AS NOVAS TECNOLOGIAS EM UMA DIMENSÃO HUMANA: A CONTRIBUIÇÃO DA ARQUITETURA E CONSTRUÇÃO DOS AMBIENTES DE SAÚDE

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AS NOVAS TECNOLOGIAS EM UMA DIMENSÃO HUMANA: A CONTRIBUIÇÃO DA ARQUITETURA E CONSTRUÇÃO DOS AMBIENTES DE SAÚDE"

Transcrição

1 AS NOVAS TECNOLOGIAS EM UMA DIMENSÃO HUMANA: A CONTRIBUIÇÃO DA ARQUITETURA E CONSTRUÇÃO DOS AMBIENTES DE SAÚDE NEW TECHNOLOGIES IN A HUMAN DIMENSION:THE CONTRIBUTION OF ARCHITECTURAL AND CONSTRUCTION PLANNING Fábio Bitencourt, arquiteto D Sc

2 As edificações hospitalares e referenciais históricos Aspectos da evolução tecnológica em ambientes de saúde A dimensão do conforto e os impactos da humanização das novas tecnologias Abordagens e reflexões sobre a evolução do ambiente, tecnologias e a dimensão do conforto humano.

3 As edificações hospitalares e referenciais históricos Aspectos da evolução tecnológica em ambientes de saúde A dimensão do conforto e os impactos da AS NOVAS TECNOLOGIAS EM UMA DIMENSÃO HUMANA humanização das novas tecnologias Abordagens e reflexões sobre a evolução do ambiente, tecnologias e a dimensão do conforto humano.

4 Suíça Itália Hungria França Inglaterra Áustria Jean-Jacques Rousseau Florence Nightingale Ignác Fulöp Semmelweis Direitos humanos e a liberdade Fluxos de circulação,conforto ambiental e arquitetura dos ambientes de saúde prevenção e controle de infecções e fluxos de circulação. Abordagens e reflexões sobre a evolução do ambiente, tecnologias e a dimensão do conforto humano.

5 Suíça Itália Hungria França Inglaterra Áustria Jean-Jacques Rousseau Florence Nightingale Ignác Fulöp Semmelweis Direitos humanos e a liberdade Fluxos de circulação,conforto ambiental e arquitetura dos ambientes de saúde prevenção e controle de infecções e fluxos de circulação. Abordagens e reflexões sobre a evolução do ambiente, tecnologias e a dimensão do conforto humano.

6 John Howard ( ), filantropo inglês do século XVII, e em visita a prisioneiro em Londres. Fonte: Wellcome Library, 2013.

7 Entre 1736 e 1799 foram construídos 32 hospitais no interior do país e cinco em Londres: O Westminster, o Guy s, St. Georges, o Hospital de Londres e o Middlesex (NULAND, 2005). St. Thomas Hospital, London Hospital, Londres, século XIX. Fonte: Wellcome Library, 2013.

8 Atividades de cuidados no interior do Hôtel D ieu, Paris, século XVI. Fonte: BIUM

9 Fachada principal do antigo Hôtel D ieu, Paris, século XVI. Fonte: BIUM.

10 Fachada principal do Hôtel D ieu após a reforma realizada no século XVIII sob orientação de Jacques-René Tenon e equipe. Gravura de B. Ferry e R. Wallis, Paris, Fonte: The National Library of Medicine, AO10491

11 A ARQUITETURA DO HOSPITAL Hôpital Dieu, Paris, Fonte: Wellcome Library, 2012.

12 Surge, pois, um novo modo de ver o hospital, ao qual se considera como mecanismo para curar, e que se este exerce efeitos patológicos, deve corrigir-se. Poder-se-ia alegar que isto não é nenhuma novidade, pois desde há milênios existem hospitais dedicados a curar os enfermos; o que talvez se possa afirmar é que no século XVIII se descobriu que os hospitais não curavam tanto quanto deviam. A Microfísica do poder, Michel Foucault, 1978, p.22.

13 Hôpital Dieu, Paris, Fonte: Google Earth, Geoinformation, enfermaria

14 Fachada principal do HôpitalDieu, Paris, Fonte: Fábio Bitencourt, 2003.

15 A ARQUITETURA DO HOSPITAL Hôpital Dieu, Paris, Fonte: Fábio Bitencourt, 2012.

16 A DIMENSÃO HUMANA DA ARQUITETURA DO HOSPITAL A ARQUITETURA DO HOSPITAL Fachada principal do Hôpital Dieu, Paris, Fonte: Fábio Bitencourt, 2012.

17 Hôpital Dieu, Paris, Fonte: Fábio Bitencourt, A ARQUITETURA DO HOSPITAL

18 Pátio interno do Hôpital Dieu, Paris, Fonte: Fábio Bitencourt, 2012.

19 A ARQUITETURA DO HOSPITAL

20

21 ERROR: undefined OFFENDING COMMAND: f ~ STACK:

VI SEMINÁRIO HOSPITAIS SAUDÁVEIS - SHS 2013. Edifícios maissustentáveis sustentáveis e saudáveis

VI SEMINÁRIO HOSPITAIS SAUDÁVEIS - SHS 2013. Edifícios maissustentáveis sustentáveis e saudáveis VI SEMINÁRIO HOSPITAIS SAUDÁVEIS - SHS 2013 Edifícios maissustentáveis sustentáveis e saudáveis VI CONGRESSO ABDEH FLORIANÓPOLIS SC Excelência em Ambientes de Saúde: experiências e evidências 27 a 29

Leia mais

HOSPITAIS E CLÍNICAS INDÚSTRIA DE SEGMENTO M ÉDICO, HOSPITALAR E DA SAÚDE UNIVERSIDADE E INSTITUTOS DE PESQUISA EM PRESAS DE VERIFICAÇÃO E CERTIFICAÇÃO DE QUALIDADE DE PRODUTOS PARA A ÁREA M ÉDICA E DE

Leia mais

O papel da Enfermagem no Tratamento de Álcool e Drogas no Brasil e no Mundo

O papel da Enfermagem no Tratamento de Álcool e Drogas no Brasil e no Mundo O papel da Enfermagem no Tratamento de Álcool e Drogas no Brasil e no Mundo The role of nursing in the Treatment of Alcohol and Drugs in the Brazil and World O papel da Enfermagem no Tratamento de Álcool

Leia mais

Florence Nightingale: obras, ensinamentos e contribuições Séc XIX

Florence Nightingale: obras, ensinamentos e contribuições Séc XIX UNIÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CAMPINA GRANDE BACHARELADO EM ENFERMAGEM HISTÓRIA E TEORIAS DA ENFERMAGEM Prof. Eurípedes Gil de França Aula 6 Enfermagem Moderna Florence Nightingale: obras, ensinamentos e

Leia mais

PROJETO DE ARQUITETURA ARQUITETURA HOSPITALAR

PROJETO DE ARQUITETURA ARQUITETURA HOSPITALAR PROJETO DE ARQUITETURA ARQUITETURA HOSPITALAR Roteiro para desenvolvimento das atividades previstas na Disciplina PA: Edifícios Complexos Adoção do Partido na Arquitetura Laert Pedreira Neves ISBN: 8523202196

Leia mais

NR 32 WWW.ESPACOSAUDE.NET SAUDE E SEGURANÇA UM DIFERENCIAL DE MERCADO PARA PROFISSIONAIS E EMPRESA

NR 32 WWW.ESPACOSAUDE.NET SAUDE E SEGURANÇA UM DIFERENCIAL DE MERCADO PARA PROFISSIONAIS E EMPRESA NR 32 WWW.ESPACOSAUDE.NET SAUDE E SEGURANÇA UM DIFERENCIAL DE MERCADO PARA PROFISSIONAIS E EMPRESA WWW.ESPACOSAUDE.NET Pedro Tolentino Técnico em Radiologia Médica Membro Efetivo da CTPN 32 Representando

Leia mais

Iluminação natural e artificial no setor comercial

Iluminação natural e artificial no setor comercial Iluminação natural e artificial no setor comercial Profa. Roberta Vieira G. de Souza Arquiteta, Dra. em Engenharia Civil O QUE É ILUMINAR COM LUZ NATURAL? O QUE É ILUMINAR COM LUZ NATURAL? http://www.travellious.com/a

Leia mais

AS REFORMAS DA LOUCURA: DA CONSTRUÇÃO DO CONCEITO AOS EMPREGOS DA PSIQUIATRIA NO BRASIL

AS REFORMAS DA LOUCURA: DA CONSTRUÇÃO DO CONCEITO AOS EMPREGOS DA PSIQUIATRIA NO BRASIL AS REFORMAS DA LOUCURA: DA CONSTRUÇÃO DO CONCEITO AOS EMPREGOS DA PSIQUIATRIA NO BRASIL SOTARELLI, Álvaro F. GRANDI, Ana Lúcia de. Universidade Estadual do Norte do Paraná Resumo: O presente estudo trabalha

Leia mais

Sabe-se que a cirurgia é praticada desde a pré-história, através de procedimentos de trepanação (operação que consiste em praticar uma abertura em um

Sabe-se que a cirurgia é praticada desde a pré-história, através de procedimentos de trepanação (operação que consiste em praticar uma abertura em um Renata Ariano Sabe-se que a cirurgia é praticada desde a pré-história, através de procedimentos de trepanação (operação que consiste em praticar uma abertura em um osso). No entanto, a cirurgia teve seus

Leia mais

ARQUITETURA HOSPITALAR: HISTÓRIA, EVOLUÇÃO E NOVAS VISÕES

ARQUITETURA HOSPITALAR: HISTÓRIA, EVOLUÇÃO E NOVAS VISÕES ARQUITETURA HOSPITALAR: HISTÓRIA, EVOLUÇÃO E NOVAS VISÕES Elza Maria Alves Costeira Arquiteta M. Sc e doutoranda PROARQ/FAU/UFRJ; Pesquisadora do Departamento de Patrimônio Histórico da FIOCRUZ; Pesquisadora

Leia mais

Resumo. Abstract. Palavras-chave: Projetos Hospitalares; Conforto Ambiental

Resumo. Abstract. Palavras-chave: Projetos Hospitalares; Conforto Ambiental 160 - Arquitetura Hospitalar e o Conforto Ambiental: Evolução Histórica e Importância na Atualidade Hospital Design And Environmental Comfort: Historical Evolution And Current Importance LUKIANTCHUKI,

Leia mais

Planetree O cuidado humanizado no centro cirúrgico: eu devo, eu posso. Alzira Machado Teixeira 24/09/2015

Planetree O cuidado humanizado no centro cirúrgico: eu devo, eu posso. Alzira Machado Teixeira 24/09/2015 Planetree O cuidado humanizado no centro cirúrgico: eu devo, eu posso Alzira Machado Teixeira 24/09/2015 12º CONGRESSO BRASILEIRO DE ENFERMAGEM EM CENTRO CIRÚRGICO, RECUPERAÇÃO ANESTÉSICA E CENTRO DE MATERIAL

Leia mais

Florence Nightingale: obras, ensinamentos e contribuições Séc XIX

Florence Nightingale: obras, ensinamentos e contribuições Séc XIX BACHARELADO EM ENFERMAGEM HISTÓRIA E TEORIAS DA ENFERMAGEM Prof. Eurípedes Gil de França Aula 7 Enfermagem Moderna Florence Nightingale: obras, ensinamentos e contribuições Séc XIX A Europa vivenciava

Leia mais

FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO PROARQ - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARQUITETURA. Fábio Oliveira Bitencourt Filho

FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO PROARQ - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARQUITETURA. Fábio Oliveira Bitencourt Filho UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO PROARQ - PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ARQUITETURA Fábio Oliveira Bitencourt Filho ARQUITETURA DO AMBIENTE DE NASCER: Investigação,

Leia mais

LEIS DE CONSERVAÇÃO NA MECÂNICA CLÁSSICA

LEIS DE CONSERVAÇÃO NA MECÂNICA CLÁSSICA LIS D CONSRVAÇÃO NA MCÂNICA CLÁSSICA 1 Na Física um método muito usado para se estudar propriedades que variam com o tempo, consiste em considerar as propriedades que NÃO variam com o tempo. Ao longo da

Leia mais

VISÃO ESTRATÉGICA DA INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA NACIONAL

VISÃO ESTRATÉGICA DA INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA NACIONAL CodeP0 VISÃO ESTRATÉGICA DA INFRAESTRUTURA AEROPORTUÁRIA NACIONAL Outubro/2013 0 AEROPORTOS Macapá Novo TPS 1ªfase Macapá Ampliação Pátio Fortaleza Ampliação TPS São Luís Ampliação do TPS São Luís Reforma

Leia mais

Recorde-se que no item Transporte chamou-se a atenção para o crescimento do movimento de vôos internacionais no aeroporto de Fortaleza.

Recorde-se que no item Transporte chamou-se a atenção para o crescimento do movimento de vôos internacionais no aeroporto de Fortaleza. A atividade do setor de no Ceará, tem apresentado um expressivo crescimento ao longo dos últimos anos. De fato, tendo recebido 970.000 turistas em 1997, este fluxo alcançou 1.550.857 em 2003 e 1.784.354

Leia mais

INTERCONSULTA PSIQUIÁTRICA

INTERCONSULTA PSIQUIÁTRICA INTERCONSULTA PSIQUIÁTRICA DR. EUCLIDES GOMES DIRETOR TÉCNICO DO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSIQUIATRIA DO CENTRO DE ESTUDOS CYRO MARTINS CONCEITO SUBESPECIALIDADE DA PSIQUIATRIA QUE SE OCUPA DA ASSISTÊNCIA-ENSINO-

Leia mais

Museu de Topografia Prof. Laureano Ibrahim Chaffe. Exposição

Museu de Topografia Prof. Laureano Ibrahim Chaffe. Exposição Museu de Topografia Prof. Laureano Ibrahim Chaffe Exposição Plantas e Planos Cartográficos de Antigas Cidades Período: 01/05/2011 a 30/06/2011 Departamento de Geodésia Instituto de Geociências UFRGS Realização

Leia mais

Prova de Conhecimentos Específicos 1 a QUESTÃO: (5,0 pontos)

Prova de Conhecimentos Específicos 1 a QUESTÃO: (5,0 pontos) Prova de Conhecimentos Específicos 1 a QUESTÃO: (5,0 pontos) Está sendo apresentado, abaixo, um estudo para uma residência unifamiliar (planta baixa, planta de situação e cobertura, além de perspectiva).

Leia mais

Fundamentos Históricos de Enfermagem. Florence Nightingale A Enfermagem no Brasil

Fundamentos Históricos de Enfermagem. Florence Nightingale A Enfermagem no Brasil Fundamentos Históricos de Enfermagem Florence Nightingale A Enfermagem no Brasil A Enfermagem no Brasil A enfermagem na sociedade brasileira é dividida em três fases: A organização da enfermagem na sociedade

Leia mais

O Urbanismo Clássico. Séculos XVII e XVIII

O Urbanismo Clássico. Séculos XVII e XVIII O Urbanismo Clássico Séculos XVII e XVIII Urbanismo Clássico Realizações Legislação Prá?ca administra?va Filósofos, arquitetos e médicos Urbanismo Clássico Recusa do Gigan?smo Urbano Paris 500 mil habitantes

Leia mais

Moda & jóias masculinas: do barroco século XVII, ao cyberpunk século XXI. por Lula Rodrigues

Moda & jóias masculinas: do barroco século XVII, ao cyberpunk século XXI. por Lula Rodrigues Moda & jóias masculinas: do barroco século XVII, ao cyberpunk século XXI por Lula Rodrigues L État c est moi (o Estado sou eu) Luis XIV O Rei Sol(1638/1715) o primeiro pavão da moda masculina. Luis XIV

Leia mais

CUIDADOS PALIATIVOS:HISTÓRICO.

CUIDADOS PALIATIVOS:HISTÓRICO. CUIDADOS PALIATIVOS:HISTÓRICO. PINOTTI, Elaine Cristina 1 GAZZOLA, Ms.Rangel Antonio 2 RESUMO O objetivo deste estudo é apresentar como os cuidados paliativos podem promover o bem estar e a qualidade de

Leia mais

Figuras 96 e 97 Fotos do edifício de Rob Krier. Fonte: Pedro Sória Castellano, 2007.

Figuras 96 e 97 Fotos do edifício de Rob Krier. Fonte: Pedro Sória Castellano, 2007. Figuras 96 e 97 Fotos do edifício de Rob Krier. Fonte: Pedro Sória Castellano, 2007. 182 Figuras 98 e 99 Fotos do edifício de Rob Krier. Fonte: Pedro Sória Castellano, 2007. 183 Figuras 100 e 101 Fotos

Leia mais

Iluminação Hospitalar

Iluminação Hospitalar a u l a r á p i d a Foto: Divulgação Zumtobel Iluminação Hospitalar Por Fábio Bitencourt Edição: Marina Castellan A luz em ambientes hospitalares como um componente de saúde e conforto humano A ELABORAÇÃO

Leia mais

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE PINHEIRO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE PINHEIRO

AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE PINHEIRO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE PINHEIRO AGRUPAMENTO VERTICAL DE ESCOLAS DE PINHEIRO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE PINHEIRO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS - HISTÓRIA 8º Ano Turma A ANO LECTIVO 2011/2012 Disciplina 1º Período Nº de aulas previstas 38

Leia mais

PÚBLICO ALVO: Promotores de viagens; agentes de viagens; consultores de viagens; operadores de emissivo e receptivo; atendentes.

PÚBLICO ALVO: Promotores de viagens; agentes de viagens; consultores de viagens; operadores de emissivo e receptivo; atendentes. 3. Geografia Turística 3.1 Geografia Turística: Brasil de Ponta a Ponta Proporcionar ao participante melhor compreensão geográfica do país; Apresentar as principais especificidades existentes nos continentes

Leia mais

EM TORNO DA ESPECIALIDADE MÉDICA: DESVIO DE COMPORTAMENTO?

EM TORNO DA ESPECIALIDADE MÉDICA: DESVIO DE COMPORTAMENTO? EM TORNO DA ESPECIALIDADE MÉDICA: DESVIO DE COMPORTAMENTO? Sonia Maria Costa Barbosa* Algumas palavras necessitam ser ditas a respeito da postura do profissional da Medicina. Há muitos anos esse profissional

Leia mais

Desafíos y Gestión de la Hotelería Hospitalaria

Desafíos y Gestión de la Hotelería Hospitalaria Desafíos y Gestión de la Hotelería Hospitalaria Merielle Barbosa Lobo Pró-Saúde Hospital Materno Infantil Tia Dedé Tocantins Brasil merielle.hmitd@prosaude.org.br A ORIGEM DA ATIVIDADE HOTELEIRA O hotel

Leia mais

Conforto, cuidados e consumo inteligente? As tecnologias integradas Legrand e Bticino podem proporcionar tudo isso em hotéis e hospitais

Conforto, cuidados e consumo inteligente? As tecnologias integradas Legrand e Bticino podem proporcionar tudo isso em hotéis e hospitais 1 Painel Automatizar Tecnologias para Automação Hospitalar e Hoteleira Conforto, cuidados e consumo inteligente? As tecnologias integradas Legrand e Bticino podem proporcionar tudo isso em hotéis e hospitais

Leia mais

Forma arquitetônica e conforto ambiental na produção de Zaha Hadid: análise da Biblioteca da Universidade de Economia de Viena.

Forma arquitetônica e conforto ambiental na produção de Zaha Hadid: análise da Biblioteca da Universidade de Economia de Viena. Forma arquitetônica e conforto ambiental na produção de Zaha Hadid: análise da Biblioteca da Universidade de Economia de Viena. Graduandas: Francielle Pedroso Soares Mariana Bertolotti A. Pereira Orientador:

Leia mais

Modernização e tecnologia no século XIX

Modernização e tecnologia no século XIX Modernização e tecnologia no século XIX (tec.no.lo.gi.a) Tec. sf. :1. Conjunto das técnicas, processos e métodos específicos de uma ciência, ofício, indústria etc; ciência que trata dos métodos e do desenvolvimento

Leia mais

O que esperar do seu médico: um guia para pacientes. Com base em boas práticas médicas

O que esperar do seu médico: um guia para pacientes. Com base em boas práticas médicas O que esperar do seu médico: um guia para pacientes Com base em boas práticas médicas Os pacientes recebem os melhores cuidados quando trabalham em parceria com os médicos. Este guia explica como pode

Leia mais

HOTELARIA CLÁSSICA X HOTELARIA HOSPITALAR

HOTELARIA CLÁSSICA X HOTELARIA HOSPITALAR HOTELARIA CLÁSSICA X HOTELARIA HOSPITALAR Palestrante: Marilia Mills CONCEITOS Hotelaria Clássica é a reunião de serviços com características próprias e que tem por finalidade oferecer hospedagem, alimentação,

Leia mais

Neoclássico. França: Panteão de Paris (Soufflot) Brasil: Casa França (Montigny) Bruno Maxwel 5715682 Franciele Santana 5935510 Lucas Calixto 5847264

Neoclássico. França: Panteão de Paris (Soufflot) Brasil: Casa França (Montigny) Bruno Maxwel 5715682 Franciele Santana 5935510 Lucas Calixto 5847264 Neoclássico França: Panteão de Paris (Soufflot) Brasil: Casa França (Montigny) Bruno Maxwel 5715682 Franciele Santana 5935510 Lucas Calixto 5847264 Definição Neoclássico Movimento cultural dado no século

Leia mais

AS COMPETÊNCIAS NECESSÁRIAS AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE E HOTELARIA

AS COMPETÊNCIAS NECESSÁRIAS AOS PROFISSIONAIS DE SAÚDE E HOTELARIA INTRODUÇÃO A mobilidade de doentes para cuidados médicos tem sido prática comum desde há séculos, embora limitada pelas distâncias geográficas. No Século XX verificou-se um grande progresso da medicina

Leia mais

Aula 01 -Processo de Trabalho na Saúde e na Enfermagem

Aula 01 -Processo de Trabalho na Saúde e na Enfermagem PROCESSO DE TRABALHO NA SAÚDE E NA OBJETIVOS DA AULA - Esclarecer sobre o cenário atual do Processo trabalho em Saú e na Enfermagem. - Caracterizar o trabalho do enfermeiro nas instituições saú. - Aborr

Leia mais

Como encontrar informações de qualidade sobre saúde na Internet

Como encontrar informações de qualidade sobre saúde na Internet Como encontrar informações de qualidade sobre saúde na Internet How to Find Good Quality Information on the Internet - Portuguese Informação para pacientes e familiares UHN Leia esta brochura para o ajudar:

Leia mais

HISTÓRIA DA ENFERMAGEM INTRODUÇÃO. Profª Ms Patrícia Kelly Silvestre de Melo Claudia Witzel

HISTÓRIA DA ENFERMAGEM INTRODUÇÃO. Profª Ms Patrícia Kelly Silvestre de Melo Claudia Witzel HISTÓRIA DA ENFERMAGEM INTRODUÇÃO Profª Ms Patrícia Kelly Silvestre de Melo Claudia Witzel CONCEITO Segundo Wanda Horta, Enfermagem é a arte de assistir (cuidar) o ser humano Tornando-o independente Promovendo

Leia mais

Universidade Anhanguera de São Paulo

Universidade Anhanguera de São Paulo Universidade Anhanguera de São Paulo I. ATO AUTORIZATIVO EXPEDIDO PELO MEC COM DATA DE PUBLICAÇÃO NO DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO UNIBAN ATO LEGAL PORTARIA CREDENCIAMENTO PORTARIA Nº 48 DE 14 DE JANEIRO DE

Leia mais

Fachadas para Alto Desempenho Ambiental

Fachadas para Alto Desempenho Ambiental Fachadas para Alto Desempenho Ambiental Contexto de Projeto e Aplicação Mônica Pereira Marcondes Arquiteta e Urbanista pela FAUUSP Mestre em Environment & Energy Studies, Architectural Association Graduate

Leia mais

Hotel 4 estrelas + Moradias em Malanje -Estudo Prévio

Hotel 4 estrelas + Moradias em Malanje -Estudo Prévio Tendo como base o programa fornecido, o presente estudo tem como objectivo dar a conhecer as intenções da nossa proposta para a elaboração do projecto para um Hotel 4 estrelas, mais moradias em Malanje

Leia mais

MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D

MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D MEMORIAL DE CÁLCULO E MATERIAIS PROJETO DE ACÚSTICA ARQUITETÔNICA TCE/AC ARQ. DAVID QUEIROZ DE SANT ANA CREA PR-82206/D CURITIBA 2012 1. INTRODUÇÃO Este memorial de cálculo e materiais foi elaborado para

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS / MAGISTÉRIO - IFSP Edital nº 50/2014

CONCURSO PÚBLICO DE PROVAS E TÍTULOS / MAGISTÉRIO - IFSP Edital nº 50/2014 CARGO: ADMINISTRAÇÃO CÓDIGO: 401 QUESTÃO ALTERNATIVA 1 D 2 B 3 C 4 D 5 A 6 A 7 C 8 B 9 C 10 D 11 C 12 D 13 D 14 C 15 A 16 D 17 A 18 B 19 D 20 A 21 D 22 B 23 C 24 C 25 A 26 B 27 D 28 C 29 B 30 A 31 C 32

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES FACULDADE DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE SÃO GONÇALO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO MESTRADO ACADÊMICO PROCESSO SELETIVO

Leia mais

Humanização HIAE - Planetree. Junho 2013

Humanização HIAE - Planetree. Junho 2013 Humanização HIAE - Planetree Junho 2013 PLANETREE EINSTEIN O Hospital, em função dos programas que já tem e de seu compromisso com o cuidado centrado nos pacientes, firmou parceria com o Planetree pois

Leia mais

Casos de Estudo: CFD

Casos de Estudo: CFD Casos de Estudo: CFD Ventilação - Escola em Lisboa Mário Neves Dono de Obra Câmara Municipal de Lisboa Projeto de Arquitetura Arquiteta Ana Lúcia Barbosa Outubro 2013 1 1. Contexto Adaptação parcial de

Leia mais

Rigor e Atenção em Pesquisa Clínica

Rigor e Atenção em Pesquisa Clínica Rigor e Atenção em Pesquisa Clínica PESQUISA ClÍNICA Benefícios para todos Avanços para a humanidade Pesquisa Clínica: mais que experimentação, benefício de saúde e segurança para a humanidade. O incessante

Leia mais

JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU CONSTRUÇÃO DA SEDE DEFINITIVA ORÇAMENTO PARA AS OBRAS 2010

JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU CONSTRUÇÃO DA SEDE DEFINITIVA ORÇAMENTO PARA AS OBRAS 2010 JUSTIÇA FEDERAL DE PRIMEIRO GRAU CONSTRUÇÃO DA SEDE DEFINITIVA ORÇAMENTO PARA AS OBRAS 2010 ANEXO 6 - RELATÓRIO DE PENDÊNCIAS DE EXECUÇÃO - VÍCIOS 1 P T Retirar massa de cimento que penetrou nos dutos

Leia mais

Grade Curricular - Arquitetura e Urbanismo

Grade Curricular - Arquitetura e Urbanismo Grade Curricular - Arquitetura e Urbanismo SEMESTRE 1 - Obrigatórias SAP0615 Projeto I 12 4 16 SAP0620 Desenho de Arquitetura 6 2 8 SAP0623 Plástica 6 2 8 SAP0645 Informática na Arquitetura 8 2 10 SAP0646

Leia mais

29 - A obsessão de John Hunter

29 - A obsessão de John Hunter 29 - A obsessão de John Hunter Joffre Marcondes de Rezende SciELO Books / SciELO Livros / SciELO Libros REZENDE, JM. À sombra do plátano: crônicas de história da medicina [online]. São Paulo: Editora Unifesp,

Leia mais

Desenvolvimento histórico das práticas de saúde

Desenvolvimento histórico das práticas de saúde Desenvolvimento histórico das práticas de saúde As origens da prática do cuidar As práticas de saúde dividem-se em: 1. instintivas 2. mágico sacerdotais 3. no alvorecer da ciência 4. monástico-medievais

Leia mais

Gestão do projeto de edifícios hospitalares

Gestão do projeto de edifícios hospitalares Universidade de São Paulo Escola de Engenharia de São Carlos Departamento de Pós Graduação de Arquitetura e Urbanismo Alexandra Figueiredo Orientador: Márcio Minto fabrício Gestão do projeto de edifícios

Leia mais

CURRICULUM VITAE. INFORMAÇÕES PESSOAIS Valdenis Márcio Neves. Nome: Data de nascimento: 21 de Novembro de 1965

CURRICULUM VITAE. INFORMAÇÕES PESSOAIS Valdenis Márcio Neves. Nome: Data de nascimento: 21 de Novembro de 1965 CURRICULUM VITAE INFORMAÇÕES PESSOAIS Valdenis Márcio Neves Nome: Data de nascimento: 21 de Novembro de 1965 Estado Civil: Casado Endereço Residencial Rua Tião Carreiro nº 244 Qd 10 Lt 15 Gaivota I CEP

Leia mais

Programa de Pós-Graduação em Psicologia

Programa de Pós-Graduação em Psicologia Universidade Federal do Rio Grande do Norte Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes Programa de Pós-Graduação em Psicologia HUMANIZAÇÃO HOSPITALAR, AMBIENTE FÍSICO E RELAÇÕES ASSISTENCIAIS: A PERCEPÇÃO

Leia mais

Centro de Saúde da Figueira da Foz

Centro de Saúde da Figueira da Foz Centro de Saúde da Figueira da Foz PT Prime e HIS implementam Solução integrada de Processo Clínico Electrónico, Gestão de Atendimento, Portal e Mobilidade. a experiência da utilização do sistema VITA

Leia mais

ANEXO I - DOS CARGOS, DA FORMAÇÃO E DA HABILITAÇÃO

ANEXO I - DOS CARGOS, DA FORMAÇÃO E DA HABILITAÇÃO ANEXO I - DOS CARGOS, DA FORMAÇÃO E DA HABILITAÇÃO Administração/Logística Psicologia das Relações Humanas; Liderança e Gestão de Equipes; Professor de Psicologia Doutorado em Psicologia Enfermagem Segurança

Leia mais

Qualidade de vida no trabalho: uma análise das condições de trabalho na Santa Casa

Qualidade de vida no trabalho: uma análise das condições de trabalho na Santa Casa Qualidade de vida no trabalho: uma análise das condições de trabalho na Santa Casa Valcenir Silva Bernanrdo vanessadelvale@doctum.edu.br Vanessa Del Vale Pinto vanessadelvale@doctum.edu.br Flávia Rodrigues

Leia mais

Curso de Medicina. Estágios

Curso de Medicina. Estágios Curso de Medicina Estágios Estágios 3.440 horas total 800h 9º Período 880h 10º Período 880h 11º Período 880h 12º Período 9º Período 4 Rodízios Estágio Trauma Ortopédico com 100 horas Estágio Emergências

Leia mais

BIBLIOGRAFIA BÁSICA: ARGAN, Giulio Carlo. Clássico anticlássico: o Renascimento de Brunelleschi a Brueguel. Tradução Lorenzo Mammi. São Paulo: Companhia das Letras, 1999. p. 141-155 e 197-203. HEYDENREICH,

Leia mais

COMO ORGANIZAR A PASTORAL DA SAÚDE NA PARÓQUIA?

COMO ORGANIZAR A PASTORAL DA SAÚDE NA PARÓQUIA? COMO ORGANIZAR A PASTORAL DA SAÚDE NA PARÓQUIA? Paróquia - Missão da Igreja na vida das pessoas - Libertar a pessoa da enfermidade - Ser presença solidária e cristã junto aos doentes Papel PS contribuir

Leia mais

BIBLIOGRAFIA BÁSICA: ARGAN, Giulio Carlo. La Arquitectura Barroca em Italia. Traducción Victor Magno Boyé. Buenos Aires: Nueva Visión, 1960. BENEVOLO, Leonardo. História da Cidade. Tradução Sílvia Mazza.

Leia mais

MEDICINA E CORPO: UM ESTUDO DO CUIDADO DE SI E UMA BUSCA POR UMA PADRONIZAÇÃO ESTÉTICA

MEDICINA E CORPO: UM ESTUDO DO CUIDADO DE SI E UMA BUSCA POR UMA PADRONIZAÇÃO ESTÉTICA MEDICINA E CORPO: UM ESTUDO DO CUIDADO DE SI E UMA BUSCA POR UMA PADRONIZAÇÃO ESTÉTICA Maria da Luz Rodrigues da Silva Estudante de História na UEPB Campus III daluz_rodrigues@hotmail.com Orientador: José

Leia mais

3.1.4. Contribuições Sociais e filosóficas para a mudança de Paradigma e a

3.1.4. Contribuições Sociais e filosóficas para a mudança de Paradigma e a 3.1.4. Contribuições Sociais e filosóficas para a mudança de Paradigma e a formação do Hospital Contemporâneo: o Hospital Terapêutico. 84 Foi no decorrer dos Séculos XVII e XVIII que grandes transformações

Leia mais

UNIMED GRANDE FLORIANÓPOLIS

UNIMED GRANDE FLORIANÓPOLIS UNIMED GRANDE FLORIANÓPOLIS Com 04 décadas de existência a UNIMED Grande Florianópolis, tem sua área de atuação em 19 municípios, totalizando mais de 200 mil vidas (clientes próprios) e a p r o x i m a

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA 6/07

INSTRUÇÃO NORMATIVA 6/07 INSTRUÇÃO NORMATIVA 6/07 Define contribuintes do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza obrigados a efetuar a Declaração Mensal- escrituração eletrônica mensal do livro fiscal, a ser realizada por

Leia mais

3. AS CIDADES ROMANAS

3. AS CIDADES ROMANAS Vítor Oliveira 3. AS CIDADES ROMANAS Aulas de História da Forma Urbana Estrutura 1. O sistema de ruas 2. Os quarteirões 3. Os edifícios residenciais: domus e insulae 4. O exemplo de Pompeia 5. Referências

Leia mais

ZANETTINI ARQUITETURA

ZANETTINI ARQUITETURA Reconhecido como um dos principais escritórios do segmento no Brasil, com mais de 50 anos de história, a Zanettini Arquitetura é uma empresa de excelência em design arquitetônico contemporâneo, planejamento

Leia mais

A Escola Inglesa. Em toda a Europa, até o século VII, o louco era precioso para Deus e bem tratado pelo discurso e práticas religiosa.

A Escola Inglesa. Em toda a Europa, até o século VII, o louco era precioso para Deus e bem tratado pelo discurso e práticas religiosa. A Escola Inglesa Em toda a Europa, até o século VII, o louco era precioso para Deus e bem tratado pelo discurso e práticas religiosa. Mas a partir do século XVII, número de loucos e miseráveis aumentaram

Leia mais

COORDENAÇÃO Lorí Crízel

COORDENAÇÃO Lorí Crízel COORDENAÇÃO Lorí Crízel Arquiteto e Urbanista graduado pela Universidade Católica RS; Mestre em Conforto Ambiental pela Universidade Federal do Rio de Janeiro UFRJ; Professor Substituto do Curso de Arquitetura

Leia mais

INFLUENZA. Cinthya L Cavazzana Médica Infectologista COVISA/CCD

INFLUENZA. Cinthya L Cavazzana Médica Infectologista COVISA/CCD INFLUENZA Cinthya L Cavazzana Médica Infectologista COVISA/CCD GRIPE x RESFRIADO Resfriado: é uma doença do trato respiratório superior. É geralmente causada por um vírus, mais freqüentemente um rhinovirus

Leia mais

NÚMERO: 003/2010 DATA: 29/09/2010 ASSUNTO: PALAVRAS CHAVE: PARA: CONTACTOS:

NÚMERO: 003/2010 DATA: 29/09/2010 ASSUNTO: PALAVRAS CHAVE: PARA: CONTACTOS: NÚMERO: 003/2010 DATA: 29/09/2010 ASSUNTO: PALAVRAS CHAVE: PARA: CONTACTOS: Acesso a cuidados de saúde programados na União Europeia, Espaço Económico Europeu e Suiça. Procedimentos para a emissão do Documento

Leia mais

Carvalho. C (2006). Partir em missão humanitária. Silva, S. (2009). Enfermagem em Missões Humanitárias Abel e Damas (2009). Papel do Enfermeiro em

Carvalho. C (2006). Partir em missão humanitária. Silva, S. (2009). Enfermagem em Missões Humanitárias Abel e Damas (2009). Papel do Enfermeiro em Carvalho. C (2006). Partir em missão humanitária. Silva, S. (2009). Enfermagem em Missões Humanitárias Abel e Damas (2009). Papel do Enfermeiro em Missões Humanitárias. Oliveira, K (2010). Cooperar em

Leia mais

CAPÍTULO 1 PÁGINAS 6-19 F A B R I C I O P E R E I R A D E F R E I TA S

CAPÍTULO 1 PÁGINAS 6-19 F A B R I C I O P E R E I R A D E F R E I TA S CAPÍTULO 1 PÁGINAS 6-19 AFONSO CELSO PENZE NUNES DA CUNHA ANTÔNIO MARCOS SEVERINO DOS SANTOS CAIO HENRIQUE MORAES CORREIA F A B R I C I O P E R E I R A D E F R E I TA S RICARDO CHAGAS TIAGO LEMES DANELUZZI

Leia mais

III Interligas de Homeopatia do Estado de São Paulo

III Interligas de Homeopatia do Estado de São Paulo III Interligas de Homeopatia do Estado de São Paulo PALESTRA: Farmacotécnica homeopática - Amarilys de Toledo César (farmaceutica homeopática) - falou um pouco sobre a definição farmacotécnica - utilizado

Leia mais

APRESENTAÇÃO: A EDUCAÇÃO EM SAÚDE: PRÁTICAS SAUDÁVEIS

APRESENTAÇÃO: A EDUCAÇÃO EM SAÚDE: PRÁTICAS SAUDÁVEIS APRESENTAÇÃO: A EDUCAÇÃO EM SAÚDE: PRÁTICAS SAUDÁVEIS Professora FACE : Stella Maris Dias Nassif Costa Pinto Membro da CIPA Colaboradores: Lorena Tainan R. Moreno Aluna de Administração FACE Luiz Eduardo

Leia mais

Mulheres que Cuidam: Depoimentos Orais das Ex-alunas da Escola de Enfermagem Lauriston Job Lane i

Mulheres que Cuidam: Depoimentos Orais das Ex-alunas da Escola de Enfermagem Lauriston Job Lane i Gênero, Memória e Narrativas ST 41 Alessandra Rosa Carrijo Taka Oguisso (Orientadora) Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo ENO/EEUSP Palavras-chave: História da Enfermagem Gênero Identidade

Leia mais

CÓPIA - COMPROVANTE DE ESCOLARIDADE CURSO DE FORMAÇÃO - CPF E RG COMPONENTES CURRICULARES E HABILITAÇÕES

CÓPIA - COMPROVANTE DE ESCOLARIDADE CURSO DE FORMAÇÃO - CPF E RG COMPONENTES CURRICULARES E HABILITAÇÕES PROCESSO SELETIVO Nº 1715/2014 TAXA DE R$ 10,00 DOCUMENTOS PARA INSCRIÇÃO: CÓPIA - COMPROVANTE DE ESCOLARIDADE CURSO DE FORMAÇÃO - CPF E RG COMPONENTES CURRICULARES E HABILITAÇÕES ADMINISTRAÇÃO Gestão

Leia mais

Hotelaria Hospitalar. Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora

Hotelaria Hospitalar. Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa e Sua Sócia Fundadora Hotelaria Hospitalar Comunicação e Treinamentos Histórico da Empresa Data da Fundação e Público Alvo; Missão,

Leia mais

CAIXA DE DOENÇA. Seguro básico

CAIXA DE DOENÇA. Seguro básico CAIXA DE DOENÇA Seguro básico Todas as pessoas que vivam na Suíça têm de ter um seguro de doença e acidentes. Este seguro básico é obrigatório para todos, independentemente da idade, origem e situação

Leia mais

CURSO DE BACHARELADO EM ARQUITETURA E URBANISMO CAMILA RIBEIRO VIANA DE ALMEIDA

CURSO DE BACHARELADO EM ARQUITETURA E URBANISMO CAMILA RIBEIRO VIANA DE ALMEIDA 1 CURSO DE BACHARELADO EM ARQUITETURA E URBANISMO CAMILA RIBEIRO VIANA DE ALMEIDA ANTEPROJETO DE UM HOSPITAL ONCOLÓGICO NO MUNICÍPIO DE CAMPOS DOS GOYTACAZES/RJ HOCG Campos dos Goytacazes/RJ 2015 2 CAMILA

Leia mais

Desempenho Ambiental no Projeto de Arquitetura

Desempenho Ambiental no Projeto de Arquitetura Desempenho Ambiental no Projeto de Arquitetura SABESP 7ª Audiência de Sustentabilidade Construções Sustentáveis Profa. ROBERTA CONSENTINO KRONKA MÜLFARTH rkronka@usp.br LABAUT - Laboratório de Conforto

Leia mais

III Simpósio de Enfermagem em Neurologia, organizado pelo Hospital de Santa Maria - Centro Hospitalar Lisboa Norte

III Simpósio de Enfermagem em Neurologia, organizado pelo Hospital de Santa Maria - Centro Hospitalar Lisboa Norte III Simpósio de Enfermagem em Neurologia, organizado pelo Hospital de Santa Maria - Centro Hospitalar Lisboa Norte Gabinete de Comunicação e Relações Públicas gab.com@chln.min-saude.pt Lisboa/CHLN 01-12-2014

Leia mais

Prof. Dr. Samuel do Carmo Lima Coordenador do Laboratório de Geografia Médica e Vigilância em Saúde Universidade Federal de Uberlândia - Brasil

Prof. Dr. Samuel do Carmo Lima Coordenador do Laboratório de Geografia Médica e Vigilância em Saúde Universidade Federal de Uberlândia - Brasil DIAGNÓSTICO DA SAÚDE AMBIENTAL PARA A CONSTRUÇÃO DE TERRITÓRIOS SAUDÁVEIS COM ESTRATÉGIAS DE PROMOÇÃO DA SAÚDE NO BAIRRO LAGOINHA, UBERLÂNDIA - BRASIL Prof. Dr. Samuel do Carmo Lima Coordenador do Laboratório

Leia mais

Capítulo 1 - Introdução à abordagem administrativa da gestão por processos 3

Capítulo 1 - Introdução à abordagem administrativa da gestão por processos 3 S u m á r i o INTRODUÇÃO XIX PARTE I - DEFINIÇÃO DE PROCESSOS DE NEGÓCIOS E SUA GESTÃO Capítulo 1 - Introdução à abordagem administrativa da gestão por processos 3 1.1 Sua fundamentação teórica: a teoria

Leia mais

PROGRAMA APOIOS ORGANIZAÇÃO SECRETARIADO. A APIH é membro da

PROGRAMA APOIOS ORGANIZAÇÃO SECRETARIADO. A APIH é membro da APOIOS S H AR I N EXPE R T I S E PROGRAMA ORGANIZAÇÃO associação portuguesa de infecção hospitalar A APIH é membro da European network to promote infection prevention for patient safety SECRETARIADO ASSOCIAÇÃO

Leia mais

X - CONGRESSO NACIONAL DAS OPERADORAS FILANTRÓPICAS DE PLANOS DE SAÚDE

X - CONGRESSO NACIONAL DAS OPERADORAS FILANTRÓPICAS DE PLANOS DE SAÚDE X - CONGRESSO NACIONAL DAS OPERADORAS FILANTRÓPICAS DE PLANOS DE SAÚDE TEMA: CRIANDO E GERENCIANDO COM SUSTENTABILIDADE PALESTRA: INCENTIVANDO A ABERTURA DE NOVAS OPEREADORAS. NÚMEROS NA SAÚDE: Nº de Beneficiários

Leia mais

O NASCIMENTO DA EXPRESSÃO EDUCAÇÃO FÍSICA E SUA TRAJETÓRIA HISTÓRICA

O NASCIMENTO DA EXPRESSÃO EDUCAÇÃO FÍSICA E SUA TRAJETÓRIA HISTÓRICA O NASCIMENTO DA EXPRESSÃO EDUCAÇÃO FÍSICA E SUA TRAJETÓRIA HISTÓRICA Ana Maria Pereira Carlos Vinícius de Jesus Borelli Resumo. Os estudos referentes a aspectos históricos são relevantes porque nos apresenta

Leia mais

Criatividade Inventividade, inteligência e talento, natos ou adquiridos, para criar, inventar, inovar

Criatividade Inventividade, inteligência e talento, natos ou adquiridos, para criar, inventar, inovar Economia Criativa Economia [ oikos (casa) + nomos (costume ou lei)] produção, distribuição e o consumo referenciais para analisar a realidade Criatividade Inventividade, inteligência e talento, natos ou

Leia mais

TÓPICOS ESPECIAIS 2015-2 ARQUITETURA E URBANISMO DESIGN

TÓPICOS ESPECIAIS 2015-2 ARQUITETURA E URBANISMO DESIGN TÓPICOS ESPECIAIS 2015-2 ARQUITETURA E URBANISMO DESIGN Conheça aqui os Tópicos Especiais oferecidos neste semestre. Você pode se inscrever em quantos Tópicos Especiais desejar. Observe a compatibilidade

Leia mais

COLÉGIO TÉCNICO SÃO BENTO

COLÉGIO TÉCNICO SÃO BENTO Manchas e Patologias da Pele O espectro das lesões melanócitas vai de suma simples mancha tipo as sardas, nevos atípicos, que podem ser precursores do melanoma. Os cuidados tomados com qualquer tipo de

Leia mais

Cuidados Paliativos em Câncer

Cuidados Paliativos em Câncer Cuidados Paliativos em Câncer Temos assistido nas últimas décadas a um envelhecimento progressivo da população, assim como o aumento da prevalência do câncer. O avanço tecnológico alcançado, associado

Leia mais

I.I Estruturação Conceitual Básica. I.II O Patrimônio. I.III Conceitos de Capital. I.IV Escrituração Contábil Básica

I.I Estruturação Conceitual Básica. I.II O Patrimônio. I.III Conceitos de Capital. I.IV Escrituração Contábil Básica Contabilizando com o Direito: aspectos teóricos e práticos aplicados ao cotidiano do advogado Dr. Gabriel Strazas Henkin OAB/SC 24.583 gabriel@angelitobarbieri.com.br 47-33403333 I Noções Básicas de Contabilidade

Leia mais

Diferentes Abordagens em Dependência Química: Quais os limites?

Diferentes Abordagens em Dependência Química: Quais os limites? Diferentes Abordagens em Dependência Química: Quais os limites? Cláudia Fabiana de Jesus Psicóloga e Mestre em Psicologia da Saúde Estimular a reflexão sobre os limites das abordagens Repensar sobre os

Leia mais

Formação de Professores: um diálogo com Rousseau e Foucault

Formação de Professores: um diálogo com Rousseau e Foucault Formação de Professores: um diálogo com Rousseau e Foucault Eixo temático 2: Formação de Professores e Cultura Digital Vicentina Oliveira Santos Lima 1 A grande importância do pensamento de Rousseau na

Leia mais

GENEALOGIA DE UM DESENHO EM MOVIMENTO

GENEALOGIA DE UM DESENHO EM MOVIMENTO 1653 GENEALOGIA DE UM DESENHO EM MOVIMENTO Maria Luiza Fatorelli. UERJ RESUMO: A comunicação examina aspectos do desenho no âmbito de obras artísticas da autora. São apresentadas quatro instalações que

Leia mais

MATRIZ DE EXAME (Avaliação em regime não presencial) Ano Letivo 2015/2016 Disciplina: História B Módulo(s): 1, 2 e 3

MATRIZ DE EXAME (Avaliação em regime não presencial) Ano Letivo 2015/2016 Disciplina: História B Módulo(s): 1, 2 e 3 Agrupamento de Escolas de Rio Tinto nº 3 Escola Secundária de Rio Tinto ENSINO SECUNDÁRIO RECORRENTE POR MÓDULOS MATRIZ DE EXAME (Avaliação em regime não presencial) Ano Letivo 2015/2016 Disciplina: História

Leia mais

O conceito de vigilância na saúde pública: aspectos históricos

O conceito de vigilância na saúde pública: aspectos históricos O conceito de vigilância na saúde pública: aspectos históricos Prof. Dr. Antonio José Leal Costa IESC/UFRJ 2011 Hipócrates Relação entre saúde e ambiente Referência à importância da observação, coleta,

Leia mais