Londres 1908: o importante é competir

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Londres 1908: o importante é competir"

Transcrição

1 Londres 1908: o importante é competir Há exatos 104 anos, Londres sediou sua primeira Olimpíada. Diferentemente dos jogos atuais, que chamam a atenção pelas construções majestosas e pela preocupação com o meio ambiente, naquela época a competição não foi tão bem planejada. Isso porque Londres não era a sede oficial, mas sim Roma, na Itália, que quatro anos antes tinha sido eleita após uma disputa com Berlim, Milão e Turim. Porém, em 1906, o vulcão Vesúvio entrou em erupção, destruindo a cidade de Nápoles. O evento catastrófico obrigou o governo italiano a destinar boa parte de seu orçamento para a reconstrução das casas e o apoio às vítimas, o que impossibilitou o financiamento dos Jogos. O Comitê Olímpico Internacional decidiu então recorrer a Londres. Apesar do curto espaço de tempo, a capital inglesa conseguiu construir um estádio Sheperd s Bush especialmente para a competição, algo inédito até então. O local, com capacidade para 66 mil torcedores, tornou-se o centro dos Jogos e tinha piscina, pista de corrida, velódromo e locais para luta e ginástica. Foi a primeira vez que as competições aquáticas foram realizadas em local fechado. Outro fato inédito foi o desfile das delegações durante a cerimônia de abertura, realizada em 13 de julho de 1908, com direito a estandarte e bandeiras. Nela também foi feito o histórico discurso do Barão Pierre de Coubertin, idealizador dos Jogos na era moderna, onde ele se referia ao espírito olímpico. Coubertin se inspirou em um sermão feito pelo bispo da Pensilvânia, Ethelbert Talbot, na Catedral de St. Paul e adaptou suas palavras: O importante na vida não é o triunfo, disse, mas a competição. O essencial não é ganhar, mas ter lutado bem. Mais uma curiosidade desta Olimpíada é sua duração: seis meses. Ainda que a maior parte das provas tenha ocorrido nas duas semanas subsequentes a abertura, modalidades como rúgbi e lacrosse ocorreriam muito tempo depois. Medalha de ouro da Olimpíada de 1908 Nestes Jogos, a maratona foi disputada pela primeira vez na distância de m que se mantém até hoje para que a família real pudesse acompanhar a largada da prova dos jardins do Palácio de Verão. Antes, a prova tinha exatos 42 metros.

2 O importante é competir ou ganhar? A corrida começou como deveria: Disputa logo na largada colocou na ponta o piloto que estava em 3º lugar no grid, em ultrapassagem que demonstrou habilidade e sorte. O carro respondia bem na pista e os concorrentes, apesar de próximos, não conseguiam ultrapassá-lo. As trocas de pneus alteraram momentaneamente o panorama da corrida, como era de se esperar, mas quando todos completaram o pit stop, o piloto que saltara para a ponta da corrida voltou ao primeiro lugar. Passado um ano de acidente que quase o vitimara de forma fatal, uma vitória seria a celebração da vida, da competitividade, da competência técnica e do esporte. Tudo ia bem, até que na 48ª volta veio a ordem dos boxes, de sua própria equipe, "pedindo" que ele desse passagem para o segundo colocado, colega de equipe, melhor colocado no campeonato, que estaria mais rápido e seria beneficiado na disputa de pilotos. O que seria uma vitória da equipe, com dobradinha no pódio, aconteceu de fato, com a inversão das posições, mas... Quem merecia e batalhou com mais disposição e qualidade até aquele momento foi obrigado a "entregar" o jogo, permitir a vitória alheia, ceder de bandeja o lugar mais alto do pódio para outro piloto... Pode-se dizer que é jogo de equipe, que o outro faria o mesmo se fossem invertidos os papéis, que os pontos a mais conquistados pelo vencedor podem fazer diferença no cômputo final da competição dos pilotos, que a equipe paga os salários (milionários) de ambos os pilotos e tem o direito de exigir isso... Há muitas e muitas justificativas para tal fato, mas que a ética no esporte é cada vez mais ferida com ações como a descrita, ocorrida no GP da Alemanha de 2010, envolvendo os pilotos da mais tradicional escuderia da Fórmula 1 (a mais importante categoria do automobilismo mundial), isso é fato. Aos olhos dos milhões de espectadores que acompanham as corridas no mundo inteiro, a credibilidade da competição fica ferida, desacreditada. As pessoas que gostam do esporte entendem que em qualquer modalidade a vitória, o empate ou a derrota devem ser definidos dentro de uma disputa justa, limpa, irretocável, sem intromissões alheias, sem que interesses de terceiros (ainda que sejam as escuderias, equipes ou times envolvidos) sejam os motivadores do ocorrido. A competição deve estar acima dos milhões de dólares que movimentam as modalidades. Se o doping é abominável em competições de atletismo ou natação, se juízes que recebem propina para ajudar uma equipe a vencer a outra no futebol constituem ato igualmente impróprio e imoral, a intromissão das escuderias de

3 Fórmula 1 (ou de qualquer outra categoria do automobilismo mundial) é, também, uma ação indevida, desqualificada, anti-ética e totalmente imprópria para o esporte. A natureza do esporte tem como base primordial a competição. A cooperação dentro de uma mesma equipe deve acontecer, mas os limites desta ação de trabalho e auxílio terminam quando começam as disputas, os jogos, as corridas. Dentro das arenas esportivas, ainda que colegas de um mesmo time esportivo, cabe a cada atleta procurar a vitória, sobre os demais competidores, sejam eles de sua própria equipe ou não. O célebre ensinamento do Barão de Coubertin, responsável pelo surgimento das Olimpíadas Modernas, na virada do século XIX para o XX, em que dizia que "O importante é competir" tem sido substituído por "O importante é vencer", ainda mais neste século XXI, no qual há milhões de motivos (a serem depositados em contas bancárias) para que as vitórias aconteçam. Não importa o que as pessoas pensem, a Ferrari abusou de seu poder de "empregadora" dos dois pilotos; Fernando Alonso, como bicampeão mundial da categoria, não deveria se prestar a tal papel, de aceitar esta barganha, assumindo a primeira posição na corrida sem que a tivesse conseguido por competência, numa disputa leal com seu companheiro de equipe. Felipe Massa, que aos olhos de muitos pode ser visto como vítima desta farsa que se estabeleceu na Fórmula 1, situação que infelizmente já aconteceu em outros momentos, acatou as ordens e deixou Alonso passar. E se tivesse resolvido seguir adiante, mantendo a posição conquistada na pista, sofreria sanções da equipe? Seria repreendido pelos diretores? Teria multas aplicadas e descontos em seu salário? Mas sua atitude seria considerada de qual forma pela opinião pública? Prova de força, de coragem e de competitividade? Ou como insubordinação, motim e irresponsabilidade perante a equipe? A ética no esporte prevê a disputa limpa, sem intromissões que prejudiquem o desenrolar da competição. Em 2008 a Renault, seu diretor Flávio Briatore e o piloto Nelsinho Piquet foram condenados pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) por um acidente com o piloto brasileiro (leia mais sobre o incidente no artigo O Caso Renault). Acidente forjado durante prova do campeonato mundial de Fórmula 1 daquele ano criado para beneficiar o colega de equipe de Piquet, que estava na disputa pelo primeiro lugar na prova e no campeonato de pilotos, as ações deste GP da Alemanha de 2010 são igualmente condenáveis pois revelamse anti-éticas como as daquela situação. Ironias a parte, o beneficiário do acidente de Piquet foi também Fernando Alonso... É claro que em 2008, no caso Piquet há agravantes, como a simulação previamente planejada de um acidente com o piloto brasileiro. Mas agora, em 2010, com regulamento claro que impede qualquer equipe de pedir ou "orientar" seus pilotos a fazer o tal jogo de equipe, a atitude foi igualmente premeditada e pensada nos boxes da Ferrari e fere a dignidade dos pilotos, da equipe, da categoria e do esporte. Situações como esta levam os fãs do esporte, a duvidar da credibilidade do que estamos vendo e, até mesmo, a abandonar a Fórmula 1... Obs. Por mais que a Ferrari tenha sido multada pela FIA e que venha a sofrer sanções posteriores, o estrago está feito para todos. Para o bem do esporte a sanção mais apropriada em casos como este seria a desclassificação de Alonso e Massa e a perda de pontos por parte da Ferrari no Campeonato Mundial de Construtores!

4 A ética no meio esportivo (parte 2) "É muito importante ensinar a população a torcer eticamente, educar para o esporte." 18/2/2011 Rivaldo joga no São Paulo e comanda o Mogi A ética no esporte prevê a disputa limpa, sem intromissões que prejudiquem o desenrolar da competição. Em 2008, a Renault, seu diretor Flávio Briatore e o piloto Nelsinho Piquet foram condenados pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA) por um acidente com o piloto brasileiro. Acidente forjado durante prova do campeonato mundial de Fórmula 1 daquele ano, criado para beneficiar o colega de equipe de Piquet, que estava na disputa pelo primeiro lugar na prova e no campeonato de pilotos. As ações deste GP da Alemanha de 2010 são igualmente condenáveis, pois se revelam antiéticas como as daquela situação. Ironias à parte, o beneficiário do acidente de Piquet foi também Fernando Alonso... É claro que em 2008, no caso Piquet, há agravantes, como a simulação previamente planejada de um acidente com o piloto brasileiro. Mas agora, em 2010, com regulamento claro que impede qualquer equipe de pedir ou "orientar" seus pilotos a fazer o tal jogo de equipe, a atitude foi igualmente premeditada e pensada nos boxes da Ferrari e fere a dignidade dos pilotos, da equipe, da categoria e do esporte. Situações como esta levam os fãs da F1 a duvidarem da credibilidade do que está sendo visto... Para se ter noção de como a ética é colocada de lado, em detrimento da parte financeira, o Conselho Mundial da FIA ( Federação Internacional de Automobilismo ), reunido no dia 10 de dezembro de 2010, decidiu suprimir de seu código o artigo que, na teoria, vetava as marmeladas*, o 'jogo de equipe'. Outra atitude que esbarra na ética foi a da nossa seleção masculina de vôlei, que, no Mundial da Itália, jogou com reservas contra a Bulgária, perdeu e evitou uma trajetória mais difícil até a final. Enquanto para alguns o time fez parte de uma marmelada*, para outros, Bernadinho e os atletas tiveram uma atitude racional, uma vez que o regulamento do campeonato prejudicava as seleções de melhor campanha. Houve - e ainda há - inúmeras declarações de apoio àquela derrota, pois se o Brasil ganhasse da Bulgária, mas não chegasse à final, poderia dar a ideia de ser um time ingênuo, que caiu na armadilha do regulamento italiano. Vale reforçar que esses arranjos no esporte por vezes são aceitos, e até desejados, porque o Brasil não ostenta uma cultura esportiva sólida. A torcida é para que o fato de o Brasil sediar a Copa de 2014 e a Olimpíada de 2016 alavanque o processo de sedimentação dessa cultura esportiva, dessa ética. É muito importante ensinar a população a torcer eticamente, educar para o esporte. Na virada do século XIX para o XX, tivemos o célebre ensinamento do Barão de Coubertin, responsável pelo surgimento das Olimpíadas Modernas, que dizia que "O importante é competir". Esperamos que este ensinamento, que tem sido substituído por "O importante é vencer", ainda mais neste século XXI, no qual há milhões de motivos (a serem depositados em contas bancárias) para que as vitórias aconteçam, não se deixe deturpar e que os líderes e as pessoas analisem a real função do esporte. Para concluir, reproduzo abaixo os depoimentos de dois grandes campeões profissionais, abordando a questão da ética no esporte: "Num mundo cada vez mais profissional e competitivo, onde o resultado se torna fator de sobrevivência, o assunto ÉTICA é cada vez mais discutido, mesmo nos meios em que, historicamente, isso deveria ser uma regra. O esporte é um destes meios, com inúmeros casos que geram discussões sobre o tema. Quem não se lembra dos célebres casos de Senna e Prost e agora, mais recentemente, dos jogos de equipe da Ferrari, na Fórmula 1?

5 Quantos casos de doping têm sido vistos ao longo do tempo, principalmente em Olimpíadas, onde o tão festejado espírito olímpico deveria prevalecer? No futebol, volta e meia somos bombardeados com notícias sobre 'corpo mole' de alguns times e as tais 'malas pretas e brancas'. Até num esporte que sempre foi referência de correção na conduta, que é o vôlei (infelizmente tenho que falar isso sobre o meu esporte), vimos recentemente um Campeonato Mundial cheio de resultados estranhos, inclusive o já famoso jogo do Brasil contra a Bulgária, em que a nossa seleção entregou o jogo para se beneficiar, entrando em uma chave melhor na fase seguinte. Enfim, temos inúmeros casos que demonstram que os interesses comerciais estão à frente da ética e do tão celebrado espírito esportivo ou espírito olímpico. O ideal olímpico do Barão de Coubertin, que dizia que o importante não é ganhar e sim competir, já ficou pra trás há muito tempo... Sinceramente, torço para que aconteçam mais exemplos como o da Red Bull na Fórmula 1, que foi campeã mundial de equipes e pilotos sem jogo de equipe, inclusive co m uma ordem do dono da empresa que rechaçou qualquer possibilidade disso ocorrer. Desta maneira, poderemos ver o esporte repleto de bons exemplos. Nós, pessoas do esporte, temos a obrigação de lutar pela ética, para que possamos continuar a ter a prática esportiva como instrumento de inclusão social e fonte de bons princípios e valores para nossas crianças, que crescerão cheias de saúde e bons exemplos a seguir. Essa é a torcida de alguém que descobriu o esporte aos 10 anos de idade, competiu durante 25 anos, e NUNCA precisou de qualquer tipo de artifício que ferisse a ética no esporte para ser competitivo e conquistar um espço de destaque." (Nalbert) "Caros alunos do Colégio e do Curso ph, Todo esporte precisa de ética. E o que é isso? Significa começar pela primeira premissa do esporte: nunca perder de propósito, mesmo que seja para ter um melhor resultado ou cruzamento na frente. Feliz 2011 para vocês com muita ética na 'vida'." (Oscar Schmidt) * "Marmelada de banana, bananada de goiabada, goiabada de marmelo" trecho da famosa música de Gilberto Gil - Tal qual acontece nessa música, em que a marmelada não é de marmelo, nas fábricas de conservas, várias vezes a marmelada é de chuchu com marmelo. O chuchu é acrescentado de forma ilegítima no doce. Daí vem o uso de marmelada com o sentido de um 'arranjo' de participantes de uma competição. Rui Alves Gomes de Sá é engenheiro e Diretor de Ensino do Grupo ph.

A ética e o esporte. Uma das grandes lições que o esporte deixa nas pessoas é a ética.

A ética e o esporte. Uma das grandes lições que o esporte deixa nas pessoas é a ética. Fair Play (em português: Jogo Limpo) é uma filosofia adotada em esportes que prima pelo jogo limpo e justo. A expressão nasceu em 1896, durante as primeiras Olimpíadas da Era Moderna, em Atenas. Barão

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Aluno Primeira Etapa Compartilhar Ideias. 9º Ano 4º Bimestre Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Matemática Ensino Fundamental 9º Tratamento da Informação. Análise de gráficos e tabelas. Aluno

Leia mais

A Nova Ordem Mundial

A Nova Ordem Mundial Fórmula 1 A Nova Ordem Mundial Categoria volta às pistas com muitas mudanças nos carros, na liderança das equipes, além de muitas polêmicas. Desde 1997, a categoria automobilística mais cara do mundo,

Leia mais

Valores educacionais do Olimpismo

Valores educacionais do Olimpismo Valores educacionais do Olimpismo Aula 3 Busca pela excelência e equilíbrio entre corpo, vontade e mente Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Detalhar o valor busca pela excelência 2 Apresentar estratégias

Leia mais

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Professor. 9º Ano 4º Bimestre. DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO DINÂMICA. Tratamento da Informação.

Quem será o campeão? Dinâmica 2. Professor. 9º Ano 4º Bimestre. DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO DINÂMICA. Tratamento da Informação. Reforço escolar M ate mática Quem será o campeão? Dinâmica 2 9º Ano 4º Bimestre DISCIPLINA Ano CAMPO CONCEITO Professor Matemática Ensino Fundamental 9º DINÂMICA Quem será o campeão? Tratamento da Informação.

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 53 Discurso na solenidade de lançamento

Leia mais

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio.

texto I partes I e II Língua Portuguesa e Matemática Futebol de rua De preferência os novos, do colégio. partes I e II Língua Portuguesa e Matemática texto I Futebol de rua Pelada é o futebol de campinho, de terreno baldio. Mas existe um tipo de futebol ainda mais rudimentar do que a pelada. É o futebol de

Leia mais

ATLETISMO. Alyne Rayane

ATLETISMO. Alyne Rayane ATLETISMO Alyne Rayane O QUE É ATLETISMO? O atletismo é um conjunto de esportes constituído por três modalidades: corrida, lançamentos e saltos. ATLETISMO QUANDO SURGIU? Atletismo tempo dos ancestrais;

Leia mais

A HISTÓRIA DA ATLÉTICA

A HISTÓRIA DA ATLÉTICA A HISTÓRIA DA ATLÉTICA A Atlética de hoje não possui uma data de fundação, mas já tem algum tempo de existência. Sua história nos faz voltar ao Intermed de 2000 em Barbacena. Naquele ano, com a maior delegação

Leia mais

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos!

ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! ESPORTE NÃO É SÓ PARA ALGUNS, É PARA TODOS! Esporte seguro e inclusivo. Nós queremos! Nós podemos! Documento final aprovado por adolescentes dos Estados do Amazonas, da Bahia, do Ceará, do Mato Grosso,

Leia mais

UM POUCO SOBRE A COPA DO MUNDO NO BRASIL

UM POUCO SOBRE A COPA DO MUNDO NO BRASIL UM POUCO SOBRE A COPA DO MUNDO NO BRASIL Julho/2013 Em 2014, o Brasil sediará a Copa do Mundo e em 2016 as Olimpíadas. Os brasileiros efetivamente são apaixonados por futebol e quando foi divulgado que

Leia mais

REGULAMENTO1º CAMPEONATO ONLINE DE FIFA 5 (XBOX MANAUS RELOAD)

REGULAMENTO1º CAMPEONATO ONLINE DE FIFA 5 (XBOX MANAUS RELOAD) REGULAMENTO1º CAMPEONATO ONLINE DE FIFA 5 (XBOX MANAUS RELOAD) Campeonato O Campeonato será disputado em partidas online, utilizando o console Xbox ONE e o jogo FIFA 15, atualizado. Das inscrições As inscrições

Leia mais

Quem mais torce, incentiva, acompanha e

Quem mais torce, incentiva, acompanha e Capa esporte de pai para filho Edgard Rondina, o filho Felipe e uma paixão em comum: velejar no Lago Paranoá Por Leane Ribeiro Quem mais torce, incentiva, acompanha e muitas vezes até sofre com a carreira

Leia mais

09/09/2004. Discurso do Presidente da República

09/09/2004. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, na solenidade de recepção da delegação brasileira que participou das Olimpíadas de Atenas Palácio do Planalto, 09 de setembro de 2004 Meu caro Grael, Meu querido René Simões,

Leia mais

Esportes de Interação com a Natureza

Esportes de Interação com a Natureza Esportes de Interação com a Natureza Aula 2 Canoagem e Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar dois esportes da categoria DE INTERAÇÃO COM A NATUREZA e suas principais regras. 2 Conhecer a história

Leia mais

Oficina Porcentagem e Juros

Oficina Porcentagem e Juros Oficina Porcentagem e Juros Esta oficina está dividida em duas partes. A primeira consiste em uma revisão do conceito de porcentagem. Na segunda parte, os alunos deverão aplicar os conceitos vistos na

Leia mais

3x3 Regras do Jogo. quadra se alguma for utilizada podem ser adaptadas ao espaço disponível

3x3 Regras do Jogo. quadra se alguma for utilizada podem ser adaptadas ao espaço disponível 3x3 Regras do Jogo As Regras do Jogo de Basquete Oficiais da FIBA são válidas para todas as situações de jogo não especificamente mencionadas nestas Regras do Jogo 3x3. Art. 1 Quadra e Bola O jogo será

Leia mais

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas.

salto em distância. Os resultados tiveram diferenças bem significativas. 1 Análise de comparação dos resultados dos alunos/atletas do Atletismo, categoria infanto, nos Jogos Escolares Brasiliense & Olimpíadas Escolares Brasileira. Autora: Betânia Pereira Feitosa Orientador:

Leia mais

Chantilly, 17 de outubro de 2020.

Chantilly, 17 de outubro de 2020. Chantilly, 17 de outubro de 2020. Capítulo 1. Há algo de errado acontecendo nos arredores dessa pequena cidade francesa. Avilly foi completamente afetada. É estranho descrever a situação, pois não encontro

Leia mais

Esportes de Invasão. Aula 3. Rugby, rugby em cadeira de rodas e polo aquático. Rio 2016 Versão 1.0

Esportes de Invasão. Aula 3. Rugby, rugby em cadeira de rodas e polo aquático. Rio 2016 Versão 1.0 Esportes de Invasão Aula 3 Rugby, rugby em cadeira de rodas e polo Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Apresentar mais três esportes da categoria INVASÃO. 2 Conhecer a história desses esportes e a sua entrada

Leia mais

O Movimento Olímpico. Aula 1 Olimpismo. Rio 2016 Versão 1.0

O Movimento Olímpico. Aula 1 Olimpismo. Rio 2016 Versão 1.0 O Movimento Olímpico Aula 1 Olimpismo Rio 2016 Versão 1.0 Objetivos 1 Definir o Olimpismo, compreendendo sua filosofia. 2 Identificar os Valores Olímpicos. 3 Reconhecer a estrutura da Família Olímpica.

Leia mais

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL

REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL REGULAMENTO GERAL DO JICOF JOGOS INTERNOS DO COLÉGIO FRACTAL CAPÍTULO I DAS FINALIDADES Os jogos internos do COLÉGIO FRACTAL (JICOF) têm por finalidade principal humanizar a prática desportiva, valorizando

Leia mais

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014

Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 Olimpíadas Especiais UBM/PMBM Regulamento Técnico 2014 I - DOS JOGOS Art.1 - A Olimpíada Especial UBM/PMBM tem por finalidade desenvolver o intercâmbio desportivo e social entre os atletas, professores

Leia mais

Campeonato de Carros Nacionais

Campeonato de Carros Nacionais Campeonato de Carros Nacionais Resumo POTENCIA Ver na lista de carros (em média, 280 CV) PESO 1.200 KG + lastro (lastro dado pelo sistema de lastro, explicado abaixo) PNEU DESPORTIVO MACIO AFINAÇAO PERMITIDA

Leia mais

Discurso de Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Organizador. dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 para a Assembleia Geral da

Discurso de Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Organizador. dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 para a Assembleia Geral da Discurso de Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 para a Assembleia Geral da ONU, em Nova York, em 26 de outubro de 2015, por ocasião da adoção

Leia mais

INTRODUÇÃO AO CURSO DE MARKETING ELEITORAL

INTRODUÇÃO AO CURSO DE MARKETING ELEITORAL INTRODUÇÃO AO CURSO DE MARKETING ELEITORAL FAÇA SUA CAMPANHA PARA PROJETO PODER P - Planejamento O - Organização D - Delegação E - Execução R - Realização Lance sua campanha para Vereador com o Projeto

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 55 Discurso na cerimónia de abertura

Leia mais

AS MOEDAS DO MUNDO. C a d a a t i v i d a d e p o d e s e i m p re s s a separadamente e realizada com as crianças em sala de aula ou em casa.

AS MOEDAS DO MUNDO. C a d a a t i v i d a d e p o d e s e i m p re s s a separadamente e realizada com as crianças em sala de aula ou em casa. 1 AS MOEDAS DO MUNDO Esse é um livro de atividades para crianças. O objetivo proposto é aproveitarmos o período e empolgação das crianças com a Copa do Mundo de Futebol para propiciar aprendizado e maior

Leia mais

Regulamento Copa Cemil de Ciclismo 2015

Regulamento Copa Cemil de Ciclismo 2015 Regulamento Copa Cemil de Ciclismo 2015 Regulamento Particular da Competição Na ausência de item especifico para um determinado assunto neste regulamento particular, a organização considera como referencia

Leia mais

EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS

EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS EC PINHEIROS OLÍMPICO AQUÁTICOS ESPORTE CLUBE PINHEIROS NÚMEROS QUE IMPRESSIONAM 112 ANOS de existência umas das instituições mais tradicionais do país, oferecendo atividades esportivas, sociais e culturais

Leia mais

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses

Estudo de Caso. Cliente: Rafael Marques. Coach: Rodrigo Santiago. Duração do processo: 12 meses Estudo de Caso Cliente: Rafael Marques Duração do processo: 12 meses Coach: Rodrigo Santiago Minha idéia inicial de coaching era a de uma pessoa que me ajudaria a me organizar e me trazer idéias novas,

Leia mais

PROGRAMA INTERAÇÕES IMPROVÁVEIS

PROGRAMA INTERAÇÕES IMPROVÁVEIS 1 PROGRAMA INTERAÇÕES IMPROVÁVEIS COORDENAÇÃO ANA AMÉLIA NOBRE FORTIN SÃO PAULO, NOVEMBRO DE 2014 RESULTADO AVALIAÇÕES Abril 2013 PARTICIPAÇÃO 12 CRECHES Bela Vista, Jd. Guarapiranga I, Jd. Guarapiranga

Leia mais

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens

Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos. Quem sou eu? Dinâmica de Apresentação para Grupo de Jovens Disponível no site Esoterikha.com: http://bit.ly/dinamicas-para-jovens Dinâmicas para Jovens - Brincadeiras para Jovens Atividades para grupos As dinâmicas de grupo já fazem parte do cotidiano empresarial,

Leia mais

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com

LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO. Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LIDERAR PESSOAS A BASE DA CONSTRUÇÃO DE UMA EQUIPE DE SUCESSO Prof. Paulo Henrique Ribeiro paulo@topassessoria.com LI ESTAMOS PASSANDO PELA MAIOR TRANSFORMAÇÃO NA HISTÓRIA DA HUMANIDADE. VALORIZAR PESSOAS

Leia mais

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele

Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele O Plantador e as Sementes Era uma vez, numa cidade muito distante, um plantador chamado Pedro. Ele sabia plantar de tudo: plantava árvores frutíferas, plantava flores, plantava legumes... ele plantava

Leia mais

Primeira brasileira a entrar na Vila, Ana Sátila controla ansiedade glo...

Primeira brasileira a entrar na Vila, Ana Sátila controla ansiedade glo... 1 de 8 20/01/2013 19:13 globoesporte.globo.com notícias esportes entretenimento vídeos Série A Série A Série B Série C 17/07/2012 07h58 - Atualizado em 17/07/2012 09h35 Primeira brasileira a entrar na

Leia mais

A partida dos vencedores - Livro de Atividades. Autora Sandra Aymone. Coordenação editorial Maria Fernanda Moscheta Sílnia Nunes Martins Prado

A partida dos vencedores - Livro de Atividades. Autora Sandra Aymone. Coordenação editorial Maria Fernanda Moscheta Sílnia Nunes Martins Prado A partida dos vencedores - Livro de Atividades Autora Sandra Aymone Coordenação editorial Maria Fernanda Moscheta Sílnia Nunes Martins Prado Ilustração Pierre Trabbold Diagramação Linea Creativa Realização

Leia mais

1. Em busca do sonho olímpico

1. Em busca do sonho olímpico 1. Em busca do sonho olímpico O Globo Jornal 22/05/2011 Vale (Sustentabilidade) 6 e 7 Página 1 Página 2 Página 3 Página 4 Adolescentes da seleção brasileira de judô sub-17 abrem mão de programas da idade,

Leia mais

COPA BRASIL DE CLUBES 2007 PATINAÇÃO DE VELOCIDADE

COPA BRASIL DE CLUBES 2007 PATINAÇÃO DE VELOCIDADE COPA BRASIL DE CLUBES 2007 PATINAÇÃO DE VELOCIDADE OBJETIVO: Esta competição tem como objetivo, fomentar a Patinação de Velocidade no território Nacional. Para o ano de 2007, estão sendo programadas 5

Leia mais

VI Seminário de Educação Inclusiva Direito à Diversidade ESPORTE ADAPTADO Ana Leonídia Soares Prof. Educação Física analeonsoares@bol.com.

VI Seminário de Educação Inclusiva Direito à Diversidade ESPORTE ADAPTADO Ana Leonídia Soares Prof. Educação Física analeonsoares@bol.com. VI Seminário de Educação Inclusiva Direito à Diversidade ESPORTE ADAPTADO Ana Leonídia Soares Prof. Educação Física analeonsoares@bol.com.br Quem somos? Onde estamos? Pessoa com deficiência; quase ¼ da

Leia mais

Porque estádios tão vazios? Pt. 3. 17 Motivos para NÃO ir aos Estádios. Fernando Ferreira

Porque estádios tão vazios? Pt. 3. 17 Motivos para NÃO ir aos Estádios. Fernando Ferreira PLURI Especial Porque estádios tão vazios? Pt. 3 17 Motivos para NÃO ir aos Estádios PLURI Consultoria Pesquisa, Valuation, Gestão e marketing Esportivo. Curitiba-PR Twitter: @pluriconsult www.facebook/pluriconsultoria

Leia mais

SEIRYOKU- SENYO ( Máxima eficácia, mínimo esforço )

SEIRYOKU- SENYO ( Máxima eficácia, mínimo esforço ) História do Judo O Fundador Mestre Kano nasceu no momento em que o Japão começava a tornar-se um país moderno, estabelecendo relações com outras nações do mundo. Cresceu no período em que o desporto se

Leia mais

Associação Brasileira de Escolinhas de Futebol e Futsal- ABEFF

Associação Brasileira de Escolinhas de Futebol e Futsal- ABEFF Associação Brasileira de Escolinhas de Futebol e Futsal- ABEFF Diretoria de Competições Regulamento da Copa do Brasil de Escolinhas de Futebol Copa do Brasil de Escolinhas de Futebol 2016 Categorias Sub

Leia mais

Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE

Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE Lei Federal de Incentivo ao ESPORTE PATROCINE os Esportes do Paineiras! O Clube Fundado no início da década de 60, o Paineiras é um dos mais conceituados clubes de São Paulo, destacando-se em sua ampla

Leia mais

EQUIPE DE KART INDOOR RODA PRESA

EQUIPE DE KART INDOOR RODA PRESA EQUIPE DE KART INDOOR RODA PRESA REGULAMENTO -2015 1) A Categoria Principal será composta de 13 Etapas, a ser realizada conforme calendário estabelecido pela comissão organizadora, com início previsto

Leia mais

Meia Maratona Estrada Real 2014 e prova de 10Km

Meia Maratona Estrada Real 2014 e prova de 10Km Meia Maratona Estrada Real 2014 e prova de 10Km *O presente regulamento está sujeito a possíveis modificações conforme o procedimento previsto no mesmo. Artigo 1 - O Evento A Meia Maratona Estrada Real

Leia mais

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012

REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 REGULAMENTO GERAL OLIMPÍADA ESCOLAR DE NOVO HAMBURGO 2012 OBJETIVO GERAL Formação para o pleno exercício da cidadania de crianças e adolescentes por meio do esporte. CAPÍTULO I DA FINALIDADE DO EVENTO

Leia mais

Valores Educacionais. Aula 4 Respeito pelos Outros

Valores Educacionais. Aula 4 Respeito pelos Outros Valores Educacionais Aula 4 Respeito pelos Outros Objetivos 1 Apresentar o valor Respeito pelos Outros. 2 Indicar possibilidades de aplicação pedagógica do valor Respeito pelos Outros. Introdução Esta

Leia mais

Marketing Esportivo. os desafios e as oportunidades. Claudinei P. Santos. Delft Consultores - ABRAESPORTE - INNE

Marketing Esportivo. os desafios e as oportunidades. Claudinei P. Santos. Delft Consultores - ABRAESPORTE - INNE Marketing Esportivo os desafios e as oportunidades Delft Consultores - ABRAESPORTE - INNE Algumas provocações... Incentivo ao esporte Integração social pelo esporte Patrocínio Copa 2014 Olimpíadas 2016

Leia mais

PARECE IGUAL... MAS, DO OUTRO LADO, É O BRASIL QUE DÁ CERTO. FICA DO OUTRO LADO DESSE ESPELHO. DESTE LADO, POUCO DINHEIRO NO BOLSO...

PARECE IGUAL... MAS, DO OUTRO LADO, É O BRASIL QUE DÁ CERTO. FICA DO OUTRO LADO DESSE ESPELHO. DESTE LADO, POUCO DINHEIRO NO BOLSO... CADÊ O BRASIL RICO? FICA DO OUTRO LADO DESSE ESPELHO. DESTE LADO, POUCO DINHEIRO NO BOLSO... PARECE IGUAL... MAS, DO OUTRO LADO, É O BRASIL QUE DÁ CERTO.... E AQUI, DINHEIRO SOBRANDO NO FIM DO MÊS. DESTE

Leia mais

PROGRAMA ATLETA PARCEIRO

PROGRAMA ATLETA PARCEIRO PROGRAMA ATLETA PARCEIRO Contexto: O Programa Atleta Parceiro é uma ação da Pedro Baldo Escola de Natação que oferece bolsas integrais e parciais para atletas que se comprometem com as estratégias de treinamento

Leia mais

UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011

UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011 UNIOESTE CCET Colegiado de Matemática XXV Semana Acadêmica da Matemática 15 a 19 de Agosto de 2011 Entendendo as mordidas do leão como funciona o cálculo do imposto de renda Profa. Raquel Lehrer Todos

Leia mais

Proposta de Lei da Imigração Inovações que mudam a vida das pessoas

Proposta de Lei da Imigração Inovações que mudam a vida das pessoas da Imigração Inovações que mudam a vida das pessoas Fui expulso, mas tenho um filho menor a cargo a viver em Portugal. Podem recusar-me a entrada? Sim. A residência de filhos menores em Portugal é apenas

Leia mais

11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo II

11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo II Capítulo II Mark Ford 11 Segredos para a Construção de Riqueza Capítulo Dois Como uma nota de $10 me deixou mais rico do que todos os meus amigos Das centenas de estratégias de construção de riqueza que

Leia mais

Clássica do Caminho dos Pretos

Clássica do Caminho dos Pretos Clássica do Caminho dos Pretos 22 de Novembro 2014 VISA FPAK Nº 234/REG/2014 22.10.2104 1 Índice PROGRAMA Art.1 Organização e Definição 4 Art.2 Desenvolvimento da Prova 5 Art.3 Admissão e Classificação

Leia mais

entrevista: tamas rohonyi

entrevista: tamas rohonyi entrevista: tamas rohonyi GP do Brasil A fórmula 1, segundo esporte mais popular no Brasil, tem no Grande Prêmio do Brasil um exemplo de organização e arrecadação. Nesta entrevista exclusiva, seu promotor,

Leia mais

CAMPEONATO ESTADUAL DE NATAÇÃO DE VERÃO TROFÉU ALEXANDRE VISCARDI, TROFÉU MARCOS CHAIBEN INFANTIL JUVENIL JUNIOR SENIOR TROFÉU PARANÁ ABSOLUTO

CAMPEONATO ESTADUAL DE NATAÇÃO DE VERÃO TROFÉU ALEXANDRE VISCARDI, TROFÉU MARCOS CHAIBEN INFANTIL JUVENIL JUNIOR SENIOR TROFÉU PARANÁ ABSOLUTO CAMPEONATO ESTADUAL DE NATAÇÃO DE VERÃO TROFÉU ALEXANDRE VISCARDI, TROFÉU MARCOS CHAIBEN INFANTIL JUVENIL JUNIOR SENIOR TROFÉU PARANÁ ABSOLUTO Data :04 A 07 DE NOVEMBRO DE 2015 Inscrição: 28 de outubro

Leia mais

Entrevista com Clínica Maló. Paulo Maló CEO. www.clinicamalo.pt. Com quality media press para LA VANGUARDIA

Entrevista com Clínica Maló. Paulo Maló CEO. www.clinicamalo.pt. Com quality media press para LA VANGUARDIA Entrevista com Clínica Maló Paulo Maló CEO www.clinicamalo.pt Com quality media press para LA VANGUARDIA Esta transcrição reproduz fiel e integralmente a entrevista. As respostas que aqui figuram em linguagem

Leia mais

AAARP PROJETO ATLETISMO. Acreditamos no poder da transformação através do esporte. E CIDADANIA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO

AAARP PROJETO ATLETISMO. Acreditamos no poder da transformação através do esporte. E CIDADANIA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO Acreditamos no poder da transformação através do esporte. Foto: Matheus urenha PROJETO ATLETISMO E CIDADANIA AAARP ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO ATLETISMO DE RIBEIRÃO PRETO Troféu Brasil de Atletismo, Equipe

Leia mais

FUTSAL. www.inatel.pt

FUTSAL. www.inatel.pt NORMAS ESPECIFICAS FUTSAL www.inatel.pt FUTSAL NORMAS ESPECIFICAS As normas específicas são regras estabelecidas pela Direção Desportiva, em complemento do Código Desportivo, para as provas organizadas

Leia mais

Fundamentos da Matemática

Fundamentos da Matemática Fundamentos da Matemática Aula 10 Os direitos desta obra foram cedidos à Universidade Nove de Julho Este material é parte integrante da disciplina oferecida pela UNINOVE. O acesso às atividades, conteúdos

Leia mais

PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL

PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL PLANO DE PATROCÍNIO EVENTO REGIONAL VICE-PRESIDÊNCIA COMERCIAL Dir. Nac. de Marketing Jun/13 APRESENTAÇÃO As emoções da Copa Espírito Santo de Futebol estão de volta. A Rede Vitória, pelo sexto ano consecutivo,

Leia mais

Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA Modelo matemático prevê gols no futebol Moacyr Scliar

Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA Modelo matemático prevê gols no futebol Moacyr Scliar PROFESSOR: EQUIPE DE PORTUGUÊS BANCO DE QUESTÕES - LÍNGUA PORTUGUESA - 5 ANO - ENSINO FUNDAMENTAL ========================================================================== Texto 1 O FUTEBOL E A MATEMÁTICA

Leia mais

PROJETO: OLIMPÍADAS ANTARES

PROJETO: OLIMPÍADAS ANTARES FAEC Fundação Antares de Educação e Cultura Colégio Antares Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio, Pré-Vestibular e Educação Profissional PROJETO: OLIMPÍADAS ANTARES Americana SP Educação Física

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 17 Discurso após a cerimónia de assinatura

Leia mais

Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing

Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing Oficial Categoria 2 Proposta de Consultoria: Facebook Marketing Proposta de Parceria Comercial e Plano de Marketing Nas próximas páginas: Quem é a Dynamo O Que é Possível Com o Facebook Como Podemos Ajudar

Leia mais

ASSOCIAÇÃO REGIONAL DE DESPORTOS PARA DEFICIENTES INTELECTUAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO REGULAMENTO ESPECÍFICO DA TAÇA SÃO PAULO DE FUTSAL-2015

ASSOCIAÇÃO REGIONAL DE DESPORTOS PARA DEFICIENTES INTELECTUAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO REGULAMENTO ESPECÍFICO DA TAÇA SÃO PAULO DE FUTSAL-2015 REGULAMENTO ESPECÍFICO DA TAÇA SÃO PAULO DE FUTSAL-2015 DA DENOMINAÇÃO E PARTICIPAÇÃO Art. 1º - A Taça São Paulo de Futsal - 2015 será disputado por equipes com atletas com deficiência intelectual. Art.

Leia mais

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta?

1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? 1. Na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos os atletas da delegação da Grécia são sempre os primeiros que desfilam. Está informação está correta? Sim, os atletas da Grécia são sempre os primeiros a

Leia mais

Para a grande maioria das. fazer o que desejo fazer, ou o que eu tenho vontade, sem sentir nenhum tipo de peso ou condenação por aquilo.

Para a grande maioria das. fazer o que desejo fazer, ou o que eu tenho vontade, sem sentir nenhum tipo de peso ou condenação por aquilo. Sonhos Pessoas Para a grande maioria das pessoas, LIBERDADE é poder fazer o que desejo fazer, ou o que eu tenho vontade, sem sentir nenhum tipo de peso ou condenação por aquilo. Trecho da música: Ilegal,

Leia mais

Intervenção do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Dr. Fernando Gomes 26.08.2014

Intervenção do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Dr. Fernando Gomes 26.08.2014 Intervenção do presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Dr. Fernando Gomes 26.08.2014 Há exatamente dois meses a Seleção Nacional A efetuou o seu último jogo no Campeonato do Mundo disputado no Brasil.

Leia mais

DAS PELADAS À COPA DO MUNDO

DAS PELADAS À COPA DO MUNDO DAS PELADAS À COPA DO MUNDO PAIXÃO MUNDIAL Quando o futebol começou no Brasil, há pouco mais de 100 anos, não havia muitos praticantes. Não existiam estádios como os de hoje e muito menos divulgação pela

Leia mais

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação

Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Presidência da República Casa Civil Secretaria de Administração Diretoria de Gestão de Pessoas Coordenação Geral de Documentação e Informação Coordenação de Biblioteca 68 Discurso na cerimónia de lançamento

Leia mais

REGULAMENTO ESPORTIVO. Copa KART BRASIL e KART NIGHT 2015. I Do CAMPEONATO

REGULAMENTO ESPORTIVO. Copa KART BRASIL e KART NIGHT 2015. I Do CAMPEONATO REGULAMENTO ESPORTIVO Copa KART BRASIL e KART NIGHT 2015 I Do CAMPEONATO Art. 1º A Copa KART BRASIL 2015 e a KART NIGHT 2015 serão realizadas no Kartódromo Internacional Nova Odessa. 1º A Copa KART BRASIL

Leia mais

MATEMÁTICA ANO: 2013 IFPB QUESTÃO 01

MATEMÁTICA ANO: 2013 IFPB QUESTÃO 01 MATEMÁTICA ANO: 2013 IFPB QUESTÃO 01 Os Jogos Olímpicos foram criados pelos gregos por volta de 2500 a.c. e foram retomados por iniciativa do Barão de Coubertin no final do século XIX. Em 1960, foram disputados

Leia mais

"Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9

Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos. Salmo 57.9 PROJETO J BA 2014 TEMA: COPA DO MUNDO FESTA DAS NAÇÕES "Senhor, eu te darei graças no meio das nações; eu te louvarei entre os povos." Salmo 57.9 I - OBJETIVOS Regulamento Geral Ensino Fundamental II e

Leia mais

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU

ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU ESTADO DE SERGIPE PREFEITURA MUNICIPAL DE ARACAJU Secretaria Municipal de Esporte e Lazer SEMEL PROCESSO SELETIVO PARA CONCESSÃO DA BOLSA-ATLETA MUNICIPAL DE ARACAJU EDITAL Nº 01/2011 DE 03 DE NOVEMBRO

Leia mais

1-Será disputado pelo sistema de duplas, permitindo-se a inscrição de 02 atletas por equipe, de ambos os sexos.

1-Será disputado pelo sistema de duplas, permitindo-se a inscrição de 02 atletas por equipe, de ambos os sexos. REGULAMENTO DE BURACO 1-Será disputado pelo sistema de duplas, permitindo-se a inscrição de 02 atletas por equipe, de ambos os sexos. 2-No horário estabelecido pela Comissão Organizadora para início de

Leia mais

1 USE SUA RAZÃO E DEIXE AS EMOÇÕES POR ÚLTIMO

1 USE SUA RAZÃO E DEIXE AS EMOÇÕES POR ÚLTIMO BEM VINDO AO GUIA DE 10 PASSOS DE COMO MELHORAR MUITO A SUA VIDA FINANCEIRA! APROVEITE! 1 USE SUA RAZÃO E DEIXE AS EMOÇÕES POR ÚLTIMO Quando se trata do nosso dinheiro, a emoção sempre tende a ser um problema.

Leia mais

Marketing & Comunicação

Marketing & Comunicação Marketing & Comunicação Fernando Ribeiro Dos Santos, M.Sc. O Palestrante Quem sou? FERNANDO RIBEIRO DOS SANTOS, M.Sc Formação: Graduado em Administração; Pós graduado em Andragogia; Pós graduado em EAD;

Leia mais

1º CAMPEONATO BRASILEIRO DE BADMINTON RIO DE JANEIRO / RJ

1º CAMPEONATO BRASILEIRO DE BADMINTON RIO DE JANEIRO / RJ 1º CAMPEONATO BRASILEIRO DE BADMINTON RIO DE JANEIRO / RJ A Confederação Brasileira de Badminton e a Federação de Badminton do Estado do Rio de Janeiro (FEBARJ) tem a honra de convidá-los para competir

Leia mais

INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA MATEMÁTICA AULA. Conteúdo: Arranjos Simples

INTERATIVIDADE FINAL CONTEÚDO E HABILIDADES DINÂMICA LOCAL INTERATIVA MATEMÁTICA AULA. Conteúdo: Arranjos Simples Conteúdo: Arranjos Simples Habilidades: Resolver situação problema com agrupamento de elementos. REVISÃO Arranjos são agrupamentos nos quais a ordem dos seus elementos faz a diferença. Nono dígito nos

Leia mais

Exposição de marca Além de obter maior visibilidade na mídia, através da associação com equipes e atletas de alto rendimento, a marca da instituição

Exposição de marca Além de obter maior visibilidade na mídia, através da associação com equipes e atletas de alto rendimento, a marca da instituição Os jogos olímpicos mais diretamente possuem vinculação com o ensino superior por ter a participação de atletas oriundos de disputas universitárias. Conforme aponta estimativa da Koch Tavares, empresa especializada

Leia mais

- A gente sabe, mas é politicamente interessante malhar o poderoso, a gente faz ser politicamente correto.

- A gente sabe, mas é politicamente interessante malhar o poderoso, a gente faz ser politicamente correto. {jcomments on} O X-9 vazou a notícia, a culpa é dele, mas a mídia ignora e bate no cartola. - Mas a culpa não é da diretoria! - A gente sabe, mas é politicamente interessante malhar o poderoso, a gente

Leia mais

ABCEducatio entrevista Sílvio Bock

ABCEducatio entrevista Sílvio Bock ABCEducatio entrevista Sílvio Bock Escolher uma profissão é fazer um projeto de futuro A entrada do segundo semestre sempre é marcada por uma grande preocupação para todos os alunos que estão terminando

Leia mais

CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE JUVENIS INTERSELEÇÕES LV Masculino e XLIII Feminino

CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE JUVENIS INTERSELEÇÕES LV Masculino e XLIII Feminino CAMPEONATOS BRASILEIROS CAIXA DE ATLETISMO DE JUVENIS INTERSELEÇÕES LV Masculino e XLIII Feminino Art. 1º - Os CAMPEONATOS BRASILEIROS DE ATLETISMO DE JUVENIS têm por propósito básico a integração nacional,

Leia mais

FACULDADE LA SALLE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA

FACULDADE LA SALLE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA FACULDADE LA SALLE EDUCAÇÃO FÍSICA LICENCIATURA REGULAMENTO DE TRUCO JOIA LA SALLE 2014 - JOGOS DE INTEGRAÇÃO ACADÊMICA Lucas do Rio Verde MT REGULAMENTO TÉCNICO A Equipe para jogar truco é formada por

Leia mais

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri

Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri Entrevista coletiva concedida pelo Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no hotel Skt. Petri Copenhague-Dinamarca, 01 de outubro de 2009 Bem, primeiro dizer a vocês da alegria de poder estar

Leia mais

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA

PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PLANO DE AÇÃO FÓRUM DO MUNICÍPIO QUE EDUCA PROPOSTA DE AÇÃO Criar um fórum permanente onde representantes dos vários segmentos do poder público e da sociedade civil atuem juntos em busca de uma educação

Leia mais

Período de Preparação Período de Competição Período de Transição

Período de Preparação Período de Competição Período de Transição PERIODIZAÇÃO Desde que a chamada "Ciência do Esporte" passou a sistematizar e metodizar o Treinamento Desportivo, a periodização passou a ser a única forma de se organizar todo o trabalho realizado durante

Leia mais

Cliente: Sindicerv Veículo: www.adnews.com.br Data: 22-02-2010 Imagem Corporativa Grupo TV1 conquista conta digital da Ambev O Grupo TV1 ganhou a disputa na concorrência pela presença digital da marca

Leia mais

O sucesso de hoje não garante o sucesso de amanhã

O sucesso de hoje não garante o sucesso de amanhã Com certeza, esse final de século XX e começo de século XXI mudarão nossas vidas mais do que elas mudaram há 30-40 anos atrás. É muito difícil avaliar como será essa mudança, mas é certo que ela virá e

Leia mais

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann

Esporte na Educação. Maria Alice Zimmermann Esporte na Educação Olimpismo O Olimpismo é uma filosofia de vida que defende a formação de uma consciência pacifista, democrática, humanitária, cultural e ecológica por meio da prática esportiva. COB

Leia mais

Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014. O que o Brasil já ganhou com a Copa

Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014. O que o Brasil já ganhou com a Copa Diálogos Governo -Sociedade Civil COPA 2014 O que o Brasil já ganhou com a Copa 2 O que o Brasil já ganhou com a Copa Investimentos A Copa do Mundo é um grande investimento para todos brasileiros Os únicos

Leia mais

SELETIVA FINAL DE FORMAÇÃO DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE TAEKWONDO 2015. Categoria Adulto

SELETIVA FINAL DE FORMAÇÃO DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE TAEKWONDO 2015. Categoria Adulto SELETIVA FINAL DE FORMAÇÃO DA SELEÇÃO BRASILEIRA DE TAEKWONDO 2015 Categoria Adulto Apresentação A Confederação Brasileira de Taekwondo vem através deste documento apresentar os critérios de formação da

Leia mais

LANXESS AG. Rainier van Roessel Membro da Diretoria. Sustentabilidade em Borrachas: Hoje e Amanhã. Painel 1 Discurso de Abertura

LANXESS AG. Rainier van Roessel Membro da Diretoria. Sustentabilidade em Borrachas: Hoje e Amanhã. Painel 1 Discurso de Abertura LANXESS AG Rainier van Roessel Membro da Diretoria Sustentabilidade em Borrachas: Hoje e Amanhã Painel 1 Discurso de Abertura LANXESS Rubber Day São Paulo (Favor verificar em relação à apresentação) 23

Leia mais

05/12/2006. Discurso do Presidente da República

05/12/2006. Discurso do Presidente da República , Luiz Inácio Lula da Silva, no encerramento da 20ª Reunião Ordinária do Pleno Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social Palácio do Planalto, 05 de dezembro de 2006 Eu acho que não cabe discurso aqui,

Leia mais

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio

Plano de Negócios. Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa. Modelo de Planejamento prévio Plano de Negócios Passo a passo sobre como iniciar um Plano de Negócios para sua empresa Modelo de Planejamento prévio Fraiburgo, 2015 Plano de Negócios Um plano de negócios é uma descrição do negócio

Leia mais

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa)

TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES. Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) PROJETO J BA 2013 I - OBJETIVOS TEMA: COPA DAS CONFEDERAÇÕES Regulamento Geral Ensino Fundamental II e Ensino Médio (Primeira etapa) - Promover a integração e a participação dos alunos do CBB, permitindo

Leia mais

CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL JIU JITSU

CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL JIU JITSU CAMPEONATO PAULISTA UNIVERSITÁRIO 2015 NOTA OFICIAL JIU JITSU Informações e inscrições: Kallel Brandão (11)97118-3872 kallel@fupe.com.br www.fupe.com.br www.juesp.com.br INFORMAÇÕES BÁSICAS Local: Centro

Leia mais

Sempre estou tranquilo nesta Casa, mas aqui temos posição política. Eu fico admirado de ver

Sempre estou tranquilo nesta Casa, mas aqui temos posição política. Eu fico admirado de ver SESSÃO: 255-S0 DATA: 27/08/15 FL: 1 DE 5 O SR. TONINHO VESPOLI (PSOL) - Boa tarde novamente a todos e a todas. Sempre estou tranquilo nesta Casa, mas aqui temos posição política. Eu fico admirado de ver

Leia mais