Inovação e o Futuro da Indústria FIESC 31/10/2016

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Inovação e o Futuro da Indústria FIESC 31/10/2016"

Transcrição

1 Inovação e o Futuro da Indústria FIESC 31/10/2016

2 Missão Desenvolver soluções criativas e inovadoras em TECNOLOGIAS DE REFRIGERAÇÃO, atuando de forma multidisciplinar e com foco nas necessidades do setor empresarial.

3 Áreas de competência AVALIAÇÃO E CERTIFICAÇÃO: Modelos matemáticos para componentes e sistemas de refrigeração; Desempenho de evaporadores, condensadores, dispositivos de expansão e compressores; Desempenho de sistemas de refrigeração. CONFIABILIDADE DE SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO: Motores de indução; Válvulas de compressores; Bandejas de degelo; Infiltração de ar.

4 Áreas de competência EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E IMPACTO AMBIENTAL: Propriedades termofísicas de misturas óleo-refrigerante; Tecnologias de compressão de vapor; Gerenciamento térmico de compressores; Compressores taylor made ; Refrigerantes naturais (CO 2, HCs); Isolamento Térmico; Resistências de degelo. CONFORTO ACÚSTICO: Sistema de sucção; Ruído de expansão.

5 Áreas de competência NOVAS TECNOLOGIAS: Refrigeração magnetocalórica; Trocadores de calor poliméricos; Sistemas de refrigeração compactos; Compressores lineares e sem óleo; Compressores de dupla sucção; Separadores de líquido; Dispositivos de expansão variáveis.

6 Parcerias de sucesso Projeto 1: Tecnologias inovadoras de produção de frio em sistemas domésticos de refrigeração Atividades de pesquisa: 1. Investigação Experimental do Efeito do Processo de Expansão sobre o Comportamento de Sistemas com Compressores de Dupla-Sucção 2. Desenvolvimento de Estratégias de Controle Inovadoras para Compressores de Dupla- Sucção 3. Estudo de Lógicas de Controle Alternativas para Compressores Full-Motion 4. Caracterização do Desempenho de Dispositivos de Expansão Variáveis para Sistemas Domésticos de Refrigeração 5. Estudo da Influência das Bandejas de Degelo sobre o Comportamento de Compressores Alternativos 6. Estudo de Alternativas de Controle para Compressores Wisemotion 7. Análise de Ciclos com Misturas de Refrigerante e Lubrificante 8. Spray Cooling 9. Condensação em Contracorrente 10. Refrigeração Termoelétrica 11. Investigação da Transferência de Calor com Mudança de Fase em Escoamentos com Pulsação de Pressão 12. Formação de Geada em Evaporadores de Aletas Periféricas 13. Trocadores de Calor Poliméricos 14. Refrigeração Magnetocalórica

7 Parcerias de sucesso Projeto 2: Desempenho Termodinâmico de Compressores Herméticos de Refrigeração Atividades de pesquisa: 1. Análise do desempenho de compressores integrados a sistemas de refrigeração 2. Análise de motores de indução monofásicos para compressores 3. Análise da eficiência de compressores de baixa capacidade de refrigeração 4. Avaliação do desempenho de compressores para aplicação em bombas de calor 5. Desenvolvimento de modelos para simulação de compressores 6. Desenvolvimento de bancadas de ensaios para compressores Projeto 3: Concepção, projeto e construção de um protótipo de refrigerador magnético em contratação

8 Parcerias de sucesso Projeto 1: Estudo numérico-experimental do comportamento termo-acústico de refrigeradores domésticos Ferramenta para detecção de refrigeradores defeituosos na linha de montagem, evitando reclamação de consumidores e reposição de produtos. Projeto 2: Desenvolvimento de Modelos de Simulação para Análise Elétrica, Térmica e Energética de Motores Elétricos. Motor - Ferramenta de projeto para verificar confiabilidade de motores elétricos. - Análise de alternativas para redução de custo (diâmetro de fio e materiais). d

9 Parcerias de sucesso Projeto 1: Análise Teórico-Experimental do Processo de Formação de Geada em Janelas de Aeronaves Cavidade de ar 1 (8 mm de espessura) Cavidade de ar 2 (8 mm de espessura) Frente Teórica: Frente Experimental: Lente Estrutural 7,62 mm de espessura (Acrílico) Lente Fail Safe 5,08 mm de espessura (Acrílico) Orifícios de sangramento (equalização de pressão) Lente de Fechamento 2 mm de espessura (Policarbonato) Projeto 2: Estudo de soluções de interior para redução do ruído de cabine de aeronaves - SONIC II. Contratado outubro/2016, atividades em início de operação

10 Parcerias de sucesso Projeto: Análise do Impacto do Tipo de Evaporador e Sistema de Degelo Sobre o Desempenho de um Freezer Modelo GNP3166 Típico evaporador no-frost Wing tube no-frost

11 Parcerias de sucesso Projeto: Analise do Desempenho Termodinâmico de um Ultra Freezer, Modelo CL374/80

12 Obrigado por sua atenção! Universidade Federal de Santa Catarina Departamento de Engenharia Mecânica Florianópolis SC - Brasil Redes sociais: /pololabs

SISTEMAS MULTIPRESSÃO

SISTEMAS MULTIPRESSÃO SISTEMAS MULTIPRESSÃO O sistema multipressão é um sistema de refrigeração, por compressão de vapor, que possui dois ou mais níveis de baixa pressão A capacidade e a eficiência de um sistema de refrigeração

Leia mais

Equipamentos, Sistemas e Instalações VIII. Capítulo

Equipamentos, Sistemas e Instalações VIII. Capítulo 1 Refrigeração II Aplicações e Certificação Equipamentos, Sistemas e Instalações Capítulo VIII LEGENDA: 1 Fluido frigorigéneo 2 Capilar 3 Compressor hermético 4 Evaporador estático 5 Temperatura de condensação

Leia mais

MEC LABORATÓRIO DE REFRIGERAÇÃO E AR CONDICIONADO SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO

MEC LABORATÓRIO DE REFRIGERAÇÃO E AR CONDICIONADO SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO 1 SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO 2 OBJETIVO 1 DEFINIR REFRIGERAÇÃO MECÂNICA E EXPLICAR SUA IMPORTÂNCIA 3 1.1 Refrigeração Mecânica Processo de resfriamento artificial que utiliza dispositivos mecânicos para

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS E INSTALAÇÕES

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS E INSTALAÇÕES EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS E INSTALAÇÕES PROF. RAMÓN SILVA Engenharia de Energia Dourados MS - 2013 2 Coeficiente de Performance do Ciclo (COP) - É um parâmetro importante na análise das instalações

Leia mais

Condensadores. Principais Tipos. Resfriados a ar sistema de ar condicionado e refrigeração comercial

Condensadores. Principais Tipos. Resfriados a ar sistema de ar condicionado e refrigeração comercial Condensadores Principais Tipos Resfriados a ar sistema de ar condicionado e refrigeração comercial Condensadores Resfriados a água sistema de ar condicionado e refrigeração comercial Trocador casco e tubo

Leia mais

CHILLER DE CONDENSAÇÃO A ÁGUA YCWL TR

CHILLER DE CONDENSAÇÃO A ÁGUA YCWL TR CHILLER DE CONDENSAÇÃO A ÁGUA YCWL 50 150 TR Visão Geral - YCWL 9 Modelos Disponíveis Capacidade de 50 a 150 TR R- 410a Painel de Controle Microprocessado Compressores Scroll Trocador de Calor do Tipo

Leia mais

Sistemas térmicos. Engenharia Mecânica. Profa. Jacqueline Copetti Sala C02-239

Sistemas térmicos. Engenharia Mecânica. Profa. Jacqueline Copetti  Sala C02-239 Sistemas térmicos Engenharia Mecânica Profa. Jacqueline Copetti www.professor.unisinos.br/jcopetti Sala C02-239 1. INTRODUÇÃO AOS TROCADORES DE CALOR Trocadores de calor Equipamentos que realizam a troca

Leia mais

Refrigeração e Ar Condicionado

Refrigeração e Ar Condicionado Refrigeração e Ar Condicionado Condensadores Filipe Fernandes de Paula filipe.paula@engenharia.ufjf.br Departamento de Engenharia de Produção e Mecânica Faculdade de Engenharia Universidade Federal de

Leia mais

PROGRAMA DE ENSINO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL/PERÍODO Termodinâmica I Transferências de Calor e Massa I

PROGRAMA DE ENSINO CÓDIGO DISCIPLINA OU ESTÁGIO SERIAÇÃO IDEAL/PERÍODO Termodinâmica I Transferências de Calor e Massa I PROGRAMA DE ENSINO UNIDADE UNIVERSITÁRIA: UNESP CÂMPUS DE ILHA SOLTEIRA CURSO: ENGENHARIA (Resolução UNESP nº 74/04 - Currículo: 4) HABILITAÇÃO: OPÇÃO: DEPARTAMENTO RESPONSÁVEL: Engenharia Mecânica CÓDIGO

Leia mais

Curso Técnico Subsequente em Refrigeração e Climatização CÂMPUS SÃO JOSÉ (RESOLUÇÃO CEPE/IFSC Nº 70 DE 13 DEZEMBRO DE 2016)

Curso Técnico Subsequente em Refrigeração e Climatização CÂMPUS SÃO JOSÉ (RESOLUÇÃO CEPE/IFSC Nº 70 DE 13 DEZEMBRO DE 2016) Curso Técnico Subsequente em Refrigeração e Climatização CÂMPUS SÃO JOSÉ (RESOLUÇÃO CEPE/IFSC Nº 70 DE 13 DEZEMBRO DE 2016) GRADE CURRICULAR E CORPO DOCENTE Módulo 1 Carga horária total: 400h Unidade Curricular

Leia mais

Aula 7 Refrigeração e bombeamento de calor

Aula 7 Refrigeração e bombeamento de calor Universidade Federal do ABC P O S M E C Aula 7 Refrigeração e bombeamento de calor MEC202 Refrigeração Transferência de calor a partir de uma região de temperatura mais baixa para uma região com temperatura

Leia mais

Refrigeração e Ar Condicionado

Refrigeração e Ar Condicionado Refrigeração e Ar Condicionado Compressores Filipe Fernandes de Paula filipe.paula@engenharia.ufjf.br Departamento de Engenharia de Produção e Mecânica Faculdade de Engenharia Universidade Federal de Juiz

Leia mais

Classificação de Tipos de Sistemas de Climatização

Classificação de Tipos de Sistemas de Climatização Classificação de Tipos de Sistemas de Climatização PME 2515 Alberto Hernandez Neto -Direitos autorais reservados - É proibida a reprodução deste material sem a autorização expressa do autor 1/45 Critérios

Leia mais

TM-182 REFRIGERAÇÃ ÇÃO O E CLIMATIZAÇÃ ÇÃO. Prof. Dr. Rudmar Serafim Matos

TM-182 REFRIGERAÇÃ ÇÃO O E CLIMATIZAÇÃ ÇÃO. Prof. Dr. Rudmar Serafim Matos Universidade Federal do Paraná Setor de Tecnologia Departamento de Engenharia Mecânica TM-182 REFRIGERAÇÃ ÇÃO O E CLIMATIZAÇÃ ÇÃO Prof. Dr. Rudmar Serafim Matos REFRIGERAÇÃO PROGRAMA DE REFRIGERAÇÃO 1.

Leia mais

26/08/ Agosto/2012

26/08/ Agosto/2012 26/08/2012 1 Agosto/2012 Refrigeração. 26/08/2012 2 Circuito Frigorifico O ciclo de refrigeração ou ciclo frigorífico é um ciclo termodinâmico que constitui o modelo matemático que define o funcionamento

Leia mais

Apresentação Técnica. Secadores por refrigeração a ar COOL. People. Footer Passion. Performance.

Apresentação Técnica. Secadores por refrigeração a ar COOL. People. Footer Passion. Performance. Apresentação Técnica Secadores por refrigeração a ar COOL People. Passion. Performance. 1. Agenda Visal geral da linha de produtos Aplicações Principais benefícios Características Técnicas Fluxograma Cuidamos

Leia mais

Evaporador de Ar Forçado BM

Evaporador de Ar Forçado BM Praticidade e desempenho superiores para sua empresa. Evaporador de Ar Forçado BM 1 Amplie a qualidade de seus produtos e ambientes com o Evaporador de Ar Forçado BM McQuay. O Evaporador de Ar Forçado

Leia mais

CAPÍTULO I. 1 Introdução Motivação

CAPÍTULO I. 1 Introdução Motivação CAPÍTULO I 1 Introdução. 1.1. Motivação A busca por melhores eficiências, menor consumo de energia e maior conforto é cada vez mais um objetivo perseguido por todos. Os fabricantes de veículos não são

Leia mais

TM-182 REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO

TM-182 REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO Universidade Federal do Paraná Setor de Tecnologia Departamento de Engenharia Mecânica TM-182 REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO Prof. Dr. Rudmar Serafim Matos REFRIGERAÇÃO SITE DE REFRIGERAÇÃO http://people.ufpr.br/~rudmar/refri/

Leia mais

Trocador de calor tubo-em-tubo Tipo HE

Trocador de calor tubo-em-tubo Tipo HE MAKING MODERN LIVING POSSIBLE Ficha técnica Trocador de calor tubo-em-tubo Tipo HE O trocador de calor tipo HE é usado principalmente para realizar a transferência de calor entre as linhas de líquido e

Leia mais

Câmara Frigorífica para Carnes Resfriadas em Gancheiras - CRE.

Câmara Frigorífica para Carnes Resfriadas em Gancheiras - CRE. Imagem Ilustrativa Câmara Frigorífica para Carnes Resfriadas em Gancheiras - CRE F R I O L I N O Descritivo Descritivo A linha de Câmaras Frigoríficas COLD Stock para estocagem de Carnes Resfriadas em

Leia mais

EQUIPAMENTOS DE REFRIGERAÇÃO INDUSTRIAL COM AMONÍACO

EQUIPAMENTOS DE REFRIGERAÇÃO INDUSTRIAL COM AMONÍACO EQUIPAMENTOS DE REFRIGERAÇÃO INDUSTRIAL COM AMONÍACO EQUIPAMENTOS DE REFRIGERAÇÃO COM AMONÍACO - 1 ELEMENTO - GRUPO MOTO-COMPRESSORES DE PARAFUSOS - 2 ELEMENTO - RECIPIENTES DE PRESSÃO - 3 RECIPIENTES

Leia mais

SISTEMAS TÉRMICOS DE POTÊNCIA

SISTEMAS TÉRMICOS DE POTÊNCIA SISTEMAS TÉRMICOS DE POTÊNCIA PROF. RAMÓN SILVA Engenharia de Energia Dourados MS - 2013 SISTEMAS DE POTÊNCIA A VAPOR 2 SIST. POTÊNCIA A VAPOR Diferente do ciclo de potência a gás, no ciclo de potência

Leia mais

Condensadores para Supermercados

Condensadores para Supermercados Condensadores para Supermercados ECONOMIA DE ENERGIA EM REFRIGERAÇÃO PARA SUPERMERCADO COMPARATIVO ENTRE O CONSUMO DE ENERGIA ELÉTRICA DO CONDENSADOR EM V ADIABÁTICO COM VARIADOR DE FREQÜÊNCIA E CONDENSADOR

Leia mais

EXTREME POWER MODELO - TST MODELO - TX. Unidade Split de Alta Capacidade

EXTREME POWER MODELO - TST MODELO - TX. Unidade Split de Alta Capacidade ETREME POWER MODELO - TST Unidade Split de lta Capacidade MODELO - T Eficiência é cuidar da vida s Unidades Split lta Capacidade da TRO possuem altos índices de eficiência energética e performance, são

Leia mais

Unidade pintada na cor azul através do processo eletrostático; Aletas revestidas com Koil Kote Gold para ambientes agressivos (opcional);

Unidade pintada na cor azul através do processo eletrostático; Aletas revestidas com Koil Kote Gold para ambientes agressivos (opcional); Unidades Condensadoras Herméticas tipos Blue Star e Compact Line Introdução Estas unidades condensadoras são equipadas com os compressores herméticos reciprocantes Danfoss-Maneurop e podem ser utilizadas

Leia mais

Coldex Tosi Ar Condicionado

Coldex Tosi Ar Condicionado Coldex Tosi Ar Condicionado Condicionadores de Ar Self Contained ESPECIFICAÇÕES CONSTRUTIVAS A linha SELF CONTAINED TOSI foi projetada visando obter a melhor relação custo-beneficio do mercado, maior

Leia mais

Câmara Frigorífica para Pães Congelados - CCO. Solução em Estocagem Refrigerada

Câmara Frigorífica para Pães Congelados - CCO.   Solução em Estocagem Refrigerada Imagem Ilustrativa Câmara Frigorífica para Pães Congelados - CCO F R I O L I N O Descritivo Descritivo A linha de Câmaras Frigoríficas COLD Stock para estocagem de Pão Congelado foi desenvolvida em diversas

Leia mais

Câmara Frigorífica para Sorvete Congelado - CCO. Solução em Estocagem Refrigerada

Câmara Frigorífica para Sorvete Congelado - CCO.   Solução em Estocagem Refrigerada Imagem Ilustrativa Câmara Frigorífica para Sorvete Congelado - CCO F R I O L I N O Descritivo Descritivo A linha de Câmaras Frigoríficas COLD Stock para estocagem de Sorvete Congelado foi desenvolvida

Leia mais

Msc. Eng. Fernando Pozza

Msc. Eng. Fernando Pozza Sistemas de Climatização por Condensação a Ar: Maximizando o Desempenho do Sistema em Cargas Parciais Através da Análise do Perfil de Temperaturas Externas Msc. Eng. Fernando Pozza Situação da Energia

Leia mais

Homologado pelos fabricantes de equipamentos

Homologado pelos fabricantes de equipamentos Homologado pelos fabricantes de equipamentos Confiabilidade e durabilidade são indispensáveis. A suspensão de uma sessão de radioterapia ou a perda de hélio em uma ressonância magnética precisam ser evitadas

Leia mais

PLANO DE CURSO DE EXTENSÃO (NÍVEL DE APERFEIÇOAMENTO / RECICLAGEM) DETALHAMENTO E EMENTA

PLANO DE CURSO DE EXTENSÃO (NÍVEL DE APERFEIÇOAMENTO / RECICLAGEM) DETALHAMENTO E EMENTA 1/5 PLANO DE CURSO DE EXTENSÃO (NÍVEL DE APERFEIÇOAMENTO / RECICLAGEM) 1. ÁREAS DO CONHECIMENTO Engenharia Elétrica / Engenharia Mecânica. 2. TÍTULO DO CURSO DETALHAMENTO E EMENTA INDUSTRIAIS / COMERCIAIS

Leia mais

SISTEMAS TÉRMICOS DE POTÊNCIA

SISTEMAS TÉRMICOS DE POTÊNCIA SISTEMAS TÉRMICOS DE POTÊNCIA SISTEMAS DE POTÊNCIA A VAPOR Prof. Dr. Ramón Silva - 2015 O objetivo dessa aula é relembrar os conceitos termodinâmicos do ciclo Rankine e introduzir aos equipamentos que

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Ministério da Educação Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul RESPOSTAS AOS RECURSOS DA PROVA DE REFRIGERAÇÃO E CLIMATIZAÇÃO ## PROTOCOLO: 473 Dt.Envio: 19/05/2015 17:15:14 Questão: 8 Bibliografia: Coleção Técnica - Refrigeração Comercial. Nova Técnica: São Paulo,

Leia mais

Sistemas de Ar Condicionado Residenciais

Sistemas de Ar Condicionado Residenciais Eng. Dr. Fulvio Vittorino - IPT 1 Sistemas de Ar Condicionado Residenciais Eng. Dr. Fúlvio Vittorino IPT - Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo Objetivo Processos e equipamentos mecânicos

Leia mais

Refrigeração e Ar Condicionado

Refrigeração e Ar Condicionado Refrigeração e Ar Condicionado Evaporadores Filipe Fernandes de Paula filipe.paula@engenharia.ufjf.br Departamento de Engenharia de Produção e Mecânica Faculdade de Engenharia Universidade Federal de Juiz

Leia mais

Classificação de Trocadores de Calor

Classificação de Trocadores de Calor Trocadores de Calor Trocadores de Calor Equipamento usados para implementar a troca de calor entre dois ou mais fluidos sujeitos a diferentes temperaturas são denominados trocadores de calor Classificação

Leia mais

Simpósio Nacional de Eficiência Energética e Sustentabilidade para a Conservação de Alimentos

Simpósio Nacional de Eficiência Energética e Sustentabilidade para a Conservação de Alimentos Simpósio Nacional de Eficiência Energética e Sustentabilidade para a Conservação de Alimentos Palestra: Soluções Sustentáveis e Eficientes Integradas no Frio Alimentar Por: Sidney Mourão Gerente de Refrigeração

Leia mais

ANÁLISE COMPARATIVA DO DESEMPENHO DO EVAPORADOR DE UM APARELHO DE AR CONDICIONADO SPLIT COM GEOMETRIA OTIMIZADA

ANÁLISE COMPARATIVA DO DESEMPENHO DO EVAPORADOR DE UM APARELHO DE AR CONDICIONADO SPLIT COM GEOMETRIA OTIMIZADA ANÁLISE COMPARATIVA DO DESEMPENHO DO EVAPORADOR DE UM APARELHO DE AR CONDICIONADO SPLIT COM GEOMETRIA OTIMIZADA Tese inédita apresentada ao Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade Federal do

Leia mais

DADOS TÉCNICOS DO COMPRESSOR

DADOS TÉCNICOS DO COMPRESSOR DEFINIÇÃO DO COMPRESSOR Descrição Voltagem/Frequencia Nominal Código de Engenharia VNE K213U 300 V 3375 Hz 860AX71 A APLICAÇÃO / CONDIÇÕES LIMITES DE TRABALHO 1 Tipo 2 Refrigerante 3 Voltagem e frequência

Leia mais

Evaporador de Ar Forçado Médio-Alto Perfil. Bandeja interna

Evaporador de Ar Forçado Médio-Alto Perfil. Bandeja interna 47 7 2792 61118 181 24 Evaporador de r Forçado Médiolto Perfil Cantos arredondados Características técnicas Bandeja interna lta vazão de ar em sistema modulado Gabinete rígido, monobloco, em alumínio planificado

Leia mais

NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO

NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO NORMAS BRASILEIRAS PARA AR CONDICIONADO E REFRIGERAÇÃO ESTAS NORMAS SÃO PRODUZIDAS E REVISADAS POR (ABNT) ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS, ATRAVÉS DO COMITÊ BRASILEIRO Nº55 (CB 55) COM SEDE NA

Leia mais

Instalações Hidráulicas: Água Quente. Prof. Fabiano de Sousa Oliveira Curso: Engenharia Civil FTC/VC

Instalações Hidráulicas: Água Quente. Prof. Fabiano de Sousa Oliveira Curso: Engenharia Civil FTC/VC Instalações Hidráulicas: Água Quente Prof. Fabiano de Sousa Oliveira Curso: Engenharia Civil FTC/VC INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS: ÁGUA QUENTE Primeiro ponto: Apresentação da norma técnica, vigente. Projeto

Leia mais

Capítulo 5. Ciclos de Refrigeração

Capítulo 5. Ciclos de Refrigeração Capítulo 5 Ciclos de Refrigeração Objetivos Estudar o funcionamento dos ciclos frigoríficos por compressão de vapor idealizados e reais Apontar as distinções entre refrigeradores e bombas de calor 5.1.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENGENHARIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA MECÂNICA BANCADA DE VISUALIZAÇÃO DE ESCOAMENTOS COM MUDANÇA DE FASE RELATÓRIO DE TRABALHO

Leia mais

D / Sistemas de refrigeração de fluidos RFCS

D / Sistemas de refrigeração de fluidos RFCS Sistemas de refrigeração de fluidos RFCS Máquinas-ferramentas Seu parceiro profissional para sistemas de refrigeração. Todas as exigências... Prensas Máquinas injetoras de plástico Usinas termelétricas

Leia mais

Universidade do Vale do Rio dos Sinos UNISINOS Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica. Projeto e simulação de sistemas térmicos

Universidade do Vale do Rio dos Sinos UNISINOS Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica. Projeto e simulação de sistemas térmicos Universidade do Vale do Rio dos Sinos UNISINOS Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica Projeto e simulação de sistemas térmicos Conteúdo programático: Introdução. Projeto em engenharia. Conceitos

Leia mais

TIPOS DE VÁLVULAS. Válvulas de interesse em refrigeração: 1. Bloqueio: 2. Retenção: 3. Expansão:

TIPOS DE VÁLVULAS. Válvulas de interesse em refrigeração: 1. Bloqueio: 2. Retenção: 3. Expansão: VÁLVULAS TIPOS DE VÁLVULAS Válvulas de interesse em refrigeração: 1. Bloqueio: 2. Retenção: 3. Expansão: 1. VÁLVULA DE BLOQUEIO Utilizada em diversos pontos das linhas; Função de isolar um componente ou

Leia mais

Intercambiador de Calor

Intercambiador de Calor C6-003 Intercambiador de Calor Séries ICH-DX, ICV-DX Expansão Direta TROX DO BRASIL LTDA. Rua Alvarenga, 2025 05509-005 São Paulo SP Fone: (11) 3037-3900 Fax: (11) 3037-3910 E-mail: trox@troxbrasil.com.br

Leia mais

Lista de problemas número 1. Exercícios de Refrigeração e Psicrometria A) REFRIGERAÇÃO

Lista de problemas número 1. Exercícios de Refrigeração e Psicrometria A) REFRIGERAÇÃO Lista de problemas número 1 Exercícios de Refrigeração e Psicrometria A) REFRIGERAÇÃO 1) Determinar as propriedades do R-134 nas seguintes condições: a) t = - 40 o C x = 1 b) p = 1 MPa t = 80 0 C c) p

Leia mais

MÁQUINAS TÉRMICAS E PROCESSOS CONTÍNUOS

MÁQUINAS TÉRMICAS E PROCESSOS CONTÍNUOS MÁQUINAS TÉRMICAS E PROCESSOS CONTÍNUOS AULA 1-3 TERMODINÂMICA APLICADA AS MÁQUINAS TÉRMICAS PROF.: KAIO DUTRA Diagrama de Fases Estado líquido Mistura bifásica líquido-vapor Estado de vapor Conservação

Leia mais

Sistemas e Componentes II

Sistemas e Componentes II Sistemas e Componentes II Alberto Hernandez Neto -Direitos autorais reservados - É proibida a reprodução deste material sem a autorização expressa do autor 1 Serpentina de resfriamento e desumidificação

Leia mais

Opções disponíveis GX 2-5 AP GX 2-5 FF GX 7-11 AP GX 7-11 FF

Opções disponíveis GX 2-5 AP GX 2-5 FF GX 7-11 AP GX 7-11 FF Especificações técnicas GX 2-5 e GX 7-11 MODELO DO COMPRESSOR Pressão máxima de trabalho. Capacidade (FAD)* Potência do motor Nível de ruído db(a) ** Peso (kg)*** bar(g) psi l/s m 3 /min cfm kw cv db(a)

Leia mais

Unidades condensadoras herméticas Blue Star e Compact Line

Unidades condensadoras herméticas Blue Star e Compact Line Unidades condensadoras herméticas Blue Star e Compact Line Estas unidades condensadoras são equipadas com os compressores herméticos reciprocos Danfoss Maneurop e podem ser utilizadas em aplicações de

Leia mais

Mini Chiller Linha Ice Control Mini Chiller compactos com condensação a AR

Mini Chiller Linha Ice Control Mini Chiller compactos com condensação a AR Mini Chiller Linha Ice Control Mini Chiller compactos com condensação a AR A linha de Unidades trocadora de CALOR (MGA ) Ice Control é uma solução econômica e compacta desenvolvida para atender diversas

Leia mais

ENG 3006 TRANSFERÊNCIA DE CALOR E MASSA 1 o SEMESTRE DE Capítulo 11 Trocadores de Calor

ENG 3006 TRANSFERÊNCIA DE CALOR E MASSA 1 o SEMESTRE DE Capítulo 11 Trocadores de Calor ENG 3006 TRANSFERÊNCIA DE CALOR E MASSA 1 o SEMESTRE DE 2015 Capítulo 11 Trocadores de Calor Tópicos Tipos de trocadores de calor; O coeficiente global de transferência de calor; Análise térmica de trocadores

Leia mais

Engenharia Mecânica em casa

Engenharia Mecânica em casa Engenharia Mecânica em casa Ontem e Hoje Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica Supervisor: Monitor: Equipa 1M03_1: Ana Isabel Ferreira Ana Isabel Costa Carlos Miguel Lopes João Guilherme Costa Pedro

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA CIÊNCIA, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA CIÊNCIA, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA CIÊNCIA, INOVAÇÃO E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO PROJETO DE PESQUISA: SISTEMA OTIMIZADO PARA AQUECIMENTO DE ÁGUA EM PRÉDIOS E RESIDÊNCIAIS APLICADO A REDUÇÃO DO

Leia mais

Atlas Copco Compressores de Parafuso Rotativo Lubrificado GX 2-11 (2-11 kw/3-15 hp)

Atlas Copco Compressores de Parafuso Rotativo Lubrificado GX 2-11 (2-11 kw/3-15 hp) Atlas Copco Compressores de Parafuso Rotativo Lubrificado GX 2-11 (2-11 kw/3-15 hp) Nova série GX: compressores de parafuso compactos construídos para durar Os compressores de parafuso da Atlas Copco sempre

Leia mais

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU

UNIVERSIDADE SÃO JUDAS TADEU CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA CURRÍCULO PLENO BACHARELADO 1 CICLO/MÓDULO A Ciências Exatas I Cálculo Diferencial 06 0 06 120 Desenho Técnico 0 02 02 40 Física I Mecânica da Partícula 04 02 06 120 Projeto

Leia mais

Capítulo 5 - Sistemas de Múltiplos Estágios e Múltiplos Evaporadores e Ciclos em Cascata

Capítulo 5 - Sistemas de Múltiplos Estágios e Múltiplos Evaporadores e Ciclos em Cascata Refrigeração Capítulo 5 Pág. Capítulo 5 - Sistemas de Múltiplos Estágios e Múltiplos Evaporadores e Ciclos em Cascata 5.. Introdução Muitas vezes, a instalação frigorífica deve servir a aplicações diversas,

Leia mais

Condensadores / Drycoolers

Condensadores / Drycoolers Condensadores / Drycoolers Nome Produto Capacidade Glicol / HFC CO 2 Água Compact V-shape 70 850 kw GVW GVW GVW GFW A linha de produtos COMPACT oferece unidades compactas para diversas aplicações com espaços

Leia mais

TRANSPORTE REFRIGERADO

TRANSPORTE REFRIGERADO TRANSPORTE REFRIGERADO cf Tecnologia é antecipar o futuro com soluções inteligentes para cada aplicação. A Ciabe tem o produto certo para o seu negócio. Localizada em Caxias do Sul no Rio Grande do Sul,

Leia mais

Módulo I Ciclo Rankine Ideal

Módulo I Ciclo Rankine Ideal Módulo I Ciclo Rankine Ideal Sistema de Potência a Vapor As usinas de potência a vapor são responsáveis pela produção da maior parte da energia elétrica do mundo. Porém, para o estudo e desenvolvimento

Leia mais

Processamento da Energia de Biocombustíveis

Processamento da Energia de Biocombustíveis Processamento da Energia de Biocombustíveis Professor: Marcello Mezaroba Dr. Email: marcello.mezaroba@udesc.br Junho de 2016 Sumário I. Biomassa II. Cogeração de energia a partir de biocombustíveis III.

Leia mais

DADOS TÉCNICOS DO COMPRESSOR

DADOS TÉCNICOS DO COMPRESSOR DEFINIÇÃO DO COMPRESSOR Descrição EG AS80HLR Voltagem/Frequencia Nominal 220240 V 5060 Hz Código de Engenharia 513701313 A APLICAÇÃO / CONDIÇÕES LIMITES DE TRABALHO 1 Tipo 2 Refrigerante 3 Voltagem e frequência

Leia mais

Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Termodinâmica. Ciclos de Refrigeração. v. 2.0

Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Termodinâmica. Ciclos de Refrigeração. v. 2.0 Termodinâmica Ciclos de Refrigeração 1 v. 2.0 Ciclo de refrigeração A transferência de calor de compartimentos de baixa temperatura para outros a temperaturas maiores é chamada de refrigeração; Equipamentos

Leia mais

LÍDER MUNDIAL em tecnologia para compressores herméticos. 97 ANOS de tradição. REFERÊNCIA DE MERCADO em aplicações de CO 2

LÍDER MUNDIAL em tecnologia para compressores herméticos. 97 ANOS de tradição. REFERÊNCIA DE MERCADO em aplicações de CO 2 1 A Embraco, multinacional focada em inovação e uma das maiores fabricantes mundiais de compressores herméticos para refrigeração e a tradicional fabricante italiana de compressores semi-herméticos Officine

Leia mais

Aula 6 A 2a lei da termodinâmica Física II UNICAMP 2012

Aula 6 A 2a lei da termodinâmica Física II UNICAMP 2012 Aula 6 A 2a lei da termodinâmica Física II UNICAMP 2012 http://en.wikipedia.org/wiki/steam_car Caldeira de carro a vapor de 1924. Populares até a década de 1930, perderam prestígio com a popularização

Leia mais

food-retail.danfoss.com Visão Geral ADAP-KOOL Controladores para Evaporador Obtenha a mais alta eficiência energética e segurança alimentar

food-retail.danfoss.com Visão Geral ADAP-KOOL Controladores para Evaporador Obtenha a mais alta eficiência energética e segurança alimentar Visão Geral ADAP-KOOL Controladores para Evaporador Obtenha a mais alta eficiência energética e segurança alimentar Soluções confiáveis com base em 30 anos de experiência food-retail.danfoss.com Do Básico

Leia mais

Manual de Instalação. Compressor Delphi

Manual de Instalação. Compressor Delphi Manual de Instalação Compressor Delphi Este manual tem como objetivo fornecer instruções, dicas e orientações sobre a instalação correta dos Compressores Delphi. As informações contidas neste manual, alinhadas

Leia mais

Válvulas de expansão termostática

Válvulas de expansão termostática tipos T, TE e PHT Introdução As s de expansão termostáticas regulam a injeção de líquido refrigerante nos evaporadores. A injeção é controlada em função do superaquecimento do refrigerante. Portanto, as

Leia mais

BSM 2080/2385 ALTA EFICIÊNCIA MESMO A CARGAS PARCIAIS CONDENSADOR MICROCANAL INSTALAÇÃO RÁPIDA E FÁCIL MODO DE OPERAÇÃO NOTURNA

BSM 2080/2385 ALTA EFICIÊNCIA MESMO A CARGAS PARCIAIS CONDENSADOR MICROCANAL INSTALAÇÃO RÁPIDA E FÁCIL MODO DE OPERAÇÃO NOTURNA by BSM 2080/2385 Chillers condensação a ar Instalação ao tempo Compressores parafuso Trocadores de calor casco e tubo Ventiladores axiais Capacidade de refrigeração 317-2273 kw (90-646 TR) ALTA EFICIÊNCIA

Leia mais

ANÁLISE DO COEFICIENTE DE PERFORMANCE DE UM CHILLER DOMÉSTICO OPERANDO COM O R-401A EM REGIME TRANSIENTE

ANÁLISE DO COEFICIENTE DE PERFORMANCE DE UM CHILLER DOMÉSTICO OPERANDO COM O R-401A EM REGIME TRANSIENTE ANÁLISE DO COEFICIENTE DE PERFORMANCE DE UM CHILLER DOMÉSTICO OPERANDO COM O R-401A EM REGIME TRANSIENTE Pedro Samuel Gomes Medeiros Graduando de Engenharia Mecânica da Universidade Federal do Rio Grande

Leia mais

Soluções em. Ar - Condicionado. Tecnologia para a vida ACS 255/651/810. Recicladoras de ar - condicionado

Soluções em. Ar - Condicionado. Tecnologia para a vida ACS 255/651/810. Recicladoras de ar - condicionado Soluções em Ar - Condicionado ACS 255/651/810 Recicladoras de ar - condicionado Tecnologia para a vida Serviço em A/C Bosch Dirigindo com conforto e segurança Atualmente mais de 60% dos veículos comuns

Leia mais

Válvula de Expansão Termostática

Válvula de Expansão Termostática STANDARD Válvula de Expansão Termostática As válvulas de expansão termostática da série RFGD são usadas para ajustar o fluxo de massa do refrigerante dentro do evaporador enquanto controlam o sobreaquecimento

Leia mais

Geração de Energia Elétrica

Geração de Energia Elétrica Geração de Energia Elétrica Geração Termoelétrica a Joinville, 6 de Abril de 202 Escopo dos Tópicos Abordados Ciclos térmicos; Configurações emodelos de Turbinas a : Modelos dinâmicos de turbinas a vapor;

Leia mais

Lista de Exercícios Solução em Sala

Lista de Exercícios Solução em Sala Lista de Exercícios Solução em Sala 1) Um conjunto pistão-cilindro área de seção transversal igual a 0,01 m². A massa do pistão é 101 kg e ele está apoiado nos batentes mostrado na figura. Se a pressão

Leia mais

DADOS TÉCNICOS DO COMPRESSOR

DADOS TÉCNICOS DO COMPRESSOR DEFINIÇÃO DO COMPRESSOR Descrição VEG T11HB Voltagem/Frequencia Nominal 230 V 60150 Hz Código de Engenharia 513800042 A APLICAÇÃO / CONDIÇÕES LIMITES DE TRABALHO 1 Tipo 2 Refrigerante 3 Voltagem e frequência

Leia mais

EN 2411 Aula 13 Trocadores de calor Método MLDT

EN 2411 Aula 13 Trocadores de calor Método MLDT Universidade Federal do ABC EN 24 Aula 3 Trocadores de calor Método MLDT Trocadores de calor São equipamentos utilizados para promover a transferência de calor entre dois fluidos que se encontram sob temperaturas

Leia mais

Processo de Fabricação de Chips PSI2613_A01-1

Processo de Fabricação de Chips PSI2613_A01-1 Processo de Fabricação de Chips PSI2613_A01-1 Encapsulamento Eletrônico (Packaging) Define-se como a Tecnologia de Interconexão de Componentes Eletrônicos. Esta tecnologia permite definir e controlar o

Leia mais

Bombas d'água, reservatório e tubulações hidráulicas em materiais livres de corrosão.

Bombas d'água, reservatório e tubulações hidráulicas em materiais livres de corrosão. Condensador Evaporador Bombas d'água, reservatório e tubulações hidráulicas em materiais livres de corrosão. Reservatório de água com isolamento térmico, bóia e sensor de nível. Evaporador em cobre, integrado

Leia mais

2ª Lei da Termodinâmica. Prof. Matheus Fontanelle Pereira

2ª Lei da Termodinâmica. Prof. Matheus Fontanelle Pereira 2ª Lei da Termodinâmica Prof. Matheus Fontanelle Pereira Introdução Trabalho poderia ser obtido. Oportunidades de gerar trabalho Qual é o máximo valor teórico do trabalho que poderia ser obtido? Quais

Leia mais

Evaporador de Ar Forçado Baixa Velocidade. Dupla saída de ar Baixa velocidade. Bandeja interna

Evaporador de Ar Forçado Baixa Velocidade. Dupla saída de ar Baixa velocidade. Bandeja interna 302 770 00 27 3397 Evaporador de Ar Forçado Baixa Velocidade Dupla saída de ar Baixa velocidade Bandeja interna Características Técnicas Bandeja interna que evita fugas de ar e concentra fluxo de água

Leia mais

Válvula de expansão termostática

Válvula de expansão termostática STANDARD Válvula de expansão termostática As válvulas de expansão termostática da série RFKA são usadas para ajustar o fluxo de massa do refrigerante dentro do evaporador enquanto controlam o sobreaquecimento

Leia mais

7 TORRES DE RESFRIAMENTO E CONDENSADORES EVAPORATIVOS

7 TORRES DE RESFRIAMENTO E CONDENSADORES EVAPORATIVOS 91 7 TORRES DE RESFRIAMENTO E CONDENSADORES EVAPORATIVOS A maioria dos equipamentos dos sistemas de refrigeração rejeita calor para a atmosfera. Embora existam aplicações onde o calor rejeitado do ciclo

Leia mais

Construção robusta e de alta durabilidade. Alta eficiência térmica, resultando em Segurança Motor EC de baixo consumo de energia,

Construção robusta e de alta durabilidade. Alta eficiência térmica, resultando em Segurança Motor EC de baixo consumo de energia, Cdr 270 792 W 229 1 9111 222 Condensador Remoto a r Baixo nível de ruído Fluxo de ar horizontal e vertical Construção robusta e de alta durabilidade Características técnicas lta eficiência térmica, resultando

Leia mais

Distribuição de vapor. Dilatação térmica. Junta de expansão. Desvio em U 1/10/2010

Distribuição de vapor. Dilatação térmica. Junta de expansão. Desvio em U 1/10/2010 Distribuição de vapor Dilatação térmica Dimensionamento e especificação de tubos; dilatação térmica; purgadores Artifícios para flexibilização de tubulações de vapor http://www.spiraxsarco.com/resources/steam-engineering-tutorials.asp

Leia mais

SENAI, SUA CONQUISTA PROFISSIONAL

SENAI, SUA CONQUISTA PROFISSIONAL METAL/MECÂNICA SENAI RR SENAI RR SENAI, SUA CONQUISTA ORGANIZAÇÃO CURRICULAR DOS CURSOS 1. TÍTULO COMANDOS ELÉTRICOS PARA REFRIGERAÇÃO Proporcionar ao treinando conhecimentos teóricos e 2. OBJETIVO práticos

Leia mais

CONCURSO!PÚBLICO!PARA!PROVIMENTO!DE!CARGO!EFETIVO!DE!DOCENTES! ) ÁREA:!Engenharia!Mecânica!<!Máquinas!Térmicas!

CONCURSO!PÚBLICO!PARA!PROVIMENTO!DE!CARGO!EFETIVO!DE!DOCENTES! ) ÁREA:!Engenharia!Mecânica!<!Máquinas!Térmicas! MINISTÉRIO)DA)EDUCAÇÃO) ) INSTITUTO)FEDERAL)DE)EDUCAÇÃO,)CIÊNCIA)E) TECNOLOGIA)DO)SUDESTE)DE)MINAS)GERAIS) CONCURSOPÚBLICOPARAPROVIMENTODECARGOEFETIVODEDOCENTES ) ÁREA:EngenhariaMecânica

Leia mais

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS

ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ATA DE REGISTRO DE PREÇOS BASE ADMINISTRATIVA DO QUARTEL- GENERAL DO EXÉRCITO SECRETARIA GERAL DO EXÉRCITO PRODUTO: AR CONDICIONADO SPLIT COM INSTALAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº. 22 / 2016 ( SRP ) UASG Nº.

Leia mais

Gestão de Energia e Eficiência Energética em Sistemas de Climatização

Gestão de Energia e Eficiência Energética em Sistemas de Climatização PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU Gestão de Energia e Eficiência Energética em Sistemas de Climatização Eixo Tecnológico: Controle e Processos Industriais Modalidade: Presencial 1 1 OBJETIVOS EDUCACIONAIS 1.1 OBJETIVO

Leia mais

Sistemas de Refrigeração Parte I

Sistemas de Refrigeração Parte I Sistemas de Refrigeração Parte I 1 Tópicos da Aula de Hoje Introdução / definições sobre sistemas de refrigeração Ciclo de refrigeração por compressão Fatores que influenciam o desempenho do sistema de

Leia mais

Energética Industrial

Energética Industrial Universidade do Minho Departamento de Engenharia Mecânica Energética Industrial Problemas propostos José Carlos Fernandes Teixeira 1) 1.5 kg de gelo à temperatura de 260 K, funde-se, à pressão de 1 bar,

Leia mais

Módulo II Processo Reversível e Irreversível, Ciclos (Potência, Refrigeração e Bomba de Calor) de Carnot

Módulo II Processo Reversível e Irreversível, Ciclos (Potência, Refrigeração e Bomba de Calor) de Carnot Módulo II Processo Reversível e Irreversível, Ciclos (Potência, Refrigeração e Bomba de Calor) de Carnot Processos Reversíveis e Irreversíveis Nenhuma máquina térmica pode ter eficiência 100% de acordo

Leia mais

Análise Energética para Sistemas Abertos (Volumes de Controles)

Análise Energética para Sistemas Abertos (Volumes de Controles) UTFPR Termodinâmica 1 Análise Energética para Sistemas Abertos (Volumes de Controles) Princípios de Termodinâmica para Engenharia Capítulo 4 Parte III Análise de Volumes de Controle em Regime Permanente

Leia mais

Propriedades típicas e algumas aplicações das ligas de alumínio conformadas

Propriedades típicas e algumas aplicações das ligas de alumínio conformadas 1 Propriedades típicas e algumas aplicações das ligas de alumínio conformadas Liga / tratamento resistência escoamento Alongamento em 50mm 1 [%] Resistência à corrosão (geral) 2 Conformação a frio 3 Usinagem

Leia mais

ANÁLISE ENERGÉTICA DE UM SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO POR ABSORÇÃO UTILIZANDO A MISTURA AMÔNIA-ÁGUA.

ANÁLISE ENERGÉTICA DE UM SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO POR ABSORÇÃO UTILIZANDO A MISTURA AMÔNIA-ÁGUA. ANÁLISE ENERGÉTICA DE UM SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO POR ABSORÇÃO UTILIZANDO A MISTURA AMÔNIA-ÁGUA. Luís Felipe Ribeiro Romano [Voluntário], Rubens Gallo [orientador], Rafael Santiago de Campos [Colaborador]

Leia mais

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS E INSTALAÇÕES

EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS E INSTALAÇÕES EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM SISTEMAS E INSTALAÇÕES PROF. RAMÓN SILVA Engenharia de Energia Dourados MS - 2013 SISTEMAS DE REFRIGERAÇÃO 2 COMPRESSORES O compressor é um dos principais componentes do sistema

Leia mais

Capítulo 3 - Ciclo Real de Refrigeração

Capítulo 3 - Ciclo Real de Refrigeração Refrigeração Capítulo 3 Pág. 1 Capítulo 3 - Ciclo Real de Refrigeração O ciclo real de refrigeração difere do ciclo padrão devido, principalmente, à presença de irreversibilidades que ocorrem em vários

Leia mais