CATÁLOGO GERAL. Editora Estação Liberdade. Estação Liberdade

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CATÁLOGO GERAL. Editora Estação Liberdade. Estação Liberdade"

Transcrição

1 CATÁLOGO GERAL Editora Estação Liberdade Estação Liberdade

2 Editora Estação Liberdade CATÁLOGO GERAL 2016 Estação Liberdade Editora Estação Liberdade Ltda. Rua Dona Elisa, São Paulo-SP Tel.: (11) Fax: (11)

3 3 Apresentação 4 Domínio japonês 14 Domínio francês 18 Domínio alemão 25 Domínio inglês 26 Literatura em outras línguas 29 Clássicos da literatura mundial 35 Domínio latino-americano 36 Domínio brasileiro 37 Domínio infantil e juvenil 40 Arte, cinema e fotografia 43 História do Brasil 44 História mundial 48 História / Alimentação 49 Filosofia, ensaios e relatos 60 Economia / História 61 Crítica e História da Literatura 63 Arquitetura, urbanismo e patrimônio 68 Ciências da natureza e meio ambiente 68 Obra de referência 69 Psicologia e saúde 71 Livros de colorir 72 Índice de obras 77 Índice de autores PRELO O símbolo designa obras a serem lançadas. Fechamento do catálogo: julho de 2015.

4 Apresentação O mundo editorial tem seus charmes e encantos, e a aposta em livros que possam se sobressair é a matéria-prima de que é feita nossa entrega ao ofício. No entanto, se houvesse uma fórmula mágica ou matemática para o livro de sucesso aí sim a coisa perderia a graça. Assim, foi com um misto de surpresa e lamento que repentinamente vimos nosso Homens e mulheres da Idade Média, delicada obra em que o historiador Jacques Le Goff traça um soberbo afresco dos mais ilustres e marcantes personagens medievais, se alçar em nossa lista de mais vendidos. Esgotamos a primeira edição em seis semanas, e o lamento diz respeito à infelicidade de Le Goff falecer duas semanas após lançarmos nossa edição. Fica o registro de nos termos despedido condignamente de um dos maiores e mais benquistos historiadores dos tempos recentes. Estudos de história parecem nos tratar bem, e ao mesmo tempo que imprimimos a oitava edição de História da alimentação, elaborado sob a batuta franco-italiana (em alimentação, que mais poderia ser?) de Jean-Louis Flandrin e Massimo Montanari continuamos orgulhosos de veicularmos tão bem um livro de referência de páginas, estamos finalizando outra grande obra ilustrada nesse campo: A invenção de Paris, de Éric Hazan. Que por sinal é colega nosso, ele que mantém a pequena editora parisiense La Fabrique. Na virada de 2015 para 2016 nos cumpre tirar o atraso na publicação da obra do hoje incontornável pensador Peter Sloterdijk, trazendo Esferas I Bolhas, Você precisa mudar sua vida e Os terríveis filhos dos novos tempos. São ensaios filosóficos que não deixam de ter conexão umbilical com temas historicistas, e a temporada Sloterdijk será duradoura. De certa forma ainda no âmbito da história, festejamos à nossa maneira um século de um dos mais importantes movimentos de arte, com O cubismo, de Serge Fauchereau, deleite para os olhos com suas reproduções de Picasso, Léger, Gris, Braque, sem esquecer suas ramificações nas Américas, com expoentes do calibre de Barradas e Tarsila. Ainda nas artes, com 1913 O verão do século, esperamos repetir aqui o sucesso que o alemão Florian Illies encontrou em outras latitudes. Figuras II, do historiador teórico literário e linguista Gérard Genette, e Psicanálise entrevista, no qual Mara Selaibe e Andréa Carvalho passam em revista o que há de melhor na psicanálise contemporânea, são outras contribuições na área de humanas. Essa página um tanto virada para a não ficção não deve enganar: continuamos publicando com todo o ardor nossos autores internacionais. Natsume Soseki, Joseph Roth, André Gide, Nagai Kafu, Christa Wolf, Yasunari Kawabata, Jun ichiro Tanizaki, Peter Handke, Atiq Rahimi, ao mesmo tempo que damos as boas-vindas a novos integrantes de nosso plantel: um prazer imenso trabalhar a obra de escritores como Lao Tse, Hans Fallada (árduo painel da Alemanha dilacerada do entreguerras em Cada um morre por si ), Max Frisch, Richard Ford (destaque para a impecável técnica narrativa em Canadá), Yoko Ogawa, Banana Yoshimoto. Sugerimos que atentem também para nossa série de clássicos, com importantes acréscimos entre outros de E.T.A. Hoffmann, Victor Hugo, Émile Zola... Os Editores 3

5 Domínio japonês Yasunari Kawabata Prêmio Nobel de Literatura Prêmio Nobel de 1968, Kawabata nasceu em 1899, em Osaka. Estudou na Universidade Imperial de Tóquio e foi um dos fundadores da Bungei Jidai, inovadora revista de literatura moderna. Gostava de criar personagens solitários, atingindo descrições memoráveis da mente feminina e da sexualidade humana. Suicidou-se em A Estação Liberdade segue com a edição de sua obra em traduções do japonês e com capas da artista plástica Midori Hatanaka. GANGUE ESCARLATE DE ASAKUSA, A tradução Meiko Shimon 224 páginas isbn A história da derrocada de um reduto-símbolo da boemia japonesa, o distrito de Asakusa, em Tóquio, é refeita nessa que é uma das obras iniciáticas da carreira de Kawabata. O autor apresenta uma mixórdia de personagens urbanos, como mendigos, jovens delinquentes e prostitutas, cujos pequenos dramas cotidianos dão sabor e vida ao bairro retratado, num ousado estilo de narrativa marcado pela influência do modernismo europeu então em voga. PAÍS DAS NEVES, O tradução Neide Nagae 160 páginas isbn Neste livro, de grande repercussão no Japão e no exterior (com adaptações para o cinema), o autor expõe as contradições das relações humanas por meio do encontro entre Shimamura, um culto senhor de posses, Komako, uma gueixa das montanhas, e Yoko, uma bela jovem provinciana. MIL TSURUS tradução Drik Sada 176 páginas isbn A cerimônia do chá serve de pano de fundo para as relações entre Kikuji, duas ex-amantes de seu pai e a filha de uma delas. Kawabata demonstra seu profundo conhecimento sobre a antiga cultura japonesa e sua amargura diante da crescente degradação das artes tradicionais de seu país. 4

6 CASA DAS BELAS ADORMECIDAS, A tradução Meiko Shimon 128 páginas isbn DOMÍNIO JAPONÊS Yasunari Kawabata Kawabata conta a história de Eguchi, um senhor de 67 anos que frequenta a casa das belas adormecidas, um bordel. Apesar da idade avançada, o protagonista parte em busca de uma recatada sensualidade. Na tradição do erotismo japonês, esta história investiga a fundo as dores da solidão. CONTOS DA PALMA DA MÃO tradução Meiko Shimon 496 páginas isbn Produção que acompanhou praticamente toda a vida do autor, esses brevíssimos contos, gênero literário dileto de Kawabata o mais antigo data de 1923 e o mais recente, de 1964, tratam de uma rica variedade de temas: a morte, o amor, a infância, a cegueira, a sensualidade, os laços de família, os sonhos e as expectativas. KYOTO tradução Meiko Shimon 256 páginas isbn Rico em descrições da cidade que foi a capital do Japão por cerca de mil anos ( ), Kyoto narra a trajetória de Chieko, filha adotiva de um comerciante de quimonos. Durante um passeio pela aldeia de Kitayama, na periferia de Kyoto, Chieko acidentalmente conhece sua irmã gêmea. DANÇARINA DE IZU, A tradução Carlos Hiroshi Usirono 144 páginas isbn Primeira obra de destaque do autor, lançada originalmente em Um jovem de 19 anos viaja até a península de Izu, onde faz amizade com artistas viajantes e se encanta com uma garota da trupe: a pequena Kaoru, de 13 anos. Baseada em anotações autobiográficas, temos a história de um amor platônico consumado nas profundezas do coração lírico do protagonista. 5

7 DOMÍNIO JAPONÊS Yasunari Kawabata SOM DA MONTANHA, O tradução Meiko Shimon 344 páginas isbn Kawabata faz brotarem da narrativa os demônios pessoais que a rigidez da família japonesa não é capaz de conter em uma era de incertezas, abalada pela crise de identidade que sobreveio à Segunda Guerra Mundial. Shingo Ogata, representante de uma geração que se despede, luta para fazer valer sua autoridade e a sabedoria da tradição, mas é incessantemente capturado por flores, cantos de pássaros e, mais amiúde, pela beleza e delicadeza da jovem nora, Kikuko. LAGO, O tradução Meiko Shimon 164 páginas isbn O lago conta a história do professor Ginpei, atingido pela peculiar obsessão de seguir mulheres bonitas com que se depara nas ruas. Ele argumenta que, se não o fizesse, esses encontros fortuitos não passariam de episódios efêmeros. Será isso, no entanto, o que move o personagem? Ginpei tem um problema muito particular com um aspecto de seu corpo: seria esse outro fator inconsciente de sua insistente procura por beleza? MESTRE DE GO, O tradução Meiko Shimon 224 páginas isbn Go é um jogo de estratégia no qual os dois oponentes tentam cercar as pedras brancas ou pretas de seus adversários. Simples nos seus fundamentos, mas infinitamente complexo em sua execução, Go é a expressão essencial do espírito japonês. A competição entre o mestre de Go e seu adversário Otaké dura vários meses e a tensão sob o decoro do jogo afeta não apenas os jogadores, mas também suas famílias. Tensão que só terá fim com a morte de um deles. HAGOROMO DE ZEAMI transcriação Haroldo de Campos ilustração Tomie Ohtake 128 páginas isbn Prêmio Jabuti de Tradução Motokiyo Zeami ( ), o principal nome do teatro nô, é o maior artista do período Muromachi. Como dramaturgo, escreveu mais de cem peças nô; como ator, foi um mestre dessa arte, a exemplo de seu pai, Kiyotsugu Kan ami ( ). Segunda edição, revista por Haroldo de Campos antes de seu falecimento. 6

8 DOMÍNIO JAPONÊS DECLÍNIO DE UM HOMEM Osamu Dazai tradução Ricardo Machado 152 páginas isbn Ridicularizado pelos colegas por causa de sua inabilidade social, o tímido narrador destas memórias vivencia, desde a infância, uma total alienação ao contato humano. Utilizando traços autobiográficos, Osamu Dazai consegue retratar com empatia o inferno cotidiano daqueles que, em qualquer época e lugar, são forçados a esconder sua verdadeira personalidade para enquadrar-se na sociedade. VITA SEXUALIS Ogai Mori tradução Fernando Garcia 168 páginas isbn Na calada da noite, o professor de filosofia Shizuka Kanai faz um retrospecto da tomada de consciência da própria sexualidade. Em forma de diário, esta narrativa de Ogai Mori considerada patrimônio cultural pela Unesco e inédita no Brasil traça um amplo panorama da vida íntima japonesa na década de 1910, satirizando sutilmente o movimento artístico do naturalismo, então em voga. TSUGUMI Banana Yoshimoto PRELO tradução Lica Hashimoto 184 páginas isbn Tsugumi é uma garota mimada, insolente e cruel, mas também compassiva e dona de uma perseverança inigualável. Ela está sucumbindo a uma doença incurável, e o verão que ela passa com suas primas Yoko e Maria pode ser seu derradeiro. A tensa relação é narrada pelo ponto de vista de Maria, confirmando a engenhosidade da autora best-seller Banana Yoshimoto, que tem agora publicado no Brasil seu segundo trabalho, diretamente do original japonês. PEREGRINOS DO SOL A ARTE DA ESPADA SAMURAI Luiz Kobayashi 360 páginas isbn Um estudo aprofundado sobre a história e as técnicas de kenjutsu/kendô, a arte da espada samurai, desde suas origens longínquas no Japão até os dias atuais, desaguando na trajetória da arte da esgrima japonesa em solo brasileiro. O livro é resultado de anos de pesquisas feitas pelo autor, ele próprio praticamente de artes marciais. 7

9 DOMÍNIO JAPONÊS MUSASHI Eiji Yoshikawa edições integrais tradução Leiko Gotoda prefácio Erwin Reischauer ilustrações de capa e miolo Ayao Okamoto Musashi é o mais famoso romance épico japonês do século XX, com cerca de 120 milhões de exemplares vendidos no mundo. A história de Miyamoto Musashi, na vida real o grande samurai do Japão da época dos xoguns (século XVII), conta como um jovem selvagem e sanguinário adquire, ao longo de inúmeras lutas e constantes situações de grande perigo, as qualidades e a têmpera que o levariam a ser o maior e mais sábio de todos os guerreiros. É a primeira vez que se edita em português esta famosa obra, e trata-se da primeira tradução integral no Ocidente. O sucesso no Brasil também foi surpreen dente, já tendo atingido a marca de 120 mil vendidos (os dois volumes), e a obra figurou durante semanas nas listas de mais vendidos do país (Veja, O Globo, Jornal do Brasil, Folha de S. Paulo e O Estado de S. Paulo). Musashi edição comemorativa Caixa com 3 volumes e encarte ilustrado isbn Musashi A Terra, A Água, O Fogo isbn páginas Musashi O Vento, O Céu isbn páginas Musashi As Duas Forças, A Hamonia Final isbn páginas Volume I isbn páginas Volume II isbn páginas 8

10 IRMÃS MAKIOKA, AS DOMÍNIO JAPONÊS Jun ichiro Tanizaki tradução Leiko Gotoda, Neide Nagae, Eliza Atsuko Tashiro e Kanami Hirai 744 páginas isbn A obra traça um sutil e complexo perfil da socie dade japonesa durante a década de 1930 e aborda uma série de conflitos entre os valores japoneses e os ocidentais, entre a tradição e a modernidade. A história, que se passa entre 1936 e 1941 sob o impacto da Segunda Guerra, retrata a vida de uma abastada família. As irmãs Makioka tentam resolver juntas seus problemas familiares e arranjar um casamento para a terceira delas, Yukiko, uma mulher de crenças tradicionais que, aos 30 anos, ainda não conseguiu se casar. DIÁRIO DE UM VELHO LOUCO tradução Leiko Gotoda 208 páginas isbn Entre um rebelde senhor de 77 anos e sua nora surge um jogo sutil de poder, envolvendo, de um lado, o ancião que se empenha em burlar uma vida regrada por remédios, médicos e hospitais e, de outro, a ex-dançarina de casas noturnas, mulher bela e licenciosa, plena de vida, que faz uso de seus talentos naturais para fascinar e controlar o sogro, mani pu lando-o em prol de interesses pessoais. A idade do protagonista, no lugar de coibir seus instintos, liberta-os. Estas páginas de um dos grandes mestres da escrita japonesa ficarão para sempre como um libelo da sexualidade na velhice, demonstrando que, se a velhice é cruel quanto à submissão ao desejo, ela só se torna sinônimo de senilidade para os conformistas. CHUVA NEGRA Masuji Ibuse tradução Jefferson José Texeira 328 páginas isbn Essa obra de Masuji Ibuse ( ) conta a história da pequena cidade japonesa de Kobatake, dominada pelo boato de que uma de suas habitantes havia estado em Hiroshima no dia do ataque atômico realizado pela aviação norte-americana, em As possibilidades de que a garota estivesse contaminada pela radiação reduzem, dia a dia, suas chances de casamento. Inspirou a antológica filmagem de Shohei Imamura em VENTO LESTE Otohiko Kaga tradução Pedro Barros 504 páginas isbn Saburo Kurushima é diplomata japonês, casado com uma americana e envia do aos EUA poucos dias antes do ataque a Pearl Harbor, a fim de tentar evitar a guerra. Ken é o filho, um piloto do exército imperial, que se vê obrigado a matar semelhantes. Os três são os protagonistas desse envolvente thriller político, num estilo digno dos melhores clássicos do gênero. Prêmio Tani zaki de melhor romance em

11 DOMÍNIO JAPONÊS Hiromi Kawakami QUINQUILHARIAS NAKANO tradução Jefferson José Teixeira 288 páginas isbn Simpático microcosmo de uma megalópole frenética, ali a premeditação e o instinto, o disfarce e a espontaneidade mesclam-se aos mais inusitados bricabraques, frutos das picarescas retiradas nas mais variadas moradias. Enfileiradas nas prateleiras e tentando chamar a atenção de idiossincráticos clientes, as quinquilharias formam uma espécie de contrapé do Japão dos dias atuais. VALISE DO PROFESSOR, A tradução Jefferson José Teixeira 232 páginas isbn Em A valise do professor, ganhador do Prêmio Tanizaki, um dos mais prestigiosos do Japão, a prosa entrecortada e sucinta de Hiromi Kawakami nos revela a mente confusa de uma mulher embaralhando cenas reais com sonhos, lembranças e reflexões no cotidiano amoroso e solitário na megalópole toquiota, tema recorrente da autora. Tsukiko tem quase 40 anos, trabalha em uma firma e nas horas vagas bebe no bar de Satoru. Nunca foi casada e aparentemente não se importa com isso. Leva uma vida calma e sem grandes emoções, até que passa a encontrar um professor do ensino médio no mesmo bar que frequenta. KAPPA E O LEVANTE IMAGINÁRIO Ryunosuke Akutagawa tradução Shintaro Hayashi 352 páginas isbn Esta coletânea do mestre nipônico da prosa breve mostra uma escrita potente, amarga, que trafega entre as culturas do Japão e do Ocidente, sempre refletindo sobre a inevitável tensão entre a vida e a arte. Entre os contos e novelas aqui incluídos estão os importantes Kappa (notável fábula sobre uma curiosa civilização perdida de kappas, seres humanoides do folclore japonês que vivem na água, narrada por um interno de um manicômio) e Rashômon, conto que inspirou Akira Kurosawa a fazer o filme homônimo. SAMURAI, O A VIDA DE MIYAMOTO MUSASHI William Scott Wilson tradução Mauro Pinheiro 328 páginas isbn Biografia do samurai Miyamoto Musashi, lendário personagem do Japão feudal no qual Eiji Yoshikawa se inspirou para escrever o romance épico Musashi. O livro foi escrito a partir da consulta a diversas fontes históricas sobre a vida e obra do samurai-filósofo. Traz ainda uma série de apêndices e ampla documentação. William Scott Wilson traduziu para o inglês diversas obras literárias japonesas. 10

12 CASTELO DE YODO, O tradução Andrei Cunha 312 páginas isbn DOMÍNIO JAPONÊS Yasushi Inoue No século XVI, consolidado sob um regime militar feudal, o Japão vivia imerso numa espécie de guerra civil permanente, graças às disputas pelo poder que alimentavam as lideranças políticas do país. Mas a violência dos combates ganha nessa reconstituição histórico-literária um delicado olhar feminino, ao centrar a narrativa na personagem Chacha que, após ter parte da própria família dizimada, ascende como concubina do homem mais poderoso do Japão. FUZIL DE CAÇA, O tradução Jefferson José Teixeira 112 páginas isbn No Japão, o período do pós-guerra trouxe definitivamente à tona toda sorte de questões que mantiveram caráter de tabu durante tanto tempo, numa tradição secular de silêncio e discrição. Isso faz com que o enredo de O fuzil de caça, cujos personagens estão enleados em um caso de amor extraconjugal, não constitua por si só uma novidade ou um fator de estranhamento. É também na forma, e não apenas em sua temática, que a obra se consolida como fundamental no panorama da literatura japonesa contemporânea. Yoko Ogawa MUSEU DO SILÊNCIO, O tradução Rita Kohl Primeiro título da autora que a casa lança, O museu do silêncio acompanha a jornada de um museólogo incumbido de montar uma espécie de memorial da morte, recolhendo objetos tirados dos cenários onde as pessoas faleceram. A FÓRMULA DO PROFESSOR Após sofrer um acidente, um velho professor de matemática passa a sofrer problemas de memória. Quando uma mãe solteira começa a trabalhar em sua casa, o velho logo se afeiçoa ao filho dela, a quem passa a compartilhar o amor pelo mundo dos números. No Japão, A fórmula do professor já rendeu, inclusive, uma adaptação cinematográfica. PRELO PRELO 11

13 DOMÍNIO JAPONÊS Natsume Soseki Soseki nasceu em Tóquio em 5 de janeiro de Teve infância difícil e solitária. Aos 23 anos, inicia seus estudos de literatura inglesa. Sempre vítima de crises nervosas, viaja à Inglaterra em 1900 como bolsista do Ministério da Educação. Não se adapta à cultura ocidental, entra novamente em depressão e regressa ao Japão em Seu recorrente estado depressivo o afasta da família. Falece em 9 de dezembro de Destacou-se em todos os tipos de escrita, assinando importante obra de teoria literária, totalmente inovadora para a época. Se de um lado foi marcado pela influência ocidental, de outro apregoou a valorização da cultura tradicional nipônica. SANSHIRO tradução Fernando Garcia 272 páginas isbn Sanshiro Ogawa sai do interior do Japão rumo à deslumbrante capital para estudar literatura, mas a transição à vida adulta não será como ele imagina. Aqui, na primeira parte da trilogia informal de Natsume Soseki composta ainda por E depois e O portal, o verdadeiro aprendizado do protagonista se dá mais na contemplação das formosas nuvens do céu azul de Tóquio do que nas supostamente edificantes aulas da universidade. PORTAL, O tradução Fernando Garcia 240 páginas isbn Terceira parte da trilogia geracional de Soseki, antecedida por Sanshiro e E depois, o livro acompanha a rotina morna do casal formado por Sosuke e Oyone. Apesar do bom relacionamento, um trauma do passado parece atormentar a consciência de ambos. Cheio de sutilezas, O portal é um marco da maturidade estilística do autor. 12 EU SOU UM GATO tradução Jefferson José Teixeira 488 páginas isbn Publicado inicialmente em forma de capítulos no Hototogisu, importante jornal literário da época, e lançado em 1905, Eu sou um gato é a estreia literária de Natsume Soseki e uma das primeiras amostras da renovação modernista da literatura japonesa. O romance propõe um panorama precioso e iconoclasta da vida e da intelectualidade do Japão do início do século XX do ponto de vista de um gato, um bichano sarcástico que vive ironizando a imbecilidade dos animais da raça humana. Com este livro, o autor atingiu imenso sucesso de público e crítica. E DEPOIS tradução Lica Hashimoto 288 páginas isbn Neste livro que marca o início de sua fase mais madura, Soseki conta a história de Daisuke, um jovem rico que se apaixona pela esposa de seu melhor amigo. O triângulo amoroso é central à obra de Soseki e neste caso a abordagem dada pelo autor é famosa no Japão até hoje. Historicamente, o romance reflete as transformações da Restauração imperial Meiji, iniciada em Nessa época, o Japão era ainda um país periférico que visava igualar-se às grandes potências. Para Daisuke, essa ambição resulta em uma nação preocupada em esconder suas mazelas, ainda que sob uma inclinação de abertura para o Ocidete.

14 DOMÍNIO JAPONÊS BOTCHAN tradução Jefferson José Teixeira Natsume Soseki PRELO A jornada de um professor de Tóquio que, ao se mudar para o interior, tem de lidar com o choque de realidade de um cotidiano totalmente diferente do que estava habituado. Alvo de chacota dos alunos caipiras, o jovem mestre é o próprio narrador da história. Muito popular até hoje no Japão, Botchan é uma obra da fase inicial de Soseki, carregada de humor e sarcasmo. HISTÓRIAS DA OUTRA MARGEM tradução Andrei Cunha 128 páginas isbn Nagai Kafu Ao ritmo das estações do ano e do ir e vir dos mosquitos no efervescente bairro de Tamanoi, zona de prostituição na margem leste do rio Sumida, o escritor Tadasu Oe vive uma história de amor mal resolvida com Oyuki, ao mesmo tempo que escreve um romance sobre um professor aposentado que abandona a família à própria sorte. CRÔNICA DA ESTAÇÃO DAS CHUVAS tradução Dirce Miyamura 160 páginas isbn Nagai Kafu ( ), consi derado um dos mais influen tes escritores japoneses da primeira metade do século XX, constrói em Crônica da estação das chuvas uma maneira própria de abordar uma estação e a beleza de um lugar. O autor ficou conhecido por memoráveis descrições do temperamento e imaginário da cidade de Tóquio e pelo modo como retratou o mundo das gueixas. GUERRA DE GUEIXAS PRELO tradução Andrei Cunha Ambientado em Shinbashi, famoso bairro das gueixas de Tóquio, o livro conta a história de duas grandes rivalidades. A primeira é sobre uma ex-gueixa que, após enviuvar, quer voltar à ativa e se tornar a melhor dançarina; a segunda, a disputa entre três homens um cliente, um velho rico e um ator que disputam o amor dela. 13

15 Domínio francês André Gide Prêmio Nobel de Literatura Nascido em Paris em 1869, Gide teve de início uma forte propensão à música, notadamente o piano, instrumento ao qual se dedicou ao longo de grande parte da vida, embora não tenha se tornado um pianista profissional. Publicou anonimamente aos 21 anos de idade seu primeiro livro, Les Cahiers d André Walter. Foi um dos autores seminais de sua geração, tendo arrebatado nada menos que o Prêmio Nobel, em Mas ele dividia os franceses por sua figura pública dúbia, entre a do escritor virtuoso e a do fervoroso militante pela liberdade moral e sexual absolutas Gide era homossexual assumido. Morreu em Paris, em POMBO-TORCAZ, O tradução Mauro Pinheiro preâmbulo Catherine Gide prefácio Jean-Claude Perrier posfácio David H. Walker 96 páginas isbn Guardado entre os papéis de Gide desde o verão de 1947, O pombo-torcaz relata a noite de 28 de julho passada pelo autor em Bagnols-de-Grenade, nas proximidades de Toulouse, na residência do amigo Eugène Rouart e na companhia do jovem Ferdinand Pouzac, com quem vive momentos de grande êxtase. Talvez o caráter demasiado explícito do texto seja o motivo pelo qual o escritor o tenha mantido em segredo; é fato, porém, que o lirismo com que descreve aquela noite seminal vivida em 1947 sobrepujou o pudor e levou a filha Catherine, que encontrara fortuitamente o manuscrito entre os pertences de Gide, a autorizar sua publicação. PORÕES DO VATICANO, OS tradução Mário Laranjeira 256 páginas isbn Publicada originalmente em 1914, esta obra tem como personagem central o estranho Lafcadio, jovem capaz de salvar uma vida ou cometer uma atrocidade com a mesma naturalidade. A misteriosa trama do romance, na qual se movimentam personagens de índoles e motivações diversas, dá ensejo a reflexões de caráter metafísico, como no embate entre os personagens Anthime e Julius de Baraglioul, além de colocar frente a frente a ética e a liberdade absoluta, ou certo niilismo, conceitos sobre os quais paira, provocadora, a figura de Lafcadio. MOEDEIROS FALSOS, OS tradução Mário Laranjeira 424 páginas isbn Romance de um romance que se escreve, como diria o protagonista. Com estilo notoriamente refinado e inovações que marcaram época, Gide prescinde de cronologia e estrutura narrativa tradicionais. Para tanto, Gide concebe um herói, o escritor Edouard, que lhe é muito próximo, e o contrapõe a Bernard Profitendieu, que a seu jeito é igualmente um personagem-modelo. Os moedeiros falsos não são, para Gide, apenas os jovens que escoam dinheiro fraudulento, mas os falsários no espírito e na letra, todos os que vivem na mentira de sentimentos falsos. 14

16 DIÁRIO DOS MOEDEIROS FALSOS, O tradução Mário Laranjeira 144 páginas isbn DOMÍNIO FRANCÊS André Gide Raros são os escritores que mantêm um diário paralelamente ao livro que escrevem e o publicam em vida. É o caso de Gide com seu famoso romance da juventude perversa. Este Diário é o longo diálogo com seus personagens à medida de sua evolução, e nos permite, como se fosse um grande estudo introspectivo, sentirmos à perfeição o mecanismo criador, a argúcia crítica e a (des)construção narrativa do Prêmio Nobel 1947 em Os moedeiros falsos. CADERNOS DA GUERRA E OUTROS ESCRITOS Marguerite Duras tradução Mário Laranjeira 384 páginas isbn Constituem a maior parte dos arquivos pessoais que Marguerite Duras legou ao Estado francês em Escritos entre 1943 e 1949 e quase inteiramente inéditos, os cadernos foram durante muito tempo conservados nos míticos armários azuis de sua grande casa em Neauphle-le-Château. Sua publicação oferece hoje uma documentação autobiográfica única, bem como um testemunho precioso sobre o exercício literário de Marguerite Duras no quadro da Segunda Guerra Mundial, de sua infância na Indochina, do trabalho em seus principais romances. PROMESSA AO AMANHECER Romain Gary tradução Mauro Pinheiro 352 páginas isbn Um dos mais comoventes romancistas do século XX, com cerca de trinta obras publica das. Levou o Prêmio Goncourt em 1956 por Les racines du ciel [Raízes do céu]. Promessa ao amanhecer expõe o como vente e conturbado relacio namento entre um filho e sua mãe. SADE CONTRA O SER SUPREMO Philippe Sollers tradução Luciano Vieira Machado 100 páginas isbn Poucos espíritos são suficientemente livres para aceitar que uma nova religião (...) foi fundada na França durante o Terror: a do Ser Supremo. Seu desejo de morte, seu mau gosto, sua mania do espetáculo, seu cômico invo lun tário, seu moralismo exacerbado, suas práticas mascaradas, seu clero sonâmbulo dos dois sexos, seus rituais mercantilistas corruptores, seus crimes mecânicos, tiveram até hoje um único analista informado e lúcido: o marquês de Sade. Eis a prova. (Ph. Sollers, no texto de orelha) 15

17 DOMÍNIO FRANCÊS ÁDEN, ARÁBIA Paul Nizan prefácio Jean-Paul Sartre tradução Bernadette Lyra 176 páginas isbn Nesta obra, que se tornou um clássico da literatura de viagem, o filósofo Paul Nizan se engaja de corpo e alma numa jornada até a Arábia, que na verdade é uma viagem de descobrimento interior. O famoso prefácio-homenagem de Jean-Paul Sartre (quase um livro dentro do livro) virou referência da contra cultura nos anos Coleção Latitude SOBRE A COLEÇÃO LATITUDE Nossa intenção é dupla: abrir uma janela atualizada e dinâmica, dentro do enfoque multicultural que norteia a Estação Liberdade, para o que há de melhor na literatura dos diversos países e regiões que contribuíram para o florescimento desta importante língua literária e, ao mesmo tempo, oferecer um espaço para autores, obras e editoras nem sempre contempladas pela lógica do mercado, seja dentro ou fora do Brasil. A coleção conta com o apoio dos Ministérios das Relações Exteriores da França, da Suíça e do Canadá para alguns títulos. QUESTÃO HUMANA, A François Emmanuel tradução Marina Appenzeller 88 páginas isbn Simon, psicólogo alemão, é enviado para a filial francesa de sua empresa a fim de pesquisar o que estaria errado com o dirigente da firma alemã. O que se inicia como uma simples questão de psicologia do trabalho nos leva a uma impiedosa luta de perfis patológicos na qual paira a memória do Holo causto. A trama foi levada às telas do cinema pelo diretor francês Nicolas Klotz em CONVIDADO DESCONHECIDO, O Olivier Cadiot tradução Luciano Loprete 168 páginas isbn Uma metralhadora impie dosa, que cospe fogo para todos os lados, ou uma câmera que capta imagens e sons girando em 360 graus este é o narrador. Cinema, publicidade, música, literatura, grafismos, tudo está a serviço do estilo narrativo de Olivier Cadiot, escritor, dramaturgo, músico e jornalista literário irônico, cáustico, ferino. 16

18 DOMÍNIO FRANCÊS FORMIGAS DA ESTAÇÃO DE BERNA E OUTRAS FICÇÕES SUÍÇAS, AS Bernard Comment tradução Luciano Loprete 120 páginas isbn A bela e ordenada Suíça de repente vira um amontoado de angústias por onde alastram- -se situações absurdas. Seria esse pequeno país um espelho invertido de nossas manias e neuroses contemporâneas? ALÁ E AS CRIANÇAS-SOLDADOS Ahmadou Kourouma tradução Flávia Nascimento 232 páginas isbn Um dos principais autores de língua francesa da África nos leva a um dilaceran te mergulho num continente com estratos sociais inteiros em decomposição, através da ignomínia de crianças-soldados na Costa do Marfim. O enredo é entrado na figura de Birahina, um menino que se envolve nas guerras tribais africanas quando, ao ficar órfão, atravessa uma parte do continente à procura de sua tia. VIDAS MINÚSCULAS Pierre Michon tradução Mário Laranjeira 216 páginas isbn Pierre Michon apresenta uma ficção memorialística em oito capítulos feita a partir da reconstrução de vidas alheias, como a de seus avós e de seus antigos companheiros de classe na nostálgica província francesa. Vidas desoladas, vidas de antepassados, parentes e amigos, personagens cambaleantes na província francesa em torno de um vilarejo esquecido. Trajetórias de vida que, de tão miniaturizadas, tornam-se universais. BAIXO CALÃO Réjean Ducharme tradução Michel Peterson e Ignácio Antônio Neis 320 páginas isbn Um dos mais destacados (e totalmente reclusos) autores do Canadá francês, Ducharme nos apresenta o diário de Johnny, tiranizado entre sua companheira Exa Torrent, sua grande amiga Pequena Tara e sua amante Poppée. Histórias de encontros e desencon tros de personagens inesquecíveis. TOPOGRAFIA IDEAL PARA UMA AGRESSÃO CARACTERIZADA Rachid Boudjedra tradução e posfácio Flávia Nascimento 232 páginas isbn Odisseia miserável e extenuan te de um argelino que deixa seu país e se perde nos mean dros do metrô parisiense. Esta aventura, que dezenas de trabalhadores emigrados vivem dia riamente, assume aqui conotações como ven tes. Um texto duro e incisivo de um estilista que escreve igualmente em árabe e francês e se consagrou no mundo da francofonia. 17

19 Domínio alemão Joseph Roth HOTEL SAVOY tradução Silvia Bittencourt 184 páginas isbn No coração da Europa Central ao fim da Primeira Guerra, as pessoas tentam relembrar como é viver num mundo sem conflito. O Hotel Savoy, com seus quase mil quartos, metaforiza através da mixórdia de hóspedes-personagens os desterrados de guerra e os fantasmas da Revolução Russa. Pelos olhos de um deles, Gabriel Dan, judeu saído de um campo de concentração na Sibéria, o cenário social do entreguerras é traçado com pungente realismo. LENDA DO SANTO BEBERRÃO, A tradução Mário Frungillo 80 páginas isbn Num período de poucos dias, um sem-teto parece entrar numa inexplicável maré de sorte: o dinheiro do qual pouco desfrutara na vida começa a lhe cair nas mãos, por origens diversas. Apesar de viver na miséria, o homem ostenta uma dignidade que o faz sentir-se em dívida com uma determinada santa, a quem atribui a responsabilidade por aquela súbita fase afortunada. Mas a constante tentação pela bebida parece testar a resistência de seus valores. PAVORES DE GELO E TREVAS Christoph Ransmayr tradução Marcelo Backes 296 páginas isbn O primeiro romance no Brasil de um dos mais elogiados escritores contemporâneos de língua alemã. Conta a emocionante história da expedição polar austro-húngara de , descreve a fatal obsessão de um jovem italiano em reconstruir a expedição em 1981, e retraça a crescente fascinação do narrador com o destino desse homem. O texto transcende a ficção ao citar livremente regis tros documentais, tornando-se uma obra de história e um diário de viagem ao mesmo tempo. PARTE DA SOLUÇÃO Ulrich Peltzer tradução Marcelo Backes 472 páginas isbn Berlim, Potsdamerplatz: o mundo vigiado por câmeras de segurança, a liberdade individual, uma mera ilusão. Um jornalista de nome Christian Eich se mantém com frilas, mas precisa de algo mais. Ele entra em contato com ex-membros das Brigadas Vermelhas. Em Paris, informações privilegiadas e algumas pe quenas surpresas o aguardam. O autor constrói uma história de amor e suspense que põe em cena novas resistências e questões como a vídeo-espionagem e a privatização de espaços públicos, tão simbólicas de nossos tempos. 18

20 DOMÍNIO ALEMÃO Heinrich Böll Prêmio Nobel de Literatura Heinrich Böll assumiu papel central na cena cultural e literária alemã, desde os primeiros anos do pós-guerra até 1985, quando faleceu. Sua obra ficcional, agraciada em 1967 com o prestigioso Prêmio Büchner e com o Prêmio Nobel de Literatura em 1972, voltouse à representação dos conflitos morais, éticos e religiosos vividos nos contextos de penúria, reconstrução e, depois, pujança econômica da sociedade alemã ocidental após a Segunda Guerra. A narrativa despojada de Böll encontrou enorme repercussão junto a leitores alemães e estrangeiros. A tiragem total de seus livros, traduzidos para cerca de 40 idiomas, alcançou a marca de 20 milhões de exemplares, alguns dos quais publicados anteriormente no Brasil. ANJO SILENCIOSO, O tradução Karola Zimber 208 páginas isbn Primeiro romance do Prêmio Nobel de 1972, a obra foi escrita em 1950, mas só foi editada postuma men te, em O livro conta a história do regresso do soldado Hans a sua cidade em ruínas, Colônia, no fim da Segunda Guerra, seu encontro com Regina e o amor que nasce entre ambos. A trama de herança em que se veem indiretamente envolvidos é retratada como sinal de perpetuação de estruturas de poder vigentes na Alemanha hitlerista. PONTOS DE VISTA DE UM PALHAÇO tradução Paulo Soethe 312 páginas isbn Pontos de vista de um palhaço traz ao leitor as questões que tensionavam a Alemanha pós -Segunda Guerra, uma nação em reconstrução, trespassada por sérios conflitos de ordem econômica, religiosa e ideológica. Hans Shnier, personagem central, é um palhaço abandonado pela companheira fato que o coloca numa rota reflexiva e autodestrutiva até os níveis mais profundos e sutis do conflito alemão. POESIA EXPRESSIONISTA ALEMÃ organização e tradução Claudia Cavalcanti 232 páginas isbn Edição bilíngue com poemas de Gottfried Benn, Georg Trakl, Iwan Goll, entre outros: uma seleção do melhor desse efervescente período das letras alemãs, tão rico e umbi li calmente ligado ao que ocorria nas ar tes plásticas. Contém gravuras de alguns dos mais im por tan tes artistas do ex pres sio nismo, como Georg Grosz, Lyonel Feininger, Karl Schmidt-Rottluff e Ernst Ludwig Kirchner. 19

21 DOMÍNIO ALEMÃO Peter Handke Hoje em dia indubitavelmente um dos maiores escritores de língua alemã, tornou-se conhecido nos anos 1970 como roteirista de Wim Wenders e por obras como O medo do goleiro diante do pênalti, A mulher canhota (também filmado por ele) e Tarde de um escritor. Produto por excelência da dissolução do Império Austro-Húngaro e mais tarde da Iugoslávia (a mãe era eslovena, o pai austríaco), sua escrita é fortemente marcada pelo desassossego centro-europeu e das margens do Danúbio. Sua rebeldia é igualmente literária, com todo proveito para sua vasta e refinada obra. DON JUAN (NARRADO POR ELE MESMO) tradução Simone Homem de Mello 144 páginas isbn Don Juan (narrado por ele mesmo), apesar do seu subtítulo, é recontado, de fato, por um cozinheiro solitário e ocioso, ávido leitor, que, um belo dia, em meio a leituras de Racine e Pascal, decide dar um basta nos livros. Sua imprevista decisão coincide com a igualmente repentina e abrupta aterrissagem de Don Juan no jardim do albergue onde ele vive, nas ruínas do monastério de Port-Royal-des-Champs, na França. Não um Don Juan qualquer, mas o próprio Don Juan, a figura legendária cujas aventuras já foram contadas e recontadas e que Peter Handke decide ambientar definitivamente na contemporaneidade. PERDA DA IMAGEM ou ATRAVÉS DA SIERRA DE GREDOS, A tradução Simone Homem de Mello 584 páginas isbn Em um de seus mais elaborados romances, Peter Handke in sere num altiplano remoto da Espanha uma exaustiva bus ca de identidade, por meio de um escritor e uma mu lher que vai a seu encontro com um inusitado pedido. Considerado um dos principais autores contemporâneos de língua alemã, o austríaco Peter Handke já teve suas obras traduzidas para 36 idiomas. ENSAIO SOBRE O MANÍACO DOS COGUMELOS tradução Augusto Rodrigues A escrita virtuosa do austríaco Peter Handke, com sua linguagem rebuscada e precisa, dá um colorido especial e alucinógeno à leitura de mais esta narrativa introspectiva do autor de Ensaio sobre o jukebox, que acompanha a jornada de um homem viciado em cogumelos, e que lhe permite, por exemplo, ouvir a língua presa das árvores. PRELO 20

22 DOMÍNIO ALEMÃO 1913 O VERÃO DO SÉCULO Florian Illies PRELO tradução Silvia Bittencourt Best-seller na Alemanha, historiador da arte, editor de cadernos culturais, galerista e leiloeiro, Illies nos contempla com essa crônica do ano de 1913, em que quase tudo aconteceu e deu as linhas mestras de um complicado século XX. Na literatura, nas artes e na música, os extremos se confrontavam. Proust buscava o tempo perdido, Stravinsky festejava protagonistas primaveris, Kafka, Joyce e Musil tomavam café no mesmo dia em Trieste, e em Munique um desenhista de cartões-postais chamado Adolf Hitler tentava vender suas vistas da cidade. Triunfo e melancolia, resplandecer e angústia, tudo vira arte nesse ano perturbador. ANJO AZUL, O Heinrich Mann tradução Erlon José Paschoal 234 páginas isbn História do autoritário professor ginasial Unrat, que acaba se apaixonando por uma cantora e bailarina do submundo, comprometendo a própria reputação. Uma sátira brilhante da moral dupla da burguesia nos tempos do Império. Clássi co absoluto da lite ratura alemã do século XX, deu origem ao famoso O anjo azul, filme de Josef von Sternberg com atua ção anto lógica de Marlene Dietrich. MELODIA DAS COISAS, A CONTOS, ENSAIOS, CARTAS Rainer Maria Rilke organização e tradução Claudia Cavalcanti 232 páginas isbn O livro reúne contos e ensaios em parte inéditos no Brasil, além de cartas de Rilke destinadas sobretudo ao jovem poeta, a Lou Salomé e a sua mulher, Clara. Todos os textos foram escritos na passagem de século (entre 1898 e 1907) e revelam um autor jovem em busca de maturidade e personalidade literárias. Uma obra em prosa pouco conhecida do grande poeta de língua alemã, mas que, por isso mesmo, promete surpresas a seus leitores. CADA UM MORRE POR SI Hans Fallada PRELO tradução Claudia Abeling Contundente romance que retrata a sociedade berlinense do pós-segunda Guerra. Mostra a cruzada de um casal da classe trabalhadora que liderou uma campanha de resistência contra os nazistas, por meio de uma inusitada estratégia de espalhar cartões-postais em locais aleatórios da capital alemã. A obra rendeu a Fallada comparações com Conrad, Dostoiévski, Capote e Le Carré. 21

23 DOMÍNIO ALEMÃO Christa Wolf Nasceu em 1929, em território polonês, transferindo-se para a futura República Democrática Alemã em Apesar da postura crítica, manteve-se fiel à RDA. Estudou literatura em Jena e Leipzig. Trabalhou em revistas literárias e como editora, dedicando-se, a partir dos anos 1960, unicamente a sua produção ficcional, poética e dramatúrgica. Faleceu em Berlim em Sua obra versa sobre a ética do indivíduo frente ao Estado e outras questões morais. É considerada uma das principais autoras alemãs do século XX. MEDEIA VOZES PRELO tradução Carla Bessa 176 páginas isbn A Medeia da tragédia grega, mulher de Jasão, o Argonauta, a bárbara, a intrigueira, a preparadora de venenos, a assassina vingativa aqui esta figura de mitos milenares se dissolve, os clichês são revistos. Medeia deve ser sacrificada no altar das lutas palacianas. O retrato que nos oferece Christa Wolf de uma mulher determinada e incomum já foi traduzido para as principais línguas do mundo. A tradutora Carla Bessa, dramaturga brasileira trabalhando na Alemanha, já encenou Christa Wolf. CASSANDRA tradução Marijane Vieira Lisboa 312 páginas isbn A figura central deste romance é Cassandra, filha do rei Príamo de Troia, que recebeu de Apolo o dom divinatório. Das lembranças de sua vida e inúmeros acontecimentos, Cassan dra conquista sua lucidez e parte para enfrentar a cegueira histórica de seus conter râneos. Christa Wolf é considerada a mais importante escritora da extinta República Democrática Alemã. MALINA Ingeborg Bachmann PRELO tradução Carla Bessa História de um triângulo amoroso entre a narradora da história (uma escritora vienense), seu amante Ivan e o roommate masculino dela (Malina), cujo desfecho será trágico. De linguagem hermética, e experimental na forma e no estilo, a obra explora a questão da dificuldade de se expressar os sentimentos mais profundos. 22

24 DOMÍNIO ALEMÃO Elias Canetti Prêmio Nobel de Literatura Nascido na Bulgária em 1905, Elias Canetti, prêmio Nobel em 1981, cresceu em Viena. Em 1938 teve de se exilar, refugiando-se em Paris e depois em Londres. E é sobre seu exílio na Inglaterra durante a Segunda Guerra que trata Festa sob as bombas, que só veio a público postumamente, em Além deste, a Estação Liberdade também editou Sobre a morte, compilação de notas do escritor, filósofo e ensaísta sobre o difícil tema e que datam de 1942 a Canetti faleceu em Zurique em FESTA SOB AS BOMBAS tradução Markus Lasch 232 páginas isbn Nestes escritos, posteriores a e como continuação de sua grande obra autobiográfica, Canetti narra a década da guerra e do pós -guerra passada na Inglaterra, seus melhores anos, como diria, anos em que redigiu Massa e poder. O autor, que não era especialmente tímido, ainda assim não quis publicar em vida as confidências aqui reveladas, entre outras sobre sua relação com a escritora Iris Murdoch, que mais tarde tornar-se-ia famosa. Surge uma colcha de retalhos social tecida com fina ironia, com seus nobres decadentes e vaidosos, artistas presunçosos, emigrados e refugiados sem tostão, ora deprimidos, ora eufóricos. SOBRE A MORTE tradução Rita Rios 160 páginas isbn Do tempo de sua vida, Elias Canetti pensou sobre a morte e escreveu sobre ela. Duas constantes pautam seu pensamento, e que parecem se contradizer mutuamente. Primeiro: não se pode jamais ignorar a morte. Segundo: é necessário se opor à morte incessantemente. Esta pequena obra oferece uma série de reflexões e passagens da obra de Canetti que permitem ver o quanto o tema o atormentava, e com que ardor de irônica erudição ele lhe dedicou estes belos trechos. MEU NOME SEJA GANTENBEIN Max Frisch PRELO tradução Carla Bessa Um escritor concebe em sua mente ideias para uma história futura, com mais de uma possibilidade para o mesmo personagem. Metafórico, o livro passa por temas como a crise de consciência da Europa do pós-guerra e a sobrevivência da identidade individual numa sociedade que tende a dissolver o sujeito no anonimato das massas ou a fazê-lo mais um nesta espécie de farsa coletiva. Max Frisch, um dos mais destacados escritores suíços do século XX, também é autor de Homo Faber, que vendeu mais de 9 milhões de exemplares nas edições em alemão. 23

25 DOMÍNIO ALEMÃO MEFISTO Klaus Mann tradução Erlon José Paschoal 320 páginas isbn Uma das obras mais marcantes da literatura moderna de língua alemã, popularizada também graças à bela filmagem de István Szabó, traz a história de Hendrik Höfgen baseada em Gustav Gründgens, o ator mais famoso e bajulado no regime nazista, que, por um pacto com o diabo, coloca seu talento a serviço do regime e faz uma carreira fulminante. No final, não é mais que uma marionete a serviço do poder. ROMANTISMO UMA QUESTÃO ALEMÃ Rüdiger Safranski tradução Rita Rios 384 páginas isbn O autor aborda o Romantismo de uma maneira renovada e surpreendente. A obra divide-se em duas partes: O romantismo e O romântico. Na primeira parte, o autor aponta as origens e antecipações desse movimento que revo lucionou a cultura, mostrando o espírito que disparou essa explosão criativa a gerar inúmeras teorias e ensaios filosóficos, romances e poemas. Na segunda seção, há a investigação do romântico como atitude espiritual, que se manifesta em autores como Schlegel, Fichte, Novalis, Marx, Heine, Nietzsche, Wagner, etc., passando por autores do século XX como Herman Hesse e Thomas Mann e seguindo trilhas que chegam ao nacional-socialismo alemão e ao movimento de 1968 inclusive suas variações de guerrilha urbana dos anos BÉLA GUTTMANN UMA LENDA DO FUTEBOL DO SÉCULO XX Detlev Claussen tradução Alexandre Fernandez Vaz e Daniel Martineschen 176 páginas isbn A história do futebol mundial no século XX é personificada em Béla Guttmann, um pioneiro do movimento de globalização no esporte mais popular do planeta. Húngaro judeu, Guttmann, também ex-jogador, treinou equipes como Milan, São Paulo e Peñarol, e teve como auge o bicampeonato da Champions League no comando dos portugueses do Benfica. 24

26 Domínio inglês Richard Ford Nascido em Jackson, no Mississipi, Richard Ford é formado em artes pela Michigan State University. Um curso de escrita criativa na University of California, onde teve aulas com E.L. Doctorow e Oakley Hall, selaria sua incursão no mundo das letras. É autor de oito romances e três coletâneas de contos, incluindo Independência [Record, 1997], pelo qual venceu o Prêmio Pulitzer e o PEN/Faulkner Award of Fiction. Cotado ao Nobel, Ford é um dos grandes, hoje, da cena literária americana. Laura Wilson CANADÁ tradução Mauro Pinheiro 456 páginas isbn Uma história dramática de desestruturação familiar. Depois que os pais são presos por terem assaltado um banco, o jovem Bell sente-se perdido, sobretudo depois que a irmã gêmea resolve fugir de casa. Um amigo da família intervém e o estimula a partir para o Canadá, de modo a iniciar uma nova vida. Mas no país vizinho outras surpresas também aguardam o nosso herói. PADDY CLARKE HA HA HA Roddy Doyle tradução Lídia C. Luther 288 páginas isbn Impiedoso e hilário relato mostrando como a difícil vida das crianças num subúrbio de Dublin nos anos 1960 as transforma em pequenas feras lutando por poder e ternura. Narrado pela perspectiva de um garoto dublinense dotado de incrível imaginação, o livro propõe um painel apaixonante da pré-adolescência as aventuras escolares, a paixão pelo futebol na Irlanda da época. Muito comparado a Dublinenses, de James Joyce, o livro foi best-seller na Grã-Bretanha. FURGÃO, O tradução Lídia C. Luther 268 páginas isbn Uma delicada e bem-humorada história sobre a amizade masculina, manchada por ketchup e banhada em gordura num velho furgão transformado em lanchonete sobre rodas. Roddy Doyle ambienta seus personagens num subúrbio de Dublin e acres centa ao seu explosivo coquetel as emoções de uma Copa do Mundo. UMA ESTRELA CHAMADA HENRY tradução Lídia C. Luther 384 páginas isbn Nascido literalmente nos esgotos de Dublin em 1901, filho de um leão de chá cara perneta e matador profissional, Henry Smart precisa amadurecer rápido. Da vida de esmolas para a de guerrilheiro do IRA, sua trajetória é longa e conturbada. Roddy Doyle tece aqui o relato impiedoso, mas repleto de ternura e digno de Dickens ou Zola, de uma Irlanda oprimida e paupérrima. 25

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES

OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES OS DOZE TRABALHOS DE HÉRCULES Introdução ao tema A importância da mitologia grega para a civilização ocidental é tão grande que, mesmo depois de séculos, ela continua presente no nosso imaginário. Muitas

Leia mais

Homens da África Ahmadou Kourouma. Edições SM. Cabelos de axé: identidade e resistência Raul Lody. Editora SENAC

Homens da África Ahmadou Kourouma. Edições SM. Cabelos de axé: identidade e resistência Raul Lody. Editora SENAC ÁFRICA Homens da África Ahmadou Kourouma. Edições SM Ricamente ilustrada por fotos e desenhos, esta obra traça um painel detalhado da vida dos habitantes da África do Oeste: sua tradição oral, detalhes

Leia mais

A amizade abana o rabo

A amizade abana o rabo RESENHA Leitor iniciante Leitor em processo Leitor fluente ILUSTRAÇÕES: Marina relata, nessa história, seu encontro com cães especiais, que fazem parte de sua vida: Meiga, Maribel e Milord. A história

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

2ª Etapa: Propor a redação de um conto de mistério utilizando os recursos identificados na primeira etapa da atividade.

2ª Etapa: Propor a redação de um conto de mistério utilizando os recursos identificados na primeira etapa da atividade. DRÁCULA Introdução ao tema Certamente, muitas das histórias que atraem a atenção dos jovens leitores são as narrativas de terror e mistério. Monstros, fantasmas e outras criaturas sobrenaturais sempre

Leia mais

readquire a alegria de viver. O incrível universo do jardim fortalece a amizade entre as crianças e traz de volta o sorriso ao rosto do senhor Craven.

readquire a alegria de viver. O incrível universo do jardim fortalece a amizade entre as crianças e traz de volta o sorriso ao rosto do senhor Craven. O JARDIM SECRETO Introdução ao tema Mais que um simples romance sobre a descoberta de um lugar proibido, O jardim secreto revela o fascínio dos primeiros contatos com a natureza e a importância que ela

Leia mais

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207

OLHAR GLOBAL. Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas. A poeira do. renascimento. Fotografe Melhor n o 207 OLHAR GLOBAL Inspirado no mito da Fênix, Olivier Valsecchi cria imagens com cinzas A poeira do renascimento 36 Fotografe Melhor n o 207 Olivier convida pessoas que encontra na rua ou na internet para posarem

Leia mais

Leya Leituras Projeto de Leitura

Leya Leituras Projeto de Leitura Leya Leituras Projeto de Leitura Nome do livro: JAPĨĨ E JAKÃMĨ Uma história de amizade Autor: Yaguarê Yamã Nacionalidade do autor: Brasileira Currículo do autor: Escritor, professor e artista plástico

Leia mais

Histórico do livro Menino brinca de boneca?

Histórico do livro Menino brinca de boneca? Histórico do livro Menino brinca de boneca? Menino brinca de boneca? foi lançado em 1990, com grande aceitação de público e crítica, e vem sendo referência de trabalho para profissionais, universidades,

Leia mais

É verdade que só começo um livro quando descubro uma pluma branca. Isso é um ritual que me impus apesar se só escrever uma vez cada dois anos.

É verdade que só começo um livro quando descubro uma pluma branca. Isso é um ritual que me impus apesar se só escrever uma vez cada dois anos. 1) Como está sendo a expectativa do escritor no lançamento do livro Ser como um rio que flui? Ele foi lançado em 2006 mas ainda não tinha sido publicado na língua portuguesa, a espera do livro pelos fãs

Leia mais

APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre. Aula 13

APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre. Aula 13 APOSTILAS DO QUARTO BIMESTRE 8 ANO. TURMA 801 4º Bimestre Aula 13 Identidade Visual Embora você possa nunca ter ouvido falar em identidade visual, todos nós estamos sempre sendo bombardeados pelas identidades

Leia mais

CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES

CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES CONSTRUÇÃO DO EU LÍRICO E O RETRATO NA POETICA CECÍLIA MEIRELES Silvia Eula Muñoz¹ RESUMO Neste artigo pretendo compartilhar os diversos estudos e pesquisas que realizei com orientação do Prof. Me. Erion

Leia mais

Anna Catharinna 1 Ao contrário da palavra romântico, o termo realista vai nos lembrar alguém de espírito prático, voltado para a realidade, bem distante da fantasia da vida. Anna Catharinna 2 A arte parece

Leia mais

A jornada do herói. A Jornada do Herói

A jornada do herói. A Jornada do Herói A Jornada do Herói Artigo de Albert Paul Dahoui Joseph Campbell lançou um livro chamado O herói de mil faces. A primeira publicação foi em 1949, sendo o resultado de um longo e minucioso trabalho que Campbell

Leia mais

Um na Estrada Caio Riter

Um na Estrada Caio Riter Um na Estrada Caio Riter PROJETO DE LEITURA 1 O autor Caio Riter nasceu em 24 de dezembro, em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. É bacharel em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Pontifícia

Leia mais

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes

CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes COLÉGIO ARNALDO 2015 CADERNO DE ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO. Artes Aluno (a): 5º ano: Turma: Professor (a): Valor: 20 pontos Este trabalho deverá ser entregue IMPRETERIVELMENTE no dia da prova. Prezado(a)

Leia mais

SUPLEMENTO DE ATIVIDADES

SUPLEMENTO DE ATIVIDADES SUPLEMENTO DE ATIVIDADES NOME: N O : ESCOLA: SÉRIE: 1 Considerado um dos mais importantes escritores de todos os tempos, Edgar Allan Poe se inscreveu na história da literatura mundial com seu estilo inconfundível.

Leia mais

Finalmente, chegamos ao último Roteiro de Estudos do Segundo ano! Você já sabe como proceder! Organize seu material, revise o conteúdo e mãos à obra!

Finalmente, chegamos ao último Roteiro de Estudos do Segundo ano! Você já sabe como proceder! Organize seu material, revise o conteúdo e mãos à obra! ROTEIRO DE ESTUDOS DE LITERATURA PARA A 3ª ETAPA 2ª SÉRIE Finalmente, chegamos ao último Roteiro de Estudos do Segundo ano! Você já sabe como proceder! Organize seu material, revise o conteúdo e mãos à

Leia mais

Livro de Nuno Afonso CENTRO CULTURAL MESTRE JOSÉ RODRIGUES. 8 de Agosto 15.00 horas 1 / 8

Livro de Nuno Afonso CENTRO CULTURAL MESTRE JOSÉ RODRIGUES. 8 de Agosto 15.00 horas 1 / 8 CENTRO CULTURAL MESTRE JOSÉ RODRIGUES 8 de Agosto 15.00 horas 1 / 8 Apresentação do livro de Nuno Baptista-Afonso Nuno Baptista-Afonso nasceu em Mirandela, em 1979, mas é um Alfandeguense, pois aqui foi

Leia mais

Nomes: Marcelo Lauer, Mariana Matté, Matheus Fernandes, Raissa Reis e Nadine Siqueira

Nomes: Marcelo Lauer, Mariana Matté, Matheus Fernandes, Raissa Reis e Nadine Siqueira Escritor brasileiro Dados de Identificação: Nomes: Marcelo Lauer, Mariana Matté, Matheus Fernandes, Raissa Reis e Nadine Siqueira Turma: 201 Professora: Ivânia Lamb Romancista brasileiro nascido em São

Leia mais

DATAS COMEMORATIVAS. FESTAS JUNINAS 12 de junho Santo Antônio 24 de junho São João 29 de junho São Pedro

DATAS COMEMORATIVAS. FESTAS JUNINAS 12 de junho Santo Antônio 24 de junho São João 29 de junho São Pedro FESTAS JUNINAS 12 de junho Santo Antônio 24 de junho São João 29 de junho São Pedro As festas juninas fazem parte da tradição católica, mas em muitos lugares essas festas perderam essa característica.

Leia mais

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Design 2011-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.

Especial Online RESUMO DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO. Design 2011-1 ISSN 1982-1816. www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais. Especial Online ISSN 1982-1816 www.unifoa.edu.br/cadernos/especiais.html DOS TRABALHOS DE CONCLUSÃO DE CURSO Design 2011-1 DESENVOLVENDO A IDENTIDADE VISUAL DE UMA POUSADA EM CONSERVATÓRIA Alunos: OLIVEIRA,

Leia mais

O corpo. Lacordaire Vieira

O corpo. Lacordaire Vieira O corpo Lacordaire Vieira Biografia Lacordaire Vieira nasceu em Guapó (GO), em 1946. Passou a infância e parte da adolescência em São Luís de Montes Belos. Vive em Goiânia, desde 1965. Professor da Universidade

Leia mais

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa

JONAS RIBEIRO. ilustrações de Suppa JONAS RIBEIRO ilustrações de Suppa Suplemento do professor Elaborado por Camila Tardelli da Silva Deu a louca no guarda-roupa Supl_prof_ Deu a louca no guarda roupa.indd 1 02/12/2015 12:19 Deu a louca

Leia mais

A aproximação intercultural entre os romances de formação "Doidinho" e "Die Verwirrung des Zöglings Törless.

A aproximação intercultural entre os romances de formação Doidinho e Die Verwirrung des Zöglings Törless. Cristiane Maria Bindewald Universidade Federal do Paraná A aproximação intercultural entre os romances de formação "Doidinho" e "Die Verwirrung des Zöglings Törless. Este trabalho é resultado do nosso

Leia mais

3º Bimestre Pátria amada AULA: 127 Conteúdos:

3º Bimestre Pátria amada AULA: 127 Conteúdos: CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL INTERATIVA I 3º Bimestre Pátria amada AULA: 127 Conteúdos: Elaboração de cenas e improvisação teatral de textos jornalísticos.

Leia mais

400 anos do cavaleiro sonhador

400 anos do cavaleiro sonhador 400 anos do cavaleiro sonhador Há 400 anos, Miguel de Cervantes publicava a primeira parte de Dom Quixote, livro que marcou a história da literatura. Críticos e estudiosos retomam a efeméride para discutir

Leia mais

14 segredos que você jamais deve contar a ele

14 segredos que você jamais deve contar a ele Link da matéria : http://www.dicasdemulher.com.br/segredos-que-voce-jamais-deve-contar-aele/ DICAS DE MULHER DICAS DE COMPORTAMENTO 14 segredos que você jamais deve contar a ele Algumas lembranças e comentários

Leia mais

Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados

Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados Sebastião Salgado atribui culpa a EUA e Europa por atual crise dos refugiados POR ENTRETEMPOS, JORNAL FOLHA DE SÃO PAULO, 04.10.2015 Tião, como é chamado pelos amigos, não toma café. Ainda assim, motivado

Leia mais

AULA DE EDUCAÇÃO FÍSICA: UMA FESTA CRIATIVA Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br

AULA DE EDUCAÇÃO FÍSICA: UMA FESTA CRIATIVA Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br AULA DE EDUCAÇÃO FÍSICA: UMA FESTA CRIATIVA Glorinha Aguiar glorinhaaguiar@uol.com.br Ele era um excelente e criativo professor de Educação Física. Um dia, a diretora da escola o procurou e disse: Dentro

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

Em algum lugar de mim

Em algum lugar de mim Em algum lugar de mim (Drama em ato único) Autor: Mailson Soares A - Eu vi um homem... C - Homem? Que homem? A - Um viajante... C - Ele te viu? A - Não, ia muito longe! B - Do que vocês estão falando?

Leia mais

2007 Para Francisco livro em 2008 cinemas em 2015 Hoje Vou Assim 2013, lançou o livro Moda Intuitiva

2007 Para Francisco livro em 2008 cinemas em 2015 Hoje Vou Assim 2013, lançou o livro Moda Intuitiva CR I S G U E R R A p u b l i c i tá r i a, e s c r i to r a e pa l e s t r a N t e PERFIL Começou sua trajetória na internet em 2007, escrevendo o blog Para Francisco, que virou livro em 2008 e irá para

Leia mais

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil

Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Reflexões e atividades sobre Ação Social para culto infantil Apresentaremos 4 lições, que mostram algum personagem Bíblico, onde as ações praticadas ao longo de sua trajetória abençoaram a vida de muitas

Leia mais

7º ano - Criação e percepção - de si, do outro e do mundo

7º ano - Criação e percepção - de si, do outro e do mundo RELATÓRIO DE ARTES 1º Semestre/2015 Turma: 7º ano Professora: Mirna Rolim Coordenação pedagógica: Maria Aparecida de Lima Leme 7º ano - Criação e percepção - de si, do outro e do mundo Sinto que o 7º ano

Leia mais

Descobrindo o que a criança sabe na atividade inicial Regina Scarpa 1

Descobrindo o que a criança sabe na atividade inicial Regina Scarpa 1 1 Revista Avisa lá, nº 2 Ed. Janeiro/2000 Coluna: Conhecendo a Criança Descobrindo o que a criança sabe na atividade inicial Regina Scarpa 1 O professor deve sempre observar as crianças para conhecê-las

Leia mais

Ima. Sempre. em Frente. Eric Peleias

Ima. Sempre. em Frente. Eric Peleias Ima Sempre em Frente Eric Peleias Baseado em uma história real CAPÍTULO 1 LETÔNIA, DÉCADA DE 1940. 8 PODEM PARAR DE CAVAR! QUERO TODOS ENFILEIRADOS! O QUE ESTÃO ESPERANDO? ENFILEIRADOS, ANDEM LOGO! MUITO

Leia mais

Missões para os índios americanos

Missões para os índios americanos Missões para os índios americanos Em busca do Nobre Selvagem A história de missões ameríndias é intrigante: Iniciada pela igreja Católica; Despertou o interesse dos protestantes. Depois de muito zelo e

Leia mais

Pesquisa x Pesquisa. do Setor Editorial Brasileiro revelou uma venda de quatro bilhões de reais em livros, com

Pesquisa x Pesquisa. do Setor Editorial Brasileiro revelou uma venda de quatro bilhões de reais em livros, com A Bíblia Sagrada já vendeu, aproximadamente, 3,9 bilhões de cópias. O livro Ágape, do Padre Marcelo Rossi, já vendeu 8 milhões de exemplares. O livro erótico, Cinquenta Tons de Cinza, chegou ao número

Leia mais

1. Você escolhe a pessoa errada porque você espera que ela mude após o casamento.

1. Você escolhe a pessoa errada porque você espera que ela mude após o casamento. 10 Maneiras de se Casar com a Pessoa Errada O amor cego não é uma forma de escolher um parceiro. Veja algumas ferramentas práticas para manter os seus olhos bem abertos. por Rabino Dov Heller, Mestre em

Leia mais

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicas-para-jovens Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos As dinâmicas de grupo já fazem parte do cotidiano empresarial,

Leia mais

Literatura e cinema: algumas reflexões sobre a produção voltada para o público infantil

Literatura e cinema: algumas reflexões sobre a produção voltada para o público infantil Literatura e cinema: algumas reflexões sobre a produção voltada para o público infantil Fábio Augusto Steyer Universidade Estadual de Ponta Grossa PR A atual produção cinematográfica voltada para o público

Leia mais

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa

Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa Olhando as peças Histórias de Deus:Gênesis-Apocalipse 3 a 6 anos Unidade 2: A família de Deus cresce José perdoa História Bíblica: Gênesis 41-47:12 A história de José continua com ele saindo da prisão

Leia mais

O livro que falava com o vento e outros contos

O livro que falava com o vento e outros contos LER a partir dos 10 anos GUIA DE LEITURA MARIAALZIRACABRAL O livro que falava com o vento e outros contos JOSÉ JORGE LETRIA Ilustrações de Alain Corbel Apresentação da obra O Livro Que Falava com o Vento

Leia mais

Voluntariado nas Organizações de Terceiro Setor Marisa Seoane Rio Resende *

Voluntariado nas Organizações de Terceiro Setor Marisa Seoane Rio Resende * Voluntariado nas Organizações de Terceiro Setor Marisa Seoane Rio Resende * Voluntariado é a expressão da participação da sociedade na vida pública mais significativa da atualidade. Os movimentos de participação

Leia mais

Resumo Aula-tema 01: A literatura infantil: abertura para a formação de uma nova mentalidade

Resumo Aula-tema 01: A literatura infantil: abertura para a formação de uma nova mentalidade Resumo Aula-tema 01: A literatura infantil: abertura para a formação de uma nova mentalidade Pensar na realidade é pensar em transformações sociais. Atualmente, temos observado os avanços com relação à

Leia mais

Feira Literária. Todo dia é dia de ser criança! Banca de trocas de livros e gibis. 12/10, 2ª feira Feriado da Padroeira do Brasil

Feira Literária. Todo dia é dia de ser criança! Banca de trocas de livros e gibis. 12/10, 2ª feira Feriado da Padroeira do Brasil Outubro/2015 Parabenizamos também aos adultos que no auge da maturidade ainda conservam o sorriso e o olhar puro para a humanidade. 12/10, 2ª feira Feriado da Padroeira do Brasil Feira Literária Todo dia

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Grandes Exploradores

Grandes Exploradores Obras de referência para toda Grandes Exploradores A ousadia, a determinação e o espírito de aventura das figuras que marcam a descoberta e a exploração do Planeta. Do fundo do mar aos polos, do coração

Leia mais

Palavras-chave: Música caipira. Literatura. Valores. Imaginário. Cultura.

Palavras-chave: Música caipira. Literatura. Valores. Imaginário. Cultura. A MÚSICA CAIPIRA E A LITERATURA: do imaginário à representação cultural Meire Lisboa Santos Gonçalves Resumo: As manifestações sobre a tradição e cultura caipira e o seu reconhecimento são temáticas muito

Leia mais

GUARDAS DE BELO HORIZONTE USAM TAPA-OUVIDOS

GUARDAS DE BELO HORIZONTE USAM TAPA-OUVIDOS CLUBE EDUCACIONAL GESTAR NA ESCOLA TRAJETÓRIA II Atividades da I Unidade 7º ano / 6ª série António Manuel Couto Viana (poeta português). Versos de palmo e meio (1994). (Fragmento). Questão 1 - A expressão

Leia mais

Guia do Mochileiro. www.thesimstv.net

Guia do Mochileiro. www.thesimstv.net Guia do Mochileiro O Guia do Mochileiro foi totalmente desenvolvido por mim. Os direitos autorais dele pertem exclusivamente ao LPTS, sendo proibida cópia parcial ou integral do texto e das fotos. Os Sims

Leia mais

18 - A surpresa... 175 19 A fuga... 185 20 O atraso... 193 21 Vida sem máscaras... 197 22 - A viagem... 209 23 - A revelação...

18 - A surpresa... 175 19 A fuga... 185 20 O atraso... 193 21 Vida sem máscaras... 197 22 - A viagem... 209 23 - A revelação... Sumário Agradecimentos... 7 Introdução... 9 1 - Um menino fora do seu tempo... 13 2 - O bom atraso e o vestido rosa... 23 3 - O pequeno grande amigo... 35 4 - A vingança... 47 5 - O fim da dor... 55 6

Leia mais

Weber e o estudo da sociedade

Weber e o estudo da sociedade Max Weber o homem Maximilian Karl Emil Weber; Nasceu em Erfurt, 1864; Iniciou seus estudos na cidade de Heidelberg Alemanha; Intelectual alemão, jurista, economista e sociólogo; Casado com Marianne Weber,

Leia mais

APRESENTAÇÃO. Sobre Fernando Pessoa

APRESENTAÇÃO. Sobre Fernando Pessoa SUMÁRIO APRESENTAÇÃO Sobre Fernando Pessoa... 7 Ricardo Reis, o poeta clássico... 21 ODES DE RICARDO REIS... 29 CRONOLOGIA... 170 ÍNDICE DE POEMAS... 175 5 6 APRESENTAÇÃO Sobre Fernando Pessoa Falar de

Leia mais

FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I CONTEÚDO E HABILIDADES ARTES. Conteúdo: - Cubismo e Abstracionismo

FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I CONTEÚDO E HABILIDADES ARTES. Conteúdo: - Cubismo e Abstracionismo CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I Conteúdo: - Cubismo e Abstracionismo 2 CONTEÚDO E HABILIDADES DESAFIO DO DIA DINÂMICA LOCAL I Habilidades: - Conhecer e distinguir diferentes momentos

Leia mais

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br

Palestra Virtual. Promovida pelo IRC-Espiritismo http://www.irc-espiritismo.org.br Palestra Virtual Promovida pelo http://www.irc-espiritismo.org.br Tema: Mediunidade (Consciência, Desenvolvimento e Educação) Palestrante: Vania de Sá Earp Rio de Janeiro 16/06/2000 Organizadores da palestra:

Leia mais

Encontrando uma tábua de salvação, 13 O exercício do luto, 17 A folha de bordo cor de prata: uma pequena história, 19

Encontrando uma tábua de salvação, 13 O exercício do luto, 17 A folha de bordo cor de prata: uma pequena história, 19 Sumário Introdução, 11 Encontrando uma tábua de salvação, 13 O exercício do luto, 17 A folha de bordo cor de prata: uma pequena história, 19 Vencendo os obstáculos, 27 Pau e pedra, 31 Fortalecendo os laços,

Leia mais

O legado de AGOSTINHO DA SILVA 15 anos após a sua morte i

O legado de AGOSTINHO DA SILVA 15 anos após a sua morte i O legado de AGOSTINHO DA SILVA 15 anos após a sua morte i LUÍS CARLOS SANTOS luis.santos@ese.ips.pt Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal 1- Agostinho da Silva, um adepto da Educação

Leia mais

Roteiro de Áudio. SOM: abertura (Vinheta de abertura do programa Hora do Debate )

Roteiro de Áudio. SOM: abertura (Vinheta de abertura do programa Hora do Debate ) 1 Roteiro de Áudio Episódio 1 A língua, a ciência e a produção de efeitos de verdade Programa Hora de Debate. Campanhas de prevenção contra DST: Linguagem em alerta SOM: abertura (Vinheta de abertura do

Leia mais

Romance familiar poesia familiar

Romance familiar poesia familiar Romance familiar poesia familiar Em busca de imagens para uma apresentação, dou com a foto, feita em estúdio, de um garoto de 11 anos de idade chamado Walter Benjamin (1892-1940). Serve de ilustração a

Leia mais

Cabra macho e cidadão do mundo

Cabra macho e cidadão do mundo Cabra macho e cidadão do mundo Uma poesia antilírica, dirigida ao intelecto, mais presa à realidade objetiva do poema enquanto criação; Cronologicamente pertence à geração de 45, mas dela se afasta pela

Leia mais

edgar allan poe a filosofia da composição p r e fá c i o pedro süssekind t r a d u ç ã o léa viveiros de castro

edgar allan poe a filosofia da composição p r e fá c i o pedro süssekind t r a d u ç ã o léa viveiros de castro edgar allan poe a filosofia da composição p r e fá c i o pedro süssekind t r a d u ç ã o léa viveiros de castro sumário 9 prefácio. A lição aristotélica de Poe [Pedro Süssekind] 17 A filosofia da composição

Leia mais

A Busca. Capítulo 01 Uma Saga Entre Muitas Sagas. Não é interessante como nas inúmeras sagas que nos são apresentadas. encontrar uma trama em comum?

A Busca. Capítulo 01 Uma Saga Entre Muitas Sagas. Não é interessante como nas inúmeras sagas que nos são apresentadas. encontrar uma trama em comum? A Busca Capítulo 01 Uma Saga Entre Muitas Sagas Não é interessante como nas inúmeras sagas que nos são apresentadas em livros e filmes podemos encontrar uma trama em comum? Alguém, no passado, deixouse

Leia mais

Imagens de professores e alunos. Andréa Becker Narvaes

Imagens de professores e alunos. Andréa Becker Narvaes Imagens de professores e alunos Andréa Becker Narvaes Inicio este texto sem certeza de poder concluí-lo de imediato e no intuito de, ao apresentá-lo no evento, poder ouvir coisas que contribuam para continuidade

Leia mais

Autor (a): Januária Alves

Autor (a): Januária Alves Nome do livro: Crescer não é perigoso Editora: Gaivota Autor (a): Januária Alves Ilustrações: Nireuda Maria Joana COMEÇO DO LIVRO Sempre no fim da tarde ela ouvia no volume máximo uma musica, pois queria

Leia mais

Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino.

Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino. Nome: Laís Knott Oliveira Silva; Clóvis Begnozzi Neto e Eduardo Rossi Claudino. Professor: Wiviane Knott Sá Oliveira Silva Forma de Apresentação: Painel Instituição: Colégio Londrinense A poética no olhar

Leia mais

O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário

O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário epílogo O mar de Copacabana estava estranhamente calmo, ao contrário do rebuliço que batia em seu peito. Quase um ano havia se passado. O verão começava novamente hoje, ao pôr do sol, mas Line sabia que,

Leia mais

CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda

CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda CURSO e COLÉGIO ESPECÍFICO Ltda www.especifico.com.br DISCIPLINA : Sociologia PROF: Waldenir do Prado DATA:06/02/2012 O que é Sociologia? Estudo objetivo das relações que surgem e se reproduzem, especificamente,

Leia mais

O Almoço 1. Taísa SZABATURA 2 Laura SELIGMAN 3 Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, SC

O Almoço 1. Taísa SZABATURA 2 Laura SELIGMAN 3 Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, SC O Almoço 1 Taísa SZABATURA 2 Laura SELIGMAN 3 Universidade do Vale do Itajaí, Itajaí, SC RESUMO "O Almoço" é crônica que aborda a realidade de um aposentado em uma cidade litorânea. Insipirada na música

Leia mais

*Não foi propriamente um movimento ou escola literária; * Trata-se de uma fase de transição para o Modernismo, nas duas primeiras décadas do século

*Não foi propriamente um movimento ou escola literária; * Trata-se de uma fase de transição para o Modernismo, nas duas primeiras décadas do século *Não foi propriamente um movimento ou escola literária; * Trata-se de uma fase de transição para o Modernismo, nas duas primeiras décadas do século XX; * É quando surge uma literatura social, através de

Leia mais

12:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo

12:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo 2:00 Palestra: Jesus confia nos Jovens -Por isso entrega sua mãe - Telmo Amados de Deus, a paz de Jesus... Orei e pensei muito para que Jesus me usasse para poder neste dia iniciar esta pregação com a

Leia mais

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53

Para início de conversa 9. Família, a Cia. Ltda. 13. Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35. Cardápio de lembranças 53 Rio de Janeiro Sumário Para início de conversa 9 Família, a Cia. Ltda. 13 Urca, onde moro; Rio, onde vivo 35 Cardápio de lembranças 53 O que o homem não vê, a mulher sente 75 Relacionamentos: as Cias.

Leia mais

MODERNISMO SEGUNDA GERAÇÃO (1930-1945)

MODERNISMO SEGUNDA GERAÇÃO (1930-1945) MODERNISMO SEGUNDA GERAÇÃO (1930-1945) Tarsila do Amaral, cartão-postal, 1929 1. Que elementos da natureza estão representados nessa obra? 2. Que aspectos da natureza brasileira Tarsila do Amaral escolheu

Leia mais

Como conseguir um Marido Cristão Em doze lições

Como conseguir um Marido Cristão Em doze lições Como conseguir um Marido Cristão Em doze lições O. T. Brito Pág. 2 Dedicado a: Minha filha única Luciana, Meus três filhos Ricardo, Fernando, Gabriel e minha esposa Lúcia. Pág. 3 Índice 1 é o casamento

Leia mais

SEMANA DO SERVIDOR PÚBLICO sugestão de palestrantes. Otimize seu orçamento e mantenha um bom nível de palestrantes.

SEMANA DO SERVIDOR PÚBLICO sugestão de palestrantes. Otimize seu orçamento e mantenha um bom nível de palestrantes. SEMANA DO SERVIDOR PÚBLICO sugestão de palestrantes Otimize seu orçamento e mantenha um bom nível de palestrantes. resultados positivos para os servidores? qualidade de vida fernando rocha wesley schunk

Leia mais

Sistema de Ensino CNEC

Sistema de Ensino CNEC 1 SUMÁRIO VOLUME 1 "O homem é um pedaço do Universo cheio de vida." Ralph Waldo Emerson Capítulo 1 O Tempo não para 5 Capítulo 2 Você percebendo-se como sujeito histórico 20 Capítulo 3 O Universo que nos

Leia mais

Poder: Jornal Fortuna

Poder: Jornal Fortuna Aqui você enriquece sua leitura Jornal Fortuna Volume 1, edição 1 Data do boletim informativo Nesta edição: Poder: Há vários tipos de poder, poder militar, poder da natureza, poder político, o poder da

Leia mais

Daniel fazia parte de uma grupo seleto de homens de Deus. Ele é citado pelo profeta Ezequiel e por Jesus.

Daniel fazia parte de uma grupo seleto de homens de Deus. Ele é citado pelo profeta Ezequiel e por Jesus. Profeta Daniel Daniel fazia parte de uma grupo seleto de homens de Deus. Ele é citado pelo profeta Ezequiel e por Jesus. O livro de Daniel liga-se ao livro do Apocalipse do Novo Testamento, ambos contêm

Leia mais

VIVER ALÉM DA RELIGIOSIDADE

VIVER ALÉM DA RELIGIOSIDADE VIVER ALÉM DA RELIGIOSIDADE É Preciso saber Viver Interpretando A vida na perspectiva da Espiritualidade Cristã Quem espera que a vida seja feita de ilusão Pode até ficar maluco ou morrer na solidão É

Leia mais

A LIBERDADE COMO POSSÍVEL CAMINHO PARA A FELICIDADE

A LIBERDADE COMO POSSÍVEL CAMINHO PARA A FELICIDADE Aline Trindade A LIBERDADE COMO POSSÍVEL CAMINHO PARA A FELICIDADE Introdução Existem várias maneiras e formas de se dizer sobre a felicidade. De quando você nasce até cerca dos dois anos de idade, essa

Leia mais

ENTREVISTA. COM o Dr. Rildo Cosson. POR Begma Tavares Barbosa* begma@acessa.com

ENTREVISTA. COM o Dr. Rildo Cosson. POR Begma Tavares Barbosa* begma@acessa.com Entrevista ENTREVISTA 146 COM o Dr. Rildo Cosson. POR Begma Tavares Barbosa* begma@acessa.com * Dra. em Letras pela PUC/RJ e professora do Colégio de Aplicação João XXIII/UFJF. Rildo Cosson Mestre em Teoria

Leia mais

Cubismo. 9º Ano 2015 1º Bimestre Artes Prof. Juventino

Cubismo. 9º Ano 2015 1º Bimestre Artes Prof. Juventino Cubismo 9º Ano 2015 1º Bimestre Artes Prof. Juventino Guernica Cidade... Loucura... Ou...Arte? Pablo Picasso Nome: Pablo Picasso Nascimento : Andaluzia 1881 Filho de: José Ruiz Blasco E de: Maria Picasso

Leia mais

Indice. Bullying O acaso... 11

Indice. Bullying O acaso... 11 Indice Bullying O acaso... 11 Brincadeira de mau gosto. Chega! A história... 21 O dia seguinte... 47 A paixão... 53 O reencontro... 61 O bullying... 69 9 Agosto/2010 O acaso Terça-feira. O sol fazia um

Leia mais

Reportagem do portal Terra sobre o Golpe de 1964

Reportagem do portal Terra sobre o Golpe de 1964 Reportagem do portal Terra sobre o Golpe de 1964 http://noticias.terra.com.br/brasil/golpe-comecou-invisivel-diz-sobrinho-de-substitutode-jango,bc0747a8bf005410vgnvcm4000009bcceb0arcrd.html acesso em 31-03-2014

Leia mais

ANDERSON CAVALCANTE. Meu pai, meu herói

ANDERSON CAVALCANTE. Meu pai, meu herói ANDERSON CAVALCANTE Meu pai, meu herói Dedicatória Ao meu pai, Eraldo, meu herói e minha referência de vida. 5 Agradecimentos A Deus, por sempre me ajudar a cumprir minha missão. A todos os pais que são

Leia mais

PRÉ-LEITURA ATIVIDADES ANTERIORES À LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE O LIVRO, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO

PRÉ-LEITURA ATIVIDADES ANTERIORES À LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE O LIVRO, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO PROJETO DE LEITURA PRÉ-LEITURA ATIVIDADES ANTERIORES À LEITURA INTENÇÃO: LEVANTAR HIPÓTESES SOBRE O LIVRO, INSTIGAR A CURIOSIDADE E AMPLIAR O REPERTÓRIO DO ALUNO. Atividade 1 Antes de você iniciar a leitura

Leia mais

10 coisas que cachorros ensinam sobre o que de fato importa

10 coisas que cachorros ensinam sobre o que de fato importa 10 coisas que cachorros ensinam sobre o que de fato importa Cães são uma fonte constante de amor e diversão, mas, além disso, nos ensinam algumas das maiores lições de nossas vidas Debbie Gisonni, do Cachorro:

Leia mais

Construindo Derrida. Por Carla Rodrigues Para o Valor, 31.5.2013

Construindo Derrida. Por Carla Rodrigues Para o Valor, 31.5.2013 Construindo Derrida Por Carla Rodrigues Para o Valor, 31.5.2013 Em biografia recém- lançada, Benoît Peeters situa a obra do filósofo Jacques Derrida como parte de um tempo rico do pensamento francês Judeu

Leia mais

Introdução. De que adianta estudar filosofia se não para melhorar o seu pensamento sobre as questões importantes do dia a dia? Ludwig Wittgenstein

Introdução. De que adianta estudar filosofia se não para melhorar o seu pensamento sobre as questões importantes do dia a dia? Ludwig Wittgenstein Introdução De que adianta estudar filosofia se não para melhorar o seu pensamento sobre as questões importantes do dia a dia? Ludwig Wittgenstein O que a filosofia tem a ver com o dia a dia? Tudo! Na verdade,

Leia mais

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com

HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com HERÓIS SEM ROSTOS - A Saga do Imigrante para os EUA Autor: Dirma Fontanezzi - dirma28@hotmail.com TRECHO: A VOLTA POR CIMA Após me formar aos vinte e seis anos de idade em engenharia civil, e já com uma

Leia mais

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 13.1 Conteúdo: Outras formas de narrar: o conto

Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 13.1 Conteúdo: Outras formas de narrar: o conto 2 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO SABERES DESAFIO DO DIA Unidade II Cultura: a pluralidade na expressão humana Aula 13.1 Conteúdo: Outras formas de narrar: o conto 3 CONTEÚDO E HABILIDADES FORTALECENDO

Leia mais

Natália. Roteiro e direção de André Pellenz. Autoria de Patricia Lopes. Produção de Lara Marujo Hess.

Natália. Roteiro e direção de André Pellenz. Autoria de Patricia Lopes. Produção de Lara Marujo Hess. Natália A série acompanha a trajetória de Natália, uma garota da periferia do Rio de Janeiro, evangélica, virgem e noiva, que aos 18 anos tem a oportunidade de se tornar modelo. Ela precisa então decidir

Leia mais

Sistema de Ensino CNEC. 1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome:

Sistema de Ensino CNEC. 1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: 1 o ano Ensino Fundamental Data: / / Nome: A literatura infantil surgiu no século XVII, no intuito de educar as crianças moralmente. Em homenagem ao escritor dinamarquês Hans Christian Andersen, foi criado

Leia mais

De volta para casa. Game Design Document. Versão: 2.0. Alessandra RA 1385789. Aline RA 1382286. Allan RA 1385006. Fabio RA 1385806.

De volta para casa. Game Design Document. Versão: 2.0. Alessandra RA 1385789. Aline RA 1382286. Allan RA 1385006. Fabio RA 1385806. De volta para casa Game Design Document Versão: 2.0 Professor Orientador: Esp. Marcelo Henrique dos Santos Autores: Alessandra RA 1385789 Aline RA 1382286 Allan RA 1385006 Fabio RA 1385806 Iris RA 1383599

Leia mais

FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS

FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS GISELE CRISTINA DE SANTANA FERREIRA PEREIRA JÉSSICA PALOMA RATIS CORREIA NOBRE PEDAGOGIA: PROJETO MENINA BONITA DO LAÇO DE FITA JANDIRA - 2012 FACULDADE EÇA DE QUEIRÓS GISELE CRISTINA

Leia mais

Crianças e adolescentes. Lucas 18:15.17

Crianças e adolescentes. Lucas 18:15.17 Crianças e adolescentes Lucas 18:15.17 Quem tem ensinado as nossas crianças? Nós ou Eles? Jogos eletrônicos Os jogos eletrônicos hoje em dia, cada vez mais próximo da realidade, que incitam a violência,

Leia mais

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ

PROGRAMA JOVEM APRENDIZ JOVEM APRENDIZ Eu não conhecia nada dessa parte administrativa de uma empresa. Descobri que é isso que eu quero fazer da minha vida! Douglas da Silva Serra, 19 anos - aprendiz Empresa: Sinal Quando Douglas

Leia mais