PLANO DE AVISOS 2016 (*)

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PLANO DE AVISOS 2016 (*)"

Transcrição

1 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Empreendedorismo Qualificado 3 3.1, 8.5 janeiro 16 abril 16 SI - 02/SI/2016 Inovação Empresarial Inovação Produtiva Científico e Tecnológico SIAC - Promoção do Espírito Empresarial (Territórios de Baixa Densidade) 1 1.2, 3.3, 8.5 janeiro 16 abril 16 SI - 01/SI/ março 16 abril 16 NORTE março 16 abril 16 NORTE SIAC - Internacionalização março 16 abril 16 NORTE SIAC- Qualificação março 16 abril 16 NORTE Inovação Produtiva - Regime Contratual de Investimento (R) 1 1.2, 3.3, 8.5 março 15 dezembro 16 SI - 01/SI/2015 I&D Empresarial I&D Empresarial (Projetos Individuais)/R março 15 dezembro 20 SI - 02/SI/2015 I&D Empresarial I&D Empresarial (Projetos em Copromoção)/R março 15 dezembro 20 SI - 07/SI/2015 I&D Empresarial Internacionalização de I&D abril 15 dezembro 20 SI - 11/SI/2015 I&D Empresarial Infraestruturas de Acolhimento Empresarial Internacionalização PME Internacionalização de I&D abril 15 dezembro 20 SI - 11/SI/2015 Proteção de Direitos de Propriedade Intelectual/Industrial Proteção de Direitos de Propriedade Intelectual/Industrial julho 15 dezembro 20 SI - 17/SI/ julho 15 dezembro 20 SI - 17/SI/2015 Infraestruturas de Acolhimento Empresarial março 16 maio 16 CENTRO Internacionalização PME (Projetos Individuais) 3 3.2, 8.5 março 16 maio 16 SI - 04/SI/2016 Qualificação PME Qualificação PME (Projetos Individuais) 3 3.3, 8.5 março 16 maio 16 SI - 03/SI/2016 SIAC - Promoção do Espírito Empresarial março 16 maio 16 ALT SIAC - Internacionalização março 16 maio 16 ALT SIAC- Qualificação março 16 maio 16 ALT Qualificação PME Qualificação PME Qualificação PME Científico e Tecnológico Projetos Conjuntos de Formação-Ação (OI- AEP/C) Projetos Conjuntos de Formação-Ação (OI- AIP/C) Projetos Conjuntos de Formação-Ação (OI- CEC) março 16 maio 16 ALT março 16 maio 16 PO - 06/SI/ março 16 maio 16 PO - 07/SI/ março 16 maio 16 PO - 08/SI/2016 I&D Empresarial Núcleos I&D (projetos em Copromoção) abril 16 junho 16 SI - 09/SI/2016 SAICT - Projetos de investigação cientifica e desenvolvimento tecnológico (IC&DT) SAICT - Infraestruturas Científicas (Entidades pré-qualificadas Roteiro) Científico e Tecnológico junho 16 setembro 16 SAICT maio 16 julho 16 01/SAICT/ maio 16 julho 16 CENTRO

2 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Científico e Tecnológico - TEAMING maio 16 julho 16 CENTRO maio 16 julho 16 ALG / 2.3 PO /2.3 e 11.1 Modernização maio 16 dezembro 16 NORTE / 2.3 CENTRO / 2.3 junho 16 maio 17 ALT / 2.3 maio 16 junho 16 PO /2.3 e 11.1 I&D Empresarial Programas Mobilizadores maio 16 setembro 16 SI Inovação Produtiva 1 1.2, 3.3, 8.5 junho 16 setembro 16 SI Empreendedorismo Qualificado junho 16 setembro 16 SI Capacitação Junho 2016 setembro 16 PO Capacitação Junho 2016 Setembro 2016 Qualificação PME Projetos Conjuntos de Formação-Ação Junho 2016 Setembro 2016 I&D Empresarial Vale I&D junho 16 setembro 16 SI Vale Empreendedorismo Junho 2016 Setembro 2016 Modernização - Projeto-piloto loja do Cidadão Junho 2016 Setembro 2016 Qualificação PME Contratação de Recursos Altamente Qualificados Junho 2016 Dezembro 2016 I&D Empresarial Projetos Individuais de I&D Empresas Julho 2016 Setembro 2016 I&D Empresarial Núcleos de I&D (Projetos Individuais) julho 16 Setembro 2016 Internacionalização PME Internacionalização PME (Projetos Individuais) 3 3.2, 8.5 Julho 2016 Outubro 2016 Qualificação PME Qualificação PME (Projetos Individuais) 3 3.3, 8.5 Julho 2016 Outubro 2016 SIAC - Promoção do Espírito Empresarial Julho 2016 Outubro 2016 SIAC-Internacionalização Julho 2016 Outubro 2016 SAICT - Projetos de investigação de caracter exploratório Setembro 2016 Setembro 2016 Internacionalização PME Internacionalização PME (Projetos Conjuntos) Setembro 2016 Novembro 2016 Qualificação PME Qualificação PME (Projetos Conjuntos) Setembro 2016 Novembro 2016 SIAC - Promoção do Espírito Empresarial Setembro 2016 Novembro 2016 I&D Empresarial I&D Empresarial (Projetos em Copromoção) Outubro 2016 Dezembro 2016

3 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do I&D Empresarial Projetos Demonstradores I&D (Projetos Individuais e Projetos em Copromoção) Outubro 2016 Dezembro 2016 I&D Empresarial Vale I&D Outubro 2016 Dezembro 2016 Vale Empreendedorismo Outubro 2016 Dezembro 2016 Internacionalização PME Vale Internacionalização Outubro 2016 Dezembro 2016 Qualificação PME Vale Inovação Outubro 2016 Dezembro 2016 SIAC- Qualificação Outubro 2016 Dezembro 2016 Modernização Outubro 2016 Dezembro 2016 Capacitação Outubro 2016 Dezembro 2016 SAICT - Projetos de investigação científica e desenvolvimento tecnológico (IC&DT) Científico e Tecnológico Novembro 2016 Dezembro Dezembro 2016 Fevereiro 2017 Plano de Ação para a regeneração urbana novembro 15 maio 16 ALG Apoio a medidas de eficiência energética e de racionalização dos consumos nos transportes (Projeto U-Bike) novembro 15 maio 16 PO Património natural e cultural Património cultural - PDCT fevereiro 16 outubro 16 CENTRO Património natural e cultural Património natural e cultural - PDCT fevereiro 16 outubro 16 LISBOA ALT Património natural e cultural Património natural fevereiro 16 outubro 16 NORTE Património natural e cultural Património cultural fevereiro 16 outubro 16 NORTE Valorização de resíduos Valorização de Resíduos (RAM) fevereiro 16 julho 16 PO Gestão eficiente do ciclo urbano da água Ciclo Urbano da Água (AA e SAR) - 5.º março 16 julho 16 PO Planos de Ação para a Regeneração Urbana dos centros urbanos complementares Planos de Ação para a Regeneração Urbana dos Centros Estruturantes Sub-regionais e Centros Estruturantes Municipais abril 16 junho 16 CENTRO abril 16 junho 16 NORTE Operações de regeneração urbana selecionadas no PEDU maio 16 maio 17 ALT LISBOA CENTRO NORTE Património natural e cultural Património natural e cultural- programação cultural em rede junho 16 agosto 16 CENTRO Património natural e cultural Património natural e cultural maio 16 julho 16 ALT

4 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Proteção do litoral Erosão Costeira - 3.º maio 16 agosto 16 PO Prevenção e gestão de riscos Prevenção e Gestão de Riscos de Cheias e Inundações-intervenções estruturais de desobstrução, regularização fluvial e controlo de cheias, em zonas de inundações frequentes e danos elevados maio 16 agosto 16 PO Prevenção e gestão de riscos Prevenção e gestão de riscos - Aquisição de veículos operacionais de proteção e socorro maio 16 agosto 16 PO Prevenção e gestão de riscos Prevenção e Gestão de Riscos - Intervenções na rede de infraestruturas para reforço da operacionalidade maio 16 agosto 16 PO Património natural e cultural Património natural - PDCT junho 16 outubro 16 CENTRO Operações de mobilidade urbana multimodal sustentável selecionadas no PEDU maio 16 maio 17 ALT LISBOA CENTRO NORTE Operações de mobilidade urbana selecionadas no PAMUS dos centros urbanos complementares junho 16 maio 17 ALT NORTE Conservação da natureza Conservação da natureza Conservação da natureza Operações de regeneração urbana selecionadas no PARU dos centros urbanos complementares Operações previstas nos Planos de Ação de Regeneração Urbana Operações de Regeneração Urbana s selecionadas nos PARU dos Centros Estruturantes Sub-regionais e Centros Estruturantes Municipais Proteção da biodiversidade e dos ecossistemas - Conservação da Natureza - 3.º Proteção da biodiversidade e dos ecossistemas - Gestão e ordenamento de áreas protegidas e classificadas - 2º aviso Proteção da biodiversidade e dos ecossistemas -criação de sistema de informação para o meio marinho Património natural e cultural Património natural e cultural maio 16 maio 17 CENTRO ALT maio 16 maio 17 ALG junho 16 maio 17 NORTE junho 16 outubro 16 PO junho 16 outubro 16 PO junho 16 outubro 16 PO julho 16 novembro 16 ALG julho 16 setembro 16 ALG

5 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Adaptação às alterações climáticas julho 16 outubro 16 ALG Adaptação às Alterações Climativas Julho 2016 Setembro 2016 Valorização de resíduos Valorização de Resíduos (Continente) Julho 2016 Outubro 2016 A promoção da produção e A promoção da produção e distribuição de distribuição de energia energia proveniente de fontes renováveis Prevenção e Gestão de Riscos de Cheias e Inundações-intervenções estruturais de Prevenção e gestão de riscos desobstrução, regularização fluvial e controlo de cheias, em zonas de inundações frequentes e danos elevados Julho 2016 Novembro Agosto 2016 Outubro 2016 Operações previstas no PAMUS Agosto 2016 Agosto 2017 Gestão eficiente do ciclo urbano da água Eficiência energética nas infraestruturas públicas Adm Local Eficiência energética no setor da habitação social Eficiência energética nas infraestruturas públicas da Administração Central Ciclo Urbano da Água (AA e SAR) - 6.º Setembro 2016 Novembro 2016 Eficiência energética nas infraestruturas públicas Adm Local Setembro 2016 Dezembro 2016 Eficiência energética na habitação social Setembro 2016 Dezembro 2016 Eficiência energética nas infraestruturas públicas - Administração Central Eficiência energética nos transportes públicos coletivos de passageiros Setembro 2016 Dezembro Setembro 2016 Dezembro 2016 Proteção do litoral Erosão Costeira - 4.º Setembro 2016 Dezembro 2016 Recuperação de passivos ambientais Recuperação de passivos ambientais A promoção da produção e distribuição de energia proveniente de fontes renováveis Eficiência energética nas empresas Recuperação de Passivos Ambientais (Zonas industriais) - 2.º Recuperação de Passivos Ambientais (áreas mineiras abandonadas) - 2.º A promoção da produção e distribuição de energia proveniente de fontes renováveis (projetos-piloto) Setembro 2016 Dezembro Setembro 2016 Dezembro Outubro 2016 Janeiro 2017 Eficiência energética nas empresas Novembro 2016 Dezembro 2020 Eficiência energética no setor da habitação Eficiência energética nas habitações Novembro 2016 Dezembro 2020 Infraestruturas educativas fevereiro 16 outubro 16 NORTE CENTRO ALT ALG março 16 outubro 16 LISBOA

6 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Combate ao Abandono Escolar Ensino Superior e Formação Avançada TEIP, EF, Mais Sucesso Junho 2016 Junho 2016 Formação contínua de docentes e gestores escolares Formação contínua de professores e formadores da educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário Cursos Técnicos Superiores Profissionais (TeSP) NORTE CENTRO LISBOA ALT ALG junho 16 dezembro 16 PO Maio 2016 Dezembro Maio 2016 Junho 2016 Transição para a Vida Ativa Cursos de Especialização (CET) Junho 2016 Junho 2016 Equipamentos nas escolas de Ensino Profisisonal Maio 2016 Junho 2016 PO NORTE CENTRO ALT NORTE CENTRO LISBOA ALT ALG Aquisição de equipamentos a novos cursos de curta-duração - ISCED 5 (TeSP) maio 16 junho 16 NORTE Aquisição de equipamentos a novos cursos de curta-duração - ISCED 5 (TeSP) junho 16 dezembro 16 LISBOA Aquisição de equipamentos a novos cursos de curta-duração - ISCED 5 (TeSP) junho 16 julho 16 ALT Aquisição de equipamentos a novos cursos de curta-duração - ISCED 5 (TeSP) Maio 2016 Maio 2016 Combate ao Abandono Escolar Combate ao Abandono Escolar Ensino Superior e Formação Avançada Cursos Vocacionais - níveis Básico e Secundário Junho 2016 Julho 2016 Cursos Profissionais Junho 2016 Julho 2016 Centros para a Qualificação e Ensino Profissional (CQEP) Cursos Técnicos Superiores Profissionais (TeSP) Junho 2016 Julho Setembro 2016 Setembro 2016 Transição para a Vida Ativa Cursos de Especialização (CET) Setembro 2016 Setembro 2016 Autonomia das escolas Setembro 2016 Dezembro 2016 Alocação e formação de educadores de infância especializados Setembro 2016 Dezembro 2016

7 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Desenvolvimento de competências dos diretores e detentores de cargos de gestão escolar Ações de informação, monitorização e avaliação de medidas de prevenção do abandono escolar e promoção educativa Programa de qualificação de formadores e outros agentes de formação Ações de inovação social para experimentação e teste de novas resposta na àrea educativa Requalificação e modernização de infraestruturas de formação profissional Setembro 2016 Outubro Setembro 2016 Outubro Setembro 2016 Setembro Setembro 2016 Setembro Setembro 2016 Setembro 2016 Planos integrados e inovadores de combate ao insucesso escolar / Qualidade e eficiência sistema de com vista à promoção do sucesso escolar Outubro 2016 Dezembro 2016 Infraestruturas Socias e de Saúde Modernização do Mercado de Trabalho Igualdade de Oportunidades Equipamentos saúde fevereiro 16 outubro 16 Reforço da capacitação Institucional dos Parceiros Sociais com assento na Comissão Permanente de Concertação Social (CPCS) Qualificação - Pessoas com deficiência e ou incapacidade Ações de sensibilização e campanhas no domínio da igualdade de género; prevenção e combate à violência doméstica NORTE CENTRO LISBOA ALG Abril 2015 dezembro 20 PO Abril 2015 Maio 2016 LISBOA julho 15 julho 16 PO Igualdade de Oportunidades Formação de públicos estratégicos julho 15 julho 16 PO Projetos Inovadores de Inclusão Social de âmbito Territorial Maio 2016 Junho 2016 Inovação Social Programa de Parcerias para o Impacto julho 16 outubro 16 PO Inovação Social Títulos de Impacto Social Maio 2016 Setembro 2016 Apoio à regeneração física, económica e social Regeneração das das comunidades e zonas urbanas e rurais Comunidades Desfavorecidas desfavorecidas (inclui Planos de Ação para as Comunidades Desfavorecidas) Contratos Locais de Desenvolvimento Social (CLDS) maio 16 maio Junho 2016 Julho 2016 NORTE CENTRO LISBOA ALT

8 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do Igualdade de Oportunidades Inovação Social Qualificação dos Ativos Qualificação dos Ativos Qualificação dos Ativos Desenvolvimento do Território Infraestruturas Socias e de Saúde Infraestruturas Socias e de Saúde s específicos de proteção das vitimas e de acompanhamento de agressores de violência doméstica a) De atendimento, acompanhamento e apoio especializados a vítimas de violência doméstica, violência de género e tráfico de seres humanos; b) De acolhimento de emergência de vítimas de violência doméstica; c) De acolhimento de vítimas de tráfico de seres humanos; d) De acompanhamento e apoio especializados a agressores de violência doméstica e de género; e) e f) De sensibilização para o público em geral e ou para públicos específicos e produção e divulgação de material formativo, informativo e pedagógico Programa de Capacitação para o Investimento Social Formação modular para empregados e desempregados Inserção socio profissional da comunidade cigana Formações modulares destinadas, essencialmente, a trabalhadores de micro e pequenas empresas Formação modular para Desempregado de Longa Duração (DLD) Desenvolvimento Local de Base Comunitária DLBC Junho 2016 Setembro Junho 2016 Setembro junho 16 agosto 16 PO Junho 2016 Julho Junho 2016 Julho junho 16 agosto 16 PO e 9.10 Junho 2016 Julho 2016 Equipamentos de saúde junho 16 outubro 16 CENTRO Equipamentos sociais Junho 2016 Setembro 2016 Qualificação dos Ativos Capacitação para a inclusão Julho 2016 Agosto 2016 Modernização do Mercado de Trabalho Mobilidade laboral no espaço europeu (Eures) Setembro 2016 Setembro 2016 Bolsa especializada de voluntariado ITI Setembro 2016 Outubro 2016 Projetos Inovadores de Inclusão Social de âmbito Territorial Setembro 2016 Outubro 2016 Melhoria do Acesso a Serviços de Apoio Formação de Técnicos de Reabilitação Setembro 2016 Setembro 2016 Modernização do Mercado Desenvolvimento e modernização das de Trabalho instituições Outubro 2016 Outubro 2016 Ações de sensibilização e campanhas no Igualdade de Oportunidades domínio da igualdade de género, prevenção e Outubro 2016 Dezembro 2016 combate à violência doméstica Melhoria do Acesso a Serviços de Apoio Idade Novembro 2016 Dezembro 2016 Melhoria do Acesso a Serviços de Apoio Idade + ITI Novembro 2016 Dezembro 2016

9 PO PO PO PO Calendário de de Dados do Identificação do Referência do (*) - Atualização em 21 de julho 2016 s encerrados s abertos de avisos prevista

Avisos para a apresentação de candidaturas

Avisos para a apresentação de candidaturas 1 Pactos para o Desenvolvimento e Coesão Territorial março 015 maio 015 Inclui PDR SEUR 6 6. 3 SEUR 6 6. 4 CI 1 1. 5 CI 1 1. março 015 6 CI 1 1. 7 CI 1 e 3 8 CI 1 e 3 9 CI 3 3.1 Ciclo Urbano da Água -

Leia mais

Sistema de incentivos Portugal 2020 Calendário de aberturas 2016

Sistema de incentivos Portugal 2020 Calendário de aberturas 2016 www.finaccount.com Sistema de incentivos Portugal aberturas Prestação de Serviços de Consultoria Empresarial e Formação Tipologia de Intervenção/ Identificação do Aviso I&D Empresarial I&D Empresarial

Leia mais

PO Centro PO. PO Lisboa PO. PO Norte. Algarve PO ISE. Calendário

PO Centro PO. PO Lisboa PO. PO Norte. Algarve PO ISE. Calendário CI SEUR CH ISE Lisboa Norte Centro CI 1 1.1 Programas Integrados de Investigação Científica e Desenvolvimento Tecnológico (IC&DT) junho 15 julho 15 CI 1 1.1 Programas Integrados de Investigação Científica

Leia mais

Matriz Portugal 2020 Candidaturas diretas a efetuar pelas IPSS

Matriz Portugal 2020 Candidaturas diretas a efetuar pelas IPSS Revisão 1 : 31/08/2016 PO PO Concurso para apresentação de candidaturas - Melhorar o acesso aos serviços sociais (Açores) Melhorar o acesso aos serviços sociais Melhoria das infraestruturas de saúde Adaptação

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral Baixo Alentejo Planeamento Estratégico Regional

Leia mais

Portugal 2020: Objetivos e Desafios António Dieb

Portugal 2020: Objetivos e Desafios António Dieb Portugal 2020: Objetivos e Desafios 2014-2020 António Dieb Porto, 11 de julho de 2016 Tópicos: 1. Enquadramento Estratégico (EU 2020) 2. Portugal 2020: Objetivos e prioridades 3. Estrutura Operacional

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL TEMÁTICO POTENCIAL HUMANO

PROGRAMA OPERACIONAL TEMÁTICO POTENCIAL HUMANO PROGRAMA OPERACIONAL TEMÁTICO POTENCIAL HUMANO 2007-201 Apresentação da Proposta ÍNDICE 1 O PROBLEMA 2 A ESTRATÉGIA 4 PLANO DE FINANCIAMENTO 1 1 O PROBLEMA Taxa de emprego Emprego em média e alta tecnologia

Leia mais

Portugal 2020 Novo plano de concursos

Portugal 2020 Novo plano de concursos INCENTIVES NEWS Maio 2016 Portugal 2020 Novo plano de concursos Foi divulgado o novo calendário de concursos aos incentivos financeiros estabelecidos no âmbito do Portugal 2020, para o ano de 2016. Principais

Leia mais

SESSÃO DE APRESENTAÇÃO Cursos Técnicos Superiores Profissionais TeSP

SESSÃO DE APRESENTAÇÃO Cursos Técnicos Superiores Profissionais TeSP Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 SESSÃO DE APRESENTAÇÃO Cursos Técnicos Superiores Profissionais TeSP Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo

Leia mais

CALENDÁRIO COMUM DE LANÇAMENTO DE CONCURSOS

CALENDÁRIO COMUM DE LANÇAMENTO DE CONCURSOS 1 DOMÍNIO COMPETITIVIDADE E INTERNACIONALIZAÇÃO PORTUGAL 2020 CALENDÁRIO COMUM DE LANÇAMENTO DE CONCURSOS março 2015 / março 2016 SISTEMAS DE INCENTIVOS MODERNIZAÇÃO E CAPACITAÇÃO DA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Leia mais

Avisos para a apresentação de

Avisos para a apresentação de Avisos para a apresentação de Ref Mês/Ano Domínio Temático OT PI Tipologia de Intervenção PO CI PO SEUR PO CH PO ISE PO Lisboa PO Algarve PO Norte PO Centro PO Alentejo Abertura Calendário Encerramento

Leia mais

27 de junho de Domingos Lopes

27 de junho de Domingos Lopes 27 de junho de 2016 Domingos Lopes Objetivos Temáticos OT 8. Promover a sustentabilidade e a qualidade do emprego e apoiar a mobilidade dos trabalhadores assumindo como meta nacional, até 2020, o aumento

Leia mais

2/7. Calendário. PO Alentejo. PO Algarve PO Norte. PO Centro. PO Lisboa PO SEUR PO CH. Domínio. Temático OT PI Tipologia de Intervenção PO ISE PO CI

2/7. Calendário. PO Alentejo. PO Algarve PO Norte. PO Centro. PO Lisboa PO SEUR PO CH. Domínio. Temático OT PI Tipologia de Intervenção PO ISE PO CI 1 1.1 Infraestruturas Científicas Para entidades pré-qualificadas julho 15 outubro 15 1 1.1 Programas de Atividades Conjuntas (IC&DT) julho 15 setembro 15 1 1.1 Programas Integrados de Investigação Científica

Leia mais

CONDIÇÕES DE ADMISSIBILIDADE CONDIÇÕES EXCLUDENTES. 1 Apresentação telemática no prazo estabelecido na convocatória.

CONDIÇÕES DE ADMISSIBILIDADE CONDIÇÕES EXCLUDENTES. 1 Apresentação telemática no prazo estabelecido na convocatória. CONDIÇÕES DE ADMISSIBILIDADE CONDIÇÕES EXCLUDENTES 1 Apresentação telemática no prazo estabelecido na convocatória. 2 Apresentação do formulário completo. 3 Orçamento FEDER em conformidade com o que está

Leia mais

ANEXO III REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO

ANEXO III REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO ANEXO III REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO PLANOS ESTRATÉGICOS DE DESENVOLVIMENTO URBANO AVISO DE CONCURSO Nº ALT20 06 2016 18 ALT20 16 2016 19 ALT20 43 2016 20 DOMÍNIO DA SUSTENTABILIDADE E EFICIÊNCIA

Leia mais

Lisboa, 25 de novembro de 2011

Lisboa, 25 de novembro de 2011 Lisboa, 25 de novembro de 2011 A reabilitação urbana constitui um fator essencial no desenvolvimento do setor do turismo, enquanto elemento integrante da nossa oferta turística A regeneração urbana estabelece

Leia mais

Agenda Factores de Competitividade

Agenda Factores de Competitividade QREN Agenda Factores de Competitividade 12 Novembro 07 1 Objectivos desenvolvimento de uma economia baseada no conhecimento e na inovação; incremento da produção transaccionável e de uma maior orientação

Leia mais

QUE MEIOS FINANCEIROS?

QUE MEIOS FINANCEIROS? QUE MEIOS FINANCEIROS? PARA A CONSERVAÇÃO DA NATUREZA ATRAVÉS DO PO SEUR? HELENA PINHEIRO DE AZEVEDO MOBILIZAÇÃO DE RECURSOS PARA CONSERVAÇÃO DA NATUREZA E BIODIVERSIDADE 22 JUN 2015 TAPADA DE MAFRA Organização:

Leia mais

A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA

A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA Os Projetos de Lisboa para 2020 Teresa Almeida A MOBILIDADE INTELIGENTE e INCLUSIVA Os Projetos de Lisboa para 2020 1. O Quadro Europeu 2. O Quadro Municipal 3. As

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Évora, 9 de setembro de 2015 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral Baixo Alentejo

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO

PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO 2014-2020 ALENTEJO 2014 2020 www.alentejo.portugal2020.pt FICHA TÉCNICA Edição Autoridade de Gestão do Alentejo 2020 Coordenação Editorial Autoridade de Gestão

Leia mais

A. PROJETOS DE I&DT EMPRESAS INDIVIDUAIS

A. PROJETOS DE I&DT EMPRESAS INDIVIDUAIS PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO CENTRO EIXO 1 COMPETITIVIDADE, INOVAÇÃO E CONHECIMENTO INSTRUMENTO: SISTEMA DE INCENTIVOS À INVESTIGAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO (SI I&DT) PARTE II - CRITÉRIOS DE

Leia mais

Síntese de Legislação Nacional e Comunitária. 04 de Janeiro de 2012

Síntese de Legislação Nacional e Comunitária. 04 de Janeiro de 2012 LEGISLAÇÃO Síntese de Legislação Nacional e Comunitária de 2012 Legislação Nacional Energias Renováveis Portaria n.º 8/2012 I Série n.º 3, de 4/01 Aprova, no âmbito da política de promoção da utilização

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade

Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020. Identidade, Competitividade, Responsabilidade Programa Operacional Regional Alentejo 2014/2020 Identidade, Competitividade, Responsabilidade Lezíria do Tejo Alto Alentejo Alentejo Central Alentejo Litoral Baixo Alentejo Planeamento Estratégico Regional

Leia mais

Avisos para a apresentação de candidaturas Deliberações da Comissão Interministerial de Coordenação do PT2020 adotadas até 10-04-2015

Avisos para a apresentação de candidaturas Deliberações da Comissão Interministerial de Coordenação do PT2020 adotadas até 10-04-2015 1 2 CI 1 1.2 3 CI 1 1.2 4 CI 1 1.2 5 CI 1 e 3 6 março 2015 CI 1 e 3 7 CI 3 3.1 8 CI 3 3.2 9 CI 3 10 SEUR 6 6.2 11 SEUR 6 6.2 12 13 CI 1 1.1 14 CI 1 1.1 15 CI 1 1.2 Pactos para o Desenvolvimento e Coesão

Leia mais

Apoios à Inovação e Internacionalização das Empresas Franquelim Alves

Apoios à Inovação e Internacionalização das Empresas Franquelim Alves Apoios à Inovação e Internacionalização das Empresas Franquelim Alves Gestor do COMPETE Braga, 17 de Fevereiro de 2012 QREN 2007-2013 Agendas Prioritárias Competitividade Potencial Humano Valorização do

Leia mais

CIRCULAR. Actualização do Plano de Aberturas de Candidaturas 2015 no âmbito do Portugal 2020

CIRCULAR. Actualização do Plano de Aberturas de Candidaturas 2015 no âmbito do Portugal 2020 CIRCULAR N/REFª: 39/2015 DATA: 16/04/2015 Assunto: Actualização do Plano de s de Candidaturas 2015 no âmbito do Portugal 2020 Exmos. Senhores, Envia-se o Plano de s de Candidaturas aos Fundos Europeus

Leia mais

PORTUGAL Faça clique para editar o estilo apresentação. Não podemos prever o futuro mas podemos construí-lo!

PORTUGAL Faça clique para editar o estilo apresentação. Não podemos prever o futuro mas podemos construí-lo! apresentação PORTUGAL 2020 www.in-formacao.com.pt Não podemos prever o futuro mas podemos construí-lo! 03-02-2015 FAMALICÃO PORTO IN.03.03.00 1 INTRODUÇÃO O PORTUGAL 2020 é o Acordo de Parceria adotado

Leia mais

www.algarve.portugal2020.pt Região Competitiva, Resiliente, Empreendedora e Sustentável com base na valorização do Conhecimento CAPACITAR Fundo Social Europeu (FSE) Eixos Prioritários Prioridades de Investimento

Leia mais

Compromissso Documento de Orientação Estratégica. António Oliveira das Neves Funchal, 09 de Julho 2013

Compromissso Documento de Orientação Estratégica. António Oliveira das Neves Funchal, 09 de Julho 2013 Compromissso Madeira@2020 Documento de Orientação Estratégica António Oliveira das Neves Funchal, 09 de Julho 2013 Roteiro da Apresentação 1. Contexto da Programação 2. Estratégia de Desenvolvimento Regional

Leia mais

1 093 225 Receitas Próprias

1 093 225 Receitas Próprias - Programação Plurianual do 213 Investimento por Programas e Medidas Página 1 Anos anteriores 213 214 215 Anos Seguintes TOTAL VICE PRESIDÊNCIA DO GOVERNO 41 - INOVAÇAO E QUALIDADE 1 - PROMOÇAO DA INOVAÇAO

Leia mais

Calendário em vigor Observ.

Calendário em vigor Observ. CI 1 1.1 Programas Integrados de Investigação Científica e Desenvolvimento Tecnológico (IC&DT) junho 15 agosto 15 CI 1 1.1 Programas Integrados de Investigação Científica e Desenvolvimento Tecnológico

Leia mais

O Mar no próximo QFP

O Mar no próximo QFP O Mar no próximo QFP 2014-2020 Fórum do Mar José Manuel Fernandes Deputado ao Parlamento Europeu Estratégia Europa 2020 A guia das próximas perspectivas financeiras Estratégia Europa 2020 2020 Crescimento

Leia mais

www.algarve.portugal2020.pt Região Competitiva, Resiliente, Empreendedora e Sustentável com base na valorização do Conhecimento Roteiro Regional CRESC ALGARVE 2020 Fundo Social Europeu (FSE) Eixos Prioritários

Leia mais

SI2E SISTEMA DE INCENTIVOS AO EMPREENDEDORISMO E AO EMPREGO - ALENTEJO CENTRAL - Sessão de Divulgação SI2E CIMAC, 23 de Maio de 2017

SI2E SISTEMA DE INCENTIVOS AO EMPREENDEDORISMO E AO EMPREGO - ALENTEJO CENTRAL - Sessão de Divulgação SI2E CIMAC, 23 de Maio de 2017 SI2E SISTEMA DE INCENTIVOS AO EMPREENDEDORISMO E AO EMPREGO - ALENTEJO CENTRAL - Sessão de Divulgação SI2E CIMAC, 23 de Maio de 2017 CONTEXTO Estratégia de Desenvolvimento Territorial do Alentejo Central

Leia mais

Programa Operacional Regional do Alentejo/Estratégia Regional de Especialização Inteligente. Financiamento de projetos para Cidades Analíticas

Programa Operacional Regional do Alentejo/Estratégia Regional de Especialização Inteligente. Financiamento de projetos para Cidades Analíticas Programa Operacional Regional do Alentejo/Estratégia Regional de Especialização Inteligente Financiamento de projetos para Cidades Analíticas Rio Maior 13 de Março 2015 Estratégia Regional de Especialização

Leia mais

Internacionalização das PME Qualificação das PME

Internacionalização das PME Qualificação das PME Sistema de Incentivos Qualificação e Internacionalização PME Qualificação das PME Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&DT) Inovação Empresarial e Empreendedorismo Qualificação e Internacionalização

Leia mais

Testemunhos da cooperação: os projetos do Espaço o Sudoeste Europeu (SUDOE)

Testemunhos da cooperação: os projetos do Espaço o Sudoeste Europeu (SUDOE) Testemunhos da cooperação: os projetos do Espaço o Sudoeste Europeu (SUDOE) Do SUDOE 2007-2013 à Estratégia 2020 Promoção da inovação e constituição de redes estáveis de cooperação em matéria tecnológica

Leia mais

7. Resumo para os cidadãos

7. Resumo para os cidadãos 7. Resumo para os cidadãos Enquadramento e apresentação do PO O Acordo de Parceria aprovado pela Comissão Europeia (CE) através da Decisão C(2014) 5513 de 30 de julho, definiu as orientações fundamentais

Leia mais

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO N.º CENTRO

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO N.º CENTRO REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS POR CONVITE PI 6.3 PROMOÇÃO DO PATRIMÓNIO CULTURAL UNESCO AVISO N.º CENTRO-14-2016-14 O Mérito do Projeto (MP) é determinado

Leia mais

O POTENCIAL HUMANO PARA de NOVEMBRO 2012

O POTENCIAL HUMANO PARA de NOVEMBRO 2012 O POTENCIAL HUMANO PARA 2013 28 de NOVEMBRO 2012 O POTENCIAL HUMANO PARA 2013 ORIENTAÇÕES ESTRATÉGICAS PARA O FUTURO - CAPITAL HUMANO PARA O CRESCIMENTO E O EMPREGO CONTRIBUTO DO POPH (ANOS 2013 E 2014)

Leia mais

O Mar nos Programas Temáticos Regionais João Fonseca Ribeiro Diretor Geral de Politica do Mar

O Mar nos Programas Temáticos Regionais João Fonseca Ribeiro Diretor Geral de Politica do Mar O Mar nos Programas Temáticos Regionais 2014-2020 João Fonseca Ribeiro Diretor Geral de Politica do Mar O Panorama Nacional e Internacional Oceano Atlântico Norte Oceano Atlântico Sul Reafirmar Portugal

Leia mais

A estratégia para o setor agro-alimentar em territórios de baixa densidade

A estratégia para o setor agro-alimentar em territórios de baixa densidade A estratégia para o setor agro-alimentar em territórios de baixa densidade Seminário Contributo do Setor Agroalimentar para o Desenvolvimento Territorial 2 0 1 4-2 0 2 0 Guarda, 9 de Dezembro de 2014 A

Leia mais

ASSSSUNTTO Cria Agência Nacional para a gestão das 2ªs fases dos programas de acção comunitária: Leonardo da Vinci e Socrates

ASSSSUNTTO Cria Agência Nacional para a gestão das 2ªs fases dos programas de acção comunitária: Leonardo da Vinci e Socrates DIÁRIOS DA REPUBLLI ICA DEESSI IGNAÇÇÃO: : PPrrooggrraamaass EEMI ITTI IDO PPOR: : Ministério do Emprego e da Segurança Social ASSSSUNTTO Aprova o regime de apoio técnico e financeiro a programas de reabilitação

Leia mais

PEDU. Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano de Bragança. (aprovado pela Comissão Diretiva Norte2020)

PEDU. Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano de Bragança. (aprovado pela Comissão Diretiva Norte2020) Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano de Bragança (aprovado pela Comissão Diretiva Norte2020) Bragança, 14 de Março de 2017 PARU Plano de Ação de Regeneração Urbana PAICD Plano de Ação Integrado

Leia mais

ESTUDO ESTRATÉGICO PARA DEFINIÇÃO DAS LINHAS ORIENTADORAS DE GONDOMAR 2020 SUSTENTÁVEL INCLUSIVO INTELIGENTE

ESTUDO ESTRATÉGICO PARA DEFINIÇÃO DAS LINHAS ORIENTADORAS DE GONDOMAR 2020 SUSTENTÁVEL INCLUSIVO INTELIGENTE ESTUDO ESTRATÉGICO PARA DEFINIÇÃO DAS LINHAS ORIENTADORAS DE GONDOMAR 2020 SUSTENTÁVEL INCLUSIVO INTELIGENTE NOTA INTRODUTÓRIA A Estratégia Europa 2020 constitui o referencial central das políticas comunitárias

Leia mais

O Programa Nacional de Reformas constitui um elemento essencial na definição da estratégia de médio prazo que permitirá a Portugal, no horizonte de

O Programa Nacional de Reformas constitui um elemento essencial na definição da estratégia de médio prazo que permitirá a Portugal, no horizonte de O Programa Nacional de Reformas constitui um elemento essencial na definição da estratégia de médio prazo que permitirá a Portugal, no horizonte de 2020, lançar um conjunto de reformas estruturais que

Leia mais

Estratégia para o Crescimento e Inovação Região de Aveiro

Estratégia para o Crescimento e Inovação Região de Aveiro Congresso da 15 de março de 2013 PRIORIDADES Eficiência energética e fontes de energia renovável Eficiente utilização de recursos Inovação e competitividade das PME 2014-2020 Combate à pobreza e à exclusão

Leia mais

CONGRESSO NACIONAL COMISSÃO MISTA DE PLANOS, ORÇAMENTOS PÚBLICOS E FISCALIZAÇÃO PROJETO DE LEI DE REVISÃO DO PLANO PLURIANUAL PARA

CONGRESSO NACIONAL COMISSÃO MISTA DE PLANOS, ORÇAMENTOS PÚBLICOS E FISCALIZAÇÃO PROJETO DE LEI DE REVISÃO DO PLANO PLURIANUAL PARA CONGRESSO NACIONAL COMISSÃO MISTA DE PLANOS, ORÇAMENTOS PÚBLICOS E FISCALIZAÇÃO PROJETO DE LEI DE REVISÃO DO PLANO PLURIANUAL PARA 2004-2007 (Projeto de Lei nº 41/2005-CN) PARECER DA COMISSÃO SUBSTITUTIVO

Leia mais

SISTEMAS DE INCENTIVOS PORTUGAL 2020

SISTEMAS DE INCENTIVOS PORTUGAL 2020 SISTEMAS DE INCENTIVOS PORTUGAL 2020 Qualificação PME Esta candidatura consiste num plano de apoio financeiro a projetos que visam ações de qualificação de PME em domínios imateriais com o objetivo de

Leia mais

Investigação e Desenvolvimento, Inovação e Transferência de Tecnologia

Investigação e Desenvolvimento, Inovação e Transferência de Tecnologia Investigação e Desenvolvimento, Inovação e Transferência de Tecnologia Universidade de Évora Paulo Quaresma 28/07/2015 1 Objectivo Análise e discussão das medidas existentes de apoio às actividades de

Leia mais

SISTEMAS DE INCENTIVOS QREN / PO ALGARVE21

SISTEMAS DE INCENTIVOS QREN / PO ALGARVE21 SISTEMAS DE INCENTIVOS QREN / PO ALGARVE21 FARO, 8 de Outubro de 2008 Legislação de Enquadramento Enquadramento Nacional dos Sistemas de Incentivos Sistema de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento

Leia mais

nº de Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTSP) em projeto piloto 1-100,0

nº de Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTSP) em projeto piloto 1-100,0 QUADRO DE AVALIAÇÃO E RESPONSABILIZAÇÃO - 2014 Ministério da Educação e Ciência Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) MISSÃO: A qualificação de alto nível dos cidadãos, a produção e difusão do

Leia mais

Sistemas de Incentivos do QREN

Sistemas de Incentivos do QREN Sistemas de Incentivos do QREN Sistemas de Incentivos do QREN 1. Sistema de Incentivos à Qualificação e Internacionalização de PME 2. Sistema de Incentivos à Inovação 3. Sistema de Incentivos à Investigação

Leia mais

ALENQUER NO QUADRO DO PORTUGAL 2020. 7 de Setembro de 2015

ALENQUER NO QUADRO DO PORTUGAL 2020. 7 de Setembro de 2015 ALENQUER NO QUADRO DO PORTUGAL 2020 7 de Setembro de 2015 ALENQUER PORTUGAL 2020 INSTRUMENTOS FINANCEIROS ITI Instrumentos Territoriais Integrados (concretizáveis através de Pactos para o Desenvolvimento

Leia mais

Ministério das Cidades, Ordenamento do Território e Ambiente PLANO DE ORDENAMENTO DO PARQUE NATURAL DE SINTRA-CASCAIS 5. PLANO OPERACIONAL DE GESTÃO

Ministério das Cidades, Ordenamento do Território e Ambiente PLANO DE ORDENAMENTO DO PARQUE NATURAL DE SINTRA-CASCAIS 5. PLANO OPERACIONAL DE GESTÃO Ministério das Cidades, Ordenamento do Território e Ambiente PLANO DE ORDENAMENTO DO PARQUE NATURAL DE SINTRA-CASCAIS 1.. REGULAMENTO 2.. PLANTA DE ORDENAMENTO 3.. RELATÓRIO 4.. PLANTA DE CONDICIONANTES

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013

Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013 Cooperação Territorial Europeia 2007/2013 Que oportunidades para Lisboa e Vale do Tejo? Centro Cultural de Belém 31 de Março 2008 Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013 Cooperação territorial

Leia mais

Política de Coesão da UE

Política de Coesão da UE da UE 2014 2020 Propostas da Comissão Europeia da União Europeia Estrutura da apresentação 1. Qual é o impacto da política de coesão da UE? 2. A que se devem as alterações propostas pela Comissão para

Leia mais

Os novos mecanismos de apoio à Economia e Empreendedorismo do Mar no contexto Sónia Ribeiro COLÓQUIO ANMP/MARE START UP Universidade

Os novos mecanismos de apoio à Economia e Empreendedorismo do Mar no contexto Sónia Ribeiro COLÓQUIO ANMP/MARE START UP Universidade Os novos mecanismos de apoio à Economia e Empreendedorismo do Mar no contexto 2014-2020 Sónia Ribeiro COLÓQUIO ANMP/MARE START UP Universidade Católica Portuguesa Lisboa 9 de abril de 2015 Agenda A Estratégia

Leia mais

Económico Ambiental Social

Económico Ambiental Social EUROPA 2020 Desenvolvimento Sustentável Crescimento Inteligente, Sustentável e Inclusivo (CISI) Estratégia Marítima da União Europeia para a Área do Atlântico Estratégias Regionais de Suporte (asseguram

Leia mais

Portugal 2020 Apresentação

Portugal 2020 Apresentação Portugal 2020 Apresentação Porto Rua Dr. Ernesto Soares dos Reis, N.º 208, 1º Andar, Sala Q 3720-256 Oliveira de Azeméis Lisboa Edifício Oeiras Office - 1ºD R. Marechal Teixeira Rebelo, 2 2780-271 Oeiras

Leia mais

RELAÇÃO DOS PROGRAMAS/ÓRGÃOS/UNID. ORÇAMENTÁRIAS

RELAÇÃO DOS PROGRAMAS/ÓRGÃOS/UNID. ORÇAMENTÁRIAS PREFEITURA DA CIDADE DE NOVA IGUAÇU SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E DESPESA PPA 2014-2017 EXERCÍCIO 2014 RELAÇÃO DOS PROGRAMAS/ÓRGÃOS/UNID. ORÇAMENTÁRIAS 5001 - ADMINISTRAÇÃO GERAL 02 - S. M. DE

Leia mais

Luís Correia Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco

Luís Correia Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco Luís Correia Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco Reabilitação Urbana para a Promoção Cultural e Inclusão Social. Apresentação do filme Investimento Autárquico no Portugal 2020 Pedro Marques

Leia mais

Seminário Apoios Comunitários para o Ambiente e Energia

Seminário Apoios Comunitários para o Ambiente e Energia Seminário Apoios Comunitários para o Ambiente e Energia 4 de fevereiro de 2015 Enquadramento: Os Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEEI) para o período de 2014-2020 serão determinantes no

Leia mais

APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA

APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA AGENDA AS 5 MARCAS DO POPH I EIXOS PRIORITÁRIOS II ARRANQUE DO PROGRAMA III I AS 5 MARCAS DO POPH AS 5 MARCAS DO POPH 1 O MAIOR PROGRAMA OPERACIONAL DE SEMPRE 8,8 mil M 8,8 Mil

Leia mais

Plataforma para a Construção Sustentável rede para o cluster Habitat. Victor M. Ferreira Faro 10/07/2009

Plataforma para a Construção Sustentável rede para o cluster Habitat. Victor M. Ferreira Faro 10/07/2009 Plataforma para a Construção Sustentável rede para o cluster Habitat Victor M. Ferreira Faro 10/07/2009 Sumário A Plataforma e o Cluster Habitat Missão e Objectivos Parceiros/Associados? Contributo? Programa

Leia mais

BNDES - Apresentação Institucional. Oportunidades para Investimentos na Indústria Química Brasileira Sinproquim 23 de abril de 2014

BNDES - Apresentação Institucional. Oportunidades para Investimentos na Indústria Química Brasileira Sinproquim 23 de abril de 2014 BNDES - Apresentação Institucional Oportunidades para Investimentos na Indústria Química Brasileira Sinproquim 23 de abril de 2014 Quem somos Fundado em 20 de Junho de 1952 Empresa pública de propriedade

Leia mais

Matriz Portugal 2020 Candidaturas diretas a efetuar pelas IPSS

Matriz Portugal 2020 Candidaturas diretas a efetuar pelas IPSS Revisão 1 : 02/09/2015 PO PO Preparação e Reforço das Capacidades, Formação e Ligação em rede dos Gal (DLBC) Desenvolvimento Local de Base Comunitária 2ª fase Seleção das Estratégias de Desenvolvimento

Leia mais

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO PRIORIDADE DE INVESTIMENTO: INVESTIMENTO NA SAÚDE E NAS INFRAESTRUTURAS SOCIAIS QUE CONTRIBUAM PARA O DESENVOLVIMENTO NACIONAL, REGIONAL E LOCAL, PARA A REDUÇÃO

Leia mais

APOIOS À INTERNACIONALIZAÇÃO DA ECONOMIA

APOIOS À INTERNACIONALIZAÇÃO DA ECONOMIA APOIOS À INTERNACIONALIZAÇÃO DA ECONOMIA Seminário Exportar, exportar, exportar A Experiência dos Principais Clusters Regionais Piedade Valente Vogal da Comissão Diretiva do COMPETE Viana do Castelo, 11

Leia mais

RECURSOS PREVISTOS PARA OS PROGRAMAS, INICIATIVAS E AÇÕES POR CATEGORIA DA DESPESA SEGUNDO ORGÃO E UNIDADE

RECURSOS PREVISTOS PARA OS PROGRAMAS, INICIATIVAS E AÇÕES POR CATEGORIA DA DESPESA SEGUNDO ORGÃO E UNIDADE GOVERNO DO ESTADO DA PARAÍBA SECRETARIA DE ESTADO DO PLANEJAMENTO E GESTÃO PPA - Exercício - RECURSOS PREVISTOS PARA OS PROGRAMAS, INICIATIVAS E AÇÕES POR CATEGORIA DA DESPESA SEGUNDO ORGÃO E UNIDADE Órgão

Leia mais

Anexo IV Tabela das Áreas de Actividades

Anexo IV Tabela das Áreas de Actividades Actividades Relacionadas com o Património Cultural 101/801 Artes Plásticas e Visuais 102/802 Cinema e Audiovisual 103/803 Bibliotecas e Património Bibliográfico 104/804 Arquivos e Património Arquivistico

Leia mais

Portugal 2020 Inovar na Administração Pública

Portugal 2020 Inovar na Administração Pública Portugal 2020 Inovar na Administração Pública Jaime S. Andrez Vogal da Comissão Diretiva Lisboa 29 de abril de 2015 1 Driver da Competitividade Ambiente favorável aos negócios Emprego e Valor económico

Leia mais

Programa Operacional Regional do Algarve

Programa Operacional Regional do Algarve Programa Operacional Regional do Algarve Critérios de Seleção das Candidaturas e Metodologia de Análise Domínio Temático SEUR Sustentabilidade e Eficiente Uso de Recursos Prioridades de investimento: 4.2/4.3/4.5/6.3/6.5

Leia mais

CARTA de MISSÃO 1. MISSÃO

CARTA de MISSÃO 1. MISSÃO CARTA de MISSÃO 1. MISSÃO Através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 52-A/2015, de 23 de julho, o Governo criou a estrutura de missão designada por Estrutura de Gestão do Instrumento Financeiro

Leia mais

Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013

Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013 Programa Operacional Regional Alentejo 2007/2013 Workshop Gestão e Financiamento Integrados da Natura 2000 Lisboa, 28 de Fevereiro de 2008 1 1. Orientações e estrutura do PO Alentejo 2007/2013 2. Financiamento

Leia mais

Boletim Mensal #01 Junho 2016

Boletim Mensal #01 Junho 2016 CANDIDATURAS ABERTAS NO ÂMBITO DO PORTUGAL 2020 PLANO DE AÇÃO DE REGENERAÇÃO URBANA PARA CENTROS URBANOS COMPLEMENTARES (PI6.5) Tendo como propósito o investimento na reabilitação e regeneração urbana,

Leia mais

Inovação Produtiva PME Qualificação das PME

Inovação Produtiva PME Qualificação das PME Sistema de Incentivos Inovação Empresarial e Empreendedorismo Qualificação das PME Investigação e Desenvolvimento Tecnológico (I&DT) Inovação Empresarial e Empreendedorismo Qualificação e Internacionalização

Leia mais

Plataforma mar do Algarve, uma lógica de cluster

Plataforma mar do Algarve, uma lógica de cluster Plataforma mar do Algarve, uma lógica de cluster o mar do Algarve os desafios para o mar do Algarve o papel da Maralgarve Contexto Regional alguns dados sobre o Mar do Algarve PRAIAS Maisde130praias (69zonasbalnearescomBandeiraAzul)

Leia mais

SMART [CITY VISION BRAGA] SMART SMART [CITY VISION BRAGA] BRAGANÇA. Município de Braga I Miguel Bandeira

SMART [CITY VISION BRAGA] SMART SMART [CITY VISION BRAGA] BRAGANÇA. Município de Braga I Miguel Bandeira [CITY VISION [CITY VISION [CITY VISION INOVAÇÃO EMPRESARIAL PLANO DIRECTOR MUNICIPAL PLANO ESTRATÉGICO DESENVOLVIMENTO ECONÓMICO PLANO ESTRATÉGICO DE DESENVOLVIMENTO URBANO RECURSOS E ATIVOS POLÍTICA PÚBLICA

Leia mais

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO N.º CENTRO

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO N.º CENTRO REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO CONVITE PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS AVISO N.º CENTRO-43-2016-01 PRIORIDADES DE INVESTIMENTOS: 4.5 (4e) PROMOÇÃO DE ESTRATÉGIAS DE BAIXO TEOR DE CARBONO

Leia mais

PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO

PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO PROGRAMA OPERACIONAL REGIONAL DO ALENTEJO Alentejo 2020 Desafios Borba 17 de Dezembro de 2014 ALENTEJO Estrutura do Programa Operacional Regional do Alentejo 2014/2020 1 - Competitividade e Internacionalização

Leia mais

ESTUDO DE AVALIAÇÃO DA INTEGRAÇÃO DA PERSPETIVA

ESTUDO DE AVALIAÇÃO DA INTEGRAÇÃO DA PERSPETIVA ESTUDO DE AVALIAÇÃO DA INTEGRAÇÃO DA PERSPETIVA DO GÉNERO NOS FUNDOS ESTRUTURAIS, NO PERÍODO DE PROGRAMAÇÃO 2007- ANEXOS Equipa de Investigação: Virgínia Ferreira (Coord.) Rosa Monteiro Mónica Lopes Hernâni

Leia mais

Medida de apoio à inovação

Medida de apoio à inovação Medida de apoio à inovação Programa de Desenvolvimento Rural 2014-2020 Maria Pedro Silva Organização: Apoio Institucional: Grupos Crescimento Valor Acrescentado Rentabilidade Económica Inovação Capacitação

Leia mais

PO SEUR OPORTUNIDADES DE FINANCIAMENTO

PO SEUR OPORTUNIDADES DE FINANCIAMENTO III FÓRUM DE PARTILHA DE EXPERIÊNCIAS E DIVULGAÇÃO DE BOAS PRÁTICAS INOVAÇÃO NA GESTÃO DE SISTEMAS DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA E SANEAMENTO LNEC, 22 MAIO 2015 PO SEUR OPORTUNIDADES DE FINANCIAMENTO MANUELA

Leia mais

Incentivos à Eficiência Energética. Isabel Damasceno Vogal Executiva do Centro 2020

Incentivos à Eficiência Energética. Isabel Damasceno Vogal Executiva do Centro 2020 Incentivos à Eficiência Energética Isabel Damasceno Vogal Executiva do Centro 2020 Portugal 2014-2020 Acordo de Parceria, julho 2014 As regiões menos desenvolvidas, onde se inclui a Região Centro, vão

Leia mais

Sessão de Divulgação PDR DLBC Terras de Basto

Sessão de Divulgação PDR DLBC Terras de Basto Sessão de Divulgação PDR 2020 - DLBC Terras de Basto Operação 10.2.1.1 - Pequenos investimentos nas explorações agrícolas Promover a melhoria das condições de vida, de trabalho e de produção dos agricultores;

Leia mais

SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO PROGRAMA INTERREG V - A

SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO PROGRAMA INTERREG V - A SEMINÁRIO DE LANÇAMENTO PROGRAMA INTERREG V - A MADEIRA-AÇORES-CANÁRIAS 2014-2020 Angra do Heroísmo, 29 janeiro 2016 QUAL O TERRITÓRIO DO ESPAÇO DE COOPERAÇÃO? - As regiões insulares ultraperiféricas de

Leia mais

DIREÇÃO REGIONAL DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DIVISÃO DE ENCAMINHAMENTO E CERTIFICAÇÃO DE COMPETÊNCIAS

DIREÇÃO REGIONAL DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DIVISÃO DE ENCAMINHAMENTO E CERTIFICAÇÃO DE COMPETÊNCIAS DIREÇÃO REGIONAL DE QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL DIVISÃO DE ENCAMINHAMENTO E CERTIFICAÇÃO DE COMPETÊNCIAS O que são? Centros para a Qualificação e o Ensino Profissional Os CQEP são estruturas do Sistema Nacional

Leia mais

Programa Cidade ustentáveis ONU

Programa Cidade ustentáveis ONU Programa Cidade ustentáveis ONU 10 passos para as Cidades Sustentáveis 1: Âmbito institucional e administrativo 2: Financiamento e recursos 3: Avaliação dos riscos múltiplos e perigos 4: Proteção da infraestrutura,

Leia mais

Faculdade de Ciências e Tecnologias

Faculdade de Ciências e Tecnologias Faculdade de Ciências e Tecnologias Universidade Nova de Lisboa Mestrado Integrado em Engenharia do Ambiente Duração: 5 anos Grau: Mestrado Coordenador: Maria de Graça Martinho Objectivos: A Engenharia

Leia mais

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO N.º CENTRO

REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO N.º CENTRO REFERENCIAL DE ANÁLISE DE MÉRITO DO PROJETO AVISO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS POR CONVITE PI 6.3 PRODUTOS TURÍSTICOS INTEGRADOS DE BASE INTERMUNICIPAL AVISO N.º CENTRO-14-2016-16 O Mérito do Projeto

Leia mais

RELATÓRIO ANUAL DE EXECUÇÃO. Programa Operacional MAR 2020 PORTUGAL

RELATÓRIO ANUAL DE EXECUÇÃO. Programa Operacional MAR 2020 PORTUGAL RELATÓRIO ANUAL DE EXECUÇÃO 2015 Programa Operacional MAR 2020 PORTUGAL Relatório Anual 2015 RELATÓRIO DE EXECUÇÃO DO PO MAR 2020 ANO DE 2015 CCI: 2014PT14MFOP001 PROGRAMA OPERACIONAL: PROGRAMA OPERACIONAL

Leia mais

O papel do QREN na consolidação e qualificação das redes de equipamentos coletivos

O papel do QREN na consolidação e qualificação das redes de equipamentos coletivos O papel do QREN na consolidação e qualificação das redes de equipamentos coletivos Porto, 18 de junho de 2013 Susana Monteiro Núcleo de Estudos e Avaliação Estrutura 1. Diagnóstico 2. Planeamento 3. Monitorização

Leia mais

APRESENTAÇÃO DA PLATAFORMA P3LP

APRESENTAÇÃO DA PLATAFORMA P3LP APRESENTAÇÃO DA PLATAFORMA P3LP PONTES E PARCERIAS NOS PAÍSES DE LÍNGUA PORTUGUESA - PLATAFORMA DE PARTILHA DE EXPERIÊNCIAS E CONHECIMENTO NO SETOR DA ÁGUA APDA, ENEG, Porto, Dezembro de 2015 Jaime Melo

Leia mais

Plano de Actividades e Orçamento 2010

Plano de Actividades e Orçamento 2010 Plano de Actividades e Orçamento 2010 1 2 1. Missão A CooLabora é uma cooperativa de consultoria e intervenção social criada em 2008. Tem por missão contribuir para a inovação social no desenvolvimento

Leia mais

Transportes & Negócios Seminário de Transporte Rodoviário

Transportes & Negócios Seminário de Transporte Rodoviário Transportes & Negócios Seminário de Transporte Rodoviário PRACE Res.Cons.Min. 39/2006 DL 210/2006, 27Out DL 147/2007, 27Abr P 545/2007, 30 Abr. DGTTF INTF DGV (MAI) - Veículos e condutores DGV (MAI) -

Leia mais

Sistema de Incentivos à Inovação

Sistema de Incentivos à Inovação Sistema de Incentivos à Inovação Inovação Produtiva e Empreendedorismo Qualificado até concursos abertos 26 de abril de 2012 sistema de incentivos à inovação Inovação Produtiva e Empreendedorismo Qualificado

Leia mais

A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SISTEMAS DE INCENTIVOS E A INOVAÇÃO NAS EMPRESAS

A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SISTEMAS DE INCENTIVOS E A INOVAÇÃO NAS EMPRESAS 2012 MAR 06 A ARTICULAÇÃO ENTRE OS SISTEMAS DE INCENTIVOS E A INOVAÇÃO NAS EMPRESAS JOSÉ CARLOS CALDEIRA Administrador executivo PÓLO PRODUTECH Director INESC Porto (jcc@inescporto.pt) INDÚSTRIA TRANFORMADORA

Leia mais

Rota do Guadiana Associação de Desenvolvimento Integrado. Apresentação Geral

Rota do Guadiana Associação de Desenvolvimento Integrado. Apresentação Geral Rota do Guadiana Associação de Desenvolvimento Integrado Apresentação Geral História e território Criada em 1992, a RG-ADI, assume-se como uma iniciativa de desenvolvimento, constituída com base em parcerias

Leia mais