Departamento de Engenharia Informática Universidade de Coimbra 3030 Coimbra, Portugal

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Departamento de Engenharia Informática Universidade de Coimbra 3030 Coimbra, Portugal ralberto@student.dei.uc.pt"

Transcrição

1 &RPpUFLRHOHFWUyQLFRSULQFLSDLVTXHVW}HVHVXDGLYXOJDomRHP 3RUWXJDO SRU 5RGULJR$OEHUWR$OPHLGD%DSWLVWD Departamento de Engenharia Informática Universidade de Coimbra 3030 Coimbra, Portugal 5HVXPR Descreve-se, de forma simples e objectiva, o que é o comércio electrónico, procura-se responder a questões quais como, quais os principais problemas e perguntas de quem se prepara para investir num web site com este tipo de funcionalidade, passando também pelas principais vantagens que o comércio electrónico traz consigo. Também se ilustra de forma breve, qual o estado do comércio electrónico na Europa e em Portugal em particular. Este artigo foi conseguido através de uma pesquisa exaustiva na Web, sendo fundamentado em comentários e artigos escritos por pessoas especializadas na matéria. O resultado foi um artigo que descreve a generalidade dos aspectos relacionados com o este tipo de comércio, sendo uma espécie de guia para quem quer tomar noção do que é o comércio electrónico e qual a sua divulgação em Portugal. 3DODYUDV FKDYH ± questões sobre comércio electrónico, e-commerce em Portugal.,QWURGXomR O comércio electrónico ainda está a dar os primeiros passos em Portugal enquanto nos Estados Unidos por exemplo já está fortemente implantado. Razão para este facto, é a meu entender como em outras coisas, a falta de informação e de divulgação. Isto aplica-se quer a pessoas individuais, quer a empresas. As pessoas devem começar a olhar para o comércio electrónico como um meio seguro e muito prático de fazer compras sem ter que se deslocar a uma loja física. Para começar devem desmistificar o mito de foi criado em volta da segurança (ou a falta desta), pois está provado que existe muito mais probabilidade de nos roubarem o cartão de crédito quando fazemos compras num qualquer lugar, do que alguém nos consiga roubar o código do cartão de crédito quando fazemos compras na web. Os empresários nacionais têm de ver o comércio electrónico como um utensílio ao seu dispor e têm de planear a sua expansão em função desta nova realidade. Este novo meio acarreta muito menos despesas, que os meios de venda normais, visto que, não é necessário ter empregados e está disponível 24 horas por dia. Quando a implantação de um negócio on-line é precedida de um estudo rigoroso sobre qual o tipo de artigos em que devemos basear o negócio, a Web pode ser uma fonte extraordinária de receitas.

2 2TXHp" Uma maneira de ver o comércio electrónico, é a de um novo meio de distribuição para um negócio já existente. Em termos de investimento, é substancialmente menor quando comparado com o comércio convencional. É possível basear todo o negócio sobre este meio de distribuição, embora isto acarrete riscos bastante superiores aos que existem se o negócio não depender exclusivamente do comércio electrónico. 2SUREOHPDGDHQWUHJD O comércio electrónico tem quase sempre duas facetas. A venda e respectivo processamento, e a entrega física do artigo ao cliente. Este último aspecto é sem dúvida nenhuma o que limita mais o negócio, visto termos de ter em conta aspectos tais como as dimensões, o peso, a fragilidade, o tempo de recepção entre outros. Esta limitação para ao lado dos sites que vendem conteúdos digitais tais como software, imagens, filmes, em que o artigo é enviado pelo mesmo meio que é feita a compra. 2TXHYHQGHU" Uma pergunta pertinente é Será que se pode vender tudo na Internet?. A resposta a esta questão pode ser dada por qualquer um de nós, basta pensar um pouco, será que sentido vender morangos na Internet, eu penso que não. A não ser que se possua uma rede de distribuição porta a porta que possa entregar a encomenda em poucas horas. Isto levanta outra questão Será que é viável vender artigos de baixo preço?. Um exemplo disto é a venda rebuçados, ou pastilhas, com a venda destes artigos só passadas algumas décadas à que começaríamos a ter retorno do investimento. E artigos de preço bastante elevado, como casas ou carros? Estes sem dúvida alguma já justificavam o investimento, mas o que acontece é que a maioria dos sites deste tipo, existentes na Internet nem sequer possibilitam transacções. Servindo estes apenas como expositores estáticos, em que no caso da venda de casas mostram fotografias e breves descrições destas, mas muito dificilmente permitem efectuar a venda da casa logo ali. 2IDQWDVPDGDLQVHJXUDQoD Segundo muitos a questão da segurança ou da falta desta, foi mais um mito explorado pela imprensa e pelas empresas que operam nos canais tradicionais, do que uma questão grave. Visto que depois de estabelecidas determinadas regras o comércio electrónico é mais seguro que o comércio tradicional. O problema da segurança das transacções já foi resolvido à muito tempo (à alguns anos), desde que o site possua um servidor seguro e a informação seja enviada através de páginas encriptadas. Muitos de nós já presenciámos isto, sempre que estamos numa página com encriptação aparece na borda inferior direita do browser um cadeado em ponto pequeno, que significa que as mensagens que enviamos e recebemos do servidor estão codificadas, isto também se pode sentir no desempenho da aplicação, porque devido a estes protocolos de segurança, a troca que informação passa a demorar quatro ou mais vezes, que a mesma troca de informação numa ligação não segura.

3 4XDQWRPDLRUPHOKRU É possível descodificar a informação que enviamos, mas quanto maior for a chave que encriptação (40,56,128 bits) mais difícil será esta descodificação. A chave de encriptação de 40 bits já foi quebrada, em apenas algumas horas, mas isto foi conseguido com o recurso a vários supercomputadores a processarem em paralelo. Mas será que isto é motivo para preocupação? Será que alguém que tem esse poder de computação está minimamente interessado na nossa transacção de compra de um livro? Eu penso, que não, e você? Depois de levantada a imposição do governo norte-americano que proibia a exportação de browsers com níveis de encriptação de 128 bits, estes passaram a suportar tal nível que encriptação. &RPRSDJDU" Existem várias maneiras de fazer o pagamento dos artigos comprados, tais como, o envio à cobrança, via cartão de crédito ou via Multibanco. O envio à cobrança apresenta riscos, como por exemplo, como identificar se uma encomenda é real. Como garantir que nunca se envia um artigo que não será reclamado, em que o possível lucro com a venda iria se transformar num prejuízo? O pagamento via Multibanco disponibilizado pela SIBS é feito em duas fases. Quando se faz a encomenda são-nos fornecidos os elementos necessários para efectuar o pagamento numa qualquer caixa de Multibanco (entidade, referência e montante). Após efectuar o pagamento respectivo, a empresa será notificada do facto e procederá ao envio dos bens adquiridos. A principal desvantagem deste método de pagamento é o elevado tempo de confirmação necessário à notificação do comerciante de que o artigo já foi pago. Segundo os comerciantes que disponibilizam este método de pagamento, são necessários três dias para enviar a encomenda. Devido a isto a solução mais aceitável é o uso do cartão de crédito como forma de pagamento. 9DQWDJHQVGRFRPpUFLR HOHFWUyQLFR Para a pessoa que compra existem múltiplas vantagens tais como: pode comprar de qualquer ponto do mundo e a qualquer hora, sem ter de perder o tempo em deslocar-se até uma loja tradicional. Além disso os produtos online são geralmente mais baratos que nas lojas, uma vez que o fabricante os fornece directamente, sem intermediários. Para a pessoa que fornece o serviço, ao contrário de uma loja tradicional, este tipo de serviço permite-lhe poupar em electricidade, em local de aluguer e em empregados entre outras coisas. 3RUWXJDOQDFDXGDGD(XURSD Uma das formas possíveis para avaliar o nível de utilização do comércio electrónico é determinar a relação entre o número de servidores seguros para transacções ao serviço da população. Este indicador é usado pela OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento na Europa) para determinar a probabilidade dos servidores, que são usados para fazer transacções electrónicas, seja entre empresas ou entre empresas e cidadãos, serem de facto seguros. Os Estados Unidos que estão na liderança existem 25 servidores considerados seguros para cada 100 mil utilizadores. Na Europa este valor desce

4 consideravelmente. Suécia, Luxemburgo, Reino Unido, Irlanda, Finlândia e Áustria possuem entre 5 a 10 servidores por cada 100 mil pessoas. Portugal está nas últimas posições com apenas entre 1 a 5 servidores, mas ao seu lado estão países como a Alemanha, Bélgica, Itália e França. De acordo com este estudo da TFPL apenas 3% dos cidadãos europeus compra frequentemente produtos online. Na liderança está o Reino Unido, mas apenas 7% dos utilizadores compra a web. proporcione esclarecimentos e familiarização das empresas em relação às potencialidades do comércio electrónico e as tecnologias de informação e comunicação. (&RPPHUFHHP3RUWXJDO Para podermos observar a dimensão do comércio electrónico, basta calcular a desproporção que existe entre os consumidores que, empurrando o carrinho de compras, fazem fila na caixa do supermercado, e os que encomendam pela net. Ou então o número de famílias que têm acesso à Internet, e o número de contribuintes que entregam a declaração do IRS pelo browser do seu computador. Também nas empresas portuguesas para não falar apenas mas pessoas individuais, o volume de transacções de compra e venda que estas efectuam é completamente irrisório quando comparado com o seu volume de negócios. O que os portugueses mais compram na Net são livros, CD e cassetes. Quem compra on-line, actualmente, pertence a quadros superiores ou estudantes na faixa etária entre os 20 e os 29 anos. Para auxiliar e esclarecer as dúvidas das potenciais empresas que venham a adoptar o comércio electrónico, a CPP (Confederação do Comércio e Serviços de Portugal) levou a cabo uma iniciativa de comércio electrónico a nível nacional O objectivo é criar um ninho virtual que

5 &RQFOXV}HV Este artigo pretendeu esclarecer a grande maioria das questões e mitos criados com o aparecimento do comércio electrónico. Tentou também sensibilizar todas as pessoas e em particular os empresários para as demais vantagens com o uso de este meio de comércio. $JUDGHFLPHQWRV O autor agradece à família e ao colegas que sempre o apoiaram na elaboração deste artigo. Agradece também aos professores da disciplina de Comunicação Técnica Profissional, da licenciatura em Engenharia Informática pela constante predisposição a ajudar. 5HIHUrQFLDV 1. Comércio electrónico, 2. Artigos de opinião,

CONFIANÇA NA ECONOMIA DIGITAL

CONFIANÇA NA ECONOMIA DIGITAL CONFIANÇA NA ECONOMIA DIGITAL AMADEU PAIVA 12 Outubro 2010 Forum para a Sociedade de Informação ECONOMIA DIGITAL AGENDA Desconfiança Cross border Portugal Unicre Segurança AGENDA Desconfiança Cross border

Leia mais

Carta de Condução On-Line

Carta de Condução On-Line Carta de Condução On-Line Objectivos dos Serviços On-line do IMTT Inovar e diversificar os canais de atendimento; Facilitar o acesso à Administração Pública a um número cada vez maior de Cidadãos; Agilizar

Leia mais

1. PERGUNTAS FREQUENTES 1.1. INFORMAÇÕES GERAIS

1. PERGUNTAS FREQUENTES 1.1. INFORMAÇÕES GERAIS 1. PERGUNTAS FREQUENTES 1.1. INFORMAÇÕES GERAIS - Quem explora o site Pixel4Winner.com? - Onde está sedeada a sociedade anónima? - Posso ter confiança no site Pixel4Winner.com? - A participação a uma lotaria

Leia mais

GUIA PARA COMPRA ONLINE

GUIA PARA COMPRA ONLINE GUIA PARA COMPRA ONLINE www.tipsal.pt QUEM SOMOS A TIPSAL - Técnicas Industriais de Protecção e Segurança, Lda foi fundada em 1980. Somos uma empresa de capitais exclusivamente nacionais com sede social

Leia mais

Criação de empresas on-line. A sua iniciativa, esteja onde estiver

Criação de empresas on-line. A sua iniciativa, esteja onde estiver Criação de empresas on-line A sua iniciativa, esteja onde estiver 30-06-2006 O projecto empresa on-line A Empresa na Hora já permitiu a constituição de sociedades comerciais de forma mais rápida, mais

Leia mais

Registo de marcas online. 22 de Dezembro de 2006

Registo de marcas online. 22 de Dezembro de 2006 Registo de marcas online 22 de Dezembro de 2006 Pedidos online de registos de marcas A partir de hoje, passa a ser possível pedir online, através da Internet, todos os pedidos relacionados com marcas nacionais.

Leia mais

Alexandre Pontes Nº 27340 Wilson Roque Nº 27636

Alexandre Pontes Nº 27340 Wilson Roque Nº 27636 Alexandre Pontes Nº 27340 Wilson Roque Nº 27636 As últimas décadas permitiram ligar o mundo e dinamizar os mercados, intensificando a competitividade existente. A Internet tornou o mundo mais pequeno e

Leia mais

Informática. Aula 7. Redes e Telecomunicações

Informática. Aula 7. Redes e Telecomunicações Informática Aula 7 Redes e Telecomunicações Comunicação Empresarial 2º Ano Ano lectivo 2003-2004 Introdução Para as empresas modernas funcionarem eficazmente, são vitais as ligações que conectam as suas

Leia mais

Transações Monetárias na Internet

Transações Monetárias na Internet Comércio Eletrônico Faculdade de Tecnologia SENAC Curso Superior de Análise e Desenvolvimento de Sistemas Unidade Curricular: Comércio Eletrônico Edécio Fernando Iepsen (edecio@terra.com.br) Transações

Leia mais

Política de Privacidade

Política de Privacidade Política de Privacidade Introdução A Chevron, e as demais subsidiárias do grupo, comprometem-se em proteger a sua privacidade. Esta política explica em detalhe as medidas tomadas para proteger os seus

Leia mais

Estrutura da Apresentação

Estrutura da Apresentação As políticas nacionais para a Sociedade do Conhecimento: literacia/competências digitais e inclusão social Graça Simões Agência para a Sociedade do Conhecimento UMIC Biblioteca Municipal Orlando Ribeiro

Leia mais

INFORMÁTICA PARA GESTÃO I Curso Superior de Gestão de Marketing

INFORMÁTICA PARA GESTÃO I Curso Superior de Gestão de Marketing INFORMÁTICA PARA GESTÃO I Curso Superior de Gestão de Marketing Docente (Teóricas): E-mail: vmnf@yahoo.com Web: http://www.vmnf.net/ipam Aula 13 Sumário A Internet: Modelos de Negócio, Publicidade e Meios

Leia mais

geas www.sensocomum.pt

geas www.sensocomum.pt geas Como uma aplicação online pode facilitar a gestão da minha associação + fácil fichas de sócio online + rápido consulta de cotas + controlo histórico de alteração dados Com uma ferramenta disponível

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES

PERGUNTAS FREQUENTES PERGUNTAS FREQUENTES Porque devemos utilizar a empresa Tungsten-Network para enviar as nossas facturas? Para além das vantagens indicadas anteriormente, a facturação electrónica é o método preferido pela

Leia mais

E- Marketing - Estratégia e Plano

E- Marketing - Estratégia e Plano E- Marketing - Estratégia e Plano dossier 2 http://negocios.maiadigital.pt Indíce 1 E-MARKETING ESTRATÉGIA E PLANO 2 VANTAGENS DE UM PLANO DE MARKETING 3 FASES DO PLANO DE E-MARKETING 4 ESTRATÉGIAS DE

Leia mais

3. Substituiçã o de cartão. 4. Inibição do cartão. 2. Emissão do Cartão. Isento Isento -- -- 25,00 (4) Ver Nota (2).

3. Substituiçã o de cartão. 4. Inibição do cartão. 2. Emissão do Cartão. Isento Isento -- -- 25,00 (4) Ver Nota (2). 3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (CLIENTES PARTICULARES) - FOLHETO DE COMISSÕES E DESPESAS Entrada em vigor: 04-agosto-2015 3.1. Cartões de Crédito Designação do cartão Redes onde o cartão é aceite Barclays

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA

TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA TERMOS E CONDIÇÕES GERAIS DE VENDA 1.Definições As vendas dos produtos apresentados no nosso website www.prada.com (adiante O Site) são regidas pelos seguintes Termos e Condições Gerais de Venda (adiante

Leia mais

o SEU clube de aluguer de DVD s na internet. BluePlanetDVD.com Study Case 2003 - IDEF/ISEG www.blueplanetdvd.com 1

o SEU clube de aluguer de DVD s na internet. BluePlanetDVD.com Study Case 2003 - IDEF/ISEG www.blueplanetdvd.com 1 BluePlanetDVD.com Study Case www.blueplanetdvd.com 1 A Ideia Necessidades não satisfeitas para o cliente; Uma IDEIA; Dois anos a amadurecer a ideia, de forma a ser inovadora, tecnologicamente avançada,

Leia mais

Apoio à Internacionalização. CENA 3 de Julho de 2012

Apoio à Internacionalização. CENA 3 de Julho de 2012 Apoio à Internacionalização CENA 3 de Julho de 2012 Enquadramento Enquadramento Comércio Internacional Português de Bens e Serviços Var. 13,3% 55,5 68,2 57,1 73,4 48,3 60,1 54,5 66,0 67,2 61,7 Exportação

Leia mais

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) (ÍNDICE)

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) (ÍNDICE) 3.1. Cartões de crédito Comissões (Euros) Redes onde o cartão é aceite 1. Anuidades 1 1.º Titular Outros Titulares 2. Emissão de cartão 1 3. Substituição de cartão 2 4. Inibição do cartão 5. Pagamentos

Leia mais

Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de

Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de Envie-nos os seus trabalhos jornalísticos sobre o sector rodoviário, publicados em 2011. Participe entre 1 de Novembro de 2011 e 31 de Janeiro de 2012. ENQUADRAMENTO 2ºs PRÉMIOS DE JORNALISMO CEPSA ESTRADAS

Leia mais

1. Objecto e âmbito de aplicação

1. Objecto e âmbito de aplicação As presentes Condições Gerais de Contratação são acordadas entre a Lusodidacta Sociedade Portuguesa de Material Didáctico, Lda, com o número de pessoa colectiva e matrícula na Conservatória do Registo

Leia mais

Circular de Oferta 5102/ sto Ago

Circular de Oferta 5102/ sto Ago Circular de Oferta Agosto / 2015 Índice Introdução 03 Quem Somos 04 Como funciona o negócio 05 Vantagens de ser constituir uma agência 06 Produtos e serviços 07 Ferramentas de apoio 08 Atividades desempenhadas

Leia mais

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO e CONDIÇÕES GENÉRICAS DE VENDA

TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO e CONDIÇÕES GENÉRICAS DE VENDA pág. 1 / 5 TERMOS E CONDIÇÕES DE UTILIZAÇÃO e CONDIÇÕES GENÉRICAS DE VENDA 1. INTRODUÇÃO O site de vendas online www.fitnesshut.pt (adiante designado por site ou loja online) é um site de vendas online

Leia mais

O sucesso do comércio eletrônico depende tanto da infra-estrutura de negócio, quanto da infra-estrutura de tecnologia (Pickering, 2000).

O sucesso do comércio eletrônico depende tanto da infra-estrutura de negócio, quanto da infra-estrutura de tecnologia (Pickering, 2000). Comércio Eletrônico É a compra e a venda de informações, produtos e serviços por meio de redes de computadores. (Kalakota, 1997) É a realização de toda a cadeia de valor dos processos de negócios em um

Leia mais

Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias

Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias Tópicos de Ambiente Web Internet: negócios eletrônicos, novas tendencias e tecnologias Professora: Sheila Cáceres Uma mensagem enviada em internet é dividida em pacotes de tamanho uniforme. Cada pacote

Leia mais

Consulte a área Bancos Aderentes para saber em detalhe todas as informações relativas aos bancos aderentes.

Consulte a área Bancos Aderentes para saber em detalhe todas as informações relativas aos bancos aderentes. SERVIÇO MB Way O que é o MB Way? O MB Way é a primeira solução interbancária que permite fazer compras e transferências imediatas através de smartphone ou tablet. Basta aderir ao serviço num MULTIBANCO,

Leia mais

Engenharia de Software Sistemas Distribuídos. 2º Semestre, 2007/2008. Departamento Engenharia Informática. Enunciado do projecto: Loja Virtual

Engenharia de Software Sistemas Distribuídos. 2º Semestre, 2007/2008. Departamento Engenharia Informática. Enunciado do projecto: Loja Virtual Engenharia de Software Sistemas Distribuídos 2º Semestre, 2007/2008 Departamento Engenharia Informática Enunciado do projecto: Loja Virtual Fevereiro de 2008 Índice Índice...2 Índice de Figuras...3 1 Introdução...4

Leia mais

GUIA do ESTUDANTE ERASMUS+ 2015-2016

GUIA do ESTUDANTE ERASMUS+ 2015-2016 GUIA do ESTUDANTE ERASMUS+ 2015-2016 Esclarecimentos de dúvidas/informações adicionais: Carolina Peralta/Isabel Silva Gabinete de Relações Internacionais - GRI Rua de Santa Marta, 47, 1º Piso sala 112-1169-023

Leia mais

Proposta de Franquia SMS Marketing. A Empresa

Proposta de Franquia SMS Marketing. A Empresa Proposta de Franquia SMS Marketing A Empresa A DeOlhoNaWeb Soluções Digitais é uma empresa de internet em forte crescimento, que foi fundada em 2012 com objetivo de oferecer soluções inovadoras por um

Leia mais

Entrega de Folhas de Férias

Entrega de Folhas de Férias Entrega de Folhas de Férias Guia do Utilizador Versão 4.0 Agosto/ 2014 Índice 1. Introdução 2. Criar/ Validar Folhas de Férias 3. Acesso à funcionalidade 4. Inserir/ Consultar Folhas de Férias 5. Comprovativo

Leia mais

Consortia e-market da Fileira Moda. para o Mercado Externo

Consortia e-market da Fileira Moda. para o Mercado Externo Consortia e-market da Fileira Moda para o Mercado Externo O que é? Consórcio entre empresas da Fileira Moda e a Exponor Digital destinado a criar e explorar uma ou mais lojas online, orientada(s) para

Leia mais

SQS Portugal Portfólio de Serviços de Segurança. SQS Software Quality Systems

SQS Portugal Portfólio de Serviços de Segurança. SQS Software Quality Systems SQS Portugal Portfólio de Serviços de Segurança SQS Software Quality Systems SQS Portugal Apresentação A SQS Portugal - Software Quality Systems, é uma empresa especializada em ajudar os seus clientes

Leia mais

Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias BANDA LARGA

Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias BANDA LARGA 03 DE DEZZEMBRO 2007 Sociedade da Informação e do Conhecimento Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da Comunicação pelas Famílias 2007 77% DOS AGREGADOS DOMÉSTICOS COM LIGAÇÃO À INTERNET

Leia mais

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS RECOMENDAÇÃO DA COMISSÃO. sobre a oferta de linhas alugadas na União Europeia

COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS RECOMENDAÇÃO DA COMISSÃO. sobre a oferta de linhas alugadas na União Europeia PT PT PT COMISSÃO DAS COMUNIDADES EUROPEIAS Bruxelas, 21.1.2005 C(2005) 103/2 RECOMENDAÇÃO DA COMISSÃO sobre a oferta de linhas alugadas na União Europeia Parte 1 Principais condições de oferta grossista

Leia mais

# # & '% *+,-*+,./01)* 3 +,-3 +,./01)+ % 5

# # & '% *+,-*+,./01)* 3 +,-3 +,./01)+ % 5 !" # # $% & '% )" *+,-*+,./01)* )2' 3 +,-3 +,./01)+ )2%4 % 5 ( )" 17 5 2 7 8 %' 6 )" #11-# # 0 : ; < ' : 1 7 9 > " & % %? #5 @ ) A%) =!! "!! #! B %&' No final dos anos 60, a ARPA (Advanced Research Projects

Leia mais

2ª Conferência. Internet, Negócio e Redes Sociais Financiar, Inovar e Empreender. 21 de novembro de 2013 Auditório do ISEGI

2ª Conferência. Internet, Negócio e Redes Sociais Financiar, Inovar e Empreender. 21 de novembro de 2013 Auditório do ISEGI 2ª Conferência Internet, Negócio e Redes Sociais Financiar, Inovar e Empreender 21 de novembro de 2013 Auditório do ISEGI Patrocinador Principal Patrocinadores Globais APDSI Internet, Negócio e Redes Sociais

Leia mais

Tecnologia da Informação. Prof. Odilon Zappe Jr

Tecnologia da Informação. Prof. Odilon Zappe Jr Tecnologia da Informação Prof. Odilon Zappe Jr Vantagens e Desvantagens do Comércio Eletrônico Vantagens Aumento do número de contatos da empresa com fornecedores e com outras empresas do mesmo ramo, e

Leia mais

www.trabalhandoonline.net 4 Técnicas para Ganhar Dinheiro Online. 1

www.trabalhandoonline.net 4 Técnicas para Ganhar Dinheiro Online. 1 www.trabalhandoonline.net 4 Técnicas para Ganhar Dinheiro Online. 1 Produção Este E-book é Produzido por www.trabalhandoonline.net Visite o site e conheça várias outras Dicas GRÁTIS para Ganhar Dinheiro

Leia mais

A vantagem competitiva através do desenvolvimento do e-business

A vantagem competitiva através do desenvolvimento do e-business A vantagem competitiva através do desenvolvimento do e-business Artigo original redigido por: Dien D. Phan Extraído do Information & Management, Vol.40, 2003 (pág.581-590) Introdução * E-business O seu

Leia mais

É uma rede mundial de computadores ligados entre si. INTERNET

É uma rede mundial de computadores ligados entre si. INTERNET INTERNET O QUE É A INTERNET? O QUE É NECESSÁRIO PARA ACEDER À INTERNET? QUAL A DIFERENÇA ENTRE WEB E INTERNET? HISTÓRIA DA INTERNET SERVIÇOS BÁSICOS DA INTERNET 2 1 INTERCONNECTED NETWORK INTERNET A Internet

Leia mais

FORO SOBRE INTERNET Y LOS MERCADOS DE CAPITALES. Aspectos Regulatorios en Internet

FORO SOBRE INTERNET Y LOS MERCADOS DE CAPITALES. Aspectos Regulatorios en Internet Fernando Teixeira dos Santos FORO SOBRE INTERNET Y LOS MERCADOS DE CAPITALES Aspectos Regulatorios en Internet Buenos Aires, 21 de Setembro de 2001 Prestação de serviços financeiros (maior rapidez e maior

Leia mais

We Do. You Sell. A sua loja online (A You Sell Iniciative) Solução de Parceria Lojas Online

We Do. You Sell. A sua loja online (A You Sell Iniciative) Solução de Parceria Lojas Online Largo da Codiceira 74, 1º Tr. We Do. You Sell. A sua loja online (A You Sell Iniciative) Solução de Parceria Lojas Online // VALORVISUAL_SOLUÇÕES GLOBAIS DE COMUNICAÇÃO WE DO, YOU SELL. A SUA LOJA ONLINE

Leia mais

SPAM: COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS NÃO SOLICITADAS

SPAM: COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS NÃO SOLICITADAS SPAM: COMUNICAÇÕES ELECTRÓNICAS NÃO SOLICITADAS 1. INTRODUÇÃO Com o desenvolvimento da Internet, surgiu a possibilidade de se enviarem mensagens por correio electrónico, de forma quase instantânea e a

Leia mais

1. Introdução. 2. O pedido

1. Introdução. 2. O pedido http://www.anacom.pt/template31.jsp?categoryid=227462 Deliberação de 11.1.2007 FUNDAMENTAÇÃO PARA O SENTIDO PROVÁVEL DE DECISÃO SOBRE A CRIAÇÃO DE CÓDIGOS ESPECÍFICOS NO PLANO NACIONAL DE NUMERAÇÃO PARA

Leia mais

Internet. Professor: Francisco Silva

Internet. Professor: Francisco Silva Internet e Serviços Internet A Internet, ou apenas Net, é uma rede mundial de computadores ligados entre si através de linhas telefónicas comuns, linhas de comunicação privadas, satélites e outros serviços

Leia mais

Apresentação do Sistema de Pagamentos. Easypay Tel +351 21 261 79 30 Fax +351 21 361 79 29 correio@easypay.pt

Apresentação do Sistema de Pagamentos. Easypay Tel +351 21 261 79 30 Fax +351 21 361 79 29 correio@easypay.pt Apresentação do Sistema de Pagamentos 2012 ÍNDICE 01 05 PORQUÊ EASYPAY EASYAPPS 02 06 COMO FUNCIONA SOBRE EASYPAY 03 07 PARA QUEM PARCERIAS 08 CONTACTOS 2 01 PORQUÊ EASYPAY Aumente as suas vendas aceitando

Leia mais

6. Loja online: Todos os utilizadores têm que se registar para poder efetuar encomendas no site www.burdastyle.pt.

6. Loja online: Todos os utilizadores têm que se registar para poder efetuar encomendas no site www.burdastyle.pt. Queremos prestar-lhe o melhor serviço como marca de elevada qualidade e prestígio internacional que atua no segmento da moda com produtos exclusivos A burdastylept é um serviço online que lhe permite a

Leia mais

Um sistema de observação de qualidade: as TIC nas empresas

Um sistema de observação de qualidade: as TIC nas empresas FACULDADE DE LETRAS DA UNIVERSIDADE DO PORTO SEMINÁRIO QUALIDADE E EXCELÊNCIA NA SOCIEDADE DA INFORMAÇÃO Um sistema de observação de qualidade: as TIC nas empresas Nuno Rodrigues Observatório da Sociedade

Leia mais

O primeiro guia online de anúncios de Guarulhos a se tornar franquia nacional

O primeiro guia online de anúncios de Guarulhos a se tornar franquia nacional O primeiro guia online de anúncios de Guarulhos a se tornar franquia nacional O guia online Vitrine de Guarulhos é um dos produtos do Grupo Vitrine X3, lançado no dia 11/11/11 com o objetivo de promover

Leia mais

Uma Rede de apoio à competitividade das empresas. 30 de abril de 2014, ISCTE-IUL, Lisboa

Uma Rede de apoio à competitividade das empresas. 30 de abril de 2014, ISCTE-IUL, Lisboa Uma Rede de apoio à competitividade das empresas 30 de abril de 2014, ISCTE-IUL, Lisboa Quem somos Quem somos? Onde estamos? Criada pela Comissão Europeia no âmbito do Programa Quadro para a Competitividade

Leia mais

ServidorEscola Plataforma Web de apoio Administrativo

ServidorEscola Plataforma Web de apoio Administrativo ServidorEscola Plataforma Web de apoio Administrativo Introdução Co-habitamos uma sociedade de informação universal, aliados ao paradigma da evolução tecnológica que se verifica e se revela como um meio

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ACESSO À "INTERNET" Minuta

CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ACESSO À INTERNET Minuta I CONDIÇÕES GERAIS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO DE ACESSO À "INTERNET" Minuta O PRESENTE CONTRATO FOI APROVADO PELO INSTITUTO DAS COMUNICAÇÕES DE PORTUGAL, NOS TERMOS E PARA OS EFEITOS DO ARTIGO 9/2 DO DECRETO

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS E TERMOS DE UTILIZAÇÃO

CONDIÇÕES GERAIS E TERMOS DE UTILIZAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS E TERMOS DE UTILIZAÇÃO AVISO AO UTILIZADOR Leia cuidadosamente este contrato. O acesso e uso desta plataforma implica, da sua parte uma aceitação expressa e sem reservas de todos os termos

Leia mais

5. Bases de dados: as questões de segurança, de criptografia e de proteção de dados

5. Bases de dados: as questões de segurança, de criptografia e de proteção de dados 5. Bases de dados: as questões de segurança, de criptografia e de proteção de dados A proteção jurídica das bases de dados em Portugal é regulada pelo Decreto-Lei n.º 122/2000, de 4 de Julho, que transpõe

Leia mais

Esta POLÍTICA DE PRIVACIDADE se aplica ao levantamento de dados e uso do site FERRAMENTA/WEBSITE YOU 24h.

Esta POLÍTICA DE PRIVACIDADE se aplica ao levantamento de dados e uso do site FERRAMENTA/WEBSITE YOU 24h. A FERRAMENTA/WEBSITE YOU 24h é composta por várias páginas web, em HTML e outras codificações, operadas por YOU24h Tecnologia Ltda., pessoa jurídica de direito privado, inscrita no CNPJ sob o nº 14.994.971/0001-09,

Leia mais

Trabalho realizado no âmbito da cadeira. Gestão Estratégica de Sistemas de Informação. Mestrado em Engenharia Informática

Trabalho realizado no âmbito da cadeira. Gestão Estratégica de Sistemas de Informação. Mestrado em Engenharia Informática COMÉRCIO ELECTRÓNICO Trabalho realizado no âmbito da cadeira Gestão Estratégica de Sistemas de Informação. Mestrado em Engenharia Informática Departamento de Engenharia Informática Universidade de Coimbra

Leia mais

Internet ou Net. É uma rede mundial de computadores ligados entre si através s de linhas telefónicas comuns.

Internet ou Net. É uma rede mundial de computadores ligados entre si através s de linhas telefónicas comuns. Internet Internet ou Net É uma rede mundial de computadores ligados entre si através s de linhas telefónicas comuns. Como Comunicam os computadores Os computadores comunicam entre si utilizando uma linguagem

Leia mais

Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão

Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão Redes Sociais Em Apoio À Tomada De Decisão Este assunto normalmente é tratado quando se aborda a coleta de dados no ciclo de Inteligência. No entanto, o fenômeno das redes sociais, atualmente, cresceu

Leia mais

A Internet nas nossas vidas

A Internet nas nossas vidas Economia Digital A Internet nas nossas vidas Nos últimos anos a internet revolucionou a forma como trabalhamos, comunicamos e até escolhemos produtos e serviços Economia Digital Consumidores e a Internet

Leia mais

Dica de Trading - Verifique se o seu computador está a funcionar corretamente.

Dica de Trading - Verifique se o seu computador está a funcionar corretamente. Seja bem-vindo as Opções Binárias. Este E-book irá mostrar a você uma pequena visão sobre tudo o que precisa saber sobre os conceitos básicos das opções binárias. O que são Opções Binárias? Uma forma relativamente

Leia mais

PHC Mensagens SMS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC

PHC Mensagens SMS. Desenvolva o potencial das comunicações imediatas com mensagens SMS PHC PHCMensagens SMS DESCRITIVO O módulo PHC Mensagens SMS permite o envio de mensagens a múltiplos destinatários em simultâneo, sem ser necessário criar e enviar uma a uma. Comunique com mais sucesso: ganhe

Leia mais

Sobre as Franquias Honing Brasil A Honing Brasil é a marca de roupa masculina inspirada no Hóquei no Gelo canadense. A paixão dos canadenses por este esporte e a garra de seus praticantes inspiram a Honing,

Leia mais

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC. FAQs

Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC. FAQs Definição e Implementação de Metodologia, Modelo e Ferramentas para Avaliação de Projectos e Despesas TIC FAQs Folha de Controlo Nome do Documento: FAQs Evolução do Documento Versão Autor Data Comentários

Leia mais

PORTAL CITIUS NOVAS TECNOLOGIAS AO SERVIÇO DOS CIDADÃOS, DAS EMPRESAS E DA JUSTIÇA

PORTAL CITIUS NOVAS TECNOLOGIAS AO SERVIÇO DOS CIDADÃOS, DAS EMPRESAS E DA JUSTIÇA PORTAL CITIUS NOVAS TECNOLOGIAS AO SERVIÇO DOS CIDADÃOS, DAS EMPRESAS E DA JUSTIÇA Perguntas & Respostas 10 de Setembro de 2009 1. O que é o Portal CITIUS? (www.citius.mj.pt) O Portal CITIUS é um novo

Leia mais

97% dos indivíduos com idade entre os 10 e os 15 anos utilizam computador, 93% acedem à Internet e 85% utilizam telemóvel

97% dos indivíduos com idade entre os 10 e os 15 anos utilizam computador, 93% acedem à Internet e 85% utilizam telemóvel 97% dos indivíduos com idade entre os 10 e os 15 anos utilizam computador, 93% acedem à Internet e 85% utilizam telemóvel De acordo com o Inquérito à Utilização de Tecnologias da Informação e da pelas

Leia mais

Xerox Remote Services

Xerox Remote Services Xerox Remote Services Solicitação automática de toners Benefícios para o cliente Automatize as encomendas de consumíveis Parabéns por se registrar para a Solicitação automática de toners Vai de encontro

Leia mais

CASSTM NOTA 376/03 ANEXO 2REV

CASSTM NOTA 376/03 ANEXO 2REV CASSTM NOTA 376/03 ANEXO 2REV DOCUMENTO 3 DIREITOS E OBRIGAÇÕES DOS TITULARES DOS CARTÕES EUROPEUS DE SEGURO DE DOENÇA OU DE DOCUMENTOS EQUIVALENTES NA SEQUÊNCIA DAS ALTERAÇÕES DO PONTO I DA ALÍNEA A)

Leia mais

Seu guia completo para nossos serviços móveis

Seu guia completo para nossos serviços móveis Seu guia completo para nossos serviços móveis Entre na maior comunidade de serviços móveis das Ilhas do Canal Guernsey GRÁTIS www.jtglobal.com Pesquise por Jtsocial A JT oferece mais Custo/benefício A

Leia mais

Internet. EB 2/3 de Arrifana. Victor Henriques 2006/2007

Internet. EB 2/3 de Arrifana. Victor Henriques 2006/2007 Internet Sumário A Internet. Questões de segurança. 2 A Internet A Internet, ou apenas Net, é uma rede mundial de computadores ligados entre si através de linhas telefónicas comuns, linhas de comunicação

Leia mais

Informática. Estrutura e Funcionamento de Computadores Software. Aula 8. Tipos de Software. Aplicação Genérica. Aplicação Específica

Informática. Estrutura e Funcionamento de Computadores Software. Aula 8. Tipos de Software. Aplicação Genérica. Aplicação Específica Informática Aula 8 Estrutura e Funcionamento de Computadores Software Comunicação Empresarial 2º Ano Ano lectivo 2003-2004 Tipos de Software Software de Sistema Software Aplicacional Gestão do Sistema

Leia mais

Trabalho realizado por: Diogo Santos Nº3 11ºD. Escola secundária de Figueiró dos Vinhos. Disciplina de Organização de gestão desportiva

Trabalho realizado por: Diogo Santos Nº3 11ºD. Escola secundária de Figueiró dos Vinhos. Disciplina de Organização de gestão desportiva Trabalho realizado por: Diogo Santos Nº3 11ºD Escola secundária de Figueiró dos Vinhos Disciplina de Organização de gestão desportiva Data de entrega: 10/02/2015 Diogo Santos Página 1 Escola secundária

Leia mais

Portable Hard Drive USB 2.0 Manual do Utilizador

Portable Hard Drive USB 2.0 Manual do Utilizador Portable Hard Drive USB 2.0 Manual do Utilizador Português Unidade de Disco Rígido USB 2.0 Portátil Manual do Utilizador Português Índice Introdução 3 Ligar a Unidade de Disco 3 Activar a Unidade de Disco

Leia mais

Adesão ao Serviço MB WAY

Adesão ao Serviço MB WAY Adesão ao Serviço MB WAY 1) Objecto Pelo presente contrato, o Banco Santander Totta SA obriga-se a prestar ao Utilizador o Serviço MB WAY, nas condições e termos regulados nas cláusulas seguintes, e o

Leia mais

Simplex Exportações Exportações mais Simplex

Simplex Exportações Exportações mais Simplex Simplex Exportações Exportações mais Simplex Este é o primeiro SIMPLEX dedicado a um tema específico: as EXPORTAÇÕES. É por isso um programa diferente. Mais participado e feito em verdadeira co produção:

Leia mais

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE)

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE) 11.1. Cartões de crédito Designação do Redes onde o é 3. Substituição de 4. Inibição do 5. Comissão pela recuperação de valores em dívida 6. Não pagamento até à data limite Cartão Business 43,27 43,27

Leia mais

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE)

11. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (OUTROS CLIENTES) ( ÍNDICE) 11.1. Cartões de crédito Designação do Redes onde o é 3. Substituição de 4. Inibição do 5. Comissão pela recuperação de valores em dívida 6. Não pagamento até à data limite Cartão Business Estrangeiro:

Leia mais

Tendências dos Contact Centers para 2015 23 de Abril Das 11h às 11:45h

Tendências dos Contact Centers para 2015 23 de Abril Das 11h às 11:45h Webinar : Tendências dos Contact Centers para 2015 23 de Abril Das 11h às 11:45h Agenda Sobre a Voxtron Que tipo de atendimento procuram os clientes Tendências dos Contact Centers para 2015 De que forma

Leia mais

Newsletter. Condições especiais para ASAPOL. Agosto 2012. Campanha ASAPOL

Newsletter. Condições especiais para ASAPOL. Agosto 2012. Campanha ASAPOL Newsletter Agosto 2012 Campanha ASAPOL Condições especiais para ASAPOL Principais Vantagens para Associados Campanha ASAPOL A Vodafone oferece condições especiais de tarifas e de aquisição de equipamentos.

Leia mais

Impacto das Novas Tecnologias na Contabilidade. A. Domingues de Azevedo

Impacto das Novas Tecnologias na Contabilidade. A. Domingues de Azevedo Tecnologias na Contabilidade 1 SUMÁRIO 1. Introdução Impacto das Novas 2. Impacto das Novas Tecnologias na Economia e na Sociedade a) A Empresa na Hora b) A Empresa On-line c) A informação Empresarial

Leia mais

Apresentação. Sistema de E-Commerce

Apresentação. Sistema de E-Commerce Apresentação de Sistema de E-Commerce vtec Shopping Engine v2.0 Novembro 2009-1 - Apresentação da vtec Com mais de 12 anos de experiência de desenvolvimento de tecnologias para websites, softwares de gestão,

Leia mais

Aviso de privacidade de dados

Aviso de privacidade de dados Aviso de privacidade de dados 1. Introdução Nós somos a Supplies Distributors SA, a nossa sede está localizada na Rue Louis Blériot 5, 4460 Grâce-Hollogne, está inscrita no Registo do Comércio Liége com

Leia mais

Índice. 3Pagamento da reserva e pagamento do valor restante... 5

Índice. 3Pagamento da reserva e pagamento do valor restante... 5 Índice 1Sobre o Apartamento... 3 1.1Durante a pesquisa, como posso conhecer a localização e serviços próximos do apartamento?... 3 1.2Qual a morada exacta do apartamento?... 3 1.3Que equipamentos e acessórios

Leia mais

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS

BENEFÍCIOS DOS ADVOGADOS Produtos e serviços CGD para profissionais liberais e jovens advogados: CONTAS À ORDEM Conta Extracto A informação onde preferir. Com esta conta recebe um extracto com toda a informação da sua conta, na

Leia mais

Direito de Empréstimo Público: a Directiva Comunitária e suas Transposições Helena Simões Patrício

Direito de Empréstimo Público: a Directiva Comunitária e suas Transposições Helena Simões Patrício Direito de Empréstimo Público: a Directiva Comunitária e suas Transposições Helena Simões Patrício Lisboa, 29 de Maio de 2007 1 Sumário: 1. Direito de comodato público 2. Harmonização comunitária 3. Acções

Leia mais

V Jornadas Empresariais Portuguesas Encontros de Vidago

V Jornadas Empresariais Portuguesas Encontros de Vidago V Jornadas Empresariais Portuguesas Encontros de Vidago Internacionalização das Empresas Luís Laginha de Sousa 2 de Junho de 2006 Agenda Conclusões Um quadro de referência Internacionalizar inevitabilidade

Leia mais

o Digital ao serviço da Advocacia

o Digital ao serviço da Advocacia Segurança: o Digital ao serviço da Advocacia A Internet e o Exercício da Advocacia Seminário Paulo Trezentos ADETTI / ISCTE 07/12/2002 Porto Agenda Alguns conceitos Assinaturas digitais Certificação e

Leia mais

CASA PRONTA. Perguntas & Respostas

CASA PRONTA. Perguntas & Respostas CASA PRONTA Perguntas & Respostas 1. O que é o balcão Casa Pronta? O Casa Pronta é um balcão único onde é possível realizar todas as operações relativas à compra e venda de casa (prédios urbanos). Neste

Leia mais

Entrega de Folhas de Férias

Entrega de Folhas de Férias Entrega de Folhas de Férias Questões mais frequentes FAQs Maio/2012 Versão 2.0 DDO É obrigatório adoptar o novo formato para envio da informação de Folhas de Férias estabelecido na legislação em vigor

Leia mais

Registos: Seguramente

Registos: Seguramente Registos: Seguramente mais simples 2005-2008 Três anos de simplificação na Justiça Desmaterialização, eliminação e simplificação de actos e processos na Justiça O projecto Desmaterialização, eliminação

Leia mais

Produtos e Sistemas Comercializados

Produtos e Sistemas Comercializados Aquapc Quality Computers Apresentação da Empresa, produtos e serviços, guia sobre formas de compra local e envio de encomendas para Cidadãos e Empresas Angolanas O Projecto Aquapc A Aquapc Quality Computers,

Leia mais

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS O presente contrato estabelece condições para os relacionamentos comerciais derivados da contratação do uso da Loja virtual sistema denominado LOJA EFICAZ, constituída

Leia mais

CONVERT DE ENTRADA. Decreto-lei 24/96 (artº.9º.ponto 4) Portaria n.º 215/2011 (art.º 15.º n.º 1.º e 2.º).

CONVERT DE ENTRADA. Decreto-lei 24/96 (artº.9º.ponto 4) Portaria n.º 215/2011 (art.º 15.º n.º 1.º e 2.º). Selecionamos as dúvidas sobre os direitos dos consumidores da Restauração, Bares e Discotecas quando frequentam esses estabelecimentos. Será que tenho de pagar o Convert de Entrada? Tenho de dar gorjeta?

Leia mais

IP Communications Platform

IP Communications Platform IP Communications Platform A Promessa de Convergência, Cumprida As comunicações são essenciais para os negócios mas, em última análise, estas são conduzidas a nível pessoal no ambiente de trabalho e por

Leia mais

1/5 *UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR* (A classificação desta prova será publicada neste site)

1/5 *UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR* (A classificação desta prova será publicada neste site) Classificação: Valores *UNIVERSIDADE DA BEIRA INTERIOR* Dep. de Gestão e Economia Exame de 1.ª Chamada de Gestão da Informação Ano lectivo 2008-2009 Licenciatura em: Data: 2009-06-25 Gestão Docente: Francisco

Leia mais

hp hardware support On-Site - GLOBAL

hp hardware support On-Site - GLOBAL hp hardware support On-Site - descrição geral do O de resposta global no dia útil seguinte da HP proporciona aos utilizadores de computadores portáteis uma solução de suporte de hardware para Produtos

Leia mais

ECONOMIA A TESTE DE AVALIAÇÃO COMÉRCIO E MOEDA MARÇO 2007/2008

ECONOMIA A TESTE DE AVALIAÇÃO COMÉRCIO E MOEDA MARÇO 2007/2008 ECONOMIA A TESTE DE AVALIAÇÃO COMÉRCIO E MOEDA MARÇO 2007/2008 No grupo I, em cada um dos itens, seleccione a alternativa correcta. I 1. A Distribuição situa-se entre a Produção e o Consumo. a) A distribuição

Leia mais

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) ( ÍNDICE)

3. CARTÕES DE CRÉDITO E DE DÉBITO (PARTICULARES) ( ÍNDICE) 3.1. Cartões de crédito Designação do Redes onde o é 5. Comissão pela recuperação de valores em dívida 6. Não pagamento até à data limite Cartão Classic Estrangeiro: Rede 28,85 28,85 19,23 19,23 Isenção

Leia mais

Plano de Aula 1. Nível de Ensino: Básico e Secundário. Tópico : Finanças Tema: Consumo

Plano de Aula 1. Nível de Ensino: Básico e Secundário. Tópico : Finanças Tema: Consumo Plano de Aula 1 Nível de Ensino: Básico e Secundário. Tópico : Finanças Tema: Consumo Competências - Comparar as taxas associadas aos diferenets cartões de crédito. - Comparar as taxas com a inflação.

Leia mais