RELATÓRIO FINAL DE ESTUDO SAL001-10, Revisão 0 AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA MECÂNICA. Produtos Avaliados:

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "RELATÓRIO FINAL DE ESTUDO SAL001-10, Revisão 0 AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA MECÂNICA. Produtos Avaliados:"

Transcrição

1 Kosmoscience Ciência & Tecnologia Cosmética Ltda CNPJ: / Rua Doze de Outubro 688, Valinhos SP Telefax: (19) RELATÓRIO FINAL DE ESTUDO SAL001-10, Revisão 0 Proposta de Estudo SAL001-10, Revisão 0 AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA MECÂNICA Produtos Avaliados: Shampoo Anti-Residuo Salvatore Lote DSL033309; Creme Condicionante Salvatore Lote DSL033309; Patrocinador: Salvatori Indústria e Comércio de Cosméticos e Farmacêuticos Rua Nicolau Cacciatore, Jd dos Pioneiros Presidente Prudente / SP - Brasil RFE-SAL R0, Página 1 de 13, 30/7/2010.

2 I - INTRODUÇÃO A medida das propriedades físico-químicas dos cabelos é um importante auxílio no desenvolvimento de novas formulações, pois essas propriedades estão estreitamente relacionadas à geometria e estado de conservação dos fios. A constituição do córtex é o principal fator determinante das propriedades mecânicas do fio. Contudo, sem a cutícula essa estrutura seria rapidamente alterada. A cutícula é a região externa do fio composta por células alongadas em forma de escamas, dispostas em camadas que se sobrepõem, podendo alcançar de 6 a 10 camadas. A borda livre das células se dirige à extremidade do fio, e, à medida que são agredidas pelo ambiente, essas bordas livres vão ressecando e desprendendo, tornando o córtex desprotegido. Qualquer material elástico, ao sofrer a ação de uma força tensora, sofrerá uma deformação proporcional à força aplicada. De modo análogo, diz-se que para cada deformação elástica está associada uma tensão, que reflete sua tendência a recuperar sua condição normal. A unidade dessa tensão é expressa em termos de força por unidade de área (F/A), sendo essa resistência intrínseca à deformação denominada módulo de Young. À medida que o fio de cabelo sobre a ação de uma força tensora, desenvolve-se uma relação entre a força desenvolvida por uma fibra de cabelo tencionada a sua deformação. Na curva obtida, observam-se três regiões principais: a região elástica, a região plástica e a região pós-plástica. Na região Hookeana as microfibrilas apresentam estrutura de -queratina, ao passo que nas demais se tem a estrutura de - queratina. A região Hookeana da curva, compreendida entre aproximadamente 0 e 2% de deformação, é aquela no qual o alongamento é proporcional à carga aplicada. Nessa região, o cabelo apresenta comportamento semelhante ao de um sólido cristalino, possuindo estrutura na forma, homogeneamente resistente à tensão. Essa resistência é fornecida principalmente devido às ligações de hidrogênio, responsáveis pela estabilização da -hélice e que mantêm sua estrutura de cadeias amorfas estiradas. A relação entre a tensão e a deformação obtida nesta região fornece o módulo elástico da fibra. Na região entre aproximadamente 2% e 25%-30% de deformação, o alongamento do fio aumenta grandemente sem um acréscimo notável na tensão requerida. Essa alteração é explicada pela conversão da estrutura interna das microfibrilas. Enquanto no cabelo, sem estarem tencionadas as microfibrilas são formadas essencialmente por -queratina, na qual as cadeias estão arranjadas em padrões compactos na região plástica ocorre a conversão à estrutura de -queratina, com as cadeias completamente expandidas, numa matriz de líquido viscoso que não oferece qualquer resistência à tensão aplicada. Nessa região, o cabelo comporta-se como um sólido amorfo ou um líquido, e é dito possuir características plásticas. Na região pós-plástica, que é alcançada quando se supera 30% de deformação, a deformação volta a ser proporcional à tensão aplicada, sendo a região na qual as rupturas geralmente ocorrem. Nela, o sistema volta a responder como um sólido cristalino. A resistência à deformação é devida à estrutura em - hélice, e ocorre estiramento até ruptura da fibra. O formato da curva nesta região depende principalmente do teor de cistina na fibra. RFE-SAL R0, Página 2 de 13, 30/7/2010.

3 Quando o cabelo está molhado, a zona plástica inicia-se aproximadamente com a metade da tensão necessária em comparação ao cabelo seco, como resultado de perda de ligações hidrogênio e de interações coulombicas. O aumento da temperatura tem um efeito similar ao aumento do grau de hidratação da fibra, portanto estas duas variáveis dever ser cuidadosamente controladas ao se proceder a estudos dessa natureza. A análise das curvas tensão-deformação permite a avaliação do comportamento de cabelos sob diferentes tratamentos. A aplicação de loções alisantes ou de permanentes, incluindo processos de descoloração, muda o formato da curva. A extensão de estiramento, tanto na zona Hookeana como na plástica é aumentada e o valor de carga necessária para a transição da forma para a forma é diminuído. RFE-SAL R0, Página 3 de 13, 30/7/2010.

4 II - OBJETIVOS O presente estudo tem por objetivo avaliar a Resistência Mecânica da estrutura de cabelos submetidos a tratamentos cosméticos. RFE-SAL R0, Página 4 de 13, 30/7/2010.

5 III PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL 1. Procedimento para o estudo O estudo foi realizado de acordo com o protocolo operacional padrão POP-HAIR-008-R0: Avaliação das propriedades mecânicas de fibras capilares. 2. Identificação das Amostras Shampoo Base; Shampoo Anti-Resíduo Salvatore Lote DSL033309; Creme Condicionante Salvatore Lote DSL Desenho Experimental Foram preparadas 6 mechas de cabelos caucasianos danificados, pesando 5 g e com 25 cm de comprimento (DeMeoBrothers INC, NY-USA). Todas as mechas foram submetidas a um processo padronizado de pré-limpeza, utilizando uma solução 10% de Lauril Éter Sulfato de Sódio (SLES) por 1 minuto seguido de enxágüe em água corrente. As mechas foram secas em um ambiente padronizado a 55 ± 5 % de umidade relativa e 22 ± 2 C, durante 24 horas. As mechas foram divididas em 02 grupos de estudo: Tratamentos Shampoo Base Shampoo Anti-Resíduo Salvatore Lote DSL Creme condicionante Salvatore Lote DSL Código no estudo CTRL TRAT O procedimento de aplicação dos produtos está descrito no Anexo II. 4. Resistência Mecânica Para este ensaio foi utilizado o equipamento da EMIC modelo DL500 dotado de dinamômetro com célula de carga de 20N, Figura 1. Foram avaliados 50 fios, recolhidos ao acaso, entre as 3 mechas tratadas de cada grupo. Cada fio foi preso por uma garra inferior e uma garra superior ligada à célula de carga de um dinamômetro na parte superior. Foram avaliados os parâmetros: deformação na ruptura e força obtida na deformação específica de 20%. A Figura 2 ilustra o modelo de curva obtida no ensaio de tensão vs. deformação. A célula de carga foi pré-carregada, e o aumento na carga foi medido utilizando as taxas de velocidade de tração de 100 mm/min. Médias e desvios padrões foram calculados usando o software GraphPad TM Prism RFE-SAL R0, Página 5 de 13, 30/7/2010.

6 Figura 1. Equipamento de ensaio EMIC DL 500 com suporte para pente. 1,4 1,2 1,0 Força (N) 0,8 0,6 0,4 0,2 0, Figura 2: Modelo de coleta de dados de Resistência Mecânica. Deformação Específica (mm) relativa). Todo o experimento foi realizado em ambiente climatizado (22 ± 2 C, 55 ± 5 % umidade RFE-SAL R0, Página 6 de 13, 30/7/2010.

7 IV RESULTADOS E DISCUSSÕES Foram obtidos valores de Deformação na ruptura (mm) e Força (N) na região de deformação específica de 20%. Os valores obtidos para Deformação, L, e Força, F, para as fibras dos grupos CTRL e TRAT estão listados no Anexo III. Os Gráficos 1 e 2 ilustram os resultados de L e F obtidos, respectivamente. Gráfico 1: Resultados de Deformação, L (mm). Média ± desvio padrão. Gráfico 2: Resultados de Força à 20% de deformação, F (N). Média ± desvio padrão. Os dados obtidos foram estatisticamente analisados através do método do Teste-t de Student, bimodal, não-pareado, considerando um intervalo de confiança de 95%. Os resultados encontram-se sumarizados no Anexo III. De acordo com os resultados da análise estatística os tratamentos CTRL e TRAT apresentaram valores de deformação e força estatisticamente iguais RFE-SAL R0, Página 7 de 13, 30/7/2010.

8 Kosmoscience Ciência & Tecnologia Cosmética Ltda CNPJ: / Rua Doze de Outubro 688, Valinhos SP Telefax: (19) V CONCLUSÕES No presente estudo, mechas de cabelos caucasianos, danificados, foram submetidas aos tratamentos com os produtos abaixo: Shampoo Base grupo CTRL; Shampoo Anti-Resíduo Salvatore Lote DSL Creme condicionante Salvatore Lote DSL grupo TRAT. De acordo com os resultados obtidos dos ensaios de tensão-deformação, não houve diferença significativa de Deformação* e de Força** entre as mechas de cabelos submetidas ao tratamento TRAT quando comparadas ao tratamento CTRL. Dessa forma, pode-se concluir que o tratamento TRAT não provocou alteração significativa na resistência mecânica dos cabelos, em comparação ao shampoo sem agentes condicionantes. * Deformação na ruptura. ** Força na deformação específica de 20%. RFE-SAL R0, Página 8 de 13, 30/7/2010.

9 VI REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 1. Waggoner W.C. and Scott G.V. J. Soc. Cosmet. Chem. 17: (1996). 2. Newman W., Cohen G.L., Hayer C. J. Soc. Cosmet. Chem. 24: (1973). 3. Garcia M.L. J. Soc. Cosmet. Chem. 27: (1976). 4. Epps J. and Wolfram L.J. J. Soc. Cosmet. Chem. 34: (1983). 5. Robbins C.R., Reich C.; J. Soc. Cosmet. Chem. 37: (1986). 6. Naik A., Vives R.J., Cot. J. Objective Assessment of Hair Combability. Proceedings of the 14th IFSCC Congress. Barcelona, Spain, 2: (1986). 7. Hsiung D., Ishii M.; Performace Testing of Hair Care Products, presented at the Midwest Chapter Meeting. Society of Cosm. Chem., Chicago, Feb. (1983). 8. Kamath Y.K. and Weigmann H. J. Soc. Cosmet. Chem. 37: (1986). 9. Bauer J.P., Beck C., Monnais C., Vayssie C. Int. J. Cosmet. Sci. 5: (1983). 10. Caulcutt, R. and Boddy, R. Statistics for Analytical Chemists. Chapman and Hall Ltd. New York (1989). RFE-SAL R0, Página 9 de 13, 30/7/2010.

10 VII HISTÓRICO DA REVISÃO Revisão 0: primeira emissão. RFE-SAL R0, Página 10 de 13, 30/7/2010.

11 ANEXO I Procedimento experimental detalhado. 1. Preparo das Mechas de Cabelo Foram preparadas 6 mechas de cabelo caucasiano, danificado, medindo 25 cm de comprimento, pesando 5 gramas cada, fornecido pela DeMeoBrothers INC. Todas as mechas foram submetidas a um processo padronizado de pré-limpeza utilizando uma solução 10% de Lauril Éter Sulfato de Sódio (SLES) por 1 minuto seguido de enxágüe em água corrente. As mechas foram secas em um ambiente padronizado a 55 ± 5 % de umidade relativa e 22 ± 2 o C, durante 24 horas antes dos ensaios. 2. Tratamento das mechas 2.1. Grupo CTRL a) A água deve estar a C. b) Molhar a mecha durante 20s e retirar o excesso de água. c) Aplicar 1,0 ml do Shampoo Base e massagear durante 60 segundos. Enxaguar 30 segundos a mecha e retirar o excesso de água. d) Repetir o processo de aplicação do Shampoo por mais 2 vezes (totalizando 3 lavagens), sendo que, na 3ª lavagem, deixar em repouso por 20 minutos. Em seguida, enxaguar a mecha por 30 segundos e retirar o excesso de água. f) Secar as mechas por 6 minutos no equipamento Automated Hair Comber, utilizando a velocidade de 6 passagens de pente por minuto. g) Aplicar a prancha térmica alisadora (Taiff expert premium, 175W, ~180 C) em cada mecha por 10 vezes, no sentido raízes-pontas, com duração de 10 s por passagem Grupo TRAT a) A água deve estar a C. b) Molhar a mecha durante 20s e retirar o excesso de água. c) Aplicar 1,0 ml do Shampoo e massagear durante 60 segundos. Enxaguar 30 segundos a mecha e retirar o excesso de água. d) Repetir o processo de aplicação do Shampoo por mais 2 vezes (totalizando 3 lavagens), sendo que, na 3ª lavagem, deixar em repouso por 20 minutos. Em seguida, enxaguar a mecha por 30 segundos e retirar o excesso de água. e) Secar as mechas por 6 minutos no equipamento Automated Hair Comber, utilizando a velocidade de 6 passagens de pente por minuto. f) Aplicar 1,0 ml do Condicionador e massagear durante 60 segundos. g) Secar as mechas por 6 minutos no equipamento Automated Hair Comber, utilizando a velocidade de 6 passagens de pente por minuto. h) Aplicar a prancha térmica alisadora (Taiff expert premium, 175W, ~180 C) em cada mecha por 10 vezes, no sentido raízes-pontas, com duração de 10 s por passagem. RFE-SAL R0, Página 11 de 13, 30/7/2010.

12 ANEXO II Dados experimentais obtidos Valores de Deformação na ruptura e Força de ruptura para os grupos de estudo N Deformação na ruptura (mm) Força à 20% de deformação (N) CTRL TRAT CTRL TRAT 01 21,14 19,69 0,22 0, ,35 24,63 0,22 0, ,38 16,86 0,30 0, ,76 32,18 0,27 0, ,48 27,43 0,29 0, ,62 21,90 0,23 0, ,50 13,01 0,23 0, ,00 30,02 0,45 0, ,64 16,54 0,40 0, ,38 23,41 0,29 0, ,64 16,62 0,20 0, ,31 32,14 0,27 0, ,91 32,08 0,17 0, ,35 26,92 0,37 0, ,84 18,18 0,28 0, ,98 36,37 0,35 0, ,02 16,00 0,42 0, ,79 35,16 0,22 0, ,82 35,21 0,44 0, ,17 32,38 0,21 0, ,43 16,59 0,16 0, ,39 24,00 0,31 0, ,56 20,93 0,25 0, ,56 20,82 0,25 0, ,34 25,19 0,15 0, ,25 23,36 0,31 0, ,98 33,79 0,37 0, ,04 13,56 0,35 0, ,35 34,50 0,42 0, ,43 36,52 0,33 0, ,35 18,48 0,26 0, ,87 15,24 0,24 0, ,19 18,38 0,24 0, ,18 33,08 0,09 0, ,14 28,35 0,30 0, ,75 13,09 0,33 0, ,52 24,00 0,29 0, ,03 32,31 0,50 0, ,91 24,49 0,28 0, ,63 18,11 0,16 0, ,88 18,04 0,51 0, ,54 12,20 0,31 0, ,48 25,73 0,53 0, ,80 30,62 0,31 0, ,66 18,64 0,36 0, ,57 16,30 0,26 0, ,16 34,59 0,37 0, ,99 27,59 0,31 0, ,62 29,28 0,21 0, ,45 33,23 0,27 0,30 RFE-SAL R0, Página 12 de 13, 30/7/2010.

13 ANEXO III Análise estatística. Método: Teste-t de Student, bimodal, não-pareado; intervalo de confiança: 95%. Dados: Valores de Deformação na ruptura, L, Anexo II. Software: GraphPad Prism (GraphPad Software, California/EUA). Unpaired t test CTRL vs. TRAT P value 0,2782 P value summary ns Are means signif. different? (P < 0.05) No One- or two-tailed P value? Two-tailed t, df t=1.090 df=98 How big is the difference? Mean ± SEM of column A ± N=50 Mean ± SEM of column B ± N=50 Difference between means ± % confidence interval to R squared 0,01199 F test to compare variances F,DFn, Dfd 1.238, 49, 49 P value 0,4577 P value summary ns Are variances significantly different? No Método: Teste-t de Student, bimodal, não-pareado; intervalo de confiança: 95%. Dados: Valores de Força à 20% de deformação, F, Anexo II. Software: GraphPad Prism (GraphPad Software, California/EUA). Unpaired t test CTRL vs. TRAT P value 0,8000 P value summary ns Are means signif. different? (P < 0.05) No One- or two-tailed P value? Two-tailed t, df t= df=98 How big is the difference? Mean ± SEM of column A ± N=50 Mean ± SEM of column B ± N=50 Difference between means ± % confidence interval to R squared 0, F test to compare variances F,DFn, Dfd 1.514, 49, 49 P value 0,1500 P value summary ns Are variances significantly different? No RFE-SAL R0, Página 13 de 13, 30/7/2010.

APOSTILA TÈCNICA 18 K

APOSTILA TÈCNICA 18 K 1 APOSTILA TÈCNICA 18 K Colori preziosi A ESTRUTURA DO CABELO O cabelo é composto de três partes: Cutícula, Córtex e Medula. Os principais componentes da fibra capilar são proteínas (Queratina), lipídios,

Leia mais

O QUE É E COMO FAZER A ESCOVA EM GEL KERAPROF

O QUE É E COMO FAZER A ESCOVA EM GEL KERAPROF LIBERDADE TOTAL A escova progressiva em gel é um processo de alisamento de longa duração, desenvolvido para tratar dos seus cabelos dando um resultado imediato já na primeira aplicação em qualquer tipo

Leia mais

BIO EXTRATUS TRANSFORMAÇÃO TRATAMENTO DISCIPLINADOR

BIO EXTRATUS TRANSFORMAÇÃO TRATAMENTO DISCIPLINADOR BIO EXTRATUS TRANSFORMAÇÃO TRATAMENTO DISCIPLINADOR Limpeza profunda, redução de volume e proteção térmica. INDICAÇÃO Todos os tipos de cabelo. FUNÇÃO Diminuir o volume, eliminar o frizz, realinhar e alisar

Leia mais

DICAS PROFIS SIONAIS

DICAS PROFIS SIONAIS DICAS PROFIS SIONAIS A Live.Life Professional sempre pensa em você! Por isso, criamos produtos que interagem entre si, dinamizando o dia-a-dia do salão de beleza, aumentando a qualidade do seu trabalho

Leia mais

Tratamento Com Escova Progressiva Gold

Tratamento Com Escova Progressiva Gold Tratamento Com Escova Progressiva Gold PRODUTOS NECESSÁRIOS: KERATIN PLUS GOLD SHAMPOO KERATIN PLUS GOLD TREATMENT ENHANCING SHAMPOO REVITAL MASK SERUM PRANCHA J PREMIUM 1 PASSO-A-PASSO - Tratamento Escova

Leia mais

ESCOVA DE CAVIAR [RELAXAMENTO DEFINITIVO A BASE DE TIOGLICOLATO]

ESCOVA DE CAVIAR [RELAXAMENTO DEFINITIVO A BASE DE TIOGLICOLATO] 18 KARATI COSMÉTICA PROFISSIONAL ESCOVA DE CAVIAR [RELAXAMENTO DEFINITIVO A BASE DE TIOGLICOLATO] [MÓDULO TÉCNIC0] 2 HAIR CAVIAR 18K ESCOVA DEFINITIVA A BASE DE TIOGLICOLATO DE AMÔNIO FORTE Uso exclusivo

Leia mais

CAPA. Guia de. Tratamentos. Personalizados AVLON

CAPA. Guia de. Tratamentos. Personalizados AVLON CAPA Guia de Tratamentos Personalizados AVLON PRODUTOS KeraCare First Lather Shampoo Limpa profundamente sem eliminar os óleos essenciais do cabelo. Seu ph biológico não agride os fios. Indicado para uso

Leia mais

Quais os danos que o verão pode provocar nos cabelos?

Quais os danos que o verão pode provocar nos cabelos? A maioria das brasileiras aproveita o verão para curtir o sol e o calor ao ar livre.. E na hora de aproveitar o verão, não se deve, nunca, dispensar o uso do chapéu e do filtro solar, pois eles protegem

Leia mais

03 Aplique o shampoo hidratante do Banho de Seda nos cabelos molhados. Massageie-os suavemente por 2 minutos, enxague e repita a aplicação.

03 Aplique o shampoo hidratante do Banho de Seda nos cabelos molhados. Massageie-os suavemente por 2 minutos, enxague e repita a aplicação. REDUÇÃO DE VOLUME BOTOX CAPILAR ÍNDICE OXOPLUS...02 COLOR PLUS...04 RESTAURE PLUS...06 BLONDPLUS...07 SILVERPLUS...07 SOS PLUS...08 PÉROLA...09 BANHO DE SEDA...10 FINISH PLUS...11 Modo uso: Aplique o Shampoo

Leia mais

Tratamento Evolution Pro

Tratamento Evolution Pro Tratamento Evolution Pro ANTI CRESPO/ ONDAZ E CACHOS DISCIPLINADOS EVOLUTION PRO SHAMPOO PRODUTOS NECESSÁRIOS: EVOLUTION PRO FRIZZ TAMER EVOLUTION PRO CONDITIONER PRANCHA J PREMIUM 1 PASSO-A-PASSO - Tratamento

Leia mais

TRATAMENTO RECONSTRUÇÃO E PONTAS PERFEITAS

TRATAMENTO RECONSTRUÇÃO E PONTAS PERFEITAS TRATAMENTO RECONSTRUÇÃO E PONTAS PERFEITAS Benefícios: dá luminosidade, nutre e hidrata por longo tempo. FASE 1 SHAMPOO Aplicar uma quantidade suficiente de ENHANCING SHAMPOO nos cabelos anteriormente

Leia mais

PASSO A PASSO PROFISSIONAL

PASSO A PASSO PROFISSIONAL PASSO A PASSO PROFISSIONAL A G O R A C O M A R G A N & ATIVOS NATURAIS AGORA COM ARGAN E ATIVOS NATURAIS! PRESERVA ATÉ 81% DA ELASTICIDADE ORIGINAL DOS FIOS. Affirm é sinônimo de relaxamento e alisamento

Leia mais

INFORMATIVO TÉCNICO REJUVASOFT

INFORMATIVO TÉCNICO REJUVASOFT FOLHA 1 de 8 PRODUTO: REJUVASOFT DESCRIÇÃO: INCI: Quaternium 91, Cetearyl Alcohol, Behentrimonium Chloride, Myristyl Myristate Nº. CAS: 97281-29-3, 67762-27-0, 17301-53-0, 3234-85-3. Os consumidores estão

Leia mais

Tratar o cabelo fazendo uma simples escova ficou muito mais fácil!

Tratar o cabelo fazendo uma simples escova ficou muito mais fácil! Tratar o cabelo fazendo uma simples escova ficou muito mais fácil! AROMA DO CAMPO E A BELEZA E SAÚDE DOS CABELOS- Tratar bem dos cabelos é tão importante quanto fazer um corte moderno e uma coloração perfeita.

Leia mais

RECONSTRUÇÃO CAPILAR POR NANOQUERATINIZAÇÃO EM PRÁTICAS SUPERVISIONADAS DE CAPILAR DO CURSO DE ESTÉTICA E COSMÉTICA RELATO DE CASO

RECONSTRUÇÃO CAPILAR POR NANOQUERATINIZAÇÃO EM PRÁTICAS SUPERVISIONADAS DE CAPILAR DO CURSO DE ESTÉTICA E COSMÉTICA RELATO DE CASO RECONSTRUÇÃO CAPILAR POR NANOQUERATINIZAÇÃO EM PRÁTICAS SUPERVISIONADAS DE CAPILAR DO CURSO DE ESTÉTICA E COSMÉTICA RELATO DE CASO ESCOBAR Sabrina Batista 1, MORALEZ Joceane Mate 1, FRITZ Flávio 2 Palavras-Chave:

Leia mais

Manual do Mega Hair. Introdução. Sumario

Manual do Mega Hair. Introdução. Sumario Manual do Mega Hair Manual do Mega Hair Introdução Bom você estão interessado em deixar seus cabelos crescerem, mas não a tem tanta paciência para espera por anos. O crescimento do fio de cabelo é bem

Leia mais

LINHA DE PRODUTOS. Cosméticos Profissionais

LINHA DE PRODUTOS. Cosméticos Profissionais LINHA DE PRODUTOS Cosméticos Profissionais Adaphera Brasil entende os cabelos das brasileiras e por isso desenvolve produtos profissionais que combinam alta tecnologia e ativos naturais para melhor atender

Leia mais

Tratamento periódico no salão. Para manter os fios bonitos e saudáveis, realize periódicamente um tratamento profissional

Tratamento periódico no salão. Para manter os fios bonitos e saudáveis, realize periódicamente um tratamento profissional Tratamento periódico no salão. Para manter os fios bonitos e saudáveis, realize periódicamente um tratamento profissional Lelif Reconstrução A linha de reconstrução capilar Lelif é composta por vários

Leia mais

Literaturas. Aquarich

Literaturas. Aquarich Literaturas Aquarich AQUARICH HIDRATANTE IDEAL PARA TODOS OS TIPOS DE PELE E CABELOS INCI Name : Glycerin, Water, Avena Strigosa Seed Extract, Lecithin, Potassium Sorbate AQUARICH é um hidratante potente

Leia mais

APOSTILA PASSO A PASSO

APOSTILA PASSO A PASSO APOSTILA PASSO A PASSO BOTTOX TRAITEMENT Em uma bacia plástica coloque de 40ml a 50ml de Récupérer. Quebre o lacre da bisnaga do Bottox na frente da cliente e derrame todo o conteúdo na bacia plástica.

Leia mais

MATERIAIS METÁLICOS AULA 5

MATERIAIS METÁLICOS AULA 5 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE FEIRA DE SANTANA CURSO DE ENGENHARIA CIVIL DEPARTAMENTO DE TECNOLOGIA MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO I E (TEC 156) MATERIAIS METÁLICOS AULA 5 Profª. Cintia Maria Ariani Fontes 1 Ensaio

Leia mais

A água rompe facilmente as pontes de hidrogênio de estrutura helicoidal da cadeia de aminoácidos alongando o cabelo e quando ocorre secamento as

A água rompe facilmente as pontes de hidrogênio de estrutura helicoidal da cadeia de aminoácidos alongando o cabelo e quando ocorre secamento as Shampoo Cabelo Responsável por 70% da nossa aparência. Mas para que serve?? Nada/ Alguns dizem proteção... Nosso organismo é inteligente: nutrientes vão primeiro para onde mais precisa. A água rompe facilmente

Leia mais

COMPORTAMENTO DOS MATERIAIS SOB TENSÃO. Prof. Rubens Caram

COMPORTAMENTO DOS MATERIAIS SOB TENSÃO. Prof. Rubens Caram COMPORTAMENTO DOS MATERIAIS SOB TENSÃO Prof. Rubens Caram 1 TENSÃO X DEFORMAÇÃO O EFEITO DE TENSÕES NA ESTRUTURA DE METAIS PODE SER OBSERVADO NA FORMA DE DEFORMAÇÕES: EM ESTRUTURAS DE ENGENHARIA, ONDE

Leia mais

www.lunixcosmeticos.com.br P R O F I S S I O N A L TEL.: (11) 5824-7105 7709-3856 contato@lunixcosmeticos.com.br P R O F I S S I O N A L

www.lunixcosmeticos.com.br P R O F I S S I O N A L TEL.: (11) 5824-7105 7709-3856 contato@lunixcosmeticos.com.br P R O F I S S I O N A L P R O F I S S I O N A L TEL.: (11) 5824-7105 7709-3856 contato@lunixcosmeticos.com.br www.lunixcosmeticos.com.br Lunix Cosmeticos P R O F I S S I O N A L REPRESENTANTE COMERCIAL: PRONUTRIUM Profissional:

Leia mais

PARECER TÉCNICO EM QUÍMICA

PARECER TÉCNICO EM QUÍMICA PARECER TÉCNICO EM QUÍMICA RELATÓRIO Trata-se a presente análise, solicitada pelo Promotor de Justiça da área de Publicidade, Dr. Marcos Tofani Baer Bahia, de um estudo dos aspectos químicos do objeto

Leia mais

1. Peça à cliente que não lave os cabelos 3 a 4 dias antes do relaxamento, a oleosidade produzida no couro cabeludo ajuda a proteger a raiz e a pele.

1. Peça à cliente que não lave os cabelos 3 a 4 dias antes do relaxamento, a oleosidade produzida no couro cabeludo ajuda a proteger a raiz e a pele. CREME RELAXANTE COM HIDRÓXIDO DE CÁLCIO - 18K PASSO A PASSO 1. Peça à cliente que não lave os cabelos 3 a 4 dias antes do relaxamento, a oleosidade produzida no couro cabeludo ajuda a proteger a raiz e

Leia mais

NBR 7483/2005. Cordoalhas de aço para concreto protendido Requisitos

NBR 7483/2005. Cordoalhas de aço para concreto protendido Requisitos NBR 7483/2005 Cordoalhas de aço para concreto protendido Requisitos OBJETIVO Fixar os requisitos para fabricação, encomenda, fornecimento e recebimento de cordoalhas de aço de alta resistência de três

Leia mais

www.studiocosmeticos.com

www.studiocosmeticos.com www.studiocosmeticos.com mag que mag que Sistema Liso Contínuo... transforma seus cabelos num passe de mágica. O que é o SISTEMA LISO CONTÍNUO MAGIQUE? O SISTEMA LISO CONTÍNUO é um conjunto de etapas e

Leia mais

Transformação. Thaigo Hair Cosmética - (11) 5661.3385

Transformação. Thaigo Hair Cosmética - (11) 5661.3385 Transformação. K-One Máscara Reestruturadora Hidratante. Reestrutura a fibra capilar e age internamente por meio de compostos nano tecnológicos. Sua ação promove o alinhamento das cutículas e reduz o volume.

Leia mais

FISIOLOGIA CAPILAR 1 APOSTILA EVOLUXE.indd 1 06/06/14 10:14

FISIOLOGIA CAPILAR 1 APOSTILA EVOLUXE.indd 1 06/06/14 10:14 FISIOLOGIA CAPILAR 1 APOSTILA EVOLUXE.indd 1 06/06/14 10:14 FISIOLOGIA CAPILAR SISTEMA DE RELAXAMENTO CAPILAR AVANÇADO A EVOLUXE orgulha-se em apresentar seu Sistema de Relaxamento Capilar Avançado com

Leia mais

Acesse: http://spacestarmodas.com.br/segredo/maquiagem

Acesse: http://spacestarmodas.com.br/segredo/maquiagem http://www.spacestarmodas.com.br 12 Super Dicas Para Hidratar Os Cabelos Aqui vai o Titulo do Capitulo #1 Enganam-se quem acha que só é possível ter cabelos sempre hidratados indo ao salão. Hoje em dia

Leia mais

Composto de nanopartículas de sericina para cabelos perfeitos nos mínimos detalhes. Definição

Composto de nanopartículas de sericina para cabelos perfeitos nos mínimos detalhes. Definição Produto SERISEAL INCI Water (and) Polyquartenariium-7 (and) Sericin (and) Guar Hydroxypropyltrimonium Chloride (and) Cetrimonium Chloride (and) Behentrimonium Chloride. Definição Propriedades Composto

Leia mais

Aço é uma liga metálica composta principalmente de ferro e de pequenas quantidades de carbono (em torno de 0,002% até 2%).

Aço é uma liga metálica composta principalmente de ferro e de pequenas quantidades de carbono (em torno de 0,002% até 2%). ESTRUTURAS DE CONCRETO CAPÍTULO 3 Libânio M. Pinheiro, Cassiane D. Muzardo, Sandro P. Santos. 31 de março, 2003. AÇOS PARA ARMADURAS 3.1 DEFINIÇÃO E IMPORTÂNCIA Aço é uma liga metálica composta principalmente

Leia mais

Materiais em Engenharia. Aula Teórica 6. Ensaios mecânicos (continuação dos ensaios de tracção, ensaios de compressão e de dureza)

Materiais em Engenharia. Aula Teórica 6. Ensaios mecânicos (continuação dos ensaios de tracção, ensaios de compressão e de dureza) Aula Teórica 6 Ensaios mecânicos (continuação dos ensaios de tracção, ensaios de compressão e de dureza) 1 ENSAIO DE TRACÇÃO A partir dos valores da força (F) e do alongamento ( I) do provete obtêm-se

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Faculdade de Farmácia Departamento de Tecnologia Farmacêutica

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Faculdade de Farmácia Departamento de Tecnologia Farmacêutica 1 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE Faculdade de Farmácia Departamento de Tecnologia Farmacêutica ROTEIRO DE AULAS PRÁTICAS Enzimologia e Tecnologia das Fermentações Tecnologia Enzimática e das Fermentações

Leia mais

Fortrix Cosméticos, tecnologia a serviço da beleza, nas mãos dos melhores cabeleireiros do país.

Fortrix Cosméticos, tecnologia a serviço da beleza, nas mãos dos melhores cabeleireiros do país. Fortrix Cosméticos, tecnologia a serviço da beleza, nas mãos dos melhores cabeleireiros do país. A Fortrix Cosméticos foi idealizada em 2008 com a missão de levar aos profissionais da beleza, cosméticos

Leia mais

CONDICIONADOR SHAMPOO. disciplinante violet

CONDICIONADOR SHAMPOO. disciplinante violet Clareia até 7 tons. Não dispersa resíduos. Contém agentes emolientes e hidratantes. Proporciona clareamento de forma rápida em tom platinado. Com sua exclusiva fórmula Dust Free. Sua formulação contém

Leia mais

ENSAIOS DE APLICAÇÃO RESISTÊNCIA À TRAÇÃO

ENSAIOS DE APLICAÇÃO RESISTÊNCIA À TRAÇÃO ENSAIOS DE APLICAÇÃO RESISTÊNCIA À TRAÇÃO 1. OBJETIVO Determinar as propriedades de tração de plásticos reforçados e não reforçados, em forma de corpos de prova normalizados e ensaiados, sob condições

Leia mais

Seu talento multiplicado pela qualidade dos produtos Ville

Seu talento multiplicado pela qualidade dos produtos Ville Seu talento multiplicado pela qualidade dos produtos Ville Alie seu talento a produtos profissionais e eficazes. A Ville Cosméticos foi criada para atender profissionais talentosos como você, oferecendo

Leia mais

Curta e compartilhe nossas novidades

Curta e compartilhe nossas novidades É uma marca de cosméticos capilar exclusivamente profissional que busca soluções altamente eficientes através de seus lançamentos de tecnologia, fazendo com que a AGLE seja uma marca de prestígio pelo

Leia mais

Os métodos de teste podem ser divididos grosseiramente em dois grupos:

Os métodos de teste podem ser divididos grosseiramente em dois grupos: Informativo Técnico Medição de Dureza soluções portáteis Em períodos de pressão por redução de custos e aumento da qualidade, os equipamentos portáteis de medição de dureza resultam não apenas em uma resposta

Leia mais

FISIOLOGIA CAPILAR 1

FISIOLOGIA CAPILAR 1 FISIOLOGIA CAPILAR 1 SISTEMA DE RELAXAMENTO CAPILAR AVANÇADO FISIOLOGIA CAPILAR A SOUL BLACK orgulha-se em apresentar seu Sistema de Relaxamento Capilar Avançado com Guanidina, destinado para a obtenção

Leia mais

Uma Linha de tradição e reconhecimento junto ao nosso público consumidor.

Uma Linha de tradição e reconhecimento junto ao nosso público consumidor. APRESENTAÇÃO PRODUTOS 1 LINHA VEGETAL Uma Linha de tradição e reconhecimento junto ao nosso público consumidor. De proposta cosmecêutica (mistura com ingredientes farmaceuticos e cosméticos), atende a

Leia mais

CONCEITOS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho

CONCEITOS. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho. Prof. Roberto Monteiro de Barros Filho CONCEITOS Materiais e Processos de Produção ESTRUTURA DA MATÉRIA ÁTOMOS PRÓTONS NÊUTRONS ELÉTRONS MOLÉCULAS ESTADOS DA MATÉRIA TIPO DE LIGAÇÃO ESTRUTURA (ARRANJO) IÔNICA COVALENTE METÁLICA CRISTALINO AMORFO

Leia mais

Análise de Variância simples (One way ANOVA)

Análise de Variância simples (One way ANOVA) Análise de Variância simples (One way ANOVA) Análise de experiências com vários grupos de observações classificados através de um só factor (por exemplo grupos de indivíduos sujeitos a diferentes tratamentos

Leia mais

ML-800 PRANCHA ALISADORA

ML-800 PRANCHA ALISADORA ML-800 PRANCHA ALISADORA INTRODUÇÃO A ML-800 Milano NKS é um produto de alta tecnologia e qualidade. Para entender todas as funções deste aparelho e utilizá-lo com segurança, leia atentamente as recomendações

Leia mais

Produtos para os cabelos. Prof. Msc. Mayara Peron

Produtos para os cabelos. Prof. Msc. Mayara Peron Prof. Msc. Mayara Peron Brasil é o 2º maior mercado mundial em produtos para cabelos (Franquilino, 2009). CABELO Divisão do cabelo; Composição do cabelo; Tipos de cabelos; Fases de crescimento do cabelo.

Leia mais

Falando sobre o 10/6/2010

Falando sobre o 10/6/2010 Falando sobre o C 1 Cosméticos: Tudo que muda a aparência 2 Skin Care Conhecimentos básicosb 3 O que é Skin Care? É uma categoria formada por produtos, de alta tecnologia, destinados ao tratamento da pele;

Leia mais

Selagem Térmica Ozono

Selagem Térmica Ozono Selagem Térmica Ozono A selagem térmica Ozono é uma nova opção para o profissional de beleza, pois é uma linha inovadora e segura, composta por produtos para tratamento e alisamento dos cabelos, que surpreende

Leia mais

KIT VERNIZ INTENSO RED

KIT VERNIZ INTENSO RED ÍNDICE KIT VERNIZ INTENSO RED R$166,17... 3 KIT RECONSTRUÇÃO REDUZIDA/PROGRESSIVA PLATINADA R$567,58... 4 KIT RECONSTRUÇÃO REDUZIDA/PROGRESSIVA AVERMELHADA R$567,58... 5 KIT RECONSTRUÇÃO PRÉ E PÓS QUÍMICA

Leia mais

ESTRUTURAS DE CONCRETO CAPÍTULO 2 CARACTERÍSTICAS DO CONCRETO

ESTRUTURAS DE CONCRETO CAPÍTULO 2 CARACTERÍSTICAS DO CONCRETO ESTRUTURAS DE CONCRETO CAPÍTULO 2 Libânio M. Pinheiro, Cassiane D. Muzardo, Sandro P. Santos Março de 2004 CARACTERÍSTICAS DO CONCRETO Como foi visto no capítulo anterior, a mistura em proporção adequada

Leia mais

Relações entre tensões e deformações

Relações entre tensões e deformações 3 de dezembro de 0 As relações entre tensões e deformações são estabelecidas a partir de ensaios experimentais simples que envolvem apenas uma componente do tensor de tensões. Ensaios complexos com tensões

Leia mais

PROSPECTO RELAXAMENTO À BASE DE HIDRÓXIDO DE GUANIDINA

PROSPECTO RELAXAMENTO À BASE DE HIDRÓXIDO DE GUANIDINA PROSPECTO RELAXAMENTO À BASE DE HIDRÓXIDO DE GUANIDINA O relaxamento ou alisamento é um processo cujo objetivo é alterar a forma do cabelo. A força dos cabelos provém de diversas fontes: integridade do

Leia mais

REGISTRO DE PREÇOS 003/2013 Página 1 de 10 Termo de Adesão TERMO DE ADESÃO

REGISTRO DE PREÇOS 003/2013 Página 1 de 10 Termo de Adesão TERMO DE ADESÃO REGISTRO DE PREÇOS 003/2013 Página 1 de 10 TERMO DE ADESÃO que entre si celebram a MINAS GERAIS ADMINSTRAÇÃO E SERVIÇO S/A, na qualidade de Órgão Gestor e o (a), como Órgão Participante, para fins de participação

Leia mais

CÁLCULO DE INCERTEZA EM ENSAIO DE TRAÇÃO COM OS MÉTODOS DE GUM CLÁSSICO E DE MONTE CARLO

CÁLCULO DE INCERTEZA EM ENSAIO DE TRAÇÃO COM OS MÉTODOS DE GUM CLÁSSICO E DE MONTE CARLO ENQUALAB-28 Congresso da Qualidade em Metrologia Rede Metrológica do Estado de São Paulo - REMESP 9 a 2 de junho de 28, São Paulo, Brasil CÁLCULO DE INCERTEZA EM ENSAIO DE TRAÇÃO COM OS MÉTODOS DE GUM

Leia mais

Multi-repair argan oil

Multi-repair argan oil Multi-repair argan oil Passo a passo: 1-Bio reconstrução com detoxx: Aplica o step 5 no couro cabeludo Logo em seguida mistura 30gr de step 2 10 ml de step 3 10 ml de step 4 10 ml de bio defrisante 10

Leia mais

PROPRIEDADES DO CONCRETO NO ESTADO FRESCO

PROPRIEDADES DO CONCRETO NO ESTADO FRESCO DO CONCRETO NO ESTADO FRESCO COMPORTAMENTO FÍSICO No estado fresco inicial Suspensão de partículas diversas pasta de cimento agregados aditivos ou adições Endurecimento progressivo na fôrma produtos da

Leia mais

ANÁLISE DOS SISTEMAS DE MEDIÇÃO MSA SISTEMA DE MEDIÇÃO NÃO REPLICÁVEL

ANÁLISE DOS SISTEMAS DE MEDIÇÃO MSA SISTEMA DE MEDIÇÃO NÃO REPLICÁVEL ANÁLISE DOS SISTEMAS DE MEDIÇÃO MSA SISTEMA DE MEDIÇÃO NÃO REPLICÁVEL Vinicius Fechio Técnico de Metrologia Brasmetal Waelzholz S. A. Ind. e Com. Julho/ 2009 E-mail: vfechio@brasmetal.com.br / Site: www.brasmetal.com.br

Leia mais

Para desembaraçar adequadamente os cabelos e dar maciez e brilho, o condicionador pecisa se adequar ao tipo de fio.

Para desembaraçar adequadamente os cabelos e dar maciez e brilho, o condicionador pecisa se adequar ao tipo de fio. Como escolher o condicionador de cabelos Para desembaraçar adequadamente os cabelos e dar maciez e brilho, o condicionador pecisa se adequar ao tipo de fio. 1. Para cabelos ondulados ou finos ressecados:

Leia mais

THE NEW, NATURAL GENERATION OF HAIR STRAIGHTENING

THE NEW, NATURAL GENERATION OF HAIR STRAIGHTENING THE NEW, NATURAL GENERATION OF HAIR STRAIGHTENING A NOVA ESCOVA DE ARGILA DIRETO DA AMAZÔNIA AMAZONIA ARGILA AMAZÔNIA É UM SISTEMA INÉDITO DE ESCOVA DE ARGILA COM EFEITO PROGRESSIVO, SEM FORMOL NEM QUÍMICA

Leia mais

CONCEITO DA MARCA. Esse é sem dúvida o perfil do público SOL.

CONCEITO DA MARCA. Esse é sem dúvida o perfil do público SOL. CONCEITO DA MARCA SOL é energia vital, fundamental à nossa existência. Sua imagem nos transmite calor, aconchego, felicidade, vibração, descontração, alegria, amor. A participação de Adriane Galisteu em

Leia mais

PROPRIEDADES MECÂNICAS DOS METAIS

PROPRIEDADES MECÂNICAS DOS METAIS UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA CENTRO DE CIÊNCIAS TECNOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA PROPRIEDADES MECÂNICAS DOS METAIS CMA CIÊNCIA DOS MATERIAIS 2º Semestre de 2014 Prof. Júlio

Leia mais

Processo de fabricação de cabos de alumínio com ênfase em trefilação

Processo de fabricação de cabos de alumínio com ênfase em trefilação Processo de fabricação de cabos de alumínio com ênfase em trefilação É fazendo que se aprende a fazer aquilo que se deve aprender a fazer. Aristóteles 24/Novembro/2014 1 Produtos e Aplicações Cabos de

Leia mais

apostila técnica www.lolacosmetics.com.br

apostila técnica www.lolacosmetics.com.br apresentação Prezado, É com imenso prazer que apresentamos a apostila do mix de produtos da linha Lola Cosmetics. Nosso intuito foi unir informações técnicas de cada produto e alguns bons argumentos de

Leia mais

2 Processo de Laminação

2 Processo de Laminação 2 Processo de Laminação O processo de laminação atua na forma do material, modificando-lhe a sua geometria. Para isso, há necessidade da influência de agentes mecânicos externos; que são os meios de se

Leia mais

Cuide dos seus cabelos com Nativa SPA

Cuide dos seus cabelos com Nativa SPA Cuide dos seus cabelos com Nativa SPA 1 momento só seu SenSaçõeS deliciosas de um Nativa SPA identificou as necessidades para os cabelos e trouxe para a Frutoterapia produtos feitos a base de Monoï e Argan,

Leia mais

Capítulo 3 Propriedades Mecânicas dos Materiais

Capítulo 3 Propriedades Mecânicas dos Materiais Capítulo 3 Propriedades Mecânicas dos Materiais 3.1 O ensaio de tração e compressão A resistência de um material depende de sua capacidade de suportar uma carga sem deformação excessiva ou ruptura. Essa

Leia mais

Módulo de Elasticidade do Concreto Como Analisar e Especificar. Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18

Módulo de Elasticidade do Concreto Como Analisar e Especificar. Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18 Módulo de Elasticidade do Concreto Como Analisar e Especificar Enga. Inês Laranjeira da Silva Battagin Superintendente do ABNT/CB-18 Módulo de Elasticidade Conceituação Matemático inglês Robert Hooke (1635-1703):

Leia mais

Sistema térmico permanente de alisamento capilar

Sistema térmico permanente de alisamento capilar Sistema térmico permanente de alisamento capilar introdução o sistema de alisamento capilar mais luxuoso já criado O Sistema Térmico de Alisamento Senscience utiliza a tecnologia japonesa mais recente

Leia mais

UTILIZAÇÃO DE FRP PARA REFORÇO DE VIGAS DE MADEIRA

UTILIZAÇÃO DE FRP PARA REFORÇO DE VIGAS DE MADEIRA UTILIZAÇÃO DE FRP PARA REFORÇO DE VIGAS DE MADEIRA Juliano Fiorelli (1); Antonio Alves Dias (2) (1) Aluno de mestrado Escola de Engenharia de São Carlos EESC USP, e-mail: fiorelli@sc.usp.br (2) Professor

Leia mais

Estudo das Propriedades Físico Mecânicas do Papel a ser submetido ao 4º EETCG- Encontro de Engenharia e Tecnologia dos Campos Gerais

Estudo das Propriedades Físico Mecânicas do Papel a ser submetido ao 4º EETCG- Encontro de Engenharia e Tecnologia dos Campos Gerais Estudo das Propriedades Físico Mecânicas do Papel a ser submetido ao 4º EETCG- Encontro de Engenharia e Tecnologia dos Campos Gerais Pâmila Thais Heitkoeter de Melo (FATEB Faculdade de Telêmaco Borba)

Leia mais

Propriedades Mecânicas dos Aços DEMEC TM175 Prof Adriano Scheid

Propriedades Mecânicas dos Aços DEMEC TM175 Prof Adriano Scheid Propriedades Mecânicas dos Aços DEMEC TM175 Prof Adriano Scheid Tensão Propriedades Mecânicas: Tensão e Deformação Deformação Elástica Comportamento tensão-deformação O grau com o qual a estrutura cristalina

Leia mais

PANTENE EXPERT COLLECTION CHEGA AO BRASIL PARA ATENDER ÀS NECESSIDADES MAIS COMPLEXAS DO CABELO

PANTENE EXPERT COLLECTION CHEGA AO BRASIL PARA ATENDER ÀS NECESSIDADES MAIS COMPLEXAS DO CABELO PANTENE EXPERT COLLECTION CHEGA AO BRASIL PARA ATENDER ÀS NECESSIDADES MAIS COMPLEXAS DO CABELO Com ação revolucionária sobre os cabelos, AgeDefy e Advanced Keratin Repair são as coleções premium de Pantene

Leia mais

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II TECNOLOGIA DA ARGAMASSA E DO CONCRETO

MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II TECNOLOGIA DA ARGAMASSA E DO CONCRETO SEÇÃO DE ENSINO DE ENGENHARIA DE FORTIFICAÇÃO E CONSTRUÇÃO MAJ MONIZ DE ARAGÃO MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO II TECNOLOGIA DA ARGAMASSA E DO CONCRETO Ensaio de Compressão de Corpos de Prova Resistência do Concreto

Leia mais

Resolução O período de oscilação do sistema proposto é dado por: m T = 2π k Sendo m = 250 g = 0,25 kg e k = 100 N/m, vem:

Resolução O período de oscilação do sistema proposto é dado por: m T = 2π k Sendo m = 250 g = 0,25 kg e k = 100 N/m, vem: 46 c FÍSICA Um corpo de 250 g de massa encontra-se em equilíbrio, preso a uma mola helicoidal de massa desprezível e constante elástica k igual a 100 N/m, como mostra a figura abaixo. O atrito entre as

Leia mais

Rua Luiz Antônio Padrão, 395 - Osasco - São Paulo - CEP. 06080-120 - Tel: (11) 3685.1512 - Fax: (11) 3685.9832 Site: www.conteste.com.

Rua Luiz Antônio Padrão, 395 - Osasco - São Paulo - CEP. 06080-120 - Tel: (11) 3685.1512 - Fax: (11) 3685.9832 Site: www.conteste.com. Site: www.conteste.com.br - E-mail: conteste@conteste.com.br 1 ÍNDICE 1 Controle Tecnológico em Pavimentação SOLOS 2 Controle Tecnológico em Pavimentação MATERIAIS BETUMINOSOS 3 Materiais Metálicos Ensaio

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro PUC-Rio. CIV 1111 Sistemas Estruturais na Arquitetura I

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro PUC-Rio. CIV 1111 Sistemas Estruturais na Arquitetura I Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro PUC-Rio CIV 1111 Sistemas Estruturais na Arquitetura I Profa. Elisa Sotelino Prof. Luiz Fernando Martha Propriedades de Materiais sob Tração Objetivos

Leia mais

Apostila Vitaessencia

Apostila Vitaessencia Apostila Vitaessencia Extratos naturais proporcionam bemestar aos clientes e segurança aos profissionais de beleza, garantindo tratamento capilares modernos. Açai,Murumuru,Tutano, Mandioca,Queratina e

Leia mais

BETUME BORRACHA. Pedro Seixas, PROBIGALP. Luís Gomes, MOTA-ENGIL. Susana Maricato, GALP ENERGIA

BETUME BORRACHA. Pedro Seixas, PROBIGALP. Luís Gomes, MOTA-ENGIL. Susana Maricato, GALP ENERGIA BETUME BORRACHA Pedro Seixas, PROBIGALP Luís Gomes, MOTA-ENGIL Susana Maricato, GALP ENERGIA Princípios gerais Construir Estradas de altas prestações; Colaborar na protecção do meio ambiente. Ecoeficácia

Leia mais

EXCELÊNCIA EM REGENERAÇÃO CELULAR

EXCELÊNCIA EM REGENERAÇÃO CELULAR EXCELÊNCIA EM REGENERAÇÃO CELULAR PARABENO FREE A EPA (Enviroment Protection Agency) dos Estados Unidos, declara ter sido provado que todos os tipos de parabeno tem efeitos de desregulação endócrina. A

Leia mais

TECNOLOGIA MECÂNICA. Aula 04. Carregamento Axial Tensão Normal

TECNOLOGIA MECÂNICA. Aula 04. Carregamento Axial Tensão Normal FACULDADE DE TECNOLOGIA SHUNJI NISHIMURA POMPÉIA TECNOLOGIA MECÂNICA Aula 04 Carregamento Axial Tensão Normal Prof. Me. Dario de Almeida Jané Mecânica dos Sólidos - Revisão do conceito de Tensão - Carregamento

Leia mais

AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA DE UNIÃO DE REPARO DE COMPÓSITOS APÓS DIFERENTES MÉTODOS DE TRATAMENTOS DE SUPERFÍCIE (2011) 1

AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA DE UNIÃO DE REPARO DE COMPÓSITOS APÓS DIFERENTES MÉTODOS DE TRATAMENTOS DE SUPERFÍCIE (2011) 1 AVALIAÇÃO DA RESISTÊNCIA DE UNIÃO DE REPARO DE COMPÓSITOS APÓS DIFERENTES MÉTODOS DE TRATAMENTOS DE SUPERFÍCIE (2011) 1 SINHORI, Bruna Salamoni 2 ; BALBINOT, Carlos Eduardo Agostini 3 1 Trabalho de Iniciação

Leia mais

ML-2000 SECADOR DE CABELOS

ML-2000 SECADOR DE CABELOS ML-2000 SECADOR DE CABELOS INTRODUÇÃO O secador de cabelo ML-2000 NKS Milano é um produto de alta tecnologia e qualidade. Para melhor entender todas as funções deste aparelho, e utilizá-lo com segurança,

Leia mais

CATÁLOGO PROFISSIONAL

CATÁLOGO PROFISSIONAL CATÁLOGO PROFISSIONAL A Live.Life Professional é reconhecida em todo o Brasil por trazer produtos exclusivos ao profissional da beleza e investir em pesquisas nacionais e internacionais, aprimorando sua

Leia mais

Mesa Redonda Módulo de Elasticidade, influências diretas sobre a estrutura pré-moldada

Mesa Redonda Módulo de Elasticidade, influências diretas sobre a estrutura pré-moldada Mesa Redonda Módulo de Elasticidade, influências diretas sobre a estrutura pré-moldada Módulo de Elasticidade do Concreto Normalização, fatores de influência e interface com o pré-moldado Enga. Inês Laranjeira

Leia mais

Resultados e Discussões 95

Resultados e Discussões 95 Resultados e Discussões 95 É interessante observar, que a ordem de profundidade máxima não obedece à ordem de dureza Shore A. A definição de dureza é exatamente a dificuldade de se penetrar na superfície

Leia mais

ANÁLISE DO ESCOAMENTO DE UM FLUIDO REAL: água

ANÁLISE DO ESCOAMENTO DE UM FLUIDO REAL: água UFF Universidade Federal Fluminense Escola de Engenharia Departamento de Engenharia Química e de Petróleo Integração I Prof.: Rogério Fernandes Lacerda Curso: Engenharia de Petróleo Alunos: Bárbara Vieira

Leia mais

REGENERA O CABELO COM KERADINE-COMPLEX

REGENERA O CABELO COM KERADINE-COMPLEX REGENERA O CABELO O CABELO RECONQUISTA CORPO E PLENITUDE BRILHO E SUAVIDADE, DESLIZANDO NA SUA MÃO COMO SEDA Keratelisir é reforçada por: KERADINE-COMPLEX Uma combinação preciosa de QUERATINA + KERADYN

Leia mais

Facear Concreto Estrutural I

Facear Concreto Estrutural I 1. ASSUNTOS DA AULA Durabilidade das estruturas, estádios e domínios. 2. CONCEITOS As estruturas de concreto devem ser projetadas e construídas de modo que, quando utilizadas conforme as condições ambientais

Leia mais

Disciplina CIÊNCIA DOS MATERIAIS A. Marinho Jr. Materiais polifásicos - Processamentos térmicos

Disciplina CIÊNCIA DOS MATERIAIS A. Marinho Jr. Materiais polifásicos - Processamentos térmicos Tópico 7E Materiais polifásicos - Processamentos térmicos Introdução Já vimos que a deformação plástica de um metal decorre da movimentação interna de discordâncias, fazendo com que planos cristalinos

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Modelo TS-558 PRANCHA ALISADORA

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Modelo TS-558 PRANCHA ALISADORA Modelo TS-558 PRANCHA ALISADORA Para prevenir ferimentos ou danos, antes de usar o aparelho leia e siga atentamente a todas as instruções contidas neste manual. MANUAL DE INSTRUÇÕES PRECAUÇÕES As instruções

Leia mais

WAVE SYSTEM A LINHA COMPLETA DE TRATAMENTOS ONDULANTES

WAVE SYSTEM A LINHA COMPLETA DE TRATAMENTOS ONDULANTES WAVE SYSTEM A LINHA COMPLETA DE TRATAMENTOS ONDULANTES A COMPETÊNCIA TÉCNICA É UMA MARCA REGISTRADA PARA O SALÃO. A ondulação é o serviço que, mais do que qualquer outro, manteve-se completamente nas mãos

Leia mais

DOSSIÊ TÉCNICO. kleisnerrf@hotmail.com (64) 3622-1513/8112-2357

DOSSIÊ TÉCNICO. kleisnerrf@hotmail.com (64) 3622-1513/8112-2357 DOSSIÊ TÉCNICO INDICE 2 EKISA Plenitude em Hidrogenação Capilar e Reconstrução Absorsiva Ekisa Selagem Térmica Ekisa Hidrogenação Ekisa Reconstrução Pós Química Ekisa Reconstrução Estrutural (Cauterização

Leia mais

Máscaras Tonalizantes Banho de Brilho

Máscaras Tonalizantes Banho de Brilho Máscaras Tonalizantes Banho de Brilho Preto Desenvolvido para manter ou escurecer os cabelos de castanho escuro a castanho claro ou melhorar o brilho dos cabelos pretos, seja natural ou tingido. Rosa Pink

Leia mais

04 05 07 08 09 09 10 10 11 14 15 16 17 18 19 20 22 24 25 OZ

04 05 07 08 09 09 10 10 11 14 15 16 17 18 19 20 22 24 25 OZ 1 2 Índice Introdução 04 Tricologia 05 Composição química dos fios 07 Propriedades dos cabelos 08 Características do cabelo saudável 09 Causa do cabelo danificado 09 Ciclo de Danos 10 Ciclo de bem estar

Leia mais

Em janeiro de 1999 começa a história da Nerf Hair Cosméticos.

Em janeiro de 1999 começa a história da Nerf Hair Cosméticos. Capa Em janeiro de 1999 começa a história da Nerf Hair Cosméticos. Observando as demandas específicas dos clientes de seu salão, Eliana Silveira passou a dedicar seu tempo à elaboração de produtos que

Leia mais

Avaliação de Propriedades Mecânicas de Materiais Alternativos para Aplicação em Camadas de Cobertura de Aterro Sanitário

Avaliação de Propriedades Mecânicas de Materiais Alternativos para Aplicação em Camadas de Cobertura de Aterro Sanitário Avaliação de Propriedades Mecânicas de Materiais Alternativos para Aplicação em Camadas de Cobertura de Aterro Sanitário Nome do Autor 1 (Os nomes dos autores devem constar apenas na versão final) Instituição,

Leia mais

Telecurso 2000 Processos de fabricação Peça; Retalho; Tira.

Telecurso 2000 Processos de fabricação Peça; Retalho; Tira. Conjunto de processos: Corte, Dobramento/curvamento (calandragem), Embutimento (estamp. profunda), Cunhagem, Perfilamento, Repuxamento. Processo a frio, Produto acabado, Matéria prima laminada, Forma volumétrica,

Leia mais

MANUAL DO USUÁRIO PRANCHA DE CABELOS LA BELLE PAC900

MANUAL DO USUÁRIO PRANCHA DE CABELOS LA BELLE PAC900 MANUAL DO USUÁRIO PRANCHA DE CABELOS LA BELLE PAC900 Obrigado por adquirir a Prancha de Cabelos PAC900. Um produto de alta tecnologia, seguro, eficiente, barato e econômico. É muito importante ler atentamente

Leia mais