CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL (LATO SENSU) Aprovado pela Resolução Nº CONSEPE, de 06 de Novembro de 2014

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL (LATO SENSU) Aprovado pela Resolução Nº 1198 - CONSEPE, de 06 de Novembro de 2014"

Transcrição

1 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL (LATO SENSU) Aprovado pela Resolução Nº CONSEPE, de 06 de Novembro de 2014 EDITAL PPPG Nº 13/2015 A PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO torna público aos interessados que estão abertas, no período de 31/03 a 17/04/2015, as inscrições para seleção ao Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social, na modalidade à distância, com carga horária total de 360 (trezentos e sessenta) horas. 1. DO CURSO 1.1 O Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social se atrela à pesquisa Modos de Vida e Processos Pedagógicos na relação entre Educação, Pobreza e Desigualdade Social, no Maranhão, do Grupo de Pesquisas e Estudos Sobre Tempo, Trabalho e Serviço Social GPETISS/ Departamento de Serviço Social/UFMA. 1.2 Atende as diretrizes postas pela Portaria GR Nº 138 MR, que institui o Comitê Gestor da Política Nacional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais da Educação Básica como ação da Política Nacional de Formação dos(as) Profissionais do Magistério da Educação Básica e da Rede Nacional de Formação Continuada dos(as) Profissionais do Magistério da Educação Básica Pública (RENAFOR), instituídas pelo Decreto n.º 6.755, de 29 de janeiro de 2009, e pela Portaria Ministerial n.º 1.328, de 23 de setembro de 2011; também responde ao preconizado na Lei n.º , de 25 de junho de 2014, que aprova o Plano Nacional de Educação. 1.3 O curso visa a formação de especialistas com conhecimentos científicos sobre pobreza, desigualdades sociais e direitos humanos, capazes de relacioná-los com as políticas educacionais, bem como a promoção de reflexões e discussões sobre as vivências dos sujeitos em circunstâncias de pobreza e de extrema pobreza, na perspectiva de fortalecer a política educacional e o sistema de proteção social, como parte das estratégias dos Ministérios da Educação/MEC e Ministério do Desenvolvimento Social/MDS. No Maranhão, efetiva-se através da parceria entre a Universidade Federal do Maranhão/UFMA, a Secretaria Estadual de Educação/SEDUC e a União dos Dirigentes Municipais de Educação do Maranhão UNDIME/MA. 1.4 O curso terá uma carga horária total de 360 horas, na modalidade à distância, com atividades presenciais de frequência obrigatória, em 08 (oito) campi da Universidade Federal do Maranhão (São Luís, Pinheiro, São Bernardo, Codó, Grajaú, Bacabal, Imperatriz e

2 Balsas), para aula inaugural, avaliações dos 05 (cinco) módulos, orientação e defesa de Trabalho de Conclusão de Curso TCC. As disciplinas contemplam atividades teóricas e práticas. A Prática, articulada ao desenvolvimento dos módulos, inclui um processo sistemático de pesquisa, a partir de Atividades de Reflexão Sobre a Realidade Os conteúdos serão trabalhados à distância com o auxílio dos seguintes meios: material on-line, material para impressão e e-book. As versões apresentarão metodologias específicas às suas aplicabilidades, considerando as linguagens e propriedades de cada uma das mídias, as formas de interatividade e dialogicidade, as estratégias para a formação e produção do conhecimento. Essa estrutura propiciará o aprofundamento de temáticas relevantes para a compreensão cada vez mais ampliada dos conteúdos do Curso que, articulado à proposta da pesquisa, possibilitará que cada cursista siga um plano de trabalho e desenvolva seu projeto de pesquisa a partir da realidade a qual se vincula. A dinâmica proposta abrangerá: a) um processo introdutório, presencial, em que a equipe gestora apresentará o Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social: natureza, objetivos, metodologia e avaliação; os conceitos centrais do Módulo Introdutório; b) acesso aos módulos, no Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem (AVEA), desenvolvidos sequencialmente; c) encontros presenciais para avaliações e socialização de atividades do Curso, preferencialmente, ao final de cada Módulo e início do Módulo subsequente, realizados nos polos e municípios de apoio, definidos neste edital, com a orientação dos(as) professores(as) e tutores(as); d) avaliação permanente do Curso, por meio de estratégias de auto avaliação; e) um encontro para início de orientação do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) e um encontro para defesa; Os materiais pedagógico-didáticos de estudo serão disponibilizados em uma plataforma virtual de ensino e aprendizagem customizada especialmente para este Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social. A plataforma utilizada será o

3 MOODLE, um Ambiente Virtual de Ensino e Aprendizagem (AVEA) que permite a concepção, administração e desenvolvimento de variados tipos de ações, como cursos à distância, complemento a cursos presenciais, projetos de pesquisa, projetos colaborativos e outras formas de apoio à distância e ao processo ensino-aprendizagem. O AVEA possibilitará o uso de uma série de meios de comunicação visando à interação com os cursistas, potencializando o processo de ensino e aprendizagem à distância. A disponibilização do material didático-pedagógico se dará no formato de documentos digitais hipertextuais em diversos suportes midiáticos (vídeos, textos, animações, etc.). Também serão disponibilizados os textos em formato para impressão, com a possibilidade de download de um e-book, permitindo assim a navegação offline. 2. PÚBLICO ALVO O Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social se volta para os profissionais portadores de diploma superior, em cursos de graduação, em qualquer área do conhecimento, com prioridade para os profissionais da educação básica que atuem nas Secretarias Estaduais e Municipais de Educação no acompanhamento da condicionalidade da educação do Programa Bolsa Família, no estado do Maranhão (tais como gestores/as escolares, coordenadores/as pedagógicos, professores, secretários/as). Inclui, ainda, demais servidores das Secretarias Estaduais e Municipais de Educação, Saúde e Assistência Social, assim como profissionais da educação básica e pesquisadores vinculados a instituições públicas e privadas que apresentem interesse pela temática. 3. DO NÚMERO DE VAGAS 3.1 Serão oferecidas 400 (quatrocentas) vagas para o Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social, com 25 (vinte e cinco) alunos por turma, distribuídos em 05 (Cinco) Mesorregiões e 08 (oito) polos onde funcionam campi da UFMA. Com o objetivo de facilitar o acesso dos cursistas para as atividades presenciais, cada polo inclui 01 (um) ou 02 (dois) municípios de apoio, totalizando 12 municípios. Priorizadas por cargos e por microrregião, garantir-se-á, no mínimo, 01 (um) vaga para candidatos de cada um dos municípios do estado do Maranhão com Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) de até 0,599 (Anexo III). 3.2 Ao se inscrever, o candidato deverá, necessariamente, fazer a opção do Polo e do Município de apoio no qual ficará vinculado, dentro da mesma Mesorregião onde atua profissionalmente, conforme quadro a seguir.

4 MESORREGIÃO NORTE OESTE CENTRO LESTE SUL POLOS MUNICÍPIOS PARA ATIVIDADES PRESENCIAIS NÚMERO DE VAGAS SÃO LUÍS São Luís 25 Barreirinhas 25 PINHEIRO Pinheiro 25 Serrano 25 IMPERATRIZ Imperatriz 50 Santa Inês 50 BACABAL Bacabal 50 GRAJAÚ Grajaú 50 SÃO BERNARDO São Bernardo 25 CODÓ Codó 25 Colinas 25 BALSAS Balsas 25 TOTAL REGIME E DURAÇÃO DO CURSO 4.1 O curso tem início previsto para o dia 15 de junho de 2015, com duração de 18 meses, com previsão de término em 15 de dezembro de 2016 (prazo máximo de apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso). 4.2 A carga horária de 360 (trezentos e sessenta) horas/aula será distribuída em 05 (cinco) módulos de conteúdo teórico e prático, com cerca de 10% (dez por cento) de atividades presenciais, com dias e horários previamente definidos (podendo sofrer alterações), com a presença dos professores das disciplinas e/ou tutores A aula inaugural será realizada em São Luís, em cronograma a ser divulgado; a matrícula e as avaliações presenciais serão realizadas nos municípios de apoio onde o candidato foi selecionado; a primeira orientação e defesa de TCC será realizada, exclusivamente, nos Polos para o qual o candidato foi selecionado A carga horária de cada módulo varia entre 60 e 75 horas, com 01 (uma) hora equivalendo a 01 (um) dia. Para efeitos de carga horária, contar-se-á os dias corridos a partir do início de cada um dos 05 (cinco) Módulos, sem exceção para finais de semanas e feriados, incluindo as atividades práticas e avaliações presenciais (com duração média de 4 (quatro) horas por atividade). 4.3 Para aprovação nas disciplinas e no curso é necessário: frequentar, no mínimo 75% (setenta e cinco por cento) do total da carga horária em cada disciplina/módulo, computada através da realização das atividades propostas, número de acessos ao AVEA e participação nas atividades presenciais.

5 4.3.2 concluir, com êxito, todas as disciplinas do Curso, com nota final igual ou superior a 7,0 (sete) por disciplina obter média igual ou superior a 7,0 (sete) na avaliação do Trabalho de Conclusão de Curso, que será individual, em forma de Artigo Científico Original, com base em pesquisa, sob orientação docente a apresentação do Trabalho de Conclusão do Curso (TCC) somente se dará mediante aprovação nas disciplinas do Curso e obtenção da frequência mínima. 4.4 As despesas referentes a recursos tecnológicos para realização das atividades à distância, transporte e hospedagem para as atividades presenciais serão de responsabilidade dos cursistas e/ou das respectivas instituições as quais estão vinculados. A UFMA se responsabilizará pelo apoio no uso das ferramentas tecnológicas para as atividades à distância, oferta do local e suporte logístico para realização das atividades presenciais. A primeira atividade presencial será em São Luís e consistirá na Aula Inaugural, em data a ser divulgada posteriormente Considerando se tratar de um curso à distância, o cursista deverá dispor de recursos tecnológicos para estudo e realização das atividades, incluindo o acesso à internet. 5. DA INSCRIÇÃO NO PROCESSO SELETIVO 5.1 O Curso será gratuito, não sendo cobrado quaisquer valores a título de inscrição ou mensalidades. 5.2 As inscrições dos candidatos deverão ser efetuadas no período de 31 de março a 17 de abril de 2015, considerarando dois grandes grupos: O primeiro grupo é composto por profissionais que atuam na educação básica, principalmente aqueles que estão nos municípios com baixo IDHM (Atlas Brasil, 2010), incluindo coordenadores estaduais e municipais do Programa Bolsa Família na Educação; gestores escolares de escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao Programa Bolsa Família; agentes educacionais que trabalham com o Programa Bolsa Família em escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao referido Programa; professores que atuam em escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao Programa Bolsa Família O segundo grupo é composto por pessoal técnico das Secretarias de Educação, Assistência Social e da Saúde, considerando a intersetorialidade entre essas áreas com a Educação no acompanhamento dos usuários do Programa Bolsa Família; profissionais que atuam na educação básica e pesquisadores (vinculados a instituições públicas e privadas e movimentos sociais) que apresentem interesse pela temática.

6 6 DA FORMA E DA DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA INSCRIÇÃO 6.1 Para o primeiro grupo, as inscrições deverão ser feitas, exclusivamente, através do postando-se, em arquivo anexo, os seguintes documentos: - Ficha de inscrição (Anexo I). - Declaração de Autenticidade (Anexo II) - Diploma de graduação reconhecido pelo Ministério da Educação ou Certidão de Conclusão do Curso de Graduação constando a data da colação de grau. - Os Candidatos cujos diplomas ainda não tenham sido expedidos na data da inscrição, poderão enviar certidão de conclusão de graduação de Instituição de Ensino Superior (IES), reconhecida por órgão competente do Ministério da Educação ou declaração com data prevista de conclusão do curso e colação de grau, devendo apresentar o respectivo diploma de curso concluído em até (90) noventa dias após encerramento das matrículas neste curso de especialização. - No caso de candidato estrangeiro ou portador de diploma emitido por Instituição de Ensino Superior (IES) estrangeira, enviar diploma devidamente revalidado, nos termos da legislação vigente, além de visto de entrada no Brasil, pelo período mínimo de realização do curso. - Histórico escolar do curso de graduação; - RG e CPF; - Documento comprobatório do exercício do cargo. - Documento que comprove o tempo de atuação. - Currículo Lattes ou Vitae - Foto de rosto (recente) O deve ser enviado até às vinte e três horas e cinquenta e nove minutos (horário de Brasília), do dia 17 de abril de 2015, com o seguinte assunto: Primeiro Grupo, Educação Básica, Nome do Polo e do Município de apoio; 6.2 Para o segundo grupo, as inscrições deverão ser feitas em duas etapas sequenciais: entrega pessoal ou envio de SEDEX e por Para entrega pessoal ou envio de SEDEX, o candidato deverá enviar: a) Cópias autenticadas dos seguintes documentos: - Diploma de graduação reconhecido pelo Ministério da Educação ou Certidão de Conclusão do Curso de Graduação constando a data da colação de grau. - Os Candidatos cujos diplomas ainda não tenham sido expedidos na data da inscrição, poderão enviar certidão de conclusão de graduação de Instituição de Ensino Superior (IES), reconhecida por órgão competente do Ministério da Educação ou declaração com data prevista de conclusão do curso e colação de grau, devendo apresentar o respectivo diploma de curso concluído em até (90) noventa dias após encerramento das matrículas neste curso de especialização.

7 - No caso de candidato estrangeiro ou portador de diploma emitido por Instituição de Ensino Superior (IES) estrangeira, enviar diploma devidamente revalidado, nos termos da legislação vigente, além de visto de entrada no Brasil, pelo período mínimo de realização do curso. - Histórico escolar do curso de graduação; - RG e CPF; - Documento comprobatório do exercício do cargo - Documento que comprove o tempo de atuação. - Certificados de participação em Eventos Acadêmico-Científicos - Envio de cópia de sumário e página inicial onde o candidato tenha produção científica, artigo publicado em periódicos ou em anais de eventos científicos na área de educação, saúde e Assistência Social, constando páginas, nome do autor e tipo de publicação b) Declaração feita pelo candidato atestando a autenticidade das informações e dos documentos enviados, assim como de disponibilidade de 10 horas para as atividades do curso (seguir modelo Anexo II). c) Declaração de Experiência profissional comprovada em programas/atividades com famílias atendidas pelo Programa Bolsa Família, assinada por responsável (Somente em caso de ter essa experiência) A entrega do envelope lacrado deverá ser feita na Divisão de Expediente, Arquivo e Protocolo/DEPA, no horário de oito às doze horas e quatorze às dezoito horas, de segunda a sexta-feira, exceto feriados, até o dia 16 de abril de 2015, na Universidade Federal do Maranhão, Edifício Castelo Branco (Castelão), na Avenida dos Portugueses, Bacanga. São Luís - MA Para envio por SEDEX, os documentos deverão ser colocados em envelope lacrado identificando como remetente: Nome do Candidato, Endereço, Polo e Município de Apoio para inscrição Como destinatário, colocar: Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social/CEEPDS, Grupo De Estudos e Pesquisas sobre Tempo, Trabalho, Identidade e Serviço Social/GPETISS. - No envelope do SEDEX, adquirido nos Correios, remeter para: Marli Alcântara Ferreira Morais. Universidade Federal do Maranhão, Centro de Ciências Sociais, Departamento de Serviço Social. Av. dos Portugueses, Bacanga - CEP São Luís - MA. 6.3 Após a entrega pessoal ou a postagem da documentação por SEDEX, o candidato deverá enviar para até às vinte e três horas e cinquenta e nove minutos (horário de Brasília), do dia 17 de abril de 2015, com o seguinte assunto: Segundo Grupo, Área de Atuação (Definir se é Educação, Assistência Social ou Saúde) e nome do Polo e do Município de Apoio. Em arquivo anexo, postar os seguintes documentos: - Ficha de inscrição (Anexo I). - Curriculum Lattes ou Vitae. - Foto de rosto (recente)

8 - Cópia do comprovante de entrega do envelope emitido pelo DEPA/UFMA ou recibo dos Correios no caso de envio por SEDEX, dos documentos exigidos para inscrição. 7. Será indeferida a inscrição: a) Dos candidatos que não apresentarem no prazo de inscrição todos os documentos exigidos pelo presente edital; b) Que estiver em desacordo com qualquer exigência deste edital. 8. DO CALENDÁRIO DO PROCESSO DE SELEÇÃO Evento Data/Período Inscrições 31/03 a 17/04/2015 Divulgação das inscrições deferidas 27/04/2015 Período para recebimento de recursos 28 e 29/04/2015 Resultado após análise dos recursos 04/05/2015 Divulgação do resultado da pontuação relativa às categorias 06/05/2015 prioritárias e à análise curricular Período para recebimento de recursos 07 e 08/05/2015 Divulgação do resultado da seleção 11/05/2015 Período para recebimento de recursos 12 e 13/05/2015 Resultado Final após análise dos recursos 15/05/2015 Matrículas dos aprovados 18 a 23/05/2015 Chamada de excedentes aprovados 25/05/2015 Matrícula dos excedentes 26 e 27/05/2015 Início das aulas 16/06/ DA SELEÇÃO DOS CANDIDATOS 9.1 O processo seletivo dos candidatos considerará os dois grandes grupos de candidatos: O primeiro grupo, composto pelos profissionais que atuam na educação básica, nos municípios com menor IDHM (Atlas Brasil, 2010), priorizados por ordem: 1º) os coordenadores estaduais e municipais do Programa Bolsa Família na Educação; 2º) os gestores escolares de escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao Programa Bolsa Família; 3º) os agentes educacionais que trabalham com o Programa Bolsa Família em escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao referido Programa;

9 4º) os professores que atuam em escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao Programa Bolsa Família. - Em caso de empate, será garantida a vaga para o candidato que tiver maior tempo de exercício no cargo; persistindo o empate, a vaga será para aquele que tiver maior tempo de serviço público; como último critério de desempate, considerar-se-á o que tiver maior idade Atendida a demanda desses profissionais, as vagas restantes serão destinadas ao seguinte grupo, garantindo-se, no mínimo, 40 vagas (percentual de 10% do total de vagas): 1º) Pessoal técnico das Secretarias de Educação, Assistência Social e da Saúde, considerando a intersetorialidade entre essas áreas com a Educação no acompanhamento dos usuários do Programa Bolsa Família. 2 ) Profissionais que atuam na educação básica e pesquisadores (vinculados a instituições públicas e privadas e movimentos sociais) que apresentem interesse pela temática. - Em caso de empate, será garantida a vaga para o candidato que residir no município com IDHM mais baixo; persistindo o empate, a vaga será para aquele que tiver maior tempo de exercício no cargo; como últimos critérios, serão considerados, respectivamente, maior tempo de serviço público e maior idade Para os dois grupos, havendo candidatos com mais de 60 (sessenta) anos, o critério de maior idade para desempate se torna o primeiro. 9.2 Todos os inscritos, considerada a ordem de prioridade, devem atender aos seguintes critérios: a) ter concluído curso superior em cursos reconhecidos pelo MEC; b) ter disponibilidade de, pelo menos, 10 horas semanais para estudos durante o Curso; c) ter disponibilidade para participar dos encontros presenciais na UFMA, nos respectivos municípios e polos onde se inscreverem; d) Não estar cursando outro curso de especialização 10. DA AVALIAÇAO DOS CANDIDATOS: 10.1 A seleção dos dois grupos de candidatos será realizada por comissão composta pela Coordenadora do Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social e mais 03 (dois) professores, designados pela Coordenação do Curso. É vedada a participação no processo de seleção, em qualquer fase, de membros da Comissão Examinadora que sejam cônjuges, parentes consanguíneos, civis e/ou afins dos candidatos, até o 3º (terceiro) grau inclusive Para os candidatos do primeiro grupo, o processo seletivo será realizado por microrregião, levando em consideração o cargo que ocupa e o IDHM de seu município de trabalho, com as seguintes pontuações:

10 CRITÉRIO PONTOS Ocupar o cargo de coordenador estadual ou municipal do Programa Bolsa 80 Família na Educação Ocupar o cargo de gestor escolar de escolas que já informam a frequência 65 escolar vinculada ao Programa Bolsa Família; Ocupar o cargo de agente educacional que trabalha com o Programa Bolsa 45 Família em escolas que já informam a frequência escolar vinculada ao referido Programa. Ocupar o cargo de professor em escolas que já informam a frequência escolar 25 vinculada ao Programa Bolsa Família. Atuar em município com IDHM de até 0, Atuar em município com IDHM de até 0,588 0, Atuar em município com IDHM superior a 0, Para os candidatos do segundo grupo, o processo seletivo será realizado através de análise curricular A análise do curriculum considerará a pontuação máxima de 100 (cem) pontos. Nesta análise serão pontuadas as experiências abaixo relacionadas, com a devida comprovação documental Tempo na função CRITÉRIO Participação em Eventos Acadêmico-Científicos Experiência profissional comprovada em programas/atividades com famílias atendidas pelo Programa Bolsa Família. Produção científica, artigo publicado em periódicos ou em anais de eventos científicos na área de educação, saúde e Assistência Social. PONTOS 12 (doze) pontos por cada ano de atuação, limitado no máximo a 48 (quarenta e oito) pontos. 01 (um) ponto limitado no máximo a 12 (doze) pontos; 05 (cinco) pontos por cada semestre, limitado no máximo, a 20 (trinta) pontos; 2,5 (dois e meio) pontos para cada produção científica, limitado a no máximo 20 (vinte) pontos A qualquer tempo, a UFMA anulará a inscrição e a matrícula do candidato que, comprovadamente: a) Fizer declaração falsa ou inexata de qualquer documento exigido neste edital; b) Utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos para obtenção de aprovação. 11. DA DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS 11.1 A divulgação do resultado provisório e definitivo do processo seletivo será feita através do Site da PPPG (http://www.pppg.ufma.br) e disponibilizada aos candidatos na Coordenação do Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social, no Departamento de Serviço Social da Universidade Federal do Maranhão, na Avenida dos Portugueses s/n, Campus do Bacanga. São Luís/MA e nos polos e municípios onde os inscritos optaram para realização do curso.

11 12. DOS RECURSOS 12.1 Caberá recurso dirigido à Comissão de Seleção do Curso de Especialização Educação, Pobreza e Desigualdade Social, no prazo de até 02 (dois) dias úteis, após a divulgação do resultado provisório de cada etapa do processo seletivo; 12.2 Os recursos deverão ser encaminhados, exclusivamente, em formulário para o à Comissão de Seleção do Curso de Especialização A decisão sobre os recursos será publicada no site e através de APROVAÇÃO 13.1 Os pontos atribuídos aos referidos grupos prioritários, por microrregião e na análise curricular, serão expressos numa escala de 0,0 (zero vírgula zero) a 100,0 (cem). Terão direito à matrícula os candidatos que apresentarem as melhores notas até o preenchimento das vagas. 14. DA MATRÍCULA 14.1 O candidato selecionado deverá realizar sua matrícula, pessoalmente ou através de procuração com firma reconhecida em cartório, nos polos e municípios em que fizeram opção para matrícula, cujos endereços, dias e horários específicos, por polos e municípios de apoio, serão disponibilizados juntamente com o resultado final da seleção A matrícula dos candidatos aprovados e classificados será realizada no período de 18 a 23/05/2015, com um dia para cada Município, em data e horário a ser divulgado juntamente com o resultado da seleção. Terminado esse prazo e não tendo sido preenchidas todas as vagas, serão chamados os candidatos excedentes aprovados, que farão suas matriculas no período de26 a 27/05/2015, até que se complete o número de vagas Para efetivação da matrícula, os candidatos deverão apresentar todos os documentos originais requisitados para inscrição, acrescentando comprovante de residência recente (cópia e original). São Luís (MA), 31 de março de Fernando Carvalho Silva Pró-Reitor de Pesquisa e Pós-Graduação

12 UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL (LATO SENSU) EDITAL PPPG Nº /2015 ANEXO I - FICHA DE INSCRIÇÃO POLO : MUNICÍPIO: Nome Completo: Instituição a que se vincula: Endereço completo da Instituição: Cargo: Tempo no cargo: Tempo de serviço: Mãe: Filiação: Pai: Data de nascimento: Naturalidade: Nacionalidade: RG: Órgão Emissor: Data da emissão: Título de eleitor: Zona: Seção: CPF: Sexo: ( ) M ( ) F Estado civil: Endereço: Residencial Rua/Av: n.º: Complemento: Bairro: Cidade: CEP: Telefone residencial: ( ) Graduação em: Data da conclusão: Instituição: Telefone celular: ( ) Estado: Telefone comercial: ( ) Cidade/Estado/País: LOCAL E DATA: Assinatura:

13 UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL (LATO SENSU) EDITAL PPPG Nº /2015 ANEXO II - DECLARAÇÃO DE AUTENTICIDADE DE INFORMAÇÕES E DOCUMENTAÇÃO E DE DISPONIBILIDADE DE TEMPO PARA CURSAR A ESPECIALIZAÇÃO. Declaro que as cópias enviadas neste são de documentos autênticos e que são verdadeiras as informações prestadas no processo de inscrição deste curso, responsabilizando-me pelas mesmas. Assumo o compromisso de entregar a esta Secretaria cópia do diploma de ensino superior e do histórico escolar, requisito indispensável para que seja emitido o certificado de conclusão do curso referente a esta inscrição. Declaro, também, ter disponbilidade de 10 (dez) horas semanais para as atividades deste Curso, conforme item 6.7. (MA) de de Assinatura:

14 ANEXO III LISTA DE IDHM DOS MUNICÍPIOS POR MESO/MICRORREGIÃO MESORREGIÃO 1.MESORREGIÃO CENTRO (42 munic.) MICRORREGIÃO 1.1) Microrregião Alto Mearim/Grajaú (11municípios) 1.2) Microrregião Médio Mearim (20 municípios) 1.3) Microrreg. de Presidente Dutra (11 municípios) MUNICÍPIOS POR MICRORREGIÃO IDHM 1. Fernando Falcão 0,443 2.Jenipapo das Vieiras 0,490 3.Arame 0,512 4.Itaipava do Grajaú 0,518 5.Santa Filomena do Maranhão 0,525 6.Formosa da Serra Negra 0,556 7.Joselândia 0,561 8.Sítio Novo 0,564 9.Tuntum 0, Barra do Corda 0, Grajaú 0,609 1.Satubinha 0,493 2.São Roberto 0,516 3.São Raimundo da Doca Bezerra 0,516 4.São Luís Gonzaga do Maranhão 0,540 5.Pio XII 0,541 6.Lago Verde 0,557 7.Bom Lugar 0,562 8.Santo Antônio dos Lopes 0,566 9.Poção de Pedras 0, Lima Campos 0, Lago do Junco 0, Esperantinópolis 0, Olho D água das Cunhãs 0, Lago dos Rodrigues 0, Bernardo do Mearim 0, Trizidela do Vale 0, Igarapé Grande 0, São Mateus do Maranhão 0, Bacabal 0, Pedreiras 0,682 1.Senador Alexandre Costa 0,538 2.Governador Luis Rocha 0,544 3.São José dos Basílios 0,557 4.Governador Archer 0,565 5.Gonçalves Dias 0,568 6.Graça Aranha 0,570 7.Governador Eugênio Barros 0,572 8.Fortuna 0,580 9.São Domingos do Maranhão 0, Dom Pedro 0,622

15 2. MESORREGIÃO LESTE (44 munic.) 2.1) Microrregião do Baixo Parnaíba (6 municípios) 2.2) Microrregião Caxias (6 municípios) 2.3) Microrregião Chapadas do Alto Itapecuru (13 municípios) 2.4) Microrreg. Chapadinha (9 municípios) 2.5) Microrregião Codó (6 municípios) 2.6) Microrregião Coelho Neto (4 municípios) 11.Presidente Dutra 0,653 1.Água Doce do Maranhão 0,500 2.Sanata do Maranhão 0,510 3.Araioses 0,521 4.Santa Quitéria do Maranhão 0,555 5.Magalhães de Almeida 0,567 6.São Bernardo 0,572 1.São João do Soter 0,517 2.Parnarama 0,542 3.Matões 0,550 4.Buriti Bravo 0,590 5.Caxias 0,624 6.Timon 0,649 1.São Francisco do Maranhão 0,528 2.Passagem Franca 0,532 3.Mirador 0,545 4.Jatobá 0,561 5.Lagoa do Mato 0,566 6.Sucupira do Riachão 0,568 7.Sucupira do Norte 0,579 8.Paraibano 0,580 9.Nova Iorque 0, Barão de Grajaú 0, Colinas 0, Pastos Bons 0, São João dos Pastos 0,615 1.Belágua 0,512 2.Milagres do Maranhão 0,527 3.São Benedito do Rio Preto 0,541 4.Buriti 0,548 5.Brejo 0,562 6.Mata Roma 0,570 7.Anapurus 0,581 8.Urbano Santos 0,588 9.Chapadinha 0,604 1 Capinzal do Norte 0,537 2 Timbiras 0,537 3 Alto Alegre do Maranhão 0,554 4 Peritoró 0,564 5 Coroatá 0,576 6 Codó 0,595 1 Aldeias Altas 0,513 2 Afonso Cunha 0,529 3 Duque Bacelar 0,533 4 Coelho Neto 0,564

16 3. MESORREGIÃO NORTE (60 MUNIC.) 3.1) Microrregião Aglomeração Urbana de S.Luís (4 municípios) 3.2) Microrregião Baixada maranhense (21 municípios) 3.3) Microrregião Itapecuru Mirim (8 municípios) 3.4) Microrregião Lençóis Maranhenses (6 municípios) 3.5 ) Microrregião Litoral Ocidental (13 municípios) 1 Raposa 0,626 2 São Jose de Ribamar 0,708 3 Paço do Lumiar 0,724 4 São Luís 0,768 1 Conceição do Lago-Açu 0,512 2 Pedro do Rosário 0,516 3 Cajari 0,523 4 Monção 0,546 5 Bela Vista do Maranhão 0,554 6 Penalva 0,554 7 Palmeirândia 0,556 8 Presidente Sarney 0,557 9 Igarapé do Meio 0, Santa Helena 0, Olinda Nova do Maranhão 0, Anajatuba 0, São Vicente Ferrer 0, Vitória do Mearim 0, São João Batista 0, Peri Mirim 0, São Bento 0, Viana 0, Matinha 0, Arari 0, Pinheiro 0,637 1 Matões do Norte 0,533 2 Vargem Grande 0,542 3 Cantanhede 0,565 4 Pirapemas 0,576 5 Nina Rodrigues 0,585 6 Presidente Vargas 0,587 7 Itapecuru Mirim 0,599 8 Miranda do Norte 0,610 1 Primeira Cruz 0,512 2 Santo Amaro do Maranhão 0,518 3 Humberto de Campos 0,535 4 Paulino Neves 0,561 5 Tutóia 0,561 6 Barreirinhas 0,570 1 Serrano do Maranhão 0,519 2 Bacurituba 0,537 3 Cajapió 0,553 4 Apicum-Açu 0,568 5 Alcântara 0,573 6 Bacuri 0,578 7 Central do Maranhão 0,585

17 3. MESORREGIÃO NORTE (60 MUNIC.) 4. MESORREGIÃO OESTE (52 municípios) 3.5) Microrregião Litoral Ocidental (13 municípios) 3.6) Microrregião Rosário (8 municípios) 4.1) Microrregião Gurupi (14 municípios) 4.2) Microrregião Imperatriz (16 municípios) 8 Bequimão 0,601 9 Cedral 0, Cururupu 0, Porto Rico do Maranhão 0, Mirinzal 0, Guimarães 0,625 1 Cachoeira Grande 0,537 2 Icatu 0,546 3 Morros 0,548 4 Presidente Juscelino 0,563 5 Santa Rita 0,609 6 Bacabeira 0,629 7 Rosário 0,632 8 Axixá 0,641 1 Amapá do Maranhão 0,520 2 Centro Novo do Maranhão 0,518 3 Turilândia 0,536 4 Centro do Guilherme 0,542 5 Boa Vista do Gurupi 0,545 6 Maranhãozinho 0,550 7 Junco do Maranhão 0,552 8 Cândido Mendes 0,561 9 Turiaçu 0, Governador Nunes Freire 0, Carutapera 0, Maracaçumé 0, Luís Domingues 0, Godofredo Viana 0,604 1 Amarante do Maranhão 0,555 2 Montes Altos 0,575 3 Vila Nova dos Martírios 0,581 4 Buritirana 0,583 5 São Francisco do Brejão 0,584 6 Lajeado Novo 0,589 7 Cidelândia 0,600 8 Senador La Rocque 0,602 9 São Pedro da Água Branca 0, Davinópolis 0, Ribamar Fiquene 0, Governador Edison Lobão 0, Itinga do Maranhão 0, João Lisboa 0, Açailândia 0, Imperatriz 0,731 1 Marajá do Sena 0,452 2 Lagoa Grande do Maranhão 0,502

18 4. MESORREGIÃO OESTE (52 municípios) 5. MESORREGIÃO SUL (19 municípios) 4.3) Microrregião Pindaré (22 municípios) 5.1) Microrregião Chapada das Mangabeiras (8 municípios) 5.2) Microrregião Gerais de Balsas (5 municípios) 5.3) Microrregião Porto Franco (6 municípios) 3 São João do Carú 0,509 4 Brejo de Areia 0,519 5 Governador Newton Bello 0,521 6 Araguanã 0,533 7 Bom Jardim 0,538 8 Altamira do Maranhão 0,549 9 Paulo Ramos 0, Santa Luzia 0, Tufilândia 0, Buriticupu 0, Alto Alegre do Pindaré 0, Bom Jesus das Selvas 0, Vitorino Freire 0, Nova Olinda do Maranhão 0, Lago da Pedra 0, Presidente Médici 0, Zé Doca 0, Santa Luzia do Paruá 0, Pindaré-Mirim 0, Santa Inês 0,674 1 Benedito Leite 0,546 2 São Félix de Balsas 0,557 3 Sambaíba 0,565 4 Nova Colinas 0,566 5 Loreto 0,582 6 São Domingos do Azeitão 0,590 7 São Raimundo das Mangabeiras 0,610 8 Fortaleza dos Nogueiras 0,616 1 Feira Nova do Maranhão 0,532 2 Riachão 0,576 3 Tasso Fragoso 0,599 4 Alto Parnaíba 0,633 5 Balsas 0,687 1 São Pedro dos Crentes 0,600 2 São João do Paraíso 0,609 3 Carolina 0,634 4 Campestre do Maranhão 0,652 5 Estreito 0,659 6 Porto Franco 0,684

Módulo introdutório de Formação dos Orientadores de Estudo INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL: Universidade Federal do Maranhão PERÍODO:

Módulo introdutório de Formação dos Orientadores de Estudo INSTITUIÇÃO RESPONSÁVEL: Universidade Federal do Maranhão PERÍODO: Módulo introdutório de dos Orientadores de Estudo 2100055 ACAILANDIA MUNICIPAL 2100105 AFONSO CUNHA MUNICIPAL 2100154 AGUA DOCE DO MARANHAO MUNICIPAL 2100204 ALCANTARA MUNICIPAL 2100303 ALDEIAS ALTAS MUNICIPAL

Leia mais

CÓDIGOS DO MARANHÃO. Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001

CÓDIGOS DO MARANHÃO. Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 CÓDIGOS DO Fonte: Anexo da resolução 263 de 08/06/2001 UF MUNICÍPIO CÓDIGO DE ÁREA MA AÇAILÂNDIA 99 MA AFONSO CUNHA 98 MA ÁGUA DOCE DO 98 MA ALCÂNTARA 98 MA ALDEIAS ALTAS 99 MA ALTAMIRA DO 98 MA ALTO ALEGRE

Leia mais

UF Município Micro-Região Classificação Tipo

UF Município Micro-Região Classificação Tipo MA Açailândia Imperatriz Média Renda Inferior Estagnada MA Afonso Cunha Coelho Neto Baixa Renda Estagnada MA Água Doce do Maranhão Baixo Parnaíba Maranhense Baixa Renda Estagnada MA Alcântara Litoral Ocidental

Leia mais

Total de homens Total de mulheres

Total de homens Total de mulheres Nome do população população 2100055 Açailândia 88.320 52.093 51.920 78.241 25.772 104.013 2100105 Afonso Cunha 4.680 3.001 2.956 3.272 2.685 5.957 2100154 Água Doce do Maranhão 9.703 6.026 5.564 3.124

Leia mais

Ensino Médio TEMPO INTEGRAL (3) Rural. Urbana

Ensino Médio TEMPO INTEGRAL (3) Rural. Urbana ANUAL DO FUNDO, POR ENTE GOVERNAMENTAL - - MARANHÃO ACAILANDIA 0,0 1.043,3 7.708 3.508 4.099 1.992 0 0,0 0,0 0,0 108,0 1.016,7 0,0 0,011396201009 18.898.740,41 AFONSO CUNHA 0,0 119,3 450 533 441 123 0

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL

AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA ANEEL RESOLUÇÃO HOMOLOGATÓRIA N o, DE DE DE 2015 Homologa o resultado da Revisão do Plano de Universalização Rural da Companhia Energética do Maranhão CEMAR e dá outras

Leia mais

Dados Socioeconômicos dos municípios

Dados Socioeconômicos dos municípios Dados Socioeconômicos dos municípios INSTITUTO MARANHENSE DE ESTUDOS SOCIOECONÔMICO E CARTOGRÁFICO INSTITUTO MARANHENSE DE ESTUDOS SOCIOECONÔMICO E CARTOGRÁFICO EXEMPLO DE INDICADORES PARA O PLANO PLURIANUAL

Leia mais

SEGUNDA-FEIRA, 26 -SETEMBRO - 2005 D.O. PODER JUDICIÁRIO

SEGUNDA-FEIRA, 26 -SETEMBRO - 2005 D.O. PODER JUDICIÁRIO 94 SEGUNDA-FEIRA, 6 -SETEMBRO - 005 D.O. PODER JUDICIÁRIO Público do Estado do Maranhão, vem pelo presente aditivo fazer conhecido aos interessados que o edital nº0/005 de 9 de agosto de 005, passa a vigorar

Leia mais

BACABEIRA BACURITUBA BREJO DE AREIA BURITI BRAVO BURITICUPU BURITIRANA CACHOEIRA GRANDE CAJAPIO

BACABEIRA BACURITUBA BREJO DE AREIA BURITI BRAVO BURITICUPU BURITIRANA CACHOEIRA GRANDE CAJAPIO UF MUNICÍPIO AFONSO CUNHA AGUA DOCE DO RANHAO ALCANTARA ALDEIAS ALTAS ALTAMIRA DO RANHAO ALTO ALEGRE DO RANHAO ALTO ALEGRE DO PINDARE ALTO PARNAIBA APA DO RANHAO ARANTE DO RANHAO ANAJATUBA ANAPURUS APICUM-ACU

Leia mais

CRONOGRAMA DE REUNIÕES

CRONOGRAMA DE REUNIÕES CRONOGRAMA DE REUNIÕES Cidades Regional Cidade do Evento Açailândia Bom Jesus das Selvas Buriticupu Cidelândia Itinga do Maranhão São Francisco do Brejão São Pedro da Água Branca Vila Nova dos Martírios

Leia mais

NÚMEROS PARA DISCUSSÃO NÚMEROS PARA DISCUSSÃO

NÚMEROS PARA DISCUSSÃO NÚMEROS PARA DISCUSSÃO NÚMEROS PARA DISCUSSÃO NÚMEROS PARA DISCUSSÃO Números para Discussão Objetiva se fomentar o debate e colher sugestões destacando se alguns números para discussão da comunidade de pesquisa. Nas tabelas

Leia mais

ESTIMATIVA DO ADICIONAL DE 1% DO FPM MARANHÃO

ESTIMATIVA DO ADICIONAL DE 1% DO FPM MARANHÃO ESTIMATIVA DO ADICIONAL DE 1% DO FPM MARANHÃO François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, dezembro de ESTIMATIVA DO ADICIONAL DE 1% DO FPM MARANHÃO François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo Gestor

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA (Aprovado pela Resolução Nº 866 CONSEPE 14 de outubro de 2011) CHAMADA INTERNA PPPG Nº. 02/2015 A PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PPG COODERNAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO - CPG EDITAL Nº20/2014 PPG/CPG/UEMA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PPG COODERNAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO - CPG EDITAL Nº20/2014 PPG/CPG/UEMA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PPG COODERNAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO - CPG EDITAL Nº20/2014 PPG/CPG/UEMA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO

Leia mais

Departamento de Marketing Rede Mirante de Televisão

Departamento de Marketing Rede Mirante de Televisão Departamento de Marketing Rede Mirante de Televisão REDE MIRANTE DE TELEVISÃO ÁREA DE COBERTURA A Rede Mirante de Televisão é formada por cinco emissoras afiliadas à Rede Globo, com sedes em São Luís,

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CONSELHO ESTADUAL DE SAUDE CES/MA

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CONSELHO ESTADUAL DE SAUDE CES/MA DATAS PARA REALIZAÇÃO DE CONFERÊNCIAS POR MACRO REGIÕES(POR MUNICÍPIO) PARA DIVULGAÇÃO 01 18 DE ITAPECURU MIRIM 1. Anajatuba 2. Arari 3. Belágua 4. Cantanhede 5. Itapecuru-Mirim - SEDE 6. Matões do Norte

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM AUDITORIA (Aprovado

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ESCOLAR, MODALIDADE A DISTÂNCIA (Aprovado pela Resolução Nº. 595 CONSEPE, de 24 de março de 2008)

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO ESCOLAR, MODALIDADE A DISTÂNCIA (Aprovado pela Resolução Nº. 595 CONSEPE, de 24 de março de 2008) UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei 5.152 de 21/10/1966 São Luís Maranhão PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DEPARTAMENTO DE PÓS-GRADUAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO MBA EM AUDITORIA E PERÍCIA

Leia mais

Página 1 de 22 Relação das Prestações de Contas 2015 Exercício de 2014

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PLANEJAMENTO E GESTÃO TERRITORIAL (Aprovado pela Resolução CONSEPE Nº 732 em 23 de março de 2010) CHAMADA INTERNA PPPG Nº 10/2014 A PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, ARTE E CULTURA

CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, ARTE E CULTURA CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, ARTE E CULTURA EDITAL Nº 001/2015 TURMA 2015 A UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS Câmpus São Luís de Montes Belos

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PPG COODERNAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO - CPG EDITAL Nº19/2014 PPG/CPG/UEMA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PPG COODERNAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO - CPG EDITAL Nº19/2014 PPG/CPG/UEMA UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃO - UEMA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PPG COODERNAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO - CPG EDITAL Nº19/2014 PPG/CPG/UEMA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE GENÉTICA A Pró-Reitoria

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA PARA TÉCNICOS ADMINISTRATIVOS DA UFMA NA MODALIDADE A DISTÂNCIA (Aprovado pela Resolução Nº 1274 CONSEPE, de 04 de maio de 2015) CHAMADA DE SELEÇÃO INTERNA PPPG

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA (MODALIDADE A DISTÂNCIA)

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA (MODALIDADE A DISTÂNCIA) CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA (MODALIDADE A DISTÂNCIA) (Aprovado pela Resolução Nº. 1223 CONSEPE, de 10 de dezembro de 2014) EDITAL PPPG Nº. 20/2015 A PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO

Leia mais

Página 1 de 22 Relação das Prestações de Contas 2014 Exercício de 2013

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL CEDEI EDITAL PPPG Nº 29/2015

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL CEDEI EDITAL PPPG Nº 29/2015 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL CEDEI (Aprovado pela Resolução Nº 1235, de 22 de dezembro de 2014 CONSEPE) EDITAL PPPG Nº 29/2015 A PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DA

Leia mais

UVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E DIVERSIDADE

Leia mais

LISTA COMPLETA DE CIDADES ATENDIDAS PELA FEDEX

LISTA COMPLETA DE CIDADES ATENDIDAS PELA FEDEX LISTA COMPLETA DE CIDADES ATENDIDAS PELA FEDEX MUNICÍPIOS/ DISTRITOS UF Unidade FDX Marajá do Sena MA SLZ Água Doce do Maranhão MA SLZ Alcântara MA SLZ Altamira do Maranhão MA SLZ Alto Alegre do Maranhão

Leia mais

INSCRIÇÕES PARA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL NA MODALIDADE EAD TURMA 2015

INSCRIÇÕES PARA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL NA MODALIDADE EAD TURMA 2015 EDITAL n 200/2014-CIPEAD/PROGRAD/UFPR INSCRIÇÕES PARA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM EDUCAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE SOCIAL NA MODALIDADE EAD TURMA 2015 A Universidade Federal do Paraná (UFPR),

Leia mais

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL (Aprovado pela Resolução Nº 947, de 03 de outubro de 2012 CONSEPE) EDITAL PPPG Nº 22/2013

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO INFANTIL (Aprovado pela Resolução Nº 947, de 03 de outubro de 2012 CONSEPE) EDITAL PPPG Nº 22/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DOCÊNCIA NA EDUCAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UERGS EDITAL 013/2014

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UERGS EDITAL 013/2014 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UERGS EDITAL 013/2014 EDITAL PARA SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM SEGURANÇA ALIMENTAR E AGROECOLOGIA (Pós-Graduação lato sensu) A Pró-Reitoria

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA. EDITAL Nº 009/2014-PROPPG, de 22 de abril de 2014

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA. EDITAL Nº 009/2014-PROPPG, de 22 de abril de 2014 PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE CIÊNCIAS E MATEMÁTICA EDITAL Nº 009/2014-PROPPG, de 22 de abril de 2014 A, por meio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (PROPPG/IFG), torna público o processo

Leia mais

Pós-Graduação MBA em Gestão para Segurança de Alimentos a distância - Turma Especial: ABIA - São Paulo

Pós-Graduação MBA em Gestão para Segurança de Alimentos a distância - Turma Especial: ABIA - São Paulo Faculdade de Tecnologia SENAI Florianópolis SENAI EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A PÓS-GRADUAÇÃO Pós-Graduação MBA em Gestão para Segurança de Alimentos a distância - Turma Especial: ABIA - São Paulo

Leia mais

Pós-Graduação MBA em Gestão para Segurança de Alimentos a distância Turma 2010

Pós-Graduação MBA em Gestão para Segurança de Alimentos a distância Turma 2010 Faculdade de Tecnologia SENAI SC em Florianópolis EDITAL DE PROCESSO SELETIVO PARA A PÓS-GRADUAÇÃO Pós-Graduação MBA em Gestão para Segurança de Alimentos a distância Turma 2010 A Faculdade de Tecnologia

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE SINOP INSTITUTO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE EDITAL DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (ESPECIALIZAÇÃO) EM ASSISTÊNCIA INTERDISCIPLINAR EM SAÚDE

Leia mais

Comitê Gestor Institucional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais do Magistério da Educação Básica

Comitê Gestor Institucional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais do Magistério da Educação Básica Comitê Gestor Institucional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais do Magistério da Educação Básica CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE COORDENADOR PEDAGÓGICO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO GESTÃO

Leia mais

EDITAL Nº 70, DE 18 DE JULHO DE 2014

EDITAL Nº 70, DE 18 DE JULHO DE 2014 EDITAL Nº 70, DE 18 DE JULHO DE 2014 CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA SERVIDORES PÚBLICOS NA MODALIDADE A DISTÂNCIA O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, IFPI, torna público o presente

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM LOGÍSTICA PORTUÁRIA

Leia mais

2.1. Serão ofertadas 200 (duzentas) vagas, distribuídas conforme o Quadro 1.

2.1. Serão ofertadas 200 (duzentas) vagas, distribuídas conforme o Quadro 1. EDITAL Nº 002/2014, de 02 de Outubro de 2014. Dispõe sobre o ingresso no Curso de Especialização em Educação de Jovens e Adultos, com Ênfase em Economia Solidária no Semiárido Paraibano. A Universidade

Leia mais

Edital n 49/2011 PROEN

Edital n 49/2011 PROEN Edital n 49/2011 PROEN Seleção Simplificada para Tutor a Distância O Pró-Reitor de Ensino da Universidade Federal do Maranhão, em exercício e o Núcleo de Educação à Distância, no uso de suas atribuições,

Leia mais

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM MARANHÃO

ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM MARANHÃO ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM MARANHÃO, e de François E. J. de Bremaeker Rio de Janeiro, fevereiro de ESTIMATIVAS DAS COTAS DO FPM MARANHÃO, e de François E. J. de Bremaeker Economista e Geógrafo Gestor

Leia mais

EDITAL PROP N 003/2015

EDITAL PROP N 003/2015 EDITAL PROP N 003/2015 Edital de ofertas de cursos para o Programa de Pós-Graduação Lato Sensu da UESPI, conforme Resolução CONSUN nº 045/2003. A Universidade Estadual do Piauí - UESPI, através da Pró-Reitoria

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO 2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO PROCESSO SELETIVO 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CAMPUS CENTRO-SERRANO Rua Principal, S/Nº Fazenda Pagung Alto Jetibá Caramuru 29645-000 Santa Maria de Jetibá ES PROCESSO SELETIVO 2014 EDITAL

Leia mais

EDITAL N o 001/2015 1 - INFORMAÇÕES GERAIS

EDITAL N o 001/2015 1 - INFORMAÇÕES GERAIS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO UAE DE ENGENHARIA E ADMINISTRAÇÃO REGIONAL CATALÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO FINANCEIRA E CONTROLADORIA EDITAL

Leia mais

CRONOGRAMA DATA ATIVIDADE LOCAL. Período de inscrições e protocolo dos documentos

CRONOGRAMA DATA ATIVIDADE LOCAL. Período de inscrições e protocolo dos documentos PROGRAMA ANUAL DE CAPACITAÇÃO CONTINUADA DE PROFISSIONAIS EM EAD PACC CURSO DE TUTORIA EM EAD Processo Seletivo Simplificado para contratação de tutores a distância Edital n. 13/2014 CRONOGRAMA DATA ATIVIDADE

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO APLICADA MESTRADO ACADÊMICO

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO APLICADA MESTRADO ACADÊMICO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM COMPUTAÇÃO APLICADA MESTRADO ACADÊMICO Edital 01/2010 Edital de Inscrição, Seleção e Matrícula

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM FILOSOFIA (Caráter

Leia mais

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (EPECIALIZAÇÃO) EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS PARA A JUVENTUDE MODALIDADE A DISTÂNCIA

CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU (EPECIALIZAÇÃO) EM EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS PARA A JUVENTUDE MODALIDADE A DISTÂNCIA 1 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO CONTINUADA, ALFABETIZAÇÃO, DIVERSIDADE E INCLUSÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA Coordenação do Curso de Especialização

Leia mais

TURMA 2015 EDITAL Nº 1/2015

TURMA 2015 EDITAL Nº 1/2015 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO PrP COORDENADORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU CÂMPUS UNIVERSITÁRIO DE LUZIÂNIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM DOCÊNCIA

Leia mais

Edital IEMA Nº 01, de 21 de maio de 2015

Edital IEMA Nº 01, de 21 de maio de 2015 GOVERNO DO ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO - SECTI INSTITUTO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO - IEMA Edital IEMA Nº 01, de 21 de maio de

Leia mais

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão IFMA Diretoria de Educação a Distância Edital n 05/2011 DEAD / IFMA Seleção Simplificada de

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UERGS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UERGS UNIVERSIDADE ESTADUAL DO RIO GRANDE DO SUL UERGS EDITAL PROPPG 010/2015 EDITAL PARA SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM TEORIA E PRÁTICA DA FORMAÇÃO DO LEITOR (Pós-Graduação lato sensu)

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO TAKINAHAKỸ - FACULDADE DE LETRAS

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO TAKINAHAKỸ - FACULDADE DE LETRAS MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO NÚCLEO TAKINAHAKỸ - FACULDADE DE LETRAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO INTERCULTURAL E TRANSDISCIPLINAR:

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓLO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL ICHS/PUVR 001/2013

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓLO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL ICHS/PUVR 001/2013 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓLO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL ICHS/PUVR 001/2013 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTOR PRESENCIAL PARA O CURSO DE

Leia mais

2.1. O período da inscrição para o processo seletivo será 18 a 25 de Março de 2013. No horário de 09:00 as 15:00.

2.1. O período da inscrição para o processo seletivo será 18 a 25 de Março de 2013. No horário de 09:00 as 15:00. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 039, DE 15 DE MARÇO DE 2013. Dispõe sobre o processo

Leia mais

EDITAL Nº 71, DE 18 DE JULHO DE 2014

EDITAL Nº 71, DE 18 DE JULHO DE 2014 EDITAL Nº 71, DE 18 DE JULHO DE 2014 CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA SERVIDORES PÚBLICOS NA MODALIDADE A DISTÂNCIA O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí, IFPI, torna público o presente

Leia mais

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO (PPGE) MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO

PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO (PPGE) MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, EXTENSÃO E PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTO SENSU EM EDUCAÇÃO (PPGE) MESTRADO ACADÊMICO EM EDUCAÇÃO Recomendado pela CAPES e Reconhecido pelo CNE: Parecer n. 122/2009

Leia mais

CHAMADA PUBLICA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DA CASA DE OSWALDO CRUZ ESPECIALIZAÇÃO EM DIVULGAÇÃO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA SAÚDE TURMA 2012

CHAMADA PUBLICA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DA CASA DE OSWALDO CRUZ ESPECIALIZAÇÃO EM DIVULGAÇÃO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA SAÚDE TURMA 2012 CHAMADA PUBLICA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU DA CASA DE OSWALDO CRUZ ESPECIALIZAÇÃO EM DIVULGAÇÃO DA CIÊNCIA, DA TECNOLOGIA E DA SAÚDE TURMA 2012 O Curso de Especialização em Divulgação da Ciência,

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO 001/2015

EDITAL DE SELEÇÃO 001/2015 EDITAL DE SELEÇÃO 001/2015 SELEÇÃO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM DIREITO PÚBLICO A SER REALIZADO EM PARCEIRA COM A UNIVERSIDADE DO ESTADO DO AMAZONAS O PRESIDENTE DA ORDEM DOS ADVOGADOS NO BRASIL SEÇÃO

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL - MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO Av. João Naves de Ávila, 2121 = Campus Santa Mônica = Sala 1G156 = CEP:38.408-100 = Uberlândia/MG

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO OESTE UNICENTRO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO- MEC COORDENAÇÃO UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO OESTE UNICENTRO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO- MEC COORDENAÇÃO UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL - UAB A Coordenação da UAB/MEC-UNICENTRO, e a Coordenação do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu em GESTÃO EM ORGANIZAÇÕES DE SAÚDE, GESTÃO PÚBLICA E GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL, na modalidade a distância, TORNAM

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO INSTITUTO DE EDUCAÇÃO CURSO DE PÓS-GRADUCAÇÃO LATO SENSU (ESPECIALIZAÇÃO) EM PRÁTICAS PEDAGÓGICAS NA EDUCAÇÃO DO CAMPO MODALIDADE A DISTANCIA CHAMADA PÚBLICA Nº 03/2013/UFMT CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE CANDIDATOS AO CURSO

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira DÉCIMA SELEÇÃO PARA ADMISSÃO AO CURSO DE DIREITO JUDICIÁRIO E MAGISTRATURA DO TRABALHO (PÓS - GRADUAÇÃO

Leia mais

Número total de vagas 20

Número total de vagas 20 INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ IFPI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PROPI EDITAL 12/2015 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí

Leia mais

EDITAL Nº 002/2011 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE MATEMÁTICA

EDITAL Nº 002/2011 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE MATEMÁTICA EDITAL Nº 002/2011 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM ENSINO DE MATEMÁTICA INSCRIÇÃO, SELEÇÃO E MATRÍCULA 1. INFORMAÇÕES GERAIS A direção da Faculdade de Ciências, Educação e Tecnologia de Garanhuns da Universidade

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira

ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira ESCOLA SUPERIOR DA MAGISTRATURA TRABALHALISTA DA 6ª REGIÃO Diretor: Desembargador Sergio Torres Teixeira DÉCIMA SELEÇÃO PARA ADMISSÃO AO CURSO DE DIREITO JUDICIÁRIO E MAGISTRATURA DO TRABALHO (PÓS - GRADUAÇÃO

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE EDUCAÇÃO A DISTANCIA

INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE EDUCAÇÃO A DISTANCIA INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ DIRETORIA DE EDUCAÇÃO A DISTANCIA EDITAL 072/2014 PROCESSO SELETIVO PARA PROFESSORES AVALIADORES DE TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA - LATO

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PSICOPEDAGOGIA INSTITUCIONAL 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CDHDHC/CAC/CONECT[e]/PROPESQ/SECADI/MEC

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CDHDHC/CAC/CONECT[e]/PROPESQ/SECADI/MEC UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO UFPE CDHDHC/CAC/CONECT[e]/PROPESQ/SECADI/MEC PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA DE CURSISTAS PARA O I CURSO DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU - ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO EM

Leia mais

TURMA 2015 EDITAL N. 01/2015

TURMA 2015 EDITAL N. 01/2015 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA LATO SENSU UNIDADE UNIVERSITÁRIA DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM POLÍTICAS

Leia mais

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC

ESTADO DO MARANHÃO SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO - SEDUC PROCESSO SELETIVO MERITÓRIO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA DE PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL REGULAR E DO ENSINO MÉDIO REGULAR EDITAL Nº 003/2009 SEDUC O GOVERNO DO, por intermédio da Secretaria de Estado

Leia mais

EDITAL Nº 01/2010 SELEÇÃO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO SOCIAL - TURMA 2010

EDITAL Nº 01/2010 SELEÇÃO PARA O CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO SOCIAL - TURMA 2010 UNIVERSIDADE FEDERAL DO CEARÁ Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação Coordenação de Pesquisa e Pós-Graduação do Campus da UFC no Cariri Curso de Administração EDITAL Nº 01/2010 SELEÇÃO PARA O CURSO DE

Leia mais

4ª CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS. POLOS Nº ALUNOS VAGAS Barra do Bugres 33 02 TOTAIS 33 02

4ª CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE TUTORES PRESENCIAIS. POLOS Nº ALUNOS VAGAS Barra do Bugres 33 02 TOTAIS 33 02 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL INSTITUTO DE LINGUAGENS CURSO DE GRADUAÇÃO EM LETRAS: PORTUGUÊS/INGLÊS MODALIDADE A DISTÂNCIA 4ª CHAMADA PÚBLICA PARA SELEÇÃO DE TUTORES

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ENSINO A DISTÂNCIA SEAD. Edital nº 013/2015-R

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ENSINO A DISTÂNCIA SEAD. Edital nº 013/2015-R UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO SECRETARIA DE ENSINO A DISTÂNCIA SEAD Edital nº 013/2015-R EDITAL DE SELEÇÃO DE ESTUDANTES PARA PROVIMENTO DAS VAGAS EXISTENTES E PARA FORMAÇÃO DE CADASTRO DE RESERVA

Leia mais

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO BIOMÉDICO INSTITUTO DE MEDICINA SOCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE EDITAL

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO BIOMÉDICO INSTITUTO DE MEDICINA SOCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE EDITAL UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - UERJ CENTRO BIOMÉDICO INSTITUTO DE MEDICINA SOCIAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE EDITAL CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GÊNERO E SEXUALIDADE TURMA

Leia mais

EDITAL TURMA 2014 PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU

EDITAL TURMA 2014 PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO- UERJ CENTRO DE EDUCAÇÃO E HUMANIDADES FACULDADE DE EDUCAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL NA PERSPECTIVA DA EDUCAÇÃO INCLUSIVA: processo ensinoaprendizagem

Leia mais

CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO DA QUALIDADE E SEGURANÇA DE ALIMENTOS

CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO DA QUALIDADE E SEGURANÇA DE ALIMENTOS Unu Universitária São Luís de Montes Belos 1 CHAMADA PÚBLICA PARA O PROCESSO SELETIVO DO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM GESTÃO DA QUALIDADE E SEGURANÇA DE ALIMENTOS A Universidade Estadual de Goiás-UEG,

Leia mais

EM POLÍTICAS PÚBLICAS E DINÂMICAS TERRITORIAIS RESOLUÇÃO

EM POLÍTICAS PÚBLICAS E DINÂMICAS TERRITORIAIS RESOLUÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE GOIÁS UEG PRÓ-REITORIA DE PESQUISA LATO SENSU CÂMPUS DE CIÊNCIAS SÓCIO-ECONÔMICAS E HUMANAS CURSO DE CIÊNCIAS ECONÔMICAS CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO LATO SENSU EM POLÍTICAS PÚBLICAS

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão.

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO Fundação Instituída nos termos da Lei nº 5.152, de 21/10/1966 São Luís - Maranhão. Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO E MARKETING

Leia mais

Número total de vagas 40

Número total de vagas 40 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ IFPI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PROPI EDITAL 07/ 28/10/2015 O Instituto Federal de Educação,

Leia mais

CAMPUS OEIRAS. Especialização em Saúde do Escolar 50 Especialização em Práticas Educacionais Inclusivas na Educação Especial Número total de vagas 100

CAMPUS OEIRAS. Especialização em Saúde do Escolar 50 Especialização em Práticas Educacionais Inclusivas na Educação Especial Número total de vagas 100 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E INOVAÇÃO PROPI EDITAL PROPI 042/2014 O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO MBA EM COMUNICAÇÃO CORPORATIVA INTEGRADA 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as

Leia mais

EDITAL N o 040/2012. No ato da inscrição o candidato deverá entregar os seguintes documentos:

EDITAL N o 040/2012. No ato da inscrição o candidato deverá entregar os seguintes documentos: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PRÓ-REITORIA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO, CIÊNCIAS CONTÁBEIS E ECONOMIA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO DE COOPERATIVAS

Leia mais

EDITAL Nº 05/2014 EDITAL DE SELEÇÃO DE CURSISTAS PARA O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA MODALIDADE A SEMIPRESENCIAL IFES/SECADI

EDITAL Nº 05/2014 EDITAL DE SELEÇÃO DE CURSISTAS PARA O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA MODALIDADE A SEMIPRESENCIAL IFES/SECADI EDITAL Nº 05/2014 EDITAL DE SELEÇÃO DE CURSISTAS PARA O CURSO DE APERFEIÇOAMENTO EM EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA MODALIDADE A SEMIPRESENCIAL IFES/SECADI O Reitor do Instituto Federal do Espírito Santo (IFES),

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA NUTEAD Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE PONTA GROSSA NUTEAD Núcleo de Tecnologia e Educação Aberta e a Distância EDITAL N 094/13 - UEPG/NUTEAD/UAB PROCESSO SELETIVO DE BOLSISTAS UAB/FNDE ESPECIALIZAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL TUTOR PRESENCIAL A Universidade Estadual de Ponta Grossa, através do Núcleo de Tecnologia

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ IFPI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PROPI

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ IFPI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PROPI INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PIAUÍ IFPI PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO PROPI Edital Nº 04, de 29 de setembro de 2015 O Instituto Federal de Educação, Ciência

Leia mais

EDITAL PPPG Nº 42/2015

EDITAL PPPG Nº 42/2015 CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM CIDADANIA, DIREITOS HUMANOS E GESTÃO DA SEGURANÇA PÚBLICA (LATO SENSU) (Aprovado pela Resolução Nº 994 CONSEPE, de 11 de março de 2013) EDITAL PPPG Nº 42/2015 A PRÓ-REITORIA

Leia mais

Secretaria de Tecnologia da Informação e da Comunicação Aplicadas à Educação

Secretaria de Tecnologia da Informação e da Comunicação Aplicadas à Educação Secretaria de Tecnologia da Informação e da Comunicação Aplicadas à Educação Processo Seletivo nº 001/2012, de 13 de março de 2012. 1. Das Disposições Preliminares A presente seleção de candidatos a Professores

Leia mais

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO

ESTADO DE MATO GROSSO SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO CONSELHO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO STRICTU SENSU EM GENÉTICA E MELHORAMENTO DE LANTAS Aprova o edital 001/2014 PGMP do processo seletivo para o ingresso no Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em

Leia mais

SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE TUTORES CHAMADA PÚBLICA N 001/2015.

SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE TUTORES CHAMADA PÚBLICA N 001/2015. SUPERINTENDÊNCIA DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO EM GESTÃO PÚBLICA MUNICIPAL EDITAL DE SELEÇÃO DE TUTORES CHAMADA PÚBLICA N 001/2015. 1. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS Estabelece as normas do processo

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓLO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL ICHS/PUVR 001/2014

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓLO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL ICHS/PUVR 001/2014 UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PÓLO UNIVERSITÁRIO DE VOLTA REDONDA INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANAS E SOCIAIS EDITAL ICHS/PUVR 001/2014 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA TUTOR PRESENCIAL PARA OS CURSOS

Leia mais

EDITAL UEMS/PROE/AEAD-UAB Nº 03/2014 Seleção de Tutores a Distância Bacharelado em Administração Pública, Modalidade a Distância

EDITAL UEMS/PROE/AEAD-UAB Nº 03/2014 Seleção de Tutores a Distância Bacharelado em Administração Pública, Modalidade a Distância EDITAL UEMS/PROE/AEAD-UAB Nº 03/2014 Seleção de Tutores a Distância Bacharelado em Administração Pública, Modalidade a Distância A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MATO GROSSO DO SUL UEMS, por meio da

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA WEB E GOVERNO ELETRÔNICO CONFORME ANEXO IV DA RESOLUÇÃO CONSEPE N o.

EDITAL DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA WEB E GOVERNO ELETRÔNICO CONFORME ANEXO IV DA RESOLUÇÃO CONSEPE N o. EDITAL DE SELEÇÃO PARA O CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENGENHARIA WEB E GOVERNO ELETRÔNICO CONFORME ANEXO IV DA RESOLUÇÃO CONSEPE N o. 55/2014 1. Da organização geral: a) Unidade Proponente: Instituto

Leia mais

Concurso Público para Ingresso aos cursos do Programa de Pós- Graduação Lato Sensu em Administração na modalidade MBA Turmas 2012-2013

Concurso Público para Ingresso aos cursos do Programa de Pós- Graduação Lato Sensu em Administração na modalidade MBA Turmas 2012-2013 Concurso Público para Ingresso aos cursos do Programa de Pós- Graduação Lato Sensu em Administração na modalidade MBA Turmas 2012-2013 Res. 001/2001 CNE/CES Res. 047/2006 CONSU/UFSJ EDITAL N.º 001/2012

Leia mais

1.3 DAS VAGAS A seleção objetiva o preenchimento de 40 (quarenta) vagas do Curso, destinadas aos interessados que atendam aos requisitos do Edital.

1.3 DAS VAGAS A seleção objetiva o preenchimento de 40 (quarenta) vagas do Curso, destinadas aos interessados que atendam aos requisitos do Edital. EDITAL UNEB N O Reitor da Universidade do Estado da Bahia - UNEB, no uso de suas atribuições, torna público que se encontram abertas as inscrições para a seleção de candidatos ao CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO

Leia mais

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA

UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA 1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DA PARAÍBA EDITAL PARA SELEÇÃO DE ALUNOS DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL CONVÊNIO UEPB/UAB/SEED/PNAP A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), instituição

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM.BIOLOGIA MOLECULAR E GENÉTICA EDITAL Nº 0013/2014. A e a Coordenação do Curso de Especialização em Biologia Molecular e Genética, na modalidade a distância, tendo em vista a

Leia mais

2. DO OBJETIVO Abrir inscrição de candidatos à seleção para o Curso de Especialização em Ensino de História para entrada em 2009.

2. DO OBJETIVO Abrir inscrição de candidatos à seleção para o Curso de Especialização em Ensino de História para entrada em 2009. FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS PRÓ -REITORIA DE PESQUISA E POS GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS GRADUAÇÃO LATO SENSU EM ENSINO DE HISTÓRIA EDITAL DE PROCESSO DE SELEÇÃO A Fundação Universidade Federal

Leia mais

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS 1º Semestre de 2016

EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS 1º Semestre de 2016 EDITAL DO CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO RELAÇÕES INTERNACIONAIS 1º Semestre de 2016 As FACULDADES INTEGRADAS RIO BRANCO, na forma regimental torna público o presente Edital, estabelecendo as normas para inscrição

Leia mais