TÍTULO: AUTORES: INSTITUIÇÃO: Área Temática : Saúde 1. INTRODUÇÃO DOOLEY, 2000

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "TÍTULO: AUTORES: INSTITUIÇÃO: Área Temática : Saúde 1. INTRODUÇÃO DOOLEY, 2000"

Transcrição

1 TÍTULO: ORIENTAÇÃO AOS PROPRIETÁRIOS QUANTO À IMPORTÂNCIA DA HIGIENIZAÇÃO ORAL DE CÃES E GATOS NA PREVENÇÃO DA DOENÇA PERIODONTAL. AUTORES: Mariana Ramos da Silva (1), Edvaldo Lopes de Almeida (2), Fábia R. N. Fernando (3). INSTITUIÇÃO: Universidade Federal Rural de Pernambuco [1] Bolsista de extensão DMV/UFRPE, [2] Prof. Orientador DMV/UFRPE, [3] Acadêmica de Medicina Veterinária DMV/UFRPE, Área Temática : Saúde 1. INTRODUÇÃO Cada vez mais cresce a estimativa e qualidade de vida dos animais domésticos, ou seja, hoje eles vivem melhor e por muito mais tempo que há 50 anos, onde a longevidade de um animal doméstico não ultrapassava os 5 anos de idade. Hoje, vivem por 15, 20, até 25 anos dependendo da espécie e raça do animal (DOOLEY, 2000). Entre outros fatores, isto se deve à evolução de áreas específicas da saúde qualificando cada vez mais o atendimento clínico aos animais de companhia. Uma das áreas que vem experimentando grande desenvolvimento desde a década de 1980 é a Odontologia Veterinária que, sem dúvida, é uma das contribuições para modificar este quadro.

2 A saúde geral e oral consiste na manutenção de algumas regras básicas de dieta e higiene apropriadas. É de concordância geral que os microorganismos da placa e suas substâncias na margem ou do sulco gengival normal constituem o fator extrínseco primário da doença periodontal (LASCALA, 1989). A placa é composta de material pegajoso e mole rico em bactérias, proteínas salivares e restos alimentares, que se aderem na superfície dos dentes trazendo prejuízos ao periodonto, daí a importância da profilaxia (ROMÁN, 1999). O controle da placa é a chave principal para prevenção das doenças gengivais e periodontais, e estudos comprovam que o método mais valioso é o mecânico, através da abrasão das cerdas da escova sobre os dentes. Desta maneira, a prevenção da doença periodontal é tida hoje como sendo fruto do controle da placa bacteriana. A deficiência de higiene bucal, além de ser responsável pela instalação da maioria das doenças gengivais e periodontais tais como, perda de dentes e halitose, garante ainda a progressão do estado inflamatório de tal forma que a severidade da gengivite torna-se em geral decorrência do estado de higiene bucal do paciente (KON, 1980). O próprio mercado pet já demonstra interesse nesta área, como exemplo, podemos citar o desenvolvimento de rações e snecks com textura e coeficiente de compressão desenvolvida para combater a formação da placa e acúmulo de cálculo dentário (DeMARCO & GIOSO, 1997). Portanto, o que pretendemos ressaltar com este projeto é que atuando de forma preventiva, por meio de orientações aos proprietários quanto aos objetivos e finalidades da higienização na remoção da placa bacteriana, estamos prevenindo desta forma, agravos ao periodonto dos animais domésticos. Pelos estudos de Loe, 1965, Ramfjord, 1971, e outros autores, provaram-se a importância da escovação como meio mais eficiente na prevenção das doenças gengivais e portanto periodontais. Dada a relevância da higienização nos conceitos atuais de periodontia, e porque não da Odontologia em geral vamos com este projeto ventilaremos os aspectos relacionados à prevenção, à motivação e à instrução aos proprietários de cães e gatos a adoção desta prática em seus animais. Com a implantação deste serviço estaremos contribuindo para a saúde animal, bem como o crescimento acadêmico desta Universidade. Iremos ainda, oferecer um serviço diferenciado e de qualidade à população, conscientizando os proprietários quanto à importância da higiene bucal na prevenção de doenças orais nos animais domésticos. 2. OBJETIVOS Geral Prestar serviços à comunidade por meio de orientações quanto à importância da higiene oral na saúde bucal e geral dos cães e gatos, melhorando, desta forma, a qualidade de vida dos animais domésticos.

3 Específicos Atender à população que procura um serviço de qualidade para seus animais, dando uma maior ênfase ao tratamento da Doença Periodontal que detém os maiores índices de ocorrência nos pets acima de 3 anos de idade. Cadastrar os proprietários que procuram o Hospital Veterinário da UFRPE, de forma a fazer um levantamento no número real de animais que necessitam de um tratamento odontológico especializado na nossa região. Conscientizar à população sobre a importância da higiene oral na saúde geral dos animais de estimação, por meio de orientações e materiais educativos como: home pages, folders, panfletos e quadrinhos. Desenvolver senso crítico no bolsista referente ao trabalho de extensão. 3. METODOLOGIA O trabalho está sendo desenvolvido no Hospital Veterinário do Departamento de Medicina Veterinária da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) no período entre abril a dezembro de Os proprietários que procurarem atendimento clínico ou cirúrgico para seus animais, neste período, serão cadastrados e receberão ainda, orientação quanto à importância da doença periodontal e sua prevenção para a saúde oral e geral dos seus animais, porém aqueles que já estiverem acometidos da enfermidade, serão encaminhados para tratamento odontológico adequado.

4 Estamos realizando com cada proprietário em questionário padrão, onde busca-se-á obter dos mesmos, informações a respeito do seu animal, tais como raça, idade, hábitos alimentares, costumes de roer ossos e/ou objetos duros, vícios, possíveis acidentes, histórico comportamental, higienização bucal e freqüência, orientações anteriores, ou seja, questões que possam esclarecer tudo aquilo a que o animal estiver exposto e fatores de risco que possam ocasionar doença periodontal. Os dados coletados no exame clínico serão anotados em odontogramas específico e individual para cada animal e sua respectiva espécie. Será utilizado o sistema de classificação odontológica Triadan modificado para identificação e localização dos dentes com lesões. Durante a entrevista, os proprietários serão orientados quanto à importância da prática da higiene oral nos animais na prevenção e combate da doença periodontal, sua reincidência e transtornos orgânicos para o animal bem como todos que entrem em contado direto com o mesmo. A maneira adequada de escovação é demonstrada ao cliente para que este possa executá-la corretamente em casa. Esclarecemos quanto ao emprego de soluções dentrifíceas e cremes dentais especiais para cães e gatos, os quais não contenham detergentes ou flúor podendo ser ingeridos. Advertimos aos proprietários que se o animal já apresenta cálculo dental, vulgarmente chamado de tártaro (duro, marrom e pétreo) que não tente eliminá-lo com curetas dentais, peças manuais comercializadas em lojas de animais ou qualquer tipo de instrumento caseiro, pois podem provocar um grande dano, não só ao periodonto mas também a superfície dental. Atitudes como esta geram um trauma no animal, estressando-os e tornando-os resistentes à manipulação oral. Todas as orientações estarão expressas de maneira clara, ilustrativa e de fácil compreensão, na forma de material educativo tais como, folders, quadrinhos, home pages, os quais foram idealizados exclusivamente para exposição no projeto. Todo o embasamento do material educativo foi obtido por meio de pesquisas bibliográficas e publicações direcionadas a odontologia animal e humana. A motivação do proprietário é muito mais importante que a escovação em si, que a técnica ensinada, e que a orientação que lhe foi dada de como utilizar a escova dentro de uma determinada técnica. Se os donos de animais não estiverem cônscios de que a higienização é importante para o cão ou gato, não adianta educá-lo na maneira de escovar. Uma vez o cliente bem motivado, sabedor de que o êxito da terapêutica periodontal em animais depende não só do veterinário mas também dele, passaremos a orientá-lo como proceder na escovação propriamente dita de seus animais. 4. RESULTADOS PARCIAIS Até o presente momento, foram entrevistados 86 proprietários que procuraram o Hospital Veterinário da UFRPE para atendimento clínico e cirúrgico de seus animais. O questionário foi aplicado pessoalmente a cada proprietário mostrou-se rápido e de fácil compreensão. Dos 86 proprietários entrevistados, até o momento, 72 deles (83.7%) eram proprietários de cães e os demais 14 (16.2%) tinham gatos. Quanto à prática de higiene oral realizada pelos proprietários, apenas 11 (12%) deles responderam que escovam os dentes

5 de seus animais, os restantes 75 (88%) confessaram nunca ter realizado qualquer tipo de higiene oral em seus pets (Fig1) escovam 12% não escovam 88% Fig1. Percentual de proprietários quanto à prática de higienização oral de seus animais Durante as perguntas é dada maior ênfase ao grau de orientação a que estão sujeitos os proprietários que procuram o Hospital Veterinário da UFRPE. Dentre os 75 (88%) entrevistados que não escovavam, 67 (89%) jamais foram orientados pelo veterinário para este fim, ou seja, apenas 8 (11%) sabiam deste tipo de necessidade para o seu animal contudo, sem executar (Fig2). Em contrapartida aos 11 (12%) criadores que escovam, destes, oito (72%) foram conscientizados previamente pelo veterinário, restando 3 (28%) que executavam práticas de higiene sem contudo terem sido orientados adequadamente por um profissional (Fig3). Esta comparação é válida para que se tenha dados reais do grau de relevância das orientações influenciando beneficamente os donos de animais na prática da higiene oral. CORRELAÇÃO ENTRE O GRAU DE ORIENTAÇÃO DOS PROPRIETÁRIOS QUE PRATICAM E OS QUE NÃO PRATICAM HIGIENIZAÇÃO ORAL EM SEUS ANIMAIS. 89% 28% 11% 72% orientados não orientados orientados não orientados Fig2. Proprietários que não escovam 5. CONCLUSÃO os dentes de seus animais Fig3. Proprietários que escovam os dentes de seus animais Com estes dados obtidos até agora, pode-se observar o grau de carência dos donos de animais a orientações por parte dos veterinários, no que diz respeito à prevenção da doença periodontal. Grande parte dos os proprietários passa a executar as orientações de higienização oral em seus animais quando lhes são apresentadas medidas concretas de controle por parte do veterinário.

6 6. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS DeMARCO, V. & GIOSO, M.A.; Doença periodontal em cães e gatos: profilaxia e manejo dietético. Clínica Veterinária, v.8, n.3, p.24-28, DOOLEY, D; The Ingredients for high-quality Medicine Veterinary Economics, Journal of Veterinary Dentistry, june/2000, 16p.

7 GIOSO, M.A; Odontologia para Clínicos de Pequenos Animais, FMVZ-USP, 1994, 51p. LASCALA, N.T; MOUSSALLI, N.H; Compêndio Terapêutico Periodontal, ed. Artes Médicas Ltda, São Paulo, 1995, 113p. LOE, H. et al. Esperimental gingivitis in man. Journal of Veterinary dentistry Periodont, 36(3):87-177p., May/June, RAMFJORD, B.J. Clinical trials of therapeutic measures in periodontics. Int.Journal of Veterinary Dentistry., 21(1):16-32p., Mar.,1971. ROMÁN, F.S.; Atlas de Odontologia de Pequenos Animais. Ed. Manole Ltda. 1999, 111p. WIGGS, R.B; LOBPRISE, H.B. ; Veterinary Dentistry. Priciples & Practice, ed. Lippincitt Raven, New York, 1997, 784p.

disponibilidade do proprietário. Em geral, a melhor forma de profilaxia consiste na escovação dentária diária em animais de pequeno porte e, três

disponibilidade do proprietário. Em geral, a melhor forma de profilaxia consiste na escovação dentária diária em animais de pequeno porte e, três Perfil do proprietário de cães e gatos da cidade de Jataí GO em relação aos cuidados odontológicos de seus animais RESENDE, Lara Gisele¹; PAIVA, Jacqueline de Brito¹; ARAÚJO, Diego Pereira¹; CARVALHO,

Leia mais

Cuidados profissionais para a higiene bucal HIGIENE BUCAL

Cuidados profissionais para a higiene bucal HIGIENE BUCAL HIGIENE BUCAL A Higiene bucal é considerada a melhor forma de prevenção de cáries, gengivite, periodontite e outros problemas na boca, além de ajudar a prevenir o mau-hálito (halitose). Higiene bucal é

Leia mais

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE PROPRIETÁRIOS DOS ANIMAIS DE COMPANHIA SOBRE HIGIENE ORAL

AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE PROPRIETÁRIOS DOS ANIMAIS DE COMPANHIA SOBRE HIGIENE ORAL AVALIAÇÃO DO CONHECIMENTO DE PROPRIETÁRIOS DOS ANIMAIS DE COMPANHIA SOBRE HIGIENE ORAL ASSESSMENT OF KNOWLEDGE OF OWNERS OF PETS ON ORAL HYGIENE Camila de Castro NEVES 1, Celso Sanches BRACCIALLI 2, Alexandre

Leia mais

A gengivite é uma inflamação das gengivas provocada por acumulação de placa bacteriana e tártaro como consequência

A gengivite é uma inflamação das gengivas provocada por acumulação de placa bacteriana e tártaro como consequência Periodontologia É a disciplina da medicina dentária que se dedica à prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças das gengivas e das estruturas de suporte dos dentes. A inflamação e o sangramento das

Leia mais

COMO PREVENIR E COMBATER O MAU HÁLITO E OS PROBLEMAS DENTÁRIOS DO MEU CÃO E GATO?

COMO PREVENIR E COMBATER O MAU HÁLITO E OS PROBLEMAS DENTÁRIOS DO MEU CÃO E GATO? Clínica Veterinária de Mangualde Dr. Benigno Rodrigues Dra. Sandra Oliveira COMO PREVENIR E COMBATER O MAU HÁLITO E OS PROBLEMAS DENTÁRIOS DO MEU CÃO E GATO? Sabia que as infecções da boca e dos dentes

Leia mais

IMPORTÂNCIA DA SAÚDE ORAL DOS PEQUENOS ANIMAIS. Palavras chave: Cão, Neoplasia oral, Odontologia Veterinária, Periodontite.

IMPORTÂNCIA DA SAÚDE ORAL DOS PEQUENOS ANIMAIS. Palavras chave: Cão, Neoplasia oral, Odontologia Veterinária, Periodontite. IMPORTÂNCIA DA SAÚDE ORAL DOS PEQUENOS ANIMAIS FELGA, Helena da Cunha 1 ; GUIMARÃES, Patrícia Lorena da Silva Neves 2 Palavras chave: Cão, Neoplasia oral, Odontologia Veterinária, Periodontite. Justificativa

Leia mais

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia.

PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. PUBVET, Publicações em Medicina Veterinária e Zootecnia. Tratamento endodôntico em Gato Doméstico (Felis Catus): Relato de caso Jaime Sardá Aramburú Junior 1, Cristiano Gomes 2, Ney Luis Pippi 3, Paulo

Leia mais

Por que devemos cuidar dos dentes dos nossos cães?

Por que devemos cuidar dos dentes dos nossos cães? Por que devemos cuidar dos dentes dos nossos cães? Cuidar de um animal de estimação requer dedicação e atenção, mas quando o assunto é saúde bucal nem todos os donos tratam esse tema como prioridade. As

Leia mais

Placa bacteriana espessa

Placa bacteriana espessa A IMPORTÂNCIA DA SAÚDE BUCAL A saúde bucal é importante porque a maioria das doenças e a própria saúde começam pela boca. Por exemplo, se você não se alimenta bem, não conseguirá ter uma boa saúde bucal,

Leia mais

LEVANTAMENTO DAS PERIODONTOPATIAS EM CÃES ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DO CESUMAR

LEVANTAMENTO DAS PERIODONTOPATIAS EM CÃES ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DO CESUMAR LEVANTAMENTO DAS PERIODONTOPATIAS EM CÃES ATENDIDOS NO HOSPITAL VETERINÁRIO DO CESUMAR Rhubia Maria Jorge Lazaretti 1 ; José Mauricio Gonçalves dos Santos 2 RESUMO: As periodontapatias são enfermidade

Leia mais

CONTROLE MECÂNICO DO BIOFILME DENTAL

CONTROLE MECÂNICO DO BIOFILME DENTAL CONTROLE MECÂNICO DO BIOFILME DENTAL PLACA DENTAL OU BACTERIANA = BIOFILME DENTAL BIOFILME pode ser definido como uma comunidade bacteriana, em uma matriz composta por polímeros extracelulares, aderidas

Leia mais

CÁRIE DENTÁRIA: CONSCIENTIZANDO ESCOLARES DE UMA ESCOLA PÚBLICA NO MUNICÍPIO DE CRUZ ALTA- RS

CÁRIE DENTÁRIA: CONSCIENTIZANDO ESCOLARES DE UMA ESCOLA PÚBLICA NO MUNICÍPIO DE CRUZ ALTA- RS CÁRIE DENTÁRIA: CONSCIENTIZANDO ESCOLARES DE UMA ESCOLA PÚBLICA NO MUNICÍPIO DE CRUZ ALTA- RS SANTOS, Aniúsca V¹; MANGGINI, Bruna K¹; MACIESKI, Franciele¹; SOARES, Jéssica Cavalheiro 1 ; TAMANHO, Jiana¹;

Leia mais

MEDIDAS DE ADEQUAÇÃO DO MEIO BUCAL PARA CONTROLE DA CÁRIE DENTÁRIA EM ESCOLARES DO CASTELO BRANCO

MEDIDAS DE ADEQUAÇÃO DO MEIO BUCAL PARA CONTROLE DA CÁRIE DENTÁRIA EM ESCOLARES DO CASTELO BRANCO MEDIDAS DE ADEQUAÇÃO DO MEIO BUCAL PARA CONTROLE DA CÁRIE DENTÁRIA EM ESCOLARES DO CASTELO BRANCO BARROS, Ítala Santina Bulhões 1 LIMA, Maria Germana Galvão Correia 2 SILVA, Ariadne Estffany Máximo da

Leia mais

Dra. Elena Portes Teixeira Will CUIDADOS AO PACIENTE COM GENGIVITE OU PERIODONTITE: DOENÇA PERIODONTAL:

Dra. Elena Portes Teixeira Will CUIDADOS AO PACIENTE COM GENGIVITE OU PERIODONTITE: DOENÇA PERIODONTAL: CUIDADOS AO PACIENTE COM GENGIVITE OU PERIODONTITE: 1Muita atenção na escovação. Siga as dicas abaixo: Escovar sempre depois das refeições. Mesmo quando fizer apenas um lanchinho ; Sempre usar o fio dental

Leia mais

A Importância da Saúde Bucal. na Saúde Geral

A Importância da Saúde Bucal. na Saúde Geral PALESTRA A Importância da Saúde Bucal na Saúde Geral A saúde começa pela boca Os dentes são importantes na mastigação dos alimentos, fala, e estética, influenciando diretamente na auto-estima do indivíduo

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: ODONTÓLOGO CADERNO DE PROVAS

PREFEITURA MUNICIPAL DE BOM DESPACHO-MG PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO - EDITAL 001/2009 CARGO: ODONTÓLOGO CADERNO DE PROVAS CADERNO DE PROVAS 1 A prova terá a duração de duas horas, incluindo o tempo necessário para o preenchimento do gabarito. 2 Marque as respostas no caderno de provas, deixe para preencher o gabarito depois

Leia mais

A PolíticA que faz muitos brasileiros voltarem A sorrir.

A PolíticA que faz muitos brasileiros voltarem A sorrir. A PolíticA que faz muitos brasileiros voltarem A sorrir. POLÍTICA NACIONAL DE SAÚDE BUCAL PROGRAMA BRASIL SORRIDENTE Durante anos a Odontologia esteve à margem das políticas públicas de saúde. O acesso

Leia mais

1 Universidade Federal da Paraíba, discente colaborador, e-mail: juliane.jfa@bol.com.br

1 Universidade Federal da Paraíba, discente colaborador, e-mail: juliane.jfa@bol.com.br RELATO DE ACADÊMICOS DE ODONTOLOGIA DA UFPB TRABALHANDO COM EDUCAÇÃO EM SAÚDE NA ATENÇÃO A MÃES E GESTANTES ASCENDINO 1, Juliane Fabrício; CUNHA 2, Paula Angela S. M. Cunha. FERREIRA 3, Heloísa de Almeida;

Leia mais

AV. TAMBORIS ESQUINA COM RUA DAS PEROBAS, S/Nº - SETOR SÃO LOURENÇO CEP 76530-000 MUNDO NOVO GOIÁS FONES:

AV. TAMBORIS ESQUINA COM RUA DAS PEROBAS, S/Nº - SETOR SÃO LOURENÇO CEP 76530-000 MUNDO NOVO GOIÁS FONES: SAÚDE BUCAL INTRODUÇÃO A evolução da Odontologia enquanto ciência da saúde é uma realidade incontestável. Dentro deste contexto de mudanças de paradigma, no qual a Promoção de Saúde toma o lugar da prática

Leia mais

OBJETIVOS. Objetivo Gerail

OBJETIVOS. Objetivo Gerail TÍTULO:PROJETO CUIDADOS ODONTOLÓGICOS AO PORTADOR DE DEFICIÊNCIA AUTORES: Profª. Gracia Maria Salles Maciel Koerich Ac. Janaína Masson Ac. Márcia Martins Pacheco T. A. Sérgio José Sena INSTITUIÇÃO:UNIVERSIDADE

Leia mais

GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA)

GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA) GUIA DE SAÚDE BUCAL E TRAUMATISMO DENTAL PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA) AUTORES Ingryd Coutinho de Oliveira Priscila Cunha Nascimento Discentes da Graduação em Odontologia e Bolsistas de Ensino

Leia mais

MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE SAÚDE DA MARINHA CENTRO MÉDICO ASSISTENCIAL DA MARINHA ODONTOCLÍNICA CENTRAL DA MARINHA

MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE SAÚDE DA MARINHA CENTRO MÉDICO ASSISTENCIAL DA MARINHA ODONTOCLÍNICA CENTRAL DA MARINHA MARINHA DO BRASIL DIRETORIA DE SAÚDE DA MARINHA CENTRO MÉDICO ASSISTENCIAL DA MARINHA ODONTOCLÍNICA CENTRAL DA MARINHA PROGRAMA PARA A PREVENÇÃO DA CÁRIE DENTÁRIA E DA DOENÇA PERIODONTAL Serviço de Odontologia

Leia mais

Cuidados dentários em cães e gatos

Cuidados dentários em cães e gatos Anátomo-Fisiologia Estrutura do dente (fig. 1) Cuidados dentários em cães e gatos Externamente divide-se em duas áreas: coroa (superfície para fora da junção com a margem gengival) e a raiz (porção para

Leia mais

SAÚDE ORAL DAS PESSOAS IDOSAS

SAÚDE ORAL DAS PESSOAS IDOSAS SAÚDE ORAL DAS PESSOAS IDOSAS Saúde Oral das Pessoas Idosas A saúde oral é considerada como uma parte integrante da saúde geral. As doenças da boca e dos dentes têm consequências negativas na qualidade

Leia mais

O presente trabalho visa relatar um programa de promoção de saúde. desenvolvido como atividade de Extensão Universitária da Faculdade de

O presente trabalho visa relatar um programa de promoção de saúde. desenvolvido como atividade de Extensão Universitária da Faculdade de TÍTULO:PROGRAMA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA DE ALUNOS DA FACULDADE DE ODONTOLOGIA DE PERNAMBUCO FOP/UPE AUTORES: BARROS, E.S,, MACIEL, A*. E, MENEZES, V. A**., MESQUITA, M. F INSTITUIÇÃO: Faculdade de Odontologia

Leia mais

Mostra de Projetos 2011. Programa Municipal de Controle Ético da População Canina e Felina

Mostra de Projetos 2011. Programa Municipal de Controle Ético da População Canina e Felina Mostra de Projetos 2011 Programa Municipal de Controle Ético da População Canina e Felina Mostra Local de: São José dos Pinhais Categoria do projeto: I - Projetos em implantação, com resultados parciais

Leia mais

DENTPLAQUE Uma ferramenta lúdica e eficaz na construção da autonomia do indivíduo e no controle das doenças bucais.

DENTPLAQUE Uma ferramenta lúdica e eficaz na construção da autonomia do indivíduo e no controle das doenças bucais. DENTPLAQUE Uma ferramenta lúdica e eficaz na construção da autonomia do indivíduo e no controle das doenças bucais. INTRODUÇÃO A evolução do conhecimento científico trouxe uma mudança radical nos paradigmas

Leia mais

Doença Periodontal Orientações para manter uma boca saudável Anatomia Estrutura saudável Gengivas A A figura mostra as gengivas de uma pessoa que tenha a constituição clara. As pessoas de pele escura têm

Leia mais

Elizabeth Azevedo Soares TJPE 2011

Elizabeth Azevedo Soares TJPE 2011 Elizabeth Azevedo Soares TJPE 2011 Organograma PROGRAMA Promoção de saúde em seu conceito mais amplo, ou seja, despertar nos pacientes a importância da higiene bucal, da prevenção e a associação destas

Leia mais

TÍTULO: AUTORES: INSTITUIÇÃO: RESUMO INTRODUÇÃO

TÍTULO: AUTORES: INSTITUIÇÃO:  RESUMO INTRODUÇÃO TÍTULO: ATENDIMENTO A PACIENTES ESPECIAIS: UMA PRÁTICA DE INCLUSÃO SOCIAL AUTORES: Roger Keller Celeste; Luiz Alberto de Lorenzi Arteche; Carine Bertotto; Luciane Bertotto; Luciana Pacheco; Sergio Miguens

Leia mais

VEJA COMO A CÁRIE É FORMADA

VEJA COMO A CÁRIE É FORMADA VEJA COMO A CÁRIE É FORMADA E AJUDE A PREVENÍ-LA Sua dieta e seus hábitos de saúde bucal podem fazer uma grande diferença A RELAÇÃO ENTRE OS DENTES, BACTÉRIAS E OS ÁCIDOS DO AÇÚCAR Esses fatores desencadeiam

Leia mais

ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR

ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR ATIVIDADES TÍPICAS DOS CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR DENOMINAÇÃO DO CARGO: ANALISTA DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Desenvolver e implantar sistemas informatizados, dimensionando requisitos e funcionalidades do

Leia mais

O ACONSELHAMENTO NO HIV EM UMA COMUNIDADE COMO MEDIDA PREVENTIVA

O ACONSELHAMENTO NO HIV EM UMA COMUNIDADE COMO MEDIDA PREVENTIVA O ACONSELHAMENTO NO HIV EM UMA COMUNIDADE COMO MEDIDA PREVENTIVA Zardo L*¹ Silva CL*² Zarpellon LD*³ Cabral LPA* 4 Resumo O Vírus da Imunodeficiência humana (HIV) é um retrovírus que ataca o sistema imunológico.através

Leia mais

para controle da mastite e melhora da qualidade do leite

para controle da mastite e melhora da qualidade do leite Björn Qvarfordt Técnico habilitado realizando manutenção preventiva no equipamento de ordenha Medidas práticas para controle da mastite e melhora da qualidade do leite Por: Renata Travaglini Gonçalves

Leia mais

Doenças gengivais induzidas por placa

Doenças gengivais induzidas por placa Doenças gengivais induzidas por placa Definição Inflamação dos tecidos gengivais sem afetar irreversivelmente o aparato de inserção Classificação (AAP 1999) Doenças Gengivais Induzidas por placa Não

Leia mais

MISSÃO DA EMPRESA. O nosso compromisso é atingir e superar as expectativas dos clientes, garantindo sua total satisfação, fazendo da Dental Plus

MISSÃO DA EMPRESA. O nosso compromisso é atingir e superar as expectativas dos clientes, garantindo sua total satisfação, fazendo da Dental Plus MISSÃO DA EMPRESA O nosso compromisso é atingir e superar as expectativas dos clientes, garantindo sua total satisfação, fazendo da Dental Plus Manual sinônimo do Dentista de excelência Credenciado em

Leia mais

Como obter resultados com a otimização dos consultórios com os TSB e ASB

Como obter resultados com a otimização dos consultórios com os TSB e ASB Como obter resultados com a otimização dos consultórios com os TSB e ASB 6º SINPLO Simpósio Internacional de Planos Odontológicos Fabiana Car Pernomiam 2011 Ergonomia racionalizar o trabalho, possibilitar

Leia mais

Doenças Periodontais. Tratamento e Prevenção. 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares

Doenças Periodontais. Tratamento e Prevenção. 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares Doenças Periodontais Tratamento e Prevenção 1º e-book - COS - Clínica Odontológica Soares Gengivite e Periodontite Guia para o paciente Aprenda mais sobre as Doenças Periodontais (de gengiva) As doenças

Leia mais

EDUCAÇÃO EM SAÚDE BUCAL: UMA EXPERIÊNCIA NA CRECHE DA COMUNIDADE MARIA DE NAZARÉ.

EDUCAÇÃO EM SAÚDE BUCAL: UMA EXPERIÊNCIA NA CRECHE DA COMUNIDADE MARIA DE NAZARÉ. EDUCAÇÃO EM SAÚDE BUCAL: UMA EXPERIÊNCIA NA CRECHE DA COMUNIDADE MARIA DE NAZARÉ. Wilton Wilney Nascimento Padilha 1 Fátima Regina Nunes de Sousa 2 Yana Talita de Souza 3 Dayane Franco Mangueira 3 Renata

Leia mais

TÉCNICAS DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO DA CÁRIE DENTÁRIA EM CRIANÇAS

TÉCNICAS DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO DA CÁRIE DENTÁRIA EM CRIANÇAS TÉCNICAS DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO DA CÁRIE DENTÁRIA EM CRIANÇAS Kelin Angélica Zonin* Róger Reche* Leodinei Lodi** *Acadêmicos do curso de Odontologia da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai

Leia mais

Dr. Felipe Groch CRO 101.353 Especialização em Implantes Dentários

Dr. Felipe Groch CRO 101.353 Especialização em Implantes Dentários Nosso consultório odontológico está equipado para oferecer ao produtor rural todos os tratamentos odontológicos disponíveis na atualidade. Segue abaixo uma discriminação detalhada de cada tratamento oferecido

Leia mais

ODONTOLOGIA CANINA. Introdução

ODONTOLOGIA CANINA. Introdução ODONTOLOGIA CANINA Juliana Kowalesky Médica Veterinária Mestre pela FMVZ -USP Pós graduada em Odontologia Veterinária - ANCLIVEPA SP Sócia Fundadora da Associação Brasileira de Odontologia Veterinária

Leia mais

Sorriso de criança... Questão de educação!

Sorriso de criança... Questão de educação! Cidade Sorridente Sorriso de criança... Questão de educação! Dados oficiais (Mesmo entre os cidadãos com renda mensal acima de 6 SM) O Brasil é campeão mundial de cárie 60% dos dentes cariados estão sem

Leia mais

PROGRAMA DE MEDICINA PREVENTIVA. Saúde Bucal

PROGRAMA DE MEDICINA PREVENTIVA. Saúde Bucal PROGRAMA DE MEDICINA PREVENTIVA Saúde Bucal É muito importante manter sua saúde em dia. Um belo sorriso é o único capaz de fazer a diferença em qualquer situação. A saúde bucal não se reflete somente na

Leia mais

EXCELÊNCIA NOS RESULTADOS

EXCELÊNCIA NOS RESULTADOS INSTITUCIONAL 31 anos no mercado odontológico; Presença com sedes em 10 cidades brasileiras, dentre elas 9 capitais; Solidez e tradição na atenção à Saúde Bucal; Mais de 2 milhões de beneficiários; Mais

Leia mais

Índice. Passo a passo para uma higiene bucal completa

Índice. Passo a passo para uma higiene bucal completa Índice Introdução...03 Primeiramente enxague...04 Procure a escova certa...05 Pasta de dentes...06 Escove da maneira correta...07 Passe fio dental...08 Nunca esqueça da língua...09 Cuidado no uso de enxaguatórios

Leia mais

NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS ENFERMEIROS SOBRE A SAÚDE DO HOMEM NO MUNICÍPIO DE CAJAZEIRAS-PB.

NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS ENFERMEIROS SOBRE A SAÚDE DO HOMEM NO MUNICÍPIO DE CAJAZEIRAS-PB. NÍVEL DE CONHECIMENTO DOS PROFISSIONAIS ENFERMEIROS SOBRE A SAÚDE DO HOMEM NO MUNICÍPIO DE CAJAZEIRAS-PB. Antonio José Barbosa Neto (ajbneto_@hotmail.com) 1 Ceciliana Araújo Leite (cecidemais@hotmail.com)

Leia mais

Odontologia do Esporte e o atleta de elite

Odontologia do Esporte e o atleta de elite Odontologia do Esporte e o atleta de elite Um guia sobre a importância da boa saúde bucal para aprimorar o desempenho atlético Comissão Médica do COI Agosto 2000 Sempre preocupada com a saúde dos atletas,

Leia mais

II MOSTRA NACIONAL DO PSF

II MOSTRA NACIONAL DO PSF II MOSTRA NACIONAL DO PSF TEMÁRIO: SAÚDE BUCAL BRASILA-DF JUNHO / 2004 PROGRAMA DE INTERSETORIALIDADE NAS AÇÕES E SERVIÇOS DE SAÚDE BUCAL NAS ESCOLAS DE ENSINO FUNDAMENTAL DE ARACAJU O POR QUE? A HISTÓRIA.

Leia mais

O PROJETO. Exercícios físicos, boa alimentação, cuidados com o corpo e a mente. A busca. por um estilo de vida saudável é o atual

O PROJETO. Exercícios físicos, boa alimentação, cuidados com o corpo e a mente. A busca. por um estilo de vida saudável é o atual Exercícios físicos, boa alimentação, O PROJETO cuidados com o corpo e a mente. A busca por um estilo de vida saudável é o atual desafio da humanidade, que vive um cotidiano cada vez mais caótico. Na correria

Leia mais

Dicas rápidas para visitas a crianças de 5 a 7 anos

Dicas rápidas para visitas a crianças de 5 a 7 anos Sorriso Saudável, Futuro Brilhante Dicas rápidas para visitas a crianças de 5 a 7 anos Para essa visita básica à sala de aula ou instituição, apresente-se, fale com as crianças sobre o Dr. Dentuço, e faça

Leia mais

Serviço odontológico. normas e orientações

Serviço odontológico. normas e orientações 1 Serviço odontológico normas e orientações 2 3 Seja bem-vindo ao Serviço Odontológico do Sesc! 4 Normas e Orientações do Serviço Odontológico As normas e orientações a seguir garantem um tratamento mais

Leia mais

Escrito por Administrator Ter, 02 de Fevereiro de 2010 09:14 - Última atualização Qua, 10 de Março de 2010 08:44

Escrito por Administrator Ter, 02 de Fevereiro de 2010 09:14 - Última atualização Qua, 10 de Março de 2010 08:44 Mitos e Verdades da Odontologia Mitos: Quanto maior e colorida for nossa escova dental, melhor! Mentira. A escova dental deve ser pequena ou média para permitir alcançar qualquer região da nossa boca.

Leia mais

PROVA ESPECÍFICA Cargo 23

PROVA ESPECÍFICA Cargo 23 13 PROVA ESPECÍFICA Cargo 23 QUESTÃO 31 Com relação aos tecidos dentários, analise as afirmativas abaixo: 1) O esmalte é um tecido duro, que constitui a maior parte do dente, determinando a forma da coroa.

Leia mais

Protocolo de Solicitação de Uso de animais em Projetos de Pesquisa/Extensão e Pós Graduação a Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA) ANEXO I

Protocolo de Solicitação de Uso de animais em Projetos de Pesquisa/Extensão e Pós Graduação a Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA) ANEXO I Protocolo de Solicitação de Uso de animais em Projetos de Pesquisa/Extensão e Pós Graduação a Comissão de Ética no Uso de Animais (CEUA) ANEXO I 1. IDENTIFICAÇÃO Título : Nível de abrangência do projeto:

Leia mais

Assistência Suplementar à Saúde no Brasil Segmento Odontológico

Assistência Suplementar à Saúde no Brasil Segmento Odontológico Assistência Suplementar à Saúde no Brasil Segmento Odontológico Sindicato Nacional das Empresas de Odontologia de Grupo Sinog Março / 2011 Press Kit para Imprensa Sinog Sindicato Nacional das Empresas

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA GESTÃO HOSPITALAR: ESTUDO DE CASO NO HOSPITAL SÃO LUCAS

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA GESTÃO HOSPITALAR: ESTUDO DE CASO NO HOSPITAL SÃO LUCAS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO NA GESTÃO HOSPITALAR: ESTUDO DE CASO NO HOSPITAL SÃO LUCAS Renata Pinto Dutra Ferreira Especialista Administração de Sistemas de Informação Instituto Presidente Tancredo de Almeida

Leia mais

LEVANTAMENTO DOS HÁBITOS DE HIGIENE E EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ALUNOS DO ENSINO MÉDIO EM ESCOLAS DE REALENGO

LEVANTAMENTO DOS HÁBITOS DE HIGIENE E EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ALUNOS DO ENSINO MÉDIO EM ESCOLAS DE REALENGO Revista Eletrônica Novo Enfoque, ano 2013, v. 17, n. 17, p. 178 183 LEVANTAMENTO DOS HÁBITOS DE HIGIENE E EDUCAÇÃO AMBIENTAL EM ALUNOS DO ENSINO MÉDIO EM ESCOLAS DE REALENGO FERREIRA, Luana Jesus da Silva

Leia mais

Especialidades Odontológicas

Especialidades Odontológicas Especialidades Odontológicas Urubatan Medeiros Doutor (USP) - Professor Titular do Departamento de Odontologia Preventiva e Comunitária (UERJ/UFRJ) - Consultor do Ministério da Saúde I - Introdução A Odontologia

Leia mais

UMA ESCOVA PARA CADA USO

UMA ESCOVA PARA CADA USO UMA ESCOVA PARA CADA USO Nem só das importantes medidas preventivas(alimentação sadia e Flúor na água/tópico),vive o cuidado adequado com os dentes e cavidade bucal...tem aquele diário, cada vez que você

Leia mais

PROMOÇÂO DE SAÙDE BUCAL EM CRIANÇAS CARENTES DE CURITIBA

PROMOÇÂO DE SAÙDE BUCAL EM CRIANÇAS CARENTES DE CURITIBA PROMOÇÂO DE SAÙDE BUCAL EM CRIANÇAS CARENTES DE CURITIBA Área temática: Saúde Coordenador: Elaine Machado Benelli Equipe executora: Mayra Xavier e Silva *, Luciana Schneider e Elaine Machado Benelli ***

Leia mais

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1

42º Congresso Bras. de Medicina Veterinária e 1º Congresso Sul-Brasileiro da ANCLIVEPA - 31/10 a 02/11 de 2015 - Curitiba - PR 1 1 ESTRUTURAÇÃO DE UM BANCO DE DENTES CANINOS NO DEPARTAMENTO DE ANATOMIA DA UFPR PRODUCTION OF A CANINE TEETH BANK AT THE ANATOMY DEPARTMENT OF UFPR DORIE FERNANDA DE MORAES ZATTONI¹, MARIA FERNANDA TORRES¹,

Leia mais

ALIMENTOS PARA CÃES E GATOS VISÃO GERAL

ALIMENTOS PARA CÃES E GATOS VISÃO GERAL ALIMENTOS PARA CÃES E GATOS VISÃO GERAL Prof. Roberto de Andrade Bordin DMV, M.Sc. Setor de Nutrição e Metabolismo Animal Medicina Veterinária Universidade Anhembi Morumbi São Paulo, Brasil. Várias são

Leia mais

043765 S/SUBVISA/SVFSZ/UJV Unidade de Diagnóstico, Vigilância, Fiscalização Sanitária e Medicina Veterinária Jorge Vaitsman

043765 S/SUBVISA/SVFSZ/UJV Unidade de Diagnóstico, Vigilância, Fiscalização Sanitária e Medicina Veterinária Jorge Vaitsman DO de 08/08/13 NOVA ESTRUTURA 043765 S/SUBVISA/SVFSZ/UJV Unidade de Diagnóstico, Vigilância, Fiscalização Sanitária e Medicina Veterinária Jorge Vaitsman Cumprir e fazer cumprir no Município do Rio de

Leia mais

Escola Municipal Professor Mello Cançado Projeto Prato Colorido Março, 2012

Escola Municipal Professor Mello Cançado Projeto Prato Colorido Março, 2012 Escola Municipal Professor Mello Cançado Projeto Prato Colorido Março, 2012 Toda a escola se envolveu nesse projeto pedagógico, desde a direção, coordenação, professoras, alunos, cantineiras, pais, bibliotecária

Leia mais

Estado do Ceará PREFEITURA MUNICIPAL DE CEDRO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Estado do Ceará PREFEITURA MUNICIPAL DE CEDRO CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 1. O paciente João compareceu ao consultório odontológico uma semana depois de realizar uma exodontia do segundo molar inferior esquerdo. Qual das alternativas abaixo contém os

Leia mais

Mondial Pet Protection CONDIÇÕES GERAIS PRINCIPAIS BENEFÍCIOS: Assistência Emergencial. Implantação de Microchip. Desconto em Cirurgias

Mondial Pet Protection CONDIÇÕES GERAIS PRINCIPAIS BENEFÍCIOS: Assistência Emergencial. Implantação de Microchip. Desconto em Cirurgias MONDIAL PET PROTECTION é um conjunto de serviços oferecido a cachorros e gatos (domésticos), disponível nas Capitais do Nordeste, Sudeste e Sul e Centro-Oeste do Brasil e grandes centros metropolitanos.

Leia mais

NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR

NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR NORMATIZAÇÃO DO FUNCIONAMENTO DO SERVIÇO DE ODONTOLOGIA HOSPITALAR Atuação e conceitos da Odontologia Hospitalar e Medicina Oral A Odontologia exercida pela grande maioria dos dentistas brasileiros enfoca

Leia mais

Sua melhor opção. Manual de Orientação 1

Sua melhor opção. Manual de Orientação 1 Sua melhor opção. Manual de Orientação 1 2 Manual de Orientação Julho/2013 (2 a edição) Indice Orientação ao Paciente Introdução 04 Implantes dentais 04 Titânio - a matéria-prima dos implantes 05 Osseointegração

Leia mais

MANUAL INSTRUTIVO DOS CÓDIGOS ODONTOLÓGICOS DO SIA/SUS - TSB E ASB -

MANUAL INSTRUTIVO DOS CÓDIGOS ODONTOLÓGICOS DO SIA/SUS - TSB E ASB - 1 MANUAL INSTRUTIVO DOS CÓDIGOS ODONTOLÓGICOS DO SIA/SUS - TSB E ASB - Porto Alegre, 2014. 1 2 S ODONTOLÓGICOS PARA AUXILIARES E TÉCNICOS EM SAÚDE BUCAL Tabela 1: Tipos de Procedimentos Odontológicos para

Leia mais

ODONTOLOGIA PERIODONTIA I. 5º Período / Carga Horária: 90 horas

ODONTOLOGIA PERIODONTIA I. 5º Período / Carga Horária: 90 horas ODONTOLOGIA PERIODONTIA I 5º Período / Carga Horária: 90 horas 1. PRÉ-REQUISITO: Biossegurança e Orientação Profissional Odontológica; Diagnóstico por Imagem I; Patologia Buço Denta. 2. EMENTA: O aluno

Leia mais

PALAVRAS-CHAVE: Uso Racional de Medicamentos. Erros de medicação. Conscientização.

PALAVRAS-CHAVE: Uso Racional de Medicamentos. Erros de medicação. Conscientização. 12. CONEX Apresentação Oral Resumo Expandido 1 ÁREA TEMÁTICA: (marque uma das opções) ( ) COMUNICAÇÃO ( ) CULTURA ( ) DIREITOS HUMANOS E JUSTIÇA ( ) EDUCAÇÃO ( ) MEIO AMBIENTE ( x ) SAÚDE ( ) TRABALHO

Leia mais

A QUÍMICA E A CONSERVAÇÃO DOS DENTES RESUMO

A QUÍMICA E A CONSERVAÇÃO DOS DENTES RESUMO A QUÍMICA E A CONSERVAÇÃO DOS DENTES Lidiani Terenciani Nazaro¹; Jandira Aparecida Simoneti² UEMS - Caixa postal 351 - CEP: 79804-970 Dourados - MS¹ E-mail: lidi.nazaro@gmail.com, Bolsista de Extensão.

Leia mais

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010

ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 1 ESTUDO RETROSPECTIVO DAS NEOPLASIAS CANINAS DIAGNOSTICADAS EM UM HOSPITAL UNIVERSITÁRIO NO PERÍODO DE 2009 A 2010 CAIO FERNANDO GIMENEZ 1, TATIANE MORENO FERRARIAS 1, EDUARDO FERNANDES BONDAN 1 1 Universidade

Leia mais

CONTROLE POPULACIONAL DE CÃES E GATOS POR MEIO DE ESTERILIZAÇÃO CIRÚRGICA E EDUCAÇÃO PARA POSSE RESPONSÁVEL

CONTROLE POPULACIONAL DE CÃES E GATOS POR MEIO DE ESTERILIZAÇÃO CIRÚRGICA E EDUCAÇÃO PARA POSSE RESPONSÁVEL CONTROLE POPULACIONAL DE CÃES E GATOS POR MEIO DE ESTERILIZAÇÃO CIRÚRGICA E EDUCAÇÃO PARA POSSE RESPONSÁVEL BUQUERA, Luiz Eduardo C. 1 COSTEIRA, Jessica A. 2 FERREIRA, Rafael de L. 3 BASTOS, Rodolfo M.

Leia mais

A QUESTÃO DO ENVELHECIMENTO POPULACIONAL E SEUS EFEITOS NO MERCADO DE TRABALHO: UM FOCO NA PERCEPÇÃO E ATITUDES DO APOSENTADO.

A QUESTÃO DO ENVELHECIMENTO POPULACIONAL E SEUS EFEITOS NO MERCADO DE TRABALHO: UM FOCO NA PERCEPÇÃO E ATITUDES DO APOSENTADO. Revista Ceciliana Dez 2(2): 41-45, 21 - Universidade Santa Cecília Disponível online em http://www.unisanta.br/revistaceciliana A QUESTÃO DO ENVELHECIMENTO POPULACIONAL E SEUS EFEITOS NO MERCADO DE TRABALHO:

Leia mais

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade.

b. Completar a implantação da Rede com a construção de hospitais regionais para atendimentos de alta complexidade. No programa de governo do senador Roberto Requião, candidato ao governo do estado pela coligação Paraná Com Governo (PMDB/PV/PPL), consta um capítulo destinado apenas à universalização do acesso à Saúde.

Leia mais

SulAmérica Odonto Empresarial

SulAmérica Odonto Empresarial SulAmérica Odonto Empresarial O sorriso dos seus colaboradores está em nossos planos. A partir de 100 vidas sulamerica.com.br Sobre a SulAmérica A SulAmérica Seguros, Previdência e Investimentos, com 116

Leia mais

Índice. Apresentação...5. Bases da Convocação...6. Questionários (??)...

Índice. Apresentação...5. Bases da Convocação...6. Questionários (??)... Convocação para 50 Auxílios à Pesquisa Ignacio H. de Larramendi: Prevenção, Saúde, Meio Ambiente e Seguro 2013 Índice Apresentação...5 Bases da Convocação...6 Questionários (??)... 3 4 Apresentação A

Leia mais

RAZÕES PARA O SEU PETSHOP CRESCER APOSTANDO NAS 5REDES SOCIAIS

RAZÕES PARA O SEU PETSHOP CRESCER APOSTANDO NAS 5REDES SOCIAIS apresentação O mercado de produtos e serviços para os pets está em grande expansão no Brasil, o que traz diversas oportunidades para a sua empresa crescer. Com este material, você vai descobrir como é

Leia mais

Implantes Dentários. Qualquer paciente pode receber implantes?

Implantes Dentários. Qualquer paciente pode receber implantes? Implantes Dentários O que são implantes ósseos integrados? São uma nova geração de implantes, introduzidos a partir da década de 6O, mas que só agora atingem um grau de aceitabilidade pela comunidade científica

Leia mais

Doença Periodontal na Infância

Doença Periodontal na Infância Universidade de São Paulo Faculdade de Odontologia Doença Periodontal na Infância Profa. Dra. Ana Estela Haddad Camilla V. Galatti / Dr. Cássio Alencar Doença periodontal é uma afecção da fase adulta?

Leia mais

PEDAGOGIA HOSPITALAR: as politícas públicas que norteiam à implementação das classes hospitalares.

PEDAGOGIA HOSPITALAR: as politícas públicas que norteiam à implementação das classes hospitalares. PEDAGOGIA HOSPITALAR: as politícas públicas que norteiam à implementação das classes hospitalares. Marianna Salgado Cavalcante de Vasconcelos mary_mscv16@hotmail.com Jadiel Djone Alves da Silva jadieldjone@hotmail.com

Leia mais

FACULDADES UNIDAS DO VALE DO ARAGUAIA

FACULDADES UNIDAS DO VALE DO ARAGUAIA TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO TCC O Trabalho de Conclusão de Curso está estruturado sob a forma de elaboração de um artigo científico, sendo este resultado de um trabalho integrado entre as disciplinas

Leia mais

Título: PROMOÇÃO DE SAÚDE BUCAL NA EMEB JOÃO MARIA GONZAGA DE LACERDA

Título: PROMOÇÃO DE SAÚDE BUCAL NA EMEB JOÃO MARIA GONZAGA DE LACERDA Título: PROMOÇÃO DE SAÚDE BUCAL NA EMEB JOÃO MARIA GONZAGA DE LACERDA Autores: Ana Cláudia Morandini Sanchez, CD Serviço de saúde: Unidade de Saúde da Família VILA ANA Palavras-chaves: cárie dentária,

Leia mais

Uma área em expansão. Radiologia

Uma área em expansão. Radiologia Uma área em expansão Conhecimento especializado e treinamento em novas tecnologias abrem caminho para equipes de Enfermagem nos serviços de diagnóstico por imagem e radiologia A atuação da Enfermagem em

Leia mais

REGULAMENTO EDITORIAL E NORMAS DE ESTILO DA REVISTA CIÊNCIA VETERINÁRIA NOS TRÓPICOS

REGULAMENTO EDITORIAL E NORMAS DE ESTILO DA REVISTA CIÊNCIA VETERINÁRIA NOS TRÓPICOS REGULAMENTO EDITORIAL E NORMAS DE ESTILO DA REVISTA CIÊNCIA VETERINÁRIA NOS TRÓPICOS REGULAMENTO EDITORIAL Uma das missões do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Pernambuco (CRMV-PE)

Leia mais

PROJETO DE LEI N.º, DE 2015. (Do Sr. Ricardo Izar)

PROJETO DE LEI N.º, DE 2015. (Do Sr. Ricardo Izar) PROJETO DE LEI N.º, DE 2015 (Do Sr. Ricardo Izar) Proíbe o uso de animais não-humanos vivos nos estabelecimentos de ensino público e privado em todo o Território Nacional. O Congresso Nacional decreta:

Leia mais

PRODUZINDO AUTOESTIMA DESDE 1990

PRODUZINDO AUTOESTIMA DESDE 1990 Mau Hálito Todas as pessoas têm mau hálito? Se considerássemos o hálito desagradável ao acordar, praticamente 100% da população seria portadora de halitose. Por isso, o hálito da manhã é considerado fisiológico.

Leia mais

REGULAMENTO ODONTOLÓGICO

REGULAMENTO ODONTOLÓGICO REGULAMENTO ODONTOLÓGICO Regulamento Vigente REGULAMENTO ODONTOLÓGICO ARTIGO 1º - A Associação dos Agentes Fiscais de Rendas do Estado de São Paulo - AFRESP - prestará a seus associados inscritos na Administração

Leia mais

EDUCAÇÃO AMBIENTAL PELO BEM ESTAR E SAÚDE ANIMAL NAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO BÁSICO DA VILA FLORESTAL EM LAGOA SECA/PB

EDUCAÇÃO AMBIENTAL PELO BEM ESTAR E SAÚDE ANIMAL NAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO BÁSICO DA VILA FLORESTAL EM LAGOA SECA/PB EDUCAÇÃO AMBIENTAL PELO BEM ESTAR E SAÚDE ANIMAL NAS INSTITUIÇÕES DE ENSINO BÁSICO DA VILA FLORESTAL EM LAGOA SECA/PB Luana da Silva Barbosa 1 ; Benedito Marinho da Costa Neto 2 ; Alfredo Rosas de Lima

Leia mais

MEDIDAS DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO DE CÁRIE EM ESCOLARES ADOLESCENTES DO CASTELO BRANCO

MEDIDAS DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO DE CÁRIE EM ESCOLARES ADOLESCENTES DO CASTELO BRANCO MEDIDAS DE PROMOÇÃO E PREVENÇÃO DE CÁRIE EM ESCOLARES ADOLESCENTES DO CASTELO BRANCO DIAS, Larissa Nadine Silva 1 FARIAS, Luciana Lombardi Pedrosa de 2 LIMA, Maria Germana Galvão Correia 3 RESUMO A adolescência

Leia mais

PROJETO SOLO É VIDA SISTEMA INTEGRADO DE CRIAÇÃO DE MINHOCAS VOLUME CRIAÇÃO E MANEJO AGROECOLÓGICO. Manual de Instrução

PROJETO SOLO É VIDA SISTEMA INTEGRADO DE CRIAÇÃO DE MINHOCAS VOLUME CRIAÇÃO E MANEJO AGROECOLÓGICO. Manual de Instrução PROJETO SOLO É VIDA SISTEMA INTEGRADO DE CRIAÇÃO DE MINHOCAS VOLUME CRIAÇÃO E MANEJO AGROECOLÓGICO Manual de Instrução Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Distrito Federal Sebrae do Distrito

Leia mais

Escola Municipal Professor Mello Cançado Regional Barreiro Projeto Prato Colorido Belo Horizonte, março/2012

Escola Municipal Professor Mello Cançado Regional Barreiro Projeto Prato Colorido Belo Horizonte, março/2012 Escola Municipal Professor Mello Cançado Regional Barreiro Projeto Prato Colorido Belo Horizonte, março/2012 Toda a escola se envolveu nesse projeto pedagógico, desde a direção, coordenação, professoras,

Leia mais

REGULAMENTO DA ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA - UNICOODONTO

REGULAMENTO DA ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA - UNICOODONTO REGULAMENTO DA ASSISTÊNCIA ODONTOLÓGICA - UNICOODONTO V.02 jan./14 Este Regulamento aplica-se ao serviço de assistência odontológica oferecido pela Atual Tecnologia e Administração de Cartões Ltda ("ATUAL"),

Leia mais

Atividade de Guarda Responsável ( Cirurgia do Cachorro ) (Projeto Mini-hospital Veterinário UFPR)

Atividade de Guarda Responsável ( Cirurgia do Cachorro ) (Projeto Mini-hospital Veterinário UFPR) Atividade de Guarda Responsável ( Cirurgia do Cachorro ) (Projeto Mini-hospital Veterinário UFPR) Ana Bianca Ferreira Gusso 1, Bruna Natali da Costa 1, Simone Tostes de Oliveira Stedile 2 1 Graduandas

Leia mais

PACTO PELA VIDA ANIMAL REDE DE DEFESA ANIMAL

PACTO PELA VIDA ANIMAL REDE DE DEFESA ANIMAL Pernambuco, 2012 PACTO PELA VIDA ANIMAL REDE DE DEFESA ANIMAL DOCUMENTO DE TRABALHO Sobre um Plano de Ação relativo à Proteção e ao Bem-Estar dos Animais 2012-2015 Base estratégica das ações propostas

Leia mais

Informações sobre a Clínica Odontológica Escolar de Arbon Schulzahnklinik

Informações sobre a Clínica Odontológica Escolar de Arbon Schulzahnklinik Informações sobre a Clínica Odontológica Escolar de Arbon Schulzahnklinik Schulzahnklinik Arbon Telefone: 071 446 65 61 Stacherholzstrasse 32 Fax: 071 446 65 67 9320 Arbon E-Mail: szk.arbon@psgarbon.ch

Leia mais

Palavras- chave: Vigilância epidemiológica, Dengue, Enfermagem

Palavras- chave: Vigilância epidemiológica, Dengue, Enfermagem ANÁLISE DAS NOTIFICAÇÕES DE DENGUE APÓS ATUAÇÃO DO SERVIÇO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA HOSPITALAR INTRODUÇÃO: A Dengue é uma doença infecciosa febril aguda de amplo espectro clínico e de grande importância

Leia mais