CURSO: ARTE EM AÇÃO - LITERATURA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURSO: ARTE EM AÇÃO - LITERATURA"

Transcrição

1 CURSO: ARTE EM AÇÃO - LITERATURA Docente: Mariana Felix de Oliveira Carga Horária Total do Projeto: 295 hrs Resumo: A oficina de literatura é uma das três vertentes que compõe o projeto Arte em ação. Terá como foco trabalhar o desenvolvimento da linguagem de textos literários, criatividade, percepção e imaginação e fantasia, será trabalhado em seguida estes textos na oficina de ilustração em conjunto para a elaboração de um livro ilustrado e na oficina de música para ser trabalhado experimentação de composição musical. Justificativa: Criar alternativas requer ampliar horizontes. Os horizontes relativos tanto à fruição quanto ao fazer artístico dos alunos da rede pública do município são repetitivos, limitados e limitantes. Esse padrão repercute negativamente na vida pessoal e profissional dessas pessoas e de sua comunidade. A oficina de ilustração, associada a de literatura e a de iniciação musical e composição, permitira aprendizagens significativas, e consequentemente, a ampliação de repertório, de alternativas profissionais e de relacionamento sociocultural. Objetivos: Desenvolver técnicas literárias, explorando a criatividade e percepção de cada um, promover a socialização, cultura e estímulo a diferentes áreas artísticas. Contribuições esperadas / Metas: Obter um texto literário de cada aluno da oficina, para exposição e compor um livro em parceria com a oficina de ilustração. Elaborar textos literário (poesia) que será utilizado para uma composição musical em parceria com a oficina de música, finalizando com show de talentos para a comunidade em geral.

2 Cronograma / Metodologia / Procedimentos: A oficina de literatura terá duração de três meses, com dois encontros semanais de duas horas cada e contará com etapas específicas. Teoria de diversos estilos literários e seus autores clássicos. Atividades livres para desenvolver escrita criativa. Desenvolver reescrita de poemas de autores conhecidos. Construir a escrita criativa através de imagens e objetos poéticos. Preparar o aluno da oficina para exposição cultural de seu talento.com exposição em conjunto das oficinas de ilustração e música. Período de realização: 12/09/17 á 05/12/17 Público Alvo: Jovens de 14 a 18 anos alunos de escolas pública e sociedade em geral Local: FAEC Faculdade Educacional de Colombo

3 CURSO: ARTE EM AÇÃO - ILUSTRAÇÃO Docente: Maria Silzi Mossato Carga Horária Total do Projeto: 295 hrs Resumo: A oficina de ilustração é uma das três vertentes que compõe o projeto Arte em ação. Terá como foco a experimentação de materiais, a apropriação e ampliação das habilidades dos participantes em desenho e pintura, bem como na leitura e representação visual de textos, resultando em ilustração de poemas criados na oficina de literatura. Completam o processo, noções sobre digitalização de produtos gráficos, de diagramação e edição de livro. Parte da produção obtida na oficina comporá um livro, resultante das três áreas do projeto. Justificativa: Criar alternativas requer ampliar horizontes. Os horizontes relativos tanto à fruição quanto ao fazer artístico dos alunos da rede pública do município são repetitivos, limitados e limitantes. Esse padrão repercute negativamente na vida pessoal e profissional dessas pessoas e de sua comunidade. A oficina de ilustração, associada a de literatura e a de iniciação musical e composição, permitira aprendizagens significativas, e consequentemente, a ampliação de repertório, de alternativas profissionais e de relacionamento sociocultural.. Objetivos: Oferecer aos participantes oportunidades de: - perceber, ampliar e aprimorar as potencialidades relacionadas ao desenho e pintura; - apurar a capacidade de análise critica e fruição artística; - experimentar materiais diversos, construindo conteúdos relativos ao uso dos mesmos - construir conteúdos relativos à composição visual e ilustração; - construir noções de diagramação e edição de livros; Oferecer à comunidade oportunidade de fruição artística, através da participação no evento de encerramento. Contribuições esperadas / Metas:

4 Obter um produto gráfico de cada participante, em A3, para exposição; um produto gráfico, em A4, para ilustrar um texto poético produzido na oficina de literatura; compor um livro resultante das três vertentes do projeto; compor exposição para o evento de encerramento (show de talentos) aberto à comunidade.. Cronograma / Metodologia / Procedimentos: A oficina de ilustração terá duração de três meses, com dois encontros semanais de duas horas cada e contará com etapas específicas. 1. Fazer artístico - repertório individual, produção, análise e reformulação; 2. Experimentação, aprimoramento e ampliação de conhecimentos; 3. Construção de produto gráfico com objetivo específico A3 para exposição; 4. Construção de produto gráfico com objetivo específico A4 para ilustração de poemas. 5. Composição de exposição para comunidade. As etapas serão desencadeadas pelo fazer artístico, a partir de proposições específicas. Em todas etapas ocorrerão análise e critica em grupo e será ofertado material adicional para recriação, sempre que o participante desejar. A construção da apreciação de objetos artísticos será associada á ampliação de repertório, usando para isso, a exposição de trabalhos publicados, tais como capas e ilustrações de livros, peças publicitária e de design. Para finalizar cada etapa, serão feitos registros individuais das impressões e informações. Na última etapa serão incluídos demonstração de digitalização e de edição. Disseminação do projeto: Pretende-se, inicialmente, propagar as ações através da realização de evento aberto à comunidade e da impressão e distribuição aos participantes, do livro resultante do projeto. Pretende-se novas turmas para o ano seguinte bem como etapas consecutivas, visando maior qualificação na área. Período de realização: 12/09/17 á 05/12/17 Público Alvo: Jovens de 14 a 18 anos alunos de escolas públicas e sociedade em geral Local: FAEC Faculdade Educacional de Colombo

5 CURSO: ARTE EM AÇÃO - MÚSICA Docente: Fagner Stocco Lanzarin Carga Horária Total do Projeto: 295 hrs Resumo: A oficina de iniciação musical e composição integra ao projeto Arte em Ação terá como foco: técnica vocal, vocalize; respiração própria para o canto; divisão de vozes para o canto coral; repertório de musica nacional (rock, MPB e outros); acompanhamento de violão e percussão; elementos básicos para composição musical e dinâmica de grupo para cooperação e outros comportamentos. Justificativa: Criar alternativas requer ampliar horizontes. Os horizontes relativos tanto à fruição quanto ao fazer artístico dos alunos da rede pública do município são repetitivos, limitados e limitantes. Esse padrão repercute negativamente na vida pessoal e profissional dessas pessoas e de sua comunidade. A oficina de iniciação musical e composição, associada a de literatura e a de ilustração, permitira aprendizagens significativas, e consequentemente, a ampliação de repertório, de alternativas profissionais e de relacionamento sociocultural. Objetivos: A oficina pretende: - Ampliar o repertório musical dos participante; - Desenvolver habilidades vocais e de uso de instrumentos; - Propiciar a aquisição de conhecimento relacionados à composição musical; - Favorecer a melhora da auto estima; - Trabalhar postura e outros elementos corporais necessários a apresentação em palco. Contribuições esperadas / Metas:

6 Composição musical a ser apresentada e publicada em livro; montagem e apresentação de show de talentos. Cronograma / Metodologia / Procedimentos: A oficina terá duração de três meses, com dois encontros semanais de duas horas cada. Pretende-se e a experimentação e a exploração da musicalidade dos alunos, principalmente da voz, além de estabelecer noções de alguns instrumentos musicais e de composição musical, obtendo composição como produto final. Partindo-se das habilidades apresentadas individualmente e pelo grupo, serão desenvolvidas atividades, focando o objetivo final. Disseminação do projeto: Pretende-se, inicialmente, levar os resultados à comunidade, através de show de talentos, com apresentação dos resultados da oficina, junto com as de literatura e ilustração, que contará com a impressão e distribuição aos participantes, do livro resultante do projeto. Pretende-se formar novas turmas para o ano seguinte bem como formação de turmas para o canto coral e aprendizado do violão. Período de realização: 12/09/17 á 05/12/17 Público Alvo: Jovens de 14 a 18 anos alunos de escolas públicas e sociedade em geral Local: FAEC Faculdade Educacional de Colombo

7

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

EMENTAS E CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

EMENTAS E CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS EMENTAS E CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 2017 SUMÁRIO 1. SOBRE O ENSINO BÁSICO DE MÚSICA... 3 2. SOBRE A ETAPA DA MUSICALIZAÇÃO INFANTIL... 3 3. SOBRE A ETAPA DA INICIAÇÃO MUSICAL... 3 4. SOBRE AS PRÁTICAS COMPLEMENTARES...

Leia mais

ANEXO I. QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I

ANEXO I. QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I ANEXO I QUADRO DE OFICINAS INTEGRANTES DOS PROGRAMAS DE FORMAÇÃO ARTÍSTICA DO CUCA (COM EMENTAS) Categoria I Desemho básico Desemho intermediário Desemho básico de observação Desenho de observação Fotografia

Leia mais

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS EDUCAÇÃO INFANTIL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

PLANEJAMENTO Julho. Professor (a): Janete Neusa Perin NOME DO LIVRO: Objetivo geral:

PLANEJAMENTO Julho. Professor (a): Janete Neusa Perin NOME DO LIVRO: Objetivo geral: PLANEJAMENTO Julho NOME DO LIVRO: Estratégias de outras áreas do conhecimento A BRUXA SALOMÉ Leitura e escrita; Oralidade; Dias da Semana; Rimas. -Desenvolver o gosto pela leitura, valorizando a como fonte

Leia mais

Atividades Extraclasse

Atividades Extraclasse Atividades Extraclasse No Marista Ipanema, o estudante também aprende e desenvolve habilidades além da sala de aula. As turmas das Atividades Extraclasse, para cada modalidade, são divididas de acordo

Leia mais

ARTES CÊNICAS Cenografia: Segunda-feira 16h55 às 18h30 14 vagas Dramaturgia I: Segunda-feira 18h35 às 20h10 15 vagas Dramaturgia II:

ARTES CÊNICAS Cenografia: Segunda-feira 16h55 às 18h30 14 vagas Dramaturgia I: Segunda-feira 18h35 às 20h10 15 vagas Dramaturgia II: ARTES CÊNICAS Cenografia: A disciplina trabalhará a criação da cenografia para um espetáculo teatral. Desenvolverá os processos de análise dramatúrgica, pesquisa sobre as especificidades do texto teatral,

Leia mais

CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS º PERÍODO CURSO: MÚSICA LICENCIATURA EMENTAS - 2016.2 2º PERÍODO DISCIPLINA: LINGUAGEM E ESTRUTURAÇÃO MUSICAL II Teoria e Percepção Musical II. Desenvolvimento da leitura musical em quatro claves de referência:

Leia mais

HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre

HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre HORÁRIO DAS OFICINAS DO SEMINÁRIO DE MÚSICA Semestre 2017.2 APRECIAÇÃO MUSICAL OFICINA DE APRECIAÇÃO MUSICAL - A PARTIR DE 18 ANOS Análise de literatura musical e análise de instrumentos (seus timbres,

Leia mais

ROBOFREVANDO. Professora: Silveira Munhoz, Rosemeire.

ROBOFREVANDO. Professora: Silveira Munhoz, Rosemeire. ROBOFREVANDO Professora: Silveira Munhoz, Rosemeire. Resumo: Este artigo descreve o projeto realizado pela equipe da Escola Municipal EMEIEF Governador Mário Covas da cidade de Tupã-SP, envolvendo todas

Leia mais

ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA EDUCAÇÃO E CULTURA DIRETORIA REGIONAL DE ENSINO DE ARAGUAÍNA COLÉGIO ESTADUAL LEOPOLDO DE BULHÕES EQUIPE DE APOIO

ESTADO DO TOCANTINS SECRETARIA DA EDUCAÇÃO E CULTURA DIRETORIA REGIONAL DE ENSINO DE ARAGUAÍNA COLÉGIO ESTADUAL LEOPOLDO DE BULHÕES EQUIPE DE APOIO FESTIVAL DE ARTES A CULTURA E NÓS DO COLÉGIO ESTADUAL LEOPOLDO DE BULHÕES. APRESENTAÇÃO O festival de artes A Cultura e Nós é uma iniciativa do Colégio Estadual Leopoldo de Bulhões, em parceria com as

Leia mais

SOBRE A EVOLUIR. Visite: /

SOBRE A EVOLUIR. Visite:  / CONSTRUINDO MÚSICA SOBRE A EVOLUIR A Evoluir é uma editora e uma empresa de educação para sustentabilidade. O nosso trabalho é, por meio de projetos e materiais educativos, levar as pessoas a refletir

Leia mais

ARTE EDUCAÇÃO E ARTETERAPIA NO AMBIENTE ESCOLAR MÓDULO I: OFICINA DE TEATRO

ARTE EDUCAÇÃO E ARTETERAPIA NO AMBIENTE ESCOLAR MÓDULO I: OFICINA DE TEATRO ARTE EDUCAÇÃO E ARTETERAPIA NO AMBIENTE ESCOLAR MÓDULO I: OFICINA DE TEATRO Profa. Ms. Ana Cláudia Ramos OFICINA DE TEATRO NO CONTEXTO ESCOLAR Como o teatro vem sendo concebido na escola? Qual a importância

Leia mais

Critérios de Avaliação Disciplina: Orquestra de Sopros 2º CICLO

Critérios de Avaliação Disciplina: Orquestra de Sopros 2º CICLO 2º CICLO DOMÍNIO DA CRITÉRIOS GERAIS PERFIL DO ALUNO: DESCRITORES GERAIS INSTRUMENTOS INDICADORES DE % Coordenação psico-motora. Sentido de pulsação/ritmo/harmonia/ fraseado. COGNITIVOS: APTIDÕES CAPACIDADES

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE PROGRAMA Nº- 108

PREFEITURA MUNICIPAL DE VOLTA REDONDA SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO DEPARTAMENTO DE ORÇAMENTO E CONTROLE PROGRAMA Nº- 108 PROGRAMA Nº- 108 AMPLIAÇÃO DO PROJETO VOLTA REDONDA CIDADE DA MÚSICA SUB-FUNÇÃO: 361 ENSINO FUNDAMENTAL Proporcionar aos alunos da Rede Pública Municipal de Volta Redonda atividades musicais diversas nos

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS

ENSINO FUNDAMENTAL OBJETIVOS GERAIS. Linguagem Oral e Escrita. Matemática OBJETIVOS E CONTEÚDOS ENSINO FUNDAMENTAL OBJETIVOS GERAIS Conhecimento do Mundo Formação Pessoal e Social Movimento Linguagem Oral e Escrita Identidade e Autonomia Música Natureza e Sociedade Artes Visuais Matemática OBJETIVOS

Leia mais

Oficina de Teatro Ação de formação acreditada ( modalidade Curso) Conselho Científico da Formação Contínua/Acc /14

Oficina de Teatro Ação de formação acreditada ( modalidade Curso) Conselho Científico da Formação Contínua/Acc /14 Oficina de Teatro Ação de formação acreditada ( modalidade Curso) Conselho Científico da Formação Contínua/Acc- 76517/14 Duração: 25 horas presenciais Número de Créditos: 1 Destinatários: Educadores de

Leia mais

GESTÃO DE CONTEÚDOS 2017/2018

GESTÃO DE CONTEÚDOS 2017/2018 GESTÃO DE CONTEÚDOS 2017/2018 Ensino Básico 1.º Ciclo EXPRESSÕES ARTÍSTICAS 3.º ANO Domínios Subdomínios Conteúdos programáticos Nº Tempos previstos (Horas) Modelagem e escultura. Construções. - Estimular

Leia mais

PROJETO DE MONITORIA 2014

PROJETO DE MONITORIA 2014 PROJETO DE MONITORIA 2014 Centro Universitário SENAC: Curso: Design de Moda- Habilitação Estilismo Disciplina: Projeto de Moda I Professor responsável: Andrea Canton Período letivo: 1º / noite 1. Justificativa

Leia mais

Oficinas oferecidas. Oficina Conjunto de Flautas Doces. Oficina Conjunto de Violões. Oficina Coro Infantil

Oficinas oferecidas. Oficina Conjunto de Flautas Doces. Oficina Conjunto de Violões. Oficina Coro Infantil Oficinas oferecidas Oficina Conjunto de Flautas Doces O Conjunto de Flautas Doces é uma das oficinas do Projeto Prelúdio, as quais são atividades complementares coletivas oferecidas aos alunos dos cursos

Leia mais

11ª SEMANA DA MÚSICA DE OURO BRANCO

11ª SEMANA DA MÚSICA DE OURO BRANCO 11ª SEMANA DA MÚSICA DE OURO BRANCO Associação Cultural Casa de Música de Ouro Branco Av. Augusto Barbosa da Silva, 313, Pioneiros Ouro Branco-MG, 36420-000 000 (31) 3742-3553 3553 / (31) 9624-8059 O projeto

Leia mais

Curso Técnico Subsequente em Materiais Didáticos Bilíngue (Libras/Português) MATRIZ CURRICULAR. Móduloe 1 Carga horária total: 400h

Curso Técnico Subsequente em Materiais Didáticos Bilíngue (Libras/Português) MATRIZ CURRICULAR. Móduloe 1 Carga horária total: 400h Curso Técnico Subsequente em Materiais Didáticos Bilíngue (Libras/Português) CÂMPUS PALHOÇA BILÍNGUE MATRIZ CURRICULAR Móduloe 1 Carga horária total: 400h Projeto Integrador I 40 Não tem Aprendizagem Infantil

Leia mais

ENSINO FUNDAMENTAL. DIRETRIZES CURRICULARES Infantil ao 5º ANO MÚSICA

ENSINO FUNDAMENTAL. DIRETRIZES CURRICULARES Infantil ao 5º ANO MÚSICA CENTRO EDUCACIONAL CHARLES DARWIN ENSINO FUNDAMENTAL 2013 DIRETRIZES CURRICULARES Infantil ao 5º ANO MÚSICA OBJETIVOS GERAIS Explorar e identificar elementos da música para se expressar e interagir com

Leia mais

Justificativa. Centro Educacional Mundo do Saber. Palhoça, 18 de Fevereiro de Professora. Bárbara pereira. Turma. Maternal I.

Justificativa. Centro Educacional Mundo do Saber. Palhoça, 18 de Fevereiro de Professora. Bárbara pereira. Turma. Maternal I. Centro Educacional Mundo do Saber Palhoça, 18 de Fevereiro de 2013 Professora Bárbara pereira Turma Maternal I Projeto anual Justificativa O Projeto tem a importância essencial para a aprendizagem das

Leia mais

A Experiência do Pibid Música na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul: ação, reflexão e adaptação

A Experiência do Pibid Música na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul: ação, reflexão e adaptação A Experiência do Pibid Música na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul: ação, reflexão e adaptação Mariana de Araújo Stocchero (Pibid Música/UFMS) Resumo: O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação

Leia mais

3ª Priscila Marra. 1ª Série E.M.

3ª Priscila Marra. 1ª Série E.M. Artes 3ª Priscila Marra 1ª Série E.M. Competência Objeto de aprendizagem Habilidade COMPETÊNCIA 1 Compreender que a arte é uma linguagem que propicia o desenvolvimento da expressão, do senso crítico, estético,

Leia mais

PLANEJAMENTO ESTRATEGICO DO CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES Junho de 2014 a junho de 2016

PLANEJAMENTO ESTRATEGICO DO CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES Junho de 2014 a junho de 2016 PLANEJAMENTO ESTRATEGICO DO CURSO DE LICENCIATURA EM ARTES Junho de 2014 a junho de 2016 Apresentação O Curso de Licenciatura em Artes da tem como meta principal formar o professor de artes através de

Leia mais

PALAVRAS CANTADAS E ENCANTADAS

PALAVRAS CANTADAS E ENCANTADAS PALAVRAS CANTADAS E ENCANTADAS Sala 15 Temas Diversificados Ensino Médio Integral EE RYOITI YASSUDA Professores Apresentadores: Loris Frasinelli Lais Helena M.F.Guimarães Realização: Justificativa Considerando

Leia mais

I Atribuições e atividades profissionais relativas à qualificação ou à habilitação profissional, que justificam o desenvolvimento das competências pre

I Atribuições e atividades profissionais relativas à qualificação ou à habilitação profissional, que justificam o desenvolvimento das competências pre Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 59 aprovado pela portaria Cetec nº 746 de: 10 /09/2015 Etec Tiquatira Código: 208 Código: 208 Eixo Tecnológico: Produção Cultural e Design

Leia mais

PLANIFICAÇÃO ANUAL 6.º Ano

PLANIFICAÇÃO ANUAL 6.º Ano PLANIFICAÇÃO ANUAL 6.º Ano Disciplina de Educação Musical METAS DE APRENDIZAGEM Domínios e Subdomínios Desenvolvimento da Capacidade de Expressão e Comunicação: Interpretação e Comunicação INDICADORES

Leia mais

PROJETO: SOU LETRANDO.

PROJETO: SOU LETRANDO. PROJETO: SOU LETRANDO. Acadêmicos: Thainara Lobo e Ailton Ourique Escola Estadual de Ensino Fundamental Dr Mário Vieira Marques (CIEP) São Luiz Gonzaga, 2016 1.TEMA Projeto de Leitura: Sou Letrando. 2.PROBLEMA

Leia mais

Janeiro. Março/Abril

Janeiro. Março/Abril Outubro Jogos de exploração da voz Planificação Anual Expressão e Educação Musical 1.º ano 1º Período 2º Período 3º Período Dizer e entoar rimas e lengalengas Experimentar sons vocais (todos os que a criança

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL DA FONSECA, SANTIAGO DO CACÉM PLANIFICAÇAO DE OFICINA DE TEATRO ANO: 8º Ano ANO LECTIVO: 2008/2009 p.1/5

ESCOLA SECUNDÁRIA MANUEL DA FONSECA, SANTIAGO DO CACÉM PLANIFICAÇAO DE OFICINA DE TEATRO ANO: 8º Ano ANO LECTIVO: 2008/2009 p.1/5 p.1/5 SÓCIO-AFECTIVA 1. Dinâmica do Grupo 2. Dinâmica Individual 0. Aprofundar a dinâmica do Grupo Reconhecimento da nova realidade do Grupo. Comunicação com o outro e com o Grupo. Argumentação e negociação

Leia mais

Metas de Aprendizagem: Educação Musical (2º Ciclo)

Metas de Aprendizagem: Educação Musical (2º Ciclo) Metas de Aprendizagem: Educação Musical (2º Ciclo) Domínio: Desenvolvimento da Capacidade de Expressão e Comunicação Subdomínio: Interpretação e Comunicação Meta Final 1) O aluno canta a solo e em grupo,

Leia mais

CENTRO DE CONVIVÊNCIA ESCOLA BAIRRO ARNALDO ISIDORO DE LIMA RUA D Nº 520 VILA C FOZ DO IGUAÇU PR TEL/CEL

CENTRO DE CONVIVÊNCIA ESCOLA BAIRRO ARNALDO ISIDORO DE LIMA RUA D Nº 520 VILA C FOZ DO IGUAÇU PR TEL/CEL CENTRO DE CONVIVÊNCIA ESCOLA BAIRRO ARNALDO ISIDORO DE LIMA RUA D Nº 520 VILA C FOZ DO IGUAÇU PR TEL/CEL 3901 3401 8401 6115 08 de Maio 2015 CRONOGRAMA COMEMORAÇÃO DIA DAS MÃES Solenidade de abertura:

Leia mais

ESCOLA DE ARTES SOM LIVRE CURSOS DE MÚSICA E ARTES PARA 3º IDADE

ESCOLA DE ARTES SOM LIVRE CURSOS DE MÚSICA E ARTES PARA 3º IDADE CURSOS DE MÚSICA E ARTES PARA 3º IDADE O Curso de Artes na Maturidade, direcionado para o público de 50 anos em diante, se propõe a estimular a criatividade, ampliar o potencial expressivo e a socialização,

Leia mais

Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Instituto de Filosofia, Artes e Cultura (IFAC) Departamento de Música (DEMUS)

Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Instituto de Filosofia, Artes e Cultura (IFAC) Departamento de Música (DEMUS) 1 Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) Instituto de Filosofia, Artes e Cultura (IFAC) Departamento de Música (DEMUS) Curso de Licenciatura em Música DISCIPLINAS ELETIVAS / EMENTAS Análise Musical

Leia mais

Currículo da Oferta de Escola Música

Currículo da Oferta de Escola Música Departamento de Expressões Currículo da Oferta de Escola Música Competências Específicas As competências específicas a desenvolver na disciplina de Música são aqui apresentadas em torno de quatro grandes

Leia mais

Justificativas para a Lista de Material Pedagógico Berçário 1

Justificativas para a Lista de Material Pedagógico Berçário 1 PLANO DE UTILIZAÇÃO 2017 Justificativas para a Lista de Material Pedagógico Berçário 1 01- Livro de história (plástico ou tecido): usado como recurso lúdico-pedagógico para incentivar o interesse pela

Leia mais

Vamos brincar de construir as nossas e outras histórias

Vamos brincar de construir as nossas e outras histórias MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA Vamos brincar de construir as nossas e outras histórias Ano 02

Leia mais

CURSO: MÚSICA EMENTAS º PERÍODO

CURSO: MÚSICA EMENTAS º PERÍODO CURSO: MÚSICA EMENTAS - 2017.2 2º PERÍODO DISCIPLINA: TEORIA E PERCEPÇÃO MUSICAL II Desenvolvimento da percepção dos elementos da organização musical, através de atividades práticas; utilização de elementos

Leia mais

PROJETO ESPECIAL DE AÇÃO

PROJETO ESPECIAL DE AÇÃO PROJETO ESPECIAL DE AÇÃO - 2013 PORTARIA Nº 1.566 DE 18/03/08 Nome da Unidade Educacional EMEI MÁRIO SETTE Diretoria Regional de Educação CAMPO LIMPO Modalidade (art.2º): A tematização das práticas desenvolvidas

Leia mais

Colégio São Francisco de Assis Educar para a Paz e o Bem Província do SS. Nome de Jesus do Brasil.

Colégio São Francisco de Assis Educar para a Paz e o Bem Província do SS. Nome de Jesus do Brasil. Colégio São Francisco de Assis Educar para a Paz e o Bem Província do SS. Nome de Jesus do Brasil. Senhores pais ou responsável: Iremos iniciar as matrículas das atividades extracurriculares. INÍCIO DAS

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N DE 10 DE SETEMBRO DE 2007

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N DE 10 DE SETEMBRO DE 2007 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 3.603 DE 10 DE SETEMBRO DE 2007 Homologa o Parecer n. 028/07-CEG, que aprova o Projeto

Leia mais

Seleção para OFICINEIROS/2017 ESPAÇO CRIANÇA ESPERANÇA DE JABOATÃO

Seleção para OFICINEIROS/2017 ESPAÇO CRIANÇA ESPERANÇA DE JABOATÃO Seleção para OFICINEIROS/2017 ESPAÇO CRIANÇA ESPERANÇA DE JABOATÃO O Espaço Criança Esperança de Jaboatão (ECEJ) abre a seleção 2017 para Oficineiros habilitados a desenvolverem atividades de: Pedagogia

Leia mais

PROJETO DE EXTENSÃO SEM BOLSA 2016 CAMPUS BOA VISTA CENTRO

PROJETO DE EXTENSÃO SEM BOLSA 2016 CAMPUS BOA VISTA CENTRO PROJETO DE EXTENSÃO SEM BOLSA 2016 CAMPUS BOA VISTA CENTRO DIREX REGISTRO SOB Nº I - DADOS DE IDENTIFICAÇÃO 01. Título do Projeto Pintura em Tela 1.1.Temporalidade/Duração e Carga horária Data Início Data

Leia mais

PROJETO CONSTRUINDO SABERES

PROJETO CONSTRUINDO SABERES PROJETO CONSTRUINDO SABERES Justificativa: O Projeto Construindo Saberes em Língua Portuguesa e Matemática, justifica-se pela importância de ser um instrumento de apoio pedagógico e didático para sanar

Leia mais

Identificação. PROEX - Projeto de Extensão Universitária Página 1. Modalidade: Trâmite Atual: Ano Base: 2016 Título: Coordenador:

Identificação. PROEX - Projeto de Extensão Universitária Página 1. Modalidade: Trâmite Atual: Ano Base: 2016 Título: Coordenador: PROEX - Projeto de Extensão Universitária Página 1 Modalidade: Trâmite Atual: Com solicitação de bolsas e/ou recursos Identificação Ano Base: 2016 Título: O auxílio de softwares de CAD para o ensino de

Leia mais

CRITÉRIOS/INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO DO 1ºCICLO

CRITÉRIOS/INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO DO 1ºCICLO CRITÉRIOS/INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO DO 1ºCICLO CRITÉRIOS/INSTRUMENTOS DE AVALIAÇÃO - 1ºAno e 2ºAno de escolaridade Domínios Competências Avaliação Sabe escutar para reproduzir pequenas mensagens e para

Leia mais

InfoReggae. nº 104. Oficinas do AfroReggae

InfoReggae. nº 104. Oficinas do AfroReggae InfoReggae nº 104 Oficinas do AfroReggae Apresentação No dia 21 de janeiro de 2016, o Grupo Cultural AfroReggae completou 23 anos. Ao longo de mais de duas décadas, muita história foi construída: nossos

Leia mais

PROGRAMA CINEMA E TEATRO À SERVIÇO DA CIDADANIA E DO COMPORTAMENTO SUSTENTÁVEL

PROGRAMA CINEMA E TEATRO À SERVIÇO DA CIDADANIA E DO COMPORTAMENTO SUSTENTÁVEL PROGRAMA CINEMA E TEATRO À SERVIÇO DA CIDADANIA E DO COMPORTAMENTO SUSTENTÁVEL Oficinas de Cine Clube O projeto pretende oferecer aos jovens a oportunidade de atuarem como agentes culturais da comunidade

Leia mais

Interpretação e Dizer rimas e lengalengas; Criação e experimentação

Interpretação e Dizer rimas e lengalengas; Criação e experimentação AGRUPAMENTO DE ESCOLAS MARQUÊS DE MARIALVA - CANTANHEDE ATIVIDADES DE ENRIQUECIMENTO CURRICULAR DO 1.º CEB - ATIVIDADES LÚDICO-EXPRESSIVAS - EXPRESSÃO MUSICAL Planificação Anual 1 e 2º Anos 2015/2016 Blocos

Leia mais

Valores: R$ 21,00 (comerciário/dependente), R$ 37,00 (conveniado) e R$ 48,00 (usuário).

Valores: R$ 21,00 (comerciário/dependente), R$ 37,00 (conveniado) e R$ 48,00 (usuário). CURSOS DE MÚSICA DO SESC (2º Semestre) MODALIDADE INICIANTE 1) VIOLÃO POPULAR Este curso está direcionado ao estudo da música popular com acompanhamento harmônico. Serão praticadas canções do repertório

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2016 Ensino Técnico Plano de Curso nº 59 aprovado pela portaria Cetec nº 15 de 07/01/2009 Etec Tiquatira Código: 208 Município: São Paulo Eixo Tecnológico: Produção Cultural e

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 019/2016-CEPE/UNESPAR. Considerando o art. 7º, incisos I, II e VII do Regimento Geral da Unespar;

RESOLUÇÃO Nº 019/2016-CEPE/UNESPAR. Considerando o art. 7º, incisos I, II e VII do Regimento Geral da Unespar; RESOLUÇÃO Nº 019/2016-CEPE/UNESPAR Convalida as alterações e prazos de vigência da matriz curricular do curso de Composição e Regência do campus Curitiba I - EMBAP. Considerando o art. 7º, incisos I, II

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO ÓRGÃO/ENTIDADE PROPONENTE : SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL

IDENTIFICAÇÃO ÓRGÃO/ENTIDADE PROPONENTE : SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL IDENTIFICAÇÃO ÓRGÃO/ENTIDADE PROPONENTE : SECRETARIA DE ASSISTÊNCIA SOCIAL CNPJ: 15.275.128.0001/35 ENDEREÇO: RUA SÃO NICOLAU Nº79 CIDADE: NOVA CANDELÁRIA/RS CEP: 98.919-000 DDD/TELEFONE: 55 3616 6331

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL TENENTE JOSÉ LUCIANO Projeto: JOGAR, DIVERTIR E APRENDER COM A DONA MATEMÁTICA

ESCOLA ESTADUAL TENENTE JOSÉ LUCIANO Projeto: JOGAR, DIVERTIR E APRENDER COM A DONA MATEMÁTICA ESCOLA ESTADUAL TENENTE JOSÉ LUCIANO Projeto: JOGAR, DIVERTIR E APRENDER COM A DONA MATEMÁTICA - 2015...o brinquedo desperta interesse e curiosidade... Rubem Alves Autora: Rita Siqueira Público alvo: alunos

Leia mais

OFICINA DAS CORES. Eduardo Dias Mattos. Artes Visuais. Professor. Escola Estadual Júlio Conceição Cubatão / SP. DER-Santos

OFICINA DAS CORES. Eduardo Dias Mattos. Artes Visuais. Professor. Escola Estadual Júlio Conceição Cubatão / SP. DER-Santos OFICINA DAS CORES Professor Eduardo Dias Mattos Escola Estadual Júlio Conceição Cubatão / SP DER-Santos 2016 Artes Visuais Introdução O Projeto foi criado em 2006 pelo Arte Educador, Professor Eduardo

Leia mais

RESOLUÇÃO Nº 016/2016-CEPE/UNESPAR. Considerando o art. 7º, incisos I, II e VII do Regimento Geral da Unespar;

RESOLUÇÃO Nº 016/2016-CEPE/UNESPAR. Considerando o art. 7º, incisos I, II e VII do Regimento Geral da Unespar; RESOLUÇÃO Nº 016/2016-CEPE/UNESPAR Convalida as alterações e prazos de vigência da matriz curricular do curso Superior de Instrumento do campus Curitiba I - EMBAP. Considerando o art. 7º, incisos I, II

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA PLANO DE AÇÃO 2014

ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA PLANO DE AÇÃO 2014 ESCOLA ESTADUAL IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA PLANO DE AÇÃO 2014 NOVA ANDRADINA MS DEZEMBRO/2013 ESCOLA IRMAN RIBEIRO DE ALMEIDA SILVA PLANO DE AÇÃO 2014 Plano de ações previstas a serem executadas no

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS SÃO GABRIEL

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS SÃO GABRIEL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA CAMPUS SÃO GABRIEL PROJETO Teatro com enfoque biológico abordando os temas transversais Escola Municipal de Ensino Fundamental Presidente João Goulart Coordenadores Analía

Leia mais

O segundo workshop trata das questões da duração: pulso, métrica, andamento, agógica, sistemas rítmicos.

O segundo workshop trata das questões da duração: pulso, métrica, andamento, agógica, sistemas rítmicos. WorkShow O CÓDIGO MUSICAL Um curso dividido em 5 workshops, para todos - músicos, atores, bailarinos e demais, que pretendam desvendar os segredos da linguagem musical e suas aplicações nos mais diversos

Leia mais

PIZZA E POESIA. Em qualquer Esquina, Em qualquer Pizzaria.

PIZZA E POESIA. Em qualquer Esquina, Em qualquer Pizzaria. Introdução A poesia está bem próxima de nós, nas letras de música, nas brincadeiras infantis. A poesia está em toda parte. É só olhar em volta: no pulsar das estrelas, no sorriso de uma criança, no perfume

Leia mais

EDITAL 1/2017 I FESTIVAL DE ARTE E CULTURA DO UNIFEG EDITAL DE SELEÇÃO DE TRABALHOS

EDITAL 1/2017 I FESTIVAL DE ARTE E CULTURA DO UNIFEG EDITAL DE SELEÇÃO DE TRABALHOS EDITAL 1/2017 I FESTIVAL DE ARTE E CULTURA DO UNIFEG EDITAL DE SELEÇÃO DE TRABALHOS A Pro-reitoria Acadêmica do UNIFEG instituiu como Atividade Complementar dos Cursos de Nível Superior o FESTIVAL DE ARTE

Leia mais

OBJETIVOS DO CURSO DE ENFERMAGEM

OBJETIVOS DO CURSO DE ENFERMAGEM FACULDADE DO NORTE GOIANO OBJETIVOS DO CURSO DE ENFERMAGEM Objetivos do curso O Curso de Graduação em Enfermagem tem por objetivo formar bacharel em enfermagem (enfermeiro) capaz de influenciar na construção

Leia mais

Título: Viajando pelo Universo da Leitura Justificativa:

Título: Viajando pelo Universo da Leitura Justificativa: Título: Viajando pelo Universo da Leitura Justificativa: Sabendo que o aluno tem pouco contato com a leitura em seu ambiente familiar, apresentando na escola dificuldades de aprendizagem, decorrentes dessa

Leia mais

Biblioteca de São Paulo

Biblioteca de São Paulo Ações Culturais Biblioteca de São Paulo Inaugurada em oito de fevereiro de 2010 na Zona Norte da capital, é um equipamento da Secretaria de Estado da Cultura do Governo do Estado de São Paulo, com o objetivo

Leia mais

O RIZZINI EM FAVOR DA PAZ

O RIZZINI EM FAVOR DA PAZ O RIZZINI EM FAVOR DA PAZ EMEF: Carlos de Andrade Rizzini 2011 PROJETO O RIZZINI EM FAVOR DA PAZ Ano de 2011. Professora responsável: Renilda Duraes Viana EMEF: Carlos de Andrade Rizzini Tempo de duração:

Leia mais

FORMULÁRIO PARA PROPOSTA DE CURSOS

FORMULÁRIO PARA PROPOSTA DE CURSOS Câmpus: CAMPUS BOA VISTA CENTRO REGISTRO Nº Título do Curso: VAMOS HABLAR ESPAÑOL PARA INICIANTES i Linhas de Extensão ( ) Acessibilidade ( ) Artes patrimônio histórico - Cultural ( ) Comunicação Mídia

Leia mais

COORDENAÇÃO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES OFICINAS 2014 MATRÍCULAS: DE 27 DE FEVEREIRO A 06 DE MARÇO

COORDENAÇÃO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES OFICINAS 2014 MATRÍCULAS: DE 27 DE FEVEREIRO A 06 DE MARÇO COORDENAÇÃO DE ATIVIDADES COMPLEMENTARES OFICINAS 2014 MATRÍCULAS: DE 27 DE FEVEREIRO A 06 DE MARÇO LÍNGUA ESTRANGEIRA ALEMÃO Profª Lourdes Sufredini Profª Luciane Probst Unidade de Ensino I Prédio João

Leia mais

COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA

COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA SGAS Quadra 906 Conjunto E Brasília - DF Telefone: (61) 3443-7878 Site: www.lasalledf.com.br E-mail: lasalledf@lasalledf.com.br DIRETRIZES CURRICULARES Série: Maternal 2 1º Período

Leia mais

Impressionismo e Pós Impressionismo

Impressionismo e Pós Impressionismo Escola Estadual Dr.Martinho Marques Edna Terezinha Perigo Barreto Pigari Baptista Impressionismo e Pós Impressionismo Taquarussu - Agosto de 2009. Escola Estadual Dr.Martinho Marques Edna Terezinha Perigo

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL LUIS VAZ DE CAMÕES. Ipezal/Angélica - MS DIADOS PAIS. Ipezal/Angélica MS

ESCOLA ESTADUAL LUIS VAZ DE CAMÕES. Ipezal/Angélica - MS DIADOS PAIS. Ipezal/Angélica MS ESCOLA ESTADUAL LUIS VAZ DE CAMÕES Ipezal/Angélica - MS DIADOS PAIS Ipezal/Angélica MS Maio/2012 ESCOLA ESTADUAL LUIS VAZ DE CAMÕES Ipezal/Angélica - MS GISLAYNE DE ARAUJO TEIXEIRA PROFESSORAS RESPONSÁVEIS:

Leia mais

estudo das cores e as formas formas geométricas.

estudo das cores e as formas formas geométricas. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE RORAIMA CEDUC - CENTRO DE EDUCAÇÃO COORDENAÇÃO GERAL DA EDUCAÇÃO BÁSICA COLÉGIO DE APLICAÇÃO PLANO BIMESTRAL 1º BIMESTRE DISCIPLINA SÉRIE (S) TURMA (S) Arte

Leia mais

Documento Base (Formulação Preliminar) Comissão SEB/MEC - Fev/2016

Documento Base (Formulação Preliminar) Comissão SEB/MEC - Fev/2016 Documento Base (Formulação Preliminar) Comissão SEB/MEC - Fev/2016 Orientações para cursos de Formação de Professores, nas áreas de Didática, Metodologias e Práticas de Ensino Estrutura do documento I.

Leia mais

Barulho Empreendedor Escola Estadual João XXIII Sala 8 - Sessão 2

Barulho Empreendedor Escola Estadual João XXIII Sala 8 - Sessão 2 Barulho Empreendedor Escola Estadual João XXIII Sala 8 - Sessão 2 Professor(es) Apresentador(es): Kátia Valéria C.T.Peressinotto Marilda Suzani Gonçalves Realização: Foco Desenvolver competências e habilidades

Leia mais

Curso de Extensão em Música 2017/1

Curso de Extensão em Música 2017/1 Universidade Federal do Rio Grande - FURG Pró-Reitoria de Extensão e Cultura - PROEXC Diretoria de Arte e Cultura - DAC Núcleo de Extensão em Música Curso de Extensão em Música 2017/1 Rio Grande, 20 de

Leia mais

-TALENTOS OBJETIVOS GERAIS:

-TALENTOS OBJETIVOS GERAIS: SHOW CON-TALENTOS OBJETIVOS GERAIS: Aguçar e trazer à tona os talentos e as habilidades artísticas (musicais e corporais) de nossos educandos; Estimular, integrar e socializar a produção artística e a

Leia mais

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR

DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR DADOS DO COMPONENTE CURRICULAR Disciplina: Artes Curso: Técnico Em Eletromecânica Integrado Ao Ensino Médio Série: 1º Carga Horária: 67 h.r Docente Responsável: EMENTA O universo da arte, numa abordagem

Leia mais

ANEXO III DA ENTREVISTA ITEGO BASILEU FRANÇA

ANEXO III DA ENTREVISTA ITEGO BASILEU FRANÇA ANEXO III DA ENTREVISTA ITEGO BASILEU FRANÇA CÓD. Cargo Modalidade/Tema 200 Arquivista Avaliação prática: Digitalizar um trecho de uma obra sinfônica no programa Finale. 201 Assistente de comunicação Entrevista

Leia mais

Educação Musical com Ênfase em Música popular Objetivo do curso:

Educação Musical com Ênfase em Música popular Objetivo do curso: Com carga horária de 420 horas o curso Educação Musical com Ênfase em Música popular é desenvolvido em sistema modular, com 01 encontro por bimestre (total de encontros no curso: 04) para avaliação nos

Leia mais

GESTÃO DE CONTEÚDOS 2017/2018

GESTÃO DE CONTEÚDOS 2017/2018 GESTÃO DE CONTEÚDOS 2017/2018 Ensino Básico 1.º Ciclo EXPRESSÕES ARTÍSTICAS 1.º ANO Domínios Subdomínios Conteúdos programáticos Modelagem e Escultura -Desenvolver a motricidade fina. - Explorar e tirar

Leia mais

Grupo Pet/Artes Música da Universidade Estadual de Montes Claros: Práticas de intervenções para o desenvolvimento do ensino de música nas escolas

Grupo Pet/Artes Música da Universidade Estadual de Montes Claros: Práticas de intervenções para o desenvolvimento do ensino de música nas escolas Grupo Pet/Artes Música da Universidade Estadual de Montes Claros: Práticas de intervenções para o desenvolvimento do ensino de música nas escolas Lívia Danielle C. Fernandes Universidade Estadual de Montes

Leia mais

PLANO DE AULAS. P3) Montagem de painel criativo com o tema educação ambiental e ocupação urbana. Valor 10 pontos.

PLANO DE AULAS. P3) Montagem de painel criativo com o tema educação ambiental e ocupação urbana. Valor 10 pontos. PLANO DE AULAS 1 IDENTIFICAÇÃO Curso: Licenciatura em Matemática Componente Curricular/Disciplina: Leitura, Interpretação e Produção de Textos Carga Horária Total: 63,3h - Aulas semanais: 4 Professor(es)

Leia mais

1.1. Identificar os elementos de composição de obras de artes visuais Usar vocabulário apropriado para a análise de obras de artes visuais.

1.1. Identificar os elementos de composição de obras de artes visuais Usar vocabulário apropriado para a análise de obras de artes visuais. Conteúdo Básico Comum (CBC) em Arte do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano Os tópicos obrigatórios são numerados em algarismos arábicos Os tópicos complementares são numerados em algarismos romanos Eixo

Leia mais

02/05/14. Para início de Conversa. Tema 1 - A importância das Artes na Infância. Objetivos

02/05/14. Para início de Conversa. Tema 1 - A importância das Artes na Infância. Objetivos Tema 1 - A importância das Artes na Infância Para início de Conversa Objetivos Conhecer a importância do ensino das artes na educação infantil. Compreender a diferença das abordagens inatista e pragmática

Leia mais

Conteúdo Básico Comum (CBC) de Artes do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano Exames Supletivos / 2013

Conteúdo Básico Comum (CBC) de Artes do Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano Exames Supletivos / 2013 SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS SUBSECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO BÁSICA SUPERINTENDÊNCIA DE DESENVOLVIMENTO DO ENSINO MÉDIO DIRETORIA DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS Conteúdo

Leia mais

Sejam Bem-vindos! Curso de Preparação de Palestrantes Espíritas - FEDF - - TURMA AGOSTO/2016

Sejam Bem-vindos! Curso de Preparação de Palestrantes Espíritas - FEDF - - TURMA AGOSTO/2016 Curso de Preparação de Palestrantes Espíritas Sejam Bem-vindos! -8h15min Recepção e café Música no salão Gilza Aparecida -8h50 Leitura de preparação -8h55 Prece de abertura - FEDF - - TURMA AGOSTO/2016

Leia mais

Em busca da Felicidade E.E. Profª Irene Ribeiro

Em busca da Felicidade E.E. Profª Irene Ribeiro Em busca da Felicidade E.E. Profª Irene Ribeiro Professor(es) Apresentador(es): Tatiana Yukie Nakamoto Elenice Fernandes Realização: Foco do Projeto A cultura circense foi trazida para o contexto escolar

Leia mais

COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA

COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA COLÉGIO LA SALLE BRASÍLIA SGAS Quadra 906 Conjunto E Brasília - DF Telefone: (61) 3443-7878 Site: www.lasalledf.com.br E-mail: lasalledf@lasalledf.com.br DIRETRIZES CURRICULARES Maternal 3 1º Período Conteúdo

Leia mais

Colégio Valsassina. Modelo pedagógico do jardim de infância

Colégio Valsassina. Modelo pedagógico do jardim de infância Colégio Valsassina Modelo pedagógico do jardim de infância Educação emocional Aprendizagem pela experimentação Educação para a ciência Fatores múltiplos da inteligência Plano anual de expressão plástica

Leia mais

DESCRITIVO TÉCNICO. Data de Revisão: Dezembro Data de Aprovação: 10 de Novembro de 2005

DESCRITIVO TÉCNICO. Data de Revisão: Dezembro Data de Aprovação: 10 de Novembro de 2005 DESCRITIVO TÉCNICO OCUPAÇÃO 29 Data de Aprovação: 10 de Novembro de 2005 Data de Revisão: Dezembro 2005 A comissão de Diretores do SENAI, Coordenadora das Olimpíadas do Conhecimento, determina, de acordo

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 22 DE JANEIRO DE 2014

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N , DE 22 DE JANEIRO DE 2014 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO RESOLUÇÃO N. 4.478, DE 22 DE JANEIRO DE 2014 Aprova o Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em

Leia mais

OFERTA DE COMPONENTES CURRICULARES 2016/2

OFERTA DE COMPONENTES CURRICULARES 2016/2 OFERTA DE COMPONENTES CURRICULARES 2016/2 2º Semestre (Turma 2016) Fundamentos da Educação Musical II Fundamentos da Educação Musical II I Fundamentos Teóricos da Música II I Fundamentos Teóricos da Música

Leia mais

Foto Carga Horária: 15h presenciais. Facilitador: Sandro Barros. Objetivo:

Foto Carga Horária: 15h presenciais. Facilitador: Sandro Barros. Objetivo: Foto Calabor@tiva Carga Horária: 15h presenciais Facilitador: Sandro Barros Objetivo: O objetivo é estimular crianças e jovens a utilizar a linguagem fotográfica como elemento alternativo e visual, despertando

Leia mais

MARIA CRISTINA BRITO. 4ª feira 9 às 13 horas. Ester Leão (2º andar) 15 vagas

MARIA CRISTINA BRITO. 4ª feira 9 às 13 horas. Ester Leão (2º andar) 15 vagas 1 NOME DA DISCIPLINA: SALA O ATOR NO TEATRO DA CRUELDADE DE ANTONIN ARTAUD 2 MARIA CRISTINA BRITO 4ª feira 9 às 13 horas Ester Leão (2º andar) Interpretação I e II / ou / Atuação Cênica I e II / e / O

Leia mais

ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE

ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE IVINHEMA MS MAIO DE 2010 ESCOLA ESTADUAL ANGELINA JAIME TEBET FAZENDO POP ARTE Projeto de formação e ensino elaborado pelo professor da STE Ivair Ribeiro

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ANIMAÇÃO E DE APOIO À FAMILIA. Ano letivo 2016/2017

PLANIFICAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ANIMAÇÃO E DE APOIO À FAMILIA. Ano letivo 2016/2017 Ano letivo 2016/2017 ATIVIDADE DE EXPRESSÃO MOTORA 1º/2º/3º Período Deslocamentos e - Desenvolver a coordenação - Realização de corrida e transposição de obstáculos; Participação e equilíbrios motora global

Leia mais

ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR JOÃO DE LIMA PAES PROJETO INTERDISCIPLINAR DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA CONSTRUINDO GRÁFICOS DE SETORES E RECEITAS

ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR JOÃO DE LIMA PAES PROJETO INTERDISCIPLINAR DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA CONSTRUINDO GRÁFICOS DE SETORES E RECEITAS ESCOLA MUNICIPAL PROFESSOR JOÃO DE LIMA PAES PROJETO INTERDISCIPLINAR DE LÍNGUA PORTUGUESA E MATEMÁTICA CONSTRUINDO GRÁFICOS DE SETORES E RECEITAS NOVA ANDRADINA- MS 2014 INTRODUÇÃO É preciso que a educação

Leia mais