo que exige muito processamento. São utilizados em algumas aplicações especiais como em comunicações por satélite e espacial. Motoyama: Controle de Erro 3

4 ARQ - Stop and Wait Operação sem Erro Controle de Erro Quadro Quadro Operação com Erro Quadro ACK ACK Quadro de Retransmissão Erro ACK ACK Motoyama: Controle de Erro 4

5 Controle de Erro Operação com Erro em ACK Quadro Descarta ACK Quadro de Retransmissão Erro ACK Motoyama: Controle de Erro 5

6 Necessidade de Numeração do ACK Controle de Erro Se o receptor for um processador lento, podemos ter o seguinte cenário Retransmissão O nó conclui erradamente que que o ACK é do quadro Erro Atraso de processamento Motoyama: Controle de Erro 6

7 Com ACK numerado Controle de Erro O nó descarta este ACK Retransmissão ACK 0 ACK 0 Erro Atraso de processamento. Motoyama: Controle de Erro 7

8 Controle de Erro ARQ contínuo: o transmissor transmite continuamente quadros de informação sem esperar os ACKs. Operação sem erro ACK 0 ACK 1 ACK 2 ACK 3 ACK 4 ACK 5 Operação com erro - Selective-reject Erro ACK 0 ACK 2 ACK 3 ACK 1 ACK 4 Motoyama: Controle de Erro 8

9 Controle de Erro O esquema Selective-reject tem as seguintes desvantagens: a) os quadros chegam fora de ordem Deve-se esperar o quadro que falta para enviar a camada acima juntamente com outros quadros, pois os quadros em geral não são independentes. b) necessidade de gerenciamento de buffer. Go-back-N - Um esquema para evitar armazenamento de quadros Erro ACK 0 NACK 1 ACK 1 ACK 2 Quadros descartados Motoyama: Controle de Erro 9

10 Go-back-N: Erro em ACK Controle de Erro ACK 0 ACK 2 Erro ACK 1 ACK 3 ACK 4 ACK 5 ACK 6 Houve erro no ACK 3 e não foi recebido pelo transmissor. Entretanto, chegou o ACK 4. O transmissor entende que o quadro 3 chegou ao receptor, mas houve erro no ACK 3 e, nenhuma providência será tomada. Motoyama: Controle de Erro 10

11 Controle de Erro Controle de fluxo no protocolo ARQ Os quadros de informação recebidos na camada enlace de dados são repassados a camadas superiores. Em geral, as taxas com que essas camadas superiores podem receber informações são limitadas. Se essas taxas são menores do que o receptor está recebendo as informações, então o receptor necessita armazenar as informações em um buffer. Dependendo da taxa, o buffer pode sofrer overflow. Para evitar isso, o receptor juntamente com o transmissor necessitam de um mecanismo de controle de fluxo de quadros de informação. Controle de fluxo baseado em Sliding Window - Janela deslizante Neste esquema, o transmissor pode transmitir até W quadros de informação continuamente, antes de receber um ACK do receptor. Motoyama: Controle de Erro 11

12 Controle de Fluxo - Janela Deslizante Exemplo de Operação Tamanho da janela W = ACK 0 ACK 1 ACK 2 O transmissor pára de transmitir após três quadros sucessivos. Quando receber o ACK 0 pode transmitir um quadro, assim como quando receber os ACK 1 e ACK 2. Neste exemplo, após a transmissão do quadro 5, o transmissor necessita parar, pois não chegou mais ACK. Motoyama: Controle de Erro 12

13 Controle de Fluxo - Janela Deslizante Operação com erro em ACK Vamos supor uma janela W = 4, uma numeração sequencial utilizando 2 bits e o protocolo go-back-n. Seja o exemplo da figura abaixo Todos os ACKs com erros ACK 0 ACK 1 ACK 2 ACK 3 O receptor interpreta como um novo quadro e não de retransmissão. Motoyama: Controle de Erro 13 No exemplo acima, teremos uma operação errada com o protocolo. Para evitar essa situação errônea devemos utilizar um tamanho de janela W menor do que 2 n onde n é número de bits de numeração. No exemplo acima, para W = 3, evita- se a operação incorreta.

14 Controle de Fluxo - Janela Deslizante Operação com 2 bits e W = Todos os ACKs com erros ACK 0 ACK 1 ACK 2 O receptor reconhece que são quadros de repetição, pois aguardava como a sequência correta o número 3 Motoyama: Controle de Erro 14

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Camada de Transporte Implementação de um Transporte Confiável Slide 1 Transferência Confiável de Dados sobre um Canal Confiável rdt1.0 Uma vez que o canal é confiável, não existe

Leia mais

Nível de Enlace. Nível de Enlace. Serviços. Serviços oferecidos os nível de rede

Nível de Enlace. Nível de Enlace. Serviços. Serviços oferecidos os nível de rede Nível de Enlace Enlace: caminho lógico entre estações. Permite comunicação eficiente e confiável entre dois computadores. Funções: fornecer uma interface de serviço à camada de rede; determinar como os

Leia mais

Nível de Enlace. Nível de Enlace. Serviços. Serviços. Serviços. Serviços. Serviços oferecidos os nível de rede

Nível de Enlace. Nível de Enlace. Serviços. Serviços. Serviços. Serviços. Serviços oferecidos os nível de rede Nível de Enlace Enlace: caminho lógico entre estações. Permite comunicação eficiente e confiável entre dois computadores. Funções: fornecer uma interface de serviço à camada de rede; determinar como os

Leia mais

Tratamento de erros. Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Bragança Abril de 2006

Tratamento de erros. Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Bragança Abril de 2006 Redes de Computadores Tratamento de erros Escola Superior de Tecnologia e Gestão Instituto Politécnico de Bragança Abril de 2006 Ligação de dados Conceitos e objectivos Uma ligação física caracteriza-se

Leia mais

4. Protocolos Teóricos e Protocolos de Controlo de Ligação Protocolos ARQ; Especificação de Protocolos; Eficiência ARQ.

4. Protocolos Teóricos e Protocolos de Controlo de Ligação Protocolos ARQ; Especificação de Protocolos; Eficiência ARQ. 4. Protocolos Teóricos e Protocolos de Controlo de Ligação Protocolos ARQ; Especificação de Protocolos; Eficiência ARQ. Redes de Comunicações/Computadores I Secção de Redes de Comunicação de Dados Protocolos

Leia mais

Introdução. Algumas terminologias. Camada de Enlace de Dados. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br

Introdução. Algumas terminologias. Camada de Enlace de Dados. Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Camada de Enlace de Dados Prof. Leandro Pykosz Leandro@sulbbs.com.br Introdução A função desta camada parece trivial, pois a máquina A coloca os bits no meio e a máquina B tem que retirar de lá, porem

Leia mais

Redes de Computadores II. Módulo 1 Introdução e a camada de enlace

Redes de Computadores II. Módulo 1 Introdução e a camada de enlace Redes de Computadores II Módulo 1 Introdução e a camada de enlace 1 A Camada de Enlace Principal objetivo da camada: Comunicar dados entre dois equipamentos de rede conectados ao mesmo meio de transmissão

Leia mais

Comunicação de Dados

Comunicação de Dados UNISUL 2013 / 1 Universidade do Sul de Santa Catarina Engenharia Elétrica - Telemática 1 Comunicação de Dados Aula 6 Agenda Projeto da camada de enlace de dados Detecção e correção de erros Protocolos

Leia mais

6 de Julho de 2015. Exercício 23 Para que servem portas na camada de transporte?

6 de Julho de 2015. Exercício 23 Para que servem portas na camada de transporte? Lista de Exercícios Camada de Transporte GBC-056 Arquitetura de Redes de Computadores Bacharelado em Ciência da Computação Universidade Federal de Uberlândia 6 de Julho de 2015 Exercício 1 Para que serve

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com.br - Aula 4 - CAMADA DE ENLACE DE DADOS 1. INTRODUÇÃO A Camada de Enlace de dados é a camada que lida com quadros, grupo de bits transmitidos pela rede. Ela depende da camada Física para enviar e receber

Leia mais

Transporte de dados multimédia em Redes de Sensores Sem Fios

Transporte de dados multimédia em Redes de Sensores Sem Fios Transporte de dados multimédia em Redes de Sensores Sem Fios 1 Título da apresentação 17-03-2 Estrutura da Apresentação Motivação, Requisitos e Objectivos Serviço Básico de transporte do DTSN Serviço de

Leia mais

Redes de Computadores. Camada de Transporte

Redes de Computadores. Camada de Transporte Redes de Computadores Camada de Transporte Objetivo! Apresentar as características da camada de transporte da arquitetura TCP/IP! Apresentar os serviços fornecidos pela camada de transporte! Estudar os

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Redes de Computadores Redes de Computadores 2 1 Responsável pela movimentação dos dados, de maneira eficiente e confiável, entre processos (usuários) em execução nos equipamentos

Leia mais

2 Controle de Congestionamento do TCP

2 Controle de Congestionamento do TCP 2 Controle de Congestionamento do TCP 17 2 Controle de Congestionamento do TCP A principal causa de descarte de pacotes na rede é o congestionamento. Um estudo detalhado dos mecanismos de controle de congestionamento

Leia mais

Redes de Computadores (RCOMP 2014/2015)

Redes de Computadores (RCOMP 2014/2015) Redes de Computadores (RCOMP 2014/2015) Comunicação em Rede Arquitecturas e pilhas de protocolos 1 Comutação de pacotes com circuitos virtuais Numa rede de comutação de pacotes, mesmo que os pacotes pertençam

Leia mais

Prof. Marcelo de Sá Barbosa REDE DE COMPUTADORES

Prof. Marcelo de Sá Barbosa REDE DE COMPUTADORES Prof. Marcelo de Sá Barbosa REDE DE COMPUTADORES MODELO TCP/IP DE 5 CAMADAS MODELO OSI MODELO TCP IP NUMERO DA CAMADA CAMADA NUMERO DA CAMADA CAMADA 7 APLICAÇÃO 6 APRESENTAÇÃO 5 APLICAÇÃO 5 SESSÃO 4 TRANSPORTE

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES. Detecção e Correção de Erros

REDES DE COMPUTADORES. Detecção e Correção de Erros REDES DE COMPUTADORES Detecção e Correção de Erros A Camada de Enlace Serviços prestados Serviços da camada de Enlace Encapsulamento Endereçamento Controle de erros Controle de fluxo Controle de acesso

Leia mais

Camada de Transporte. Protocolos TCP e UDP

Camada de Transporte. Protocolos TCP e UDP Camada de Transporte Protocolos TCP e UDP Protocolo UDP Protocolo de transporte da Internet sem gorduras Serviço best effort, segmentos UDP podem ser: perdidos entregues fora de ordem para a aplicação

Leia mais

Redes de Computadores_Marcelo Furtado Pratica 2- Qualidade de serviços

Redes de Computadores_Marcelo Furtado Pratica 2- Qualidade de serviços Redes de Computadores_Marcelo Furtado Pratica 2- Qualidade de serviços Tarefas: 1) Explicar os seguintes mecanismos e conceitos do protocolo TCP: 1. Slow Start Slow start é um mecanismo do TCP desenvolvido

Leia mais

Redes de Computadores - I

Redes de Computadores - I Camada de Enlace de Dados p. 1/4 Redes de Computadores - I A Camada de Enlace de Dados Esbel Tomás Valero Orellana evalero@uesc.br, esbel.valero@gmail.com Curso de Ciência da Computação - UESC Camada de

Leia mais

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br

PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br PROJETO DE REDES www.projetoderedes.com.br Curso de Tecnologia em Redes de Computadores Disciplina: Redes I Fundamentos - 1º Período Professor: José Maurício S. Pinheiro Material de Apoio VI PROTOCOLOS

Leia mais

Tecnologia de Redes de Computadores

Tecnologia de Redes de Computadores Tecnologia de Redes de Computadores Prof. Sidney Nicolau Venturi Filho 31. CAMADA DE TRANSPORTE Camada de Transporte Camada de Transporte Funções da camada controle de fluxo fim-a-fim sequênciação detecção

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Controle de s Inst tituto de Info ormátic ca - UF FRGS Redes de Computadores Controle de Aula 8 É o processo de garantir a entrega confiável dos dados, isto é, sem s, sem duplicação e entregues na ordem

Leia mais

Informática I. Aula 22. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 22-03/07/06 1

Informática I. Aula 22. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 22-03/07/06 1 Informática I Aula 22 http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 22-03/07/06 1 Critério de Correção do Trabalho 1 Organização: 2,0 O trabalho está bem organizado e tem uma coerência lógica. Termos

Leia mais

Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE

Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE SERVIÇO SEM CONEXÃO E SERVIÇO ORIENTADO À CONEXÃO Serviço sem conexão Os pacotes são enviados de uma parte para outra sem necessidade de estabelecimento de conexão Os pacotes

Leia mais

Redes de Computadores II

Redes de Computadores II Redes de Computadores II UDP Prof: Ricardo Luís R. Peres Tem como objetivo prover uma comunicação entre dois processos de uma mesma sessão que estejam rodando em computadores dentro da mesma rede ou não.

Leia mais

Camada Transporte Parte 2. Prof. Dr. S. Motoyama

Camada Transporte Parte 2. Prof. Dr. S. Motoyama Camada Transporte Parte 2 Prof. Dr. S. Motoyama 1 Algoritmo de Janela Deslizante em TCP O TCP clássico emprega um protocolo de janela deslizante com confirmação positiva e sem repetição seletiva. O TCP

Leia mais

Software para o Ensino do Protocolo de Janelas Deslizantes. Software for Sliding-Window Protocol teaching

Software para o Ensino do Protocolo de Janelas Deslizantes. Software for Sliding-Window Protocol teaching Software para o Ensino do Protocolo de Janelas Deslizantes MARIANE MOREIRA DE SOUZA 1 RICARDO MARTINS DE ABREU SILVA 2 HUMBERTO CÉSAR BRANDÃO DE OLIVEIRA 1 UFLA - Universidade Federal de Lavras DCC - Departamento

Leia mais

Teleprocessamento e Redes

Teleprocessamento e Redes Teleprocessamento e Redes Aula 19: 29 de junho de 2010 1 camada de transporte camada de rede 2 Questão 1 (Kurose/Ross) camada de transporte camada de rede Um processo em um host C tem um socket UDP com

Leia mais

Prof. Marcelo Machado Cunha Parte 3 www.marcelomachado.com

Prof. Marcelo Machado Cunha Parte 3 www.marcelomachado.com Prof. Marcelo Machado Cunha Parte 3 www.marcelomachado.com Protocolo é a linguagem usada pelos dispositivos de uma rede de modo que eles consigam se comunicar Objetivo Transmitir dados em uma rede A transmissão

Leia mais

Curso: Tec. Em Sistemas Para Internet 1 semestre Redes de Computadores Memória de Aula 07. Prof. Moises P. Renjiffo

Curso: Tec. Em Sistemas Para Internet 1 semestre Redes de Computadores Memória de Aula 07. Prof. Moises P. Renjiffo Curso: Tec. Em Sistemas Para Internet 1 semestre Redes de Computadores Memória de Aula 07 DETALHAMENTO DA CAMADA DE REDE: 1- Endereçamento Físico. MAC Da camada de Enlace. 2- Endereçamento Logico. IP Endereço

Leia mais

Figura 1 - Operação do "cabo" virtual entre emissor e receptor

Figura 1 - Operação do cabo virtual entre emissor e receptor Redes de Computadores Professor Marco Antônio Chaves Câmara Capítulo 12 - Serviços da Camada de Enlace Apresentação Até agora, estudamos características de equipamentos e materiais utilizados pela camada

Leia mais

Controle de Congestionamento em TCP Parte 2. Prof. Dr. S. Motoyama

Controle de Congestionamento em TCP Parte 2. Prof. Dr. S. Motoyama Controle de Congestionamento em TCP Parte 2 Prof. Dr. S. Motoyama 1 Controle de Congestionamento em TCP Princípios de controle de congestionamento Saber que congestionamento está ocorrendo Adaptar para

Leia mais

Sistemas Distribuídos Comunicação. Edeyson Andrade Gomes www.edeyson.com.br

Sistemas Distribuídos Comunicação. Edeyson Andrade Gomes www.edeyson.com.br Sistemas Distribuídos Comunicação Edeyson Andrade Gomes www.edeyson.com.br Roteiro da Aula Roteiro da Aula Comunicação entre Processos Protocolos Modelo OSI Modelo Cliente Servidor 3 Comunicação entre

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com

REDES DE COMPUTADORES Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com - Aula Complementar - MODELO DE REFERÊNCIA OSI Este modelo se baseia em uma proposta desenvolvida pela ISO (International Standards Organization) como um primeiro passo em direção a padronização dos protocolos

Leia mais

Redes de Computadores. Trabalho de Laboratório Nº7

Redes de Computadores. Trabalho de Laboratório Nº7 Redes de Computadores Curso de Eng. Informática Curso de Eng. de Electrónica e Computadores Trabalho de Laboratório Nº7 Análise do tráfego na rede Protocolos TCP e UDP Objectivo Usar o Ethereal para visualizar

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Prof. Marcelo Gonçalves Rubinstein Programa de Pós-Graduação em Engenharia Eletrônica Faculdade de Engenharia Universidade do Estado do Rio de Janeiro Ementa Introdução a Redes de

Leia mais

Sistemas Distribuídos Comunicação entre Processos em Sistemas Distribuídos: Middleware de comunicação Aula II Prof. Rosemary Silveira F. Melo Comunicação em sistemas distribuídos é um ponto fundamental

Leia mais

TCP - multiplexação/demultiplexação

TCP - multiplexação/demultiplexação TCP Protocolo de controle de transmissão (Transmission Control Protocol) Definido em diversas RFCs (793, 1122, 1323, 2018 e 2581) Diversos flavors (tipos) Serviços Multiplexação/demultiplexação Detecção

Leia mais

Qualidade em Servicos de Rede Prof. Eduardo Maronas Monks Roteiro de Laboratorio Camada de Transporte Parte II

Qualidade em Servicos de Rede Prof. Eduardo Maronas Monks Roteiro de Laboratorio Camada de Transporte Parte II Qualidade em Servicos de Rede Prof. Eduardo Maronas Monks Roteiro de Laboratorio Camada de Transporte Parte II 1) Explicar os seguintes mecanismos e conceitos do protocolo TCP: 1. Slow Start O algoritmo

Leia mais

Redes de computadores e a Internet. Capítulo 3. Camada de transporte

Redes de computadores e a Internet. Capítulo 3. Camada de transporte Redes de computadores e a Internet Capítulo 3 Camada de transporte Camada de transporte Objetivos do capítulo: Entender os princípios por trás dos serviços da camada de transporte: Multiplexação/demultiplexação

Leia mais

Multimédia, Qualidade de Serviço (QoS): O que são?

Multimédia, Qualidade de Serviço (QoS): O que são? Multimédia, Qualidade de Serviço (QoS): O que são? Aplicações Multimédia: áudio e vídeo pela rede ( meios contínuos ) QoS a rede oferece às aplicações o nível de desempenho necessário para funcionarem.

Leia mais

Redes de Computadores. Protocolos ARQ Continuação Profa. Priscila Solís Barreto

Redes de Computadores. Protocolos ARQ Continuação Profa. Priscila Solís Barreto Redes de omputadores Protocolos RQ ontinuação Profa. Priscila Solís Barreto nálise do STOP and Wait nf=5 bytes = bits, na=no=5 bytes = bits O STOP and WIT não funciona bem para altas velocidades ou tempos

Leia mais

A Camada de Transporte

A Camada de Transporte A Camada de Transporte Romildo Martins Bezerra CEFET/BA s de Computadores II Funções da Camada de Transporte... 2 Controle de conexão... 2 Fragmentação... 2 Endereçamento... 2 Confiabilidade... 2 TCP (Transmission

Leia mais

Rede de Computadores II

Rede de Computadores II Rede de Computadores II Slide 1 Roteamento Determinar o melhor caminho a ser tomado da origem até o destino. Se utiliza do endereço de destino para determinar a melhor rota. Roteador default, é o roteador

Leia mais

Codificação de Canal

Codificação de Canal Laboratório de Processamento de Sinais Laboratório de Sistemas Embarcados Universidade Federal do Pará 26 de janeiro de 2012 Sumário 1 Introdução a 2 Códigos de Blocos Lineares 3 Códigos Cíclicos Introdução

Leia mais

Transporte. Sua função é: Promover uma transferência de dados confiável e econômica entre máquina de origem e máquina de destino.

Transporte. Sua função é: Promover uma transferência de dados confiável e econômica entre máquina de origem e máquina de destino. Redes de Computadores Transporte Prof. Rodrigo Rocha prof.rodrigorocha@yahoo.com http://www.bolinhabolinha.com Camada de transporte Sua função é: Promover uma transferência de dados confiável e econômica

Leia mais

Fornecer serviços independentes da tecnologia da subrede; Esconder do nível de transporte o número, tipo e a topologia das subredes existentes;

Fornecer serviços independentes da tecnologia da subrede; Esconder do nível de transporte o número, tipo e a topologia das subredes existentes; 2.3 A CAMADA DE REDE! Fornece serviços para o nível de transporte, sendo, freqüentemente, a interface entre a rede do cliente e a empresa de transporte de dados (p.ex. Embratel).! Sua principal função

Leia mais

Capítulo 3: Camada de Transporte. Multiplexação/desmultiplexação. Serviços e protocolos de transporte. Antônio Abelém abelem@ufpa.

Capítulo 3: Camada de Transporte. Multiplexação/desmultiplexação. Serviços e protocolos de transporte. Antônio Abelém abelem@ufpa. Serviços e protocolos de Capítulo 3: Camada de Transporte Antônio Abelém abelem@ufpa.br provê comunicação lógica entre processos de executando em hospedeiros diferentes protocolos de executam em sistemas

Leia mais

UDESC SISTEMAS MULTIMÍDIA. Capítulo 4 Redes IP e o Transporte de Dados Multimídia. Prof. Claudinei Dias. Sistemas Multimídia 2011/2

UDESC SISTEMAS MULTIMÍDIA. Capítulo 4 Redes IP e o Transporte de Dados Multimídia. Prof. Claudinei Dias. Sistemas Multimídia 2011/2 SISTEMAS MULTIMÍDIA Capítulo 4 Redes IP e o Transporte de Dados Multimídia Prof. Claudinei Dias Ementa Cap. 4 4. Redes IP e o Transporte de Dados Multimídia A arquitetura Internet; Protocolo IP e a multimídia;

Leia mais

Camada de transporte. Camada de transporte

Camada de transporte. Camada de transporte Camada de transporte Camada de transporte Objetivos do capítulo: Entender os princípios dos serviços da camada de transporte: Multiplexação/demultiplexação Transferência de dados confiável Controle de

Leia mais

MÓDULO 7 Modelo OSI. 7.1 Serviços Versus Protocolos

MÓDULO 7 Modelo OSI. 7.1 Serviços Versus Protocolos MÓDULO 7 Modelo OSI A maioria das redes são organizadas como pilhas ou níveis de camadas, umas sobre as outras, sendo feito com o intuito de reduzir a complexidade do projeto da rede. O objetivo de cada

Leia mais

Funções específicas de cada camada do modelo OSI da ISO.

Funções específicas de cada camada do modelo OSI da ISO. Funções específicas de cada camada do modelo OSI da ISO. 1ª Camada - Física - Grupo Rede Física Esta camada traduz os bits a enviar em sinais elétricos, de tensão ou corrente. Ela fornece os meios de hardware

Leia mais

Sistemas Distribuídos. Ricardo Ribeiro dos Santos ricrs@ec.ucdb.br

Sistemas Distribuídos. Ricardo Ribeiro dos Santos ricrs@ec.ucdb.br Sistemas Distribuídos Ricardo Ribeiro dos Santos ricrs@ec.ucdb.br Curso de Engenharia de Computação UCDB Novembro/2003 Tópicos Tolerância a falhas em comunicação em grupo Tolerância a falhas em comunicação

Leia mais

Protocolo Ethernet e Dispositivos de Interconexão de LANs

Protocolo Ethernet e Dispositivos de Interconexão de LANs Protocolo Ethernet e Dispositivos de Interconexão de LANs Prof. Rafael Guimarães Redes de Alta Velocidade Tópico 4 - Aula 1 Tópico 4 - Aula 1 Rafael Guimarães 1 / 31 Sumário Sumário 1 Motivação 2 Objetivos

Leia mais

Protocolos de Transmissão

Protocolos de Transmissão s de Transmissão Stop & wait Send & wait ARQ Automatic Repeat request Idle RQ stop and wait send and wait Continuous RQ - Selective Repeat - Go-back-N NAK n NAK n 3 O emissor (Primário P) só pode ter trama

Leia mais

1 - Cite o nome dos principais campos de um quadro Ethernet, explicando qual a funcionalidade de cada campo.

1 - Cite o nome dos principais campos de um quadro Ethernet, explicando qual a funcionalidade de cada campo. 1 - Cite o nome dos principais campos de um quadro Ethernet, explicando qual a funcionalidade de cada campo. Endereço de Destino = Endereço MAC de destino Endereço de Origem = Endereço MAC de origem Campo

Leia mais

Mobilidade em Redes 802.11

Mobilidade em Redes 802.11 Mobilidade em Redes 802.11 Prof. Rafael Guimarães Redes sem Fio Aula 14 Aula 14 Rafael Guimarães 1 / 37 Sumário Sumário 1 Motivação e Objetivos 2 O protocolo MAC 802.11 3 Quadro 802.11 4 802.11: Mobilidade

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores 11 de Junho de 2004 Nota prévia O exame tem duração de duas horas e 30 minutos. Não se esqueça de identificar todas as folhas com o seu nome e número. Só poderá haver desistências

Leia mais

1 Lista de exercícios 01

1 Lista de exercícios 01 FRANCISCO TESIFOM MUNHOZ 2007 1 Lista de exercícios 01 1) No desenvolvimento e aperfeiçoamento realizado em redes de computadores, quais foram os fatores que conduziram a interconexão de sistemas abertos

Leia mais

REDES DE COMPUTADORES Camada de Transporte. Alexandre Augusto Giron

REDES DE COMPUTADORES Camada de Transporte. Alexandre Augusto Giron REDES DE COMPUTADORES Camada de Transporte Alexandre Augusto Giron ROTEIRO Visão geral da camada de transporte Protocolos UDP TCP Princípios do controle de congestionamento A camada de transporte: visão

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Parte V: Camada de Transporte 3.1 Serviços da camada de transporte 3.2 Multiplexação e demultiplexação 3.3 Transporte não orientado à conexão: UDP 3.4 Princípios de transferência

Leia mais

Redes de Computadores. Camada de Transporte de Dados: protocolos TCP e UDP Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza

Redes de Computadores. Camada de Transporte de Dados: protocolos TCP e UDP Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza Redes de Computadores Camada de Transporte de Dados: protocolos TCP e UDP Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza Este documento está sujeito a copyright. Todos os direitos estão reservados para o todo ou quaisquer

Leia mais

FACULDADE PITÁGORAS. Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br

FACULDADE PITÁGORAS. Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br FACULDADE PITÁGORAS DISCIPLINA FUNDAMENTOS DE REDES REDES DE COMPUTADORES Prof. Ms. Carlos José Giudice dos Santos cpgcarlos@yahoo.com.br www.oficinadapesquisa.com.br Material elaborado com base nas apresentações

Leia mais

Aulas 22 & 23. Controle de Fluxo e de Congestionamento. Eytan Modiano MIT

Aulas 22 & 23. Controle de Fluxo e de Congestionamento. Eytan Modiano MIT Aulas 22 & 23 Controle de Fluxo e de Congestionamento Eytan Modiano MIT 1 Controle de Fluxo Controle de fluxo: mecanismo fim a fim para controlar o tráfego entre fonte e destinatário. Controle de congestionamento:

Leia mais

Unidade 2.1 Modelos de Referência

Unidade 2.1 Modelos de Referência Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Banco de Dados Redes de Computadores Disciplina: Redes de Computadores Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 2.1 Modelos de Referência 2 Bibliografia da disciplina

Leia mais

Software de rede e Modelo OSI André Proto UNESP - São José do Rio Preto andre.proto@sjrp.unesp.br O que será abordado Hierarquias de protocolos (camadas) Questões de projeto relacionadas às camadas Serviços

Leia mais

NETALARM GATEWAY. Manual do Usuário

NETALARM GATEWAY. Manual do Usuário Índice 1. Introdução...3 2. Requisitos Mínimos de Instalação...3 3. Instalação...3 4. Inicialização do Programa...5 5. Abas de Configuração...6 5.1 Aba Serial...6 5.2 Aba TCP...7 5.2.1 Opções Cliente /

Leia mais

Alan Menk Santos alanmenk@hotmail.com www.sistemasul.com.br/menk. Redes de Computadores e Telecomunicações. Camada de Transporte 03/06/2013

Alan Menk Santos alanmenk@hotmail.com www.sistemasul.com.br/menk. Redes de Computadores e Telecomunicações. Camada de Transporte 03/06/2013 Alan Menk Santos alanmenk@hotmail.com www.sistemasul.com.br/menk Redes de Computadores e Telecomunicações. Modelo de Referência OSI 1 Segundo Tanenbaum, a camada de transporte não é simplesmente outra

Leia mais

Rede de Computadores. Carlos Eduardo Pereira GCAR GCAR. IMP= Interface Message Processor. hosts. IMPs. Referência: Tanenbaum - Redes de Computadores

Rede de Computadores. Carlos Eduardo Pereira GCAR GCAR. IMP= Interface Message Processor. hosts. IMPs. Referência: Tanenbaum - Redes de Computadores Redes de Computadores Carlos Eduardo Pereira Referência: Tanenbaum - Redes de Computadores Rede de Computadores hosts IMPs IMP= Interface Message Processor 1 DTE/DCE/DSE Tarefas a serem realizadas pelas

Leia mais

Tecnologias de Redes Informáticas (6620)

Tecnologias de Redes Informáticas (6620) Tecnologias de Redes Informáticas (6620) Ano Lectivo 2013/2014 * 1º Semestre Licenciatura em Tecnologias e Sistemas da Informação Aula 3 Agenda Códigos detectores e correctores de erros O modelo OSI emissor

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Capítulo 5.6 e 5.7 Interconexões e PPP Prof. Jó Ueyama Maio/2011 SSC0641-2011 1 Elementos de Interconexão SSC0641-2011 2 Interconexão com Hubs Dispositivo de camada física. Backbone:

Leia mais

Unidade 2.1 Modelos de Referência. Bibliografia da disciplina. Modelo OSI. Modelo OSI. Padrões 18/10/2009

Unidade 2.1 Modelos de Referência. Bibliografia da disciplina. Modelo OSI. Modelo OSI. Padrões 18/10/2009 Faculdade INED Unidade 2.1 Modelos de Referência Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Fundamentos de Redes Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 2 Bibliografia da disciplina Bibliografia

Leia mais

Camada de Transporte

Camada de Transporte Camada de Transporte Conceitos Básicos Redes de Computadores A. S. Tanenbaum Mário Meireles Teixeira. UFMA-DEINF Protocolos Protocolo: Conjunto de regras e formatos usados para comunicação entre entidades,

Leia mais

Curso: Redes II (Heterogênea e Convergente) Tema da Aula: Controle de Congestionamento

Curso: Redes II (Heterogênea e Convergente) Tema da Aula: Controle de Congestionamento Curso: Redes II (Heterogênea e Convergente) Tema da Aula: Controle de Congestionamento Professor Rene - UNIP 1 Revisão... Segmento A unidade de dados trocada entre as entidades de transporte é denominada

Leia mais

Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE

Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE Capítulo 7 CAMADA DE TRANSPORTE INTRODUÇÃO (KUROSE) A Camada de Rede é uma peça central da arquitetura de rede em camadas A sua função é a de fornecer serviços de comunicação diretamente aos processos

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Camada de Enlace Antonio Alfredo Ferreira Loureiro loureiro@dcc.ufmg.br Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal de Minas Gerais 1 Camada de enlace Responsável pela

Leia mais

Fundamentos de Redes de Computadores. Camadas física e de enlace do modelo OSI Prof. Ricardo J. Pinheiro

Fundamentos de Redes de Computadores. Camadas física e de enlace do modelo OSI Prof. Ricardo J. Pinheiro Fundamentos de Redes de Computadores Camadas física e de enlace do modelo OSI Prof. Ricardo J. Pinheiro Resumo Camada física. Padrões. Equipamentos de rede. Camada de enlace. Serviços. Equipamentos de

Leia mais

APLICAÇÃO REDE APLICAÇÃO APRESENTAÇÃO SESSÃO TRANSPORTE REDE LINK DE DADOS FÍSICA 1/5 PROTOCOLOS DE REDE

APLICAÇÃO REDE APLICAÇÃO APRESENTAÇÃO SESSÃO TRANSPORTE REDE LINK DE DADOS FÍSICA 1/5 PROTOCOLOS DE REDE 1/5 PROTOCOLOS DE O Modelo OSI O OSI é um modelo usado para entender como os protocolos de rede funcionam. Para facilitar a interconexão de sistemas de computadores, a ISO (International Standards Organization)

Leia mais

Camada de Transporte, protocolos TCP e UDP

Camada de Transporte, protocolos TCP e UDP Camada de Transporte, protocolos TCP e UDP Conhecer o conceito da camada de transporte e seus principais protocolos: TCP e UDP. O principal objetivo da camada de transporte é oferecer um serviço confiável,

Leia mais

Redes de Computadores I Licenciatura em Eng. Informática e de Computadores 1 o Semestre, 26 de Outubro de 2005 1 o Teste A

Redes de Computadores I Licenciatura em Eng. Informática e de Computadores 1 o Semestre, 26 de Outubro de 2005 1 o Teste A Redes de Computadores I Licenciatura em Eng. Informática e de Computadores 1 o Semestre, 26 de Outubro de 2005 1 o Teste A Número: Nome: Duração: 1 hora O teste é sem consulta O teste deve ser resolvido

Leia mais

Redes de computadores e a Internet. Capítulo3. Camada de transporte

Redes de computadores e a Internet. Capítulo3. Camada de transporte Redes de computadores e a Internet Capítulo Camada de transporte Pilha de protocolos da Internet M Aplicação Ht M Transporte Hr Ht M Rede Hr Ht M Enlace Mensagem Segmento Datagrama Quadro He Física -2

Leia mais

Prof. Manuel A Rendón M

Prof. Manuel A Rendón M Prof. Manuel A Rendón M Tanenbaum Redes de Computadores Cap. 1 e 2 5ª. Edição Pearson Padronização de sistemas abertos à comunicação Modelo de Referência para Interconexão de Sistemas Abertos RM OSI Uma

Leia mais

Sistemas Distribuídos e Tolerância a Falhas

Sistemas Distribuídos e Tolerância a Falhas Processamento de erros Detectar / Recuperar/ Mascarar 1º passo: Detecção. A detecção de um erro pode ser realizada por mecanismos como: - códigos de detecção de erros, - timeouts - watchdogs - verificações

Leia mais

Gerência de Redes Áreas Funcionais de Gerenciamento. Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com

Gerência de Redes Áreas Funcionais de Gerenciamento. Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com Gerência de Redes de Gerenciamento Douglas Duarte ddsbdc@gmail.com de Gerenciamento Gerenciamento de Falhas; Gerenciamento de Desempenho; Gerenciamento de Contabilização; Gerenciamento de Configuração;

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores Redes de Computadores Capítulo 1 Gustavo Reis gustavo.reis@ifsudestemg.edu.br - O que é a Internet? - Milhões de elementos de computação interligados: hospedeiros = sistemas finais - Executando aplicações

Leia mais

Aula 04. Código BCD, Códigos Alfa-numéricos e Sistemas de Detecção de Erros

Aula 04. Código BCD, Códigos Alfa-numéricos e Sistemas de Detecção de Erros Aula 04 Código BCD, Códigos Alfa-numéricos e Sistemas de Detecção de Erros Prof. Otávio Gomes otavio.gomes@ifmg.edu.br sites.google.com/a/ifmg.edu.br/otavio-gomes/ 1 Bytes A maioria dos microcomputadores

Leia mais

Comunicação em Sistemas Distribuídos. Bruno M. Carvalho Sala: 3B2 Horário: 35T34

Comunicação em Sistemas Distribuídos. Bruno M. Carvalho Sala: 3B2 Horário: 35T34 Comunicação em Sistemas Distribuídos Bruno M. Carvalho Sala: 3B2 Horário: 35T34 Comunicação em Sistemas Distribuídos Protocolos regras que os processos que estão se comunicando tem de seguir Protocolos

Leia mais

TRANSMISSÃO DE DADOS Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com

TRANSMISSÃO DE DADOS Prof. Ricardo Rodrigues Barcelar http://www.ricardobarcelar.com - Aula 5-1. A CAMADA DE TRANSPORTE Parte 1 Responsável pela movimentação de dados, de forma eficiente e confiável, entre processos em execução nos equipamentos conectados a uma rede de computadores, independentemente

Leia mais

Fragmentos das máquinas de estados finitos do RDT 2.2 (fonte: Kurose)

Fragmentos das máquinas de estados finitos do RDT 2.2 (fonte: Kurose) RDT 2.2 Não usa NACK Destinatário deve incluir o número de sequência do pacote que está sendo reconhecido Remetente deve verificar o número de sequência do pacote que está sendo reconhecido ACKs duplicados

Leia mais

Modulo 4. Professor: Leandro Engler Boçon E-mail: leandro@facear.edu.br Disciplina: Comunicação de dados

Modulo 4. Professor: Leandro Engler Boçon E-mail: leandro@facear.edu.br Disciplina: Comunicação de dados Modulo 4 Professor: Leandro Engler Boçon E-mail: leandro@facear.edu.br Disciplina: Comunicação de dados 1 Protocolo ICMP Internet Control Message Protocol 2 ICMP Internet Control Message Protocol IP funciona

Leia mais

Teleprocessamento e Redes (MAB-510) Gabarito da Segunda Lista de Exercícios 01/2010

Teleprocessamento e Redes (MAB-510) Gabarito da Segunda Lista de Exercícios 01/2010 Teleprocessamento e Redes (MAB-510) Gabarito da Segunda Lista de Exercícios 01/2010 Prof. Silvana Rossetto (DCC/IM/UFRJ) 1 13 de julho de 2010 Questões 1. Qual é a diferença fundamental entre um roteador

Leia mais

Redes de Computadores

Redes de Computadores na camada de rede na camada de transporte Redes de Computadores Aula 4: 24 de março de 2010 na camada de rede na camada de transporte 1 Princípios Causas e custos do congestionamento 2 Princípios gerais

Leia mais