Computação em nuvem: Conceitos e Perspectivas

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Computação em nuvem: Conceitos e Perspectivas"

Transcrição

1 IETEC INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PÓS-GRADUAÇÃO GESTÃO E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Computação em nuvem: Conceitos e Perspectivas Augusto Carvalho dos Santos Bruno Gil Pedrosa Henrique Santos Higor Gonçalves Godinho Leandro Silva Rafael do Carmo Schettino Rodrigo Carvalho dos Santos Sérgio Henrique Amaral Mendes Belo Horizonte, 25 de agosto de 2010

2 AUTORIZAÇÃO DE PUBLICAÇÃO AUTORIZAMOS A PUBLICAÇÃO DE NOSSO TRABALHO NA INTERNET, JORNAIS E REVISTAS TÉCNICAS DO IETEC. TRABALHO. NÃO AUTORIZAMOS A PUBLICAÇÃO OU DIVULGAÇÃO DO NOSSO BELO HORIZONTE, / / CURSO: Gestão e Tecnologia da Informação SEMESTRE/ANO: 1º / 2010 TURMA: 14 TÍTULO DO TRABALHO: Computação em Nuvem: Conceitos e Perspectivas NOME DOS PARTICIPANTES (LEGÍVEL) ASSINATURA

3 1 SUMÁRIO 1 - RESUMO INTRODUÇÃO REFERENCIAL TEÓRICO O QUE É COMPUTAÇÃO EM NUVEM? PREPARANDO O AMBIENTE PARA COMPUTAÇÃO EM NUVEM MIGRANDO PARA UM AMBIENTE DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM COMPUTAÇÃO EM NUVEM NO AMBIENTE CORPORATIVO TIPOS DE OFERTA DE SERVIÇO EM COMPUTAÇÃO EM NUVEM ALGUNS EXEMPLOS DE APLICAÇÕES EM NUVEM SEGURANÇA PERSPECTIVAS FUTURAS DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM COMPUTAÇÃO EM NUVEM NO BRASIL CONCLUSÃO GLOSSÁRIO REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA... 30

4 2 1 - RESUMO Esse trabalho tem por objetivo conceituar o termo Computação em Nuvem, que cada vez mais atrai a atenção dos gestores e profissionais de TI com a premissa de ser um novo paradigma que irá mudar a forma como os serviços serão estruturados e oferecidos. Serão abordados temas relacionados ao ambiente corporativo, visando analisar de uma forma macro se as expectativas com esta nova tecnologia irão suprir as necessidades de negócios das organizações. Analisaremos se as empresas estão preparadas para adotar e migrar para a computação em nuvem, além de abordarmos sobre os pontos essenciais em relação à segurança, que é um dos mais relevantes entraves na implantação dos serviços em nuvem. Destacaremos também os principais serviços e aplicativos que existem atualmente e as perspectivas futuras no mundo e no Brasil. Palavras-chave: Computação em Nuvem, Cloud Computing, Segurança nas Nuvens.

5 3 2 - INTRODUÇÃO Em uma economia globalizada e com constantes entradas de novas tecnologias, as empresas se deparam frequentemente com o seguinte dilema: quando migrar para uma tecnologia ainda emergente? Por toda parte vemos mudanças tecnológicas: o crescimento do comércio eletrônico, as operações bancárias pela internet e a transformação de algumas indústrias, como a fonográfica, em negócios voltados para a internet. Como analisar uma tecnologia emergente e os impactos que ela terá nos negócios? Como comprar este idéia sem termos certeza sobre sua real aplicabilidade e benefícios que ela trará? O uso de uma nova tecnologia deve estar alinhado com os objetivos estratégicos da empresa. O desafio para a correta tomada de decisões é descobrir como essa tecnologia será inserida no contexto dos negócios e quais vantagens competitivas ela trará. Existem muitos riscos a serem avaliados: riscos de mercado, riscos de viabilidade técnica e os próprios riscos organizacionais. Muitos CIOs já analisam o uso da computação em nuvem, apesar de ainda tomarem poucas decisões. Muitos receios ainda existem e podemos citar alguns: A nuvem é estável? Existe a possibilidade de acordos de níveis de serviço com provedores de nuvens? Os provedores são bem conceituados no mercado ou são empresas pouco conhecidas e de pouca tradição em TI? Os provedores têm um plano sólido e sustentável para o negócio de computação em nuvem? O provedor vai continuar no mercado? A computação em nuvem já é um conceito maduro?

6 4 Como fica a segurança das aplicações em nuvem? Existem aplicações prontas para a nuvem que atenderão meu negócio? A nuvem vai oferecer disponibilidade adequada ao meu negócio? Meu negócio vai ficar amarrado a um provedor ou software específico? Disponibilizar os dados do meu negócio na nuvem é legalmente válido e aceito? Pretendemos discutir isso neste trabalho para fundamentar conceitos sobre esta tecnologia e chegarmos a uma conclusão sobre a viabilidade de utilização a nuvem no momento de transição no qual nos encontramos.

7 5 3 - REFERENCIAL TEÓRICO O QUE É COMPUTAÇÃO EM NUVEM? A Computação em Nuvem - ou Cloud Computing - pode ser definida como um conjunto de recursos como capacidade de processamento, armazenamento, conectividade, plataformas, aplicações e serviços disponibilizados na Internet. (TAURION, 2009, p. 2). De acordo com Moreira (2008), Cloud Computing pode ser definido como um modelo no qual a computação (processamento, armazenamento e softwares) está em algum lugar da rede e é acessada remotamente, via internet..

8 PREPARANDO O AMBIENTE PARA COMPUTAÇÃO EM NUVEM Taurion (2009, p. 58) dispõe sobre o contexto no qual está inserido a computação em nuvem: No caso da computação em nuvem, a sustentação tecnológica pode ser analisada pelas tecnologias básicas que a impulsionam. Claramente a disposição de comunicações por banda larga e a diminuição dos custos de computação a tornam bastante atrativa para explorar seu potencial. Uma variável importante para analisarmos o potencial de uma tecnologia emergente é analisando o ecossistema de negócios no qual ela se encontra. Segundo Taurion (2009, p. 59): Ecossistema de negócios é como uma empresa colabora com a outra para chegar a determinado fim, por exemplo, quando empresas colaboram umas com as outras para trazer eletricidade às casas, escritórios e fábricas. O mesmo acontece no ramo da tecnologia da informação. Seja com qualquer Hardware ou software existem várias empresas atuando para fazer com que esse produto chegue a empresas e usuários. De acordo com Taurion (2009, p. 59) é necessário que todos os elos de um ecossistema estejam saudáveis em termos de negócios, ou seja, sendo rentáveis. A boa saúde do ecossistema depende da boa saúde de todos os elos envolvidos e existem formas (indicadores) para avaliar isso: O principal é a capacidade de o ecossistema gerar receita para todas as partes, fazendo com que a tecnologia evolua. A solidez do ecossistema é um fator importante. Quanto mais estabelecida a tecnologia dificilmente ela será substituída. Na maioria dos casos um ecossistema tem organizações pilares que provêm as bases e sustentações tecnológicas e comerciais. No caso da computação em nuvem, Taurion (2009, p. 60) acredita que:

9 7 [...] o ecossistema é constituído por empresas que fornecem tecnologias básicas de hardware e software, middleware (camada de software que cria a nuvem), serviços de educação, implementação e integração, aplicações e consultorias e um mercado receptivo a esse conceito. Um fator exponencial para o crescimento do mercado de computação em nuvem é o visível aumento no uso de tecnologias de computação social, tais como blogs e sites de compartilhamento de fotos e vídeos. Para acessar estes serviços não são mais necessários poderosos desktops, pois cada vez mais o acesso pode ser feito também através de smartphones e netbooks. Com essa gama de dispositivos na mão dos usuários, está se tornando comum a busca pelo acesso instantâneo e remoto a informações e arquivos, o que impulsiona, de certa forma, o uso de tecnologia em nuvem. Esta demanda proporciona também a queda dos custos da tecnologia, em função do ganho em escala. Já existem alguns ecossistemas de computação em nuvem, organizados em torno de empresas pilares como IBM, HP, Sun, Google, Amazon e outras. (TAURION, 2009, p. 61) As empresas podem adotar ações entre as seguintes estratégias extremas para adoção de tecnologias emergentes, como Computação em Nuvem (TAURION, 2009, p. 63): Observar e aguardar: Ação sugerida quando a empresa prefere esperar que a tecnologia amadureça. Essa estratégia não deve tomar tempo demais pois a empresa pode estar perdendo oportunidade competitiva com uso estratégico da tecnologia. Acreditar e liderar: Quando a oportunidade é muito promissora e a empresa pode começar a explorá-la de maneira pioneira. Segundo Taurion (2009, p. 63), muitos CIOs já analisam o uso da computação em nuvem apesar de ainda tomarem poucas decisões. Muitos receios ainda existem e podemos citar alguns: A estabilidade da nuvem ainda é questionável. [...] à medida que o mercado amadureça, os provedores vão sofisticar cada vez mais sua oferta de serviços e as questões de estabilidade, desempenho e disponibilidade passarão a ser mais exigidas. (TAURION, 2009, p.63).

10 8 Os provedores são bem conceituados no mercado ou são empresas pouco conhecidas e de pouca tradição em TI? Os provedores têm um plano sólido e sustentável para o negócio de computação em nuvem? Importante analisar o que pode acontecer com suas aplicações se o provedor sair do mercado Computação em Nuvem ainda não é um conceito maduro. Ainda são poucos os casos de sucesso e os CIOs tendem a ser bastante conservadores e se afastam de experimentações. (TAURION, 2009, p. 64). A proteção dos dados na nuvem é adequada? Entretanto, muitas vezes os procedimentos de segurança do provedor são mais adequados que os de muitas empresas de pequeno a médio porte (TAURION, 2009, p. 64). Pouca oferta de aplicações. De acordo com Taurion (2009, p. 64), a maioria dos aplicativos ainda não está preparada para rodar em nuvens. Disponibilidade adequada ao meu negócio? Vale ressaltar que, de acordo com Taurion (2009, p. 64), muitos data centers de empresas apresentam problemas de indisponibilidade e muitas nuvens apresentam altos níveis de disponibilidade. A falta de integração entre aplicativos pode ser um problema na computação em nuvem devido ao uso de softwares proprietários. Com o tempo esse problema tende a acabar devido a necessidade de integração. É importante observar a legalidade do armazenamento de informações nas nuvens. Conforme Taurion (2009, p. 64), determinadas leis exigem que a empresa mantenha dados dentro de casa ou mesmo dentro do próprio país. Neste caso deve-se verificar os data centers do provedor e verificar a localidade dos mesmos. Taurion (2009, p. 65) afirma que: Como a computação em nuvem esta em um início de sua evolução o cenário futuro deverá ser diferente e os CIOs devem ter como preocupação é a sustentabilidade do negócio dos seus provedores de serviço.

11 9 Na maior parte das vezes mercados novos fazem com que inúmeras pequenas empresas sejam criadas e nem todas consigam sobreviver, como aconteceu com várias ponto-com no início da internet. Cuidados devem ser tomados na implantação da computação em nuvem, deve ser feita de forma gradual e não no estilo big-bang. Pode-se começar com alguns serviços e ao longo do tempo aumentando sua abrangência na operação de TI da corporação. Segundo Taurion (2009, p.66), adotar internamente o conceito de nuvem implica em um plano de ação que deve contemplar profundas analises referentes a sua infraestrutura, efetuando, como primeiro passo, um due diligence, para entender as potencialidades e restrições do ambiente tecnológico atual do data Center. As colocar servidores em nuvem, os níveis de serviço atuais serão mantidos, melhorados ou piorados? Qual relação de custo x benefício? A infraestrutura tem capacidade tal que permita ao Data Center operar em nuvem de forma eficaz com custo menor que o modelo anterior? Que serviços poderão ser ofertados em nuvem? Quais as restrições de banda do Data Center atual? Que tecnologias deverão ser adquiridas?

12 MIGRANDO PARA UM AMBIENTE DE COMPUTAÇÃO EM NUVEM Os principais fornecedores de computação em nuvem são Microsoft, Salesforce, Skytap, HP, IBM, Amazon e Google, onde seus clientes para ter acesso a serviços completos precisam pagar pelos recursos que utilizam. Porem para se confiar nos serviços é necessário visualizar a nuvem profundamente, e isso é algo que nem todos os fornecedores permitem, pois alguns adotam em seu modelo de negocio o sigilo sobre parte dos requisitos como arquitetura, políticas, estrutura virtual, entre outros, destaca Ritcher. (apud GREENE, 2010) Outro fato importante a ser considerado na seleção do fornecedor é como é feito o gerenciamento de acesso aos dados, o que impede que os usuários não autorizados de acessem informações importantes ao negócio da sua empresa? Este requisito tem que ser bem avaliado e garantido, pois com certeza ele será alvo de auditorias dentro da empresa. Uma forma de garantir e minimizar o impacto deste requisito é a contratação de um modelo de nuvem privada, pois permite um maior nível de controle sobre os dados, aplicações e infraestrutura, afirma Ritcher. (apud GREENE, 2010) Porem segundo Ritcher, a equipe de TI não pode abrir mão da responsabilidade de proteger os dados, devendo manter dentro da empresa o controle sobre os ambientes de forma a ajudar as empresas a evitar qualquer surpresa, portanto na escolha do fornecedor é indicado que se avalie oito passos para a migração para o modelo de computação em nuvem (apud GREENE, 2010): 1º Avalie profundamente cada aplicação. As aplicações que serão migradas para a nuvem devem ser analisadas profundamente para assegurar que não haverá falhas de segurança, uma vez que elas estarão mais expostas a ataques, deve se também verificar se as aplicações estão em conformidade com o ambiente da nuvem, assegurando que são suportadas pelos serviços contratados. Em muitos casos são necessário alterações nestas aplicações para se adequar ao ambiente de nuvem. "Algumas delas estão enraizadas no sistema da corporação e a nuvem nunca atingirá o grau necessário de conformidade e segurança", destaca Richter (apud GREENE, 2010).

13 11 2º Classifique os dados e determine tudo o que é dado e processo sensível. Deve ser feito um levantamento dos dados e dos processos que serão migrados para a nuvem, identificando assim os processos mais críticos e as informações relevantes e sigilosas, para determinar o tipo de nuvem que será contratada. Desta forma o cliente assegura que os processos não serão interrompidos e as informações estão disponíveis para os usuários corretos. 3º Determine o tipo de nuvem que melhor se enquadra na corporação. Após a análise das aplicações, dados e processos, é possível determinar o consumo e a utilização que será necessário contratar de um provedor de computação em nuvem, e assim determinar o tipo de nuvem para o melhor aproveitamento da empresa. Os tipos podem variar de software como serviço, plataforma como serviço ou infraestrutura como serviço de acordo com a necessidade da corporação. 4º Escolha o modelo de implantação, que pode ser um dos seguintes: Para os tipos de nuvem que foram contratados é necessário escolher o modelo de implantação que determina o grau de segurança, gerenciamento, terceirização e compartilhamento das informações com outros clientes do provedor. O modelo de implantação pode ser em nuvem privada, nuvem auto-gerenciada, gerenciada, nuvem pública terceirizada, nuvem pública corporativa ou nuvem híbrida. Segundo Mell & Grance, os modelos mais comuns podem ser conceituados como: Modelo de implantação Privado - A infra-estrutura de nuvem é operada exclusivamente pela organização. Pode ser geridos pela organização ou por terceiro e seu acesso pode ser local ou remoto (MELL et al., 2009). Modelo de implantação Público - A infra-estrutura de nuvem é disponibilizada ao público em geral ou de um grupo grande indústria que é disponibilizada por um provedor de serviços em nuvem (MELL et al., 2009).

14 12 Modelo de implantação Comunidade - A infra-estrutura de nuvem é compartilhada por diversas organizações e suporta o compartilhamento de uma determinada comunidade conforme os interesses (por exemplo, a missão, os requisitos de segurança, política e considerações de compliance). Pode ser geridos pela organização ou por terceiro e seu acesso pode ser local ou remoto (MELL et al., 2009). Modelo de implantação Híbrido - A infra-estrutura de nuvem é uma composição de duas ou mais nuvens (privado, comunidade ou público) que permanecem em uma entidades únicas, mas estão unidos pela tecnologia padronizada ou proprietária que permite a portabilidade de dados e aplicativo. (MELL et al., 2009). 5º Especifique uma arquitetura para a plataforma. É necessário especificar os requisitos de arquitetura como armazenamento, backup, roteamento de rede, virtualização e hardware dedicado, para garantir que a plataforma para onde as aplicações serão migradas esteja de acordo com os requisitos da aplicação e da quantidade de informação e processamento que será disponibilizada no ambiente de nuvem. 6º Especifique cuidadosamente todos os serviços de segurança. Na contratação de serviço de infraestrutura e software, os requisitos de segurança devem estar bem analisados e descritos com relação à utilização firewalls, detecção de intrusos, gerenciamento de identidade, prevenção a perda de dados, criptografia, buscas por vulnerabilidade, entre outros, garantindo assim a segurança necessária para as informações relevantes e sigilosas da empresa. 7º Confira cuidadosamente todas as políticas do fornecedor de computação em nuvem para verificar se tudo está enquadrado nos requerimentos da empresa. As políticas do provedor de computação em nuvem devem ser analisadas profundamente para avaliar se está de acordo com os requisitos da empresa com relação à segurança da informação, gerenciamento, configurações e upgrade de todo o ambiente que será migrada para a nuvem, evitando assim qualquer surpresa futura. "Esse fator varia absurdamente em diferentes fornecedores", afirma Richter.

15 13 8º Analise bem o provedor de serviço. O provedor deve ser cuidadosamente avaliado levando em conta aspectos geográficos e de segurança, para garantir a capacidade para atender um crescimento futuro do negocio, permitindo que seus usuários possam atribuir recursos de forma autônoma, e com monitoramento do tráfego, evitando os ataques de negação de serviço. É fundamental avaliar também se os acordos de nível de serviços (SLAs) estão de conforme os requisitos suportados pela empresa e se o provedor tem capacidade financeira para futuros investimentos e multas contratuais.

16 COMPUTAÇÃO EM NUVEM NO AMBIENTE CORPORATIVO De acordo com Taurion (2010, p. 91), o ambiente corporativo demanda uma série de exigências que são diferentes das necessárias ao mundo dos usuários domésticos. O primeiro passo para uma empresa optar pela computação em nuvem é determinar se, de fato, trará algum benefício. Existem várias razões para as empresas optarem pela nuvem, principalmente o fato de poder simplificar suas operações. Em nível de comparação, podemos dizer que este é um argumento parecido ao que leva uma empresa e decidir pela contratação de outsource. Computação em Nuvem se refere essencialmente à idéia de utilização, independente da plataforma ou lugar, de variadas aplicações por meio da internet com a mesma facilidade de tê-las instaladas em nossos próprios computadores (Alecrim, 2008). Esta mesma facilidade incentiva e acelera a procura pela implantação da nuvem num ambiente corporativo e, desta forma, conforme afirma Alves (2010), o serviço começa a ganhar mais espaço no ambiente corporativo, especialmente nas áreas de desenvolvimento, aplicativos menos críticos e serviços. Durante este processo crescente de desenvolvimento, um grande desafio para as empresas tornou-se a escolha do fornecedor do serviço. Taurion (2010, p. 91), afirma que: [...] as ofertas de computação em nuvem para empresas foram desenvolvidas de forma independente e cada uma traz suas características e posicionamentos tecnológicos próprios. O fato é que ainda não existem padrões para Computação em Nuvem, de modo que as empresas enfrentarão algumas barreiras de saída ao migrar de um serviço para o outro. Uma empresa pode decidir mover para as nuvens seus aplicativos que rodam em cerca de 20 servidores diferentes para passar a utilizar o serviço de apenas uma fornecedora de soluções para computação em nuvens, onde seus aplicativos passariam a rodar em quatro servidores virtuais, onde, conforme Korzienowski (2009): O baixo custo é o maior atrativo para escolha. A computação em nuvem muda o modelo de gasto de capital-investimento em hardware, gastos em equipamentos de rede e licenças de software, por gasto em operação com base em taxas mensais.

17 15 Christen (2010) afirma que a computação em nuvem é sem dúvida uma grande inovação e está mudando os paradigmas da computação como conhecemos, mas para as empresas não é só a facilidade e os baixos custos que chamam a atenção. As empresas estão preocupadas com o controle e o monitoramento nas nuvens por parte dos fornecedores. Para isso, Taurion (2009, p. 92) lista alguns pontos de atenção na escolha do fornecedor deste serviço: Que plataformas são suportadas pelo provedor de nuvem? Existem serviços de portabilidade ou a aplicação desenhada para um ambiente computacional ficará restrita a este ambiente? O provedor é responsável por manter atualizada a plataforma tecnológica? Como serão resolvidas as atualizações nos aplicativos? Qual é a unidade de trabalho enviada à nuvem? Por exemplo, esta unidade de trabalho é uma imagem completa de uma máquina virtual, compreendendo sistema operacional e aplicativo, ou é um container, incluindo apenas a aplicação e o código de suporte como drivers e DLL s? Onde a unidade de trabalho reside quando não está sendo executada? Fica armazenada na nuvem ou nos servidores da empresa? Se a unidade de trabalho demandar um pacote aplicativo, o fornecedor deste pacote suporta o seu processamento em nuvem? Além destes cuidados, é importante ressaltar que a maturidade da empresa é de grande importância para o sucesso deste serviço no ambiente corporativo. Segundo Christen (2010), se a empresa tem hoje um nível baixo de maturidade e automatização na organização de TI, o impacto da integração da computação em nuvem pode aumentar o esforço de trabalho, reduzindo os benefícios imediatos da computação em nuvem. Seria necessário, nestes casos, um pré-avaliação da maturidade da empresa na gerencia de TI para evitar um fracasso tecnológico e financeiro completo da empresa. Como vimos, o mercado de computação em nuvens está crescendo e tende a tomar o espaço do ambiente de TI tradicional. Segundo Taurion (2009, p. 93) [...] o modelo de computação

18 16 em nuvem vai se disseminar, pois as empresas poderão usar as nuvens de terceiros em vez de manter seus próprios Data Centers. O futuro aponta para este caminho: facilidade, agilidade, menos custos, resta às companhias avaliar e adotar ou não esta tecnologia.

19 TIPOS DE OFERTA DE SERVIÇO EM COMPUTAÇÃO EM NUVEM Conforme Martinez (2010), até o momento a denominação Computação em Nuvem divide-se em 11 categorias de serviços. As mais estudadas e mais populares são 3: Saas, PaaS e IaaS. As outras categorias estão sendo aprimoradas e aperfeiçoadas com o passar dos anos. Em um curto prazo de tempo, outras vertentes serão idealizadas de acordo com as necessidades do mercado. No entanto, é possível analisar mais de perto as três categorias mais populares quando o assunto é Computação em Nuvem: SaaS (Software como Serviço) - É um tipo de computação em nuvem onde o sistema/software é oferecido em forma de serviço ou prestação de serviços. O software roda remotamente em um servidor na web. Não é preciso instalar nada na maquina do cliente, basta conectá-lo pela internet. Neste tipo de serviço, paga-se um valor periódico como se fosse uma assinatura somente pelos recursos que utilizar e/ou pelo tempo de uso. Os serviços do tipo SaaS mais comuns no mercado são Google Docs, Gmail e SalesForce. PaaS (Plataforma como Serviço) - Este tipo de cloud oferece um ambiente de desenvolvimento de aplicações. Ou seja: ações como compilar, desenvolver, depurar e testar em um desenvolvimento passaram a ser executadas na nuvem. Segundo Martinez (2010): [...] pode parecer que estamos voltando à época dos mainframes e, de certa forma é isso mesmo, porém de forma organizada e escalar. A vantagem deste serviço é poupar custos, não alocar hardware desnecessariamente e poder escalar dados de forma simples sem ter que lidar com o ambiente físico diretamente. Alguns serviços que se encaixam nessa modalidade são: Google AppEngine e Force.com da Salesforce. IaaS (Infraestrutura como Serviço) - o IaaS refere-se a disponibilidade de uma infraestrutura computacional como um serviço. O cliente/usuário para de se preocupar com servidores para uma determinada aplicação, ele contrata este serviço que estará hospedado em um datacenter apropriado e com as especificações necessárias para o momento atual. Este tipo de serviço e escalonável. É cobrado de acordo com a

20 18 utilização ou pela quantidade de recursos contratados. EC2, da Amazon e BlueCloud, da IBM, são serviços que se encaixam nessa modalidade. Figura 1 - Exemplo simples da relação entre os cenários, onde dois IaaS são usados para a construção de um PaaS, que, por sua vez, é utilizado para a implementação de duas aplicações (SaaS). Banco de Dados como Serviço - O banco de dados como Serviço tem a capacidade de oferecer serviços de um banco de dados hospedado remotamente. Funcionaria como se fosse um banco de dados local porém estará hospedado em um datacenter. Sua principal vantagem está na economia com licenças de software e aquisição de hardwares. Governança como Serviço - A governança como Serviço auxilia no gerenciamento de topologias, monitoramento de recursos e virtualização via internet, com base em políticas definidas para dados e serviços. Informação como Serviço - A informação como Serviço tem como conceito e como objetivo de consumir informações hospedadas remotamente, assim como uma integração de softwares, utilizando, por exemplo, APIs.

21 19 Integração como Serviço - A integração como serviço tende a oferecer as funções e os recursos de um EAI - Enterprise Application Integration porém, operando em nuvem. Processo como Serviço - Processo como Serviço oferece um recurso remoto que pode reunir muitos outros, criando assim processos de negócio. O aplicativo pode interagir tais como serviços e dados, que combinados, geram uma seqüência de processos empresariais. Segurança como Serviço - Segurança como serviço tem a capacidade de oferecer serviços de segurança aplicados a , navegação entre outros, acoplando uma interface de monitoramento via internet. Armazenamento como Serviço - Armazenamento como Serviço seria o componente mais primitivo da computação em nuvem, explorado pela maioria das outras modalidades. Esta modalidade oferece o armazenamento como serviço dentro de um DataCenter, podendo ser acessado por aplicações externas. Testes como Serviço - Testes como Serviço é a capacidade de testar sistemas locais ou mesmo sistemas em nuvem em um ambiente para testes de aplicações nas nuvens também. Segundo Martinez (2010), o conceito vem evoluindo constantemente, tanto que já se fala até em Everything as a Service (EaaS ou XaaS), ou seja, tudo como serviço rodando na nuvem. O caminho, sem dúvida, tende a esse final, visto que a rede pode, de fato, viabilizar essa tendência.

22 ALGUNS EXEMPLOS DE APLICAÇÕES EM NUVEM Os termos Cloud Computing e Computação nas Nuvens são, de certa forma, bem recentes, mas quando analisamos bem, a idéia não é relativamente muito nova. De forma mais abrangente, podemos citar uma variedade de aplicações que a maioria das pessoas já utilizou sem se dar conta. Serviços de Webmail como Gmail e Yahoo!Mail, discos virtuais na Internet, sites de armazenamento e compartilhamento de imagens e vídeos como o Flickr e Youtube, aplicações de escritório (planilhas e processadores de texto) como as disponibilizadas pelo Google através do GoogleDocs, e aplicações no âmbito corporativo como as aplicações de CRM fornecidas pela Salesforce e Microsoft. Ou seja, são serviços que não executam na máquina do usuário e são acessados de qualquer lugar, basta ter um dispositivo compatível e com acesso a Internet. Atualmente possuímos vários provedores de serviços nas nuvens, dentro dos quais podemos citar as grandes corporações como a Amazon, que oferece serviço de IaaS (Infrastructure as a Service - Infraestrutura como serviço) chamado de AWS (Amazon Web Services), o Google com ofertas de SaaS (Software as a Service Software como serviço), Paas ( Plataform as a Service Plataforma como serviço) chamado Google ApplicationEngine (GAE) e a Microsoft, com a plataforma de desenvolvimento Azure. Em relação a DaaS (Database as a service Banco de dados como serviço), Taurion (2009, p ) contextualiza que: Hoje temos algumas ofertas pioneiras como o SimpleDB da própria Amazon, o EnterpriseDB (Cloud Edition) e MySQL, oferecidos também em cima da nuvem da Amazon. Além disso, empresas tradicionais de banco de dados como IBM, Oracle e Microsoft já começam a endereçar este mercado. A IBM oferece na nuvem da Amazon os produtos DB2 Express-C e Informix Developer Edition. A Microsoft anunciou o SQL Server Data Services (SSDS), ainda em beta, para serviços DaaS embarcados nos data centers da própria Microsoft. O Google apresenta o BigTable. Um banco de dados projetado para trabalhar com imenso volume de dados. Atualmente, mais de 60 produtos e projetos do Google utilizam essa tecnologia tais como o Analytics, Finance e Earth.

23 21 Conforme Taurion (2009, p. 138), ainda sobre serviços na computação em nuvem no serviço de BaaS (Backup as a Service Backup como serviço), podemos citar a IBM que entrou neste segmento após a aquisição da Arsenal Digital Solutions. E não só grandes empresas estão no mercado de soluções de backup e recuperação, empresas de menores dimensões oferecem seus serviços em cima da nuvem da Amazon, como Zmanda e JungleDisk. No exterior, empresas de telefonia como a AT&T e BT (British Telecom), estão aproveitando a própria estrutura de Data Centers e recursos de comunicação para entrar neste segmento. No caso da BT, seus serviços de BaaS são oferecidos para os PC s de seus clientes corporativos de Banda Larga. No serviço SaaS (Software as a Service Software como serviço) que está intimamente ligado a computação nas nuvens, podemos citar a IBM e HP que já oferecerem suas soluções: IBM SaaS e HP SaaS. Além dessas empresas mencionadas, companhias como Dell, Intel, Oracle e Microsoft já estão trabalhando nas mais variadas soluções para Computação em Nuvem. Esta última, por exemplo, anunciou o Azure, uma plataforma própria para a execução de aplicações nas "nuvens" que simplesmente pode ser definido com um sistema operacional on-line com um variado leque de serviços tais como CRM, Gerenciador de banco de dados entre outros.

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)?

O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? O que é Cloud Computing (Computação nas Nuvens)? Introdução A denominação Cloud Computing chegou aos ouvidos de muita gente em 2008, mas tudo indica que ouviremos esse termo ainda por um bom tempo. Também

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Bruno Sanchez Lombardero Faculdade Impacta de Tecnologia São Paulo Brasil bruno.lombardero@gmail.com Resumo: Computação em nuvem é um assunto que vem surgindo

Leia mais

O que é cloud computing (computação nas nuvens)? Entendendo a cloud computing (computação nas nuvens)

O que é cloud computing (computação nas nuvens)? Entendendo a cloud computing (computação nas nuvens) O que é cloud computing (computação nas nuvens)? Introdução A expressão cloud computing começou a ganhar força em 2008, mas, conceitualmente, as ideias por trás da denominação existem há muito mais tempo.

Leia mais

UMA VISÃO GERAL DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM

UMA VISÃO GERAL DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM UMA VISÃO GERAL DA COMPUTAÇÃO EM NUVEM Ederson dos Santos Cordeiro de Oliveira 1, Tiago Piperno Bonetti 1, Ricardo Germano 1 ¹Universidade Paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil edersonlikers@gmail.com,

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI. Felipe Pontes felipe.pontes@gmail.com

Planejamento Estratégico de TI. Felipe Pontes felipe.pontes@gmail.com Planejamento Estratégico de TI Felipe Pontes felipe.pontes@gmail.com VPN Virtual Private Network Permite acesso aos recursos computacionais da empresa via Internet de forma segura Conexão criptografada

Leia mais

A computação na nuvem é um novo modelo de computação que permite ao usuário final acessar uma grande quantidade de aplicações e serviços em qualquer

A computação na nuvem é um novo modelo de computação que permite ao usuário final acessar uma grande quantidade de aplicações e serviços em qualquer A computação na nuvem é um novo modelo de computação que permite ao usuário final acessar uma grande quantidade de aplicações e serviços em qualquer lugar e independente da plataforma, bastando para isso

Leia mais

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes

Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes EN-3610 Gerenciamento e Interoperabilidade de Redes Computação em Nuvem Introdução Centralização do processamento Surgimento da Teleinformática Década de 60 Execução de programas localmente Computadores

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: UM FUTURO PRESENTE

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: UM FUTURO PRESENTE COMPUTAÇÃO EM NUVEM: UM FUTURO PRESENTE Andressa T.R. Fenilli 1, Késsia R.C.Marchi 1 1 Universidade Paranaense (UNIPAR) Paranavaí PR Brasil andressa.trf@gmail.com, kessia@unipar.br Resumo. Computação em

Leia mais

Gestão em Sistemas de Informação. Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br

Gestão em Sistemas de Informação. Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br Gestão em Sistemas de Informação Profa.: Me. Christiane Zim Zapelini E-mail: christianezapelini@nwk.edu.br Gestão em Sistemas de Informação Cloud Computing (Computação nas Nuvens) 2 Cloud Computing Vocês

Leia mais

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS.

USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. USE O PODER DA NUVEM. VEJA COMO A NUVEM PODE TRANSFORMAR SEUS NEGÓCIOS. A computação em nuvem é uma mudança de paradigma no gerenciamento de TI e de datacenters, além de representar a capacidade da TI

Leia mais

Infraestrutura: devo usar a nuvem? Prof. Artur Clayton Jovanelli

Infraestrutura: devo usar a nuvem? Prof. Artur Clayton Jovanelli Infraestrutura: devo usar a nuvem? Prof. Artur Clayton Jovanelli Conceitos principais Nuvem Local Dados (informações) Profissional Pessoal Procedimento padrão (modelo) Produzir Armazenar Como era... Como

Leia mais

CLOUD COMPUTING. Gustavo Matos Rodrigues 1 Leandro Panatta Vissentini 1 Sandy Júnior Sagiorato 1 Victor Daniel Scandolara 1 Eva Lourdes Pires 2

CLOUD COMPUTING. Gustavo Matos Rodrigues 1 Leandro Panatta Vissentini 1 Sandy Júnior Sagiorato 1 Victor Daniel Scandolara 1 Eva Lourdes Pires 2 CLOUD COMPUTING Gustavo Matos Rodrigues 1 Leandro Panatta Vissentini 1 Sandy Júnior Sagiorato 1 Victor Daniel Scandolara 1 Eva Lourdes Pires 2 Resumo: Este artigo tem como objetivo falar da computação

Leia mais

Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014

Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014 Tendências em TI Aula: 01 versão: 1.1 30/06/2014 Robson Vaamonde http://www.vaamonde.com.br http://www.procedimentosemti.com.br Professor do Curso Prof. Robson Vaamonde, consultor de Infraestrutura de

Leia mais

Serviços IBM de Resiliência:

Serviços IBM de Resiliência: Serviços IBM de Resiliência: Sempre disponível, em um mundo sempre conectado Como chegamos até aqui? Dois profissionais de TI estão sofrendo com interrupções de negócios frequentes, os problemas estão

Leia mais

Cloud Computing: Quando a nuvem pode ser um risco para o negócio. Marco Lima aka Mago Enterprise Technology Specialist

Cloud Computing: Quando a nuvem pode ser um risco para o negócio. Marco Lima aka Mago Enterprise Technology Specialist Cloud Computing: Quando a nuvem pode ser um risco para o negócio Marco Lima aka Mago Enterprise Technology Specialist 05 De onde vem o termo nuvem? Business Servidores SAN WAN SAN LANs Roteador NAS Switch

Leia mais

otimizando níveis de serviço em implantações na nuvem pública

otimizando níveis de serviço em implantações na nuvem pública DOCUMENTAÇÃO TÉCNICA otimizando níveis de serviço em implantações na nuvem pública chaves para o gerenciamento de serviços efetivo agility made possible sumário resumo executivo 3 Introdução: modelos de

Leia mais

a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible

a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible a identidade como o novo perímetro: adotando a nuvem, a plataforma móvel e a mídia social com segurança agility made possible A transformação da TI e as identidades em evolução Diversas tendências da tecnologia,

Leia mais

Acelere a sua jornada à nuvem

Acelere a sua jornada à nuvem Boletim técnico Acelere a sua jornada à nuvem Arquitetura de nuvem convergente da HP Índice Uma nova computação para a empresa... 2 Evolua a sua estratégia de TI para incluir serviços da nuvem... 2 A nova

Leia mais

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem

Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem White paper Para provedores de nuvem Uma abordagem estratégica para atender à demanda de Nuvem Introdução: os novos desafios dos clientes estimulam a adoção da nuvem Em um ambiente de negócios dinâmico,

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO DO PARCEIRO Soluções de garantia do serviço da CA Technologies você está ajudando seus clientes a desenvolver soluções de gerenciamento da TI para garantir a qualidade do serviço e a

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS RELATÓRIO EXECUTIVO DE NEGÓCIOS

COMPUTAÇÃO EM NUVEM: TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS RELATÓRIO EXECUTIVO DE NEGÓCIOS COMPUTAÇÃO EM NUVEM: TENDÊNCIAS E OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS TM RELATÓRIO EXECUTIVO DE NEGÓCIOS A visão da computação em nuvem por Aad van Schetsen, vicepresidente da Compuware Uniface, que mostra por que

Leia mais

Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens

Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens Academia de Tecnologia da IBM White paper de liderança de pensamento Novembro de 2010 Estratégias para avaliação da segurança da computação em nuvens 2 Proteção da nuvem: do desenvolvimento da estratégia

Leia mais

COMPUTAÇÃO EM NUVEM. Michele Marques Costa 1,2, Julio César2 ¹Universidade paranaense (Unipar)

COMPUTAÇÃO EM NUVEM. Michele Marques Costa 1,2, Julio César2 ¹Universidade paranaense (Unipar) COMPUTAÇÃO EM NUVEM Michele Marques Costa 1,2, Julio César2 ¹Universidade paranaense (Unipar) Paranavaí PR Brasil Mih_nai@hotmail.com juliocesar@unipar.br Resumo. Este artigo contém a definição e citação

Leia mais

Construindo a ponte para a Terceira Plataforma com a composable infrastructure da HPE

Construindo a ponte para a Terceira Plataforma com a composable infrastructure da HPE BOLETIM INFORMATIVO Construindo a ponte para a Terceira Plataforma com a composable infrastructure da HPE Oferecido por: Hewlett Packard Enterprise (HPE) Jed Scaramella Novembro de 2015 OPINIÃO DA IDC

Leia mais

Imagem Gustavo Santos. Observe Bombinhas SC.

Imagem Gustavo Santos. Observe Bombinhas SC. Imagem Gustavo Santos. Observe Bombinhas SC. 1 2 1. Uma nova modalidade de prestação de serviços computacionais está em uso desde que a computação em nuvem começou a ser idealizada. As empresas norte-

Leia mais

Computação nas Nuvens. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno.carvalho@ifms.edu.br

Computação nas Nuvens. Diemesleno Souza Carvalho diemesleno.carvalho@ifms.edu.br Computação nas Nuvens Diemesleno Souza Carvalho diemesleno.carvalho@ifms.edu.br Definição Definição Conjunto de recursos de TI (servidores, banco de dados, aplicações) disponibilizadas sob demanda por

Leia mais

Instituto de Educação Tecnológica Pós-graduação Gestão em Tecnologia da Informação - Turma nº 25 08/04/2015. Computação em Nuvem

Instituto de Educação Tecnológica Pós-graduação Gestão em Tecnologia da Informação - Turma nº 25 08/04/2015. Computação em Nuvem Instituto de Educação Tecnológica Pós-graduação Gestão em Tecnologia da Informação - Turma nº 25 08/04/2015 Computação em Nuvem Carlos Henrique Barbosa Lemos RESUMO Este trabalho tem por objetivo tratar

Leia mais

Levantamento sobre Computação em Nuvens

Levantamento sobre Computação em Nuvens Levantamento sobre Computação em Nuvens Mozart Lemos de Siqueira Doutor em Ciência da Computação Centro Universitário Ritter dos Reis Sistemas de Informação: Ciência e Tecnologia Aplicadas mozarts@uniritter.edu.br

Leia mais

Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma

Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma Predictions Brasil 2015 Acelerando a Inovação na 3 a Plataforma 1 IDC - Equipe Pietro Delai Reinaldo Sakis João Paulo Bruder Luciano Ramos Gerente de Pesquisa e Consultoria -Enterprise Gerente de Pesquisa

Leia mais

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM

Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Acelere o valor da computação em nuvem com a IBM Obtenha soluções em nuvem comprovadas para as suas prioridades mais urgentes Destaques da solução Saiba sobre os benefícios mais comuns de implementações

Leia mais

EXIN Cloud Computing Fundamentos

EXIN Cloud Computing Fundamentos Exame Simulado EXIN Cloud Computing Fundamentos Edição Maio 2013 Copyright 2013 EXIN Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser publicado, reproduzido, copiado ou armazenada

Leia mais

O que é Cloud Computing?

O que é Cloud Computing? O que é Cloud Computing? Referência The Economics Of The Cloud, Microsoft, Nov. 2010 Virtualização, Brasport, Manoel Veras, Fev. 2011. 2 Arquitetura de TI A arquitetura de TI é um mapa ou plano de alto

Leia mais

NUVEM NO DNA COM A. pág. 8 NASCIDO PARA NUVEM. FUTURO Sistema operacional vai além da virtualização convencional dos recursos dos servidores

NUVEM NO DNA COM A. pág. 8 NASCIDO PARA NUVEM. FUTURO Sistema operacional vai além da virtualização convencional dos recursos dos servidores NASCIDO PARA NUVEM. INFORME PUBLICITÁRIO Windows Server 2012 março de 2013 COM A NUVEM NO DNA WINDOWS SERVER 2012 É A RESPOSTA DA MICROSOFT PARA O NOVO CENÁRIO DOS DATACENTERS pág. 4 FUTURO Sistema operacional

Leia mais

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA 2011 Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA SUMÁRIO Introdução... 4 Metodologia... 6 Resultado 1: Cibersegurança é importante para os negócios... 8 Resultado

Leia mais

EHC (EMC Hybrid Cloud) para SAP. Agosto de 2014

EHC (EMC Hybrid Cloud) para SAP. Agosto de 2014 EHC (EMC Hybrid Cloud) para SAP Agosto de 2014 1 Os clientes SAP estão se transformando Agilidade nos negócios Móvel Percepção e resposta Em tempo real Ágil ITaaS Alta capacidade de resposta Resiliente

Leia mais

23/05/12. Computação em Nuvem. Computação em nuvem: gerenciamento de dados. Computação em Nuvem - Características principais

23/05/12. Computação em Nuvem. Computação em nuvem: gerenciamento de dados. Computação em Nuvem - Características principais Computação em Nuvem Computação em nuvem: gerenciamento de dados Computação em nuvem (Cloud Computing) é uma tendência recente de tecnologia cujo objetivo é proporcionar serviços de Tecnologia da Informação

Leia mais

Transformação da Indústria

Transformação da Indústria Conceitos Transformação da Indústria Hoje Cloud Anos 2000 Web Anos 1990 Cliente / Servidor Anos 1970 e 80 Mainframe Novas possibilidades O momento atual do país é favorável para que as empresas passem

Leia mais

Entendendo as camadas do cloud computing: Iaas, Paas e SaaS

Entendendo as camadas do cloud computing: Iaas, Paas e SaaS + segurança + economia + liberdade + disponibilidade + sustentabilidade + flexibilidade Entendendo as camadas do cloud computing: Iaas, Paas e SaaS As camadas da nuvem Nossa missão com este white paper

Leia mais

Automatizando o Data Center

Automatizando o Data Center Este artigo examina uma arquitetura alternativa que suporte a automação do data center e o provisionamento dinâmico sem a virtualização do sistema operacional. por Lori MacVittie Gerente Técnico de Marketing,

Leia mais

CA Automation Suite for Data Centers

CA Automation Suite for Data Centers FOLHA DE PRODUTOS: CA Automation Suite for Data Centers CA Automation Suite for Data Centers agility made possible "A tecnologia ultrapassou a capacidade de gerenciamento manual em todas as grandes empresas

Leia mais

As Novas Profissões em Computação. Integrantes Eder Leão Leonardo Jorente Rafael Stéfano Vinícius Akihiro Kuwabara

As Novas Profissões em Computação. Integrantes Eder Leão Leonardo Jorente Rafael Stéfano Vinícius Akihiro Kuwabara As Novas Profissões em Integrantes Eder Leão Leonardo Jorente Rafael Stéfano Vinícius Akihiro Kuwabara Tópicos Contextualização Novas Profissões Impacto Conclusões Referências Contextualização (Histórico

Leia mais

Segurança e Computação em Nuvem

Segurança e Computação em Nuvem Instituto de Educação Tecnológica Pós-graduação Gestão e Tecnologia da Informação - Turma nº 25 09 de abril de 2015 Segurança e Computação em Nuvem Jean Poinho Malard Coordenador em Tecnologia da Informação

Leia mais

Como ter sucesso no desenvolvimento e suporte de nuvens híbridas

Como ter sucesso no desenvolvimento e suporte de nuvens híbridas BOLETIM INFORMATIVO Como ter sucesso no desenvolvimento e suporte de nuvens híbridas Oferecido por: HP Gard Little Julho de 2014 Elaina Stergiades OPINIÃO DA IDC Ao planejar a adoção de novas tecnologias

Leia mais

Convergência TIC e Projetos TIC

Convergência TIC e Projetos TIC TLCne-051027-P1 Convergência TIC e Projetos TIC 1 Introdução Você responde essas perguntas com facilidade? Quais os Projetos TIC mais frequentes? Qual a importância de BI para a venda de soluções TIC (TI

Leia mais

Fernando Seabra Chirigati. Universidade Federal do Rio de Janeiro EEL879 - Redes de Computadores II Professores Luís Henrique Costa e Otto Duarte

Fernando Seabra Chirigati. Universidade Federal do Rio de Janeiro EEL879 - Redes de Computadores II Professores Luís Henrique Costa e Otto Duarte Fernando Seabra Chirigati Universidade Federal do Rio de Janeiro EEL879 - Redes de Computadores II Professores Luís Henrique Costa e Otto Duarte Introdução Grid x Nuvem Componentes Arquitetura Vantagens

Leia mais

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte

Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte IBM Global Technology Services Manutenção e suporte técnico Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável de Suporte Uma abordagem inovadora em suporte técnico 2 Crescendo e Inovando com um Parceiro Confiável

Leia mais

Cloud Computing. Andrêza Leite. andreza.lba@gmail.com

Cloud Computing. Andrêza Leite. andreza.lba@gmail.com Cloud Computing Andrêza Leite andreza.lba@gmail.com Roteiro O que é cloud computing? Classificação O que está 'por traz' da cloud? Exemplos Como montar a sua? O que é cloud computing? Cloud Computing O

Leia mais

EMC FORUM 2015. Copyright 2015 EMC Corporation. Todos os direitos reservados. 1

EMC FORUM 2015. Copyright 2015 EMC Corporation. Todos os direitos reservados. 1 EMC FORUM 2015 1 EMC FORUM 2015 Identifying the right kind of hybrid cloud for your business Presenter name 2 O SOFTWARE ESTÁ REDEFININDO TODAS AS EMPRESAS OS NEGÓCIOS ESTÃO MUITO MAIS DINÂMICOS EQUIPE

Leia mais

Tendências Tecnológicas: Como monetizar em oportunidades emergentes?

Tendências Tecnológicas: Como monetizar em oportunidades emergentes? : Como monetizar em oportunidades emergentes? 23 de Julho 2013 Confidencial Mercados emergentes têm previsão de crescimento de 2-3 vezes maiores do que mercados maduros em tecnologia nos próximos 2 anos.

Leia mais

IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT

IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT IDC TECHNOLOGY SPOTLIGHT A importância da inovação em fornecedores de sistemas, serviços e soluções para criar ofertas holísticas Julho de 2014 Adaptado de Suporte a ambientes de datacenter: aplicando

Leia mais

CLOUD COMPUTING. Andrêza Leite. andreza.leite@univasf.edu.br

CLOUD COMPUTING. Andrêza Leite. andreza.leite@univasf.edu.br CLOUD COMPUTING Andrêza Leite andreza.leite@univasf.edu.br Roteiro O que é cloud computing? Classificação O que está 'por traz' da cloud? Exemplos Como montar a sua? O que é cloud computing? Cloud Computing

Leia mais

2Avalie novos modelos de investimento. Otimize a estrutura de tecnologia disponível

2Avalie novos modelos de investimento. Otimize a estrutura de tecnologia disponível Crise? Como sua empresa lida com os desafios? Essa é a questão que está no ar em função das mudanças no cenário econômico mundial. A resposta a essa pergunta pode determinar quais serão as companhias mais

Leia mais

GIS Cloud na Prática. Fabiano Cucolo 26/08/2015

GIS Cloud na Prática. Fabiano Cucolo 26/08/2015 GIS Cloud na Prática Fabiano Cucolo 26/08/2015 Um pouco sobre o palestrante Fabiano Cucolo fabiano@soloverdi.com.br 11-98266-0244 (WhatsApp) Consultor de Geotecnologias Soloverdi Engenharia www.soloverdi.com.br.

Leia mais

O ecossistema em que se figura a segurança da informação

O ecossistema em que se figura a segurança da informação O ecossistema em que se figura a segurança da informação Você já estudou o conceito de segurança da informação antes, mas, para contextualizar o tratamento de incidentes, precisamos revisar alguns tópicos

Leia mais

Guia de vendas Windows Server 2012 R2

Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Guia de vendas Windows Server 2012 R2 Por que Windows Server 2012 R2? O que é um servidor? Mais do que um computador que gerencia programas ou sistemas de uma empresa, o papel de um servidor é fazer com

Leia mais

IBM Software. Otimize seus ambientes de SOA, B2B e nuvem com WebSphere DataPower Agosto de 2011

IBM Software. Otimize seus ambientes de SOA, B2B e nuvem com WebSphere DataPower Agosto de 2011 IBM Software Otimize seus ambientes de SOA, B2B e nuvem com WebSphere DataPower Agosto de 2011 2 Otimize seus ambientes de SOA, B2B e nuvem com WebSphere DataPower Destaques Amplie os serviços de negócios

Leia mais

Soluções em Mobilidade

Soluções em Mobilidade Soluções em Mobilidade Soluções em Mobilidade Desafios das empresas no que se refere a mobilidade em TI Acesso aos dados e recursos de TI da empresa estando fora do escritório, em qualquer lugar conectado

Leia mais

panorama do mercado brasileiro de Cloud Comput

panorama do mercado brasileiro de Cloud Comput panorama do mercado brasileiro de Cloud Comput Cloud Conf 2012 Agosto de 2012 Sobre a Frost & Sullivan - Consultoria Global com presença nos 4 continentes, em mais de 25 países, totalizando 40 escritórios.

Leia mais

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV

EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV EMBRATEL ENTREVISTA: Pietro Delai IDC Brasil DATA CENTER VIRTUAL - DCV DATA CENTER VIRTUAL - DCV Em entrevista, Pietro Delai, Gerente de Pesquisa e Consultoria da IDC Brasil relata os principais avanços

Leia mais

Inteligência de Dados

Inteligência de Dados Inteligência de Dados Apoio Master Transformando Dados em Vantagem Competitiva Leonardo Couto Sócio e Diretor Comercial leo.couto@wiseminer.com +55 21 9 7295 1422 Big Data Bang e os desafios da gestão

Leia mais

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho

Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Virtualização Microsoft: Data Center a Estação de Trabalho Estudo de Caso de Solução para Cliente Universidade Utiliza Virtualização para Criar Data Center Com Melhor Custo-Benefício e Desempenho Visão

Leia mais

Segurança nas Nuvens Onde Coloco Meus Dados?

Segurança nas Nuvens Onde Coloco Meus Dados? Segurança nas Nuvens Onde Coloco Meus Dados? Expectativa de 20 minutos Uma abordagem prática e sensata de usar os Serviços em Nuvem de forma segura. Segurança nas Nuvens O que é? Quais as Vantagens das

Leia mais

Renan Borges Pereira¹, Paulo Henrique Gomes Barbosa². Faculdade de Tecnologia de Ourinhos FATEC. renanzaum_1@hotmail.com¹, paulohgb_15@hotmail.

Renan Borges Pereira¹, Paulo Henrique Gomes Barbosa². Faculdade de Tecnologia de Ourinhos FATEC. renanzaum_1@hotmail.com¹, paulohgb_15@hotmail. Renan Borges Pereira¹, Paulo Henrique Gomes Barbosa² Faculdade de Tecnologia de Ourinhos FATEC renanzaum_1@hotmail.com¹, paulohgb_15@hotmail.com² INTRODUÇÃO O modelo de software como um serviço (SaaS)

Leia mais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais

Administração de Sistemas de Informação Gerenciais Administração de Sistemas de Informação Gerenciais UNIDADE III: Infraestrutura de Tecnologia da Informação Atualmente, a infraestrutura de TI é composta por cinco elementos principais: hardware, software,

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DE API S PARA PORTABILIDADE EM NUVEM

ANÁLISE COMPARATIVA DE API S PARA PORTABILIDADE EM NUVEM ANÁLISE COMPARATIVA DE API S PARA PORTABILIDADE EM NUVEM Ana Paula Cristina Ehlke Carrion 1, Tiago Volpato 1, Claudete Werner 1, Ricardo de Melo Germano 1, Gabriel Costa Silva 2 1 Universidade Paranaense

Leia mais

Quatro tendências críticas em TI para a continuidade dos negócios

Quatro tendências críticas em TI para a continuidade dos negócios Quatro tendências críticas em TI para a continuidade dos negócios Em TI, o fracasso não é uma opção. Não surpreendentemente, as organizações tornaram uma prioridade alta desenvolver e implementar planos

Leia mais

DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO

DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO DATA CENTER INOVAÇÃO PARA RESPONDER À EXPLOSÃO DE TENDÊNCIAS GERMANO ALVES DA COSTA ENGENHEIRO DE APLICAÇÃO Consultoria Frost & Sullivan Por que investir em Data Center? Mercado brasileiro de Data Center

Leia mais

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade...

Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Continuidade de Negócio de TI O Sucesso da sua empresa também depende disso. Qual é sua necessidade... Reduzir custo de TI; Identificar lentidões no ambiente de TI Identificar problemas de performance

Leia mais

Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve

Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve Proteção de ambientes Citrix XenServer com Arcserve Desafios do cliente Hoje em dia, você enfrenta desafios como acordos de nível de serviço exigentes e limitações de equipe e orçamento. Você procura maneiras

Leia mais

Estudo de Caso: SERPRO Computação em Nuvem Utilização de Redes Privadas, Públicas e. Híbridas no âmbito de Governo

Estudo de Caso: SERPRO Computação em Nuvem Utilização de Redes Privadas, Públicas e. Híbridas no âmbito de Governo Estudo de Caso: SERPRO Computação em Nuvem Utilização de Redes Privadas, Públicas e Híbridas no âmbito de Governo Palestrante: José Gomes Junior Superintendente Centro de dados 30/05/2014 Líder em soluções

Leia mais

agility made possible

agility made possible RESUMO DA SOLUÇÃO Gerenciamento de ativos de software com o CA IT Asset Manager como posso administrar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade? agility made possible

Leia mais

Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira

Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira Programas de Transformação de TI em Seguradoras Carlos Figueiredo Fabio Pereira Programas de transformação de TI em Seguradoras: Tendências e Desafios Tech Trends 2015 Exponenciais Principais problemas

Leia mais

+ liberdade. O real valor do backup em nuvem Cloud Backup. Dualtec. Cloud Builders

+ liberdade. O real valor do backup em nuvem Cloud Backup. Dualtec. Cloud Builders + segurança + economia + liberdade + disponibilidade + sustentabilidade + flexibilidade O real valor do backup em nuvem Cloud Backup Seja nas pequenas, médias ou grandes empresas, realizar backups é uma

Leia mais

Symantec Backup Exec.cloud

Symantec Backup Exec.cloud Proteção automática, contínua e segura que faz o backup dos dados na nuvem ou usando uma abordagem híbrida, combinando backups na nuvem e no local. Data Sheet: Symantec.cloud Somente 2% das PMEs têm confiança

Leia mais

Como posso gerenciar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade?

Como posso gerenciar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade? RESUMO DA SOLUÇÃO CA SERVICE MANAGEMENT - GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Como posso gerenciar melhor os meus ativos de software e reduzir o risco de auditorias de conformidade? O CA Service Management

Leia mais

Folheto. Automação de nuvens. Gerenciamento aberto e extensível do ciclo de vida de serviços para nuvens privadas e híbridas

Folheto. Automação de nuvens. Gerenciamento aberto e extensível do ciclo de vida de serviços para nuvens privadas e híbridas Folheto Automação de nuvens Gerenciamento aberto e extensível do ciclo de vida de serviços para nuvens privadas e híbridas Índice 3 Visão geral 4 Casos de uso do HP Cloud Service Automation 5 Criação de

Leia mais

Proposta de Avaliação de Empresas para o uso do SAAS

Proposta de Avaliação de Empresas para o uso do SAAS 1 INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PÓS-GRADUAÇÃO Gestão e Tecnologia da Informação/ IFTI 1402 Turma 25 09 de abril de 2015 Proposta de Avaliação de Empresas para o uso do SAAS Raphael Henrique Duarte

Leia mais

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage

Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Dez fatos inteligentes que você deve saber sobre storage Tendências, desenvolvimentos e dicas para tornar o seu ambiente de storage mais eficiente Smart decisions are built on Storage é muito mais do que

Leia mais

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com

CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com CLOUD COMPUTING NAS EMPRESAS: NUVEM PÚBLICA OU NUVEM PRIVADA? nubeliu.com SUMÁRIO Introdução... 4 Nuvem pública: quando ela é ideal... 9 Nuvem privada: quando utilizá-la... 12 Alternativas de sistemas

Leia mais

Artigo. Riscos de Segurança em Cloud Computing Questões de segurança e gestão de riscos. Parte 3

Artigo. Riscos de Segurança em Cloud Computing Questões de segurança e gestão de riscos. Parte 3 Universidade Federal de Santa Catarina UFSC Centro Tecnológico - CTC Departamento de Informática e Estatística - INE Curso Ciências da Computação CCO Disciplina Redes de Computadores I - INE5414 Professor

Leia mais

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento

O que é o Virto ERP? Onde sua empresa quer chegar? Apresentação. Modelo de funcionamento HOME O QUE É TOUR MÓDULOS POR QUE SOMOS DIFERENTES METODOLOGIA CLIENTES DÚVIDAS PREÇOS FALE CONOSCO Suporte Sou Cliente Onde sua empresa quer chegar? Sistemas de gestão precisam ajudar sua empresa a atingir

Leia mais

Security Officer Foundation

Security Officer Foundation Security Officer Foundation As comunicações e os meios de armazenamento das informações evoluíram mais nestes últimos anos do que em outro tempo na história conhecida. A internet comercial foi consolidada

Leia mais

Contabilidade & MOBILIDADE. CICERO TORQUATO IX Encontro de Contabilidade do Agreste Alagoano Maceió/Maio/2016

Contabilidade & MOBILIDADE. CICERO TORQUATO IX Encontro de Contabilidade do Agreste Alagoano Maceió/Maio/2016 Contabilidade & MOBILIDADE CICERO TORQUATO IX Encontro de Contabilidade do Agreste Alagoano Maceió/Maio/2016 Quando os ventos de mudança sopram, umas pessoas levantam barreiras, outras constroem moinhos

Leia mais

Proteção de ambientes Microsoft Hyper-V 3.0 com Arcserve

Proteção de ambientes Microsoft Hyper-V 3.0 com Arcserve Proteção de ambientes Microsoft Hyper-V 3.0 com Arcserve Desafios do cliente Hoje em dia, você enfrenta desafios como acordos de nível de serviço exigentes e limitações de equipe e orçamento. Você procura

Leia mais

A EVOLUÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE TI PARA ATENDER AS NECESSIDADES EMPRESARIAIS

A EVOLUÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE TI PARA ATENDER AS NECESSIDADES EMPRESARIAIS INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA PÓS-GRADUAÇÃO Gestão e Tecnologia da Informação IFTI1402 T25 A EVOLUÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE TI PARA ATENDER AS NECESSIDADES EMPRESARIAIS Marcelo Eustáquio dos Santos

Leia mais

Sistemas de Informação Gerenciais

Sistemas de Informação Gerenciais Faculdade Pitágoras de Uberlândia Pós-graduação Sistemas de Informação Gerenciais Terceira aula Prof. Me. Walteno Martins Parreira Júnior www.waltenomartins.com.br waltenomartins@yahoo.com Maio -2013 Governança

Leia mais

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia

Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia P ORTFÓ FÓLIO Apresentação do Portfólio da ITWV Soluções Inteligentes em Tecnologia versão 1.1 ÍNDICE 1. A EMPRESA... 3 2. BI (BUSINESS INTELLIGENCE)... 5 3. DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS... 6 3.1. PRODUTOS

Leia mais

Gerenciamento de Serviços de TI e Site Backup

Gerenciamento de Serviços de TI e Site Backup Gerenciamento de Serviços de TI e Site Backup ATIVAS encerra o ano como a empresa que mais cresceu no mercado brasileiro de serviços de TI ATIVAS é formalmente apresentada ao mercado CEMIG Telecom adquire

Leia mais

I D C T E C H N O L O G Y S P O T L I G H T

I D C T E C H N O L O G Y S P O T L I G H T I D C T E C H N O L O G Y S P O T L I G H T Gestão de conteúdo e m p r e s a rial e n uve m : o b t e n d o o s b e n e f í c i o s da nuve m a l i ados à p r o t e ç ã o d o conteúdo e m p r e s a rial

Leia mais

Software as a Service aka SaaS Qual é o impacto disto no mercado de software?

Software as a Service aka SaaS Qual é o impacto disto no mercado de software? Software as a Service aka SaaS Qual é o impacto disto no mercado de software? Por Roberto Carlos Mayer Roberto Carlos Mayer Diretor da MBI (desde 1990) Mestre em Ciência da Computação (IME USP) e exprofessor

Leia mais

Palavras-chave: Tecnologia da Informação, Armazenamento, Nuvem, Internet.

Palavras-chave: Tecnologia da Informação, Armazenamento, Nuvem, Internet. 1 COMPUTAÇÃO EM NUVEM Leonardo André Junges 1 Neimar Sierota 2 Palavras-chave: Tecnologia da Informação, Armazenamento, Nuvem, Internet. 1 INTRODUÇÃO Nos dias atuais encontramos tudo ou praticamente tudo

Leia mais

Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores

Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores Faculdade Integrada do Ceará FIC Graduação em Redes de Computadores Disciplina - Sistemas Distribuídos Prof. Andrey Halysson Lima Barbosa Aula 12 Computação em Nuvem Sumário Introdução Arquitetura Provedores

Leia mais

Documento técnico de negócios Gerenciamento de nuvens híbridas

Documento técnico de negócios Gerenciamento de nuvens híbridas Documento técnico de negócios Gerenciamento de nuvens híbridas Uma solução de gerenciamento de nuvens abrangente, segura e flexível Documento técnico de negócios Página 2 Frente às tendências significativas

Leia mais

O poder da colaboração e da comunicação baseadas na Nuvem

O poder da colaboração e da comunicação baseadas na Nuvem O poder da colaboração e da comunicação baseadas na Nuvem O Microsoft Office 365 é a suíte de Produtividade da Microsoft, que oferece as vantagens da Nuvem a empresas de todos os tamanhos, ajudando-as

Leia mais

Matriz global: 5 Speen Street Framingham, MA 01701 EUA Tel.: 508.872.8200 Fax: 508.935.4015 www.idc.com

Matriz global: 5 Speen Street Framingham, MA 01701 EUA Tel.: 508.872.8200 Fax: 508.935.4015 www.idc.com Matriz global: 5 Speen Street Framingham, MA 01701 EUA Tel.: 508.872.8200 Fax: 508.935.4015 www.idc.com B O L E T I M I N F O R M A T I V O M a x i m i z a n d o S e u A m b i e n t e V i r t u a l p a

Leia mais

Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP

Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP Arcserve Backup: Como proteger ambientes NAS heterogêneos com NDMP Phil Maynard UNIDADE DE SOLUÇÕES DE GERENCIAMENTO DE DADOS PARA O CLIENTE FEVEREIRO DE 2012 Introdução Em todos os lugares, o volume de

Leia mais