O AMIGÃO do Pastor. Um Periódico em Prol da Pregação do Evangelho de Jesus Cristo - VOL Nº 12 DEZ/10 DECEPÇÕES DE NATAL

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O AMIGÃO do Pastor. Um Periódico em Prol da Pregação do Evangelho de Jesus Cristo - VOL. 20 - Nº 12 DEZ/10 DECEPÇÕES DE NATAL"

Transcrição

1 Um Periódico em Prol da Pregação do Evangelho de Jesus Cristo - VOL Nº 12 DEZ/10 DECEPÇÕES DE NATAL Eu tinha sete anos quando recebi o primeiro presente de Natal na vida. Naquela manhã, quando abri o pacote, eu já sabia de uma coisa: o presente estava quebrado. Eis como tudo aconteceu. Naquele mesmo ano, nossa família havia deixado as regiões de lavoura e minério do norte do Alabama e ido para os campos de carvão na região montanhosa da Virgínia do Oeste. Meu pai havia decidido seguir um grupo de tios e amigos em busca de trabalho. Todos foram empregados nas minas de carvão nos arredores a cidade de Beckley. Com o pagamento garantido no final de cada mês, nesse ano, pela primeira vez na minha curta existência, eu e meus cinco irmãos receberíamos presentes no Natal. Num sábado de manhã, em dezembro, meus pais fizeram a viagem difícil até a cidade, e retornaram cheios de caixas e pacotes. Depois de esconderem tudo num armário, avisaram: Só serão abertos no Natal. Alguns dias mais tarde, quando meus pais haviam dado uma saída, meus irmãos mais velhos descobriram os presentes. Este deve ser pra você, disseram, entregando-me uma caixa contendo um bonito trator amarelo. Seria o primeiro brinquedo novo que eu ganharia na vida. O momento era mágico. Examinei o presente com muito carinho. Havia uma chave que, sendo girada, fazia o trator andar sozinho. Girei a chave, e ela funcionou algumas vezes. E então se quebrou. Sem dúvida nenhuma, o mecanismo havia sido mal construído, mas para uma criança de sete anos, era coisa séria. Coube-me a triste e difícil tarefa de retornar o trator à caixa para que fosse escondido novamente no armário, e então esperar até a manhã de Natal sabendo que meu presente seria uma decepção. Quando a manhã chegou, fingi estar animada. Nunca deixamos meus pais saber que havíamos mexido nos presentes e nem que meu trator não funcionaria como planejado. Sem dúvida nenhuma, eu não fui a primeira pessoa a ficar decepcionada no dia de Natal. Algumas pessoas ficam decepcionadas por não receberem os presentes que desejavam. Algumas ficam tristes porque estão sozinhas e com saudades de seus queridos. Muitas outras não entendem a história do Natal e ficam se perguntando a razão de tanta alegria, Milhões de pessoas neste mundo desconhecem a razão, a verdade e o resultado do primeiro Natal, quando o Filho de Deus, nosso Salvador, desceu a este planeta, chegando a um estábulo na cidade de Belém. Não conhecem Jesus. No entanto, é bem provável que milhares de não cristãos que sabem um mínimo sobre Jesus tenham admiração por ele. Mas é o mesmo tipo de admiração que têm por Gandhi, Madre Teresa de Calcutá ou Albert Einstein à distância. Valorizam a dedicação que levou estas pessoas a fazer o que fizeram, e admiram sua coragem e disciplina, e nada mais. Porém um enorme grupo de pessoas vive decepcionada com Jesus. Ele não é o que elas esperam de um Salvador nem o que desejam de um Senhor. O nascimento de Jesus decepciona o mundo O mundo observa o cenário de Natal montado pela igreja e acha tudo tão lindinho. Mas para muitas pessoas, o estábulo, os pastores, os magos e os anjos estão na mesma categoria do Polo Norte, onde vivem Papai Noel, seus ajudantes e suas renas. Umas fofuras, mas que não devem ser levados a sério. Poucas coisas a respeito do nascimento de Jesus se encaixam na preferência da sociedade chique ao nosso redor. Estudemos a linhagem de Jesus. Mateus 1 relata que entre os ilustres líderes religiosos e quase todos seriam aceitos pelo mundo, que também é muito religioso alguns de caráter duvidoso se sobressaem. Dois adúlteros Judá e Davi e duas adúlteras Tamar e Bate- Seba fazem parte da lista. Duas gentias Rute e Raabe estão incluídas, sendo que a última é chamada de prostituta logo de cara. Esta é a genealogia de Jesus. Não é nada admirável. Não é algo que o levaria a fazer parte da sociedade dos bem-nascidos. E sua concepção? A Bíblia diz que Maria era virgem e que José ficou sabendo da gravidez por meio de um anjo, e acreditou em tudo. Mateus 1 e Lucas 1 deixam isto absolutamente claro. Os pensadores modernos aceitariam a mensagem de Cristo com muito mais facilidade se os crentes não insistissem na doutrina do nascimento virginal. A mente científica bem informada sabe que esse tipo de coisa não acontece. E o nascimento de Jesus? Ele nasceu num estábulo, que, sem dúvida, não é o lugar mais limpo do mundo para um recémnascido. Recebeu a visita de pastores de ovelhas e, mais tarde, de uns estrangeiros, e foi completamente ignorado pela sociedade. O rei Herodes mandou soldados matarem criancinhas na região de Belém, numa tentativa de acabar com a concorrência. O mundo não entende nem aprecia o nascimento de Jesus porque não tem nenhuma ideia da profundidade da carência humana nem das riquezas do amor de Deus, duas coisas que motivaram esta missão redentora urgente vinda do Céu. Continuação na página 3

2 Página 2 DEZ/10 Editorial A CARTA PARA JESUS CHEGOU Julliane Holland, 13 anos, oitava série, queria dar sua contribuição para Jesus no Natal. Sem falar com os pais, a garota escreveu uma carta para Jesus aos cuidados do correio da cidade. A carta foi parar na mesa do senhor Donaldo Orner, 62 anos, diretor de serviços ao cliente no correio central, em outra cidade. Julianne escreveu: Querido amigo. Tenho 13 anos. O senhor deve achar que sou maluca por escrever uma carta a Jesus, uma vez que todo mundo sabe que ela não vai chegar a lugar nenhum. Mas queria lhe dar um recado. No Natal, as pessoas só pensam em receber presentes. Mas essa não é a razão do Natal existir. Acho que o Natal é uma ocasião de reunirmos os amigos e celebrarmos, porque Jesus nasceu, e esse é apenas o início de todas as coisas bonitas que ele fez por nós. Ao nascer, Jesus trouxe amor ao mundo. O senhor Donaldo Orner decidiu responder à menina. Querida Julianne. Não entregamos correspondência no Céu, mas tenho certeza que Jesus sabe o que você escreveu. Ele conhece nossos pensamentos, nossas emoções. Cada palavra de sua bonita carta coo através de cada quilômetro que nenhum de nossos carteiros poderia viajar, e tocou o coração de Jesus, Você afirma que sua carta não irá chegar a lugar nenhum ela tocou meu coração e, Julianne, tenha certeza que Jesus sabe de tudo. Tenha um feliz Natal, que Deus abençoe você. (Sword of the Lord) DECISÃO DE NATAL A pessoa que não é levada ao júbilo pela mensagem do Natal Deus visitando nosso planeta na Pessoa de seu Filho que veio morrer pelos pecados da humanidade é morna na fé. Portanto, neste Natal, decidamos oferecer um sacrifício de louvor a Deus por todas as coisas maravilhosas que ele tem feito. Ao meditarmos na história de Natal, que realmente mergulhemos em admiração, amor e louvor. (Sword of the Lord) VOS NASCEU HOJE Mensagem de Natal Lucas Mensagem de profecia! Isaías 7.14, etc. 2. Mensagem de divindade! João 1 e Hebreus Mensagem de milagres! Do nascimento à ressurreição. 4. Mensagem de amor! João 3.16; 1João Mensagem de redenção! Romanos 5.1, Mensagem de salvação verdadeira! Mateus 1.21; Lucas 1.68, Mensagem de esperança! 1Timóteo 1.1; Hebreus 6.19 (Dr. Shelton Smith) Um Periódico em Prol da Pregação do Evangelho de Jesus Cristo Batista, Fundamentalista Expediente: Editor Chefe: Pr. Jaime King. Editor: Pr. Cleber Rodarte Neves. Assistentes: Ana Lúcia de Almeida Rodarte, Patrícia Elaine King. Arte: Pr. Cleber Rodarte Neves. Assinaturas: O jornal AMIGÃO do Pastor é sustentado por assinaturas e ofertas voluntárias. Escreva para o endereço abaixo para maiores informações. Ofertas podem ser enviadas através de ordem de pagamento na conta número 295-4, agência 0103, oper. 003, da Caixa Econômica Federal ou cheque nominal à Editora Maranata. Correspondência: Caixa Postal 74, Campo Belo - MG. Telefone e Fax: (0xx 35) Aviso: Os editores do Amigão do Pastor, somente se responsabilizam pela publicação de artigos que solicitarem previamente aos seus autores. A responsabilidade pelos artigos assinados é dos seus próprios autores, não expressando necessariamente a posição dos editores deste periótico. é um ministério da Editora Maranata.

3 DEZ/10 Página 3 decepções de natal (da página 1) O ministério de Jesus decepciona o mundo Desde o início Jesus avisou que seu trabalho iria desagradar muita gente. Depois de um dia exaustivo curando enfermos, Jesus acordou de madrugada e saiu caminhando pelas colinas, em conversa com o Pai. Um discípulo o encontrou e interrompeu seu tempo a sós com Deus. Senhor, não temos tempo pra isso! Tem um monte de gente lá em casa, todos precisando ser curados. Jesus respondeu: Vamos até a cidade mais próxima. Temos de pregar o evangelho ao povo de lá, também (minha versão de Marcos ). As mentes atualizadas de nossa época acham que pregar sobre coisas espirituais está quilômetros abaixo do ministério relacionado às necessidades físicas dos seres humanos. Acham o cúmulo Jesus ter abandonado os enfermos em favor da pregação do evangelho. Algumas pessoas afirmam que se Jesus era mesmo quem dizia ser, então por que não fez algo de valor permanente para a humanidade como estabelecer padrões de higiene, por exemplo em vez de curar enfermos, o que teve valor apenas temporário. Elas se esquecem de que Deus já havia estabelecidos essas regras por intermédio de Moisés, no Antigo Testamento. Naquela época, exatamente como hoje, os críticos do ministério de Jesus não se impressionaram com o fato de o Mestre não trabalhar de acordo com o sistema religioso do momento. Usando um chicote de corda, Jesus expulsou os cambistas do templo e repreendeu os mercadores, que haviam recebido licença das autoridades para trabalhar em território sagrado. Ele chamou os líderes religiosos de hipócritas e disse que eram líderes cegos guiando cegos. O mundo não dá valor ao ministério público de Jesus sobre o arrependimento e a necessidade de salvação, sobre a proclamação do perdão e da reconciliação. Não o valoriza pelo simples fato de não entender a magnitude do pecado e do afastamento que ele produz. O ensino de Jesus decepciona o mundo A maioria das religiões atuais escolheu a dedo alguns dos ensinos de Jesus e incorporou-os às suas regras de fé para, deste modo, se tornarem mais universais e receptivas. O que rejeitam, no entanto, é o cerne da mensagem de Cristo. Jesus afirmou que ele era o único caminho para Deus, dizendo: Ninguém POR QUE OS RIOS NÃO SÃO RETOS? Você já viu um rio que seja tão reto como um flecha? Provavelmente não. Normalmente os rios serpenteiam aqui e ali desde o momento que borbulham de uma colina ou emanam de um lago até encontrarem descanso no acolhimento de um oceano. Por que os rios nunca correm retinhos? Ouçamos a única e verdadeira resposta dada por um mestre de poucas palavras: O rio se entorta porque segue o caminho mais fácil. O mesmo acontece com os seres humanos. (Sword of the Lord) vem ao Pai senão por mim (João 14.6), e mais exclusivamente, Ninguém conhece o Pai, senão o Filho e aquele a quem o Filho o quiser revelar (Mateus 11.27). Jesus nos ensinou a orar em seu nome. E tudo quanto pedirdes em meu nome, eu o farei (João 1.13). Como crente, você pode ser chamado a orar em reuniões públicas, entretanto, na maioria das vezes, os responsáveis apreciariam muito se o nome de Jesus não fosse mencionado. Dizem que assim todas as religiões se sentem incluídas. Jesus afirmou que depois desta vida, o juiz da humanidade será ele próprio, e mais ninguém (Mateus 25.31). Jesus mencionou apenas dois destinos eternos céu e inferno. Além disso, falou mais no inferno do que no céu (veja Mateus 25.34, 41, entre outras passagens). A morte de Jesus decepcionou o mundo Uma jovem asiática que estudava na faculdade de nossa cidade me perguntou: Por que foi necessário que Jesus morresse? Não faz sentido nenhum. Para a religião dela não fazia sentido. A moça não tinha noção nenhuma de pecado pessoal nem do julgamento que nos aguardava e que Jesus interceptou e pelo qual ele se tornou expiação. Para os judeus, a morte de Jesus foi uma pedra de tropeço; para os gregos, foi tolice pura (1Co 1.23). No conceito hebraico, qualquer um que morresse na cruz era maldito. Para os gregos, que analisavam as coisas em termos de sabedoria, esse teatro cósmico foi absolutamente desnecessário. Para o homem moderno, tudo o que Jesus tinha de fazer para salvar as pessoas era ensinar trivialidades piedosas de amor e bondade, e sair de cena. A morte de Jesus não tem lugar neste sistema. É por isto que hinos que celebram o sangue de Cristo causam indignação aos ouvidos modernos sensíveis. Até hoje, líderes religiosos liberais, que se consideram cristãos, Continuação na próxima página

4 Página 4 DEZ/10 decepções de natal (da página 3) desprezam todos os elementos desagradáveis da obra e do ensino de Cristo e concentram-se apenas nos aspectos mais afáveis do amor e da aceitação. A morte de Cristo não tem utilidade para o mundo porque, uma vez que o homem não enxerga nenhum problema que necessite dela, pode ignorar a obra de Deus que cura o pecado. Whitefield Hill A ressurreição de Cristo decepcionou o mundo Querer que o ser humano moderno acredite na ressurreição de Jesus é igual a pedir que acredite em seu nascimento virginal. Tanto a chegada de Jesus ao mundo quanto sua saída dele são apresentadas na Bíblia como obra de Deus. São, por assim dizer, molduras para sua vida incrível de amor e sacrifício. Além do milagre da ressurreição, outro aspecto em particular se mostra questionável ao mundo: em seu corpo ressurreto, Jesus apareceu somente aos cristãos, e nunca à sociedade em geral. Só isto já parece bastante suspeito, e leva muitos a negar a ressurreição do Mestre. Claro que se o Senhor Jesus quiser a aclamação do mundo, vai ater de mudar de identidade, revisar seu ministério, descobrir novas táticas e adaptar seus ensinos. Vai ter de pegar leve em suas advertências quanto ao juízo final, os ensinos a respeito do inferno e suas reivindicações de divindade. Nada disso vai acontecer. A verdade pura e simples é que Jesus não vê utilidade nenhuma na adoração rasa e superficial que o mundo lhe oferece. Ele sabe que a fama é coisa passageira. A multidão que o aclamou na entrada de Jerusalém no domingo pedia sua crucificação na sexta-feira. Como se estivesse analisando a situação, o apóstolo Paulo explica: Pois quê? Se alguns foram incrédulos, a sua incredulidade aniquilará a fidelidade de Deus? De maneira nenhuma! Sempre seja Deus verdadeiro, e todo homem mentiroso (Rm 3.3-4). No início da carta aos Romanos, Paulo faz uma das maiores declarações da comunidade cristã ao dizer: Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê (1:16). Longe de se decepcionar com a mensagem de Jesus, Paulo literalmente marchou com confiança para proclamá-la. Uma das minhas promessas bíblicas PREGADOR, O MENSAGEIRO DE DEUS À CONSCIÊNCIA HUMANA Dizem que quando George Whitefield pregava, a pessoa mais afastada dele, que conseguia apenas ouvir sua voz, mas não vê-lo, sentia que Whitefield estava dirigindo-lhe a palavra. Dizem que quando Rowland Hill pregava na capela de Surrey, ninguém conseguia se esconder num cantinho lá dentro; mesmo que a pessoa se sentasse no último banco ou perto da janela do fundo, ainda assim tinha a sensação que Hill estava lhe falando diretamente e que havia focalizado a mensagem nela. Certamente estes são exemplos de pregação perfeita. (Charles Spurgeon) favoritas, e pouco conhecida, acha-se no fim do Salmo 17: Quanto a mim, contemplarei a tua face na justiça; eu me satisfarei da tua semelhança quando acordar (v. 15). Gosto demais desta doce promessa de que nós, os que nesta vida talvez experimentemos decepções quase diariamente, um dia acordaremos na outra margem da noite escura e descobriremos que não ouvimos nem a metade do que é verdadeiro, que Deus cumpre sua palavra, que nosso Senhor Jesus está ali e que ele é maravilhoso. E quando isto acontecer, ficaremos completamente satisfeitos não haverá mais decepções. (Joe McKeever) O PRIMEIRO NATAL...e lhe porás o nome de JESUS (Mateus 1.21). O significado único dessa natividade, o fato que a distingue de todos os outros nascimentos da história mundial, é que o Bebê, verdadeiramente nascido de uma mulher, era a Palavra que estava no princípio com Deus, e era Deus. Filho de Maria, mas Emanuel, gerado do Espírito Santo Criador. Na providência divina em relação às questões humanas cujo propósito é frequentemente desconhecido dos próprios participantes o mundo inteiro teve de se recensear para que uma moça judia fosse levada a Belém para o cumprimento de uma profecia anunciada setecentos anos antes. Isaías profetizou que o Messias iria nascer de uma virgem. Miqueias anunciou que ele nasceria numa determinada vila. Daniel afirmou que ele nasceria num determinado tempo. Os séculos passaram vagarosamente, mas na hora certa, cada previsão foi cumprida não no famoso sentido espiritual, mas no sentido literal. (C. I. Scofield) Faça mais do que existir Viva! Faça mais do que tocar Sinta! Faça mais do que ver Enxergue! Faça mais do que escutar Ouça! Faça mais do que falar Diga alguma coisa! (Pulpit Helps)

5 DEZ/10 Página 5 O BERÇO E A CRUZ Dave Hunt É Natal outra vez. Por que é celebrado em 25 de dezembro, uma vez que, muito provavelmente, Jesus não nasceu nesta data? Simplesmente porque a Igreja Católica tomou a Saturnália, uma celebração devassa do solstício de Inverno dedicada a Saturno, e a cristianizou com a intenção de converter os romanos pagãos. O resultado verdadeiro foi a paganização oficial do Cristianismo. Por exemplo, as estátuas de Ísis e Hórus ganharam os nomes de Maria e José e, assim, os pagãos continuam adorando seus ídolos sob nomes cristãos. Os costumes pagãos que envolviam vestimentas, velas, incensos, imagens e procissões foram incorporados ao culto da Igreja, e continuam até hoje. Nenhuma história autêntica nega estes fatos. Então, seria melhor não existir o Natal? Os ateus acham que sim e gostariam de retirar dos lugares públicos os cenários envolvendo manjedouras e cruzes. No entanto, em vez de nos juntarmos aos inimigos de Deus e acabarmos com o Natal, não seria melhor manter os fachos de verdade que brilham através da lamentável comercialização e paganismo? O Natal é um tempo único do ano para anunciarmos o evangelho ao mundo. Então, aproveitemos a oportunidade. O nascimento de Cristo, os detalhes de sua vida, morte e ressurreição foram anunciados por profetas hebreus séculos antes de acontecerem. Nenhuma profecia assim foi feita sobre Buda, Confúcio, Maomé, e outros. O cumprimento da profecia bíblica é a prova mais poderosa que temos. Paulo a usou na conversão dos perdidos e virou de cabeça pra baixo o mundo de sua época. Podemos fazer o mesmo. Em Romanos observamos a abordagem de Paulo. Ele se refere ao evangelho de Deus, o qual antes (Deus) havia prometido pelos seus profetas nas Santas Escrituras. O Cristianismo não foi inventado no primeiro século. Na verdade, é o cumprimento daquilo que, a uma só voz, os profetas hebreus anunciaram constantemente durante séculos. Existem mais de trezentas profecias messiânicas no Antigo Testamento. Por quê? Para que Israel identificasse o Messias, quando na plenitude dos tempos Deus enviasse seu Filho (Gl 4.4). O terceiro capítulo da Bíblia traz a primeira profecia sobre a vinda do Messias, seu nascimento virginal ( a semente da mulher ) e sua vitória ao destruir Satanás (Gn 3.15). Os profetas declararam que o Messias teria de ser da linhagem de Davi (2Sm ; Sl ; Jr 23.5) e regeria do trono de Davi. Provando que Jesus cumpriu esta exigência. Mateus e Lucas iniciam seus evangelhos com a genealogia de Maria e José. Tendo rejeitado Cristo, os judeus continuam aguardando a vinda do Messias deles mas esperam em vão. Jesus Cristo cumpriu Malaquias 3.1 ( virá ao seu templo, o Senhor [Messias], a quem vós buscais ) quando expulsou os cambistas e mercadores do templo (Mc 11.15). A destruição do templo, 38 anos depois, em 70 d.c. tornou impossível, durante os últimos anos, a qualquer pretenso messias cumprir essa profecia. Além do mais, todos os registros de genealogias se perderam na destruição do templo. Assim, um futuro Messias não conseguiria provar um fato necessário: que era descendente de Davi. Claro que o templo será logo reconstruído. Mas em vez de limpá-lo, como Cristo fez, o anti-cristo o desonrará com sua presença, e forçará o mundo a adorá-lo como se fosse Deus:... se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus (2Ts 2.4). Jacó profetizou: O cetro não se arredará de Judá até que venha Siló (Gn 49:10). Logo após o nascimento de Jesus, por volta do ano 7, o cetro se afastou quando os judeus perderam o direito de aplicar a pena de morte Assim, era tarde demais para a vinda do Messias. Pela graça de Deus, no entanto, ele já havia chegado; e virá novamente para resgatar, no Armagedom, aqueles que o rejeitaram na primeira vez. Eles o reconhecerão pelas marcas do Calvário ( e olharão para mim, a quem traspassaram, Zc 12.10). O cetro havia sido retirado de Judá, e Cristo, em vez de ser apedrejado pelos judeus, foi morto pelos romanos, cuja pena máxima aplicada a crimes era a crucificação. Assim, cumpriu-se outra profecia: traspassaram-me as mãos e os pés (Sl 22.16)! Mas voltemos ao berço. César Augusto não tinha a mínima ideia do efeito magistral que seu decreto para que todo mundo se alistasse (em sua terra natal), Lucas 2.1. O decreto levou Maria e José a Belém em tempo para o nascimento de seu filho primogênito (então, ela teve outros filhos), em cumprimento a Miqueias 5.2: E tu, Belém Efrata...de ti me sairá o que será Senhor em Israel. Como é profundo o significado da simples afirmação, mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho (Gl 4.4)! Seu nascimento tinha de acontecer antes que o cetro fosse retirado de Judá, sua morte, depois. O nascimento de Jesus foi determinado por um decreto romano; sua morte e método de execução foram determinados pelos romanos que ocupavam Israel. Jesus tinha de vir antes da destruição do templo e dos arquivos genealógicos. A plenitude dos tempos havia passado. Ninguém mais poderia cumprir os requisitos messiânicos determinados pelos profetas hebreus! Porém esta frase simples carrega um significado muito mais profundo do que vimos acima. Se a época do nascimento de Jesus nos deixa maravilhados, o tempo de sua morte é ainda mais preciso e cheio de significado. Daniel profetizou até o dia em que Cristo iria morrer. Por meio dos escritos de Jeremias, Daniel descobriu que o cativeiro babilônico duraria 70 anos (Dn 9.2). Deus havia ordenado que a cada sete anos os escravos Continuação na próxima página A oração puxa a corda aqui embaixo e os grande sinos soam aos ouvidos de Deus. Algumas pessoas mal conseguem mexer os sinos, pois oram com tanta fraqueza. Outras dão um puxão ocasional na corda. Mas as pessoas que triunfam ho Céu são aquelas que agarram a corda com firmeza e puxam com toda força, sem parar. (Charles Spurgeon)

6 Página 6 DEZ/10 o berço e a cruz (da página 5) hebreus fossem libertados, os devedores fossem perdoados e a terra tivesse um ano de descanso (Ex 212.2; Lv ; Dt 15.1,2,12). Israel desobedeceu a essa ordem durante 490 anos. Como castigo, os judeus se tornaram escravos da Babilônia enquanto sua terra descansava os 70 anos sabáticos que lhe foram negados. Ao confessar este pecado, ponderar e orar, Daniel recebeu a revelação de que outro período de 490 anos (70 semanas de anos) esperavam por seu povo e por Jerusalém (9.24). No fim desse tempo todos os pecados de Israel seriam purgados, todas as profecias cumpridas e terminadas, e o Messias iria reinar no trono de Davi em jerusalém. Essas 70 semanas de anos (490 anos) deveriam ser contadas desde a saída da ordem para restaurar e para edificar Jerusalém (v.25). A Bíblia nos revela esta data importantíssima. Neemias afirma que foi no mês de nisã, no ano vigésimo do rei Artaxerxes (2.1) que ele recebeu autorização para reconstruir Jerusalém. Quando o data do mês não aparecia num escrito, era entendido que se tratava do primeiro dia. Houve vários Artaxerxes, mas somente um, Longimanus, reinou mais de 20 anos de 465 a 425 a.c. Assim, temos a chave que nos dá a data do cumprimento dessa profecia incrível: 1 de Nisã de 445 a.c. No final de 69 dessas semanas O coração alegre serve de bom remédio, A SABEDORIA DE SALOMÃO PV. 17:22 (7x69=483 anos), o Messias, o Príncipe seria conhecido em Israel (D. 9.25) e então será tirado o Messias, e não mais será (v.26). Contando 483 anos de 360 dias cada um (calendário hebreu e babilônico) temos um total de dias a partir de 1 de Nisã de 445 a.c., o que nos coloca no dia 6 de abril do ano 32. d.c., um domingo. Neste exato dia, hoje celebrado como o Domingo de Ramos, Jesus entrou em Jerusalém montado num jumentinho, e foi exaltado como Messias, o Príncipe! (Zacarias 9.9 foi cumprido nesta mesma época.) Então a frase, na plenitude dos tempos tem um significado mais profundo. O dia 6 de abril de 32. d.c. era, no calendário hebreu, o dia 10 de nisã. Naquele dia o cordeiro pascal era retirado do rebanho e colocado em observação durante quatro dias, para se ter certeza de que não tinha mancha nenhuma. Nesses mesmos quatro dias, Cristo, a quem João Batista havia aclamado como o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo (Jn 1.29), ficou exposto diante de Israel. No dia 14 de nisã, todo o ajuntamento da congregação de Israel o sacrificará [o cordeiro pascal] à tarde [entre 15h e 18h] (Êx 12:6). Foi exatamente nesse período de tempo que Jesus morreu na cruz! É fascinante ver como Deus usa os decretos humanos, e até mesmo as artimanhas dos homens contra ele, para cumprir sua Palavra. Os rabinos decidiram não prender Jesus durante a Páscoa, para mas o espírito abatido virá a secar os ossos. que, porventura, se não faça alvoroço entre o povo (Mc 14:2). Mas era exatamente quando Jesus deveria morrer. Judas não foi um instrumento unicamente nas mãos de Satanás, mas nas de Deus também. Até as trinta moedas de prata que ele ganhou de maneira tão escabrosa cumpriram uma profecia (Zc ). Como Pedro declarou no Pentecoste, a este que vos foi entregue pelo determinado conselho e presciência de Deus, tomandoo vós, o crucificastes e matastes pelas mãos de injustos (At 2:23). Paulo escreveu: Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós (1Co 5:7). O dia 14 de nisã começa, assim como os dias judeus, no poente de quarta-feira. Naquela noite, Jesus e os discípulos fizeram a última ceia no cenáculo, onde se prepararam para a refeição da Páscoa na noite seguinte. Nessa ocasião, antes da festa da Páscoa (Jn 13.1), Jesus avisou aos discípulos: um de vós me há de trair (13.21). Anteriormente, havia dito: digo, antes que aconteça, para que, quando acontecer, acrediteis que eu sou (Jo 13:19). Jesus estava declarando, uma vez mais, que ele era Iavé, o EU SOU de Israel, que prevê os acontecimentos e certifica-se de que aconteçam mesmo (Is ). Preso pela tropa liderada por Judas no Getsêmani, bem tarde naquela noite Cristo foi levado secretamente ao palácio de Caifás, o sumo-sacerdote. Uma impostura de julgamento diante do Sinédrio, que convocou rapidamente falsas testemunhas, aconteceu no meio da noite e, ao amanhecer, condenou Jesus à morte. Logo depois, Pilatos, o governador romano, foi notificado que havia uma emergência. Levado às pressas e às escondidas, o prisioneiro foi recebido na fortaleza à terceira hora (Mc 15.25), mais ou menos nove horas da manhã, do dia 14 de nisã. Por todos os cantos de Israel estavam sendo feitos os preparativos para a matança do cordeiro pascal; o cordeiro seria comido naquela noite. Havia uma multidão de gente em Jerusalém, e a animação tomava conta de todos. Pilatos, valorizando seus relacionamentos, consultou os cidadãos desvairados e deixou que decidissem a sorte do prisioneiro. Incitados pelos rabinos, a multidão sanguinária voltou-se contra Aquele que havia milagrosamente curado e alimentado tantos deles. Crucifique-o, crucifique-o (Lc 23.21). O seu sangue caia sobre nós e sobre nossos filhos (Mt 27.25). O canto Continuação na próxima página

7 DEZ/10 Página 7 o berço e a cruz (da página 6) horrível ecoava pelas ruas estreitas de Jerusalém. Pouco antes do meio-dia, os soldados terminaram seu passatempo cruel, horroroso. Jesus, espancado a ponto de quase desmaiar e esbofeteado de tal modo que seu rosto ficou praticamente irreconhecível, foi levado através da multidão enlouquecida para fora da cidade, até o lugar da caveira. Ao meio-dia, Aquele a quem Jerusalém havia recebido no domingo anterior como o Messias prometido, foi crucificado nu, de modo vergonhoso, em agonia, entre dois ladrões. O homem crucificou seu Criador! Os anjos se encolheram horrorizados, e o Sol se escondeu. Nas próximas três horas daquela tarde de quinta-feira, a terra ficou imersa em escuridão inexplicável (Mt 27.45) quando Deus fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos (Is 53:6). Quinta-feira? E não a Sexta-feira santa? Isso mesmo. O próprio Jesus havia dito: Pois, como Jonas esteve três dias e três noites no ventre da baleia, assim estará o Filho do Homem três dias e três noites no seio da terra [ ou seja, a parte do Hades conhecida como o seio de Abraão ] (Mt 12:40; Lc 16.22). O evangelho declara que Jesus ressuscitou ao terceiro dia (1Co 15:4). Claro que se Jesus tivesse sido crucificado na sexta-feira, não teria passado três dias e três noites no túmulo até domingo de manhã. A Bíblia afirma claramente que no primeiro dia da semana o anjo rolou a pedra (Mt 28:1). O túmulo já estava vazio nessa hora, então Cristo só pode ter ressuscitado dos mortes antes do amanhecer. Mesmo assim, o mito da crucificação na sexta-feira santa continua, com todo ritual e dogma edificados nesse erro óbvio. Só este fato nos é prova suficiente da inverdade fabricada e divulgada pela Igreja Católica, e serve de base para duvidarmos de tudo o que ela afirma com igual dogmatismo. E o que dizer dos evangélicos que, aos milhões, seguem de boa-vontade este erro? Quarta, quinta, sexta faz mesmo diferença? Faz! O dia da crucificação do Senhor é de grande importância. Se Cristo não passou três dias e três noites no túmulo, então ele mentiu. Além do mais, sua morte, em cumprimento da profecia, tinha de acontecer na mesma hora em que os cordeiros pascais estavam sendo mortos em toda a nação de Israel. O fato do dia 14 de nisã do ano 32, d.c. ter caído numa quinta-feira é astronômico. E era a preparação da Páscoa os judeus, pois, para que no sábado não ficassem os corpos na cruz rogaram a Pilatos que se lhes quebrassem as pernas, e fossem tirados (Jo 19.14,31 ). Um momento! Nenhum osso do cordeiro pascal (Êx 12.46) nem do Messias (Sl 34.20) poderia ser quebrado. Sem saber o que estava fazendo, um dos soldados lhe furou o lado com uma lança (Jo 19:34), cumprindo uma outra profecia: e olharão para mim, a quem traspassaram (Zc 12:10). João explica que o sábado que começou ao esconder do sol da quinta-feira em que Jesus foi crucificado era um dia importante. Na verdade, era o primeiro dia da Festa dos Pães Asmos. O primeiro e o último dia desta festa eram dias sabáticos especiais, e qualquer trabalho era proibido. Esse dia sabático especial terminava com o pôr de sol de sexta-feira e era seguido imediatamente pelo sábado semanal, que terminava ao escurecer do dia. Assim, a morte de Cristo foi seguida de dois sábados, impedindo as mulheres de irem ao túmulo antes do terceiro dia, domingo de manhã. Os rabinos acharam que crucificar a Jesus provaria que ele não era o Messias. A verdade é que a crucificação foi mais uma prova de que ele era! Quando pegaram as roupas de Jesus como lembrança, jogaram dados sobre seu manto e deram-lhe para beber vinagre misturado com fel, os soldados, sem saber, acrescentaram a essa prova o cumprimento de outras profecias (Sl 22.18; 69.21). Os cravos fincados em suas mãos e pés pelos soldados romanos e a lança que furou seu lado fizeram jorrar o sangue da nossa redenção em cumprimento à profecia! Depois de fazer uma comparação entre o que os profetas disseram e os registros históricos sobre Jesus Cristo do berço à Cruz é impossível continuar um incrédulo sério. Provas da ressurreição, que não poderemos abordar agora, são ainda mais contundentes! Temos motivos sólidos como base de nossa fé em Cristo. Conhecer os fatos aumenta nossa alegria e dá-nos coragem de anunciar o evangelho com ousadia e convicção. (The Berean Call) LOUVOR DE NATAL Entre todas as estações do ano, o Natal deveria ser uma época de louvor. BOA-VIDA Um amigo perguntou a outro: O que seu filho quer ser quando crescer? Ele quer ser gari, respondeu o pai do garoto em questão. O amigo se calou por uns instantes e replicou: É um desejo bastante estranho, sem ambição, para uma carreira profissional. Bom, meu filho acha que os garis trabalham só uma vez por semana! O primeiro Natal foi caracterizado pelo louvor. Nos céus dos campos de Belém, de acordo com Lucas,...no mesmo instante, apareceu uma multidão dos exércitos celestiais, louvando a Deus (Lucas 2.13). Depois de os pastores terem confirmado o anúncio angelical sobre o menino Jesus, eles voltaram glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham ouvido e visto, como lhes havia sido dito (Lucas 2:20). Portanto, nesta Natal, que nossas celebrações sejam marcadas pelo louvor e cheio de cânticos. Que iguais a Maria, louvemos a Deus porque sua misericórdia...é sobre os que o temem (Lucas 1.50). Iguais a Zacarias, louvemos a Deus porque visitou e remiu o seu povo! (Lucas 1.68). Iguais aos anjos, louvemos a Deus pela promessa de paz na terra (Lucas 2.14). Iguais aos pastores, louvemos a Deus pelo Salvador, que é Cristo o Senhor (v. 11,20). Iguais a Simeão, louvemos a Deus por ele que é a luz para alumiar as nações e para glória de teu povo Israel (Lucas 2:32). Iguais a Ana, louvemos a Deus por ele que veio trazer redenção (v. 38). (Sword of the Lord) Podemos resumir todas as verdades do Natal em apenas duas palavras: Deus conosco.

8 Página 8 DEZ/10 RETRATOS DO FILHO DE DEUS Pr. Bob Lewis Lucas Observemos a narrativa fértil e constante que Deus nos apresenta quando diz em sua palavra: EIS! 1. Eis o nenê! Vs Primeiro retrato! É um menino! Isaías 7.14: Portanto, o mesmo Senhor vos dará um sinal: eis que uma virgem conceberá, e dará à luz um filho, e será o seu nome Emanuel. Isaías 9.6: Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; e o principado está sobre os seus ombros; e o seu nome será Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Gálatas 4.4: Mas, vindo a plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei. 2. Eis o Filho de Deus! Outro retrato! Doze anos de idade! Lucas 2.49: E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar dos negócios de meu Pai? 3. Eis o Cordeiro de Deus! Outro retrato! Trinta anos de idade! João 1.29: No dia seguinte, João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo. João 1.36: E, vendo passar a Jesus, disse: Eis aqui o Cordeiro de Deus. Gênesis 22.7: Então, falou Isaque a Abraão, seu pai, e disse: Meu pai! E ele disse: Eis-me aqui, meu filho! E ele disse: Eis aqui o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto? Gênesis 22.8: E disse Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. Assim, caminharam ambos juntos. Êxodo 12.3: Falai a toda a congregação de Israel, dizendo: Aos dez deste mês, tome cada um para si um cordeiro, segundo as casas dos pais, um cordeiro para cada casa. Hebreus 9.22: E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão. 1Coríntios 5.7: Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós. Apocalipse 5.12: Com grande voz diziam: Digno é o Cordeiro, que foi morto, de receber o poder, e riquezas, e sabedoria, e força, e honra, e glória, e ações de graças. 4. Eis o Homem! Outro retrato! Trinta e dois anos e meio! João : Então, Pilatos saiu outra vez fora e disse-lhes: Eis aqui vo-lo trago fora, para que saibais que não acho nele crime algum. Saiu, pois, Jesus, levando a coroa de espinhos e a veste de púrpura. E disse-lhes Pilatos: Eis aqui o homem. Vendo-o, pois, os principais dos sacerdotes e os servos, gritaram, dizendo: Crucifica-o! Crucifica-o! Disse-lhes Pilatos: Tomai-o vós e crucificai-o, porque eu nenhum crime acho nele. Isaías 53.5: Mas ele foi ferido pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e, pelas suas pisaduras, fomos sarados. Isaías 53.6: Todos nós andamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu caminho, mas o SENHOR fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos. Isaías 53.10: Todavia, ao SENHOR agradou o moê-lo, fazendo-o enfermar; quando a sua alma se puser por expiação do pecado, verá a sua posteridade, prolongará os dias, e o bom prazer do SENHOR prosperará na sua mão. 5. Eis o Salvador! Outro retrato! Três dias depois! Lucas João 1.1: No princípio, era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. A Palavra Eterna se tornou a Palavra Viva. Quando retornou ao Céu, Jesus Cristo nos deixou sua palavra escrita. João 1.4: Nele, estava a vida e a vida era a luz dos homens. 6. Eis o Rei! Outro retrato Dois mil anos mais tarde! As câmaras antigas nos mostram retratos de ontem. As câmaras digitais nos mostram retratos de hoje. Mas somente Deus nos mostra retratos de amanhã. Deus tem poder para nos mostrar os retratos do futuro Judas 14: E destes profetizou também Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que é vindo o Senhor com milhares de seus santos. Apocalipse 1.7: Eis que vem com as nuvens, e todo olho o verá, até os mesmos que o traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim! Amém! Apocalipse 1.8: e (sou) o que vive; fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém! E tenho as chaves da morte e do inferno O Rei está voltando! Apocalipse 3.11: Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. Apocalipse 16.15: Eis que venho como ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se vejam as suas vergonhas. Apocalipse 22.7: Eis que presto venho. Bem-aventurado aquele que guarda as palavras da profecia deste livro. Você pode vê-lo como o grande mestre, o pastor amoroso ou o realizador de milagres. Não nos esqueçamos do que Deus ensinou sobre Jesus quando disse: Eis!. Não sejamos culpados de ver apenas um de seus muitos retratos. Deus nos revela muitos aspectos de Jesus. (Do Internet) Cristo não veio ao mundo abrilhantar nossos meses de dezembro, e sim transformar nossas vidas. (Rich Miller) Não há mérito nenhum em ficar longe do cinema, se eu gostaria de estar lá. Não há valor nenhum em me abster da leitura banal ou do copo de bebida, se passo o tempo desejando que pudesse aproveitarme deles. Se meu coração estiver nestas coisas, minha alma foi contaminada pelo deseho das coisas malignas. É o amor pelo mundanismo que nos mancha. (A. B. Simpson)

9 DEZ/10 Página 9 SACRIFÍCIO SUPREMO No início do século 16, Pizzaro, o intrépido explorador espanhol, pisou no Istmo do Panamá. Tinha ido ao Novo Mundo para descobrir ouro. Ao ouvir de lugares longínquos onde enormes templos pagãos foram construídos primariamente com ouro, Pizzaro convocou seus soldados e, fazendo com a ponta da espada um risco no chão que ia do leste ao oeste, explicou: Homens, ao norte desta linha existe conforto, facilidade e segurança, mas não existe ouro. Ao sul desta linha estão as florestas do Brasil. Doenças, animais selvagens, cobras e nativos hostis nos aguardam. Mas, bem ao sul, além das florestas do Brasil, existe uma terra chamada Peru. Ela contém uma quantidade fabulosa de ouro. Amanhã eu vou para o sul. Quem quiser ir comigo, passe para o lado de cá da linha. Ninguém hesitou, embora todos fossem enfrentar dificuldades nunca mencionadas e, possivelmente, a morte. Estavam dispostos a fazer um sacrifício supremo pelo outro da terra. Jesus Cristo riscou uma linha parecida no chão quando disse: Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome a sua cruz, e siga-me. Porque qualquer que quiser salvar a sua vida perdê-la-á, mas qualquer que perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, esse a salvará (Mco ). Ele não promete conforto nem facilidade. Promete sofrimento, sacrifício e, talvez, até mesmo a morte. Quem está disposto a segui-lo? Somente Jesus pode oferecer as riquezas Se você não pode ser um farol, seja uma vela! (Sparks) verdadeiras que a traça e a ferrugem não conseguem destruir. O ouro que Jesus oferece nunca perecerá. Seu reino é eterno, e pessoa nenhuma jamais conseguirá derrubá-lo. (Willian Siegel) O FARISEU E O COLETOR DE IMPOSTOS Lucas R. A. Torrey sugere que essa parábola é uma ilustração de um homem bom (fariseu) que estava perdido e de um homem mau (o coletor de impostos) que foi salvo. I. Por que Deus rejeitou o fariseu? A. Porque ele achava que a religião o salvaria. 1. O farisaísmo era o segmento mais severo e religioso dos judeus. Mas era tudo aparência. 2. Religião não salva: nem o Hinduísmo nem o Judaísmo nem o Catolicismo nem o Cristianismo. 3. A salvação está em uma Pessoa: O Senhor Jesus Cristo (veja At 4.12). B. Porque achou que seu caráter honesto o salvaria. 1. Bom caráter não salva ninguém (veja Rm 3.20; Gl 2.16). 2. Só há um jeito de sermos salvos, e não através da boa moral. C. Porque achou que os ritos e cerimônias religiosos o salvariam. 1. As observâncias religiosas nunca conseguirão nos salvar e justificar perante Deus. II. Por que Deus aceitou o coletor de impostos? A. Porque se colocou diante de Deus como pecador perdido. B. Porque aceitou a avaliação de Deus sobre o pecado. 1. Reconheceu que Deus era Santo, e que ele era totalmente impuro (cf. Is 6.5). 2. O fariseu se comparou às outras pessoas, mas o coletor de impostos se comparou a Deus (cf. Sl e Sl 51.9). C. Porque invocou o mérito do sacrifício expiatório de Jesus. 1. Ele orou: Deus, tenha misericórdia de mim, pecador. Na verdade, ele implorou por salvação com base na obra redentora de Cristo no Calvário. 2. O fariseu orou: Trago o que tenho na mão; disso depende a minha salvação! O coletor de impostos orou: Nada tenho na mão. Da Tua cruz vem minha salvação! D. Porque, sem dúvida nenhuma, ele pediu que Deus o salvasse (Rm 10.13). (Francis W. Dixon - Words of Life Ministries) EVITANDO O TAMANDUÁ Uma antiga história missionária descreve de modo simples porque foi necessário que Jesus viesse ao mundo. O missionário estava ficando bem frustrado com sua incapacidade de comunicar o evangelho a um amigo. Existia um verdadeiro bloqueio mental e espiritual. Certo dia, enquanto os dois caminhavam por um pasto, deram de cara com um formigueiro. O missionário e o amigo ficaram impressionados com o trabalho árduo das formigas. De repente, enquanto observavam essa maravilha da natureza, notaram um tamanduá se aproximando. Bom, parece que vai ser o fim do formigueiro, comentou o missionário. Chateado porque a pesquisa sobre o formigueiro chegaria ao fim, lamentou: Queria ter um jeito de avisar as formigas sobre o tamanduá. A comparação atingiu o missionário como se fosse um soco, e ele se voltou para o amigo: Sabe, Deus viu os homens como formigas, empenhando-se no trabalho o mais que podiam. No enetanto o pecado os estava matando. A única maneira de avisálos era se tornando um deles. Assim entenderiam e buscariam a salvação. Deus mandou seu Filho ao mundo como homem para salvar os homens da destruição. A escolha é nossa: ouvir a Cristo e ser salvo ou fechar-lhes os ouvidos e ser condenado à perdição eterna. (Leadership Ministries Worldwide ) Um verdadeiro missionário é um servo de Deus, em lugar de Deus, fazendo a obra de Deus, da maneira de Deus, para a glória de Deus. Se você não se lembra de nada pelo que agradecer, sua memória anda muito fraca. A conversa é um exercício da mente, mas a fofoca não passa de exercício da língua. (Pulpit Helps)

10 Página 10 DEZ/10 PARENTE MAIS PRÓXIMO Quando o pastor chegou ao estacionamento da igreja na segunda de manhã, deu de cara com um jumento morto. O pastor chamou a polícia imediatamente. No entanto, como não era uma cilada, o policial mandou que o servo de Deus procurasse a secretaria de saúde. Como não havia ameaça à saúde da população, mandaram o pastor procurar o departamento de limpeza pública. O gerente do departamento informou que não poderia recolher o jumento sem a autorização do prefeito. O pastor conhecia bem o prefeito, e darlhe um telefonema não era a coisa mais prazerosa desta vida. Sua excelência tinha um gênio terrível e, no geral, não era fácil lidar com ele. O pastor, no entanto, telefonou-lhe mesmo assim. O prefeito não decepcionou. Começou a berrar, totalmente furioso, logo de cara: E por que o senhor telefonou pra mim? Não é tarefa sua enterrar os mortos? O pastor ficou quieto por um instante, buscando a sabedoria de Deus, e então respondeu: É verdade, excelência. Enterrar os mortos é uma de minhas tarefas, mas só posso fazê-lo depois de encontrar o parente mais próximo do jumento! (John Gillmartin) DEBAIXO DA GRAÇA, E NÃO DA LEI Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça (Rm 6.14). O pecado domina a vida de todo mundo, a não ser de quem conhece o remédio oferecido por Deus. A graça é nossa única esperança de que o pecado venha a perder o domínio em nossa vida. Além disso, a graça é esperança suficiente de que o pecado não tem de exercer influência sobre nós. Antes de nos entregarmos a Jesus Cristo. Estávamos completamente sob o domínio do pecado. Estávamos condenados diante de Deus por causa do pecado. Os amigos talvez nunca tenham percebido nossa verdadeira condição de pecado. Mas, ainda assim, éramos tão controlados pelo pecado que Deus nos chamava de escravos do pecado (Rm 6.6). A lei não oferecia escape do pecado. Na verdade, a lei nos condenava (Rm 3.19). Mesmo tentando agir corretamente sob a lei de Deus, nunca ficaríamos livres da condenação do pecado, porque ninguém é justificado pelas obras da lei (Gl 2.16). A graça de Deus é nossa única e completa esperança. Há perdão de pecados por meio da graça de Cristo. (Ef 1.7). Há justificação por meio da fé pela graça de Deus (Gl 2.16). Há crescimento espiritual pela graça de Deus (2Pe 3.18). Nenhuma dessas bênçãos celestiais são recebidos por nossas tentativas e capacidade de viver de acordo com os padrões da lei do Deus Todo-Poderoso. O relacionamento com Deus é baseado na graça, e não na lei. Começamos a caminhar com Jesus por meio de sua graça que trabalha em nós. Continuamos a caminhar com ele por meio de sua graça que trabalha em nossas vidas. (Bob Hoekstra - via E-Sword) O TRIUNFO DA CONFIANÇA Mas eu em ti confiarei (Sl 55.23). É fácil se gloriar na fé quando tudo é glorioso, maravilhoso. Mas é outra bem diferente a pessoa caminhar no triunfo da confiança quando as coisas vão de mal a pior. Aqui, o salmista é alguém cujas orações não estão sendo respondidas. Aliás, ele tem a impressão que sua voz nem mesmo está sendo ouvida no Céu. E não é que ele esteja pedindo coisas inúteis. Muito pelo contrário, pois o inferno desabou e ele está lutando pra salvar a própria vida! Terrores de morte sobre mim caíram, ele se desespera, e Temor e tremor me sobrevêm! É um dia de cão. Mais ainda, ele está dolorosamente inteirado de sua fraqueza diante da situação. Nem tem mais forças para fugir e esconder-se em algum lugar. Se pudesse, daria no pé, mas até isso é impossível. Ele está numa prisão inimiga. O salmista está atolado numa situação horrorosa, e a coisa só piora. Acontece que um amigo, um amigo íntimo, um amigo querido o traiu de modo cruel. Uma pessoa que ia junto com ele adorar a Deus, um homem de cuja amizade ele nunca duvidou, um amigo por quem ele poria a mão no fogo essa pessoa se mostrou falsa e partiu o coração alegre de Davi. Nessa descida vertiginosa de sofrimentos, ele clama ao Deus altíssimo e nada. Nenhuma resposta. Nadinha. Nada de nada. É um dia ruim; bem ruim mesmo. Todo mundo entenderia se, nessa hora, Davi decidisse largar Deus pra lá. Afinal, sempre tem gente fazendo isso. Davi, meu amigo, diriam, junte-se a nós que largamos pra lá essas criancices de fé, orações, Bíblia e cânticos bobinhos. Bemvindo ao mundo real! Mas Davi tinha muita fibra, e agora, nesse momento de escuridão, ainda lhe resta um raio de luz é a luz da confiança. Davi se recusou a ver o silêncio de Deus como indiferença, ou achar que a inatividade de Deus era fruto de sua falta de poder. Não. Em lugar disso, o salmista triunfou na esperança. Hoje pode haver uma barreira entre a terra e o céu, e Deus parece estar recolhido em silêncio, mas eu confiarei em Ti, ele afirma. Os ventos assopram e os demônios rosnam, e toda a beleza é atirada ao vento, mas eu confiarei em Ti. Meu coração desmaia, minhas esperanças murcham, minha força se esvai, mas eu confiarei em Ti. Embora meus amigos tenham se afastado e se tornado inimigos, e ninguém console minhas mágoas profundas, mesmo assim eu confiarei em Ti. Hoje nós sabemos que a confiança de Davi em Deus lhe trouxe um rendimento fabuloso, pois a História o considera um dos maiores reis de Israel. E a Igreja o tem como um dos mais importantes líderes de Continuação na próxima página

11 DEZ/10 Página 11 Confiança (da página 10) Deus. Quem sabe se um destino semelhante não espera por você no fim dessa provação? Não se desvie do curso, meu amigo; firme-se no triunfo da confiança! (James Ryle - via E-Sword) NAQUELE DIA E DIRÁS naquele dia: Graças te dou, ó SENHOR, porque, ainda que te iraste contra mim, a tua ira se retirou, e tu me consolas. (Isa. 12:1) O Dia Mais Importante Na Vida de Uma Pessoa A ira de Deus foi retirada de você? Este versículo diz que dirás naquele dia: Graças te dou, ó Senhor, porque, ainda que te iraste contra mim, a tua ira se retirou, e tu me consolas. Este versículo ensina que pode ter um dia específico em que Deus retira a sua ira de nós. Desprovado então deve ser esta idéia de que progressivamente alcançamos paz com Deus. A Bíblia diz, naquele dia. Vamos procurer aquele dia em nossas vidas! Ninguém com inteligéncia se chamará de perfeito. Por quê? Porque todos sabemos, lá no fundo, que somos pecadores. A Bíblia ensina claramente que todos somos culpados perante Deus, e nós só precisamos olhar a nós mesmos honestamentes para saber que nós não podemos viver conforme as leis de Deus. Cada um de nós nascemos um pecador. Diariamente, de verdade, a cada momento temos a terrível posibilidade de fazer coisas que muito desagradam a Deus. E mesmo se nos confortarmos com o fato de que outros fazem a mesma coisa, então não deve ter problema, Deus multiplica sua ira por causa das multidões de nossos pecados. Vamos temê-lo e Sua ira! Quão mais bendito é aquele dia do que quando o homem e mulher não mais estão com problemas com Deus. Cada um de nós precisa de um dia tal. Cada um precisa de seus pecados perdoados por Deus e que Deus diz, Eu tenho te perdoado. Tenha comforto. Por isso, lemos, a tua ira se retirou, e tu me consolas. Um Dia de Louvor dirás naquele dia: Graças te dou, ó SENHOR, Naquele dia quando Deus te perdoar havera louvor. Quando você verdadeiramente experimentar o perdão de Deus e perceber que Ele o perdoou, será levado a louvá-lo. Quem, pensando corretamente, poderia receber o perdão de Deus e não ser grato? Faz sentido dizer que aquela pessoa que não da graças a Deus, pode ser que nunca foi perdoada por Deus. Não podemos ler os corações humanos; isto é uma abilidade reservada somente para Deus. Mesmo assim, podemos logicamente deduzir que o homem que tem difficuldades cantando uma música de louvor ou SENHOR ou exaltando-o livremente por Seu perdão, pode ser que nunca verdadeiramente experienciou o perdão de Deus. Você lembra do dia quando soube que a ira de Deus foi retirada de sua vida? Um Dia de Salvação Aquele que verdadeiramente entende o perdão de Deus vai imideatamente conectar isto com a salvação de Deus. No dia de perdão, como lemos no versículo dois, aquele que recebe o perdão exclamará, Eis que Deus é a minha salvação, nele confiarei e não temerei, porque o SENHOR DEUS é a minha força e o meu cântico, e se tornou a minha salvação! Esta verdade é muito preciosa, e somente será entendida por aqueles que receberam o perdão. Perdão e salvação não são algo que fazemos ou mereçemos. São algo que recebemos de Deus mesmo. Deus é a minha salvação. Note também como o picador perdoado vê Deus, E se [Deus] tornou a minha salvação. Como pode Deus se tornar a salvação de alguem? Não tem outra explicação por isto a não ser Jesus Cristo e Sua morte substituta na cruz. O único modo da humanidade ser perdoado de seus pedados foi se o pecado poderia ser pagado ou punido em algum ato de substituição. Deus proverá para Si na pessoa de Jesus Cristo, que sendo em forma de homem, morreu a morte do homem, a morte de cruz. Jesus morreu por nós sendo o substituto sem pecado. É assim que o pecador perdoado pode dizer, [Deus] tornou a minha salvação. Um Dia de um Novo Início Aquele que tem sido perdoado por Deus também tem experienciado um novo início. Toda vez que ele pensa no que Cristo fez na cruz, sua alegria é renovada. Ele sabe que Deus não mais está irado com ele. Então a Bíblia diz no versículo três, E vós com alegria tirareis águas das fontes da salvação. O Senhor Jesus se mesmo O ARQUITETO Os arquitetos reclamam que alguns clientes pedem que eles desenhem suas casas, mas logo acabam deixando claro que já têm uma planta na cabeça. O que quem mesmo é a aprovação do projeto e a satisfação de ver o profissional desenhar no papel o que tinham em mente. É exatamente assim que geralmente nos aproximamos do Grande Arquiteto. Pedimos-lhe sabedoria e liderança, mas já temos em mente como erguer nossa fortuna e traçar nosso caminho. Não estamos buscando a vontade de Deus, mas sua aprovação para nossos planos. (J. R. Miller) commentou nisto quando Ele disse, E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, venha a mim, e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre (João 7:37-38). Então, o que quer dizer este versículo, e exatamente porque Jesus o usou? Esta resposta é nos dada pelo apóstolo João, que esclarece dizendo, E isto disse ele do Espírito que haviam de receber os que nele cressem (João 7:39a). Tendo dito isto, naquele dia que alguém é salvo, ele e garantido um novo início com o Espírito de Deus. Ele poderá retornar quantas vezes quiser para aquele dia de sua salvação para retirar agua do poço do Espírito Santo, e poderá fazer isto com alegria. Continuação na próxima página

12 Página 12 DEZ/10 Naquele Dia (da página 11) Qualquer um que retornar ao seu Salvador, Jesus Cristo, para retirar mais agua do Espírito Santo certamente o fará com alegria. Esta é a vida daquele que tem sido perdoado por Deus. Ele pode regularmente retirar Deus e de Deus e isto com alegria. Isto é algo que nunca pôde fazer antes. Um Dia de Declaração A fala da pessoa perdoada se muda. E, isto acontece naquele dia de salvação. Note o restante deste precioso capítulo: E direis naquele dia: Dai graças ao SENHOR, invocai o seu nome, fazei notório os seus feitos entre os povos, contai quão excelso é o seu nome. Cantai ao SENHOR, porque fez coisas grandiosas; saiba-se isto em toda a terra. Exulta e jubila, ó habitante de Sião, porque grande é o Santo de Israel no meio de ti. O dia em que alguém for salvo ele vai querer declarar para outros. A boca perversa será trocado por uma boca pura e os interesses da alma perdoada serão de louvar Deus e ajudar outros a acompanhálo no louvor. Um Dia a Ser Considerado Isaías 12 simplesmente demonstra que uma pessoa deve ter um dia específico em que seus pecados finalmente foram perdoados. Considere aquele dia em sua vida. Quando foi? O que trouxe o perdão? Qualquer que tiver aquele dia poderá retornar para ele quando quiser para receber refresco nas aguas do Espírito Santo. (Pastor João é missionário em São Paulo, capital. Veja uma parte do seu ministério no site do Internet CONHECENDODEUS.COM.BR ) Pai (olhando o boletim escolar do filho): Uma coisa pode ser dita a seu favor: pelas notas, ninguém pode dizer que você colou nas provas. (Treasury of Wit and Humor) Caixa Postal, Campo Belo - MG IMPRESSOS FALTA DE INCENTIVO FINANCEIRO? O diretor executivo de uma clínica do estado americano de Ohio acredita as pessoas cuidariam melhor da saúde se não existissem os planos médicos. Ele afirma que milhares de pessoas estão hospitalizadas por causa do estilo de vida arriscado que levam, e acha que a turma pensaria duas vezes antes de fumar, beber, ficar obeso, usar drogas, viver na promiscuidade sexual, fugir das atividades físicas, dirigir como tolos, etc., se não existissem médicos, hospitais, planos de saúde, assistência do governo para consertar as coisas e deixar tudo bem. Prevenir é melhor do que curar. É igual ao pecado. As pessoas se comportariam melhor se pudessem ver o preço de suas transgressões. Os evangelistas do passado costumavam apavorar os perdidos com suas histórias de leito de morte e as terríveis consequências da rebelião contra Deus e a retidão. Os médicos muitas vezes não alertam os pacientes sobre os perigos do estilo de vida que levam, da mesma maneira que muitos pastores amaciam as advertências sobre o pecado e o Inferno. Os médicos esperam até que problemas cardíacos se desenvolvam e, então, prescrevem o remédio. Os pastores conseguiriam se poupar de muitas visitas a hospitais, presídios e funerais se obedecessem à Bíblia e retumbassem a verdade sobre o pecado e a necessidade que cada pessoa tem de ser salva. O executivo de Ohio acredita que um dia todos seremos mais saudáveis, se tivermos de pagar do próprio bolso a maioria dos tratamentos e dos remédios. Quanto ao coração humano enfermo pelo pecado, graças a Deus porque a cura já foi paga no Calvário. Que incentivo maravilhoso para alguém crer e ser salvos! (Hugh Pyle) PARE DE TENTAR SE SALVAR! Uma senhora ficou muito zangada quando afirmei o seguinte: Ninguém aqui neste auditório será salvo enquanto não parar de tentar salvar a si mesmo. A mulher desceu lá da galeria da igreja e me acusou: O senhor me tornou perfeitamente infeliz. Como assim?, indaguei. Ora, eu sempre achei que se continuasse tentando, Deus iria me salvar, mais cedo ou mais tarde. Agora o senhor vem dizendo que eu devo parar. O que é que eu faço? Ora, deixe que o Senhor a salve. (D.L. Moody) Pela manhã, ouvirás a minha voz, ó SENHOR; pela manhã, me apresentarei a ti, e vigiarei (Sl 5.3). Se sentíssemos mais a majestade da vida, seríamos mais cuidadosos com suas manhãs. É tolo quem se levanta correndo da cama para o trabalho sem parar para adorar a Deus. É como se não se vestisse ou lavasse o rosto, e tão insensato como se fosse batalhar sem estar armado ou sem a armadura. Vamos nos banhar no rio suave da comunhão com Deus antes que o calor da selva e o fardo do caminho nos oprima. (C. H. Spurgeon)

Curso de Discipulado

Curso de Discipulado cidadevoadora.com INTRODUÇÃO 2 Este curso é formado por duas partes sendo as quatro primeiras baseadas no evangelho de João e as quatro últimas em toda a bíblia, com assuntos específicos e muito relevantes

Leia mais

Os encontros de Jesus. sede de Deus

Os encontros de Jesus. sede de Deus Os encontros de Jesus 1 Jo 4 sede de Deus 5 Ele chegou a uma cidade da Samaria, chamada Sicar, que ficava perto das terras que Jacó tinha dado ao seu filho José. 6 Ali ficava o poço de Jacó. Era mais ou

Leia mais

A Unidade de Deus. Jesus Cristo é o Único Deus. Pai Filho Espírito Santo. Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz?

A Unidade de Deus. Jesus Cristo é o Único Deus. Pai Filho Espírito Santo. Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz? A Unidade de Deus Quem é Jesus? Como os Apóstolos creram e ensinaram? O que a Bíblia diz? Vejamos a seguir alguns tópicos: Jesus Cristo é o Único Deus Pai Filho Espírito Santo ILUSTRAÇÃO Pai, Filho e Espírito

Leia mais

1ª Leitura - Ex 17,3-7

1ª Leitura - Ex 17,3-7 1ª Leitura - Ex 17,3-7 Dá-nos água para beber! Leitura do Livro do Êxodo 17,3-7 Naqueles dias: 3 O povo, sedento de água, murmurava contra Moisés e dizia: 'Por que nos fizeste sair do Egito? Foi para nos

Leia mais

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO

O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO O PAI É MAIOR DO QUE O FILHO Vós ouviste o que vos disse: Vou e retorno a vós. Se me amásseis, ficaríeis alegres por eu ir para o Pai, porque o Pai é maior do que eu. João

Leia mais

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado

18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado LIÇÃO 1 - EXISTE UM SÓ DEUS 18 Estudos Bíblicos para Evangelismo e Discipulado A Bíblia diz que existe um único Deus. Tiago 2:19, Ef. 4 1- O Deus que Criou Todas as coisas, e que conduz a sua criação e

Leia mais

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade.

A Palavra de Deus. - É na Palavra de Deus que o homem encontra o conhecimento a respeito da Vida, de onde viemos e onde vamos viver a eternidade. A Palavra de Deus 2 Timóteo 3:16-17 Pois toda a Escritura Sagrada é inspirada por Deus e é útil para ensinar a verdade, condenar o erro, corrigir as faltas e ensinar a maneira certa de viver. 17 E isso

Leia mais

O PLANO CONTRA LÁZARO

O PLANO CONTRA LÁZARO João 12 Nesta Lição Estudará... Jesus em Betânia O Plano Contra Lázaro Jesus Entra em Jerusalém Alguns Gregos Vão Ver Jesus Anuncia a Sua Morte Os Judeus Não Crêem As Palavras de Jesus Como Juiz JESUS

Leia mais

A Bíblia afirma que Jesus é Deus

A Bíblia afirma que Jesus é Deus A Bíblia afirma que Jesus é Deus Há pessoas (inclusive grupos religiosos) que entendem que Jesus foi apenas um grande homem, um mestre maravilhoso e um grande profeta. Mas a Bíblia nos ensina que Jesus

Leia mais

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro?

O seu conceito das religiões é como o seguinte quadro? ...as religiões? Sim, eu creio que sim, pois não importa a qual religião pertença. O importante é apoiar a que tem e saber levá-la. Todas conduzem a Deus. Eu tenho minha religião e você tem a sua, e assim

Leia mais

Jesus, o Filho de Deus

Jesus, o Filho de Deus JESUS, O FILHO DE DEUS 43 4 Jesus, o Filho de Deus No coração do cristianismo reside a verdade de que Jesus o Cristo é o Filho de Deus. Cristo é o centro da nossa religião. Ele é a fundação da nossa fé

Leia mais

O NASCIMENTO DE JESUS

O NASCIMENTO DE JESUS Bíblia para crianças apresenta O NASCIMENTO DE JESUS Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:M. Maillot Adaptado por: E. Frischbutter; Sarah S. O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da

Leia mais

Obs.: José recebeu em sonho a visita de um anjo que lhe disse que seu filho deveria se chamar Jesus.

Obs.: José recebeu em sonho a visita de um anjo que lhe disse que seu filho deveria se chamar Jesus. Anexo 2 Primeiro momento: contar a vida de Jesus até os 12 anos de idade. Utilizamos os tópicos abaixo. As palavras em negrito, perguntamos se eles sabiam o que significava. Tópicos: 1 - Maria e José moravam

Leia mais

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13

JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 JESUS É A LUZ DO MUNDO João 8.12 Pr. Vlademir Silveira IBME 24/03/13 INTRODUÇÃO O Evangelho de João registra 7 afirmações notáveis de Jesus Cristo. Todas começam com Eu sou. Jesus disse: Eu sou o pão vivo

Leia mais

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO

CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO CRISTOLOGIA: DOUTRINA DE CRISTO ETERNIDADE DEUS PAI LOGUS ESPIRITO SANTO A TRINDADE 1Jo.5.7 LOGUS QUER DIZER PALAVRA OU VERBO SE REFERE AO FILHO NA ETERNIDADE I - SUA PRÉ-EXISTÊNCIA 1 - SUA EXISTÊNCIA

Leia mais

Apostila Fundamentos. Batismo nas Águas. batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19

Apostila Fundamentos. Batismo nas Águas. batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19 Apostila Fundamentos Batismo nas Águas batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo... Mt 28:19 B a t i s m o n a s Á g u a s P á g i n a 2 Batismo nas Águas Este é outro passo que está

Leia mais

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23.

Tudo que você precisa saber a respeito de Deus está esta escrito no Salmo 23. Tudo que você precisa saber a teu respeito está escrito no Salmo 23. Tema: DEUS CUIDA DE MIM. Texto: Salmos 23:1-6 Introdução: Eu estava pesando, Deus um salmo tão poderoso até quem não está nem ai prá Deus conhece uns dos versículos, mas poderosos da bíblia e o Salmo 23,

Leia mais

Grandes coisas fez o Senhor!

Grandes coisas fez o Senhor! Grandes coisas fez o Senhor! Sl 126:3 "Grandes coisas fez o Senhor por nós, e, por isso, estamos alegres." Este Salmo é um cântico cheio de alegria que se refere ao retorno do povo judeu do cativeiro babilônico,

Leia mais

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma.

PERTO DE TI AUTOR: SILAS SOUZA MAGALHÃES. Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. PERTO DE TI Tu és meu salvador. Minha rocha eterna. Tu és minha justiça, ó Deus. Tu és Jesus, amado da Minh alma. Jesus! Perto de ti, sou mais e mais. Obedeço a tua voz. Pois eu sei que tu és Senhor, o

Leia mais

Bíblia para crianças. apresenta O SÁBIO REI

Bíblia para crianças. apresenta O SÁBIO REI Bíblia para crianças apresenta O SÁBIO REI SALOMÃO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Lazarus Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem

Leia mais

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você!

MANUAL. Esperança. Casa de I G R E J A. Esperança I G R E J A. Esperança. Uma benção pra você! Uma benção pra você! MANUAL Esperança Casa de I G R E J A Esperança Uma benção pra você! I G R E J A Esperança Uma benção pra você! 1O que é pecado Sem entender o que é pecado, será impossível compreender a salvação através

Leia mais

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO

SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Quinta-feira depois da Santíssima Trindade ou no Domingo seguinte SANTÍSSIMO CORPO E SANGUE DE CRISTO Solenidade LEITURA I Ex 24, 3-8 «Este é o sangue da aliança que Deus firmou convosco» Leitura do Livro

Leia mais

igrejabatistaagape.org.br [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo concedeu-lhe liberdade de escolha.

igrejabatistaagape.org.br [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo concedeu-lhe liberdade de escolha. O Plano da Salvação Contribuição de Pr. Oswaldo F Gomes 11 de outubro de 2009 Como o pecado entrou no mundo e atingiu toda a raça humana? [1] Deus criou o ser humano para ter comunhão com Ele, mas ao criá-lo

Leia mais

A Bíblia realmente afirma que Jesus

A Bíblia realmente afirma que Jesus 1 de 7 29/06/2015 11:32 esbocandoideias.com A Bíblia realmente afirma que Jesus Cristo é Deus? Presbítero André Sanchez Postado por em: #VocêPergunta Muitas pessoas se confundem a respeito de quem é Jesus

Leia mais

O Baptismo Bíblico (Mateus 3:13-17)

O Baptismo Bíblico (Mateus 3:13-17) O Baptismo Bíblico (Mateus 3:13-17) Tivemos esta manhã a alegria de testemunhar vários baptismos bíblicos. Existem outras coisas e outras cerimónias às quais se dá o nome de baptismo. Existe até uma seita,

Leia mais

O NASCIMENTO DO SALVADOR

O NASCIMENTO DO SALVADOR Mensagem pregada pelo Pr Luciano R. Peterlevitz no culto de natal na Igreja Batista Novo Coração, em 20 de dezembro de 2015. Evangelho de Lucas 2.8-20: 8 Havia pastores que estavam nos campos próximos

Leia mais

Naquela ocasião Jesus disse: "Eu te louvo, Pai, Senhor dos céus e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos, e as revelaste aos

Naquela ocasião Jesus disse: Eu te louvo, Pai, Senhor dos céus e da terra, porque escondeste estas coisas dos sábios e cultos, e as revelaste aos As coisas encobertas pertencem ao Senhor, ao nosso Deus, mas as reveladas pertencem a nós e aos nossos filhos para sempre, para que sigamos todas as palavras desta lei. Deuteronômio 29.29 Naquela ocasião

Leia mais

Lição 9 Completar com Alegria

Lição 9 Completar com Alegria Lição 9 Completar com Alegria A igreja estava cheia. Era a época da colheita. Todos tinham trazido algo das suas hortas, para repartir com os outros. Havia muita alegria enquanto as pessoas cantavam louvores

Leia mais

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar

MELHORES MOMENTOS. Expressão de Louvor Paulo Cezar MELHORES MOMENTOS Expressão de Louvor Acordar bem cedo e ver o dia a nascer e o mato, molhado, anunciando o cuidado. Sob o brilho intenso como espelho a reluzir. Desvendando o mais profundo abismo, minha

Leia mais

No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!

No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! SÉRIE: QUEM É JESUS? Jesus é o Cordeiro de Deus Data: / 09 / 2010 - Semana 4. No dia seguinte, viu João a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! 1 / 7 1)

Leia mais

A BENDITA ESPERANÇA DA IGREJA

A BENDITA ESPERANÇA DA IGREJA A BENDITA ESPERANÇA DA IGREJA Ap 21.9-11 - E veio um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das sete últimas pragas, e falou comigo, dizendo: Vem, mostrar-te-ei a noiva, a esposa do Cordeiro.10

Leia mais

9.9 Jesus Cristo é homem perfeito

9.9 Jesus Cristo é homem perfeito 9.9 Jesus Cristo é homem perfeito Aula 48 Assim como é importante verificarmos na Palavra de Deus e crermos que Jesus Cristo é Deus, também é importante verificarmos e crermos na humanidade de Jesus após

Leia mais

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa.

A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Encontro com a Palavra Agosto/2011 Mês de setembro, mês da Bíblia 1 encontro Nosso Deus se revela Leitura Bíblica: Gn. 12, 1-4 A Bíblia seja colocada em lugar de destaque, ao lado de uma vela acesa. Boas

Leia mais

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA

KJV King James Bible Study Correspondence Course An Outreach of Highway Evangelistic Ministries 5311 Windridge lane ~ Lockhart, Florida 32810 ~ USA 1 Lição 0 Já nasceu de novo? (volte para a página 5) Perguntaram a John Wesley porque razão ele pregava várias vezes, acerca de devem nascer de novo. Ele respondeu, porque vocês devem nascer de novo! Já

Leia mais

História: Vocês querem que eu continue contando a história do Natal? Maria e José seguiam para Belém,

História: Vocês querem que eu continue contando a história do Natal? Maria e José seguiam para Belém, Data: 13/12/2015 Texto Bíblico: Lucas 2:7; 8-20 e Mateus 2:1-12 Versículo para memorizar: Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu único Filho, para que todo aquele que Nele crê não morra,

Leia mais

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO

JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO JESUS CRISTO PADECEU SOB PÔNCIO PILATOS, FOI CRUCIFICADO, MORTO E SEPULTADO 25-02-2012 Catequese com adultos 11-12 Chave de Bronze Como se deu a entrada messiânica em Jerusalém? No tempo estabelecido,

Leia mais

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos.

Esperança em um mundo mal Obadias 1-21. Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Esperança em um mundo mal Obadias 1-21 Propósito: Confiar em Cristo independente do mundo em que vivemos. Introdução Obadias É o livro mais curto do Antigo Testamento. Quase nada se sabe sobre o autor.

Leia mais

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015

QUEM É JESUS. Paschoal Piragine Jr 1 31/08/2015 1 QUEM É JESUS Jo 1 26 Respondeu João: Eu batizo com água, mas entre vocês está alguém que vocês não conhecem. 27 Ele é aquele que vem depois de mim, e não sou digno de desamarrar as correias de suas sandálias

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 5

Ajuntai tesouros no céu - 5 "Ajuntai tesouros no céu" - 5 Mt 6:19-21 Temos procurado entender melhor através das escrituras, o que Jesus desejou ensinar aos seus discípulos nesta sequência de palavras, e pra isso, estudamos algumas

Leia mais

LIBERTANDO OS CATIVOS

LIBERTANDO OS CATIVOS LIBERTANDO OS CATIVOS Lucas 14 : 1 24 Parábola sobre uma grande ceia Jesus veio convidar àqueles que têm fome e sede para se ajuntarem a Ele. O Senhor não obriga que as pessoas O sirvam, mas os convida

Leia mais

Porque Deus mandou construir o tabernáculo?

Porque Deus mandou construir o tabernáculo? Aula 39 Área da Adoração Êxodo 19:5~6 Qual o significado de: vós me sereis reino sacerdotal? Significa que toda a nação, não parte, me sereis reino sacerdotal, povo santo, nação santa. Israel era uma nação

Leia mais

Bíblia Sagrada N o v o T e s t a m e n t o P r i m e i r a E p í s t o l a d e S ã o J o ã o virtualbooks.com.br 1

Bíblia Sagrada N o v o T e s t a m e n t o P r i m e i r a E p í s t o l a d e S ã o J o ã o virtualbooks.com.br 1 Bíblia Sagrada Novo Testamento Primeira Epístola de São João virtualbooks.com.br 1 Capítulo 1 1 O que era desde o princípio, o que temos ouvido, o que temos visto com os nossos olhos, o que temos contemplado

Leia mais

MEDITAÇÃO SALA LARANJA SEMANA 16 QUEDA E MALDIÇÃO Nome: Professor: Rebanho

MEDITAÇÃO SALA LARANJA SEMANA 16 QUEDA E MALDIÇÃO Nome: Professor: Rebanho MEDITAÇÃO SALA LARANJA SEMANA 16 QUEDA E MALDIÇÃO Nome: Professor: Rebanho VERSÍCULOS PARA DECORAR ESTA SEMANA Usamos VERSÍCULOS a Bíblia na PARA Nova DECORAR Versão Internacional ESTA SEMANA NVI Usamos

Leia mais

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados...

Apostila de Fundamentos. Arrependimento. Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... Apostila de Fundamentos Arrependimento Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados... (Atos 3:19) A r r e p e n d i m e n t o P á g i n a 2 Arrependimento É muito importante

Leia mais

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros.

O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. O Antigo Testamento tem como seus primeiros livros a TORÀ, ou Livro das leis. É um conjunto de 5 livros. A Torá é o texto mais importante para o Judaísmo. Nele se encontram os Mandamentos, dados diretamente

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ http://cachorritosdelsenor.blogspot.com/ A páscoa Volume 29 Escola: Nome : Professor (a): Data : / / 11 Ola Filhotes, vocês sabem o que é páscoa e quando ela começou?

Leia mais

CRISTO EM TI A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA

CRISTO EM TI A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA CRISTO EM TI A MANIFESTAÇÃO DA GLÓRIA INTRODUÇÃO Irmãos! A bíblia nos ensina que Deus nos chama a realizar, a ser, a conhecer e a alcançar muitas coisas, tais como, realizar a obra de Deus, a ser santos,

Leia mais

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus

1ª Carta de João. A Palavra da Vida. Deus é luz. Nós somos pecadores. Cristo, nosso defensor junto a Deus 1ª Carta de João A Palavra da Vida 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e o que as nossas mãos apalparam da Palavra da Vida 2 vida esta que

Leia mais

UM LÍDER DO TEMPLO VISITA JESUS

UM LÍDER DO TEMPLO VISITA JESUS Bíblia para crianças apresenta UM LÍDER DO TEMPLO VISITA JESUS Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Byron Unger; Lazarus Adaptado por: M. Maillot; Sarah S. Traduzido por: Berenyce Brandão Produzido

Leia mais

JOÁS, O MENINO REI Lição 65. 1. Objetivos: Ensinar que devemos permanecer fiéis a Deus embora nossos amigos parem de segui-lo.

JOÁS, O MENINO REI Lição 65. 1. Objetivos: Ensinar que devemos permanecer fiéis a Deus embora nossos amigos parem de segui-lo. JOÁS, O MENINO REI Lição 65 1 1. Objetivos: Ensinar que devemos permanecer fiéis a Deus embora nossos amigos parem de segui-lo. 2. Lição Bíblica: 2 Reis 11; 2 Crônicas 24.1-24 (Base bíblica para a história

Leia mais

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL.

UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. UMA VIDA DE PAZ, PACIÊNCIA E AMABILIDADE EM UM MUNDO HOSTIL. Como sabemos o crescimento espiritual não acontece automaticamente, depende das escolhas certas e na cooperação com Deus no desenvolvimento

Leia mais

A RESTAURAÇÃO DO SACERDÓCIO

A RESTAURAÇÃO DO SACERDÓCIO A RESTAURAÇÃO DO SACERDÓCIO 1 "Vejam, eu enviarei o meu mensageiro, que preparará o caminho diante de mim. E então, de repente, o Senhor que vocês buscam virá para o seu templo; o mensageiro da aliança,

Leia mais

#62. O batismo do Espírito Santo (continuação)

#62. O batismo do Espírito Santo (continuação) O batismo do Espírito Santo (continuação) #62 Estamos falando sobre alguns dons do Espírito Santo; falamos de suas obras, dos seus atributos, como opera o novo nascimento e, por último, estamos falando

Leia mais

AS VIAGENS ESPETACULARES DE PAULO

AS VIAGENS ESPETACULARES DE PAULO Bíblia para crianças apresenta AS VIAGENS ESPETACULARES DE PAULO Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Janie Forest Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da

Leia mais

REIS BONS E REIS MAUS

REIS BONS E REIS MAUS Bíblia para crianças apresenta REIS BONS E REIS MAUS Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Lazarus Adaptado por: Ruth Klassen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia na Linguagem

Leia mais

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus.

EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3. Evangelho de João Cap. 3. 1 Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus. EVANGELHO DE JOÃO, Cap. 3 LEMBRETE IMPORTANTE: As palavras da bíblia, são somente as frases em preto Alguns comentários explicativos são colocados entre os versículos, em vermelho. Mas é apenas com o intuito

Leia mais

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal

Personal Commitment Guide. Guia de Compromisso Pessoal Personal Commitment Guide Guia de Compromisso Pessoal Nome da Igreja ou Evento Nome do Conselheiro Telefone 1. Salvação >Você já atingiu um estágio na vida em que você tem a certeza da vida eterna e que

Leia mais

Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras)

Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras) Como levar alguém a Jesus Cristo usando o Cubo Evangelístico (Use as setas do cubo para ajudá-lo a abrir as figuras) Mostre o "Homem em Pecado" separado de Deus Esta luz (aponte para o lado direito) representa

Leia mais

A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46

A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46 A CRUCIFICAÇÃO DE JESUS Lição 46 1 1. Objetivos: Mostrar que o Senhor Jesus morreu na cruz e foi sepultado. Ensinar que o Senhor Jesus era perfeito; não havia nada que o condenasse. Ensinar que depois

Leia mais

SAMUEL, O MENINO SERVO DE DEUS

SAMUEL, O MENINO SERVO DE DEUS Bíblia para crianças apresenta SAMUEL, O MENINO SERVO DE DEUS Escrito por: Edward Hughes Ilustradopor:Janie Forest Adaptado por: Lyn Doerksen O texto bíblico desta história é extraído ou adaptado da Bíblia

Leia mais

UMA LISTA DOS NUNCA MAIS CONFESSAREI

UMA LISTA DOS NUNCA MAIS CONFESSAREI UMA LISTA DOS NUNCA MAIS CONFESSAREI Não há nada mais poderoso que uma decisão, pois esta te colocará em um mundo novo. (Lucas Márquez) VINTE CONFISSÕES NEGATIVAS QUE VOCÊ DEVE CANCELAR EM SUA VIDA 1)

Leia mais

Português. Sagrada Família de Jesus, Maria e José B. Leitura I Ben-Sirá 3,3-7.14-17a (gr. 2-6.12-14)

Português. Sagrada Família de Jesus, Maria e José B. Leitura I Ben-Sirá 3,3-7.14-17a (gr. 2-6.12-14) Português Sagrada Família de Jesus, Maria e José B Deus apareceu na terra e começou a viver no meio de nós. (cf. Bar 3,38) Leitura I Ben-Sirá 3,3-7.14-17a (gr. 2-6.12-14) Deus quis honrar os pais nos filhos

Leia mais

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.

Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri. Tia Pri Didáticos Educação Cristã PROIBIDA REPRODUÇÃO,CÓPIA OU DISTRIBUIÇÃO POR QUALQUER MEIO tiapri@tiapri.com (47) 3365-4077 www.tiapri.com Página 1 1. HISTÓRIA SUNAMITA 2. TEXTO BÍBLICO II Reis 4 3.

Leia mais

#93r. 11.7 O Apocalipse X Mateus 24

#93r. 11.7 O Apocalipse X Mateus 24 11.7 O Apocalipse X Mateus 24 #93r Há uma grande semelhança entre a sequência dos acontecimentos do período da Tribulação, descritos no livro do Apocalipse, com relação a Mateus 24. Vamos hoje, analisar

Leia mais

Sete Trombetas (Lauriete)

Sete Trombetas (Lauriete) Sete Trombetas (Lauriete) Uma mistura de sangue com fogo A terça parte deste mundo queimará Eu quero estar distante, quero estar no céu Quando o anjo a primeira trombeta tocar Um grande meteoro vai cair

Leia mais

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19

A morte física é o resultado final da vida nesse mundo decaído. 1 Jo 5:19 1 Todos Morrem! Pessoas morrem diariamente, seja por acidente ou de câncer, ataque cardíaco, acidente vascular cerebral, ou como vítimas de quaisquer das numerosas outras doenças. Alguns chegam a morrer

Leia mais

A FAMILIA DE DEUS TEM UM NOME

A FAMILIA DE DEUS TEM UM NOME A FAMILIA DE DEUS TEM UM NOME Toda família tem um nome, este nome é o identificador de que família pertence esta pessoa, o qual nos aqui no Brasil chamamos de Sobrenome. Então este nome além de identificar

Leia mais

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS

LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS 1 LC 19_1-10 OS ENCONTROS DE JESUS ZAQUEU O HOMEM QUE QUERIA VER JESUS Lc 19 1 Jesus entrou em Jericó e estava atravessando a cidade. 2 Morava ali um homem rico, chamado Zaqueu, que era chefe dos cobradores

Leia mais

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus

Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus Ensino - Ensino 11 - Anos 11 Anos Lição 10 Batismo Mergulhando em Jesus História Bíblica: Mateus 3:13 a 17; Marcos 1:9 a 11; Lucas 3:21 a 22 João Batista estava no rio Jordão batizando as pessoas que queriam

Leia mais

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA A IMPORTÂNCIA DAS OBRAS DE FÉ William Soto Santiago Cayey Porto Rico 16 de Março de 2011 Reverendo William Soto Santiago, Ph. D. CENTRO DE DIVULGAÇÃO DO EVANGELHO DO REINO http://www.cder.com.br E-mail:

Leia mais

7 E o Espírito é o que dá testemunho, porque o Espírito é a verdade. 8 Porque três são os que dão testemunho: o Espírito, e a água, e o sangue; e

7 E o Espírito é o que dá testemunho, porque o Espírito é a verdade. 8 Porque três são os que dão testemunho: o Espírito, e a água, e o sangue; e I João 1 1 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que contemplamos e as nossas mãos apalparam, a respeito do Verbo da vida 2 (pois a vida foi manifestada, e nós

Leia mais

CAPÍTULO 2. O Propósito Eterno de Deus

CAPÍTULO 2. O Propósito Eterno de Deus CAPÍTULO 2 O Propósito Eterno de Deus Já falamos em novo nascimento e uma vida com Cristo. Mas, a menos que vejamos o objetivo que Deus tem em vista, nunca entenderemos claramente o porque de tudo isso.

Leia mais

FEB EADE - Livro III - Módulo II Roteiro 2 A autoridade de Jesus

FEB EADE - Livro III - Módulo II Roteiro 2 A autoridade de Jesus OBJETIVOS 1) Analisar em que se resume a autoridade do Cristo. 2) Esclarecer como o Espiritismo explica essa autoridade. IDEIAS PRINCIPAIS 1) Sob a autoridade moral do Cristo, somos guiados na busca pela

Leia mais

OS IRMÃOS DA COPA. HONDURAS Wilson, Jhony e Jerry Palacios. COSTA DO MARFIM Yaya e Kolo Touré. PARAGUAI Edgard e Diego Barreto

OS IRMÃOS DA COPA. HONDURAS Wilson, Jhony e Jerry Palacios. COSTA DO MARFIM Yaya e Kolo Touré. PARAGUAI Edgard e Diego Barreto OS IRMÃOS DA COPA HONDURAS Wilson, Jhony e Jerry Palacios COSTA DO MARFIM Yaya e Kolo Touré PARAGUAI Edgard e Diego Barreto ALEMANHA e GANA Jerome e Kevin Prince Boateng OS FILHOS DO TROVÃO TIAGO E JOÃO

Leia mais

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves

CAMINHOS. Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves CAMINHOS Caminhos (Prov. 14:12) Paulo Cezar e Jayro T. Gonçalves Posso pensar nos meus planos Pros dias e anos que, enfim, Tenho que, neste mundo, Minha vida envolver Mas plenas paz não posso alcançar.

Leia mais

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA

QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA. II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA QUEM ANUNCIA AS BOAS NOVAS COOPERA COM O CRESCIMENTO DA IGREJA II Reunião Executiva 01 de Maio de 2015 São Luís - MA At 9.31 A igreja, na verdade, tinha paz por toda Judéia, Galiléia e Samaria, edificando-se

Leia mais

Juniores aluno 7. Querido aluno,

Juniores aluno 7. Querido aluno, Querido aluno, Por acaso você já se perguntou algumas destas questões: Por que lemos a Bíblia? Suas histórias são mesmo verdadeiras? Quem criou o mundo? E o homem? Quem é o Espírito Santo? Por que precisamos

Leia mais

Vinho Novo Viver de Verdade

Vinho Novo Viver de Verdade Vinho Novo Viver de Verdade 1 - FILHOS DE DEUS - BR-LR5-11-00023 LUIZ CARLOS CARDOSO QUERO SUBIR AO MONTE DO SENHOR QUERO PERMANECER NO SANTO LUGAR QUERO LEVAR A ARCA DA ADORAÇÃO QUERO HABITAR NA CASA

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 2

Ajuntai tesouros no céu - 2 "Ajuntai tesouros no céu" - 2 Jesus nos ensinou a "alinharmos" os nossos valores aos valores de seu Reino, comparando em sua mensagem aquilo que é terreno e passageiro com aquilo que é espiritual e eterno.

Leia mais

10.7 Pedro e a pedra; início das profecias sobre a Igreja

10.7 Pedro e a pedra; início das profecias sobre a Igreja 10.7 Pedro e a pedra; início das profecias sobre a Igreja Aula 53 A primeira vez que a Igreja é profetizada diretamente, está em Mateus: Mateus 16:13~18;... edificarei a minha igreja. V.18; no original

Leia mais

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...

SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!... SUMÁRIO Páginas A alegria 10 (A alegria está no coração De quem já conhece a Jesus...) Abra o meu coração 61 (Abra o meu coração Deus!...) A cada manhã 71 (A cada manhã as misericórdias se renovam...)

Leia mais

No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS. Pr. Cristiano Nickel Junior

No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS. Pr. Cristiano Nickel Junior No princípio era aquele que é a Palavra... João 1.1 UMA IGREJA COM PROPÓSITOS Pr. Cristiano Nickel Junior O propósito é que a Igreja seja um exército com bandeiras Martyn Lloyd-Jones No princípio era aquele

Leia mais

Vivendo a Liturgia Ano A

Vivendo a Liturgia Ano A Vivendo a Liturgia Junho/2011 Vivendo a Liturgia Ano A SOLENIDADE DA ASCENSÃO DO SENHOR (05/06/11) A cor litúrgica continua sendo a branca. Pode-se preparar um mural com uma das frases: Ide a anunciai

Leia mais

O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?"

Oquefazerquandoocoraçãosedesespera? O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?" O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?" O"que"fazer"quando"o"coração"se"desespera?" mas"aqueles"que" esperam"no"senhor" renovam"as"suas"forças." Voam"alto"como"águias;"

Leia mais

Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 17/03/2013 A QUEDA. Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI)

Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 17/03/2013 A QUEDA. Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) Meditação Crianças de 10 a 11 anos NOME: DATA: 17/03/2013 A QUEDA Versículos para Decorar (Estamos usando a Bíblia na Nova Versão Internacional NVI) 1 - Sei que sou pecador desde que nasci, sim, desde

Leia mais

1ª Leitura - Gn 1,20-2,4a

1ª Leitura - Gn 1,20-2,4a 1ª Leitura - Gn 1,20-2,4a Façamos o homem à nossa imagem e segundo a nossa semelhança. Leitura do Livro do Gênesis 1,20-2,4a 20Deus disse: 'Fervilhem as águas de seres animados de vida e voem pássaros

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

Lembrança da Primeira Comunhão

Lembrança da Primeira Comunhão Lembrança da Primeira Comunhão Jesus, dai-nos sempre deste pão Meu nome:... Catequista:... Recebi a Primeira Comunhão em:... de... de... Local:... Pelas mãos do padre... 1 Lembrança da Primeira Comunhão

Leia mais

"Ajuntai tesouros no céu" - 3

Ajuntai tesouros no céu - 3 "Ajuntai tesouros no céu" - 3 Mt 6:19-21 Como já vimos nas mensagens anteriores, Jesus queria que os seus discípulos tivessem seus valores alinhados aos valores do seu Reino, ou seja, os discípulos de

Leia mais

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL

ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESCOLA BÍBLICA DOMINICAL ESTUDO 4 Palavra Viva RELEMBRANDO SANTIFICAÇÃO Nossos três grandes inimigos: O MUNDO A CARNE O D IABO 'Porque a carne milita contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne, porque

Leia mais

O texto nomeia os 11, mais algumas mulheres, das quais só menciona Maria, com os irmãos de Jesus. Aqui aparece um fato curioso e edificante.

O texto nomeia os 11, mais algumas mulheres, das quais só menciona Maria, com os irmãos de Jesus. Aqui aparece um fato curioso e edificante. Aula 25 Creio na Igreja Católica.1 Frei Hipólito Martendal, OFM. 1. Leitura de At 2, 1-15. Ler e explicar... Dia de Pentecostes (=Quinquagésima) é o 50º dia depois da Páscoa. Os judeus celebravam a Aliança

Leia mais

GANHADO O MUNDO SEM PERDER A FAMILIA

GANHADO O MUNDO SEM PERDER A FAMILIA TEXTO: 1 SAMUEL CAPITULO 3 HOJE NÃO É SOBRE SAMUEL QUE VAMOS CONHECER, SABEMOS QUE SAMUEL foi o último dos juízes e o primeiro dos profetas. Ele foi comissionado para ungir asaul, o primeiro rei, e a David,

Leia mais

Estudo 17 Testemunhar a Cristo: um desafio diário. Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406

Estudo 17 Testemunhar a Cristo: um desafio diário. Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406 Estudo 17 Testemunhar a Cristo: um desafio diário Em Marcha, 2015.1 IGREJA METODISTA ASA NORTE 406 Roteiro 1- Introdução 2- Fundamento Bíblico 3- Conclusão 1. Introdução Voce entende por que é importante

Leia mais

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo

CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo. CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo CATEQUESE 1 Estamos reunidos de novo Tens uma tarefa importante para realizar: 1- Dirige-te a alguém da tua confiança. 2- Faz a pergunta: O que admiras mais em Jesus? 3- Regista a resposta nas linhas.

Leia mais

Julgamento e Juizo (Onde está o sangue?)

Julgamento e Juizo (Onde está o sangue?) Julgamento e Juizo (Onde está o sangue?) Quando Israel estava no Egito e a eles fora enviado um libertador (Moisés), na etapa da última praga que atingiu o Egito, a morte dos primogênitos; foi necessário

Leia mais

Tesouro em vaso de barro. Quando o natural é visitado pelo sobrenatural

Tesouro em vaso de barro. Quando o natural é visitado pelo sobrenatural Tesouro em vaso de barro Quando o natural é visitado pelo sobrenatural O paradoxo humano Dignidade x Depravação Virtude x pecado Beleza x feiura Consagração Enchendo o vaso com o tesouro - parte 1 Jz.

Leia mais

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ

A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ A BELA HISTORIA DE JESUS DE NAZARÉ O BATISMO DO SENHOR JESUS CRISTO E O COMEÇO DE SEU MINIST ÉRIO Volume 03 Escola: Nome : Professor (a): Data : / / 5) VAMOS BRINCAR DE FORCA? Marque com um x na letra

Leia mais

Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens. (1 Timóteo 2:1)

Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens. (1 Timóteo 2:1) Ministério de Intercessão A Intercessão e a Batalha Espiritual Exorto, pois, antes de tudo que se façam súplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens. (1 Timóteo 2:1) O que é Intercessão?

Leia mais

Lição 1 - Apresentando o Evangelho Texto Bíblico Romanos 1.16,17

Lição 1 - Apresentando o Evangelho Texto Bíblico Romanos 1.16,17 Lição 1 - Apresentando o Evangelho Texto Bíblico Romanos 1.16,17 Paulo escreveu uma carta à Igreja de Roma, mas não foi ele o instrumento que Deus usou para fazer acontecer uma Agência do Reino de Deus

Leia mais

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco!

Quem Desiste num momento de crise é porque realmente é um fraco! Paixão do Povo de Cristo x Paixão de Cristo Texto Base: provérbios 24.10 na Linguagem de Hoje: Quem é fraco numa crise, é realmente fraco. Na Bíblia A Mensagem : Quem Desiste num momento de crise é porque

Leia mais