REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL (FUNDO COESÃO)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL (FUNDO COESÃO)"

Transcrição

1 CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO I REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL (FUNDO COESÃO) DOMÍNIO DE INTERVENÇÃO REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL REGULAMENTO ESPECÍFICO REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL CÓDIGO DO CONVITE: POVT de julho de 2013

2 CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO I REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL DOMINIO DE INTERVENÇÃO: REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL Preâmbulo A Autoridade de Gestão (AG) do Programa Operacional Temático Valorização do Território (POVT) poderá adotar a modalidade de Convite para apresentação de candidaturas, nos termos do número 2. do artigo 12º do Regulamento Específico (RE) Redes e Equipamentos Estruturantes Nacionais de Transportes e Mobilidade Sustentável, o qual foi aprovado pela Comissão Ministerial de Coordenação do POVT (CMC) em 15 de outubro de 2007 e alterado por deliberação da mesma CMC em 6 de fevereiro de 2012, 8 de agosto de 2012e 13 de dezembro de A AG do POVT torna público o presente Convite dirigido à Rede Ferroviária Nacional REFER, EPE na qualidade de entidade pública prevista no artigo 5.º do referido Regulamento Específico, destinado à apresentação de candidaturas que visem projetos estruturantes no domínio dos transportes e do desenvolvimento sustentável e prioritários para o cumprimento dos objetivos e metas fixadas no Eixo I do POVT. Reconhecido o caráter prioritário e emergente das intervenções que visam os objetivos constantes do artigo 2º do Regulamento Específico, a Comissão Diretiva do POVT deliberou em reunião realizada no dia 11 de julho de 2013, a abertura do presente Convite, o qual é divulgado através do sítio da internet do POVT ( e definido nos termos do presente convite. Reconhecido o caráter prioritário e emergente das intervenções que visam os objetivos constantes do artigo 2º e da Tipologia de operações previstas na alínea b) do artigo 4.º do Regulamento Específico, a Comissão Diretiva do POVT deliberou em reunião realizada no dia 11 de julho de 2013, a abertura do presente Convite, o qual é divulgado através do sítio da internet do POVT ( 1. Âmbito O presente Convite é efetuado no âmbito do domínio de intervenção integrado no Eixo I Redes e Equipamentos Estruturantes Nacionais de Transportes e Mobilidade Sustentável do POVT, regendo-se pelo Regulamento Específico do referido domínio de intervenção, nos termos em que foi aprovado em 15 de outubro de 2007 e alterado por deliberação da mesma CMC em 6 de Fevereiro de 2012, 8 de agosto de 2012 e 13 de dezembro de A versão em vigor pode ser consultada no âmbito do presente convite. O presente Convite contempla a possibilidade de serem apresentadas candidaturas que visem os objetivos previstos no ponto 2. seguinte. Página 2

3 2. Objetivos As intervenções a incluir nas candidaturas devem visar os seguintes objetivos previstos no artigo 2º do referido Regulamento Específico: Reforçar a conetividade do território nacional, tendo especialmente em vista alcançar o seguinte perfil de conetividade e contribuir para a modernização e desenvolvimento da rede ferroviária convencional: Operacionalizar ligações em falta inseridas na Rede Transeuropeia de Transportes; Aumentar a atratividade territorial, nos diferentes contextos da sua inserção nacional, ibérica e europeia; Promover uma maior sustentabilidade económica e ambiental no uso das infraestruturas de transporte. 3. Tipologia de Operações Poderão ser apresentadas candidaturas no âmbito do presente Convite, as que se enquadrem nas seguintes tipologias de operação do Eixo Prioritário I Redes e Equipamentos Estruturantes Nacionais de Transportes e Mobilidade Sustentável, do Programa Operacional Temático Valorização do Território, previstas no artigo 4º do respetivo Regulamento Específico: b) Construção e modernização de linhas e troços da rede ferroviária convencional, incluindo designadamente interfaces e ligações a portos, ações preparatórias e complementares, trabalhos de construção civil, obras de arte, sinalização, telecomunicações, controle de velocidade, e sistemas necessários à garantia de interoperabilidades. 4. Âmbito Geográfico São elegíveis ao cofinanciamento do Fundo de Coesão no âmbito deste Regulamento, as operações localizadas em todas as regiões NUTS II do Continente: Norte, Centro, Alentejo, Lisboa e Algarve. 5. Dotação financeira e taxa máxima de cofinanciamento A dotação de Fundo de Coesão máxima a que poderá ascender o presente Convite é de 133,8 milhões de euros, caso as classificações finais das candidaturas sejam suficientes para aprovação, nos termos dos pontos 8 e 9 deste Convite. Este montante poderá ser aumentado, em função das disponibilidades do Eixo I do POVT. As decisões de financiamento das candidaturas a submeter no âmbito do presente Convite poderão, numa primeira fase, antes da decisão da Comissão Europeia sobre a proposta de reprogramação do POVT aprovada pela Comissão de Acompanhamento em 18 de junho de 2013 e outros descompromissos de Fundo no Eixo I, ter uma condicionante de aprovação em overbooking, enquanto não se concretizar o reforço de Fundo de Coesão e/ou libertação de Fundo decorrente de quebras em projetos aprovados no Eixo I do POVT. A taxa máxima de cofinanciamento Fundo de Coesão das operações a aprovar no âmbito do presente Convite será a fixada nos termos do artigo 11º do Regulamento Específico em vigor à data de aprovação. Página 3

4 6. Período para receção de candidaturas O período para submissão de candidaturas decorre entre a data de publicação do presente Convite (15 de julho) e as 19 horas do dia 15 de setembro de Apresentação das candidaturas 7.1. Condições de admissibilidade e de aceitabilidade do beneficiário e da operação As condições de admissibilidade e de aceitabilidade do beneficiário, da operação e da elegibilidade das despesas são as fixadas nos artigos 6.º, 7.º, 8.º e 9.º do RE Redes e Equipamentos Estruturantes Nacionais de Transportes e Mobilidade Sustentável, na versão aprovada pela CMC do POVT e com as alterações aprovadas em 6 de fevereiro de 2012, 8 de agosto de 2012 e 13 de dezembro de Para além das condições de admissibilidade e aceitabilidade das operações previstas no artigo 7º do RE, as operações deverão ainda satisfazer os seguintes requisitos mínimos de maturidade, os quais são cumulativos: Demonstrar que à data de apresentação da candidatura se encontra(m) adjudicado(s) o(s) procedimento(s) concursal(ais) da componente principal da operação; Demonstrar que a execução física e financeira de todas as componentes da operação não ultrapassa o limite de 31 de dezembro de As candidaturas só deverão incluir as ações que cumpram os requisitos de autonomia física, financeira e operacional que permita a sua clara identificação e operacionalização até 31 de dezembro de Nas candidaturas a apresentar só poderão ser consideradas elegíveis os investimentos incluídos em planos integrados de modernização da ferrovia que visem a melhoria do nível de serviço ferroviário prestado, não sendo elegíveis os trabalhos de manutenção de via e/ou infraestruturas Modo de apresentação das candidaturas As candidaturas deverão ser apresentadas à AG do POVT no âmbito do presente Convite, nos termos e condições fixadas no respetivo RE - Redes e Equipamentos Estruturantes Nacionais de Transportes e Mobilidade Sustentável do Eixo I do POVT e em conformidade com as indicações expressas no formulário de candidatura e disposições gerais e específicas aplicáveis que se encontram previstas no Manual de Procedimentos do POVT, disponíveis no sítio da Internet: Documentos a apresentar com a candidatura Além do formulário de candidatura e dos anexos, exigidos nas instruções de preenchimento do formulário e no Manual de Procedimentos, a candidatura deverá incluir uma nota justificativa do contributo da operação para cada um dos critérios de seleção, tendo em conta os respectivos parâmetros de avaliação, conforme indicado no ponto 9 do presente Convite Público. A esta nota deverá ser anexada a documentação demonstrativa considerada pertinente. As candidaturas deverão também integrar os documentos que comprovem os requisitos de admissibilidade e aceitabilidade do beneficiário e da operação, nos termos que se encontram previstos no RE e ainda dos requisitos mínimos de maturidade fixados no ponto 7 do presente Convite. Caso as candidaturas a apresentar sejam geradoras de receitas, na aceção do Artigo 55º do Regulamento (CE) nº 1083/2006, e o seu custo total do investimento ultrapassar 1 milhão de euros, Página 4

5 deverão demonstrar o cumprimento do nº 2 do referido artigo. Nestes termos, todas as candidaturas nestas condições devem ser acompanhadas por um Estudo de Viabilidade Económica e Financeira (EVEF) que permita o cálculo do funding gap, elaborado de acordo com as orientações comunitárias e nacionais aplicáveis. As candidaturas podem ainda conter outra informação complementar que o proponente considere útil e pertinente, designadamente a sua articulação com outros programas, projetos e ações, públicos ou privados, em curso ou previstos para a mesma área geográfica. Deverá ainda ser anexada a check-list dos documentos entregues pelo beneficiário e exigíveis no âmbito da candidatura, que se encontra disponível em no separador Apresentação de Candidaturas/Check-List. 8. Seleção das Operações Serão selecionadas para cofinanciamento do Fundo de Coesão as operações que obtenham uma classificação final igual ou superior a 2,5 pontos, apurada de acordo com os critérios de seleção e a metodologia apresentada no ponto seguinte e se enquadrem na dotação do Fundo de Coesão indicada no ponto 5. do presente aviso 9. Apuramento do Mérito Na seleção das operações respeitantes às tipologias previstas no nº 3 do presente Convite serão aplicados os critérios de seleção aprovados pela Comissão de Acompanhamento do POVT, tendo em conta os parâmetros de avaliação e os coeficientes de ponderação indicados no quadro seguinte: CRITÉRIOS E PARÂMETROS DE AVALIAÇÃO A CONSIDERAR NO APURAMENTO DO MÉRITO DAS OPERAÇÔES a. Classificação a atribuir a cada critério de seleção Critérios de seleção Parâmetros de avaliação Peso a) Contributo para o reforço da conectividade do território continental à escala da União Europeia, Ibérica e Nacional, aplicável na seleção de operações previstas nas alíneas a), b), d), e) e f) do artigo 4.º do Regulamento Especifico. Avaliação da candidatura em função da dimensão e relevância do investimento, do contributo para a conectividade global, da melhoria das acessibilidades rodoviárias e ferroviárias a Espanha, do contributo para a melhoria da interoperabilidade ferroviária com a rede espanhola e da Integração em Projeto Prioritário Europeu das Redes Transeuropeias de Transportes. 0,20 b) Contributo para o reforço da atratividade e competitividade do território nacional e das suas regiões e empresas aplicável na seleção de operações das tipologias previstas nas alíneas a), b), d), e) e f) do artigo 4.º do Regulamento Especifico. Avaliação da candidatura em função do contributo para a melhoria das acessibilidades regionais, estruturantes da consolidação de um modelo territorial mais policêntrico e competitivo, da população potencialmente beneficiada e das atividades económicas potencialmente beneficiadas e que poderão ser atraídas para instalação nas regiões abrangidas. 0,20 Página 5

6 c) Contributo para o reforço da intermodalidade e da competitividade de modos de transporte menos poluentes aplicável na seleção de operações previstas nas alíneas a), b) e f) do artigo 4.º do Regulamento Específico. d) Contributo para a melhoria da acessibilidade da Área Metropolitana de Lisboa à Rede Transeuropeia de Transportes aplicável na seleção de operações previstas na alínea d) do artigo 4.º do Regulamento Específico. Avaliação da candidatura em função do contributo para articulação modal ou intermodal envolvendo modos de transporte menos poluentes. Não aplicável neste Convite 0,10 - e) Contributo em ganhos ambientais e para o desenvolvimento de uma mobilidade mais sustentável aplicável na seleção de operações previstas nas alíneas a), b) f) e g) do artigo 4.º do Regulamento Específico. f) Contributo para a melhoria dos sistemas de informação, de gestão e operação portuários, visando a melhoria do funcionamento da cadeia de transporte e o aumento da atratividade do transporte marítimo aplicável na seleção de operações previstas nas alienas b) e f) do artigo 4.º do Regulamento Específico. Avaliação da candidatura em função do contributo para a redução das emissões de gases com efeito de estufa, tendo em conta a eficiência energética, a transferência modal e da utilização de fontes primárias de energia. Não aplicável neste Convite 0,25 - g) Contributo para o reforço dos sistemas de transportes ferroviários urbanos, aplicável na seleção de operações previstas na alínea g) do artigo 4.º do Regulamento Específico. Não aplicável neste Convite - h) Complementaridade com ações cofinanciadas por outros instrumentos de financiamento, nacionais ou comunitários aplicável na seleção de operações previstas nas alíneas a), b), d), e), f), g) e h) do artigo 4.º do Regulamento Específico. Avaliação da candidatura em função da complementaridade com operações cofinanciadas por outros instrumentos de financiamento, que potenciem os seus objetivos, através da evidência de existência de relação de complementaridade, direta ou indireta. 0, Classificação a atribuir a cada critério de seleção As operações serão classificadas segundo cada critério (Classificações Parciais) numa escala [0 5]. O contributo de cada operação para cada um dos critérios em apreciação será avaliado de acordo com a seguinte escala de avaliação: Inexistente Reduzido Pouco Significativo Significativo Muito Significativo Extremamente significativo Página 6

7 9.2. Classificação Final A Classificação Final (CF) de cada projeto ou operação é estabelecida na escala de [0 5] por agregação das classificações segundo cada critério, através das seguintes funções polinomiais: Para as candidaturas com o enquadramento na alínea b) do artigo 4º do Regulamento Específico: CF = 0,20*CP a) + 0,20*CP b) + 0,10*CP c) + 0,25*CP e) + 0,25*CP h) Para as candidaturas com o enquadramento na alínea g) do artigo 4º do Regulamento Específico: CF = 0,25*CP e) + 0,50*CP g) + 0,25*CP h) CP i = Classificação Parcial da operação segundo o Critério i, variando entre a) e h) (A classificação será estabelecida até à 2ª casa decimal sem arredondamento) 10. Comunicação da Decisão ao Beneficiário Regra geral, a comunicação relativa à decisão sobre candidaturas aceites, será endereçada aos respetivos beneficiários até 2 meses contados da notificação da sua aceitação. 11. Linha de atendimento Pedidos de informação ou de esclarecimento devem ser dirigidos para: Programa Operacional Temático Valorização do Território Avenida D. João II, Lote º / Lisboa Telefone: / Fax: Lisboa, 15 de julho de 2013 A Presidente da Comissão Diretiva, Helena Pinheiro de Azevedo Página 7

EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO)

EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EM REGIME DE OVERBOOKING EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) DOMÍNIO DE INTERVENÇÃO PREVENÇÃO

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO COESÃO)

EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO COESÃO) CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS www.povt.qren.pt EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO COESÃO) DOMÍNIO DE INTERVENÇÃO RECUPERAÇÃO DE

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) CÓDIGO DO AVISO: POVT - POVT-35-2013-59

EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) CÓDIGO DO AVISO: POVT - POVT-35-2013-59 CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURA EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) DOMÍNIO DE INTERVENÇÃO PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS REGULAMENTO

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO III AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS

EIXO PRIORITÁRIO III AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS CÓDIGO DO AVISO: POVT- 35-2011-41 17 de Janeiro

Leia mais

CÓDIGO DO AVISO: POVT-35-2013-63

CÓDIGO DO AVISO: POVT-35-2013-63 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS

Leia mais

Programa Operacional Regional de Lisboa

Programa Operacional Regional de Lisboa AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EM REGIME DE APROVAÇÃO CONDICIONADA - OVERBOOKING Considerando que a dotação global do Programa Operacional já está comprometida, não existindo recursos financeiros,

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO. Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 6/02/2012, 8/08/2012,13/12/2012 e 2/10/2013

PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO. Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 6/02/2012, 8/08/2012,13/12/2012 e 2/10/2013 PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 6/02/2012, 8/08/2012,13/12/2012 e 2/10/2013 REDES E EQUIPAMENTOS NACIONAIS DE TRANSPORTES ENTRADA EM VIGOR EM 3/10/2013

Leia mais

Promover o Emprego e Apoiar a Mobilidade Laboral

Promover o Emprego e Apoiar a Mobilidade Laboral AVISO/CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL 2014-2020 (MADEIRA14-20) EIXO PRIORITÁRIO 7 Promover o Emprego e Apoiar a Mobilidade Laboral PRIORIDADE DE INVESTIMENTO (PI)

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO MADEIRA 14-20

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO MADEIRA 14-20 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL DA 2014-2020 (MADEIRA 14-20) EIXO PRIORITÁRIO 3 Reforçar a Competitividade das Empresas PRIORIDADE DE INVESTIMENTO (PI) 3.b Desenvolvimento

Leia mais

PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS DOMÍNIO - RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL

PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS DOMÍNIO - RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS DOMÍNIO - RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL CÓDIGO DO AVISO: POVT-34-2010-39

Leia mais

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Promoção da Mobilidade Urbana. Aviso para apresentação de candidaturas CIMC/MT/02/2010 -

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Promoção da Mobilidade Urbana. Aviso para apresentação de candidaturas CIMC/MT/02/2010 - Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano Promoção da Mobilidade Urbana Aviso para apresentação de candidaturas - Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano Promoção da Mobilidade Urbana

Leia mais

Energia 2ª ALTERAÇÃO AO AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO. Aviso - ALG-48-2011-01. Eixo Prioritário 3 Valorização Territorial e Desenvolvimento Urbano

Energia 2ª ALTERAÇÃO AO AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO. Aviso - ALG-48-2011-01. Eixo Prioritário 3 Valorização Territorial e Desenvolvimento Urbano 2ª ALTERAÇÃO AO AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO Eixo Prioritário 3 Valorização Territorial e Desenvolvimento Urbano Energia Aviso - ALG-48-2011-01 Página 1 de 2 A Autoridade de Gestão do POAlgarve 21, comunica

Leia mais

CÓDIGO DO AVISO: POVT-35-2013-64

CÓDIGO DO AVISO: POVT-35-2013-64 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO, GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO DE COESÃO) TIPOLOGIA DE INTERVENÇÃO PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS

Leia mais

INSTITUCIONAL. Eixo Prioritário 5 GOVERNAÇÃO E CAPACITAÇÃO. Operações no Domínio da Administração em Rede

INSTITUCIONAL. Eixo Prioritário 5 GOVERNAÇÃO E CAPACITAÇÃO. Operações no Domínio da Administração em Rede Eixo Prioritário 5 GOVERNAÇÃO E CAPACITAÇÃO INSTITUCIONAL Operações no Domínio da Administração em Rede Aviso para apresentação de candidaturas - Eixo Prioritário V Governação e Capacitação Institucional

Leia mais

AVISO - CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS

AVISO - CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO I REDES E EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES NACIONAIS DE TRANSPORTES E MOBILIDADE SUSTENTÁVEL (FUNDO COESÃO) DOMÍNIO DE INTERVENÇÃO REDES E EQUIPAMENTOS

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Reforçar a Competitividade das Empresas

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Reforçar a Competitividade das Empresas AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL DA 2014-2020 (MADEIRA 14-20) EIXO PRIORITÁRIO 3 Reforçar a Competitividade das Empresas PRIORIDADE DE INVESTIMENTO (PI) 3.a Promoção do espírito

Leia mais

Aviso - ALG-28-2015-11

Aviso - ALG-28-2015-11 Eixo Prioritário 5 Investir no Emprego OT 8 Promover a Sustentabilidade e a Qualidade do Emprego, e Apoiar a Mobilidade dos Trabalhadores PI 8.9 Apoio ao crescimento propício ao emprego, através do desenvolvimento

Leia mais

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Mobilidade Territorial

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Mobilidade Territorial Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano Mobilidade Territorial Convite Público à Apresentação de Candidaturas no domínio dos Sistemas ferroviários ligeiros (metro) MT/01/2008 MOBILIDADE TERRITORIAL

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS (RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL)

EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS (RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL) AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO III PREVENÇÃO, GESTAO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS NATURAIS E TECNOLÓGICOS (RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL) OOOOOOOOO 17 de Março de 2008 AVISO PARA

Leia mais

(MADEIRA 14-20) 121. Preparação, execução, acompanhamento e inspeção 122. Avaliação e estudos 123. Informação e comunicação

(MADEIRA 14-20) 121. Preparação, execução, acompanhamento e inspeção 122. Avaliação e estudos 123. Informação e comunicação AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL DA 2014-2020 (MADEIRA 14-20) EIXO PRIORITÁRIO 12 Assistência Técnica PRIORIDADE DE INVESTIMENTO (PI) AT.1 Assistência Técnica - FEDER OBJETIVO

Leia mais

Promover a Inclusão Social e Combater a Pobreza

Promover a Inclusão Social e Combater a Pobreza AVISO/CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL 2014-2020 (MADEIRA14-20) EIXO PRIORITÁRIO 8 Promover a Inclusão Social e Combater a Pobreza PRIORIDADE DE INVESTIMENTO (PI)

Leia mais

Saúde Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas S/1/2007

Saúde Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas S/1/2007 Saúde Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas S/1/2007 Saúde Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas S/1/2007 Nos termos do Regulamento Específico Saúde

Leia mais

AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS

AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) EIXO PRIORITÁRIO 1 APOIAR A TRANSIÇÃO PARA UMA ECONOMIA COM BAIXAS EMISSÕES

Leia mais

Sistemas de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial e Logística (SAAAEL) Aviso para apresentação de Candidaturas em Contínuo Balcão Permanente

Sistemas de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial e Logística (SAAAEL) Aviso para apresentação de Candidaturas em Contínuo Balcão Permanente Eixo Prioritário I Competitividade, Inovação e Conhecimento Sistemas de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial e Logística (SAAAEL) Aviso para apresentação de Candidaturas em Contínuo Balcão Permanente

Leia mais

Eixo Prioritário 2 Protecção e Qualificação Ambiental. Acções de Valorização e Qualificação Ambiental. Aviso - ALG-31-2010-02

Eixo Prioritário 2 Protecção e Qualificação Ambiental. Acções de Valorização e Qualificação Ambiental. Aviso - ALG-31-2010-02 Eixo Prioritário 2 Protecção e Qualificação Ambiental Acções de Valorização e Qualificação Ambiental Aviso - ALG-31-2010-02 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS ACÇÕES DE VALORIZAÇÃO E QUALIFICAÇÃO

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 01 / SAESCTN / 2012

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 01 / SAESCTN / 2012 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 01 / SAESCTN / 2012 SISTEMA DE APOIO A ENTIDADES DO SISTEMA CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO NACIONAL (SAESCTN) PROJETOS DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA E DESENVOLVIMENTO

Leia mais

AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR)

AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) EIXO PRIORITÁRIO 3 PROTEGER O AMBIENTE E PROMOVER A EFICIÊNCIA DOS RECURSOS

Leia mais

Eixo Prioritário V Assistência Técnica

Eixo Prioritário V Assistência Técnica Eixo Prioritário V Assistência Técnica Convite Público à Apresentação de Candidatura no Domínio da Assistência Técnica no Âmbito da Delegação de Competências com os Organismos Intermédios na gestão dos

Leia mais

AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO

AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO AVISO DE ABERTURA DE CONCURSO Eixo Prioritário IV Protecção e Valorização Ambiental ACÇÕES DE VALORIZAÇÃO E QUALIFICAÇÃO AMBIENTAL GESTÃO DE RECURSOS HÍDRICOS ÁGUAS INTERIORES Aviso nº : CENTRO-VQA-2009-14-PIN-07

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO. Deliberações CMC POVT: 25/03/2011, 6/02/2012, 20/03/2012, 8/08/2012 e 2/10/2013

PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO. Deliberações CMC POVT: 25/03/2011, 6/02/2012, 20/03/2012, 8/08/2012 e 2/10/2013 PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO Deliberações CMC POVT: 25/03/2011, 6/02/2012, 20/03/2012, 8/08/2012 e 2/10/2013 PREVENÇÃO E GESTÃO DE RISCOS ENTRADA EM VIGOR EM 3/10/2013 NA REDAÇÃO DADA

Leia mais

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Qualificação dos Níveis de Serviço da Rede EENN e EEMM

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Qualificação dos Níveis de Serviço da Rede EENN e EEMM Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano Qualificação dos Níveis de Serviço da Rede EENN e EEMM Aviso para apresentação de candidaturas em contínuo Qualificação dos Níveis de Serviço da Rede

Leia mais

2.c.1 Melhorar os níveis de disponibilidade de serviços públicos on-line

2.c.1 Melhorar os níveis de disponibilidade de serviços públicos on-line AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL 2014-2020 (MADEIRA14-20) EIXO PRIORITÁRIO 2 Melhorar o Acesso às Tecnologias de Informação e da Comunicação, bem como a sua Utilização

Leia mais

Área Metropolitana do. Porto 2007-2013. Programa Territorial de Desenvolvimento

Área Metropolitana do. Porto 2007-2013. Programa Territorial de Desenvolvimento Área Metropolitana do Porto 2007-2013 Programa Territorial de Desenvolvimento Modernização do Governo Electrónico e melhoria da relação das empresas e dos cidadãos com a Administração Desconcentrada e

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DE LISBOA Deliberações CMC POR: 9/10/2007, 15/07/2008, 30/01/2012 e 8/08/2012 SAÚDE (LISBOA) ENTRADA EM VIGOR DA ÚLTIMA ALTERAÇÃO EM 9/08/2012 NA REDAÇÃO DADA PELA DELIBERAÇÃO

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA

EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA Convite Público à Apresentação de Candidatura no Domínio da Assistência Técnica aos Organismos Intermédios Eixo Prioritário VI - Assistência Técnica Convite para

Leia mais

SISTEMA DE APOIO A ACÇÕES COLECTIVAS (SIAC) ESTRATÉGIAS DE EFICIÊNCIA COLECTIVA - TIPOLOGIA CLUSTERS E DINÂMICAS DE REDE

SISTEMA DE APOIO A ACÇÕES COLECTIVAS (SIAC) ESTRATÉGIAS DE EFICIÊNCIA COLECTIVA - TIPOLOGIA CLUSTERS E DINÂMICAS DE REDE AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 01 / SIAC / 2011 SISTEMA DE APOIO A ACÇÕES COLECTIVAS (SIAC) ESTRATÉGIAS DE EFICIÊNCIA COLECTIVA - TIPOLOGIA CLUSTERS E DINÂMICAS DE REDE Nos termos do Regulamento

Leia mais

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Qualificação do Sistema de Transportes Públicos de Passageiros

Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano. Qualificação do Sistema de Transportes Públicos de Passageiros Eixo Prioritário IV Qualificação do Sistema Urbano Qualificação do Sistema de Transportes Públicos de Passageiros Aviso para apresentação de candidaturas em contínuo Qualificação do Sistema de Transportes

Leia mais

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE. Deliberações CMC POR: 18/06/2010, 25/11/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE. Deliberações CMC POR: 18/06/2010, 25/11/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POR: 18/06/2010, 25/11/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 ECONOMIA DIGITAL E SOCIEDADE DO CONHECIMENTO - ENTRADA EM VIGOR

Leia mais

EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA. Convite Público à Apresentação de Candidatura no Domínio da Assistência Técnica aos Órgãos de Gestão

EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA. Convite Público à Apresentação de Candidatura no Domínio da Assistência Técnica aos Órgãos de Gestão EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA Convite Público à Apresentação de Candidatura no EIXO PRIORITÁRIO VI ASSISTÊNCIA TÉCNICA Convite Público à Apresentação de Candidatura no Domínio da Assistência

Leia mais

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE. Deliberações CMC POR: 6/12/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 ÂMBITO

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE. Deliberações CMC POR: 6/12/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 ÂMBITO PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POR: 6/12/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 PATRIMÓNIO CULTURAL ENTRADA EM VIGOR EM 9/08/2012 NA REDAÇÃO DADA PELA DELIBERAÇÃO

Leia mais

Sistema de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial. Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas - CIMDOURO-AAE-200901

Sistema de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial. Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas - CIMDOURO-AAE-200901 para Apresentação de Candidaturas - Sistema de Apoio a Áreas de Acolhimento Empresarial para Apresentação de Candidaturas - Nos termos do Regulamento Específico - Sistema de Apoio a Áreas de Acolhimento

Leia mais

GUIA PORTUGAL 2020 QUEM? COMO? QUANDO? PORQUÊ? NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS 2014-2020 SPAIN - FRANCE - PORTUGAL - BELGIUM - BRAZIL - CHILE - CANADA

GUIA PORTUGAL 2020 QUEM? COMO? QUANDO? PORQUÊ? NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS 2014-2020 SPAIN - FRANCE - PORTUGAL - BELGIUM - BRAZIL - CHILE - CANADA GUIA PORTUGAL 2020 NOVOS FUNDOS COMUNITÁRIOS 2014-2020 QUEM? COMO? QUANDO? PORQUÊ? www.f-iniciativas.com GUIA PORTUGAL 2020 QUEM? COMO? QUANDO? PORQUÊ? 1. O que é Portugal 2020 2. Metas para o Portugal

Leia mais

PROJECTOS DE EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO

PROJECTOS DE EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 12 / SI / 2009 SISTEMA DE INCENTIVOS À INOVAÇÃO (SI INOVAÇÃO) PROJECTOS DE EMPREENDEDORISMO QUALIFICADO Nos termos do Regulamento do SI Inovação, a apresentação

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES DO SISTEMA URBANO NACIONAL DISPOSIÇÕES GERAIS

PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES DO SISTEMA URBANO NACIONAL DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO Deliberações CMC POVT: 17/03/2008, 6/02/012 e 16/09/2013 EQUIPAMENTOS ESTRUTURANTES DO SISTEMA URBANO ENTRADA EM VIGOR EM 17/09/2013 NA REDAÇÃO DADA PELA

Leia mais

SISTEMA DE APOIO A ACÇÕES COLECTIVAS (SIAC)

SISTEMA DE APOIO A ACÇÕES COLECTIVAS (SIAC) AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 01 / SIAC / 2012 SISTEMA DE APOIO A ACÇÕES COLECTIVAS (SIAC) PROGRAMA ESTRATÉGICO +E+I PROMOÇÃO DA PARTICIPAÇÃO NO 7.º PROGRAMA-QUADRO DE I&DT (UNIÃO EUROPEIA)

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 01 / SIALM / 2013

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 01 / SIALM / 2013 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 01 / SIALM / 2013 SISTEMA DE INCENTIVOS DE APOIO LOCAL A MICROEMPRESAS (SIALM) Nos termos do Regulamento do Sistema de Incentivos de Apoio Local a Microempresas

Leia mais

O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da reunião da Comissão de Acompanhamento de 13/11/07, sendo composto por duas partes:

O presente documento suporta a apreciação do ponto 3 da Agenda da reunião da Comissão de Acompanhamento de 13/11/07, sendo composto por duas partes: EIXO I COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO PME) O presente documento suporta a apreciação do ponto 3

Leia mais

Entrada em vigor em 9/08/2012 na redação dada pela deliberação CMC POVT de 8/08/2012

Entrada em vigor em 9/08/2012 na redação dada pela deliberação CMC POVT de 8/08/2012 Regulamento Específico Prevenção e Gestão de Riscos Programa Operacional Valorização do Território Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 19/02/2008, 26/08/2009, 25/03/2011, 6/02/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Reforçar a Competitividade das Empresas

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Reforçar a Competitividade das Empresas AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL DA 2014-2020 (MADEIRA 14-20) EIXO PRIORITÁRIO 3 Reforçar a Competitividade das Empresas PRIORIDADE DE INVESTIMENTO (PI) 3.b Desenvolvimento

Leia mais

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE. Deliberações CMC POR: 14/10/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE. Deliberações CMC POR: 14/10/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POR: 14/10/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012 e 8/08/2012 REQUALIFICAÇÃO DA REDE ESCOLAR DO 1.º CICLO DO ENTRADA EM VIGOR EM 9/08/2012

Leia mais

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-53-2015-03

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-53-2015-03 AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-53-2015-03 SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS QUALIFICAÇÃO Nos termos do artigo 8.º do Regulamento Específico do Domínio da Competitividade

Leia mais

Programa Operacional Regional do Algarve

Programa Operacional Regional do Algarve Programa Operacional Regional do Algarve Critérios de Seleção das Candidaturas e Metodologia de Análise Domínio Temático CI Competitividade e Internacionalização Prioridades de investimento: 11.2 Aprovado

Leia mais

SIALM Sistema de Incentivos de Apoio Local a Micro empresas. CCDRC, 14 fevereiro 2013

SIALM Sistema de Incentivos de Apoio Local a Micro empresas. CCDRC, 14 fevereiro 2013 SIALM Sistema de Incentivos de Apoio Local a Micro empresas CCDRC, 14 fevereiro 2013 PROGRAMA VALORIZAR RCM n.º 7/2013, de 9/01 Valorização do território do interior e de baixa densidade demográfica e

Leia mais

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-46-2015-05

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-46-2015-05 AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-46-2015-05 SISTEMA DE APOIO A AÇÕES COLETIVAS TRANSFERÊNCIA DO CONHECIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO Nos termos do artigo 8.º do Regulamento

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 17/03/2008 e 6/02/2012 Deliberação CMC POR: 30/01/2012 e 8/08/2012 AÇÕES INOVADORAS PARA O ENTRADA EM VIGOR EM 9/08/2012 NA REDAÇÃO DADA

Leia mais

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20 59 2015 11. Sistema de Incentivos Qualificação de PME

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20 59 2015 11. Sistema de Incentivos Qualificação de PME AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20 59 2015 11 Sistema de Incentivos Qualificação de PME CONTRATAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS ALTAMENTE QUALIFICADOS DOMÍNIO DA COMPETITIVIDADE

Leia mais

CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO Deliberações CMC POR: 26/03/2008, 17/04/2009, 14/08/2009, 20/04/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012, 8/08/2012, e 2/04/2013 Decisão CMC POVT: 6/02/2012,

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 15/09/2008, 31/05/2011 e 6/02/2012 Deliberação CMC POR: 30/01/2012, 8/08/2012 e 20/02/2014 INFRAESTRUTURAS E EQUIPAMENTOS DESPORTIVOS

Leia mais

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPÍTULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO Deliberações CMC POVT: 15/10/2007, 19/02/2008, 6/02/2012, 8/08/2012 e 2/10/2013 RECUPERAÇÃO DO PASSIVO AMBIENTAL ENTRADA EM VIGOR EM 3/10/2013 NA REDAÇÃO

Leia mais

SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO COESÃO)

SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO COESÃO) AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS EIXO PRIORITÁRIO II SISTEMAS AMBIENTAIS E DE PREVENÇÃO GESTÃO E MONITORIZAÇÃO DE RISCOS (FUNDO COESÃO) DOMÍNIO DE INTERVENÇÃO CICLO URBANO DA ÁGUA REGULAMENTO ESPECÍFICO

Leia mais

POCI Aviso n.º3/si/2015 Programa Operacional Fatores de Competitividade INOVAÇÃO PRODUTIVA ENQUADRAMENTO E OBJETIVOS BENEFICIÁRIOS

POCI Aviso n.º3/si/2015 Programa Operacional Fatores de Competitividade INOVAÇÃO PRODUTIVA ENQUADRAMENTO E OBJETIVOS BENEFICIÁRIOS ENQUADRAMENTO E OBJETIVOS POCI Aviso n.º3/si/2015 Programa Operacional Fatores de Competitividade INOVAÇÃO PRODUTIVA O objetivo específico deste concurso consiste em conceder apoios financeiros a projetos

Leia mais

PROJECTOS INDIVIDUAIS E DE COOPERAÇÃO

PROJECTOS INDIVIDUAIS E DE COOPERAÇÃO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 03 / SI / 2009 SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) PROJECTOS INDIVIDUAIS E DE COOPERAÇÃO Nos termos do

Leia mais

AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURA

AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURA AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURA PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) EIXO PRIORITÁRIO 2 PROMOVER A ADAPTAÇÃO ÀS ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS E A PREVENÇÃO

Leia mais

AGENDA VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO

AGENDA VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO Novas Oportunidades para o Financiamento de Investimento Público e Empresarial no âmbito do QREN --- Sines 11 de Março de 2008 A Agenda Operacional para a Valorização do Território é uma estratégia de

Leia mais

AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR)

AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) EIXO PRIORITÁRIO 3 PROTEGER O AMBIENTE E PROMOVER A EFICIÊNCIA DOS RECURSOS

Leia mais

Adenda aos Critérios de Selecção

Adenda aos Critérios de Selecção Adenda aos Critérios de Selecção... Critérios de Selecção SI Qualificação PME EIXO I COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE

Leia mais

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO MADEIRA 14-20

REGULAMENTO ESPECÍFICO DO MADEIRA 14-20 AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL 2014-2020 (MADEIRA14-20) EIXO PRIORITÁRIO 9 Investimento em competências, educação e aprendizagem ao longo da vida PRIORIDADE DE INVESTIMENTO

Leia mais

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POR: 17/12/2010, 4/04/2011, 30/01/2012, 20/03/2012, 8/08/2012, 12/11/2012 e 16/09/2013 SISTEMA DE APOIO A PARQUES DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Leia mais

Resumo do Acordo de Parceria para Portugal, 2014-2020

Resumo do Acordo de Parceria para Portugal, 2014-2020 COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 30 de julho de 2014 Resumo do Acordo de Parceria para Portugal, 2014-2020 Informações gerais O Acordo de Parceria abrange cinco fundos: Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional

Leia mais

COMISSÃO MINISTERIAL DE COORDENAÇÃO DO PROGRAMA OPERACIONAL POTENCIAL HUMANO

COMISSÃO MINISTERIAL DE COORDENAÇÃO DO PROGRAMA OPERACIONAL POTENCIAL HUMANO Despacho Considerando que os regulamentos específicos do Programa Operacional Potencial Humano (POPH) são aprovados pela respectiva Comissão Ministerial de Coordenação, nos termos do n.º 5 do artigo 30º

Leia mais

AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS

AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) EIXO PRIORITÁRIO 3 PROTEGER O AMBIENTE E PROMOVER A EFICIÊNCIA DOS RECURSOS

Leia mais

Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Norte. Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Alentejo

Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Norte. Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Alentejo Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Norte Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Centro Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional de Lisboa Autoridade

Leia mais

OPERAÇÕES INDIVIDUAIS E OPERAÇÕES TRANSVERSAIS

OPERAÇÕES INDIVIDUAIS E OPERAÇÕES TRANSVERSAIS AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS N.º 01/ SAMA/ 2012 SISTEMA DE APOIOS À MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA (SAMA) OPERAÇÕES INDIVIDUAIS E OPERAÇÕES TRANSVERSAIS Nos termos do Regulamento do SAMA, a apresentação

Leia mais

MECANISMO DE APOIO À ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE COOPERAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO

MECANISMO DE APOIO À ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE COOPERAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO MECANISMO DE APOIO À ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE COOPERAÇÃO PARA O DESENVOLVIMENTO Na sequência dos trabalhos desenvolvidos pelo Fórum para a Cooperação, implementado em 2008, e reconhecendo o papel que

Leia mais

Regulamento Específico Prevenção e Gestão de Riscos Naturais e Tecnológicos Acções Materiais

Regulamento Específico Prevenção e Gestão de Riscos Naturais e Tecnológicos Acções Materiais Regulamento Específico Prevenção e Gestão de Riscos Naturais e Tecnológicos Acções Materiais Programa Operacional Valorização do Território Deliberações CMC POR: 26/03/2008, 17/04/2009, 14/08/2009, 20/04/2010,

Leia mais

CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº POISE-20-2015-07

CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº POISE-20-2015-07 CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº POISE-20-2015-07 Apoios à Contratação Iniciativa Emprego Jovem Programa Operacional Inclusão Social e Emprego Objetivo Temático 8 - Promover a sustentabilidade

Leia mais

REGULAMENTO DO PASSAPORTE PARA O EMPREENDEDORISMO

REGULAMENTO DO PASSAPORTE PARA O EMPREENDEDORISMO REGULAMENTO DO PASSAPORTE PARA O EMPREENDEDORISMO Artigo 1º Âmbito Ao abrigo do n.º 1 do artigo 8.º da Portaria n.º 370-A/2012, de 15 de novembro de 2012, o presente regulamento estabelece os procedimentos

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL FATORES DE COMPETITIVIDADE E PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE SISTEMA DE APOIOS À MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA

PROGRAMA OPERACIONAL FATORES DE COMPETITIVIDADE E PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE SISTEMA DE APOIOS À MODERNIZAÇÃO ADMINISTRATIVA PROGRAMA OPERACIONAL FATORES DE COMPETITIVIDADE E PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POFC: 16/10/2007, 14/08/2009, 10/09/2010, 7/12/2010, 4/04/2011, 11/04/2012 e 10/08/2012

Leia mais

Aviso para Apresentação de Candidaturas em Contínuo no Domínio da Mobilidade Territorial

Aviso para Apresentação de Candidaturas em Contínuo no Domínio da Mobilidade Territorial EIXO PRIORITÁRIO IV QUALIFICAÇÃO DO SISTEMA URBANO MOBILIDADE TERRITORIAL Aviso para Apresentação de Candidaturas em Contínuo no Domínio da Mobilidade Territorial ML / IV / MT / 02 / 2010 Eixo Prioritário

Leia mais

Portugal 2020. Regras Gerais para Apoios do Portugal 2020

Portugal 2020. Regras Gerais para Apoios do Portugal 2020 Portugal 2020 Regras Gerais para Apoios do Portugal 2020 Out 2014 1 Apresentação dos Programas Os PO financiados pelos FEEI são os seguintes a) Quatro Programas Operacionais temáticos: Competitividade

Leia mais

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos Individuais

Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos Individuais Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos Individuais até concursos abertos 16 de abril de 2012 Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME Projetos

Leia mais

CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS

CAPITULO I DISPOSIÇÕES GERAIS PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POR: 17/04/2009, 14/08/2009, 20/04/2010, 4/04/2011, 30/01/2012 e 20/03/2012 EQUIPAMENTOS PARA A COESÃO LOCAL ENTRADA EM VIGOR EM 21/03/2012

Leia mais

DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO. de 12.12.2014

DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO. de 12.12.2014 COMISSÃO EUROPEIA Bruxelas, 2.2.204 C(204) 9788 final DECISÃO DE EXECUÇÃO DA COMISSÃO de 2.2.204 que aprova determinados elementos do programa operacional "Capital Humano" do apoio do Fundo Social Europeu

Leia mais

SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) VALE INOVAÇÃO

SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) VALE INOVAÇÃO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Nº 07 / SI / 2009 SISTEMA DE INCENTIVOS À QUALIFICAÇÃO E INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME (SI QUALIFICAÇÃO DE PME) VALE INOVAÇÃO Nos termos do Regulamento do SI Qualificação

Leia mais

Cooperação Territorial Transnacional: Irlanda - Espanha - França - Portugal - Reino Unido

Cooperação Territorial Transnacional: Irlanda - Espanha - França - Portugal - Reino Unido MEMO/08/79 Bruxelas, 8 de Fevereiro de 2008 Cooperação Territorial Transnacional: Irlanda - Espanha - França - Portugal - Reino Unido 1. O Programa Operacional de Cooperação Transnacional Espaço Atlântico

Leia mais

PPROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO E PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE

PPROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO E PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE PPROGRAMA OPERACIONAL VALORIZAÇÃO DO TERRITÓRIO E PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POVT: 15/10/07, 14/04/2009, 31/08/2009, 11/04/2011, 6/02/2012 e 20/03/2012 Deliberações

Leia mais

Financiamento da contrapartida nacional de projetos QREN

Financiamento da contrapartida nacional de projetos QREN QREN Financiamento da contrapartida nacional de projetos QREN julho de 2014 Objetivo: financiar a contrapartida nacional de projetos QREN O do Banco Europeu de Investimento (QREN EQ) é uma solução de crédito,

Leia mais

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas

AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS. Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas Nos termos do Regulamento do Sistema de Apoio a Infra-estruturas Científicas e Tecnológicas (SAICT)

Leia mais

Eixo Prioritário III Valorização e Qualificação Ambiental e Territorial Equipamentos para a Coesão Local Equipamentos Sociais

Eixo Prioritário III Valorização e Qualificação Ambiental e Territorial Equipamentos para a Coesão Local Equipamentos Sociais Eixo Prioritário III Valorização e Qualificação Ambiental e Territorial Equipamentos para a Coesão Local Equipamentos Sociais Aviso Apresentação de Candidaturas Equipamentos para a Coesão Local Equipamentos

Leia mais

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE

PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE PROGRAMAS OPERACIONAIS REGIONAIS DO CONTINENTE Deliberações CMC POR: 16/06/2011, 30/01/2012, 20/03/2012, 14/05/2012, 8/08/2012, 2/04/2013 e 20/02/2014 REABILITAÇÃO URBANA ENTRADA EM VIGOR EM 3/04/2013

Leia mais

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-45-2015-08

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-45-2015-08 AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20-45-2015-08 SISTEMA DE APOIO À INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA PROJETOS DE INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO

Leia mais

Promoção Porto e Norte de Portugal - Imaterial -

Promoção Porto e Norte de Portugal - Imaterial - Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos Promoção Porto e Norte de Portugal - Imaterial - Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas Promoção Porto e Norte

Leia mais

1. Contexto. 2. Prioridades abertas

1. Contexto. 2. Prioridades abertas 1. Contexto O Programa Operacional do Objetivo Cooperação Territorial do Espaço Sudoeste Europeu (SUDOE) 2007-2013, elaborado pelos quatro Estados que integram o espaço SUDOE (Espanha, França, Portugal

Leia mais

Sistema de Apoio às Ações Coletivas (SIAC)

Sistema de Apoio às Ações Coletivas (SIAC) Eixo Prioritário I Competitividade, Inovação e Conhecimento Sistema de Apoio às Ações Coletivas (SIAC) Impulso Jovem Aviso de Abertura de Convite Público para Apresentação de Candidaturas Sistema de Apoio

Leia mais

AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR)

AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS PROGRAMA OPERACIONAL SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA NO USO DE RECURSOS (PO SEUR) EIXO PRIORITÁRIO 3 PROTEGER O AMBIENTE E PROMOVER A EFICIÊNCIA DOS RECURSOS

Leia mais

Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos. Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo

Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos. Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo Convite Público para Apresentação de Candidaturas Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo Aviso relativo

Leia mais

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20 42 2015 13 INVESTIMENTOS NA ÁREA DOS EQUIPAMENTOS SOCIAIS E DA SAÚDE

AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20 42 2015 13 INVESTIMENTOS NA ÁREA DOS EQUIPAMENTOS SOCIAIS E DA SAÚDE AVISO DE CONCURSO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO Nº ALT20 42 2015 13 INVESTIMENTOS NA ÁREA DOS EQUIPAMENTOS SOCIAIS E DA SAÚDE INVESTIMENTOS NA ÁREA DA SAÚDE DOMÍNIO DA INCLUSÃO SOCIAL E EMPREGO

Leia mais

Diário da República, 1.ª série N.º 118 19 de junho de 2015 4292-(7)

Diário da República, 1.ª série N.º 118 19 de junho de 2015 4292-(7) Diário da República, 1.ª série N.º 118 19 de junho de 2015 4292-(7) 3 As operações previstas nas alíneas c), d), e), h) e k) do n.º 1 do artigo 30.º são elegíveis na região de Lisboa no âmbito dos apoios

Leia mais

Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos. Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo

Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos. Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo Convite Público para Apresentação de Candidaturas Turismo Escolas de Hotelaria e Turismo Aviso relativo

Leia mais

Promoção Porto e Norte de Portugal - Imaterial -

Promoção Porto e Norte de Portugal - Imaterial - Eixo Prioritário II Valorização Económica de Recursos Específicos Promoção Porto e Norte de Portugal - Imaterial - Aviso de Abertura de Concurso para Apresentação de Candidaturas Promoção Porto e Norte

Leia mais