IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 02

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 02"

Transcrição

1 IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 02 Prof. Manoel Campos da Silva Filho Tecnólogo em Processamento de Dados / Unitins Mestre em Engenharia Elétrica / UnB mcampos at ifto.edu.br Versão 23/01/13 Slide 1

2 Expressões e Operadores Operadores são utilizados para a construção de expressões aritméticas e lógicas Expressões Simples: contém no máximo um operador binário Expressões Compostas: contém + de 1 operador binário Versão 23/01/13 Slide 2

3 Expressões e Operadores Tipos Operadores: Unários: requerem apenas um operando Binários: requerem dois operandos Operando: variáveis ou valores constantes (fixos) definido em uma expressão Versão 23/01/13 Slide 3

4 Operadores por Finalidade Atribuição: = Aritméticos: +, -, *, /, %, ++, --, +=, -=, *=, /=, %= Relacionais: ==,!=, >, <, >=, <= Lógicos: && (e) (ou)! (não) Versão 23/01/13 Slide 4

5 Operadores por Classificação Unários: -, +, ++, --,! Binários: -, +, +=, -=, *=, /=, %=, *, /, %, ==,!=, >, <, >=, <=, && (e), (ou) Versão 23/01/13 Slide 5

6 Expressões Aritméticas: utilizam operadores aritméticos resolvem cálculos tem inúmeros resultados possíveis Lógicas: utilizam operadores lógicos e/ou relacionais podem incluir operadores aritméticos definem condições para estruturas de selecão e repetição só tem dois resultados possíveis: verdadeiro ou falso Versão 23/01/13 Slide 6

7 Valores de Expressões Lógicas 0 (zero) e NULL são iguais a Falso (F) Qualquer outro valor é igual a Verdade (V) Convencionalmente, considera-se os valores 0 e 1, respectivamente, para F e V Versão 23/01/13 Slide 7

8 Ex. Expressões x > 0 x > 0 && y < 10 z+1 < 5 z+1 > 20 x+2 <= 10 print( x = %d, y = %d, ++x, --y); print( x = %d y = %d, x++, y--); Versão 23/01/13 Slide 8

9 Ex. Expressões e Operadores //Qual o valor final de x? int x = 25; x += 5; //mesmo que x = x + 5; x -= 10; //mesmo que x = x - 10; x *= 2; //mesmo que x = x * 2; x /= 4; //mesmo que x = x / 4; Versão 23/01/13 Slide 9

10 Ex. Expressões e Operadores //Qual o valor final de x? int x = 0; x += 10; x -= 2; x /= 4; x *= 3; Versão 23/01/13 Slide 10

11 Precedência de Operadores Em ordem decrescente de precedência (os operadores na mesma linha tem a mesma precedência) () []! * / % + - < > <= >= ==!= && = += -= Versão 23/01/13 Slide 11

12 Estruturas de Seleção Utilizadas para selecionar qual(is) instrução(ões) será(ão) executada(s) de acordo com determinada(s) condição(ões) Condições são expressões lógicas Versão 23/01/13 Slide 12

13 Estruturas de Seleção Simples if(condicao) { } comando1; comandon; Utilizada quando deseja-se que um determinado trecho de código só seja executado se uma condição for verdadeira. Versão 23/01/13 Slide 13

14 Exercícios 1)Crie um programa para calcular a área de um quadrado e exibir o resultado 2)Crie um programa para realizar a soma de dois números e exibir o resultado 3)Crie uma calculadora simples, onde o usuário escolhe a operação a ser realizada por meio dos caracteres +, -, * e /, e após verificar qual opção foi escolhida, realizar a operação e exibir o resultado Versão 23/01/13 Slide 14

15 Estruturas de Seleção Composta if (condicao) { } else { } comando1; comando2; comando3; comando4; Utilizada quando deseja-se que um determinado trecho de código só seja executado se uma condição for verdadeira e, caso a mesma seja falsa, outro trecho de código seja executado. Versão 23/01/13 Slide 15

16 Estruturas de Seleção Composta Utilizada quando tem-se várias condições, mas somente uma delas pode ser verdade em um determinado momento. Assim, a primeira condição deve estar em um if e as condições seguintes em um else if. O else final é opcional, normalmente utilizado para dizer que o(s) dado(s) digitado(s) pelo usuário é(são) inválido(s) if (condicao1) { comando1; comando2; Versão 23/01/13 Slide 16 } else if(condicao2) { } comando3; comando4; else if (condicaon) { comando5; } else { } comando6; comando7; comandon;

17 Exercícios 4)Crie um programa para resolver uma equação do primeiro grau, no formato ax + b = 0 5)Crie um programa para resolver uma equação do segundo grau, no formato ax 2 + bx + c = 0. Usando a fórmula de Bháskara. Inclua a biblioteca math.h e use a função sqrt(valor) para calcular a raiz quadrada Versão 23/01/13 Slide 17

18 Exercícios 6) O processo de correção das provas do vestibular do IFTO é totalmente informatizado. Considerando um prova de 4 questões com o seguinte gabarito: Questão 1 = A, Questão 2 = B, Questão 3 = A, Questão 4 = C desenvolva um programa que leia as 4 respostas de um candidato e em seguida mostre o total de questões que ele acertou. Se o usuário não acertar nenhuma questão, o programa deve informar que o usuário foi eliminado do processo seletivo. O programa deve mostrar ainda o percentual de acertos do candidato. Versão 23/01/13 Slide 18

19 Exercícios 7) Salve o algoritmo anterior com um novo nome e altere o mesmo para verificar se a resposta digitada é válida. Cada questão tem alternativas de A a E, logo, se o usuário digitar um valor diferente destes, deve-se mostrar uma mensagem indicando que o valor é inválido. Versão 23/01/13 Slide 19

20 Exercícios 8) Salve o algoritmo anterior com um novo nome e altere o mesmo para verificar se a resposta digitada é válida. No entanto, desta vez, deve-se utilizar apenas duas condições (interligadas por um operador lógico) e os operadores relacionais >= e <=. Para facilitar a resolução, você pode pensar na condição necessária para indicar que a resposta é válida (utilizando os operadores indicados). Versão 23/01/13 Slide 20

21 Exercícios 9) Salve o algoritmo anterior com um novo nome e altere o mesmo para verificar se a resposta digitada é válida, considerando maiúsculas e minúsculas. Versão 23/01/13 Slide 21

IFTO TÉCNICO EM INFORMÁTICA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS AULA 01

IFTO TÉCNICO EM INFORMÁTICA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS AULA 01 IFTO TÉCNICO EM INFORMÁTICA DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS AULA 01 Prof. Manoel Campos da Silva Filho Tecnólogo em Processamento de Dados / Unitins Mestre em Engenharia Elétrica / UnB http://lab.ifto.edu.br/~mcampos

Leia mais

IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 05

IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 05 IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 05 Prof. Manoel Campos da Silva Filho Tecnólogo em Processamento de Dados / Unitins Mestre em Engenharia Elétrica / UnB http://lab.ifto.edu.br/~mcampos http://manoelcampos.com

Leia mais

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO BCC 201 TURMAS 31, 32 E 33 2015-2 AULA TEÓRICA 4 PROF. MARCELO LUIZ SILVA (R E D)

INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO BCC 201 TURMAS 31, 32 E 33 2015-2 AULA TEÓRICA 4 PROF. MARCELO LUIZ SILVA (R E D) Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP Instituto de Ciências Exatas e Biológicas - ICEB Departamento de Computação - DECOM INTRODUÇÃO À PROGRAMAÇÃO BCC 201 TURMAS 31, 32 E 33 2015-2 1 AULA TEÓRICA 4

Leia mais

O comando if. O comando condicional permite incluir no programa trechos de código que dependem de uma ou mais condições para sua execução.

O comando if. O comando condicional permite incluir no programa trechos de código que dependem de uma ou mais condições para sua execução. O comando if if - else O comando condicional permite incluir no programa trechos de código que dependem de uma ou mais condições para sua execução. O comando condicional tem duas formas básicas: if(condição)

Leia mais

Python Condicionais e Loops. Introdução à Programação SI1

Python Condicionais e Loops. Introdução à Programação SI1 Python Condicionais e Loops Introdução à Programação SI1 Conteúdo Comando de Decisão Comandos de Repetição Exercícios 13/06/2013 2 Condicional Controle de fluxo É muito comum em um programa que certos

Leia mais

Programação. Folha Prática 3. Lab. 3. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015. Copyright 2010 All rights reserved.

Programação. Folha Prática 3. Lab. 3. Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015. Copyright 2010 All rights reserved. Programação Folha Prática 3 Lab. 3 Departamento de Informática Universidade da Beira Interior Portugal 2015 Copyright 2010 All rights reserved. LAB. 3 3ª semana EXPRESSÕES E INSTRUÇÕES 1. Revisão de conceitos

Leia mais

IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 01

IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 01 IFTO LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO AULA 01 Prof. Manoel Campos da Silva Filho Tecnólogo em Processamento de Dados / Unitins Mestre em Engenharia Elétrica / UnB http://manoelcampos.com mcampos at ifto.edu.br Versão

Leia mais

Estruturas de entrada e saída

Estruturas de entrada e saída capa Estruturas de entrada e saída - A linguagem C utiliza de algumas funções para tratamento de entrada e saída de dados. - A maioria dessas funções estão presentes na biblioteca . - As funções

Leia mais

Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Agrárias

Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Agrárias Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Agrárias Professor: Renato Dourado Maia Disciplina: Programação de Computadores Curso: Engenharia de Alimentos Turma: Terceiro Período 1 Introdução

Leia mais

BC0501 Linguagens de Programação

BC0501 Linguagens de Programação BC0501 Linguagens de Programação Aula Prática: 03 Assunto: Comandos de Seleção 1. Introdução Um comando de seleção define uma condição em um programa, que permite que grupos de comandos sejam executados

Leia mais

AULA 12 FUNÇÕES Disciplina: Algoritmos e POO Professora: Alba Lopes alba.lopes@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/albalopes

AULA 12 FUNÇÕES Disciplina: Algoritmos e POO Professora: Alba Lopes alba.lopes@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/albalopes AULA 12 FUNÇÕES Disciplina: Algoritmos e POO Professora: Alba Lopes alba.lopes@ifrn.edu.br http://docente.ifrn.edu.br/albalopes FUNÇÕES E PROCEDIMENTOS Também chamados de subalgoritmos São trechos de algoritmos

Leia mais

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10

2. OPERADORES... 6 3. ALGORITMOS, FLUXOGRAMAS E PROGRAMAS... 8 4. FUNÇÕES... 10 1. TIPOS DE DADOS... 3 1.1 DEFINIÇÃO DE DADOS... 3 1.2 - DEFINIÇÃO DE VARIÁVEIS... 3 1.3 - VARIÁVEIS EM C... 3 1.3.1. NOME DAS VARIÁVEIS... 3 1.3.2 - TIPOS BÁSICOS... 3 1.3.3 DECLARAÇÃO DE VARIÁVEIS...

Leia mais

Algoritmo. Prof. Anderson Almeida Ferreira. Agradeço ao prof. Guilherme Tavares de Assis por fornecer slides que fazem parte desta apresentação

Algoritmo. Prof. Anderson Almeida Ferreira. Agradeço ao prof. Guilherme Tavares de Assis por fornecer slides que fazem parte desta apresentação 1 Algoritmo Prof. Anderson Almeida Ferreira Agradeço ao prof. Guilherme Tavares de Assis por fornecer slides que fazem parte desta apresentação Desenvolvimento de programas 2 Análise do problema Desenvolvimento

Leia mais

Introdução aos cálculos de datas

Introdução aos cálculos de datas Page 1 of 7 Windows SharePoint Services Introdução aos cálculos de datas Aplica-se a: Microsoft Office SharePoint Server 2007 Ocultar tudo Você pode usar fórmulas e funções em listas ou bibliotecas para

Leia mais

Programas simples em C

Programas simples em C Programas simples em C Problema 1. Escreve um programa em C que dados dois inteiros indique se são iguais ou qual o maior. Utilizar a construção em 5 etapas... quais? 1. Perceber o problema 2. Ideia da

Leia mais

CONVENÇÃO DE CÓDIGO JAVA

CONVENÇÃO DE CÓDIGO JAVA CONVENÇÃO DE CÓDIGO JAVA Eligiane Ceron - Abril de 2012 Versão 1.0 Conteúdo Considerações iniciais... 2 Introdução... 2 Extensão de arquivos... 2 Arquivos de código Java... 2 Comentários iniciais... 2

Leia mais

Programação de Computadores I. Linguagem C Vetores

Programação de Computadores I. Linguagem C Vetores Linguagem C Vetores Prof. Edwar Saliba Júnior Fevereiro de 2011 Unidade 08 Vetores 1 Vetores Sintaxe: tipo_variável nome_vetor[tamanho]; Um vetor é uma variável que possui várias ocorrências de um mesmo

Leia mais

Capítulo 6. Operadores. Rui Rossi dos Santos Programação de Computadores em Java Editora NovaTerra

Capítulo 6. Operadores. Rui Rossi dos Santos Programação de Computadores em Java Editora NovaTerra Capítulo 6 Operadores Objetivos do Capítulo Apresentar os diversos operadores disponíveis no Java. Indicar a forma de uso dos operadores aritméticos para a realização de operações matemáticas fundamentais.

Leia mais

A equação do 2º grau

A equação do 2º grau A UA UL LA A equação do 2º grau Introdução Freqüentemente, ao equacionarmos um problema, obtemos uma equação na qual a incógnita aparece elevada ao quadrado. Estas são as chamadas equações do 2º grau.

Leia mais

Técnicas de Programação I

Técnicas de Programação I Técnicas de Programação I Conceitos básicos C/C++ Material baseado nas aulas da Profa. Isabel Harb Manssour http://www.inf.pucrs.br/~manssour/laproi, entre outros materias Operadores Aritméticos C++: Outros

Leia mais

Linguagem e Técnicas de Programação I Programação estruturada e fundamentos da linguagem C

Linguagem e Técnicas de Programação I Programação estruturada e fundamentos da linguagem C Linguagem e Técnicas de Programação I Programação estruturada e fundamentos da linguagem C Prof. MSc. Hugo Souza Material desenvolvido por: Profa. Ameliara Freire Continuando as aulas sobre os fundamentos

Leia mais

//Leitura de Variáveis System.out.print("Digite a temperatura atual: "); temp = leia.nextfloat();

//Leitura de Variáveis System.out.print(Digite a temperatura atual: ); temp = leia.nextfloat(); Bacharelado em Ciência e Tecnologia BC-0505 Processamento da Informação Lista de Exercícios Nº 02 Algoritmos Computacionais Estruturas de Seleção Soluções de Referência em Java ATENÇÃO- Para cada um dos

Leia mais

Algoritmos x Programação. Primeiros Passos na Linguagem C/C++ Como traduzir um algoritmo? Algoritmo original. Prof. Marcelo Cohen flash@inf

Algoritmos x Programação. Primeiros Passos na Linguagem C/C++ Como traduzir um algoritmo? Algoritmo original. Prof. Marcelo Cohen flash@inf Primeiros Passos na Linguagem C/C++ Prof. Marcelo Cohen flash@inf inf.pucrs.br Algoritmos x Programação Algoritmo é um conjunto finito de regras, bem definidas, para a solução de um problema em um tempo

Leia mais

Algoritmia e Programação APROG. Linguagem JAVA. Básico. Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2012/13) 1/31

Algoritmia e Programação APROG. Linguagem JAVA. Básico. Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2012/13) 1/31 APROG Algoritmia e Programação Linguagem JAVA Básico Nelson Freire (ISEP DEI-APROG 2012/13) 1/31 Linguagem Java Estrutura de um Programa Geral Básica Estruturas de Dados Variáveis Constantes Tipos de Dados

Leia mais

ESTRUTURA CONDICIONAL

ESTRUTURA CONDICIONAL AULA 6 ESTRUTURA CONDICIONAL 130 Tem como objetivo executar um conjunto de comandos caso uma condição lógica seja atendida. Quando a resposta lógica for falsa, nada será executado. Sintaxe Se CONDIÇÃO

Leia mais

Linguagem algorítmica: Portugol

Linguagem algorítmica: Portugol Programação de Computadores I Aula 03 Linguagem algorítmica: Portugol José Romildo Malaquias Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto 2011-1 1/34 Introdução I Lógica A lógica é usada

Leia mais

Laboratório de Programação I

Laboratório de Programação I Laboratório de Programação I Introdução à Programação em Visual Basic Fabricio Breve Objetivos Ser capaz de escrever programas simples em Visual Basic Ser capaz de usar os comandos de entrada e saída Familiarizar-se

Leia mais

Estruturas de Dados Pilhas, Filas e Deques

Estruturas de Dados Pilhas, Filas e Deques Estruturas de Dados Pilhas, Filas e Deques Prof. Eduardo Alchieri Estruturas de Dados Pilhas Pilhas Lista LIFO (Last In, First Out) Os elementos são colocados na estrutura (pilha) e retirados em ordem

Leia mais

Aula 4 Pseudocódigo Tipos de Dados, Expressões e Variáveis

Aula 4 Pseudocódigo Tipos de Dados, Expressões e Variáveis 1. TIPOS DE DADOS Todo o trabalho realizado por um computador é baseado na manipulação das informações contidas em sua memória. Estas informações podem ser classificadas em dois tipos: As instruções, que

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Departamento de Ciência da Computação

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Departamento de Ciência da Computação Pontifícia Universidade Católica de São Paulo Departamento de Ciência da Computação LP: Laboratório de Programação Apontamento 7 Prof. ISVega Março de 2004 Controle de Execução: Seleção Simples CONTEÚDO

Leia mais

Programação Elementar de Computadores Jurandy Soares

Programação Elementar de Computadores Jurandy Soares Programação Elementar de Computadores Jurandy Soares Básico de Computadores Computador: dispositivos físicos + programas Dispositivos físicos: hardware Programas: as instruções que dizem aos dispositivos

Leia mais

Sintaxe Básica de Java Parte 1

Sintaxe Básica de Java Parte 1 Sintaxe Básica de Java Parte 1 Universidade Católica de Pernambuco Ciência da Computação Prof. Márcio Bueno poonoite@marcioubeno.com Fonte: Material da Profª Karina Oliveira Estrutura de Programa Um programa

Leia mais

Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 8. Introdução ao Excel

Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 8. Introdução ao Excel Introdução ao Excel Esta introdução visa apresentar apenas os elementos básicos do Microsoft Excel para que você possa refazer os exemplos dados em aula e fazer os projetos computacionais solicitados ao

Leia mais

Programação Estruturada e Orientada a Objetos REVISÃO

Programação Estruturada e Orientada a Objetos REVISÃO Programação Estruturada e Orientada a Objetos REVISÃO 2013 O que veremos hoje? Introdução Revisão Estruturas de Controle de Fluxo Exercícios Transparências baseadas no material do Prof. Gilbert Azevedo

Leia mais

ALGORITMOS PARTE 01. Fabricio de Sousa Pinto

ALGORITMOS PARTE 01. Fabricio de Sousa Pinto ALGORITMOS PARTE 01 Fabricio de Sousa Pinto Algoritmos: Definição 2 É uma sequência de instruções finita e ordenada de forma lógica para a resolução de uma determinada tarefa ou problema. Algoritmos 3

Leia mais

ConservationTraining: Guia do Estudante

ConservationTraining: Guia do Estudante ConservationTraining: Guia do Estudante Introdução Neste guia apresentaremos a você os aspectos básicos da participação de um curso on line. Você será levado passo a passo a se inscrever, entrar no curso

Leia mais

Universidade da Beira Interior Cursos: Matemática /Informática e Ensino da Informática

Universidade da Beira Interior Cursos: Matemática /Informática e Ensino da Informática Folha 1-1 Introdução à Linguagem de Programação JAVA 1 Usando o editor do ambiente de desenvolvimento JBUILDER pretende-se construir e executar o programa abaixo. class Primeiro { public static void main(string[]

Leia mais

Estruturas de Repetição. Programação em Java 2006-2007. Estruturas de Repetição

Estruturas de Repetição. Programação em Java 2006-2007. Estruturas de Repetição Aula 4 Estruturas de Repetição Programação em Java 2006-2007 Estruturas de Repetição As estruturas repetitivas ou ciclos permitem repetir um conjunto de uma ou mais instruções O Java apresenta três variantes

Leia mais

Apostila de Fundamentos de Programação I. Prof.: André Luiz Montevecchi

Apostila de Fundamentos de Programação I. Prof.: André Luiz Montevecchi Apostila de Fundamentos de Programação I Prof: André Luiz Montevecchi Introdução O mundo atual é dependente da tecnologia O uso intenso de diversos aparatos tecnológicos é parte integrante do nosso dia-a-dia

Leia mais

Olimpíadas de Informática

Olimpíadas de Informática Olimpíadas de Informática Aulas preparatórias Introdução a Programação em C++. Prof. Gemilson George gemilson_geo gemilson@colegiogeo.com.br (83)8792-7419 informaticageo.wordpress.com (Grupo): GEO.OBI

Leia mais

Roteiro 1: Dados, variáveis, operadores e precedência

Roteiro 1: Dados, variáveis, operadores e precedência 1. Introdução Universidade Federal do ABC Disciplina: Processamento da Informação (BC-0505) Assunto: Dados, variáveis, operadores e precedência Roteiro 1: Dados, variáveis, operadores e precedência Nesta

Leia mais

Curso: Ciência da Computação Disciplina: Construção de Compiladores Período: 2010-1 Prof. Dr. Raimundo Moura

Curso: Ciência da Computação Disciplina: Construção de Compiladores Período: 2010-1 Prof. Dr. Raimundo Moura UFPI CCN DIE Curso: Ciência da Computação Disciplina: Construção de Compiladores Período: 2010-1 Prof. Dr. Raimundo Moura O projeto Desenvolver um compilador de um subconjunto básico da linguagem PORTUGOL.

Leia mais

e à Linguagem de Programação Python

e à Linguagem de Programação Python Introdução a Algoritmos, Computação Algébrica e à Linguagem de Programação Python Curso de Números Inteiros e Criptografia Prof. Luis Menasché Schechter Departamento de Ciência da Computação UFRJ Agosto

Leia mais

Resumo da Matéria de Linguagem de Programação. Linguagem C

Resumo da Matéria de Linguagem de Programação. Linguagem C Resumo da Matéria de Linguagem de Programação Linguagem C Vitor H. Migoto de Gouvêa 2011 Sumário Como instalar um programa para executar o C...3 Sintaxe inicial da Linguagem de Programação C...4 Variáveis

Leia mais

PC Fundamentos Revisão 4

PC Fundamentos Revisão 4 exatasfepi.com.br PC Fundamentos Revisão 4 André Luís Duarte...mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças; subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; andarão, e não se fatigarão.is

Leia mais

Apresentar os conceitos básicos e as estruturas de linguagem relacionadas à tomada de decisão ofertadas pela linguagem C, tais como:

Apresentar os conceitos básicos e as estruturas de linguagem relacionadas à tomada de decisão ofertadas pela linguagem C, tais como: Cláudio C. Rodrigues Faculdade da Computação - UFU LINGUAGEM C - 02: ESTRUTURA DE SELEÇÃO CONDICIONAL Faculdade da Computação - UFU 1 Objetivo Apresentar os conceitos básicos e as estruturas de linguagem

Leia mais

Java Como Programar, 8/E

Java Como Programar, 8/E Capítulo 2 Introdução aos aplicativos Java Java Como Programar, 8/E (C) 2010 Pearson Education, Inc. Todos os 2.1 Introdução Programação de aplicativo Java. Utilize as ferramentas do JDK para compilar

Leia mais

Linguagem C: Estruturas de Controle. Prof. Leonardo Barreto Campos 1

Linguagem C: Estruturas de Controle. Prof. Leonardo Barreto Campos 1 Linguagem C: Estruturas de Controle Prof. Leonardo Barreto Campos 1 Sumário Estrutura de Controle e de Fluxo Comandos de Seleção: O comando if; Ifs Aninhados; A escada if-else-if; A expressão condicional;

Leia mais

Conceitos Importantes:

Conceitos Importantes: Conceitos Importantes: Variáveis: Por Flávia Pereira de Carvalho, 2007 i O bom entendimento do conceito de variável é fundamental para elaboração de algoritmos, consequentemente de programas. Uma variável

Leia mais

Elementos básicos das linguagens de programação

Elementos básicos das linguagens de programação Elementos básicos das linguagens de programação Objetivos: Apresentar os últimos elementos básicos das linguagens de programação Elementos básicos já estudados Entrada (read, readln) Saída (write, writeln)

Leia mais

ESTRUTURA DE UM PROGRAMA EM C++ Estrutura de um Programa em C++

ESTRUTURA DE UM PROGRAMA EM C++ Estrutura de um Programa em C++ ESTRUTURA DE UM PROGRAMA EM C++ Estrutura de um Programa em C++ #include { Este trecho é reservado para o corpo da função, com a declaração de suas variáveis locais, seus comandos e funções

Leia mais

Aula 01. - Bibliografia - Definições - Operadores - Criação de um algoritmo - Exercícios. Algoritmo e Programação. Prof. Fábio Nelson.

Aula 01. - Bibliografia - Definições - Operadores - Criação de um algoritmo - Exercícios. Algoritmo e Programação. Prof. Fábio Nelson. - Bibliografia - Definições - Operadores - Criação de um algoritmo - Exercícios Aula 01 Slide 1 BIBLIOGRAFIA SCHILDT H. C Completo e Total, Makron Books. SP, 1997. Curso de linguagem C da UFMG. ZIVIANI,

Leia mais

Programação: Estruturas de seleção

Programação: Estruturas de seleção Programação de Computadores I Aula 07 Programação: Estruturas de seleção José Romildo Malaquias Departamento de Computação Universidade Federal de Ouro Preto 2011-1 1/53 Valores booleanos Os valores booleanos

Leia mais

Introdução a Algoritmos Parte 04

Introdução a Algoritmos Parte 04 Universidade Federal do Vale do São Francisco Curso de Engenharia de Computação Introdução a Algoritmos Parte 04 Prof. Jorge Cavalcanti jorge.cavalcanti@univasf.edu.br www.univasf.edu.br/~jorge.cavalcanti

Leia mais

INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Nome:

INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Nome: INF 1620 P1-10/04/02 Questão 1 Considere uma disciplina que adota o seguinte critério de aprovação: os alunos fazem duas provas (P1 e P2) iniciais; se a média nessas duas provas for maior ou igual a 5.0,

Leia mais

computador-cálculo numérico perfeita. As fases na resolução de um problema real podem, de modo geral, ser colocadas na seguinte ordem:

computador-cálculo numérico perfeita. As fases na resolução de um problema real podem, de modo geral, ser colocadas na seguinte ordem: 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA Departamento de Matemática - CCE Cálculo Numérico - MAT 271 Prof.: Valéria Mattos da Rosa As notas de aula que se seguem são uma compilação dos textos relacionados na bibliografia

Leia mais

Aritmética Binária e. Bernardo Nunes Gonçalves

Aritmética Binária e. Bernardo Nunes Gonçalves Aritmética Binária e Complemento a Base Bernardo Nunes Gonçalves Sumário Soma e multiplicação binária Subtração e divisão binária Representação com sinal Sinal e magnitude Complemento a base. Adição binária

Leia mais

A lógica de programação ajuda a facilitar o desenvolvimento dos futuros programas que você desenvolverá.

A lógica de programação ajuda a facilitar o desenvolvimento dos futuros programas que você desenvolverá. INTRODUÇÃO A lógica de programação é extremamente necessária para as pessoas que queiram trabalhar na área de programação, seja em qualquer linguagem de programação, como por exemplo: Pascal, Visual Basic,

Leia mais

CAPITULO 5 COMANDO DE FLUXO IF

CAPITULO 5 COMANDO DE FLUXO IF CAPITULO 5 COMANDO DE FLUXO IF Sempre que for necessária a tomada de decisão dentro de um programa, você terá que utilizar um comando condicional, pois é por meio dele que o PHP decidirá que lógica deverá

Leia mais

Lista de Exercícios. Vetores

Lista de Exercícios. Vetores Lista de Exercícios Vetores LINGUAGEM DE PROGRAMAÇÃO PROF. EDUARDO SILVESTRI. WWW.EDUARDOSILVESTRI.COM.BR ATUALIZADO EM: 13/03/2007 Página 1/1 1. Faça um programa que crie um vetor de inteiros de 50 posições

Leia mais

Programas Interativos: Valores Aleatórios

Programas Interativos: Valores Aleatórios Programação Funcional UFOP DECOM 2013 2 Aula prática Programas Interativos: Valores Aleatórios José Romildo Malaquias Resumo O objetivo desta aula é aprender a usar números aleatórios em Haskell. Para

Leia mais

As fases na resolução de um problema real podem, de modo geral, ser colocadas na seguinte ordem:

As fases na resolução de um problema real podem, de modo geral, ser colocadas na seguinte ordem: 1 As notas de aula que se seguem são uma compilação dos textos relacionados na bibliografia e não têm a intenção de substituir o livro-texto, nem qualquer outra bibliografia. Introdução O Cálculo Numérico

Leia mais

Componentes da linguagem C++

Componentes da linguagem C++ Componentes da linguagem C++ C++ é uma linguagem de programação orientada a objetos (OO) que oferece suporte às características OO, além de permitir você realizar outras tarefas, similarmente a outras

Leia mais

EDITORA FERREIRA MP/RJ_EXERCÍCIOS 01

EDITORA FERREIRA MP/RJ_EXERCÍCIOS 01 EDITORA FERREIRA MP/RJ NCE EXERCÍCIOS 01 GABARITO COMENTADO 01 Ao se arrastar um arquivo da pasta C:\DADOS para a pasta D:\TEXTOS utilizando se o botão esquerdo do mouse no Windows Explorer: (A) o arquivo

Leia mais

1. Estrutura de seleção. Seleção: algumas etapas (passos) do algoritmo são executadas dependendo do resultado de uma condição

1. Estrutura de seleção. Seleção: algumas etapas (passos) do algoritmo são executadas dependendo do resultado de uma condição 1 Estrutura de seleção Seleção: algumas etapas (passos) do algoritmo são executadas dependendo do resultado de uma condição - Necessário quando mais de uma ação deve ser tomada se uma condição for satisfeita

Leia mais

Algumas Funções do LibreOffice Calc

Algumas Funções do LibreOffice Calc Algumas Funções do LibreOffice Calc Algumas Funções do LibreOffice Calc SOMA Soma o resultados dos seu argumentos ; separa os argumentos : indica intervalo Resultado: 9 Resultado: 20 Algumas Funções do

Leia mais

MC-102 - Slide 13 Noções de eficiência e buscas

MC-102 - Slide 13 Noções de eficiência e buscas MC-102 - Slide 13 Noções de eficiência e buscas Elaborado por Raoni Teixeira e Editado por Danillo Roberto Pereira Instituto de Computação Unicamp Primeiro Semestre de 2013 Introdução Por que usar computadores?

Leia mais

Edital_03_2015_SR11 (RS): Dúvidas sobre Inscrição

Edital_03_2015_SR11 (RS): Dúvidas sobre Inscrição Edital_03_2015_SR11 (RS): Dúvidas sobre Inscrição Última atualização: 15/10/2015 P: Meu nome não está nas Listas de Grupos. Posso me inscrever? Mas você deve atentar para as condições para aprovação, descritas

Leia mais

Roteiro 1 - Como iniciar uma aplicação de console no Dev-C++

Roteiro 1 - Como iniciar uma aplicação de console no Dev-C++ Roteiro 1 - Como iniciar uma aplicação de console no Dev-C++ Uma aplicação do tipo console é uma aplicação que roda no Prompt de comando. Ela não utiliza interface gráfica do Windows. Este documento tem

Leia mais

INF 1005 Programação I

INF 1005 Programação I INF 1005 Programação I Aula 03 Introdução a Linguagem C Edirlei Soares de Lima Estrutura de um Programa C Inclusão de bibliotecas auxiliares: #include Definição de constantes:

Leia mais

Programação para Computação

Programação para Computação Universidade Federal do Vale do São Francisco Programação para Computação Professor: Marcelo Santos Linder E-mail: marcelo.linder@univasf.edu.br Ementa Conceito de algoritmo. Lógica de programação e programação

Leia mais

I Semana de Software Livre da USP Dojo C

I Semana de Software Livre da USP Dojo C I Semana de Software Livre da USP Dojo C CCSL PoliGNU-USP MasterMind 25 de abril de 2012 1 Introdução O MasterMind é um jogo cujo objetivo é descobrir um número de 5 dígitos em 10 tentativas. A cada tentativa,

Leia mais

Teste de Software Parte 3. Prof.: Jonas Potros

Teste de Software Parte 3. Prof.: Jonas Potros Teste de Software Parte 3 Prof.: Jonas Potros Conteúdo Teste Funcional Teste Funcional Técnica de projeto de casos de teste na qual o programa ou sistema é considerado uma caixapreta. Para testá-lo, são

Leia mais

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 9. Introdução a linguagem C Estruturas de decisão

CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 9. Introdução a linguagem C Estruturas de decisão CURSO BÁSICO DE PROGRAMAÇÃO AULA 9 Introdução a linguagem C Estruturas de decisão Introdução à Linguagem C Linguagem compilada. Desenvolvida sobre os paradigmas de programação procedural. Uma das linguagens

Leia mais

Vestibular Multi Flexível

Vestibular Multi Flexível Vestibular Multi Flexível Manual Operacional Ingressantes Londrina 2015 Sumário Inscrição... 3 Processo Seletivo - Modalidade Agendamento... 4 Processo Seletivo Modalidade Online... 5 Efetuar exame logo

Leia mais

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP

Os objetivos indicados aplicam-se a duas linguagens de programação: C e PHP AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE SANTA COMBA DÃO CURSO PROFISSIONAL DE TÉCNICO DE GESTÃO E PROGRAMAÇÃO DE SISTEMAS INFORMÁTICOS 2012-2015 PROGRAMAÇÃO E SISTEMAS DE INFORMAÇÃO MÓDULO 2 Mecanismos de Controlo de

Leia mais

Informática I. Aula 6. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1

Informática I. Aula 6. http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1 Informática I Aula 6 http://www.ic.uff.br/~bianca/informatica1/ Aula 6-12/09/2007 1 Ementa Noções Básicas de Computação (Hardware, Software e Internet) HTML e Páginas Web Internet e a Web Javascript e

Leia mais

Matemática - UEL - 2010 - Compilada em 18 de Março de 2010. Prof. Ulysses Sodré Matemática Essencial: http://www.mat.uel.

Matemática - UEL - 2010 - Compilada em 18 de Março de 2010. Prof. Ulysses Sodré Matemática Essencial: http://www.mat.uel. Matemática Essencial Equações do Segundo grau Conteúdo Matemática - UEL - 2010 - Compilada em 18 de Março de 2010. Prof. Ulysses Sodré Matemática Essencial: http://www.mat.uel.br/matessencial/ 1 Introdução

Leia mais

Programação WEB I Estruturas de controle e repetição

Programação WEB I Estruturas de controle e repetição Programação WEB I Estruturas de controle e repetição Operadores de Incremento Operadores de incremento servem como expressões de atalho para realizar incrementos em variáveis Operadores de Incremento Vamos

Leia mais

CURSO TÉCNICO EM PROCESSAMENTO DE DADOS

CURSO TÉCNICO EM PROCESSAMENTO DE DADOS CURSO TÉCNICO EM PROCESSAMENTO DE DADOS APOSTILA DE LÓGICA DE PROGRAMAÇÃO CAP Criação de Algoritmos e Programas PROFESSOR RENATO DA COSTA Não estamos aqui para sobreviver e sim para explorar a oportunidade

Leia mais

Contagem. George Darmiton da Cunha Cavalcanti CIn - UFPE

Contagem. George Darmiton da Cunha Cavalcanti CIn - UFPE Contagem George Darmiton da Cunha Cavalcanti CIn - UFPE Sumário Princípios Básicos de Contagem A Regra do Produto A Regra da Soma O número de subconjuntos de um conjunto finito Princípio da Inclusão-Exclusão

Leia mais

Aula 3 Desvio Condicional

Aula 3 Desvio Condicional Aula 3 Desvio Condicional ROTEIRO DA AULA Desvio Condicional Simples Desvio Condicional Composto Desevio Condicional Aninhado Desvio Condicional em JAVA 2 DESVIO CONDICIONAL Um desvio condicional é usado

Leia mais

Algoritmos Computacionais ( Programas )

Algoritmos Computacionais ( Programas ) Algoritmos Computacionais ( Programas ) A partir deste tópico, consideramos a utilização do universo Computacional na solução de problemas. Para tanto devemos lembrar que a transposição de problemas do

Leia mais

Desenvolvido por: Juarez A. Muylaert Filho - jamf@estacio.br Andréa T. Medeiros - andrea@iprj.uerj.br Adriana S. Spallanzani - spallanzani@uol.com.

Desenvolvido por: Juarez A. Muylaert Filho - jamf@estacio.br Andréa T. Medeiros - andrea@iprj.uerj.br Adriana S. Spallanzani - spallanzani@uol.com. UAL é uma linguagem interpretada para descrição de algoritmos em Português. Tem por objetivo auxiliar o aprendizado do aluno iniciante em programação através da execução e visualização das etapas de um

Leia mais

Instruções condicionais. Instruções de repetição. Programa simples. Se fizeres barulho então apanhas um estalo!!!! Se condição então acção.

Instruções condicionais. Instruções de repetição. Programa simples. Se fizeres barulho então apanhas um estalo!!!! Se condição então acção. Sumário Instruções condicionais if Instruções de repetição do 04-1 Instruções condicionais Programa simples Sequência de instruções Como se faz a selecção de opções? Instruções condicionais Se fizeres

Leia mais

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Linguagem C: Operadores relacionais e lógicos estruturas condicionais If...

Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação. Linguagem C: Operadores relacionais e lógicos estruturas condicionais If... Universidade Federal de Uberlândia Faculdade de Computação Linguagem C: Operadores relacionais e lógicos estruturas condicionais If... Else Switch Prof. Renato Pimentel 1 Operações relacionais Operações

Leia mais

Minicurso de Python Aula 1. Raphael Lupchinski Marcelo Millani

Minicurso de Python Aula 1. Raphael Lupchinski Marcelo Millani Minicurso de Python Aula 1 Raphael Lupchinski Marcelo Millani Introdução Python é uma linguagem de programação poderosa e fácil de aprender Possui estruturas de dados eficientes e de alto nível, além de

Leia mais

Microsoft Excel Aula 7

Microsoft Excel Aula 7 Microsoft Excel Aula 7 Microsoft Excel Tema da aula: Função SE OPERADORES DE COMPARAÇÃO Você pode comparar dois valores com os operadores a seguir. Quando dois valores são comparados usando esses operadores,

Leia mais

UFOP PC-I Prof. Guilherme / Anderson. Operadores Relacionais e Lógicos, Comandos For e While e String

UFOP PC-I Prof. Guilherme / Anderson. Operadores Relacionais e Lógicos, Comandos For e While e String Operadores Relacionais e Lógicos, Comandos For e While e String 1 Operadores Relacionais > maior que >= maior ou igual a < menor que

Leia mais

Internet e Programação Web

Internet e Programação Web COLÉGIO ESTADUAL PEDRO MACEDO Ensino Profissionalizante Internet e Programação Web 3 Técnico Prof. Cesar 2014 1 SUMÁRIO Criar sites dinâmicos em PHP --------------------------------------------------------

Leia mais

Python: Comandos Básicos. Claudio Esperança

Python: Comandos Básicos. Claudio Esperança Python: Comandos Básicos Claudio Esperança Primeiros passos em programação Até agora só vimos como computar algumas expressões simples Expressões são escritas e computadas imediatamente Variáveis podem

Leia mais

Algoritmos e Programação _ Departamento de Informática

Algoritmos e Programação _ Departamento de Informática 5 TIPOS DE DADOS Todo o trabalho realizado por um computador é baseado na manipulação das informações contidas em sua memória. De um modo geral estas informações podem ser classificadas em dois tipos:

Leia mais

Módulo III. Folhas de Cálculo

Módulo III. Folhas de Cálculo Módulo III Ferramentas do Office Folhas de Cálculo Ferramentas de produtividade 1 Folhas de Cálculo O que é: Uma Folha de Cálculo é, por tradição, um conjunto de células que formam uma grelha ou tabela

Leia mais

Editor de Textos Word 2003 (extensão doc) Word 2007/2010 (extensão docx)

Editor de Textos Word 2003 (extensão doc) Word 2007/2010 (extensão docx) Editor de Textos Word 2003 (extensão doc) Word 2007/2010 (extensão docx) Inserção Caso o usuário deseje inserir palavras num texto previamente produzido, basta clicar com o mouse no ponto desejado e, simplesmente,

Leia mais

AULA 12 CLASSES DA API JAVA. Disciplina: Programação Orientada a Objetos Professora: Alba Lopes alba.lopes@ifrn.edu.br

AULA 12 CLASSES DA API JAVA. Disciplina: Programação Orientada a Objetos Professora: Alba Lopes alba.lopes@ifrn.edu.br AULA 12 CLASSES DA API JAVA Disciplina: Programação Orientada a Objetos Professora: Alba Lopes alba.lopes@ifrn.edu.br CLASSES DA API JAVA A maioria dos programas de computador que resolvem problemas do

Leia mais

INF1007 - PROGRAMAÇÃO II LISTA DE EXERCÍCIOS 15

INF1007 - PROGRAMAÇÃO II LISTA DE EXERCÍCIOS 15 INF1007 - PROGRAMAÇÃO II LISTA DE EXERCÍCIOS 15 1. Um número racional é expresso por dois inteiros: um numerador e um denominador (este último diferente de zero!). Implemente um TAD para representar números

Leia mais

Estrutura do programa

Estrutura do programa Linguagem C Estrutura do programa Exemplo: #include #include main() { printf( Ola, mundo! ); system( pause ); }

Leia mais

7. Estrutura de Decisão

7. Estrutura de Decisão 7. Estrutura de Decisão Neste tipo de estrutura o fluxo de instruções a ser seguido é escolhido em função do resultado da avaliação de uma ou mais condições. Uma condição é uma expressão lógica. A classificação

Leia mais

Faculdade de Ciências Universidade Agostinho Neto Departamento de Matemática e Engenharia Geográfica Ciências da Computação

Faculdade de Ciências Universidade Agostinho Neto Departamento de Matemática e Engenharia Geográfica Ciências da Computação FaculdadedeCiências UniversidadeAgostinhoNeto DepartamentodeMatemáticaeEngenhariaGeográfica CiênciasdaComputação ProgramaçãoII SegundaParte Adaptado de um original dos docentes de ISCTE Objectivos Os alunos

Leia mais

13 Números Reais - Tipo float

13 Números Reais - Tipo float 13 Números Reais - Tipo float Ronaldo F. Hashimoto e Carlos H. Morimoto Até omomentonoslimitamosaouso do tipo inteiro para variáveis e expressões aritméticas. Vamos introduzir agora o tipo real. Ao final

Leia mais