Pessoas & Negócios: como manter uma relação saudável

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pessoas & Negócios: como manter uma relação saudável"

Transcrição

1 > Ano 3 > N o 7 > 2 o Trimestre de 2006 Pessoas & Negócios: como manter uma relação saudável Iniciativas e projetos que podem mudar o relacionamento com os colaboradores e fazer sua empresa crescer ainda mais Em foco Hospital Sírio Libânes escolhe a GRSA

2 2Editorial PAULO DE OLIVEIRA PIRES, PRESIDENTE DA GRSA Dois anos de Revista GRSA É com muita honra que assino o editorial em comemoração aos dois anos da Revista GRSA, um veículo de comunicação que surgiu para manter nossos clientes, parceiros e fornecedores informados e atualizados sobre o mercado de serviços de alimentação e inovações da GRSA. Muitas matérias, entrevistas e novidades já passaram por nossas páginas e esperamos continuar indo ao encontro do que possa gerar interesse ao nosso leitor. Parabenizo a todos os envolvidos nesse projeto e, principalmente, a você nosso leitor que faz da Revista GRSA um instrumento de comunicação cada vez mais interessante e importante para o mercado. Nessa edição especial, escolhemos um assunto de grande importância para todos: Pessoas e Negócios Como manter uma relação saudável. A Revista entrevistou quatro clientes com mais de 10 anos de contrato para descobrir suas estratégias e esse trabalho deu origem a nossa matéria de capa. Além disso, você também poderá saber um pouco mais sobre o conceito Amigo Express, desenvolvido pela Divisão de Varejo da GRSA, a grande conquista da Divisão de Saúde com o contrato do Hospital Sírio Libanês e muitas outras novidades. Desejo a todos uma boa leitura, Paulo de Oliveira Pires Presidente GRSA A GRSA está presente há quase 30 anos no mercado de serviços de alimentação. A companhia tem como acionistas a Accor, grupo mundial de hotelaria, turismo e serviços, e o Compass Group, líder mundial em serviços de alimentação. A GRSA atua em diversos segmentos do mercado, por meio de marcas especializadas, que garantem atendimento próximo e soluções de alimentação adequadas ao setor colaboradores Mais de refeições/dia toneladas de alimentos/mês unidades operacionais 07 marcas CENTRAL DE RELACIONAMENTO COM CLIENTES: GRSA Sede: +55 (11) Atta e GR: +55 (11) Medirest: +55 (11) Canteen: +55 (11) SSP: +55 (11) ESS: +55 (92) ESCRITÓRIOS REGIONAIS São Paulo e Vale do Paraíba: +55 (11) Nordeste: +55 (71) Ribeirão Preto: +55 (16) Campinas: +55 (19) Porto Alegre: +55 (51) Curitiba: +55 (41) Rio de Janeiro: +55 (21) A Revista GRSA é uma publicação dirigida aos clientes e parceiros da GRSA Rua Manoel da Nóbrega, 676 Paraíso São Paulo/SP CEP: Tel.: (11) Coordenação geral: Lilian Del Buono gerente de marketing e comunicação GRSA. Edição, redação e revisão: Rodrigues & Freire Comunicação. Editor responsável: João Fortunato (Mtb ) Coordenadora de redação: Paloma Martim Muiña. Colaboradora: Aline Rossin (Mtb ). Produção Fotográfica: Regina Martins, Cristianne Santos e Eduardo de Souza Neto. Fotos: Artur Bragança e Arquivo GRSA. Projeto gráfico e edição de arte: Proposta Editorial Tel.: (11) Editor: Valfrido Lima Direção de arte: Beth Lima Assistente de arte: Leandro Pereira. Tiragem: 13 mil exemplares Impressão: Aquarela Colaboraram nesta edição: Paulo de Oliveira Pires, Eurico Varela, Simone Galante, Ana Paula Ahualli, José Carlos Lucentini, Marcos Cominato e Ana Cecília Amaral Fontes externas: Milton Matsumoto, Maurício Meira de Araújo, João Luiz Reghelin, Antônio Russo, Márcia Caselato, Ivone Delazari, Firmin António, Solange Manso, Osmar Halmenschlager, Maria Cristina Schoof, Marcos Druzzili, Mário Killner, Sérgio Arno e Gean Cavalcanti.

3 índice em foco Plano de Continuidade de Negócios social Refeição balanceada no Prato Popular 6 15 capa O capital humano no centro dos negócios em foco Accor 30 anos 7 painel marcas GR Atta Medirest Canteen SSP ESS School Cook em foco Novidades no Hotel Formule 1 fornecedores Qualidade comprovada 8 20 palavra do cliente Stihl e GR: 20 anos de parceria GRSA indica Carpaccio de Peixe Branco 9 21 em foco Serviço hospitalar Cinco Estrelas palavra do cliente Oxiteno e GR: uma história de 26 anos mercado Muito além do lazer Cartas do Leitor Envie sua sugestão, crítica ou elogio para o ou acesse o site Sou funcionário da GRSA há 3 meses e me sinto muito feliz em fazer parte desta empresa tão maravilhosa. Vocês estão de parabéns em todos os sentidos!!! Espero passar o resto da minha vida prestando serviço a esta empresa... Um abraço a toda equipe GRSA. Manoel Bernardo, Gostaria de parabenizar toda a equipe do restaurante GR de Benfica pelo atendimento e excelente qualidade dos alimentos, preparados por aqueles que considero os melhores cozinheiros. Não esquecendo da higiene e pontualidade que são perfeitas. Deixo aqui não só o meu elogio, mas de todos os funcionários da Editora O DIA. Antônio Carlos Rocha, Fico feliz em saber que a GRSA vem crescendo a cada dia e continua dando oportunidades de primeiro emprego aos jovens do nosso país. Eu tive o prazer de trabalhar na empresa em 1984 e trago o respeito e orgulho de ter sido um funcionário GRSA. Parabéns a todos. David Pacheco,

4 4em foco Hospital Sírio-Libanês escolhe GRSA para alimentar corpo clínico, colaboradores, visitantes e acompanhantes Serviço hospitalar Cinco Estrelas OHospital Sírio-Libanês, um dos mais importantes da América Latina, acaba de firmar contrato com a Divisão de Saúde da GRSA, que será responsável pelos serviços de alimentação oferecidos ao corpo clínico, colaboradores, visitantes e acompanhantes do hospital. O Hospital Sírio-Libanês possui atualmente colaboradores, 277 leitos, dois centros cirúrgicos, duas UTIs, seis laboratórios, Sala de Telemedicina e Instituto de Ensino e Pesquisa, além de uma infra-estrutura de primeira linha para atender da melhor forma possível seus diferentes públicos. A GRSA é líder no mercado de serviços de alimentação. Dessa forma, o Sírio Libanês poderia somente se juntar aos melhores e maiores. Escolhemos a GRSA devido ao corpo de liderança, que sabe ouvir o que o cliente deseja e consegue transformar tudo em um só produto, afirma Márcia Caselato, superintendente de hotelaria do Sírio Libanês. A Divisão de Saúde da GRSA oferece um leque de serviços e soluções inovadoras criadas exclusivamente para suprir as necessidades dos públicos que freqüentam o hospital diariamente. Entre as novidades, destaque para o restau- FOCO NA GASTRONOMIA E SOFISTICAÇÃO NOS SERVIÇOS OFERECIDOS Patrick Ferry chef do Sofitel e responsável pelo cardápio do restaurante social do Hospital Sírio Libanês O chef Patrick Ferry, do Hotel Sofitel São Paulo e também responsável pelo cardápio do restaurante social do Hospital Sírio-Libanês, atua no mercado de gastronomia há mais de 30 anos e aposta na combinação da tradicional culinária francesa com os sabores brasileiros e temperos do Oriente. Começou sua carreira na França como confeiteiro e depois de algum tempo, entrou para a rede Sofitel onde atuou em países como Arábia Saudita, Emirados Árabes, Costa do Marfim, Moscou e Brasil. É um desafio e ao mesmo tempo uma grande responsabilidade criar e administrar o cardápio do restaurante de um hospital com o porte do Sírio Libanês. Meu principal objetivo é quebrar aquele conceito de que a comida de hospital não é boa. Quero desmistificar isso e mostrar que é possível comer pratos nutritivos e saudáveis, com uma apresentação bem diferente do que as pessoas estão acostumadas a ver em hospitais. Fico muito lisonjeado em trabalhar neste projeto.

5 Escolhemos a GRSA devido ao corpo de liderança, que sabe ouvir o que o cliente deseja e consegue transformar tudo em um só produto. E o que mais diferenciou foi o relacionamento da equipe no atendimento aos nossos colaboradores, o carinho na recepção e a preocupação de servir Márcia Caselato, superintendente de hotelaria do Sírio Libanês. rante social SOLARIUM que possui cardápio assinado pelo renomado chef francês Patrick Ferry, do Hotel Sofitel. Visitantes e acompanhantes poderão apreciar as especialidades preparadas pelo chef. Além disso, os serviços de hotelaria hospitalar oferecidos pela empresa, como room service, podem ser feitos via restaurante social para os pacientes que não possuem nenhuma restrição na dieta alimentar. Através da marca MORRISON - inédita no Brasil - a GRSA atende colaboradores e corpo clínico em um ambiente aconchegante, com utensílios de design prático e moderno, equipe bem treinada e habilitada para atender às necessidades dos consumidores e excelente gastronomia, tudo muito similar a um restaurante comercial de alto nível localizado em qualquer grande capital do país. A GRSA quer proporcionar uma experiência agradável e prazerosa a seus consumidores, estejam eles em hospitais, empresas, escolas ou terminais de passageiros. Os serviços que oferecemos no Sírio-Libanês são resultados de uma importante sinergia entre nossas marcas e nossos acionistas, afirma José Carlos Lucentini, diretor da Divisão de Saúde e Infra-estrutura da GRSA. A GRSA é responsável também pela gestão de compras das matérias-primas utilizadas durante o preparo dos alimentos. O conceito de terceirização em diversos setores traz economias efetivas aos hospitais, pois há uma série de custos invisíveis que nem sempre são detectados, explica Lucentini. Segundo Márcia Caselato, o atendimento da equipe GRSA faz a diferença nos serviços oferecidos. Desde o primeiro dia que iniciamos os serviços de alimentação da GRSA, o sucesso foi absoluto. E o que mais diferenciou não foi a nova ambientação e novo cardápio, mas sim o relacionamento da equipe no atendimento aos nossos colaboradores, o carinho na recepção e a preocupação de servir, revela a executiva. RESTAURANTE PARA FUNCIONÁRIOS: AMBIENTE MODERNO E AGRADÁVEL Serviços oferecidos ao hospital: José Carlos Lucentini, diretor da Divisão de Saúde e Infra-estrutura da GRSA Os serviços que oferecemos no Sírio-Libanês são resultados de uma importante sinergia entre nossas marcas e nossos acionistas O projeto foi elaborado por ambas empresas, com objetivo de oferecer um serviço único e diferenciado. Ele contempla 4 etapas que vão desde os serviços de alimentação à funcionários até a implementação total do Programa de Hotelaria. Restaurante social Solarium com serviço buffet e a la carte: atendimento a visitantes, acompanhantes, diretoria e corpo clínico; Patissêrie & Boulangerie Française: cafeteria com diversos produtos como croissants, folhados, tortas e quiches; Restaurante e lanchonete para colaboradores; Hotelaria hospitalar: room services e programas de atendimento personalizado aos clientes; Gestão das compras de matéria-prima. 5

6 6em foco Procedimentos e Processos são criados pela GRSA para manter a continuidade dos negócios caso ocorra uma situação adversa Gripe aviária Responsável por alimentar mais de 750 mil consumidores/dia, a GRSA desenvolveu Plano Preventivo para a Gripe Aviária que engloba diversas ações visando preservar seus consumidores, clientes, parceiros e colaboradores. O Plano tem como principal objetivo garantir a segurança alimentar de todos os consumidores e contempla quatro fases: sem relatos de contágio - fase atual; com relatos de contágio de aves e de transmissão de aves para seres humanos; primeiros Plano de Continuidade de Negócios Com objetivo de se preservar e ser mais competitiva, a GRSA desenvolveu depois de diversos estudos e entrevistas, o seu Plano de Continuidade dos Negócios (PCN) que reúne um conjunto de ações estruturadas baseadas em cenários e procedimentos operacionais criados para garantir a continuidade de negócios em casos de desastres, crises ou situações adversas. O PCN aborda situações possíveis como os danos que podem ser causados por uma intoxicação alimentar, falta de energia, incêndio em uma unidade, greve do transporte coletivo, greve de colaboradores, ou simplesmente a paralisação de s. Além disso, avalia estas situações, cria alternativas para que sejam contornadas e resolvidas no menor tempo e minimiza os riscos nos serviços oferecidos pela empresa. Desta forma, o PCN se torna mais um grande diferencial competitivo da GRSA, pois assegura a clientes, acionistas e fornecedores todo o profissionalismo, segurança e controle da empresa. Grandes companhias como Sadia, IBM, Vale do Rio Doce, Bovespa e Ticket também se preocupam com esta questão. Esse projeto faz parte de um contexto maior de busca constante das melhores práticas em relatos de casos de transmissão de seres humanos para seres humanos e pandemia/quase pandemia. Apesar de não ter relatos de contágios no país, a empresa se antecipou e formou um Comitê de Gestão de Crise que está sendo treinado para garantir que todas as ações e comunicações aconteçam conforme planejado. Existem suspeitas de que casos humanos tenham sido transmitidos diretamente de aves, entretanto não foram comprovados, e os estudos revelam que Esse projeto faz parte de um contexto maior de busca constante das melhores práticas em Governança Corporativa Paulo de Oliveira Pires, presidente da GRSA Governança Corporativa que a GRSA tem adotado nos últimos anos. Nos EUA e Europa, as empresas que têm capital aberto em bolsa são obrigadas a ter um Plano de Continuidade dos Negócios. Essa exigência reforça a importância de uma empresa ter o PCN e estar pronta para enfrentar qualquer situação de crise, explica Paulo Pires, presidente da GRSA. esta possibilidade seria remota, explica Dra. Ivone Delazari, Consultora Técnica do Laboratório SFDK. Caso o vírus chegue às terras brasileiras, a GRSA está preparada para minimizar o impacto com diversos procedimentos. Entre eles, destaque para a rastreabilidade dos fornecedores, a compra de produtos alternativos aos de risco, a manutenção do abastecimento, o controle dos preços nos cardápios, reforço das práticas de higiene, entre outros.

7 em foco Accor 30 anos Empresa completa 30 anos de atividades no país e atribui os resultados alcançados a sua equipe de colaboradores Foi no ano de 1976 que a Accor iniciou suas atividades no país com o lançamento do Ticket Restaurante, que hoje faz parte do dia-a-dia de mais de 21 milhões de pessoas no mundo. Desde então, já se passaram 30 anos de atuação no Brasil comemorados no último mês de maio. Durante essas três décadas, muitas mudanças ocorreram no país: diferentes planos econômicos, desvalorizações de moedas, crises econômicas, inflação, etc. A Accor, porém, conseguiu superar todos esses obstáculos com sua política de valorização de colaboradores. Desde o princípio, cinco valores nortearam os passos da empresa rumo ao sucesso: confiança, responsabilidade, profissionalismo, transparência e inovação. Muita coisa mudou no país e na nossa empresa, porém algumas coisas foram preservadas, como a cultura de resultados, a capacidade reativa e antecipativa, a criação de novos produtos e a valorização de nossos colaboradores, revela Conveniados: Produtividade: É um grande orgulho ver o caminho percorrido e os obstáculos que ultrapassamos graças ao talento e espírito de liderança dos nossos colaboradores. Isso faz da Accor uma empresa de alma Firmin António, presidente da Accor no Brasil Firmin António, presidente da Accor no Brasil. Hoje, a Accor é um dos grupos mais importantes do país, respeitado em todo o território nacional. A empresa mudou a história dos serviços e da hotelaria e principalmente a qualidade de vida de seus colaboradores. Desde agosto de 2004, a GRSA contratou 2 mil jovens pelo Programa Primeiro Emprego. Nos últimos cinco anos, o grupo Accor duplicou o volume de negócios, triplicou os resultados e aumentou em cinco vezes o número de hotéis da categoria econômica. É um grande orgulho ver o caminho percorrido e os obstáculos que ultrapassamos graças ao talento e espírito de liderança dos nossos colaboradores. Isso faz da Accor uma empresa de alma, afirma o presidente. Classificada pela oitava vez em 2005 como uma das Melhores Empresas Para Se Trabalhar em pesquisa realizada pelo Great Place to Work Institute e a Revista Exame, a Accor no Brasil enxerga seus colaboradores como agentes responsáveis pelo seu crescimento. A Política de RH da empresa visa oferecer uma melhor qualidade de vida aos funcionários, proporcionando educação de qualidade a baixo custo, participação nos resultados, entre outros. Não queremos crescer só por crescer. Só o crescimento pode ampliar as oportunidades dos colaboradores Accor. Só o crescimento permite que mais pessoas venham trabalhar conosco, além de atrair mais investidores, conclui Firmin António. 7

8 8em foco GRSA apresenta Amigo Express que disponibiliza variado mix de produtos utilizando apenas uma parede ACIMA, SOLANGE MANSO, GERENTE GERAL DO HOTEL FORMULE 1. À DIREITA, AMIGO EXPRESS: AGILIDADE E CONVENIÊNCIA PARA OS CONSUMIDORES Novidades no Hotel Formule 1 OHotel Formule 1, localizado no bairro do Paraíso da capital paulista, e que integra a categoria super econômica de hotéis da rede Accor, apresenta mais uma novidade aos seus hóspedes e visitantes. Em função do seu grande sucesso, comprovado pelas altas taxas de ocupação, a marca resolveu investir em um novo conceito de alimentação e conveniência, pioneiro no mercado brasileiro. O Amigo Express oferece mix de produtos variado que inclui bebidas frias e quentes, snacks, sanduíches, biscoitos, revistas, cigarros, entre outros. Antes da implantação do novo conceito, o local possuía diversas máquinas de auto-serviço. Precisávamos oferecer mais agilidade no atendimento e um mix de produtos mais variado. Hoje, disponibilizamos pratos prontos e bebidas alcóolicas, que não oferecíamos antes, afirma Simone Galante, diretora geral da Divisão de Varejo e Educação da GRSA. Desde a inauguração, as vendas já registraram aumento de 195% e o Ticket Médio, valor médio gasto por cada consumidor, subiu 127%. Somos um hotel de categoria super econômica que está sempre em busca de soluções práticas, modernas e inovadoras. Encontramos neste novo conceito de alimentação a opção ideal para nossa clientela. Com a mudança para o Amigo Express notamos que a satisfação dos nossos clientes aumentou devido ao mix de produtos, à disposição da loja e ao atendimento personalizado, revela Solange Manso, gerente geral do Formule 1. A disposição da loja segue o formato grab&go, ou seja, pegar e levar e visa atender às necessidades de usuários de hotéis, hospitais, terminais de passageiros e, segundo Simone Galante, até empresas. O conceito desenvolvido para o Formule 1 pode ser adaptado de acordo com as necessidades de cada público, finaliza a diretora. Devido ao sucesso do Amigo Express no Formule 1 Paraíso, outras unidades hoteleiras da rede implementarão o novo conceito: 9 de Julho, Consolação e Curitiba. Além disso, unidades em construção também terão espaço garantido para o Amigo.

9 palavra do cliente Stihl e GR: 20 anos de parceria Eleita cinco vezes como uma das Melhores Empresas Para Se Trabalhar, a Stihl valoriza a alimentação de seus colaboradores. RESTAURANTE NA STIHL: REFEIÇÕES BALANCEADAS PARA TODOS COLABORADORES Líder no mercado brasileiro em ferramentas motorizadas portáteis para os mercados de sivicultura, agropecurária, bricolagem e serviços, a Stihl preza pela satisfação de seus clientes e colaboradores, atendendo as suas necessidades e expectativas. Presente nos principais países do mundo há 80 anos, a empresa tem como filosofia o respeito e a valorização de seus funcionários. Eleita cinco vezes pela Revista Exame como uma das Melhores Empresas Para Se Trabalhar, a Stihl se preocupa com a alimentação de seus colaboradores e há 20 anos conta com os serviços da GR Restaurantes Empresariais. Segundo o gerente de Saúde, Segurança, Serviços e Meio Ambiente da Stihl, Osmar Halmenschlager, a cooperação e o espírito de responsabilidade de ambas as empresas fizeram dessa parceria uma história de sucesso. Foi através da cooperação recíproca que construímos esta parceria de longo prazo. Assim, as ações conjuntas resultaram na qualidade de atendimento deste importante benefício: o fornecimento de refeições balanceadas para to- Foi através da cooperação recíproca que construímos esta parceria de longo prazo. As ações conjuntas resultaram na qualidade de atendimento deste importante benefício: o fornecimento de refeições balanceadas para todos os funcionários Stihl Osmar Halmenschlager, gerente de Saúde, Segurança, Serviços e Meio Ambiente da Stihl dos os funcionários Stihl, revela o executivo. A GR chegou à empresa em 1986 e desde então muitas mudanças ocorreram. A principal delas foi em relação aos colaboradores GR que, segundo Halmenschlager, demonstram qualificação, comprometimento, responsabilidade e principalmente a paixão pelo que fazem. O grande diferencial da GR são as pessoas. A franqueza e a abertura que permeiam as relações são os grandes diferenciais desta parceria. Atualmente, a GR serve cerca de refeições/dia entre almoço, jantar e ceia. Segundo Osmar, em breve os colaboradores da empresa terão mais novidades. Devido ao crescimento da STIHL, foi iniciado o projeto de ampliação do restaurante e será construída uma Central de Serviços. Na implantação desta melhoria ainda este ano, prevemos também a implementação do balcão Estação Sabor, que finaliza os pratos na frente do cliente. 9

10 palavra do cliente Oxiteno e GR: uma história de 26 anos Empresa do Grupo Ultra, presente no mercado há mais de 30 anos, revela os motivos de sua confiança nos serviços oferecidos pela GR À DIREITA SENTADA, MARIA CRISTINA SCHOOF, SUPERVISORA DE RH DA OXITENO. À ESQUERDA, A GERENTE DE UNIDADE DO RESTAURANTE. ATRÁS, A EQUIPE GR. Cliente da marca GR há 26 anos, a Oxiteno, uma empresa do Grupo Ultra que atua em mais de 40 países, fala à Revista GRSA sobre o relacionamento de confiança entre as empresas ao longo desses anos. Confira a entrevista da executiva Maria Cristina Schoof, supervisora de Recursos Humanos da empresa. > Revista GRSA :: A GR está há 26 anos na Oxiteno. A que se deve essa longa parceria? > MC :: Creio que existem fatores fundamentais que se potencializam quando temos que resgatar e refletir sobre uma história de 26 anos. A Oxiteno é uma empresa que prima pela excelência e é exigente com suas empresas parceiras. Muito mais do que qualidade nos produtos e serviços, com a GR temos uma empresa de estrutura sólida e consistente que atende a todos os requisitos legais e próprios do seu negócio, como higiene, conservação, variedade etc. Uma empresa que se destaca pela flexibilidade de suas ações, sempre disposta a fazer adequações e atender às exigências e necessidades da Oxiteno. A GR tem como diferencial o comprometimento de seus funcionários que revelam disposição, motivação e atenção para com nossos funcionários, bem como pela excelente interface que permeia as negociações e relações que temos com o gerente de operações da GR, Nivaldo. O principal ponto que explica essa parceria é a confiança contínua e crescente estabelecida entre ambas as partes. > Revista GRSA :: Na sua opinião quais são os diferenciais dos serviços de alimentação GR? > MC :: A disposição para inovar, trazer sugestões, experimentar, aprender e aceitar idéias e sugestões, além de muita flexibilidade e disposição diante dos problemas. A sutileza no sabor dos alimentos com alternativas de tempero e iguarias, o cuidado, a beleza e a criatividade na apresentação dos pratos também fazem diferença. > Revista GRSA :: Quais são as próximas novidades que os colaboradores da Oxiteno terão no restaurante? > MC :: Já está pronto um Grill em nosso restaurante e estamos programando a inauguração de um novo balcão de distribuição dos pratos. Essas novidades representam conquistas, fruto dessa parceria que tem se reafirmado continuamente. > Revista GRSA :: A Oxiteno premia seus melhores fornecedores, oferecendo Participação nos Resultados da empresa. A GR foi selecionada? > MC :: Existe um Programa de Avaliação de Fornecedores com regras claras e conhecidas que visam avaliar e qualificar nossos fornecedores. O objetivo é melhorar constantemente o padrão de qualidade dos produtos e serviços adquiridos pela Oxiteno, a um custo otimizado e competitivo, e também fortalecer a parceria por meio de uma premiação pautada em critérios claros. O prêmio é distribuído anualmente e a GR é um de nossos fornecedores que divide e destina o prêmio aos colaboradores que trabalham no restaurante da empresa. 10

11 capa Saiba como a gestão de pessoas pode contribuir com a qualidade de vida dos colaboradores e potencializar os resultados da empresa A alma do negócio são as pessoas Diante de um mercado cada vez mais competitivo, com forte pressão por custos e similaridade entre preços e qualidade de serviços / produtos oferecidos aos consumidores, o capital humano se torna o grande diferencial das empresas. O desafio agora é como cuidar desse capital para que ele continue promovendo inovações dentro de um cenário cada vez mais complexo. Nos últimos dez anos, inúmeros programas surgiram nas empresas baseados nos moldes estrangeiros - principalmente norteamericanos - que tinham como principal preocupação a prevenção e promoção da saúde para diminuir os custos de assistência médica e a redução de absenteísmo. Aos poucos esse conceito foi mudando e hoje, além do salário e do pacote de benefícios oferecidos, as organizações atentaram para valores que antes não eram percebidos. Diversos estudos comprovam que a cultura, a crença, os valores e a saúde integral (físico, social, mental e espiritual) dos funcionários influem diretamente na produtividade e competitividade da organização. Diante disso, as companhias reavaliaram a função do RH e retomaram a valorização do ser humano e suas relações de trabalho e implementaram programas voltados para qualidade de vida e bem-estar dos colaboradores. Segundo dados do último Congresso Nacional de Remuneração - CONAREM, realizado em abril deste ano, as empresas brasileiras investem hoje um valor semelhante a 3% do PIB da União Européia, 8 trilhões de dólares, em melhorias nos climas organizacionais e qualidade de vida dos colaboradores. O retorno de se investir em um ambiente de trabalho seguro e prazeroso e em uma vida mais saudável pode ser comprovado através de pesquisas de satisfação de clientes e colaboradores, aumento no volume de negócios e retenção de contratos. A auto-estima, motivação e o sentimento de ser importante para o desenvolvimento da organização são valorizados pelos colaboradores, resultando em um serviço / produto de melhor qualidade. 11

12 capa Valorização profissional A Revista GRSA selecionou quatro clientes da empresa, todos com mais de dez anos de contrato e admirados no mundo corporativo, para falar sobre suas políticas de RH, estratégias para valorização e investimento nos colaboradores e dicas de como mantê-los motivados e satisfeitos no ambiente de trabalho. Sistema de Carreira Fechada O Banco Bradesco, maior complexo financeiro do país e cliente da GRSA há quinze anos, realiza diversas ações para estimular a criatividade e inovação de seus mais de 75 mil colaboradores que estão distribuídos por mais de 3 mil pontos de trabalho. A empresa tem como principal prática privilegiar e incentivar os talentos internos, ou seja, todas as oportunidades de crescimento e promoções são destinadas aos próprios funcionários. O sistema de carreira fechada que temos no Bradesco abre diversas oportunidades para um jovem que ingressa na empresa, já que investimos fortemente no crescimento e desenvolvimento de todos com treinamentos, cursos e os incentivando a superar limites e estimular a criatividade em busca de soluções inovadoras, afirma Milton Matsumoto, diretor de RH da instituição. Ainda segundo o executivo, somente equipes criativas, inovadoras, altamente capacitadas e com oportunidades de encarreiramento garantidas, podem superar o atingimento de metas e apresentar os excelentes resultados exigidos pelo banco. Reconhecemos o valor e o potencial de cada colaborador e temos a consciência de que são a base de sustentação do nosso negócio, acrescenta Matsumoto. Além disso, o Bradesco estimula o relacionamento entre os integrantes das equipes de trabalho uma vez que colaboradores de todos os níveis hierárquicos podem manter contato com seus superiores para opinar, sugerir mudanças e novas idéias. Idéias e Soluções e Programa Viva a Vida Sistema de Carreira Fechada Para a Dow Agrosciencies, cliente da GRSA há dez anos, criar situações que estimulem os funcionários a participar com idéias e soluções, independente do cargo que ocupe, é fundamental para a integração e satisfação e para promover um ambiente agradável a todos. Formamos times em todas as fábricas da companhia para realização de fóruns de discussão, objetivando a melhoria nas condições de trabalho e uma maior qualidade de vida e segurança a todos, principalmente aos que trabalham na linha de produção, comenta Antônio Russo, diretor de Recursos Humanos da empresa. Uma outra preocupação constante da empresa é com o bem-estar de seus colaboradores. Diante disso, a empresa possui diversos programas que incentivam uma melhor qualidade de vida. O principal é o Programa Viva a Vida, que tem como objetivo melhorar a condição de vida de cada funcionário, incentivando a prática de atividades físicas e o abandono do vício do cigarro. Temos também a área de Saúde e Meio Ambiente que engloba programas de higiene industrial destinados à melhoria das condições ambientais de trabalho, seja das instalações ou equipamentos, visando a diminuição de riscos de acidentes e doenças profissionais, conclui Russo. Programa de Premiação de Idéias e Soluções Inovadoras Cliente da marca GR há dezesseis anos, a Ipi- Valorização dos talentos internos e oportunidade de promoção e desenvolvimento profissional para colaboradores. 12 Milton Matsumoto diretor de RH do Bradesco Reconhecemos o valor e o potencial de cada colaborador e temos a consciência de que são a base de sustentação do nosso negócio. Investimos fortemente no crescimento e desenvolvimento de todos com treinamentos, cursos e os incentivando a superar limites Maurício Meira de Araújo analista do departamento de Gestão de RH e João Luiz Reghelin gerente de RH, ambos da Ipiranga Petroquímica

13 ranga Petroquímica possui hoje 460 colaboradores e um diferenciado programa de valorização de idéias e soluções inovadoras no conceito de Grupos, denominado Círculo Ipiranga de Controle Qualidade - CICQ. O programa funciona da seguinte maneira: são formados os Grupos com no máximo oito componentes cada, que sugerem melhorias, formatam e implantam os projetos da empresa utilizando Ferramentas da Qualidade e gerando um excelente retorno para a empresa. Cada componente recebe até 3% do valor de retorno do Projeto e ainda mais R$ 25,00 por projeto aprovado. Temos uma aceitação muito boa de nossos colaboradores e no ano passado fomos campeões na categoria CICQ no Concurso Estadual da Qualidade, explica João Luiz Reghelin, gerente de RH da Ipiranga. A empresa também possui um Programa de Remuneração Variável bastante diferenciado em relação ao que é oferecido no mercado. Não há limite de remunerações e todos ganham o mesmo número de salários. Todos os Programas, Práticas e Benefícios de RH implantados na Ipiranga tem como objetivo, além dos seus específicos, a atração e retenção dos funcionários, explica Maurício Meira de Araújo, analista do departamento de Gestão de RH da empresa. Programa Feel Good A Unilever, cliente da GRSA há 10 anos, possui um Programa de Qualidade de Vida denominado Feel Good, voltado para seus 12 mil colaborado- res. O programa é baseado em seis pilares e possui o conceito de ter atividades diferentes para pessoas diferentes. Queremos atender as crescentes demandas dos funcionários por qualidade de vida, revela Renato José de Souza, gerente de RH da empresa. O primeiro pilar é o Feel Alive e tem como premissa fazer com que os colaboradores reflitam sobre diversos temas de sua vida como Felicidade, Motivação, entre outros. O segundo pilar é o Feel Fresh e está relacionado com o bem-estar físico. Os esportes e atividades físicas oferecidos proporcionam energia, disposição e vigor para enfrentar os obstáculos do dia-a-dia. O terceiro pilar Feel Fun proporciona um momento de descontração e estimula a criatividade dos colaboradores por meio de exposições, cursos de fotografia e cinema, coral etc. O quarto pilar é o Feel Easy e visa facilitar a vida das pessoas que trabalham na empresa por meio de parcerias e convênios com sapatarias, lavanderias, costureiras, entre outros. O quinto pilar é o Feel Free e oferece aos funcionários possibilidades para que eles tenham mais controle sobre suas vidas profissionais. Um exemplo é que no dia do seu aniversário o colaborador não trabalha. Além disso, todos possuem horários flexíveis com a possibilidade ter a tarde de sexta-feira livre. O último pilar e não menos importante é o Feel Kids que tem como tema não tem problema em ter filho. A Unilever oferece diversas atividades e palestras para crianças e adolescentes, filhos de seus colaboradores. Premiação de Idéias e Soluções Inovadoras Grupos de colaboradores que se reúnem constantemente para sugerir melhorias e implantar novos projetos na empresa. Feel Good Programa de qualidade de vida baseado em seis pilares e com conceito de oferecer atividades diferentes para pessoas diferentes. O objetivo é promover a diversidade, estimular a criatividade e oferecer um ambiente de trabalho inspirador e diferenciado. Cada componente recebe até 3% do valor de retorno do Projeto e ainda mais R$ 25,00 por projeto aprovado. Temos uma aceitação muito boa de nossos colaboradores Renato José de Souza gerente de RH da Unilever Queremos atender as crescentes demandas dos funcionários por qualidade de vida. Buscamos oferecer uma visão de mundo fora da Unilever, despertando a inovação 13

14 capa PAULO PIRES E COLABORADORES GRSA QUE RECEBERAM AS PLACAS COMEMORATIVAS POR TEMPO DE SERVIÇO O Feel Good tem como premissa atrair e promover a diversidade, estimular a criatividade dos colaboradores e oferecer um ambiente de trabalho inspirador. Buscamos oferecer uma visão de mundo fora da Unilever, despertando a inovação, afirma Souza. Programa Visão e Valores e Olimpíadas do Sabor A GRSA possui 21 mil colaboradores, distribuídos em diversos estados do país, número que confere à empresa a classificação de 16ª maior empregadora brasileira segundo o Guia Exame Para que todos, apesar das suas próprias e diversas culturas, tenham a mesma filosofia de trabalho, a GRSA instituiu há alguns anos o Programa Visão e Valores. A Visão elege o colaborador e as equipes como principal força e motor da empresa. É através da capacidade e desempenho das equipes que a empresa entrega os melhores serviços e consequentemente obtém o melhor resultado. Os Valores determinam o comportamento e atitude que os colaboradores devem tomar para alcançar a Visão da empresa. São 05 os valores: Poder fazer, Tirar proveito das diferenças, Compartilhar o sucesso, Qualidade superior e Ganhando através do trabalho em equipe. Durante a divulgação e implementação do Programa foram feitos diversos workshops e treinamentos. Este programa colaborou para que cada funcionário conseguisse ter um melhor entendimento do seu papel dentro da organização e como cada um poderia contribuir para o sucesso da empresa, afirma Marcos Cominato, diretor de RH e Qualidade. Em uma empresa de serviços como a GRSA, a valorização e o cuidado com o colaborador são fundamentais para o sucesso e crescimento dos negócios e resultados, revela o executivo. Uma importante ação voltada para motivação e desenvolvimento profissional dos colaboradores é o concurso de gastronomia interno Olimpíadas do Sabor, realizado anualmente entre os colaboradores operacionais da empresa. O concurso reconhece os talentos internos, promove integração entre as equipes e estimula a criatividade e inovação. Tudo para gerar um melhor serviço para o cliente. Em sua última edição, o concurso teve mais de 1000 receitas inscritas e foram distribuídos cerca de R$10 mil em prêmios para os vencedores. Viva a Vida O objetivo é melhorar a condição de trabalho e proporcionar mais qualidade de vida aos colaboradores. Visão e Valores Programa que elege o colaborador como nosso maior patrimônio. Olimpíadas do Sabor Concurso interno de gastronomia que promove a integração de equipes, incentiva a criatividade e inovação e descobre novos talentos. 14 Antônio Russo diretor de RH da Dow Agrosciencies Formamos times em todas as fábricas da companhia para realização de fóruns de discussão,objetivando a melhoria nas condições de trabalho e uma maior qualidade de vida e segurança a todos Marcos Cominato, diretor de RH e Qualidade da GRSA Incentivar a criatividade dos colaboradores e manter um bom ambiente de trabalho são pontos fundamentais da nossa política de RH

15 social Refeição balanceada no Prato Popular GRSA contribui para a melhoria da qualidade de vida servindo refeição saudável e acessível à população carente ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL E ACESSÍVEL PARA POPULAÇÃO CARENTE Nos últimos dois anos a GRSA contribuiu diretamente para a diminuição da fome no país. Além de já ter doado 35 toneladas de alimentos por meio da Campanha Contra o Desperdício, a empresa oferece refeições a R$ 1,00 para a população carente das cidades de Recife/PE e Porto Alegre/RS. Em parceria com os Governos Federal e Estadual, a GRSA participa do Projeto Restaurante Popular que visa oferecer refeições a R$ 1,00 de segunda à sexta- feira para trabalhadores urbanos e desempregados das regiões metropolitanas e a população de baixa renda que carecem de uma alimentação que seja ao mesmo tempo saudável e acessível. Em Recife, cerca de 300 usuários são beneficiados diariamente e em Porto Alegre 1000 pessoas. Por meio da marca GR Restaurantes Empresariais, a empresa oferece alimentação de qualidade garantindo a segurança alimentar. Além disso, todo o cardápio é prepa- TRABALHADORES FAZEM FILA PARA REFEIÇÃO A R$ 1,00 rado com objetivo de suprir as necessidades nutricionais dessa população, que dificilmente realiza mais de uma refeição completa por dia. Oferecemos uma refeição balanceada, proporcionando uma melhor qualidade de vida, revela Helena Maria Junqueira Caldas, responsável pela área de Responsabilidade Social da GRSA. Na cidade de Recife, a empresa desenvolve um outro projeto social, em parceria com a Coca Cola e a Prefeitura Municipal, chamado Cozinha Comunitária. O projeto ensina mulheres de baixa renda a preparar uma refeição alternativa com aproveitamento integral de alimentos que normalmente são descartados, como talos, cascas e folhas, etc. Além disso, profissionais da empresa apresentam palestras sobre orientação nutricional. Nasce o Programa Voluntariado GRSA HELENA MARIA JUNQUEIRA CALDAS ANUNCIA O LANÇAMENTO DO PROGRAMA VOLUNTARIADO GRSA Voluntário é o colaborador que motivado por valores de participação e solidariedade, doa seu tempo, trabalho e talento, de maneira espontânea e não remunerada, para causas de interesse social e comunitário. Com objetivo de promover o voluntariado entre seus colaboradores, a GRSA vem desde o ano passado se organizando para instituir o seu Programa Corporativo de Voluntariado e difundir, incentivar e multiplicar a idéia e a cultura do trabalho voluntário para o maior número possível de pessoas, promovendo o exercício consciente da solidariedade e da cidadania. Segundo Helena Maria Junqueira Caldas, coordenadora do Projeto, o Programa já conta com um Núcleo de Gestão de Voluntariado, composto por dez pessoas. Lançamos em junho o projeto piloto do programa, que tem como objetivo a construção de uma base sólida e disseminação gradativa, em função da nossa pulverização geográfica. Estamos seguros de que conseguiremos contribuir com o desenvolvimento social de nosso país solidificando cada vez mais a GRSA como empresa cidadã, conclui Helena Maria. 15

16 painel marcas Confira as últimas novidades das 07 marcas da GRSA que atuam em diferentes segmentos: Dias de Festas Restaurantes Empresariais refeições/dia 880 unidades operacionais Com objetivo de levar diversão e interação para o ambiente de seus restaurantes, além de comemorar as datas especiais com seus consumidores, a GR preparou diferentes ações para o Dia da Mulher, Páscoa e Dia das Mães. Em comemoração ao Dia da Mulher, foram criados dentro dos restaurantes cinco Espaços de Sensações, onde as mulheres puderam relaxar com massageadores, sentir o aroma de algumas velas e incensos, ler revistas de interesse, degustar doces diferenciados e ouvir músicas da natureza. Para a Páscoa, a marca realizou um sorteio de almoço especial com familiares no restaurante, além de sorteios de coelhos de pelúcia e decoração diferenciada. No Dia das Mães, a GR disponibilizou em seus restaurantes diferentes cartões postais com objetivo de estreitar a relação dos filhos com suas mães. Os cartões possuíam mensagens de carinho e ternura e poderiam ser entregues como uma lembrança. Torcida GR! A marca levou para seus restaurantes a alegria e animação da Copa do Mundo. Com o tema Todo o Brasil torcendo pelo Brasil, a GR conseguiu envolver todos seus consumidores dos quatro cantos do país. Além da decoração do espaço, todos puderam fazer muito barulho com as cornetas e trombones distribuídos pela marca. Mais um importante cliente A GR acaba de conquistar o Banco HSBC CASP, que teve seu restaurante inaugurado no mês de maio. O sucesso desta parceria só tem a agregar benefícios aos funcionários, fazendo com que todos tenham energia positiva nas instalações. Atualmente, estamos desenvolvendo atividades para alcançar a excelência de nossos trabalhos, revela Marcos Druzzili, executivo do Banco. 16

17 painel marcas Mais Brasil Restaurantes Empresariais Premium refeições/dia 115 unidades operacionais Verde e Amarelo foram as cores dos restaurantes Atta durante a Copa do Mundo de A marca criou a campanha Torcida 5 Estrelas: Uma prato cheio para quem tem fome de bola!. A campanha envolveu diversas ações que contaminaram de alegria todos os colaboradores. Além da decoração temática, a equipe Atta usou uniforme diferenciado: camiseta, bandana e aventais. Os consumidores puderam também participar de um quizz sobre a Copa, por meio do site e concorrer a camisetas oficiais da Seleção Brasileira. Além disso, pratos típicos dos países que participaram da Copa, estiveram no Cozinha Show. Pit Stop para o Lanche A Atta participou pela terceira vez da Fórmula Truck, maior categoria do continente na atualidade, servindo cerca de Kit Lanches para os colaboradores da Mercedes-Benz que foram assistir a competição. A marca presta serviços de alimentação à empresa há quatro anos. Respeito ambiental Em junho de 2005, a Atta conquistou a certificação ISO14001 nas unidades Natura, localizadas em Cajamar e Itapecerica da Serra, São Paulo, e recentemente conseguiu o up grade da norma nos restaurantes. Entre as medidas utilizadas pela marca para manter a certificação, destaque para redução de resíduos sólidos, menor desperdício de alimentos e materiais descartáveis, consumo consciente da água e maior preocupação com a preservação do meio ambiente. Ainda este ano, a marca pretende implantar o modelo de gestão ambiental nos seus outros clientes que se preocupam com esta questão. Prêmio Social Saúde refeições/dia 75 unidades hospitalares leitos atendidos A nutricionista da Medirest, Cristiane Neves, foi premiada recentemente pelo desenvolvimento do Programa Social de Educação Nutricional na Casa Hope, que tem como objetivo orientar as crianças e seus responsáveis sobre a importância da alimentação durante a fase de tratamento e recuperação do câncer.o Programa consiste em uma peça de teatro utilizando fantoches em forma de alimentos, além de diversas atividades lúdicas como Colorindo os Alimentos, Brincando de Supermercado, Músicas Educativas, Conhecendo e Entendendo Melhor a Pirâmide dos Alimentos e Hortinha das Crianças. Todas as atividades visam incentivar o consumo de verduras e legumes por meio do contato direto com os alimentos. Palestra inaugural A Medirest esteve presente no 2 O Congresso Internacional de Qualidade e Acreditação em Saúde, promovido pela ONA Organização Nacional de Acreditação, entre os dias 21 e 23 de junho, em São Paulo. O diretor da Divisão de Saúde e Infra-Estrutura da GRSA, José Carlos Lucentini, abriu o evento com uma palestra sobre o Projeto Encaminhar. Conceito em expansão Quatro novos hospitais passarão a contar com os serviços de alimentação da Medirest. São eles: IFOR, São Bernardo do Campo/SP, Hospital Paulistano, São Paulo/SP, Clínica São Vicente, Rio de Janeiro/RJ e HEMORIO, Rio de Janeiro/RJ. A marca será responsável por oferecer serviços de nutrição e dietética a pacientes, além da alimentação a funcionários e acompanhantes. 17

18 painel marcas Vending Services máquinas de auto-serviço Sempre presente A Canteen marcou presença na 18 a Jornada Empresarial AAPSA, feira de Recursos Humanos que apresenta novidades em produtos e serviços para gestão de pessoas. O evento aconteceu entre os dias 16 a 18 de maio no Espaço Fecomércio, em São Paulo. A marca expôs uma máquina de grão de médio porte e outra para pequenos escritórios, com capacidade para atender até 20 pessoas. Além disso, também apresentou uma máquina de café solúvel que pode substituir as tradicionais garrafas térmicas fáceis de ser encontradas em qualquer escritório. Além de proporcionar um café mais saboroso e um momento mais prazeroso, as máquinas podem agregar valor às empresas e fazer com que o colaborador se sinta em um ambiente mais agradável e aconchegante. Concessões e Viagens 70 lojas Mais de atendimentos/mês Novidades em Confins No final de abril a SSP inaugurou uma loja do Caffè Ritazza na área de embarque do Aeroporto de Confins, em Belo Horizonte/MG. Com esta inauguração, a marca comemora a abertura da sexta loja do Caffè Ritazza no país. Terminal Tietê ganha novas lojas No final de maio a SSP inaugurou mais duas lojas na área de desembarque do Terminal Rodoviário Tietê: Bob s (o segundo dentro do terminal) e Refrescaria (a primeira loja da marca). Refrescaria é um novo conceito desenvolvido pela marca para atender à crescente demanda por alimentação saudável. Os principais itens do mix de produtos são os sucos de frutas natural, açaí, salada de frutas e sanduíches naturais. Além da Refrescaria e do Bob s, a marca inaugurou um quiosque de sorvetes do Bob s no mezanino do Terminal, próximo ao desembarque do Metrô. Aroma e Sabor nas estações do Metrô A SSP ganhou três novas licitações em duas estações do Metrô de São Paulo. Na estação Luz, da Linha Azul, o ponto fica na área de integração com os trens da CPTM. Por lá, circulam 150 mil pessoas por dia. Já na estação Brás, da Linha Vermelha, a SSP conquistou dois pontos no corredor central, também na área de conexão com a CPTM. Nessa estação, circulam 160 mil pessoas por dia. Está sendo avaliado quais marcas a SSP vai implementar nos locais,com previsão de inauguração para o 2 o semestre deste ano. 18

19 painel marcas Conquista da Panasonic em Manaus Alimentação e Infra-estrutura 35 unidades operacionais refeições/mês A ESS conquistou recentemente o contrato da Panasonic do Brasil, localizada em Manaus/AM. A empresa, uma das maiores no ramo de eletroeletrônicos, já é cliente da GRSA em São Paulo há mais de 20 anos. A inauguração do restaurante foi realizada no final de abril e são servidas diariamente cerca de refeições aos colaboradores da empresa. A Panasonic do Brasil é um importante cliente da ESS em quantidade de refeições servidas. Tramontina é ESS A fábrica da Tramontina em Bélem, capital do Pará, passou a oferecer a seus colaboradores os serviços de alimentação da ESS. A inauguração do restaurante aconteceu na segunda quinzena de maio e são servidas cerca de 470 refeições/dia no local. Educação hi-tech Educação 75 unidades escolares Mais de atendimentos/mês A School Cook marcou presença na Feira Educar 2006 com diversos lançamentos para o mercado de educação. A 13 a edição reuniu os principais fornecedores do setor e o que há de mais inovador para esse segmento. A principal novidade da School Cook apresentada no evento foi o terminal de auto-atendimento, que tem como objetivo proporcionar maior agilidade aos alunos durante o intervalo para que eles possam dedicar mais tempo ao lazer e descanso. Desenvolvido em parceria com a empresa T&Tel, o novo terminal é acessado com cartão magnético School Cook e emite um extrato com os produtos adquiridos na hora da compra. Com o lançamento, os consumidores poderão efetuar o pedido de seus lanches e refeições na entrada ou durante os intervalos de aula e apresentar o ticket diretamente na lanchonete. Plugado Outra novidade da School Cook é o serviço oferecido pelo site da marca, onde os pais podem verificar via internet o saldo disponível no cartão e solicitar extrato com os alimentos consumidos pelos filhos. Em breve, será possível inclusive bloquear alguns itens, permitindo que seja feito um controle na alimentação das crianças. Além desses serviços, oferecer uma alimentação saudável e saborosa é uma das maiores preocupações da School Cook. Por isso, a marca apresenta cardápio diversificado e balanceado para atender às necessidades nutricionais dos consumidores, proporcionando uma melhor qualidade de vida e incentivando-os a fazer escolhas mais nutritivas. 19

20 fornecedores Qualidade comprovada Laboratório de análise de alimentos SFDK, presente no Brasil há quase 20 anos, é responsável pelos serviços de auditoria técnica em todas as marcas da GRSA SFDK: AUDITORIA TÉCNICA E ANÁLISE DA QUALIDADE DE PRODUTOS Parceiro da GRSA desde 2000, o laboratório de análise de alimentos SFDK realiza serviços de auditoria técnica nas unidades operacionais da empresa e em seus fornecedores com objetivo de contribuir com a Gestão de Qualidade e áreas de legislação. O SFDK também realiza as análises que atestam a qualidade dos produtos, sejam eles alimentos prontos, insumos, matérias-primas ou bebidas O laboratório iniciou suas atividades em 1988 como uma empresa de consultoria na área de Qualidade e, no ano seguinte, expandiu sua atuação adicionando atividades laboratoriais às já existentes. Um dos laboratórios mais conceituados do país, o SFDK possui credenciamento junto ao Ministério da Saúde, ANVISA, REBLAS, INME- TRO e ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Estas regulamentações nos permitem atender as maiores empresas do país na área de alimentos, bebidas e cosméticos. Para nós é uma honra a GRSA fazer parte dessa lista, explica Mário Killner, diretor Geral do SFDK. Para uma empresa que fornece mais de 750 mil refeições/dia em todo país, a segurança alimentar e a saúde de seus consumidores e clientes é fundamental. Ter um parceiro como o SFDK para nos auxiliar na segurança alimentar é de extrema importância para garantirmos o bemestar de nossos consumidores, afirma Ana Cecília Amaral, gerente de Qualidade Corporativa da GRSA. Alem dos serviços que presta à Área de Qualidade da GRSA, o SFDK também assiste à Área de Suprimentos, auditando os fornecedores da empresa com o objetivo de certificálos. Ou seja, para um fornecedor passar a ser parceiro da GRSA, primeiro há uma visita técnica com Temos um relacionamento riquíssimo e um importante aprendizado na GRSA devido à diversidade das situações e desafios que se apresentam constantemente em nosso trabalho. Mário Killner diretor Geral do SFDK profissionais da Qualidade da GRSA ou de técnicos do SFDK para validar as atividades da empresa e saber se ela atende às exigências para ser um fornecedor credenciado. E sempre que necessário, são realizadas análises de amostras dos produtos que se pretende adquirir. O sistema de Qualidade da GRSA estabelece procedimentos, em alguns aspectos, mais rígidos que a própria exigência da legislação estabelecida pela ANVISA. A preocupação da empresa com a qualidade de seus serviços inicia-se com o rigor na escolha do fornecedor e se estende até a verificação da satisfação de clientes e consumidores. Diante disso, diversos profissionais do laboratório estão presentes diariamente em diferentes unidades da GRSA fazendo auditorias e colaborando com o desenvolvimento técnico da empresa. Temos um relacionamento riquíssimo e um importante aprendizado na GRSA devido à diversidade das situações e desafios que se apresentam constantemente em nosso trabalho, afirma Killner. 20

21 GRSA indica Carpaccio de peixe branco Para esta edição, a receita apresentada é do chef proprietário do restaurante La Vecchia Cucina, Sérgio Arno, que figura no cenário gastronômico brasileiro desde O renomado chef já lançou diversos livros e dá aulas por todo o país. Ao longo dos anos abriu os restaurantes Alimentari e La Pasta Gialla. Foi considerado como um dos cinco melhores chefs da culinária italiana fora da Itália e seus restaurantes já receberam diversos prêmios. Ingredientes: 1 posta de robalo ou namorado congelada 16 fatias de presunto cru 1 colher de sopa de ciboulette picada 1 colher de sopa de azeite 6 tomates secos picados em listras bem finas 6 azeitonas pretas picadas em listras bem finas Suco de 1/2 laranja 2 colheres de sopa de pinole já torrados ao forno 1 colher de café de suco de limão Sal e pimenta do reino moída na hora à gosto. 16 gomos de laranja sem pele para decorar Pimenta rosa à gosto, para decorar Dicas da nutricionista GRSA Peixe fresco :: como escolher O peixe fresco tem olhos saltados e brilhantes, guelras avermelhadas, corpo rijo e elástico, pele lustrosa e escamas resistentes. Os pedaços, as postas e os filés têm que ter uma textura firme, sem ressecamento ou descoloração. A descoloração indica que o peixe pode ter sido recongelado. Como cortar o peixe em porções As postas devem ser cortadas obedecendo o sentido das espinhas de cada espécie de peixe, seja no sentido vertical ou perpendicular. Para cortar o peixe em fatias, deve-se seguir o sentido do corpo do peixe, da cabeça para o rabo. Existe, ainda, o corte em cubos e em tirinhas. O primeiro é usado em moquequinhas, como a de cação. Já o segundo é comum para ser usado como tira-gosto, frito à milanesa ou empanado. Modo de preparo: Corte o peixe em fatias bem finas como carpaccio. Coloque por cima de cada carpaccio, 4 fatias do presunto cru, por pessoa. Para o molho, junte o azeite, o tomate seco, a azeitona, o pinole, o suco da laranja e do limão, misture tudo e acerte o sal e a pimenta. Coloque o peixe e o presunto cru no centro do prato, regue com o molho e decore com os gomos de laranja ao redor. Por último coloque algumas pimentas rosas e a ciboulette. Nutricionista da Atta: Ana Paula Ahualli > CRN Importante! A melhor notícia é que algumas espécies de peixe, principalmente aqueles criados em água fria, são ricos em ômega 3. Esta é um tipo de gordura que traz benefícios a nossa saúde. Em primeiro lugar, o ômega 3 diminui o risco de doenças cardíacas, aterosclerose (endurecimento das artérias) e ajuda nas inflamações. Além disso, ajuda no desenvolvimento cerebral e na regeneração das células nervosas. Por isso, o peixe é um excelente alimento para o desenvolvimento escolar de crianças e adolescentes e não pode faltar na alimentação dos idosos, pois diminui o risco de desenvolvimento do mal de Alzheimer, de demência e cansaço mental. Os peixes devem ser adquiridos no final da compra do supermercado ou da feira. Não demore a colocar o peixe em local resfriado. 21

22 mercado Muito além do lazer Mundo corporativo descobre novas formas de utilização do DVD DVDS: EXCELENTES FERRAMENTAS PARA TREINAMENTOS MOTIVACIONAIS ODVD como uma fonte de lazer e entretenimento já é bastante conhecido. A novidade é utilizá-lo como ferramenta para o mundo corporativo. Com o avanço das tecnologias disponíveis para empresas e escolas, ferramentas audiovisuais têm sido usadas com freqüência para motivar e informar colaboradores, clientes e alunos. Diante desse cenário, a Universal Pictures Brasil, com apoio e suporte de sua matriz no exterior, desenvolveu uma nova área de negócios voltada exclusivamente para o mercado corporativo chamada Universal Business (www.universalbusiness.com.br). Essa nova frente tem como objetivo multiplicar o valor e a utilização dos títulos em DVD em diferentes situações. Uma delas é voltada para ações de Marketing. O DVD pode ser utilizado como uma forma de brinde, seja para colaboradores ou para clientes, e como uma ferramenta de relacionamento, que engloba a fidelização de clientes, conquista de novos mercados, reforço e reposicionamento de marca/produtos, entre outros. Um bom exemplo é o Clube de Vantagens criado por várias empresas e redes varejistas para atrair e manter seus clientes. Os associados somam pontos com as compras de mercadorias e trocam por diversos títulos de DVD disponíveis para a ação. O mundo corporativo está tomando ciência que o uso do DVD vai muito além do lazer, ele transmite mensagens vinculadas ao conhecimento Gean Cavalcanti, Diretor de Vendas da Universal Pictures Brasil Outra área que também já utiliza o DVD no exterior e começa a descobrir esse mercado no Brasil é o RH das empresas. Ele pode ser uma excelente ferramenta de treinamento motivacional. As mensagens transmitidas pelos títulos podem incentivar o trabalho em equipe, dar uma visão diferenciada para situações de risco e dificuldade, mostrar novas técnicas de vendas, marketing e negociação e ainda despertar o sentimento de liderança, ética e como agir em uma situação de conflitos. Segundo Gean Cavalcanti, diretor de Vendas da Universal Pictures Brasil, a principal função dessa nova área da empresa é mostrar para as companhias que a utilização de DVDs para essas ocasiões pode contribuir com a promoção de sua marca e seus produtos. O mundo corporativo está tomando ciência que o uso do DVD vai muito além do lazer, ele transmite mensagens vinculadas ao conhecimento e, por isso, pode ser utilizado de diversas formas, sempre agregando valor para as empresas, explica Cavalcanti. Além disso, ele pode ser utilizado como forma de conhecimento e educação para alunos, seja de escolas ou universidades, e em causas sociais. Em maio deste ano, por exemplo, o filme O Jardineiro Fiel, que aborda o tratamento desigual de pobres e ricos na sociedade, foi exibido na Marcha Contra a Fome, que aconteceu nas cidades de Guarulhos, São Paulo, e Salvador, na Bahia. 22

23

24

Uma empresa maior e melhor. em foco. Ipsos lança estudo sobre o mercado de Food Service

Uma empresa maior e melhor. em foco. Ipsos lança estudo sobre o mercado de Food Service Ano 5 Nº 14 2º Semestre de 2009 Uma empresa maior e melhor EURICO VARELA É O NOVO LÍDER DA GRSA E DE SEUS 26 MIL COLABORADORES em foco Ipsos lança estudo sobre o mercado de Food Service editorial Novos

Leia mais

A C pa. do Mundo. 15 km. País se prepara para sediar o maior evento do planeta, que irá abrir oportunidades de negócios. Perfil do Consumidor

A C pa. do Mundo. 15 km. País se prepara para sediar o maior evento do planeta, que irá abrir oportunidades de negócios. Perfil do Consumidor ANO V / Nº 32 / set-out 2012 A C pa do Mundo É NOSSA 15 km País se prepara para sediar o maior evento do planeta, que irá abrir oportunidades de negócios Mudanças Radicais Itaquera, na Zona Leste da capital,

Leia mais

empreender Tempo de Saiba quais são os incentivos, programas e serviços a favor do desenvolvimento da pequena empresa Desoneração

empreender Tempo de Saiba quais são os incentivos, programas e serviços a favor do desenvolvimento da pequena empresa Desoneração ANO V / Nº 33 / NOV-DEZ 2012 Tempo de empreender Saiba quais são os incentivos, programas e serviços a favor do desenvolvimento da pequena empresa Compras governamentais Veja como pequenas empresas aumentam

Leia mais

O CAMINHO DE UMA O CAMINHO DE UMA NOVA ERA. INDUSTRIAL Sistema Federação das Indústrias do Estado do Acre. Governador Binho Marques avalia mandato

O CAMINHO DE UMA O CAMINHO DE UMA NOVA ERA. INDUSTRIAL Sistema Federação das Indústrias do Estado do Acre. Governador Binho Marques avalia mandato Ano 05 Número 17 Dezembro/2010 INDUSTRIAL Sistema Federação das Indústrias do Estado do Acre MODERNIZAÇÃO Usina Álcool Verde começa a produzir DESPEDIDA Governador Binho Marques avalia mandato Arquivo

Leia mais

A cultura da comunicação interna está cada vez mais consolidada em nosso mercado e as organizações sensíveis para o tema colocam-se com destaque em

A cultura da comunicação interna está cada vez mais consolidada em nosso mercado e as organizações sensíveis para o tema colocam-se com destaque em 2 Abertura O Caderno de Comunicação Organizacional intitulado Como entender a Comunicação Interna é uma contribuição da Associação Brasileira das Agências de Comunicação Abracom ao mercado. Neste caderno,

Leia mais

negócios Consultório também é empresa Jornal de franca e região

negócios Consultório também é empresa Jornal de franca e região Jornal de negócios franca e região Ano XXI # 250 janeiro de 2015 www.sebraesp.com.br 0800-570-0800 radio.sebraesp.com.br facebook.com/sebraesp youtube.com/sebraesaopaulo twitter.com/sebraesp Tiragem regional:

Leia mais

Essa publicação faz parte do AMIGO DA PEQUENA EMPRESA, um projeto do SEBRAE-SP em parceria com

Essa publicação faz parte do AMIGO DA PEQUENA EMPRESA, um projeto do SEBRAE-SP em parceria com Essa publicação faz parte do AMIGO DA PEQUENA EMPRESA, um projeto do SEBRAE-SP em parceria com a Casa do Contabilista de Ribeirão Preto Conselho Deliberativo Presidente: Fábio Meirelles (FAESP) ACSP Associação

Leia mais

4º C.C.O. Caderno de Comunicação Organizacional [ ] Por que investir em Comunicação Interna

4º C.C.O. Caderno de Comunicação Organizacional [ ] Por que investir em Comunicação Interna 4º C.C.O. Caderno de Comunicação Organizacional [ ] Por que investir em Comunicação Interna 2 C.C.O. Caderno de Comunicação Organizacional Por que investir em Comunicação Interna PREFÁCIO Em pouco mais

Leia mais

correio do ano 60 [ set out 2010] nº 701 Um novo professor para um novo mundo

correio do ano 60 [ set out 2010] nº 701 Um novo professor para um novo mundo correio do ano 60 [ set out 2010] nº 701 Um novo professor para um novo mundo Editorial Um dos objetivos estratégicos do Senac, para o alcance de sua missão de educar para o trabalho em atividades do comércio

Leia mais

NApresentação. Como Vender a Imagem da sua Escola

NApresentação. Como Vender a Imagem da sua Escola NApresentação Nesta época de grande concorrência, exposição de marca, novas diretrizes e outras confusões, fica apenas uma certeza: não se tem certeza de nada. Afinal, como fazer uma escola destacarse

Leia mais

Natal: o planejamento começa agora para quem quer vender mais e melhor

Natal: o planejamento começa agora para quem quer vender mais e melhor Edição Impressa Ano XVIII - nº 219 São Paulo - Julho/2012 0800 570 0800 facebook.com/sebraesp youtube.com/sebraesaopaulo www.sebraesp.com.br twitter.com/sebraesp Natal: o planejamento começa agora para

Leia mais

Educação: combate eficaz ao trabalho infanto-juvenil

Educação: combate eficaz ao trabalho infanto-juvenil correio do ano 61 [jul ago 2011] nº 706 Educação: combate eficaz ao trabalho infanto-juvenil Editorial Se remontarmos às origens do Senac, desde a sua criação, em 1946, ao assumir o compromisso de preparar

Leia mais

O GRAU DE SATISFAÇÃO DOS CLIENTES DA JORDÃO MORAIS IMPORT EM RELAÇÃO AOS SERVIÇOS DE LOGÍSTICA

O GRAU DE SATISFAÇÃO DOS CLIENTES DA JORDÃO MORAIS IMPORT EM RELAÇÃO AOS SERVIÇOS DE LOGÍSTICA SOCIEDADE DE EDUCAÇÃO DO VALE DO IPOJUCA Mantenedora da Faculdade do Vale do Ipojuca FAVIP CURSO DE ADMINISTRAÇÃO COM HABILITAÇÃO EM GESTÃO DE NEGÓCIOS Andressa Danielly Vasconcelos Silva O GRAU DE SATISFAÇÃO

Leia mais

COMO ELABORAR UMA PESQUISA DE MERCADO

COMO ELABORAR UMA PESQUISA DE MERCADO COMO ELABORAR UMA PESQUISA DE MERCADO 3 4 2005 Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução total ou parcial, de qualquer forma ou

Leia mais

Ser flexível é uma competência estratégica para as empresas que precisam adequar planos, produtos, serviços e processos a cenários sempre em mutação

Ser flexível é uma competência estratégica para as empresas que precisam adequar planos, produtos, serviços e processos a cenários sempre em mutação Entrevista: Eugênio Mussak Pág. 10 Soluções estratégicas Pág. 11 Cada cliente uma história Pág. 15 Ser flexível é uma competência estratégica para as empresas que precisam adequar planos, produtos, serviços

Leia mais

O QUE AS EMPRESAS PODEM FAZER PELA INCLUSÃO DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA

O QUE AS EMPRESAS PODEM FAZER PELA INCLUSÃO DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA 1 O QUE AS EMPRESAS PODEM FAZER PELA INCLUSÃO DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA 3 O que as Empresas podem fazer pela Inclusão das Pessoas com Deficiência é uma publicação do Instituto Ethos, distribuída gratuitamente

Leia mais

Cartilha para ONGs: Como Elaborar um Programa de Aprendizagem a partir da Lei 10.097. Um Projeto a partir de uma Lei

Cartilha para ONGs: Como Elaborar um Programa de Aprendizagem a partir da Lei 10.097. Um Projeto a partir de uma Lei : Como Elaborar um Programa de Aprendizagem a partir da Lei 10.097 Um Projeto a partir de uma Lei A proposta de construir a Cartilha para ONGs: Como Elaborar um Programa de Aprendizagem a partir da Lei

Leia mais

COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS

COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS COMO ELABORAR UM PLANO DE VENDAS 3 4 2007 Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Minas Gerais Nenhuma parte ou todo desta publicação poderá ser reproduzido -

Leia mais

ANO III N O 17 DEZEMBRO 2008/JANEIRO 2009

ANO III N O 17 DEZEMBRO 2008/JANEIRO 2009 ANO III N O 17 DEZEMBRO 2008/JANEIRO 2009 Os proprietários de micro e pequenas empresas estão mais bem preparados, planejam melhor, têm mais escolaridade, ampliam o conhecimento, incorporam inovações e

Leia mais

PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS NAS GRANDES EMPRESAS E suas demandas para as Micro e Pequenas Empresas

PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS NAS GRANDES EMPRESAS E suas demandas para as Micro e Pequenas Empresas PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS NAS GRANDES EMPRESAS E suas demandas para as Micro e Pequenas Empresas EXPEDIENTE PRESIDENTE DO CONSELHO DELIBERATIVO NACIONAL Roberto Simões DIRETOR-PRESIDENTE Luiz Barretto DIRETOR

Leia mais

VIABILIDADE DE ABERTURA DE UMA EMPRESA NO RAMO DE BELEZA E ESTÉTICA

VIABILIDADE DE ABERTURA DE UMA EMPRESA NO RAMO DE BELEZA E ESTÉTICA Instituto de Ciências Econômicas e Gerenciais Curso de Ciências Contábeis VIABILIDADE DE ABERTURA DE UMA EMPRESA NO RAMO DE BELEZA E ESTÉTICA Andréa Gomes de Oliveira Belo Horizonte 2011 Andréa Gomes de

Leia mais

Criação de Valor Compartilhado Desenvolvimento Rural. Relatório Nestlé Brasil 2010

Criação de Valor Compartilhado Desenvolvimento Rural. Relatório Nestlé Brasil 2010 Criação de Valor Compartilhado Desenvolvimento Rural Relatório Nestlé Brasil 2010 Fernanda Preto 6 Compromisso Sustentabilidade e Criação de Valor Compartilhado 8 Princípios Nestlé As bases sólidas da

Leia mais

MARKETING DE VAREJO: COMO SUPERMERCADOS DE PEQUENO PORTE CONQUISTAM CLIENTES EM BAIRROS DE SANTOS

MARKETING DE VAREJO: COMO SUPERMERCADOS DE PEQUENO PORTE CONQUISTAM CLIENTES EM BAIRROS DE SANTOS MARKETING DE VAREJO: COMO SUPERMERCADOS DE PEQUENO PORTE CONQUISTAM CLIENTES EM BAIRROS DE SANTOS José Alberto Carvalho dos Santos Claro Programa de Mestrado em Gestão de Negócios Universidade Católica

Leia mais

Como. elaborar COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS. plano um de. negócios. Especialistas em pequenos negócios

Como. elaborar COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS. plano um de. negócios. Especialistas em pequenos negócios Como elaborar plano um de negócios 1 Especialistas em pequenos negócios BRASÍLIA 2013 Sebrae NA Presidente do Conselho Deliberativo Roberto Simões Diretor-Presidente do Sebrae Luiz Eduardo Pereira Barretto

Leia mais

Como. elaborar COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS. plano um de. negócios. Especialistas em pequenos negócios

Como. elaborar COMO ELABORAR UM PLANO DE NEGÓCIOS. plano um de. negócios. Especialistas em pequenos negócios Como elaborar plano um de negócios 1 Especialistas em pequenos negócios BRASÍLIA 2013 Sebrae NA Presidente do Conselho Deliberativo Roberto Simões Diretor-Presidente do Sebrae Luiz Eduardo Pereira Barretto

Leia mais

Viagem ao Mundo do Empreendedorismo

Viagem ao Mundo do Empreendedorismo Viagem ao Mundo do Empreendedorismo 2 Rita de Cássia da Costa Malheiros Luiz Alberto Ferla Cristiano J.C. de Almeida Cunha Viagem ao Mundo do Empreendedorismo FLORIANÓPOLIS - BRASIL - 2005 3 REDAÇÃO Rita

Leia mais

Índice. 05 Tendência Evolução dos motores pede lubrificantes mais eficientes. 06 Legislação Obrigatória por lei: Contribuição Sindical patronal

Índice. 05 Tendência Evolução dos motores pede lubrificantes mais eficientes. 06 Legislação Obrigatória por lei: Contribuição Sindical patronal Nov/Dez 2011 Índice 05 Tendência Evolução dos motores pede lubrificantes mais eficientes 06 Legislação Obrigatória por lei: Contribuição Sindical patronal 08 Seu Negócio Um óleo não é igual a outro 10

Leia mais

Mineração MINERAÇÃO É TUDO ISSO! indústria da. Educação, arte, cultura, logística, meio ambiente, tecnologia, negócios...

Mineração MINERAÇÃO É TUDO ISSO! indústria da. Educação, arte, cultura, logística, meio ambiente, tecnologia, negócios... Mineração indústria da Ano IV - nº 27 Setembro de 2009 MINERAÇÃO É TUDO ISSO! Educação, arte, cultura, logística, meio ambiente, tecnologia, negócios... São os destaques da EXPOSIBRAM 2009 e do 13º Congresso

Leia mais

EXCELÊNCIA COM EQUIDADE. As lições das escolas brasileiras que oferecem educação de qualidade a alunos de baixo nível socioeconômico

EXCELÊNCIA COM EQUIDADE. As lições das escolas brasileiras que oferecem educação de qualidade a alunos de baixo nível socioeconômico EXCELÊNCIA COM EQUIDADE As lições das escolas brasileiras que oferecem educação de qualidade a alunos de baixo nível socioeconômico REALIZAÇÃO Fundação Lemann e Itaú BBA PESQUISA E COORDENAÇÃO TÉCNICA

Leia mais