Controle de estoque para pequenas empresas: boas práticas. Dicas para o estoque ser seu aliado no crescimento empresarial

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Controle de estoque para pequenas empresas: boas práticas. Dicas para o estoque ser seu aliado no crescimento empresarial"

Transcrição

1 Controle de estoque para pequenas empresas: boas práticas Dicas para o estoque ser seu aliado no crescimento empresarial

2 DICAS Para a sua leitura: Os itens do índice são clicáveis, então sinta-se à vontade para ler o conteúdo que mais te interessa. Boa leitura! SUMÁRIO Controle de estoque...3 O que é?...4 Como faz?...5 Controle de estoque em pequenas empresas...6 Vantagem para todas as empresas...8 Boas práticas: dicas para um estoque eficiente...9 Relacione e registre os produtos...10 Quantidade máxima e mínima...12 Registre...14 Sistema x Registro manual...15 A melhor escolha...17 Inventário: por que fazer?...18 Dicas fora do sistema...21 Organize...22 Melhore a operação...23 Analise...24 Conclusão...25 Sobre o myrp Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

3 CONTROLE DE ESTOQUE

4 O que é? controle de estoque é um processo constante e rotineiro. Sua prática favorece a organização da empresa, dá mais visão sobre os investimentos e O resultados, além de facilitar o setor operacional, pois há maior controle sobre os produtos e quantidades existentes em estoque. O lucro também é impactado, já que o planejamento de compras, bem como a quantidade do pedido, está diretamente ligado ao controle de estoque. 4 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

5 Como faz? Agestão, ou controle de estoque, é um acompanhamento efetivo e constante da movimentação de produtos da empresa. Registrar a entrada de mercadorias, vendas, trocas e itens danificados, favorece a obtenção de informações para remanejar investimento e reduzir custos. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 5

6 CONTROLE DE ESTOQUE EM PEQUENAS EMPRESAS 6 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

7 A s pequenas empresas têm muito a ganhar com a gestão efetiva e eficaz do estoque. Com um melhor controle de mercadorias e informações sobre as demandas de cada produto, a empresa reduz custos ao comprar na quantidade certa, evita perdas por vencimento e acompanha com mais precisão o fluxo de vendas. Inicialmente, pequenas empresas podem ter falhas comuns na gestão do estoque, mas investir na melhoria da estratégia é fundamental para obter sucesso financeiro e empresarial. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 7

8 Vantagens para todas as empresas. Melhorar o investimento no estoque; Dados concretos e estimativas de vendas; Realizar pedidos com os fornecedores de modo mais adequado; Mensurar produtos mais vendidos e/ou parados em estoque; Analisar o perfil do consumidor; Conferir e comparar resultados mensais, semanais ou diários; Melhorar organização interna; Localizar de forma mais ágil produtos e quantidades disponíveis. 8 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

9 CONTROLE DE ESTOQUE EM PEQUENAS EMPRESAS Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 9

10 Relacione e registre os produtos Faça um levantamento completo de tudo que é comercializado em sua empresa. Cada produto deve possuir um código para facilitar a localização, armazenamento e registro adequados. Por exemplo, cada produto pode ter diferentes especificações que devem ser registradas detalhadamente, pois as vendas são influenciadas por cores, estampas ou tamanhos diferentes. Faça um levantamento completo de tudo que é comercializado em sua empresa. Cada produto deve possuir um código para facilitar a localização, armazenamento e registro adequados. Por exemplo, cada produto pode ter diferentes especificações que devem ser registradas detalhadamente, pois as vendas são influenciadas por cores, estampas ou tamanhos diferentes. 10 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

11 Em seu controle constam 10 camisas vermelhas, mas em seu estoque há apenas 8. Descartando furtos, possivelmente elas tenham sido armazenas incorretamente. Reduz erros: o pedido certo para o cliente Melhora o controle Facilita o armazenamento correto Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 11

12 Quantidade máxima e mínima Muitos produtos são desperdiçados porque vencem ou sobram no estoque, gerando prejuízo à empresa. Por isso, determinar a quantidade máxima necessária de cada produto é essencial. Determinar a quantidade máxima em estoque diminui a chance de produtos vencidos ou parados por mudança no fluxo de consumo. Cada produto terá índices diferentes que devem ser analisados segundo o fluxo de vendas médio. 12 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

13 Já a quantidade mínima, garante que o produto não falte em seu estoque e haja perda de vendas. Com informações sobre a saída média do item, você tem maior base para determinar prazos e quantidades de pedidos. Determinar a quantidade mínima em estoque ajuda você a planejar reposição de produtos ou materiais, além de negociar melhores preços com fornecedores. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 13

14 Registre Fazer o registro de tudo o que entra e sai de seu estoque é fundamental para obter o melhor controle. Ao realizar vendas, trocas de mercadorias ou receber pedidos, é necessário fazer o registro pontualmente. Além de garantir que todo o fluxo seja processado no sistema, você tem controle exato do dia e hora em que houve movimentação de mercadoria. Estabeleça rotinas de atuação: onde e como registrar entradas e saídas de produtos; informações necessárias, como datas e descrição; atualização diária de dados. 14 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

15 SISTEMA X REGISTRO MANUAL Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 15

16 U m dos fatores que mais impactam nas pequenas empresas é não fazer a gestão de estoque ou fazê-la de modo ineficaz. Através de planilhas ou sistemas como softwares é possível realizar o controle de mercadorias e acompanhar informações do seu estoque. 16 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

17 A melhor escolha Os sistemas de controle fornecem mais facilidade e agilidade no controle, inserção e obtenção de dados de seu estoque. Automatizando e tornando mais ágil e simples os registros de mercadorias, os sistemas tornam as operações mais funcionais e precisas. Registros manuais, como por exemplo o preenchimento de planilhas, podem contemplar às necessidades da empresa, mas em geral demandam mais tempo de operação. Também são menos integradas a outras funções, como outras planilhas, sendo necessário a atualização manual e constante de cada uma, dando assim brecha para falhas e furos. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 17

18 INVENTÁRIO: POR QUE FAZER? 18 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

19 U m levantamento periódico de tudo que consta em seu estoque é um modo fácil de verificar suas informações e atualizar os dados de estoque. O inventário é uma contagem dos itens e sua realizar é essencial! Produtos vencidos, extraviados, danificados, armazenados incorretamente, ou roubados, podem afetar no controle preciso das mercadorias. Por isso, realizar inventários realinha as informações e atualiza dados de estoque. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 19

20 E stabelecer períodos para realizar o inventário dá maior controle às empresas. Mesmo os pequenos negócios devem realizar o acompanhamento geral de mercadorias para avaliar se a gestão de estoque está sendo eficiente, identificar e corrigir falhas, além de atualizar o quadro geral de produtos. 20 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

21 DICAS FORA DO SISTEMA Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 21

22 Organize O rganize o estoque de acordo com a data de validade: Ao receber os produtos, verifique o vencimento e os armazene de forma funcional, deixando-os mais próximos do vencimento e sempre à frente. Assim, você torna mais eficiente a operação de separar os produtos e não se preocupa com produtos vencidos em seu estoque. 22 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

23 Melhore a operação F aça a separação e estocagem adequada: ao receber mercadorias, priorize o armazenamento delas para evitar danos ou extravios. Estocar separadamente também facilita o processo de localização e busca de cada produto. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 23

24 Análise A nalise: além de obter informações sobre o que consta em estoque, o controle efetivo fornece dados para relatórios e análises. É importante que seja feito o acompanhamento dos resultados e o aproveitamento deles para a tomada de decisões. Ou seja, reavaliar quantidade e a periodicidade de pedidos, identificar sazonalidades e estar pronto para atender à demanda dos clientes é possível através da análise dos índices e informações de estoque. 24 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

25 Conclusão controle de estoque é essencial para obter melhores resultados, crescimento O financeiro e fortalecimento da empresa. As pequenas empresas demandam um sistema de controle que corresponda às necessidades e crescimento do negócio, otimizando as operações e agilizando processos. Através de táticas de gestão, pequenas empresas têm mais informação para tomar decisões, planejar investimentos e comprar mercadorias, reduzir prejuízos, além de otimizar as operações. Investir no aperfeiçoamento do controle de estoque é investir no amadurecimento empresarial. Como fazer promoções sem prejudicar o caixa 25

26 Sobre o MYRP CONHEÇA O MYRP Trabalhamos há muito tempo desenvol - vendo sistemas para grandes empresas (as maiores em suas áreas de atuação), até que um dia percebemos que não existem diferenças entre grandes e pequenas em - presas: todas precisam vender, produzir, transportar, cobrar e serem bem geren - ciadas Siga-nos nas redes sociais Vamos crescer juntos? Queremos ajudar a melhorar a gestão da sua loja 26 Como fazer promoções sem prejudicar o caixa

27 #V amoscrescerjuntos

Introdução ao Controle de Estoques

Introdução ao Controle de Estoques Este conteúdo faz parte da série: Estoques Ver 5 posts dessa série Introdução ao Controle de Estoques Independentemente do ramo da empresa, todo empreendedor deve atentar-se a algumas atividades administrativas

Leia mais

Como fazer um Planejamento Financeiro Pessoal. Este conteúdo faz parte da série: Finanças Pessoais Ver 8 posts dessa série

Como fazer um Planejamento Financeiro Pessoal. Este conteúdo faz parte da série: Finanças Pessoais Ver 8 posts dessa série Este conteúdo faz parte da série: Finanças Pessoais Ver 8 posts dessa série O que é: O planejamento financeiro pessoal é uma ferramenta de gestão aplicada aos seus recebimentos e gastos. Como o próprio

Leia mais

Padrões de avaliação de abastecimento de pedidos

Padrões de avaliação de abastecimento de pedidos Padrões de avaliação de abastecimento de pedidos Comece com as três métricas principais e melhore seu desempenho de abastecimento de pedidos automação 1 Padrões que de avaliação traz resultados de abastecimento

Leia mais

PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO. Curso: TECNOLOGIA EM LOGISTICA Nivel: Superior

PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO. Curso: TECNOLOGIA EM LOGISTICA Nivel: Superior PLANO DE ESTAGIO INTEGRADO A PROPOSTA PEDAGOGICA DO CURSO Curso: 001308 - TECNOLOGIA EM LOGISTICA Nivel: Superior Area Profissional: GESTAO DA ADMINISTRACAO Area de Atuacao: LOGISTICA/GESTAO Planejar,

Leia mais

Vantagem Competitiva com SI

Vantagem Competitiva com SI Vantagem Competitiva com SI CEA145 Teoria e Fundamentos de Sistemas de Informação Universidade Prof. Federal George de H. G. Ouro Fonseca Preto DECEA / João Monlevade Universidade Federal

Leia mais

Processos Mapeamento, Análise e Normatização. Métricas de mensuração dos processos. Métricas de Mensuração. Aula 03. Prof.

Processos Mapeamento, Análise e Normatização. Métricas de mensuração dos processos. Métricas de Mensuração. Aula 03. Prof. Processos Mapeamento, Análise e Normatização Métricas de mensuração dos processos Aula 03 Prof. Frank Pizo Métricas de Mensuração Mensurar: 1. Determinar a medida de; medir. 2. Determinar a extensão ou

Leia mais

O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO

O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO O SEBRAE E O QUE ELE PODE FAZER PELO SEU NEGÓCIO Competitividade Perenidade Sobrevivência Evolução Orienta na implantação e no desenvolvimento de seu negócio de forma estratégica e inovadora. O que são

Leia mais

Plano Financeiro. Projeto Empreendedor Redes de Computadores

Plano Financeiro. Projeto Empreendedor Redes de Computadores Plano Operacional e Plano Financeiro Projeto Empreendedor Redes de Computadores Plano Operacional 1.Layout Por meio do layout ou arranjo físico, você irá definir como será a distribuição dos diversos setores

Leia mais

Aula FN. FINANÇAS Professor: Pedro Pereira de Carvalho Finanças para Empreendedores Prof. Pedro de Carvalho

Aula FN. FINANÇAS Professor: Pedro Pereira de Carvalho Finanças para Empreendedores Prof. Pedro de Carvalho FINANÇAS Professor: Pedro Pereira de Carvalho pedro.carvalho@fmu.br Finanças para Empreendedores Prof. Simulação de um orçamento para o fornecimento de materiais e serviços para uma rede LAN, em uma empresa.

Leia mais

SEGMENTO DE CERVEJARIA ARTESANAL_ APRESENTAÇÃO DE SOFTWARE

SEGMENTO DE CERVEJARIA ARTESANAL_ APRESENTAÇÃO DE SOFTWARE SEGMENTO DE CERVEJARIA ARTESANAL_ APRESENTAÇÃO DE SOFTWARE DESEMPENHO E QUALIDADE_ O Open Manager é um sistema de gestão empresarial dinâmico e intuitivo, aplicado a gerenciar e operacionalizar processos

Leia mais

Conceituação Entende-se por estoque quaisquer quantidades de bens físicos que sejam conservados, de forma improdutiva, por algum intervalo de tempo.

Conceituação Entende-se por estoque quaisquer quantidades de bens físicos que sejam conservados, de forma improdutiva, por algum intervalo de tempo. Conceituação Entende-se por estoque quaisquer quantidades de bens físicos que sejam conservados, de forma improdutiva, por algum intervalo de tempo. Moreira, 2008 Por que os estoques são necessários? Disponibilizar

Leia mais

O que é controle de contas a pagar

O que é controle de contas a pagar O que é controle de contas a pagar Um controle de contas a pagar serve para anotar e projetar todas as despesas de uma empresa, desde pagamentos futuros, contas parceladas e valores que apesar de não estarem

Leia mais

Bem-vindo ao tópico sobre solicitações de compra e ofertas de compra.

Bem-vindo ao tópico sobre solicitações de compra e ofertas de compra. Bem-vindo ao tópico sobre solicitações de compra e ofertas de compra. Nesta sessão, vamos explorar a criação e o trabalho com solicitações de compra e ofertas de compra. Utilizaremos o assistente de criação

Leia mais

5 Dicas Infalíveis para Redução de Custos e

5 Dicas Infalíveis para Redução de Custos e Picking 5 Dicas Infalíveis para Redução de Custos e Aumento de Eficiência Apresentação Jasper William Perrú Gerente de Produtos Gestão Empresarial DB1 Global Software Linkedin: Jasper Perru - jasper@db1.com.br

Leia mais

Unidade I PLANEJAMENTO E OPERAÇÃO. Prof. Clesio Landini Jr.

Unidade I PLANEJAMENTO E OPERAÇÃO. Prof. Clesio Landini Jr. Unidade I PLANEJAMENTO E OPERAÇÃO POR CATEGORIA DE PRODUTO Prof. Clesio Landini Jr. Planejamento e operação por categoria de produto Fabricante> Distribuidor> Cliente Fazer os produtos e serviços chegarem

Leia mais

TGM Tecnologia de Gestão Martins

TGM Tecnologia de Gestão Martins 1 O Que é TGM Tecnologia Gestão Martins? 2 Rentabilidade - 3 Central de Atendimento TGM O que é TGM? Tecnologia de Gestão Martins. É uma área da UMV Universidade Martins do Varejo, através do uso de tecnologia,

Leia mais

O que é Fluxo de Caixa Projetado. O que é o Fluxo de Caixa Projetado

O que é Fluxo de Caixa Projetado. O que é o Fluxo de Caixa Projetado Toda empresa possui o seu fluxo de caixa. Pode ser feito à moda antiga, no papel, em uma simples planilha do Excel, com entradas e saídas, ou então com planilhas mais elaboradoras. A verdade é que o gestor

Leia mais

Como manter um nível adequado de estoques?

Como manter um nível adequado de estoques? Como manter um nível adequado de estoques? 1 INTRODUÇÃO Sabe-se que ao manter grandes volumes de estoques a empresa irá arcar com custos desnecessários em armazenagem, movimentações e controles, além de

Leia mais

Indicadores de Desempenho

Indicadores de Desempenho Indicadores de Desempenho 1 Conceito Características mensuráveis de processos, produtos ou serviços, utilizadas pela organização para acompanhar, avaliar e melhorar o seu desempenho. OS INDICADORES NECESSITAM

Leia mais

FAQ Novo Portfólio PF Diretoria de Credit Services

FAQ Novo Portfólio PF Diretoria de Credit Services 1. O que a minha empresa ganha consultando os relatórios da família ACERTA, novo portfólio de produtos Pessoa Física? Dados Cadastrais, Restritivos e Comportamentais observados isoladamente não são suficientes

Leia mais

08/11/2011 ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PRODUTOS OU SERVIÇOS FLUXO DE MATERIAIS

08/11/2011 ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS PRODUTOS OU SERVIÇOS FLUXO DE MATERIAIS Uma Abordagem Introdutória ADMINISTRAÇÃO DE MATERIAIS Na realidade, toda indústria é um fluxo contínuo de materiais que são processados ao longo de várias atividades no sistema produtivo. Essa dinâmica

Leia mais

Dicas Gerenciais Como devo definir o preço de venda de cada produto? Processo de Formação de Preços em uma Loja de Varejo de Alimentos.

Dicas Gerenciais Como devo definir o preço de venda de cada produto? Processo de Formação de Preços em uma Loja de Varejo de Alimentos. Como devo definir o preço de venda de cada produto? Processo de Formação de Preços em uma Loja de Varejo de Alimentos. O cálculo de custo de produtos em uma loja de varejo pode seguir 02 fórmulas. A 1ª

Leia mais

Gestão de estoques

Gestão de estoques Gestão de estoques 1 2 0 1 5 1. Relato das visitas Agenda 08 de maio de 2015 Estruturação do plano de ação e busca de informações pendentes 2. Entrega das provas e correção conjunta (revisão) 3. Fechamento

Leia mais

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE

SAM GERENCIAMENTO DE ATIVOS DE SOFTWARE Visão Geral dos O é fundamental para o gerenciamento de um ambiente de TI, uma vez que a eficácia é seriamente comprometida se uma organização não souber quais ativos de software ela possui, onde estão

Leia mais

Prof. Marcelo Mello. Unidade IV GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS

Prof. Marcelo Mello. Unidade IV GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS Prof. Marcelo Mello Unidade IV GERENCIAMENTO DE SERVIÇOS Gerenciamento de serviços Nas aulas anteriores estudamos: 1) Importância dos serviços; 2) Diferença entre produtos x serviços; 3) Composto de Marketing

Leia mais

Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais I

Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais I Administração de Recursos Materiais e Patrimoniais I Recursos e PRP (Processo de Realização do Produto) Prof. Marcos César Bottaro Os Recursos RECURSOS: é tudo que gera ou tem a capacidade de gerar riqueza

Leia mais

TÉCNICAS DE RACIONALIZAÇÃO DE PROCESSOS

TÉCNICAS DE RACIONALIZAÇÃO DE PROCESSOS TÉCNICAS DE RACIONALIZAÇÃO DE PROCESSOS MÓDULO 4 Os Diferentes Tipos e Padrões de Fluxogramas Há muitos tipos diferentes de fluxograma, cada um com sua aplicação específica. A seguir apresentaremos os

Leia mais

Software de Gestão Empresarial

Software de Gestão Empresarial Software de Gestão Empresarial MyCommerce A Visual Software possui uma das melhores softwares de gestão empresarial de Gerenciamento Individual e de Rede de Lojas do país, o MyCommerce. Este software tem

Leia mais

Planejamento e Controle da Produção I

Planejamento e Controle da Produção I Planejamento e Controle da Produção I Prof. M.Sc. Gustavo Meireles 2012 Gustavo S. C. Meireles 1 Introdução Planejamento Agregado: Maximizar os resultados das operações e minimizar os riscos de tomadas

Leia mais

Introdução. Paulo C. Masiero

Introdução. Paulo C. Masiero Informação Sistemas de Introdução Paulo C. Masiero DADOS vs INFORMAÇÃO CONHECIMENTO? O que é um SI? Um conjunto inter-relacionado de componentes que coletam (ou recuperam), processam, armazenam e distribuem

Leia mais

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo

Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário e complexo Sistemas de Informações Gerenciais A Empresa e os Sistemas de Informação Conceito de Sistemas Conjunto de elementos interdependentes, ou um todo organizado, ou partes que interagem, formando um todo unitário

Leia mais

Análise de Ponto de Função APF. Aula 02

Análise de Ponto de Função APF. Aula 02 Análise de Ponto de Função APF Aula 02 Agenda Parte 01 Introdução a Métricas de Software Parte 02 A Técnica de APF O que é APF? Objetivos Benefícios Conceitos Básicos Visão Geral dos Procedimentos de Contagem

Leia mais

Características: Operação Ágil! Controla as bombas, lança informações e realiza consultas de forma rápida, segura e eficiente.

Características: Operação Ágil! Controla as bombas, lança informações e realiza consultas de forma rápida, segura e eficiente. Interação do frentista com o software gestor; Agilidade no atendimento; Inclusão do CPF/CNPJ, código do cliente, odômetro; Instalação simples e rápida (menor custo); Não necessita deslacrar a bomba; Mobilidade

Leia mais

POLÍTICA DE MANUTENÇÃO E AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS

POLÍTICA DE MANUTENÇÃO E AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS POLÍTICA DE MANUTENÇÃO E AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS Laboratórios da Área da Informática Política de Manutenção e Aquisição de Equipamentos Laboratórios da Área de Informática Universidade Anhembi Morumbi

Leia mais

Informativo Comercial 391/16 São Paulo, 19 de setembro de Categoria: Serviço / Público: Credenciados e Distribuidores

Informativo Comercial 391/16 São Paulo, 19 de setembro de Categoria: Serviço / Público: Credenciados e Distribuidores Informativo Comercial 391/16 São Paulo, 19 de setembro de 2016. Categoria: Serviço / Público: Credenciados e Distribuidores Nova Diretriz de Inventário e Slow Moving Caro Credenciado, A SKY emitiu uma

Leia mais

Criando uma promoção de vendas que funciona

Criando uma promoção de vendas que funciona Muita gente não sabe a hora certa ou como fazer uma promoção adequada às necessidades mercadológicas de suas empresas. Trata-se de uma estratégia de mercado que tem diferentes objetivos que devem ser bem

Leia mais

Saiba administrar o capital de giro

Saiba administrar o capital de giro Saiba administrar o capital de giro O SEBRAE e o que ele pode fazer pelo seu negócio Consultorias SEBRAE Mais Programas setoriais Palestras Trilha de aprendizagem empresarial EAD Na Medida Cursos SEI E

Leia mais

VENDA DE OBRAS PORTA A PORTA VIRA MERCADO SÓLIDO QUE CONSOME 35 MILHÕES DE EXEMPLARES POR ANO.

VENDA DE OBRAS PORTA A PORTA VIRA MERCADO SÓLIDO QUE CONSOME 35 MILHÕES DE EXEMPLARES POR ANO. 2 CONHECIMENTOS BÁSICOS NAS QUESTÕES NUMERADAS DE 01 A 10, ASSINALE A ÚNICA ALTERNATIVA QUE RESPONDE CORRETAMENTE AO ENUNCIADO. LÍNGUA PORTUGUESA Leia o texto para responder às questões 01 a 05. VENDA

Leia mais

BOLETIM DE EVOLUÇÃO - OUTUBRO

BOLETIM DE EVOLUÇÃO - OUTUBRO Outubro de 2016 BOLETIM DE EVOLUÇÃO - OUTUBRO ÍNDICE PORTAL EXECUTIVO... 3 MAIOR CONTROLE DO TEMPO DE PERMANÊNCIA DO RCA NO CLIENTE... 3 VISITA FORA DO CLIENTE... 3 GRUPO DE E-MAIL PARA ENVIO DE OCORRÊNCIAS...

Leia mais

11 - Controle de produção

11 - Controle de produção 11 - Controle de produção Atingir a excelência na gestão corporativa é fundamental para o sucesso de qualquer negócio de panificação e confeitaria na atualidade. As empresas que possuem mecanismos de controle

Leia mais

PESSOA JURÍDICA - CADASTRO COMPLETO CONTEÚDOS

PESSOA JURÍDICA - CADASTRO COMPLETO CONTEÚDOS PESSOA JURÍDICA - CADASTRO COMPLETO Pessoa Jurídica: Chave= CNPJ SINAL DE ALERTA QUE VEM NAS CONSULTAS DO VALIDEINFO WEB: Mais importante: O VALIDEINFO WEB ao trazer o sinal de Alerta (acima), auxilia

Leia mais

GESTÃO DE. Daiane Sélos Diretora de Vendas Independente Mary Kay

GESTÃO DE. Daiane Sélos Diretora de Vendas Independente Mary Kay GESTÃO DE ESTOQUE Daiane Sélos Diretora de Vendas Independente Mary Kay QUER TER SUCESSO EM MARY KAY??? Não pense que você tem um bico ; Não pense que você tem um trabalho ou um emprego; Você tem em suas

Leia mais

Administração de Projetos

Administração de Projetos Administração de Projetos gerenciamento do escopo Prof. Robson Almeida Gerenciamento do Escopo Sendo o primeiro passo do Planejamento do Projeto, esta fase identifica e documenta o trabalho que produzirá

Leia mais

Gestão e Empreendedorismo

Gestão e Empreendedorismo Unidade III Gestão e Empreendedorismo Eliomar Borges Furquim Plano de negócios (PN): uma Visão geral. Objetivo específico - Ao concluir este módulo, você vai ser capaz de compreender o que é um Plano de

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA

ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA ADMINISTRAÇÃO FINANCEIRA Quem não sabe administrar tostões, não sabe administrar milhões. Atenção para estas perguntas: Você possui uma conta corrente ou poupança separada para o seu negócio? O que você

Leia mais

O que é planejamento estratégico?

O que é planejamento estratégico? O que é planejamento estratégico? Um dos fatores de sucesso das empresas é possuir um bom planejamento. Mas o que é planejamento? Nós planejamos diariamente, planejamos nossas atividades, nossas finanças,

Leia mais

Gestão de Processos. Tópico 4. Ferramentas de Qualidade: PDCA

Gestão de Processos. Tópico 4. Ferramentas de Qualidade: PDCA Gestão de Processos Tópico 4 Ferramentas de Qualidade: PDCA Sumário 1. O que é o Ciclo PDCA... 3 2. Importância do Ciclo PDCA... 3 3. Etapas do Ciclo PDCA... 3 3.1 Planejar (PLAN)... 3 3.1.1 Qual é o problema/processo

Leia mais

10 Dicas GRÁTIS Para Controlar Seu Orçamento

10 Dicas GRÁTIS Para Controlar Seu Orçamento 10 Dicas GRÁTIS Para Controlar Seu Orçamento Fizemos uma seleção de dicas muito importantes para que você aprenda a controlar o seu orçamento e mantenha a sua vida econômica em dia. Seguindo à risca as

Leia mais

Coletiva de Imprensa. 29 de junho de 2017

Coletiva de Imprensa. 29 de junho de 2017 Coletiva de Imprensa 29 de junho de 2017 Associação Brasileira de Automação GS1 Brasil Estudo Consumidores e Empresas 5ª Edição: Tendências e comportamento no mercado nacional Junho 2017 GS1 Brasil 2017

Leia mais

Os 5 Pilares para manter sua Distribuidora no Controle

Os 5 Pilares para manter sua Distribuidora no Controle Os 5 Pilares para manter sua Distribuidora no Controle A Eagle Tecnologia é uma empresa que preza pela gestão empresarial de seus clientes, oferecendo soluções inteligentes e inovadoras para apoiar o empresário

Leia mais

ADMINISTRAÇÃO DE PRODUÇÃO

ADMINISTRAÇÃO DE PRODUÇÃO Unidade III ADMINISTRAÇÃO DE PRODUÇÃO E OPERAÇÕES Profa. Lérida Malagueta Planejamento e Controle de Produção (PCP) O PCP é uma função de apoio da administração de produção. Desenvolve funções de planejar

Leia mais

Análise do Capital de Giro. Administração Financeira 4º Sem. Unipampa Prof. Silvia Flores

Análise do Capital de Giro. Administração Financeira 4º Sem. Unipampa Prof. Silvia Flores Análise do Capital de Giro Administração Financeira 4º Sem. Unipampa Prof. Silvia Flores Ciclos da Empresa Compra de Matéria Prima Recebimento Venda CICLO OPERACIONAL Venda Período Médio de Estoques Período

Leia mais

Menu Vendas Como fazer o fechamento de caixa? FECHAMENTO DE CAIXA

Menu Vendas Como fazer o fechamento de caixa? FECHAMENTO DE CAIXA Como fazer o fechamento de caixa? FECHAMENTO DE CAIXA O fechamento de caixa continua sendo uma das maiores preocupações de uma empresa, pois além de ser essencial para o controle do crescimento do negócio,

Leia mais

INTRODUÇÃO À LOGISTICA

INTRODUÇÃO À LOGISTICA INTRODUÇÃO À LOGISTICA Danillo Tourinho Sancho da Silva, MSc VAMOS NOS CONHECER Danillo Tourinho Sancho da Silva, M.Sc Bacharel em Administração, UNEB Especialista em Gestão da Produção e Logística, SENAI

Leia mais

Um pouco sobre nossos serviços

Um pouco sobre nossos serviços Um pouco sobre nossos serviços Nossa Missão Implantar, alimentar, melhorar e monitorar processos nas áreas fundamentais de micro e pequenas empresas, a fim de que se tornem organizações de médio e grande

Leia mais

Planejamento de Vendas e Operações (Plano Agregado de Produção)

Planejamento de Vendas e Operações (Plano Agregado de Produção) Universidade Federal do Paraná Setor de Ciências Sociais Aplicadas Departamento de Administração Geral e Aplicada Planejamento de Vendas e Operações (Plano Agregado de Produção) Eduardo Alves Portela Santos

Leia mais

Gestão Financeira sem complicações

Gestão Financeira sem complicações Gestão Financeira sem complicações Guia prático com os passos necessários para gerenciar da forma mais eficaz o setor financeiro de sua empresa. Introdução...3...3 Dica 01: Definir um sistema de gestão

Leia mais

Sistema da Gestão da Qualidade. Agradecimentos ao Prof. Robson Gama pela criação da apresentação original

Sistema da Gestão da Qualidade. Agradecimentos ao Prof. Robson Gama pela criação da apresentação original Sistema da Gestão da Qualidade Agradecimentos ao Prof. Robson Gama pela criação da apresentação original 1 CONCEITO QUALIDADE O que é Qualidade? 2 Qualidade Conjunto de características de um objeto ou

Leia mais

As atividades que conciliam

As atividades que conciliam INÍCIO 2º BIM 9º AULA 18/OUT/2011 PLANEJAMENTO E CONTROLE DA PRODUÇÃO A NATUREZA DO FORNECIMENTO E DA DEMANDA DEBATE EM GRUPO - QUESTIONÁRIO PLANEJAMENTO E CONTROLE VISA GERENCIAR AS ATIVIDADES DA OPERAÇÃO

Leia mais

Análise e Projeto de Sistemas

Análise e Projeto de Sistemas Análise e Projeto de Sistemas Gerenciamento de Projetos Conteúdo: Gerenciamento de Riscos Aula: II Prof.: Eude Lacerda E-mail: eude.lacerda@ifnmg.edu.br Apresentação Nesta aula você conhecerá o gerenciamento

Leia mais

Engenharia de Software II

Engenharia de Software II Engenharia de Software II Aula 26 http://www.ic.uff.br/~bianca/engsoft2/ Aula 26-21/07/2006 1 Ementa Processos de desenvolvimento de software Estratégias e técnicas de teste de software Métricas para software

Leia mais

Projeto Na Medida MICROEMPRESA. Palestra de sensibilização Na Medida PARA MICROEMPRESÁRIOS. Competências Gerais. Modalidade. Formato.

Projeto Na Medida MICROEMPRESA. Palestra de sensibilização Na Medida PARA MICROEMPRESÁRIOS. Competências Gerais. Modalidade. Formato. Projeto Na Medida PARA MICROEMPRESÁRIOS Palestra de sensibilização Na Medida Compreender a relevância do papel dos micro e pequenos empresários na economia brasileira e a necessidade da adoção das melhores

Leia mais

FECG-SP. Curso de Gestão Financeira E Orçamentária PROF. EDUARDO ANTONIO STANISCI PEDRO

FECG-SP. Curso de Gestão Financeira E Orçamentária PROF. EDUARDO ANTONIO STANISCI PEDRO FECG-SP Curso de Gestão Financeira E Orçamentária 2016 PROF. EDUARDO ANTONIO STANISCI PEDRO SUMÁRIO 1. INTRODUÇÃO 3 2. CUSTEIO POR ABSORÇÃO 5 3. CUSTEIO VARIÁVEL 4. BIBLIOGRAFIA 7 8 5. SLIDES 9 2 CURSO

Leia mais

GUIA. Como maximizar a aprovação dos novos projetos de TI para a diretoria

GUIA. Como maximizar a aprovação dos novos projetos de TI para a diretoria GUIA Como maximizar a aprovação dos novos projetos de TI para a diretoria INTRODUÇÃO A área de tecnologia das organizações vem tendo um aumento de visibilidade significativa nos últimos anos. A TI tem

Leia mais

ISO/IEC Processo de ciclo de vida

ISO/IEC Processo de ciclo de vida ISO/IEC 12207 Processo de ciclo de vida O que é...? ISO/IEC 12207 (introdução) - O que é ISO/IEC 12207? - Qual a finalidade da ISO/IEC 12207? Diferença entre ISO/IEC 12207 e CMMI 2 Emendas ISO/IEC 12207

Leia mais

GESTÃO DE PESSOAS. Determinar as competências necessárias para a atuação dos profissionais na empresa;

GESTÃO DE PESSOAS. Determinar as competências necessárias para a atuação dos profissionais na empresa; 1. OBJETIVO Estabelecer política para gestão de pessoas que busca atuar na captação de talentos, no desenvolvimento dos profissionais, na mediação das relações entre os níveis hierárquicos, bem como proporcionar

Leia mais

Classificação e Codificação de Materiais. Objetivos. Objetivos. Armazenamento de Materiais

Classificação e Codificação de Materiais. Objetivos. Objetivos. Armazenamento de Materiais Classificação e Codificação de Materiais Armazenamento de Materiais Objetivos Definir catalogação, simplificação, normalização, especificação, codificação de todos materiais do estoque da empresa. Simplificar

Leia mais

OPORTUNIDADE PARA PROMOVER ORGANIZAÇÕES MAIS. Contexto mudanças nas organizações para se adaptarem a um mundo

OPORTUNIDADE PARA PROMOVER ORGANIZAÇÕES MAIS. Contexto mudanças nas organizações para se adaptarem a um mundo DUAS NORMAS DE MAIOR SUCESSO MUNDIAL REVISÃO DE FUNDO EVOLUÇÃO PARA SE ADAPTAR A UMA REALIDADE EM MUDANÇA OPORTUNIDADE PARA PROMOVER ORGANIZAÇÕES MAIS EFICIENTES E INTELIGENTES: Contexto mudanças nas organizações

Leia mais

#Workshop VENDAS e INÍCIOS

#Workshop VENDAS e INÍCIOS #Workshop VENDAS e INÍCIOS :) VENDAS? OU VENDAS! :D VENDER ENVOLVE TRÊS ELEMENTOS: CLIENTE PRODUTO CONSULTORA DE BELEZA INDEPENDENTE AS CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS DE UMA CONSULTORA DE BELEZA INDEPENDENTE

Leia mais

Educação Financeira ETEC Araçatuba Maio de 2010

Educação Financeira ETEC Araçatuba Maio de 2010 Educação Financeira ETEC Araçatuba Maio de 2010 O Planejamento Financeiro Pessoal te ajudará a... monitorar sua situação financeira; criar um quadro visual de gastos; reduzir os gastos por impulso; gastar

Leia mais

UNLOCK SISTEMAS Há 26 anos desenvolvendo soluções criativas.

UNLOCK SISTEMAS Há 26 anos desenvolvendo soluções criativas. UNLOCK SISTEMAS Há 26 anos desenvolvendo soluções criativas. GESTOR COMERCIAL Objetivos do Sistema O Gestor Comercial é a ferramenta de administração e controle de seu comercio. Registra todas as vendas

Leia mais

Mais controle. Maior rendimento

Mais controle. Maior rendimento Mais controle Maior rendimento REdUção de custos com FERRaMEntaS EM até 30% 60% MaiS RáPido na LocaLização de FERRaMEntaS MEnoR tempo PaRa SoLicitaR FERRaMEntaS MEnoR tempo de implantação do MERcado Atualmente

Leia mais

ANÁLISE E DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS. Índices de Rotação ou Atividades Índices de Prazos Médios

ANÁLISE E DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS. Índices de Rotação ou Atividades Índices de Prazos Médios ANÁLISE E DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS Índices de Rotação ou Atividades Índices de Prazos Médios Objetivos Identificar as políticas adotadas pela administração de empresa, relativas aos prazos de recebimentos,

Leia mais

Curso de Graduação em Administração. Administração da Produção e Operações I

Curso de Graduação em Administração. Administração da Produção e Operações I Curso de Graduação em Administração Administração da Produção e Operações I 23º Encontro - 14/05/2012 18:50 às 20:30h COMO SERÁ NOSSO ENCONTRO HOJE? - ABERTURA - CÁLCULOS DE CAPACIDADE PRODUTIVA - ETAPAS

Leia mais

Etapa 2: Tenha disciplina e cheque as contas com cuidado

Etapa 2: Tenha disciplina e cheque as contas com cuidado Este conteúdo faz parte da série: Orçamento Ver 3 posts dessa série Quando temos uma empresa sob nossa responsabilidade, nos sentimos entusiasmados em poder elaborar projetos, desenvolver produtos, gerir

Leia mais

2014 RJ Gestão de riscos como geração de valor e defesa contra crises

2014 RJ Gestão de riscos como geração de valor e defesa contra crises 2014 RJ Gestão de riscos como geração de valor e defesa contra crises Visão do Financiador e Investidor Institucional Renê Sanda Membro do Conselho de Administração da CPFL e do FGC Comunidade de Conselheiros

Leia mais

ORGANIZE SUA VIDA FINANCEIRA

ORGANIZE SUA VIDA FINANCEIRA ORGANIZE SUA VIDA FINANCEIRA O endividamento inicia com o hábito de primeiro gastar e depois ver como pagar ou, se a mensalidade cabe no bolso, efetuar a compra. Para que isso não aconteça, o primeiro

Leia mais

Business Case (Caso de Negócio)

Business Case (Caso de Negócio) Terceiro Módulo: Parte 5 Business Case (Caso de Negócio) AN V 3.0 [54] Rildo F Santos (@rildosan) rildo.santos@etecnologia.com.br www.etecnologia.com.br http://etecnologia.ning.com 1 Business Case: Duas

Leia mais

Unidade IV GESTÃO DE RECURSOS PATRIMONIAIS E LOGÍSTICOS. Prof. Fernando Leonel

Unidade IV GESTÃO DE RECURSOS PATRIMONIAIS E LOGÍSTICOS. Prof. Fernando Leonel Unidade IV GESTÃO DE RECURSOS PATRIMONIAIS E LOGÍSTICOS Prof. Fernando Leonel Conteúdo da aula de hoje 1. Processo de inventário físico 2. Gestão de compras / contratos de fornecimento 3. Comprar ou fabricar?

Leia mais

SGC Sistema para Gerenciamento de Lojas de Cosméticos

SGC Sistema para Gerenciamento de Lojas de Cosméticos Curso Técnico Integrado de Informática 2 Ano Projeto Integrador Formação Profissional SGC Sistema para Gerenciamento de Lojas de Cosméticos Beatriz Lima Francisco - 1560263 Isabelle Cardoso Ribeiro - 156014X

Leia mais

INTELIGÊNCIA PARA O MERCADO DE ESQUADRIAS

INTELIGÊNCIA PARA O MERCADO DE ESQUADRIAS INTELIGÊNCIA PARA O MERCADO DE ESQUADRIAS www.facebook.com/esquadgroup www.youtube.com/esquadgroup www.esquadgroup.com.br +55 15 3035-8250 comercial@esquadgroup.com.br Rua Ernestina Vieira Neves, 366 Jd

Leia mais

Pensando como empresária. Diretora Futura Executiva Viviane Soares

Pensando como empresária. Diretora Futura Executiva Viviane Soares Pensando como empresária Diretora Futura Executiva Viviane Soares Antes de Mary Kay... Formada em Ciências Contábeis Pela Puc Minas 2006 Pós gradução em Gestão Financeira Puc Minas 2007 Atuando na área

Leia mais

Projeto Planejamento Orçamento Construção Limpeza Dicas finais

Projeto Planejamento Orçamento Construção Limpeza Dicas finais Projeto Planejamento Orçamento Construção Limpeza Dicas finais 3 4 7 10 13 14 Construir sem utilizar grandes quantidades de dinheiro não é algo impossível, mas sim uma questão de querer e saber como o

Leia mais

Manual do técnico/usuário:

Manual do técnico/usuário: Manual do técnico/usuário: Produto: Placa I/O Semáforo PLACA VERSÃO 1 Versão deste manual: 1 Revisão deste manual: 0 Data do manual: 08/08/2009 M.c.u Tecnologia www.mcu.com.br 1 Histórico de Revisões:

Leia mais

Simulado "ESCOPO PMP"

Simulado ESCOPO PMP Pá gina 1 de 11 Simulado "ESCOPO PMP" Simulado do PMI por Jackson Leonardo das Neves Albino 26 de January de 2012 Pá gina 2 de 11 Disciplinas e temas deste simulado Gerenciamento do Escopo do Projeto (13

Leia mais

Para onde vai o meu dinheiro????? Treinamento Online com a Diretora De Vendas Ana Carolina Avelar

Para onde vai o meu dinheiro????? Treinamento Online com a Diretora De Vendas Ana Carolina Avelar Para onde vai o meu dinheiro????? Treinamento Online com a Diretora De Vendas Ana Carolina Avelar Você gostaria de: Sair do vermelho? Saber quanto você tem sobrando esse mês Não ficar mais no negativo

Leia mais

Logística Empresarial

Logística Empresarial Logística Empresarial Profª Esp. Mônica Suely Guimarães de Araujo Conceito Logística são os processos da cadeia de suprimentos (supply chain) que planejam, estruturam e controlam, de forma eficiente e

Leia mais

GUIA DE TREINAMENTO PARA EQUIPE DE VENDAS. O Roteiro Definitivo para Treinar a sua Equipe para Aumentar as Vendas em Apenas uma Semana!

GUIA DE TREINAMENTO PARA EQUIPE DE VENDAS. O Roteiro Definitivo para Treinar a sua Equipe para Aumentar as Vendas em Apenas uma Semana! GUIA DE TREINAMENTO PARA EQUIPE DE VENDAS O Roteiro Definitivo para Treinar a sua Equipe para Aumentar as Vendas em Apenas uma Semana! SUMÁRIO SOBREO O AUTOR... 2 INTRODUÇÃO... 3 PRINCÍPIOS BÁSICOS...

Leia mais

Unidade IV PLANEJAMENTO OPERACIONAL: Prof. Me. Livaldo dos Santos

Unidade IV PLANEJAMENTO OPERACIONAL: Prof. Me. Livaldo dos Santos Unidade IV PLANEJAMENTO OPERACIONAL: RECURSOS HUMANOS E FINANÇAS Prof. Me. Livaldo dos Santos Objetivos Entender o significado de orçamento. Identificar os princípios de planejamento. Conhecer as etapas

Leia mais

Projeto em administração da produção.

Projeto em administração da produção. MKT-MDL-06 Versão 00 Projeto em administração da produção. Aula 05 Sazonalidade Sazonalidade nada mais é que as variações de demanda que se repetem com o passar do tempo. As variações não são aleatórias,

Leia mais

DESENHO DE CARGOS E TAREFAS

DESENHO DE CARGOS E TAREFAS Faculdade de Tecnologia SENAC GO Gestão de Pessoas Professor: Itair Pereira da Silva Grupo: Luís Miguel Nogueira de Resende, Valdivino de Carvalho, Rodrigo Neres Magalhães e Venicyus Venceslencio da Paz.

Leia mais

DESENVOLVIMENTO DE ORÇAMENTO

DESENVOLVIMENTO DE ORÇAMENTO DESENVOLVIMENTO DE ORÇAMENTO Orçamento empresarial Orçamento empresarial é representado pelo orçamento geral que, por sua vez, é composto pelos orçamentos específicos. O orçamento geral retrata a estratégia

Leia mais

Planejar, coordenar e orientar as atividades relacionadas às áreas: Financeira

Planejar, coordenar e orientar as atividades relacionadas às áreas: Financeira Diretoria Administrativo-Financeira Planejar, coordenar e orientar as atividades relacionadas às áreas: Administrativa Gestão de pessoas Financeira Planejar, coordenar e orientar as atividades relacionadas

Leia mais

COMO DIVULGAR SUA EMPRESA NA INTERNET

COMO DIVULGAR SUA EMPRESA NA INTERNET COMO DIVULGAR SUA EMPRESA NA INTERNET ÍNDICE A Escada de Sucesso Presença Google Meu Negócio Blog Redes Sociais E-mail Marketing Marketplace Atendimento Comunicação Vendas Inovação 2 3 4 5 6 7 8 10 14

Leia mais

Modelagem Financeira Market Place

Modelagem Financeira Market Place Modelagem Financeira Market Place 1 Introdução Um dos grandes desafios para os empreendedores de uma startup é transformar o modelo de negócios em números, ou seja, estimar as receitas, custos e despesas

Leia mais

O FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NA TOMADA DE DECISÃO

O FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NA TOMADA DE DECISÃO O FLUXO DE CAIXA COMO FERRAMENTA GERENCIAL NA TOMADA DE DECISÃO Fernanda Zorzi 1 Catherine Chiappin Dutra Odir Berlatto 2 INTRODUÇÃO Esta pesquisa apresenta como tema principal a gestão financeira através

Leia mais

A importância das centrais de compras

A importância das centrais de compras E-book gratuito A importância das centrais de compras Veja pontos interessantes desse recurso para PMEs Sobre o autor Jonatan Costa é Analista de Sistemas, pós-graduado em gestão e desenvolvimento de softwares.

Leia mais

Plano de Gerenciamento de Configuração

Plano de Gerenciamento de Configuração Plano de Gerenciamento de Configuração Controle de Versões Versão Data Autor Notas da Revisão 0.1 29/11/2016 Deborah Araujo Denis Ferreira Ezio Mendonça - Plano de gerenciamento de Configuração Página

Leia mais

João Telles Corrêa Filho Abril de 2011

João Telles Corrêa Filho Abril de 2011 Durante o último mês de março foram publicados dois importantes artigos nas seções de economia / negócios dos jornais Folha de São Paulo e Estado de São Paulo. O primeiro fala sobre o aquecimento do mercado,

Leia mais

S T E M A I N T E G R A D O A SOLUÇÃO COMPLETA PARA ADMINISTRAÇÃO DE SUA EMPRESA Indústria Comércio Serviço

S T E M A I N T E G R A D O A SOLUÇÃO COMPLETA PARA ADMINISTRAÇÃO DE SUA EMPRESA Indústria Comércio Serviço S A SOLUÇÃO COMPLETA PARA ADMNSTRAÇÃO DE SUA EMPRESA ndústria Comércio Serviço S O GestãoPro foi desenvolvido para atender as empresas que atuam nos setores da indústria, comércio e serviço. O grande diferencial

Leia mais