Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre"

Transcrição

1 Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre Instruções gerais: Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar a lista de exercícios no dia da avaliação de recuperação da disciplina. Não se esqueça de colocar nome, número e série. A lista de exercícios vale 2,0 (dois pontos). Capriche e bom trabalho! 1) Leia o trecho a seguir. Um problema preocupava Hierão, tirano de Siracusa, no século III a.c., havia encomendado uma coroa de ouro, para homenagear uma divindade, mas suspeitava que o ourives o enganara, não utilizando ouro maciço em sua confecção. Como descobrir, sem danificar o objeto, se seu interior continha uma parte feita de prata? Só um homem talvez conseguisse resolver a questão: seu amigo Arquimedes, famoso matemático e inventor de vários engenhos mecânicos. Hierão mandou chamá-lo e pediu-lhe uma resposta que pusesse fim à sua dúvida. Arquimedes aceitou a incumbência e pôs-se a procurar a solução para o problema. Esta lhe ocorreu durante o banho. Observou que a quantidade de água que se elevava na banheira, ao submergir, era equivalente ao volume de seu próprio corpo. Ali estava a chave para resolver a questão proposta pelo tirano. No entusiasmo da descoberta, Arquimedes saiu nu pelas ruas, gritando: Eureka! Eureka! Achei! Achei! Disponível em: Acesso em: 12 out (A) Supondo que a coroa do rei tivesse uma massa total de 1,5 kg, e que o volume de água transbordado de um recipiente completamente cheio com esse líquido ao ser colocada a coroa foi de 100 ml. Com essas informações responda se a coroa era feita de ouro puro ou não. Justifique sua resposta. (B) Caso a coroa fosse feita com uma liga que contivesse uma proporção em massa de 50% de ouro e 50% de prata, determine o volume de água que deveria transbordar do recipiente. Dados: d(ouro) = 19,3 g.cm -3 (25 ºC) e d(prata) = 10,5 g.cm -3 (25 ºC) 2) Leia as informações a seguir. Tendo a qualidade dos alimentos se tornado um problema mundial, é cada vez mais importante a detecção de produtos rotulados de forma fraudulenta, e de qualidade inferior no mercado, tanto por razões econômicas como por razões de saúde pública. Assim, se faz necessário utilizar todos os meios disponíveis para detectar a possível presença de substâncias indesejáveis nos alimentos. E com o leite não é diferente, pois ele apresenta vários componentes que podem ser alterados no caso de fraude. A adição de água ao leite é um método muito antigo utilizado em pequenas propriedades rurais, para aumentar o seu rendimento. Esse tipo de alteração além de lesar o consumidor, põe em risco a saúde sua saúde, pois a água que é adicionada muitas vezes não passa por nenhum tratamento e pode contaminar o produto com microrganismos. Quando ao leite é adicionada água, a caseína que se encontra na forma de partículas esféricas combinadas com o cálcio vai se desfazendo, o que, além da própria água adicionada, ainda contribui para diminuir o rendimento na produção dos derivados do leite. Pela Instrução Normativa nº 51 para leite cru tipo C integral refrigerado, permite-se um variação de 1,028 a 1,034g/mL (BRASIL, 2002) na densidade e um teor de gordura máximo de 3% em massa. Disponível em: Acesso em: 12 out (adaptado)

2 Um determinado laboratório de análise recebeu 50 ml de 7 amostras de leite suspeitas de estarem adulteradas pela adição de água. Após a análise, foi construída a tabela a seguir com alguns dos resultados obtidos. -1 Massa de gordura Amostra Densidade a 25º C / g.ml encontrada / g 1 1,031 1,95 2 1,031 1,85 3 1,030 1,90 4 1,029 1,80 5 1,028 1,80 6 1,028 1,70 7 1,026 1,60 (A) Sabendo-se que houve adição de água em 5 amostras de leite, identifique estas amostras. Justifique a sua resposta. (B) Dentre as amostras apresentadas por você no item anterior desta questão, indique qual teve a maior adição de água. (C) Dentre as amostras analisadas, somente uma está fora dos padrões estabelecidos. Identifique-a e justifique a sua resposta. 3) Relacione: 1) É tudo aquilo que tem massa e ocupa lugar no espaço. 2) É o corpo formado por determinada matéria. 3) Este estado é caracterizado pelo volume constante, mas tem a forma variável. 4) Este estado é caracterizado pela forma e volume variáveis. 5) É a passagem do estado sólido para o estado líquido. 6) É a passagem do estado líquido para o estado gasoso. Líquido Fusão Ebulição Matéria Solidificação Gasoso Objeto Sublimação Liquefação

3 7) É a passagem do estado gasoso para o estado líquido. 8) É a passagem do estado líquido para o estado sólido. 9) É a passagem direta do estado sólido para o estado gasoso, sem a passagem pelo estado líquido. 4) Considere as seguintes propriedades dos metais estanho e chumbo: Determine: a) o volume de uma barra de 400 g de estanho na temperatura acima; b) a massa de um cubo de aresta 10 cm de chumbo. 5) Uma barra de certo metal, de massa igual a 37,8g, foi introduzida num cilindro graduado contendo água. O nível da água contida no cilindro, antes (1) e após (2) a imersão da barra metálica é mostrado na figura. Analisando-se a figura, calcule a densidade do metal imerso. 6) Calcule a densidade das seguintes substâncias: Sabe-se que a = 1 cm; a massa do ferro = 7,8 g; a massa do chumbo = 11,3 g e a massa do mercúrio = 13,6 g.

4 7) Uma importante etapa no processo da reciclagem consiste na separação dos materiais a serem reciclados. Considere que em uma cooperativa de reciclagem um grupo de trabalhadores fez a separação de diferentes tipos de plásticos, que em seguida foram triturados e ensacados em sacos de plástico de diferentes volumes que ficaram completamente cheios. Um dos trabalhadores resolveu medir a massa de cada um desses sacos e encontrou os seguintes valores. Amostra Massa / kg Volume do saco / L 1 4, , , ,6 50 Com base nas informações apresentadas e considerando desprezível o espaço vazio em cada um dos sacos, responda às questões a seguir. Identifique qual plástico possui menor densidade. Justifique a sua resposta. Sabendo que duas destas amostras contêm o mesmo tipo de plástico, identifique-as. Justifique sua resposta. Um dos trabalhadores desta cooperativa ensacou o mesmo plástico da amostra 1, porém em sacos de 25 L. Indique a massa, em kg, deste saco. Considere uma mistura contendo plástico das 4 amostras. Um desses plásticos pode ser separado dos demais pela adição de água. Sabendo que todos os plásticos são insolúveis em água, identifique a amostra que contém esse plástico e explique sua resposta. 8) O gráfico a seguir mostra o aquecimento de 500 g de um determinado material no estado líquido, à temperatura ambiente, até a sua completa vaporização. Considerando-se que esta experiência fora realizada ao nível do mar, responda às questões a seguir. O material é uma substância ou uma mistura? Justifique a sua resposta.

5 Se, em vez de aquecer 500 g, fosse aquecido o dobro da massa da substância líquida até a completa vaporização. Neste caso, o patamar constante mostrado no gráfico seria abaixo, acima ou no mesmo lugar do apresentado no gráfico anterior. Justifique sua resposta. Caso essa experiência tivesse sido realizada no alto de uma montanha, o patamar constante mostrado no gráfico seria abaixo, acima ou no mesmo lugar do apresentado no gráfico anterior. Justifique sua resposta. 9) Para entender o principio de funcionamento dos termômetros, um professor propôs que seus alunos segurassem, durante algum tempo, o bulbo de um termômetro de laboratório. Os resultados encontrados são mostrados na figura a seguir. Com base nos resultados deste experimento e nos conceitos da teoria cinética molecular, resolva as questões a seguir. Identifique qual foi o aumento de temperatura. Explique por que o líquido no interior do termômetro aumentou de volume. Explique se a densidade do líquido no termômetro ao fim da experiência é maior, igual ou menor que no início.

6 10) A densidade é uma propriedade específica que varia de acordo com a temperatura. Quanto maior a temperatura, menor é a densidade de um material. Analise o quadro que contém o valor da densidade da água em algumas temperaturas. Temperatura / ºC Densidade / g.cm , , , , ,9922 Um determinado caminhão pipa tem capacidade para transportar 20 m 3 de água e, quando vazio, possui massa de 5 t. Ao ser parado em um posto de fiscalização equipado com balança, esse caminhão, quando transportava água em sua capacidade máxima, teve sua massa determinada e o valor encontrado foi de 5,0199 t. Desse modo, a temperatura da água dentro do caminhão é de aproximadamente: a) 0 ºC b) 10 ºC c) 20 ºC d) 30 ºC e) 40 ºC 11) Esse mar fica entre dois países do oriente, Israel e a Jordânia, e se chama Mar Morto. Na verdade, não é um mar: é um grande lago, onde deságua o rio Jordão. Ele está a 392 metros abaixo do nível do mar, e é o ponto mais baixo de toda a superfície do planeta. De tão grande, parece mesmo um mar: tem 85 quilômetros de comprimento e 17 quilômetros de largura. É tanto sal em suas águas que não tem peixe, alga ou camarão que consiga viver ali dentro. Por isso o nome de Mar Morto.

7 Esse lago em que tudo bóia tem a água mais salgada do mundo: é seis vezes mais salgado que um mar normal! É preciso muito cuidado para não abrir os olhos embaixo d água, pois o sal queima as partes mais delicadas do corpo. Tomar sol depois de sair do Mar Morto pode causar queimaduras na pele. Disponível em: Acesso em: 12 out (adaptado) Em comparação aos oceanos, os objetos no Mar Morto têm mais facilidade em flutuar porque: a) a baixa altitude facilita a flutuação de objetos. b) a densidade da água no mar morto é consideravelmente maior. c) a pressão atmosférica no mar morto é consideravelmente maior. d) a temperatura de ebulição da água no mar morto é maior. e) o volume de água nos oceanos é consideravelmente maior. 12) O Monte Everest é a montanha mais alta do mundo com metros de altitude. Está situado no continente asiático, na cordilheira do Himalaia (fronteira do Nepal com o Tibet). Em função da altitude, o cume desta montanha permanece coberto por gelo durante o ano todo. O nome do monte é uma homenagem a George Everest (topógrafo da Índia), primeiro homem a estabelecer sua altitude e posição. Este fato ocorreu em 1841 e a montanha foi batizada, primeiramente, com o nome de Pico XV. O Everest é a montanha que mais desafia os alpinistas, pois representa uma grande dificuldade. Vários alpinistas já morreram ao tentar chegar ao cume da montanha. Mesmo com planejamento, preparo físico e treinamento, a subida apresenta diversas dificuldades: ar rarefeito (baixa quantidade de oxigênio), frio extremo e avalanches de neve. No dia 29 de maio de 1953, a expedição anglo-neozelandesa, comandada por John Hunt, atingiu o cume do Everest pela primeira vez na história. Disponível em: Acesso em: 12 out (adaptado) No alto do monte Everest a temperatura de ebulição da água é igual a 72 ºC, diferentemente de uma cidade litorânea, cujo valor para essa propriedade é 100 ºC. A partir das informações apresentadas no texto, indique a alternativa que apresenta uma causa para essa diferença nos valores.

8 a) O Monte Everest apresenta avalanche de neves. b) O Monte Everest apresenta um frio extremo. c) O Monte Everest é a montanha mais alta do mundo. d) O Monte Everest possui cume coberto de gelo. e) O Monte Everest só pode ser explorado após o ano de ) Numa escola em Recife, dois grupos de alunos do Ensino Médio fizeram no laboratório, sob supervisão do professor, o aquecimento de água até a completa vaporização. Eles monitoraram a temperatura durante todo o experimento. O grupo 1 aqueceu 150 ml de água e o grupo 2 aqueceu 300 ml. Com relação ao experimento realizado podemos afirmar que a: a) água do grupo 1 demorou mais tempo para entrar em ebulição do que a do grupo 2. b) água vaporizou completamente com o mesmo tempo em ambos os grupos. c) temperatura da água de ambos os grupos aumentou gradativamente durante todo o experimento. d) temperatura na qual a água entrou em ebulição foi a mesma em ambos os grupos. e) temperatura sofre pequenas variações quando a água entra em ebulição em ambos os béqueres. 14) O gráfico a seguir foi construído a partir do resfriamento de um determinado material líquido até a sua completa solidificação.

9 A partir da análise do gráfico inferimos que a) a mudança de fase ocorreu em 16 minutos. b) a partir do tempo 6 minutos, passa a existir apenas da fase sólida. c) a temperatura de ebulição do material é menor que 25 ºC. d) a temperatura de fusão do material é igual a 25 ºC. e) o material é constituído por 2 substâncias distintas. 15) Leia a notícia a seguir. Israel inaugura a maior usina de dessalinização do mundo Em 2010, Israel inaugurou a sua terceira usina de dessalinização no norte da cidade de Hadera. A usina foi considerada a maior usina de dessalinização por osmose reversa do mundo. Ela captura água do Mar Mediterrâneo e a torna potável, a expectativa é que a usina produza 127 milhões de metros cúbicos de água por ano o suficiente para abastecer um s exto da população israelense. Criada com um investimento de quase meio bilhão de dólares, a usina foi criada pela IDE Technologies, uma companhia israelense que já construiu duas usinas de dessalinização de água no país. O governo foi o responsável pelo plano de criar a usina, com o objetivo de atender as demandas de uma população crescente e com o seu estoque de água sempre ameaçado, dependentes quase que exclusivamente das chuvas de inverno. Através de um contrato de 25 anos, a água custará um pouco mais de 50 centavos por metro cúbico. Uma nova era? O sucesso do conceito de uma mega usina de dessalinização alcançou uma nova era de água abundante e acessível para o mundo, que vêm enfrentando problemas de falta de água disse Avshalom Felber, CEO da IDE Technologies, em um comunicado oficial. A IDE apresentou avanços tecnológicos nos campos da dessalinização térmica e de membrana. O sal é retirado da água marinha, utilizando um processo de osmose reversa,

10 uma das duas maneiras de utilizar membranas para dessalinizar a água. Na osmose reversa a água de uma solução salina altamente pressurizada é canalizada através de uma membrana permeável que a separa dos componentes salgados. Disponível em: mundo/. Acesso em: 12 out (adaptado) Considerando as informações e o processo de dessalinização apresentados no texto, podemos inferir que: a quantidade de indústrias iguais a essa para produzir água suficiente para abastecer toda a população de Israel durante 1 ano seria igual a duas. as preocupações com a economia de água e com maneiras de evitar a poluição de lagos, rios e nascentes devem ser reduzidas. as usinas de dessalinização mostram se eficientes para se substituir as estações de tratamento de água que existem hoje. o processo da osmose reversa para dessalinizar a água produz o mesmo efeito de evaporar uma grande quantidade de água e em seguida condensar. o processo de dessalinização vem para resolver o problema da falta de água em todo o mundo, já que há um aumento crescente da população mundial. 16) Um cientista recebeu uma substância desconhecida, no estado sólido, para ser analisada. A tabela abaixo representa o processo de aquecimento de uma amostra dessa substância. Tempo(min) Temperatura (ºC) Analisando a tabela, podemos concluir que a amostra apresenta: a) duração de ebulição de 10 minutos; b) duração de fusão de 40 minutos; c) ponto de fusão de 70 O C; d) ponto de fusão de 40 O C; e) ponto de ebulição de 50 O C.

11 Analise o gráfico de resfriamento de uma determinada substância líquida e responda às questões 17, 18 e 19: 17) Qual o ponto de solidificação dessa substância, em ºC? a) 60 b) 20 c) 0 d) -20 e) ) Quanto tempo, em segundos, durou o resfriamento do líquido, antes que ele iniciasse a mudança de estado? a) 10 b) 15 c) 20 d) 25 e) 30

12 19) Ao transcorrer 15s, qual a temperatura, em ºC, da substância? a) 60 b) 20 c) 0 d) -20 e) -40

23-05-2012. Sumário. Materiais. Algumas propriedades físicas e químicas dos materiais

23-05-2012. Sumário. Materiais. Algumas propriedades físicas e químicas dos materiais Sumário Correção do TPC. Algumas propriedades físicas características de substâncias. Os estados físicos da matéria e as mudanças de estado; Temperatura de fusão e temperatura de ebulição; Densidade. Estados

Leia mais

Aluno (a): Professor:

Aluno (a): Professor: 3º BIM P1 LISTA DE EXERCÍCIOS CIÊNCIAS 6º ANO Aluno (a): Professor: Turma: Turno: Data: / / Unidade: ( ) Asa Norte ( ) Águas Lindas ( )Ceilândia ( ) Gama ( )Guará ( ) Pistão Norte ( ) Recanto das Emas

Leia mais

REVISÃO PARA AVALIAÇÃO 1º BIMESTRE CIÊNCIAS

REVISÃO PARA AVALIAÇÃO 1º BIMESTRE CIÊNCIAS REVISÃO PARA AVALIAÇÃO 1º BIMESTRE CIÊNCIAS 1) A partir das informações dadas, enumere as informações, em ordem sequencial, de acordo com as etapas do método científico: ( ) Conclusões ( ) Possíveis respostas

Leia mais

PROF. KELTON WADSON OLIMPÍADA 8º SÉRIE ASSUNTO: TRANSFORMAÇÕES DE ESTADOS DA MATÉRIA.

PROF. KELTON WADSON OLIMPÍADA 8º SÉRIE ASSUNTO: TRANSFORMAÇÕES DE ESTADOS DA MATÉRIA. PROF. KELTON WADSON OLIMPÍADA 8º SÉRIE ASSUNTO: TRANSFORMAÇÕES DE ESTADOS DA MATÉRIA. 1)Considere os seguintes dados obtidos sobre propriedades de amostras de alguns materiais. Com respeito a estes materiais,

Leia mais

Mudanças de estado da água: fusão, solidificação, evaporação, ebulição, condensação...

Mudanças de estado da água: fusão, solidificação, evaporação, ebulição, condensação... PROFESSOR: EQUIPE DE CIÊNCIAS BANCO DE QUESTÕES - CIÊNCIAS - 6º ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ============================================================================================= Mudanças de estado

Leia mais

Ernesto entra numa fria!

Ernesto entra numa fria! A UU L AL A Ernesto entra numa fria! Segunda-feira, 6 horas da tarde, Cristiana e Roberto ainda não haviam chegado do trabalho. Mas Ernesto, filho do casal, já tinha voltado da escola. Chamou a gangue

Leia mais

Propriedades físicas e químicas das substâncias

Propriedades físicas e químicas das substâncias Propriedades físicas e químicas das substâncias Na Natureza há uma grande diversidade de materais. Muitos desses materais são substâncias mas será que são puras? Há substâncias que, mesmo misturadas com

Leia mais

O interesse da Química é analisar as...

O interesse da Química é analisar as... O interesse da Química é analisar as... PROPRIEDADES CONSTITUINTES SUBSTÂNCIAS E MATERIAIS TRANSFORMAÇÕES ESTADOS FÍSICOS DOS MATERIAIS Os materiais podem se apresentar na natureza em 3 estados físicos

Leia mais

Densidade. Tatiana Dillenburg Saint Pierre. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons.

Densidade. Tatiana Dillenburg Saint Pierre. Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. Tatiana Dillenburg Saint Pierre Este documento tem nível de compartilhamento de acordo com a licença 3.0 do Creative Commons. http://creativecommons.org.br http://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/br/legalcode

Leia mais

Propriedades da matéria e mudanças de estado físico

Propriedades da matéria e mudanças de estado físico INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO Campus Valença Propriedades da matéria e mudanças de estado físico Professor: José Tiago Pereira Barbosa 1 Propriedades da Matéria A matéria é

Leia mais

Introdução. Observando o ambiente

Introdução. Observando o ambiente Introdução A curiosidade natural do homem, o leva a explorar o ambiente que o cerca, observando, analisando, realizando experiências, procurando saber o porquê das coisas. Nesta atividade, exploradora

Leia mais

Solidificação: é o processo em que uma substância passa do estado líquido para o estado sólido.

Solidificação: é o processo em que uma substância passa do estado líquido para o estado sólido. EXERCÍCIOS PREPARATÓRIOS 1. (G1) Explique o significado das palavras a seguir. Observe o modelo. Solidificação: é o processo em que uma substância passa do estado líquido para o estado sólido. Vaporização:

Leia mais

Exercícios Sobre MudanÇas de estados físicos e diagramas

Exercícios Sobre MudanÇas de estados físicos e diagramas Exercícios Sobre MudanÇas de estados físicos e diagramas 01. (Uepg) Quanto às características das substâncias puras e das misturas, assinale o que for correto. 01) Misturas sólidas homogêneas não podem

Leia mais

A MATÉRIA E SEUS ESTADOS FÍSICOS I TRIMESTRE CIÊNCIAS NATURAIS SABRINA PARENTE

A MATÉRIA E SEUS ESTADOS FÍSICOS I TRIMESTRE CIÊNCIAS NATURAIS SABRINA PARENTE A MATÉRIA E SEUS ESTADOS FÍSICOS I TRIMESTRE CIÊNCIAS NATURAIS SABRINA PARENTE Matéria é tudo em que você puder pensar, destas páginas que você está lendo até a cadeira que você está sentado, a água que

Leia mais

CALORIMETRIA, MUDANÇA DE FASE E TROCA DE CALOR Lista de Exercícios com Gabarito e Soluções Comentadas

CALORIMETRIA, MUDANÇA DE FASE E TROCA DE CALOR Lista de Exercícios com Gabarito e Soluções Comentadas COLÉGIO PEDRO II PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO, PESQUISA, EXTENSÃO E CULTURA PROGRAMA DE RESIDÊNCIA DOCENTE RESIDENTE DOCENTE: Marcia Cristina de Souza Meneguite Lopes MATRÍCULA: P4112515 INSCRIÇÃO: PRD.FIS.0006/15

Leia mais

ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA 3º TRIMESTRE 8º ANO DISCIPLINA: FÍSICA

ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA 3º TRIMESTRE 8º ANO DISCIPLINA: FÍSICA ATIVIDADES DE RECUPERAÇÃO PARALELA 3º TRIMESTRE 8º ANO DISCIPLINA: FÍSICA Observações: 1- Antes de responder às atividades, releia o material entregue sobre Sugestão de Como Estudar. 2 - Os exercícios

Leia mais

ATIVIDADE II COLÉGIO TIA IVONE - CTI. PROFESSOR: NEW CRISTIAN SÉRIE: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO Aluno(a): 1. Conceitue:

ATIVIDADE II COLÉGIO TIA IVONE - CTI. PROFESSOR: NEW CRISTIAN SÉRIE: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO Aluno(a): 1. Conceitue: COLÉGIO TIA IVONE - CTI DISCIPLINA: QUÍMICA Data: / /2012 PROFESSOR: NEW CRISTIAN SÉRIE: 1ª SÉRIE DO ENSINO MÉDIO Aluno(a): ATIVIDADE II 1. Conceitue: a) Matéria b) Energia 2. Qual a relação entre matéria

Leia mais

Água no feijão, que chegou mais um!

Água no feijão, que chegou mais um! Água no feijão, que chegou mais um! A UU L AL A Sábado! Cristiana passou a manhã toda na cozinha, preparando uma feijoada! Roberto tinha convidado sua vizinha, Maristela, para o almoço. Logo cedo, Cristiana

Leia mais

ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA

ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA A matéria pode se apresentar em diferentes estados físicos, como sólido, líquido e gasoso. Algumas propriedades da matéria dependem de seu estado físico. O estado sólido Em determinada

Leia mais

Atividade 1: Grandezas Químicas

Atividade 1: Grandezas Químicas COLÉGIO SHALOM Ensino Fundamental 9 Ano Prof.º: Hélen Cristina Disciplina Química Aluno (a):. No. Trabalho de Recuperação Data: / / Valor: Nota: Orientações: -Responder manuscrito; -Cópias de colegas,

Leia mais

Separação de Misturas

Separação de Misturas 1. Introdução Separação de Misturas As misturas são comuns em nosso dia a dia. Como exemplo temos: as bebidas, os combustíveis, e a própria terra em que pisamos. Poucos materiais são encontrados puros.

Leia mais

1 - Etapas do método científico.

1 - Etapas do método científico. 1 - Etapas do método científico. Realizar experimentos apropriados para responder a questões; A partir da observação, estabelecer relações. Princípios: Proposições ou generalizações de regularidades, semelhanças

Leia mais

ESTADOS DA MATÉRIA. O átomo é composto por outras partículas ainda menores.

ESTADOS DA MATÉRIA. O átomo é composto por outras partículas ainda menores. ESTADOS DA MATÉRIA A matéria que temos a nossa volta é formada de moléculas que são constituídas por átomos. Uma combinação destes átomos forma as substâncias que conhecemos, porém, devemos salientar que

Leia mais

Fig.: Esquema de montagem do experimento.

Fig.: Esquema de montagem do experimento. Título do Experimento: Tratamento de água por Evaporação 5 Conceitos: Mudanças de fases Materiais: Pote de plástico de 500 ml ou 1L; Filme PVC; Pote pequeno de vidro; Atilho (Borracha de dinheiro); Água

Leia mais

ESTUDO DA MATÉRIA. QUÍMICA: é o ramo da ciência que estuda a matéria, suas propriedades, estruturas e transformações.

ESTUDO DA MATÉRIA. QUÍMICA: é o ramo da ciência que estuda a matéria, suas propriedades, estruturas e transformações. QUÍMICA: é o ramo da ciência que estuda a matéria, suas propriedades, estruturas e transformações. MATÉRIA: é tudo que tem massa e ocupa lugar no espaço. Exemplo: O ar Um balão de festas (bexiga) aumenta

Leia mais

Aula 2: O estudo da matéria

Aula 2: O estudo da matéria KROTON S.A. UNIC EDUCACIONAL LTDA. ENGENHARIA DE PRODUÇÃO 2015/1 Aula 2: O estudo da matéria A Matéria Conceitos; Tudo que tem massa e ocupa lugar no espaço. - O que é massa? - Como se afere a massa de

Leia mais

PROPRIEDADES DA MATÉRIA

PROPRIEDADES DA MATÉRIA Profª Msc.Anna Carolina A. Ribeiro PROPRIEDADES DA MATÉRIA RELEMBRANDO Matéria é tudo que tem massa e ocupa lugar no espaço. Não existe vida nem manutenção da vida sem matéria. Corpo- Trata-se de uma porção

Leia mais

AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 32

AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 32 AULA PRÁTICA DE QUÍMICA GERAL Estudando a água parte 32 9º NO DO ENSINO FUNDAMENTAL - 1º ANO DO ENSINO MÉDIO OBJETIVO Diversos experimentos, usando principalmente água e materiais de fácil obtenção, são

Leia mais

C.(30 20) + 200.1.(30 20) + 125.0,2.(30 130) = + 2000 2500 =

C.(30 20) + 200.1.(30 20) + 125.0,2.(30 130) = + 2000 2500 = PROVA DE FÍSIA 2º ANO - AUMULATIVA - 1º TRIMESTRE TIPO A 1) Assinale verdadeiro (V) ou falso (F) para as seguintes afirmativas. (F) Os iglus, embora feitos de gelo, possibilitam aos esquimós neles residirem,

Leia mais

A Matéria Química Geral

A Matéria Química Geral Química Geral A Matéria Tudo o que ocupa lugar no espaço e tem massa. A matéria nem sempre é visível Noções Preliminares Prof. Patrícia Andrade Mestre em Agricultura Tropical Massa, Inércia e Peso Massa:

Leia mais

Ensino Fundamental II

Ensino Fundamental II Ensino Fundamental II Valor da prova: 2.0 Nota: Data: / /2015 Professora: Angela Disciplina: Geografia Nome: n o : Ano: 6º 4º bimestre Trabalho de Recuperação de Geografia Orientações: - Leia atentamente

Leia mais

Estados Físicos Da Matéria

Estados Físicos Da Matéria Direitos Exclusivos para o autor: Prof. Gil Renato Ribeiro Gonçalves CMB- Colégio Militar de Brasília gylrenato@gmail.com Reservados todos os direitos. É proibida a duplicação ou reprodução desta aula,

Leia mais

DISCIPLINA AMB30093 TERMODINÂMICA - Aula 3 17/10/2013. Prof. Robson Alves de Oliveira robson.aoliveira@gmail.com.br robson.oliveira@unir.

DISCIPLINA AMB30093 TERMODINÂMICA - Aula 3 17/10/2013. Prof. Robson Alves de Oliveira robson.aoliveira@gmail.com.br robson.oliveira@unir. DISCIPLINA AMB30093 TERMODINÂMICA - Aula 3 17/10/2013 Prof. Robson Alves de Oliveira robson.aoliveira@gmail.com.br robson.oliveira@unir.br Ji-Paraná - 2013 Porque a água atinge o seu ponto máximo em 3,98

Leia mais

EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO

EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO TAREFINHA DE QUÍMICA - 1 COLEGIAL DATA DE ENTREGA: 28/03 EXERCÍCIOS DE APLICAÇÃO 1. (UGF-RJ) O aquecimento global já apresenta sinais visíveis em alguns pontos do planeta. Numa ilha do Alasca na aldeia

Leia mais

Educadora: Daiana Araújo C. Curricular:Ciências Naturais Data: / /2013 Estudante: 9º Ano. Unidade principal

Educadora: Daiana Araújo C. Curricular:Ciências Naturais Data: / /2013 Estudante: 9º Ano. Unidade principal Educadora: Daiana Araújo C. Curricular:Ciências Naturais Data: / /2013 Estudante: 9º Ano Medidas de massa Quilograma A unidade fundamental de massa chama-se quilograma. Apesar de o quilograma ser a unidade

Leia mais

PORTAL DE ESTUDOS EM QUÍMICA PROFESSOR PAULO CESAR (www.profpc.com.br) MATÉRIA E SUAS TRANSFORMAÇÕES

PORTAL DE ESTUDOS EM QUÍMICA PROFESSOR PAULO CESAR (www.profpc.com.br) MATÉRIA E SUAS TRANSFORMAÇÕES MATÉRIA E SUAS TRANSFORMAÇÕES 01- A água é uma substância que existe em grande quantidade no nosso planeta. Ela se apresenta na natureza em três estados físicos. Quais são os estados físicos em que a água

Leia mais

Problemas de termologia e termodinâmica vestibular UA (1984)

Problemas de termologia e termodinâmica vestibular UA (1984) Problemas de termologia e termodinâmica vestibular UA (1984) 1 - Um corpo humano está a 69 0 numa escala X. Nessa mesma escala o ponto do gelo corresponde a 50 graus e o ponto a vapor 100 0. Este corpo:

Leia mais

Sólidos, líquidos e gases

Sólidos, líquidos e gases Mudanças de fase Sólidos, líquidos e gases Estado sólido Neste estado, os átomos da substâncias se encontram muito próximos uns dos outros e ligados por forças eletromagnéticas relativamente grandes. Eles

Leia mais

Temperatura / ºC Densidade / g.cm -3 0 0,9999 10 0,9997 20 0,9982 30 0,9957 40 0,9922

Temperatura / ºC Densidade / g.cm -3 0 0,9999 10 0,9997 20 0,9982 30 0,9957 40 0,9922 Lista Química 1os. Anos I. QUESTÕES OBJETIVAS QUESTÃO 01 A densidade é uma propriedade específica que varia de acordo com a temperatura. Quanto maior a temperatura, menor é a densidade de um material.

Leia mais

MATÉRIA Mestranda Daniele Potulski Disciplina Química da Madeira I

MATÉRIA Mestranda Daniele Potulski Disciplina Química da Madeira I PROPRIEDADES DA MATÉRIA Mestranda Daniele Potulski Disciplina Química da Madeira I Química É a ciência que estuda a constituição da matéria; ESTRUTURA INTERNA RELAÇÕES ENTRE OS DIVERSOS TIPOS DE MATERIAIS

Leia mais

AULA 1: MATÉRIAS E SUAS PROPRIEDADES

AULA 1: MATÉRIAS E SUAS PROPRIEDADES AULA 1: MATÉRIAS E SUAS PROPRIEDADES Prof.Me Elayne Química-Aula 1 MATÉRIA Tudo que ocupa lugar no espaço e tem massa é matéria. Energia tudo aquilo que pode modificar a estrutura da matéria, provocar

Leia mais

Centro Educacional Juscelino Kubitschek. LISTA DE RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE (2,0 pontos)

Centro Educacional Juscelino Kubitschek. LISTA DE RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE (2,0 pontos) Centro Educacional Juscelino Kubitschek ALUNO: N.º: DATA: / / ENSINO: ( x ) Fundamental ( ) Médio SÉRIE: _8 _ TURMA: TURNO: DISCIPLINA: Química PROFESSOR(A): Equipe de Química LISTA DE RECUPERAÇÃO 1º SEMESTRE

Leia mais

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE CIÊNCIAS

ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE CIÊNCIAS ROTEIRO DE RECUPERAÇÃO DE CIÊNCIAS Nome: Nº 6º Ano Data: / / 2015 Professor(a): Nota: (Valor 1,0) 3º Bimestre A Introdução: Neste bimestre, tivemos como tema principal a água. Estudamos os estados físicos

Leia mais

Física. Setor B. Índice-controle de Estudo. Prof.: Aula 9 (pág. 102) AD TM TC. Aula 10 (pág. 102) AD TM TC. Aula 11 (pág.

Física. Setor B. Índice-controle de Estudo. Prof.: Aula 9 (pág. 102) AD TM TC. Aula 10 (pág. 102) AD TM TC. Aula 11 (pág. Física Setor B Prof.: Índice-controle de Estudo Aula 9 (pág. 102) AD TM TC Aula 10 (pág. 102) AD TM TC Aula 11 (pág. 104) AD TM TC Aula 12 (pág. 106) AD TM TC Aula 13 (pág. 107) AD TM TC Aula 14 (pág.

Leia mais

FÍSICA: CONCEITOS E EXERCÍCIOS DE FÍSICA TÉRMICA

FÍSICA: CONCEITOS E EXERCÍCIOS DE FÍSICA TÉRMICA FÍSICA: CONCEITOS E EXERCÍCIOS DE FÍSICA TÉRMICA 1 SOBRE Apanhado de exercícios sobre física térmica selecionados por segrev. O objetivo é que com esses exercícios você esteja preparado para a prova, mas

Leia mais

Bom trabalho! DATA: 17/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL. SÉRIE: 2 a EM NOME COMPLETO:

Bom trabalho! DATA: 17/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL. SÉRIE: 2 a EM NOME COMPLETO: DISCIPLINA: FÍSICA PROFESSOR: Erich/ André DATA: 17/12/2015 VALOR: 20,0 NOTA: ASSUNTO: TRABALHO DE RECUPERAÇÃO FINAL SÉRIE: 2 a EM Circule a sua turma: Funcionários: 2 o A 2ºB Anchieta:2 o NOME COMPLETO:

Leia mais

Física. Questão 1. Questão 2. Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor:

Física. Questão 1. Questão 2. Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Avaliação: Aluno: Data: Ano: Turma: Professor: Física Questão 1 (Unirio 2000) Um aluno pegou um fina placa metálica e nela recortou um disco de raio r. Em seguida, fez um anel também de raio r com um fio

Leia mais

= = = F. cal AULA 05 TERMOMETRIA E CALORIMETRIA CALOR É ENERGIA TÉRMICA EM TRÂNSITO DE UM CORPO PARA OUTRO, DEVIDO A UMA DIFERENÇA DE TEMPERATURA.

= = = F. cal AULA 05 TERMOMETRIA E CALORIMETRIA CALOR É ENERGIA TÉRMICA EM TRÂNSITO DE UM CORPO PARA OUTRO, DEVIDO A UMA DIFERENÇA DE TEMPERATURA. AULA 05 TERMOMETRIA E ALORIMETRIA 1- TEMPERATURA Todos os corpos são constituídos de partículas, a olho nu nos parece que essas partículas estão em repouso, porém as mesmas têm movimento. Quanto mais agitadas

Leia mais

Termos Técnicos Ácidos Classe de substâncias que têm ph igual ou maior que 1 e menor que 7. Exemplo: sumo do limão. Átomos Todos os materiais são formados por pequenas partículas. Estas partículas chamam-se

Leia mais

ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015

ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015 SOCIEDADE MINEIRA DE CULTURA MANTENEDORA DA PUC Minas E DO COLÉGIO SANTA MARIA ROTEIRO DE ESTUDO I ETAPA LETIVA CIÊNCIAS 4.º ANO/EF 2015 Caro (a) aluno(a), É tempo de conferir os conteúdos estudados na

Leia mais

Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre

Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Instruções gerais: Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar

Leia mais

Abril Educação Água Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota:

Abril Educação Água Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Abril Educação Água Aluno(a): Número: Ano: Professor(a): Data: Nota: Questão 1 A água e o ar são indispensáveis para a sobrevivência dos seres vivos, mas o homem vem poluindo esses meios de forma muitas

Leia mais

H idrosfera D istribuição e Im portância

H idrosfera D istribuição e Im portância H idrosfera D istribuição e Im portância Na Terra, apenas 2,6% do total de água corresponde à água doce, mas grande parte dela está congelada e parte está no subsolo. Aparentemente, a água é Aparentemente,

Leia mais

Roteiro de Estudos 2 trimestre 2015 Disciplina: Química 9º ANOS

Roteiro de Estudos 2 trimestre 2015 Disciplina: Química 9º ANOS Roteiro de Estudos 2 trimestre 2015 Disciplina: Química 9º ANOS Professor: Ricardo Augusto Marques da Costa O que devo saber: UNIDADE 2 Os estados físicos da matéria. Estados físicos da matéria e suas

Leia mais

Vazamento cria dúvidas sobre futuro da energia nuclear

Vazamento cria dúvidas sobre futuro da energia nuclear Educadora: Daiana de Oliveira Componente Curricular: Ciências Data: / /2012 Estudante: 9º ano Vazamento cria dúvidas sobre futuro da energia nuclear Tragédia na usina de Fukushima, no Japão, faz com que

Leia mais

Aula: 16.2 Assíncrona Tema: Calor e temperatura

Aula: 16.2 Assíncrona Tema: Calor e temperatura Aula: 16.2 Assíncrona Tema: Calor e temperatura Conteúdo: - Mudanças de estado físico Habilidades: - Entender as mudanças de estado físico de diversas substâncias Mudança de estado físico O que caracteriza

Leia mais

Química Geral PROF. LARISSA ROCHA ALMEIDA - CURSINHO VITORIANO 1

Química Geral PROF. LARISSA ROCHA ALMEIDA - CURSINHO VITORIANO 1 Química Geral AULA 1 PROPRIEDADES GERAIS DA MATÉRIA E CONCEITOS INICIAIS PROF. LARISSA ROCHA ALMEIDA - CURSINHO VITORIANO 1 Tópicos Matéria Energia Diagrama de Mudança de Fases Ciclo da Água Universo e

Leia mais

Física 2ª série Ensino Médio v. 2

Física 2ª série Ensino Médio v. 2 ísica 2ª série Ensino Médio v. 2 Exercícios 01) Caloria é a quantidade de calor necessária para que um grama de água possa aumentar sua temperatura de 1,5 o C para 15,5 o C. 02) É o calor necessário para

Leia mais

Lista 04. F.02 Espelhos Planos e Esféricos

Lista 04. F.02 Espelhos Planos e Esféricos F.02 Espelhos Planos e Esféricos 2º Série do Ensino Médio Turma: Turno: Vespertino Lista 03 Lista 04 Questão 01) Obedecendo às condições de Gauss, um espelho esférico fornece, de um objeto retilíneo de

Leia mais

Como os seres vivos modificam o ambiente?

Como os seres vivos modificam o ambiente? Como os seres vivos modificam o ambiente? O ar e a água possibilitam a integração dos seres vivos na dinâmica planetária. Por que a parede do copo com água fria fica molhada? Será? Toda matéria é constituída

Leia mais

ESTUDO DA MATÉRIA. QUÍMICA - Prof. Marcelo Uchida -

ESTUDO DA MATÉRIA. QUÍMICA - Prof. Marcelo Uchida - ESTUDO DA MATÉRIA QUÍMICA - Prof. Marcelo Uchida - Matéria Material ou matéria é tudo aquilo que tem massa e ocupa lugar no espaço. Água Ar Madeira Ouro Corpo Porção limitada da matéria Barra de Ouro Tronco

Leia mais

1- PROPRIEDADES DAS SOLUÇÕES OU PROPRIEDADES COLIGATIVAS

1- PROPRIEDADES DAS SOLUÇÕES OU PROPRIEDADES COLIGATIVAS 1- PROPRIEDADES DAS SOLUÇÕES OU PROPRIEDADES COLIGATIVAS Em países quentes, é costume adicionar à água do radiador dos automóveis o etilenoglicol, que eleva a temperatura de ebulição da água. Evita-se

Leia mais

EXERCÍCIOS DE CIÊNCIAS (6 ANO)

EXERCÍCIOS DE CIÊNCIAS (6 ANO) 1- Leia o texto a seguir e responda: EXERCÍCIOS DE CIÊNCIAS (6 ANO) Além de diminuir a poluição ambiental, o tratamento do lixo pode ter retorno econômico e social. a) Cite duas formas de se obterem produtos

Leia mais

Propriedades físicas e químicas das substâncias

Propriedades físicas e químicas das substâncias Ciências Físico-Químicas - 7º ano Propriedades físicas e M. Neli G. C. Cavaleiro M. Domingas Beleza Há substâncias que, mesmo misturadas com outras, facilmente identificamos através de características

Leia mais

P R O V A DE FÍSICA II

P R O V A DE FÍSICA II 1 P R O V A DE FÍSICA II QUESTÃO 16 A figura mostra uma barra rígida articulada no ponto O. A barra é homogênea e seu peso P está em seu ponto médio. Sobre cada uma de suas extremidades são aplicadas forças

Leia mais

Informações Gerais Trocadores de Calor / Chiller de Placas

Informações Gerais Trocadores de Calor / Chiller de Placas Informações Gerais Trocadores de Calor / Chiller de Placas Somos especializados em trocadores de calor e importamos desde 2009. Eles são fabricados sob a supervisão de um técnico nosso e foram adaptados

Leia mais

Janine Coutinho Canuto

Janine Coutinho Canuto Janine Coutinho Canuto Termologia é a parte da física que estuda o calor. Muitas vezes o calor é confundido com a temperatura, vamos ver alguns conceitos que irão facilitar o entendimento do calor. É a

Leia mais

Prof: Franco Augusto

Prof: Franco Augusto Prof: Franco Augusto Efeito de latitude A forma esférica da Terra, faz os raios solares chegarem com intensidades variadas nas diversas porções do planeta. Nas áreas próximas à linha do Equador, com baixas

Leia mais

o oxigênio comporta-se B como um gás ideal de massa molar M = 32 g, calcule a temperatura T do sistema.

o oxigênio comporta-se B como um gás ideal de massa molar M = 32 g, calcule a temperatura T do sistema. Lista de Exercícios de Recuperação do 3 Bimestre Instruções gerais: Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar

Leia mais

Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre

Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre Lista de Exercícios de Recuperação do 1 Bimestre Instruções gerais: Resolver os exercícios à caneta e em folha de papel almaço ou monobloco (folha de fichário). Copiar os enunciados das questões. Entregar

Leia mais

Exercícios para a Prova 1 de Química - 1 Trimestre

Exercícios para a Prova 1 de Química - 1 Trimestre Exercícios para a Prova 1 de Química - 1 Trimestre 1. Seja o esquema: Entre as alternativas abaixo, indique as corretas sobre o esquema: a) Temos 5 componentes. b) É formado por 2 substâncias simples.

Leia mais

LISTA DE EXERCÍCIOS ESTUDO DOS GASES

LISTA DE EXERCÍCIOS ESTUDO DOS GASES GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO GRÉ MATA NORTE UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO CAMPUS MATA NORTE ESCOLA DE APLICAÇÃO PROFESSOR CHAVES LISTA DE EXERCÍCIOS ALUNO(A): Nº NAZARÉ DA MATA, DE DE 2015 2º ANO ESTUDO

Leia mais

Conteúdo: A água. O ciclo da água. Estados físicos da água. Tecnologia de tratamento. Combate ao desperdício. CIÊNCIAS DA NATUREZA

Conteúdo: A água. O ciclo da água. Estados físicos da água. Tecnologia de tratamento. Combate ao desperdício. CIÊNCIAS DA NATUREZA 2 Conteúdo: A água. O ciclo da água. Estados físicos da água. Tecnologia de tratamento. Combate ao desperdício. 3 Habilidades: Refletir sobre a importância da água para o Planeta Terra, para a vida e o

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES 2ª SÉRIE Ensino Médio -2015. Roteiro de estudos para recuperação trimestral

COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES 2ª SÉRIE Ensino Médio -2015. Roteiro de estudos para recuperação trimestral COLÉGIO NOSSA SENHORA DE LOURDES 2ª SÉRIE Ensino Médio -2015 Disciplina: Professor (a): QUÍMICA LUÍS FERNANDO Roteiro de estudos para recuperação trimestral Conteúdo: Referência para estudo: Sites recomendados:

Leia mais

Aluno (a): Nº. Disciplina: Química Goiânia, / / 2014

Aluno (a): Nº. Disciplina: Química Goiânia, / / 2014 Lista de Exercícios Aluno (a): Nº. Professora: Núbia de Andrade Série: 1º ano (Ensino médio) Turma: Disciplina: Química Goiânia, / / 2014 01) A mudança de fase denominada sublimação ocorre quando a) o

Leia mais

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 1ª Etapa 2013. Ano: 6 Turma: 61

COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE. Programa de Recuperação Paralela. 1ª Etapa 2013. Ano: 6 Turma: 61 COLÉGIO NOSSA SENHORA DA PIEDADE Programa de Recuperação Paralela 1ª Etapa 2013 Disciplina: Ciências Professor (a): Felipe Cesar Ano: 6 Turma: 61 Caro aluno, você está recebendo o conteúdo de recuperação.

Leia mais

Exercícios sobre Propriedades coligativas - Osmose

Exercícios sobre Propriedades coligativas - Osmose Exercícios sobre Propriedades coligativas - Osmose 01. (Pucsp) Osmose é a difusão do solvente através de uma membrana semipermeável do meio menos concentrado para o meio mais concentrado. A pressão osmótica

Leia mais

Propriedades da matéria (Continuação)

Propriedades da matéria (Continuação) Propriedades da matéria (Continuação) Densidade m/v Experimentos / discussão Exercício 1) Um bloco de metal tem volume de 200 ml e massa de 1792 g. a) Qual a densidade desse metal, expressa em g / cm3?

Leia mais

SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS. (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido

SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS. (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido SEPARAÇÃO DE MISTURAS HETEROGÊNEAS (Processos mecânicos de separação) Sistema sólido - sólido Separação magnética: Separa misturas do tipo sólido-sólido nas quais um dos componentes tem propriedades magnéticas

Leia mais

Simular um modelo molecular para os estados físicos de diferentes substâncias em função da pressão e temperatura

Simular um modelo molecular para os estados físicos de diferentes substâncias em função da pressão e temperatura Tutorial Estados da Matéria Elaborado por Daniela Martins Buccini Equipe: Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) Título: Título alternativo: Tipo do recurso: Objetivo: Descrição do recurso: Observação:

Leia mais

COLÉGIO SÃO PAULO. 1. (G1 - cps 2014) O sal também pode ser obtido da água do mar, processo que ocorre em salinas.

COLÉGIO SÃO PAULO. 1. (G1 - cps 2014) O sal também pode ser obtido da água do mar, processo que ocorre em salinas. COLÉGIO SÃO PAULO Prof. MAURO/MARCIA Disciplina: FISICA Aluno n.º Turma: Série: 231 Data: 07 / 07 /2014 EXERCÍCIOS 1. (G1 - cps 2014) O sal também pode ser obtido da água do mar, processo que ocorre em

Leia mais

Cerrado e caatinga. Compare estas duas fotos:

Cerrado e caatinga. Compare estas duas fotos: A UU L AL A Cerrado e caatinga Compare estas duas fotos: cerrado caatinga Observando as duas figuras, a característica que mais nos chama a atenção é que os dois ambientes parecem muito secos. Nesta aula,

Leia mais

Programa de Retomada de Conteúdo 1º Bimestre

Programa de Retomada de Conteúdo 1º Bimestre Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio, Rua Cantagalo 305, 313, 325, 337 e 339 Tatuapé Fones: 2293-9166 Diretoria de Ensino Região LESTE 5 Programa de Retomada de Conteúdo 1º Bimestre Nome:

Leia mais

Balanço de Massa e Energia Aula 4

Balanço de Massa e Energia Aula 4 Gases e Vapores Na maioria das pressões e temperaturas, uma substância pura no equilíbrio existe inteiramente como um sólido, um líquido ou um gás. Contudo, em certas temperaturas e pressões, duas ou mesmo

Leia mais

DESENVOLVENDO HABILIDADES CIÊNCIAS DA NATUREZA I - EM

DESENVOLVENDO HABILIDADES CIÊNCIAS DA NATUREZA I - EM Olá Caro Aluno, Você já reparou que, no dia a dia quantificamos, comparamos e analisamos quase tudo o que está a nossa volta? Vamos ampliar nossos conhecimentos sobre algumas dessas situações. O objetivo

Leia mais

Mostrar os Objetos 10 Contar a história seguindo os slides (anexo1) 40

Mostrar os Objetos 10 Contar a história seguindo os slides (anexo1) 40 Aula 1: A história do banheiro Tema Mostrar ao aluno como era a vida das pessoas que não possuíam os recursos sanitários conhecidos hoje, a história de como surgiu à necessidade dos mesmos, sua origem

Leia mais

Identificando e diferenciando as espécies de matéria

Identificando e diferenciando as espécies de matéria Identificando e diferenciando as espécies de matéria Desde a antigüidade o homem utilizava materiais transformando-o em objetos. As escavações realizadas em várias partes da terra mostram utensílios domésticos,

Leia mais

LeYa Leituras Projeto de Leitura

LeYa Leituras Projeto de Leitura LeYa Leituras Projeto de Leitura Nome do livro: O ciclo da água Autoras: Cristina Quental e Mariana Magalhães Currículo das autoras: Cristina Quental é educadora infantil e alterna o trabalho na escola

Leia mais

www.google.com.br/search?q=gabarito

www.google.com.br/search?q=gabarito COLEGIO MÓDULO ALUNO (A) série 6 ano PROFESSOR GABARITO DA REVISÃO DE GEOGRAFIA www.google.com.br/search?q=gabarito QUESTÃO 01. a) Espaço Geográfico RESPOSTA: representa aquele espaço construído ou produzido

Leia mais

Introdução. Gerais. Funcionais. Propriedades. da Matéria Organolépticas. Específicas. Químicas. Físicas. Química. Rômulo

Introdução. Gerais. Funcionais. Propriedades. da Matéria Organolépticas. Específicas. Químicas. Físicas. Química. Rômulo Introdução Gerais Propriedades Funcionais da Matéria Organolépticas Específicas s Físicas Propriedades Gerais São propriedades comuns a todo tipo de matéria massa extensão impenetrabilidade divisibilidade

Leia mais

A Matéria e Diagrama de Fases. Profº André Montillo www.montillo.com.br

A Matéria e Diagrama de Fases. Profº André Montillo www.montillo.com.br A Matéria e Diagrama de Fases Profº André Montillo www.montillo.com.br Substância: É a combinação de átomos de elementos diferentes em uma proporção de um número inteiro. O átomo não é criado e não é destruído,

Leia mais

Prova bimestral. Língua portuguesa. A água. 4 o Bimestre 3 o ano. 1. Leia um trecho do texto A água, de Millôr Fernandes.

Prova bimestral. Língua portuguesa. A água. 4 o Bimestre 3 o ano. 1. Leia um trecho do texto A água, de Millôr Fernandes. Material elaborado pelo Ético Sistema de Ensino Ensino fundamental Publicado em 2011 Prova bimestral 4 o Bimestre 3 o ano Língua portuguesa Data: / / Nível: Escola: Nome: 1. Leia um trecho do texto A água,

Leia mais

2. Experiências na água e no ar

2. Experiências na água e no ar 2. Experiências na água e no ar Suponhamos que Arquimedes está à beira de um lago e segura, preso por um fio, um saco de plástico cheio de água (com, digamos, 10 kg de água) mergulhado dentro do lago.

Leia mais

MATÉRIA- PROPRIEDADES DA MATÉRIA- SUBSTÂNICAS (Pura e Composta)- MISTURAS- ANÁLISE IMEDIATA.

MATÉRIA- PROPRIEDADES DA MATÉRIA- SUBSTÂNICAS (Pura e Composta)- MISTURAS- ANÁLISE IMEDIATA. ATENÇÃO: Não sou o detentor dos direitos e também não tenho a intenção de violá-los de nenhuma imagem, exemplo prático ou material de terceiros que porventura venham a ser utilizados neste ou em qualquer

Leia mais

Determinação da condutividade térmica do Cobre

Determinação da condutividade térmica do Cobre Determinação da condutividade térmica do Cobre TEORIA Quando a distribuição de temperatura de um corpo não é uniforme (ou seja, diferentes pontos estão a temperaturas diferentes), dá-se expontaneamente

Leia mais

Lista de Exercícios Professor Mário http://www.professormario.com.br mario@meson.pro.br

Lista de Exercícios Professor Mário http://www.professormario.com.br mario@meson.pro.br 1. (Unicamp 93) Um aluno simplesmente sentado numa sala de aula dissipa uma quantidade de energia equivalente à de uma lâmpada de 100W. O valor energético da gordura é de 9,0kcal/g. Para simplificar, adote

Leia mais

Lista 1 de Exercícios Professor Pedro Maia

Lista 1 de Exercícios Professor Pedro Maia Lista 1 de Exercícios Professor Pedro Maia Questão 01 - (UEPG PR) As mudanças de estado físico, classificadas como fenômenos físicos, ocorrem com a variação de entalpia ( ). Sobre esses processos, assinale

Leia mais

Ciclo hidrológico. Distribuição da água na Terra. Tipo Ocorrência Volumes (km 3 ) Água doce superficial. Rios. Lagos Umidade do solo.

Ciclo hidrológico. Distribuição da água na Terra. Tipo Ocorrência Volumes (km 3 ) Água doce superficial. Rios. Lagos Umidade do solo. Ciclo hidrológico Quase toda a água do planeta está concentrada nos oceanos. Apenas uma pequena fração (menos de 3%) está em terra e a maior parte desta está sob a forma de gelo e neve ou abaixo da superfície

Leia mais

MATÉRIA E SEUS FENÔMENOS

MATÉRIA E SEUS FENÔMENOS MATÉRIA E SEUS FENÔMENOS 01- Leia o texto: Quando se acende uma vela, pode-se observar que: I- A parafina derrete e logo depois se consolida. II- Aparece fuligem quando colocamos um prato logo acima da

Leia mais

b) Pedrinho não estava com febre, pois sua temperatura era de 36,5 ºC.

b) Pedrinho não estava com febre, pois sua temperatura era de 36,5 ºC. Exercícios calorimetria 1.Dona Maria do Desespero tem um filho chamado Pedrinho, que apresentava os sintomas característicos da gripe causada pelo vírus H1N1: tosse, dor de garganta, dor nas articulações

Leia mais