Investimentos das empresas contra ataques cibernéticos ainda estão aquém do necessário

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Investimentos das empresas contra ataques cibernéticos ainda estão aquém do necessário"

Transcrição

1

2

3 Investimentos das empresas contra ataques cibernéticos ainda estão aquém do necessário Os riscos da conectividade Setor de seguros sentirá os reflexos da incidência de doenças ortopédicas e psicológicas pela utilização desenfreada de meios digitais? ICSS Primeiro trimestre fica marcado pelo pessimismo do setor Melhor ano no Brasil Tokio Marine encerrou 2014 com expressivos R$ 3 bilhões em produção e implantará ações para atingir R$ 5 bilhões até 2017, conforme o presidente da companhia, José Adalberto Ferrara

4 2 revista cobertura abril2015

5 destaques Entrevista Tokio Marine: com plano arrojado de crescimento, companhia foca carteiras, parceria com corretores e modelo de transparência Verithus 20 anos Com atuação pioneira em auditoria para regulação de sinistros de automóvel, empresa entra em nova fase com reposicionamento da marca e expansão de negócios Proteção em universo digital País ainda não conta com regras claras contra crimes cibernéticos; investimentos das empresas para protegerem seus dados estão aquém do necessário Utilização danosa Tendência de casos de doenças ortopédicas e psicológicas pelo uso excessivo de meios digitais impactará o setor de seguros? Centauro-ON Campanha de incentivo leva corretores para Foz do Iguaçu ICSS Primeiro trimestre fica marcado pela queda dos índices ainda nesta edição Soluções e demandas Ituran: inovação tecnológica pode mudar o mercado de seguros Acervo Cobertura 05 Acacio Queiroz 10 Como se preparar para os desafios de 2015 Responsabilidade Social 38 Allianz Seguros e Instituto Ayrton Senna juntos na corrida pela educação no Brasil Hélio Loreno 12 Ajustes, perspectivas, atitudes! André Santos 42 Como vender o invisível 46 Corretagem em destaque TaCerto.com: Corretora on-line com foco em consultoria Sergio Barroso de Mello E&O médico e o judiciário 16 Executivos & Cia 44 abril2015 revista cobertura 3

6 Seguros na rede A abrangência das ferramentas digitais e sua presença já consolidada na cadeia de seguros, seja para a criação de banco de dados ou para aprimoramento da relação com o consumidor, é um fator extremamente benéfico. No entanto, os investimentos em softwares de segurança ainda estão aquém do necessário no Brasil, o que expõe as empresas a ataques de hackers. Plataformas de computação em nuvem e canais de relacionamento, por exemplo, apesar da flexibilidade e efetividade, podem representar riscos para as companhias. O Brasil ainda não tem regras claras sobre esses crimes, além da Lei /14, conhecida como Marco Civil da Internet, mas já conta com alguns métodos de proteção, como monitoramentos que enviam relatórios periódicos para as empresas para alertar sobre falhas em equipamentos, softwares e sobre atividade de hackers. Nessa edição, também trazemos uma matéria sobre o uso em excesso de meios digitais e os possíveis reflexos disso nos seguros de auto e saúde. Além de problemas posturais e ortopédicos, doenças psicológicas tendem a ser causadas por esse comportamento. O executivo entrevistado nesse mês é o presidente da Tokio Marine, José Adalberto Ferrara. Em 2014, a companhia comemorou o seu melhor resultado em 55 anos de atividades no Brasil, com uma produção de R$ 3,26 bilhões em prêmios, 22,9% acima de Ele relata que a seguradora conta com um plano arrojado de crescimento para atingir R$ 5 bilhões até O caminho para atingir bons resultados será desafiador, não somente para a Tokio, mas para toda a cadeia de seguros. É o que aponta o Índice de Confiança e Expectativas do Setor de Seguros (ICSS), que ao final do primeiro trimestre tem a queda dos índices como marca. Entretanto, apesar do pessimismo, a pesquisa mostra que o setor acredita em resultados positivos quando se trata de faturamento e rentabilidade. Na seção Corretagem em Destaque, uma matéria sobre a TaCerto.com, corretora on-line que preconiza a atuação conjunta entre venda pela internet e a consultoria ao consumidor. Em nossa seção Responsabilidade Social o destaque é dado para a parceria entre a Allianz Seguros e o Instituto Ayrton Senna por meio da campanha Allianz Auto Instituto Ayrton Senna, que consiste em repassar para a instituição parte dos valores pagos para as apólices para contribuir com a educação pública brasileira. Boa leitura! online 4 revista cobertura Curta nas redes sociais e receba nosso conteúdo Edição 161 Abril l 2015 Ano XXIII Fase 1-86 edições formato jornal Fase edições formato revista Equipe Cobertura Paulo Akio Kato Editor Executivo e Diretor Comercial Conselho Editorial: Carol Rodrigues Editora - Mtb Camila Alcova Redação Karin Fuchs Tany Souza Repórter Thaís Tagliatella Barros Projeto Gráfi co Diagramação Luciano Brandão Atendimento ao leitor Laryssa Carreiro Web Aline Martins Estagiária Fotografia Antranik e Agência Imagem Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam, portanto, a opinião desta publicação. A marca Cobertura - Mercado de Seguros está registrada no INPI conforme Pedido Número Uma publicação da Cobertura Editora Ltda (24 anos de informações e prestação de serviço) Rua Cons. Crispiniano, a - cj.121 São Paulo - Capital CEP Fone (11) abril2015

7 acervo cobertura Revista Cobertura Julho/Agosto de 2002 Atendimento a corretores Relacionamento com as seguradoras era uma das grandes preocupações em 2002 O relacionamento entre seguradoras e corretores foi um dos destaques da 21ª edição da Revista Cobertura, no ano de À época, os profissionais consultados comentaram sobre a preocupação com o atendimento prestado pelas companhias em algumas situações. Os entrevistados também apontaram a necessidade de tanto corretores, quanto os profissionais das seguradoras, investirem em qualificação para, consequentemente, aprimorar o atendimento ao segurado. Líderes de entidades orientaram como os corretores poderiam manter sua prestação de serviços em evidência diante da imininência de novos canais de distribuição. Então presidente do Sincor-SP, João Leopoldo Bracco de Lima, destacou que era necessário maior reciprocidade das seguradoras na prestação de serviços. A edição também destacou o 2 Workshop Cobertura Life, promovido pela Revista Cobertura. O evento debateu as perspectivas dos profissionais do segmento de vida e previdência privada e contou com palestras sobre o perfil do mercado e demanda no Brasil, novas coberturas e tecnologias para produtos. Outro evento realizado pela Revista Cobertura e mencionado nessa edição foi o Fórum Informação na Gestão de Seguros, realizado em parceria com a Microsoft e Opus Software, no qual foi apresentada a solução de Business Intelligence (BI) como uma ferramenta para auxiliar a organização no ambiente de tecnologia das empresas. Os leitores podem conferir as notícias da época na íntegra no Acervo Digital da Cobertura disponível em arquivos/hotsite Reprodução da capa da 21ª edição da Revista Cobertura (julho/agosto de 2002) e 107ª publicação Cobertura abril2015 revista cobertura 5

8 Tokio Marine José Adalberto Ferrara Po Karin Fuchs Com um plano arrojado de crescimento, a companhia foca em todas as carteiras, parceria com os corretores e no modelo de transparência Em 2014, a Tokio Marine comemorou o seu melhor resultado em 55 anos de atividades no Brasil e os próximos também prometem ser promissores. A meta com o Plano Avançar, que traça um cenário de três anos, é chegar em 2017 com uma produção de R$ 5 bilhões e um crescimento entre 15% e 16% ao ano. Para 2015 o objetivo é chegar a R$ 3,6 bilhões em produção, com um índice combinado (faturamento, despesas e sinistralidade) inferior a 99% e com um percentual de 90% de satisfação dos corretores e clientes, o que estatisticamente não está longe de acontecer. Nos dois primeiros meses deste ano, a Tokio Marine cresceu 22%, informa José Adalberto Ferrara, presidente da companhia. Ele tem motivos de sobra para comemorar. Em 2014, melhor ano para a companhia no Brasil, a produção foi de R$ 3,26 bilhões em prêmios, 22,9% acima de 2013, com um índice combinado de 99,7% (pela primeira vez na sua história inferior a 100%). Já as despesas administrativas ficaram em torno de 13% e a seguradora devolveu à sociedade R$ 1,52 bilhão em sinistros e serviços de assistências. Hoje, a Tokio Marine é a 7ª maior seguradora do País nos produtos em que opera (multirriscos, exceto saúde e previdência) e a 3ª maior seguradora independente, além de ter uma posição de destaque no grupo mundial, presente em 38 países. Somos a 5ª maior operação de todas as seguradoras Tokio Marine no mundo (há quatro anos ocupava o 18º lugar), atrás apenas de duas operações nos Estados Unidos, Inglaterra e Áustria. Entramos no VIP Clube das seguradoras do grupo que têm lucro líquido superior a US$ 50 milhões, festeja Ferrara. Carteiras Em 2014, a Tokio Marine cresceu em todas as carteiras e, em especial, na de automóvel. Esta foi a que mais influenciou nos resultados, chegando a representar 57% do nosso portfólio (em 2013, era 48%), passamos de um market share de 4% para 6%. Em 23 de dezembro celebramos a conquista de 1 milhão de apólices emitidas, número que fechamos em 1,55 milhão no mês de fevereiro, diz. Ferrara atribui a expansão ao modelo de negócio da companhia. São três qualidades que eu destaco: profissionais (atendimento ao corretor e assessoria), produtos e serviços. Três pilares que os corretores têm reconhecido na forma de produção. Quando se tem qualidade de entrega, com um bom atendimento feito pelo nosso time comercial e por nossas estruturas de retaguarda, é inevitável ganharmos mercado. Para os próximos anos, as metas de crescimento também abrangem todas as carteiras. Até o final de 2017, como seguradora multiprodutos, não queremos depender da carteira de automóvel, mas ter oportunidades em outros ramos de negócios, de forma que os corretores reconheçam a Tokio Marine como uma companhia diversificada, comenta Ferrara. 6 revista cobertura abril2015

9 Tokio Marine José Adalberto Ferrara E nesta linha, ele cita alguns segmentos. Em vida, hoje temos uma carteira de cerca de R$ 300 milhões em prêmios e queremos dobrá-la até o final de Em grandes riscos o plano também é dobrar o nosso market share, atualmente de 5%, o que significa passarmos de uma produção de R$ 750 milhões em prêmios para R$ 1,5 bilhão em 2017, exemplifica. Ferrara também destaca a carteira de afinidades. Também estratégica para a distribuição de nossos produtos ao longo desses três anos, além de ser um canal que proporcionará aumento do consumo per capita de seguros no Brasil, em relação à população economicamente ativa. Acredito que até 2020 esse consumo aumente em pelo menos 50%, prevê. Parceiros No modelo de negócio da companhia, um dos pontos altos é ouvir os corretores e as assessorias para implementar melhorias em serviços e produtos, e no desenvolvimento de novos seguros, como foi o caso do seguro residencial diferenciado que a Tokio disponibiliza na Lojacorr. Somos uma empresa que de fato ouve os corretores e levamos isso muito a sério. Trazemos para dentro de casa todas as sugestões e também estamos trabalhando fortemente para que eles vendam outros produtos, aproveitando o contato que têm com os clientes, diz Ferrara. Em especial as assessorias, são aproximadamente 100 em todo o País operando com a companhia. Na carteira de automóvel, praticamente 35% da nossa produção vem das assessoriais. Elas são muito importantes no crescimento e na sustentação desta carteira, atuam em regiões em que a abrangência das nossas sucursais não alcança, bem como na venda de outros produtos. Ferrara traduz a Tokio Marine como uma companhia que preza pela transparência. Temos uma estrutura muito simples, praticamente seis diretores estatutários, e temos uma forma de comunicação entre nós muito aberta, buscando o que é melhor para os nossos colaboradores, corretores, clientes e acionistas. O que permeia a companhia é o foco nos três C s, primeiramente o Colaborador, Corretor e Cliente, afirma. Como resultado, no ano passado a Tokio Marine ficou em 22º lugar no ranking das Melhores Empresas para Trabalhar pela pesquisa conduzida pelo Great Place to Work Brasil, subindo 23 posições em comparação a 2013, quando ocupou o 47º posto. O que é um motivo de muito orgulho e satisfação para nós. O segredo está no nosso processo muito aberto, transparente, de manter todos os funcionários da companhia bem informados das nossas estratégias e compromissados com elas. Conscientização Para aumentar o consumo per capita de seguros no Brasil, Ferrara enfatiza a importância do corretor de seguros. Ele é praticamente o único canal de vendas de seguros no País e depende basicamente dele a conscientização para que outros produtos sejam vendidos. Se não houver isso, não será possível aumentar o consumo per capita de seguros no Brasil. Ele também destaca o papel dos players do mercado. Nós, seguradores, corretores e órgãos reguladores, temos de trabalhar de mãos dadas para fazermos isso acontecer e chegarmos aos padrões de primeiro mundo. Já neste ano, essa conscientização fará parte dos investimentos de marketing da Tokio (estimados em R$ 9 milhões). Antes, focamos no reconhecimento da marca Tokio Marine. Agora, começaremos a falar de produtos, antecipa. Ele lembra que no Brasil apenas 15% dos domicílios têm seguro residencial e, entre as empresas, somente 30% estão protegidas. Expansão orgânica De 53 sucursais no Brasil, a Tokio Marine ampliará para 72 unidades de negócios, escritórios locais ou gerentes comerciais no modelo de home office. Estamos expandindo nessas duas modalidades e se houver demanda nas regiões em que estamos com home office, montaremos um escritório comercial, informa, citando as cidades de Joinville (SC) e São Luis (MA) que, terão sucursais. Para a expansão foram contratados gerentes especializados na carteira de vida, com a meta de dobrar a produção, e experientes subscritores de grandes riscos. Também faz parte dos planos aumentar as unidades do VIP (Vistoria Imediata Préaprovada), inauguradas em 2014, para atendimento aos clientes que tiveram seus veículos sinistrados, de forma desburocratizada, para aprovação do reparo. A ideia é que gradativamente tenha esse serviço em todas as sucursais da Tokio Marine, antecipa Ferrara. Sobre possíveis aquisições, o executivo é enfático: se surgir oportunidade, nós estamos abertos para avaliarmos, diz. E o sinal foi dado no ano passado, já que a Tokio Marine tem extrema relevância dentro do grupo mundial. Quase compramos a carteira de grandes da Itaú (adquirida pela ACE). O lado bom é que a matriz está dando um sinal claro que aposta no Brasil e que estamos dentro do cenário da Tokio Marine internacional. Visão macroeconômica Atualmente, o consumo per capita de seguros no País é de apenas US$ 450, o que demonstra um potencial gigantesco para crescer. No Chile, por exemplo, onde o mercado de seguros tem a mesma participação no PIB que o Brasil, de 4%, o consumo per capita é o dobro. Ferrara também lembra que nos últimos dez anos houve um acréscimo de pelo menos 120 milhões de pessoas no mercado de consumo, somados aos 20 milhões que já estavam inseridos. O que representa 60% da população brasileira, potencialmente consumidora de seguros, ressalta. Para finalizar, Ferrara vê o Brasil com otimismo. Tenho convicção de que os movimentos que estão sendo feitos (ajustes) são necessários para evitar o downgrade do Brasil no cenário internacional. Recentemente, a Standard & Poor s não fez downgrade do Brasil, o País continua sendo considerado bom para o investidor internacional e nós precisamos de investimentos em infraestrutura. Acredito que no final deste ano o cenários será mais otimista e que entraremos em 2016 com os pneus bem aquecidos, conclui. abril2015 revista cobertura 7

10 negócios & empresas Agende-se para a 13 de maio LOMA Financial Inforum 2015 Organização LOMA Local Hyatt Regency Baltimore; Baltimore, MD Informações 13 de maio Reunião de Investidores no Brasil Organização Pension Fund Brazil Forum Informações forums/pension-fund-brazil-forum e 15 de maio 1º Encontro dos Corretores de Seguros da Paraiba Organização Sincor-PB Local Centro de Convenções do Tropical Hotel Tambaú, João Pessoa - PB 27 de maio 7ª Conferência Internacional de Seguros (7th International Insurance Conference) Organização Insurance Europe Local Luxemburgo Informações 14 a 17 de junho Seminário Anual IIS ( IIS 51st Annual Seminar) Organização Internacional Insurance Society Local Waldorf Astoria Hotel, Park Avenue, 301. New York,USA. Informações seminars/iis-seminars 17 a 20 de agosto CONARH ABRH º Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas Organização ABHR Local Transamerica Expo Center São Paulo SP Informações 15 de setembro 7º Conseguro Organização CNseg Local WTC World Trade Center - São Paulo Informações 08 a 10 de outubro 19º Congresso Brasileiro dos Corretores de Seguros Organização Fenacor Local Centro de Convenções do Rafain Palace Hotel Avenida Olímpio Rafagnin, 2357 Foz do Iguaçu - PR Informações 23 de novembro XVIII Prêmio Cobertura Organização Revista Cobertura Local Casa Petra, SP Informações Sindseg-SP sedia evento sobre educação financeira Sincor-SP assina guia sobre as tendências da indústria de seguros O Sincor-SP assina, a partir deste mês, a Carta de Conjuntura do Setor de Seguros, publicação mensal que traz valioso mapeamento do mercado de seguros e setores como resseguro e capitalização, apontando tendências e projeções. A Carta de (Da esq. para dir.): Ana Rita Petraroli, Natalie Haanwinckel, Marcos Barreto Junior e Mauro César Batista Mauro César Batista, presidente do Sindseg-SP, abriu no dia 12 de março, a Semana Nacional de Educação Financeira. O encontro debateu A importância do seguro para a educação financeira numa sociedade de hiperconsumo. Realizado na nova sede do Sindseg-SP, localizada na Avenida Paulista, o evento contou com a participação de importantes nomes do setor, como a acadêmica Natalie Haanwinckel Hurtado, Marcos Ribeiro Barretto Júnior e Ana Rita Petraroli, diretora de relacionamento com as entidades seguradoras e resseguradoras e Coordenadora da cátedra de microsseguro. Diretoria aprova nova razão social do Sindseg-MG/GO/MT/DF A diretoria do Sindicato das Seguradoras (Sindseg MG/GO/MT/DF) e representantes das associadas se reuniram em março, na sede do sindicato BB e Mapfre lança seguro para pequenas frotas para aprovar o novo estatuto e razão social. Com votação unânime e quórum de 48%, que representa mais de um terço das empresas associadas, a nova razão social do sindicato é Sindicato das Empresas de Seguros Privados, de Resseguros e de Capitalização dos Estados de Minas Gerais, de Goiás, do Mato Grosso e do Distrito Federal. Conjuntura é ferramenta indispensável para muitas de nossas iniciativas, reforçando nosso objetivo de estimular e apoiar o empreendedorismo em toda a categoria dos corretores de seguros, afirma o presidente do Sincor-SP, Alexandre Camillo (foto). Exclusivo para cliente pessoa jurídica, o novo seguro é destinado para frotas de dois a 15 veículos. Estamos ampliando as facilidades comerciais para os empresários que contam com uma operação menor, mas que necessitam de apoio dos seus parceiros para garantir uma melhor rentabilidade, afirma o diretor geral de automóvel do Grupo BB e Mapfre, Jabis Alexandre. 8 revista cobertura abril2015

11 abril2015 revista cobertura 9

12 negócios & empresas Estudo da AGCS indica que perdas com transporte marítimo em 2014 foram as menores dos últimos 10 anos A Allianz Global Corporate & Specialty (AGCS) lançou o relatório anual Safety&Shipping, que analisa as perdas no setor de transporte marítimo em cargas acima de 100 toneladas brutas. O estudo revela que a tendência de perdas permanece em queda, sendo apenas 75 ocorrências reportadas pelo mundo em 2014, tornando esse ano o mais seguro para o setor em comparação aos últimos 10 anos. As perdas diminuíram 32% comparadas ao ano anterior, o que é bem abaixo da média dos últimos 10 anos, quando foram registradas 127 ocorrências. Enquanto a queda em longo prazo nas perdas de embarcações é encorajadora, acidentes recentes como o Sewol Avaliação do risco político brasileiro se mantém estável e o Norman Atlantic novamente aumentam as preocupações sobre o treinamento e o preparo para emergência em navios de transporte de passageiros, três anos após o desastre do Costa Concordia. Sete navios de passageiros foram perdidos em 2014, configurando quase 10% das perdas totais. Em muitos casos, a construção da embarcação não é o único ponto fraco. Estes dois incidentes destacam uma brecha preocupante no treinamento da tripulação quando se trata de operações de emergência em balsas transportadoras de veículos ou navios de passageiros, diz Sven Gerhard (foto), Líder Global de Produtos, Responsabilidade de Casco & Marítimo da AGCS. O Mapa Mundial de Riscos Políticos 2015, realizado pela Aon em 163 países, revela também que problemas decorrentes das investigações junto às empresas estatais e provedores de serviços causam atrasos em projetos e investimentos necessários ao País. Na pesquisa deste ano, o Brasil se manteve avaliado com a classificação de risco médio, após registrar queda em seu rating em Outro fator que influenciou diretamente na estabilidade da avaliação foram os problemas decorrentes das investigações junto a empresas estatais e provedores de serviços, que trouxeram como consequência atrasos em projetos e investimentos necessários ao desenvolvimento do Brasil, principalmente em obras ligadas ao setor de infraestrutura, argumenta o consultor de riscos políticos e investimentos no exterior da Aon Brasil, Keith Martin (foto). Taxas de seguros ficam estáveis em países da América Latina e Caribe Os mercados de seguros na A m é r i c a Latina e na região do Caribe ficaram, em grande parte, estáveis em 2014, semelhantemente aos dois anos anteriores analisados. É o que revela o Insurance Market Report 2015, com indicadores, análises e tendências de preços de seguros em 10 países da América Latina e Caribe, entre eles Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, República Dominicana, México, Peru, Porto Rico, Uruguai e Venezuela. De acordo com o relatório, a Venezuela continua sendo o mercado mais desafiador para os segurados, com taxas crescentes em todas as numerosas linhas de cobertura. Em países como Argentina, Brasil, Peru, Porto Rico e Uruguai também se observou aumento de taxas em algumas linhas de cobertura. Os maiores desafios de 2014 estão entre os planos de saúde que contaram com os crescentes custos devido a inflação, o custo médico e do maior número de sinistros na maioria dos 10 países analisados. Como se preparar para os desafios de 2015 As empresas brasileiras, em geral, vêm enfrentando um ano difícil, provocado pela recessão econômica, inflação elevada, dólar alto, excesso de impostos, crise política e estagnação dos investimentos. Porém é possível transformar as adversidades em oportunidades. E isso vale também para o setor de seguros. Como? Uma das possibilidades é aumentar o interesse pela contratação de seguros com a argumentação de que, se as pessoas não vão adquirir novos bens, elas devem redobrar a atenção para os bens que já conquistaram. Ou seja, se neste momento de crise o consumo vai cair, as pessoas e as empresas precisam estar mais atentas para preservar, sem preocupações, o patrimônio já conquistado. Adicionalmente a esta abordagem, os corretores precisam inovar sempre, estudar e se especializar, não ter medo de entrar em novos segmentos ou oferecer novos produtos, ser flexível nas negociações, enxergar novas oportunidades de negócios e garantir a fidelização dos clientes. Acredito que os sacrifícios enfrentados em 2015 serão os pilares dos anos futuros para a economia brasileira e para o setor empresarial. Sendo assim, quem for criativo ganhará dinheiro esse ano. Quem for zeloso, empatará. Quem ficar parado, desaparecerá. Acacio Queiroz - Chairman da Chubb do Brasil. Formado em Economia, pósgraduado em Finanças e com especialização em Business nos EUA, possui certificação no Programa de Desenvolvimento de Conselheiros pela Fundação Dom Cabral, é Conselheiro de Administração Certificado pelo Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), autor do livro Minhas Bagagens e palestrante nas áreas de Economia, Liderança e Motivação. 10 revista cobertura abril2015

13 abril2015 revista cobertura 11

14 negócios & empresas Tokio Marine lança seguro diferenciado para escritórios A Tokio Marine traz ao mercado um seguro desenvolvido especialmente para atender as necessidades de negócios que se baseiam em prestação de serviços de engenharia, arquitetura, advocacia, contabilidade, imobiliárias, sindicatos e associações de classe, entre outros. Com coberturas e serviços diferenciados, o Tokio Marine Escritórios faz parte da estratégia da Companhia de oferecer cada vez mais SulAmérica amplia itens protegidos soluções de excelência, desenvolvidas sob medida para micro, pequenos e médios empresários. No ano passado, lançamos com sucesso dois produtos específicos para PMEs: o Clínicas e Consultórios Médicos e o Escolas. E agora, com o Escritórios, pretendemos atingir mais uma parcela importante desse segmento, afirma o diretor executivo de produtos pessoa jurídica, Felipe Smith (foto). O portfólio de coberturas adicionais do seguro SulAmérica Auto acaba de ser ampliado e passa a contemplar lanternas e faróis de xenon e led. A novidade é válida para clientes de todo o Brasil e complementa a cobertura de lanternas, faróis e retrovisores. Avanço no mercado de fiança locatícia A PAN Seguros se prepara para conquistar 30% desse setor, em um ano, no Brasil. Entre 2005 e 2011, o seguro fiança locatícia aumentou mais de 300%, ampliando sua participação de 10% para 30% entre as demais modalidades de garantia do pagamento do aluguel. Para acompanhar essa escala, a PAN Seguros se preparou e oferece um produto chamado PAN Aluguel Garantido, que tem formatação simples e preço competitivo. Daqui a pouco tempo, por diversas razões, a figura do fiador vai deixar de existir. Alugar um imóvel só será possível contratando o seguro fiança locatícia, afirma o CEO da PAN Seguros, José Carlos Macedo (foto). Ajustes, perspectivas, atitudes! Na edição passada comentamos neste espaço sobre os ajustes na economia que estão em curso e nossas impressões a respeito. A mesma revista trouxe em uma recente edição a reportagem Tendências 2015, onde executivos de diversas seguradoras opinaram sobre o tema título, tanto quanto ao mercado como sobre suas próprias empresas. É salutar verificar que quase todos falaram dos ajustes em curso, mas de forma unânime comentaram sobre perspectivas de crescimento do mercado, sendo destacado por alguns planos de investimentos em produtos, processos, e pessoas em suas empresas. A opinião dos executivos das seguradoras coincide com a nossa. Não podemos ficar a reconhecer dificuldades, listar ajustes necessários e esperar por mudanças e melhorias sem agir. E a forma de agir que o mercado de seguros e, mais particularmente, o corretor de seguros conhece é ter atitude de vendedor! Temos que seguir buscando atender ao consumidor de seguros e, mais importante, buscar o novo cliente, aquele que ainda não tem seguro, que não conhece. E nosso argumento é muito forte, pois somente o seguro pode amenizar situações de perda, com ou sem crise. Bons negócios! Hélio Loreno - fundador e CEO da Classic Assessoria Vida e Previdência 12 revista cobertura abril2015

15 abril2015 revista cobertura 13

16 negócios & empresas ACE muda matriz em São Paulo Após ter finalizado em outubro a compra da carteira de Grandes Clientes Corporativos da Itaú Seguros, o Grupo ACE reúne em um mesmo endereço, em São Paulo, os profissionais sucedidos da aquisição e os que já se encontravam na empresa. Eles passarão a atuar na nova matriz das operações da companhia no Brasil. Ao todo, aproximadamente 700 funcionários ocupam três andares e meio do edifício Eldorado Business Tower, na Marginal Pinheiros. Capemisa Seguradora de casa nova em Maceió A Capemisa Seguradora inaugurou em março sua nova sucursal de Maceió. A unidade passará a funcionar em novo endereço, localizado na Avenida da Paz, 1864, loja 16, no Centro da cidade. A nova unidade atenderá a demanda por seguros na região, que tem sido crescente. Vamos receber nossos clientes e parceiros em um espaço de 45 m², que conta com instalações modernas e está em uma região central da cidade, o que facilita o acesso, destaca o diretor da Capemisa, Laerte Tavares (foto). GBOEX em Salvador tem novo endereço Desde o início de março, a Unidade de Negócios GBOEX, em Salvador, está em novo endereço, a fim de manter sua tradição em oferecer um ambiente confortável, o novo espaço está à disposição dos associados, corretores e do público em geral.a Unidade está situada na Avenida Jequitaia, 555, sala 710, no Edifício Citibank Comércio. Grupo DG lança projeto Adesão PME O grupo formado pela DG P a r t i c i p a ç õ e s, Unifocus e Prev- Quali lançou no dia 1º de abril o projeto Adesão PME (Pequenas e Micro Empresas) em parceria com o Grupo Intermédica NotreDame, no Rio de Janeiro, voltado para ampliação de vendas, no mercado massificado para 500 corretores, especializados no segmento. Essa ação é parte do planejamento para 2015 de atuar 15 estados e alcançar carteira de 500 mil vidas em todos os seus segmentos. Em 2014, o grupo formado pela 14 revista cobertura Essor Seguros abre filial em São Paulo O bairro de Itaim Bibi, em São Paulo, será o endereço da primeira filial da Essor joint venture da MAF e Scor Re, no Brasil. Rodolpho Pires Camargo (foto) será o responsável pelo novo escritório, em São Paulo. Numa primeira fase, o foco da nova sucursal será somente a construção civil: Seguro Decenal e Seguro Habitacional. DG Participações, Unifocus e PrevQuali emitiu cerca de R$ 800 milhões em prêmios, com atuação na comercialização de planos corporativos, planos coletivos por adesão, consultoria e gestão personalizada de benefícios, se consolidando como a segunda maior administradora de benefícios no Brasil. Atualmente a empresa conta com 250 mil beneficiários, mais de 400 colaboradores, 76 entidades de classe, mais de 200 empresas clientes e filiais distribuídas em 10 estados do país. Porto Seguro lança aplicativo de saúde Com o objetivo de facilitar o dia a dia dos segurados, a Porto Seguro lançou o aplicativo Saúde O d o n t o, que já está disponível no Google Play, gratuitamente. A ferramenta, que pode ser utilizada por usuários do Porto Seguro Saúde, Portomed e Porto Seguro Odontológico, permite pesquisar a rede de atendimento e acompanhar dados sobre reembolso, além de obter dicas de saúde e acesso à rede de descontos em academias, lazer e clínicas de estética. De acordo com o gerente de produto da Porto Seguro Saúde e Portomed, Flavio Sá, o serviço vem como uma nova forma de autoatendimento ao segurado. Desenvolvemos a ferramenta pensando na mobilidade dos nossos serviços e na rapidez ao desenvolver atividades simples, como agendar uma consulta ou desmarcar, visualizar redes de descontos, entre outros. abril2015

17 abril2015 revista cobertura 15

18 negócios & empresas Polimento de farol: mais um benefício oferecido aos segurados A Autoglass investe em mais um serviço para beneficiar os seus parceiros. Trata-se do melhor sistema de polimento de farol disponível no mercado automotivo, o qual promete superar as expectativas dos clientes em qualidade e beleza, além de satisfazê-lo no preço. O serviço permite recuperar o brilho original do farol, retirando o embaçado amarelado. Todo o procedimento é feito de forma rápida e na hora, sem necessidade de remoção do item. Os segurados da companhias parceiras da Autoglass ainda contam com mais uma vantagem: um desconto no valor do serviço, caso estes possuam atendimento de farol em aberto. Mais uma novidade que você só encontra na Autoglass! E&O médico e o judiciário Os seguros de responsabilidade civil E&O de profissionais da medicina e de hospitais têm sido poderosa ferramenta para minimizar os impactos econômicos no patrimônio dos segurados, decorrentes de atos danosos praticados a terceiros. Tanto assim que a procura desse produto registrou vertiginoso crescimento nos últimos anos em termos de prêmios emitidos. O setor de seguros, no entanto, precisa ficar atento aos efeitos decorrentes de decisões do Judiciário, cada vez mais arrojadas no campo econômico. Para ser ter ideia, os processos decorrentes de erros médicos cresceram cerca de 140%, apenas no Superior Tribunal de Justiça (STJ), instância máxima do Judiciário Civil, nos últimos quatro anos. Nas instâncias inferiores o cenário não é diferente. Segundo pesquisa divulgada pela Sociedade Brasileira de Direito Médico (ANADEM), entre 2001 e 2014, a média nacional de processos que resultaram em condenação aos médicos e/ou aos hospitais foi de 42%. Somente no Estado do Paraná as condenações ocorreram em 80,56% dos processos em trâmite, quase o dobro da média nacional. Esses dados reforçam a tendência de maior rigor dos tribunais com ações envolvendo o setor médico e a qualidade das provas obtidas pelos advogados das vítimas, cada vez mais eficazes e convincentes diante dos meios de comunicação e das tecnologias disponíveis, que facilitam a produção de elementos probatórios. É certo afirmar que, se de um lado o segurador precisa ter eficiência na qualidade de subscrição de seus riscos, de outro, é possível dizer que os médicos passaram a ter verdadeira necessidade de contratação de seguros E & O, sob pena de serem abatidos em suas carreiras por decisões Judiciais. Sergio Barroso de Mello - Pellon e Associados Advocacia 16 revista cobertura abril2015

19 Ameplan comemora 23 anos A Ameplan Assistência Médica Planejada comemora 23 anos de atuação na capital paulistana. A operadora de saúde oferece uma ampla e sólida rede de atendimento referenciada e credenciada, com hospitais e maternidades, prontos socorros, centros médicos, centros de diagnóstico e clínicas especializadas. Ao longo de sua trajetória, procurou atuar de forma inovadora e humanizada, investindo em tecnologia e gestão profissional, através de um modelo de governança corporativa, que tem contribuído muito para os excelentes resultados obtidos. Dentre eles, destacase o baixo índice de reclamações junto a ANS, o que coloca a Ameplan como a operadora com o menor índice de reclamação da cidade de São Paulo. Este excelente resultado é fruto do quinto ano consecutivo do Projeto Gestão Profissional implantada na empresa pelo diretor administrativo e financeiro da Ameplan, José Silva dos Santos. Comemorando o balanço positivo fechado do ano de 2014, com um crescimento de 16% na sua carteira de beneficiários, a Ameplan projeta para este ano um crescimento de 20%. Para alcançar esta meta, conta com sua campanha de vendas com foco em PME e Adesões. Titulada Feliz 2015 com a Ameplan-Como uma Onda no Mar-, nossa campanha visa o crescimento de vendas para este segmento pois é um mercado em plena expansão e acreditamos em nossas parcerias com as corretoras para atingirmos nossa meta de crescimento em 2015, comenta Laureci Zeviani (foto), diretor comercial da Ameplan. Em plena fase de crescimento e expansão, a Ameplan investiu em 2015 nas instalações, com uma obra de 1100m2 que abrigará todas as áreas administrativas da empresa, em um projeto que permitirá a integração dos colaboradores. Estamos construindo uma área de mais de 1000 m2 que permitirá que mais de 100 colaboradores trabalhem no mesmo local, num projeto arquitetônico arrojado e diferenciado, onde prevalecerá nosso conceito de Working Together. Tudo isso são ações embutidas dentro de nosso Projeto de Gestão Profissional, onde o objetivo final sempre será nossa excelência no atendimento, finaliza Silva. negócios & empresas Despesa de planos supera o total investido em saúde pelo Governo Federal em 2014 Segundo estimativa do periódico trimestral Cenário da Saúde, publicado pela Associação Brasileira de Medicina de Grupo (Abramge), entidade que representa os planos de saúde, o montante pago em 2014 pelas operadoras de planos de saúde para custear despesas assistenciais deverá alcançar R$ 105 bilhões, superando, pela primeira vez, todo o orçamento federal para a saúde, que é de R$ 98 bilhões no período. Essa diferença pode ser ainda maior quando tivermos os dados oficiais, já que tradicionalmente o Governo Federal não alcança o valor previsto em orçamento, destaca o diretor executivo da Abramge, Antonio Carlos Abbatepaolo. Os números já divulgados mostram que até novembro de 2014 o Governo Federal gastou 78% do previsto em orçamento para a saúde. Os principais fatores que influenciaram no crescimento dos gastos foram os aumentos das despesas com internações, exames, terapias e consultas. A despesa com internação dos planos de saúde em 2014 deverá atingir R$ 42,7 bilhões, volume quase quatro vezes maior do que o valor total das internações custeadas pelo SUS, estimado em R$ 12,9 bilhões no mesmo período. abril2015 revista cobertura 17

20 verithus 20 anos Pioneirismo há 20 anos que se mantém até os dias atuais Po Karin Fuchs Em auditoria de processos de seguros do começo ao fim, Verithus é ímpar no mercado. Empresa entra em nova fase com reposicionamento da marca e expansão de negócios 18 revista cobertura Pioneira em auditoria para regulação de sinistros de automóvel, passados 20 anos de sua fundação, comemorados em abril, a Verithus mantém o posto de ser a única empresa especializada a oferecer para as seguradoras um projeto completo de auditoria, atuando desde a aceitação, regulação, liquidação de sinistros, incluindo salvados. E não apenas para automóveis. A empresa também tem expertise em auditoria de ramos elementares. E é com toda esta expertise que a Verithus começa uma nova fase neste ano, o que inclui nova comunicação visual e reposicionamento da marca, com um projeto de expansão que visa atender novos mercados, não apenas as companhias de seguros. Fase que também marca mais ainda a consolidação e a maturidade da Verithus, por 15 anos conhecida no mercado como MS, das iniciais de seu fundador, Manoel Sanches, que, com uma atuação visionária, abraçou a ideia de iniciar no Brasil um trabalho de auditoria de regulação de sinistros, a partir da experiência que ele acumulou em 21 anos em uma empresa de reparação automotiva de um grande grupo segurador. Em 2004, Sanches, atual conselheiro, passou o bastão aos filhos Eduardo e Valdelice Sanches, ambos com mais de uma década de experiência no setor, e a Joel Nicola, que está com ele desde 1998 e também veio do mercado segurador. Eles fizeram um trabalho magnífico, transformaram a MS em Verithus e conseguiram quadruplicar a empresa, diz Sanches. Por conta da alteração societária, veio a mudança de nome para Verithus, que remete toda a filosofia do novo comando da empresa. A MS traduziu o meu pai até aquele momento e precisávamos traduzir nós três. Foi feito um trabalho de branding, juntamos dois radicais, chegamos a Verithus, que vem de um radical que significa verdade, sinceridade e justiça, explica Valdelice Sanches, responsável pelo Comercial e Marketing. O início Da origem da MS, Manoel Sanches conta que na empresa de reparação automotiva, onde trabalhou por 21 anos, também foi criado um depar- abril2015

21 verithus 20 anos tamento para atendimento de sinistros de segurados e, posteriormente, também a terceiros. Depois que eu saí da empresa, em uma conversa com o presidente do grupo segurador, ele me encaminhou ao departamento de auditoria da companhia que tinha a necessidade de fazer conferência de processos de forma diferenciada, pois os custos de sinistros de automóvel estavam muito elevados, recorda-se Sanches. A ideia era criar uma auditoria de regulação de sinistros, um modelo que até então não existia no Brasil, e que Sanches abraçou com o risco de dar ou não certo. Primeiramente como experiência, deram-lhe um processo para avaliar. Foi então que verifiquei que eles estavam pagando, em média, 46% a mais. Acharam que era uma coincidência e decidiram me passar outros. Inicialmente, um por semana, depois quatro e 50 por mês. Todos tinham distorções, diz. Logo, a auditoria por ele feita começou a dar resultados. Sozinho, além de São Paulo, ele fez o mesmo trabalho no Rio de Janeiro e, com as suas constatações, foi convidado a auditar no Espírito Santo. No Rio de Janeiro verifiquei internamente alguns processos e para comprovar que eu não estava errado, fazia o mesmo que em São Paulo: analisava na mesa e verificava no local. E a constatação foi que em alguns processos o pagamento chegava a ser 156% superior. No Espírito Santo, o cenário não foi diferente, relembra. De projeto à empresa O volume de processos começou a crescer cada vez mais e, em 1998, Sanches contratou duas pessoas, entre eles, Joel Nicola, atual sócio da empresa, responsável por Operações. Tempos depois, a MS passou a atender também alguns processos de outra seguradora multinacional e, em 2002, Sanches chamou a filha Valdelice para ajudar a modernizar a sua estrutura. Eu vinha de um padrão de empresas multinacionais (ver Box) com postura profissional e de treinamento que eu queria trazer como diferencial. Eu não tinha a intenção de ficar, mas percebi que havia um potencial muito grande de expansão, lembra-se. E uma delas foi a conta de uma importante seguradora, que ela conquistou. O que me deu um enorme prazer, acrescenta Valdelice. No ano de 2004, por sugestão da diretoria de uma seguradora em que trabalhava o seu irmão, Eduardo, ele também entrou para o time. O trabalho foi crescendo cada vez mais, a companhia queria dobrá-lo, mas sentia que eu não dava conta. O Eduardo já era gerente de Vistoria Prévia (ver Box) e sugeriram que ele saísse e viesse trabalhar comigo. E foi o que aconteceu, conta Manoel Sanches. Atualmente, Eduardo é o diretor geral da Verithus. Nova visão de equipe Juntos, Valdelice, Eduardo e Joel, mudaram o padrão da empresa. Estruturamos o conceito de equipe, de forma que não tivesse cara de perito e nem de regulador de sinistro, mas sim que fosse vista de maneira diferenciada. Levamos para a equipe uma identidade. Assim, temos pessoas distintas fazendo uma entrega diferenciada, destaca Valdelice. A empresa mudou para uma estrutura maior no Jabaquara, posteriormente para Lapa, em uma sala comercial que foi agregada a outra e, sem mais espaço para expandir, mudou-se novamente para um local maior, no mesmo bairro, que novamente ficou pequeno. Desde fevereiro deste ano, a Verithus ganhou uma nova sede, próxima ao endereço anterior. Expansão que, nas palavras de Valdelice, reflete na percepção da equipe. Eles foram percebendo o crescimento da empresa não apenas pelo aumento do espaço, mas pela energia e uma carga muito positiva que veio junto com este crescimento. Existe um companheirismo, uma lealdade uns com os outros. As pessoas sabem que trabalham em uma empresa diferenciada, enfatiza. Joel Nicola faz jus às palavras dela. O nosso diferencial é material humano. Toda a equipe é contratada, não terceirizamos, e para trabalhar com a gente é preciso ter a nossa filosofia. Tanto que no começo primávamos pela parte técnica na hora de contatar e hoje ela representa 30%. O peso maior está no perfil, caráter, postura e na forma como a pessoa encara problemas e dificuldades. Inclusive, se ela não estiver 100% pronta, treinada, não vai para a rua, especifica. A ideia era criar uma auditoria de regulação de sinistros, um modelo que até então não existia no Brasil, e que Sanches abraçou com o risco de dar ou não certo Ontem e hoje Inicialmente como uma empresa de auditoria de regulação de sinistros, a Verithus ampliou a sua atuação para vistoria prévia e salvados. Atualmente atende seis companhias de seguros em todo o País, uma média de 4 mil processos por mês, com capacidade para 4,5 mil mensalmente. A novidade para este ano é a criação de um Posto Avançado Verithus, em Recife (PE). Onde teremos uma pessoa já experiente, que está sendo treinada há seis meses, e será responsável por atender as regiões Norte e Nordeste. Também faremos rodízio para que seja mantido o padrão de qualidade, diz Joel, acrescentando que a ideia é terem um profissional em cada região do País. Eduardo explica que o foco é oferecer uma operação mais barata aos clientes, do que com o deslocamento de uma pessoa de São Paulo. Estamos quebrando um paradigma, fazendo uma aposta de que conseguiremos manter a qualidade reduzindo o custo da nossa operação, ainda que a Verithus custe muito pouco para o cliente, valida. Ainda de acordo com ele, por termos começado pequenos, com a vivência em grandes seguradoras e um time de profissionais que alia expertise e conhecimento técnico, nós pudemos acompanhar toda a evolução do mercado e estamos prontos para atender as demandas, enfatiza. Inclusive, para a própria evolução do mercado. Antes havia um mercado conturbado, com orçamentos imprecisos ou até mesmo mal elaborados. Em um processo de audi- abril2015 revista cobertura 19

22 verithus 20 anos toria para um ônibus, por exemplo, o adicional chegou a 750% e foi o que fortaleceu nossa entrada no mercado. Ainda existem problemas (distorções de valores), mas posso dizer que está um pouco mais controlado e profissionalizado, afirma Manoel Sanches. Para exemplificar, Joel cita que antigamente a média de irregularidade nos processos era de 46%, percentual que hoje, em algumas seguradoras, chega a 25%. Independentemente de ser feito por nós, se não existisse a auditoria os percentuais voltariam a patamares anteriores, defende. Entre outras inovações, atribui-se à Verithus mudanças na forma de aceitação de risco por parte de algumas seguradoras. Nós fazíamos o que chamávamos de teste de aderência às normas e procedimentos. Preparávamos um veículo para que tecnicamente não tivesse aceitação. Fizemos isso em vários estados, o que deu um resultado muito bom, e fez com que a seguradora modificasse a aceitação do risco. Como o mercado observa as tendências e ajustes nos procedimentos, rapidamente houve um movimento de alteração nos procedimentos daquela atividade, comenta Sanches. Valdelice Sanches Com uma bagagem de aprendizado de 13 anos em uma grande companhia e, mais duas passagens significativas em grandes multinacionais como gerente de Produtos, chegou à Verithus em 2002 para ajudar a modernizar a estrutura da empresa. No bolso A auditoria que a Verithus presta para as seguradoras é traduzida em ganha-ganha. Para exemplificar, Eduardo comenta que no fechamento de 2014, de um trabalho feito para uma seguradora, chegou-se à conta que a Verithus custou R$ 1,50 ao cliente. Ou seja, do total de processos analisados, foi identificada uma oportunidade total de redução de custos que praticamente superou o valor dos honorários investidos pelo cliente na contratação da Verithus. Joel complementa: R$ 1,50 é o tangível. Fora o valor intangível que é atuar em uma região onde o custo médio do sinistro é elevado e, após a nossa atuação, os custos passam a ser mais próximos da realidade de demais localidades. Nós mapeamos onde estão os problemas, conseguimos processos e informações. Brincamos que às vezes a informação é maior que qualquer alteração que a gente faça, diz. Mais do que isso, a auditoria envolve uma cadeia em 20 revista cobertura abril2015

23 verithus 20 anos Joel Nicola Com mais de 30 anos de experiência no mercado segurador e automotivo, atuou em oficinas, seguradoras, auditorias. Certificado como Comissário de Avarias pela Escola Nacional de Seguros, veio a fazer parte da equipe Verithus em 1998, agregando conhecimento e dedicação na empresa que acabava de nascer. Eduardo Sanches Fez parte de um projeto pioneiro de formação de profissionais em um grupo segurador, passando por diversos treinamentos, inclusive em montadoras de automóveis, caminhões e ônibus. De 1988 a 2004, Eduardo passou por diversas áreas na seguradora: Sinistro, Auditoria, Vistoria Prévia. Também é certificado como Comissário de Avarias pela Escola Nacional de Seguros. Vivência e experiência que foram levadas para a Verithus em 2004, quando do primeiro reposicionamento da empresa. que todos os prestadores de serviços se aprimoram. E tem ainda um braço comercial, além do técnico. Havia uma seguradora que parou de vender seguros em uma região e detectamos que isso ocorria por não haver ninguém que a representasse localmente. Eles fizeram uma ação local e voltaram a vender seguros, recorda-se Eduardo. Metodologia Cada processo que chega à Verithus é criteriosamente analisado por uma metodologia própria. No mínimo, passa pelas mãos de três profissionais: um consultor externo, um interno e uma supervisão. Em alguns casos, os sócios também são envolvidos. A estrutura que temos hoje poderia ser menos da metade para manipularmos o volume de processos atuais, mas o nosso foco é primar por qualidade e entregar ao cliente um trabalho cada vez melhor, explica Eduardo. E oportunidade de expandir a sua atuação também não faltou à Verithus. Nós recebemos diversos convites, de quase todos os nossos clientes, para montarmos uma equipe de regulação de sinistros. Declinamos todos, pois queremos manter o foco, caso o contrário, perderemos a confiabilidade. Tanto que até hoje a Verithus é a única empresa especializada em auditoria, vistoria prévia, regulação e salvados. Seguimos a premissa básica: quem regula não audita, diz Eduardo. Expertise Além de seguros de automóveis, a Verithus acumula experiência em auditoria de outros segmentos. Apenas para citar alguns, nos ramos de transporte, vida e agronegócios. Nós fizemos um trabalho muito grande para uma grande seguradora, com duração de dez meses, auditando processos de seguros de Transporte e conseguimos um resultado interessante, comenta Eduardo. Na área de vida, diz ele, eu e o Joel identificamos uma pessoa que tinha experiência e vivência, que trouxemos para a empresa para um trabalho específico para uma grande seguradora. Também com um ótimo resultado, destaca. Em agronegócios, a Verithus fez um trabalho de três anos de auditoria em uma fazenda contemplando um rebanho de cerca de 15 mil animais, implementos e equipamentos, estrutura e fluxo de trabalho. Outro case foi o acompanhamento de uma temporada inteira da Stock Car, in loco, em todas as cidades onde ocorreram as provas. Há dois anos fizemos este trabalho, auditando a ocorrência de sinistros, a validação do reparo, conserto, do que a seguradora assumiria como prejuízo, indenização, acrescenta Eduardo. Uma diversificação que, segundo ele, é fruto da vivência e experiência de uma empresa que tem 20 anos de mercado e que está mais do que pronta para novos desafios. Principalmente porque somos apaixonados pelo que fazemos, pela nossa empresa, pela qualidade, história e o nosso diferencial. A paixão nos move, mas não nos cega. Somos muito críticos para melhorarmos cada vez mais. Novos horizontes Sobre os projetos, Eduardo antecipa que a meta é expandir para novos mercados, além do próprio mercado segurador. Nós temos muito a oferecer, por exemplo, no segmento de vida. E dentro do mercado automo- tivo também há muitas oportunidades, destaca. Entre elas, o executivo pontua as grandes redes de concessionárias, locadoras de veículos e as financeiras. Podemos oferecer um braço técnico para as concessionárias. Nós temos esta expertise pela vivência na casa deles por intermédio das seguradoras. Já presenciamos os problemas e foi assim que surgiu a ideia de atender este nicho, pois sabemos como fazer e o quanto isso impacta nos seus resultados, revela. Para as locadoras de veículos, que administram grandes frotas e os riscos, mais uma vez a vivência da Verithus pode ser uma grande aliada na redução de custos de sinistros, pela expertise no ambiente de reparação. E para as financeiras, na conservação da frota de clientes inadimplentes. Pela nossa experiência, assistimos a este patrimônio se deteriorar constantemente. Com a atual inadimplência dos clientes, a tendência é a devolução do veículo que requer um mapeamento e um armazenamento adequado para posteriormente serem vendido sem gerar prejuízos para as financeiras. Um trabalho de auditoria que podemos oferecer a elas, explica Eduardo. E nesse novo horizonte de oportunidades, crise e tempo ruim estão longe de fazer parte do vocabulário da Verithus. Imaginando que o nosso custo é muito baixo para o cliente, além do intangível, com a melhoria do processo que vai impactar obrigatoriamente no custo médio de sinistro, nós temos sinergia com o momento de crise. Exatamente neste momento delicado de mercado, podemos oferecer uma oportunidade real de resultados para as empresas, finaliza Eduardo. abril2015 revista cobertura 21

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS

SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS SEMINÁRIO NOVA LEI GERAL DE SEGUROS Marco Antonio Rossi Presidente da Fenaprevi Presidente da Bradesco Seguros Agenda Mercado Segurador Nacional Os direitos dos Segurados e Participantes Legislação O Brasil

Leia mais

SINCOR-SP 2015 OUTUBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

SINCOR-SP 2015 OUTUBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS OUTUBRO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 Sumário Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita

Leia mais

SINCOR-SP 2015 JUNHO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

SINCOR-SP 2015 JUNHO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS JUNHO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 Sumário Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita

Leia mais

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS!

PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! PRODUTOS PARA VOCÊ TRADIÇÃO E QUALIDADE EM SERVIÇOS! sdfgdfhfdgfsgfdgfsdg sdfgsdgsfdgfd PRODUTOS PARA VOCÊ PRODUTOS PARA VOCÊ Simples e econômico: com apenas uma apólice, toda sua frota fica segurada.

Leia mais

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013.

CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. CFO Panorama Global dos Negócios Cenário Favorável no Brasil em 2013. ------------------------------------------- DUKE UNIVERSITY NEWS e FGV Notícias Duke University Office of News & Communications http://www.dukenews.duke.edu

Leia mais

SINCOR-SP 2015 JULHO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

SINCOR-SP 2015 JULHO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS JULHO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 Sumário Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita

Leia mais

Investimento para Mulheres

Investimento para Mulheres Investimento para Mulheres Sophia Mind A Sophia Mind Pesquisa e Inteligência de Mercado é a empresa do grupo de comunicação feminina Bolsa de Mulher voltada para pesquisa e inteligência de mercado. Cem

Leia mais

Resultados do 4T08 e 2008 PSSA3

Resultados do 4T08 e 2008 PSSA3 Resultados do 4T08 e 2008 PSSA3 Questões Onde queremos chegar? Como vamos chegar? Onde estamos? Como estamos indo? 2 Mercado Segurador Brasileiro Expanção Geográfica: Oportunidade de Crescimento Queremos

Leia mais

MARCA BRADESCO RECURSOS HUMANOS

MARCA BRADESCO RECURSOS HUMANOS ATIVOS INTANGÍVEIS Embora a Organização não registre seus ativos intangíveis, há evidências da percepção de sua magnitude pelos investidores e que pode ser encontrada na expressiva diferença entre o Valor

Leia mais

Resultados do 2T08 PSSA3

Resultados do 2T08 PSSA3 Resultados do PSSA3 Perspectivas Perspectivas para o para segundo 2008 semestre de 2008 A Aumento criação de de empregos 31,6% no formais número até de empregos junho foi o formais maior desde em relação

Leia mais

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1

SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 SPEKTRUM SOLUÇÕES DE GRANDE PORTE PARA PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS SPEKTRUM SAP Partner 1 PROSPERE NA NOVA ECONOMIA A SPEKTRUM SUPORTA A EXECUÇÃO DA SUA ESTRATÉGIA Para as empresas que buscam crescimento

Leia mais

Informativo EDIÇÃO 12 ANO IV. Julho/ Agosto/ Setembro 2015. PACER comemora 12 anos de história DESTAQUES DESTA EDIÇÃO TRANSPORTE DE CARGAS:

Informativo EDIÇÃO 12 ANO IV. Julho/ Agosto/ Setembro 2015. PACER comemora 12 anos de história DESTAQUES DESTA EDIÇÃO TRANSPORTE DE CARGAS: EDIÇÃO 12 ANO IV (11) 3648-4700 / (21) 3161-8600 www.pacer.com.br Informativo Julho/ Agosto/ Setembro 2015 PACER comemora 12 anos de história DESTAQUES DESTA EDIÇÃO TRANSPORTE DE CARGAS: 10 ANOS PACER:

Leia mais

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010

Metodologia. Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Público Alvo: Amostra: 500 entrevistas realizadas. Campo: 16 a 29 de Setembro de 2010 Metodologia Pesquisa Quantitativa Coleta de dados: Através de e-survey - via web Público Alvo: Executivos de empresas associadas e não associadas à AMCHAM Amostra: 500 entrevistas realizadas Campo: 16

Leia mais

Cadastro das Principais

Cadastro das Principais 46 Cenário Econômico Cadastro das Principais Corretoras de Seguros Primeiras conclusões Francisco Galiza O estudo ESECS (Estudo Socioeconômico das Corretoras de Seguros), divulgado pela Fenacor em 2013,

Leia mais

Apresentação. Queremos lhe dar as boas-vindas à San Martin Corretora de Seguros um negócio seguro até no nome.

Apresentação. Queremos lhe dar as boas-vindas à San Martin Corretora de Seguros um negócio seguro até no nome. Apresentação Queremos lhe dar as boas-vindas à San Martin Corretora de Seguros um negócio seguro até no nome. História A empresa foi fundada no ano de 1995 na cidade paulista de São José do Rio Preto e

Leia mais

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico

Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico CUSTOMER SUCCESS STORY Abril 2014 Solução CA Technologies Garante Entrega de Novo Serviço de Notícias do Jornal Valor Econômico PERFIL DO CLIENTE Indústria: Mídia Companhia: Valor Econômico Funcionários:

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda, uma

Leia mais

Confiança e Credibilidade. Inteligência Jurídica na Geração de Resultados

Confiança e Credibilidade. Inteligência Jurídica na Geração de Resultados Confiança e Credibilidade Inteligência Jurídica na Geração de Resultados Pedro Aurélio de Mattos Gonçalves Sócio-fundador Advogado com 38 anos de atuação na advocacia Cível, Empresarial e Societária, pós-graduado

Leia mais

CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 2 SUMÁRIO Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita de

Leia mais

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais/CVB s

Byte Software POLÍTICA COMERCIAL. Parceiros Comerciais/CVB s Byte Software POLÍTICA COMERCIAL Parceiros Comerciais/CVB s 2013 1. Apresentação Este guia descreve o Programa de Parceria Byte Software através de uma estrutura básica, incluindo como participar e, ainda,

Leia mais

A rede de franquias nº 1 em produtividade do mundo

A rede de franquias nº 1 em produtividade do mundo FRANQUIA A rede de franquias nº 1 em produtividade do mundo A rede de franquia com maior volume de vendas nos EUA. (Real Trends 500 2011) Primeiro sistema de franquias imobiliárias da América do Norte

Leia mais

Nos últimos anos, o setor de seguros brasileiro vem sofrendo uma. série de transformações. Algumas delas podem ser visualizadas na

Nos últimos anos, o setor de seguros brasileiro vem sofrendo uma. série de transformações. Algumas delas podem ser visualizadas na Visão das Seguradoras: Uma análise da distribuição de seguros no Brasil Francisco Galiza Mestre em Economia (FGV), membro do Conselho Editorial da FUNENSEG, catedrático pela ANSP e sócio da empresa "Rating

Leia mais

Alinhamento entre Estratégia e Processos

Alinhamento entre Estratégia e Processos Fabíola Azevedo Grijó Superintendente Estratégia e Governança São Paulo, 05/06/13 Alinhamento entre Estratégia e Processos Agenda Seguros Unimed Modelo de Gestão Integrada Kaplan & Norton Sistema de Gestão

Leia mais

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra:

MBA IBMEC 30 anos. No Ibmec, proporcionamos a nossos alunos uma experiência singular de aprendizado. Aqui você encontra: MBA Pós - Graduação QUEM SOMOS Para pessoas que têm como objetivo de vida atuar local e globalmente, ser empreendedoras, conectadas e bem posicionadas no mercado, proporcionamos uma formação de excelência,

Leia mais

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo

Projeto Amplitude. Plano de Ação 2015. Conteúdo Projeto Amplitude Plano de Ação 2015 P r o j e t o A m p l i t u d e R u a C a p i t ã o C a v a l c a n t i, 1 4 7 V i l a M a r i a n a S ã o P a u l o 11 4304-9906 w w w. p r o j e t o a m p l i t u

Leia mais

RBC BRASIL DTVM LTDA. Confiança que faz a diferença

RBC BRASIL DTVM LTDA. Confiança que faz a diferença RBC BRASIL DTVM LTDA Confiança que faz a diferença Sobre o RBC Brasil O RBC Brasil (RBC Brasil DTVM Ltda) é uma subsidiária integral do Royal Bank of Canada, cuja história de atuação em nosso país remonta

Leia mais

P R O P O S T A D E FRANQUIA

P R O P O S T A D E FRANQUIA P R O P O S T A D E FRANQUIA Conheça a Depil Out Com base na franca expansão do setor de prestação de serviços e acreditando nas perspectivas cada vez mais promissoras; após estudo minucioso de como seria

Leia mais

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS

PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS PROPOSTA COMERCIAL LINKS PATROCINADOS O que você vai encontrar nesta proposta: Problemas comuns em empresas que usam Google Adwords A solução está mais perto do que imagina Por que a Dynamo é a empresa

Leia mais

Panorama da empresa. Estratégia de negócio. Performance e Portfólio de produtos

Panorama da empresa. Estratégia de negócio. Performance e Portfólio de produtos 2014 Panorama da empresa Estratégia de negócio Performance e Portfólio de produtos Panorama da empresa Panorama da empresa Nossa História Criada em 1992 para atuar nos ramos de vida e acidentes pessoais,

Leia mais

Mercado Segurador em 2015 - Uma Visão Executiva

Mercado Segurador em 2015 - Uma Visão Executiva Mercado Segurador em 2015 - Uma Visão Executiva Francisco Galiza www.ratingdeseguros.com.br Maio/2009 Sumário 1) Situação Atual 2) Mercado Segurador em 2015?? (1ª Pesquisa Dezembro/2008) 3) Mercado Segurador

Leia mais

A gente cuida de tudo que tem valor para você.

A gente cuida de tudo que tem valor para você. A gente cuida de tudo que tem valor para você. PRAZER, SOMOS A MAPMA. Somos uma empresa reconhecida pela vasta experiência profissional nas áreas de consultoria, corretagem de seguros e administração de

Leia mais

Resultados do 3T08 PSSA3

Resultados do 3T08 PSSA3 Resultados do PSSA3 Porto Seguro Fundação Mudança de controle Líder Segmento Auto no Brasil Grupos Seguradores Funcionários diretos Sucursais e escritórios no Brasil Principais cidades 2 Estrutura Societária

Leia mais

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA Autor: Jeferson Correia dos Santos ARTIGO TÉCNICO INOVAÇÃO NA GESTÃO DE PÓS-VENDAS: SETOR AUTOMOTIVO RESUMO A palavra inovação tem sido atualmente umas das mais mencionadas

Leia mais

Mercado de Capitais. O Processo de Investir. Professor: Roberto César

Mercado de Capitais. O Processo de Investir. Professor: Roberto César Mercado de Capitais O Processo de Investir Professor: Roberto César PASSOS PARA INVESTIR NA BOLSA 1 - Defina um Objetivo 2 - Formas de Investir 3 - Encontre a melhor Corretora para você 4 - Abra sua conta

Leia mais

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009

Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 Algar Telecom registra lucro de R$ 71 milhões em 2009 EBITDA atingiu a soma de R$ 391 milhões no ano passado São Paulo, 24 de março de 2010 A Algar Telecom, empresa de telecomunicações do Grupo Algar,

Leia mais

Esta é a XL Catlin Cinco maneiras pelas quais vamos turbinar seu negócio.

Esta é a XL Catlin Cinco maneiras pelas quais vamos turbinar seu negócio. Esta é a XL Catlin Cinco maneiras pelas quais vamos turbinar seu negócio. Separadas, XL e Catlin eram duas empresas fortes e inovadoras. Juntas, somos ainda mais fortes. Conteúdo Conheça a XL Catlin Pessoas

Leia mais

Página 1 de 19 Data 04/03/2014 Hora 09:11:49 Modelo Cerne 1.1 Sensibilização e Prospecção Envolve a manutenção de um processo sistematizado e contínuo para a sensibilização da comunidade quanto ao empreendedorismo

Leia mais

Por que ouvir a sua voz é tão importante?

Por que ouvir a sua voz é tão importante? RESULTADOS Por que ouvir a sua voz é tão importante? Visão Tokio Marine Ser escolhida pelos Corretores e Assessorias como a melhor Seguradora pela transparência, simplicidade e excelência em oferecer soluções,

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R 8 DICAS ESSENCIAIS PARA ESCOLHER SUA CORRETORA W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados, utilizando-os

Leia mais

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR

OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR OS PRINCÍPIOS DA ESSILOR Cada um de nós, na vida profissional, divide com a Essilor a sua responsabilidade e a sua reputação. Portanto, devemos conhecer e respeitar os princípios que se aplicam a todos.

Leia mais

VERTICALIZAÇÃO OU UNIÃO ESTRATÉGICA

VERTICALIZAÇÃO OU UNIÃO ESTRATÉGICA VERTICALIZAÇÃO OU UNIÃO ESTRATÉGICA ABRAMGE-RS Dr. Francisco Santa Helena Presidente da ABRAMGE-RS Sistema ABRAMGE 3.36 milhões de internações; 281.1 milhões de exames e procedimentos ambulatoriais; 16.8

Leia mais

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Abril 2012

Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Abril 2012 Texto para Coluna do NRE-POLI na Revista Construção e Mercado Pini Abril 2012 O RISCO DOS DISTRATOS O impacto dos distratos no atual panorama do mercado imobiliário José Eduardo Rodrigues Varandas Júnior

Leia mais

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009

PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 PESQUISA O USO DO E-MAIL MARKETING NAS CORPORAÇÕES BRASILEIRAS 4ª EDIÇÃO - 2009 REALIZAÇÃO TABULAÇÃO Quem Somos A WBI BRASIL é uma empresa especializada em planejamento de marketing digital, que presta

Leia mais

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor

Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Título: Pensando estrategicamente em inovação tecnológica de impacto social Categoria: Projeto Externo Temática: Segundo Setor Resumo: A finalidade desse documento é apresentar o projeto de planejamento

Leia mais

A GP no mercado imobiliário

A GP no mercado imobiliário A GP no mercado imobiliário A experiência singular acumulada pela GP Investments em diferentes segmentos do setor imobiliário confere importante diferencial competitivo para a Companhia capturar novas

Leia mais

SINCOR-SP 2015 AGOSTO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS

SINCOR-SP 2015 AGOSTO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS AGOSTO 2015 CARTA DE CONJUNTURA DO SETOR DE SEGUROS 1 Sumário Palavra do presidente... 3 Objetivo... 4 1. Carta de Conjuntura... 5 2. Análise macroeconômica... 6 3. Análise do setor de seguros 3.1. Receita

Leia mais

Entrevista CADERNOS DE SEGURO

Entrevista CADERNOS DE SEGURO Entrevista 6 Marco Antonio Rossi Presidente da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização (CNseg) POR Vera de Souza e Lauro Faria

Leia mais

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação

Pesquisa realizada com os participantes do 12º Seminário Nacional de Gestão de Projetos. Apresentação Pesquisa realizada com os participantes do de Apresentação O perfil do profissional de Projetos Pesquisa realizada durante o 12 Seminário Nacional de, ocorrido em 2009, traça um importante perfil do profissional

Leia mais

PROTEÇÃO ITAÚ MICROCRÉDITO

PROTEÇÃO ITAÚ MICROCRÉDITO PROTEÇÃO ITAÚ MICROCRÉDITO Prêmio Antonio Carlos de Almeida Braga Inovação em seguros edição 2012 CONTEÚDO 1 Introdução... 2 2 Objetivo... 3 3 Desenvolvimento do trabalho... 4 Parceria entre as duas áreas

Leia mais

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido

Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Ensino Vocacional, Técnico e Tecnológico no Reino Unido Apoiar a empregabilidade pela melhora da qualidade do ensino profissionalizante UK Skills Seminar Series 2014 15 British Council UK Skills Seminar

Leia mais

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os

Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os Mesmo em uma construtora de menor porte, o processo de gestão pode ser bastante complexo. Este guia traz dicas de gerenciamento para atingir os melhores resultados. 2 ÍNDICE SOBRE O SIENGE INTRODUÇÃO 01

Leia mais

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio Plano de Negócios Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa Modelo de Planejamento prévio Fraiburgo, 2015 Plano de Negócios Um plano de negócios é uma descrição do negócio

Leia mais

ECONÔMICAS E PROFISSIONAIS

ECONÔMICAS E PROFISSIONAIS MAPA DE PERSPECTIVAS ECONÔMICAS E PROFISSIONAIS 2016 Worldwide leaders in specialist recruitment ÍNDICE EDITORIAL METODOLOGIA DA INVESTIGAÇÃO PERFIL DOS ENTREVISTADOS O CENÁRIO MACROECONÔMICO INVESTIMENTO

Leia mais

AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA. Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com.

AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA. Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com. AGENDA SEBRAE OFICINAS CURSOS PALESTRAS JUNHO A DEZEMBRO - 2015 GOIÂNIA Especialistas em pequenos negócios. / 0800 570 0800 / sebraego.com.br COM O SEBRAE, O SEU NEGÓCIO VAI! O Sebrae Goiás preparou diversas

Leia mais

SEGURADORA /////////////////////////////////////////////////////////////// Você tranquilo. Seu bem protegido.

SEGURADORA /////////////////////////////////////////////////////////////// Você tranquilo. Seu bem protegido. /////////////////////////////////////////////////////////////// Você tranquilo. Seu bem protegido. SOBRENÓS Há 23 anos no mercado, o Grupo Suhai é uma das maiores empresas de segurança do país. Pelo terceiro

Leia mais

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas

20 de dezembro de 2010. Perguntas e Respostas Perguntas e Respostas Índice 1. Qual é a participação de mercado da ALL no mercado de contêineres? Quantos contêineres ela transporta por ano?... 4 2. Transportar por ferrovia não é mais barato do que

Leia mais

Otimismo desenvolvedoras de softwares

Otimismo desenvolvedoras de softwares Otimismo nas nuvens Ambiente favorável alavanca negócios das empresas desenvolvedoras de softwares, que investem em soluções criativas de mobilidade e computação em nuvem para agilizar e agregar flexibilidade

Leia mais

Maximize o desempenho das suas instalações. Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil

Maximize o desempenho das suas instalações. Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil Maximize o desempenho das suas instalações Gerenciamento Integrado de Facilities - Brasil Sua empresa oferece um ambiente de trabalho com instalações eficientes e de qualidade? Como você consegue otimizar

Leia mais

APRESENTAÇÃO - San Martin Franchising

APRESENTAÇÃO - San Martin Franchising APRESENTAÇÃO - San Martin Franchising MISSÃO Atuar no mercado segurador com máxima excelência, superando as expectativas de seus clientes, colaboradores e franqueados, proporcionando satisfação e confiabilidade.

Leia mais

A LOCAMERICA SEMINOVOS

A LOCAMERICA SEMINOVOS A LOCAMERICA A Locamerica é uma companhia especializada em locação de frotas customizadas para empresas. Desde 13 no mercado, a locadora ocupa o segundo lugar no ranking das maiores do setor em número

Leia mais

PromonLogicalis: mais de 10 mil equipamentos gerenciados com CA Nimsoft Monitor

PromonLogicalis: mais de 10 mil equipamentos gerenciados com CA Nimsoft Monitor CUSTOMER SUCCESS STORY PromonLogicalis: mais de 10 mil equipamentos gerenciados com CA Nimsoft Monitor CUSTOMER PROFILE Empresa: PromonLogicalis Indústria: Tecnologia da Informação e Comunicações Funcionários:

Leia mais

Os desafios do Bradesco nas redes sociais

Os desafios do Bradesco nas redes sociais Os desafios do Bradesco nas redes sociais Atual gerente de redes sociais do Bradesco, Marcelo Salgado, de 31 anos, começou sua carreira no banco como operador de telemarketing em 2000. Ele foi um dos responsáveis

Leia mais

Especial Lucro dos Bancos

Especial Lucro dos Bancos Boletim Econômico Edição nº 90 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Especial Lucro dos Bancos 1 Tabela dos Lucros em 2014 Ano Banco Período Lucro 2 0 1 4 Itaú Unibanco

Leia mais

Boletim Econômico Edição nº 89 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico

Boletim Econômico Edição nº 89 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Boletim Econômico Edição nº 89 novembro de 2014 Organização: Maurício José Nunes Oliveira Assessor econômico Crise não afeta lucratividade dos principais bancos no Brasil 1 Lucro dos maiores bancos privados

Leia mais

Mas do ponto de vista do grosso, o grande percentual de discussões acumuladas e passadas que tínhamos, já está absolutamente eliminado.

Mas do ponto de vista do grosso, o grande percentual de discussões acumuladas e passadas que tínhamos, já está absolutamente eliminado. Carlos Macedo, Goldman Sachs: Bom dia. Obrigado pela oportunidade. Duas perguntas, a primeira se refere à sinistralidade em seguro de saúde. Na página sete do release, vocês falam de uma despesa extraordinária

Leia mais

Nossa atuação no setor financeiro

Nossa atuação no setor financeiro Nossa atuação no setor financeiro No mundo No Brasil O porte da equipe de Global Financial Services Industry (GFSI) da Deloitte A força da equipe do GFSI da Deloitte no Brasil 9.300 profissionais;.850

Leia mais

João Telles Corrêa Filho Março de 2010

João Telles Corrêa Filho Março de 2010 Administrar é medir. Esta frase dá bem a medida da importância de contarmos com bons indicadores. Mas, afinal, o que são e porque usar medidas de desempenho? Estas medidas, também chamadas de indicadores

Leia mais

Rede de Lojas Leo Madeiras

Rede de Lojas Leo Madeiras Rede de Lojas Leo Madeiras Prezado Sr. (a), É com muito prazer e orgulho que lhe enviamos este documento, contendo as principais informações sobre a Parceria Leo Madeiras. Isto significa que despertamos

Leia mais

Sociedade para o Desenvolvimento da Tecnologia da Informação. CRISE FISCAL x OPORTUNIDADES DE MELHORIA NO ATENDIMENTO AO CIDADÃO

Sociedade para o Desenvolvimento da Tecnologia da Informação. CRISE FISCAL x OPORTUNIDADES DE MELHORIA NO ATENDIMENTO AO CIDADÃO Sociedade para o Desenvolvimento da Tecnologia da Informação CRISE FISCAL x OPORTUNIDADES DE MELHORIA NO ATENDIMENTO AO CIDADÃO Rápido, Fácil e Barato! TEMPOS DE CRISE REQUEREM PRAGMATISMO E SOLUÇÕES

Leia mais

Adapte. Envolva. Capacite.

Adapte. Envolva. Capacite. Adapte. Envolva. Capacite. Ganhe produtividade em um Ambiente de trabalho digital #DigitalMeetsWork Os benefícios de um ambiente de trabalho digital têm impacto na competitividade do negócio. Empresas

Leia mais

APRESENTAÇÃO MISSÃO VISÃO

APRESENTAÇÃO MISSÃO VISÃO 1 2 INSTITUCIONAL APRESENTAÇÃO A BR House gera resultado de forma integrada e eficiente. Presente em Brasília, Goiânia, Cuiabá e Campo Grande com um forte time de corretores atuando pela empresa. Especialistas

Leia mais

CASE PRÊMIO ANSP 2005

CASE PRÊMIO ANSP 2005 CASE PRÊMIO ANSP 2005 1 BVP HAND: Mobilidade para fazer cotações através de dispositivos portáteis. Índice...2 Resumo Executivo...3 Clientes no Brasil...4 1. Sinopse...5 2. Problema...6 3. Solução...7

Leia mais

Linha do Tempo Século 19

Linha do Tempo Século 19 História A SulAmérica acompanha a evolução do Brasil e do mundo em seus 114 anos de atuação. Somos o maior grupo segurador independente do Brasil, sempre preocupados em transmitir confiança e solidez aos

Leia mais

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA SEGURANÇA CIBERNÉTICA Fevereiro/2015 SOBRE A PESQUISA Esta pesquisa tem como objetivo entender o nível de maturidade em que as indústrias paulistas se encontram em relação

Leia mais

O Amarelinho mantém liderança

O Amarelinho mantém liderança Mídia Kit O CAMPEÃO DAS BANCAS! O melhor jornal de empregos mídia exclusiva Empregos, estágios, cursos e concursos Páginas 6, 7 e 8 perfil do leitor Instituto define quem é o leitor do Amarelinho Página

Leia mais

Ituran: compromisso com a qualidade de vida

Ituran: compromisso com a qualidade de vida Ituran: compromisso com a qualidade de vida INTRODUÇÃO: O mercado de rastreadores veiculares começou a crescer verdadeiramente no início dessa década. Curiosamente, é nesse mesmo momento que aumenta definitivamente

Leia mais

Seguro ACE PME: Plano de Seguro diferenciado com ampla cobertura para pequenas e médias empresas.

Seguro ACE PME: Plano de Seguro diferenciado com ampla cobertura para pequenas e médias empresas. INSURING PROGRESS Seguro ACE PME: Plano de Seguro diferenciado com ampla cobertura para pequenas e médias empresas. 2 Veja por que a parceria com a área de PME da ACE é fácil e lucrativa A ACE Seguradora

Leia mais

Pé na tábua. De olho em empreendimentos com potencial de crescimento rápido e ideias inovadoras, aceleradoras ganham espaço no cenário nacional

Pé na tábua. De olho em empreendimentos com potencial de crescimento rápido e ideias inovadoras, aceleradoras ganham espaço no cenário nacional Shutterstock Pé na tábua De olho em empreendimentos com potencial de crescimento rápido e ideias inovadoras, aceleradoras ganham espaço no cenário nacional POR CAMILA AUGUSTO Já existem dezenas delas nos

Leia mais

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER?

EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? EMPREENDEDORISMO: POR QUE DEVERIA APRENDER? Anderson Katsumi Miyatake Emerson Oliveira de Almeida Rafaela Schauble Escobar Tellis Bruno Tardin Camila Braga INTRODUÇÃO O empreendedorismo é um tema bastante

Leia mais

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil.

A ABEMD trabalha para incentivar, valorizar, desenvolver e difundir o Marketing Direto no Brasil. A ABEMD, Associação Brasileira de Marketing Direto, é uma entidade civil, sem fins lucrativos, fundada em 1976 e constituída por pessoas jurídicas e físicas interessadas na aplicação de estratégias e técnicas

Leia mais

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade

O caminho para o sucesso. Promovendo o desenvolvimento para além da universidade O caminho para o sucesso Promovendo o desenvolvimento para além da universidade Visão geral Há mais de 40 anos, a Unigranrio investe em ensino diferenciado no Brasil para cumprir com seu principal objetivo

Leia mais

no Brasil O mapa da Acreditação A evolução da certificação no país, desafios e diferenças entre as principais

no Brasil O mapa da Acreditação A evolução da certificação no país, desafios e diferenças entre as principais O mapa da Acreditação no Brasil A evolução da certificação no país, desafios e diferenças entre as principais metodologias Thaís Martins shutterstock >> Panorama nacional Pesquisas da ONA (Organização

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Modelo de Otimização de SAM Controle, otimize, cresça Em um mercado internacional em constante mudança, as empresas buscam oportunidades de ganhar vantagem competitiva

Leia mais

Soluções em Tecnologia da Informação

Soluções em Tecnologia da Informação Soluções em Tecnologia da Informação Curitiba Paraná Salvador Bahia A DTS Sistemas é uma empresa familiar de Tecnologia da Informação, fundada em 1995, especializada no desenvolvimento de soluções empresariais.

Leia mais

CASO DE SUCESSO MICROWARE

CASO DE SUCESSO MICROWARE CASO DE SUCESSO MICROWARE CLIENTE: Jequiti Cosméticos SEGMENTO: Indústria JEQUITI INVESTE EM ESTRUTURA PRÓPRIA PARA GARANTIR MAIOR PROCESSAMENTO DE DADOS ÁREA DE ATUAÇÃO: Datacenter DEMANDA: Uma estrutura

Leia mais

Lean na agroindústria: a transformação da indústria de café torrado e moído no Grupo 2 Irmãos

Lean na agroindústria: a transformação da indústria de café torrado e moído no Grupo 2 Irmãos Lean na agroindústria: a transformação da indústria de café torrado e moído no Grupo 2 Irmãos Julio César Paneguini Corrêa A filosofia lean não mais se restringe às empresas de manufatura. Muitos setores

Leia mais

O que é Estudio Cosmica?

O que é Estudio Cosmica? Apresentacao O que é Estudio Cosmica? Criação e Concepção de Ideias e Projetos. Estudio Cosmica é um Estúdio de Criação e desenvolvimento de Ideias, Sempre Atento e antenado ao Mercado e novidades, buscando

Leia mais

Roteiro para orientar o investimento social privado na comunidade 1

Roteiro para orientar o investimento social privado na comunidade 1 Roteiro para orientar o investimento social privado na comunidade 1 O IDIS Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social é uma organização da sociedade civil de interesse público, que tem como

Leia mais

A ERA DIGITAL E AS EMPRESA

A ERA DIGITAL E AS EMPRESA A ERA DIGITAL E AS EMPRESA Em 1997 o Brasil já possuia 1,8 MILHÕES de usuários Brasil O 5 Maior país em extensão territorial Brasil 5 Vezes campeão do Mundo Brasil O 5 Maior país em número de pessoas conectadas

Leia mais

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas

Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas edição 04 Guia do inbound marketing Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Como a automação de marketing pode aumentar suas vendas Há um tempo atrás o departamento de marketing era conhecido

Leia mais

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04

Gestão. Práticas. Editorial. Geovanne. Acesse online: 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) 03 e 04 Práticas de Gestão Editorial Geovanne. 02 01. Indicador de motivo de não venda 02. DRE (demonstração dos resultados do exercício) Como faço isso? Acesse online: 03 e 04 www. No inicio da década de 90 os

Leia mais

Pesquisa de Expectativa de Emprego Manpower indica que ritmo de contratação no Brasil deverá manter-se forte no 3 º trimestre de 2012

Pesquisa de Expectativa de Emprego Manpower indica que ritmo de contratação no Brasil deverá manter-se forte no 3 º trimestre de 2012 Informações para a Imprensa: DFREIRE Comunicação e Negócios Tel. (11) 5505-8922 Debora Freire debora@dfreire.com.br Daniela Cabral danielacabral@dfreire.com.br Victor Santana victor@dfreire.com.br Pesquisa

Leia mais

FINANÇAS DOS CLUBES BRASILEIROS E VALOR DAS MARCAS DOS 17 CLUBES MAIS VALIOSOS DO BRASIL

FINANÇAS DOS CLUBES BRASILEIROS E VALOR DAS MARCAS DOS 17 CLUBES MAIS VALIOSOS DO BRASIL FINANÇAS DOS CLUBES BRASILEIROS E VALOR DAS MARCAS DOS 17 CLUBES MAIS VALIOSOS DO BRASIL edição 2012 Sumário Prefácio 5 Finanças dos clubes brasileiros 6 Receita total e 7 receita sem transferências de

Leia mais

EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO

EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO L2 0 0 6 R E L AT Ó R I O A N U A EMPRESAS BRADESCO SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO Prêmio de Seguros Participação no Mercado (em %) Mercado 74,2% Fonte: Susep e ANS Base: Nov/2006 Bradesco 25,8%

Leia mais

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel.

Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508. Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. Press Release Date 1º de outubro de 2013 Contato Imagem Corporativa Marta Telles marta.telles@imagemcorporativa.com.br Tel: (11) 3526-4508 Márcia Avruch marcia.avruch@br.pwc.com Tel. (11) 3674-3760 Pages

Leia mais

POR QUE SER ASSOCIADO ABESE? CONHEÇA TODOS OS BENEFÍCIOS

POR QUE SER ASSOCIADO ABESE? CONHEÇA TODOS OS BENEFÍCIOS POR QUE SER ASSOCIADO ABESE? CONHEÇA TODOS OS BENEFÍCIOS Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança - ABESE Entidade que representa, nacionalmente, as empresas de sistemas

Leia mais

Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009

Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009 Veículo: Site Catho Data: 18/09/2009 Seção: Estilo&Gestão RH Pág.: www.catho.com.br Assunto: Entrevista Marly Vidal Marly Macedo ajuda a Sabin a ser uma das melhores empresas para trabalhar Tatiana Aude

Leia mais

Marcas do profissionalismo e eficiência

Marcas do profissionalismo e eficiência Marcas do profissionalismo e eficiência Advogados gaúchos possuem expertise em serviços prestados às seguradoras Escritório Müller & Moreira, que agora completa 20 O anos de fundação, iniciou suas atividades

Leia mais

Empresas Familiares aprimoramento da governança corporativa para o sucesso do negócio

Empresas Familiares aprimoramento da governança corporativa para o sucesso do negócio Empresas Familiares aprimoramento da governança corporativa para o sucesso do negócio Nome Desarrollo de Sistemas de Gobierno y Gestión en Empresas de Propiedad Familiar en el Perú Objetivo Contribuir

Leia mais

http://www.microsoft.com/pt-br/case/details.aspx...

http://www.microsoft.com/pt-br/case/details.aspx... Casos de Sucesso A Cyrela está completamente focada no pós-venda e a utilização do Microsoft Dynamics 2011 só reflete mais um passo importante na busca pela qualidade do atendimento ao cliente Roberto

Leia mais