DISCIPULADO SEM FRONTEIRAS APOSTILA 4 PRINCÍPIOS CRISTÃOS AULA 31 VIRTUDES HUMANAS (PARTE 2)

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISCIPULADO SEM FRONTEIRAS APOSTILA 4 PRINCÍPIOS CRISTÃOS AULA 31 VIRTUDES HUMANAS (PARTE 2)"

Transcrição

1 APOSTILA 4 PRINCÍPIOS CRISTÃOS AULA 31 VIRTUDES HUMANAS (PARTE 2) Como já vimos na aula 30, temos levado em consideração o caráter desta apostila como material de aprofundamento ou subsídio teológico, assim, continuamos a sugerir uma abordagem seletiva de assuntos ou aplicação dos tópicos em visão geral, durante as aulas. A IMPORTÂNCIA DA ANÁLISE DOS ASSUNTOS À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Lembramos, que o conhecimento das virtudes humanas no hebráico, possibilitam o entendimento da mentalidade do povo judeu sobre essas palavras analisadas, bem como, através do grego conheceremos não apenas o parecer da Igreja primitiva sobre estas realidades, mas também, como houve a mudança perceptiva da doutrina judáica, para a visão cristã, pela presença de Cristo, no novo pacto eclesial. TOMO 4: (Tópicos 10 a 14 PARTE 2) TÓPICO 10 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA PUREZA NA QUESTÃO DA SINCERIDADE NA VIDA DO CRISTÃO: a)pureza: Ausência de conduta imoral e presença de integridade. Hebráico rb bor - limpeza; selecionar, polir, escolher, depurar, limpar ou tornar brilhante testar ou provar como polir flechas. (2 Sm.22:21); Hebráico rwhj tahowr ou rhj tahor - limpo (cerimonialmente, fisicamente, moralmente e eticamente)-(pv.22:11); Hebráico Kz zak - limpo, justo, como ser brilhante, claro, reluzente.(ex.27:20); Hebráico rrb barar - selecionado, polido, escolhido, depurado, limpo ou tornado brilhante, testado ou provado.(2 Sm.22:27); Hebráico rgo cagar - puro, no sentido de ser fechado, preso à pureza, sem impurezas; sem contaminação estranha (1 Rs.6:20); Hebráico bwj towb - agradável, amável aos sentidos; bom, excelente, referindo-se à sua espécie; rico, considerado valioso, conveniente; melhor (comparativo); satisfeito, feliz, próspero (referindo-se à natureza sensitiva humana); boa compreensão (referindo-se à natureza intelectual humana); generoso, benigno; correto (eticamente); coisa boa, benefício, bem estar; prosperidade, felicidade; coisas boas (coletivo); benefício moral; prosperidade, felicidade; generosidade (2 Cr.3:5); Hebráico rhj taher- ser puro, limpo (fisicamente-referindo-se a doença); cerimonialmente e moralmente limpo; apresentar-se para purificação (Jó.4:17); Hebráico hkz zakah - sentido de ser transluzente; mostrar-se através de algo; refletir, ser claro, justificado, brilhante (Jó.15:14); Hebráico Px chaph - Sentido moral de coberto de terra e descalço nos pés; inocente, puro, limpo; fazer-se oculto ao mal, coberto por táboas como da Lei (Jó.33:9). Hebráico zp paz - Como ouro puro ou refinado; (Sl.21:3); Hebráico Mtk kethem - Como ouro puro, sentido de não estar maculado ou corrompido (Pv.25:12); Hebráico Pru tsaraph - fundir, refinar, provar se verdadeiro (Pv.30:5); Hebráico rb bar - puro, claro, sincero; limpo, vazio (Ct.6:10); Hebráico tma emeth - firmeza, fidelidade, verdade, certeza, credibilidade, estabilidade, constância como testemunho, julgamento, instrução divina, verdade ética (Jr.2:21); Hebráico aqn (aramaico) - limpo, puro (Dn.7:9); Hebráico vdq qadash - consagrar, santificar, preparar, dedicar, ser consagrado, ser santo, ser santificado, ser separado (1 Sm.21:5); Hebráico ajx chata - purificar da impureza e do pecado (Sl.51:7);

2 Hebráico qqz zaqaq - purificar, destilar, coar, refinar (1 Cr.29:4); Hebráico qrm maraq - esfregar, polir para brilhar (2 Cr.4:16); Hebráico hrhj tohorah - pureza, limpeza, purificação como que da menstruação (Ez.44:26); Aramáico qdu tsadaq - ser justo, correto na conduta e no caráter; fazer ou promover justiça (na administração da lei) (Dn.8:14); Hebráico reb ba ar purificar no sentido de queimar, consumir, acender, remover a culpanão sendo de coração insensível (Is.4:4); Hebráico qwrmt tamruwq ou qrmt tamruq ou qyrmt tamriyq - purificação indicando raspagem, esfregadura como remédio (para um ferimento) (Pv.20:30); Hebráico rhj tohar - pureza, purificação, ato de purificar; claridade, brilho (Lv.12:4); Grego agnov hagnos - respeitável, santo; puro de sensualidades, casto, recatado; puro de todas as faltas, imaculado; como aquecer, manter quente; cuidar com amor terno, cuidar com carinho (Fp.4:8; 1 Tm.4:12; 1 Tm.5:2); Grego kayarov katharos - limpo, puro fisicamente, como que purificado pelo fogo, numa comparação, como uma vinha limpa pela poda e bem preparado para carregar de frutas; num sentido levítico de limpar, o uso do que não é proibido, que não torna impuro; eticamente como livre de desejo corrupto, de pecado e culpa, de qualquer falsidade; genuíno, sincero e inocente. (1 Tm.1:5); Grego aproskopov aproskopos - o que não causa tropeço como um caminho plano que não conduz outros ao pecado pelo modo de vida que leva; não arrastado ao pecado, sem culpa ou ofensa, não pertubado por um consciência de pecado (At.24:16). Grego kayarizw katharizo - tornar limpo, limpar num sentido moral, da contaminação do pecado e das culpas; consagrar, dedicar, anunciar que está limpo num sentido levítico (Mc.7:19); Grego agneia hagneia - pureza, castidade, integridade de vida (2 Co.6:6); Grego agnizw hagnizo - cerimonialmente tornar puro, purificar, limpar moralmente (At.21:24); Grego rantizw rhantizo sentido de aspergir (rhaino) - limpar pela aspersão, com o objetivo de purificar (Hb.10:22); Grego kayairw kathairo - limpar sujeira, impureza, etc; como podar árvores e videiras dos rebentos desnecessários, expiando a culpa (Hb.10:2); Grego ekkayairw ekkathairo - purificar, limpar totalmente, limpar (Lc.5:12); Grego kayarismov katharismos - limpeza, purificação, como uma purgação ou lavagem ritual da lavagem dos judeus antes e depois de suas refeições; da purificação levítica de mulheres depois do parto e da limpeza de culpa de pecados feito pelo sacrifício expiatório de Cristo (Mc.1:44); Grego agnismov hagnismos - purificação, expiação (At.21:26); Grego kayarothv katharotes - limpeza, pureza num sentido levítico (Hb.9:13); ANALISANDO O ASSUNTO DA PUREZA À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a pureza com pelo menos três visões distintas (seleção cerimonial, justiça social e consagração cerimonial pessoal em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para santidade, purificação feitas pelo sacrifício expiatório de Cristo, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA PUREZA: Precede a sinceridade (Gn.20:5); Tirar a idolatria (Gn.35:2); Traz recompensa de justiça (2 Sm.22:21;Jó.8:6;Sl.18:20; Sl.18:24;); Traz reciprocidade (2 Sm.22:27;Jó.14:4;Sl.18:26;); Requer perseverança (2 Rs.5:14); Deus é mais puro (Jó.4:17; Jó.15:14-15; Jó.25:5; Sl.51:4; Hb.9:23;); Condição da oração (Jó.16:17); Cresce e traz força (Jó.17:9); Traz liberdade até ao que não merece (Jó.22:30); É ser limpo (Jó.33:9;Sl.24:4;Sl.51:2;Sl.51:7; Sl.51:10;Is.1:16 e 25; Is.48:10; Ez.36:25; Dn.12:10; Tg.4:8); A Palavra do Senhor é pura (Sl.12:6; Sl.19:8; Sl.119:9; Sl.119:140; Pv.30:5; Ef.5:28;); Condição de Santidade (Pv.22:11;2 Tm.2:21-22; Tt.1:15; Hb.10:22;Tg.3:17;); Deus purifica (Mt.8:3; Lc.7:22; At.10:15; Tt.2:14; Hb.1:3; Hb.9:14; 1 Pe.1:22; 1 Jo.1:7;1 Jo.1:9; 1 Jo.3:3); Serve de Testemunho (Mc.1:44;2 Co.7:11;1 Tm.4:12; 1 Tm.5:2;Tg.1:27;); Age pela fé (At.15:9); Condição do Ministério (2

3 Co.6:6; 2 Co.11:2;1 Tm.5:22; 2 Tm.1:3;Hb.10:2;); Aperfeiçoado na santidade e temor (2 Co.7:1;Fp.4;8;1 Tm.1:5;1 Tm.3:9;); Nova Jerusalém é pura juntamente com o Rio da Vida e nossas vestes brancas (Ap.19:8; Ap.21:18-21; Ap.22:1). c)na FILOSOFIA COM TEMÁTICA CRISTÃ: A pureza é difícil de ser aprendida pois precisa ser experimentada para que se saiba que é verdadeira e não apenas uma impureza diferente da dos outros. É mais fácil vivê-la que explicá-la. A pureza sem amor, vira compulsividade, como por exemplo, exterminar um povo por pretexto de realizar uma pureza ética, como Hitler fez. Nas religiões, a impureza é o que ela proíbe e a pureza é o que nos permite chegar próximo do que é sagrado. Mas essa pureza não é apenas moral, mas também, deve ser pedagógica e cultural, pois podemos interrogar, julgar e condenar alguém que julgamos impuros na nossa visão de pureza que também pode ser impura aos olhos de quem condenamos e assim, somos condenados também. Pureza não é abstenção de prazer, castidade feminina ou sentimento de vergonha, de mal-estar, gerado pelo que pode ferir a decência, a honestidade ou a modéstia; ela é o amor; não é a ausência do desejo, mas o desejo sem violência, aceito e compartilhado, para elevar e celebrar o que se ama. Poderemos ser egoístas, cruéis e maldosos, quando queremos exercer força ou poder em nome de uma pureza, pois o que se apossa dizendo-se ser por amor, na verdade é apenas uma paixão egocêntrica do Eu, disposta a fazer o mal, indiferente ao sofrimento do outro que se diz amar. O interesse, egoísmo e cobiça são frutos do desejo impuro da alma, que precisa ser purificada para ser pura, como pobreza, despojamento e abandono de si mesma, não obtida pela redução/negação dos apetites dos deleites da vida, mas pela presença do Espírito Santo que implanta o fruto do domínio próprio. d)pergunta-se: Toda pessoa pura é aceitável para Deus? Se essa pureza é indiferente aos outros, fingida, pretendendo uma moral discriminatória baseada no julgamento ou condenação, exercendo a violência para ser aceita, será apenas um egoísmo cruel, maldoso, cobiçoso e disfarçado de amor. TÓPICO 11 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA DOÇURA NA QUESTÃO DA PUREZA NA VIDA DO CRISTÃO: a)doçura/doce: Qualidade do que é doce; brandura, suavidade, serenidade, meiguice, ternura. Hebráico qwtm mathowq ou qwtm mathuwq - doçura, agradável (coisa); (Pv.16:21; Pv.27:9); Hebráico qtm mathaq - ser ou tornar-se doce ou agradável; sorver, dar gosto doce (Jó.20:12); Hebráico bre areb - suave, agradável (Ct.2:14); Hebráico qtmm mamtaq ou (plural) Myqtmm - doçura, coisa doce (Ct.5:16); Hebráico Ulm malats - ser liso, ser escorregadio; ser suave (favorável, agradável) (Sl.119:103); Hebráico qtm motheq doçura (Jz.9:11); Grego glukuv glukus - Doce. (Tg.3:11); ANALISANDO O ASSUNTO DA DOÇURA À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a doçura com pelo menos três visões distintas (algo doce, agradável e suave em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para algo doce, agradável e suave em total conhecimento do Messias, Cristo, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA DOÇURA:

4 É um bom fruto (Jz.9:11); É fruto da fortaleza espiritual (Jz.14:14); Gera o ensino (Pv.16:21); Presente no Conselho do Amigo fiel (Pv.27:9); Nasce do clamor ao Senhor (Ex.15:25); O temor do Senhor é doce (Sl.19:9-10); A Palavra do Senhor é doce (Sl.119:103); As palavras suaves são doces para a alma (Pv.16:24); A amargura do faminto é doce (Pv.27:7); Desejar a Jesus é doce (Ct.2:3); A igreja é doce a Jesus (Ct.2:14); Dormir é doce (Jr.31:26); Comer a Palavra é doce (Ez.3:3; Ap.10:9-10); Doçura é exclusivista (Tg.3;11-12); c)na FILOSOFIA COM TEMÁTICA CRISTÃ: A doçura não é compaixão que sofre com o sofrimento do outro, pois a doçura se recusa a produzir ou aumentar o sofrimento do outro; também não é generosidade que quer fazer bem ao outro, pois a doçura se recusa a fazer o mal.anda junta com a pureza. d)pergunta-se: Toda pessoa doce é aceitável para Deus? Se essa doçura é uma fuga, ação de cooperação fraudulenta, fruto de um medo de se enfrentar aparentes generosidades importunas como ações invasoras, esmagadoras e brutais dos mais fortes para com as minorias exploradas, não passa de uma covardia revestida de falsidade. TÓPICO 12 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA BRANDURA NA QUESTÃO DA DOÇURA NA VIDA DO CRISTÃO: a)brandura Qualidade ou caráter de brando; maleabilidade; mansidão. Hebráico Kr rak - tenro, macio, delicado, fraco de coração, tímido, suave, referindo-se a palavras gentis (Pv.15:1); Hebráico ja at - significando mover-se suavemente; brandura, suavidade, gentilmente (Is.8:6); Hebráico Kkr rakak - ser meigo, ser brando, ofertante e também, ser fraco, tímido, medroso, amolecido ou ser macio (palavras traiçoeiras) (Sl.55:21); Grego upopnew hupopneo - soprar suavemente (At.27:13); ANALISANDO O ASSUNTO DA BRANDURA À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a brandura com pelo menos três visões distintas (timidez, fala mansa e oferta em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para o viver suave, a força de trabalho e o modo de vida mostrando Cristo no viver diário, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA BRANDURA: Agir com amor (2 Sm.18:5; 1 Ts.2:7); Traz engrandecimento (2 Sm.22:36); Depende da atitude do coração (Sl.55:21); Desvia o furor (Pv.15:1); Amolece a dureza de coração (Pv.25:15); Incita liberalidade, generosidade e concessão (At.24:23); c)pergunta-se: Toda pessoa branda é aceitável para Deus? Se a brandura for somente externa e momentânea, pode ser uma vingança premeditada. TÓPICO 13 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA MANSIDÃO NA QUESTÃO DA BRANDURA NA VIDA DO CRISTÃO: a)mansidão: Agir pacífico e bondoso; delicadeza.

5 Hebráico Pwla alluwph ou (forma contrata) Pla alluph - manso, dócil;amigo, íntimo;como quem se associa para aprender e ensinar junto (Jr.11:19); Hebráico wne anav ou wyne anayv - humilde, modesto; como quem é menosprezado/intimidado (Nm.12:3); Hebráico hwne anavah - humildade, mansidão (Sf.2:3); Grego hsuciov hesuchios - calmo, tranqüilo (1 Tm.2:2); Grego prauv praus - gentileza, bondade de espírito, humildade (1 Pe.3:4). Grego praov praos - gentil, suave, meigo; Grego praothv praotes - gentileza, bondade, humildade (1 Co.4:21); Grego prauthv prautes - gentileza, bondade de espírito, humildade (Tg.1:21); ANALISANDO O ASSUNTO DA MANSIDÃO À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a mansidão com pelo menos três visões distintas (amizade, associação ao aprendizado ou resultado de intimidação em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para gentileza, tranquilidade na paz de Cristo e fruto do espírito, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA MANSIDÃO: Nem todo agir manso revela essa virtude (Jz.4:21; Rt.3:7; 1 Sm.24:4;1 Rs.21:27;); Deus fala manso (1 Rs.19:12;Mt.11:29;Mt.21:5;); Mansos serão ouvidos (Sl.10:17); Ela engrandece (Sl.18:35); Ela traz fartura (Sl.22:26); Traz tranqüilidade no Senhor (Sl.23:2;1 Pe.3;4;1 Pe.3:15); Traz justiça e ensino (Sl.25:9;Sl.76:9;Is.11:4;Sf.2;3;1 Co.4:21;2 Co.10:1;Gl.6:1;Tg.1:21); Traz alegria (Sl.34:2;Is.29:19); Traz paz (Sl.37:11;Ef.4:2;); Traz prosperidade (Sl.45:4); Traz satisfação e salvação (Sl.69:32;Sl.149:4;Is.49:10;Is.61:1;Mt.5:5;); Traz graça (Pv.3:34); Revela humildade (Pv.16:19;2 Tm.2:24-25;Tt.3:2;); Combate falsidade (Is.32:7); Fruto do Espírito Santo (Gl.5:22; Cl.3:12; 1 Tm.6:11; Tg.3:13); c)pergunta-se: Todo manso é aceitável para Deus? Se a mansidão ocorrer somente na precisão de trabalho, poderá ser uma preguiça intencional. TÓPICO 14 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DO AGRADO NA QUESTÃO DA MANSIDÃO NA VIDA DO CRISTÃO: a)agradável/agradar: Delicado; fácil e cortês nas relações; bondoso. Hebráico xms samach - regozijar-se, estar alegre, exultar (Jz.9:13); Hebráico bbl lebab agradar pelo seu interior, mente, vontade, coração, alma, inteligência, mente, conhecimento, razão, reflexão, memória, inclinação, resolução, determinação da vontade da consciência e do caráter moral (1 Sm.13:14); Hebráico gne anag agradar, sendo delicado, habituado, como criança mimada pelo Pai, feliz sem zombar (Sl.37:4); Hebráico Upx chaphets - comprazer-se, ter prazer, desejar, estar contente com prazer em Deus, curvando-se a Ele (Sl.40:8); Hebráicohur ratsah - estar contente, ser favorável, aceitar favoravelmente, determinado a tornar-se aceitável ou agradável e aceitar o favor (Sl.147:11); Hebráico Nwur ratsown ou Nur ratson - prazer, deleite, favor, boa vontade, aceitação (Pv.10:32); Hebráico Nye ayin agradar aos olhos, como qualidades mentais e espirituais, como fonte, manancial de graça (Ex.21:8);

6 Hebráico dmx chamad - desejar, cobiçar. (Gn.3:6); Hebráico bjy yatab - bom,bem colocado, jubilar pelo correto. (Gn.41:37); Hebráico nichowach - calma, suave, tranqüilidade, indicando repouso (Ex.29:18); Hebráico bwj towb - bom, amável, excelente, valioso, apropriado, conveniente, melhor, satisfeito, feliz, próspero (natureza sensitiva humana); de boa compreensão (natureza intelectual humana), benigno e correto (eticamente) - (2 Sm.19:8); Hebráico bre areb - com a idéia de associação estreita; ser agradável;, aprazível, como comprometimento em garantia (Sl.104:34); Hebráico na iym - agradável, gracioso, doce, amável, favorável como canto, som agradável, música (Sl.131;1); Hebráico ta avah - desejo, vontade, anseios do coração de alguém; coisa desejada, objeto de desejo (Pv.19:22); Hebráico rxb bachar indicando agradar pela escolha, eleição, decisão por seleção (Gn.6:2); Hebráico rvy yashar indicando agradar pela ação correta, direita, justa suave como guiar em linha reta, endeireitar e aplainar (1 Rs.9:12); Hebráico vpn nephesh (alma) agradar indicando a alma, desejo, emoção, paixão envolvendo mente, vontade e caráter (Gn.23:8); Hebráico lay ya al idéia de estabelecer um começo, mostrar disposição, comprometer-se a estar contente, concordar, mostrar disposição, resolver, estar contente, estar determinado (Jó.6:9); Hebráico hev sha ah agradar no sentido de olhar, considerar, fitar ou observar ao redor, contemplar como quem anseia por algo ou alguém (Gn.4:4); Hebráico emv shama agradar no sentido de ouvir, escutar, obedecer, compreender (2 Rs.20:13); Hebráico harm mar eh sentido- agradar pela vista, aparência, visão, fenômeno, aspecto (Ec.11:9); Hebráico Men na em - ser agradável, ser belo, ser gracioso, ser encantador, ser amável (Sl.141:6); Hebráico Men no am agrado, indicando bondade, amabilidade, encanto, beleza, favor (Pv.16:24); Aramáico hdmx chemdah agrado indicando desejo, aquilo que é desejável, precioso (Dn.11:38); Hebráico xwxyn xyn nichowach ou xxyn niychoach agradável, calma, suave, tranqüilidade (Ex.29:25); Hebráico Nx chen agrado, indicando favor, graça, charme, elegância, aceitação (Dt.24:1); Grego arestov arestos - agradável, apropriado (1 Jo.3:22) Grego euarestew euaresteo - ser agradável, agradar; estar muito contente (Hb.11:5); Grego areskw aresko - idéia de forte emoção - esforçar-se para agradar por opiniões, desejos e interesses dos outros (1 Ts.2:15); Grego antrwpareskov anthropareskos - o que se esforça para agradar o homem, que corteja o favor dos homens (Ef.6:6); Grego eudokia eudokia agrado pela boa vontade, bom intento, benevolência, deleite, prazer, satisfação (Mt.11:26); Grego areskeia areskeia - desejo de agradar (Cl.1:10); Grego eudokew eudokeo agradar como bom para alguém, ser a satisfação de alguém pela boa vontade (1 Co.10:5); Grego euarestov euarestos indicando algo muito agradável, aceitável (2 Co.5:9); Grego euprosdektov euprosdektos algo bem recebido, aceito, aceitável (1 Pe.2:5); Pode ser identificada pela Graça: Grego cariv charis graça; aquilo que dá alegria, deleite, prazer, doçura, charme, amabilidade: graça de discurso; boa vontade, amável bondade, favor da bondade misericordiosa pela qual Deus, exercendo sua santa influência sobre as almas, volta-as para Cristo, guardando, fortalecendo, fazendo com que cresçam na fé cristã, conhecimento, afeição, e desperta ao exercício das virtudes cristãs (Cl.4:6); ANALISANDO O ASSUNTO DO AGRADAR À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam o agradar com pelo menos três visões distintas (hábito, decisão e desejo em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para esforço, vontade e despertamento em Cristo, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus,

7 denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DO SER AGRADÁVEL: Nem tudo agradável é bom (Gn.2:9; Jz.14;3; Pv.1:10; Pv.9:17; Mc.6:22; At.12:3); Condição de bênção (Nm.14:8; Rm.12:1-2); Amor (Dt.10:15; 1 Rs.10:9); Testemunho (1 Sm.2:26; Rm.14:18; Rm.15;16;1 Co.10:33; 1 Tm.5;4; Tt.2:9; 1 Pe.2:19-20); Sinceridade (1 Cr.29:17); Justiça (Jó.33:26; Sl.51:19); Sabedoria (Sl.19:14; Pv.2:10; Pv.10:32; Pv.22:17-18; Pv.24:4); Vitória (Sl.44:3; Ec.9:7; Is.42:21); Mansidão (Sl.69:32; Rm.15:1-2; Cl.3:20-22); Deus é agradável (Sl.135:3; Sl.147:1; Jr.9:24; Jo.8:29; Cl.1:19; Hb.13:21; 1 Pe.2;5;); A Palavra é agradável (Sl. 141:6; Ec.12:10; Is.56;4;Cl.4;6;); Temor (Sl.147:11; At.10:35); Salvação (Sl.149:4); Paz (Pv.16:7); Igreja é agradável (Ct.4:3; Is.62:4; Lc.12:32; Ef.1:6;1 Pe.2:5;1 Jo.3:22); Carne não agrada (Rm.8:8;1 Co.8:8;); Obra (1 Co.7:32; Ef.6:6; Fp.4:18; Cl.1:10; 1 Ts.2:4; 1 Ts.4:1; 2 Tm.2:4; Hb.12:28; Hb.13:16); Fé (Hb.11:6). c)pergunta-se: Toda pessoa agradável é aceitável para Deus? Quando a pessoa quiser ser agradável, apenas indicando um sentimento de cobiça, desejando enganar para atrair, tendo idéia de descanso ou algo que traga um prazer em falsa garantia ou falsa paz, longe de Deus e de seus ensinos ou planos, será apenas falta de temor, impiedade, sem discernimento, longe da santidade de Deus, como quem trama planos para fazer um mal futuro. TOMO 5: (Tópicos 15 a 19): TÓPICO 15 - AS VIRTUDES HUMANAS DA CORAGEM, FIDELIDADE, LEALDADE, TEMPERANÇA E FORTALEZA NA VIDA CRISTÃ: a)coragem: Qualidade de ter bravura em face do perigo, com intrepidez, ousadia, resolução, franqueza, desembaraço, em perseverança, constância e firmeza. Hebráico qzx chazaq - Fortalecer, prevalecer, endurecer, ser forte, tornar-se forte, ser corajoso, ser firme, ficar firme, ser resoluto, ser persistente. (1 Rs.2:2). Pode significar o coração, como mente, conhecimento, razão, reflexão, memória, inclinação, resolução, determinação da vontade, desejos, emoções e paixões (Jr.4:9); Hebráico bl leb coragem indicando o ser interior, mente, vontade, coração, inteligência, mente, conhecimento,razão, reflexão, memória, inclinação, resolução, determinação,vontade, consciência (Jr.4:9); Hebráico Mwr ruwm agir corajosamente, indicando erguer, levantar, estar alto, ser elevado, ser exaltado, engrandecer-se (Nm.33:3); Hebráico Uma amats - ser forte, alerta, corajoso, bravo, resoluto, audacioso, sólido, duro, no sentido de fortalecer, assegurar (para si mesmo), endurecer (coração), tornar firme, tornar obstinado, assegurar, ser determinado, tornar-se alerta, fortalecer-se, confirmar-se, persistir, mostrar-se superior (Dt.31:7); Grego yarsew tharseo - ser de bom ânimo; como audacioso e confiante.(at.23:11). ANALISANDO O ASSUNTO DA CORAGEM À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a coragem com pelo menos três visões distintas (força, alerta e determinação em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para bom ânimo, audácia e confiança em Cristo no IDE, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA CORAGEM:

8 Presente na guerra (principalmente espiritual) (Dn.11:25); Envolve valentia e escolha (2 Cr.13:3); Contra Deus, a coragem nada vale (Am.2:16). c)na FILOSOFIA COM TEMÁTICA CRISTÃ: A coragem não é a ausência do medo, mas é a capacidade de superar o medo, mas só é eticamente valorizada se for uma virtude. Do ponto de vista psicológico ou sociológico, a coragem só é verdadeiramente estimável do ponto de vista moral quando se põe à serviço de outros, não tendo interesse egoista imediato. A coragem força o respeito, numa vontade mais forte e generosa. Na relação com a verdade, a coragem rompe com o ilusionismo e a mentira do medo, para comprovar ou não, o que realmente nos enfrenta. A coragem não é um saber, mas uma decisão, num ato de querer aguentar, suportar deficiências, fracssos, erros, combater, enfrentar, persistir, perseverar. Ser corajoso apenas no tempo futuro, é apenas um projeto do querer, como decisão imaginária, mas não é coragem. É nos casos mais perigosos e desesperados que se emprega mais ousadia e coragem. A própria vida nos ensina que devemos ter coragem para enfrentar o desespero com a fé e a esperança no nosso Senhor Jesus, fiel, presente, todo poderoso e amado. d)pergunta-se: Toda pessoa corajosa é aceitável para Deus? Quando a pessoa é corajosa para fazer apenas maldade, numa atitude fanática, egoista, imoral ou fraudulenta,ela deixa de ser uma coragem virtuosa e passa a ser uma malícia prepotente seguida por um sentimento de covardia,imoral e oculta. TÓPICO 16 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA FIDELIDADE NA QUESTÃO DA CORAGEM NA VIDA DO CRISTÃO: a)fidelidade: Qualidade de ser leal, constante, firme nas afeições, nos sentimentos; perseverança na observância rigorosa da verdade, em precisa exatidão. Hebráico tma emeth - firmeza, verdade; certeza, credibilidade; estabilidade, constância; confiabilidade ao que foi dito, testemunhado, julgado, na instrução divina, em apoio, confirmação e estabilidade (Gn.32:10); Hebráico hnwma emuwnah ou hnma emunah - firmeza, estabilidade, firmado, certificado, duradouro, confirmado, estável, seguro, verificado, digno de confiança. (Dt.32:4); Hebráico checed - bondade, benignidade. (2 Sm.16:17); Hebráico Nma aman - confirmar, manter, nutrir, apoio como de pilares, suportes da porta; ser estável, ser fiel, ser carregado; ter certeza, acreditar; (Nm.12:7); Hebráico Mlv shalem - salvo, pacífico, inteiro, todo, em paz (referindo-se à aliança de paz, mente) e perfeito, completo (referindo-se ao observar o relacionamento da aliança)- (1 Rs.11:4); Hebráico qdu tsedeq - justiça, correção, retidão do que é direito ou justo ou normal, retidão, justeza (referindo-se a pesos e medidas); retidão, justiça (num caso ou causa); correção (na linguagem); retidão (o que é eticamente correto) - (Is.41:10); Hebráico hnma amanah - indicando fé, apoio, segurança, certeza como quem faz uma aliança de apoio financeiro (Ne.9:38); Hebráico Nwma emuwn - fidelidade, confiança (Pv.13:17); Aramáico Nma aman - confiar, apoiar, crer (Dn.2:45); Hebráico qbd dabeq - achegado, próximo (Dt.4:4); Hebráico dyox chaciyd - fiel, bondoso, piedoso, santo, devotado (Sl.52:9); Grego pistov pistos - verdadeiro, fiel; pessoas que mostram-se fiéis na transação de negócios, na execução de comandos, ou no desempenho de obrigações oficiais como algúem que manteve a fé com a

9 qual se comprometeu, digno de confiança. No NT, alguém que confia nas promessas de Deus e está convencido de que Jesus ressuscitou dos mortos, sendo Ele, o Messias e autor da salvação (Mt.24:45); Grego gnhsiov gnesios - legitimatemente nascido,verdadeiro,genuíno, sincero. (Fp.4:3). ANALISANDO O ASSUNTO DA FIDELIDADE À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a fidelidade com pelo menos três visões distintas (aliança, segurança e apoio em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para verdade, legitimidade e seguimento nas promessas de Deus, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA FIDELIDADE:Ela Gera: Prosperidade (Gn.32:10; 2 Sm.2:6; 2 Sm.15:20); Vida e misericórdia na condição de obediência (Js.2:14; 2 Cr.31;15; Sl. 36:5; Sl.89:33;Pv.11;13;1 Co.4:2;1 Co.7;25;Ap.2:10); É atitude de honestidade (2 Rs.12:15; 2 Rs.22:7;Pv.14:22); Temor e integridade (2 Cr.19:9; Sl.89:8; Sl.119:75;Pv.3;3; Ne.7:2); Santificação (2 Cr.31:18); Justiça, benignidade e verdade (Sl.40:10; Sl.89:24; Sl.92:2; Sl.11;15; Rm.3;3); Vida (Sl.88:11; Lm.3:23; Pv.25:13); Louvor e Testemunho (Sl.89:1; Sl.89:5); Edificação (Sl.89:2; Sl.119:90;Os.2;20;Mq.7:20;Is.1:26); Honra (1 Sm.22:14;Pv.28:20); Deus vê os fiéis na igreja (Nm.12:7; 1 Sm.2:35;Mt.24;45); Deus é fiel (Dt.7:9; Sl.19:7;Is.49:7;Jr.42:5; 1 Co.1:9;1 Co.10:13;2 Co.1:18; 1 Ts.5:24; 2 Ts.3;3;2 Tm.2:13;Hb.2;17; Hb.3:2;Hb.10:23;Hb.11:11;1 Pe.4:19; 1 Jo.1:9; Ap.1:5; Ap.3:14; Ap.19:11); Aliança de confirmação (Ne.9:8;Mt.25:21;Mt.25:23;Lc.19;17;); Saúde (Pv.13;17); Necessário ao Ministro (1 Co.4;2; 1 Co.4;17;Ef.6;21; Cl.1;7; Cl.4:7; Cl.4:9; 1 Tm.1:12; A Palavra é fiel (1 Tm.1:15; 1 Tm.3:1; 1 Tm.4:9; 2 Tm.2:11; Tt.1;9; Tt.3;8). c)na FILOSOFIA COM TEMÁTICA CRISTÃ: O espírito fiel é a própria essência do espírito. Sem a fidelidade, a justiça, a paz, a liberdade e a verdade não teriam seguidores. A fidelidade atua como uma virtude na memória e depende dos valores a que se é fiel para que seja validada. A fidelidade atua no pensamento, na moral e no casal humano. No pensamento, ser fiel não é recusar-se a mudar de idéia nem submeter suas idéias à fe, nem ser fanático obstinado; ser fiel é recusar-se a mudar de idéia sem boas e fortes razões - já que não se pode avaliar, sem novo exame, o que parece ser verdadeiro, de forma clara e solidamente julgada. A fidelidade está subordinada à lei moral Divina, aplicada, universal, absoluta e incondicional; não varia sua ação com o tempo ou espaço. Devemos ser fiéis a Deus em todo lugar e em todo tempo. Para os casais, há os que são fiéis e os que são infiéis: Contudo, há muitos casais que são tidos por infiéis, ( os amigados ), mas são fiéis ao seu amor, à sua palavra, à sua liberdade comum), enquanto, outros, são tão estritamente e tristemente fiéis ao ciúme e ao sofrimento entre si, que renegam o amor. Ainda que Deus não aprove nem se agrade da união fora do casamento, a fidelidade é o amor passado conservado no presente, diferente desse amor renegado que detesta ou esquece que amou e perdeu o desejo, e não a aparência. d)pergunta-se: Toda pessoa fiel é aceitável para Deus? Uma fidelidade direcionada a algo ruim, é uma teimosia obstinada, fanática, rotineira, excessiva e maligna. Ser fiel ao pior, é pior que o causador do mal. Ser fiel ao ódio ou à cólera é ressentimento rancoroso sem virtude, amor ou voluntariedade. TÓPICO 17 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA LEALDADE NA QUESTÃO DA FIDELIDADE NA VIDA DO CRISTÃO: No Antigo Testamento e no Novo testamento, a palavra leal tem o mesmo significado de Fiel (Dt.32:20; 1 Sm.26:23; Tt.2:10). Em (P.27:6), os açoites em Jesus indicam confirmação divina. a)lealdade: Qualidade de ser Sincero, franco e honesto, fiel aos seus compromissos.

10 Hebráico Nma aman - apoiar, confirmar, manter, nutrir, ser estável, carregado, firmar, verificar, ter certeza, acreditar (Pv.27:6); Hebráico Nwma emuwn - fidelidade, confiança (Dt.32:20); Hebráico hnwma emuwnah ou hnma emunah - firmeza, estabilidade (1 Sm.26:23); ANALISANDO O ASSUNTO DA LEALDADE À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a lealdade com pelo menos três visões distintas (apoio, confiança e estabilidade em relação à Lei e à nação de Israel), e ainda que não tenhamos a mesma plavra no Grego do Novo testamento, entendemos que, mesmo assim, o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para apoio, confiança e estabilidade em relação ao Evangelho e a Cristo, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA LEALDADE: Sua ausência gera condenação (Dt.32:20); Tem estreita relação com a justiça de Deus (1 Sm.26:3); Implica em fé e amor à despeito dos sofrimentos (Pv.27:6); c)pergunta-se: Toda pessoa leal é aceitável para Deus? Quando a pessoa é leal para fazer apenas o que deseja, ainda que servindo outros por interesse, numa atitude egoista, ela deixa de ser uma virtude e passa a ser uma cegueira obstinada da vontade seguida por um sentimento de covardia, falta de senso e amor próprio, como perda de identidade moral. TÓPICO 18 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA TEMPERANÇA NA QUESTÃO DA LEALDADE a)temperança Qualidade de não ser exagerado, mas sóbrio, moderado. Grego nhfaleov nephaleos ou nhfaliov nephalios - sóbrio, controlado; como quem abstem-se de vinho, seja totalmente ou pelo menos do seu uso imoderado e também de coisas como oferendas. É estar calmo e sereno de espírito, controlado. (1 Tm.3:2). Grego nhfw nepho sentido de ser sóbrio, estar calmo e sereno de espírito; ser moderado, controlado, circunspecto (2 Tm.4:5); Grego swfrwn sophron - de mente sã, equilibrado; que freia os próprios desejos e impulsos, autocontrolado, moderado (Tt.1:8); ANALISANDO O ASSUNTO DA TEMPERANÇA À LUZ DO NOVO TESTAMENTO: Ainda que não tenhamos encontrado referências desta palavra no AT, entendemos que o cristianismo aperfeiçou a visão judáica em relação à Lei e à nação de Israel para domínio próprio, sobriedade e equilíbrio de mente frente ao Evangelho de Cristo, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA TEMPERANÇA: Para o homem (1 Tm. 3:2); Para a mulher (1 Tm.3:11); Para os idosos (Tt.2;2); Todos devemos ter este fruto do Espírito (Gl.5:22; 2 Pe.1:6). c)na FILOSOFIA COM TEMÁTICA CRISTÃ: A temperança intensifica o prazer quando o prazer esta presente e às vezes, quando não está. Ser temperante é ser equilibrado no existir sobre os impulsos irracionais de nossos afetos e apetites, nos aproximando da humildade. (2 Co. 11:6).

11 d)pergunta-se: Toda pessoa temperante é aceitável para Deus? Quando a ação,que não é um sentimento,de querer ser moderado assume características extremas,pode-se considerar como flagelo próprio, auto-condenação, assumindo uma insensibilidade insana, sem capacidade de gerir os impulsos e sindromes de desregramento dos sentidos/auto-proibição como quem se deleita com o próprio sofrimento, (masoquista). TÓPICO 19 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA FORTALEZA NA QUESTÃO DA TEMPERANÇA a)fortaleza: Força moral,energia,firmeza,constância. (OBS:EXCLUÍMOS OS TERMOS COMO EDIFICAÇÕES). Hebráico zwem ma owz, zwem ma uwz ou zem ma oz ou zem ma uz - lugar/meio de segurança, proteção humana, refúgio divino, baluarte, abrigo, como sentido de ser forte, prevalecer, tornar firme. (2 Sm.22:33); Hebráico dwum matsuwd ou (fem.) hdwum ou hdum - rede, presa de rede como lugar seguro, como quem está sitiado com provisões, como cerco, sitio, trincheira, fortificações de sítio, cerco, cercado, fortificações de sítio, rampa (Sl.31:1); Hebráico ze oz ou zwe owz - poder, força material ou física, pessoal ou social ou política (Sl.46:1); Hebráico rwu tsuwr ou ru tsur - rocha, penhasco, parede rochosa (com superfície plana), como quem está atado, sitiado, confinado, apertado, formado.rnoldado, delineado a ela (Sl.73:26); Hebráico hrwbg -poder, valentia, bravura como os atos poderosos (de Deus) (Pv.8:14); Hebráico rubm mibtsar (plural. fem. hrubm mibtsarah - fortificação, fortaleza, quem está junto, restringido, cercado, inacessível, murado, qual conhecedor dos segredos, mistérios, coisas inacessíveis de Deus. (Jer.6:27); Hebráico lyx chayil - poder, eficiência, fartura, exército, habilidade.(hc 3:19) Hebráico Uma amats - ser alerta, corajoso, bravo, resoluto, audacioso, sólido, duro, como assegurar (para si mesmo), endurecer (coração), tornar firme, tornar obstinado, determinado, tornar-se alerta., fortalecer-se, confirmar-se, persistir, mostrar-se superior. (Gn.25:23); Hebráico l ze az- poderoso, violento (Gn.49:7); Hebráico Mwue atsuwm ou Mue atsum - vasto, numeroso, incontável (Ex.1:9); Hebráico qzx chazaq -robusto, severo, violento, quente, firme (Nm.13:18); Aramáico ldg gadal - grande (em magnitude e extensão), em número, intensidade, alto (em som), em importância, distinto (referindo-se aos homens) como ao próprio Deus. (Dn.8:9); Hebráico lwdg gadowl ou ldg gadol grande em magnitude e extensão, número e intensidade como algo importante (Js.17:17); Hebráico lzg gazal forte indicando arrancar, agarrar, saquear, rasgar, puxar fora, roubar, tomar à força (Gn.21:25); Hebráico rwbg gibbowr ou rbg gibbor - valente, homem corajoso, como quem age orgulhosamente diante de Deus (1 Sm.16:18). Hebráico zwze izzuwz - poderoso, como quem prevalece (Sl.24:8); Hebráico ryba abbiyr - poderoso, obstinado como o poder-usado somente para descrever Deus; o Poderoso-antigo nome para Deus (poético), como quem se eleva acirna dos homens (Sl.76:5); Hebráico Pyqt taqqiyph - poderoso como quem prevalece, subjuga e vence os homens, como quem é arrogante (Ec.6:10); Hebráico Nox chacon - forte, indicando ser entesourado, ser acumulado, ser depositado, ser guardado. (Is.1:31); Hebráico rbg geber - forte, guerreiro (enfatizando força ou habilidade para lutar) - (ls.22:17); Hebráico hvq qasheh - duro, cruel, severo, obstinado, difícil, severo, feroz, intenso, teimoso, de dura cerviz, obstinado, rigoroso (referindo-se a batalha) - (ls.27:8); Hebráico xk koach ou xwk kowach - significando ser firme; poder, vigor corno produto, riqueza (do solo) ou força animal (ls.40:29);

12 Hebráico alm male cheio, pleno, aquilo que preenche totalmente, como estar cheio da plenitude, abundância, estar armado, estar satisfeito, concluído, terminado, confirmado(jr.4:12). Hebráico Mue atsam - ser grande, ser numeroso, ser poderoso, como quem fech os olhos sossegado (Ex.1:20); Hebráico dy yad mão, significando força, poder, apoio, encaixe (Ex.3:19); Hebráico qzx chozeq força (Ex.13:3); Hebráico ewrz ou erz e (fem.) hewrz ah ou herz ah indicando a força do braço como símbolo de força política ou militar (Jó.22:8); Hebráico - zwem ma owz zwem ma uwz ou zem ma oz zem ma uz - indicando lugar ou meio de segurança, proteção, refúgio, fortaleza como lugar de segurança, baluarte, abrigo em Deus ou proteção humana (Sl.31:2); Hebráico zze azaz - ser forte; prevalecer; tornar firme, fortalecer (Sl.89:13); Hebráico hqzx chezqah - força, forte, fortalecido (Is.8:11); Hebráico rub batsar forte no sentido de juntar, restringir, cercar, fortificar, tornar inacessível, murar como os segredos, mistérios, coisas inacessíveis (Is.25:2); Hebráico Uyma ammiyts ou Uma ammits - forte, poderoso (Is.40:26); Hebráico xru tsarach força como grito, urro,som estridente de guerra (Is.42:13); Aramáico Pqt - ficar forte, ser endurecido, arrogante (Dn.4:11); Hebráico dbk kabed forte, como algo pesado, grande, maciço, abundante, numeroso podendo gerar opressão e insensibilidade pela riqueza (2 Rs.6:14); Hebráico Nwa own força no sentido de esforço com sucesso; o vigor,a capacidade de gerar saúde (Jó.18:7); Hebráico Uma amots forte, como vigoroso (Zc.6:3); Hebráico Ntya eythan ou Nta ethan - significando continuar; algo constante, perene, que flui, duradouro (Ex.14:27) ; Hebráico dam od - extremamente, muito poderoso, forte, abundante, com grande quantidade (Dt.6:5); Hebráico Kmo camak forte para apoiar, escorar, encostar, suportar, pôr, sustentar, refrescar, reviver (Jz.16:29); Hebráico Nrq qeren chifre, indicando força, conquista (1 Sm.2:1); Hebráico hqzx chozqah - força, poder, violência (1 Sm.2;16); Hebráico Uma omets força (Jó.17:9); Hebráico Mue otsem forte e poderoso como os ossos (Jó.30:21); Hebráico twlya eyaluwth - força, meu socorro, ajudador (); Hebráico lya eyal indicando força como ajuda (ainda que ausente) (Sl.88:4); Hebráico Mye ayam indicando ardor, calor (Is.11:15); Aramáico Pqt indicando poder (Dn.2:37); Aramáico Pqt toqeph - indicando autoridade, poder, energia (Dn.11:17); Hebráico hmue otsmah - poder, força, poderio (Na.3:9); Hebráico huma amtsah força (Zc.12:5); Hebráico bl leb força do ser interior, mente, vontade, coração, inteligência, conhecimento, razão, reflexão, memória, inclinação, resolução, determinação, da vontade e coragem (Gn.18:5); Hebráico hpewt tow aphah - eminência, como chifres imponentes que impõem autoridade (Nm.23:22); Hebráico vpn nephesh indicando a força da alma, mente, desejo, emoção, paixão, vontade, caráter (Lm.1;11); Hebráico Nwmh hamown ou Nmh hamon - murmúrio, rugido, multidão, abundância, tumulto, som como correria, tumulto, confusão, aglomeração, multidão de riquezas (Ez.39:11); Hebráico hnwmh Hamownah - Forças =" multidões" (Ez.39:16); Hebráico hbum matstsabah ou hbum mitstsabah força dos guardas, vigilância, exércitos (Zc.9:8); Hebráico rvq qashar força indicando robustez e vigor, como algo compactado, pesado e mentalmente, em aliança de amor (Gn.30:41); Hebráico Mrg gerem força descoberta pelo uso (Gn.49:14); Hebráico qypa aphiyq força do canal, leito que leva os ossos pela correnteza (Jó.12:21);

13 Hebráico rybk kabbiyr - poderoso, grande, forte, vários, muitos (Jó.34:24); Hebráico zwra araz - ser firme, forte (Ez.27:24); Hebráico deo ca ad - apoiar, sustentar, permanecer, estabelecer, fortalecer, confortar (também como apoio moral e político) (Jz.19:5); Hebráico Mwq quwm sentido de levantar, erguer, permanecer de pé, ficar de pé, pôr-se de pé, tornar-se poderoso, ser confirmado, impor, trazer à cena (Sl.119:28); Hebráico Nvd dashen - tornar próspero como quem maneja bem a Palavra, ungir, referindo-se a prosperidade como quem aceita a oferta e engorda, aumentando e fortificando-se (Pv.15:30); Hebráico rbg gabar - prevalecer, ter força, ser forte, ser poderoso, ser valente, ser grande, confirmar (uma aliança), mostrar-se valente e num mau sentido, agir orgulhosamentre diante de Deus (Jr.9:3); Hebráico qzx chazeq - mais forte, mais alto (2 Sm.3:1); Hebráico hrv sharah - deixar solto, libertar (Jr.15:11); Hebráico Nwk kuwn - ser firme, estável, estabelecido, determinado, fixar, aprontar, preparar, providenciar, prover, fornecer preparar e restaurar (Sl.10:17); Grego dunatov dunatos - capaz, forte, poderoso, potente, poderoso em riqueza e influência, forte na alma, capaz de suportar calamidades e sofrimentos com coragem e paciência; firme nas virtudes cristãs; ser capaz (de fazer algo) poderoso, que se sobressai em algo; (2 Co.12:10); Grego iscurov ischuros - forte, poderoso, física ou mentalmente, como alguém que tem um espírito forte para resistir os ataques de Satanás, e desta fortaleza procedem muitas excelências sobre coisas inanimadas, violento, firme, seguro. (Hb.5:7); Grego plhroforia plerophoria fortaleza, indicando completa segurança, plena confiança (Cl.2:2); Grego megav megas - grande - usado para intensidade e seus graus: com grande esforço, da afeições e emoções da mente; eventos naturais que afetam poderosamente os sentidos: violento, poderoso, forte; atribuído de grau, que pertence a pessoas, eminentes pela habilidade, virtude, autoridade, poder; coisas altamente estimadas por sua importância: de grande momento, de grande peso, importância; algo para ser altamente estimado por sua excelência: excelente; esplêndido, preparado numa grande escala, digno; grandes coisas, bênçãos preeminentes de Deus; coisas que excedem os limites de um ser criado, coisas arrogantes (presunçosas) cheio de arrogância, depreciado da majestade de Deus. Grego iscuv ischus - habilidade, força, vigor, poder (Mc.12:33); Grego speira speira - qualquer coisa enrolada num círculo ou bola, algo enrolado, dobrado junto; representação de uma corte militar; 600 homens, companhia, destacamento de soldados (At.21:31); Grego dunamiv dunamis - poder, força, habilidade inerente que reside numa coisa pela virtude de sua natureza para realizar milagres; poder moral e excelência de alma; influência própria dos ricos e afortunados ou pelas riquezas que crescem pelos números, em exércitos, forças, multidões (Rm.15:19); Grego energeia energeia - ato de trabalhar, eficiência; indica também, no NT usado os poderes sobre-humanos de Deus (Ef.3:7); Grego kratov kratos - força, vigor; poder, domínio (Ef.6:10); Grego iscuw ischuo - ser forte fisicamente, robusto, boa saúde e ter poder exibido através de feitos extraordinários, eficaz, útil, capaz (Hb.9:17); Grego endunamow endunamoo - ser forte, revestir-se com força, fortalecer, intrépido e com propósito diante dos inimigos em fazer a vontade de Deus (Hb.11:34); Grego exousia exousia (sentido de habilidade); poder de escolher, liberdade de fazer como se quer; licença ou permissão, autoridade (influência) e do direito (privilégio),o principal e mais poderoso como sinal de autoridade real, coroa. (Ap.9:19); Grego dunamai dunamai - ser capaz, ter poder quer pela virtude da habilidade e recursos próprios de alguém, ou de um estado de mente, ou através de circunstâncias favoráveis, ou pela permissão de lei ou costume; ser apto para fazer alguma coisa; ser competente, forte e poderoso (1 Co.10:13); Grego sthrizw sterizo - tornar estável, colocar firmemente, pôr a salvo, fixar, fazer constante, confirmar (Lc.22:32); Grego krataiow krataioo - fortalecer, tornar-se forte, ser feito forte, aumentar em força, ficar forte (1 Co.16:13); Grego episthrizw episterizo - estabelecer em adição, tornar mais forte, firme, confirmar (At.14:22);

14 Grego stereow stereoo - tornar sólido, firme, forte; fortalecer (At.3:16); Grego eniscuw enischuo - aumentar a força, receber força (At.9:19); Grego dunamow dunamoo - tornar forte, confirmar, fortalecer (Cl.1:11); OBSERVAÇÃO: FORÇAS NO SENTIDO DO MAL: Grego ponhria poneria - depravação, iniqüidade, corrupção; malícia; propósito, desejos maus (Ef.6:12); Grego ocurwma ochuroma (que significa fortificar, pela idéia de manter fora de perigo); algo seguro, firmeza; qualquer coisa em que alguém confia como os argumentos e raciocínios pelo qual um disputador esforça-se para fortificar sua opinião e defendê-la contra seu oponente (2 Co.10:4); ANALISANDO O ASSUNTO DA FORTALEZA À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a fortaleza com pelo menos três visões distintas (refúgio, vigor físico e determinação contra os inimigos em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para confiança, preparação e confirmação espiritual pelo Espírito Santo contra as hostes espirituais do mal, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características BÍBLICAS DA FORTALEZA: QUE INDICA: Ira (Gn.4:5;Gn.49:7); Divisão e submissão(gn.25:23); Ordem (Gn.43:3); Permanência e sustentação (Gn.49:24); Multiplicação(Ex.1:7); Ação divina(ex.lo:19); Lugar de proteção(nm.13:28); Animo (Dt.1:38), (Dt.3:28); Amor_e fidelidade (Dt.7:8); Força humana (Dt.8:17; JI.3:10); Ensino e Conhecimento(Dt.11:8; Jó.4:3-4;Jó.6:25;Ec.7:19 ); Edificação espiritual (Jz.6:26); Contenda (Jz.8:1); Violência e morte (Jz.9:24); Doçura (Iz.14:14); Clamor e vingança (Jz. 16:28); O Senhor é nossa fortaleza (Ex.l5:2;1 Cr.16:11 e 27;2 Cr.20:6;2 Sm.22:2-3; 2 Sm.22:33; Jó.Í2:13-16; Jó.36:5; SI.18:1-2; SI.18:32; SI.21:1,13; SI.22:19; SI.24;8; SI.27:1; SI.28:7-8; SI.31:2; 51.31:3; 51.37:39; 51.46:1 SI.59:16-17; SI.61:3; SI.62:7; SI.7:3,7; Sl.51:73; SI.81:1; SI.91:2; SI.140:7; Pv.18:10; ls.1:24; ls.9:6-;7; ls.10:21; ls.11:2; ls.17:10; ls.22:17; ls.40:9; ls.40:26; ls.4l:10; ls.58:1; Jr.16:19; Jr.50:34; Ez.34:16; Dn.10:19; Na.1:7; Zc.10:12; Mc.1:7; Lc.2:40; Lc.10:19; At.3:16; 1 Co.1:25; Ef.6:10; Fp.4:13; CI.1:11; 2 Tm.2:1; 2Tm 4:17, Tm.4:17;1 Pe.5:10; Ap.1:16; Ap.5:12; Ap.7:12; Ap.12:10; Ap.18:8; Guerra espiritual (2 Sm.22:18; SI. 18:7;2 Co. 10:4); Prosperidade (1 Cr. 11:9) ; Apoio de liderados (1 Cr.11:10); Apoio e esperança(2 Cr.1:1; 51.27:14); Salvação e Alegria (2Cr.6:41); Amparo (Jó.5:15); Consolo (Jó.16:5); Orgulho (Jó.41:l 5); Amor (51.18:1); Opulência dos bens (SI.52:7;Pv.10:l 5; ls.65:11 jr.9:23; Dt.8:18;1 Cr.29:12;); AçãodaNatureza(M14:30); Fé(Rm.4:20); Para os servos (Rm.15:1; 1Co.4:10; 1Co.16:13; 2Co.12:l0; 2Co.13:9; Ef.1:19; Ef.6:10; CI.1:l1; 2Tm.1:7; Hb.13:9; Tg.5:8; 1 Jo.2:14) c)o ATO DE SER FORTE: a)condições que Invalidam na maneira pessoal de Ser: NÃO ADIANTA: a)decidir, querendo reagir como sendo bom, se não se pensa nos critérios adequados, agindo por impulso; b) Tentar superar a preguiça, a rotina e imitação cega, se não se tem em vista o que é correto; c) Fazer o que é bom para os outros, ainda que custe esforço e faça sofrer, se me sinto confrontado e enfadado numa guerra fria posterior; d) Se esforçar para fazer pequenas coisas com cuidado e carinho a cada dia, se corro riscos desnecessários podendo prejudicar-me e aos outros; e) Resistir às tentações da vida de consumismo, se não supero meus caprichos em outras áreas da vida; f) Aguentar as moléstias físicas sem se queixar, se se acomoda ao desejo de sofrer como injustiçado por Deus; f) Tomar decisões com iniciativa de fazer as coisas com autêntico valor para os outros, se na própria vida se age com mediocridade, comodismo sem entusiasmo e ideais; g) Se esforçar para não se acostumar com o mal,se se contenta com pouco e não procura se aperfeiçoar com o bem;

15 h) Não se queixar das coisas erradas que vê ao redor, se não procuramos fazer algo positivo para neutralizar esses males ao nosso redor; i) Superar o medo, a indiferença e a insegurança, se deixa de arriscar-se por aquilo que é importante, tendo uma segurança indesejada; b) Condições que Invalidam este Ato na educação:não ADIANTA: a)promover debates com os outros.senão se ensina o correto para os fortalecer; b)criar situações para entusiasmar os outros, se não se oferece como iniciativa e exemplo próprios: c)tentar ajudar os outros a superarem seus problemas, se não os deixam assumir suas responsabilidades; d)animar os outros para resistirem às dificuldades, se é arrogante em querer se exaltar e não pedir ajuda aos outros; e)ajudar os outros a enfrentarem seus medos, se não se está com eles, orientando-os; f)0rganizar e promover atividades diárias, se não dou o exemplo como organizado; g)exigir regras dos outros, se nem mesmo cumpro ou dou o exemplo; h)ajudar outros atomarem posturas sérias. se nem mesmo tenho critérios éticos. i)aiudar outros a decidirem pelo sim e pelo não, se sou confuso e cedo facilmente à pressões. d)pergunta-se: Toda pessoa forte é aceitável para Deus? Atitudes que demonstram apenas uma força exterior que age sem critérios ou visão, em caprichos de comodismo pela superioridade física, intelectual, económica, política, social, religiosa ou outros meios, não é uma iniciativa correia e responsável, mas apenas um exemplo de falta de ética, e medo encoberto, sem a fortaleza da sabedoria do Deus forte de Amor. TOMO 6: (Tópicos 20 a 26): TÓPICO 20 - AS VIRTUDES HUMANAS DA BONDADE, DELICADEZA, SUAVIDADE, SERENIDADE, ORDEM, JUSTIÇA E RESPONSABILIDADE: a)bondade: Benevolência, indulgência, benignidade, clemência Hebráico dox checed - bondade, benignidade, fidelidade (Gn.21:23); Hebráico bwj tuwb - bens, coisas boas, justiça, beleza, alegria, prosperidade (gosto, discernimento) (Ex.33:19); Hebráico bwj towb -bom, agradável, amável, excelente, apropriado, conveniente compreensivo e correto (Gn.1:10); Hebráico Mwlv shalowm ou Mlv shalom - completo, saúde, bem estar, paz, sossego, tranqüilidade, contentamento, amizade em paz com Deus e com as pessoas (Gn.29:6); Hebráico dam od - poder, força, abundância em grau elevado, excessivamente (1 Sm.18:15); Hebráico bjy yatab - agradável, estar bem, satisfeito, fazer o bem, agir bondosamente (Pv.17:22); Hebráico Nmv shamen - gordo, rico, robusto (alimento abundante, benéfico) (Ez.34:14); Hebráico hpy yapheh - denota elegante, lindo, bonito (1 Sm.16:12); Hebráico Men no am - bondade, amabilidade, encanto, beleza, favor (Pv.15:26); Hebráico bvy yashab - habitar, permanecer, assentar, morar na presença de Deus (Sl.68:10); Hebráico Nwur ratsown ou Nur ratson - prazer, deleite, favor, boa vontade, aceitação (Sl.106:4); Grego kalov kalos - bonito, gracioso, excelente, eminente, escolhido, insuperável, precioso, proveitoso, apropriado, recomendável, admirável, excelente em sua natureza e características, e por esta razão bem adaptado aos seus objetivos, genuíno, aprovado, que afeta a mente de forma prazenteira, que conforta e dá suporte (Mt.3:10);

16 Grego agayov agathos - de boa constituição ou natureza; útil, saudável, agradável, amável, alegre, feliz, honesto, honrado (Mt.12:35); Grego agayopoiew agathopoieo - fazer o bem, fazer algo que benefície os outros; ser uma boa ajuda para alguém (1 Pe.3:17); Grego aplouv haplous trazer união por ser simples, singular, inteiro, num bom desempenho do ofício, sem querer divisão (Mt.6:22); Grego crhstov chrestos - que serve, próprio para o uso, útil, virtuoso, bom, gentil, agradável, benevolente (1 Co.15:33); Grego crhstothv chrestotes - bondade moral, integridade; benigdade, bondade (Rm.2:4); Grego agaywsunh agathosune - integridade ou retidão de coração e vida, bondade, gentileza (Rm.15:14); ANALISANDO O ASSUNTO DA BONDADE À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a bondade com pelo menos três visões distintas (justiça, conveniência e prazer aos judeus em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para aprovação, utilidade e benefício do Reino de Deus, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características: Produz: Misericórdia (Ex.33:19; Sl.23:6; Sl.25:7; Is.63:7); Prosperidade (Ne.9:25; Sl.21:3); Fé e vida (Sl.27:13; 2 Ts.1:11); Proteção (Sl.31:19); Justiça (Sl.33:5; Sl.145:7; Rm.11:22); Temor (Os.3:5); Conhecimento (Rm.15:14); Amor (Gl.5:22); Verdade (Ef.5:9); O Senhor é bom (Sl.34:8; Sl.100:5; Sl.135:3; Sl.145:9; Na.1:7); A Palavra é boa (1 Tm.1:8); c)pergunta-se: Toda pessoa é aceitável para Deus? Fazer o que parece ser bom aos próprios olhos, mesmo com esforço e ânimo, sem a aprovação de Deus, visando apenas um prazer sem uma retidão, será tido como rebeldia, desobediência ou falso pretexto de mérito próprio, rejeitando o plano de Deus. A verdadeira bondade é acompanhada do amor e não apenas de um falso agrado, mesmo constante. TÓPICO 21 ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA DELICADEZA NA QUESTÃO DA BONDADE: a)delicadeza: Qualidade de delicado; finura, tenuidade, leveza Hebráico gne anog - refinado, delicado (Dt.28:56; Is.47:1; Jr.6:2); Hebráico gne anag - macio, delicado, mimoso, habituado (Jr.6:2); Grego liparov liparos - vem de lipos (graxa); coisas que pertencem a um estilo suntuoso e delicado de vida. (Ap.18:14). ANALISANDO O ASSUNTO DA DELICADEZA À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a delicadeza com pelo menos três visões distintas (refino, mimo e hábito em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para ter a unção do Espírito Santo, ser templo e morada dele e viver de modo apropriado para Deus, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)na FILOSOFIA COM TEMÁTICA CRISTÃ: A educação ou delicadeza pode ser apenas superficial, ficando apenas na aparência.

17 Pode ser um cinismo hipócrita quando há vícios ocultos. Isso ocorre quando a pessoa foi criada em regras sem fundamento, obrigando-a a ser algo que não era para ter algum reconhecimento. Uma educação sem amor é apenas uma disciplina rígida e opressora que impõe uma ostentação moralizadora mas que não revela nenhuma virtude do caráter, ocasionando uma simulação de comportamento aceitável no adulto. Temos o exemplo de crianças que são consideradas comportadinhas demais, quando na verdade, são crianças que podem ser prisioneiras de regras demais. O aprendizado deve ser seguido pelo amor, que gera um doce respeito por apreciação e estima, acima de mera violência educacional. c)pergunta-se:toda pessoa delicada é aceitável para Deus? Se a delicadeza vier acompanhada de uma cobiça no olhar, oriunda do coração,em atitude de preguiça, mesmo com voz mansa, será falsidade encoberta com hipocrisia, como alguém pobre de espírito em ricas vestes. TÓPICO 22 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA SUAVIDADE NA QUESTÃO DA DELICADEZA: a)suavidade: Graça, elegância, delicadeza Hebráico xwxyn nichowach ou xxyn niychoach - calmo, tranqüilo (Ez.20:41); Hebráico qd daq - fino, pequeno, magro, mirrado (1 Rs.19:12); Hebráico Myen na iym - agradável, gracioso, doce, amável, favorável, amável, belo (físico) como o canto, som agradável de música (Sl.81:2); Hebráico bre areb idéia de algo agradável; doce (Pv.3:24); Hebráico bwj towb - agradável, amável, excelente, apropriado, conveniente, boa compreensão (Ct.1:3); Hebráico hpy yapheh - elegante, lindo, bonito (Ez.33:32); Hebráico ja at mover suavemente - brandura, gentileza, fluência (Jó.15:11); Hebráico qlx chalaq - lisonja, franqueza, sinceridade (Pv.5:3); Grego crhstov chrestos - que serve, próprio para o uso, útil, virtuoso, gentil, agradável (como oposto a difícil, duro, rígido, amargo); muito agradável; de pessoas: bom, benevolente; Grego euwdia euodia - Como aroma doce, fragrância que traz aquietude, satisfação. Refere-se ao aroma dos sacrifícios e obrigações, de acordo com a noção antiga de que Deus tem olfato e se agrada com o odor de sacrifícios, muito agradáveis a Deus. (Ef.5:2; Fp.4:18); ANALISANDO O ASSUNTO DA SUAVIDADE À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a suavidade com pelo menos três visões distintas (magreza, beleza e franqueza em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para satisfação, utilidade e cumprimento da vontade de Deus, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)característica BÍBLICA: O que é suave: Descanso (Gn.49:15); Voz divina (1 Rs.19:12); Nossa herança (Sl.16:6); Oferta a Deus (Ex.29:25); Unção divina(2 Sm.23:1); Oração (Ed.6:10); Sua Palavra (Jó.15:1); União-irmãos (Sl.55:14; Sl.133:1); Louvor (Sl.81:2); Nossa meditação (Sl.104:34); Sono (Pv.3:24); Tentação/mentira/vinho (Pv.5:3; Pv.7:21;Rm.16:18; Pv.20:17;Pv.23:31); Boa Palavra (Pv.16:24); Luz (Ec.5:7); Jesus (Ct.5:16;Ef.5:2;); Nós, para Deus (Ct.7:9); O guiar do pastor (Is.40:1; Mt.11:30); Contribuições (Fp.4:18).

18 c)pergunta-se:toda pessoa suave é aceitável para Deus? Quando a suavidade for apenas um doce convite ao prazer carnal, não levando a um encontro com Deus ou que o agrade, será apenas uma ilusão mentirosa de uma embriaguês cujo final será amargoso e mortal. TÓPICO 23 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA SERENIDADE NA QUESTÃO DA SUAVIDADE: a)serenidade: Calmo, tranqüilo, manso, sossegado Hebráico hxwnm ou hxnm - lugar de descanso, descanso; sossego (1 Cr.22:9); Hebráico aprm marpe - saúde, recuperação, cura; proveito, são (referindo-se à mente)- (Pv.14:30;Ec.10:4); Hebráico rqy yaqar - valioso, estimado, importante, precioso, raro, esplêndido; custoso; altamente valorizado como pedras preciosas ou jóias raras; glorioso, esplêndido; importante, influente. (Pv.17:27). ANALISANDO O ASSUNTO DA SERENIDADE À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a serenidade com pelo menos três visões distintas (descanso, proveito e importância em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para descanso em Cristo, proveito na fé e importância ao Reino de Deus, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características: Traz vida (Pv.15:4); Traz descanso (1 Cr.22:9); Traz ânimo (Pv.14:30); Reflete inteligência (Pv.17:27); Acalma ofensas (Ec.10:4); c)pergunta-se:toda pessoa serena é aceitável para Deus? Quando se é descansado no sentido de omissão, não se valorizando pelo que Jesus nos concedeu na cruz, é prova de que não descansa em Deus, não entrou no seu descanso, como lapidado e influente no Reino Celestial. TÓPICO 24 - ENTENDENDO A VIRTUDE HUMANA DA ORDEM NA QUESTÃO DA SERENIDADE: a)ordem: Disposição conveniente dos meios para se obterem os fins; boa disposição; bom arranjo; arrumação Hebráico hwu tsavah - indicando pessoa que pode ser mandada. (Gn.2:16); Hebráico Kre arak - Organizar, preparar, dispor, manejar, guarnecer, avaliar, igualar, dirigir, comparar. (Ex.27:21); Hebráico rwj tuwr - significa alinhar de forma regular; fileira (referindo-se a construção); como alguém lapidado como jóia ( Ex.28:19); Hebráico hp peh ordem, referido-se à boca (fala, abertura) (Ex.38:21); Hebráico hkrem ma arakah - fileira, carreira, ordem de batalha (Ex.39:37); Hebráico Kre erek - ordem, fileira, estimativa, coisas que são colocadas em ordem, camada, pilha, avaliação (Ex.40:4); Hebráico trmvm mishmereth - guarda, cargo, função, obrigação, serviço, vigia, preservar pelo cargo, mandato, ofício, função (cerimonial) (Nm.9:19); Hebráico rbd dabar - discurso, palavra, fala, negócio, ocupação, atos, assunto, caso, algo, maneira (1 Sm.21:2);

19 Hebráico hwum mitsvah - significando preceito (de homem) como código de sabedoria. (2 Cr.29:15); Hebráico xlv shalach - enviar, despedir, deixar ir, estender, direcionar (2 Rs.23:1); Hebráico hnvm mishneh - dobro, cópia, segundo, repetição (2 Rs.23:4); Hebráico jpvm mishpat ordenação, julgamento, justiça; decidir um processo, procedimento, litigação (diante de juízes) segundo a justiça, direito, retidão (atributos de Deus ou do homem) (1 Cr.6:32); Hebráico rma amar - dizer, falar, proferir, responder, fala ao coração, pensar, ordenar, prometer, intencionar (1 Cr.21:27); Aramáico Mej em - decreto, gosto, juízo, ordem, relatório (Ed.4:21); Aramáico Mws suwm - pôr, fazer, designar, decretar, estabelecer, fixar, dispor (Ed.5:3); Hebráico td dath - decreto, lei, edito, regulamentação, uso, comissão, regra (Et.8:7); Hebráico hrbd dibrah - causa, maneira, razão (Sl.110:4); Hebráico tyv shiyth - pôr, colocar, designar, fixar, estar determinado (Is.22:7); Aramáico alav ela ou atlav - assunto, pedido (Dn.4:17); Hebráico Nk ken indicando algo reto, justo, honesto, verdadeiro, autêntico, confirmação (Pv.28:2); Hebráico hl-la la el-leh - antes do antecedente (Nm.10:28); Hebráico hrma imrah ou hrma emrah - declaração, discurso, palavra de Deus, a Torá (Sl.147:15); Hebráico dme amad ordem no sentido de estar de pé, permanecer, resistir, apresentar-se, atender, posicionar, fazer permanecer firme (Jr.40:10); Aramáico rma amar - dizer, falar, ordenar, contar, relatar (Dn.3:4); Hebráico doy yacad - fundar, fixar, estabelecer, lançar alicerce, estabelecer, designar, ordenar (Et.1:8); Hebráico qx choq indicando estatuto, ordenança, limite, algo prescrito, obrigação, tarefa, decreto, decisão (Jó.23:14); Hebráico dqp paqad - comparecer, convocar, numerar, calcular, visitar,passar em revista, convocar, supervisionar, nomear como encarregado (Jr.51:27); Hebráico Mwq quwm - levantar, erguer, permanecer estabelecido, confirmado, válido, provado indicando confirmar, ratificar, estabelecer (Et.9:21) Hebráico hqx chuqqah - estatuto, ordenança, limite, lei, algo prescrito (Ex.12:43); Hebráico rde adar provocar pela ordem uma ajuda, mudança como quem cava ou deixa faltar algo para organizar (1 Cr.12:33); Aramáico Mej ta am ordem indicando gosto, juízo, discrição, relatório (Ed.7:23); Grego legw lego - dizer, falar, afirmar sobre, manter, ensinar, exortar, aconselhar, comandar (Mt.22:4); Grego kayexhv kathexes - um após o outro, sucessivamente, em ordem (Lc.1:3); Grego taxiv taxis - arranjo, disposição, condição ordenada, posto, nível, ou posição que alguém mantém em afazeres cívicos ou outros; como esta posição geralmente depende dos talentos de alguém, experiência, recursos, caráter, costume, qualidade, estilo. (Lc.1:8); Grego entolh entole - comando, dever, preceito, aquilo que é prescrito para alguém em razão de seu ofício (Lc.15:29). Grego paraggelia paraggelia - notificação, proclamação ou anúncio de uma mensagem; ordem, comando (At.16:24); Grego keleuw keleuo de kello (incitar); comandar, ordenar (At.25:23); Grego tagma tagma - aquilo que foi organizado, algo colocado em ordem como uma corporação, bando, tropa, classe (1 Co.15:23); Grego keleusma keleuma - ordem, comando, com um grito de estímulo, dado a homens, como uma convocação em voz alta, um chamado de clarim (1 Ts.4:16); Grego epidioryow epidiorthoo - terminar de organizar (Tt.1:5); Grego pempw pempo enviar; ordenar que algo seja levado a alguém; inserir algo para outro (Mt.14:10); Grego entellomai entellomai - ordernar, mandar que seja feito, encarregar (Hb.11:22); Grego epitassw epitasso - mandar, ordenar, comandar, dar ordens (Mc.1:27); Grego epw epo - falar, dizer (Lc.10:40);

20 Grego paragellw paraggello- transmitir uma mensagem de um para outro, declarar, anunciar, comandar, ordenar, incumbir (1 Tm.4:11); Grego diatassw diatasso - arranjar, apontar, ordenar, prescrever, dar ordem (Lc.17:10); Grego prostassw prostasso - designar ou atribuir, limitar, mandar, ordenar, prescrever, comandar, definir (At.10:33); Grego tassw tasso - colocar em ordem, organizar, designar um lugar, designar por responsabilidade ou autoridade própria; concordar (At.22:10); Grego apokeimai apokeimai - guardado, colocado à parte, reservado ou à espera de alguém (Hb.9:27); Grego diastellomai diastellomai - dispor, ordenar, abrir a mente, mostrar distintamente, admoestar (Hb.12:20); Grego dogma dogma - doutrina, decreto, lei como os decretos públicos do Senado Romano; regras e requerimentos da lei de Moisés; que sugere severidade e julgamento ameaçador e também, certos decretos dos apóstolos relativos a uma vida correta (Ef.2:15); Grego dogmatizw dogmatizo - decretar, ordenar, exigir, estabelecer uma lei (Cl.2:20); Grego dikaiwma dikaioma - aquilo que foi julgado justo de tal forma a ter força de lei, estabelecido e ordenado por decisão judicial, favorável para absolver ou desfavorável para condenar (Hb.9:10); Grego apostellw apostello - ordenar (alguém) ir para um lugar estabelecido (At.16:36); Grego diatagh diatage - disposição, acordo, decreto (Rm.13:2); ANALISANDO O ASSUNTO DA ORDEM À LUZ DO ANTIGO E NOVO TESTAMENTOS: Entendemos que os judeus entendiam a ordem com pelo menos três visões distintas (organização, decreto e permanência em relação à Lei e à nação de Israel), ao passo de que o cristianismo aperfeiçou estas visões distintas (para ensino, proclamação e disposição de cumprir o IDE e viver o Evangelho, como algo muito mais profundo para Deus), ainda que houvesse uma carência de entendimento em relação à Lei de Deus, denotando assim uma supremacia da vivência cotidiana dos preceitos de Deus acima da tradição religiosa judáica. b)características DA ORDEM: Deve estar presente na vida espiritual (Gn.22:9); Deve expressar generosidade (Gn44:1); Deve expressar identificação (Ex.38:21); Luz (Lv.24:4); Presença de Deus (Lv.24:8); Disposição (Nm.29:20); Contribuição (Nm.28:2; Hb.7:5); Reflexão (Jó.33:5); Ensino (Jó.37:19); Posição (Sl.62:9); Obediência (Sl.91:11); Proclamação (Is.44:7); Profecia (Ez.37:10); Entendimento (Dn.9:23); Restauração e Edificação (Dn.9:25); Testemunho (Lc.1:3); Decência (1 Co.14:10); Autoridade (1 Co.15:23); Alegria Espiritual (Cl.2:5); Fé (Hb.11:22). c) O ATO DE SER ORDEIRO: A)Condições que invalidam na maneira pessoal de Ser: NÃO ADIANTA: a)ter uma hierarquia de valores para a vida e para os outros, se é meramente no campo das palavras e não nas ações; b) Agir habitualmente de acordo com determinadas normas, se nas horas do imprevisto não ajudam em nada a resolver os problemas; c)pensar no que está fazendo, se não há uma justificativa aceitável para o que se faz; d)procurar ser ordenado pra ser eficaz nas ações perante os outros, se se age por excessos, sem pensar na necessidade; e)distribuir o tempo adequadamente para dar atenção ao mais importante, se se desperdiça o tempo para outras coisas também importantes; f)cumprir os deveres com pontualidade, se me justifico em muitas outras áreas, agindo de maneira ineficaz. g) Utilizar vários recursos variados para fazer bom uso,se negligencio a maneira correta de agir, precipitadamente. d)condições que invalidam este Ato na educação: NÃO ADIANTA: a)conhecer as diferentes aptidões dos outros com respeito à ordem, se desprezo as limitações de cada pessoa e passo a impor mais do que suportam;

HUMILDADE- A VERDADEIRA GRANDEZA

HUMILDADE- A VERDADEIRA GRANDEZA HUMILDADE- A VERDADEIRA GRANDEZA Ministério de Mulheres Aulas: 1 - Abertura - Tudo começa na Mente 2- Considerações gerais sobre a humildade 3- Manifestações Orgulho 4- Orgulho - personagens bíblicos 5-

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

Décima Primeira Lição

Décima Primeira Lição 70 Décima Primeira Lição AUTORIDADE NA EDUCAÇÃO DOS FILHOS A EDUCAÇÃO DOS FILHOS NO LAR A) O lar tem suma importância na vida humana, pois é o berço de costumes, hábitos, caráter, crenças e morais de cada

Leia mais

www.projeto-timoteo.org 2ª edição Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo Apostila do Aluno

www.projeto-timoteo.org 2ª edição Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo Apostila do Aluno Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo 1 Apostila do Aluno Como Viver a Plenitude de Deus Projeto Timóteo Coordenador do Projeto Dr. John Barry Dyer Equipe Pedagógica Marivete Zanoni Kunz Tereza

Leia mais

Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1

Direitos reservados Domingos Sávio Rodrigues Alves Uso gratuito, permitido sob a licença Creative Commons 1 1 O caminho da harmonia. Colossenses 3 e 4 Col 3:1-3 Introdução: Portanto, já que vocês ressuscitaram com Cristo, procurem as coisas que são do alto, onde Cristo está assentado à direita de Deus. Mantenham

Leia mais

Características de um casamento duradouro

Características de um casamento duradouro Características de um casamento duradouro Características de um casamento duradouro Introdução: Ainda é possível ver um casal já bem idoso de mãos dadas, e que mesmo depois de tantos anos ainda se olham

Leia mais

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13

A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO. Romanos 15:13 A ESPERANÇA QUE VEM DO ALTO Romanos 15:13 - Ora o Deus de esperança vos encha de toda a alegria e paz em crença, para que abundeis em esperança pela virtude do Espírito Santo. Só Deus pode nos dar uma

Leia mais

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO ETERNIDADE DEUS PAI LOGUS ESPIRITO SANTO A TRINDADE 1Jo.5.7 LOGUS QUER DIZER PALAVRA OU VERBO SE REFERE AO FILHO NA ETERNIDADE I - SUA PRÉ-EXISTÊNCIA 1 - SUA EXISTÊNCIA

Leia mais

PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM GRAÇA ARANHA-MA

PRIMEIRA IGREJA BATISTA EM GRAÇA ARANHA-MA "Abre os meus olhos para que eu contemple as maravilhas da tua Lei". Sl.119.18 PLANO DE LEITURA BÍBLICA ANUAL - JANEIRO 01 Gn 1-3 Sl 1 02 Gn 4-7 Sl 2 03 Gn 8-10 Sl 3 04 Gn 11-13 Sl 4 05 Gn 14-17 Sl 5 06

Leia mais

31 dias de oração pelo seu marido por Nancy Leigh DeMoss

31 dias de oração pelo seu marido por Nancy Leigh DeMoss 31 dias de oração pelo seu marido por Nancy Leigh DeMoss A palavra do Senhor nos ensina a orarmos uns pelos outros, e isso inclui a responsabilidade e grande privilégio das esposas em orarem pelos seus

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

LIÇÃO 1 - COMEÇANDO A VIDA CRISTÃ

LIÇÃO 1 - COMEÇANDO A VIDA CRISTÃ 2015 MDA REDE JOVEM Tornar-se um cristão espiritualmente maduro é a ação de maior valor que podemos fazer por nós mesmos. LIÇÃO 1 - COMEÇANDO A VIDA CRISTÃ Jesus foi maior evangelista que o mundo já viu.

Leia mais

Firmes, fortes e inabaláveis até o final

Firmes, fortes e inabaláveis até o final O SOLDADO DA GRAÇA Efésios 6.10-13 10 Finalmente, fortaleçam-se no Senhor e no seu forte poder. 11 Vistam toda a armadura de Deus, para poderem ficar firmes contra as ciladas do Diabo, 12 pois a nossa

Leia mais

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos.

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Esperança em um mundo mal Obadias 1-21 Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Introdução Obadias É o livro mais curto do Antigo Testamento. Quase nada se sabe sobre o autor.

Leia mais

novas atitudes para uma nova vida!

novas atitudes para uma nova vida! novas atitudes Gálatas 5.13-26 22 Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, 23 mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei. 24 Os que pertencem

Leia mais

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA At 9.31 A igreja, na verdade, tinha paz por toda Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se

Leia mais

A Liderança do Espírito

A Liderança do Espírito A Liderança do Espírito Autor : Andrew Murray Para muitos Cristãos a liderança do Espírito é considerada como uma sugestão de pensamentos para nossa orientação. Eles almejam e pedem por ela em vão. Quando

Leia mais

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger

Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Ademir Ifanger Saiamos pois, a Ele, fora do arraial... Introdução Almejamos uma nova compreensão da espiritualidade, que nos impulsione a realizar o projeto integral de Deus, expressando assim genuína adoração (Jo 4.23-24).

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DAS ESCRITURAS Conforme registra, por exemplo, o salmo 19.1-6, é através da Criação

A IMPORTÂNCIA DAS ESCRITURAS Conforme registra, por exemplo, o salmo 19.1-6, é através da Criação 1 LIÇÃO 1 A IMPORTÂNCIA DAS ESCRITURAS Conforme registra, por exemplo, o salmo 19.1-6, é através da Criação que Deus tem Se revelado ao homem. Deus revela-se também através da Palavra Escrita, a Bíblia

Leia mais

NOME DO CURSO ORAR É AÇÃO EBA. Nome do professor

NOME DO CURSO ORAR É AÇÃO EBA. Nome do professor ORAR É AÇÃO EBA Aprendendo a ORAR com Paulo Ef. 1:15-19. Por isso também eu, tendo ouvido da fé que há entre vós no Senhor Jesus e o amor para com todos os santos, não cesso de dar graças por vós, fazendo

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

ESTUDO 5 A ORIGEM DO BEM A PALAVRA DA VERDADE!

ESTUDO 5 A ORIGEM DO BEM A PALAVRA DA VERDADE! ESTUDO 5 A ORIGEM DO BEM A PALAVRA DA VERDADE! Texto: Tiago 1: 16-27 Introdução: Todo o bem vem da parte de Deus; e todo o mal vem da depravação humana. Tiago enfatiza a prática da palavra de Deus. I Como

Leia mais

O líder influenciador

O líder influenciador A lei da influência O líder influenciador "Inflenciar é exercer ação psicológica, domínio ou ascendências sobre alguém ou alguma coisa, tem como resultado transformações físicas ou intelectuais". Liderança

Leia mais

Sal da TERRA e luz do MUNDO

Sal da TERRA e luz do MUNDO Sal da TERRA e luz do MUNDO Sal da terra e luz do mundo - jovens - 1 Apresentação pessoal e CMV Centro Missionário Providência Canto: vós sois o sal da terra e luz do mundo... MOTIVAÇÃO: Há pouco tempo

Leia mais

Vivemos uma época em que os homens estão confusos com relação a seus papéis.

Vivemos uma época em que os homens estão confusos com relação a seus papéis. INTRODUÇÃO Vivemos uma época em que os homens estão confusos com relação a seus papéis. Somos cobrados para ser sensíveis emocionalmente, participantes nas atividades domésticas e esteticamente belos em

Leia mais

DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ

DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ EBD DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ DOUTRINAS BÁSICAS DA VIDA CRISTÃ OLÁ!!! Sou seu Professor e amigo Você está começando,hoje, uma ETAPA muito importante para o seu CRESCIMENTO ESPIRITUAL e para sua

Leia mais

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas?

Dia 24 - DOAR. Você consegue ver mudanças internas? Jesus deu a resposta aos fariseus naquele dia. Portanto, deem aos pobres o que está dentro dos seus copos e dos seus pratos, e assim tudo ficará limpo para vocês. (Lc 11.41). Com aquela Palavra, Ele tocou

Leia mais

O SER DE DEUS E A TRINDADE

O SER DE DEUS E A TRINDADE O SER DE DEUS E A TRINDADE INTRODUÇÃO 1. O que é a disciplina? É o estudo sobre a Pessoa de Deus como é revelada na Bíblia e na Revelação Geral. 2. Importância: - Conhecer quem é Deus é fundamental para

Leia mais

9 Princípios Bíblicos

9 Princípios Bíblicos 9 Princípios Bíblicos...E promessas em áreas básicas no aconselhamento de jovens por Ken Collins ABUSO FÍSICO E PESSOAL APARÊNCIA Deus pode consolar e fortalecer Sl 86 Deus dá maior valor à beleza interior

Leia mais

A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR?

A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR? A OFERTA DE UM REI (I Crônicas 29:1-9). 5 - Quem, pois, está disposto a encher a sua mão, para oferecer hoje voluntariamente ao SENHOR? Esse texto é um dos mais preciosos sobre Davi. Ao fim de sua vida,

Leia mais

SENDO UMA PESSOA MANSA E CONTROLADA.

SENDO UMA PESSOA MANSA E CONTROLADA. SENDO UMA PESSOA MANSA E CONTROLADA. Chegamos à reta final de nossa caminha de transformação, restando apenas os dois últimos gomos do Fruto do Espírito. Estes dois últimos gomos, são os mais difíceis

Leia mais

O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia. (Prov. 28:13)

O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia. (Prov. 28:13) CONFISSÃO E ARREPENDIMENTO O que encobre as suas transgressões jamais prosperará; mas o que as confessa e deixa alcançará misericórdia. (Prov. 28:13) A consequência natural do arrependimento é a confissão.

Leia mais

Lição 10. Como entender a realidade da morte? Texto Bíblico: 1Coríntios 15.20-28; 43-58

Lição 10. Como entender a realidade da morte? Texto Bíblico: 1Coríntios 15.20-28; 43-58 Lição 10 Como entender a realidade da morte? Texto Bíblico: 1Coríntios 15.20-28; 43-58 Introdução: O Apóstolo Paulo estava trabalhando algumas discrepâncias doutrinárias na Igreja de Corinto e, especificamente,

Leia mais

O significado de um viver santo

O significado de um viver santo O significado de um viver santo TEXTO BÍBLICO BÁSICO Efésios 4.4-3 4 - E vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade. 5 - Por isso deixai a mentira, e falai

Leia mais

Tipos de cristãos que amadurecem

Tipos de cristãos que amadurecem Tipos de cristãos que amadurecem TEXTO BÍBLICO BÁSICO Romanos 12.1-5 1 Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que

Leia mais

Lição 07 A COMUNIDADE DO REI

Lição 07 A COMUNIDADE DO REI Lição 07 A COMUNIDADE DO REI OBJETIVO: Apresentar ao estudante, o ensino bíblico sobre a relação entre a Igreja e o Reino de Deus, para que, como súdito desse reino testemunhe com ousadia e sirva em amor.

Leia mais

DESENVOLVENDO MEMBROS MADUROS

DESENVOLVENDO MEMBROS MADUROS DESENVOLVENDO MEMBROS MADUROS Movendo Pessoas da Congregação para os Comprometidos para que não mais sejamos como meninos Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.

Leia mais

Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus

Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus CURSO DE DESENVOLVIMENTO HUMANO E ESPIRITUAL DESCUBRA A ASSINATURA DE SUAS FORÇAS ESPIRITUAIS Test Viacharacter AVE CRISTO BIRIGUI-SP Jul 2015 Vós sois deuses, pois brilhe a vossa a luz! Jesus I SABER

Leia mais

Em Lc 18, o fariseu(um homem iludido) pensava ser um dos prediletos de Deus!... E ele usava a oração para assegurar que era o que fingia ser!

Em Lc 18, o fariseu(um homem iludido) pensava ser um dos prediletos de Deus!... E ele usava a oração para assegurar que era o que fingia ser! Casas Abertas Estudos Diversos A oração dos hipócritas3 Como vimos no estudo anterior que a hipocrisia é sutil e distorce nossa visão a respeito de nós mesmos! Vamos pontuar mais uma característica maléfica

Leia mais

Para a grande maioria das. fazer o que desejo fazer, ou o que eu tenho vontade, sem sentir nenhum tipo de peso ou condenação por aquilo.

Para a grande maioria das. fazer o que desejo fazer, ou o que eu tenho vontade, sem sentir nenhum tipo de peso ou condenação por aquilo. Sonhos Pessoas Para a grande maioria das pessoas, LIBERDADE é poder fazer o que desejo fazer, ou o que eu tenho vontade, sem sentir nenhum tipo de peso ou condenação por aquilo. Trecho da música: Ilegal,

Leia mais

O FRUTO DO ESPÍRITO 1 - A CARIDADE, A ALEGRIA E A PAZ.

O FRUTO DO ESPÍRITO 1 - A CARIDADE, A ALEGRIA E A PAZ. O FRUTO DO ESPÍRITO O Espírito Santo nos guia para as alturas de Deus, para que possamos viver já nesta terra a semente da vida divina que está em nós. O fruto do Espírito são perfeições que o Espírito

Leia mais

O povo da graça: um estudo em Efésios # 34 Perseverando com graça - Efésios 6.18-24

O povo da graça: um estudo em Efésios # 34 Perseverando com graça - Efésios 6.18-24 Perseverando com graça Efésios 6.18-24 O povo da graça: um estudo em Efésios # 34 18 Orem no Espírito em todas as ocasiões, com toda oração e súplica; tendo isso em mente, estejam atentos e perseverem

Leia mais

Adoração no Islã (parte 1 de 3): O Significado da Adoração

Adoração no Islã (parte 1 de 3): O Significado da Adoração Adoração no Islã (parte 1 de 3): O Significado da Adoração O conceito e propósito da adoração no Islã não têm paralelo com qualquer outra religião existente. Ele combina o mundano com o espiritual, o indivíduo

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

Perdão Marca de Maturidade

Perdão Marca de Maturidade Perdão Marca de Maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO Mateus 18.15-22 15 - Ora, se teu irmão pecar contra ti, vai, e repreende-o entre ti e ele só; se te ouvir, ganhaste a teu irmão; 16 - Mas, se não te ouvir,

Leia mais

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros.

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. A Torá é o texto mais importante para o Judaísmo. Nele se encontram os Mandamentos, dados diretamente

Leia mais

Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo.

Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo. 1 Pregação proferida pelo pastor João em 03/02/2011. Próxima pregação - Efésios 4:1-16 - A unidade do corpo de Cristo. Amados Irmãos no nosso Senhor Jesus Cristo: É devido à atuação intima do Espírito

Leia mais

Portanto, sempre existiu aqueles que eram de Deus, e aqueles que não eram de Deus, ou seja, os santos, e os pecadores.

Portanto, sempre existiu aqueles que eram de Deus, e aqueles que não eram de Deus, ou seja, os santos, e os pecadores. Santidade ao Senhor Antigo Testamento Ex 28:36 "Também farás uma lâmina de ouro puro e nela gravarás à maneira de gravuras de selos: Santidade ao Senhor." Novo testamento 1 Pe 1:15 "mas, como é santo aquele

Leia mais

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro?

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro? ...as religiões? Sim, eu creio que sim, pois não importa a qual religião pertença. O importante é apoiar a que tem e saber levá-la. Todas conduzem a Deus. Eu tenho minha religião e você tem a sua, e assim

Leia mais

CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO. APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07

CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO. APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07 CONHECENDO O ESPÍRITO SANTO APOSTILA DA CLASSE DE NOVOS MEMBROS Volume 06 de 07 A trindade sempre existiu, mas se apresenta com maior clareza com vinda de Cristo e a redação do Novo Testamento. Por exemplo,

Leia mais

Comunidade Vida em Família Ministério de Intercessão Curso de Intercessão I.

Comunidade Vida em Família Ministério de Intercessão Curso de Intercessão I. Comunidade Vida em Família Ministério de Intercessão Curso de Intercessão I. Introdução. Na Carta aos Efésios 6.18, podemos perceber que há diversos tipos de oração, instruindo-nos o Espírito Santo que

Leia mais

Jo 15.2 = Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.

Jo 15.2 = Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto. A Responsabilidade dos Filhos de Deus Texto Base: 1º João 2.6 = Aquele que diz que está nele também deve andar como ele andou. Introdução: O nosso dever é andar como Ele (Jesus) andou.. Todos que O aceitam

Leia mais

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA

IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA IGREJA DE CRISTO INTERNACIONAL DE BRASÍLIA ESCOLA BÍBLICA MÓDULO I - O NOVO TESTAMENTO Aula XXII A PRIMEIRA CARTA DE PEDRO E REFLEXÕES SOBRE O SOFRIMENTO Até aqui o Novo Testamento tem dito pouco sobre

Leia mais

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus 1ª Carta de João A Palavra da Vida 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e o que as nossas mãos apalparam da Palavra da Vida 2 vida esta que

Leia mais

Liderança Cristã SEFO 2013

Liderança Cristã SEFO 2013 Liderança Cristã SEFO 2013 1ª Aula Fabio Codo Fábio Codo - http://teologiaaservicoevangelho.wordpress.com Igreja Evangélica Assembleia de Deus Ministério Madureira Campo de Mogi das Cruzes Conteúdo Programático

Leia mais

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL.

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. Como sabemos o crescimento espiritual não acontece automaticamente, depende das escolhas certas e na cooperação com Deus no desenvolvimento

Leia mais

Elementos da Vida da Pequena Comunidade

Elementos da Vida da Pequena Comunidade Raquel Oliveira Matos - Brasil A Igreja, em sua natureza mais profunda, é comunhão. Nosso Deus, que é Comunidade de amor, nos pede entrarmos nessa sintonia com Ele e com os irmãos. É essa a identidade

Leia mais

Apesar de toda diversidade a Bíblia toda contém uma só idéia central: Jesus Cristo, o Senhor, que ama e salva o homem pecador. Gn 3.15; Ap 19.

Apesar de toda diversidade a Bíblia toda contém uma só idéia central: Jesus Cristo, o Senhor, que ama e salva o homem pecador. Gn 3.15; Ap 19. Apresentação do Curso Existem duas formas de se estudar teologia, uma é através da Teologia Bíblica que extrai as verdades que formularão as doutrinas diretamente do texto. A outra maneira é através da

Leia mais

Centralidade da obra de Jesus Cristo

Centralidade da obra de Jesus Cristo Centralidade da obra de Jesus Cristo MÓDULO 3 3ª AULA AULA 3 MÓDULO 3 SALVAÇÃO EM CRISTO Jesus no Centro Por que deve ficar claro isso? Dá para evangelizar sem falar de Jesus? É possível partir de outro

Leia mais

É claro que somos guardiões do nosso irmão, afirma o Dr Zygmunt.

É claro que somos guardiões do nosso irmão, afirma o Dr Zygmunt. Pr. Fernando Fernandes PIB em Penápolis, 15/08/2010 Comunhão: Resultado de experiências radicais com Jesus. (Estudo 3) Mês da Comunhão 2 O Dr. Zygmunt Bauman, no livro A Sociedade Individualizada, abordando

Leia mais

O cristianismo que vivemos

O cristianismo que vivemos O cristianismo que vivemos TEXTO BÍBLICO BÁSICO Lucas 12.16-21,0-2 16 - E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância; 17 - E arrazoava ele entre si, dizendo:

Leia mais

MENTALIDADE QUE AMPARA O ESPIRITUAL

MENTALIDADE QUE AMPARA O ESPIRITUAL 1 MENTALIDADE QUE AMPARA O ESPIRITUAL OBJETIVO. E, por haverem desprezado o conhecimento de Deus, o próprio Deus os entregou a uma disposição mental reprovável, para praticarem coisas inconvenientes, Romanos

Leia mais

LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE

LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE CAPÍTULO 11 LEI DE JUSTIÇA, AMOR E CARIDADE Justiça e direitos naturais Direito de propriedade. Roubo Caridade e amor ao próximo Amor maternal e filial JUSTIÇA E DIREITOS NATURAIS 873 O sentimento de justiça

Leia mais

GRAÇA E FÉ por Rev. Fernando Almeida

GRAÇA E FÉ por Rev. Fernando Almeida 1 GRAÇA E FÉ por Rev. Fernando Almeida Introdução Muitos de nós ouvimos, com certa freqüência, pregadores que ao fazerem apelo, dizem coisas do tipo: dê uma chance para Jesus ou ainda deixe Jesus entrar

Leia mais

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12

SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 SALVAÇÃO não basta conhecer o endereço Atos 4:12 A SALVAÇÃO É A PRÓPRIA PESSOA DE JESUS CRISTO! VOCÊ SABE QUAL É O ENDEREÇO DE JESUS! MAS ISSO É SUFICIENTE? Conhecer o endereço de Jesus, não lhe garantirá

Leia mais

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015]

Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] 1 Manual de Respostas do Álbum Líturgico- catequético No Caminho de Jesus [Ano B 2015] Página 9 Na ilustração, Jesus está sob a árvore. Página 10 Rezar/orar. Página 11 Amizade, humildade, fé, solidariedade,

Leia mais

COMO SE PREPARAR PARA ORAR

COMO SE PREPARAR PARA ORAR COMO SE PREPARAR PARA ORAR PR. OTILONE LOPES DE OLIVEIRA VEJA: COMO SE PREPARAR PARA ORAR A- HOJE TEMOS EM NOSSAS IGREJAS, ESCOLAS PARA TODOS OS FINS, MENOS PARA ENSINAR A ORAR. B- SEGUNDO PESQUISA, A

Leia mais

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

Preces POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS?

Preces POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? Preces POR QUE NOSSAS PRECES NÃO SÃO ATENDIDAS? A grande maioria das pessoas só recorrem à oração quando estão com problemas de ordem material ou por motivo de doença. E sempre aguardando passivamente

Leia mais

A Bíblia utiliza muitas palavras, tanto em hebraico como em grego, para definir o conceito de pecado:

A Bíblia utiliza muitas palavras, tanto em hebraico como em grego, para definir o conceito de pecado: O CONCEITO BIBLICO DE PECADO Qualquer que comete pecado, também comete iniquidade; porque o pecado é iniquidade. 1 João 3:4 A Bíblia utiliza muitas palavras, tanto em hebraico como em grego, para definir

Leia mais

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012

ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 ASSEMBLEIA DO RENOVAMENTO CARISMÁTICO DA DIOCESE DO PORTO 21 de Abril de 2012 Mantendo-vos, portanto, firmes, tendo cingido os vossos rins com a verdade, vestindo a couraça da justiça e calçando os pés

Leia mais

6ª Aula A Vontade de Deus

6ª Aula A Vontade de Deus 6ª Aula A Vontade de Deus Objetivo do curso: Ajudar cada cristão a orar mais! Ajudar cada cristão a entender que a oração é o meio pelo qual Deus é CONVIDADO a fazer parte de nossas vidas (não há outra

Leia mais

DEPRESSÃO (parte 2) Aconselhando deprimidos

DEPRESSÃO (parte 2) Aconselhando deprimidos DEPRESSÃO (parte 2) Aconselhando deprimidos EBD IBCU Curso: O Plano de Deus para Sua saúde Em seu uso atual, este termo descreve uma série de estados afetivos com diferentes fatores, manifestações e graus

Leia mais

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19 1 Todos Morrem! Pessoas morrem diariamente, seja por acidente ou de câncer, ataque cardíaco, acidente vascular cerebral, ou como vítimas de quaisquer das numerosas outras doenças. Alguns chegam a morrer

Leia mais

A Batalha Contra a Carne. Aula - 05

A Batalha Contra a Carne. Aula - 05 A Batalha Contra a Carne Aula - 05 A Batalha Contra a Carne Textos Básicos: Gl 5.16-23; Mt 26.41 A vida cristã é uma peregrinação. Usando a linguagem das Escrituras, é uma viagem que se faz à pé. O ato

Leia mais

Princípios de Fé Estudo 1

Princípios de Fé Estudo 1 Estudo 1 1 Tema: A fé e a comunhão Texto Base: o que temos visto e ouvido anunciamos também a vós outros, para que vós, igualmente, mantenhais comunhão conosco. Ora, a nossa comunhão é com o Pai e com

Leia mais

Tudo o que você precisa saber para ter filhos éticos, inteligentes, felizes e de sucesso

Tudo o que você precisa saber para ter filhos éticos, inteligentes, felizes e de sucesso Tudo o que você precisa saber para ter filhos éticos, inteligentes, felizes e de sucesso SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 15 2. COMUNICAÇÃO E DIÁLOGO ENTRE PAIS E FILHOS 23 2.1 O problema da comunicação entre pais

Leia mais

Ser ou não ser, eis a questão.

Ser ou não ser, eis a questão. Decisões Ser ou não ser, eis a questão. Será mais nobre sofrer na alma Pedradas e flechadas do destino feroz Ou pegar em armas contra o mar de angústias E, combatendo-o, dar-lhe fim? Hamlet de William

Leia mais

Mensagens de Santa Paula Frassinetti (Extraídas do livro: PALAVRA VIDA) Esteja alegre e, quanto possível, contribua também para a alegria dos outros.

Mensagens de Santa Paula Frassinetti (Extraídas do livro: PALAVRA VIDA) Esteja alegre e, quanto possível, contribua também para a alegria dos outros. Mensagens de Santa Paula Frassinetti (Extraídas do livro: PALAVRA VIDA) Abri o coração às maiores esperanças para o futuro. Esteja alegre e, quanto possível, contribua também para a alegria dos outros.

Leia mais

Lição Dois. Mordomia Cristã. Conceito Básico: O alicerce da mordomia cristã é o conceito de que tudo que existe pertence a

Lição Dois. Mordomia Cristã. Conceito Básico: O alicerce da mordomia cristã é o conceito de que tudo que existe pertence a Livrinho 2 Pàgina 12 Lição Dois Mordomia Cristã Conceito Básico: O alicerce da mordomia cristã é o conceito de que tudo que existe pertence a Deus. Ele é o Criador e Sustentador de tudo. Isto incluí a

Leia mais

O Papel da Mulher Cristã

O Papel da Mulher Cristã O Papel da Mulher Cristã Hoje as mulheres estão bem mais interessadas em carreiras profissionais e menos desejosas do papel no lar. Porém cada um tem a sua importância. Qual será então, o papel da mulher

Leia mais

Estudo Bíblico Colossenses Guia do Líder Por Mark Pitcher. LIÇÃO 1 SUA MAIOR PRIORIDADE - Colossenses 3:1-4

Estudo Bíblico Colossenses Guia do Líder Por Mark Pitcher. LIÇÃO 1 SUA MAIOR PRIORIDADE - Colossenses 3:1-4 Estudo Bíblico Colossenses Guia do Líder Por Mark Pitcher Os quatro estudos a seguir tratam sobre a passagem de Colossenses 3:1-17, que enfatiza a importância de Jesus Cristo ter sua vida por completo.

Leia mais

Lição 1 Como Amar os Inimigos

Lição 1 Como Amar os Inimigos Lição 1 Como Amar os Inimigos A. Como seus pais resolviam as brigas entres você e seus irmãos? B. Em sua opinião qual a diferença entre amar o inimigo e ser amigo do inimigo? PROPÓSITO: Aprender como e

Leia mais

Bíblia Sagrada N o v o T e s t a m e n t o P r i m e i r a E p í s t o l a d e S ã o J o ã o virtualbooks.com.br 1

Bíblia Sagrada N o v o T e s t a m e n t o P r i m e i r a E p í s t o l a d e S ã o J o ã o virtualbooks.com.br 1 Bíblia Sagrada Novo Testamento Primeira Epístola de São João virtualbooks.com.br 1 Capítulo 1 1 O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que temos visto com os nossos olhos, o que temos contemplado

Leia mais

As fontes da nossa auto-imagem

As fontes da nossa auto-imagem AUTO IMAGEM O QUE EU ACHO DE MIM MESMO QUEM SOU EU E QUAL E O MEU VALOR? NARCISISMO (deus da mitologia grega que se apaixonou por si mesmo ao ver sua imagem refletida na água) AS FONTES DA NOSSA AUTO -

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

Parte Terceira Capítulo XII Da perfeição moral

Parte Terceira Capítulo XII Da perfeição moral Parte Terceira Capítulo XII Da perfeição moral Caracteres do homem de bem Questão: 918 O homem de bem tira boas coisas do bom tesouro do seu coração e o mau tira as más do mau tesouro do seu coração; porquanto,

Leia mais

Texto Bíblico: Efésios 6.12-13

Texto Bíblico: Efésios 6.12-13 Lição 13 Uma batalha intensa e sem trégua Texto Bíblico: Efésios 6.12-13 No mesmo instante em que recebemos a Jesus como Senhor e Salvador de nossa vida, assumimos uma posição contrária ao império das

Leia mais

E CONHECEREIS A VERDADE, E A VERDADE VOS LIBERTARÁ

E CONHECEREIS A VERDADE, E A VERDADE VOS LIBERTARÁ ADIVINHOS: O que a Bíblia diz sobre eles? Lv 19. 31; Dt 18. 10; Is 8. 19-20; At 16.16-19 CASAMENTO: Posso casar com uma pessoa desigual na fé? II Co 6. 14 18 CARNE DE PORCO: È proibido comer ou não? Col

Leia mais

A Prática do Discipulado: Discipulando Grupos específicos

A Prática do Discipulado: Discipulando Grupos específicos A Prática do Discipulado: Discipulando Grupos específicos Como funciona um Grupo de Discipulado? http://translation-blog.multilizer.com/language/pt/user-manual-is-a-challenge-foreign-language-user-manual-is-a-nightmare

Leia mais

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33

Sumário. Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9. Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15. Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 1 a Edição Editora Sumário Motivo 1 A fé sem obras é morta - 9 Motivo 2 A Igreja é lugar de amor e serviço - 15 Motivo 3 O mundo tem fome de santidade - 33 Santos, Hugo Moreira, 1976-7 Motivos para fazer

Leia mais

PREGAÇÃO DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013 TEMA : A LUTA PELA FÉ PASSAGEM BASE: FILIPENSES 1:27-30

PREGAÇÃO DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013 TEMA : A LUTA PELA FÉ PASSAGEM BASE: FILIPENSES 1:27-30 PREGAÇÃO DO DIA 30 DE NOVEMBRO DE 2013 TEMA : A LUTA PELA FÉ PASSAGEM BASE: FILIPENSES 1:2730 FILIPENSES 1:2730 Somente deveis portarvos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer vá e vos

Leia mais

AS PARÁBOLAS DA BÍBLIA

AS PARÁBOLAS DA BÍBLIA AS PARÁBOLAS DA BÍBLIA Série de Estudos Teológicos By Rev. Roger Rangel AS PARÁBOLAS DO NT Parábola do sal e de seu sabor Mt 5:13 Mc 9:50 Lc 14:34,35 Essa parábola será estudada em conjunto com a da luz

Leia mais

Demonstração de Maturidade

Demonstração de Maturidade Demonstração de Maturidade TEXTO BÍBLICO BÁSICO 2 Reis 4.12-17 12 - Então disse ao seu servo Geazi: Chama esta sunamita. E chamando-a ele, ela se pôs diante dele. 13 - Porque ele tinha falado a Geazi:

Leia mais

2015 O ANO DE COLHER ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO

2015 O ANO DE COLHER ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO ABRIL - 1 A RUA E O CAMINHO Texto: Apocalipse 22:1-2 Então o anjo me mostrou o rio da água da vida que, claro como cristal, fluía do trono de Deus e do Cordeiro, no meio da RUA principal da cidade. De

Leia mais

100 FRASES para um dia mais feliz. de Ana Flávia Miziara

100 FRASES para um dia mais feliz. de Ana Flávia Miziara 100 FRASES para um dia mais feliz de Ana Flávia Miziara Você está alegre? A vida está sorrindo para você? Você se lembrou de sorrir hoje? Lembre-se que a alegria é a fartura da vida e da mente. A vida

Leia mais

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo

Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo 4ª Semana Você foi criado para tornar-se semelhante a Cristo I- CONECTAR: Inicie o encontro com dinâmicas que possam ajudar as pessoas a se conhecer e se descontrair para o tempo que terão juntas. Quando

Leia mais

Recados do Espírito. Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37)

Recados do Espírito. Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37) Recados do Espírito Quem receber um destes meninos em meu nome é a mim que recebe. (Mc 9, 36-37) Que a vossa fé e a vossa esperança estejam postas em Deus (1 Pe 1,21) Descarrega sobre o Senhor os teus

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER

LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER LEITURA BÍBLICA A BÍBLIA LER INTRODUÇÃO: Qualquer que seja meu objetivo, ler é a atividade básica do aprendizado. Alguém já disse: Quem sabe ler, pode aprender qualquer coisa. Se quisermos estudar a Bíblia,

Leia mais