CARINA CARELI DE ALMEIDA RAFAEL PERTEL DE BIASE MARTINS EM BUSCA DO PERFIL IDEAL PARA EXCELENCIA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CARINA CARELI DE ALMEIDA RAFAEL PERTEL DE BIASE MARTINS EM BUSCA DO PERFIL IDEAL PARA EXCELENCIA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS"

Transcrição

1 CARINA CARELI DE ALMEIDA RAFAEL PERTEL DE BIASE MARTINS EM BUSCA DO PERFIL IDEAL PARA EXCELENCIA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS Monografia apresentada ao Curso de MBA em Gerenciamento de Projetos da Universidade Federal Fluminense, como requisito parcial para a obtenção do título de Especialista em Gerenciamento de Projetos. Orientador: José Rodrigues de Farias Filho, D.Sc. Niterói 2005

2 CARINA CARELI DE ALMEIDA RAFAEL PERTEL DE BIASE MARTINS EM BUSCA DO PERFIL IDEAL PARA EXCELENCIA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS Monografia apresentada ao Curso de MBA em Gerenciamento de Projetos da Universidade Federal Fluminense, como requisito parcial para a obtenção do título de Especialista em Gerenciamento de Projetos. Aprovado em 24 de Setembro de BANCA EXAMINADORA José Rodrigues de Farias Filho, D.Sc. Luiz Claudio Meuren, PMP, Esp. Luiz Antonio da Paz Campagnac, M.Sc. Mara Telles Salles, D.Sc.

3 AGRADECIMENTOS À Deus pelo dom da vida, saúde e oportunidades, suficiente para sermos felizes. À nossas famílias, em especial à Letícia Spinelli e Júlio Reymão, pelo apoio, incentivo, consideração, compreensão e paciência durante os anos de curso. Aos professores, em especial ao nosso Orientador, pelos inúmeros e gigantescos trabalhos, pelas noites mal dormidas, pelas refeições corridas; mas principalmente por acreditarem e persistirem na nossa formação, pois graças a tudo isso, estamos concretizando mais um sonho. Aos colegas de curso, por transformarem a árdua tarefa do sábado em algo mais prazeroso e completo; pelas brincadeiras; pela divisão de tarefas, sofrimentos e alegrias. Pois juntos conseguimos realizar um projeto de sucesso, atendendo ao escopo esperado, com algumas poucas alterações nos prazos e custos. Em especial ao Prof. Jose Roberto Villa Vicêncio, por me apresentar a cadeira de gerenciamento de projetos, conquistando meu interesse pelo assunto.

4 RESUMO Esta monografia tem como objetivo identificar e caracterizar o perfil de gerente de projetos demandado pelo mercado nacional, somado as contribuições oferecidas pelas instituições de gerenciamento de projetos através de seus guias de conhecimento: PMI (PMBOK) e IPMA (ICB / RCB). Para realização do trabalho foi aplicada uma pesquisa de campo a profissionais da área de gerenciamento de projetos, com objetivo de identificar este perfil. Através de pesquisa bibliográfica foi possível caracterizar e descrever as habilidades encontradas neste perfil e as contribuições dos guias PMBOK e ICB/RCB a este gestor. Ao final, foram identificadas as quatro áreas das quais é composto o perfil de um gerente de projetos, sendo elas: conhecimento, experiência, habilidades pessoais e personalidade. Sendo o conhecimento e a experiência fatores necessários para a realização de qualquer trabalho e as mais fáceis de se atingir. Enquanto as habilidades pessoais e personalidade fatores essenciais para que um gestor alcance o sucesso. Palavras-chave: Experiência, personalidade, gestão.

5 ABSTRACT The aim of this monograph is identifying and characterizing the project manager profile demanded by the Brazilian market, adding some contributions offered by project management institutions to this profile through their bodies of knowledge (PMBOK) e IPMA (ICB / RCB). To realize this monograph, was necessary identifying the profile of this project manager. It was done by some interviews with people who work at the project management market. To make a description of the skills of this profile and the contributions of the guides PMBOK and ICB/RCB to this manager, it was necessary to make a bibliography research. At the end of this monograph, it was identified four areas that the skills are blocked. They are: knowledge, experience, personal skills and personality. The knowledge and the experience are essential to realize any work, but easier. The personal skills and the good personality are crucial to a manager reach success. Keywords: Experience, personality, management.

6 LISTA DE ILUSTRAÇÕES Gráfico 1 Resultados da pesquisa realizada pelo Standish Group. (CLANCY, 2005) 11 Gráfico 3 Evolução da população economicamente ativa. (IBGE, 06/09/2005) 14 Gráfico 4 Evolução da população com 11 anos ou mais de estudo (nível superior completo ou incompleto) no Brasil (IBGE, 06/09/2005) 14 Gráfico 2 Evolução da Indústria Nacional (IBGE, 06/09/2005) 13 Figura 1 Linha do Tempo do Gerenciamento de Projetos 19 Figura 2 Fases evolutivas do Gerenciamento de Projetos (PEREIRA, 2005) 20 Gráfico 5 Evolução de Membros PMI Brasil (PEREIRA, 2005) 22 Figura 3 Estrutura de nivelamento do IPMA (CAUPIN, et al., 1999) 24 Quadro 1 Tempo de Experiência Profissional 28 Quadro 2 Tempo de Experiência em Projetos 28 Quadro 3 - Perfil dos entrevistados 28 Quadro 4 Resultado da Pesquisa de Campo 31 Figura 4 Esquema de agrupamento das qualidades de gerente de projetos encontradas em pesquisa Gráfico 6 Resultado Condensado da Pesquisa de Campo 32 Figura 5 Competências do Gerente de Projetos 33 Figura 6 Importância das metodologias de gerenciamento de projetos 34 Figura 7 Habilidade pessoais de um gerente de projetos 36 Figura 8 Semelhanças e diferenças entre metodologias 43 Figura 9 Caminho da maturidade do gerente de projetos (KELBER, 2005) 51

7 LISTA DE SIGLAS ABGP AFITEP APMI APOGEP CPD CPM FGV IBGE ICB IPMA OBS PDP PMBOK PMI PMJ PMP PMQ RCB SIG UFF UFRJ WBS Associação Brasileira de Gerenciamento de Projetos Association Francophone de Management de Projet Australian Project Management Institute Associação Portuguesa de Gerência de Projetos Certificated Project Director Certificated Project Manager Fundação Getúlio Vargas IPMA Competence Baseline International Project Management Association Organizaztion Breakdown Structure Professional Development Program Guia de Conhecimento em Gerenciamento de Projetos Project Management Institute Project Management Journal Project Management Professional Project Management Quarterly Referencial Brasileiro de Competências em Gerenciamento de Projetos Specific Interest Groups Universidade Federal Fluminense Universidade Federal do Rio de Janeiro Work Breakdown Structure

8 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO CONTEXTUALIZAÇÃO DO TEMA O PROBLEMA O OBJETIVO A JUSTIFICATIVA DO TRABALHO ESTRUTURA DO TRABALHO 17 2 A HISTÓRIA DO GERENCIAMENTO DE PROJETO E DE SUAS INSTITUIÇÕES O PMI - PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE O IPMA - INTERNATIONAL PROJECT MANAGEMENT ASSOCIATION (ARTTO AND WIKSTROM, 2005) 22 3 PESQUISA DE CAMPO: UM LEVANTAMENTO DO PERFIL DO GP NO BRASIL PESQUISA EXPLORATÓRIA O QUESTIONÁRIO O UNIVERSO DA PESQUISA ANÁLISE DO PERFIL LEVANTADO 28 4 UMA ABORDAGEM EXPLICATIVA DAS HABILIDADES LEVANTADAS EM PESQUISA APURAÇÃO DAS RESPOSTAS APRESENTADAS EM PESQUISA COMPETÊNCIA DE UM GERENTE DE PROJETOS Conhecimento em metodologias e ferramentas de GP Habilidades Pessoais Experiência de Mercado Atitudes e Comportamento 40 5 UMA ANÁLISE DAS CONTRIBUIÇÕES DO PMBOK E DO ICB PARA OS GESTORES NACIONAIS AS METODOLOGIAS ESTUDADAS AS CONTRIBUIÇÕES DAS METODOLOGIAS PARA O PERFIL BRASILEIRO DE GERENTE DE PROJETOS 44

9 5.2.1 Ter liderança Ter experiência de mercado Ter Visão Sistêmica Ter conhecimento em metodologias e ferramentas de GP Ter organização Ter ótimo relacionamento interpessoal Ter comunicação eficaz Ter capacidade de gerenciamento de equipe Ser Pró-ativo Ter Foco na Obtenção de Resultados 49 6 CONCLUSÃO 50 7 SUGESTÕES 53 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 55

10 10 1 INTRODUÇÃO 1.1 CONTEXTUALIZAÇÃO DO TEMA No mundo atual, o assunto Projetos vem ganhando cada dia mais fama. As organizações vêm se projetizando e cada vez mais tarefas e melhorias são tratadas como projetos. Segundo o Referencial Brasileiro de Competências em Gerenciamento de Projetos da ABGP : Um projeto é definido como uma conjugação de esforços em que recursos humanos, materiais e financeiros são organizados de forma inovadora para realizar um tipo único de trabalho de acordo com especificações previamente definidas, com limitações de custos e de tempo, seguindo um ciclo de vida padrão e tendo em vista a obtenção de uma mudança benéfica para a organização, definida por objetivos quantitativos e qualitativos. (SANTOS, 2004) Com a constante redução da vida útil dos produtos e a grande competição do mercado as organizações são levadas a elaborar projetos de novos produtos, que trazem consigo projetos de novos investimentos ou de modificação de mecanismos de produção, que por sua vez desencadeiam projetos de reorganização e projetos de softwares. Tornando, assim, o gerenciamento de projetos uma prática crescente e essencial para a saúde dos negócios. (ASSOCIATION..., 2005) Para Kerzner (2001), com as constantes fusões e aquisições de empresas no atual mundo globalizado, o gerenciamento de projetos multinacionais será um dos grandes desafios da próxima década. Segundo o IPMA Competence Baseline (CAUPIN et al., 1999): O Gerenciamento de Projetos consiste em planejar, organizar, acompanhar e dominar todos os aspectos de um projeto, assim que a motivação de todos os implicados no projeto, de forma a atingir os objetivos da forma correta e dentro dos critérios definidos de custo, tempo e performance. Isso inclui as tarefas de gerenciamento necessárias às performances do projeto. (CAUPIN et al., 1999)

11 11 O crescimento do gerenciamento de projeto trás consigo a necessidade das empresas se projetizarem. Estas empresas incorporaram a visão de gestão de projetos em sua cultura e como estratégia organizacional e são caracterizadas pela existência de uma cultura de projetos explícita, considerada um processo de negócios, no qual existem procedimentos específicos e um entendimento comum de sua performance, as regras de projeto envolvidas, e os métodos de gerenciamento de projetos a serem aplicados. (GAREIS, 2000) Pesquisa do relatório CHAOS 100% 90% 45% 63% 80% 23% 70% 60% 50% 40% 28% 198% 222% % 20% 10% 16% 31% 0% Projetos com Tempo, Custo e esopo ok Projetos Cancelados O quanto os projetos excedem orçamento O quanto os projetos excedem prazo Gráfico 1 Resultados da pesquisa realizada pelo Standish Group. Fonte: Clancy (2005) Para melhor exemplificar a importância da utilização das técnicas de gerenciamento de projetos por organizações e a tendência de evolução do tema à proporção que mais e mais empresas aderem a ele, apresentamos dois cenários identificados por uma pesquisa realizada pela consultoria The Standish Group (ver Gráfico 1), publicada no relatório CHAOS (CLANCY, 2005). Nesta pesquisa foram analisados cerca de projetos de aplicações de Tecnologia da Informação em grandes empresas norte-americanas, com um cenário em 1994 e outro em Tendo os seguintes resultados: Uma outra pesquisa realizada por Herzon Filho (2004) no segundo semestre de 2003, tem como objetivo traduzir a maturidade em gerenciamento de projetos das empresas nacionais. A pesquisa foi aplicada a 60 empresas dos ramos de

12 12 construção; tecnologia e telecomunicações; petróleo, gás e energia e outros setores (como bancos, farmacêuticos, serviços, manufatura, etc); apresentando as seguintes conclusões: Sobre a distribuição por estrutura organizacional, o país conta com 8% de empresas projetizadas; competindo com 31% de empresas tradicionais, 18% de empresas de matriz forte e, em sua maioria, 43% de empresas de matriz fraca. Onde nesta distribuição, o setor de construção é o que apresenta a maior porcentagem, 50%, de empresas tradicionais e também de empresas projetizadas, com 17%. (HERZON FILHO, 2004) Em 25% das empresas a alta administração considera a gestão de projetos com uma importância Muito Alta e 42% com uma importância Alta. Destas, 27% sempre têm o gerenciamento de projetos alinhado com o Planejamento Estratégico da Empresa e 62% têm na maioria das vezes. (HERZON FILHO, 2004) Sobre os critérios utilizados para a escolha de um gerente de projetos 100% procuram por profissionais com Disponibilidade, 80% escolhe seus profissionais através de Recomendação da alta gerência, 62% por Interesse pessoal, 52% por Recomendação do cliente, 23% por Influência da alta administração e 21% por Certificação PMP. (HERZON FILHO, 2004) Quanto à utilização de uma metodologia de gerenciamento de projetos, 14% das empresas não possuem uma metodologia, 42% trabalham com somente 1 metodologia, 18% aplicam de 2 a 3 métodos, 3% aplicam mais de 5 em quanto 23% estão em processo de implementação de alguma metodologia de gerenciamento de projetos. (HERZON FILHO, 2004) Para melhor entender a necessidade de projetização das empresas, deve-se analisar o crescimento das mesmas. A nossa economia tem passado por constantes transformações que obrigam as organizações a estarem constantemente em inovação para garantir sua sobrevivência no mercado. De acordo com o Gráfico 2, fonte IBGE, é possível observar um crescimento acumulado da indústria brasileira nos últimos doze meses de 6,7%. (INSTITUTO..., 2005)

13 Indústria Geral Índices de Base Fixa (2002=100) Série com Ajuste Sazonal Jan 03 Mar Mai Jul Set Nov Jan 04 Mar Mai Jul Set Nov Jan 05 Mar Mai Média Móvel Trimestral Índice de Base Fixa Gráfico 2 Evolução da Indústria Nacional Fonte: Instituto... (2005) O crescimento industrial traz consigo a necessidade de empregar mão-deobra, desde os cargos operários até os administrativos. O Gráfico 3 apresenta a evolução do total da população nacional economicamente ativa desde março de 2002 a julho de (INSTITUTO..., 2005) Assim como uma cadeia, para que tenhamos crescimento industrial, precisamos do crescimento da população economicamente ativa e, para que tenhamos o crescimento desta população, precisamos que ela aumente seu grau de instrução. O Gráfico 4 representa a evolução da população com 11 ou mais anos de estudo, o que representa grau superior completo ou incompleto, no Brasil de março de 2002 a Julho de (INSTITUTO..., 2005)

14 14 Evolução da População Economicamente Ativa do Brasil Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Gráfico 3 Evolução da população economicamente ativa Fonte: Instituto... (2005) Evolução da população com 11 anos ou mais de estudo no Brasil (Nível superior completo ou incompleto) Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Gráfico 4 Evolução da população com 11 anos ou mais de estudo (nível superior completo ou incompleto) no Brasil Fonte: Instituto... (2005) Os resultados destas pesquisas demonstram a crescente necessidade do mercado por profissionais habilitados e que sejam aptos a se adaptar as metodologias e organizações projetizadas. Como auxílio a estes profissionais, existe hoje, tanto cursos de especialização oferecidos pelas instituições de ensino como as próprias instituições de gerenciamento de projetos, que oferecem metodologias de

15 15 gerenciamento de projeto com padrões estabelecidos, provê seminários, programas educacionais e certificação profissional. No Rio de Janeiro, encontramos inúmeras instituições que oferecem cursos de especialização em gerenciamento de projetos; como por exemplo a UFF Universidade Federal Fluminense, FGV Fundação Getúlio Vargas, UFRJ Universidade Federal do Rio de Janeiro, entre outras. Estes cursos Lato sensu, não levam diretamente à certificação nem à prática, mas oferecem aos interessados o caminho para o conhecimento do gerenciamento de projetos através de teoria, estudos de casos e simulações em sala de aula. A instituição de gerenciamento de projetos mais divulgada no país é sem dúvida o PMI, porém ela não está só. Já contamos também com a Associação Brasileira de Gerenciamento de Projetos (ABGP) que é a representante nacional do IPMA. Tanto o PMI quanto o IPMA possuem reconhecimento internacional, são representadas em diversos países, e têm também certificações internacionais. O PMI, sediado hoje na Filadélfia, nos Estados Unidos, foi criado em 1969 por cinco voluntários. Ao final da década de 70, após difundir o instituto através dos chamados PMQs (Project Management Quarterly), posteriormente denominados de PMJs (Project Management Journal), o PMI já possuía mais de associados em todo o mundo. Durante a década de 80 nasceu o código de ética do PMI. Nesta mesma época foi co-publicado o primeiro livro do PMI e foi lançada a revista PMNetwork. (PROJECT..., 2005a) No início da década de 90 o PMI já possuía mais de associados e esse número crescia aproximadamente 20%a.a. Nesta mesma década foi publicada a primeira versão do PMBOK (PROJECT..., 2002) e criado o PDP (Professional Development Program), para que os profissionais PMP (Project Management Professional) mantenham seus certificados. No começo do século XXI o PMI já tinha mais de associados e mais de PMPs associados. (PROJECT..., 2005a) O IPMA surgiu após uma discussão em grupo de gerentes de projetos internacionais, ocorrida em Em 1967, em Viena, o primeiro congresso internacional aconteceu com a reunião de profissionais do ramo de projetos de 30 países. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) Hoje, o IPMA é composto por uma rede de 28 associações de diferentes nacionalidades, que representam aproximadamente membros associados.

16 16 Isso permite que o exercício do gerenciamento de projeto seja específico para cada cultura, em todo tipo de projeto. O instituto é dirigido por um Conselho de Delegados de cada instituição nacional, eleitos a cada dois anos, que decidem regulamentos, aprovam projetos internos, entre outras funções. No Brasil, contamos com a ABGP, que é filiada ao instituto desde julho de (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) 1.2 O PROBLEMA Com a crescente do gerenciamento de projetos, cada vez mais é exigido de seus gestores o desenvolvimento e aumento de desempenho com o objetivo de se atingir a eficácia. Na busca por essa excelência, muitos profissionais procuram no PMBOK, ICB e em outros guias o respaldo para elevar sua competência em gestão de projetos; e nas respectivas certificações atestar sua maturidade. As instituições oferecem aos profissionais que trabalham com projetos um largo material que pode auxiliá-los na parte organizacional e metodológica do gerenciamento, porém elas ainda faltam com itens, os quais ainda não se aprofundaram no contexto de que o ser humano e suas interfaces estão cada vez mais implícitos nos projetos e que são estes recursos os mais importantes e complexos de se gerenciar, como o comportamento humano e a experiência profissional. 1.3 O OBJETIVO É clara a importância e obrigatoriedade de organização e metodologia em qualquer tipo de gerenciamento, porém somente estes quesitos não são suficientes para garantir a eficácia e o sucesso de um projeto, sendo o fator comportamental o elemento final para garantir o sucesso desta receita. Kelber (2005) caracteriza este

17 17 lado organizacional como tangível, enquanto o lado comportamental do gestor como intangível, e afirma: O lado intangível do gestor, caracterizado pelo seu perfil é na realidade o fator motivacional ou limitador que permite atingir-se ou não o grau de maturidade esperado. (KELBER, 2005) Entende-se que para atingir a eficácia em gerenciamento de projetos, o gestor deve exercitar e expandir seu conhecimento na área, mas sempre somando experiência e habilidades pessoais, pois somente um bom conjunto leva ao sucesso. Partindo desta ótica, coloca-se como objetivo deste trabalho a identificação e caracterização do perfil de gerente de projetos que busca o mercado nacional, somado as contribuições oferecidas pelas instituições PMI e IPMA. 1.4 A JUSTIFICATIVA DO TRABALHO Este trabalho é justificado por tentar oferecer aos profissionais que desejam trabalhar ou já trabalham na área de projetos, uma definição de perfil de gestor nacional e com isso possam se basear na busca pelo seu desenvolvimento. Também pode ter a oferecer aos departamentos de recursos humanos embasamento para novas contratações e aperfeiçoamento dos planos de carreira. Oferece ainda, conteúdo para as instituições de ensino, para aperfeiçoamento de suas literaturas e enfoques educacionais. 1.5 ESTRUTURA DO TRABALHO Esta monografia está estruturada em 7 capítulos, somando introdução e conclusão, que são organizados da seguinte forma: Introdução Apresentação do tema, situação problema, objetivos e contribuições esperadas.

18 18 Capítulo 2 Abordagem histórica do gerenciamento de projetos. Capítulo 3 Exploração de pesquisa de campo realizada com a finalidade de identificar o perfil de gerente de projetos brasileiro. Capítulo 4 Abordagem explicativa das características pertencentes ao perfil de gerente de projeto. Capítulo 5 Análise das contribuições do PMI e IPMA no alcance da maturidade do gerente de projetos nacional. Capitulo 6 Conclusão: Identificação da real contribuição da monografia, conclusões alcançadas e sugestões. Capitulo 7 Sugestões

19 19 2 A HISTÓRIA DO GERENCIAMENTO DE PROJETO E DE SUAS INSTITUIÇÕES Este capítulo situa cronologicamente, na história do gerenciamento de projetos no mundo e o surgimento das instituições PMI e IPMA. Mostra também como as evoluções das metodologias de gerenciamento provocaram uma mudança no modo de pensar, agir e planejar do ser humano. Reafirmando o que diz Possi (NOGUEIRA et al., 2004): O gerenciamento de projetos tem suas raízes nas experiências de gerenciar o desenvolvimento de sistemas complexos. (NOGUEIRA et al., 2004) Ao observar atentamente, o gerenciamento de projetos tem existido, de alguma forma, há milhares de anos. Todo ato de planejar a obtenção de um produto final único, com um prazo, pelo menos em parte, definido, pode ser definido como um projeto. De outra forma, os seres humanos jamais teriam conseguido um resultado plausível na tentativa de se construir maravilhas como a Muralha da China (221AC 206AC), a Pirâmide de Giza (2.550AC) ou o Coliseu Romano (80AC). Além de grandes construções, outros projetos também podem ser destacados como as jornadas cruzando o Oceano Atlântico e as diversas e grandes expedições pelos quatro cantos do mundo. Todos esses exemplos podem ser interpretados como exemplos de diferentes tipos de projetos. (KOZAK, /05) A Figura 1, sintetiza em uma linha do tempo as evoluções pelas quais o gerenciamento de projetos passou, enquanto a Figura 2 identifica as três grandes fases desta história. Sec. XVIII e XIX Formação da espinha dorsal do GP: Primeira Revolução Industrial Visão global da organização Desenvolvimento de sistemas de Logística e RH Dec. 60 Surgimento das instituições de GP. Adoção das metodologias de GP por organizações. Sec. XXI Concretização, profissionalização e evolução do GP: Projetização das organizações Crescimento das instituições, números de afiliados e certificados. Busca da excelência e evolução em GP. Sec. XX Concepção da filosofia de GP e nascimento das instituições: Segunda e Terceira Revolução Industrial. Evolução tecnológica. Figura 1 Linha do Tempo do Gerenciamento de Projetos (KOZAK, 23/02/05, WIKIPEDIA, 2005)

20 20 Figura 2 Fases evolutivas do Gerenciamento de Projetos (PEREIRA, 2005) Ao final do século XVIII e durante o século XIX, com as revoluções industriais e com o estudo mais aprofundado de princípios de gerenciamento no mundo dos negócios, foi-se formando a espinha dorsal do gerenciamento de projetos. (WIKIPEDIA, 2005) A Primeira Revolução Industrial causou grandes mudanças no mundo, fazendo com que o homem começasse a pensar em soluções para seus problemas em um nível mais macro. Dessa forma, podiam ter uma visão global do projeto de forma que o coordenasse de maneira mais eficiente. A produção em massa de produtos exigia uma cadeia de suprimentos mais sofisticada, bem como sistemas de logística, recursos humanos e equipamentos igualmente desenvolvidos e eficientes. (KOZAK, 2005, WIKIPEDIA, 2005) O século XX foi vítima da maior revolução tecnológica da história do homem, o que obrigou uma aproximação entre os mundos do negócio e o mundo do gerenciamento. (KOZAK, 2005) A Segunda Revolução Industrial, que aconteceu no final do século XIX e início do século XX, trouxe para a humanidade o telefone, motores a combustão interna, automóveis, entre outras benfeitorias. (KOZAK, 2005) Mas a mais importante das revoluções industriais, a terceira delas, foi a que possibilitou maior rapidez e precisão no planejamento e gerenciamento de projetos. A criação de sistemas complexos eletro-mecânicos, eletrônicos, computadores e internet possibilitaram um salto nos métodos de gerenciamento e no planejamento de projetos de grande complexidade. Não é arriscado dizer, inclusive, que muitos dos projetos mais importantes para a humanidade só foram possíveis com a

21 21 evolução desses sistemas, como por exemplo, a Corrida Espacial e o gerenciamento de projetos de armamentos e grandes obras civis. (KOZAK, 2005) A partir da década de 60, diversas empresas e setores do governo de diversos países passaram a utilizar metodologias de gerenciamento de projetos. (WIKIPEDIA, 23/02/05) Toda essa exigência, de uma organização mais rigorosa para planejamento de projetos, acabou por demandar o surgimento de empresas e instituições especializadas em gerenciamento de projetos, como o PMI (Project Management Institute), o IPMA (International Project Management Association), o APMI (Australian Project Management Institute), a ABGP, entre vários outros. (WIKIPEDIA, 2005) 2.1 O PMI - PROJECT MANAGEMENT INSTITUTE: Fundado em 1969 e sediado na Filadélfia, EUA.O PMI é uma organização internacional sem fins lucrativos de profissionais da área de gerenciamento de projetos, que visa promover e ampliar o conhecimento existente sobre o assunto, assim como melhorar o desempenho dos profissionais e organizações da área. Para isto, ele apóia a criação de redes de informação e de intercâmbio entre profissionais no mundo inteiro. Um dos instrumentos para alcançar os seus objetivos é o apoio à formação de capítulos locais (Chapters). Um outro instrumento são os SIGs (Specific Interest Groups) para agregar interessados no mesmo ramo de atuação. (Project..., 2005b) Com mais de sócios em todo o mundo, é a associação de gerenciamento de projeto mais divulgada na área. Possui uma certificação profissional própria e de nível único (PMP) que oferece como benefício aos certificados um atestado do grau de qualificação reconhecido internacionalmente e ampliação de sua empregabilidade. A síntese da experiência acumulada pelo PMI foi materializada num Guia de Conhecimento em Gerenciamento de Projetos, o PMBOK, que estabelece padrões e referências para a gestão de projetos. (Project..., 2005b) O Brasil foi o primeiro país a ter um Capítulo do PMI fora dos Estados Unidos na década de 80, por motivos desconhecidos este foi destituído em Nos anos 90 temos o retorno do PMI ao país, com o Capítulo de São Paulo, apoiado pela nova diretriz de expansão internacional da instituição e do avanço do gerenciamento de

22 22 projetos no país. Hoje o país conta com 14 Capítulos espalhados por seu território e contabilizou no primeiro semestre de 2004, associados dos quais 900 certificados PMP. (PROJECT..., 2005b) Assim como no mundo, o PMI é a instituição de gerenciamento de projetos que apresenta o maior crescimento no mercado nacional, sendo também o mais conhecido. (PROJECT..., 2005b) Esse crescimento é facilmente percebido através do Gráfico 5, que mostra a evolução de membros associados ao PMI. Gráfico 5 Evolução de Membros PMI Brasil (PEREIRA, 2005) 2.2 O IPMA - INTERNATIONAL PROJECT MANAGEMENT ASSOCIATION (ARTTO; WIKSTROM, 2005) O IPMA começou em 1965 como um grupo de discussão de gerentes de projetos internacionais, tendo seu primeiro congresso empreendido em 1967 em Viena, com a participação de 37 países diferentes. Tem como característica importante o desenvolvimento de sociedades nacionais, que associadas atendem às necessidades específicas de cada país em sua língua nacional. Contando

23 23 atualmente com 30 associações nacionais que representam cerca de membros na Europa, América, Ásia e África. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) A instituição também apresenta um programa de certificação profissional de reconhecimento internacional. Que tem como objetivo certificar gerentes de projetos, com base em conhecimento, experiência e atitudes pessoais; desenvolver o assunto em todas suas modalidades e incentivar a prática da profissão. Diferente ao PMI, o IPMA desenvolveu uma certificação por níveis, sendo eles: - IPMA nível A - Certificated Project Director - CPD: O profissional deve ter a capacidade de dirigir todos os projetos constituintes de um programa ou todos os projetos de uma empresa ou linha de negócio, ou ainda um projeto complexo com participantes de diferentes culturas e geografias. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) - IPMA nível B - Certificated Project Manager - CPM: O Profissional deve ser capaz de gerenciar projetos complexos com total independência. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) - IPMA nível C - Certificated Project Management Professional: Neste nível o profissional é capaz de gerenciar, com razoável independência, projetos não complexos e apoiar o gestor de um projeto complexo em todas as áreas de aplicação do Gerenciamento de Projetos. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) - IPMA nível D - Certificated Project Management Practitioner: Neste nível o profissional deve ter conhecimentos de Gerenciamento de Projetos, os quais poderá aplicar em alguns campos da sua especialidade. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a)

24 24 NÍVEL B CPM Certificated Project Manager NÍVEL A CPD Certificated Project Director Certificated Project Management Professional NÍVEL C Certificated Project Management Practitioner NÍVEL D Figura 3 Estrutura de nivelamento do IPMA (CAUPIN et al., 1999) No Brasil o IPMA é representado pela Associação Brasileira de Gerenciamento de Projetos (ASSOCIAÇÃO..., 2005a), que surgiu da iniciativa de três profissionais que vinham desenvolvendo, estudos, pesquisas e consultorias em gerenciamento de projetos no país. Foi registrada em 22/11/2001 e apresentada à comunidade durante o Seminário Internacional de Logística e Gerência de Projetos, realizado em Curitiba em novembro de 2001 e está filiada ao IPMA desde julho de (ASSOCIAÇÃO..., 2005a) A ABGP conta com uma forte cooperação de associações internacionais também filiadas ao IPMA, como a Association Francophone de Management de Projet (ASSOCIATION..., 2005) e a Associação Portuguesa de Gerência de Projetos (ASSOCIAÇÃO..., 2005b). Desenvolveu o Referencial Brasileiro de Competências em Gerenciamento de Projetos (SANTOS, 2004) utilizando como principal referência o ICB, que é o principal documento a ser utilizado na certificação brasileira. (ABGP, 19/05/2005) Hoje com 8 profissionais certificados no nível B, é um referencial importante para o gerenciamento de projetos no Brasil, promovendo treinamento de profissionais, seminários e congressos. (ASSOCIAÇÃO..., 2005a)

EM BUSCA DO PERFIL IDEAL DE GERENTE PARA ALCANCAR O SUCESSO DOS PROJETOS

EM BUSCA DO PERFIL IDEAL DE GERENTE PARA ALCANCAR O SUCESSO DOS PROJETOS 31 de Julho a 02 de Agosto de 2008 EM BUSCA DO PERFIL IDEAL DE GERENTE PARA ALCANCAR O SUCESSO DOS PROJETOS Carina Careli de Almeida (UGB) carina.almeida@oi.com.br Luiz Antonio da Paz Campagnac, (LATEC

Leia mais

Como concluir um projeto com sucesso?

Como concluir um projeto com sucesso? Como concluir um projeto com sucesso? Luiz Eduardo Cunha, Eng. Professor da FAAP e do IMT 1 Luiz Eduardo Cunha Graduado em Engenharia de Produção EPUSP Pós-Graduado em Gestão do Conhecimento e Inteligência

Leia mais

PMI Project Management Institute

PMI Project Management Institute PMP - Project Management Professional desde 1998 Presidente do Project Management Institute RS 00/04 Coordenador Latino-Americano do PMI-ISSIG por Projetos na Abordagem PMI Vice-Presidente da SUCESU-RS

Leia mais

Project Management Institute (PMI) Grupo: Brunner Klueger Nogueira, Igor Henrique Caribé Pinheiro e Diogo Souza Messias

Project Management Institute (PMI) Grupo: Brunner Klueger Nogueira, Igor Henrique Caribé Pinheiro e Diogo Souza Messias Project Management Institute (PMI) Grupo: Brunner Klueger Nogueira, Igor Henrique Caribé Pinheiro e Diogo Souza Messias Pontos Básicos O que é: É uma associação sem fins lucrativos de profissionais da

Leia mais

Perfil Caliper de Liderança The Inner Leader Report

Perfil Caliper de Liderança The Inner Leader Report Perfil Caliper de Liderança The Inner Leader Report Avaliação de: Sr. Mario Exemplo Preparada por: Consultor Caliper exemplo@caliper.com.br Data: Página 1 Perfil Caliper de Liderança The Inner Leader Report

Leia mais

Gerenciamento de Projetos. Prática essencial para gerar negócios sustentáveis

Gerenciamento de Projetos. Prática essencial para gerar negócios sustentáveis MBA em Gestão de Projetos Gerenciamento de Projetos Prática essencial para gerar negócios sustentáveis Prof: Ângelo Braga, PMP, MBA angelo.braga@fgv.br eu@angelobraga.com.br 2/154 Contatos Prof. Ângelo

Leia mais

Perfil Caliper de Especialistas The Inner Potential Report

Perfil Caliper de Especialistas The Inner Potential Report Perfil Caliper de Especialistas The Inner Potential Report Avaliação de: Sr. Antônio Modelo Preparada por: Consultor Caliper exemplo@caliper.com.br Data: Página 1 Perfil Caliper de Especialistas The Inner

Leia mais

Pós-graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) 2 Gerente Sênior de Projetos e Processos, 18 anos de experiência

Leia mais

Desafio Profissional PÓS-GRADUAÇÃO 2012. Gestão de Projetos - Módulo C Prof. Me. Valter Castelhano de Oliveira

Desafio Profissional PÓS-GRADUAÇÃO 2012. Gestão de Projetos - Módulo C Prof. Me. Valter Castelhano de Oliveira Desafio Profissional PÓS-GRADUAÇÃO 12 Gestão de Projetos - Módulo C Prof. Me. Valter Castelhano de Oliveira 1 DESAFIO PROFISSIONAL Disciplinas: Ferramentas de Software para Gestão de Projetos. Gestão de

Leia mais

Gerência de projetos: arte ou disciplina? By André Barcaui, MsC, PMP is a consultant and management coach, Brazil. bbbrothers@bbbrothers.com.

Gerência de projetos: arte ou disciplina? By André Barcaui, MsC, PMP is a consultant and management coach, Brazil. bbbrothers@bbbrothers.com. Gerência de projetos: arte ou disciplina? By André Barcaui, MsC, PMP is a consultant and management coach, Brazil bbbrothers@bbbrothers.com.br O equilíbrio necessário para se tornar um excelente gerente

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Project Management Institute. Prof. Miguel Torres miguel.torres@terra.com.br

Gerenciamento de Projetos Project Management Institute. Prof. Miguel Torres miguel.torres@terra.com.br Gerenciamento de Projetos Project Management Institute Prof. Miguel Torres miguel.torres@terra.com.br Objetivo do Curso Criar condições e proporcionar métodos para o desenvolvimento da capacidade gestora,

Leia mais

IV EVENTO GUGP 2014. Gestão de Custos em Projetos Complexos

IV EVENTO GUGP 2014. Gestão de Custos em Projetos Complexos IV EVENTO GUGP 2014 Gestão de Custos em Projetos Complexos Eng. Rogério Dorneles Severo, PMP Agosto/2014 Rogério Dorneles Severo, PMP Profissional com mais de 20 anos de experiência em empreendimentos

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING

ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING ESTRUTURA CURRICULAR DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM MBA EM GESTÃO DE PESSOAS, LIDERANÇA E COACHING CENÁRIO E TENDÊNCIAS DOS NEGÓCIOS 8 h As mudanças do mundo econômico e as tendências da sociedade contemporânea.

Leia mais

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP

Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP DARCI PRADO Questionário de Avaliação de Maturidade Setorial: Modelo de Maturidade Prado-MMGP Versão 2.0.0 Janeiro 2014 Extraído do Livro "Maturidade em Gerenciamento de Projetos" 3ª Edição (a publicar)

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS

GESTÃO POR COMPETÊNCIAS GESTÃO POR COMPETÊNCIAS STM ANALISTA/2010 ( C ) Conforme legislação específica aplicada à administração pública federal, gestão por competência e gestão da capacitação são equivalentes. Lei 5.707/2006

Leia mais

1 o Project Management Conference

1 o Project Management Conference 1 o Project Management Conference Procura-se Gerente de Projetos!!! O que é um projeto? UM PROJETO É: Um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo. Têm um início

Leia mais

Módulo: Empreendedorismo Gestão de Projetos. Agenda da Teleaula. Vídeo. Logística 28/8/2012

Módulo: Empreendedorismo Gestão de Projetos. Agenda da Teleaula. Vídeo. Logística 28/8/2012 Logística Profª. Paula Emiko Kuwamoto Módulo: Empreendedorismo Gestão de Projetos Agenda da Teleaula Reforçar a importância dos projetos no cenário atual. Apresentar os principais conceitos envolvendo

Leia mais

Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br

Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo. Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Engenharia de Software II: Criando a Declaração de Escopo Prof. Msc Ricardo Britto DIE-UFPI rbritto@ufpi.edu.br Sumário Desenvolvendo o Plano de Gerenciamento do Projeto. Coletando Requisitos. Declarando

Leia mais

04/02/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Gestão de Projetos de TI. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 1.

04/02/2009. Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores. Disciplina: Gestão de Projetos de TI. Prof.: Fernando Hadad Zaidan. Unidade 1. Faculdade INED Curso Superior de Tecnologia: Redes de Computadores Disciplina: Gestão de Projetos de TI Prof.: Fernando Hadad Zaidan 1 Unidade 1.1 2 Introdução ao Gerenciamento de Projetos 3 1 Leitura

Leia mais

4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge

4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge 58 4. PMBOK - Project Management Body Of Knowledge No Brasil, as metodologias mais difundidas são, além do QL, o método Zopp, o Marco Lógico do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Mapp da

Leia mais

Gerenciamento de Projetos

Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de Projetos PMI, PMP e PMBOK PMI (Project Management Institute) Estabelecido em 1969 e sediado na Filadélfia, Pensilvânia EUA, o PMI é a principal associação mundial, sem fins lucrativos,

Leia mais

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE ESTUDO DE BENCHMARKING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2009 Brasil Uma realização dos Chapters Brasileiros do PMI - Project Management Institute PMI-SP PMI-RJ PMI-AM PMI-SC PMI-BA ANEXO 1 PMI-RS PMI PMI-CE

Leia mais

CONTRIBUIÇÃO DE UMA DIRETORIA DE PROJETOS

CONTRIBUIÇÃO DE UMA DIRETORIA DE PROJETOS www.tecnologiadeprojetos.com.br Diretoria de Acompanhamento e Avaliação de Projetos da Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais DAPE/SEE-MG RELATÓRIO DE PESQUISA 1 : CONTRIBUIÇÃO DE UMA DIRETORIA

Leia mais

Questionário de Avaliação de Maturidadade MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE

Questionário de Avaliação de Maturidadade MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE Extraído do Livro "Gerenciamento de Programas e Projetos nas Organizações" 4ª Edição (a ser lançada) Autor: Darci Prado Editora INDG-Tecs - 1999-2006

Leia mais

Evento técnico mensal

Evento técnico mensal Evento técnico mensal GERENCIAMENTO DE CARREIRA PARA O SUCESSO DO GESTOR DE PROJETOS Fernanda Schröder Gonçalves Organização Apoio 1 de xx APRESENTAÇÃO Fernanda Schröder Gonçalves Coordenadora do Ibmec

Leia mais

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE

QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE MMGP Darci Prado QUESTIONÁRIO DE AVALIAÇÃO DE MATURIDADE Extraído do Livro "Maturidade em Gerenciamento de Projetos" - 1ª Edição Versão do Modelo 1..0-01/Fev/008 - Editora INDG-Tecs - 008 WWW.MATURITYRESEARCH.COM

Leia mais

2 SIGNIFICADO DA ADMINISTRAÇÃO

2 SIGNIFICADO DA ADMINISTRAÇÃO 2 SIGNIFICADO DA ADMINISTRAÇÃO 2.1 IMPORTÂNCIA DA ADMINISTRAÇÃO Um ponto muito importante na administração é a sua fina relação com objetivos, decisões e recursos, como é ilustrado na Figura 2.1. Conforme

Leia mais

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br PREZADO (A) SENHOR (A) Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso

Leia mais

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos

PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos PMO (Project Management Office) - Implantação de Escritório de Projetos Orientações para o Projeto, Implantação, Gerenciamento e Avaliação de Maturidade do Escritório de Projetos Objetivo O que leva as

Leia mais

A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos. Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP

A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos. Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP A Importância das Competências Comportamentais para Profissionais de Gerenciamento de Projetos Ivo M. Michalick Vasconcelos, MSc, PMP, PMI-SP Por que projetos falham? Gestão Moderna (anos 90 em diante):

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

Relatório de Competências

Relatório de Competências ANÁLISE CALIPER DO POTENCIAL DE DESEMPENHO PROFISSIONAL Relatório de Competências LOGO CLIENTE CALIPER Avaliação de: Sr. Márcio Modelo Preparada por: Consultora Especializada Caliper e-mail: nome@caliper.com.br

Leia mais

Palavras-chave: startups, gerenciamento de pessoas em projetos, processos do PMBOK.

Palavras-chave: startups, gerenciamento de pessoas em projetos, processos do PMBOK. PMBOK NA GESTÃO DE RH EM STARTUPS AUTORES Elaine Cristhina Castela Oyamada Henrique Spyra Gubert Juliana da Costa e Silva Juliana Theodoro de Carvalho Leitão Ricardo Takeshita ORIENTADOR Fábio Judice CURSO

Leia mais

IDENTIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PARA A GESTÃO DE PROJETOS

IDENTIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PARA A GESTÃO DE PROJETOS IDENTIFICAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS PARA A GESTÃO DE PROJETOS Claudio Oliveira Aplicações de CRM Claudio Oliveira Apresentação Claudio Oliveira (cloliveira@usp.br) Professor da Fundação Vanzolini

Leia mais

VISÃO SISTÊMICA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS PARA WEB

VISÃO SISTÊMICA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS PARA WEB VISÃO SISTÊMICA EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS PARA WEB Rogério Fernandes da Costa Professor especialista Faculdade Sumaré rogerio.fernandes@sumare.edu.br Resumo: O presente estudo tem como objetivo abordar

Leia mais

SCRUM. Desafios e benefícios trazidos pela implementação do método ágil SCRUM. Conhecimento em Tecnologia da Informação

SCRUM. Desafios e benefícios trazidos pela implementação do método ágil SCRUM. Conhecimento em Tecnologia da Informação Conhecimento em Tecnologia da Informação SCRUM Desafios e benefícios trazidos pela implementação do método ágil SCRUM 2011 Bridge Consulting Apresentação Há muitos anos, empresas e equipes de desenvolvimento

Leia mais

EDUCAÇÃO EXECUTIVA PARA O MERCADO FINANCEIRO MAIO / 2005 108-TC-B4

EDUCAÇÃO EXECUTIVA PARA O MERCADO FINANCEIRO MAIO / 2005 108-TC-B4 1 EDUCAÇÃO EXECUTIVA PARA O MERCADO FINANCEIRO MAIO / 2005 108-TC-B4 NADINE WASSMER TREINA E-LEARNING treina@treina.com.br ROSANA GOMES CONTEÚDOS E HABILIDADES EDUCAÇÃO CORPORATIVA DESCRIÇÃO DE PROJETO

Leia mais

PMBOK e Gerenciamento de Projetos

PMBOK e Gerenciamento de Projetos PMBOK e Gerenciamento de Projetos Gerenciamento de projetos (GP) é uma área de atuação e conhecimento que tem ganhado, nos últimos anos, cada vez mais reconhecimento e importância. Um dos principais difusores

Leia mais

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO*

ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* ERP & BI ENTENTENDO A BUSCA CONSTANTE DAS EMPRESAS POR UM SISTEMA QUE FORNEÇA INFORMAÇÕES CONFIÁVEIS PARA TOMADA DE DECISÃO* RESUMO Marilia Costa Machado - UEMG - Unidade Carangola Graciano Leal dos Santos

Leia mais

fagury.com.br. PMBoK 2004

fagury.com.br. PMBoK 2004 Este material é distribuído por Thiago Fagury através de uma licença Creative Commons 2.5. É permitido o uso e atribuição para fim nãocomercial. É vedada a criação de obras derivadas sem comunicação prévia

Leia mais

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO FACULDADE REDENTOR NUCLEO DE APOIO EMPRESARIAL CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Justificativa: As transformações ocorridas nos últimos anos têm obrigado as organizações a se modificarem constantemente e de forma

Leia mais

Fatores Críticos de Sucesso em GP

Fatores Críticos de Sucesso em GP Fatores Críticos de Sucesso em GP Paulo Ferrucio, PMP pferrucio@hotmail.com A necessidade das organizações de maior eficiência e velocidade para atender as necessidades do mercado faz com que os projetos

Leia mais

Formulário de Avaliação de Desempenho

Formulário de Avaliação de Desempenho Formulário de Avaliação de Desempenho Objetivos da Avaliação de Desempenho: A avaliação de desempenho será um processo anual e sistemático que, enquanto processo de aferição individual do mérito do funcionário

Leia mais

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS

GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS ISSN 1984-9354 GUIA PMBOK PARA GERENCIAMENTO DE PROJETOS Emerson Augusto Priamo Moraes (UFF) Resumo Os projetos fazem parte do cotidiano de diversas organizações, públicas e privadas, dos mais diversos

Leia mais

COMUNICAÇÃO, GESTÃO E PLANO DE RECUPERAÇÃO DE PROJETOS EM CRISE CONSULTORIA

COMUNICAÇÃO, GESTÃO E PLANO DE RECUPERAÇÃO DE PROJETOS EM CRISE CONSULTORIA COMUNICAÇÃO, GESTÃO E PLANO DE RECUPERAÇÃO DE PROJETOS EM CRISE CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Minimize os impactos de um projeto em crise com a expertise de quem realmente conhece o assunto. A Macrosolutions

Leia mais

Jardim Fim de Semana UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

Jardim Fim de Semana UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE Jardim Fim de Semana Bruna de Carvalho Raggi Terra Carolina Ramos Troeira Fabio Jose Cação Kono Gustavo Perticarati Ruiz Polido

Leia mais

CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS

CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS CobiT 4.01 OBJETIVOS DE CONTROLE PARA INFORMAÇÃO E TECNOLOGIAS RELACIONADAS METODOLOGIA DE AUDITORIA PARA AVALIAÇÃO DE CONTROLES E CUMPRIMENTO DE PROCESSOS DE TI NARDON, NASI AUDITORES E CONSULTORES CobiT

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE UMA PROPOSTA PARA GERENCIAMENTO DA EXECUÇÃO DE PROJETOS DE CABEAMENTO ESTRUTURADO BASEADO NOS PARÂMETROS DA METODOLOGIA PMI

DESENVOLVIMENTO DE UMA PROPOSTA PARA GERENCIAMENTO DA EXECUÇÃO DE PROJETOS DE CABEAMENTO ESTRUTURADO BASEADO NOS PARÂMETROS DA METODOLOGIA PMI UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE ELETROTÉCNICA CURSO DE ENGENHARIA INDUSTRIAL ELÉTRICA/AUTOMAÇÃO HENRY MEINELECKI BUENO BARBOSA LUCAS PEVIDOR DE CARVALHO CAVALLARI MURILO

Leia mais

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos

Plataforma da Informação. Gerenciamento de Projetos Plataforma da Informação Gerenciamento de Projetos Motivação Por que devemos fazer Projetos? - O aprendizado por projetos, faz parte de um dos três pilares de formação do MEJ; -Projetos são oportunidades

Leia mais

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos

Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos Programa do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu MBA em Gestão de Projetos Apresentação O programa de Pós-graduação Lato Sensu em Gestão de Projetos tem por fornecer conhecimento teórico instrumental que

Leia mais

COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA

COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA COACHING E MENTORING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Assegure resultados superiores do seu time de projetos e dos executivos com o coaching e mentoring exclusivo da Macrosolutions.

Leia mais

Se vencer na vida fosse apenas sobre trabalho, a expressão seria vencer no trabalho.

Se vencer na vida fosse apenas sobre trabalho, a expressão seria vencer no trabalho. Pense antes de imprimir. A natureza agradece. MBA em Gerenciamento de Projetos Se vencer na vida fosse apenas sobre trabalho, a expressão seria vencer no trabalho. O que é ser bem-sucedido? Para sua carreira,

Leia mais

O IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DE UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE PROJETOS NAS EMPRESAS

O IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DE UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE PROJETOS NAS EMPRESAS O IMPACTO DA UTILIZAÇÃO DE UM SOFTWARE DE GERENCIAMENTO ELETRÔNICO DE PROJETOS NAS EMPRESAS Nadia Al-Bdywoui (nadia_alb@hotmail.com) Cássia Ribeiro Sola (cassiaribs@yahoo.com.br) Resumo: Com a constante

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA: VISÃO TRADICIONAL X NEGÓCIOS BASEADOS EM PROJETOS

GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA: VISÃO TRADICIONAL X NEGÓCIOS BASEADOS EM PROJETOS GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM UM ESCRITÓRIO DE ARQUITETURA: VISÃO TRADICIONAL X NEGÓCIOS BASEADOS EM PROJETOS Ana Carolina Freitas Teixeira¹ RESUMO O gerenciamento de projetos continua crescendo e cada

Leia mais

Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012

Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012 Planejamento Estratégico para Escritórios de Advocacia ESCOLA DE DIREITO DE SÃO PAULO DA FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS 1º SEMESTRE DE 2012 FUNDAÇÃO GETULIO VARGAS A Fundação Getulio Vargas (FGV) deu início a

Leia mais

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS

TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA 5 GERENCIAMENTO DE RISCOS EM PROJETOS 7 INTRODUÇÃO AO GERENCIAMENTO DE PROJETOS TREINAMENTOS MAGAZINE 3 WORKSHOP INTERNACIONAL DE LIDERANÇA Líderes eficazes devem encontrar maneiras de melhorar o nível de engajamento, compromisso e apoio das pessoas, especialmente durante os períodos

Leia mais

PARTE IV Consolidação do Profissional como Consultor. Técnicas de Consultoria Prof. Fabio Costa Ferrer, M.Sc.

PARTE IV Consolidação do Profissional como Consultor. Técnicas de Consultoria Prof. Fabio Costa Ferrer, M.Sc. FATERN Faculdade de Excelência Educacional do RN Coordenação Tecnológica de Redes e Sistemas Curso Superior de Tecnologia em Sistemas para Internet Técnicas de Consultoria Prof. Fabio Costa Ferrer, M.Sc.

Leia mais

BOA NOITE! Gerenciamento de Escopo em Projetos. Trabalho (2,0 pontos) 30/11/2012. Fabio Bahia. Informações Gerais. Avaliação:

BOA NOITE! Gerenciamento de Escopo em Projetos. Trabalho (2,0 pontos) 30/11/2012. Fabio Bahia. Informações Gerais. Avaliação: Fabio Bahia BOA NOITE! Gerenciamento de Escopo em Projetos Fabio Bahia Iniciou carreira na Embratel em 1985. Foco na área de viabilidade econômica de novos serviços. Em 1992 (após 2 anos estudando nos

Leia mais

Gestão de Portfólio Práticas e Competências Necessárias

Gestão de Portfólio Práticas e Competências Necessárias Gestão de Portfólio Práticas e Competências Necessárias Margareth Carneiro, PMP, MSc PMI GovSIG past-chair PMA Diretora Executiva Wander Cleber da Silva, PhD Fundação Funiversa 1 O Guia do PMBoK O Guia

Leia mais

Prezado(a) Sr.(a.) Atenciosamente, Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas. comercial@trecsson.com.br

Prezado(a) Sr.(a.) Atenciosamente, Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas. comercial@trecsson.com.br Prezado(a) Sr.(a.) Agradecemos seu interesse em nossos programa de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso de Pós-MBA

Leia mais

Personal and Professional Coaching

Personal and Professional Coaching Personal and Professional Coaching Seu salto para a excelência pessoal e profissional 1 O novo caminho para o sucesso e a realização pessoal! Todos sabem que para ser médico, advogado, dentista ou engenheiro

Leia mais

ISO 14001:2015 Revisão Perguntas Frequentes

ISO 14001:2015 Revisão Perguntas Frequentes Latest update New and revised ISO 14001:2015 Revisão Perguntas Frequentes Introdução A ISO 14001 Sistemas de Gestão Ambiental, a primeira norma ambiental internacional do mundo tem ajudado milhares de

Leia mais

C O B I T. Gerenciamento dos Riscos Mitigação. Aceitação. Transferência. Evitar/Eliminar.

C O B I T. Gerenciamento dos Riscos Mitigação. Aceitação. Transferência. Evitar/Eliminar. C O B I T Evolução Estratégica A) Provedor de Tecnologia Gerenciamento de Infra-estrutura de TI (ITIM) B) Provedor de Serviços Gerenciamento de Serviços de TI (ITSM) C) Parceiro Estratégico Governança

Leia mais

Quais são os objetivos dessa Política?

Quais são os objetivos dessa Política? A Conab possui uma Política de Gestão de Desempenho que define procedimentos e regulamenta a prática de avaliação de desempenho dos seus empregados, baseada num Sistema de Gestão de Competências. Esse

Leia mais

Revista Inteligência Competitiva José Fonseca de Medeiros ABRAIC E A PROFISSÃO DE ANALISTA DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA NO BRASIL

Revista Inteligência Competitiva José Fonseca de Medeiros ABRAIC E A PROFISSÃO DE ANALISTA DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA NO BRASIL 244 ABRAIC E A PROFISSÃO DE ANALISTA DE INTELIGÊNCIA COMPETITIVA NO BRASIL 1 Entrevista com Francisco Diretor de Articulação Nacional da ABRAIC, sobre a profissão de analista de inteligência competitiva

Leia mais

Gestão de Projetos Logísticos

Gestão de Projetos Logísticos Gestão de Projetos Logísticos Professor: Fábio Estevam Machado CONTEÚDO DA AULA ANTERIOR Teoria Gestão de Projetos Projetos Atualidades Tipos de Projetos Conceitos e Instituições Certificação Importância

Leia mais

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE

PMI-SP PMI-SC PMI-RS PMI PMI-PR PMI-PE ESTUDO DE BENCHMARKING EM GERENCIAMENTO DE PROJETOS 2009 Brasil Uma realização dos Chapters Brasileiros do PMI - Project Management Institute PMI-SP PMI-RJ PMI-AM PMI-SC PMI-BA ANEXO 2 PMI-RS PMI PMI-CE

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE PORTFOLIO DE SERVIÇOS

APRESENTAÇÃO DE PORTFOLIO DE SERVIÇOS APRESENTAÇÃO DE PORTFOLIO DE SERVIÇOS Versão 1 2010 A SIX SIGMA BRASIL apresenta a seguir seu portfolio de capacitação e consultoria de serviços de gerenciamento de projetos, processos (lean e seis sigma)

Leia mais

Palestra Gratuita sobre Certificação PMP - 5ª Edição Prof. André Ricardi, PMP

Palestra Gratuita sobre Certificação PMP - 5ª Edição Prof. André Ricardi, PMP Palestra Gratuita sobre Certificação PMP - 5ª Edição Prof. André Ricardi, PMP 17 -agosto-2013 Agenda Apresentação Institucional Certificação PMP Mudanças na Certificação PMP Preparação para o Exame de

Leia mais

A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES. Evolução do TI e Gestão das Organizações Gestão de Projetos Métodos Ágeis

A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES. Evolução do TI e Gestão das Organizações Gestão de Projetos Métodos Ágeis A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A GESTÃO DAS ORGANIZAÇÕES Evolução do TI e Gestão das Organizações Gestão de Projetos Métodos Ágeis Vamos nos conhecer e definir as diretrizes de nosso curso??? www.eadistancia.com.br

Leia mais

Gerenciamento de projetos. prof. Mário Garcia

Gerenciamento de projetos. prof. Mário Garcia Gerenciamento de projetos prof. Mário Garcia MBA em Gestão de Energia PROPPEX Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão Centro Universitário Fundação Santo André Gerenciamento de projetos prof.

Leia mais

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br

Sárgom Ceranto Marketing e Soluções Corporativas comercial@trecsson.com.br PREZADO (A) SENHOR (A) Agradecemos seu interesse em nossos programas de ensino e lhe cumprimentamos pela iniciativa de buscar o seu aperfeiçoamento profissional. Você está recebendo o programa do curso

Leia mais

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI

FINANÇAS EM PROJETOS DE TI FINANÇAS EM PROJETOS DE TI 2012 Material 1 Prof. Luiz Carlos Valeretto Jr. 1 E-mail valeretto@yahoo.com.br Objetivo Objetivos desta disciplina são: reconhecer as bases da administração financeira das empresas,

Leia mais

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA

ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA ESTRUTURAÇÃO DOS PROCESSOS DE COMUNICAÇÃO EM PROJETOS, PROGRAMAS E PORTFÓLIOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Assegure melhores resultados em seus projetos com uma estrutura de comunicação simples, efetiva,

Leia mais

Novidades do Guia PMBOK 5a edição

Novidades do Guia PMBOK 5a edição Novidades do Guia PMBOK 5a edição Mauro Sotille, PMP O Guia PMBOK 5 a edição (A Guide to the Project Management Body of Knowledge (PMBOK Guide) Fifth Edition), em Inglês, vai ser lançado oficialmente pelo

Leia mais

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI

Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Pós-Graduação em Gerenciamento de Projetos práticas do PMI Planejamento do Gerenciamento das Comunicações (10) e das Partes Interessadas (13) PLANEJAMENTO 2 PLANEJAMENTO Sem 1 Sem 2 Sem 3 Sem 4 Sem 5 ABRIL

Leia mais

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO DE PROJETOS E INVESTIMENTOS CONSULTORIA

GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO DE PROJETOS E INVESTIMENTOS CONSULTORIA GERENCIAMENTO DE PORTFÓLIO DE PROJETOS E INVESTIMENTOS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Como realizar inúmeros projetos potenciais com recursos limitados? Nós lhe mostraremos a solução para este e outros

Leia mais

Ministério Público do Estado de Goiás

Ministério Público do Estado de Goiás Ministério Público do Estado de Goiás Apresentação Inicial PMO Institucional MP-GO 1 Um projeto é um esforço temporário empreendido para criar um produto, serviço ou resultado exclusivo. Em muitos casos

Leia mais

DESCRITIVO DE CURSO. MBA em Gestão de Projetos

DESCRITIVO DE CURSO. MBA em Gestão de Projetos DESCRITIVO DE CURSO MBA em Gestão de Projetos 1. Posglobal Após a profunda transformação trazida pela globalização estamos agora em uma nova fase. As crises econômica, social e ambiental que apontam a

Leia mais

Módulo 3: Gerenciamento da Qualidade, dos Recursos Humanos e das Comunicações

Módulo 3: Gerenciamento da Qualidade, dos Recursos Humanos e das Comunicações ENAP Diretoria de Desenvolvimento Gerencial Coordenação Geral de Educação a Distância Gerência de Projetos - Teoria e Prática Conteúdo para impressão Módulo 3: Gerenciamento da Qualidade, dos Recursos

Leia mais

GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge)

GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge) GOVERNANÇA DE TI PMBoK (Project Management Body of Knowledge) Governança de TI AULA 08 2011-1sem Governança de TI 1 Introdução ao Gerenciamento de Projetos HISTÓRIA PMI Project Management Institute: Associação

Leia mais

Aquecimento para o 3º Seminário Internacional de BPM

Aquecimento para o 3º Seminário Internacional de BPM Aquecimento para o 3º Seminário Internacional de BPM É COM GRANDE PRAZER QUE GOSTARÍAMOS DE OFICIALIZAR A PARTICIPAÇÃO DE PAUL HARMON NO 3º SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE BPM!! No ano passado discutimos Gestão

Leia mais

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT

MASTER IN PROJECT MANAGEMENT MASTER IN PROJECT MANAGEMENT PROJETOS E COMUNICAÇÃO PROF. RICARDO SCHWACH MBA, PMP, COBIT, ITIL Atividade 1 Que modelos em gestão de projetos estão sendo adotados como referência nas organizações? Como

Leia mais

Portaria Inep nº 249, de 02 de junho de 2014. Publicada no Diário Oficial da União em 04 de junho de 2014.

Portaria Inep nº 249, de 02 de junho de 2014. Publicada no Diário Oficial da União em 04 de junho de 2014. Portaria Inep nº 249, de 02 de junho de 2014. Publicada no Diário Oficial da União em 04 de junho de 2014. O Presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep),

Leia mais

Gestão de Projetos MBE_UFRGS_2012

Gestão de Projetos MBE_UFRGS_2012 Gestão de Projetos MBE_UFRGS_2012 Istefani Carísio de Paula Programa 07/03 - Conceitos, definições e método de GP 14/03 Gestão de Portfólio 21/03- Gestão de Portfólio 28/03 Iniciação e Planejamento do

Leia mais

OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E INVESTIMENTOS ATRAVÉS DO GERENCIAMENTO DE PROGRAMAS CONSULTORIA

OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E INVESTIMENTOS ATRAVÉS DO GERENCIAMENTO DE PROGRAMAS CONSULTORIA OTIMIZAÇÃO DE RECURSOS E INVESTIMENTOS ATRAVÉS DO GERENCIAMENTO DE PROGRAMAS CONSULTORIA SOBRE A CONSULTORIA Alcance melhores resultados através da gestão integrada de projetos relacionados ou que compartilham

Leia mais

Pessoas e Negócios em Evolução

Pessoas e Negócios em Evolução Empresa: Atuamos desde 2001 nos diversos segmentos de Gestão de Pessoas, desenvolvendo serviços diferenciados para empresas privadas, associações e cooperativas. Prestamos serviços em mais de 40 cidades

Leia mais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais

Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Gerenciamento de Projetos Modulo I Conceitos Iniciais Prof. Walter Cunha falecomigo@waltercunha.com http://waltercunha.com Bibliografia* Project Management Institute. Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento

Leia mais

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação Pesquisa realizada com os participantes do de Apresentação O perfil do profissional de Projetos Pesquisa realizada durante o 12 Seminário Nacional de, ocorrido em 2009, traça um importante perfil do profissional

Leia mais

www.odmconsulting.com.br www.odmconsulting.com

www.odmconsulting.com.br www.odmconsulting.com www.odmconsulting.com.br www.odmconsulting.com Quem somos 3 Remuneração e Desempenho 4 Desenvolvimento de Pessoas 5 Engajamento Funcional 6 Desenvolvimento Organizacional 7 Desenvolvimento do RH 8 Treinamento

Leia mais

PROJETO PEDAGÓGICO. Curso de Graduação Tecnológica em Marketing

PROJETO PEDAGÓGICO. Curso de Graduação Tecnológica em Marketing PROJETO PEDAGÓGICO Curso de Graduação Tecnológica em Marketing Porto alegre, 2011 1 1. Objetivos do Curso O projeto do curso, através de sua estrutura curricular, está organizado em módulos, com certificações

Leia mais

União Metropolitana de Educação e Cultura. Interdisciplinar I Módulo CSTs: RH, Logística e GESCOM

União Metropolitana de Educação e Cultura. Interdisciplinar I Módulo CSTs: RH, Logística e GESCOM União Metropolitana de Educação e Cultura Interdisciplinar I Módulo CSTs: RH, Logística e GESCOM Lauro de Freitas - BAHIA 2013 2 JUSTIFICATIVA A principal justificativa para o desenvolvimento e implementação

Leia mais

FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM MBA GERENCIAMENTO DE PROJETOS

FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM MBA GERENCIAMENTO DE PROJETOS FUNDAÇÃO GETÚLIO VARGAS CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM MBA GERENCIAMENTO DE PROJETOS BRUNO ROBERTO DA SILVA CESAR HENRIQUE MACIEL RIBEIRO GUSTAVO HENRIQUE PINHEIRO RICARDO SALLUM DE SOUZA VITOR

Leia mais

Perfil Caliper SUPER de Vendas The Inner Seller Report

Perfil Caliper SUPER de Vendas The Inner Seller Report Perfil Caliper SUPER de Vendas The Inner Seller Report Avaliação de: Sr. João Vendedor Preparada por: Consultor Caliper exemplo@caliper.com.br Data: Copyright 2012 Caliper & Tekoare. Todos os direitos

Leia mais

METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK

METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK V EPCC Encontro Internacional de Produção Científica Cesumar 23 a 26 de outubro de 2007 METODOLOGIA DE GERENCIAMENTO DE PROJETO DE SOFTWARE ORIENTADO A OBJETO COM PMBOK Cleber Lecheta Franchini 1 Resumo:

Leia mais

Gerenciamento de Projetos no Marketing Desenvolvimento de Novos Produtos

Gerenciamento de Projetos no Marketing Desenvolvimento de Novos Produtos Gerenciamento de Projetos no Marketing Desenvolvimento de Novos Produtos Por Giovanni Giazzon, PMP (http://giazzon.net) Gerenciar um projeto é aplicar boas práticas de planejamento e execução de atividades

Leia mais

Quais são as Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos? (Autores: Carlos Magno da Silva Xavier e Alberto Sulaiman Sade Júnior) Resumo

Quais são as Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos? (Autores: Carlos Magno da Silva Xavier e Alberto Sulaiman Sade Júnior) Resumo Quais são as Balas de Prata no Gerenciamento de Projetos? (Autores: Carlos Magno da Silva Xavier e Alberto Sulaiman Sade Júnior) Resumo A metáfora bala de prata se aplica a qualquer ação que terá uma extrema

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE A Aplicação do Gerenciamento de Risco nos Projetos de Implantação de ERP - Protheus. Por: Gisele Santos Ribeiro Orientador

Leia mais

MBA ARQUITETURA DE INTERIORES

MBA ARQUITETURA DE INTERIORES MBA ARQUITETURA DE INTERIORES Coordenador: Carlos Russo Professor: Fábio Cavicchioli Netto, PMP 1 APRESENTAÇÃO DO PROFESSOR CONHECENDO OS PARTICIPANTES EXPECTATIVAS DO GRUPO 2 SUMÁRIO PMI / PMBoK / Certificados

Leia mais