Escrever scripts de PHP com HTML

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Escrever scripts de PHP com HTML"

Transcrição

1

2

3 Escrever scripts de PHP com HTML PHP é uma linguagem de programação de scripts para serem interpretados no lado dos servidores. Numa fase inicial (1995), PHP surgiu com o significado de Personal Home Pages (pela autoria de Rasmus Lerdorf), como um conjunto de ferramentas de tipo CGI. Mas diversos factores contribuíram para que PHP conhecesse uma grande difusão entre os programadores de web sites e, actualmente, a sigla PHP surge com o significado de PHP Hypertext Preprocessor (em que PHP significa PHP Hypertext Preprocessor ).

4 Escrever scripts de PHP com HTML Entre os factores que ajudaram ao êxito de PHP está o facto de ser uma tecnologia distribuída gratuitamente e de ter uma excelente capacidade de articulação com: Os servidores web mais divulgados, designadamente o Apache (de distribuição gratuita) e o IIS (Internet Information Server), comercializado pela Microsoft; Sistemas de gestão de bases de dados de distribuição gratuita (a começar pelo MySQL) e também outros de distribuição comercial.

5 Escrever scripts de PHP com HTML PHP é uma linguagem interpretada, tal como o é JavaScript. Mas, enquanto que o código JavaScript é interpretado no próprio browser que recebe a página HTML, o código PHP é interpretado no servidor que envia a página. Assim, quando abrimos um documento HTML com um script em JavaScript, podemos pedir para ver o código desse script no nosso browser; mas, quando recebemos uma página web que tem um script PHP na sua origem, apenas podemos ver no nosso browser o código HTML.

6 Escrever scripts de PHP com HTML Vamos então escrever um primeiro exemplo muito simples de um script em PHP, utilizando o bloco de notas:

7 Escrever scripts de PHP com HTML Existem várias formas possíveis de conjugar um script PHP com código HTML. É possível escrever documentos HTML em que o código PHP surge intercalado com o código HTML.

8 Escrever scripts de PHP com HTML As tags (marcas) que indicam os scripts em PHP podem ter quatro formatos diferentes: 1. Estilo XML: <? php?>; 2. Estilo abreviado: <?...?>; 3. Estilo ASP: <%?>; 4. Estilo script: <script language= php </script>

9 Escrever scripts de PHP com HTML O estilo XML (Extensible Markup Language) é, normalmente, o mais utilizado. Um exemplo de script PHP sem código HTML é o que já vimos na página cinco e também o que será apresentado na página 10

10 Escrever scripts de PHP com HTML A instrução echo de PHP permite apresentar (ecoar) vários tipos de informação no ecrã.

11 Escrever scripts de PHP com HTML Em PHP, como noutras linguagens, pode mudar-se de linha e incluir mais ou menos espaços em branco entre instruções, sem que isso altere o código.

12 Escrever scripts de PHP com HTML Exemplo simples de um script PHP intercalado com HTML:

13 Escrever scripts de PHP com HTML Repare-se que, dentro do próprio código PHP, é possível incluir tags de HTML. Na instrução: echo "<p><b> Um script PHP </b></p>"; Inclui-se, entre aspas duplas ( ), tags de HTML <p> e <b> e uma string (Um script PHP).

14 Escrever scripts de PHP com HTML Em PHP pode-se usar aspas duplas ( ) ou aspas simples( ), plicas ou apóstrofes para incluir strings e outros tipos de elementos.

15 Escrever scripts de PHP com HTML Considere-se,agora, o seguinte script PHP:

16 Escrever scripts de PHP com HTML Neste exemplo existe código HTML fora do PHP. Quando um ficheiro de PHP é interpretado, só o que está dentro das tags <?php?> ou outras equivalentes é interpretado como código PHP. Tudo o que está fora das tags de código PHP é considerado HTML e passado tal como é encontrado. Isto permite escrever estruturas de PHP intercaladas com HTML e vice-versa.

17 Escrever scripts de PHP com HTML Um outro aspecto interessante em PHP reside na possibilidade de chamar um ficheiro externo para o código de um script em PHP. Esse ficheiro externo pode ser de PHP, HTML, ou os outros dois combinados, etc. Em PHP pode-se utilizar a função require() ou a função include() para incluir ficheiros externos no script corrente.

18 Escrever scripts de PHP com HTML Exemplo de um script PHP em que, a certa altura do código, é chamado o ficheiro externo test3.php:

19 Escrever scripts de PHP com HTML A instrução sublinhada faz com que o código do ficheiro test3.php entre para o código do script corrente e seja executado de acordo com as circunstâncias do código do script em execução.

20 PHP é uma linguagem C like, ou seja, tem muitas semelhanças com a linguagem C (a nível de operadores, certas palavras-chave, estruturas de controlo, etc.); no entanto, também existem diferenças importantes. Em PHP (tal como em C/C++) há a diferença entre maiúsculas e minúsculas (PHP é case sensitive).

21 No entanto, em PHP, há a considerar as seguintes diferenças: Os nomes das variáveis começam sempre com o caracter $; Os nomes das funções podem ser escritos com maiúsculas ou minúsculas.

22 Em PHP (tal como em C/C++) uma instrução termina com ponto e vírgula (;); no entanto, em PHP há a excepção de uma instrução que termina junto a uma marca de fim de código?> - aí o ponto e vírgula é opcional. Em PHP (tal como em C/C++) um bloco de instruções é incluído dentro de chavetas: { }.

23 Em PHP (tal como em C/C++) os comentários inserem-se entre os sinais /* e */ ou, numa linha, após um sinal //; também pode ser usado o caracter # para sinalizar um comentário desde esse ponto até ao final da linha.

24 Em PHP muitos dos operadores usados são os mesmos de C/C++):

25

26

27

28

29

30 Em PHP as estruturas de controlo (decisão, selecção, repetição ou ciclos) são muito semelhantes às que são usadas em C/C++), no entanto, em PHP, existem sintaxes alternativas para algumas estruturas de controlo. As sintaxes alternativas são semelhantes às que se utilizam em Visual Basic.

31

32 Sintaxe alternativa da estrutura if-else:

33

34 Sintaxe alternativa da estrutura switch-case:

35

36 Sintaxe alternativa do ciclo while:

37 A sintaxe do ciclo do-while é uma só e idêntica à que é usada em C++. Neste caso, o bloco de instruções do ciclo é executado sempre pelo menos uma vez, pois a condição de controlo é colocada no final do ciclo.

38 A sintaxe do ciclo for é, também, uma só e idêntica à que é usada em C++.

39 Em PHP as funções criadas pelo programador têm uma estrutura semelhante à que têm em C ou C++; no entanto, como já foi referido os nomes das funções podem serescritos com maiúsculas ou minúsculas.

40 Em PHP uma das diferenças mais notórias em relação a C/C++ reside na forma de utilização das variáveis. Em PHP, ao contrário do que se passa em C++, não existe declaração prévia de variáveis. Em PHP, uma variável passa a existir quando o seu nome é escrito pela primeira vez. Normalmente, isto acontece numa instrução de atribuição, em que uma variável recebe um determinado valor; por exemplo: $x=10.

41 O tipo de dados de uma variável é determinado pelo último valor que lhe for atribuído. Uma variável pode receber um valor de um tipo e, em seguida, receber um valor de um outro tipo completamente diferente. Por exemplo, a mesma variável $x que atrás se referiu com $x=10, pode, numa outra instrução, receber uma string: $x= Ana Dias.

42 Em PHP, apesar de não existirem palavras próprias para definir os tipos de dados a que as variáveis pertencem, existem, implicitamente, os seguintes principais tipos dedados primitivos: Booleanos ou lógicos; Números inteiros; Números reais ou do tipo floating point; Strings ou cadeias de caracteres.

43 Para além dos referidos tipos primitivos, em PHP existem outros tipos de dados diferentes: array; object; resource (recurso) e o tipo especial NULL (correspondente a um valor nulo).

44 Exemplo de um script PHP em que se utilizam variáveis, e a função gettype() para avaliar o tipo de dados que uma variável assume.

45 O script começa com as seguintes instruções: $b = ($x == 10); echo gettype($b).'<br>'; A variável $b recebe o valor de ($x == 10) que é uma expressão lógica (verdadeira ou falsa); por isso, a função gettype($b) indica que a variável $b é do tipo boolean.

46 Em seguida apresentam-se as instruções: $x = 10; echo gettype($x).'<br>'; A variável $x recebe o valor de 10; por isso a função gettype($x) indica que a variável $x é do tipo integer.

47 Em seguida, essa mesma variável $x recebe outros valores (1.5 e Ana Dias ) e a função gettype($x) vai indicando os diferentes tipos de dados que a variável assume (double e string). Na última instrução, a variável $z não tem qualquer valor, por isso, a função gettype($x) indica que ela é do tipo NULL.

48 Em PHP podem definir-se constantes com a função define (constante, valor). Por exemplo: define (TAXA, 0.21); é definida a constante TAXA com o valor 0.21 define (N1, Ana Dias ); é definida a constante N1 com o valor Ana Dias. As constantes não utilizam o caracter $ nem podem ser redefinidas como acontece com as variáveis. Por convenção (não obrigatória) as constantes costumam ser definidas com maiúsculas.

49 Exemplo de um script PHP em que se utiliza uma estrutura de decisão if-else.

50 Depois da marca de script <?php, surge o início da estrutura de decisão com if ($x == 0) {. Depois da marca de fim de script?>, existe uma linha de HTML: <b> É verdade que x = 0.</b>. Apesar de já estar fora do código PHP, este elemento vai ser considerado como a instrução a executar se a condição ($x == 0) for verdadeira. De seguida, surge, de novo, código PHP com: <?php } else {?>. Esta parte do código abre a tag <?php para fechar a chaveta do anterior bloco de instruções, incluir a cláusula else e abrir uma nova chaveta.

51 Segue-se uma outra linha de HTML, que vai ser considerada como a instrução a executar se a condição ($x == 0) se verificar como falsa. O código termina com <?php }?>. Ou seja, é aberto e fechado só para incluir a chaveta final.

52 Exemplo de um script PHP em que se utiliza um ciclo for. Neste caso, o código do ciclo for em PHP combina-se com tags de HTML para criar uma tabela que apresenta os números de 1 a 5 e os seus cubos.

53 O cabeçalho do ciclo for ($i=1; $i <= 5; $i++) utiliza uma variável $i para controlar o nº de vezes que as instruções do ciclo executam. A instrução $q = $i * $i * $i; cria a variável $q que recebe o cubo da variável $i. A instrução echo "<tr> <td> $i </td>"; faz escrever os números de 1 a 5 nas células da coluna esquerda da tabela. A instrução echo "<td> $q </td> </tr>"; faz escrever os cubos dos números de 1 a 5 nas células da coluna da direita da mesma tabela.

Ficha Informativa n.º 2. Variavéis, tipos de dados e constantes em PHP

Ficha Informativa n.º 2. Variavéis, tipos de dados e constantes em PHP Ficha Informativa n.º 2 Variavéis, tipos de dados e constantes em PHP Em PHP, ao contrário do que se passa na maioria das linguagens de programação, não é necessária a declaração prévia de variáveis. Em

Leia mais

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO

Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Apresentação de REDES DE COMUNICAÇÃO Curso Profissional de Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos MÓDULO VII Acesso a Bases de Dados via Web Duração: 50 tempos Conteúdos (1) Conceitos

Leia mais

Introdução a Programação Web com PHP

Introdução a Programação Web com PHP AULA: Introdução a Programação Web com PHP Programação para Internet http://docentes.ifrn.edu.br/albalopes alba.lopes@ifrn.edu.br Breve histórico A primeira versão surgiu em meados de 1995, escrita por

Leia mais

C A P I T U L O 2 S I N T A X E B Á S I C A - V A R I Á V E I S E C O N S T A N T E S E M P H P

C A P I T U L O 2 S I N T A X E B Á S I C A - V A R I Á V E I S E C O N S T A N T E S E M P H P C A P I T U L O 2 S I N T A X E B Á S I C A - V A R I Á V E I S E C O N S T A N T E S E M P H P SINTAXE BÁSICA Neste capítulo vamos apresentar a estrutura básica do PHP. Para iniciar a construção de um

Leia mais

Prof. Esp. Fabiano Taguchi PHP. Como surgiu o PHP? PHP

Prof. Esp. Fabiano Taguchi  PHP. Como surgiu o PHP? PHP Prof. Esp. Fabiano Taguchi fabianotaguchi@gmail.com http://fabianotaguchi.wordpress.com PHP Como surgiu o PHP? PHP 1 PHP 1994 Rasmus Lerdorf resolveu criar um gerenciador de visitas para sites, a ferramenta

Leia mais

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi

Introdução ao PHP. Prof. Késsia Marchi Introdução ao PHP Prof. Késsia Marchi PHP Originalmente PHP era um assíncrono para Personal Home Page. De acordo com convenções para atribuições de nomes recursivas do GNU foi alterado para PHP Hypertext

Leia mais

Prof. Esp. Andrew Rodrigues 1

Prof. Esp. Andrew Rodrigues   1 Prof. Esp. Andrew Rodrigues www.andrewrodrigues.com.br www.andrewrodrigues.com.br 1 PHP em Ação PHP é uma linguagem de programação que pode fazer todo o tipo de coisas: avaliar dados de formulários enviados

Leia mais

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SANTA COMBA DÃO CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS 2012-2015 PROGRAMAÇÃO E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MÓDULO 2 Mecanismos de Controlo de

Leia mais

Internet e Programação Web

Internet e Programação Web COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 3 Técnico Prof. Cesar 2014 1 SUMÁRIO Criar sites dinâmicos em PHP --------------------------------------------------------

Leia mais

PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB I

PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB I PROGRAMAÇÃO EM AMBIENTE WEB I PROF. FABIANO TAGUCHI http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@gmail.com PHP HYPERTEXT PREPROCESSSOR 1 HISTÓRICO Surgiu por volta de 1993 por Ramsus Lerdorf primeiramente

Leia mais

Introdução. Outros nomes: Personal Home Page, Professional Home Page.

Introdução. Outros nomes: Personal Home Page, Professional Home Page. Introdução PHP Hypertext Preprocessor Outros nomes: Personal Home Page, Professional Home Page. Linguagem de programação server-side; Fornece suporte a vários banco de dados; Trabalha na geração de páginas

Leia mais

Introdução 20 Diagramas de fluxos de dados 20 O processo de elaboração de DFD 22 Regras práticas para a elaboração de DFD 24 Dicionário de dados 26

Introdução 20 Diagramas de fluxos de dados 20 O processo de elaboração de DFD 22 Regras práticas para a elaboração de DFD 24 Dicionário de dados 26 ÍNDICE MÓDULO 1 ANÁLISE DE SISTEMAS 9 1.1 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 10 Sistema conceito e exemplos 10 Dados e informação 11 Sistema de informação conceito e componentes 12 Sistema de informação e sistemas

Leia mais

Introdução. Surge em 1995 (Brendan Eich, programador da Netscape) com o nome de Livescript

Introdução. Surge em 1995 (Brendan Eich, programador da Netscape) com o nome de Livescript Surge em 1995 (Brendan Eich, programador da Netscape) com o nome de Livescript É uma linguagem de programação (linguagem de script) Javascript e Java Torna a sua página HTML: Atraente; Interactiva; Inteligente.

Leia mais

Desenvolvimento de Sistemas para WEB Site:

Desenvolvimento de Sistemas para WEB Site: Universidade Federal do Espírito Santo Centro de Ciências Agrárias CCA UFES Departamento de Computação Desenvolvimento de Sistemas para WEB Site: http://jeiks.net E-mail: jacsonrcsilva@gmail.com Introdução

Leia mais

Tecnologias de Desenvolvimento de Páginas web

Tecnologias de Desenvolvimento de Páginas web Tecnologias de Desenvolvimento de Páginas web HTML DHTML CSS Javascript Visual Basic Script Java HTML Hypertext Markup Language HTML Hypertext Markup Language Linguagem com a qual se definem as páginas

Leia mais

JavaScript (Elementos de Programação e Programação Básica)

JavaScript (Elementos de Programação e Programação Básica) Linguagem de Programação para Web JavaScript (Elementos de Programação e Programação Básica) Prof. Mauro Lopes 1 Objetivos Iniciaremos aqui o nosso estudo sobre a Linguagem de Programação JavaScript. Apresentaremos

Leia mais

Professor: João Macedo

Professor: João Macedo Programação Páginas Web O HTML (HyperText Markup Language) é a linguagem mais utilizada para criar páginas Web com hipertexto. Utilizando a linguagem HTML podemos criar páginas em que certos itens (palavras

Leia mais

envolvidos numa comunicação

envolvidos numa comunicação 1 Aplicações web - funcionamento Baseiam-se no paradigma cliente-servidor; Um software (Apache, PHP, MySQL, etc...) é executado continuamente em uma máquina chamada servidor, onde hospedamos nossa aplicação.

Leia mais

Curso 500 Desenvolvimento

Curso 500 Desenvolvimento c Curso 500 Desenvolvimento Web com PHP Versão 2015_3.0 Introdução ao PHP 2 Introdução ao PHP Introdução ao PHP; Aprender a Sintaxe Básica do PHP; Conhecer Variáveis e Constantes; Conhecer Strings; Conhecer

Leia mais

PHP INTRODUÇÃO DELIMITADORES DE CÓDIGO EXTENSÃO DE ARQUIVOS

PHP INTRODUÇÃO DELIMITADORES DE CÓDIGO EXTENSÃO DE ARQUIVOS INTRODUÇÃO PHP Aula 1 Introdução, Saída e Variáveis Leonardo Pereira facebook.com/leongamerti PHP significa PHP: Hypertext Preprocessor. Código PHP é executado no servidor, e o resultado é retornado para

Leia mais

JavaScript (ou JScript)

JavaScript (ou JScript) 1. Introdução JavaScript (ou JScript) Uma linguagem como o JavaScript permite criar interfaces interativas na web (permite a interação do usuário). Para desenvolver web sites interativos precisamos de

Leia mais

Exercitando a Programação com PHP

Exercitando a Programação com PHP José Roberto Madureira Junior Adaní Cusin Sacilotti Adriana Rodrigues Reginaldo Sacilotti Exercitando a Programação com PHP Primeira Edição São Paulo 2016 Sumário 1 INTRODUÇÃO AO PHP... 1 1.1 PREPARAÇÃO

Leia mais

Variáveis Tipos de Dados. APROG (Civil) Aula 2

Variáveis Tipos de Dados. APROG (Civil) Aula 2 Variáveis Tipos de Dados APROG () Aula 2 Conteúdo Conceito de Variável Declaração de variáveis Tipos de Dados Operação de Atribuição Uso de Constantes 2 Variáveis Uma variável é uma localização de memória

Leia mais

Conteúdo. Linguagem Estática x Dinâmica O que é PHP? Configurando o Ambiente do PHP Sintaxe

Conteúdo. Linguagem Estática x Dinâmica O que é PHP? Configurando o Ambiente do PHP Sintaxe Unidade IV Introdução à Linguagem PHP Parte 1 Professor Fabiano de Paula Soldati fpsoldati@yahoo.com.br http://br.groups.yahoo.com/group/professorsoldati/ Conteúdo Linguagem Estática x Dinâmica O que é

Leia mais

Legibilidade do código fonte

Legibilidade do código fonte Sumário Legibilidade do código fonte Exemplos Normas Instrução switch Sintaxe e Semântica Exemplo Tipos enumerados Exemplo Programação 2007/2008 DEEC-IST 1 Legibilidade do código fonte Exemplo: Considere

Leia mais

Apostila - Desenvolvimento web com PHP

Apostila - Desenvolvimento web com PHP José Roberto Madureira Junior Adaní Cusin Sacilotti Adriana Rodrigues Reginaldo Sacilotti Apostila - Desenvolvimento web com PHP Primeira Edição São Paulo 2017 Sumário 1 INTRODUÇÃO AO PHP... 1 1.1 PREPARAÇÃO

Leia mais

Introdução ao Javascript

Introdução ao Javascript Programação WEB I Introdução ao Javascript Apresentação da Disciplina,Introdução a linguagem Javascript Objetivos da Disciplina Apresentar os principais conceitos da linguagem Javascript referente à programação

Leia mais

Linguagem de Programação PHP. Hiarly Alves MBA Governança em TI - Analista de Sistemas. CIO -

Linguagem de Programação PHP. Hiarly Alves MBA Governança em TI - Analista de Sistemas. CIO - Linguagem de Programação PHP Hiarly Alves MBA Governança em TI - Analista de Sistemas. CIO - www.har-ti.com Conceitos Básicos. O que o PHP pode fazer? Porque Escolher PHP? Como Funciona? Primeiro Script

Leia mais

Diagramas Sintáticos

Diagramas Sintáticos Diagramas Sintáticos Centro de Cálculo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Pedro Alexandre Pereira (palex@cc.isel.ipl.pt) Classe pública com método main Cada classe X pública é declarada num ficheiro

Leia mais

Resolução De Problemas Em Informática. Docente: Ana Paula Afonso Resolução de Problemas. 1. Analisar o problema

Resolução De Problemas Em Informática. Docente: Ana Paula Afonso Resolução de Problemas. 1. Analisar o problema ALGORITMIA Resolução De Problemas Em Informática Docente: Ana Paula Afonso 2000-2001 Resolução de Problemas 1. Analisar o problema Conhecer o bem o problema Descrever o problema: subdividir, detalhar 2.

Leia mais

Linguagem C Princípios Básicos (parte 1)

Linguagem C Princípios Básicos (parte 1) Linguagem C Princípios Básicos (parte 1) Objetivos O principal objetivo deste artigo é explicar alguns conceitos fundamentais de programação em C. No final será implementado um programa envolvendo todos

Leia mais

Estruturas da linguagem C. 1. Identificadores, tipos primitivos, variáveis e constantes, operadores e expressões.

Estruturas da linguagem C. 1. Identificadores, tipos primitivos, variáveis e constantes, operadores e expressões. 1 Estruturas da linguagem C 1. Identificadores, tipos primitivos, variáveis e constantes, operadores e expressões. Identificadores Os identificadores seguem a duas regras: 1. Devem ser começados por letras

Leia mais

Sintaxe da linguagem Java

Sintaxe da linguagem Java Sintaxe da linguagem Java (PG) Centro de Cálculo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa Pedro Alexandre Pereira (palex@cc.isel.ipl.pt) Classe pública com método main Uma classe pública com nome A tem

Leia mais

Anhanguera Educacional S.A. Centro Universitário Ibero-Americano

Anhanguera Educacional S.A. Centro Universitário Ibero-Americano O C++ foi inicialmente desenvolvido por Bjarne Stroustrup durante a década de 1980 com o objetivo de melhorar a linguagem de programação C, mantendo a compatibilidade com esta linguagem. Exemplos de Aplicações

Leia mais

A linguagem C (visão histórica)

A linguagem C (visão histórica) A linguagem C (visão histórica) A linguagem C é uma linguagem de programação desenvolvida no ínício dos anos 70 por Dennis Ritchie, que trabalhava nos laboratórios Bell e que também inciou em paralelo,

Leia mais

Curso básico de JavaScript Aula 2

Curso básico de JavaScript Aula 2 Tópicos 1 JavaScript é case sensitive... 1 2 Comentários... 1 3 Saídas do JavaScript... 1 4 Entrada de dados usando window.prompt( )... 3 5 Variáveis... 3 1.1 Regras para criar uma variável... 3 6 Literais...

Leia mais

3. Construção de páginas web Introdução ao HTML

3. Construção de páginas web Introdução ao HTML 3. Construção de páginas web 3.1. Introdução ao HTML 1 Introdução ao HTML O HTML, HyperText Markup Language, foi desenvolvido para especificar a organização lógica de um documento com extensões de hipertexto,

Leia mais

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia

Instituto Federal do Sertão-PE. Curso de PHP. Professor: Felipe Correia Instituto Federal do Sertão-PE Curso de PHP Professor: Felipe Correia Conteúdo Parte I Parte II Introdução Funções de strings Instalação Constantes Sintaxe Operadores Variáveis if else elseif Echo/Print

Leia mais

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwer tyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuio pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjk

qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwer tyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuio pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjk qwertyuiopasdfghjklzxcvbnmqwer tyuiopasdfghjklzxcvbnmqwertyuio pasdfghjklzxcvbnmqwertyuiopasd fghjklzxcvbnmqwertyuiopasdfghjk Apostila de Linguagem de Programação III lzxcvbnmqwertyuiopasdfghjklzxcv CSS

Leia mais

Linguagem Técnica de Programação III Introdução a PHP

Linguagem Técnica de Programação III Introdução a PHP Linguagem Técnica de Programação III Introdução a PHP Thiago Leite thiago.leite@udf.edu.br 1 O que é PHP? criada em 1994 por Rasmus Lerdorf scripts para a criação de páginas dinâmicas implementado em C

Leia mais

Para instalar o Visual Basic 2010 Express.

Para instalar o Visual Basic 2010 Express. Para instalar o Visual Basic 2010 Express http://www.microsoft.com/express/downloads/ O Visual Basic (VB) é uma linguagem de Programação, pelo que inclui: 1. Estruturas de dados 2. Variáveis 3. Gramática

Leia mais

Introdução à Tecnologia Web

Introdução à Tecnologia Web Introdução à Tecnologia Web JavaScript Sintaxe da Linguagem: Delimitadores e etc Profª MSc. Elizabete Munzlinger JavaScript Sintaxe da Linguagem Índice 1 SINTAXE DA LINGUAGEM... 2 1.1 Delimitadores de

Leia mais

JAVASCRIPT Laboratórios de Informática João Paulo Barraca, André Zúquete, Diogo Gomes

JAVASCRIPT Laboratórios de Informática João Paulo Barraca, André Zúquete, Diogo Gomes http://cseweb.ucsd.edu/~lerner/js.jpg JAVASCRIPT Laboratórios de Informática 2014-2015 João Paulo Barraca, André Zúquete, Diogo Gomes HTML, CSS, Javascript HTML define estrutura CSS define estilo Javascript

Leia mais

JSP Prof. Daniela Pires. VARIAVEIS... 2 Tipos de Dados... 2 String Float Integer Boolean... 3

JSP Prof. Daniela Pires. VARIAVEIS... 2 Tipos de Dados... 2 String Float Integer Boolean... 3 Conteúdo VARIAVEIS... 2 Tipos de Dados... 2 String... 2 Float... 3 Integer... 3 Boolean... 3 Variáveis... 4 O que são variáveis?... 4 Tipo de variáveis... 5 Concatenação:... 6 1 VARIAVEIS Antes de falarmos

Leia mais

Desenvolvendo aplicações Java

Desenvolvendo aplicações Java José Roberto Madureira Junior Adaní Cusin Sacilotti Adriana Rodrigues Reginaldo Sacilotti Desenvolvendo aplicações Java Primeira Edição São Paulo 2017 Sumário 1 INTRODUÇÃO AO JAVA... 1 1.1 A PLATAFORMA

Leia mais

Programação II. Prof.: André Luigi Campus Inconfidentes

Programação II. Prof.: André Luigi   Campus Inconfidentes Programação II Prof.: André Luigi E-mail: andre.amaral@ifsuldeminas.edu.br Introdução Desenvolvimento WEB? Introdução Desenvolvimento WEB? Podemos considerar como desenvolvimento WEB qualquer sistema que

Leia mais

Computação L2. Linguagem C++ Observação: Material Baseado na Disciplina Computação Eletrônica.

Computação L2. Linguagem C++ Observação: Material Baseado na Disciplina Computação Eletrônica. Computação L2 Linguagem C++ ovsj@cin.ufpe.br Observação: Material Baseado na Disciplina Computação Eletrônica. Alfabeto São os símbolos ( caracteres ) permitidos na linguagem: Letras (maiúsculas e minúsculas);

Leia mais

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo:

Para testar seu primeiro código utilizando PHP, abra um editor de texto (bloco de notas no Windows) e digite o código abaixo: Disciplina: Tópicos Especiais em TI PHP Este material foi produzido com base nos livros e documentos citados abaixo, que possuem direitos autorais sobre o conteúdo. Favor adquiri-los para dar continuidade

Leia mais

Introdução à Linguagem C

Introdução à Linguagem C Engenharia de CONTROLE e AUTOMAÇÃO Introdução à Linguagem C Aula 02 DPEE 1038 Estrutura de Dados para Automação Curso de Engenharia de Controle e Automação Universidade Federal de Santa Maria beltrame@mail.ufsm.br

Leia mais

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CONTEÚDO PROGRAMÁTICO PHP Básico Carga horária: 24 horas TreinaWeb Tecnologia LTDA CNPJ: 06.156.637/0001-58 Av. Paulista, 1765 - Conj 71 e 72 São Paulo - SP CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 1 - Introdução à linguagem

Leia mais

JavaScript Introdução e Sintaxe

JavaScript Introdução e Sintaxe JavaScript Introdução e Sintaxe Ferramentas para Internet Marx Gomes Van der Linden ( Material baseado no original de Marcelo José Siqueira Coutinho de Almeida ) Objetivos Apresentar os principais conceitos

Leia mais

A Linguagem C. A forma de um programa em C

A Linguagem C. A forma de um programa em C A Linguagem C Criada em 1972 por D. M. Ritchie e K. Thompson. Tornou-se uma das mais importantes e populares, principalmente pela portabilidade e flexibilidade. Foi projetada para o desenvolvimento de

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí TIPOS DE VARIÁVEIS

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí TIPOS DE VARIÁVEIS Curso de PHP FATEC - Jundiaí TIPOS DE VARIÁVEIS - Inteiros - Ponto Flutuante - String - Array - Objetos - Booleanos PHP utiliza checagem de tipos dinâmica, ou seja, uma variável vel pode conter valores

Leia mais

AULA TEÓRICA 3 Tema 2. Introdução a programação em Java (JVM, JDK)

AULA TEÓRICA 3 Tema 2. Introdução a programação em Java (JVM, JDK) AULA TEÓRICA 3 Tema 2. Introdução a programação em Java (JVM, JDK) Ø LP Java. Estrutura de um programa em Java. Ø Conjunto de caracteres utilizado. Ø Identificadores. Ø Variáveis e constantes. Ø Tipos

Leia mais

Aula 11 Introdução ao Java Script

Aula 11 Introdução ao Java Script Aula 11 Introdução ao Java Script Java Script é uma linguagem que permite trabalhar com a Lógica em páginas escritas em HTML (HiperText Mark-up Language). As páginas HTML podem ser escritas utilizando-se

Leia mais

#include <stdio.h> Void main() { printf( Cheguei!\n"); } INTRODUÇÃO A LINGUAGEM C

#include <stdio.h> Void main() { printf( Cheguei!\n); } INTRODUÇÃO A LINGUAGEM C #include Void main() { printf( Cheguei!\n"); } INTRODUÇÃO A LINGUAGEM C ANTES DO C ERA A LINGUAGEM B B foi essencialmente uma simplificação da linguagem BCPL. B só tinha um tipo de dado, que

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí Curso de PHP FATEC - Jundiaí Uma função é um bloco de código c reutilizável que é executado devido a um evento ou pela chamada de outra função. Deve-se usar a declaração function para criar uma função.

Leia mais

Lógica de Programação. Lógica de Programação com Java

Lógica de Programação. Lógica de Programação com Java Lógica de Programação Lógica de Programação com Java Sumário Lógica de programação 1. Algoritmos 2. Comentários no código 3. Tipos de dados 4. Constantes e Variáveis 5. O que devemos saber para começar

Leia mais

Fundamentos da programação Parte - 1

Fundamentos da programação Parte - 1 Fundamentos da programação Parte - 1 1. Objetivos Nesta lição discutiremos as partes básicas de um programa em Java. Começaremos explicando as partes do programa Hello.java mostrado na última lição. Discutiremos

Leia mais

100 Exercícios Teóricos não resolvidos

100 Exercícios Teóricos não resolvidos 1 GUIA DE ESTUDO LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO C++ 100 Exercícios Teóricos não resolvidos Prof. Universitário e Consultor Silva Quiala Msc, Bsc, HND Uso exclusivo para estudantes ( Versão Adaptada) 21 de Setembro

Leia mais

1 O PHP E A WORLD WIDE WEB

1 O PHP E A WORLD WIDE WEB 1 O PHP E A WORLD WIDE WEB... 1 1.1 Introdução... 1 1.2 Breve apresentação do PHP... 2 1.3 Acesso a documentos na Web... 2 1.4 HTML estático versus HTML dinâmico... 3 1.5 PHP o que é?... 5 1.6 O PHP e

Leia mais

Aula 04 Manipulação e Tipos de Dados em PHP. Prof. Pedro Baesse

Aula 04 Manipulação e Tipos de Dados em PHP. Prof. Pedro Baesse Aula 04 Manipulação e Tipos de Dados em PHP Prof. Pedro Baesse pedro.baesse@ifrn.edu.br Tipo de Dados Constantes Manipulação de dados Variáveis Operadores Variáveis podem guardar diversos tipos de dados

Leia mais

APOSTILA PHP PARTE 1

APOSTILA PHP PARTE 1 APOSTILA PHP PARTE 1 1. Introdução O que é PHP? PHP significa: PHP Hypertext Preprocessor. Realmente, o produto foi originalmente chamado de Personal Home Page Tools ; mas como se expandiu em escopo, um

Leia mais

Nesta disciplina aprenderemos. HTML CSS JavaScript Jquery PHP

Nesta disciplina aprenderemos. HTML CSS JavaScript Jquery PHP Introdução Nesta disciplina aprenderemos HTML CSS JavaScript Jquery PHP HTML é a abreviatura de HyperText Mark-up Language. O HTML foi inventado em 1990, por um cientista chamado Tim Berners-Lee. A finalidade

Leia mais

Conceitos básicos de programação

Conceitos básicos de programação Para aprender uma linguagem de programação podemos começar por conhecer os vocábulos ou símbolos que formam o seu léxico e depois aprender como esses vocábulos integram as instruções (frases) que compõe

Leia mais

Prof Evandro Manara Miletto. parte 1

Prof Evandro Manara Miletto. parte 1 Prof Evandro Manara Miletto parte 1 Sumário Introdução Variáveis e tipos de dados Operadores O que é JavaScript? JavaScript é uma linguagem de programação criada pela Netscape para adicionar interatividade

Leia mais

Algoritmo e Programação Matemática

Algoritmo e Programação Matemática Algoritmo e Programação Matemática Fundamentos de Algoritmos Parte 1 Renato Dourado Maia Instituto de Ciências Agrárias Universidade Federal de Minas Gerais Dados A funcionalidade principal de um computador

Leia mais

Apostila de Fortran. É uma pseudo-linguagem a qual oferece recursos para que o programador possa codificar e testar os seus algoritmos.

Apostila de Fortran. É uma pseudo-linguagem a qual oferece recursos para que o programador possa codificar e testar os seus algoritmos. Apostila de Fortran Fortran Uma das linguagens de programação mais velhas, o FORTRAN foi desenvolvido por uma equipe de programadores conduzida por John Backus na IBM, e foi primeiramente publicada em

Leia mais

Desenvolvimento de Aplicações Web. Prof. José Eduardo A. de O. Teixeira www.vqv.com.br / j.edu@vqv.com.br

Desenvolvimento de Aplicações Web. Prof. José Eduardo A. de O. Teixeira www.vqv.com.br / j.edu@vqv.com.br Desenvolvimento de Aplicações Web Programação Contextualização de aplicações Web: navegadores e servidores como interpretadores, tecnologias do lado do cliente (XHTML, CSS, Javascript) e do lado do servidor

Leia mais

Treinamento em PHP. Aula 1. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com

Treinamento em PHP. Aula 1. Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Treinamento em PHP Aula 1 Ari Stopassola Junior stopassola@acimainteractive.com Introdução PHP Hypertext Preprocessor Nome original era Personal Home Page Tools Criada por Rasmus Lerdorf e atualmente mantida

Leia mais

O que é o JavaScript?

O que é o JavaScript? JavaScript 1 Introdução O JavaScript é utilizado por milhões de páginas na web para melhorar o design, validar forms, e muito mais O JavaScript foi inicialmente desenvolvido pela Netscape e é a linguagem

Leia mais

2 echo "PHP e outros.";

2 echo PHP e outros.; PHP (Hypertext Preprocessor) Antes de qualquer coisa, precisamos entender o que é o PHP: O PHP(Hypertext Preprocessor) é uma linguagem interpretada gratuita, usada originalmente apenas para o desenvolvimento

Leia mais

Universidade de Mogi das Cruzes Implementação Orientada a Objetos - Profª. Danielle Martin. Guia da Sintaxe do Java

Universidade de Mogi das Cruzes Implementação Orientada a Objetos - Profª. Danielle Martin. Guia da Sintaxe do Java Guia da Sintaxe do Java TIPOS PRIMITIVOS DE DADOS DO JAVA São os tipos nativos de dados do Java, que podem ser usados na declaração de atributos, variáveis, parâmetros. Tipo primitivo Tamanho Valor padrão

Leia mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí. A diferença a entre as matrizes e as arrays é que acrescentamos mais

Curso de PHP. FATEC - Jundiaí. A diferença a entre as matrizes e as arrays é que acrescentamos mais Curso de PHP FATEC - Jundiaí Matrizes Multidimensionais A diferença a entre as matrizes e as arrays é que acrescentamos mais um índice para identificar a posição na matriz. O número n de índices será diretamente

Leia mais

Linguagem de Programação. Introdução ao PHP. Prof Mauricio Lederer Ciência da Computação - UNIANDRADE 1

Linguagem de Programação. Introdução ao PHP. Prof Mauricio Lederer Ciência da Computação - UNIANDRADE 1 Linguagem de Programação Introdução ao PHP 1 O que é PHP? - significa: Hypertext Preprocessor - uma das linguagens mais utilizadas para web - transforma sites estáticos em dinâmicos - atualização de páginas

Leia mais

Uma Questão de Estilo Elementos de Estilo Java

Uma Questão de Estilo Elementos de Estilo Java Uma Questão de Estilo Elementos de Estilo Java Vasco. T. Vasconcelos 9 Setembro 2004 Escrevemos programas para serem lidos por humanos. Pelos outros, mas também por nós, daqui a uma semana. As linguagens

Leia mais

PHP. Hypertext Pre-Processor

PHP. Hypertext Pre-Processor PHP Hypertext Pre-Processor O que é o PHP? Uma linguagem de scripting é uma linguagem cujo código não tem de ser compilado para ser executado! O código escrito é interpretado em tempo de execução para

Leia mais

Módulo 17E. Revisões de HTML. A) Noções básicas de HTML

Módulo 17E. Revisões de HTML. A) Noções básicas de HTML Módulo 17E Revisões de HTML A) Noções básicas de HTML Estrutura básica de um documento Um documento HTML começa com a tag de abertura e termina com a tag de fecho . De seguida, temos a considerar

Leia mais

Linguagem C: Introdução

Linguagem C: Introdução Linguagem C: Introdução Linguagem C É uma Linguagem de programação genérica que é utilizada para a criação de programas diversos como: Processadores de texto Planilhas eletrônicas Sistemas operacionais

Leia mais

Estruturas de controle Parte 1

Estruturas de controle Parte 1 1. Objetivos Estruturas de controle Parte 1 Nas lições anteriores, foram mostrados programas seqüenciais, onde as instruções foram executadas uma após a outra de forma fixa. Nesta lição, discutiremos estruturas

Leia mais

Lição 4 Fundamentos da programação

Lição 4 Fundamentos da programação Lição 4 Fundamentos da programação Introdução à Programação I 1 Objetivos Ao final desta lição, o estudante será capaz de: Identificar as partes básicas de um programa em Java Reconhecer as diferenças

Leia mais

Desenvolvendo Websites com PHP

Desenvolvendo Websites com PHP Desenvolvendo Websites com PHP 3ª Edição Juliano Niederauer Novatec Copyright 2009, 2011, 2017 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida

Leia mais

1.2 OPERAÇÕES BÁSICAS EM ALGORITMOS E PROGRAMAS 18

1.2 OPERAÇÕES BÁSICAS EM ALGORITMOS E PROGRAMAS 18 ÍNDICE MÓDULO 1 INTRODUÇÃO À ALGORITMIA 11 1.1 PROGRAMAS E ALGORITMOS 12 Fases da programação 12 Algoritmos e algoritmia 13 Algoritmos em linguagem informal, pseudocódigo e fluxogramas 14 Símbolos utilizados

Leia mais

11 - Estrutura de um programa em C

11 - Estrutura de um programa em C 11 - Estrutura de um programa em C directivas para o compilador { main ( ) declarações instruções } -É possível utilizar comentários, exemplo: /* Comentário */ que não são traduzidos pelo compilador, pois

Leia mais

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I

FCA - EDITORA DE INFORMÁTICA I 1 O PHP e a World Wide Web... XXXIII 1.1 Introdução... XXXIII 1.2 Breve apresentação do PHP... 1 1.3 Acesso a documentos na web... 1 1.4 HTML estático versus HTML dinâmico... 2 1.5 PHP, o que é?... 4 1.6

Leia mais

Java e sua Sintaxe. Estrutura mínima de um programa em Java: public class Exemplo { }

Java e sua Sintaxe. Estrutura mínima de um programa em Java: public class Exemplo { } Java e sua Sintaxe Java e sua Sintaxe Estrutura mínima de um programa em Java: public class Exemplo { } Como todo programa deve ter um início, convenciona-se que a primeira ação de um programa é a execução

Leia mais

No final deste curso, saberás criar programas através da linguagem de programação Java.

No final deste curso, saberás criar programas através da linguagem de programação Java. Programação em Java Programação Formato: Mentored - Online Preço: 415 ( Os valores apresentados não incluem IVA. Oferta de IVA a particulares e estudantes. ) Horário: Flexível das 24h/24h Duração: ~45h

Leia mais

Compilador de LP3 para C3E e P3

Compilador de LP3 para C3E e P3 Compilador de LP3 para C3E e P3 Luís Gil 1 13 de Junho de 2005 1 estudante de Ciências Informáticas no Instituto Superior Técnico 1 Introdução Este relatório descreve a sintaxe e a semântica da Linguagem

Leia mais

Programação Orientada a Objectos - P. Prata, P. Fazendeiro

Programação Orientada a Objectos - P. Prata, P. Fazendeiro 3 Classes e instanciação de objectos (em Java) Suponhamos que queremos criar uma classe que especifique a estrutura e o comportamento de objectos do tipo Contador. As instâncias da classe Contador devem

Leia mais

Introdução ao C# com o Microsoft Visual Studio Community 2015

Introdução ao C# com o Microsoft Visual Studio Community 2015 José Roberto Madureira Junior Adaní Cusin Sacilotti Adriana Rodrigues Reginaldo Sacilotti Introdução ao C# com o Microsoft Visual Studio Community 2015 Primeira Edição São Paulo 2016 Sumário 1 INTRODUÇÃO

Leia mais

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP

Programação WEB. Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida. Aula III Introdução PHP Programação WEB Prof. André Gustavo Duarte de Almeida andre.almeida@ifrn.edu.br docente.ifrn.edu.br/andrealmeida Aula III Introdução PHP Introdução PHP PHP=Hypertext Pre-Processor Linguagem de script open

Leia mais

Criando Relatórios com PHP Pablo Dall Oglio

Criando Relatórios com PHP Pablo Dall Oglio Criando Relatórios com PHP Pablo Dall Oglio Novatec Copyright 2011 da Novatec Editora Ltda. Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998. É proibida a reprodução desta obra, mesmo

Leia mais

Minicurso de JavaScript PET Sistemas de Informação Segundo Dia Anthony Tailer. Clecio dos Santos. Rhauani Fazul.

Minicurso de JavaScript PET Sistemas de Informação Segundo Dia Anthony Tailer. Clecio dos Santos. Rhauani Fazul. Minicurso de JavaScript PET Sistemas de Informação Segundo Dia 13.09.2016 Anthony Tailer. Clecio dos Santos. Rhauani Fazul. Romeu Casarotto Anteriormente 12.09.2016 Introdução Como usar? Saídas Sintaxe

Leia mais

O código JavaScript deve ser colocado entre tags de comentário para ficar escondido no caso de navegadores antigos que não reconhecem a linguagem.

O código JavaScript deve ser colocado entre tags de comentário para ficar escondido no caso de navegadores antigos que não reconhecem a linguagem. 1 - O que é JAVASCRIPT? É uma linguagem de script orientada a objetos, usada para aumentar a interatividade de páginas Web. O JavaScript foi introduzido pela Netscape em seu navegador 2.0 e posteriormente

Leia mais

Conceitos Básicos Linguagem C

Conceitos Básicos Linguagem C Conceitos Básicos Linguagem C PROF. MAURÍCIO A DIAS MACDIASPAE@GMAIL.COM 2 Método Método básico para construção de algoritmos 1. Compreender completamente o problema a ser resolvido, se possível dividindo

Leia mais

Nota prévia... XXI 1. PHP, Apache Server e MySQL... 1

Nota prévia... XXI 1. PHP, Apache Server e MySQL... 1 VII Índice Geral Nota prévia... XXI 1. PHP, Apache Server e MySQL... 1 1.1. Introdução... 1 1.2. Linguagem PHP... 1 1.2.1. Suporte a diferentes sistemas operativos... 2 1.2.2. Suporte a Sistemas de Gestão

Leia mais

Estrutura básica de um programa Instruções do Programa Sintaxe das instruções Diretivas apenas o contexto Variáveis e Constantes Tipos e modificadores

Estrutura básica de um programa Instruções do Programa Sintaxe das instruções Diretivas apenas o contexto Variáveis e Constantes Tipos e modificadores Objetivo: Estruturar uma sequencia de comandos em Linguagem C Estrutura básica de um programa Instruções do Programa Sintaxe das instruções Diretivas apenas o contexto Variáveis e Constantes Tipos e modificadores

Leia mais

Variáveis primitivas e Controle de fluxo

Variáveis primitivas e Controle de fluxo Variáveis primitivas e Controle de fluxo Material baseado na apostila FJ-11: Java e Orientação a Objetos do curso Caelum, Ensino e Inovação, disponível para download em http://www.caelum.com.br/apostilas/

Leia mais

Cadeira de Tecnologias de Informação. Ano lectivo 2009/2010. Sites dinâmicos. Com Expression Web TI2009/10 EWD_1. Filipa Pires da Silva (2009)

Cadeira de Tecnologias de Informação. Ano lectivo 2009/2010. Sites dinâmicos. Com Expression Web TI2009/10 EWD_1. Filipa Pires da Silva (2009) Cadeira de Tecnologias de Informação Ano lectivo 2009/2010 Sites dinâmicos Com Expression Web TI2009/10 EWD_1 .ASPX vs.html HTML: HTML é uma linguagem para descrever páginas web HTML significa Hyper Text

Leia mais

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas

PHP() é uma linguagem de integração de servidor que permite a criação de paginas dinâmicas. Como todas O que é PHP? Acrônimo de PHP: Hipertext Language PostProcessor Inicialmente escrita para o desenvolvimento de aplicações Web Facilidade para iniciantes e recursos poderosos para programadores profissionais

Leia mais