Organograma do exercício da Jurisdição no ordenamento pátrio segundo os parâmetros vigentes na Constituição Federal

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Organograma do exercício da Jurisdição no ordenamento pátrio segundo os parâmetros vigentes na Constituição Federal"

Transcrição

1 BuscaLegis.ccj.ufsc.br Organograma do exercício da Jurisdição no ordenamento pátrio segundo os parâmetros vigentes na Constituição Federal João Fernando Vieira da Silva O exercício da jurisdição é regrado por princípios, balizas doutrinárias, ponderações históricas, conexões com a principiologia processual, ligações com a Teoria do Estado, mas também deve ser regrado de ponderações de ordem mais praticista, fundadas na ordem jurídica constitucional vigente. É com este escopo que se organiza uma espécie de esquema de apresentação do exercício da jurisdição no Brasil, indo do STF até o juiz estadual de primeira instância. Também se ressalte que o presente estudo é despido de maiores aprofundamentos sobre cada um dos dispositivos constitucionais que rege estrutura e competência dos tribunais e juízes, deixando-se tal encargo acadêmico para estudos mais acurados de Direito Constitucional. O fito deste estudo é tão somente uma apresentação do Judiciário e do exercício da jurisdição no ordenamento pátrio. Advirta-se aqui que as diferenciações entre tribunais e juízes são apenas de campo de competência, não sendo razoável falar em hierarquias entre os tribunais. [1]

2 1. Supremo Tribunal Federal (STF) Trata-se do tribunal eminentemente constitucional na sistemática jurisdicional pátria, responsável pelo julgamento dos casos mais notórios de eventuais ofensas à Constituição Federal. O STF não é uma Corte só de controle e guarda da Constituição, uma vez que, na estrutura pátria, também se vê às voltas com o julgamento de recursos extraordinários (controle constitucional difuso), conflitos de competência entre tribunais, conflito entre Estado estrangeiro e a União, a revisão criminal de seus julgados, dentre outras matérias nas quais o foco não é um julgamento apenas de ordem constitucionalista. [2] Na CF/88, o STF é previsto nos arts. 101/103. É composto por 11 Ministros, escolhidos entre cidadãos com mais de 35 anos e menos de 65 anos, de notável saber jurídico e conduta ilibada. Os Ministros são nomeados pelo Presidente da República, mas a escolha passa pela apreciação do Senado Federal. 2. Superior Tribunal de Justiça (STJ) Trata-se do tribunal responsável pelo controle da legislação infraconstitucional [3] no ordenamento pátrio, introduzido pela CF/88, substituindo o já extinto Tribunal Federal de Recursos. Previsto na Constituição Federal, nos arts. 104/105, é composto por 33 ministros, também escolhidos pelo Presidente da República dentre cidadãos com mais de 35 e menos de 65 anos de idade, de notável saber jurídico e conduta ilibada. Assim como o STF, tal indicação carece de aprovação do Senado Federal. Os 33 Ministros devem ser escolhidos tendo em mente os seguintes critérios: devem ser escolhidos entre desembargadores federais dos Tribunais Regionais Federais; devem ser escolhidos entre desembargadores dos Tribunais Estaduais; devem ser escolhidos dentre advogados ou membros do Ministério Público [4].

3 3. Conselho Nacional de Justiça (CNJ) Embora não exerça jurisdição propriamente, um estudo completo da estrutura básica do Poder Judiciário não poderia deixar de abordar este Conselho, instituído no artigo 103-B da CF/88 pela Emenda Constitucional 45/04. Tal Conselho, objeto de muita controvérsia e discussões acerca de sua constitucionalidade, deve ser composto por 15 membros com mais de 35 anos e menos de sessenta e seis anos, com mandato de dois anos, permitida uma recondução. Interessante na composição deste Conselho é a inclusão de membros indicados pelo Ministério Público, pela OAB e dois cidadãos com notório saber jurídico indicados pelo Poder Legislativo. O Conselho Nacional de Justiça colima o controle da atuação administrativa e financeira do Poder Judiciário, bem como zelar pelo cumprimento dos deveres funcionais dos juízes. 4. Justiça Federal (Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais) A Justiça Federal é prevista na Constituição Federal nos arts. 106/110. É composta pelos Tribunais Regionais Federais [5] e os Juízes Federais [6]. Os Tribunais Regionais Federais [7] são compostos por no mínimo 07 juízes, recrutados, quando possível, na região do Tribunal. São nomeados pelo Presidente da República dentre brasileiros com mais de 35 e menos de 65 anos, sendo certo que 1/5 dos nomeados deve ser dentre advogados com mais de 10 anos de efetiva atividade profissional e membros do Ministério Público Federal com mais de 10 anos de carreira. Os outros membros são escolhidos mediante a promoção de juízes federais com mais de 05 anos de exercício, promovidos por antiguidade ou merecimento. 5. Justiça do Trabalho A Justiça do Trabalho é prevista nos arts. 111/116 da CF/88. É composta pelo Tribunal Superior de Trabalho (TST), Tribunais Regionais do Trabalho (TRT) e Juízes do Trabalho. [8] O Tribunal Superior do Trabalho é composto por 27 Ministros, todos escolhidos dentre brasileiros com mais de 35 e menos de 65 anos. São nomeados pelo Presidente da República, dependendo de aprovação do Senado Federal. A composição do TST deve conter um 1/5 de membros entre advogados com mais de 10 anos de efetividade profissional e membros do Ministério Público do Trabalho com mais de 10 anos de efetivo exercício. Os demais membros devem

4 ser indicados através de promoção entre juízes dos Tribunais Regionais do Trabalho oriundos da Magistratura. Já os Tribunais Regionais do Trabalho são compostos por no mínimo 07 juízes, recrutados, quando possível, na respectiva região. São nomeados pelo Presidente da República, dentre brasileiros com mais de 35 e menos de 65 anos, sendo 1/5 dentre advogados com mais de 10 anos de efetiva atividade profissional e membros do Ministério Público do Trabalho com mais de 10 anos de efetivo exercício e os demais retirados mediante promoção de juízes do trabalho, seja por merecimento, seja por antiguidade. 6. Justiça Eleitoral A Justiça Eleitoral, prevista nos arts. 118/121, é formada pelo Tribunal Superior Eleitoral, pelos Tribunais Regionais Federais, pelos juízes eleitorais e pelas juntas eleitorais. O Tribunal Superior Eleitoral é composto por no mínimo 07 membros, escolhidos (mediante eleição secreta) dentre 03 juízes entre os Ministros do Supremo Tribunal Federal e 02 juízes dentre os Ministros do Superior Tribunal de Justiça. Os outros dois membros são escolhidos pelo Presidente da República dentre advogados notável saber jurídico e idoneidade moral. Os Tribunais Regionais Eleitorais (há um em cada capital de Estado e no Distrito Federal) são compostos de 07 juízes, sendo eleitos, por voto secreto, dois juízes entre Desembargadores de Justiça e 02 juizes entre juízes de direito escolhidos pelo Tribunal de Justiça; um juiz do Tribunal Regional Federal com sede na Capital do Estado ou, não havendo tal tribunal no Estado, um juiz federal escolhido pelo Tribunal Regional Federal respectivo e dois juízes nomeados pelo Presidente da República dentre advogados de notável saber jurídico e idoneidade moral. 7. Justiça Militar A Justiça Militar, prevista na Constituição Federal nos arts. 122/124, é composta pelo Superior Tribunal Militar, pelos Tribunais Militares Estaduais [9] e pelos juízes militares. O Superior Tribunal Militar é composto por 15 membros vitalícios, nomeados pelo Presidente da República, depois de aprovada a indicação pelo Senado Federal. Na indicação do Presidente, 03 devem ser oficiais generais da Marinha, 04 do Exército e 03 da Aeronáutica. Já os ministros civis, dentre 35 e 65 anos, devem ser escolhidos dentre 03 advogados de notório saber jurídico e conduta ilibada (com mais de 10 anos de efetiva atividade profissional) e dois dentre juízes auditores e membros do Ministério Público da Justiça Militar.

5 8. Tribunais e Juízes dos Estados Previstos nos arts. 125/126 da CF/88, também devem se reportar às Constituições Estaduais, principalmente no que concerne à fixação de competência. Para dirimir conflitos fundiários, o Tribunal de Justiça poderá propor a criação de varas especializadas, com competência exclusiva para questões agrárias (art. 126 da CF/88). Assim como na Justiça Federal e na Justiça do Trabalho, também há a possibilidade, implementada pela Emenda Constitucional 45/04, dos Tribunais de Justiça dinamizarem a Justiça itinerante. [1] Advirta-se que a Emenda Constitucional 45 e a inclusão no constitucionalismo pátrio das famigeradas súmulas vinculantes (CF/88, art A), a serem editadas pelo STF, pode, na prática, quebrar esta bem construída idéia da não hierarquia entre tribunais. [2] Os casos de competência do STF estão previstos no artigo 102 da CF/88. [3] Os casos de competência do STF estão previstos no art. 105 da CF/88. [4] É preciso advertir que, diferente de leigas acepções, o Ministério Público não faz parte do Poder Judiciário. [5] A competência dos Tribunais Regionais Federais é prevista no art. 108 da CF/88. [6] A competência dos juízes federais é prevista no art. 109 da CF/88.

6 [7] Com a Emenda Constitucional 45/04, há a possibilidade da instalação pelos Tribunais Regionais Federais de justiça itinerante, com a realização de audiências e demais funções da atividade jurisdicional nos limites territoriais da respectiva jurisdição. [8] A competência da Justiça do Trabalho está prevista no art. 114 da CF/88. [9] Os Tribunais Militares Estaduais podem ser criados por lei estadual, mediante proposta do Tribunal de Justiça de cada Estado nos Estados nos quais o efetivo militar seja superior a integrantes. Fonte: -segundo-os-parametros-vigentes-na- Constituicao-Federal Acesso em 26/05/2009

Supremo Tribunal Federal STF Artigo 101

Supremo Tribunal Federal STF Artigo 101 Supremo Tribunal Federal STF Artigo 101 Composto por 11 Ministros de Justiça vitalícios - Taxativamente 11 - Exclusivamente natos - Cidadãos - Mais de 35 e menos de 65 anos de idade - Notável saber jurídico

Leia mais

Tribunais Regionais Federais e. Juízes Federais. Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais. Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais

Tribunais Regionais Federais e. Juízes Federais. Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais. Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais S Art. 106. São órgãos da Justiça Federal: I - os Tribunais Regionais Federais; II - os. 1 2 Art. 107. Os Tribunais Regionais Federais compõemse de, no mínimo, sete juízes, recrutados, quando possível,

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO

DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO 01. Dentre os aspectos peculiares aos órgãos jurisdicionais trabalhistas no Brasil, não se encontra: I - Não existem Varas do Trabalho especializadas em determinadas matérias,

Leia mais

Curso: LEGISLAÇÃO DO MPU. Profª Lidiane Coutinho MÓDULO I: O MINISTÉRIO PÚBLICO NA COSTITUIÇÃO FEDERAL- ANÁLISE ESTRUTURAL

Curso: LEGISLAÇÃO DO MPU. Profª Lidiane Coutinho MÓDULO I: O MINISTÉRIO PÚBLICO NA COSTITUIÇÃO FEDERAL- ANÁLISE ESTRUTURAL Curso: LEGISLAÇÃO DO MPU Profª Lidiane Coutinho MÓDULO I: O MINISTÉRIO PÚBLICO NA COSTITUIÇÃO FEDERAL- ANÁLISE ESTRUTURAL Constituição Federal Poder Executivo Poder Legislativo Poder Judiciário Funções

Leia mais

O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA

O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA O ESTADO E A ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA NA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA ESTADO Conjunto de regras, pessoas e organizações que se separam da sociedade para organizá-la. - Só passa a existir quando o comando da comunidade

Leia mais

ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO

ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO 1.VARAs DO TRABALHO ÓRGÃO DE 1ª INSTÂNCIA. A Vara do Trabalho é a primeira instância das ações de competência da Justiça do Trabalho, sendo competente para julgar conflitos

Leia mais

A ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA ELEITORAL

A ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA ELEITORAL Inicialmente quero parabenizar a todos os concurseiros, em especial aqueles que buscam uma vaga nos Tribunais Eleitorais, pela dedicação aos estudos, persistam, pois essa caminhada, embora árdua, é bastante

Leia mais

Material para PERISCOPE Composição e Competência dos Órgãos da Justiça Eleitoral

Material para PERISCOPE Composição e Competência dos Órgãos da Justiça Eleitoral Material para PERISCOPE Composição e Competência dos Órgãos da Justiça Eleitoral Questão 1 O Tribunal Regional Eleitoral de um Estado da Federação foi assim constituído: dois Desembargadores do Tribunal

Leia mais

O PAPEL DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, SUA COMPETENCIA, ATRIBUIÇÕES, IMPORTÂNCIA E FINALIDADE

O PAPEL DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, SUA COMPETENCIA, ATRIBUIÇÕES, IMPORTÂNCIA E FINALIDADE O PAPEL DO CONSELHO NACIONAL DE JUSTIÇA, SUA COMPETENCIA, ATRIBUIÇÕES, IMPORTÂNCIA E FINALIDADE Felipe Boni de Castro 1 I Introdução: O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) foi criado e instituído pela Emenda

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N o 434, DE (Do Sr. Vieira da Cunha e outros)

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N o 434, DE (Do Sr. Vieira da Cunha e outros) PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N o 434, DE 2009. (Do Sr. Vieira da Cunha e outros) Dá nova redação ao art. 101, da Constituição Federal, para alterar a forma e requisitos pessoais de investidura no

Leia mais

START TRIBUNAIS Direito Constitucional - Aula 01 Rodrigo Menezes PODER JUDICIÁRIO Arts. 92 a 126, CF/88

START TRIBUNAIS Direito Constitucional - Aula 01 Rodrigo Menezes PODER JUDICIÁRIO Arts. 92 a 126, CF/88 PODER JUDICIÁRIO Arts. 92 a 126, CF/88 É o conjunto dos órgãos públicos aos quais a CF atribui a função típica jurisdicional JURISDIÇÃO = juris (Direito) + dictionis (ação de dizer) = DIZER O DIREITO.

Leia mais

Curso: LEGISLAÇÃO DO MPU

Curso: LEGISLAÇÃO DO MPU Curso: LEGISLAÇÃO DO MPU Profª Lidiane Coutinho MÓDULO II: O MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO - LC 75/93: COMPARATIVO DOS RAMOS LEI COMPLEMENTAR Nº 75/93- MPU MPU MPF MPT MPM MPDFT LEI COMPLEMENTAR Nº 75/93-

Leia mais

Quadro Sinótico Competência por Prerrogativa de Função

Quadro Sinótico Competência por Prerrogativa de Função 2016 Quadro Sinótico Competência por Prerrogativa de Função Lucas Rodrigues de Ávila Prova da Ordem 2016 O que é competência por prerrogativa de função? "Um dos critérios determinadores da competência

Leia mais

(TRT-RJ / TÉCNICO JUDICIÁRIO ÁREA ADMINISTRATIVA / CESPE / 2008) DIREITO CONSTITUCIONAL

(TRT-RJ / TÉCNICO JUDICIÁRIO ÁREA ADMINISTRATIVA / CESPE / 2008) DIREITO CONSTITUCIONAL DIREITO CONSTITUCIONAL 31. Acerca de competência legislativa, assinale a opção correta. (a) Compete aos estados legislar sobre direito agrário. (b) Segundo a teoria dos poderes remanescentes, hoje aplicada

Leia mais

PROVA DE NOÇÕES DE DIREITO CÓD. 02

PROVA DE NOÇÕES DE DIREITO CÓD. 02 7 _ PROVA DE NOÇÕES DE DIREITO CÓD. 02 QUESTÃO 21 Tendo em vista a competência dos órgãos da Justiça Eleitoral, correlacione as colunas e assinale a seqüência CORRETA. Órgãos 1. Tribunal Superior Eleitoral.

Leia mais

08/04/2017 GILCIMAR RODRIGUES LEGISLAÇÃO APLICADA AO MPU

08/04/2017 GILCIMAR RODRIGUES LEGISLAÇÃO APLICADA AO MPU GILCIMAR RODRIGUES LEGISLAÇÃO APLICADA AO MPU 1. (CESPE) - 2009 - IBRAM-DF Advogado O Ministério Público da União está legitimado para promover o inquérito civil e a ação civil pública visando proteção

Leia mais

Direito Processual Civil Recursos

Direito Processual Civil Recursos ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DOS TRIBUNAIS ORGANIZAÇÃO E FUNCIONAMENTO DOS TRIBUNAIS Jurisdição quanto ao grau hierárquico dos seus órgãos é: 1) inferior; 2) superior. Essas espécies de jurisdições pressupõe

Leia mais

DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. Princípios. Prof. Hermes Cramacon

DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO. Princípios. Prof. Hermes Cramacon DIREITO PROCESSUAL DO TRABALHO Princípios Prof. Hermes Cramacon Processo Conjunto de atos coordenados que buscam a prestação jurisdicional. Procedimento É a forma pela qual o processo se desenvolverá.

Leia mais

Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO. Prof. Me. Edson Guedes

Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO. Prof. Me. Edson Guedes Unidade I INSTITUIÇÕES DO DIREITO Prof. Me. Edson Guedes 1. Introdução ao Direito 1.1 Origem do Direito: Conflitos humanos; Evitar a luta de todos contra todos; 1. Introdução ao Direito 1.2 Conceito de

Leia mais

Temas Controversos de Processo do Trabalho

Temas Controversos de Processo do Trabalho Coordenação Eduardo Fontes Temas Controversos de Processo do Trabalho Guilherme de Luca Rogério Renzetti Recife PE 2017 TC processo do trab.indd 5 09/11/2016 11:12:54 Da organização da Justiça do Trabalho

Leia mais

CEM CADERNO DE EXERCÍCIOS MASTER. Organização dos Poderes CESGRANRIO

CEM CADERNO DE EXERCÍCIOS MASTER. Organização dos Poderes CESGRANRIO CEM CADERNO DE EXERCÍCIOS MASTER Organização dos Poderes CESGRANRIO 1) CESGRANRIO PETROBRAS Advogado Júnior - 2015 Sr. X é Deputado Federal e, como uma das primeiras informações que recebe do Congresso,

Leia mais

As estruturas judiciárias em contraste I (Brasil) Tinka Reichmann

As estruturas judiciárias em contraste I (Brasil) Tinka Reichmann As estruturas judiciárias em contraste I (Brasil) Tinka Reichmann reichmann@usp.br Sistemas jurídicos Sistemas nacionais Portugal Brasil Comparação dos sistemas jurídicos e dos termos jurídicos Organização

Leia mais

FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA: DEFENSORIA PÚBLICA E

FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA: DEFENSORIA PÚBLICA E FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA: MINISTÉRIO PÚBLICO, DEFENSORIA PÚBLICA E ADVOCACIA Profª Me. Érica Rios erica.carvalho@ucsal.br MINISTÉRIO PÚBLICO Definição: instituição permanente e essencial à função jurisdicional

Leia mais

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL

NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL NOÇÕES DE DIREITO CONSTITUCIONAL 03/09/2016 Prof. Luciano Dutra: autor das obras Direito Constitucional Essencial, Direito Constitucional para a OAB em Exercícios Comentados (e-book), Direito Constitucional

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2013

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2013 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº 2013, DE Altera a redação do 1º do art. 128 da Constituição Federal, para dispor sobre a nomeação do Procurador-Geral da República a partir de lista tríplice encaminhada

Leia mais

Organização dos Poderes do Estado

Organização dos Poderes do Estado Organização dos Poderes do Estado DO PODER JUDICIÁRIO TEMAS BÁSICOS FUNÇÕES TÍPICAS E ATÍPICAS Típica: julgar ( jus dicere ). Atípicas: administrar e normatizar (função regimental; SV; Resoluções do TSE;

Leia mais

PROFª MS. NURIA CABRAL - ESTUDO DIRIGIDO RESPONDIDO: PODER JUDICIÁRIO

PROFª MS. NURIA CABRAL - ESTUDO DIRIGIDO RESPONDIDO: PODER JUDICIÁRIO 01) Qual a função do Poder Judiciário? R.: De acordo com o clássico princípio da separação dos poderes, cabe ao Poder Judiciário, primordialmente, o desempenho da função jurisdicional, isto é, a aplicação

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional Direito Constitucional Dos Tribunais Regionais Federais e dos Juízes Federais (Art. 106 a 110) Professor André Vieira www.acasadoconcurseiro.com.br Direito Constitucional Seção IV DOS TRIBUNAIS REGIONAIS

Leia mais

RENATO SARAIVA ARYANNA LINHARES. Processo do TRABALHO. concursos públicos. 13. a edição revista, atualizada e ampliada

RENATO SARAIVA ARYANNA LINHARES. Processo do TRABALHO. concursos públicos. 13. a edição revista, atualizada e ampliada RENATO SARAIVA ARYANNA LINHARES Processo do TRABALHO concursos públicos 13. a edição revista, atualizada e ampliada CAPÍTULO 1 ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO, COMPETÊNCIA SUMÁRIO: 1.1. Organização

Leia mais

SENADO FEDERAL PARECER N 670, DE 2015

SENADO FEDERAL PARECER N 670, DE 2015 SENADO FEDERAL PARECER N 670, DE 2015 Da COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO, JUSTIÇA E CIDADANIA, sobre a Mensagem nº 61, de 2015 (nº 312/2015, na origem), que submete à consideração do Senado Federal o nome do

Leia mais

STF CNJ STJ TST STM TSE TRT TRE TJM JEF JEC

STF CNJ STJ TST STM TSE TRT TRE TJM JEF JEC STF CNJ TSE TST STJ STM TRE TRT TU TRF TJ TJM TR TR JE JT JF JÚRI JD JÚRI CJM CJM JEF JEC STF CNJ TSE TST STJ STM TRE TRT TRF TJ TJM TU JE JT TR JF JÚRI JD JÚRI TR CJM CJM Justiça Especializa JEF Justiça

Leia mais

Poder Legislativo - Fiscalização Contábil, Financeira e Orçamentária

Poder Legislativo - Fiscalização Contábil, Financeira e Orçamentária Direito Constitucional Poder Legislativo - Fiscalização Contábil, Financeira e Orçamentária Poder Legislativo CF. Art. 70 A fiscalização contábil, financeira, orçamentária, operacional e patrimonial da

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2012

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2012 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2012 Altera os arts. 102, 105, 108 e 125 da Constituição Federal para extinguir o foro especial por prerrogativa de função nos casos de crimes comuns. As Mesas

Leia mais

LIVRO I Do Processo de Conhecimento...1

LIVRO I Do Processo de Conhecimento...1 Sumário LIVRO I Do Processo de Conhecimento...1 Capítulo 1 Da Jurisdição...3 1.1. Conceito de Jurisdição... 5 1.2. Exercício da Jurisdição Quem Exerce a Jurisdição?...15 1.3. Características da Jurisdição...17

Leia mais

Direito Trabalhista 1

Direito Trabalhista 1 Direito Trabalhista 1 Organização da Justiça do Trabalho Emenda Constitucional n. 24 de 09/12/99 colocou fim à representação classista A Emenda Constitucional n. 24 de 9/12/99 pôs fim à representação classista

Leia mais

Prof. Milton Saldanha 1

Prof. Milton Saldanha 1 Aula 00 Direito Processual do Trabalho Aula Demonstrativa www.pontodosconcursos.com.br Prof. Milton Saldanha 1 Aula Conteúdo Programático Data 00 Justiça do Trabalho: organização da Justiça do Trabalho.

Leia mais

20/11/2014. Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes AULÃO DA PREMONIÇÃO TJ-RJ

20/11/2014. Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes AULÃO DA PREMONIÇÃO TJ-RJ Direito Constitucional Professor Rodrigo Menezes AULÃO DA PREMONIÇÃO TJ-RJ 1 01. A Constituição Federal de 1988 consagra diversos princípios, os quais exercem papel extremamente importante no ordenamento

Leia mais

Rodada #1 Regimento Interno do TRE/BA

Rodada #1 Regimento Interno do TRE/BA Rodada #1 Regimento Interno do TRE/BA Professor Ricardo Gomes Assuntos da Rodada REGIMENTO INTERNO DO TRE/BA (Resolução Administrativa nº 1/2017) a. Teoria em Tópicos Membros do TRE/BA. 1. O Tribunal Regional

Leia mais

Como pensa o examinador em provas para a Magistratura do TJ-RS? MAPEAMENTO DAS PROVAS - DEMONSTRAÇÃO -

Como pensa o examinador em provas para a Magistratura do TJ-RS? MAPEAMENTO DAS PROVAS - DEMONSTRAÇÃO - Curso Resultado Um novo conceito em preparação para concursos! Como pensa o examinador em provas para a Magistratura do TJ-RS? MAPEAMENTO DAS PROVAS - DEMONSTRAÇÃO - Trabalho finalizado em julho/2015.

Leia mais

PEC amplia composição e reduz atribuições do Supremo Tribunal Federal

PEC amplia composição e reduz atribuições do Supremo Tribunal Federal ASSESSORIA PARLAMENTAR INFORMATIVO 08 a 10 de JANEIRO de 2014 CÂMARA DOS DEPUTADOS PEC amplia composição e reduz atribuições do Supremo Tribunal Federal Pela proposta, a indicação dos ministros da Corte

Leia mais

Prof. Francisco Moreira

Prof. Francisco Moreira Art. 92. São órgãos do Poder Judiciário: I - o Supremo Tribunal Federal; I-A o Conselho Nacional de Justiça; II - o Superior Tribunal de Justiça; III - os Tribunais Regionais Federais e Juízes Federais;

Leia mais

Legislação Aplicada. Lei complementar nº /11/2007. Professor Giuliano Tamagno.

Legislação Aplicada. Lei complementar nº /11/2007. Professor Giuliano Tamagno. Legislação Aplicada Lei complementar nº 100 21/11/2007 Professor Giuliano Tamagno www.acasadoconcurseiro.com.br Legislação Aplicada LEI COMPLEMENTAR Nº 100, DE 21 DE NOVEMBRO DE 2007. Dispõe sobre o Código

Leia mais

(Técnico Judiciário/Área administrativa e segurança e transporte/ TRF/5ª Região/2012)

(Técnico Judiciário/Área administrativa e segurança e transporte/ TRF/5ª Região/2012) Olá amigo(a), tudo bem? Irei começar nossa comunicação pelo site da Editora Ferreira com um importante toque para testar seus conhecimentos de Direito Constitucional nesta provinha para Técnico Judiciário

Leia mais

DIREITO ADMINISTRATIVO E CONSTITUCIONAL 2014

DIREITO ADMINISTRATIVO E CONSTITUCIONAL 2014 DIREITO ADMINISTRATIVO E CONSTITUCIONAL 2014 51. "José da Silva, Senador da República, discursa na tribuna do Senado defendendo a legalização do aborto para mulheres grávidas que não tenham constituído

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional Direito Constitucional Aula: 11/12 UMA PARCERIA Visite o Portal dos Concursos Públicos WWW.CURSOAPROVACAO.COM.BR Visite a loja virtual www.conquistadeconcurso.com.br MATERIAL DIDÁTICO EXCLUSIVO PARA ALUNOS

Leia mais

COMISSÃO NACIONAL DE ESTÁGIO E FORMAÇÃO

COMISSÃO NACIONAL DE ESTÁGIO E FORMAÇÃO COMISSÃO NACIONAL DE ESTÁGIO E FORMAÇÃO Organização Judiciária Programa I Introdução 1 Conceito e âmbito da organização judiciária: 1.1. Considerações preliminares 1.2. Conceito 1.3. Âmbito 2 Noções fundamentais

Leia mais

Sumário. Parte 1 Teorias e doutrinas relacionadas ao estudo da Constituição

Sumário. Parte 1 Teorias e doutrinas relacionadas ao estudo da Constituição Sumário Parte 1 Teorias e doutrinas relacionadas ao estudo da Constituição 1 Afinal, o que é a Constituição? 3 1.1 Constitucionalismo 3 1.2 O neoconstitucionalismo 4 1.3 Jusnaturalismo X Positivismo X

Leia mais

ESTÁGIO SUPERVISIONADO PRÁTICA TRABALHISTA ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO

ESTÁGIO SUPERVISIONADO PRÁTICA TRABALHISTA ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO ESTÁGIO SUPERVISIONADO PRÁTICA TRABALHISTA ORGANIZAÇÃO DA JUSTIÇA DO TRABALHO 1. Surgimento da Justiça do Trabalho origens históricas - Surge em face do Direito do Trabalho e dos conflitos trabalhistas

Leia mais

DOCUMENTO PROVISÓRIO. Conselho Nacional de Justiça Anteprojeto de Emenda de Constitucional

DOCUMENTO PROVISÓRIO. Conselho Nacional de Justiça Anteprojeto de Emenda de Constitucional ANEXO II* DOCUMENTO PROVISÓRIO Conselho Nacional de Justiça Anteprojeto de Emenda de Constitucional "Introduz modificações na estrutura do Poder Judiciário" As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado

Leia mais

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N.º, DE (do Sr. Deputado Zé Geraldo e outros)

PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N.º, DE (do Sr. Deputado Zé Geraldo e outros) 1 PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N.º, DE 2013. (do Sr. Deputado Zé Geraldo e outros) Altera dispositivos constitucionais, instituindo mandato com duração de 10 anos, vedando a recondução para os Ministros

Leia mais

Sumário CAPÍTULO I TEORIA DA CONSTITUIÇÃO E DAS NORMAS CONSTITUCIONAIS... 13

Sumário CAPÍTULO I TEORIA DA CONSTITUIÇÃO E DAS NORMAS CONSTITUCIONAIS... 13 Sumário 7 Sumário CAPÍTULO I TEORIA DA CONSTITUIÇÃO E DAS NORMAS CONSTITUCIONAIS... 13 QUESTÕES... 13 I.1. Constitucionalismo e história das Constituições... 13 I.2. Conceito e concepções de Constituição...

Leia mais

DIREITO CONSTITUCIONAL

DIREITO CONSTITUCIONAL Organização dos Poderes Poder Judiciário DIREITO CONSTITUCIONAL por Terezinha Rêgo www.mapasquestoes.com.br Organização dos Poderes Poder Judiciário DIREITO CONSTITUCIONAL por Terezinha Rêgo Lançamento:

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO ARTIGOS 127 A 130 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL

MINISTÉRIO PÚBLICO ARTIGOS 127 A 130 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL MINISTÉRIO PÚBLICO ARTIGOS 127 A 130 DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL Órgão constitucional autônomo, incumbido de promover a ação penal e fiscalizar a execução da lei perante a jurisdição penal e exercer, ante

Leia mais

A necessidade de proteção e efetividade aos direitos humanos, em sede internacional, possibilitou o surgimento de uma disciplina autônoma ao Direito

A necessidade de proteção e efetividade aos direitos humanos, em sede internacional, possibilitou o surgimento de uma disciplina autônoma ao Direito Profa. Andrea Wild A necessidade de proteção e efetividade aos direitos humanos, em sede internacional, possibilitou o surgimento de uma disciplina autônoma ao Direito Internacional Público, com denominação

Leia mais

Direito Eleitoral e Regimento Interno TER-SP. Weslei Machado

Direito Eleitoral e Regimento Interno TER-SP. Weslei Machado Direito Eleitoral e Regimento Interno TER-SP Weslei Machado (FCC/TRE-AM/Analista Judiciário/2010) Compete aos TREs processar e julgar originariamente a) os crimes eleitorais cometidos pelos seus próprios

Leia mais

Direito Processual do Trabalho. Professor Raphael Maia

Direito Processual do Trabalho. Professor Raphael Maia Direito Processual do Trabalho Professor Raphael Maia Demais benefícios ADICIONAL DE QUALIFICAÇÃO O Adicional de Qualificação AQ incidirá sobre o vencimento básico do servidor, da seguinte forma: I -

Leia mais

Professora Susanna Schwantes

Professora Susanna Schwantes 1) São Órgãos do Poder Judiciário do Rio Grande do Sul: (a) Tribunal de Alçada e Tribunal de Justiça. (b) Pretores e Conselho da Magistratura. (c) Tribunal do Júri e Juizes de Paz. (d) Juizes de Direito

Leia mais

In:

In: Carta de Curitiba aprovada em 21-06-1986, no 1º Encontro Nacional de Procuradores-Gerais de Justiça e Presidentes de Associações de Ministério Público (Curitiba, Paraná) Do Ministério Público Seção I Das

Leia mais

A vinculação dos Tribunais Administrativos à jurisprudência do STF e do STJ: perspectivas trazidas pelo novo CPC

A vinculação dos Tribunais Administrativos à jurisprudência do STF e do STJ: perspectivas trazidas pelo novo CPC A vinculação dos Tribunais Administrativos à jurisprudência do STF e do STJ: perspectivas trazidas pelo novo CPC Rodrigo Dalla Pria Doutor em Direito Processual Civil PUC/SP Mestre em Direito Tributário

Leia mais

Prof. Cristiano Lopes

Prof. Cristiano Lopes Prof. Cristiano Lopes Poder Legislativo Federal ü No Brasil vigora o bicameralismo federativo, no âmbito federal. Ou seja, o Poder Legislativo no Brasil, em âmbito federal, é bicameral, isto é, composto

Leia mais

CURSO SOLUÇÃO. Preparatório para concursos públicos desde 1982

CURSO SOLUÇÃO. Preparatório para concursos públicos desde 1982 Questões: CURSO SOLUÇÃO 1. Durval foi alvo de racismo em seu trabalho. Ao consultar a Constituição Federal, descobriu que a prática de racismo constitui crime (2017 FCC - TRT - 11ª Região (AM e RR) - Analista

Leia mais

Comentários à Prova de Técnico Judiciário Área Administrativa TRE/GO provas em

Comentários à Prova de Técnico Judiciário Área Administrativa TRE/GO provas em à Prova de Técnico Judiciário Área à Prova de Técnico Judiciário Área TRE/GO provas em 01.03.2015 PROVA TIPO 1 Prova http://www.cespe.unb.br/concursos/tre_go_14/arquivos/136tre_go_0 03_01.pdf Gabarito

Leia mais

SUMÁRIO CURRICULA DOS AUTORES... 9 AGRADECIMENTOS 6.ª EDIÇÃO AGRADECIMENTOS 5.ª EDIÇÃO AGRADECIMENTOS 4.ª EDIÇÃO... 15

SUMÁRIO CURRICULA DOS AUTORES... 9 AGRADECIMENTOS 6.ª EDIÇÃO AGRADECIMENTOS 5.ª EDIÇÃO AGRADECIMENTOS 4.ª EDIÇÃO... 15 SUMÁRIO CURRICULA DOS AUTORES... 9 AGRADECIMENTOS 6.ª EDIÇÃO... 11 AGRADECIMENTOS 5.ª EDIÇÃO... 13 AGRADECIMENTOS 4.ª EDIÇÃO... 15 AGRADECIMENTOS 3.ª EDIÇÃO... 17 AGRADECIMENTOS 2.ª EDIÇÃO... 19 AGRADECIMENTOS

Leia mais

TEMA 5: PODER JUDICIÁRIO

TEMA 5: PODER JUDICIÁRIO TEMA 5: PODER JUDICIÁRIO EMENTÁRIO DE TEMAS: Poder Judiciário: organização; escolha dos membros dos Tribunais Superiores; LEITURA OBRIGATÓRIA MORAES, Alexandre de. Direito Constitucional. São Paulo. Atlas.

Leia mais

CONTROLE DE CONSTITUCIONALIDADE

CONTROLE DE CONSTITUCIONALIDADE CONTROLE DE CONSTITUCIONALIDADE As normas elaboradas pelo Poder Constituinte Originário são colocadas acima de todas as outras manifestações de direito. A própria Constituição Federal determina um procedimento

Leia mais

11/04/2017 ISMAEL NORONHA REGIMENTO INTERNO DO TST

11/04/2017 ISMAEL NORONHA REGIMENTO INTERNO DO TST ISMAEL NORONHA REGIMENTO INTERNO DO TST 1. (TST/2012) Em razão da aposentadoria de três Ministros, houve a necessidade do preenchimento dessas vagas, destinadas aos Juízes de carreira da Magistratura do

Leia mais

Legislação Específica do TRF1

Legislação Específica do TRF1 AULA DEMONSTRATIVA Legislação Específica do TRF1 Introdução Professor Ricardo Gomes www.pontodosconcursos.com.br www.pontodosconcursos.com.br Professor Ricardo Gomes 1 Aula 00 Aula Demonstrativa LEGISLAÇÃO

Leia mais

Noções de Estado. Organização da Federação e Poderes do Estado

Noções de Estado. Organização da Federação e Poderes do Estado Noções de Estado Noções de Estado Organização da Federação e Poderes do Estado Estado É a sociedade política e juridicamente organizada, dotada de soberania, dentro de um território, sob um governo, para

Leia mais

CAPÍTULO 1: NOTAS INTRODUTÓRIAS...1

CAPÍTULO 1: NOTAS INTRODUTÓRIAS...1 Sumário CAPÍTULO 1: NOTAS INTRODUTÓRIAS...1 1. Introdução...1 2. Pressupostos Teóricos do Controle de Constitucionalidade...2 3. Supremacia Constitucional Fundamento do Mecanismo de Controle de Constitucionalidade...2

Leia mais

SUMÁRIO. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Publicado no Diário Oficial da União nº 191-A de 5 de outubro de 1988

SUMÁRIO. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Publicado no Diário Oficial da União nº 191-A de 5 de outubro de 1988 SUMÁRIO CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL Publicado no Diário Oficial da União nº 191-A de 5 de outubro de 1988 Preâmbulo...1 TÍTULO I DOS PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS (Arts. 1º a 4º)...3 TÍTULO

Leia mais

NOTA TÉCNICA Nº 04/2017/CONAMP

NOTA TÉCNICA Nº 04/2017/CONAMP NOTA TÉCNICA Nº 04/2017/CONAMP Tema: Processo CNMP nº0.00.002.000698/2017-08 Ementa: Procedimento de Estudos e Pesquisas nº 04/2017 visando a realização de pesquisa, estudos, análises e a apresentação

Leia mais

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL 1988 TÍTULO IV DA ORGANIZAÇÃO DOS PODERES CAPÍTULO IV DAS FUNÇÕES ESSENCIAIS À JUSTIÇA Seção I Do Ministério Público Art. 127. O Ministério Público é instituição

Leia mais

Arts. 92 ao 126 da CF

Arts. 92 ao 126 da CF Para adquirir a apostila de 300 Questões Fundamentadas do Poder Judiciário - acesse o site: www.odiferencialconcursos.com.br ESSA APOSTILA SERÁ ATUALIZADA ATÉ A DATA DO ENVIO S U M Á R I O Apresentação......3

Leia mais

Aula 7 Organização do poder judiciário Poder Judiciário:

Aula 7 Organização do poder judiciário Poder Judiciário: Aula 7 Organização do poder judiciário Poder Judiciário: Continuação aula anterior: Conselho da República: Art. 89. O Conselho da República é órgão superior de consulta do Presidente da República, e dele

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional Curso de Direito Constitucional do TJ-RJ Tiago Musser dos Santos Braga Aula 04 Direito Constitucional do TJ-RJ Olá, amigo(a), tudo bem? Prova chegando! Expectativas crescendo. Creia que você já fez o seu

Leia mais

Art. 92 ÓRGÃOS: Tribunais Superiores Tribunais de 2º grau (2ª instância) 1º grau (1ª instância) facebook.com/prof.rodrigomenezes Justiça Estadual / DFT Justiça Federal O STF, o CNJ e os Trib. Sup. têm

Leia mais

ARTIGO: O controle incidental e o controle abstrato de normas

ARTIGO: O controle incidental e o controle abstrato de normas ARTIGO: O controle incidental e o controle abstrato de normas Luís Fernando de Souza Pastana 1 RESUMO: Nosso ordenamento jurídico estabelece a supremacia da Constituição Federal e, para que esta supremacia

Leia mais

Direito Constitucional

Direito Constitucional Direito Constitucional Do Ministério Público (Art. 127 a 130-A) Professor André Vieira www.acasadoconcurseiro.com.br Direito Constitucional Aula XX FORO POR PRERROGATIVA DE FUNÇÃO Membros do MPU Autoridade

Leia mais

ISOLADA COMEÇANDO DO ZERO Direito Constitucional - Simulado Orman Ribeiro AULA 20: SIMULADO Nº 03

ISOLADA COMEÇANDO DO ZERO Direito Constitucional - Simulado Orman Ribeiro AULA 20: SIMULADO Nº 03 QUESTÕES: AULA 20: SIMULADO Nº 03 01) Analista de Correios advogado 2011 cespe: De acordo com a CF, o presidente da República pode, em caráter excepcional, delegar aos ministros de Estado sua competência

Leia mais

Professor André Vieira

Professor André Vieira Exercícios 01. São irrecorríveis as decisões proferidas pelo Tribunal Superior Eleitoral, EXCETO: 121,, 3º a) As denegatórias de mandado de segurança; b) As denegatórias de habeas data; c) As que contrariarem

Leia mais

CONSTITUIÇÂO DA REPÚBLICA PORTUGUESA. (texto integral) Tribunais SECÇÃO V CAPÍTULO I. Princípios gerais. Artigo 202. (Função jurisdicional)

CONSTITUIÇÂO DA REPÚBLICA PORTUGUESA. (texto integral) Tribunais SECÇÃO V CAPÍTULO I. Princípios gerais. Artigo 202. (Função jurisdicional) CONSTITUIÇÂO DA REPÚBLICA PORTUGUESA (texto integral) Tribunais SECÇÃO V CAPÍTULO I Princípios gerais Artigo 202. (Função jurisdicional) 1. Os tribunais são os órgãos de soberania com competência para

Leia mais

HERMENÊUTICA. Elementos de interpretação tradicionais. Princípios de interpretação constitucional

HERMENÊUTICA. Elementos de interpretação tradicionais. Princípios de interpretação constitucional HERMENÊUTICA Barroso sugere três planos ou prismas: PLANO JURÍDICO OU DOGMÁTICO Regras de hermenêutica Elementos de interpretação tradicionais Princípios de interpretação constitucional PLANO TEÓRICO OU

Leia mais

REFORMA POLÍTICA PEC 77/03 A PEC, nos termos do substitutivo aprovado pela Comissão Especial, adota o sistema majoritário para a eleição de deputados

REFORMA POLÍTICA PEC 77/03 A PEC, nos termos do substitutivo aprovado pela Comissão Especial, adota o sistema majoritário para a eleição de deputados 1 REFORMA POLÍTICA PEC 77/03 A PEC, nos termos do substitutivo aprovado pela Comissão Especial, adota o sistema majoritário para a eleição de deputados federais, estaduais e distritais em 2018 e o sistema

Leia mais

1 Direito processual constitucional, 7

1 Direito processual constitucional, 7 1 Direito processual constitucional, 7 1.1 Esclarecimentos iniciais, 7 1.2 Direito processual constitucional: objeto de estudo, 8 1.3 Jurisdição, processo, ação e defesa, 10 1.4 Constituição e processo,

Leia mais

ÓRGÃOS JUDICIÁRIOS DE SEGUNDA INSTÂNCIA

ÓRGÃOS JUDICIÁRIOS DE SEGUNDA INSTÂNCIA ÓRGÃOS JUDICIÁRIOS DE SEGUNDA INSTÂNCIA TRIBUNAL DE JUSTIÇA (TRIBUNAL PLENO) Competência: LOJDFT, 8º Sede instalada na Capital Federal e jurisdição no Distrito Federal e nos Territórios Federais. Composição:

Leia mais

1. A Evolução do MS no Sistema Constitucional Direito Líquido e Certo a Evolução Conceitual... 24

1. A Evolução do MS no Sistema Constitucional Direito Líquido e Certo a Evolução Conceitual... 24 XXSUMÁRIO Nota Á 4ª Edição... 13 Nota à 3ª Edição... 15 Nota à 2ª Edição... 17 Nota à 1ª Edição... 19 Abreviaturas e Siglas... 21 01 Notícia Histórica Utilização do MS no Ordenamento Jurídico Brasileiro

Leia mais

Nasceu em 9 de dezembro de 1932, na cidade de Itatinga-SP,

Nasceu em 9 de dezembro de 1932, na cidade de Itatinga-SP, Traços Biográficos Nasceu em 9 de dezembro de 1932, na cidade de Itatinga-SP, filho de José Benedito Pereira e Júlia Pinto Pereira. É casado com Rizoleta Mary Pereira. União que resultou no nascimento

Leia mais

PLANO DE ENSINO OBJETIVOS GERAIS:

PLANO DE ENSINO OBJETIVOS GERAIS: PLANO DE ENSINO FACULDADE: Faculdade de Ciências Jurídicas e Sociais CURSO: Direito Período: 3 DEPARTAMENTO: Ano: 2016 DISCIPLINA: Teoria Geral do Processo CARGA HORÁRIA: 80 horas PRÉ-REQUISITO: não há.

Leia mais

Direito Processual Penal

Direito Processual Penal Direito Processual Penal Revisão Criminal Professor Joerberth Nunes www.acasadoconcurseiro.com.br Direito Processual Penal REVISÃO CRIMINAL CONSTITUIÇÃO FEDERAL CAPÍTULO III DO PODER JUDICIÁRIO Seção

Leia mais

A parte negritada do texto é a que julgamos como mais importante, por isso, preste bastante atenção nela;

A parte negritada do texto é a que julgamos como mais importante, por isso, preste bastante atenção nela; Olá amigos do Pontua Concursos, tudo bem? Temos uma grande novidade! Você irá conhecer daqui a pouco, mas antes, vamos a uma breve introdução do objetivo deste material e suas instruções. Introdução ao

Leia mais

Processo do Trabalho I

Processo do Trabalho I Processo do Trabalho I»Aula 5 Jurisdição e Competência Parte 1 Introdução Jurisdição Competência Em razão da Matéria Competência Funcional Jurisdição e competência da Justiça a do Trabalho I Introdução

Leia mais

A parte negritada do texto é a que julgamos como mais importante, por isso, preste bastante atenção nela;

A parte negritada do texto é a que julgamos como mais importante, por isso, preste bastante atenção nela; Olá amigos do Pontua Concursos, tudo bem? Temos uma grande novidade! Você irá conhecer daqui a pouco, mas antes, vamos a uma breve introdução do objetivo deste material e suas instruções. Introdução ao

Leia mais

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA

COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO E JUSTIÇA E DE CIDADANIA PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO N o 33, DE 2011 Altera a quantidade mínima de votos de membros de tribunais para declaração de inconstitucionalidade

Leia mais

Poder Judiciário Brasileiro

Poder Judiciário Brasileiro Poder Judiciário Brasileiro TSE TST STF STJ CNJ STM TU TRE S TRT S TR TRF S TJ S TR TME JUÍZES JUNTA JUÍZES JEF JUÍZES JÚRI JUÍZES JÚRI JEC CJM CJM Poder Judiciário Brasileiro TSE TST STF STJ CNJ STM TU

Leia mais

(RESOLUÇÃO DE QUESTÕES) Dr. Cristiano de Souza

(RESOLUÇÃO DE QUESTÕES) Dr. Cristiano de Souza ANALISTA DO MPU (RESOLUÇÃO DE QUESTÕES) Dr. Cristiano de Souza 1. A(s) via(s) normativa(s) adequada(s) para a veiculação dos estatutos dos Ministério Público da União e Estaduais é( são) (A) a Constituição

Leia mais

Capítulo II A UNIDADE PROCESSUAL Concepção dualista Concepção unitária Em abono da unidade... 40

Capítulo II A UNIDADE PROCESSUAL Concepção dualista Concepção unitária Em abono da unidade... 40 SUMÁRIO Capítulo I A TEORIA GERAL DO PROCESSO... 25 1. Teoria Geral do Processo: objeto e pressuposto... 25 2. A Teoria Geral como tronco dos diferentes ramos do processo... 26 3. Ensino da disciplina...

Leia mais

ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA DA JUSTIÇA ELEITORAL

ORGANIZAÇÃO E COMPETÊNCIA DA JUSTIÇA ELEITORAL ÓRGÃOS (art.118, CF e art. 12, CE) 1. Tribunal Superior Eleitoral: órgão máximo da Justiça Eleitoral, com sede na capital federal e jurisdição em todo o território nacional. 2. Tribunais Regionais Eleitorais:

Leia mais

COMPETÊNCIA FUNCIONAL

COMPETÊNCIA FUNCIONAL Critérios de determinação da competência COMPETÊNCIA INTERNA (Nacional) Competência funcional Competência em razão da matéria (natureza demanda) Competência em razão do valor da causa Competência territorial

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO 2004 (TRT-RJ / ANALISTA JUDICIÁRIO-ÁREA ADMINISTRATIVA / CESPE /2008)

RACIOCÍNIO LÓGICO 2004 (TRT-RJ / ANALISTA JUDICIÁRIO-ÁREA ADMINISTRATIVA / CESPE /2008) RACIOCÍNIO LÓGICO 2004 Texto I para as questões de 15 a 19 Uma sentença que possa ser julgada como verdadeira V ou falsa F é denominada proposição. Para facilitar o processo dedutivo, as proposições são

Leia mais

DESTAQUE DOS PONTOS MAIS RELEVANTES DA REFORMA DO JUDICIÁRIO PEC Nº 358, DE 2005

DESTAQUE DOS PONTOS MAIS RELEVANTES DA REFORMA DO JUDICIÁRIO PEC Nº 358, DE 2005 DESTAQUE DOS PONTOS MAIS RELEVANTES DA REFORMA DO JUDICIÁRIO PEC Nº 358, DE 2005 REGINA MARIA GROBA BANDEIRA Consultora Legislativa da Área I Direito Constitucional, Eleitoral, Municipal, Direito Administrativo,

Leia mais