Defenda. a sua Saúde ALIMENTAÇÃO E DIABETES TIPO 2 ORIENTAÇÕES GERAIS

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Defenda. a sua Saúde ALIMENTAÇÃO E DIABETES TIPO 2 ORIENTAÇÕES GERAIS"

Transcrição

1 Defenda a sua Saúde ALIMENTAÇÃO E DIABETES TIPO 2 ORIENTAÇÕES GERAIS Associação Protectora dos Diabéticos de Portugal Rua do Salitre, Lisboa Tel: Fax: ~ FUNDAÇAO ERNESTO ROMA

2 A alimentação faz parte do tratamento de todas as pessoas com diabetes, e tem os seguintes objectivos: 1. Atingir níveis de glucose no sangue (glicemias) próximos dos valores normais. 2. Reduzir o excesso de peso ou manter um peso saudável. 3. Controlar níveis de colesterol, triglicéridos e tensão arterial. 4. Atrasar ou reduzir o risco de complicações da diabetes. Para as pessoas com diabetes aconselha-se uma alimentação saudável: equilibrada, variada, fraccionada e em quantidades adequadas para se atingir ou manter um peso saudável. Se tem excesso de peso: a perda de peso moderada, contribui para melhorar as glicemias, os triglicéridos e a tensão arterial. Faça uma ALIMENTAÇÃO FRACCIONADA Recomendam-se cerca de 6 refeições por dia, em pequenas quantidades de cada vez: Pequeno-almoço, meio da manhã, almoço, lanche, jantar e ceia, com intervalos de 2,5 a 3 horas durante o dia e de 8 a 9 horas durante a noite; Permite perder peso e controlar melhor os níveis de glucose no sangue. Faça as refeições às horas habituais. Saltar refeições vai contribuir para descontrolar os níveis de glucose no sangue. 2

3 1. Inclua HIDRATOS DE CARBONO em todas as refeições, em quantidades moderadas. Durante a digestão, os hidratos de carbono originam glucose (açúcar do sangue) que será utilizada pelas células como fonte de energia. A quantidade de hidratos de carbono por dia e a cada refeição, varia de pessoa para pessoa, dependendo do sexo, idade, peso, altura e nível de actividade física. Os alimentos com hidratos de carbono, são: Amidos: massa, leguminosas (feijão, grão, lentilhas, ervilhas, favas), arroz, batata, pão, bolachas, tostas, farinha; Fruta; Leite e iogurte. 3

4 Tanto a quantidade como o tipo de hidratos de carbono são fundamentais para o controlo das glicemias. Em relação à quantidade: Distribua os hidratos de carbono pelas 6 refeições, em quantidades moderadas. Evita as hiperglicemias (resultantes de grandes refeições) e as hipoglicemias (resultantes da falha de ingestão de hidratos de carbono). Mantenha de dia para dia as quantidades previstas para cada refeição. Evite num dia comer de menos e noutro dia comer demais. Consulte a tabela de equivalências para fazer refeições variadas, com a mesma quantidade de hidratos de carbono. (ver final do folheto) Em relação ao tipo: São preferíveis os amidos, que no geral se transformam mais lentamente em glucose, e devem estar presentes em todas as refeições. Existem nos seguintes alimentos: massa, leguminosas (feijão, grão, lentilhas, ervilhas, favas), batata, arroz, flocos de aveia e pão (de preferência de mistura, de centeio ou integral). Privilegie os amidos mais lentos, consumindo regularmente massa e leguminosas e optando mais pelo pão de mistura, centeio ou integral do que pelo pão branco ou bolachas. 4

5 Outros Hidratos de Carbono O leite, iogurte e fruta Para o adulto são geralmente suficientes 5 a 6 dl de leite (que podem ser substituídos por iogurte) e 2 a 3 porções de fruta (não em calda, nem sumo), de preferência entre as refeições principais e acompanhados de uma pequena porção de amido (ex: fruta e pão). leite e pão pão e fruta Desaconselham-se alimentos ricos em açúcares como a sacarose, glucose ou xarope de glucose. São geralmente muito calóricos e provocam um aumento acentuado da glicemia: açúcar, mel, compotas, marmelada, bolos, refrigerantes, pudins, etc. frutas em calda, cristalizadas e frutos secos (passas, corintos, ameixas, etc). Contudo, em caso de hipoglicemia (glicemia <70 mg/dl) é obrigatório o consumo de açúcar ou água com açúcar. Adoçantes ou Edulcorantes (com moderação) Para adoçar bebidas ou alimentos, pode substituir o açúcar por adoçante, como o Aspartame, Acessulfame de potássio, Sacarina, Ciclamato ou Sucralose. Adoçam mais do que o açúcar, por isso utilize em pequenas quantidades. Evite o Aspartame na confecção de sobremesas sujeitas a temperaturas elevadas. A pessoas com Fenilcetonúria, é desaconselhado o Aspartame. A mulheres grávidas e a amamentar desaconselham-se a Sacarina e o Ciclamato. 5

6 2. Reduza a ingestão de GORDURA A ingestão excessiva de gordura favorece o aumento de peso, dificulta o controlo da diabetes e aumenta o risco de doença cardiovascular. Assim, reduza o consumo de gordura, principalmente de gordura saturada e hidrogenada, que contribuem para aumentar os níveis de colesterol: carnes gordas, enchidos, queijo gordo, natas, manteiga, chocolate, bolos, salgados, folhados e fast-food. Opte por alimentos menos gordos, como: carne magra, queijo magro, natas de soja, manteiga com baixo teor de gordura ou creme vegetal sem hidrogenados. Retire a pele das aves e gordura visível da carne. Prefira as gorduras que contribuem para prevenir as doenças cardiovasculares, com moderação: a monoinsaturada como a do azeite, óleo de amendoim, nozes ou amêndoas e a polinsaturada como a do peixe, soja, óleos vegetais, nozes ou amêndoas. 6

7 3. Aumente a ingestão de FIBRAS ALIMENTARES A fibra ajuda a controlar os níveis da glicemia após as refeições, (porque lentificam a absorção da glicose resultante da digestão dos hidratos de carbono), e a melhorar os níveis de colesterol. Sugestões: Inicie as refeições principais com sopa de vegetais e inclua saladas ou legumes/hortaliça no prato. Coma 2 ou 3 peças de fruta todos os dias (se possível com casca). Inclua regularmente um pouco de leguminosas nas suas ementas. Prefira pão de mistura, integral ou de centeio, em vez de pão branco. Se gostar de frutos como noz e amêndoa, consuma-os (não salgados) com moderação: 1 medida de chávena de café por dia. Os alimentos vegetais são ainda muito ricos em Sais Minerais, Vitaminas e Anti-oxidantes, com funções protectoras e reguladoras das células e do metabolismo. 7

8 4. Beba ÁGUA Beba pelo menos 1,5L de água por dia (cerca de 7 a 8 copos de água), ou o suficiente para manter a urina clara e sem cheiro. Uma parte pode ser substituída por chá (tília, camomila, cidreira,...), sem adicionar açúcar. 5. Prefira uma CULINÁRIA saudável e reduza o consumo de SAL Prefira os cozidos, grelhados (sem queimar), estufados ou assados sem molhos gordos e prefira o azeite para cozinhar ou temperar, com moderação. Reduza os fritos e guisados. A ingestão de sal é geralmente excessiva. É fundamental reduzi-lo para evitar a hipertensão arterial e reduzir o risco de complicações. Sugestões: Evite alimentos salgados (ex: conservas, enchidos, queijo curado, batata frita e aperitivos salgados) e reduza o sal do tempero. Prefira o uso de ervas aromáticas (aipo, alecrim, alho, coentros, hortelã, louro, ), sumo de limão e especiarias (canela, colorau, noz moscada, ). Não leve saleiro para a mesa. 8

9 6. Leia os RÓTULOS dos alimentos Lista de ingredientes e tabela de informação nutricional. Evite alimentos em que os açúcares aparecem nos primeiros lugares da lista de ingredientes. São açúcares: açúcar, glicose, dextrose, maltose, frutose, mel, xarope de glicose ou frutose, açúcar invertido. Alguns alimentos sem adição de açúcar ou light, podem conter hidratos de carbono. 7. ALIMENTOS Aptos para Diabéticos Não são necessários, nem é aconselhável uma alimentação baseada nestes produtos. Podem conter ingredientes que interferem no aumento das glicemias e no aumento do peso. 8. Bebidas alcoólicas Não são permitidas a crianças, jovens, mulheres grávidas ou a amamentar; Estão contra-indicadas em caso de cirrose, hepatite, fígado gordo, pancreatite, triglicéridos elevados, alcoolismo, entre outros; Se não houver contra-indicação médica, os adultos poderão beber vinho ou cerveja, junto à refeição e em quantidade moderada: no máximo 3 dl de vinho por dia ou 2 cervejas por dia (metade no caso da mulher). 9

10 Dicas para não comer mais do que precisa faça uma lista de compras (evita trazer mais do que precisa); não vá às compras com fome; coma devagar; não coma enquanto vê televisão; não salte refeições, respeite as refeições planeadas; nos restaurantes, pode dividir a dose com um amigo ou familiar; o consumo de alimentos ricos em gordura e calorias deverá ser ocasional. reserve o doce para um dia especial, mas reduzindo os outros HC (arroz, massa, etc) dessa refeição. Para um plano de alimentação personalizado aconselhe-se com um dietista ou nutricionista. Complemente uma boa alimentação com uma caminhada diária de pelo menos 20 a 30 minutos, e vigie regularmente o seu peso (1 ou 2 vezes por mês). O que lhe é recomendado também o é para todas as outras pessoas. 10

11 TABELA DE EQUIVALÊNCIAS DE HIDRATOS DE CARBONO (HC) Cada medida corresponde a 1 equivalente ou 1 porção de HC Amidos Fruta 2 colheres de sopa de arroz ou massa (já cozinhados); 3 colheres de sopa de grão ou feijão (já cozinhados); 6 colheres de sopa de ervilhas ou favas (já cozinhadas); 1 batata do tamanho de 1 ovo (70g). Meia carcaça (25g); Meia fatia de pão de mistura (25g) ou integral (30g); 2 bolachas de água e sal tipo Cream Cracker; 2 tostas integrais; 3 bolachas integrais; 3 bolachas tipo Maria; 2 colheres de sopa de flocos de aveia; 3 colheres de sopa de cereais ricos em fibras; 3 castanhas. 1 laranja média; 1 maçã ou 1 pêra (150g) ou 1 pêssego (200 g); 1 banana pequena ou meia banana grande (100g); 2 ameixas frescas ou 2 tangerinas pequenas (170g); 1 talhada de melão ou de melancia (400g); Meia meloa (450g); 6 nêsperas (190g); 10 a 14 morangos (230g); 10 pares de cerejas (110g); 8 a 10 bagos de uva (80g). Nota: pesos referentes a peso bruto (antes de descascadas ou preparadas para o consumo). Lacticínios 1 copo de leite meio gordo ou magro (2dl); 1 iogurte magro sem açúcar. A tabela apresenta medidas de alimentos que têm a mesma quantidade de Hidratos de Carbono (1 equivalente ou 1 porção corresponde a +/- 12 g de HC). Utilize-a para fazer refeições variadas com a mesma quantidade de hidratos de carbono. Exemplos de pratos com 2 equivalentes: 4 colheres de sopa de arroz cozido; 1 batata + 3 colheres de sopa de grão cozido; 2 colheres de arroz cozido + 25 g pão. 11

12 Apoio:

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011 ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL ISABEL MARQUES DIETISTA DO SERVIÇO DE ALIMENTAÇÃO E DIETÉTICA DO CHTV, E.P.E. 30 DE NOVEMBRO DE 2011 ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL Uma alimentação equilibrada proporciona uma quantidade correcta

Leia mais

A RODA DOS ALIMENTOS... um guia para a escolha alimentar diária! 1-3 3-5 2-3 1,5-4,5 1-2 3-5 4-11 COMA BEM, VIVA MELHOR! O QUE É UMA PORÇÃO?* POR DIA quantas são necessárias? ** Cereais e derivados, tubérculos

Leia mais

GORDURAS E COLESTEROL NOS ALIMENTOS:

GORDURAS E COLESTEROL NOS ALIMENTOS: 1 GORDURAS E COLESTEROL NOS ALIMENTOS: 1) MODIFICAÇÃO NA INGESTÃO DE GORDURA: O consumo de menos gordura é um aspecto importante da orientação nutricional para comer de maneira mais saudável, para a protecção

Leia mais

No Verão não dispense a hidratação! Sabia que a falta de concentração pode dever-se a falta de água no organismo?

No Verão não dispense a hidratação! Sabia que a falta de concentração pode dever-se a falta de água no organismo? No Verão não dispense a hidratação! Sabia que a falta de concentração pode dever-se a falta de água no organismo? Seja Inverno ou Verão, abrace esta refeição! Sabia que o Pequeno-almoço ajuda a controlar

Leia mais

A alimentação do diabético. Do que se diz...ao que se sabe. Nídia Braz Dezembro 2014

A alimentação do diabético. Do que se diz...ao que se sabe. Nídia Braz Dezembro 2014 + A alimentação do diabético. Do que se diz...ao que se sabe Nídia Braz Dezembro 2014 + Objetivos da intervenção nutricional 2 na diabetes tipo 1 tipo 2 Articular a ingestão de alimentos c o m a administração

Leia mais

Diabetes e doença cardiovascular

Diabetes e doença cardiovascular Diabetes e doença cardiovascular A diabetes implica um risco aumentado de doença cardiovascular? Sim! As pessoas com diabetes têm um risco aumentado de doenças cardiovasculares, tais como a doença coronária

Leia mais

Trabalho elaborado por: 5/29/2007 USF Valongo. Enf. Anabela Queirós

Trabalho elaborado por: 5/29/2007 USF Valongo. Enf. Anabela Queirós Trabalho elaborado por: Enf. Anabela Queirós O que é a diabetes? Uma doença que dura toda vida Provocada pela ausência ou perda de eficácia da insulina; Provoca a subida de açúcar no sangue A diabetes

Leia mais

COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL?

COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL? O Ministério da Saúde está lançando a versão de bolso do Guia Alimentar para a População Brasileira, em formato de Dez Passos para uma Alimentação Saudável, com o objetivo

Leia mais

Alimentação saudável. Nídia Braz Outubro, 2012

Alimentação saudável. Nídia Braz Outubro, 2012 Alimentação saudável Nídia Braz Outubro, 2012 A alimentação tradicional portuguesa é variada, usa matérias primas diversas, preparadas de modos muito variado, quer pela indústria quer em casa. 2 Nídia

Leia mais

A PIRÂMIDE QUE SEGUE ABAIXO É A BRASILEIRA, ADAPTADA POR SÔNIA TUCUNDUVA PHILIPPI AOS NOSSOS HÁBITOS ALIMENTARES.

A PIRÂMIDE QUE SEGUE ABAIXO É A BRASILEIRA, ADAPTADA POR SÔNIA TUCUNDUVA PHILIPPI AOS NOSSOS HÁBITOS ALIMENTARES. PARA SABERMOS COMO A ALIMENTAÇÃO DEVE SER EQUILIBRADA, PRECISAMOS CONHECER A PIRÂMIDE ALIMENTAR, QUE É A REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DOS ALIMENTOS E SUAS QUANTIDADES QUE DEVEM ESTAR PRESENTES EM NOSSA DIETA

Leia mais

Alimentação Saudável

Alimentação Saudável Alimentação Saudável O que é a alimentação saudável? A Alimentação Saudável é uma forma racional de comer que assegura variedade, equilíbrio e quantidade justa de alimentos escolhidos pela sua qualidade

Leia mais

A roda dos alimentos. A antiga roda dos alimentos

A roda dos alimentos. A antiga roda dos alimentos Ano: 2010/2011 Disciplina: Educação Física Professora: Rita Marques Trabalho realizado por: Andreia Cipriano Catarina Silva Jéssica Pereira Mónica Algares Patrícia Martinho A roda dos alimentos Para se

Leia mais

Anexo A. Descrição e especificação dos tipos de dietas de refeições confeccionadas

Anexo A. Descrição e especificação dos tipos de dietas de refeições confeccionadas Anexo A Descrição e especificação dos tipos de dietas de refeições confeccionadas I) As dietas abaixo referidas deverão cumprir com as especificações do anexo B (Capitações máximas dos alimentos de refeições

Leia mais

ANEXO A.1 Formulário Dietético

ANEXO A.1 Formulário Dietético ANEXO A.1 Formulário Dietético I) As dietas abaixo referidas deverão cumprir com as especificações do anexo A.2 (Capitações dos alimentos de refeições confecionadas e preparações culinárias) e do anexo

Leia mais

II OFICINA NACIONAL DE FORMAÇÃO DE TUTORES EM EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA O AUTOCUIDADO EM DIABETES

II OFICINA NACIONAL DE FORMAÇÃO DE TUTORES EM EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA O AUTOCUIDADO EM DIABETES II OFICINA NACIONAL DE FORMAÇÃO DE TUTORES EM EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA O AUTOCUIDADO EM DIABETES Orientações básicas de nutrição para o autocuidado em DM Maria Palmira C. Romero Nutricionista Marisa Sacramento

Leia mais

Unidade de Saúde do Afonsoeiro DIVERSIFICAÇÃO ALIMENTAR

Unidade de Saúde do Afonsoeiro DIVERSIFICAÇÃO ALIMENTAR Unidade de Saúde do Afonsoeiro DIVERSIFICAÇÃO ALIMENTAR GRUPO A Batata Cenoura Abóbora Dente de alho Nabo Cebola 4 5 meses SOPA DE LEGUMES GRUPO B Alho Francês Alface Brócolos Nabiça Agrião Espinafres

Leia mais

FICHA TÉCNICA. ISBN: 978-989-96506-7-1 Novembro de 2010 APN

FICHA TÉCNICA. ISBN: 978-989-96506-7-1 Novembro de 2010 APN FICHA TÉCNICA Título: A criança e a Diabetes: Aqui aprendes a comer! Direcção Editorial: Alexandra Bento Concepção: Delphine Dias Corpo Redactorial: Delphine Dias, Ana Martins Produção Gráfica: Delphine

Leia mais

ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA DIABETES. Elaboração de conteúdo: Equipe de Nutrição

ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA DIABETES. Elaboração de conteúdo: Equipe de Nutrição ORIENTAÇÃO NUTRICIONAL PARA DIABETES Elaboração de conteúdo: Equipe de Nutrição PRINCÍPIOS GERAIS PARA MANUTENÇÃO DA GLICEMIA (GLICOSE NO SANGUE) ADEQUADA: Perder peso, se estiver acima do adequado. Fazer

Leia mais

Registo Alimentar de 3 dias. Nota: Leia com atenção, e tente cumprir, os parâmetros de utilização.

Registo Alimentar de 3 dias. Nota: Leia com atenção, e tente cumprir, os parâmetros de utilização. Registo Alimentar de 3 dias Nota: Leia com atenção, e tente cumprir, os parâmetros de utilização. Parâmetros de Utilização: É necessário anotar tudo o que foi ingerido durante 3 dias representativos do

Leia mais

A questão do Coração. Saiba mais formas de ter um coração saudável. coração

A questão do Coração. Saiba mais formas de ter um coração saudável. coração A questão do Coração Saiba mais formas de ter um coração saudável coração 1 Conteúdo 03 04 12 Uma dieta equilibrada é essencial para dar ao seu corpo o que precisa para ser saudável. Então, para ajudá-lo

Leia mais

ALIMENTAÇÃO E PESO SAUDÁVEL

ALIMENTAÇÃO E PESO SAUDÁVEL Formação sobre Promoção de Estilos de Vida Saudáveis em Contexto Escolar, Familiar e Envolvente Julho de 2009 ALIMENTAÇÃO E PESO SAUDÁVEL TERESA SOFIA SANCHO Gabinete de Nutrição Departamento de Saúde

Leia mais

Vegetarianos que não são ativos

Vegetarianos que não são ativos Vegetarianos que não são ativos Abaixo irá encontrar planos de dieta para ter sucesso. Cada um desses planos foi especificamente formatado com um número preciso de calorias, proteínas e hidratos de carbono

Leia mais

Alimentação. no primeiro ano de vida

Alimentação. no primeiro ano de vida Alimentação Trv. Noronha, nº5 A Lisboa Telef: 21 394 73 10 Fax: 21 394 73 18 Email: usf.arco@arslvt.minsaude.pt no primeiro ano de vida A diversificação alimentar deve ser iniciada entre os 4-6 meses de

Leia mais

Título: Direcção Editorial: Concepção: Corpo Redactorial: Revisão Técnica:

Título: Direcção Editorial: Concepção: Corpo Redactorial: Revisão Técnica: e-book FICHA TÉCNICA Título: Direcção Editorial: Concepção: Corpo Redactorial: Revisão Técnica: Produção Gráfica: Imagens cedidas por: Propriedade: Redacção: Mitos sobre a Diabetes Alexandra Bento Helena

Leia mais

treinofutebol.net treinofutebol.net

treinofutebol.net treinofutebol.net Alimentação do Desportista A alimentação pode influenciar positiva ou negativamente o rendimento dum atleta, devendo consequentemente ser orientada no sentido de não só melhorar a sua capacidade desportiva,

Leia mais

ANÁLISE DOS INQUÉRITOS SOBRE OS HÁBITOS ALIMENTARES

ANÁLISE DOS INQUÉRITOS SOBRE OS HÁBITOS ALIMENTARES ANÁLISE DOS INQUÉRITOS SOBRE OS HÁBITOS ALIMENTARES Os inquéritos foram realizados junto de alunos do 6º ano da Escola EB 2,3 de Matosinhos, durante o mês de Novembro de 24. Responderam ao inquérito 63

Leia mais

www.500receitasparaemagrecer.com.br SUPER 9 DIETAS 500 Receitas para Emagrecer Dicas Dietas sobre Metabolismo

www.500receitasparaemagrecer.com.br SUPER 9 DIETAS 500 Receitas para Emagrecer Dicas Dietas sobre Metabolismo SUPER 9 DIETAS Esta dieta é baseada principalmente na ingestão de alimentos que aumentam a densidade nutricional e diminuir a densidade calórica. É uma das dietas mais equilibradas, uma vez que não se

Leia mais

Como podemos escolher os alimentos para crescer de forma saudável?

Como podemos escolher os alimentos para crescer de forma saudável? 1. Introdução A vida começa com a alimentação, e esta desempenha uma influência determinante no desenvolvimento emocional, mental, físico e social de cada um. A alimentação consiste em obter do ambiente

Leia mais

Dieta. Lanche da manhã. Almoço. Café da manha:

Dieta. Lanche da manhã. Almoço. Café da manha: Café da manha: Dieta opção 1 1 xíc. (chá) de café com leite desnatado 1 pão francês sem miolo na chapa com 1 col. (sopa) rasa de margarina ou 1 fatia de queijo fresco ½ xíc. (chá) de cereal 1 xíc. (chá)

Leia mais

Vida bem estar. Menu Semanal e Lista de Compras. Para uma alimentação saudável!

Vida bem estar. Menu Semanal e Lista de Compras. Para uma alimentação saudável! Vida bem estar Menu Semanal e Lista de Compras Para uma alimentação saudável! Vida bem estar Lista de Compras Lista de Compras Frutas Abacate Banana Maçã Tomate Frutas secas Damasco Banana Abacaxi Ameixa

Leia mais

GUIA DE BOLSO. Está na hora de incluir a fruta e os hortícolas na alimentação! SAIBA PORQUÊ

GUIA DE BOLSO. Está na hora de incluir a fruta e os hortícolas na alimentação! SAIBA PORQUÊ GUIA DE BOLSO Está na hora de incluir a fruta e os hortícolas na alimentação! SAIBA PORQUÊ Sumário Introdução Benefícios do consumo de hortofrutícolas A importância dos hortofrutícolas segundo a Roda dos

Leia mais

Cardápio Escolar ALMOÇO 1º SEMANA DE SETEMBRO PERÍODO 01/09/10 A 03/09/10. Arroz, Feijão, Brócolis alho e óleo. Arroz, Feijão, Purê de Batata

Cardápio Escolar ALMOÇO 1º SEMANA DE SETEMBRO PERÍODO 01/09/10 A 03/09/10. Arroz, Feijão, Brócolis alho e óleo. Arroz, Feijão, Purê de Batata 1º SEMANA DE SETEMBRO PERÍODO 01/09/10 A 03/09/10 Acompanhamento Salada Sobremesa 01/09/10 Frango Assado com Creme de Cebola Brócolis alho e óleo Tomate Abacaxi 02/09/10 Bife a Role Purê de Batata cozida

Leia mais

ALIMENTAÇÃO - O QUE DEVE SER EVITADO - O QUE DEVE SER CONSUMIDO

ALIMENTAÇÃO - O QUE DEVE SER EVITADO - O QUE DEVE SER CONSUMIDO ALIMENTAÇÃO - O QUE DEVE SER EVITADO - O QUE DEVE SER CONSUMIDO Lucia B. Jaloretto Barreiro Qualidade de Vida=Saúde=Equilíbrio Qualidade de Vida é mais do que ter uma boa saúde física ou mental. É estar

Leia mais

Livro de receitas para os novos

Livro de receitas para os novos Livro de receitas para os novos Ficha Técnica Título: Direcção Editorial: Concepção: Corpo Redactorial: Produção Gráfica: Propriedade: Redacção: Livro de Receitas para os mais novos Alexandra Bento Helena

Leia mais

Observação: crianças, adolescentes, gestantes e praticantes de atividades físicas intensas têm recomendações diferenciadas.

Observação: crianças, adolescentes, gestantes e praticantes de atividades físicas intensas têm recomendações diferenciadas. Atualizado em 15.01.2014 O Lanche Certo tem como objetivo orientar sobre escolhas alimentares adequadas de lanches no trabalho, o que possibilita a melhora de hábitos alimentares, além da promoção da saúde

Leia mais

Plano de alimentação para perder 3 KG por mês mas para alcançar esse objetivo tem que ser feito arrisca.

Plano de alimentação para perder 3 KG por mês mas para alcançar esse objetivo tem que ser feito arrisca. Plano de alimentação para perder 3 KG por mês mas para alcançar esse objetivo tem que ser feito arrisca. Exemplo: A hora é você que decide somente estou dando um exemplo de horário; Café da Manha 7h Antes

Leia mais

Primeiro dia. Café da manhã. Pro lanche entre o café e o almoço. Para o almoço. Pro lanche entre o almoço e o jantar. Pro jantar. Segundo dia.

Primeiro dia. Café da manhã. Pro lanche entre o café e o almoço. Para o almoço. Pro lanche entre o almoço e o jantar. Pro jantar. Segundo dia. Dieta alimentar saudável com esta dieta você conseguira emagrecer ate 5 quilos em um mês sem prejudicar a saúde. Primeiro dia. 200 ml de leite desnatado, 1 colher de chá com azeite de oliva extra virgem,

Leia mais

Amadora Sintra ALIMENTAÇÃO

Amadora Sintra ALIMENTAÇÃO Amadora Sintra ALIMENTAÇÃO no 1º ano de vida INÍCIO DA DIVERSIFICAÇÃO A diversificação pode ser iniciada após os 4 meses. Substituir uma refeição de leite por: Papa sem glúten ou caldo de legumes (antes

Leia mais

7 alimentos que sabotam a dieta sem você perceber. Até mesmo as comidas consideradas "magras" pedem consumo moderado

7 alimentos que sabotam a dieta sem você perceber. Até mesmo as comidas consideradas magras pedem consumo moderado 7 alimentos que sabotam a dieta sem você perceber Até mesmo as comidas consideradas "magras" pedem consumo moderado Por Roberta Vilela - publicado em 26/11/2010 Mudança dos hábitos alimentares A mudança

Leia mais

Sugestões de refeições para o Dia de S. Valentim. Inclui receitas

Sugestões de refeições para o Dia de S. Valentim. Inclui receitas Sugestões de refeições para o Dia de S. Valentim Inclui receitas Ficha Técnica Título: Sugestões de refeições para o Dia de S. Valentim Concepção: Mariana Barbosa Corpo redactorial: Mariana Barbosa Revisão:

Leia mais

Dicas Para Emagrecer com Saúde

Dicas Para Emagrecer com Saúde 2011 www.blog.vivaplenamente.com Página 1 DIREITOS DE DISTRIBUIÇÃO Você pode distribuir este e-book livremente, assim como presenteá-lo a través do seu site ou blog aos seus visitantes e clientes. A única

Leia mais

15/08/2013. Acelerado crescimento e desenvolvimento: IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NESSA FASE. Atinge 25% da sua altura final

15/08/2013. Acelerado crescimento e desenvolvimento: IMPORTÂNCIA DA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NESSA FASE. Atinge 25% da sua altura final Laís Cruz Nutricionista CRN 3 18128 2013 Período de transição entre infância e vida adulta (dos 10 aos 19 anos de idade) Muitas transformações físicas, psicológicas e sociais Acelerado crescimento e desenvolvimento:

Leia mais

SMOOTHIES uma maneira fácil e deliciosa para apreciar frutas e legumes.

SMOOTHIES uma maneira fácil e deliciosa para apreciar frutas e legumes. SMOOTHIES uma maneira fácil e deliciosa para apreciar frutas e legumes. Os smoothies ou shakes são uma maneira deliciosa, saudável e versátil para adicionar frutas e legumes em nossa alimentação diária.

Leia mais

saúde envelhecer melhor Uma dieta rica em nutrientes contribui positivamente para um envelhecimento saudável Comer bem para

saúde envelhecer melhor Uma dieta rica em nutrientes contribui positivamente para um envelhecimento saudável Comer bem para saúde Sinal Canal de Comunicação da Sistel para os Usuários de Saúde Ano I - Nº 3 - Setembro 2014 Comer bem para envelhecer melhor Uma dieta rica em nutrientes contribui positivamente para um envelhecimento

Leia mais

+ MUDANÇA DE ESTILOS DE

+ MUDANÇA DE ESTILOS DE FACTORES DE RISCO DA DM2 MUDANÇA DE ESTILOS DE VIDA PARA A PREVENÇÃO DA DIABETES NUTRIÇÃO SEDENTARISMO HIPERTENSÃO ARTERIAL HIPERCOLESTEROLEMIA IDADE HISTÓRIA FAMILIAR JOANA OLIVEIRA OUTUBRO DE 2010 PANORAMA

Leia mais

ENVELHECER COM SABEDORIA Alimente-se melhor para Manter a sua Saúde e Independência

ENVELHECER COM SABEDORIA Alimente-se melhor para Manter a sua Saúde e Independência ENVELHECER COM SABEDORIA Alimente-se melhor para Manter a sua Saúde e Independência 1. ALIMENTE-SE MELHOR Prevê-se que em 2025 1, só na Europa, o grupo etário mais idoso (acima dos 80 anos), passe de 21,4

Leia mais

1. Faça pelo menos três refeições (café da manhã, almoço e

1. Faça pelo menos três refeições (café da manhã, almoço e Dez Passos para uma Alimentação Saudável 1. Faça pelo menos três refeições (café da manhã, almoço e jantar) e dois lanches saudáveis por dia. Não pule as refeições. Fazendo todas as refeições, você evita

Leia mais

COMECE O DIA COM ENERGIA!

COMECE O DIA COM ENERGIA! COMECE O DIA COM ENERGIA! Inclui receitas de pequenos almoços saudáveis. Índice Introdução Benefícios para a saúde E quando falta o pequeno almoço? Não deixe o seu filho sair de casa sem tomar o pequeno

Leia mais

MENOS SAL! MAIS SAÚDE!

MENOS SAL! MAIS SAÚDE! MENOS SAL! MAIS SAÚDE! Jogo da Glória Unidade de Saúde Pública ACES Espinho/Gaia REGRAS: Jogadores: 2 a 6 Objetivo: Ser o primeiro a chegar à casa final! Cada casa possui um tipo de alimentos. Em algumas

Leia mais

Queijo cremoso e maionese Adicione a sanduíches, bagels, biscoitos e fruta

Queijo cremoso e maionese Adicione a sanduíches, bagels, biscoitos e fruta Adição de calorias e de proteínas à sua dieta Princess Margaret Increasing Calories and Protein in Your Diet - Portuguese Para pacientes com dificuldades em comer durante os tratamentos oncológicos Este

Leia mais

25 Dicas Para Viver Com Menos Açúcar

25 Dicas Para Viver Com Menos Açúcar 25 Dicas Para Viver Com Menos Açúcar O açúcar pode ser ótimo para o nosso humor, mas é péssimo para a nossa saúde. O excesso dele conduz à obesidade, diabetes, ao câncer, entre outros. Às vezes, muitos

Leia mais

Sugestão de Cardápio para o Jejum de 21 dias do MIESF12

Sugestão de Cardápio para o Jejum de 21 dias do MIESF12 ALMOÇO 1 Dia 2 Dia 3 Dia de ervas -Pão torrado -Mamão - fruta (melão) ou água de côco -Salada de folhas temperadas c/ azeite e orégano. -1 prato de sobremesa de legumes cozidos ou purê de batatas. - Arroz

Leia mais

2ª feira 3ª feira 4ª feira 5ª feira 6ª feira. Legumes com frango Legumes com peixe Legumes com ovo Legumes com Perú ou vitela. Maça ou Pera cozidas

2ª feira 3ª feira 4ª feira 5ª feira 6ª feira. Legumes com frango Legumes com peixe Legumes com ovo Legumes com Perú ou vitela. Maça ou Pera cozidas Sobrenesa Sopa C E N T R O S O C I A L J E S U S M A R I A J O S É 2012-2013 Ementa da Creche 2ª feira 3ª feira 4ª feira 5ª feira 6ª feira Legumes com frango Legumes com peixe Legumes com ovo Legumes com

Leia mais

alimentação criada a pensar em si

alimentação criada a pensar em si alimentação criada a pensar em si SNACKS REFEIÇÕES BEBIDAS e BATIDOS GELATINAS adequada hiperproteica fácil de preparar saciante saborosa variada prática dieta3passos www.dieta3passos.pt pequeno-almoço

Leia mais

A diversificação não deve ser iniciada antes dos 4 meses nem depois dos 6 meses

A diversificação não deve ser iniciada antes dos 4 meses nem depois dos 6 meses Início da Diversificação A diversificação não deve ser iniciada antes dos 4 meses nem depois dos 6 meses Substituir uma refeição de leite por: Papa sem glúten ou sopa de legumes (antes dos 6 meses) Papa

Leia mais

A Diabetes. Índice Glicémico (IG) de alguns alimentos

A Diabetes. Índice Glicémico (IG) de alguns alimentos A diabetes é uma patologia emergente que afecta 34% da população portuguesa (2687 mil) de acordo com o estudo PREVADIAB. Nesta doença que se caracteriza pela alteração no metabolismo glucídico, é da maior

Leia mais

Associação Portuguesa dos Nutricionistas www.apn.org.pt geral@apn.org.pt. Guia. nacks. audáveis. os jogos do. Mundial 2014

Associação Portuguesa dos Nutricionistas www.apn.org.pt geral@apn.org.pt. Guia. nacks. audáveis. os jogos do. Mundial 2014 Guia nacks audáveis para os jogos do Mundial 2014 Introdução Começou o Mundial 2014 e, com ele, os petiscos que geralmente acompanham quem assiste aos jogos, tornam os 90 minutos de jogo num momento de

Leia mais

Uma Boa alimentação e sua relação com a dor, humor e. outros sintomas

Uma Boa alimentação e sua relação com a dor, humor e. outros sintomas Uma Boa alimentação e sua relação com a dor, humor e outros sintomas Nutricionista Camila Costa Unidade de Reabilitação Cardiovascular e Fisiologia do Exercício InCor/FMUSP Será que o que você come influencia

Leia mais

III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família IV Seminário Internacional de Atenção Primária/ Saúde da Família. Brasília, 08 de Agosto de 2008

III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família IV Seminário Internacional de Atenção Primária/ Saúde da Família. Brasília, 08 de Agosto de 2008 Oficina de Promoção da Alimentação Saudável para Agentes Comunitários de Saúde III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família IV Seminário Internacional de Atenção Primária/ Saúde da Família Brasília,

Leia mais

Elaboração de Cardápios

Elaboração de Cardápios Elaboração de Cardápios Junho 2013 1 Programa Mesa Brasil Sesc O Mesa Brasil Sesc é um programa de segurança alimentar e nutricional sustentável, que redistribui alimentos excedentes próprios para o consumo.

Leia mais

Projeto Planeta Azul Ponto de Apoio Especial sobre Alimentação

Projeto Planeta Azul Ponto de Apoio Especial sobre Alimentação Projeto Planeta Azul Ponto de Apoio Especial sobre Alimentação (...) A verdade, em matéria de saúde, está na adaptação e no respeito à Natureza (...). Mokiti Okada Para uma alimentação saudável, podemos

Leia mais

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL

PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL PROGRAMA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL Último Encontro: Vila Velha 1 Escolha dos temas a serem trabalhados. Tema de hoje: Oficina sobre alimentação saudável 1) Alimentos Alimentos construtores: fornecem proteínas

Leia mais

A RODA DOS ALIMENTOS E OS NOVOS VALORES NUTRICIONAIS Mafra, 14 de Março de 2008. Ana Leonor DataPerdigão Nutricionista

A RODA DOS ALIMENTOS E OS NOVOS VALORES NUTRICIONAIS Mafra, 14 de Março de 2008. Ana Leonor DataPerdigão Nutricionista A RODA DOS ALIMENTOS E OS NOVOS VALORES NUTRICIONAIS Mafra, 14 de Março de 2008 Ana Leonor DataPerdigão Nutricionista A ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL É Completa Fornece energia e todos os nutrientes essenciais

Leia mais

GUIA ALIMENTAR COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

GUIA ALIMENTAR COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL GUIA ALIMENTAR COMO TER UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL A promoção da alimentação saudável é uma diretriz da Política Nacional de Alimentação e Nutrição e uma das prioridades para a segurança alimentar e nutricional

Leia mais

Programa 5 ao Dia. Faz Crescer com Energia. O que conta como uma porção para o 5 ao Dia? Mercado Abastecedor da Região de Évora, S.A.

Programa 5 ao Dia. Faz Crescer com Energia. O que conta como uma porção para o 5 ao Dia? Mercado Abastecedor da Região de Évora, S.A. O que conta como uma porção para o 5 ao Dia? Programa 5 ao Dia Frutas ou Hortícolas Tamanho das peças de Frutas ou Hortícolas Equivalência em gramas Abacate 1/5 de um médio 30 Aipo 2 talos médios 110 Alface

Leia mais

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA SE ADQUIRIR HÁBITOS SAUDÁVEIS

ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA SE ADQUIRIR HÁBITOS SAUDÁVEIS ORIENTAÇÕES BÁSICAS PARA SE ADQUIRIR HÁBITOS SAUDÁVEIS Sumário Introdução... 3 1 - A importância da Água... 4 2 - Organizando a sua alimentação diária... 6 3 A eliminação... 7 4 Sugestões de óleos... 8

Leia mais

CADERNO DE ENCARGOS ANEXOS

CADERNO DE ENCARGOS ANEXOS CADERNO DE ENCARGOS ANEXOS 1 ANEXOS Anexo I Preço base para as principais refeições Anexo II Listagem de principais suplementos alimentares a fornecer Anexo III Matriz de Reuniões Anexo IV Nível de Serviço

Leia mais

Alimentação Saudável! Faça mais pela sua Saúde!

Alimentação Saudável! Faça mais pela sua Saúde! Alimentação Saudável! Faça mais pela sua Saúde! Alimentação Saudável! Faça mais pela sua Saúde! Ficha Técnica Título: Direcção Editorial: Concepção: Corpo Redactorial: Produção Gráfica: Propriedade: Alimentação

Leia mais

As matérias-primas alimentares frescas (após a colheita, a captura, a produção ou o abate)

As matérias-primas alimentares frescas (após a colheita, a captura, a produção ou o abate) As matérias-primas alimentares frescas (após a colheita, a captura, a produção ou o abate) são conservadas pela indústria alimentar, de modo a aumentar a sua estabilidade e o seu tempo de prateleira. 1

Leia mais

Sugestão de Cardápio da Dieta Detox para 1 Semana

Sugestão de Cardápio da Dieta Detox para 1 Semana Sugestão de Cardápio da Dieta Detox para 1 Semana Preparamos essa versão em PDF do cardápio completo da Dieta Detox para uma semana, assim você poderá imprimir e ter todo o cardápio em suas mãos, facilitando

Leia mais

embalagem Vamos ver o exemplo da esquerda e interpretar a informação de cima para baixo...

embalagem Vamos ver o exemplo da esquerda e interpretar a informação de cima para baixo... LEIA O RÓTULO De Susan Bowerman SOPA DE CREME DE TOMATE 400G INFORMAÇÃO NUTRICIONAL Por 100g Por 1/2 Uma das técnicas mais importantes a dominar é a de saber interpretar a informação nutricional de um

Leia mais

SUMÁRIO O QUE É...4 PREVENÇÃO...5 DIAGNÓSTICO...6 TRATAMENTO...7 ORIENTAÇÕES...8 ALIMENTAÇÃO CORRETA...9 OUTRAS DICAS...12 ATIVIDADE FÍSICA...

SUMÁRIO O QUE É...4 PREVENÇÃO...5 DIAGNÓSTICO...6 TRATAMENTO...7 ORIENTAÇÕES...8 ALIMENTAÇÃO CORRETA...9 OUTRAS DICAS...12 ATIVIDADE FÍSICA... 2 SUMÁRIO O QUE É...4 PREVENÇÃO...5 DIAGNÓSTICO...6 TRATAMENTO...7 ORIENTAÇÕES...8 ALIMENTAÇÃO CORRETA...9 OUTRAS DICAS...12 ATIVIDADE FÍSICA...14 FIQUE SABENDO...16 3 O QUE É A dislipidemia é o aumento

Leia mais

COCONTINENTE ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ECONÓMICA

COCONTINENTE ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ECONÓMICA COCONTINENTE ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ECONÓMICA Índice Introdução Planear as refeições semanalmente Fazer uma lista de compras Fazer compras "inteligentes" Tomar o pequeno-almoço em casa Levar a marmita

Leia mais

Hábitos alimentares saudáveis depois dos 60 anos: adequação e criatividade. Nídia Braz Março 2014

Hábitos alimentares saudáveis depois dos 60 anos: adequação e criatividade. Nídia Braz Março 2014 Hábitos alimentares saudáveis depois dos 60 anos: adequação e criatividade Nídia Braz Março 2014 1 O envelhecimento é um processo gradual de alterações no funcionamento do organismo, que conduzem a uma

Leia mais

TEXTO DE APOIO I PERCURSO COMER, DIVIDIR E BRINCAR

TEXTO DE APOIO I PERCURSO COMER, DIVIDIR E BRINCAR TEXTO DE APOIO I PERCURSO COMER, DIVIDIR E BRINCAR Alimentação Boa Pra Você Todo ser vivo precisa se alimentar para obter energia e nutrientes para se desenvolver. No caso do ser humano, os alimentos trazem

Leia mais

Cura Naturalmente a Diabetes Tipo 2 Em Menos De 1 Mês

Cura Naturalmente a Diabetes Tipo 2 Em Menos De 1 Mês Cura Naturalmente a Diabetes Tipo 2 Em Menos De 1 Mês A diabetes tipo II se tornou uma das doenças mais comuns nos tempos modernos. A boa notícia é que em pouco menos de um mês, seguindo um plano de alimentação

Leia mais

SAUDÁVEL LANCHEIRA. Atraente, prática e saudável. ESSE É O DESAFIO DAS MÃES NA HORA DE MONTAR A LANCHEIRA DA CRIANÇADA.

SAUDÁVEL LANCHEIRA. Atraente, prática e saudável. ESSE É O DESAFIO DAS MÃES NA HORA DE MONTAR A LANCHEIRA DA CRIANÇADA. LANCHEIRA SAUDÁVEL Atraente, prática e saudável. ESSE É O DESAFIO DAS MÃES NA HORA DE MONTAR A LANCHEIRA DA CRIANÇADA. Não é para menos: Muito mais que o momento das brincadeiras, o lanchinho entre as

Leia mais

EMAGREÇA COMENDO MAIS!

EMAGREÇA COMENDO MAIS! EMAGREÇA COMENDO MAIS! Mitos e factos sobre controlo de peso e emagrecimento Índice Não existe uma fórmula mágica para se perder peso? Então é possível emagrecer comendo uma quantidade que nos deixe saciados?

Leia mais

Colégio Português Creche Semana de 22 a 26 de Junho de 2015 Almoço

Colégio Português Creche Semana de 22 a 26 de Junho de 2015 Almoço Semana de 22 a 26 de Junho de 2015 Sopa Creme de legumes com solha 4 199 47 0,6 0,1 7,4 0,7 2,9 0,2 Esparguete com salmão e legumes cozidos 1,3,4 958 229 12,8 2,4 17,2 1,2 10,6 0,5 Sobremesa Creme de maçã

Leia mais

Guia. Nutricional. para gestantes

Guia. Nutricional. para gestantes Referências bibliográficas consultadas: 1. Committee on Nutritional Status During Pregnancy and Lactation, Institute of Medicine. Nutrition During Pregnancy: Part I: Weight Gain, Part II: Nutrient Supplements.

Leia mais

ANEXO 7 CONSTITUIÇÃO DAS REFEIÇÕES ESCOLAS A TEMPO INTEIRO

ANEXO 7 CONSTITUIÇÃO DAS REFEIÇÕES ESCOLAS A TEMPO INTEIRO ANEXO 7 CONSTITUIÇÃO DAS REFEIÇÕES ESCOLAS A TEMPO INTEIRO CARATERÍSTICAS DAS REFEIÇÕES: COMPOSIÇÃO E CAPITAÇÕES 1. O adjudicatário obriga-se a fornecer, durante o período previsto e diariamente, 2 lanches

Leia mais

Dicas para uma alimentação saudável

Dicas para uma alimentação saudável Dicas para uma alimentação saudável NECESSIDADE FISIOLÓGICA ATO DE COMER SOCIABILIZAÇÃO Comida Japonesa PRAZER CULTURAL Alimentação aliada à saúde Hábitos alimentares pouco saudáveis desde a infância,

Leia mais

Iremos apresentar alguns conselhos para o ajudar a prevenir estes factores de risco e portanto a evitar as doenças

Iremos apresentar alguns conselhos para o ajudar a prevenir estes factores de risco e portanto a evitar as doenças FACTORES DE RISCO Factores de risco de doença cardiovascular são condições cuja presença num dado indivíduo aumentam a possibilidade do seu aparecimento. Os mais importantes são o tabaco, a hipertensão

Leia mais

NUTRIÇÃO ESPORTIVA. Nutr. Graziela Beduschi

NUTRIÇÃO ESPORTIVA. Nutr. Graziela Beduschi NUTRIÇÃO ESPORTIVA Nutr. Graziela Beduschi Graduação em Nutrição - UFPR MSC Nutrição - Wollongong University - AUS Sports Dietitian Course Australian Institute of Sports Passos para uma alimentação saudável

Leia mais

ALIMENTAÇÃO NO VERÃO

ALIMENTAÇÃO NO VERÃO ALIMENTAÇÃO NO VERÃO 1 - Quais os alimentos devem ser privilegiados no verão e quais devem ser evitados? Os alimentos que devem ser privilegiados no verão são as frutas, verduras e legumes, pois são ótimas

Leia mais

Receitas MENOS SAL MAIS SABOR A VIDA. Fazer bem está na nossa NATUREZA.

Receitas MENOS SAL MAIS SABOR A VIDA. Fazer bem está na nossa NATUREZA. Receitas Uma iniciativa Com o apoio Fazer bem está na nossa NATUREZA. Menos Sal, Mais Sabor a Vida é a iniciativa da sua Unidade de Saúde Familiar pensada para apontar novos caminhos para a sua saúde cardiovascular.

Leia mais

Como eliminar o inchaço

Como eliminar o inchaço Como eliminar o inchaço Descubra quais alimentos ajudam você a acabar com o inchaço do corpo e perca até 5 kg em apenas 15 dias! por Belisa Rotondi Desinche, seguindo uma dieta rica em comidas anti-inflamatórias

Leia mais

PEQUENO-ALMOÇO CONTINENTAL

PEQUENO-ALMOÇO CONTINENTAL BANQUETES 2015 PEQUENO-ALMOÇO CONTINENTAL Mínimo 20 pessoas Pão, Pastéis e Bolo Pão, pão de cereais, Broa de milho, pão de água Croissants e napolitanas Bolo inglês e bolo de iogurte Doce e Manteiga Doce

Leia mais

O QUE É COLESTEROL? TIPOS

O QUE É COLESTEROL? TIPOS O QUE É COLESTEROL? O colesterol pode ser considerado um tipo de lipídio (gordura) produzido em nosso organismo. Ele está presente em alimentos de origem animal (carne, leite integral, ovos etc.). Em nosso

Leia mais

FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE

FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE União Metropolitana de Educação e Cultura Faculdade: Curso: NUTRIÇÃO FACULDADE DE CIÊNCIAS AGRÁRIAS E DA SAÚDE Disciplina: INTRODUÇÃO A NUTRIÇÃO Carga horária: Teórica 40 Prática 40 Semestre: 1 Turno:

Leia mais

Delícias saudáveis. Inspire-se na cozinha. Abuse da criatividade. Delicie-se sem culpa.

Delícias saudáveis. Inspire-se na cozinha. Abuse da criatividade. Delicie-se sem culpa. Delícias saudáveis Inspire-se na cozinha. Abuse da criatividade. Delicie-se sem culpa. Pratos que não extrapolam em carboidratos e carnes, não transbordam de queijo e, mesmo assim, dão água na boca. Sobremesas

Leia mais

O QUE É COLESTEROL? Sinônimos: colesterol hdl, colesterol ldl

O QUE É COLESTEROL? Sinônimos: colesterol hdl, colesterol ldl O QUE É COLESTEROL? Sinônimos: colesterol hdl, colesterol ldl O colesterol pode ser considerado um tipo de lipídio (gordura) produzido em nosso organismo. Ele está presente em alimentos de origem animal

Leia mais

Apresentação. O que significam os itens da Tabela de Informação Nutricional dos rótulos

Apresentação. O que significam os itens da Tabela de Informação Nutricional dos rótulos O que significam os itens da Tabela de Informação Nutricional dos rótulos Valor Energético É a energia produzida pelo nosso corpo proveniente dos carboidratos, proteínas e gorduras totais. Na rotulagem

Leia mais

A Dieta Atkins promete não somente redução de peso, mas também uma melhoria no seu sistema cardíaco e funções da memória, dentre outros benefícios.

A Dieta Atkins promete não somente redução de peso, mas também uma melhoria no seu sistema cardíaco e funções da memória, dentre outros benefícios. DIETA DE BA IXO ÍNDICE DE GL IC E M IA (LOW CARB DIET ) A dieta de baixo índice de glicemia ou baixa em hidratos de carbono é indicada para tal por ser mais equilibrada e até é indicada para diabéticos

Leia mais

Introdução. Fatores de Risco Não Modificáveis. Fatores de Risco Modificáveis

Introdução. Fatores de Risco Não Modificáveis. Fatores de Risco Modificáveis Introdução As doenças cardiovasculares (DCV) afetam anualmente, no Brasil, cerca de 17,1 milhões de vidas. Registramos no país mais de 300 mil mortes por ano decorrentes dessas doenças, que podem se manifestar

Leia mais

PALESTRA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL

PALESTRA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL PALESTRA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL Nutricionista: Cyntia Cristina Piaia Sassala. CRN8 1546 Formada pela UFPR / 2002. Assessoria e Consultoria em Nutrição. NUTRIÇÃO NA INFÂNCIA Os hábitos alimentares são formados

Leia mais

Preciso saber para fazer render

Preciso saber para fazer render A MELHOR ALIMENTAÇÃO PARA UM MAIOR RENDIMENTO Rosa Santos (Nutricionista) Preciso saber para fazer render A energia que cada um necessita para viver Que energia para aumentar o rendimento Quanta energia

Leia mais

Receitas com farinhas e sucos de frutas

Receitas com farinhas e sucos de frutas Farofa de farinha de banana verde 150 g de farinha de mandioca 150g de farinha de banana verde 4 unidades de tomates picados em quadrados pequenos 1 unidade média de abobrinha verde picada em quadrados

Leia mais

Nutrição. O alimento como aliado da sua saúde.

Nutrição. O alimento como aliado da sua saúde. Nutrição O alimento como aliado da sua saúde. alimentação saúdavel Alimentação saúdavel e cuidados nutricionais são importantes em todas as fases da vida e devem ser tratados com distinção em cada período.

Leia mais

CLÍNICA UPTIME TRATAMENTO DA DOR E PROBLEMAS EMOCIONAIS OBESIDADE A ESCOLHA DE ALIMENTOS COMO MANTER O CORPO. (segunda parte) A ESCOLHA

CLÍNICA UPTIME TRATAMENTO DA DOR E PROBLEMAS EMOCIONAIS OBESIDADE A ESCOLHA DE ALIMENTOS COMO MANTER O CORPO. (segunda parte) A ESCOLHA OBESIDADE A ESCOLHA DE ALIMENTOS COMO MANTER O CORPO (segunda parte) A ESCOLHA Responda à seguinte pergunta: Você gosta de carro? Se você gosta, vamos em frente. Escolha o carro de seus sonhos: Mercedes,

Leia mais