PROCESSO SELETIVO 2015/2 PROVA ÚNICA

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PROCESSO SELETIVO 2015/2 PROVA ÚNICA"

Transcrição

1 PROCESSO SELETIVO 2015/2 PROVA ÚNICA

2 INSTRUÇÕES Deixe a carteira de identidade e o comprovante de inscrição do Processo Seletivo em cima da classe; Confira que o cartão de respostas tenha a mesma identificação que sua ficha de inscrição; Verifique se este caderno contém todas as questões, sendo 01 de Redação e 24 de escolha simples e/ou múltipla; Utilize caneta esferográfica azul ou preta; Assine o cartão de respostas; Leia atentamente cada questão, escolha uma única resposta e preencha o espaço do cartão de resposta; A duração da prova é de 04 horas, incluindo a questão de redação; Ao final, entregue a grade de respostas e a redação ao fiscal de sala; Preencha corretamente a grade de respostas (veja o modelo e preste atenção à demonstração). Em caso de substituição da grade, entregue ao examinador a grade inutilizada e copie todos os dados da grade original.

3 REDAÇÃO Vestibular Caxias do Sul - RS Leia o texto com atenção: Segue abaixo a proposta de Emenda Constitucional n 33, de 2012, que altera o artigo 228, o qual destaca a redução da maioridade penal e está em discussão na Câmara Dos Deputados e no Senado Federal: Dispõe sobre alteração do artigo 228 da Constituição Federal, propondo a redução da maioridade penal. Altera a redação do artigo 228 da Constituição Federal. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do 3º do artigo 60, da Constituição Federal, promulgam a seguinte Emenda ao texto Constitucional. Art. 1º O art. 228 da Constituição Federal passa a vigorar com a seguinte redação: Art São penalmente inimputáveis os menores de dezesseis anos, sujeitos às normas da legislação especial. (NR) Art. 2º Esta Emenda entra em vigor na data de sua publicação. Fonte: CÂMARA DOS DEPUTADOS. Proposta de Emenda à Constituição, art Disponível em: <http://www.camara.gov.br/proposicoesweb/prop_mostrarintegra?codteor= &filenae=pec+223/2012>. Acesso em: 02 jun A justificativa apresentada pelo Deputado Onofre Santo Agostini (PSD/SC) para o Projeto de Lei afirma os seguintes pontos: A maioridade penal fixada em dezoito anos é definida pelo art. 228 da Constituição Federal. É a idade que o jovem passa a responder por seus atos. Pela legislação brasileira um menor que comete um crime não pode ficar mais que três anos internado, cumprindo medidas socioeducativas. A legislação brasileira entende que o menor de dezoito anos deve receber um tratamento diferenciado daquele aplicado ao adulto, anos não possuindo ainda desenvolvimento mental completo. Diferentemente do que acontece em outros países, por exemplo: nos Estados Unidos e Inglaterra não existe idade mínima para aplicação de penas, o critério levado em conta é a índole do criminoso; em Portugal e na Argentina o jovem atinge a maioridade penal aos 16 anos; na Alemanha a idade limite é de quatorze anos e na Índia sete anos. Considerando o número crescente de crimes violentos cometidos por adolescentes, a sociedade brasileira clama por medida urgente sugerindo mudança na Constituição Federal, usando como argumento principal os artigos 1.517, do Código Civil, que permite uma pessoa, com autorização dos pais, case a partir dos 16 (dezesseis) anos de idade; o artigo 1860, parágrafo único, do Código Civil, prevê que os maiores de 16 (dezesseis) anos podem testar; o Artigo 5º, do Código Civil, prevê a possibilidade de emancipação a partir dos 16 (dezesseis) anos, desta forma, podendo exprimir sua vontade para a realização de negócios jurídicos; a Constituição Federal, no artigo 7º, inciso XXXIII, possibilita o trabalho para a pessoa a partir dos 16 (dezesseis) anos de idade, e a partir de quatorze anos na condição de aprendiz e por fim, a Constituição da República, no artigo 14, inciso II, 1º, alínea c, permite o voto a partir de 16 (dezesseis) anos, tornando-se obrigatório aos 18 (dezoito) até os 70 (setenta). Em suma, se uma pessoa menor de 18 (dezoito) anos pode trabalhar, contratar, casar e votar, por que não pode responder criminalmente? Expostas as considerações sobre os argumentos que visam reduzir a maioridade penal, pedimos aos nobres pares a aprovação desta PEC para atender a voz da sociedade brasileira.

4 Fonte: CÂMARA DOS DEPUTADOS. Proposta de Emenda à Constituição, art Disponível em: <http://www.camara.gov.br/proposicoesweb/prop_mostrarintegra?codteor= &- filename=pec+223/2012>. Acesso em: 02 jun Em nota, O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) se posiciona da seguinte forma: Com o mandato de acompanhar a implementação da Convenção sobre os Direitos da Criança, da ONU, o UNICEF se declara contra a redução da maioridade penal. Primeiro porque a redução da maioridade penal está em desacordo com o que foi estabelecido na própria Convenção, na Constituição Federal e no Estatuto da Criança e do Adolescente. Segundo porque essa é uma decisão que, além de não resolver o problema da violência, penalizará uma população de adolescentes a partir de pressupostos equivocados. No Brasil, os adolescentes são hoje mais vítimas do que autores de atos de violência. Dos 21 milhões de adolescentes brasileiros, apenas 0,013% cometeu atos contra a vida. Na verdade, são eles, os adolescentes, que estão sendo assassinados sistematicamente. O Brasil é o segundo país no mundo em número absoluto de homicídios de adolescentes, atrás da Nigéria. Hoje, os homicídios já representam 36,5% das causas de morte, por fatores externos, de adolescentes no País, enquanto para a população total correspondem a 4,8%. Mais de 33 mil brasileiros entre 12 e 18 anos foram assassinados entre 2006 e Se as condições atuais prevaleceram, outros 42 mil adolescentes poderão ser vítimas de homicídio entre 2013 e As vítimas têm cor, classe social e endereço. Em sua grande maioria, são meninos negros, pobres, que vivem nas periferias das grandes cidades. Estamos diante de um grave problema social que, se tratado exclusivamente como caso de polícia, poderá agravar a situação de violência no País. O UNICEF é contra qualquer forma de violência, incluindo a praticada por adolescentes. Porém, o sistema atual de medidas socioeducativas precisa ser aperfeiçoado para responder aos atuais desafios do País. Só assim o Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo (Sinase) poderá garantir a responsabilização dos adolescentes autores de ato infracional e, ao mesmo tempo, a sua integração na sociedade. É perturbador que um país como o Brasil esteja tão preocupado em priorizar a discussão sobre punição de adolescentes que praticam atos infracionais registrados ocasionalmente, quando torna-se tão urgente impedir assassinatos brutais de jovens cometidos todos os dias. O UNICEF reitera seu papel de contribuir com a implementação do que foi estabelecido na Convenção sobre os Direitos da Criança e de ajudar o País a encontrar soluções efetivas para o problema da violência, especialmente a que afeta crianças e adolescentes. Fonte: UNICEF. UNICEF é contra a redução da maioridade penal. Disponível em: <http://www.unicef.org/brazil/pt/media_29163.htm>. Acesso em: 03 jun

5 Tema para redação A partir da leitura dos textos sobre a redução da maioridade penal, elabore uma redação dissertativoargumentativa respondendo à questão abaixo: A eventual redução da maioridade penal na legislação brasileira, em sua opinião, diminuiria a violência urbana? RECOMENDAÇÕES: 1. Faça o rascunho na folha de rascunho e, após, passe a redação a limpo na folha oficial, com letra legível e sem rasuras, utilizando caneta preta ou azul; 2. Sua redação deve conter entre 25 e 30 linhas; 3. Sustente seus pontos de vista com argumentos consistentes; 4. Dê um título adequado a seu texto; 5. Coloque o nome e o número de inscrição na folha do texto definitivo da redação.

6 QUESTÕES 1) A partir dos textos acima sobre a maioridade penal, responda à questão abaixo: I Os exemplos apresentados pelo deputado Onofre Santo Agostini (PSD/SC) referem-se à maioridade penal e suas consequências, considerando, exclusivamente, o contexto brasileiro. II O argumento central da UNICEF refere-se ao fato de que os adolescentes brasileiros são mais responsáveis do que vítimas da violência. III De acordo com as afirmativas da UNICEF, a discussão sobre a maioridade penal é menos relevante do que a discussão sobre as causas sociais da violência. Está(ão) correta(s) a(s) seguinte(s) alternativa(s): A) Apenas as alternativas I e II. B) Apenas as alternativas II e III. C) Apenas a alternativa II. D) Apenas a alternativa III. E) Todas as alternativas estão corretas. 2) Observe o seguinte diálogo entre um rigoroso professor de gramática e uma ex-aluna: Professor, aonde o senhor andava, que eu nunca mais lhe vi? Nem a mim nem à gramática respondeu-lhe o mestre, deixando-a um tanto embaraçada por não haver entendido o porquê da resposta. Com certeza, outra teria sido a resposta do professor se a resposta da aluna tivesse sido esta: A) Professor, por onde o senhor tem andado, que eu nunca mais lhe vi? B) Professor, por onde o senhor tem andado, que eu nunca mais o vi? C) Professor, por onde Vossa Senhoria tem andado, que eu nunca mais vos vi? D) Professor, aonde o senhor tem andado, que eu nunca mais lhe vi? E) Professor, aonde o senhor tem andado, que eu nunca mais te vi? 3) [...] Chega mais perto e contempla as palavras. Cada uma tem mil faces secretas sob a face neutra e te pergunta, sem interesse pela resposta, pobre ou terrível que lhe deres: Trouxeste a chave? (Carlos Drummond de Andrade, Procura de Poesia). [...] E as vinte palavras recolhidas nas águas salgadas do poeta e de que servirá o poeta na sua máquina útil. Vinte palavras sempre as mesmas de que conhece o funcionamento a evaporação, a densidade

7 menor que a do ar. Vestibular Caxias do Sul - RS (João Cabral de Melo Neto, A Lição de Poesia). As estrofes destacadas revelam que, para Drummond e João Cabral, a criação poética centra-se no (a): A) tratamento estético dado à matéria-prima da poesia: a palavra. B) inspiração. C) nos aspectos formais do poema: metro, ritmo, rima... D) na desmontagem da palavra, ao gosto dos concretistas. E) na dissociação entre significante e significado. 4) Alguém que ainda pelejava, já na penúltima ânsia e farto de beber água sem copo, pôde alcançar um objeto encordoado que se movia. E aquele um aconteceu ser Francolim Ferreira, e a coisa movente era o rabo do burrinho pedrês. E Sete-de-Ouros, sem susto a mais, sem hora marcada, soube que ali era o ponto de se entregar, confiado, ao querer da correnteza. Pouco fazia que esta o levasse de viagem, muito para baixo do lugar da travessia. Deixou-se, tomando tragos de ar. Não resistia. (Guimarães Rosa, O Burrinho Pedrês). A característica regionalista presente no fragmento literário acima é: A) a exploração dos homens e dos animais pelos proprietários no meio rural. B) o mal-estar gerado pela decadência social. C) a observação minuciosa da fauna e da flora de uma região. D) a integração dos homens e dos bichos a seu meio ambiente. E) o respeito pelas superstições e sentimentos populares. RESPONDA ÀS QUESTÕES 05 E 06 REFERENTES À LÍNGUA ESTRANGEIRA SELECIONADA NA INSCRIÇÃO. LÍNGUA ESPANHOLA 01. Conoces a tu vecino? Estás salvando al planeta 02. Conocer a tu vecino ayuda a salvar el planeta. Ese es el principal 03. hallazgo de un estudio según el cual socializar con los vecinos conduce 04. a comportamientos beneficiosos para el planeta, más aún que pasar 05. tiempo con los amigos o la familia. 06. El estudio, publicado en Environment and Behavior, considera que 07. quienes visitan a sus vecinos tienen más probabilidades de cultivar 08. hábitos positivos en materia medioambiental, específicamente en lo 09. relacionado con la conservación del agua y la energía, el consumo de 10. frutas y verduras orgánicas y el uso racional del automóvil. 11. Estos hallazgos sugieren que nuestros vecinos juegan un papel único y 12. crucial para que actuemos sobre el cambio climático, dice el autor del 13. estudio Thomas Macías, de la Universidad de Vermont. 14. Sorprendentemente, los efectos en pro de la ecología fueron mayores a

8 15. partir de la relación de las personas con sus vecinos que de su trato con 16. parientes o amigos cercanos. 17. Los investigadores atribuyen las diferencias, en parte, al hecho de que 18. con los parientes se comparten antecedentes culturales y 19. socioeconómicos, lo cual constituye una similitud que ofrece beneficios 20. emocionales, pero limita la exposición a nuevas ideas importantes, dice 21. Macías, profesor de Sociología en dicha casa de estudios. 22. En contraste, los vecinos son relativa pero suficientemente diversos para 23. exponernos a una mayor cantidad de información fresca, como la 24. relacionada con cuestiones y prácticas ambientales. Vestibular Caxias do Sul - RS Fonte: NATIONAL GEOGRAFIC. Conoces a tu vecino? Estás salvando al planeta. Disponível em: <http://www.ngenespanol.com/naturaleza/ecologia>. Acesso em: 10 mai Responder las cuestiones 5 y 6, según el texto anterior: 5. A partir del análisis del texto arriba, se puede afirmar que: I. Pasar tiempo con la familia conduce a comportamientos beneficiosos con el planeta. II. Visitar a los vecinos favorece el cultivo de hábitos positivos a respecto del medio ambiente. III. Con los parientes hay una similitud que limita la exposición a nuevas ideas importantes. Se puede/n considerar como respuesta/s correcta/s : A) sólo I B) I y II C) I y III D) II y III E) sólo III 6. Estos hallazgos sugieren que nuestros vecinos juegan un papel único y crucial para que actuemos sobre el cambio climático. (l. 11 y 12), significa que: A) Es crucial que los vecinos jueguen su papel. B) Los hallazgos dan énfasis a la relación entre vecinos. C) Es único el papel de los vecinos en los hallazgos climáticos. D) Los vecinos pueden jugar un papel en el clima. E) Nosotros tenemos un papel en el juego de nuestros vecinos. LÍNGUA INGLESA Answer questions 5 to 6 according to the Text. Benjamin Franklin a man of science and invention As we enjoy great advantages from the inventions of others, we should get glad to serve others by any inventions of our own [ ] I have no private interest in the acceptance of my inventions by the world. I have never made, nor propose to make, the least profit by any of them. Benjamin Franklin spoke these words in the year Today his philosophy of serving others through science and invention still influences the history of science in the United States. Franklin s practical approach to science was shown by an early experiment in which he studied the heat of the sun. Using differently-colored pieces of cloth,

9 he found that the darker the color of the material, the greater the amount of heat it would absorb. The lighter the color, the greater it would reflect heat. In reporting these findings more than two centuries ago, he said: We learn from this that black clothes are not as fit to wear in a hot, sunny climate as white ones. Summer hats for men and women should be white to reduce the heat. It took almost a century for this advice to be generally followed by millions of people around the world. But this was only one of Franklin s many contributions based on his desire to make practical use of fact gathered from personal observation and experiment. This desire made him a better inventor than a scientist. Franklin had many of the qualities of an inventor. They included great curiosity, broad interest, mechanical skills, the ability to continue with a task until completed, and a practical view of life. But, even more than these, he also had a sense of valuable uses of science for the benefit of his fellow man. (Excerpt from American Men of Science and Invention, USIA, p. 7). According to the text: 5. Benjamin Franklin s main motivation with regard to his inventions was: A) profiting by them. B) influencing the history of science. C) gaining widespread popularity. D) serving his fellow men. E) having many friends. 6. Because of Benjamin Franklin s practical approach to science the author could affirm that A) Franklin would be followed by millions of people around the world. B) Franklin was a better inventor than a scientist. C) Franklin s inventions would take one century to be accepted. D) Franklin s power of observation and experiment was amazing. E) Franklin found that the lighter the color of the material, the greater the amount of heat it would absorb. 7. Na atualidade existem várias áreas de tensão espalhadas pelo globo, o que acaba levando a vários conflitos. As causas são diversas, tais como: religião, etnia, cultura, recursos minerais, fronteiras, entre outros. Assinale a alternativa que apresenta corretamente um conflito e seu principal motivo: A) Índia e Paquistão: Índia, de maioria hindu, e Paquistão, de maioria muçulmana, estão em conflito por questões exclusivamente religiosas. B) Israel e Palestina: Israel, que é um agregado de dois territórios (Faixa de Gaza e Cisjordânia), luta pelo seu reconhecimento como Estado Independente. C) Continente Africano: parte dos conflitos tem origem nas fronteiras traçadas pelas potências estrangeiras que não respeitaram limites étnicos e culturais dos povos africanos. D) Coreias: as tensões são causadas pela separação do país durante a Guerra-Fria em Norte (capitalista) e Sul (comunista). E) China e Tibete: a China luta por sua liberdade e autonomia política e exige a retirada das tropas tibetanas de seu território. 8. Os problemas ambientais decorrem diretamente da ação do Homem sobre o meio ambiente. Consumimos muitos recursos e produzimos grandes quantidades de resíduos, reciclando apenas uma pequena parte deles. Com o passar do tempo, esses problemas tendem a aumentar de intensidade e suas consequências podem ser desastrosas para a Humanidade.

10 Dentre as alternativas abaixo, qual representaria a maior dificuldade para resolver os problemas ambientais? A) Conciliar desenvolvimento econômico com preservação ambiental. B) Diminuir a utilização de produtos recicláveis. C) Promover a utilização de combustíveis fósseis, que são mais eficientes e limpos do que os combustíveis renováveis. D) Diminuir o consumo nos países subdesenvolvidos, que os principais poluidores. E) Cortar incentivos fiscais para empresas que utilizam materiais recicláveis na produção. Leia os textos para responder a questão 9. Texto 1: A filosofia grega entendia que as crianças, para se tornarem adultos virtuosos e membros excelentes da sociedade, necessitam do aperfeiçoamento e refinamento das suas qualidades naturais (caráter, índole, temperamento). Entendia ainda que a natureza humana não pode ser deixada por conta própria, porque tende a ser agressiva, destrutiva, ignorante. Por isso, precisa ser educada, formada e cultivada de acordo com os ideais de cada sociedade (ARANHA e MARTINS, 2013). Texto 2: O Estado brasileiro - por intermédio da Lei n , de 09 de janeiro de 2004, criou o Programa Bolsa Família, destinado às ações de transferência de renda para famílias que se encontrem na extrema pobreza. Os condicionantes para a concessão do benefício estão descritos no seu artigo 3º: A concessão dos benefícios dependerá do cumprimento, no que couber, de condicionalidades relativas ao exame pré-natal, ao acompanhamento nutricional, ao acompanhamento de saúde, à frequência escolar de 85% (oitenta e cinco por cento) em estabelecimento de ensino regular, sem prejuízo de outras previstas em regulamento. A partir dos textos acima, apresentam-se as seguintes razões para a extinção do Programa Bolsa Família pelo Estado brasileiro: I. O programa não se justifica, pois é possível deduzir que não há nenhuma relação entre a elevação dos índices de escolaridade da população em geral com a possibilidade de melhorar a vida em sociedade e a diminuição da violência no Brasil. II. Não é possível justificar a existência do programa Bolsa Família a partir da compreensão grega de como a pessoa humana se desenvolve, pois o referido programa tem como único objetivo acomodar os seus benificiários e incentivar que as famílias tenham mais filhos. III. Tendo em vista os objetivos pelos quais o programa foi criado, ele poderia ser extinto no momento em que não houvesse mais famílias vivendo em situação de extrema pobreza. IV. Pela educação não é possível melhorar a vida e a personalidade de ninguém, pois todas as questões humanas já estão determinadas pelo nascimento. Portanto, é desnecessário fazer investimentos em educação e em programas sociais. 9. A partir da análise dos textos, podemos afirmar que está(ão) CORRETA(S): A) Somente a afirmativa II. B) As afirmativas I, III e IV. C) Somente a afirmativa III. D) As afirmativas II e III. E) Todas as afirmativas.

11 10. Os fragmentos da história em quadrinhos As sombras da Vida, de Maurício de Souza, retratam parte da alegoria do mito da caverna de Platão. Leia os fragmentos abaixo para responder a questão. Fragmento I Fragmento II Analise as afirmações abaixo considerando que os fragmentos retratam situações ocorridas em momentos históricos muito diferentes. I. Independentemente do período que estamos vivendo, sempre há que algo aprisiona a pessoa e que lhe impede de fazer uma leitura mais crítica da realidade. II. Considerando a hipótese de que Maurício de Souza continuasse a sua história retratando o contexto atual, é possível que desenhasse crianças, jovens e adultos, cada um utilizando o seu celular, dando as mesmas respostas dos personagens da história. III. As situações que aprisionam a pessoa humana são fortalecidas pelo senso comum, que apresenta soluções imediatistas, com caráter apenas utilitarista e com baixo poder de crítica. IV. A filosofia contribui para a reprodução das situações de aprisionamento reveladas na história, pois aceita de forma mecânica e passiva os valores impostos pelos grupos sociais. Analisando os fragmentos da história em quadrinhos acima, podemos afirmar que estão CORRETAS: A) As afirmativas I, II e III. B) As afirmativas I, III e IV. C) As afirmativas II, III e IV. D) As afirmativas II e III. E) Todas as afirmativas.

12 11. A natureza do Estado e o papel por ele desempenhado na realidade social costumam provocar uma gama de clivagens no seio de diferentes escolas de pensamento na contemporaneidade. Acerca do tema, discorre Edmund Burke, precursor do conservadorismo político: A sociedade é, de fato, um contrato. Contratos subordinados a objetos de interesse meramente ocasional podem ser dissolvidos à vontade, mas o Estado não deve ser considerado como um acordo de parceria num negócio de pimenta e café, algodão ou tabaco, ou algum outro de interesses inferiores, a ser assumido por um lucro pouco duradouro e a ser dissolvido ao gosto das partes. Deve ser encarado com outra reverência, porque não se trata de uma parceria em coisas subservientes voltadas apenas à existência animal bruta de uma natureza temporária e perecível. É uma parceria em toda ciência, uma parceria em toda arte, uma parceria em cada virtude e em toda perfeição. Como os fins de tal parceria não podem ser obtidos senão em muitas gerações, trata-se de um pacto não apenas entre aqueles que estão vivendo, mas entre aqueles que estão vivendo, aqueles que já morreram e aqueles que estão por nascer. FONTE: BURKE, Edmund. Reflexões sobre a Revolução em França. Brasília: UNB, 1982, p. 72. À luz do texto, leia as seguintes assertivas: I O Estado, como qualquer outro contrato, tem sua legitimidade condicionada aos interesses das partes envolvidas, que poderiam fulminá-lo sempre que julgarem conveniente. II O Estado é forjado celeremente, visto que o pacto que o sustenta é ordinariamente firmado pelas gerações do tempo presente. III Ainda que seja um contrato, o Estado possui uma natureza singular. Nesse sentido, sua validade reside no consenso entre as gerações do presente e do passado, as quais firmam uma parceria que se estende também para o futuro. IV O Estado é um pacto unilateral, desprovido de organicidade. Sua função é utilitária e similar às dinâmicas que regem os acordos comerciais. É correto afirmar que: A) As alternativas I, II e III estão corretas. B) As alternativas II e III estão corretas. C) As alternativas III e IV estão corretas. D) Apenas a alternativa III está correta. E) Todas as alternativas estão corretas. 12. O conceito de estado de natureza tem a função de explicar a situação pré-social na qual os indivíduos existem isoladamente. Duas foram as principais concepções do estado de natureza: I - A concepção de Hobbes (no século XVII), segundo a qual, em estado de natureza, os indivíduos vivem isolados e em luta permanente, vigorando a guerra de todos contra todos ou "o homem lobo do homem". Nesse estado, reina o medo e, principalmente, o grande medo: o da morte violenta. Para se protegerem uns dos outros, os humanos inventaram as armas e cercaram as terras que ocupavam. Essas duas atitudes são inúteis, pois sempre haverá alguém mais forte que vencerá o mais fraco e ocupará as terras cercadas. A vida não tem garantias; a posse não tem reconhecimento e, portanto, não existe; a única lei é a força do mais forte, que pode tudo quanto tenha força para conquistar e conservar; II - A concepção de Rousseau (no século XVIII), segundo a qual, em estado de natureza, os indivíduos vivem isolados pelas florestas, sobrevivendo com o que a Natureza lhes dá, desconhecendo lutas e

13 comunicando-se pelo gesto, pelo grito e pelo canto, numa língua generosa e benevolente. Esse estado de felicidade original, no qual os humanos existem sob a forma do bom selvagem inocente, termina quando alguém cerca um terreno e diz: "É meu". A divisão entre o meu e o teu, isto é, a propriedade privada, dá origem ao estado de sociedade, que corresponde, agora, ao estado de natureza hobbesiano da guerra de todos contra todos. FONTE: CHAUÍ, Marilena. Convite à Filosofia. Ática: São Paulo, 2009, p A partir do texto anterior, assinale a alternativa INCORRETA: A) O Estado de Natureza, a partir da concepção de Hobbes, tem como ponto de partida a força e a imposição dela sobre os seres humanos, uma vez que a existência da lei não garante a segurança no Estado. B) Conforme a concepção de Estado de Natureza em Hobbes, a existência de regras e normas sociais tem como função a garantia e a manutenção da propriedade privada. C) O Estado de Natureza, segundo Rousseau, afirma que os seres humanos nascem bons, mas a associação entre eles pode gerar a propriedade privada, a qual pode conduzir a conflitos. D) Uma das diferenças entre as duas concepções expostas diz respeito ao modo como o ser humano é caracterizado, uma definindo-o como bom e outra como o lobo homem. E) Em Hobbes, o único Estado possível é o garantido pela força, enquanto que em Rousseau o Estado é possível se houver um contrato social. 13. A atual legislação de trânsito brasileira considera infração de trânsito dirigir sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência. O gráfico abaixo mostra o processo de absorção e eliminação do álcool quando um indivíduo bebe, em um curto espaço de tempo, de 1 a 4 latas de cerveja. Considere as afirmativas a seguir: I - O álcool é absorvido pelo organismo muito mais rapidamente do que é eliminado. II - Uma pessoa que vá dirigir imediatamente após a ingestão da bebida pode consumir, no máximo, duas latas de cerveja.

14 III - Se uma pessoa toma rapidamente quatro latas de cerveja, o álcool contido na bebida só é completamente eliminado após se passarem cerca de 7 horas da ingestão. Está(ão) correta(s) a(s) afirmativa(s): A) II, apenas. B) II e III, apenas. C) I e II, apenas. D) I e III, apenas. E) I, II e III. 14. Em vez de 3 letras e 4 números, como é hoje, as novas placas terão 4 letras e 3 números, e poderão estar embaralhados, assim como na Europa. [...] O objetivo da mudança é ampliar o número de combinações. Segundo o Denatran, serão possíveis mais de 450 milhões de combinações diferentes, contra as pouco mais de 175 milhões de possibilidades do atual modelo brasileiro. FONTE: Portal G1. Denatran apresenta novas placas de automóveis no padrão do Mercosul. Disponível em: <http://g1.globo.com/carros/noticia/2014/12/denatran-apresenta-novas-placas-de-automoveis-no-padrao-do-mercosul.html>. Acesso em: 28 mai De acordo com o texto acima, o aumento percentual do número de combinações das placas dos automóveis, com o novo sistema de emplacamento, em relação às possibilidades do atual modelo brasileiro, é de, aproximadamente: A) 50% B) 100% C) 150% D) 200% E) 250% 15. O gráfico abaixo representa o consumo percentual mensal correspondente a cada setor, utilizado por uma família gaúcha, em relação à conta de energia elétrica. Supondo que, no mês de maio de 2015, o valor da conta de energia foi de R$ 150,00, a parte desse valor, correspondente ao que foi gasto com iluminação e o televisor foi, em reais, igual a:

15 A) 15 B) 30 C) 45 D) 60 E) Joaquim é um sujeito organizado e atento a promoções, e decidiu pesquisar os preços de passagens aéreas após ler a seguinte manchete: Mesmo com a crise, os brasileiros viajaram mais de avião, nesse começo de ano, para fazer turismo dentro do país e também no exterior. Promoções deixaram as passagens até 40% mais baratas. FONTE: PORTAL G1. Promoções deixam passagens aéreas até 40% mais baratas. Disponível em: < Acesso em: 10 mai Assim, Joaquim descobriu que certa empresa aérea estava operando o trajeto Florianópolis-São Paulo com um desconto de 40% durante o mês de novembro, e que essa empresa oferecia ainda um desconto adicional de 10% às segundas-feiras sobre o valor já com desconto. Ele então decidiu viajar em uma segunda-feira de novembro para economizar R$ 138,00, aproveitando a promoção. O valor dessa passagem, em Reais (R$), cobrado pela empresa antes da promoção, era igual a: A) 255,55 B) 215,62 C) 276,00 D) 313,63 E) 300, Os pontos representados no gráfico abaixo foram obtidos através da análise de uma fita de papel que registrou, em intervalos de tempos iguais, a posição de um carrinho em movimento sobre um trilho de ar.

16 Pode-se concluir da análise desse gráfico que o carrinho tem movimento retilíneo: A) acelerado com aceleração (2,88 +/- 0,02) m/s 2. B) acelerado com aceleração (7,56 +/- 0,05) m/s 2. C) acelerado com aceleração (1,4 +/- 0,3) m/s 2. D) uniforme com velocidade (1,2 +/- 0,2) m/s. E) uniforme com velocidade (2,59 +/- 0,03) m/s. F) 18. Em um dia de inverno, uma estudante correu durante uma (01) hora, inspirando ar, à temperatura de 12 C e expirando-o a 37 C. Suponha que ela respire 40 vezes por minuto e que o volume médio de ar em cada respiração seja de 0,20 m³. A quantidade estimada de calor cedida pela estudante ao ar inalado durante o período do exercício, em joules, é de: A) 1,6 x 10 7 B) 5,0 x 10 6 C) 6,0 x 10 6 D) 2,3 x 10 7 E) 9,3 x 10 7 Dados: densidade do ar = 1,3 kg/m 3 calor específico do ar = 1, J/kg C 19. Com relação ao ecossistema de um ambiente aquático, dois conceitos são muito importantes: o ciclo dos nutrientes e o fluxo de energia. A energia necessária para a vida de todos os elementos é reintroduzida nesse ecossistema pelo processo fotossintético. Em um lago, onde está eliminada a possibilidade de contaminação por agrotóxico, os peixes morreram em um grande número, da noite para o dia. A mais provável causa direta da mortalidade é: A) falta de alimento no ambiente. B) excesso de predadores no lago. C) elevado índice de parasitismo nos peixes. D) competição entre as espécies de peixes. E) falta de oxigênio dissolvido na água. 20. Considere o texto a seguir: Fenótipo é o conjunto de características físicas, morfológicas e fisiológicas de um organismo. O fenótipo é a expressão do genótipo: as proteínas que o genótipo codifica determinam as características fenotípicas. FONTE: GONÇALVES, Fabiana. Fenótipo. In: Portal InfoEscola. Disponível em: <http://www.infoescola.com/genetica/fenotipo/>. Acesso em: 06 mai Considerando as definições anteriores, verifique a seguinte situação: André e Lúcia estão pensando em ter um filho. André tem um irmão albino e uma irmã com pigmentação normal. Seus pais não são albinos, porém André tem uma tia paterna albina e um primo,

17 por parte de mãe, com a mesma característica. Já Lúcia tem um avô materno e uma irmã albinos, além de um irmão com pigmentação normal. Os pais de Lúcia também têm pigmentação normal. Que dados permitem avaliar com maior precisão as chances de André e Lúcia terem uma criança albina? A) O fenótipo do irmão de André e o fenótipo da irmã de Lúcia. B) O genótipo da tia de André e o genótipo do irmão de Lúcia. C) O fenótipo da irmã de André e o genótipo do avô de Lúcia. D) O genótipo do primo de André e o fenótipo da mãe de Lúcia. E) O fenótipo do pai de André e o genótipo do pai de Lúcia. 21. Um anel de ouro de 18K apresenta massa de 26,3g. Sabendo que o ouro 18K é uma liga de 75% de ouro (Au) e de 25% de Cobre (Cu), o número de átomos de ouro presentes nesse anel é aproximadamente (Dados: Au=197 g/mol): A) 6.10²³ átomos. B) 6.10²² átomos. C) 6.10²¹ átomos. D) 60.10²³ átomos E) 12.10²³ átomos. 22. Sabemos que grande parte do Planeta Terra é coberta por água, o que possibilita ocorrer vida em nosso planeta. Sabemos também que a água é a substância mais abundante no corpo humano. Tais fatos evidenciam que esse recurso natural é importantíssimo para a manutenção da vida na Terra. Uma das propriedades mais importantes da água é sua capacidade de dissolver uma grande variedade de substâncias. Assim, qualquer água presente na natureza apresenta materiais dissolvidos, formando o que chamamos de soluções aquosas. Assinale a alternativa que não representa uma solução aquosa. A) Vinagre. B) Água da torneira. C) Coca-Cola. D) Água destilada. E) Produto de limpeza. 23. O empuxo é uma força vertical para cima que atua nos objetos imersos em fluidos. Podemos dizer também que o empuxo é igual ao peso deslocado de fluido. Com base no conceito de empuxo, analise a seguinte situação: duas esferas metálicas, A e B, de mesmo volume e massas diferentes, estão totalmente imersas na água.

18 É possível afirmar que o empuxo que a água exerce nas esferas: Vestibular Caxias do Sul - RS A) é o mesmo nas duas esferas. B) é maior na esfera A. C) é maior na esfera B. D) depende das massas das esferas. E) depende da quantidade de água no recipiente. 24. No estudo do movimento de um corpo é relevante a relação do tempo com a posição que esse corpo ocupa. É usual representar graficamente a posição que um corpo ocupa em função do tempo. O gráfico apresentado na Figura abaixo indica a posição de duas partículas A e B em função do tempo. Com base na análise do gráfico, podemos afirmar que: A) As partículas partem de posições diferentes com velocidades diferentes. B) As partículas partem de posições diferentes com a mesma velocidade. C) As partículas partem de posições diferentes com velocidades distintas e conservam suas velocidades. D) As partículas partem da mesma posição com a mesma velocidade. E) As partículas partem da mesma posição com velocidades diferentes.

19 DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA MATRÍCULA: 1. Certificado de Conclusão do Ensino Médio (Original ou cópia autenticada) 2. Histórico escolar completo com número de documento de identidade e com comprovante de conclusão do ensino médio. (Original ou cópia autenticada) foto 3X4 recente. 4. Cópia de: certidão de nascimento/casamento, RG, CPF, título de eleitor. 5. Cópia de comprovante de conformidade com o serviço militar (sexo masculino). 6. Cópia de comprovante de residência. Anote suas respostas:

20 RASCUNHO DA REDAÇÃO

REGULAMENTO PARA CONCURSO DE CONCESSÃO DE18 BOLSAS DE ESTUDOS

REGULAMENTO PARA CONCURSO DE CONCESSÃO DE18 BOLSAS DE ESTUDOS REGULAMENTO PARA CONCURSO DE CONCESSÃO DE18 BOLSAS DE ESTUDOS A FANORTE INSTITUIÇÃO DE ENSINO SUPERIOR DE CACOAL PS LTDA, devidamente inscrita no CNPJ sob nº 10.372.071/0001-79, pessoa jurídica de direito

Leia mais

RESOLUÇÕES DE QUESTÕES 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II PROFº DANILO BORGES

RESOLUÇÕES DE QUESTÕES 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II PROFº DANILO BORGES RESOLUÇÕES DE QUESTÕES 9º ANO ENSINO FUNDAMENTAL II PROFº DANILO BORGES (UFU ) Segundo Jean Paul Sartre, filósofo existencialista contemporâneo, liberdade é I- escolha incondicional que o próprio homem

Leia mais

CADERNO DE PROVA 2.ª FASE. Nome do candidato. Coordenação de Exames Vestibulares

CADERNO DE PROVA 2.ª FASE. Nome do candidato. Coordenação de Exames Vestibulares CADERNO DE PROVA 2.ª FASE Nome do candidato Nome do curso / Turno Local de oferta do curso N.º de inscrição Assinatura do candidato Coordenação de Exames Vestibulares I N S T R U Ç Õ E S LEIA COM ATENÇÃO

Leia mais

1º PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2013.2 EDITAL Nº 002/2013

1º PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2013.2 EDITAL Nº 002/2013 1 1º PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2013.2 EDITAL Nº 002/2013 A FACULDADE ESCOLA DE NEGÓCIOS EXCELLENCE FAENE torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo 2013.2 destinado a selecionar

Leia mais

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

PROJETO DE LEI Nº DE 2011

PROJETO DE LEI Nº DE 2011 PROJETO DE LEI Nº DE 2011 Altera a Lei nº 8.137, de 27 de dezembro de 1990, a Lei 8.666, de 21 de junho de 1993 e a Lei nº 8.884, de 11 de junho de 1994. O CONGRESSO NACIONAL decreta: Art. 1º O art. 4º

Leia mais

NÍVEL FUNDAMENTAL Cargo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

NÍVEL FUNDAMENTAL Cargo: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE ESTADO DO PARÁ MUNICÍPIO DE CURUÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE CURUÁ - CONCURSO PÚBLICO - Edital N.º 001/2009 REALIZAÇÃO DA PROVA OBJETIVA: 23 de Agosto de 2009 NÍVEL FUNDAMENTAL Cargo: AGENTE COMUNITÁRIO DE

Leia mais

GRADUAÇÃO. Edital DG nº004- Vestibular PROCESSO SELETIVO - 2012.2

GRADUAÇÃO. Edital DG nº004- Vestibular PROCESSO SELETIVO - 2012.2 GRADUAÇÃO Edital DG nº004- Vestibular PROCESSO SELETIVO - 2012.2 ODiretor da FACULDADE INTERNACIONAL SIGNORELLI, credenciada pelo parecer CNE/CES41/2009, publicado no D.O.U. nº.38 de 26/03/2009, e pela

Leia mais

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br

Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde CNPJ : 08.543.681/0001-46 www.faculdadefapec.com.br EDITAL 021/2015 DE 15 DE OUTUBRO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 A Faculdades Unidas de Pesquisa, Ciências e Saúde FAPEC torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2016.1, para

Leia mais

REGULAMENTO EXAME DE BOLSAS /2º SEMESTRE DE 2015

REGULAMENTO EXAME DE BOLSAS /2º SEMESTRE DE 2015 REGULAMENTO EXAME DE BOLSAS /2º SEMESTRE DE 2015 A, em seu contínuo trabalho de responsabilidade social e, preocupada com a comunidade na qual está inserida, criou o Processo Seletivo Principal/EXAME DE

Leia mais

EDITAL Nº 001/2015 ESTABELECE NORMAS E ORIENTAÇÕES SOBRE O PROCESSO SELETIVO SENAI / COMPANHIA SIDERÚRGICA DO PECÉM CSP.

EDITAL Nº 001/2015 ESTABELECE NORMAS E ORIENTAÇÕES SOBRE O PROCESSO SELETIVO SENAI / COMPANHIA SIDERÚRGICA DO PECÉM CSP. EDITAL Nº 001/2015 ESTABELECE NORMAS E ORIENTAÇÕES SOBRE O PROCESSO SELETIVO SENAI / COMPANHIA SIDERÚRGICA DO PECÉM CSP. O SENAI, em parceria com a Companhia Siderúrgica do Pecém, torna público o Processo

Leia mais

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 008/2013 VESTIBULAR 2013/2 ENGENHARIA MECÂNICA - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais

EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

Faculdade de Tecnologia do Amapá Portaria, MEC Nº 1.956, de 06/07/2004. VESTIBULAR 1º SEMESTRE DE 2015/Edital de 07/10/2014

Faculdade de Tecnologia do Amapá Portaria, MEC Nº 1.956, de 06/07/2004. VESTIBULAR 1º SEMESTRE DE 2015/Edital de 07/10/2014 Processo Seletivo 2015.1 - EDITAL N 003-2014/COPEVE A Faculdade de Tecnologia do Amapá - META, situada na Rua Pedro Siqueira, N 333, Jardim Marco Zero Macapá AP, faz saber que estarão abertas as inscrições

Leia mais

TESTE SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIO Nº 001/2014 DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE E RECURSOS HÍDRICOS MUNICÍPIO DE MARMELEIRO-PR

TESTE SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIO Nº 001/2014 DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE E RECURSOS HÍDRICOS MUNICÍPIO DE MARMELEIRO-PR TESTE SELETIVO PARA CONTRATAÇÃO DE ESTAGIÁRIO Nº 001/2014 DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE E RECURSOS HÍDRICOS MUNICÍPIO DE MARMELEIRO-PR CADERNO DE PROVA CARGO: ESTAGIÁRIO DO DEPARTAMENTO DE MEIO AMBIENTE

Leia mais

NOTA DE REPÚDIO ou sob o regime de tempo parcial, a partir de quatorze anos

NOTA DE REPÚDIO ou sob o regime de tempo parcial, a partir de quatorze anos NOTA DE REPÚDIO A presente Nota faz considerações referentes à Proposta de Emenda Constitucional PEC nº 18 de 2011, de autoria do Deputado Federal Dilceu Sperafico e outros, que propõe o seguinte texto

Leia mais

2008-1 VESTIBULAR DE VERÃO. Porto Alegre, 14 de Julho de 2007. PORTO ALEGRE, 15 DE DEZEMBRO DE 2007. Formação é Atitude! Formação é atitude

2008-1 VESTIBULAR DE VERÃO. Porto Alegre, 14 de Julho de 2007. PORTO ALEGRE, 15 DE DEZEMBRO DE 2007. Formação é Atitude! Formação é atitude Formação é Atitude! VESTIBULAR DE VERÃO 2008-1 PORTO ALEGRE, 15 DE DEZEMBRO DE 2007. Porto Alegre, 14 de Julho de 2007. PROJETO EDUCAÇÃO CONTINUADA Redação Formação é atitude Maioridade Penal Discute-se

Leia mais

Associação Juinense de Educação Superior do Vale do Juruena Faculdade de Ciências Contábeis e Administração do Vale do Juruena

Associação Juinense de Educação Superior do Vale do Juruena Faculdade de Ciências Contábeis e Administração do Vale do Juruena Associação Juinense de Educação Superior do Vale do Juruena Faculdade de Ciências Contábeis e Administração do Vale do Juruena Curso: Especialização em Psicopedagogia Módulo: Noções Fundamentais de Direito

Leia mais

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL

Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL Faculdade Ibmec-MG Processo Seletivo 2012-2 / 2013-1 EDITAL I - DO PROCESSO SELETIVO De ordem do Senhor Diretor e para conhecimento de todos os interessados, torno público que, no período indicado neste

Leia mais

Nome: Assinatura: CONHECIMENTOS GERAIS (5 questões)

Nome: Assinatura: CONHECIMENTOS GERAIS (5 questões) Nome: Assinatura: CONHECIMENTOS GERAIS (5 questões) 1. O Ministério do Meio Ambiente, em junho de 2009, lançou campanha para o consumo consciente de sacolas plásticas, que já atingem, aproximadamente,

Leia mais

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

Documentos para o Embarque

Documentos para o Embarque Documentos para o Embarque C A N A s a c i D 2 Documentos para o Embarque Embarque Check-in Antes de embarcar em um voo, todos os passageiros devem fazer o check-in. Apresente-se para o check-in no horário

Leia mais

EDITAL FATEC SENAI Nº 02/2014

EDITAL FATEC SENAI Nº 02/2014 1 EDITAL FATEC SENAI Nº 02/2014 Processo Seletivo 2015 FATEC SENAI Campo Grande 1. Das disposições preliminares: 1.1 A Faculdade de Tecnologia SENAI Campo Grande, tendo em vista o disposto nas Leis nº

Leia mais

EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 011/2015 VESTIBULAR DE VERÃO 2016/1 - CURSO DE DESIGN UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades,

Leia mais

FACULDADE 7 DE SETEMBRO

FACULDADE 7 DE SETEMBRO FACULDADE 7 DE SETEMBRO PROCESSO SELETIVO 2015.1 EDITAL Nº 16/2014 A Faculdade 7 de Setembro (FA7), com base no seu Regimento Interno e nas disposições da legislação em vigor, torna pública, para conhecimento

Leia mais

LEI Nº 3.612, DE 13/09/2012.

LEI Nº 3.612, DE 13/09/2012. LEI Nº 3.612, DE 13/09/2012. DISPÕE SOBRE A CRIAÇÃO DO PROGRAMA FAMÍLIA ACOLHEDORA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O PREFEITO MUNICIPAL DE ARACRUZ, ESTADO DO ESPÍRITO SANTO, NO USO DE SUAS ATRIBUIÇÕES LEGAIS,

Leia mais

1 - DAS INSCRIÇÕES. 1.4 Portadores de necessidades especiais:

1 - DAS INSCRIÇÕES. 1.4 Portadores de necessidades especiais: 1 - DAS INSCRIÇÕES Cursos de Arquitetura e Urbanismo noturno, Administração noturno, Administração vespertino, Biomedicina noturno, Ciências Biológicas Bacharelado noturno, Ciências Biológicas Licenciatura

Leia mais

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE VAGAS REMANESCENETES 2º SEMESTRE DE 2015

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE VAGAS REMANESCENETES 2º SEMESTRE DE 2015 EDITAL DE PROCESSO SELETIVO DE VAGAS REMANESCENETES 2º SEMESTRE DE 2015 O Diretor da, mantida pela Saint Paul Educacional Ltda., no uso de suas atribuições regimentais e da legislação vigente, por meio

Leia mais

Concurso Público para Admissão ao Bacharelado

Concurso Público para Admissão ao Bacharelado Concurso Público para Admissão ao Bacharelado em Ciências Policiais de Segurança e Ordem Pública da Polícia Militar do Estado de São Paulo Assinatura do Candidato 2. Prova de Escolaridade (Parte II) INSTRUÇÕES

Leia mais

FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS FIESC

FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS FIESC FACULDADE INTEGRADA DE ENSINO SUPERIOR DE COLINAS DO TOCANTINS FIESC EDITAL DO PROCESSO SELETIVO PARA A SEGUNDA LICENCIATURA EM PEDAGOGIA - 2011/01 A Faculdade Integrada de Ensino Superior de Colinas do

Leia mais

PROCESSO SELETIVO TRANSFERÊNCIA 2010/2

PROCESSO SELETIVO TRANSFERÊNCIA 2010/2 ESCREVA AQUI SEU NÚMERO DE INSCRIÇÃO: INSTRUÇÕES 1. Só abra o caderno de prova quando autorizado. Ao fazê-lo, verifique se a seqüência de páginas está correta. Se encontrar alguma falha, chame um fiscal

Leia mais

Edital do Processo Seletivo de Transferência entre Faculdades 2014/1

Edital do Processo Seletivo de Transferência entre Faculdades 2014/1 Edital do Processo Seletivo de Transferência entre Faculdades 2014/1 A Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) de São Paulo, sob a responsabilidade do diretor-geral de graduação, professor Luiz

Leia mais

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE APRENDIZAGEM 2015 CSN-VOLTA REDONDA

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE APRENDIZAGEM 2015 CSN-VOLTA REDONDA EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE APRENDIZAGEM 2015 CSN-VOLTA REDONDA O presente edital destina-se ao preenchimento de 144 (cento e quarenta e quatro) vagas para Jovens Aprendizes nos Cursos do Programa

Leia mais

FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA

FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA UNESP CAMPUS DE BOTUCATU FACULDADE DE MEDICINA VETERINÁRIA E ZOOTECNIA EDITAL-56/2011-DDTA A Diretoria da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia UNESP Campus de Botucatu, torna público que estarão

Leia mais

COLÉGIO SHALOM PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO - 2015

COLÉGIO SHALOM PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO - 2015 1 COLÉGIO SHALOM PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO - 2015 EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO 2015 A Direção Geral do COLÉGIO SHALOM faz saber que as inscrições para o Processo Seletivo

Leia mais

EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01/2014 A Defensora Pública-Geral do Estado de Minas Gerais, Presidente da Comissão de Concurso, no uso de suas atribuições,

EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01/2014 A Defensora Pública-Geral do Estado de Minas Gerais, Presidente da Comissão de Concurso, no uso de suas atribuições, EDITAL DE RETIFICAÇÃO Nº 01/2014 A Defensora Pública-Geral do Estado de Minas Gerais, Presidente da Comissão de Concurso, no uso de suas atribuições, informa que em virtude da publicação da Emenda Constitucional

Leia mais

EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 012/2014 VESTIBULAR AGENDADO 2015/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

Cursinho Pré-Vestibular Vitoriano - Ibilce/Unesp E.E.P.S.G. Deputado Bady Bassit. Edital de Abertura. Processo Seletivo de alunos 2015

Cursinho Pré-Vestibular Vitoriano - Ibilce/Unesp E.E.P.S.G. Deputado Bady Bassit. Edital de Abertura. Processo Seletivo de alunos 2015 Cursinho Pré-Vestibular Vitoriano - Ibilce/Unesp E.E.P.S.G. Deputado Bady Bassit Edital de Abertura Processo Seletivo de alunos 2015 A coordenação 2014/2015 do Cursinho Vitoriano, projeto de extensão da

Leia mais

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2012.2 EDITAL Nº 001/2012

PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2012.2 EDITAL Nº 001/2012 1 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR FAENE 2012.2 EDITAL Nº 001/2012 A FACULDADE ESCOLA DE NEGÓCIOS EXCELLENCE FAENE torna pública a abertura de inscrições para o Processo Seletivo 2012 destinado a selecionar

Leia mais

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria da Receita Federal do Brasil Inspetoria da Receita Federal do Brasil em São Paulo

MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria da Receita Federal do Brasil Inspetoria da Receita Federal do Brasil em São Paulo MINISTÉRIO DA FAZENDA Secretaria da Receita Federal do Brasil Inspetoria da Receita Federal do Brasil em São Paulo ORDEM DE SERVIÇO IRF/SPO Nº 12, DE 24 DE MAIO DE 2011 Dispõe, provisoriamente, sobre a

Leia mais

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série

PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série PROFª CLEIDIVAINE DA S. REZENDE Disc. Sociologia / 1ª Série 1 - DEFINIÇÃO Direitos e deveres civis, sociais e políticos usufruir dos direitos e o cumprimento das obrigações constituem-se no exercício da

Leia mais

REQUISITOS PARA O EXERCÍCIO DA ATIVIDADE EMPRESARIAL

REQUISITOS PARA O EXERCÍCIO DA ATIVIDADE EMPRESARIAL 1. Capacidade para o exercício da empresa Atualmente, existe a possibilidade de a atividade empresarial ser desenvolvida pelo empresário individual, pessoa física, o qual deverá contar com capacidade para

Leia mais

SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS

SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO CARLOS SELEÇÃO PARA ESTAGIÁRIOS NÍVEL SUPERIOR REALIZAÇÃO: Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas U F S C a r EDITAL Nº 011/2012 O Pró-Reitor de Gestão de Pessoas da Universidade

Leia mais

Política de Proteção Infantil

Política de Proteção Infantil Política de Proteção Infantil Diga SIM à Proteção Infantil! Como uma organização internacional de desenvolvimento comunitário centrado na criança e no adolescente, cujo trabalho se fundamenta na Convenção

Leia mais

LEI Nº 6.686, DE 11 DE SETEMBRO DE 1979

LEI Nº 6.686, DE 11 DE SETEMBRO DE 1979 LEI Nº 6.686, DE 11 DE SETEMBRO DE 1979 Dispõe sobre o exercício da Análise Clínico- Laboratorial. Art. 1º Os atuais portadores de diploma de Ciências Biológicas, modalidade médica, bem como os diplomados

Leia mais

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS

PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS PROGRAMA JOVENS TALENTOS PARA A CIÊNCIA (PJT IC) ORIENTAÇÕES GERAIS 1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1.1 O Programa Bolsa Jovens Talentos para a Ciência (PJT- IC) tem como objetivo proporcionar a formação

Leia mais

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

A redução da maioridade penal não é a solução

A redução da maioridade penal não é a solução A redução da maioridade penal não é a solução Mandato do Deputado Estadual Marcelo Freixo 2 Redação: Ana Marcela Terra Bruno Villa Sidney Teles Tomás Ramos Edição: Renata Souza Revisão: Bruno Villa Fotos:

Leia mais

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE APRENDIZAGEM 2014 CSN-VOLTA REDONDA

EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE APRENDIZAGEM 2014 CSN-VOLTA REDONDA EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO DE APRENDIZAGEM 2014 CSN-VOLTA REDONDA O presente edital destina-se ao preenchimento de 156 (cento e cinqüenta e seis) vagas para Jovens Aprendizes nos Cursos do Programa

Leia mais

Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012

Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012 Vagas reservadas - Lei nº 12.711/2012 Candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL N.º 115, DE 09 DE MARÇO DE 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL N.º 115, DE 09 DE MARÇO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL N.º 115, DE 09 DE MARÇO DE 2015 Dispõe sobre a abertura do processo seletivo simplificado para preenchimento

Leia mais

EDITAL SECTI Nº 06/2015 PROGRAMA CIDADÃO DO MUNDO

EDITAL SECTI Nº 06/2015 PROGRAMA CIDADÃO DO MUNDO EDITAL SECTI Nº 06/2015 PROGRAMA CIDADÃO DO MUNDO O SECRETÁRIO DE ESTADO DA CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura do processo seletivo para participação no

Leia mais

Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011

Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011 Edital Processo Seletivo - 2º semestre de 2011 O Instituto de Ensino Superior João Alfredo de Andrade, por sua Comissão Organizadora do Processo Seletivo, instituída em caráter permanente pela Portaria

Leia mais

Centro Universitário Unieuro vestibular@unieuro.com.br

Centro Universitário Unieuro vestibular@unieuro.com.br A Comissão de Acesso ao Ensino Superior informa que estão abertas as inscrições para o 1º semestre letivo de 2016, nas seguintes modalidades: 1º Processo Seletivo Agendado Edital 21/2015 (para novos alunos)

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Concurso Público n.º 01/2015. Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ

MANUAL DO CANDIDATO. Concurso Público n.º 01/2015. Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ MANUAL DO CANDIDATO Concurso Público n.º 01/2015 Estado de Santa Catarina MUNICÍPIO DE IOMERÊ Orientações e Instruções para a Realização das Provas 1. Do horário de comparecimento para a realização das

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO VESTIBULAR/2015

CONCURSO PÚBLICO VESTIBULAR/2015 ESCOLA DE GOVERNO PROFESSOR PAULO NEVES DE CARVALHO FUNDAÇÃO JOÃO PINHEIRO Governo de Minas Gerais CONCURSO PÚBLICO VESTIBULAR/2015 2ª ETAPA Provas abertas: Matemática, História e Redação em Língua Portuguesa.

Leia mais

SELEÇÃO DE ALUNOS PARA INTERCÂMBIO INTERNACIONAL DE GRADUAÇÃO REITORIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA EDITAL 01/2015

SELEÇÃO DE ALUNOS PARA INTERCÂMBIO INTERNACIONAL DE GRADUAÇÃO REITORIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA EDITAL 01/2015 SELEÇÃO DE ALUNOS PARA INTERCÂMBIO INTERNACIONAL DE GRADUAÇÃO REITORIA DO CENTRO UNIVERSITÁRIO UNA EDITAL 01/2015 O Reitor do Centro Universitário UNA, Prof. Átila Simões da Cunha, no uso de suas atribuições,

Leia mais

Cuidados e orientações para a preparação e realização das provas. Cuidados e orientações que devem anteceder uma prova

Cuidados e orientações para a preparação e realização das provas. Cuidados e orientações que devem anteceder uma prova Cuidados e orientações para a preparação e realização das provas Prezados vestibulandos Não adianta apenas fundir a cabeça de tanto estudar se preparando para as provas dos vestibulares e pro Enem. É preciso

Leia mais

EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES

EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES EDITAL 014/2014 DE 05 DE NOVEMBRO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 - ENGENHARIA CIVIL E VAGAS REMANESCENTES A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular

Leia mais

EDITAL 010/2014 DE 25 DE AGOSTO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 I DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS HABILITAÇÕES

EDITAL 010/2014 DE 25 DE AGOSTO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 I DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS HABILITAÇÕES EDITAL 010/2014 DE 25 DE AGOSTO DE 2014 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.1 A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2015.1, para os cursos de Bacharelado em

Leia mais

EDITAL 09/2015 DE 16 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.2 VAGAS REMANESCENTES

EDITAL 09/2015 DE 16 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.2 VAGAS REMANESCENTES EDITAL 09/2015 DE 16 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.2 VAGAS REMANESCENTES A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2015.2 Vagas remanescentes,

Leia mais

VISTO DE TRATAMENTO MÉDICO

VISTO DE TRATAMENTO MÉDICO VISTO DE TRATAMENTO MÉDICO Documentos necessários: ESTRANG e O Ã E AÇ Carta do interessado, dirigida à Missão Consular de Angola, a solicitar o Visto de Tratamento Médico, com assinatura R G I reconhecida

Leia mais

PROCESSO SELETIVO 2015 Manual do Candidato

PROCESSO SELETIVO 2015 Manual do Candidato PROCESSO SELETIVO 2015 Manual do Candidato O cursinho pré-vestibular comunitário VestJr O cursinho pré-vestibular VestJr surgiu em 2003 seguindo a ideia já em curso da política de implementação de cursinhos

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve)

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve) UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS (UFMG) COMISSÃO PERMANENTE DO VESTIBULAR (Copeve) EDITAL DO PROGRAMA DE ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO AO VESTIBULAR (PITV) 2009 UFMG A Universidade Federal de Minas

Leia mais

VISTO DE FIXAÇÃO E RESIDÊNCIA. e Residência, com assinatura reconhecida no Notário e visado por este Consulado;

VISTO DE FIXAÇÃO E RESIDÊNCIA. e Residência, com assinatura reconhecida no Notário e visado por este Consulado; VISTO DE FIXAÇÃO E RESIDÊNCIA Documentos necessários: ESTRANG e O Ã E AÇ Carta do requerente, devidamente fundamentada, dirigida à Missão Consular de Angola, a solicitar o Visto de Fixação R G I IRO e

Leia mais

MINUTA DO EDITAL Nº 01/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CADASTRADOR E ENTREVISTADOR DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA

MINUTA DO EDITAL Nº 01/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CADASTRADOR E ENTREVISTADOR DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA MINUTA DO EDITAL Nº 01/2015 PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO CADASTRADOR E ENTREVISTADOR DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA O PREFEITO MUNICIPAL DE NOVA ANDRADINA, Estado de Mato Grosso do Sul, no uso de suas atribuições,

Leia mais

ACORDO BÁSICO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA Assinado no Rio de Janeiro, a 29 de dezembro de 1964.

ACORDO BÁSICO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA Assinado no Rio de Janeiro, a 29 de dezembro de 1964. ACORDO BÁSICO DE ASSISTÊNCIA TÉCNICA Assinado no Rio de Janeiro, a 29 de dezembro de 1964. Aprovado pelo Decreto Legislativo nº 11, de 1966. Entrada em vigor (art. 6º, 1º) a 2 de maio de 1966. Promulgado

Leia mais

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R

W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R 8 PASSOS PARA INVESTIR EM AÇÕES SEM SER UM ESPECIALISTA W W W. G U I A I N V E S T. C O M. B R Aviso Importante O autor não tem nenhum vínculo com as pessoas, instituições financeiras e produtos, citados,

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE INSCRIÇÃO PARA O PROGRAMA SOCIAL BOLSA UNIVERSITÁRIA EDITAL Nº 003/2015

PROCESSO SELETIVO DE INSCRIÇÃO PARA O PROGRAMA SOCIAL BOLSA UNIVERSITÁRIA EDITAL Nº 003/2015 O Município de Itapemirim, Estado do Espírito Santo, por intermédio da Comissão Executiva instituída pela Portaria nº 008, de 27 de janeiro de 2015. TORNA PÚBLICO que realizará Processo Seletivo de Inscrição

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL ASSEMBLEIA LEGISLATIVA Gabinete de Consultoria Legislativa LEI Nº 11.620 DE 14 DE MAIO DE 2001. (publicada no DOE nº 91, de 15 de maio de 2001) Institui o Programa de Garantia

Leia mais

EDITAL 012/2015 DE 18 DE AGOSTO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 I DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS HABILITAÇÕES

EDITAL 012/2015 DE 18 DE AGOSTO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 I DA DENOMINAÇÃO E RESPECTIVAS HABILITAÇÕES EDITAL 012/2015 DE 18 DE AGOSTO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2016.1 A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2016.1, para os cursos de Bacharelado em

Leia mais

Teste de Habilidade Específica - THE

Teste de Habilidade Específica - THE LEIA COM ATENÇÃO 1. Só abra este caderno após ler todas as instruções e quando for autorizado pelos fiscais da sala. 2. Preencha os dados pessoais. 3. Autorizado o inicio da prova, verifique se este caderno

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL N.º 008, DE 30 DE JULHO DE 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL N.º 008, DE 30 DE JULHO DE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE SÃO PAULO EDITAL N.º 008, DE 30 DE JULHO DE 2015 Dispõe sobre a abertura do processo seletivo simplificado para preenchimento

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÚJOS

PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAÚJOS EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 006 / 2015 ASSISTENTE EDUCACIONAL Processo Seletivo Simplificado de Provas Objetivas para provimento de vagas remanescentes em cargos não preenchidos pelo Concurso

Leia mais

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Estagiário sob Responsabilidade de Pessoa Jurídica

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Estagiário sob Responsabilidade de Pessoa Jurídica Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Estagiário sob Responsabilidade de Pessoa Jurídica AS CÓPIAS DOS DOCUMENTOS APRESENTADOS DEVERÃO ESTAR AUTENTICADAS OU ACOMPANHADAS DOS ORIGINAIS. 1. Preencher

Leia mais

Ciências Humanas e Suas Tecnologias - Geografia Ensino Médio, 3º Ano Principais Conferências Internacionais sobre o Meio Ambiente

Ciências Humanas e Suas Tecnologias - Geografia Ensino Médio, 3º Ano Principais Conferências Internacionais sobre o Meio Ambiente Ciências Humanas e Suas Tecnologias - Geografia Ensino Médio, 3º Ano Principais Conferências Internacionais sobre o Meio Ambiente Prof. Claudimar Fontinele Em dois momentos a ONU reuniu nações para debater

Leia mais

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Pessoa Física

Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Pessoa Física Relação de Documentos Exigidos Para Inscrição de Pessoa Física AS CÓPIAS DOS DOCUMENTOS APRESENTADOS DEVERÃO ESTAR AUTENTICADAS OU ACOMPANHADAS DOS ORIGINAIS. 1. Preencher o requerimento, que deverá ser

Leia mais

REPÚBLICA DE ANGOLA CONSULADO GERAL DA REPÚBLICA DE ANGOLA PEDIDO DE VISTO TRABALHO PRIVILEGIADO PARA FIXAÇÃO DE RESIDÊNCIA

REPÚBLICA DE ANGOLA CONSULADO GERAL DA REPÚBLICA DE ANGOLA PEDIDO DE VISTO TRABALHO PRIVILEGIADO PARA FIXAÇÃO DE RESIDÊNCIA Vistos de Privilegiado Documentos necessários: Carta do interessado, dirigida à Missão Consular de Angola, a solicitar o visto, com assinatura reconhecida pelo Notário e visado por este Consulado; Formulário

Leia mais

PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS REMANESCENTES CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO MODALIDADE PROEJA EDITAL Nº 21, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2011

PROCESSO SELETIVO PARA PREENCHIMENTO DE VAGAS REMANESCENTES CURSOS TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO MODALIDADE PROEJA EDITAL Nº 21, DE 10 DE FEVEREIRO DE 2011 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA FARROUPILHA PRÓ-REITORIA DE ENSINO Rua Esmeralda, 430 Faixa Nova Camobi -97110-767

Leia mais

Regulamento Concurso Cultural Problem Ariana Grande"

Regulamento Concurso Cultural Problem Ariana Grande Regulamento Concurso Cultural Problem Ariana Grande" 1. DO CONCURSO 1.1. O Concurso Cultural Problem Ariana Grande ( Concurso ) será promovido pela Universal Music Brasil. (Realizadora). Trata- se de Concurso

Leia mais

Aprovado pela Resolução nº. 022/2011 do Conselho Superior/IFMA EDITAL N 89 / 2014

Aprovado pela Resolução nº. 022/2011 do Conselho Superior/IFMA EDITAL N 89 / 2014 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO MARANHÃO DIRETORIA DE DESENVOLVIMENTO AO ENSINO NÚCLEO DE ASSISTÊNCIA AO EDUCANDO SELEÇÃO PARA O PROJETO AUXÍLIO TRANPORTE/2014.2

Leia mais

Consulado Geral de Angola em Caracas/Venezuela

Consulado Geral de Angola em Caracas/Venezuela REPÚBLICA DE ANGOLA Consulado Geral de Angola em Caracas/Venezuela PEDIDO DE VISTO DE ENTRADA Tratamento Médico Trabalho Ordinário Fixação de Residência Trânsito Privilegiado Permanência Temporária Turismo

Leia mais

Online Visa Aplication - Canadá

Online Visa Aplication - Canadá Online Visa Aplication - Canadá Este formulário é uma versão em português das principais informações necessárias para a Solicitação Online de Visto para o Canadá. Essas informações são as disponíveis,

Leia mais

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 001/2009.

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 001/2009. EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO TEMPORÁRIA Nº 001/2009. A PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE VOTUPORANGA, Estado de São Paulo, torna público na forma prevista no Artigo 37

Leia mais

LEI COMPLEMENTAR N. 86

LEI COMPLEMENTAR N. 86 LEI COMPLEMENTAR N. 86 Dispõe sobre a criação do Emprego Público de Agente Comunitário de Saúde e Agente de Combate às Endemias, sobre o respectivo processo seletivo público e dá outras providências. Faço

Leia mais

EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1

EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1 EDITAL VESTIBULAR FLORENCE AGENDADO SEMESTRE LETIVO 2016.1 EDITAL N 15 2016 PROCESSO SELETIVO 2016.1 A Diretora Geral do Instituto Florence de Ensino Superior, no uso de suas atribuições regimentais, torna

Leia mais

RESOLUÇÃO FADISA N.º 005/2008 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA

RESOLUÇÃO FADISA N.º 005/2008 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA RESOLUÇÃO FADISA N.º 005/2008 CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO FADISA O Presidente do CONSELHO SUPERIOR DA FACULDADE DE DIREITO SANTO AGOSTINHO - FADISA, Professor Ms. ANTÔNIO

Leia mais

EDITAL 05/2015 DE 16 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.2

EDITAL 05/2015 DE 16 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.2 EDITAL 05/2015 DE 16 DE MARÇO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR 2015.2 A Faculdade Maria Milza FAMAM torna público o Edital do Processo Seletivo Vestibular 2015.2, para os cursos de Bacharelado em Administração,

Leia mais

CONHECIMENTOS GERAIS

CONHECIMENTOS GERAIS Nome: Assinatura: CONHECIMENTOS GERAIS (5 questões) 1. O Ministério do Meio Ambiente, em junho de 2009, lançou campanha para o consumo consciente de sacolas plásticas, que já atingem, aproximadamente,

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO 2015-1 - ESPM-Sul

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO 2015-1 - ESPM-Sul EDITAL DO PROCESSO SELETIVO CLASSIFICATÓRIO 2015-1 - ESPM-Sul O Diretor Geral da Escola Superior de Propaganda e Marketing - Unidade Porto Alegre, em consonância com o regimento da instituição, torna públicas

Leia mais

EDITAL Nº 009/2014 VESTIBULAR DE VERÃO 2015/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 009/2014 VESTIBULAR DE VERÃO 2015/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 009/2014 VESTIBULAR DE VERÃO 2015/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ltda UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

EDITAL DE INSCRIÇÃO E PROCESSO SELETIVO PROGRAMA ADOLESCENTE APRENDIZ

EDITAL DE INSCRIÇÃO E PROCESSO SELETIVO PROGRAMA ADOLESCENTE APRENDIZ A Chocolates Garoto S/A compreendendo a importância do Programa de Aprendizagem abre inscrições para filhos(as), irmãos(ãs), sobrinhos(as), primos(as) e comunidade indicada por seus colaboradores e prestadores

Leia mais

Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210

Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210 MANUAL DO CANDIDATO Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210 Telefones: (43) 3174-5454 ou 3174-5464 E-mail: secretaria@faculdadecatuai.com.br Horário:

Leia mais

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1

EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 FACULDADE MAURICIO DE NASSAU DE BELÉM MANTIDA PELO GRUPO SER EDUCACIONAL CREDENCIAMENTO: PORTARIA Nº 571, DE 13 DE MAIO DE, DOU 16 DE MAIO DE SEÇÃO I EDITAL DO PROCESSO SELETIVO 2015.1 O Diretor da Faculdade

Leia mais

O artigo 427, da CLT, determina que o empregador, cuja empresa ou estabelecimento ocupar menores, seja obrigado a conceder-lhes o tempo que for

O artigo 427, da CLT, determina que o empregador, cuja empresa ou estabelecimento ocupar menores, seja obrigado a conceder-lhes o tempo que for PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO Nº, DE 2015 (Do Sr. Ricardo Izar e outros) Altera o artigo 7º, inciso XXXIII, da Constituição Federal, para dispor sobre a maioridade laboral. As Mesas da Câmara dos Deputados

Leia mais

FACULDADE DE EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE

FACULDADE DE EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE FACULDADE DE EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE (Port. MEC nº 797/14, de 11/09/2014, publicada no DOU em 12/09/2014) EDITAL 2016/1 - PROCESSO SELETIVO GRADUAÇÃO PRESENCIAL O Diretor Geral da Faculdade de Educação

Leia mais

EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC.

EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC. EDITAL Nº 06/2012 DISPÕE SOBRE O PROCESSO SELETIVO PARA BOLSAS DE ESTUDO NA ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING ESIC. A Escola Superior de Gestão Comercial e Marketing ESIC, mantido pela Associação

Leia mais

Gerência Executiva de Comunicação Corporativa, Inteligência Competitiva e Sustentabilidade

Gerência Executiva de Comunicação Corporativa, Inteligência Competitiva e Sustentabilidade Gerência Executiva de Comunicação Corporativa, Inteligência Competitiva e Sustentabilidade Edital Processo Seletivo Programa Formare Aprendiz Santos Brasil 2016 1 Edital Processo Seletivo Programa Formare

Leia mais

- A apresentação da xérox e documento original de identidade (RG ou carteira de trabalho, Reservista ou Habilitação);

- A apresentação da xérox e documento original de identidade (RG ou carteira de trabalho, Reservista ou Habilitação); INSCRIÇÕES Locais de Inscrição Faculdade de Ensino Superior de Floriano - FAESF. Rua Nogueira Paranaguá, 508, Manguinha Datas e Horários As inscrições para o Processo Seletivo 2010.2-B da FAESF poderão

Leia mais