Verifique sempre se o seu plano oferece reembolso, antes mesmo de agendar a consulta. Se a resposta for positiva, não se esqueça de

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Verifique sempre se o seu plano oferece reembolso, antes mesmo de agendar a consulta. Se a resposta for positiva, não se esqueça de"

Transcrição

1 TX DE IMPLANTAÇÃO: R$ 20,00 CONDIÇÕES: Crianças de 0 a 5 anos e adultos com mais de 58 anos, necessário avaliação médica ( marcado pela operadora ) DOCUMENTOS NECESSÁRIOS: CPF, RG ou Certidão de nascimento ( menor de 18 anos ) Comprovante de residência. APROVEITAMENTO DE CARÊNCIA: Até 58 anos de idade. 3 últimos boletos pagos. Cópia da carteirinha ou proposta para comprovar a data de início do plano anterior. Ter no mínimo 6 meses no plano anterior. Rede Credenciada Como devo proceder se decidir me consultar com um médico que não esteja na Rede Referenciada Alvorecer? Verifique sempre se o seu plano oferece reembolso, antes mesmo de agendar a consulta. Se a resposta for positiva, não se esqueça de pedir o recibo da consulta ao médico, para que seja possível solicitar o reembolso. O que devo fazer para ir ao médico referenciado Alvorecer? Localize, no livro da Rede Referenciada ou no nosso portal, o profissional de sua preferência, conforme a especialidade que você precisa, e marque sua consulta antecipadamente. Ao se dirigir ao médico para ser atendido, apresente o seu cartão Alvorecer, sua carteira de identidade e o comprovante de pagamento (conforme a mensagem na carteirinha do seu plano, se o mesmo for individual). Em seguida, o médico lhe dará uma guia para sua assinatura. Caso não possa comparecer, desmarque a consulta com antecedência. Consultas Se precisar marcar uma consulta com um médico ou serviço especializado não referenciado, poderei realizar exames pela Alvorecer? Sim. Caso o procedimento exija autorização médica, solicite-a pelo SAC nos telefones ( Grande São Paulo ), ( Baixada Santista) e (demais localidades). Como devo proceder se decidir me consultar com um médico que não esteja na Rede Referenciada Alvorecer? Verifique sempre se o seu plano oferece reembolso, antes mesmo de agendar a consulta. Se a resposta for positiva, não se esqueça de pedir o recibo da consulta ao médico, para que seja possível solicitar o reembolso. Exames e tratamentos O que devo fazer para ir ao médico referenciado Alvorecer? Localize, no livro da Rede Referenciada ou no nosso portal, o profissional de sua preferência, conforme a especialidade que você precisa, e marque sua consulta antecipadamente. Ao se dirigir ao médico para ser atendido, apresente o seu cartão Alvorecer, sua carteira de identidade e o comprovante de pagamento (conforme a mensagem na carteirinha do seu plano, se o mesmo for individual). Em seguida, o médico lhe dará uma guia para sua assinatura. Caso não possa comparecer, desmarque a consulta com antecedência. Marquei uma consulta/exame para meu filho menor e minha mãe o acompanhará. Ela poderá assinar a guia de consulta/exame? Qualquer acompanhante pode, desde que apresente a carteira de identidade. O que devo fazer para ir ao médico referenciado Alvorecer? Localize, no livro da Rede Referenciada ou no nosso portal, o profissional de sua preferência, conforme a especialidade que você precisa, e marque sua consulta antecipadamente. Ao se dirigir ao médico para ser atendido, apresente o seu cartão Alvorecer, sua carteira de identidade e o comprovante de pagamento (conforme a mensagem na carteirinha do seu plano, se o mesmo for individual). Em seguida, o médico lhe dará uma guia para sua assinatura. Caso não possa comparecer, desmarque a consulta com antecedência.

2 O que são exames complementares? Servem para complementar o diagnóstico médico, com exames laboratoriais, parasitológicos, radiológico simples (Raio X de coluna, bacia etc) e muitos outros. O que fazer quando o médico solicitar algum exame? Escolha, no livro da Rede Referenciada ou no nosso portal, o local de sua preferência. Marque com antecedência (se for o caso) e, ao comparecer no local, apresente o Guia de Exame que o médico passou, seu cartão Alvorecer, sua carteira de identidade e o comprovante de pagamento (de acordo com a mensagem do seu cartão). Caso não possa comparecer ao exame, desmarque o mesmo com antecedência.. Procedimentos O que fazer nas situações de urgência ou emergência? Veja no livro da Rede Referenciada ou no nosso portal o pronto-socorro mais adequado, pois existem várias opções, de acordo com a especialidade médica. Você ainda poderá buscar orientação ligando para o SAC nos telefones ( Grande São Paulo ), ( Baixada Santista) e (demais localidades), tendo em mãos o seu cartão Alvorecer. Procedimentos cirúrgicos O que são pequenos procedimentos cirúrgicos feitos em consultório? São cirurgias, com anestesia local (pote zero), que não necessitam de internação. Se o evento puder ser realizado em consultório, o médico informará a você, que deverá solicitar prévia liberação de senha. Exemplo: retirada de pequenos sinais na pele, eletrocoagulação de pequenas lesões, biópsias etc. Internações Internação eletiva Se precisar de uma internação eletiva, como devo proceder? Internação eletiva é aquela que não ocorre em situações de emergência ou urgência. Quando necessária, é importante solicitar prévia liberação de senha através do Portal Alvorecer. A acomodação será em quarto individual com banheiro coletivo ou quarto coletivo, conforme o seu plano de saúde. É importante destacar que as despesas com acompanhantes são cobertas para menores de 18 anos, maiores de 65 anos e deficientes. Para a faixa etária de 18 a 65 anos, a despesa do acompanhante está incluída somente se você tiver optado por esta garantia na assinatura do contrato. Por isso, verifique o seu contrato antes de levar um acompanhante. Internação de urgência e emergência O que fazer nas situações de urgência e emergência? Veja no livro da Rede Referenciada ou no nosso portal o pronto-socorro mais adequado, pois existem várias opções, de acordo com a especialidade médica. Você ainda poderá buscar orientação ligando para o SAC nos telefones ( Grande São Paulo ), ( Baixada Santista) e (demais localidades), tendo em mãos o seu cartão Alvorecer. Se precisar de internação de urgência, como devo proceder? Ligue para o SAC nos telefones ( Grande São Paulo ), ( Baixada Santista) e (demais localidades), tendo em mãos o seu cartão Alvorecer, que lhe indicará o hospital adequado. Nessa situação, o próprio hospital solicitará a autorização para a internação. Serviços de Remoção Como usar os serviços de remoção? Se constatada a necessidade de remoção, a mesma deverá ser solicitada dentro dos critérios abaixo relacionados: Solicitada pelo médico assistente através de relatório descrevendo a impossibilidade de locomoção do cliente. Seja por via terrestre e até o estabelecimento médico-hospitalar mais próximo, com condições técnicas de prestar o atendimento. Caso haja necessidade de ambulância UTI e/ou de acompanhamento médico, o relatório de solicitação deverá conter tal especificação. Seja observada a abrangência e critérios contratuais.

3 Seja destinada ao atendimento do cliente durante evento coberto. Para realização de procedimentos essenciais ao acompanhamento da patologia que gerou a internação ou de evento essencial à manutenção da saúde ao cliente. Guias de Consultas Em que situação devo assinar mais de uma guia na consulta médica? Somente se o médico realizar um procedimento ou retirar um exame para identificar um possível problema. Ex: Em uma consulta de cardiologia com realização de eletrocardiograma, duas guias devem ser assinadas uma referente à consulta e outra ao exame. Ouvidoria Quando entrar em contato com o ombudsman da Alvorecer? Caso queira dar sugestões ou fazer alguma crítica relativa ao seu plano de saúde ou em relação aos serviços prestados pela Alvorecer. Portabilidade de Carências FIQUE POR DENTRO DAS NOVAS NORMAS QUE REGULAMENTAM A PORTABILIDADE ENTRE OS PLANOS DE SAÚDE A Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS publicou a Resolução Normativa nº 186, que regulamenta a portabilidade de carências nos planos de saúde. O projeto da portabilidade de carências faz parte do Programa de Aceleração do Crescimento do Governo Federal PAC da Saúde (Mais Saúde) e é considerado pela ANS como importante instrumento de estímulo à concorrência no mercado de saúde suplementar, permitindo que os consumidores tenham mais liberdade de escolhas. A medida vai atingir cerca de 6 milhões de beneficiários de planos individuais/familiares, contratados após 1º de janeiro de 1999 ou que tenham adaptado seus contratos, em todo o Brasil. Atualmente, o beneficiário de plano de saúde individual tem direito a sair de uma operadora e contratar plano em outra (mobilidade) a qualquer tempo. Porém, o cumprimento do período de carência não o isenta de ter que cumprir novamente esse prazo ao trocar de operadora. Com a entrada em vigor da portabilidade de carência, o beneficiário terá mais facilidade para trocar de plano, caso não esteja satisfeito com a assistência prestada. Ou seja, a partir de Abril de 2009 o beneficiário poderá trocar de plano de saúde sem a exigência do cumprimento de carências e cobertura parcial temporária desde que respeitadas algumas condições que estão descritas nos itens seguintes do nosso Guia de Orientação Portabilidade de Carências. PRINCIPAIS PERGUNTAS PARA ENTENDER A PORTABILIDADE DE CARÊNCIAS 1. O que é portabilidade de carências? É a contratação de um plano de saúde privado com registro na ANS, contratado após 1º de Janeiro ou adaptado a Lei 9656, na mesma ou em outra operadora, onde o beneficiário estará dispensado do cumprimento de novos períodos de carências ou cobertura parcial temporária, desde que respeitadas algumas regras para tal condição. 2. Quando estará disponível a Portabilidade de Carências? A partir de 15 de Abril de O que é plano de origem? É o plano privado de assistência à saúde contratado pelo beneficiário no período imediatamente anterior à portabilidade de carências. 4. O que plano de destino? É o plano privado de assistência à saúde a ser contratado pelo beneficiário por ocasião da portabilidade de carências. 5. O que é prazo de permanência? É o período ininterrupto em que o beneficiário deve manter o contrato de plano de origem em vigor para se tornar elegível para portabilidade de carências. 6. Quem pode solicitar a Portabilidade de Carências? Beneficiários que possuam um plano de saúde privado com registro na ANS, que tenha sido contratado após 1º de Janeiro de 1999 (Regulamentado), ou adaptado a Lei 9656/98, na própria Medial ou em outra operadora, que atendam as regras estabelecidas pela RN186/09 da Agência Nacional de Saúde ANS. 7. Como será o procedimento para a portabilidade se o beneficiário ainda não tiver cumprido todos os prazos de carência? Nesse caso, a regra de portabilidade não se aplicará. O beneficiário deverá cumprir todos os prazos de carência e permanecer no plano de

4 origem por pelo menos dois anos, ou três, caso esteja em cobertura parcial temporária, para que tenha condições de avaliar o atendimento prestado. Somente após esse período será possível mudar de plano levando consigo as carências cumpridas. 8. A norma de mobilidade com portabilidade se aplica a todos os tipos de planos? Não, somente aos planos individuais/familiares contratados a partir de janeiro de 1999 (regulamentados) ou adaptados. 9. Como saber se está apto a exercer a Portabilidade de Carências? Além de possuir um plano de saúde privado com registro na ANS, que tenha sido contratado após 1º de Janeiro de 1999 (Regulamentado), ou adaptado a Lei 9656/98, na própria Medial ou em outra operadora, o beneficiário deve atender as seguintes condições: Possuir os seguintes prazos de permanência: a) na primeira portabilidade: - no mínimo 2 anos ininterruptos de permanência em plano anterior; ou - no mínimo 3 anos ininterruptos de permanência em plano anterior na hipótese de o beneficiário ter cumprido cobertura parcial temporária. b) nas próximas portabilidades: - no mínimo 2 anos ininterruptos de permanência em plano anterior. Estar adimplente junto à operadora do plano de origem. Os planos de origem e de destino do beneficiário devem ser compatíveis em abrangência geográfica, segmentação assistencial, tipo de contratação e faixa de preço; de acordo com o Guia de Produtos divulgado pela Agência Nacional de Saúde ANS. Os planos de origem e de destino devem ser de contratação Individual ou Familiar O plano de destino não pode estar com registro em situação ativo com comercialização suspensa ou cancelado junto a ANS. O beneficiário não pode estar internado, ou com alguma internação programada. 10. Em um plano de contratação familiar poderá haver a mobilidade com portabilidade de apenas um dos beneficiários? Como fica a titularidade? Sim, poderá haver a mobilidade com portabilidade de apenas um dos beneficiários do grupo familiar, ou de todos os beneficiários do grupo familiar, desde que todos atendam as regras estabelecidas pela RN 186/09 da Agência Nacional de Saúde ANS. No caso da solicitação de mobilidade com portabilidade estar sendo feita pelo Titular do contrato familiar, esse usufruirá da mobilidade porém, com sua saída do contrato, a titularidade deverá ser assumida por outro membro do contrato. No caso de um dos dependentes do contrato familiar querer usufruir da mobilidade com portabildiade, será permitido excluindo apenas o dependente interessado em exercer a portabilidade, mas mantendo os demais beneficiários que compõem o contrato familiar. No caso de todos os membros do contrato familiar querer usufruir da Portabilidade, será possível desde que todos os membros do contrato possuam os requisitos da Portabilidade. 11. Quando solicitar a Portabilidade de Carências? O beneficiário somente poderá solicitar a Portabilidade de Carências no período compreendido entre o primeiro dia do mês de aniversário do contrato e o último dia útil do mês subsequente. Por exemplo: - Mês de Aniversário do Contrato: Julho; - Mês subsequente: Agosto; - Requisição deve ocorrer: entre o dia 1 de Julho e último dia útil do mês de Agosto. 12. Como solicitar a Portabilidade de Carências? Quando o beneficiário atender à todos os requisitos estabelecidos para fins da portabilidade de carências, o mesmo ou seu corretor deverá comparecer a uma de nossas Filiais ou no nosso Atendimento Pessoal para preencher e assinar os seguintes documentos: Proposta de Admissão; Declaração de Condições de Saúde; Declaração de Conhecimento e Oferecimento do Plano Referência; Aditamento ao Contrato de Portablidade; Termo de Proposta Promocional (apenas quando estiver ocorrendo a Portabilidade para todos os membro do contrato familiar); Termo de Proposta Promocional Vida Tranquila (apenas quando estiver contratando o Premium 840A ou Platinum 880A); Termo de Retificação da Proposta de Admissão (apenas quando houver erro no preenchimento da Proposta de Admissão) Após o preenchimento e assinatura de todos os documentos necessários ao acesso à portabilidade de carências no plano da operadora de destino, o beneficiário deverá apresentar a seguinte documentação comprobatória: Cópia dos 3 últimos comprovantes de pagamentos do plano de origem vencidos;

5 Comprovante do prazo de permanência na operadora anterior, sendo: Carta da operadora anterior em papel timbrado com registro da operadora na ANS, com carimbo, local, data e assinatura, contendo o nome completo do beneficiário, o tempo de permanência no último plano, bem como data de sua inclusão, a data de aniversário do contrato, se houve cumprimento ou não de CPT, tipo de contratação (Individual/Familiar) e com informações sobre o tipo de plano: segmentação assistencial, abrangência geográfica, acomodação, faixa de preço, número do registro do plano na Agência Nacionaol de Saúde Suplementar ANS ou código do SCPA (Sistema de cadastro de planos antigos); Cópia da carteirinha, ou cópia da apólice proposta de plano de saúde que comprove a data de adesão, o tipo de plano e a segmentação. Caso haja em um dos documentos listados acima todas as informações exigidas para comprovação do cumprimento das regras de Portabilidade, poderá ser dispensada a entrega dos demais documentos. 13. Qual o prazo de análise da Medial Saúde? Após entrega de toda documentação solictada e da data de assinatura da Proposta de Admissão e do Aditamento ao Contrato de Portabilidade, será contado um prazo de 20 (vinte) dias de análise para a Medial Saúde responder ao beneficiário à operadora de origem informando se foi ou não aceita. 14. Se o beneficiário não for aceito na Medial Saúde, haverá devolução da documentação entregue? Caso o beneficiário tenha recebido a Carta Resposta da Alvorecer com a resposta de que não foi aceito, não haverá entrega da documentação apresentada. 15. Qual a vigência e vencimento? Vigência: 10 dias após a aceitação do beneficiário; Vencimento: mesma data do início de vigência. 16. O beneficiário poderá mudar de qualquer plano para qualquer plano? A mobilidade com portabilidade poderá ser feita somente entre planos equivalentes ou de um determinado plano para um plano inferior. A ANS disponibilizará no seu site um aplicativo onde o beneficiário poderá consultar os planos compatíveis para fins de portabilidade. 17. Quais os critérios que definirão planos equivalentes? Serão usados diversos critérios, tais como: abrangência geográfica (nacional, estadual ou municipal), segmentação assistencial (ambulatorial, hospitalar, com odontologia, sem odontologia etc), tipo de contratação (Individual/Familiar) e faixa de preços. A ANS disponibilizará em seu site um aplicativo onde o beneficiário poderá consultar os planos compatíveis para fins de portabilidade. 18. Será necessário fazer algum pagamento para o corretor, ou para a Alvorecer para pedir a Portabilidade? Não deverá ser feito nenhum pagamento para a Alvorecer ou para o corretor. O beneficiário deverá aguardar o recebimento do 1º boleto para pagamento no endereço indicado na Proposta de Admissão. 19. Caso deseje mudar de operadora usufruindo da Portabilidade e vir para a Alvorecer veja como proceder: Entre em contato com a sua operadora atual e solicite as informações necessárias para usufruir da Portabilidade. Verifique se possui todos os documentos obrigatórios, e os requisitos para a Portabilidade. Feita essa análise, compareça ao Atendimento Pessoal ou a Filial da Medial Saúde mais próxima para entregar os documentos. Se tiver dúvidas, entre em contato com a nossa Central de Serviços ao Cliente através do Caso deseje sair da Alvorecer, veja como proceder. Entre em contato com a nossa Central de Serviços ao Cliente. Passo a passo para troca de plano com as novas regras: Após verificar se possui os requisitos para usufruir da Portabilidade e de verificar se possui todos os documentos necessários, procure nossa Filial de Vendas ou o Atendimento Pessoal para entrega da documentação; Deverá ser preenchido os documentos para adesão, incluindo o Aditamento ao Contrato de Portabilidade e a Proposta de Admissão deixando-os para análise da Alvorecer; Aguardar a resposta da Alvorecer que deverá ser dada via Carta de Resposta em até 20 dias após a data da assinatura da Proposta de Admissão e do Aditamento ao Contrato de Portabilidade. Nessa carta constará a informação da data de vigência do contrato. Serão enviadas 2 cartas com o mesmo teor, sendo 1 para a operadora de origem e outra para o beneficiário. O contrato do plano de saúde entra em vigor 10 dias após a data da Carta Resposta; Recomenda-se que, ao final do processo, o beneficiário entre em contato com a operadora do plano de origem para informar que exerceu a portabilidade de carências, apontando a data de início da vigência do contrato na Medial, que será a mesma da rescisão do contrato do plano de origem.

6 Centrais de Atendimento Telefones SAC: Grande São Paulo Baixada Santista

Manual de Orientação ao Cliente. Bem vindo à

Manual de Orientação ao Cliente. Bem vindo à Manual de Orientação ao Cliente Bem vindo à Prezado Associado: Nós da São Miguel Saúde sentimo-nos honrados em poder atender você e sua família disponibilizando serviços médicos com qualidade. Seu Plano

Leia mais

AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 186, DE 14 DE JANEIRO DE 2009

AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 186, DE 14 DE JANEIRO DE 2009 AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 186, DE 14 DE JANEIRO DE 2009 Dispõe sobre a regulamentação da portabilidade das carências previstas no inciso V do

Leia mais

Perguntas e Respostas sobre Portabilidade de Carência em Planos de Saúde

Perguntas e Respostas sobre Portabilidade de Carência em Planos de Saúde Perguntas e Respostas sobre Portabilidade de Carência em Planos de Saúde Atos Normativos ANS Agência Nacional de Saúde Suplementar Resolução Normativa 186, de 14 de janeiro de 2009 - ANS Instrução Normativa

Leia mais

PORTABILIDADE DE CARÊNCIAS PARA PLANOS DE SAÚDE

PORTABILIDADE DE CARÊNCIAS PARA PLANOS DE SAÚDE PORTABILIDADE DE CARÊNCIAS PARA PLANOS DE SAÚDE 1 Eu O que é portabilidade de carências? 2 posso mudar para qualquer outro plano? É a possibilidade de o benefi ciário de plano de saúde Individual/ Familiar

Leia mais

PLANO DE SAÚDE. Tenha em mãos informações importantes. Guarde junto com o cartão do seu plano de saúde para consultar quando precisar

PLANO DE SAÚDE. Tenha em mãos informações importantes. Guarde junto com o cartão do seu plano de saúde para consultar quando precisar PLANO DE SAÚDE Tenha em mãos informações importantes Guarde junto com o cartão do seu plano de saúde para consultar quando precisar A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) é a agência reguladora

Leia mais

3 Há alguma carência na adaptação de contrato, ou seja, quando o beneficiário já possui um plano?

3 Há alguma carência na adaptação de contrato, ou seja, quando o beneficiário já possui um plano? Navegue pelas perguntas mais frequentes respondidas pelo Santa Casa Saúde. Se sua dúvida não estiver nesta página ou as respostas não forem esclarecedoras, procure orientações no site através do link Atendimento,

Leia mais

1. Tipos de contratação: QUE TIPO DE PLANO DE SAÚDE VOCÊ PODE TER?

1. Tipos de contratação: QUE TIPO DE PLANO DE SAÚDE VOCÊ PODE TER? FIQUE ATENTO! A operadora é obrigada a divulgar os planos de saúde que comercializa em sua página na internet. 1. Tipos de contratação: QUE TIPO DE PLANO DE SAÚDE VOCÊ PODE TER? Individual ou Familiar

Leia mais

Guia Prático. do seu PLANO DE SAÚDE. Rio

Guia Prático. do seu PLANO DE SAÚDE. Rio Guia Prático do seu PLANO DE SAÚDE Rio Bem -vindo à ALIANÇA ADMINISTRADORA! Sumário Informações Importantes...3 Guia de Leitura Contratual...6 Manual de Orientação para Contratação de Plano de Saúde...8

Leia mais

Veja abaixo algumas perguntas e respostas que poderão esclarecer suas dúvidas sobre a RN 259/268

Veja abaixo algumas perguntas e respostas que poderão esclarecer suas dúvidas sobre a RN 259/268 Veja abaixo algumas perguntas e respostas que poderão esclarecer suas dúvidas sobre a RN 259/268 1) O que é a Resolução Normativa - RN 259/268? A RN 259, alterada pela RN 268, com vigência a partir do

Leia mais

Planos de saúde: guia prático

Planos de saúde: guia prático Planos de saúde: guia prático Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde A agência reguladora de planos de saúde do Brasil Atualizado em dezembro/2011 Índice O que é a ANS? 3 Como a ANS

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 252, DE 28 DE ABRIL DE 2011

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 252, DE 28 DE ABRIL DE 2011 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 252, DE 28 DE ABRIL DE 2011 Dispõe sobre as regras de portabilidade e de portabilidade especial de carências, alterando as Resoluções Normativas nº 186, de 14 de janeiro de

Leia mais

ADITIVO CONTRATUAL DE MANUTENÇÃO DE SEGURADOS DEMITIDOS OU APOSENTADOS

ADITIVO CONTRATUAL DE MANUTENÇÃO DE SEGURADOS DEMITIDOS OU APOSENTADOS ADITIVO CONTRATUAL DE MANUTENÇÃO DE SEGURADOS DEMITIDOS OU APOSENTADOS Este aditivo é parte integrante do Seguro Saúde contratado pelo Estipulante abaixo indicado, bem como de suas Condições Gerais. Número

Leia mais

SECRETARIA-GERAL DE ADMINISTRAÇÃO. Planos de Saúde

SECRETARIA-GERAL DE ADMINISTRAÇÃO. Planos de Saúde Planos de Saúde Trocar de plano de saúde sem cumprir carência É possível trocar de plano de saúde sem cumprir carência ou cobertura parcial temporária no plano novo. Confira em quais casos isso pode acontecer.

Leia mais

Guia Prático de Utilização do Plano

Guia Prático de Utilização do Plano Guia Prático de Utilização do Plano Aqui você tem o que há de melhor para a sua saúde. O QUE É A UNIMED APRESENTAÇÃO Sua finalidade é prestar assistência médica e hospitalar de alto padrão, dentro do sistema

Leia mais

Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde

Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde Operadora: Unimed Curitiba Sociedade Cooperativa de Médicos CNPJ: 75.055.772/0001-20 Nº de registro na ANS: 30470-1 Site: http://www.unimedcuritiba.com.br Tel:(41) 3019-2000 Exclusivo para liberações de

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE DIFERENÇAS ENTRE PLANOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE DIFERENÇAS ENTRE PLANOS INDIVIDUAIS E COLETIVOS Operadora: ELOSAÚDE - CNPJ: 11.593.821/0001-03 03 - N ANS: 41729-7 - Site: www.elosaude.com.br - Tel.: (48) 3298-5555 MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE DIFERENÇAS ENTRE PLANOS INDIVIDUAIS

Leia mais

SULAMÉRICA TRT 2ª REGIÃO / SP

SULAMÉRICA TRT 2ª REGIÃO / SP SULAMÉRICA TRT 2ª REGIÃO / SP 1. OBJETO: 1.1. A presente proposta tem por objeto disponibilizar seguros saúde da Sul América Seguros Saúde S.A., operadora registrada na Agência Nacional de Saúde Suplementar

Leia mais

MANUAL DO CREDENCIADO

MANUAL DO CREDENCIADO MANUAL DO CREDENCIADO MANUAL DO CREDENCIADO APRESENTAÇÃO Prezado (a) Doutor (a): A ORAL ODONTO é uma empresa criada e administrada por profissionais dentistas que se dedicam a oferecer os melhores recursos

Leia mais

Regulatory Practice Insurance News

Regulatory Practice Insurance News INSURANCE Regulatory Practice Insurance News FINANCIAL SERVICES Janeiro 2009 SUSEP Seguros Singulares Circular 381, de 08.01.2009 - Encaminhamento de informações A Circular 381 estabelece procedimentos

Leia mais

Com 30 participantes ou mais

Com 30 participantes ou mais MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE CUNHA ODONTOLOGIA S/S LTDA CNPJ n : 06.216.938/0001-20 N de registro na ANS: 41695-9 Site: www.cunhaodontologia.com.br Tel: Serviços: (62) 3945.5673

Leia mais

TABELA DE CUSTOS ODONTOLÓGICO 93,75 16,29

TABELA DE CUSTOS ODONTOLÓGICO 93,75 16,29 TABELA DE CUSTOS ODONTOLÓGICO ODONTOLÓGICO PME + SAÚDE PME (NOVOS CLIENTES) ODONTOLÓGICO PME - CONTRATANDO SOMENTE O PLANO ODONTOLÓGICO 14,81 23,05 43,92 93,75 16,29 25,35 48,31 103,13 Saúde PME: O Valor

Leia mais

Manual de Orientação para contratação de Plano de Saúde

Manual de Orientação para contratação de Plano de Saúde Operadora: Allianz Saúde CNPJ: 04.439.627/0001-0 Nº de registro na ANS: 00051-5 Nº de registro do produto: conforme contratado pelo estipulante Site: www.allianz.com.br Telefone: 0800 7228148 Manual de

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO

MANUAL DE ORIENTAÇÃO MANUAL DE ORIENTAÇÃO Operadora: GreenLine Sistema de Saúde - LTDA CNPJ: 61.849.980/0001-96 Nº de Registro na ANS: 32.507-4 Site: http://www.greenlinesaude.com.br Tel: 0800-776 - 7676 Manual de Orientação

Leia mais

excelência NOME DO PROPONENTE

excelência NOME DO PROPONENTE excelência NOME DO PROPONENTE NOME DO PLANO ITEM 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 Informe se é portador ou se já sofreu de alguma das situações descritas nesta Declaração de Saúde. DESCRIÇÃO hepatites, Escreva

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE COLETIVO POR ADESÃO. Edição: 25/02/14

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE COLETIVO POR ADESÃO. Edição: 25/02/14 MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE COLETIVO POR ADESÃO Edição: 25/02/14 Direito de migrar para plano individual ou familiar aproveitando carência do plano coletivo empresarial Os beneficiários

Leia mais

Planos de saúde GUIA PRÁTICO. Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde

Planos de saúde GUIA PRÁTICO. Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde Planos de saúde GUIA PRÁTICO Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde Atualizado em março de 2014 Índice O que é a ANS? Como a ANS pode ser útil? Passos para contratar um plano de saúde

Leia mais

Planos de saúde GUIA PRÁTICO. Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde

Planos de saúde GUIA PRÁTICO. Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde Planos de saúde GUIA PRÁTICO Dicas úteis para quem tem ou deseja ter um plano de saúde Atualizado em fevereiro/2013 Índice O que é a ANS? Como a ANS pode ser útil? Passos para contratar um plano de saúde

Leia mais

CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAPÍTULO I - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Ministério da Saúde ANS Resolução Normativa RN Nº. 279, de 24.11.2011: Dispõe sobre a regulamentação dos artigos 30 e 31 da Lei nº 9.656, de 3 de junho de 1998, e revoga as Resoluções do CONSU Nº. 20 e

Leia mais

CÂMARA TÉCNICA - 4ª REUNIÃO: QUALIFICAÇÃO DA ENTRADA DE BENEFICIÁRIOS EM PLANOS DE SAÚDE: DOENÇAS OU LESÕES PREEXISTENTES

CÂMARA TÉCNICA - 4ª REUNIÃO: QUALIFICAÇÃO DA ENTRADA DE BENEFICIÁRIOS EM PLANOS DE SAÚDE: DOENÇAS OU LESÕES PREEXISTENTES CÂMARA TÉCNICA - 4ª REUNIÃO: QUALIFICAÇÃO DA ENTRADA DE BENEFICIÁRIOS EM PLANOS DE SAÚDE: DOENÇAS OU LESÕES PREEXISTENTES A fraude prevista em lei é saber que está doente e não declarar, e não ter a doença

Leia mais

SEGURADORA SUL AMÉRICA COMPANHIA DE SEGURO SAÚDE

SEGURADORA SUL AMÉRICA COMPANHIA DE SEGURO SAÚDE 006246 SEGURADORA SUL AMÉRICA COMPANHIA DE SEGURO SAÚDE ESTIPULANTE Valor da USR R$0,52965 Valor da USR R$0,52965 196,65 307,84 316,22 321,54 331,25 335,77 481,79 489,25 606,67 1.179,93 154,61 242,04 248,61

Leia mais

Manual do Plano de Saúde/PMF. As pessoas investidas em cargo de provimento em comissão, declarado em lei, de livre nomeação e exoneração;

Manual do Plano de Saúde/PMF. As pessoas investidas em cargo de provimento em comissão, declarado em lei, de livre nomeação e exoneração; Manual do Plano de Saúde/PMF ADESÃO AO PLANO DE SAÚDE A adesão ao plano de saúde será facultativa, e observará a regulamentação estabelecida pela Secretaria Municipal de Administração. USUÁRIO TITULAR

Leia mais

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 19, DE 3 DE ABRIL DE 2009 DA DIRETORIA DE NORMAS E HABILITAÇÃO DOS PRODUTOS

INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 19, DE 3 DE ABRIL DE 2009 DA DIRETORIA DE NORMAS E HABILITAÇÃO DOS PRODUTOS INSTRUÇÃO NORMATIVA IN Nº 19, DE 3 DE ABRIL DE 2009 DA DIRETORIA DE NORMAS E HABILITAÇÃO DOS PRODUTOS (ALTERADA PELA IN Nº 32/DIPRO) Dispõe sobre o detalhamento da Resolução Normativa RN nº 186, de 2009

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 279 DE 24 DE NOVEMBRO DE 2011

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 279 DE 24 DE NOVEMBRO DE 2011 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 279 DE 24 DE NOVEMBRO DE 2011 Dispõe sobre a regulamentação dos artigos 30 e 31 da Lei nº 9.656, de 3 de junho de 1998, e revoga as Resoluções do CONSU nºs 20 e 21, de 7 de

Leia mais

A proposta de adesão é preenchida pelo beneficiário principal, nos campos listados abaixo:

A proposta de adesão é preenchida pelo beneficiário principal, nos campos listados abaixo: Movimentações Cadastrais: Inclusões: TIPOS: Imediata: Movimentações recebidas fora do prazo de 25 a 30 dias antes do vencimento serão processadas, com aplicação de cobrança proporcional em fatura do mês

Leia mais

CONTRATO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ODONTOLÓGICA COLETIVO EMPRESARIAL

CONTRATO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ODONTOLÓGICA COLETIVO EMPRESARIAL CONTRATO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ODONTOLÓGICA COLETIVO EMPRESARIAL Atendimento ao Cliente Central 24 Horas Tel.: (11) 32172008 Fax: (11) 31186500 Proposta de Adesão composta pelas Condições

Leia mais

Padrão TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2013

Padrão TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2013 Padrão TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2013 SUMÁRIO Questão 1 - Valor dos eventos de atenção à saúde, por grupo e origem... 4 Questão 2 Quantitativo e valor dos eventos de atenção à saúde por prestador...

Leia mais

Apresentação. Prezado beneficiário,

Apresentação. Prezado beneficiário, LANOIII Apresentação Prezado beneficiário, Visando dar continuidade à prestação dos melhores serviços em saúde e promover uma melhor qualidade de vida ao beneficiário, a CompesaPrev apresenta o CompesaSaúde

Leia mais

SISTEMA DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS

SISTEMA DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS SISTEMA DE REGULAÇÃO E CONTROLE DO ICS FASCÍCULO DO BENEFICIÁRIO VERSÃO 2013 Instituto Curitiba de Saúde ICS - Plano Padrão ÍNDICE APRESENTAÇÃO 03 1. CONSULTA/ATENDIMENTO DE EMERGÊNCIA EM PRONTO ATENDIMENTO

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE.

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE. MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS DE SAÚDE. Operadora: Unimed Campo Grande MS Cooperativa de Trabalho Médico. CNPJ: 03.315.918/0001-18 Nº de registro na ANS: 312851 Site: http://www.unimedcg.com.br

Leia mais

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DOS TIPOS DE PLANO:

PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DOS TIPOS DE PLANO: PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS DOS TIPOS DE PLANO: ANTES DA CONTRATAÇÃO DE SEU PLANO DE SAÚDE CONHEÇA AS SUAS PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS E TUDO QUE O SEU PLANO PODE OFERECER As regras de reajuste variam de

Leia mais

www.santahelenasuade.com.brmecanismos de

www.santahelenasuade.com.brmecanismos de 1 www.santahelenasuade.com.brmecanismos de Regulação 2 A CONTRATADA colocará à disposição dos beneficiários do Plano Privado de Assistência à Saúde, a que alude o Contrato, para a cobertura assistencial

Leia mais

PROPOSTA DE PLANO DE SAÚDE ASSUFSM. Santa Maria, 06 de Junho de 2013.

PROPOSTA DE PLANO DE SAÚDE ASSUFSM. Santa Maria, 06 de Junho de 2013. PROPOSTA DE PLANO DE SAÚDE ASSUFSM Santa Maria, 06 de Junho de 2013. INTRODUÇÃO Trata-se de uma proposta de Plano de Saúde no sistema de pré-pagamento para atender os associados da ASSUFSM de Santa Maria/RS,

Leia mais

PLANOS DE SAÚDE. O que é preciso saber?

PLANOS DE SAÚDE. O que é preciso saber? PLANOS DE SAÚDE O que é preciso saber? Queridos amigos, Estamos muito felizes por concluir a nossa segunda cartilha sobre direitos atrelados à saúde. Este trabalho nasceu com o propósito de levar informações

Leia mais

CONTRATO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ODONTOLÓGICA COLETIVO EMPRESARIAL

CONTRATO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ODONTOLÓGICA COLETIVO EMPRESARIAL CONTRATO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE ODONTOLÓGICA COLETIVO EMPRESARIAL Atendimento ao Cliente Central 24 Horas Tel.: (11) 32172008 Fax: (11) 31186500 Av. Angélica, 2565 14º andar 0800 725 1044

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN No- 187, DE 9 DE MARÇO DE 2009

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN No- 187, DE 9 DE MARÇO DE 2009 AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIRETORIA COLEGIADA RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN No- 187, DE 9 DE MARÇO DE 2009 Estabelece normas para a geração, transmissão e controle de dados cadastrais de beneficiários

Leia mais

Manual de Orientação: BRADESCO DENTAL. Produto: Seguro Odontológico. 1 Descrição do Produto:

Manual de Orientação: BRADESCO DENTAL. Produto: Seguro Odontológico. 1 Descrição do Produto: Manual de Orientação: BRADESCO DENTAL Produto: Seguro Odontológico 1 Descrição do Produto: O Produto BRADESCO DENTAL é um seguro de despesas de assistência odontológica e atendimento em rede referenciada

Leia mais

PLANO MÉDICO-HOSPITALAR UNIMED-RIO PERGUNTAS E RESPOSTAS

PLANO MÉDICO-HOSPITALAR UNIMED-RIO PERGUNTAS E RESPOSTAS Em complemento às informações prestadas pela SIAS aos participantes e assistidos, relativamente à implantação do novo plano médico-hospitalar junto à Unimed-Rio, segue Perguntas e Respostas que facilitará

Leia mais

TABELA DE PREÇOS PME SAÚDE COM COPARTICIPAÇÃO TABELA DE PREÇOS PME SAÚDE SEM COPARTICIPAÇÃO. área de atuação d3. 2 a 29 VIDAS.

TABELA DE PREÇOS PME SAÚDE COM COPARTICIPAÇÃO TABELA DE PREÇOS PME SAÚDE SEM COPARTICIPAÇÃO. área de atuação d3. 2 a 29 VIDAS. TABELA DE PREÇOS PME SAÚDE SEM COPARTICIPAÇÃO TABELA DE PREÇOS PME SAÚDE COM COPARTICIPAÇÃO COM ODONTOLOGIA INCLUSA 1 COM ODONTOLOGIA INCLUSA 1 2 a 29 VIDAS D3 2 a 29 VIDAS D3 PROPOSTA MAX 250 MAX 300

Leia mais

Regulamento da Campanha

Regulamento da Campanha Campanha NOSSO Plano de Saúde A gente cuida do que é NOSSO! ATUALIZAÇÃO EM 15.09.2014 PARA INCLUSÃO DE REGRAS DE ENTREGA DE BRINDE PARA TITULARES QUE INDICAREM NOVAS ADESÕES E ESTAS SE EFETIVAREM (ITEM

Leia mais

GUIA DE CONTRATAÇÃO DE PLANOS ODONTOLÓGICOS

GUIA DE CONTRATAÇÃO DE PLANOS ODONTOLÓGICOS GUIA DE CONTRATAÇÃO DE PLANOS ODONTOLÓGICOS GUIA DE CONTRATAÇÃO DE PLANOS ODONTOLÓGICOS 2 Diferenças entre planos individuais e coletivos: Os planos com contratação individual ou familiar são aqueles contratados

Leia mais

Manual do Prestador SEPACO. Saúde. ANS - n 40.722-4

Manual do Prestador SEPACO. Saúde. ANS - n 40.722-4 Manual do Prestador Saúde o ANS - n 40.722-4 SEPACO Prezado prestador, Este manual tem como objetivo formalizar a implantação das rotinas administrativas do Sepaco Saúde, informando as características

Leia mais

Guia. do beneficiário. Aqui você encontra informações sobre seu plano.

Guia. do beneficiário. Aqui você encontra informações sobre seu plano. Guia do beneficiário Aqui você encontra informações sobre seu plano. BEM VINDO À UNIMED SETE LAGOAS! A partir de agora você e sua família podem contar com uma operadora do maior sistema cooperativista de

Leia mais

1) Quais são os planos de assistência à saúde disponibilizados pela CAAPI/UNIMED?

1) Quais são os planos de assistência à saúde disponibilizados pela CAAPI/UNIMED? PERGUNTAS FREQUENTES: 1) Quais são os planos de assistência à saúde disponibilizados pela CAAPI/UNIMED? Nacional Univida e Estadual Unimulti. Preços e faixas etárias você encontra em novas adesões. 1)

Leia mais

TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PME ALTO TIETÊ - PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS

TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PME ALTO TIETÊ - PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS JAN/10 TERMO DE ADITAMENTO AO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PME ALTO TIETÊ - PEQUENAS E MÉDIAS EMPRESAS O presente aditamento é parte integrante do Contrato de Assistência Médica

Leia mais

Manual Técnico de Vendas. São Paulo

Manual Técnico de Vendas. São Paulo Manual Técnico de Vendas São Paulo O nosso foco é você. Amigo(a) Corretor(a), Este manual tem o objetivo de auxiliá-lo com importantes informações para que você concretize suas vendas com eficiência e

Leia mais

Informações Importantes

Informações Importantes Informações Importantes MATERIAL DE COMERCIALIZAÇÃO Somente deve ser utilizado o Contrato, Proposta e Aditivos com a seguinte numeração: UN 001/0814. Importante: RN 360 - As equipes comerciais / corretores

Leia mais

CLÍNICAS, HOSPITAIS E PLANOS DE SAÚDE

CLÍNICAS, HOSPITAIS E PLANOS DE SAÚDE 2013 CLÍNICAS, HOSPITAIS E PLANOS DE SAÚDE CONTEÚDO DEFINIÇÕES:... 2 CLÍNICAS MÉDICAS E HOSPITAIS... 2 PLANOS DE SAÚDE... 3 Dicas gerais de contratação:... 3 Coberturas:... 5 Plano Ambulatorial:... 5 Plano

Leia mais

Dicas para você acertar na hora de contratar seu plano de saúde

Dicas para você acertar na hora de contratar seu plano de saúde Dicas para você acertar na hora de contratar seu plano de saúde A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) elaborou este guia para orientar você na hora de contratar um plano de saúde. São dicas sobre

Leia mais

Manual de Orientação para Contratação de Plano de Saúde

Manual de Orientação para Contratação de Plano de Saúde Manual de Orientação para Contratação de Plano de Saúde Manual de Orientação para Contratação de Plano de Saúde Operadora: Prodent Assistência Odontológica Ltda CNPJ: 61.590.816/0001-07 N de registro na

Leia mais

Manual de Orientação para contratação de planos de saúde

Manual de Orientação para contratação de planos de saúde Manual de Orientação para contratação de planos de saúde nós somos a casembrapa Funcionamento de um plano de autogestão: Somos uma operadora de saúde de autogestão. Uma entidade sem fins lucrativos, mantida

Leia mais

Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar PADRÃO TISS RADAR TISS

Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar PADRÃO TISS RADAR TISS Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar PADRÃO TISS RADAR TISS Operadoras Edição 2014 ERRATA Agência Nacional de Saúde Suplementar ANS. Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar

Leia mais

VOCÊ JÁ CONHECE O PLANO DE SAÚDE DA UNIMED COM O SINTRAM?

VOCÊ JÁ CONHECE O PLANO DE SAÚDE DA UNIMED COM O SINTRAM? PLANO 6531 VOCÊ JÁ CONHECE O PLANO DE SAÚDE DA UNIMED COM O SINTRAM? É com satisfação que lhe apresentamos o UNIPAR 100. Um plano de saúde participativo, regulamentado pela Lei 9656/98, que garante ao

Leia mais

Horário: de 08:00 às 18:30h Segunda a Sexta-feira. Telefone: (32) 3215-0706

Horário: de 08:00 às 18:30h Segunda a Sexta-feira. Telefone: (32) 3215-0706 Prezado Usuário A UNIODONTO-JF sente-se honrada em tê-lo como cliente. Este Manual contém as informações necessárias para utilização do Sistema UNIODONTO. Leia-o com atenção e sempre o tenha à mão para

Leia mais

São Paulo, Janeiro de 2014

São Paulo, Janeiro de 2014 Comunicado - Reembolso Prezado Cliente, Com o objetivo de aprimorarmos nossas rotinas operacionais e visando preservar a agilidade nos pagamentos dos atendimentos ocorridas na Livre-Escolha, informamos

Leia mais

TERMO DE ADESÃO AO CONTRATO DE PLANO DE SAÚDE UNIMED CASCAVEL Nº 155/13

TERMO DE ADESÃO AO CONTRATO DE PLANO DE SAÚDE UNIMED CASCAVEL Nº 155/13 TERMO DE ADESÃO AO CONTRATO DE PLANO DE SAÚDE UNIMED CASCAVEL Nº 155/1 ADERENTE: CNPJ: Endereço: CEP: Cidade: UF: Representante legal: CPF: RG: Endereço: CEP: Cidade: CLÁUSULA PRIMEIRA: A ADERENTE, doravante

Leia mais

Manual do Plano de Saúde/PMF

Manual do Plano de Saúde/PMF Manual do Plano de Saúde/PMF INCLUSÃO DE TITULAR DOCUMENTOS NECESSÁRIOS Cópia RG e CPF; Comprovante de residência em nome do titular (três meses de validade). Contra Cheque (três meses de validade). Ficha

Leia mais

UNIDAS INFORMA Nº 549

UNIDAS INFORMA Nº 549 UNIDAS INFORMA Nº 549 1. A alteração dos instrumentos jurídicos dos produtos à RN 279/11 implicará a cobrança de TAP? Não, as alterações de instrumento jurídico que não implicarem em alteração das características

Leia mais

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS INDIVIDUAIS E FAMILIARES OUTUBRO/2009

MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS INDIVIDUAIS E FAMILIARES OUTUBRO/2009 MANUAL DE ORIENTAÇÃO PARA CONTRATAÇÃO DE PLANOS INDIVIDUAIS E FAMILIARES OUTUBRO/2009 Este é um manual simplificado do contrato de prestação de serviços de assistência médica firmado entre a operadora

Leia mais

COBERTURAS E CARÊNCIAS:

COBERTURAS E CARÊNCIAS: PLANO REGIONAL E LOCAL UNIVERSITARIO PESSOA FÍSICA Lei 9656/98 ANS Beneficiários que residem em Guaratinguetá, Aparecida, Cunha ou Potim Definições: Unimed: Cooperativa de Trabalho Médico, regida pela

Leia mais

Cartilha de Extensão de Benefício do Plano Empresarial aos Beneficiários.

Cartilha de Extensão de Benefício do Plano Empresarial aos Beneficiários. Cartilha de Extensão de Benefício do Plano Empresarial aos Beneficiários. Contributários demitidos ou exonerados sem justa causa e/ou aposentados. www.saolucassaude.com.br 01_ DIREITOS E DEVERES DO BENEFICIÁRIO

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM

MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM MANUAL DE INSTRUÇÕES AO CREDENCIADO VOAM Versão 01/2013 Consultório e SADT 11 IDENTIFICAÇÃO VOAM VOLVO ODONTOLOGIA E ASSISTÊNCIA MÉDICA. Razão Social: VOLVO DO BRASIL VEÍCULOS LTDA. CNPJ: 43.999.424/0001-14

Leia mais

Manual de Orientação ao Beneficiário OdontoGroup. Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo!

Manual de Orientação ao Beneficiário OdontoGroup. Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo! Prezado Beneficiário, Seja Bem-Vindo! É uma honra para a OdontoGroup tê-lo como cliente. Afinal, são mais de 18 anos trabalhando para levar a você e à sua família uma das melhores e mais seguras coberturas

Leia mais

Manual de Orientação para contratação de planos de saúde

Manual de Orientação para contratação de planos de saúde Manual de Orientação para contratação de planos de saúde nós somos a casembrapa Somos uma operadora de saúde de autogestão. Uma entidade sem fins lucrativos, mantida com recursos dos associados e da patrocinadora

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 295, DE 9 DE MAIO DE 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 295, DE 9 DE MAIO DE 2012 CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 295, DE 9 DE MAIO DE 2012 (VERSÃO COM VIGÊNCIA ATÉ 31/12/2014) Estabelece normas para a geração, transmissão e controle de dados cadastrais de beneficiários do Sistema de Informações

Leia mais

PROPOSTA DE ADESÃO À PORTABILIDADE DE CARÊNCIAS (TODOS OS CAMPOS DEVERÃO SER PREENCHIDOS) Nº da Proposta:

PROPOSTA DE ADESÃO À PORTABILIDADE DE CARÊNCIAS (TODOS OS CAMPOS DEVERÃO SER PREENCHIDOS) Nº da Proposta: I. Dados do Proponente: 1. 1/5 4. 2. 5. do Responsável Legal (se o proponente for incapaz) 3. CPF 6. Endereço para Correspondência 7. N 8. Complemento 9. Bairro 10. CEP 11. Cidade 12.UF 13. Telefone 1

Leia mais

TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Representante legal:

TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE. Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: Representante legal: TERMO DE ADESÃO A CONTRATO DE OPERAÇÃO DE PLANO PRIVADO DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE Associado: Endereço: CNPJ: Inscrição Estadual: CEP: Telefone: Representante legal: RG: CPF: 1. Por este termo, o associado

Leia mais

1. Entidades titulares elegíveis documentos necessários

1. Entidades titulares elegíveis documentos necessários 1. Entidades titulares elegíveis documentos necessários Estas são as entidades para as quais a Ransom Resgate Consultoria em Seguros oferece, em condições especiais, o seguro-saúde coletivo por adesão

Leia mais

Guia técnico do consultor. Seguro-Saúde Coletivo por Adesão

Guia técnico do consultor. Seguro-Saúde Coletivo por Adesão Guia técnico do consultor Seguro-Saúde Coletivo por Adesão 1. Entidades titulares elegíveis documentos necessários Estas são as entidades para as quais a Qualicorp Corretora de Seguros oferece, em condições

Leia mais

PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR CASU/UFMG INFORMAÇÕES PARA OS DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADESÃO AO PLANO IFES III

PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR CASU/UFMG INFORMAÇÕES PARA OS DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADESÃO AO PLANO IFES III PLANO DE SAÚDE DO SERVIDOR CASU/UFMG INFORMAÇÕES PARA OS DOCENTES SOBRE O PROCESSO DE ADESÃO AO PLANO IFES III Com esta mensagem, a Pró-Reitoria de Recursos Humanos da Universidade Federal de Minas Gerais

Leia mais

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N 259, DE 17 DE JUNHO DE 2011

RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N 259, DE 17 DE JUNHO DE 2011 RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN N 259, DE 17 DE JUNHO DE 2011 Dispõe sobre a garantia de atendimento dos beneficiários de plano privado de assistência à saúde e altera a Instrução Normativa IN nº 23, de 1º de

Leia mais

Plano de Saúde UNIMED. Perguntas e Respostas

Plano de Saúde UNIMED. Perguntas e Respostas Plano de Saúde UNIMED Perguntas e Respostas Como aderir ao Plano de saúde? O interessado deverá dirigir-se à sede da Unimed Porto Alegre, localizada na Av. Venâncio Aires, 1040 Setor de Cadastro Térreo,

Leia mais

Guia técnico do consultor. Plano de Saúde Coletivo por Adesão

Guia técnico do consultor. Plano de Saúde Coletivo por Adesão Guia técnico do consultor Plano de Saúde Coletivo por Adesão Principais destaques e características dos planos: Excelente rede médica e hospitalar credenciada Os planos Omint oferecem uma ampla rede credenciada

Leia mais

COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS SENADO FEDERAL

COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS SENADO FEDERAL Federação Nacional de Saúde Suplementar COMISSÃO DE ASSUNTOS SOCIAIS SENADO FEDERAL Audiência Pública sobre a Mobilidade com Portabilidade (Consulta Pública ANS nº 29/2008) 19/11/08 Solange Beatriz Palheiro

Leia mais

IAMSPE DÚVIDAS FREQUENTES

IAMSPE DÚVIDAS FREQUENTES IAMSPE DÚVIDAS FREQUENTES P: É possível anexar documentos nos pedidos solicitados no sistema Medlink? R: Ao incluir um pedido em sistema é possível anexar documentos. Após registro do pedido em sistema

Leia mais

PLANO DE SAÚDE CMBH INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES

PLANO DE SAÚDE CMBH INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES PLANO DE SAÚDE CMBH INFORMAÇÕES AOS SERVIDORES Até 2004 - assistência aos servidores por profissionais de saúde da CMBH Após 2004 - assistência aos servidores através do convênio com a BEPREM Lei 10107/2011

Leia mais

SulAmérica Saúde PME Folheto de Apoio às Vendas. Atualização: Nov/2007

SulAmérica Saúde PME Folheto de Apoio às Vendas. Atualização: Nov/2007 SulAmérica Saúde PME Folheto de Apoio às Vendas Atualização: Nov/2007 Folheto de Apoio às Vendas Este folheto contém as principais informações, regras e características pra facilitar a venda do SulAmérica

Leia mais

PROGRA M A DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PAS/SERPRO MANUAL DO USUÁRIO IMPORTANTE

PROGRA M A DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PAS/SERPRO MANUAL DO USUÁRIO IMPORTANTE PROGRA M A DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE PAS/SERPRO MANUAL DO USUÁRIO IMPORTANTE O PAS/SERPRO em Convênio de Reciprocidade com a CASSI foi criado de maneira a possibilitar o acesso de todos os empregados e seus

Leia mais

LIVRETO EXPLICATIVO DO PLAM MASTER

LIVRETO EXPLICATIVO DO PLAM MASTER LIVRETO EXPLICATIVO DO PLAM MASTER INDIVIDUAL FAMILIAR OPERADORA Plano de Assistência Médica Mineira Ltda PLAM Inscrição na Agência Nacional de Saúde ANS nº 38.228-1 OPERADORA - Plano de Assistência Médica

Leia mais

Reembolso de Despesas Médicas e Não Médicas Perguntas e Respostas. Vigência Julho/2015

Reembolso de Despesas Médicas e Não Médicas Perguntas e Respostas. Vigência Julho/2015 Reembolso de Despesas Médicas e Não Médicas Perguntas e Respostas Vigência Julho/2015 Além de disponibilizar uma ampla rede de recursos credenciados, a SABESPREV ainda possibilita aos seus BENEFICIÁRIOS

Leia mais

FAQ Migração Santa Saúde 1. O que muda com a migração do meu plano para o Hapvida? Sua rede será ampliada e agora você passa a fazer parte da maior rede de atendimento preferencial do Estado. Para sua

Leia mais

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES RESOLUÇÃO NORMATIVA - RN Nº 389, DE 26 DE NOVEMBRO DE 2015 (Em vigor a partir de 01/01/2016) Dispõe sobre a transparência das informações no âmbito da saúde suplementar, estabelece a obrigatoriedade da

Leia mais

Manual de Reembolso. Para ter acesso a este benefício, fique atento às dicas a seguir. 2ª edição

Manual de Reembolso. Para ter acesso a este benefício, fique atento às dicas a seguir. 2ª edição Manual de Reembolso 2ª edição Você sabia que quando não utiliza os serviços da rede credenciada do Agros, seja por estar fora da área de cobertura do plano de saúde ou por opção, pode solicitar o reembolso

Leia mais

INFORMATIVO SOBRE PORTABILIDADE ESPECIAL PARA OS PLANOS DA ASSIMÉDICA

INFORMATIVO SOBRE PORTABILIDADE ESPECIAL PARA OS PLANOS DA ASSIMÉDICA INFORMATIVO SOBRE PORTABILIDADE ESPECIAL PARA OS PLANOS DA ASSIMÉDICA A Agência Nacional de Saúde (ANS) estabeleceu o direito à portabilidade especial dos beneficiários da operadora ASSIMÉDICA, por meio

Leia mais

Assunto: Definição de Informações Gerais em Saúde Suplementar

Assunto: Definição de Informações Gerais em Saúde Suplementar AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTAR DIFIS/GGRIN Protocolo Nº. 33902. 211702/2008-78 Data Registro 28/11/2008. Hora Registro 10:24 Assinatura: NOTA n.º 01/2008/GGRIN/DIFIS Rio de Janeiro, 28 de novembro

Leia mais

Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde

Manual de Orientação para Contratação de Planos de Saúde Direito de migrar para plano individual ou familiar aproveitando carência do plano coletivo empresarial Os beneficiários dos planos coletivos empresariais que tiverem o benefício de plano de saúde extinto,

Leia mais

Check list portal da Operadora Atualização: Validade:

Check list portal da Operadora Atualização: Validade: Capítulo 01 RN 16 Estabelece medidas normativas a serem adotadas pelas Operadoras de planos privados de assitistência à saúde, relativas aos materiais publicitários de caráter institucional. RN 16 1.1

Leia mais