Introdução INTRODUÇÃO AO SWEBOK. Origens do corpo de conhecimentos da Engenharia de Software: Introdução a Computação e Engenharia de Software

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Introdução INTRODUÇÃO AO SWEBOK. Origens do corpo de conhecimentos da Engenharia de Software: Introdução a Computação e Engenharia de Software"

Transcrição

1 INTRODUÇÃO AO SWEBOK Introdução a Computação e Engenharia de Software Profa. Cynthia Pinheiro Introdução Origens do corpo de conhecimentos da Engenharia de Software: Engenharia da Computação Ciência da Computação Administração Matemática Gestão de Projetos Gestão de Qualidade Ergonomia de Software Engenharia de Sistemas 1

2 Introdução Conceitos fundamentais de Engenharia de Software: Abstração Métodos e notações de Análise e Design Prototipação de Interface com usuário Modularidade e Arquitetura Ciclo de vida e Processo de software Reuso Métricas Suporte automatizado SWEBOK Guia SWEBOK: Significa: Guide to the Software Engineering Body of Knowledge. O Guia cobre o conhecimento de Engenharia de Software necessário, mas não suficiente ao Engenheiro de Software. Não foca em assuntos específicos: por exemplo, linguagens de programação, bancos de dados relacionais e redes. E sim no conhecimento essencial que suporte a seleção da tecnologia apropriada, no tempo e na circunstância apropriados. 2

3 SWEBOK O SWEBOK foi criado com os seguintes objetivos: Promover uma visão consistente da Engenharia de Software mundialmente. Esclarecer o lugar e definir uma fronteira da Engenharia de Software em relação a outras disciplinas. Caracterizar os conteúdos da disciplina de Engenharia de Software. Proporcionar acesso em forma de tópicos do conjunto de conhecimento na área de Engenharia de Software. Prover uma base para desenvolvimento de um currículo, para certificação de profissionais e licenciamento de materiais. SWEBOK Público-alvo do SWEBOK: Organizações públicas e privadas que necessitam de uma visão consistente sobre a Engenharia de Software para: Definição de requisitos de formação e treinamento, Classificar vagas, Desenvolver políticas de avaliação de desempenho, Especificar atividades de desenvolvimento de software etc. Engenheiros de Software 3

4 SWEBOK Público-alvo do SWEBOK: Autoridades responsáveis por elaborar políticas públicas. Sociedades profissionais e educadores para: Definição de regras de certificação, Políticas de acreditação para currículos acadêmicos e Orientações para a prática profissional. Estudantes de Engenharia de Software. SWEBOK Projeto SWEBOK (3 fases): 4

5 SWEBOK Principais áreas do Conhecimento: Requisitos de Software Projeto (Design) de Software Construção de Software Teste de Software Manutenção de Software Gerenciamento de Configuração de Software Gerenciamento de Engenharia de Software Processo de Engenharia de Software Modelos e Métodos de Engenharia de Software Qualidade de Software Requisitos de Software Trata da aquisição, análise, especificação e gestão de requisitos de software. Dividido em seis tarefas interativas: Engenharia de Requisitos Elicitação de requisitos Análise de Requisitos Especificação de requisitos Validação de requisitos Gestão de requisitos 5

6 Requisitos de Software Engenharia de Requisitos Processo de Requisitos Elicitação de requisitos Captura, descoberta, aquisição de requisitos Análise de Requisitos Detecção e resolução de conflitos, descoberta dos limites e interações do sistema com o ambiente. Especificação de requisitos Estrutura, qualidade e verificação dos documentos de requisitos Requisitos de Software Validação de requisitos Verificação de omissões, conflitos e ambiguidades Adequação às normas de qualidade. Gestão de requisitos Gestão de mudanças Manutenção da consistência com as fases posteriores. 6

7 Projeto de Software Transforma requisitos em uma descrição de solução sob o ponto de vista do software. Decomposição e organização em componentes, com descrição de interfaces entre estes componentes. Refina a descrição em um nível de detalhe adequado à construção do software. Projeto de Software Arquitetura de Software Estruturas e pontos de vista Estilos arquiteturais Padrões de design Famílias de programas e Frameworks Análise e avaliação de qualidade de design Atributos de qualidade, análise de qualidade Ferramentas de avaliação Métricas 7

8 Construção de Software Implementação de software funcional e completo através da codificação, auto validação e auto teste (teste unitário). Duas visões complementares: Estilos de construção de interfaces Linguístico, formal e visual Princípios de organização Redução de complexidade, antecipação à diversidade, estruturação para validação e uso de normas. Teste de Software Verificação dinâmica do comportamento de um programa através de uma sequência finita de casos de testes, adequadamente retirada de um domínio usualmente infinito de execuções. Técnicas de teste: Baseados na intuição, baseados em especificação, baseado em código, baseado em falhas, baseado no uso ou conforme a natureza da aplicação. 8

9 Manutenção de Software Totalidade das atividades requeridas para prover suporte custo-efetivo a um sistema de software, que pode ocorrer antes ou após a entrega do software. Após a entrega do software são feitas modificações com o objetivo de corrigir falhas, melhorar seu desempenho ou adaptá-lo a um ambiente modificado. Antes da entrega do software são feitas atividades de planejamento. Manutenção de Software Atividades de Manutenção de Software Implementação do processo de manutenção Análise do problema e modificações Implementação da Modificação Revisão e aceitação da manutenção Migração ou Descontinuação 9

10 Gerência de Configuração de Software Processo de suporte ao ciclo de vida do software que beneficia: a gestão de projetos, as atividades de desenvolvimento e manutenção, atividades de garantia e consumidores e usuários do produto final. Gerência da Engenharia de Software Gerencia projetos de desenvolvimento de software Aplicação de atividades de gestão: Planejamento, Coordenação, Medição, Monitoramento, Controle e divulgação Objetivo: garantir que o desenvolvimento e manutenção de software seja sistemática, disciplinada e quantificada. 10

11 Processo de Engenharia de Software Define, implementa, mede, gerencia, modifica e aperfeiçoa o processo de desenvolvimento de software. Processo de Engenharia de Software Processo é disciplina Individual Grupal Organizacional Abordagens Qualidade de processo Estrutura de processo Automação de processo 11

12 Modelos e Métodos de Eng. de Software Ferramentas Automatizam as tarefas do processo de Engenharia de Software Ambientes de desenvolvimento de software Ferramentas computadorizadas que auxiliam ao processo de desenvolvimento de software. Automatizam tarefas repetitivas e bem definidas Modelos e Métodos de Eng. de Software Impõem estrutura sobre a atividade de desenvolvimento e manutenção de software com o objetivo de torná-la sistemática e mais propensa ao sucesso. Componentes de um Método: Notação + vocabulário Lista de atividades e procedimentos para realizá-las Guias para avaliar o produto e o processo. 12

13 Modelos e Métodos de Eng. de Software Exemplo: RUP Qualidade de Software Conjunto de atividades relacionadas com garantia de qualidade de software, entre estas as atividades de verificação e validação. Tópicos: Fundamentos de qualidade de software Processos de gerenciamento de software Considerações práticas 13

14 Definição do 2º Trabalho Equipes: até 4 integrantes (10 equipes) Características: Parte escrita vale no máximo 5 pontos Apresentação do trabalho Duração: de 15 a 20 minutos Vale no máximo 5 pontos 2ª nota: (2º trabalho + 2ª prova + 3ª prova) /3 Definição do 2º Trabalho Tema do trabalho: Conhecendo o SWEBOK Cada equipe deverá detalhar sobre uma das áreas do SWEBOK: A. Requisitos de Software B. Projeto (Design) de Software C. Construção de Software D. Teste de Software E. Manutenção de Software F. Gerenciamento de Configuração de Software G. Gerenciamento de Engenharia de Software H. Processo de Engenharia de Software I. Modelos e Métodos de Engenharia de Software J. Qualidade de Software 14

15 Definição do 2º Trabalho Atribuição do tema: Através de sorteio. Conteúdo do trabalho escrito: Resumo dos principais pontos referentes à área de conhecimento sorteada. Buscar referências no SWEBOK e em outras bibliografias. Apresentação: Será apresentado o conteúdo do trabalho escrito. Datas das Apresentações: 12/07 e 14/07 5 equipes por dia. Considerações sobre o Trabalho A nota da parte escrita (5 pontos) será atribuída ao grupo, mas a nota da apresentação (5 pontos) é individual, ou seja, todos devem apresentar. Quanto mais completo for o trabalho, maior a nota. Tentar usar todo o tempo disponível para a apresentação (15 a 20 minutos). No dia da apresentação, o projetor estará disponível para as equipes, mas cada equipe deverá levar seu próprio computador para que possam passar a apresentação. 15

16 Bibliografia Esta aula foi retirada dos seguintes livros/apostilas: SWEBOK Software Engineering Body of Knowledge; Versão 3.0, 2014; IEEE. 16

As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Prof. Elias Ferreira

As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Prof. Elias Ferreira As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Prof. Elias Ferreira Educação de iniciação profissional validada e legitimada pela sociedade Registro da adequação à prática através de certificação

Leia mais

Manutenção de Software. Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2015

Manutenção de Software. Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2015 Manutenção de Software Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2015 Processos de Ciclo de Vida de Software Processos Fundamentais Aquisição Processos de Apoio Documentação

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Engenharia de Software Visão Geral Profa.Paulo C. Masiero masiero@icmc.usp.br ICMC/USP Algumas Dúvidas... Como são desenvolvidos os softwares? Estamos sendo bem sucedidos nos softwares que construímos?

Leia mais

ENGENHARIA DE SOFTWARE

ENGENHARIA DE SOFTWARE ENGENHARIA DE SOFTWARE Qualidade de Software Qualidade do produto e do processo Padrões de software Revisões Medições e métricas de software Kele Teixeira Belloze kelebelloze@gmail.com CONCEITO DE QUALIDADE

Leia mais

Manutenção de Software. Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2016

Manutenção de Software. Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2016 Manutenção de Software Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2016 Processos de Ciclo de Vida de Software Processos Fundamentais Aquisição Processos de Apoio Documentação

Leia mais

Normas ISO:

Normas ISO: Universidade Católica de Pelotas Tecnólogo em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina de Qualidade de Software Normas ISO: 12207 15504 Prof. Luthiano Venecian 1 ISO 12207 Conceito Processos Fundamentais

Leia mais

Visão Geral da Norma ISO/IEC 12207

Visão Geral da Norma ISO/IEC 12207 UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA INSTITUTO DE BIOCIÊNCIAS, LETRAS E CIÊNCIAS EXATAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS DE COMPUTAÇÃO E ESTATÍSTICA Visão Geral da Norma ISO/IEC 12207 Engenharia de Software 2o. Semestre

Leia mais

Atividades de Desenvolvimento. Desenvolvimento de Software. Especificação de Requisitos. Atividades de Desenvolvimento. Especificação de Requisitos

Atividades de Desenvolvimento. Desenvolvimento de Software. Especificação de Requisitos. Atividades de Desenvolvimento. Especificação de Requisitos DCC / ICEx / UFMG Desenvolvimento de Software Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo Especificação de Requisitos Um sistema de software deve satisfazer as necessidades de seus usuários Tais

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIA DE ENGENHARIA DE SOFTWARE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE PRIMEIRO PERÍODO SEGUNDO PERÍODO

FACULDADE DE CIÊNCIA DE ENGENHARIA DE SOFTWARE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE PRIMEIRO PERÍODO SEGUNDO PERÍODO FACULDADE DE CIÊNCIA DE ENGENHARIA DE SOFTWARE MATRIZ CURRICULAR DO CURSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE PRIMEIRO PERÍODO ESW200 Introdução à Engenharia de Software 2 36 30 - ESW201 Prática de Programação I

Leia mais

Processos de Software by Pearson Education Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 4 Slide 1

Processos de Software by Pearson Education Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 4 Slide 1 Processos de Software Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 4 Slide 1 Objetivos Apresentar modelos de processos de software Descrever três modelos genéricos de processo e quando

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE

QUALIDADE DE SOFTWARE QUALIDADE DE SOFTWARE SSC-546 Avaliação de Sistemas Computacionais Profa. Rosana Braga (material profas Rosely Sanches e Ellen F. Barbosa) Agenda Visão Geral de Qualidade Qualidade Aplicada ao Software

Leia mais

QUALIDADE DE SOFTWARE. Prof. Emiliano Monteiro

QUALIDADE DE SOFTWARE. Prof. Emiliano Monteiro QUALIDADE DE SOFTWARE Prof. Emiliano Monteiro Conceitos Básicos O que é qualidade? Existem diversas definições. Qualidade é estar em conformidade com os requisitos dos clientes Qualidade é antecipar e

Leia mais

Processos de software

Processos de software Processos de software 1 Processos de software Conjunto coerente de atividades para especificação, projeto, implementação e teste de sistemas de software. 2 Objetivos Introduzir modelos de processos de

Leia mais

Escopo: PROCESSOS FUNDAMENTAIS

Escopo: PROCESSOS FUNDAMENTAIS Escopo: PROCESSOS FUNDAMENTAIS Etapa:Desenvolvimento de software Disciplina: Auditoria & Qualidade em Sistemas de Informação Professor: Lucas Topofalo Integrantes: Joel Soares de Jesus Luiz R. Bandeira

Leia mais

Manutenção de Software

Manutenção de Software Manutenção de Software Engenharia de Software Rosana Braga (material produzidos por docentes do Labes-ICMC/USP) Manutenção do software O propósito do processo manutenção do sistema e software é modificar

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Engenharia de Software Tópico 1 - Visão Geral da Engenharia de Software Sistemas Computacionais o Definição e conceitos básicos o Evolução do desenvolvimento Natureza do produto software Definição de Engenharia

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Universidade São Judas Tadeu Prof. André Luiz Ribeiro Prof. Jorge Luis Pirolla Introdução à Computação Engenharia de Software Tópicos O que é Engenharia de Software? Engenharia de Software em camadas Processo

Leia mais

Prof. Esp. Fabiano Taguchi

Prof. Esp. Fabiano Taguchi UML Prof. Esp. Fabiano Taguchi http://fabianotaguchi.wordpress.com fabianotaguchi@hotmail.com UML COMPETÊNCIA: Conhecer e desenvolver estudos de caso usando modelagem orientada a objeto. HABILIDADE: Conhecer

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI DIREÇÃO DE ENSINO DEN PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI DIREÇÃO DE ENSINO DEN PLANO DE ENSINO Departamento: Disciplina: Pré-Requisitos: I D E N T I F I C A Ç Ã O Sistemas de Informação Engenharia de Software Aplicada (ESA) Engenharia de Software (ES) CH: 72 h/a Curso: Bacharelado em Sistemas de

Leia mais

Engenharia de Software Processo de Desenvolvimento de Software

Engenharia de Software Processo de Desenvolvimento de Software Engenharia de Software Processo de Desenvolvimento de Software Prof. Elias Ferreira Elaborador por: Prof. Edison A. M. Morais Objetivo (1/1) Conceituar PROCESSO E CICLO DE VIDA, identificar e conceituar

Leia mais

ENGENHARIA DE SOFTWARE

ENGENHARIA DE SOFTWARE EMENTA ENGENHARIA DE SOFTWARE DISCIPLINA: Estrutura e Fluxo de Informação EMENTA: A disciplina Estrutura e Fluxo de Informação se propõe a capacitar o aluno sobre os fundamentos da Gestão da Informação

Leia mais

INF1013 MODELAGEM DE SOFTWARE

INF1013 MODELAGEM DE SOFTWARE INF1013 MODELAGEM DE SOFTWARE Departamento de Informática PUC-Rio Ivan Mathias Filho ivan@inf.puc-rio.br Programa Capítulo 1 O Paradigma Orientado a Objetos A Linguagem UML Descrição da Arquitetura 1 Programa

Leia mais

Qualidade de Software: Visão Geral. SSC 121-Engenharia de Software 1 Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa

Qualidade de Software: Visão Geral. SSC 121-Engenharia de Software 1 Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa Qualidade de : Visão Geral SSC 121-Engenharia de 1 Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 2 o semestre de 2012 Qualidade de Qualidade é um termo que pode ter diferentes interpretações Existem muitas definições

Leia mais

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE SOFTWARE

INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE SOFTWARE Universidade Estadual Vale do Acaraú AGENDA INTRODUÇÃO A ENGENHARIA DE SOFTWARE Processos Modelos de Desenvolvimento de Software Engenharia de Requisitos Projeto de Interface com o Usuário Projeto Arquitetural

Leia mais

Paradigmas de Software

Paradigmas de Software Paradigmas de Software Objetivos Introdução aos paradigmas de software. Descrição de modelos genéricos e sua aplicabilidade. Descrição dos processos de requisitos, desenvolvimento, teste e evolução. Modelo

Leia mais

RUP RATIONAL UNIFIED PROCESS

RUP RATIONAL UNIFIED PROCESS O que é RUP? É um metodologia para gerenciar projetos de desenvolvimento de software que usa a UML como ferramenta para especificação de sistemas. Ele é um modelo de processo híbrido Mistura elementos

Leia mais

Perguntas da Aula 2. Respostas da Pergunta 2. Respostas da Pergunta 1. Respostas da Pergunta 4. Respostas da Pergunta 3. Processos de Software

Perguntas da Aula 2. Respostas da Pergunta 2. Respostas da Pergunta 1. Respostas da Pergunta 4. Respostas da Pergunta 3. Processos de Software Engenharia de Software Aula 03 Perguntas da Aula 2 Processos de Software Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo dcc603@gmail.com 12 Março 2012 Inconsistente: perguntei laranjas, respondeu

Leia mais

Uma Introdução à Engenharia de Software

Uma Introdução à Engenharia de Software Uma Introdução à Engenharia de Software Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 1 Slide 1 Objetivos Apresentar a engenharia de software e explicar a sua importância Dirigir as

Leia mais

FUNDAMENTOS DA ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS. Projeto de Programas PPR0001

FUNDAMENTOS DA ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS. Projeto de Programas PPR0001 FUNDAMENTOS DA ANÁLISE E PROJETO DE SISTEMAS Projeto de Programas PPR0001 2 Introdução Antes de desenvolver ou construir qualquer produto ou sistema em engenharia é necessário um... o PROJETO O que é um

Leia mais

ISO/IEC Processo de ciclo de vida

ISO/IEC Processo de ciclo de vida ISO/IEC 12207 Processo de ciclo de vida O que é...? ISO/IEC 12207 (introdução) - O que é ISO/IEC 12207? - Qual a finalidade da ISO/IEC 12207? Diferença entre ISO/IEC 12207 e CMMI 2 Emendas ISO/IEC 12207

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS JOÃO CÂMARA ENGENHARIA DE SOFTWARE

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS JOÃO CÂMARA ENGENHARIA DE SOFTWARE 1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPUS JOÃO CÂMARA ENGENHARIA DE SOFTWARE Nickerson Fonseca Ferreira nickerson.ferreira@ifrn.edu.br Introdução 2 Antes de qualquer

Leia mais

Gerência de Projetos de Software. Prof. Dr. João Dovicchi INE / CTC / UFSC.

Gerência de Projetos de Software. Prof. Dr. João Dovicchi INE / CTC / UFSC. Prof. Dr. João Dovicchi INE / CTC / UFSC dovicchi@inf.ufsc.br http://www.inf.ufsc.br/~dovicchi Programa Projetos e Metodologias Tipos e abordagens Organização Estimativas de Esforço e Gerência de Riscos

Leia mais

As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK. Jorge H C Fernandes 2004

As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK. Jorge H C Fernandes 2004 As 10 Áreas da Engenharia de Software, Conforme o SWEBOK Jorge H C Fernandes 2004 Indicações de que a engenharia de software está se tornando uma atividade de engenharia (SWEBOK) Cursos de graduação em

Leia mais

Princípios da Engenharia de Software aula 03

Princípios da Engenharia de Software aula 03 Princípios da Engenharia de Software aula 03 Prof.: José Honorato Ferreira Nunes Material cedido por: Prof.: Franklin M. Correia Na aula anterior... Modelos de processos de software: Evolucionário Tipos

Leia mais

Paradigmas da Engenharia de Software AULA PROF. ABRAHAO LOPES

Paradigmas da Engenharia de Software AULA PROF. ABRAHAO LOPES Paradigmas da Engenharia de Software AULA 03-04 PROF. ABRAHAO LOPES Introdução O processo de software é visto por uma sequência de atividades que produzem uma variedade de documentos, resultando em um

Leia mais

ABIN Quadro de provas CONHECIMENTOS BÁSICOS

ABIN Quadro de provas CONHECIMENTOS BÁSICOS ABIN 2010 Quadro de provas CONHECIMENTOS BÁSICOS LÍNGUA PORTUGUESA (POR) Compreensão e interpretação de textos. Tipologia textual. Ortografia oficial. Acentuação gráfica. Emprego das classes de palavras.

Leia mais

IntroduçãoaoGuia SWEBOK. Ernani Lopes Isensee 2014

IntroduçãoaoGuia SWEBOK. Ernani Lopes Isensee 2014 IntroduçãoaoGuia SWEBOK Ernani Lopes Isensee 2014 Conhecendo o SWEBOK Guide to the Software Engineering Body of Knowledge IEEE Institute of Electrical and Electronic Engineers Conhecendo o SWEBOK O guia

Leia mais

Padrões de Qualidade de Software

Padrões de Qualidade de Software Engenharia de Software I 2015.2 Padrões de Qualidade de Software Engenharia de Software Aula 4 Ricardo Argenton Ramos Agenda da Aula Introdução (Qualidade de Software) Padrões de Qualidade de Software

Leia mais

Verificação e Validação. Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 22 Slide 1

Verificação e Validação. Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 22 Slide 1 Verificação e Validação Ian Sommerville 2006 Engenharia de Software, 8ª. edição. Capítulo 22 Slide 1 Objetivos Apresentar a verificação e validação de software e discutir a distinção entre elas Descrever

Leia mais

Gerência de Projetos e Qualidade de Software. Prof. Walter Gima

Gerência de Projetos e Qualidade de Software. Prof. Walter Gima Gerência de Projetos e Qualidade de Software Prof. Walter Gima 1 OBJETIVOS Compreender o processo de gerenciamento de qualidade e as principais atividades do processo de garantia, planejamento e controle

Leia mais

Unidade II MODELAGEM DE PROCESSOS. Profa. Gislaine Stachissini

Unidade II MODELAGEM DE PROCESSOS. Profa. Gislaine Stachissini Unidade II MODELAGEM DE PROCESSOS Profa. Gislaine Stachissini Modelagem de sistemas A fase do desenvolvimento do sistema exige: esforço; dedicação; envolvimento; um único objetivo. Estilo de desenvolvimento

Leia mais

Laboratório de Engenharia de Software I

Laboratório de Engenharia de Software I Laboratório de Engenharia de Software I Turma 01: Profa. Lucia Vilela Leite Filgueiras Turma 02: Profa. Maria Alice Grigas Varela Ferreira Aula 01 Casos de uso e protótipo da interface de usuário Roteiro

Leia mais

REUSO E REUSABILIDADE

REUSO E REUSABILIDADE REUSO E REUSABILIDADE Manutenção de Software Profa. Cynthia Pinheiro Antes de mais nada... 2ª Lista de Exercícios Já está disponível no site a 2ª Lista de Exercícios Entrega: dia 03/10, no horário da aula.

Leia mais

Ferramentas CASE. CASE fornece ao engenheiro de software a habilidade de automatizar atividades manuais e de aperfeiçoar o conhecimento de engenharia.

Ferramentas CASE. CASE fornece ao engenheiro de software a habilidade de automatizar atividades manuais e de aperfeiçoar o conhecimento de engenharia. Para qualquer artesão seja mecânico, carpinteiro, engenheiro de software uma boa oficina deve ter 3 características: - uma coleção de ferramentas úteis que ajudam em cada passo da construção do produto

Leia mais

Engenharia de Software II

Engenharia de Software II Engenharia de Software II Aula 4 http://www.ic.uff.br/~bianca/engsoft2/ Aula 4-03/05/2006 1 Modelos Prescritivos de Processo Modelo em cascata Modelos incrementais Modelo incremental Modelo RAD Modelos

Leia mais

MODELOS DE PROCESSOS (PARTE 2)

MODELOS DE PROCESSOS (PARTE 2) MODELOS DE PROCESSOS (PARTE 2) Introdução a Computação e Engenharia de Software Profa. Cynthia Pinheiro Recordando nossas Datas Provas (novas datas): 3ª Prova (1ª chamada): 03/07 2ª Prova (2ª chamada):

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Introdução Engenharia de Software O principal objetivo da Engenharia de Software (ES) é ajudar a produzir software de qualidade; QUALIDADE DE SOFTWARE Empresas que desenvolvem software de qualidade são

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UFPR BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ UFPR BACHARELADO EM CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO CI 221 DISCIPLINA: Engenharia de Software AULA NÚMERO: 2 DATA: / / PROFESSOR: Andrey APRESENTAÇÃO Nesta aula serão apresentados e discutidos os conceitos de Processo de desenvolvimento de software e ciclo

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPI JOÃO CÂMARA RATIONAL UNIFIED PROCESS - RUP

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPI JOÃO CÂMARA RATIONAL UNIFIED PROCESS - RUP 1 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO RIO GRANDE DO NORTE CAMPI JOÃO CÂMARA RATIONAL UNIFIED PROCESS - RUP Nickerson Fonseca Ferreira nickerson.ferreira@ifrn.edu.br Introdução 2 Modelo

Leia mais

ISO/IEC 12207: Manutenção

ISO/IEC 12207: Manutenção ISO/IEC 12207: Manutenção O desenvolvimento de um sistema termina quando o produto é liberado para o cliente e o software é instalado para uso operacional Daí em diante, deve-se garantir que esse sistema

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PLANO DE ENSINO. Semestre letivo. 1. Identificação Código

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PLANO DE ENSINO. Semestre letivo. 1. Identificação Código MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PLANO DE ENSINO Ano Semestre letivo 2016 2 1. Identificação Código 1.1 Disciplina: Engenharia da Informação 1640066 1.2

Leia mais

Prof. Luiz A. Nascimento

Prof. Luiz A. Nascimento Prof. Luiz A. Nascimento Qual a importância da Engenharia de Software? O desenvolvimento de um software envolve processos muitos complexos. A engenharia de software estabelece um modelo para se construir

Leia mais

Teste de Software. Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2015

Teste de Software. Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2015 Teste de Software Engenharia de Software Profa. Dra. Elisa Yumi Nakagawa 1º semestre de 2015 Tópicos da Aula Ø Teste de Software Ø Terminologia e Conceitos Básicos Ø Técnicas e Critérios de Teste Ø Técnicas

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA. Sistemas Distribuídos

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA. Sistemas Distribuídos UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE INFORMÁTICA Sistemas Distribuídos Mestrado em Ciência da Computação 1o. Semestre / 2006 Prof. Fábio M. Costa fmc@inf.ufg.br www.inf.ufg.br/~fmc/ds-msc2006 Aula

Leia mais

Rational Unified Process (RUP)

Rational Unified Process (RUP) Rational Unified Process (RUP) A Rational é bem conhecida pelo seu investimento em orientação em objetos. A empresa foi à criadora da Unified Modeling Language (UML), assim como de várias ferramentas que

Leia mais

Introdução a Engenharia de Software

Introdução a Engenharia de Software Introdução a Engenharia de Software Proj. Desenvolvimento de Software Prof. Cleverton Hentz cleverton.hentz@ifrn.edu.br 5 de abril de 2017 Material Apresentado Sumário de Aula 1 O que é Engenharia de Software

Leia mais

CONTPATRI Plano de Garantia de Qualidade. Versão 1.1

CONTPATRI Plano de Garantia de Qualidade. Versão 1.1 CONTPATRI Plano de Garantia de Qualidade Versão 1.1 Histórico da Revisão Data Versão Descrição Autor 04/05/2013 1.0 Verificação do documento Emerson José Porfírio 21/04/2013 1.0 Elaboração do documento

Leia mais

Requisitos de Sistemas

Requisitos de Sistemas Requisitos de Sistemas Unidade I - Engenharia de Requisitos Definição de Requisitos Tipos de Requisitos Processos de Engenharia de Requisitos - Levantamento ou elicitação 1 Processo de software Engenharia

Leia mais

Apresentação do Curso de Engenharia de Software /2

Apresentação do Curso de Engenharia de Software /2 Apresentação do Curso de Engenharia de Software 1 2008/2 Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@ic.uff.br Apresentações Quem sou eu? Leonardo Murta http://www.ic.uff.br/~leomurta Quem são vocês? Nome?

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 03 PROFª BRUNO CALEGARO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 03 PROFª BRUNO CALEGARO UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA MARIA CENTRO DE TECNOLOGIA AULA 03 PROFª BRUNO CALEGARO Santa Maria, 13 de Setembro de 2013. Revisão aula anterior Processo de software Um modelo de processo de software consiste

Leia mais

Apresentação do Curso de Engenharia de Software 2

Apresentação do Curso de Engenharia de Software 2 Apresentação do Curso de Engenharia de Software 2 Leonardo Gresta Paulino Murta leomurta@ic.uff.br Quem sou eu? Apresentações Leonardo Murta http://www.ic.uff.br/~leomurta Quem são vocês? Nome? Estágio?

Leia mais

Políticas Organizacionais

Políticas Organizacionais Políticas Organizacionais Versão 1.4 Histórico de Revisões Data Versão Descrição Autor 11/10/2012 1.0 Revisão das políticas EPG 26/11/2012 1.1 Revisão do Item de customização EPG 24/10/2013 1.2 Revisão

Leia mais

Apresentação do Capítulo 4 MDA (Model-Driven Archtecture) ALUNO: DOMENICO SCHETTINI FILHO NÚMERO USP:

Apresentação do Capítulo 4 MDA (Model-Driven Archtecture) ALUNO: DOMENICO SCHETTINI FILHO NÚMERO USP: Apresentação do Capítulo 4 MDA (Model-Driven Archtecture) ALUNO: DOMENICO SCHETTINI FILHO NÚMERO USP: 8429016 Definição de MDA OMG (Object Management Group) propôs uma aplicação abrangente das práticas

Leia mais

Engenharia de Software. Processos. Desenvolvimento de Software Tradicionais 2014/2. Prof. Luís Fernando Garcia

Engenharia de Software. Processos. Desenvolvimento de Software Tradicionais 2014/2. Prof. Luís Fernando Garcia Engenharia de Software Processos Desenvolvimento de Software Tradicionais 2014/2 Prof. Luís Fernando Garcia LUIS@GARCIA.PRO.BR Processos Um conjunto estruturado de atividades necessárias para o desenvolvimento

Leia mais

FATORES E MÉTRICAS DE QUALIDADE

FATORES E MÉTRICAS DE QUALIDADE FATORES E MÉTRICAS DE QUALIDADE 1 2 FATORES DE QUALIDADE OPERAÇÃO DO PRODUTO CORRETITUDE (FAZ O QUE EU QUERO?) CONFIABILIDADE (SE COMPORTA COM PRECISÃO?) EFICIÊNCIA (RODARÁ TÃO BEM QUANTO POSSÍVEL?) INTEGRIDADE

Leia mais

Requisitos para Ferramentas de Gestão de Projetos de Software

Requisitos para Ferramentas de Gestão de Projetos de Software Requisitos para Ferramentas de Gestão de Projetos de Software Thiago S. F. Silva 1, Rodolfo F. Resende 1 1 Departamento de Ciência da Computação Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Av. Antônio

Leia mais

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015 Gerência e Planejamento de Projeto Engenharia de Software I Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2015 Conteúdo: Parte 1: Gerenciamento & Qualidade Plano de Projeto - aspectos gerais Parte 2: Plano

Leia mais

Engenharia de Software Simulado para a 1ª Avaliação Bimestral Professor: Danilo Giacobo - RESPOSTAS

Engenharia de Software Simulado para a 1ª Avaliação Bimestral Professor: Danilo Giacobo - RESPOSTAS Engenharia de Software Simulado para a 1ª Avaliação Bimestral Professor: Danilo Giacobo - RESPOSTAS 1. Com relação à engenharia de software, julgue os itens seguintes. Engenharia de software não está relacionada

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI PLANO DE ENSINO

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI PLANO DE ENSINO UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA UDESC CENTRO DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO ALTO VALE DO ITAJAÍ CEAVI PLANO DE ENSINO DEPARTAMENTO: DSI Departamento de Sistemas de Informação DISCIPLINA: Engenharia de

Leia mais

integração de Requisitos Orientados ao Negócio iron: Apresentação de Método e Ferramenta

integração de Requisitos Orientados ao Negócio iron: Apresentação de Método e Ferramenta integração de Requisitos Orientados ao Negócio iron: Apresentação de Método e Ferramenta integração de Requisitos Orientados ao Negócio iron: Apresentação de Método e Ferramenta Eduardo José Ribeiro de

Leia mais

TESTES DE SOFTWARE 1. Fundamentos sobre testes de software

TESTES DE SOFTWARE 1. Fundamentos sobre testes de software ENG SOFT - TESTES TESTES DE SOFTWARE 1. Fundamentos sobre testes de software A atividade de teste de software sempre foi considerada como um gasto de tempo desnecessário, uma atividade de segunda classe,

Leia mais

Desenvolvimento de Software. Testes de Software. Tópicos da Aula. Onde estamos... Verificação x Validação. Testes de Software

Desenvolvimento de Software. Testes de Software. Tópicos da Aula. Onde estamos... Verificação x Validação. Testes de Software Engenharia de Software Aula 17 Desenvolvimento de Software Testes de Software Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo dcc603@gmail.com 7 Maio 2012 1. Especificação de requisitos 2. Projeto

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software PLANO DE AVALIAÇÕES Engenharia de Software 1ª AP: 08 de setembro 2ª AP: 13 de outubro 3ª AP: 10 de novembro NAF: 17 de novembro Referência bibliográfica: SOMMERVILLE, I. Engenharia de Software. 8ª ed.

Leia mais

1 ANEXO I - QUADRO GERAL DE VAGAS, REQUISITOS E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO/TEMAS POR FACULDADE E ÁREAS, onde se lê:

1 ANEXO I - QUADRO GERAL DE VAGAS, REQUISITOS E CONTEÚDO PROGRAMÁTICO/TEMAS POR FACULDADE E ÁREAS, onde se lê: RETIFICAÇÃO DE Nº 01 DE 20 DE ABRIL DE 2016. EDITAL DE Nº 01 DE 31 DE MARÇO DE 2016. O Reitor da UniRV UNIVERSIDADE DE RIO VERDE, no uso de suas atribuições legais, torna pública a presente Retificação

Leia mais

Introdução a Engenharia de Software. Professor Joerllys Sérgio

Introdução a Engenharia de Software. Professor Joerllys Sérgio Introdução a Engenharia de Software Professor Joerllys Sérgio Objetos Introduzir Engenharia de Software e mostrar sua importância. Apresentar respostas para questões chave em engenharia de software. Introduzir

Leia mais

Engenharia de Software

Engenharia de Software Engenharia de Software Arquitetura de Computadores Prof Kleber Akio Tanaka Igor Hondo João Jakybalis Sabrina Tavera Crise do Software Quando surgiu e o que foi? - A crise do software surgiu em 1970, quando

Leia mais

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2016

Gerência e Planejamento de Projeto. Engenharia de Software Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2016 Gerência e Planejamento de Projeto Engenharia de Software Profa. Elisa Yumi Nakagawa 1 o semestre de 2016 Conteúdo: Parte 1: Gerenciamento & Qualidade Plano de Projeto Aspectos Gerais Parte 2: Plano de

Leia mais

Introdução à Engenharia de Software

Introdução à Engenharia de Software Introdução à Engenharia de Software U N I V E R S I D A D E T E C N O L Ó G I C A F E D E R A L D O P A R A N Á D E P A R T A M E N T O A C A D Ê M I C O D E E L E T R Ô N I C A P R O F. V I T O R Y A

Leia mais

Fábricas de Software. Processos de Software. Fábricas de Software. Fábricas de Software 17/08/2010. Jorge Dias

Fábricas de Software. Processos de Software. Fábricas de Software. Fábricas de Software 17/08/2010. Jorge Dias Fábricas de Software Processos de Software Jorge Dias Um processo estruturado, controladoe melhoradode forma contínua, considerando abordagens de engenharia industrial, orientado para o atendimento a múltiplas

Leia mais

- Prototipação Iterativa - Observação Direta

- Prototipação Iterativa - Observação Direta - Prototipação Iterativa - Observação Direta Júnia Coutinho Anacleto Silva Maio/2004 Prototipação Iterativa A interface com o usuário é a porta de entrada da aplicação, e desempenha um papel fundamental

Leia mais

DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA

DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DIVISÃO DE ASSUNTOS ACADÊMICOS Secretaria Geral de Cursos PROGRAMA DE DISCIPLINA DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS EXATAS CÓDIGO: EXA808 DISCIPLINA: EI5 ENGENHARIA DE SOFTWARE CARGA HORÁRIA: 180h EMENTA: Estudo

Leia mais

Universidade Regional de Blumenau

Universidade Regional de Blumenau Universidade Regional de Blumenau Curso de Bacharel em Ciências da Computação Protótipo de um Sistema de Informações Estratégicas para Consultórios Médicos utilizando Genexus Protótipo desenvolvido como

Leia mais

INF014 Análise e Projeto de Sistemas Processos Unificado -RUP

INF014 Análise e Projeto de Sistemas Processos Unificado -RUP INF014 Análise e Projeto de Sistemas Processos Unificado -RUP Maurício Pitangueira antoniomauricio@ifba.edu.br Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia Departamento de Tecnologia Eletro-Eletrônica

Leia mais

Análise e projeto de sistemas

Análise e projeto de sistemas Análise e projeto de sistemas Conteúdo: UML O processo de desenvolvimento de software Prof. Patrícia Lucas A linguagem de modelagem unificada (UML) A UML teve origem em uma tentativa de se unificar os

Leia mais

Processos de Desenvolvimento de Software. Ricardo Argenton Ramos UNIVASF Engenharia de Software I - Aula 2

Processos de Desenvolvimento de Software. Ricardo Argenton Ramos UNIVASF Engenharia de Software I - Aula 2 Processos de Desenvolvimento de Software Ricardo Argenton Ramos UNIVASF Engenharia de Software I - Aula 2 A Engenharia de Software Uma Tecnologia em Camadas Gerenciamento da Qualidade Total e filosofias

Leia mais

Engenharia de Requisitos

Engenharia de Requisitos Engenharia de Requisitos Criado: mar/2001 Atualizado: set/2005 Tópicos Definição de Requisitos Participantes Processo Documento de Requisitos (SRS) Evolução dos Requisitos 2 Referência I.Sommerville. Sw

Leia mais

Processos de Engenharia de Requisitos

Processos de Engenharia de Requisitos Processos de Engenharia de Requisitos Engenharia de Software (SCE-5764) 1º Sem. 2012- Prof. Paulo C. Masiero Introdução Objetivo: criar e manter um documento de requisitos. Quatro subprocessos: Avaliação

Leia mais

Universidade Estadual de Ponta Grossa PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE ENSINO

Universidade Estadual de Ponta Grossa PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIVISÃO DE ENSINO Universidade Estadual de Ponta Grossa PROGRAMA DE DISCIPLINA SETOR: CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DE TECNOLOGIA DEPARTAMENTO: INFORMÁTICA DISCIPLINA: PROJETO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CÓDIGO: 203094 Nº de aulas

Leia mais

Leitura: Cap : Sommerville; cap20: Pressman

Leitura: Cap : Sommerville; cap20: Pressman Leitura: Cap26-27 - 28: Sommerville; cap20: Pressman Auxiliadora Freire Fonte: Engenharia de Software 6º Edição / Ian Sommerville 2000 Slide 1/47 Manutenção de software É modificar um programa depois que

Leia mais

IF Baiano / Campus Catu Curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

IF Baiano / Campus Catu Curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas IF Baiano / Campus Catu Curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Seminário Interno. Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes Objetivos do ENADE Sobre a Prova 2017 Importância do

Leia mais

Qualidade de Software QUALIDADE DE SOFTWARE PRODUTO

Qualidade de Software QUALIDADE DE SOFTWARE PRODUTO Qualidade de Software QUALIDADE DE SOFTWARE PRODUTO O que é Qualidade de Software Produto? Boa fabricação. Deve durar muito. Bom desempenho. Utilizável tanto em UNIX quanto em DOS. Adaptável às minhas

Leia mais

Engenharia de Software. Prof. Me. Clodoaldo Brasilino

Engenharia de Software. Prof. Me. Clodoaldo Brasilino Engenharia de Software Prof. Me. Clodoaldo Brasilino clodoaldo.neto@ifpi.edu.br Acompanhamento da Disciplina 1. Introdução à Engenharia de Software 2. Processos de Software e Projetos 3. Projeto de Software

Leia mais

CAPÍTULO 1 O AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS. Tereza Gonçalves Kirner

CAPÍTULO 1 O AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS. Tereza Gonçalves Kirner CAPÍTULO 1 O AMBIENTE DE DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS Tereza Gonçalves Kirner Apresentação elaborada com base em: Hoffer, Jeffrey A., George, Joey F. Modern Systems Analysis and Design (Capítulo 1), Pearson,

Leia mais

Gestão de requisitos: o calcanhar de Aquiles dos projetos

Gestão de requisitos: o calcanhar de Aquiles dos projetos Gestão de requisitos: o calcanhar de Aquiles dos projetos Guilherme Siqueira Simões guilherme.simoes@fattocs.com 10º Seminário de Gerenciamento de Projetos do PMIES Vitória-ES, 23 a 24 de Setembro de 2014

Leia mais

Engenharia de Software II

Engenharia de Software II Engenharia de Software II Aula 12 http://www.ic.uff.br/~bianca/engsoft2/ Aula 12-31/05/2006 1 Ementa Processos de desenvolvimento de software (Caps. 2, 3 e 4 do Pressman) Estratégias e técnicas de teste

Leia mais

Engenharia de Software e Gerência de Projetos Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios

Engenharia de Software e Gerência de Projetos Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Engenharia de Software e Gerência de Projetos Prof. Esp. André Luís Belini Bacharel em Sistemas de Informações MBA em Gestão Estratégica de Negócios Cronograma das Aulas. Hoje você está na aula Semana

Leia mais

Ciclo de vida: fases x atividades

Ciclo de vida: fases x atividades Ciclo de vida Fase de definição Análise e Especificação Estudo de Viabilidade Estimativas Planejamento Fase de desenvolvimento Design Implementação e integração Verificação e Validação Fase de operação

Leia mais

VERIFICAÇÃO & VALIDAÇÃO

VERIFICAÇÃO & VALIDAÇÃO VERIFICAÇÃO & VALIDAÇÃO Validação: Estamos construindo o produto certo? Verificação envolve checar se o software cumpre com suas especificações. Verificação: Estamos construindo certo o produto? Validação

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE SÃO PAULO CAMPUS PRESIDENTE EPITÁCIO MODELO DOS PROCESSOS DE SOFTWARE

INSTITUTO FEDERAL DE SÃO PAULO CAMPUS PRESIDENTE EPITÁCIO MODELO DOS PROCESSOS DE SOFTWARE INSTITUTO FEDERAL DE SÃO PAULO CAMPUS PRESIDENTE EPITÁCIO CURSO ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMA MODELO DOS PROCESSOS DE SOFTWARE ALUNO SAMUEL BRAGA LOPES SUMÁRIO - AGENDA INTRODUÇÃO MODELO CASCATA

Leia mais

Reuso de Software Aula Maio 2012

Reuso de Software Aula Maio 2012 Reuso de Software Aula 19 Tópicos da Aula Engenharia de Software baseada em Componentes (CBSE) Eduardo Figueiredo http://www.dcc.ufmg.br/~figueiredo reuso.software@gmail.com Componentes Modelos de Componentes

Leia mais