DECRETO Nº 8.546, DE 8 DE MAIO DE 2017 ALTERA O DECRETO Nº 7.813, DE 12 DE MARÇO DE 2014.

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DECRETO Nº 8.546, DE 8 DE MAIO DE 2017 ALTERA O DECRETO Nº 7.813, DE 12 DE MARÇO DE 2014."

Transcrição

1 DECRETO Nº 8.546, DE 8 DE MAIO DE 2017 ALTERA O DECRETO Nº 7.813, DE 12 DE MARÇO DE RUBENS FURLAN, Prefeito do Município de Barueri, usando das atribuições que lhe são conferidas por lei, DECRETA: Art. 1º. O credenciamento de docentes para integrarem o Cadastro Municipal de Professores Eventuais CADAMPE instituído pela Lei n 2.323, de 17 de dezembro de 2013, dar-se-á mediante novo Edital de Chamamento sob responsabilidade da Secretaria de Educação, ficando extintos a partir de 10/07/2017 todos os cadastros realizados anteriormente à publicação deste Decreto. Art. 2º. Poderão cadastrar-se no CADAMPE Professores de Educação Básica I (PEB I) e Professores de Educação Básica II (PEB II): I remanescentes aprovados em concurso público realizado pela Administração Municipal, no prazo de validade, ainda não convocados para admissão; II não participantes do concurso público a que alude o inciso I deste artigo. Parágrafo único. Não poderão integrar o Cadastro Municipal de Professores Eventuais CADAMPE docentes ocupantes de cargos públicos não acumuláveis, nos termos do art. 37, XVI e XVII, da Constituição da República Federativa do Brasil. Art. 3º. Os Editais de Chamamento serão publicados no Jornal Oficial do Município e estabelecerão, dentre outros dados: I os períodos, horários, locais e forma para as inscrições dos docentes interessados;

2 II os critérios para a classificação dos interessados; III a forma de trabalho e remuneração; IV as demais condições estabelecidas na Lei nº 2.323, de 17 de dezembro de Art. 4º. Os Editais de Chamamento para fins de credenciamento dos professores serão distintos para as situações referidas nos incisos I e II do art. 2º, deste decreto. Art. 5º. As inscrições pertinentes ao Edital de Chamamento, no caso do inciso I do art. 2º, deste decreto, serão efetivadas na Secretaria de Educação, devendo ser respeitada a ordem de classificação dos inscritos no concurso público. Art. 6º. Os interessados, no caso do inciso II do art. 2º, deste decreto, serão classificados mediante processo seletivo promovido pela Secretaria de Educação para tal fim. Art. 7º. As classificações dos inscritos nos Editais de Chamamento serão publicadas no Jornal Oficial do Município, devendo a Secretaria de Educação, no mesmo ato, solicitar o comparecimento dos classificados, em data, horário e local que designar, para comprovar suas respectivas graduações e assinar o competente Termo de Compromisso (Anexo I). 1 A graduação do docente eventual deverá ser comprovada mediante diploma ou certificado de conclusão, juntamente com o histórico escolar, constando, em um deles, a data de colação de grau, conforme exigência do Edital e do CADAMPE. 2 O credenciamento do docente eventual terá validade por tempo indeterminado, podendo, porém, ser extinto em qualquer tempo a pedido do próprio docente ou por ato discricionário da Secretaria de Educação.

3 Art. 8º. Efetuado o credenciamento e a classificação, nos termos dos incisos I e II do art. 2º deste Decreto, mediante documentação comprobatória, os docentes serão encaminhados para as unidades escolares designadas, com a Ficha Cadastral e a Ficha de Frequência (Anexos II e III deste Decreto), onde serão classificados em lista única por função e por disciplina em ordem decrescente de pontuação, primeiramente do concurso público e posteriormente do processo seletivo. 1º Para efeito de desempate serão observados, sucessivamente: I a maior idade; II o maior número de filhos menores de 18 anos. 2º O docente eventual só poderá ser convocado para a substituição na disciplina em que estiver regularmente cadastrado. 3º O docente eventual classificado pelo processo seletivo poderá ser cadastrado com a mesma pontuação em mais de uma disciplina, desde que devidamente inscrito e habilitado. 4º Para fins de pagamento, a Ficha Cadastral deverá conter, obrigatoriamente, entre outros dados pessoais, o número do CPF, do PIS ou PASEP e da conta bancária tipo corrente do docente eventual. Art. 9º. O Professor Diretor Escolar será o responsável pela convocação do docente cadastrado no CADAMPE, sempre que necessária a substituição, observando a classificação constante na Ficha Cadastral e utilizando o sistema de rodízio. 1º Caberá ao Departamento Técnico de Gestão de Pessoal da Secretaria de Educação elaborar a planilha dos docentes eventuais cadastrados por unidade escolar, a qual deverá ficar disponível na escola para que todos possam acompanhar a sequência da convocação para cada substituição que se fizer necessária, respeitando-se rigorosamente a classificação e o sistema de rodízio.

4 2º Se o docente convocado não comparecer, desistir ou tiver sido convocado por outra unidade escolar, deverá ser promovida a convocação do próximo classificado. 3º O docente que não comparecer ou desistir, na incidência de 3 (três) convocações consecutivas, será excluído do CADAMPE, devendo o Professor Diretor Escolar comunicar o fato via ofício ao Departamento Técnico de Gestão de Pessoal da Secretaria de Educação para a designação de outro docente cadastrado para aquela unidade escolar. Art. 10. O docente eventual poderá ser convocado para a substituição na ocorrência de ausências nas hipóteses citadas no art. 2º, da Lei nº 2.323, de 17 de dezembro de 2013, nos termos do art. 110 da Lei Complementar nº 277, de 7 de outubro de 2011 e nos termos da Lei 2.447, de 19 de fevereiro de Art. 11. A Ficha de Frequência (Anexo III) será elaborada mensalmente, constando tão somente os dias letivos do mês de referência, devendo ser assinada pelo Professor Diretor Escolar todos os dias em que ocorrer a substituição. Parágrafo único. Os dias não trabalhados deverão ser cancelados com traço em vermelho. Art. 12. Ao término de cada mês, caberá ao Professor Diretor Escolar promover o fechamento da Ficha de Frequência e realizar a somatória da quantidade de dias e horas/aulas eventuais trabalhados. 1º A Ficha de Frequência deverá ser preenchida rigorosamente de acordo com as instruções complementares a serem expedidas e amplamente divulgadas pelo Departamento Técnico de Gestão de Pessoal da Secretaria de Educação. 2º Havendo preenchimento incorreto ou divergências entre as informações constantes na Ficha de Frequência do docente eventual e as informações registradas no RH online que ocasionem pagamentos indevidos ao docente eventual, caberá ao Professor Diretor Escolar ressarcir os cofres públicos, se comprovada a irregularidade mediante a instauração de processo administrativo disciplinar.

5 3º A Ficha de Frequência deverá ser entregue ao Departamento Técnico de Gestão de Pessoal da Secretaria de Educação no 1º (primeiro) dia útil do mês subsequente ao trabalhado, pelo próprio docente eventual. 4º O docente que não efetuar a entrega da Ficha de Frequência no 1º (primeiro) dia útil do mês subsequente ao trabalhado, nos termos do parágrafo anterior, terá o pagamento das aulas ministradas adiado para o mês subsequente, devendo efetuar, nesse caso, a entrega da ficha de frequência no 1º (primeiro) dia útil do mês seguinte. 5º Considerando que a ficha de frequência deve ser entregue mensalmente no 1º (primeiro) dia útil do mês subsequente ao trabalhado e considerando que é vedado o acúmulo de aulas ministradas de um mês para o outro para fins de pagamento, o docente que não efetuar a entrega da referida ficha no prazo determinado por 2 (duas) vezes, consecutivas ou não, será excluído do CADAMPE. Art. 13. O docente eventual será remunerado em importância correspondente às horas/aula por ele efetivamente ministradas, acrescida de adicional eventualidade para trabalho pedagógico, no valor de R$ 21,00 (vinte e um reais) por dia trabalhado, devendo esse valor ser corrigido de acordo com o reajuste de salário anual. Parágrafo único. A prestação de serviço nos termos da Lei 2.323, de 17 de dezembro de 2013, regulamentada por este Decreto não caracterizará vínculo empregatício do docente com a Administração Municipal, não fazendo o docente eventual jus ao recebimento de: I 13º e 14º salários; II abono produtividade; III férias anuais; IV cesta básica; V vale transporte;

6 VI qualquer outro benefício previsto no Estatuto dos Servidores Públicos do Município de Barueri; VII adicional noturno. Art. 14. Recebidas as Fichas de Frequência, a relação dos docentes eventuais, após os cálculos da remuneração na forma do art. 13 deste Decreto, será elaborada e remetida pela Secretaria de Educação à Secretaria de Administração no dia 10 de cada mês subsequente ao da substituição, com os dados necessários à confecção da correspondente folha para fins de pagamento no dia 20 desse mesmo mês. Art. 15. Este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. Art. 16. Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Barueri, 8 de maio de RUBENS FURLAN Prefeito Municipal

7 ANEXO I TERMO DE COMPROMISSO PROFESSOR EVENTUAL (LEI Nº 2.323, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2013), R.G., CPF devidamente qualificado perante o Cadastro Municipal de Professores Eventuais CADAMPE do Município de Barueri, firmo o presente compromisso de atender às convocações que se fizerem necessárias ao interesse público, nos termos nos termos da Lei nº /13 regulamentada pelo Decreto n XXX/2017, observando todas as normas legais e administrativas relacionadas ao magistério público da Educação Básica Municipal. Declaro estar ciente das penalidades quanto ao não atendimento das convocações e das normas aplicáveis ao exercício do magistério. Barueri, de de

8 ANEXO II CADASTRO MUNICIPAL DE PROFESSOR EVENTUAL- CADAMPE ( ) CONCURSADO NÃO ADMITIDO ( ) PROCESSO SELETIVO CLASSIFICAÇÃO NO CADAMPE: NOME: FUNÇÃO: ( ) PEB I ( ) PEB II de DISPONIBILIDADE: ( ) MANHÃ ( ) TARDE ( ) NOITE Unidades Escolares : DADOS PESSOAIS ENDEREÇO: Nº COMPLEMENTO: BAIRRO: CIDADE: CEP: TELEFONE (1): TELEFONE (2): TELEFONE (3): TELEFONE (4): RG: CPF: PIS/PASEP: CONTA BANCÁRIA BANCO: CÓPIAS: AGÊNCIA: CONTA CORRENTE: ( ) RG ( ) CPF ( ) PIS/PASEP ( ) DADOS BANCÁRIOS ( ) DIPLOMA/ CERTIFICADO

9 ANEXO III FICHA DE FREQUÊNCIA SUBSTITUIÇÃO EVENTUAL CADAMPE NOME COMPLETO PROFESSOR DO CADAMPE: CADASTRO: RG: CPF: ( )PEB-I ( )PEB-II de: TOTAL DE DIAS: DIA TOTAL HORA/ AULA DIÁRIA NOME COMPLETO DO PROFESSOR "SUBSTITUÍDO" TOTAL DE HORAS/AULAS: MÊS/ANO TURMA PERÍODO M/T/N CARGO/ DISCIPLINA NATUREZA DA FALTA DE ACORDO COM RH online UNIDADE ESCOLAR ASSINATURA E CARIMBO DO DIRETOR Assinatura do Professor do CADAMPE:

10

2. DO CARGO Os interessados em prestar serviços no Programa Emergencial de Segunda Licenciatura deverão observar os seguintes Requisitos:

2. DO CARGO Os interessados em prestar serviços no Programa Emergencial de Segunda Licenciatura deverão observar os seguintes Requisitos: EDITAL Nº 057/2016 O REITOR DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE RORAIMA, no uso das atribuições que lhe confere o Estatuto da UERR e atendendo ao disposto no Termo de Adesão do Plano Nacional de Formação dos Professores

Leia mais

RESOLUÇÃO SME Nº. 05/2009. A Secretária Municipal de Educação, no uso de suas atribuições legais, CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares

RESOLUÇÃO SME Nº. 05/2009. A Secretária Municipal de Educação, no uso de suas atribuições legais, CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares RESOLUÇÃO SME Nº. 05/2009 A Secretária Municipal de Educação, no uso de suas atribuições legais, Regulamenta os artigos 23 e 24 da Lei Complementar nº. 138/01 que tratam das substituições nos impedimentos

Leia mais

EDITAL Nº 50/2016, DE 19 DE FEVEREIRO DE 2016

EDITAL Nº 50/2016, DE 19 DE FEVEREIRO DE 2016 EDITAL Nº 50/2016, DE 19 DE FEVEREIRO DE 2016 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE BOLSISTA, PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA, NA FUNÇÃO DE APOIO ÀS ATIVIDADES PEDAGÓGICAS DE TUTORIA PARA ATUAÇÃO NO PROGRAMA

Leia mais

RESOLUÇÃO SME Nº 11/2014. CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares

RESOLUÇÃO SME Nº 11/2014. CAPÍTULO I Das Disposições Preliminares RESOLUÇÃO SME Nº 11/2014 A Secretária Municipal de Educação, no uso de suas atribuições legais, Regulamenta os artigos 23 e 24 da Lei Complementar nº. 138/01 que tratam das substituições nos impedimentos

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO IBMEC EDITAL Nº 01

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO IBMEC EDITAL Nº 01 ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO IBMEC 2017.2 EDITAL Nº 01 SUMÁRIO Edital nº 01 - Admissão de alunos para os cursos de Pós-Graduação Ibmec...3 1. Da validade...3 2. Das Inscrições...3 3. Das Entrevistas,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO EDITAL Nº 004/2017 - PPGGP PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM GESTÃO PÚBLICA TURMA 2017/2 A Coordenação do torna público que estarão abertas as inscrições no Processo

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SANTOS EDITAL

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SANTOS EDITAL DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SANTOS EDITAL O Dirigente Regional de Ensino da Diretoria de Ensino da Região Santos, em atendimento às disposições da Resolução SE 3, de 28-01-2011 e Resolução SE-81, de 4-11-2009,

Leia mais

EDITAL DE CONVOCAÇÃO E DE POSSE 002/2014 EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO 001/2009

EDITAL DE CONVOCAÇÃO E DE POSSE 002/2014 EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO 001/2009 EDITAL DE CONVOCAÇÃO E DE POSSE 002/2014 EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO 001/2009 O PREFEITO MUNICIPAL DE BRUSQUE, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e considerando a homologação do resultado

Leia mais

Edital de Credenciamento Centro de Estudo de Línguas 2017

Edital de Credenciamento Centro de Estudo de Línguas 2017 Edital de Credenciamento Centro de Estudo de Línguas 2017 O Dirigente Regional de Ensino de Fernandópolis, em atendimento às disposições da Resolução SE 44, de 13-08-2014, e Resolução SE 72, de 22-12-2016,

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CENTRO DE EDUCAÇÃO (CEDUC) DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA (DG)

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CENTRO DE EDUCAÇÃO (CEDUC) DEPARTAMENTO DE GEOGRAFIA (DG) UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA SELEÇÃO SIMPLIFICADA PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR POR PRAZO DETERMINADO EDITAL DG N 001/2016 O Chefe do Departamento de GEOGRAFIA, do Centro de EDUCAÇÃO da Universidade

Leia mais

Assunto: Preenchimento das Vagas Remanescentes do Vestibular 2016 do Curso Técnico Integrado e Subsequente em Edificações

Assunto: Preenchimento das Vagas Remanescentes do Vestibular 2016 do Curso Técnico Integrado e Subsequente em Edificações Pesqueira, 12 de agosto de 2016. NOTA INFORMATIVA Nº 01/2016 - DIREÇÃO DE ENSINO Assunto: Preenchimento das Vagas Remanescentes do Vestibular 2016 do Curso Técnico Integrado e Subsequente em Edificações

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CAMPUS VI POETA PINTO DO MONTEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E EXATAS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CAMPUS VI POETA PINTO DO MONTEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E EXATAS O Coordenador do Curso de Ciências Contábeis Campus VI da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB, no uso de suas atribuições e de acordo com a RESOLUÇÃO/UEPB/CONSUNI/50/2005, de 21 de dezembro de 2005,

Leia mais

D E C R E T A: CAPÍTULO I CURSO DE FORMAÇÃO DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL (GCM) DE TERESINA DO CURSO

D E C R E T A: CAPÍTULO I CURSO DE FORMAÇÃO DA GUARDA CIVIL MUNICIPAL (GCM) DE TERESINA DO CURSO DECRETO Nº 15.681, DE 29 DE JANEIRO DE 2016. Dispõe sobre o Curso de Formação da Guarda Civil Municipal de Teresina, e dá outras providências. O PREFEITO MUNICIPAL DE TERESINA, Estado do Piauí, no uso

Leia mais

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SUMARÉ EDITAL

DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SUMARÉ EDITAL DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO SUMARÉ EDITAL A Dirigente Regional de Ensino da Diretoria de Ensino da Região Sumaré, em atendimento às disposições da Resolução SE 3, de 28-01-2011 e Resolução SE-81, de 4-11-2009,

Leia mais

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/UNESP

EDITAL PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/UNESP EDITAL PARA A SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA PIBID/CAPES/UNESP - 2015 A Faculdade de Engenharia de Guaratinguetá - FEG- UNESP, torna público o processo

Leia mais

MÓDULO PERÍODO NOTURNO QUANTIDADE DE VAGAS. (19h às 21h30min) (19h às 21h30min) (19h às 21h30min) (19h às 21h30min)

MÓDULO PERÍODO NOTURNO QUANTIDADE DE VAGAS. (19h às 21h30min) (19h às 21h30min) (19h às 21h30min) (19h às 21h30min) EDITAL 013/2017 - PROCESSO SIMPLIFICADO PARA INGRESSO NOS CURSOS EXTRACURRICULARES DE ESPANHOL BÁSICO I, INGLÊS BÁSICO I, E (VAGAS REMANESCENTES) ESPANHOL BÁSICO II, (VAGAS REMANESCENTES) INGLÊS BÁSICO

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 02

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 02 PROCESSO SELETIVO ENEM 2017.1 EDITAL Nº 02 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 4 3. Da Avaliação... 4 4. Do Resultado... 4 5. Da Matrícula... 4 6. Do regime escolar e semestralidade... 6 7.

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 01

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 01 PROCESSO SELETIVO ENEM 2017.1 EDITAL Nº 01 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 3 3. Da Avaliação... 4 4. Do Resultado... 4 5. Da Matrícula... 4 6. Do regime escolar e semestralidade... 5 7.

Leia mais

PROCEDIMENTOS PARA DESIGNAÇÃO DE PROFESSOR COORDENADOR

PROCEDIMENTOS PARA DESIGNAÇÃO DE PROFESSOR COORDENADOR GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO - REGIÃO NORTE 1 Rua Faustolo nº 281 Água Branca CEP: 05041-000 São Paulo SP Telefone: 3868-9758 E-mail: dent1crh@educacao.sp.gov.br

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 13

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 13 PROCESSO SELETIVO ENEM 2015.2 EDITAL Nº 13 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 5 3. Da Avaliação... 6 4. Do Resultado... 6 5. Da Matrícula... 7 6. Do regime escolar e semestralidade... 7 7.

Leia mais

Edital DGEP nº 17/2016, de 25 de abril de 2016

Edital DGEP nº 17/2016, de 25 de abril de 2016 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA PARAÍBA DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS PROCESSO SELETIVO DE INSTRUTORES INTERNOS PARA AÇÕES DE CAPACITAÇÃO

Leia mais

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE NOVA MUTUM

GOVERNO DO ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE NOVA MUTUM PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFISSIONAL TÉCNICO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL N. 001/2014 UNEMAT - A, por intermédio do Campus Universitário de Nova Mutum-MT, no uso de

Leia mais

EDITAL N.º 83/2016-CRCA/UNIFESSPA, DE 10 DE OUTUBRO DE 2016 EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIO/BOLSISTA

EDITAL N.º 83/2016-CRCA/UNIFESSPA, DE 10 DE OUTUBRO DE 2016 EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIO/BOLSISTA EDITAL N.º 83/2016-CRCA/UNIFESSPA, DE 10 DE OUTUBRO DE 2016 EDITAL DE SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIO/BOLSISTA 1. CONVOCAÇÃO 1.1 O Centro de Registro e Controle Acadêmico- CRCA da Universidade Federal do Sul e

Leia mais

FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ

FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ FACULDADE DO VALE DO JAGUARIBE COORDENAÇÃO INSTITUCIONAL DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA - PIBID/CAPES/FVJ EDITAL PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS DO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI EDITAL DEF Nº 01/2017 SELEÇÃO DE MONITOR REMUNERADO DO DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA FLORESTAL, DA FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI, CAMPUS JK O

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO DA OUVIDORIA GERAL DA UNIVASF.

PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO DA OUVIDORIA GERAL DA UNIVASF. PROCESSO SELETIVO PARA ESTAGIÁRIO DA DA UNIVASF. EDITAL Nº 01, DE 30 DE MAIO DE 2016. A Ouvidoria Geral da Universidade Federal do Vale do São Francisco, tendo em vista o disposto na Lei nº 11.788/2008,

Leia mais

EDITAL DE CREDENCIAMENTO PARA PROJETO SALA DE LEITURA

EDITAL DE CREDENCIAMENTO PARA PROJETO SALA DE LEITURA SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DIRETORIA DE ENSINO REGIÃO DE CAMPINAS OESTE RUA CÂNDIDO MOTA, 186 SÃO BERNARDO CAMPINAS/SP CEP 13.031-385 FONES: (19) 3772-2768/3772-2786 - E-MAIL: de-campinasoeste@edunet.sp.gov.br

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA 001/2016 DE 07 DE JANEIRO DE 2016

INSTRUÇÃO NORMATIVA 001/2016 DE 07 DE JANEIRO DE 2016 INSTRUÇÃO NORMATIVA 001/2016 DE 07 DE JANEIRO DE 2016 Dispõe sobre os procedimentos para a Certificação de Conclusão do Ensino Médio e da Declaração Parcial de Proficiência com base nos resultados do Exame

Leia mais

Publicação do Edital 09/02/2017 Matrícula (somente presencial) 09/02 a 17/02/2017

Publicação do Edital 09/02/2017 Matrícula (somente presencial) 09/02 a 17/02/2017 EDITAL DE CHAMADA PÚBLICA 005/2017 CONVOCAÇÃO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS REMANESCENTES REFERENTE AO EDITAL Nº 02/2016 CURSO QUALIFICAÇÃO EM AUXILIAR DE ADMINISTRAÇÃO 2017/1 O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO

Leia mais

EDITAL UEFS/TOPA - ETAPA 2010 ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE APOIO ADMINISTRATIVO DO PROGRAMA TODOS PELA ALFABETIZAÇÃO TOPA/UEFS

EDITAL UEFS/TOPA - ETAPA 2010 ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE APOIO ADMINISTRATIVO DO PROGRAMA TODOS PELA ALFABETIZAÇÃO TOPA/UEFS UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA Autorizada pelo Decreto Federal nº 77.496 de 27/04/76 Reconhecida pela Portaria Ministerial nº 874/86 de 19/12/86 Recredenciada pelo Decreto Estadual 9.271 de

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro

PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro PREFEITURA MUNICIPAL DE MARIANA Secretaria Municipal de Educação Rua Bom Jesus, 18A Centro marianaeducamg@outlook.com PORTARIA Nº 01, DE 10 DE JANEIRO DE 2017 Estabelece critérios e define procedimentos

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO COORDENADORIA GERAL DE PESQUISA

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO COORDENADORIA GERAL DE PESQUISA A Iniciação Científica Junior (PIBIC-EM) são atividades que possibilitam o contato direto do aluno de ensino médio com a atividade científica da Universidade, incentivando a formação de novos pesquisadores

Leia mais

EDITAL Nº. 001/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PESSOAL

EDITAL Nº. 001/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PESSOAL EDITAL Nº. 001/2017 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PESSOAL A Prefeita em exercício do Município de Mirassol D Oeste, Estado de Mato Grosso, através da Comissão Organizadora

Leia mais

Das atividades, atribuições e carga horária

Das atividades, atribuições e carga horária Edital de abertura de inscrições para o processo de qualificação de candidatos à função de Coordenador de Área Responsável pelo Núcleo de Gestão Pedagógica e Acadêmica das Escolas Técnicas do Centro Estadual

Leia mais

EDITAL Nº 07-DE, de 01 de Agosto de 2016.

EDITAL Nº 07-DE, de 01 de Agosto de 2016. EDITAL Nº 07-DE, de 01 de Agosto de 2016. EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÕES PARA SOLICITAÇÃO DE TRANSFERÊNCIA INTERNA E EXTERNA PARA OS CURSOS TÉCNICOS SUBSEQUENTES DO IFRS CAMPUS VIAMÃO O do Instituto

Leia mais

O edital obedecerá aos critérios do Regimento Interno da FACPP: CAPÍTULO II (Art Art. 90). Ver documento a seguir:

O edital obedecerá aos critérios do Regimento Interno da FACPP: CAPÍTULO II (Art Art. 90). Ver documento a seguir: O edital obedecerá aos critérios do Regimento Interno da FACPP: CAPÍTULO II (Art. 79 - Art. 90). Ver documento a seguir: 1 FORMAS DE ACESSO AOS CURSOS - DO PROCESSO SELETIVO A MATRÍCULA DE ACORDO COM O

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO EDITAL Nº 08/2017- PROEX Programa de Apoio Institucional de Extensão (PIAEX) Prefeitura Municipal de Aracaju e UFS Projeto: Atuação dos alunos do curso de secretariado executivo nas secretarias das escolas

Leia mais

EDITAL Nº 04/2016 PROGRAMA DE BOLSA DE MONITORIA DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ARTES (PROF-ARTES)

EDITAL Nº 04/2016 PROGRAMA DE BOLSA DE MONITORIA DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ARTES (PROF-ARTES) EDITAL Nº 04/2016 PROGRAMA DE BOLSA DE MONITORIA DO PROGRAMA DE MESTRADO PROFISSIONAL EM ARTES (PROF-ARTES) O Conselho Gestor do Mestrado Profissional em Artes (PROF-ARTES) em Rede Nacional, no exercıćio

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ DIRETORIA GERAL - CÂMPUS MACAPÁ EDITAL INTERNO N 01/2014

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ DIRETORIA GERAL - CÂMPUS MACAPÁ EDITAL INTERNO N 01/2014 EDITAL INTERNO N 01/2014 A Diretora-Geral do Câmpus do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amapá (IFAP), no uso de suas atribuições legais e normativas e com fundamento na lei federal

Leia mais

EDITAL Nº 01/2017 DPE/CELLE PROCESSO SELETIVO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA

EDITAL Nº 01/2017 DPE/CELLE PROCESSO SELETIVO À COMUNIDADE INTERNA E EXTERNA SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO. CAMPUS RECIFE DIREÇÃO DE PESQUISA PÓS-GRADUAÇÃO E EXTENSÃO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS ESTRANGEIRAS EDITAL Nº 01/2017

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARAÍSO - SP

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARAÍSO - SP EDITAL Nº 02/16, DE 13 DE SETEMBRO DE 2.016 A Comissão Especial de Avaliação de Processo Seletivo Simplificado, nomeada pela Resolução nº 01/16 de 12 de setembro de 2.016, no uso de suas atribuições legais,

Leia mais

2.1. O Processo Seletivo de concessão de 20 (vinte) vagas para as Atividades do Projeto Escolinha SESC de Iniciação Esportiva PCG.

2.1. O Processo Seletivo de concessão de 20 (vinte) vagas para as Atividades do Projeto Escolinha SESC de Iniciação Esportiva PCG. EDITAL 001/2016 - PCG/SESC/AL O(a) Diretor(a) do Departamento Regional do Serviço Social do Comércio/SESC Administração Regional no Estado de Alagoas, no uso de suas atribuições, TORNA PÚBLICO o processo

Leia mais

EDITAL Nº 06/2017- DG/EAD/IFRN PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA 1º SEMESTRE DE 2017

EDITAL Nº 06/2017- DG/EAD/IFRN PROCESSO SELETIVO PARA CURSOS DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA 1º SEMESTRE DE 2017 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE PRÓ-REITORIA DE ENSINO COORDENAÇÃO DE ACESSO DISCENTE

Leia mais

EDITAL UnC/PRE 421/2016

EDITAL UnC/PRE 421/2016 EDITAL UnC/PRE 421/2016 Dispõe sobre o Processo Seletivo por Mérito para ingressantes nos cursos de graduação da UnC, modalidade presencial, oferecidos no primeiro semestre letivo de 2017, para Portadores

Leia mais

Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação FACULDADE DE MEDICINA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO DIRETORIA GERAL.

Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação FACULDADE DE MEDICINA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO DIRETORIA GERAL. Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação FACULDADE DE MEDICINA DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO DIRETORIA GERAL Comunicado (Edital G.D.G. 044/2016) Edital para Seleção de Alunos Bolsistas e não

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CAMPUS VI POETA PINTO DO MONTEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E EXATAS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA CAMPUS VI POETA PINTO DO MONTEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS E EXATAS PROCESSO SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR POR PRAZO DETERMINADO O coordenador do Curso de Letras, do Centro de Ciências Humanas e Exatas, da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB, no uso de suas

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS CABO DE SANTO AGOSTINHO COORDENAÇÃO DO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS

Leia mais

EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE EMPREGADOS Nº 004/2013 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS GERAIS

EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE EMPREGADOS Nº 004/2013 EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS GERAIS EDITAL DE CONTRATAÇÃO DE SERVIÇOS GERAIS A Fundação Educativa de Rádio e Televisão Ouro Preto - FEOP, no uso de suas atribuições, com fim de contratar empregado para o Programa de Educação Patrimonial

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO EDITAL Nº 001/2017- PPGGP PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM GESTÃO PÚBLICA TURMA 2017/1 ACORDO DE COOPERAÇÃO Nº /2015 A Coordenação do torna público que estarão abertas

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 1º SEMESTRE/2017

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 1º SEMESTRE/2017 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU 1º SEMESTRE/2017 ABERTURA A IBE-FGV, em parceria com o programa de Pós Graduação GVlaw pós graduação lato sensu FGV DIREITO SP (GVlaw) torna

Leia mais

Ficha de Inscrição para o Processo Seletivo Simplificado para Professor Substituto do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico Área: Informática

Ficha de Inscrição para o Processo Seletivo Simplificado para Professor Substituto do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico Área: Informática Ficha de Inscrição para o Processo Seletivo Simplificado para Professor Substituto do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico Área: Informática EDITAL Nº 004, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2015 Dados Pessoais: Nome

Leia mais

EDITAL Nº 40, DE 09 DE AGOSTO DE 2013.

EDITAL Nº 40, DE 09 DE AGOSTO DE 2013. EDITAL Nº 40, DE 09 DE AGOSTO DE 2013. ABRE PROCESSO PARA INGRESSO DIPLOMADO NOS CURSOS SUPERIORES DE TECNOLOGIA E NOS CURSOS TÉCNICOS NA MODALIDADE SUBSEQUENTE DO CÂMPUS RESTINGA DO IFRS O do Instituto

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA COORDENAÇÃO DE REVISÃO DE NORMAS INSTITUCIONAIS DO GABINETE DA REITORIA CRNI/GR

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA COORDENAÇÃO DE REVISÃO DE NORMAS INSTITUCIONAIS DO GABINETE DA REITORIA CRNI/GR PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA COORDENAÇÃO DE REVISÃO DE NORMAS INSTITUCIONAIS DO GABINETE DA CRNI/GR EDITAL CRNI/GR Nº 01, DE 02 DE FEVEREIRO DE 2017 A Coordenação de Revisão de Normas

Leia mais

PORTARIA E/SUBG/CRH n.º 02, DE 20 DE OUTUBRO DE 2010.

PORTARIA E/SUBG/CRH n.º 02, DE 20 DE OUTUBRO DE 2010. PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO Secretaria Municipal de Educação Subsecretaria de Gestão Coordenadoria de Recursos Humanos PORTARIA E/SUBG/CRH n.º 02, DE 20 DE OUTUBRO DE 2010. Estabelece normas

Leia mais

CHAMADA INTERNA SIMPLIFICADA PARA CONTRATAÇÃO DE BOLSISTA - REDE ETEC BRASIL EDITAL 21/2017

CHAMADA INTERNA SIMPLIFICADA PARA CONTRATAÇÃO DE BOLSISTA - REDE ETEC BRASIL EDITAL 21/2017 CHAMADA INTERNA SIMPLIFICADA PARA CONTRATAÇÃO DE BOLSISTA - REDE ETEC BRASIL EDITAL 21/2017 A presente chamada interna visa contratar bolsista para atuar nos cursos técnicos, na modalidade educação a distância,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS NÍVEL SUPERIOR REALIZAÇÃO: SECRETARIA GERAL DE RECURSOS HUMANOS U F S C a r 2 EDITAL Nº 002/08 O Reitor da Universidade Federal de São Carlos,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 02

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 02 PROCESSO SELETIVO ENEM 2015.1 EDITAL Nº 02 SUMÁRIO 1. Da validade... 3 2. Das Inscrições... 4 3. Do Calendário... 4 4. Da Avaliação... 4 5. Da matrícula... 5 6. Do regime escolar e semestralidade... 6

Leia mais

EDITAL Nº 01, DE 07 DE MARÇO DE 2016

EDITAL Nº 01, DE 07 DE MARÇO DE 2016 EDITAL Nº 01, DE 07 DE MARÇO DE 2016 A DIRETORIA DE GESTÂO DE PESSOAS DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO AMAPÁ, no uso de suas atribuições, considerando a Lei 11.788/2008, publicada

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 02

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 02 PROCESSO SELETIVO ENEM 2011.2 EDITAL Nº 02 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 5 3. Período de Inscrição e Horário... 5 4. Da Avaliação... 6 5. Da Matrícula... 6 6. Do regime escolar e semestralidade...

Leia mais

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão

Associação Paranaense de Cultura Centro de Educação Profissional Irmão Mário Cristóvão 1 EDITAL N.º 07/2015 Dispõe sobre o Processo de Matrícula para o Curso de Extensão: Instrumentação Cirúrgica. O - TECPUC, mantido pela Associação Paranaense de Cultura, torna pública a abertura do processo

Leia mais

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO-SECAD

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO-SECAD PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA ESTAGIÁRIO DA SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO-SECAD EDITAL SECAD Nº 01, DE 11 DE MAIO DE 2016 A Secretaria de Administração da UNIVASF torna Público que estará oferecendo,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO EDITAL Nº 001/2013- PPGGP PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO PROFISSIONAL EM GESTÃO PÚBLICA TURMA 2013 A Coordenação do torna público que estarão abertas as inscrições ao Processo Seletivo

Leia mais

EDITAL UNISUL Nº 140/2006

EDITAL UNISUL Nº 140/2006 EDITAL UNISUL Nº 140/2006 Edital de oferta de vagas para os Cursos de Pós-Graduação (lato sensu) de Gestão Governamental e Responsabilidade Fiscal, Metodologia da Educação a Distância, Prática Docente:

Leia mais

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 28 DE AGOSTO DE 2013 INGRESSSO POR APROVEITAMENTO DO RESULTADO DO ENEM

UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 28 DE AGOSTO DE 2013 INGRESSSO POR APROVEITAMENTO DO RESULTADO DO ENEM UNIABEU CENTRO UNIVERSITÁRIO EDITAL DE 28 DE AGOSTO DE 2013 INGRESSSO POR APROVEITAMENTO DO RESULTADO DO ENEM O Reitor do UNIABEU Centro Universitário, no uso de suas atribuições estatutárias e regimentais,

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE ENSINO EDITAL Nº 234/2016- PROEN CHAMADA INTERNA PARA FORMAÇÃO DE BANCO PROFESSORES BOLSISTAS DA CAPES PARFOR

PRÓ-REITORIA DE ENSINO EDITAL Nº 234/2016- PROEN CHAMADA INTERNA PARA FORMAÇÃO DE BANCO PROFESSORES BOLSISTAS DA CAPES PARFOR CHAMADA INTERNA PARA FORMAÇÃO DE BANCO PROFESSORES BOLSISTAS DA CAPES PARFOR A Universidade Federal do Maranhão (UFMA), por intermédio da Pró-Reitoria de Ensino (PROEN) e da Assessoria de Interiorização

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO LOCAL B EDITAL Nº 02

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO LOCAL B EDITAL Nº 02 ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO LOCAL - 2016.1B EDITAL Nº 02 SUMÁRIO 1. Da validade 3 2. Das inscrições 3 3. Das entrevistas, avaliação de currículo e de histórico escolar 3 4. Da classificação

Leia mais

2.2. O número total de vagas será de 35 (trinta e cinco) vagas, assim distribuídas: Curso Turno Número de Vagas Horário das Aulas

2.2. O número total de vagas será de 35 (trinta e cinco) vagas, assim distribuídas: Curso Turno Número de Vagas Horário das Aulas EDITAL Nº 010/2015/ALF/DG/IFMT PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO DE CANDIDATOS ÀS VAGAS DO CURSO DE FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE CUIDADOR INFANTIL, OFERTADO PELO IFMT. O DIRETOR GERAL PRÓ-TEMPORE DO INSTITUTO

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 26

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 26 PROCESSO SELETIVO ENEM 2016.2 EDITAL Nº 26 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 4 3. Da Avaliação... 5 4 Do Resultado... 5 5 Da Matrícula... 5 6 Do regime escolar e semestralidade... 6 7 Das

Leia mais

EDITAL PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE NÍVEL SUPERIOR

EDITAL PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE NÍVEL SUPERIOR EDITAL PROCESSO SIMPLIFICADO DE SELEÇÃO DE ESTAGIÁRIO DE NÍVEL SUPERIOR A Pró-Reitoria de Desenvolvimento Institucional e Infraestrutura PRODIN, do Instituto Federal da Bahia - IFBA, em atendimento ao

Leia mais

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO MUNICIPAL ABELARDO LUZ TERRITÓRIO DA CIDADANIA MEIO OESTE CONTESTADO

ESTADO DE SANTA CATARINA GOVERNO MUNICIPAL ABELARDO LUZ TERRITÓRIO DA CIDADANIA MEIO OESTE CONTESTADO EDITAL CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2017 A Secretaria Municipal de Educação, através do responsável pela sua gestão, Sr. Pedrinho Oliveira Nunes, no uso das suas atribuições e, considerando a necessidade

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO A EDITAL Nº 01. Teresina, 2013

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO A EDITAL Nº 01. Teresina, 2013 EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA OS CURSOS DE PÓS-GRADUAÇÃO 2014.1A EDITAL Nº 01 Teresina, 2013 Edital nº 1 - Admissão de alunos para os cursos de Pós-Graduação A FACID DeVry, estabelecimento de ensino

Leia mais

COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA EDITAL- PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA DE DOCENTES

COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA EDITAL- PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA DE DOCENTES COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA EDITAL- PROCESSO DE SELEÇÃO EXTERNA DE DOCENTES Por determinação do Diretor Geral da FEAD, a Coordenação Pedagógica torna público aos interessados que encontram-se abertas as inscrições

Leia mais

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA

Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA Universidade Federal do Oeste do Pará PROGRAMA DE MONITORIA ACADÊMICA 1. Quais são os requisitos para obtenção de bolsa monitoria? a) o discente deve estar regularmente matriculado no período letivo em

Leia mais

EDITAL Nº 05/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS DO CURSO DE ESPANHOL COMUNICATIVO

EDITAL Nº 05/2017 PROCESSO SELETIVO DESTINADO À COMPLEMENTAÇÃO DE VAGAS DO CURSO DE ESPANHOL COMUNICATIVO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE PERNAMBUCO DIREÇÃO GERAL DO CAMPUS CABO DE SANTO AGOSTINHO COORDENAÇÃO DO CENTRO DE LIBRAS E LÍNGUAS

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO 01/2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO 008/2016

CONCURSO PÚBLICO 01/2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO 008/2016 CONCURSO PÚBLICO 01/2015 EDITAL DE CONVOCAÇÃO 008/2016 O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE CASTRO ALVES, ESTADO DA BAHIA, no uso de suas atribuições, e tendo em vista o disposto no art. 37 da Constituição Federal,

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LOURENÇO - MG CONCURSO PÚBLICO EDITAL N o 01/2016. Retificação nº 04 ao Edital nº 01/2016

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LOURENÇO - MG CONCURSO PÚBLICO EDITAL N o 01/2016. Retificação nº 04 ao Edital nº 01/2016 Retificação nº 04 ao Edital nº 01/2016 O Prefeito Municipal de São Lourenço, Estado de Minas Gerais, no uso de suas atribuições legais, conferidas pela Constituição da República e pela Lei Orgânica do

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE VINHEDO Estado de São Paulo EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 14 /2014

PREFEITURA MUNICIPAL DE VINHEDO Estado de São Paulo EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 14 /2014 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 14 /2014 A Prefeitura do Município de Vinhedo,, por intermédio da Secretaria Municipal de Educação, torna público que realizará PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 06

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 06 PROCESSO SELETIVO ENEM 2015.1 EDITAL Nº 06 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 4 3. Do Calendário... 4 4. Da Avaliação... 5 5. Da Matrícula... 5 6. Das Disposições Finais... 6 Edital nº 06

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA DE PLANEJAMENTO, GESTÃO E DESENVOLVIMENTO HUMANO ESCOLA DE GESTÃO PÚBLICA

PREFEITURA MUNICIPAL DE PALMAS SECRETARIA DE PLANEJAMENTO, GESTÃO E DESENVOLVIMENTO HUMANO ESCOLA DE GESTÃO PÚBLICA EDITAL DE SELEÇÃO DE SERVIDORES PARA A QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL - VIGILANTE SEGURO E MAIS ATUANTE - EDITAL EGP Nº 016/2016 A Secretaria Municipal de Planejamento, Gestão e Desenvolvimento Humano, por

Leia mais

CIUENP - CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DO NOROESTE DO PARANÁ

CIUENP - CONSÓRCIO INTERMUNICIPAL DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DO NOROESTE DO PARANÁ EDITAL N.º 020/2016 (vinculado ao Edital nº 001/2015, de 25.11.2015, de que faz referência) O Presidente do Consórcio Intermunicipal de Urgência e Emergência do Noroeste do Paraná CIUENP SAMU 192 Noroeste

Leia mais

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015.

Fatec Ipiranga EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015. EDITAL DE TRANSFERÊNCIA EXTERNA - FATEC IPIRANGA N.º 06/ 2015 DE 09 DE NOVEMBRO DE 2015. O Diretor da Faculdade de Tecnologia do Ipiranga FATEC IPIRANGA, no uso de suas atribuições legais, faz saber que

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM

PROCESSO SELETIVO ENEM PROCESSO SELETIVO ENEM 2017.1 EDITAL Nº 02 SUMÁRIO 1. Da Validade... 3 2. Das Inscrições... 4 3. Da Avaliação... 4 4. Do Resultado... 4 5. Da Matrícula... 5 6. Do regime escolar e semestralidade... 6 7.

Leia mais

Valor do curso RS ,00 à vista ou 12 parcelas de R$ 2.500,00 com vencimento todo dia 05 ou 20 de cada mês.

Valor do curso RS ,00 à vista ou 12 parcelas de R$ 2.500,00 com vencimento todo dia 05 ou 20 de cada mês. Edital de Seleção ESPECIALIZAÇÃO EM MEDICINA INTENSIVA PARA ADULTOS Ano letivo 2017. O Diretor de Ensino e Pesquisa do Instituto Sírio-Libanês de Ensino e Pesquisa IEP/HSL, no uso de suas atribuições,

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA nº 02/ 2014.

INSTRUÇÃO NORMATIVA nº 02/ 2014. INSTRUÇÃO NORMATIVA nº 02/ 2014. Dispõe sobre a Folha Ponto dos servidores lotados na Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte. O SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DE BALSA NOVA, do Estado

Leia mais

EDITAL Nº 003/ PROEX

EDITAL Nº 003/ PROEX EDITAL Nº 003/2015 - PROEX 1. DAS DISPOSIÇÕES INICIAIS DIVULGA O PROCESSO SELETIVO PARA O PROGRAMA DE FORMAÇÃO EM IDIOMA ESTRANGEIRO NA MODALIDADE CURSO DE ITALIANO NÍVEL INTERMEDIÁRIO 1.1 A Universidade

Leia mais

EDITAL N 021/2016/IFTO/CAMPUS PALMAS, DE 14 DE JUNHO DE 2016.

EDITAL N 021/2016/IFTO/CAMPUS PALMAS, DE 14 DE JUNHO DE 2016. EDITAL N 02/206/IFTO/, DE 4 DE JUNHO DE 206. PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE MONITORES PARA O ENSINO MÉDIO INTEGRADO, PROEJA E TÉCNICO SUBSEQUENTE VAGAS OCISOSAS O DIRETOR GERAL DO INSTITUTO FEDERAL

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA 14/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROVIMENTO POR TEMPO DETERMINADO

EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA 14/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROVIMENTO POR TEMPO DETERMINADO EDITAL DE SELEÇÃO PÚBLICA 14/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA PROVIMENTO POR TEMPO DETERMINADO A Prefeitura Municipal Teófilo Otoni por meio da, com fundamento no art. 37, inciso IX, da Constituição

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSSO SELETIVO Nº 01/2013

EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSSO SELETIVO Nº 01/2013 EDITAL DE ABERTURA DO PROCESSSO SELETIVO Nº 01/2013 A PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALÃO ESTADO DO PARANÁ, no uso de suas atribuições legais, conforme o Artigo 37, Inciso IX da Constituição Federal, em caráter

Leia mais

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 04

PROCESSO SELETIVO ENEM EDITAL Nº 04 PROCESSO SELETIVO ENEM 2015.1 EDITAL Nº 04 SUMÁRIO 1 Da Validade... 3 2 Das Inscrições... 3 3 Do calendário... 4 4 Da Avaliação... 4 5 Da matrícula... 4 6 Do regime escolar e semestralidade... 5 7 Das

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PRÓ-REITORIA DE ENSINO DE GRADUAÇÃO PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PARANÁ UNESPAR PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - PIBID EDITAL 002/2015 PIBID/UNESPAR ABERTURA DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES DE CURSOS DE GRADUAÇÃO DO CAMPUS

Leia mais

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UFSC N O 01/2016

EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF- UFSC N O 01/2016 Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC Centro de Ciências Físicas e Matemáticas - CFM Departamento de Física Programa de Pós-Graduação em Ensino de Física - Polo 39 - UFSC - Florianópolis EDITAL

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL COMISSÃO PERMANENTE DO PROCESSO SELETIVO CPPS PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 07/2017 CPPS

CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL COMISSÃO PERMANENTE DO PROCESSO SELETIVO CPPS PROCESSO SELETIVO EDITAL Nº 07/2017 CPPS CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL COMISSÃO PERMANENTE DO PROCESSO SELETIVO CPPS PROCESSO SELETIVO 2017.1 EDITAL Nº 07/2017 CPPS O CENTRO UNIVERSITÁRIO AUTÔNOMO DO BRASIL - UNIBRASIL, por sua Comissão

Leia mais

CURSO DE EXTENSÃO TECNOLOGIAS EMERGENTES A SERVIÇO DA APRENDIZAGEM Edital Nº 01/2017

CURSO DE EXTENSÃO TECNOLOGIAS EMERGENTES A SERVIÇO DA APRENDIZAGEM Edital Nº 01/2017 Tecnologias Emergentes - 1 CURSO DE EXTENSÃO TECNOLOGIAS EMERGENTES A SERVIÇO DA APRENDIZAGEM Edital Nº 01/2017 A coordenadora do Projeto de Extensão TECNOLOGIAS EMERGENTES A SEVIÇO DA APRENDIZAGEM, aprovado

Leia mais

PROCESSO LICITATÓRIO N /2012 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2012

PROCESSO LICITATÓRIO N /2012 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2012 PROCESSO LICITATÓRIO N 120.362/2012 EDITAL DE CHAMAMENTO PÚBLICO Nº 001/2012 O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Santa Catarina CREA/SC, entidade fiscalizadora do exercício profissional dotada

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI

UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI SELEÇÃO DE MONITOR VOLUNTÁRIO DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA FACULDADE DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE - FCBS UNIVERSIDADE FEDERAL DOS VALES DO JEQUITINHONHA E MUCURI CAMPUS JK. O Departamento de Educação

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2014

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2014 INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 01, DE 27 DE FEVEREIRO DE 2014 Dispõe sobre os procedimentos de emissão e homologação da Certidão de Tempo de Contribuição CTC. O DIRETOR-PRESIDENTE DO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA DOS

Leia mais

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO A EDITAL Nº 19.2A

ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO A EDITAL Nº 19.2A ADMISSÃO PARA OS CURSOS DE PÓS- GRADUAÇÃO 2016.2A EDITAL Nº 19.2A SUMÁRIO 1. Da validade 3 2. Das inscrições 3 3. Das entrevistas, avaliação de currículo e de histórico escolar 3 4. Da classificação 3

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO 06 UEFS

PROCESSO SELETIVO DE INGRESSO NO CURSO DE MESTRADO NACIONAL PROFISSIONAL EM ENSINO DE FÍSICA POLO 06 UEFS Universidade Estadual de Feira de Santana Departamento de Física Área de Ensino de Física Programa de Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física Polo 06 SBF/CAPES EDITAL COMPLEMENTAR MNPEF-UEFS

Leia mais

PROCESSO DE SELEÇÃO DE VAGAS PARA DOCENTES PARA O 2º SEMESTRE DE 2016 DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE

PROCESSO DE SELEÇÃO DE VAGAS PARA DOCENTES PARA O 2º SEMESTRE DE 2016 DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE EDITAL N º 02/2016 PROCESSO DE SELEÇÃO DE VAGAS PARA DOCENTES PARA O 2º SEMESTRE DE 2016 DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS UNIDADE BELO HORIZONTE DA FACULDADE DE TECNOLOGIA SENAC MINAS. De ordem do

Leia mais