PREPARANDO-SE PARA O ENEM

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "PREPARANDO-SE PARA O ENEM"

Transcrição

1 PREPARANDO-SE PARA O ENEM Profª Maria Tereza Faria Profº Gustavo Piaia

2 EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO MEC INEP Instituto Nacional de Ensino e Pesquisa Anísio Teixeira

3 Histórico o2009: reformulação do Enem utilização como forma de seleção unificada nos processos seletivos das universidades públicas federais. oobjetivo: democratizar as oportunidades de acesso às vagas federais de ensino superior, possibilitar a mobilidade acadêmica e induzir a reestruturação dos currículos do ensino médio. omais 600 IES cadastradas: autonomia para optar pelo Enem como fase única; primeira fase; integrado ao vestibular da instituição; Preenchimento de vagas remanescentes do vestibular.

4 ENEM RIO GRANDE DO SUL UFRGS 10ª prova peso 2 (~11%) UFCSPA fase única UFPEL fase única UNIPAMPA fase única FURG fase única UFSM vagas remanescentes

5 OUTRAS INSTITUIÇÕES Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR): fase única e preenchimento de vagas remanescentes. Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS): fase única; aluno de escola pública terá bônus. Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC): 20% e preenchimento de vagas remanescentes. Universidade Federal do Paraná (UFPR): prova objetiva do Enem = 10%. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (RS): o aluno poderá optar pela utilização da nota do Enem ou do processo seletivo tradicional da instituição. Instituto Federal do Rio Grande do Sul: fase única.

6 IES QUE UTILIZAM O ENEM CENTRO UNIVERSITARIO (FEEVALE) CENTRO UNIVERSITARIO LA SALLE (UNILASALLE) CENTRO UNIVERSITARIO METODISTA (IPA) CENTRO UNIVERSITARIO RITTER DOS REIS ESCOLA SUPERIOR DE ADMINISTRAÇÃO, DIREITO E ECONOMIA (ESADE) UNIVERSIDADE CATOLICA DE PELOTAS (UCPel) UNIVERSIDADE SANTA CRUZ DO SUL (UNISC) UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL (UCS) UNIVERSIDADE DE CRUZ ALTA (UNICRUZ) UNIVERSIDADE DE PASSO FUNDO (UPF) UNIVERSIDADE DO VALE DO RIO DOS SINOS (Unisinos)

7 1. O que é o ProUni? Criado pelo MEC em 2004, oferece bolsas de estudos em IES privadas a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior. 2. Quem pode se candidatar? O estudante que, no Enem, tiver obtido o mínimo de 400 pontos na média das cinco provas do Exame. 3. A quantos cursos é possível candidatar-se? Até três opções de curso.

8 4. Qual a diferença entre o ProUni e o Sistema de Seleção Unificada (Sisu)? Sisu: Sistema de Seleção Unificada (MEC) por meio do qual as instituições públicas de educação superior participantes selecionarão novos estudantes. ProUni e Sisu selecionam os candidatos pela nota do Enem. O aluno opta pelo ProUni (bolsa em instituição privada) ou pela instituição pública. Para o Processo Seletivo 2012/1 o Enem válido é o de 2011.

9 5. Quais os tipos de bolsa oferecidos pelo ProUni? Bolsa Bolsa integral: para estudantes com renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Bolsa Bolsa parcial de 50%: para estudantes com renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos. Bolsa Permanência: benefício, no valor de até R$ 300,00 mensais, para estudantes com bolsa integral, em cursos presenciais de, no mínimo, 6 semestres cuja carga horária seja superior ou igual a 6 horas diárias. O ProUni já atendeu, desde sua criação até o processo seletivo do segundo semestre de 2010, 748 mil estudantes, sendo 70% com bolsas integrais.

10 6. É preciso fazer o vestibular para concorrer a uma bolsa do ProUni? O candidato à bolsa do ProUni não precisa fazer vestibular nem estar matriculado na instituição em que pretende se inscrever. 7. Basta fazer o Enem para se candidatar a uma bolsa do ProUni? Não. Além das condições financeiras citadas, o aluno deve ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em escola privada com bolsa integral da instituição ou parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral, ou ser pessoa com deficiência, ou ser professor da rede pública de ensino básico, em efetivo exercício, concorrendo a vagas em cursos de licenciatura, normal superior ou Pedagogia. Neste caso, a renda familiar por pessoa não é considerada.

11 8. O ProUni reserva cotas para afrodescendentes, pardos, indígenas e para as pessoas com deficiência? Sim. O percentual de bolsas é igual àquele de cidadãos pretos, pardos e indígenas, em cada Estado, segundo o último censo do IBGE. O candidato cotista também deve se enquadrar nos demais critérios de seleção do ProUni. 9. E se o estudante contemplado com uma bolsa de 50% não puder pagar a outra metade da mensalidade? O bolsista parcial de 50% poderá utilizar o FIES Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior para custear os outros 50% da mensalidade, sem a necessidade de apresentação de fiador na contratação do financiamento.

12 Dados de 10/01/2011, PUCRS: Bolsistas ProUni: Total de diplomados: Estagiários na PUCRS: 76 Estagiários no Tecnopuc: 16 Contratados como técnicos administrativos na PUCRS: 36 Bolsistas de iniciação científica: 145 Bolsistas no Programa de Educação Tutorial: 16 Bolsistas no PET saúde: 21 Em 2010/2, foram laureados 21 alunos Prouni na PUCRS. Em 2010/1, dos 16 laureados em toda universidade, 9 eram do Prouni. Para se obter a láurea, é necessário ter coeficiente de rendimento igual ou superior a 8,5, nenhum grau inferior a 8, pelo menos 2/3 de graus finais iguais ou superiores a 9 e ter feito todo o curso na PUCRS sem interrupção.

13 10. O que é Unipoa? Convênio firmado entre a Smed e IES privadas, que oferece bolsas de estudo integrais ou parciais a estudantes carentes (não é preciso ser oriundo de escolas públicas). Centro UNIRITTER FTEC ESADE IBGEN QI Requisitos: para concorrer, o candidato deve residir em Porto Alegre; ter renda familiar per capita de até três salários mínimos (bolsa parciais) ou de até um salário mínimo e meio (bolsas integrais); ter ensino médio completo. A nota do Enem é critério de seleção dos bolsistas.

14 ALGUMAS IES PRIVADAS CADASTRADAS NO PROUNI RS DECISION ULBRA DOM BOSCO UNIFACS ESADE UNILASALLE ESPM UNISINOS FAPA FAQI FARGS FMP FTEC IBGEN IDC IPA MONTEIRO LOBATO PUCRS SÃO FRANSCISCO DE ASSIS SÃO JUDAS TADEU SENAC SENAI SEVIGNÉ SOGIPA ATLÂNTICO SUL (RG) CASTELLI FACCAT FSG SERRA GAÚCHA UCS UCPEL UNICRUZ UNIJUÍ UNISC UNIVATES (LAGEADO) UPF

15 O Enem tem como prioridade averiguar as competências e as habilidades que o aluno domina. Este deve demonstrar ser capaz de interpretar gráficos, textos, mapas e informações em diversas linguagens. O Exame também investiga se o aluno está apto a argumentar, solucionar problemas cotidianos e práticos, elaborar propostas de intervenção na realidade e apresentar ideias bem estruturadas.

16 Competências: modalidades estruturais da inteligência, ou melhor, ações e operações que utilizamos para estabelecer relações com e entre objetos, situações, fenômenos e pessoas que desejamos conhecer. Habilidades: decorrem das competências adquiridas e referem-se ao plano imediato do "saber fazer". Por meio das ações e operações, as habilidades aperfeiçoam-se e articulam-se, possibilitando nova reorganização das competências.

17 MATRIZ DE REFERÊNCIA O Enem centra-se na avaliação de desempenho por competências e vincula-se a um conceito mais abrangente e estrutural da inteligência humana. Estrutura do exame: mediante uma matriz com a indicação de competências e habilidades associadas aos conteúdos do ensino fundamental e médio.

18 Eixos Cognitivos I. Dominar linguagens (DL): dominar a norma culta da Língua Portuguesa e fazer uso das linguagens matemática, artística e científica e das línguas espanhola e inglesa. II. Compreender fenômenos (CF): construir e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento para a compreensão de fenômenos naturais, de processos histórico-geográficos, da produção tecnológica e das manifestações artísticas.

19 Eixos Cognitivos III. Enfrentar situações-problema (SP): selecionar, organizar, relacionar, interpretar dados e informações representados de diferentes formas, para tomar decisões e enfrentar situaçõesproblema. IV. Construir argumentação (CA): relacionar informações, representadas em diferentes formas, e conhecimentos disponíveis em situações concretas, para construir argumentação consistente. V. Elaborar propostas (EP): recorrer aos conhecimentos desenvolvidos na escola para elaboração de propostas de intervenção solidária na realidade, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

20 ESTRUTURA Áreas do Conhecimento 1º dia -Ciências Humanas e suas Tecnologias (45 itens) -Ciências da Natureza e suas Tecnologias (45 itens) 2º dia -Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (45 itens) -Matemática e suas Tecnologias (45 itens) -Redação

21 Para que servem os resultados do Enem? certificação pelas SECs e por Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica de conclusão do ensino médio; criação de referência nacional para o aperfeiçoamento dos currículos do ensino médio; utilização como mecanismo único, alternativo ou complementar aos exames de acesso à educação superior ou processos de seleção nos diferentes setores do mundo do trabalho; desenvolvimento de estudos e indicadores sobre a educação brasileira.

22 Como proceder para obter a certificação no ensino médio pelo Enem? Para obter a certificação de conclusão do ensino médio, os candidatos devem ter 18 anos completos; ter atingido o mínimo de 400 pontos em cada uma das quatro provas áreas do Enem; ter atingido o mínimo de 500 pontos na redação.

23 PROVAS Realizadas em 2 dias: Em 2010, foram nos dias 06 e 07 de novembro 1º dia: das 13h às 17h30 2º dia: das 13h às 18h30

24 AVALIAÇÃO A prova do Enem traz cinco notas diferentes, uma para cada área do conhecimento avaliada e uma para a redação. Não haverá diferenciação dos pesos. O que pode ocorrer é que, nos processos seletivos, as instituições utilizem pesos diferenciados entre as áreas para classificar os candidatos, de acordo com os cursos pleiteados.

25 T.R.I. A prova do Enem é estruturada na metodologia da Teoria da Resposta ao Item (TRI), que garante a comparabilidade das notas entre diferentes edições a partir da calibração do grau de dificuldade das questões. Dessa forma as questões da prova do Enem são distribuídas em graus diferenciados de complexidade. Isso significa que, no cálculo final da nota em cada área, as questões mais difíceis valem mais que as questões menos complexas.

26

27 EXEMPLO Nº de inscrição: Nome: Fulano de Tal CPF: Não esqueça sua senha!!! Prova Nota Presença Linguagens, Códigos e suas Tecnologias Presente Matemática e suas Tecnologias Presente Ciências Humanas e suas Tecnologias Presente Ciências da Natureza e suas Tecnologias Presente Redação Presente

28 SISU - UFCSPA Nota = ( ) / 5 Nota = Curso Pretendido: Gastronomia Opção: Atendida Classificação: 3º Lugar

29 UFRGS Para calcular o resultado do candidato no ENEM, a UFRGS divide por 10 o escore obtido pelo candidato em cada uma das quatro provas objetivas e calcula a média das mesmas, resultando valores compreendidos entre 0 e 100. Assim, o resultado do ENEM divulgado pela UFRGS como escore bruto (EB) corresponde à média dos resultados divulgados pelo ENEM, de acordo com a Teoria de Resposta ao Item, convertidos para uma escala entre 0 e 100. EB = ( ) / 4 EB = / 10 EB =

30 UFRGS Com base nesses escores brutos calculados para os candidatos da UFRGS optantes pelo uso do ENEM, foram calculados a média e o desvio padrão desses escores. O escore padronizado (EPE) relativo ao ENEM utilizado pela UFRGS é o resultado da padronização deste escore bruto, da mesma forma como é feito em todas as outras provas da UFRGS. Média ENEM = Desvio Padrão = EPE =

31 UFRGS

32

33 UFRGS E10 = 652,54 + ( 668, ) / 2 E10 = 886,75

34 UFRGS AC = 17 / ( ( 15 / 652,54 ) + ( 2 / 886,75 ) ) AC = 673,47

35 UFRGS Ciências Jur/Soc - Direito - Noturno Acesso Universal 661,05 Último admitido Sem ENEM: 652,54 Reprovado Com ENEM: 673,47 Aprovado

36 QUESTÕES E EIXOS COGNITIVOS COMPETÊNCIA 1 DOMINAR LINGUAGENS

37

38 QUESTÕES E EIXOS COGNITIVOS COMPETÊNCIA 2 COMPREENDER FENÔMENOS A instalação elétrica de uma residência utiliza um circuito elétrico em paralelo, em que todos os equipamentos têm a mesma tensão. Quando o equipamento é ligado, ocorre variação na corrente elétrica do circuito, que é diretamente proporcional à potência (P) do aparelho. Observe a figura.

39 Indique, em ordem crescente, as variações nas correntes elétricas causadas por esses eletrodomésticos. a)a, B, C, D Como corrente elétrica é b) B, A, C, D diretamente proporcional c) D, C, A, B àpotência, a variação na d) D, C, B, A corrente elétrica éna e) A, D, C, B mesma ordem: B, A, C e D.

40 QUESTÕES E EIXOS COGNITIVOS COMPETÊNCIA 3 ENFRENTAR SITUAÇÕES ÕES-PROBLEMA De acordo com Edmilson Migovisky, infectologista da UFRJ, o risco de contrair doenças como leptospirose em Santa Catarina é muito grande, por conta dos alagamentos. Além disso, a proximidade dos sintomas da leptospirose, da hepatite A e da dengue pode dificultar ainda mais o diagnóstico de doenças das vítimas dos temporais em Santa Catarina. "Todas as vezes que vejo essas pessoas dentro d água redobro a minha preocupação. Os sintomas se parecem e fica um pouco confuso o diagnóstico. O tratamento é diferente e, infelizmente, nessas regiões que foram assoladas, não vem sendo distribuída a vacina para a hepatite A

41 Analise as afirmações a seguir. I. Águas de enchentes podem transmitir doenças como leptospirose, hepatite A e dengue. II. A distribuição da vacina contra a hepatite A é essencial para a cura dos doentes. III. O diagnóstico preciso das doenças citadas no texto é difícil porque cada doença apresenta sintomas bem característicos. IV. Tanto os órgãos afetados pelas doenças citadas no texto quanto os medicamentos utilizados nos tratamentos são os mesmos. Nenhuma é correta. O aluno deverá ser capaz de avaliar, elaborar e planejar intervenções científico-tecnológicas, visando a propostas de alcance individual ou coletivo, para solucionar problemas relacionados à saúde publica nos âmbitos individual, coletivo ou ambiental.

42 QUESTÕES E EIXOS COGNITIVOS COMPETÊNCIA 4 COMPETÊNCIA 4 CONSTRUIR ARGUMENTA CONSTRUIR ARGUMENTAÇÃO ÃO As informações a seguir referem-se aos combustíveis álcool e gasolina usados em automóveis no Brasil.

43 De acordo com a tabela, a substituição da gasolina pelo álcool apresenta vantagens porque a)elimina os poluentes lançados no ar. b)aumenta a vegetação natural, devido à monocultura. c)oferece menores riscos no transporte de seus derivados. d)aumenta a biodiversidade com o plantio da cana-de-açúcar. e)estimula a policultura e a pecuária em todas as regiões onde se desenvolve. O aluno iráapropriar-se de conhecimentos de Química para interpretar e avaliar implicações sociais, ambientais e/ou econômicas na produção ou no consumo de recursos energéticos, identificando as transformações químicas ou energéticas envolvidas nesses processos e planejando possíveis intervenções científico-tecnológicas, por meio de argumentação.

44 QUESTÕES E EIXOS COGNITIVOS COMPETÊNCIA 5 ELABORAR PROPOSTAS Competência avaliada, sobretudo, na redação. O aluno deve recorrer aos conhecimentos desenvolvidos na escola para elaboração de propostas de intervenção solidária na realidade, respeitando os valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

45 PERGUNTAS FREQUENTES 1) É aconselhável fazer o ENEM, se o que eu quero mesmo é a UFRGS e a UFSM? 2) Preciso fazer a redação do ENEM, se eu vou fazer vestibular só na UFRGS? 3) O ENEM sempre aumenta a nota da UFRGS? Pode diminuir a nota? 4) Quem chuta é penalizado?

46 PARA MAIS INFORMAÇÕES, ACESSE: cursouniversitario passenaufrgs

M a n u a l d o P r o U n i 2014 P á g i n a 1

M a n u a l d o P r o U n i 2014 P á g i n a 1 M a n u a l d o P r o U n i 2014 P á g i n a 1 O Programa Universidade para Todos (Prouni) foi criado pelo Governo Federal em 2004 e tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais

Leia mais

PROUNI. Desde 2007, o Prouni - e sua articulação com o FIES - é uma das ações integrantes do Plano de Desenvolvimento da Educação PDE.

PROUNI. Desde 2007, o Prouni - e sua articulação com o FIES - é uma das ações integrantes do Plano de Desenvolvimento da Educação PDE. PROUNI O Programa O Prouni - Programa Universidade para Todos tem como finalidade a concessão de bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições

Leia mais

Programas de Bolsa de Estudos ENEM PROUNI FIES - SISU

Programas de Bolsa de Estudos ENEM PROUNI FIES - SISU Programas de Bolsa de Estudos ENEM PROUNI FIES - SISU O ENEM Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) tem o objetivo de avaliar o desempenho do estudante ao fim da escolaridade básica. Podem

Leia mais

Qual a principal diferença entre o Enem tradicional e o novo Enem?

Qual a principal diferença entre o Enem tradicional e o novo Enem? SAIBA TUDO SOBRE O ENEM 2009 Qual a principal diferença entre o Enem tradicional e o novo Enem? Até 2008, o Enem era uma prova clássica com 63 questões interdisciplinares, sem articulação direta com os

Leia mais

ENEM, o que é, o que objetiva?

ENEM, o que é, o que objetiva? ENEM, o que é, o que objetiva? Enem Exame Nacional do Ensino Médio Criado em 1998 com o objetivo de diagnosticar a qualidade do ensino médio no país. Em 2009, o exame ganhou uma nova função: selecionar

Leia mais

ENEM - EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO

ENEM - EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO ENEM - EXAME NACIONAL DO ENSINO MÉDIO INSCRIÇÕES DE 23 DE MAIO A 10 DE JUNHO EXCLUSIVAMENTE NO SITE: http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricao PROVAS 22 E 23 DE OUTUBRO; INÍCIO DAS PROVAS 13h00 DURAÇÃO:

Leia mais

As Formas de Ingresso em Universidades Públicas e Privadas através do ENEM

As Formas de Ingresso em Universidades Públicas e Privadas através do ENEM As Formas de Ingresso em Universidades Públicas e Privadas através do ENEM Prof. Ph. D. João Benedito dos Santos Jr. Prof. M. Sc. Will Ricardo dos Santos Machado Curso de Bacharelado em Ciência da Computação

Leia mais

Prouni 2016: candidatos podem consultar primeira lista de aprovados

Prouni 2016: candidatos podem consultar primeira lista de aprovados O Ministério da Educação divulgou nesta segunda, 25, a primeira chamada de pré-selecionados para o Programa Universidade para Todos (Prouni). Os candidatos podem conferir os resultados no site http://siteprouni.mec.gov.br/,

Leia mais

CARTILHA INFORMATIVA (ENEM, SISU, PROUNI e FIES)

CARTILHA INFORMATIVA (ENEM, SISU, PROUNI e FIES) Logo elaborado pelo aluno do Instituto Eurofarma, João Victor da Silva Anselmo, 1 o. Lugar no Concurso de Desenho. CARTILHA INFORMATIVA (ENEM, SISU, PROUNI e FIES) cartilha enem_instituto Eurofarma (SAIDA).indd

Leia mais

AS NOVAS DIRETRIZES PARA O ENSINO MÉDIO E SUA RELAÇÃO COM O CURRÍCULO E COM O ENEM

AS NOVAS DIRETRIZES PARA O ENSINO MÉDIO E SUA RELAÇÃO COM O CURRÍCULO E COM O ENEM AS NOVAS DIRETRIZES PARA O ENSINO MÉDIO E SUA RELAÇÃO COM O CURRÍCULO E COM O ENEM MARÇO/ABRIL/2012 Considerações sobre as Novas Diretrizes Curriculares Nacionais para o Ensino Médio Resolução CNE/CEB

Leia mais

M a n u a l d o S i s u 2 0 1 6 P á g i n a 1

M a n u a l d o S i s u 2 0 1 6 P á g i n a 1 M a n u a l d o S i s u 2 0 1 6 P á g i n a 1 O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) consiste num ambiente virtual criado e gerenciado pelo Ministério da Educação desde 2010. Funciona com um processo seletivo

Leia mais

ENEM - o caminho mais democrático para o Ensino Superior

ENEM - o caminho mais democrático para o Ensino Superior Diretoria de Ensino Região Sul 3 Núcleo Pedagógico - Linguagens Orientação Técnica ENEM - o caminho mais democrático para o Ensino Superior 29/05/2015 Prof. Coordenadores do Ensino Médio Profª Me. Ana

Leia mais

M a n u a l d o S i s u 2 0 1 4 P á g i n a 1

M a n u a l d o S i s u 2 0 1 4 P á g i n a 1 M a n u a l d o S i s u 2 0 1 4 P á g i n a 1 O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) consiste num ambiente virtual criado e gerenciado pelo Ministério da Educação desde 2010. Funciona com um processo seletivo

Leia mais

M a n u a l E n e m 2 0 1 5 P á g i n a 1. Manual do Enem 2015

M a n u a l E n e m 2 0 1 5 P á g i n a 1. Manual do Enem 2015 M a n u a l E n e m 2 0 1 5 P á g i n a 1 Manual do Enem 2015 Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), segundo o INEP, tinha o objetivo de avaliar o desempenho do aluno ao término da escolaridade

Leia mais

PERGUNTAS FREQUENTES PS 2014

PERGUNTAS FREQUENTES PS 2014 1) Como funciona o vestibular da UFPA? PERGUNTAS FREQUENTES PS 2014 A partir do Processo Seletivo 2014 (PS 2014), a UFPA passa a adotar o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) como única fase do vestibular.

Leia mais

M a n u a l E n e m 2 0 1 4 P á g i n a 1

M a n u a l E n e m 2 0 1 4 P á g i n a 1 M a n u a l E n e m 2 0 1 4 P á g i n a 1 Criado em 1998, o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), segundo o próprio INEP, tinha o objetivo de avaliar o desempenho do aluno ao término da escolaridade básica,

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PROCESSOS SELETIVOS. EDITAL Nº 203 - DIPS/UFLA, de 19 de maio de 2015

UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PROCESSOS SELETIVOS. EDITAL Nº 203 - DIPS/UFLA, de 19 de maio de 2015 UNIVERSIDADE FEDERAL DE LAVRAS PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO DIRETORIA DE PROCESSOS SELETIVOS EDITAL Nº 203 - DIPS/UFLA, de 19 de maio de 2015 SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA - SISU VERSÃO 2015/2 A Pró-Reitoria

Leia mais

ProUni Programa Universidade para Todos

ProUni Programa Universidade para Todos ProUni Programa Universidade para Todos Rod. SP 95 João Beira Sentido Amparo-Pedreira KM: 46,5 Bairro Modelo CEP: 13905-529 Amparo SP www.unifia.edu.br unifia@unifia.edu.br (19)3907-9870 Entenda o ProUni

Leia mais

CALENDÁRIO 2º SEMESTRE 2011 3º ANO DO ENSINO MÉDIO

CALENDÁRIO 2º SEMESTRE 2011 3º ANO DO ENSINO MÉDIO CALENDÁRIO 2º SEMESTRE 2011 3º ANO DO ENSINO MÉDIO DATA ATIVIDADE AGOSTO 01 Início das aulas-2º Semestre 1/8 à 15/9 Inscrições no ITA 8/8 à 12/8 Início da Apostila 01 13/8 à 15/10 A Hora do Vestibular-Biblioteca

Leia mais

FIES + P ROUNI. 5. Qual o percentual de bolsas complementares para os cursos de Belo Horizonte e para os cursos de Contagem?

FIES + P ROUNI. 5. Qual o percentual de bolsas complementares para os cursos de Belo Horizonte e para os cursos de Contagem? FIES + P ROUNI A UNA, uma Instituição que faz diferença no tempo e no espaço que está inserida, que participa da comunidade e sabe da sua importância na formação de profissionais e de cidadãos, oferece

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA. NOVO ENEM E SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA. NOVO ENEM E SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR TERMO DE REFERÊNCIA. NOVO ENEM E SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA I. NOVO ENEM. POSSIBILIDADES DE UTILIZAÇÃO PARA SELEÇÃO DE INGRESSANTES NA EDUCAÇÃO

Leia mais

1 - Conhecendo o Prouni 1.1 - O que é o Prouni (Programa Universidade para Todos)?

1 - Conhecendo o Prouni 1.1 - O que é o Prouni (Programa Universidade para Todos)? 1 - Conhecendo o Prouni 1.1 - O que é o Prouni (Programa Universidade para Todos)? É um programa do Ministério da Educação, criado pelo Governo Federal em 2004, que oferece bolsas de estudos em instituições

Leia mais

1.2. Quais são as condições do financiamento para novos contratos?

1.2. Quais são as condições do financiamento para novos contratos? Tire suas dúvidas 1. CONHECENDO O FIES 1.1. O que é o Fies? O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), criado pela Lei nº 10.260, de 12 de julho de 2001, é o programa do Ministério da Educação que financia

Leia mais

A matrícula será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro de 2015, no horário das 8 às 16 horas.

A matrícula será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro de 2015, no horário das 8 às 16 horas. Perguntas frequentes: 1) Quais os dias de prova do Vestibular Univale 2016? Você pode escolher qual o melhor dia para fazer as provas do Vestibular Univale 2016. 28 de novembro de 2015 (sábado), das 15

Leia mais

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 005/2010 EXAME DE SELEÇÃO 2011/1 - UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2016

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2016 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2016 O Reitor da Universidade Federal da Bahia, no uso das suas

Leia mais

Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210

Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210 MANUAL DO CANDIDATO Informações: Secretaria Acadêmica / Faculdade Catuaí Rua Bento Munhoz da Rocha Neto, nº 210 Telefones: (43) 3174-5454 ou 3174-5464 E-mail: secretaria@faculdadecatuai.com.br Horário:

Leia mais

Fundo de Financiamento Estudantil Fies

Fundo de Financiamento Estudantil Fies Fundo de Financiamento Estudantil Fies Fies Lei nº 10.260, de 12 de julho de 2001 Fundo de natureza contábil, destinado à concessão de financiamento a estudantes regularmente matriculados em cursos superiores

Leia mais

UnB adota SiSU como forma de ingresso

UnB adota SiSU como forma de ingresso UnB adota SiSU como forma de ingresso No total, 88 cursos de graduação foram ofertados. Medicina foi o mais concorrido do País Neste ano, a Universidade de Brasília (UnB) adotou, pela primeira vez, ao

Leia mais

ÍNDICE DEZ PERGUNTAS FREQÜENTES SOBRE O ENEM... 3 MARATONA ENEM COMO FORAM ORGANIZADOS O PROVÃO DO FUNDAMENTAL E O PROVÃO DE TREINEIROS...

ÍNDICE DEZ PERGUNTAS FREQÜENTES SOBRE O ENEM... 3 MARATONA ENEM COMO FORAM ORGANIZADOS O PROVÃO DO FUNDAMENTAL E O PROVÃO DE TREINEIROS... 1 ÍNDICE DEZ PERGUNTAS FREQÜENTES SOBRE O ENEM... 3 MARATONA ENEM COMO FORAM ORGANIZADOS O PROVÃO DO FUNDAMENTAL E O PROVÃO DE TREINEIROS... 9 UM DIAGNÓSTICO ATUAL DO APRENDIZADO DO ESTUDANTE USANDO A

Leia mais

EDITAL Nº 12, DE 03 DE JUNHO DE 2015 2º SEMESTRE 2015

EDITAL Nº 12, DE 03 DE JUNHO DE 2015 2º SEMESTRE 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS EDITAL Nº 12, DE 03 DE JUNHO DE 2015 2º SEMESTRE 2015

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2015

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2015 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO PARA ACESSO AOS CURSOS DE GRADUAÇÃO 2015 O Reitor da Universidade Federal da Bahia, no uso das suas

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL Nº 18, DE 5 DE JUNHO DE 2015 PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS - PROUNI

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL Nº 18, DE 5 DE JUNHO DE 2015 PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS - PROUNI MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO SUPERIOR EDITAL Nº 18, DE 5 DE JUNHO DE 2015 PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS - PROUNI PROCESSO SELETIVO - SEGUNDO SEMESTRE DE 2015 O SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2015 EDITAL

PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2015 EDITAL U N I V E R S I D A D E D E P A S S O F U N D O V i c e - R e i t o r i a d e G r a d u a ç ã o S e c r e t a r i a G e r a l d o s C u r s o s Campus I Rodovia BR 285 Km 292,7 - Bairro São José CEP 99052-900

Leia mais

Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior

Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA EDITAL Nº 5, DE 25 DE JUNHO DE 2015 SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA DA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA - SISUTEC INSCRIÇÕES PARA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL 1 SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA EDITAL PROCESSO SELETIVO UFBA - SISU 2015 GRADUAÇÃO, MODALIDADE PRESENCIAL, DOS CANDIDATOS SELECIONADOS PELO SISU, COM BASE

Leia mais

Política de Bolsas e Financiamentos

Política de Bolsas e Financiamentos Política de Bolsas e Financiamentos Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

QUADRO RESUMO. Figura: Fonte UOL. Segundo o IBGE, a soma do percentual de pretos, pardos e indígenas no estado de Minas Gerais é de 53,6%.

QUADRO RESUMO. Figura: Fonte UOL. Segundo o IBGE, a soma do percentual de pretos, pardos e indígenas no estado de Minas Gerais é de 53,6%. O IFMG E A LEI DAS COTAS Atendendo a Lei nº 12.711 de 29/08/2012, o Decreto nº 7.284 de 11/10/2012 e a Portaria Normativa nº 18 MEC de 11/10/2012 o IFMG reservará, no Vestibular e Exame de Seleção 2013/2,

Leia mais

1. Destinação das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo

1. Destinação das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo O presente edital tem por objetivo determinar o lançamento do Programa de Concessão de Bolsas de Estudo para o Campus Tijuca, Campus Cabo Frio, Campus Barra da Tijuca e Campus Centro, aos candidatos a

Leia mais

Edital nº 001/15 Processo Seletivo 2015/1

Edital nº 001/15 Processo Seletivo 2015/1 Vestibular Edital nº 001/15 Processo Seletivo 2015/1 Comissão do Processo Seletivo - CoProS A Diretora Geral da Faculdade Integrada de Goiás FIG, com base em dispositivos constantes em seu Regimento, de

Leia mais

1. Natureza das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo

1. Natureza das Bolsas de Estudo. 2. Da Distribuição de Bolsas de Estudo O presente edital tem por objetivo determinar o lançamento do Programa de Concessão de Bolsas de Estudo para o Campus Tijuca, Campus Cabo Frio, Campus Barra da Tijuca e Campus Centro, aos candidatos a

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS SECRETARIA DA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA EDITAL Nº 56/ 2015

UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS SECRETARIA DA PRÓ-REITORIA ACADÊMICA EDITAL Nº 56/ 2015 EDITAL Nº 56/ 2015 atribuições, A Pró-Reitoria Acadêmica da Universidade Católica de Pelotas, no uso de suas R E S O L V E: 1. Estabelecer o número de vagas destinadas à MONITORIA para o semestre 2015/2,

Leia mais

EDUCAÇÃO SUPERIOR: AVANÇOS E PERSPECTIVAS

EDUCAÇÃO SUPERIOR: AVANÇOS E PERSPECTIVAS Ministério da Educação Secretaria de Educação Superior Diretoria de Políticas e Programas para a Graduação EDUCAÇÃO SUPERIOR: AVANÇOS E PERSPECTIVAS Brasil : ciclo virtuoso na educação Banco Mundial: Última

Leia mais

PROGRAMA FACULDADE PARA TODOS INFORMES URGENTES REGRAS PARA INSRIÇÃO FIES PARA OS CANDIDATOS 2015.2

PROGRAMA FACULDADE PARA TODOS INFORMES URGENTES REGRAS PARA INSRIÇÃO FIES PARA OS CANDIDATOS 2015.2 INFORMES URGENTES REGRAS PARA INSRIÇÃO FIES PARA OS CANDIDATOS 2015.2 Art. 7º As propostas do número de vagas a serem ofertadas no âmbito do processo seletivo do Fies referente ao segundo semestre de 2015,

Leia mais

Fundo de Financiamento Estudantil - Fies

Fundo de Financiamento Estudantil - Fies Secretaria de Superior Diretoria de Políticas e Programas de Graduação - Fies Processo seletivo 1º/2016 Dezembro/2015 Processo seletivo 1º/2016 - ETAPAS Publicação de Portaria MEC com as regras Adesão

Leia mais

APOIO A PROJETOS ESPECÍFICOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME E GRUPOS DE PME BRASILEIRAS FIERGS REFERÊNCIA DO PEDIDO: 08

APOIO A PROJETOS ESPECÍFICOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME E GRUPOS DE PME BRASILEIRAS FIERGS REFERÊNCIA DO PEDIDO: 08 APOIO A PROJETOS ESPECÍFICOS DE INTERNACIONALIZAÇÃO DE PME E GRUPOS DE PME BRASILEIRAS FIERGS REFERÊNCIA: ALA/BRA/2004/6189 ABDI/PAIIPME/01 REFERÊNCIA: ALA/BRA/2004/6189 ABDI/PAIIPME/01 REFERÊNCIA DO PEDIDO:

Leia mais

Orientações Preliminares. Professor Fábio Vinícius

Orientações Preliminares. Professor Fábio Vinícius Orientações Preliminares Professor Fábio Vinícius O ENEM O ENEM foi criado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), sob a supervisão do Ministério da Educação (MEC), em 1998,

Leia mais

Prepare-se para Faculdade. Leticia Bechara Pedagoga e Coordenadora Trevisan Escola de Negócios

Prepare-se para Faculdade. Leticia Bechara Pedagoga e Coordenadora Trevisan Escola de Negócios Prepare-se para Faculdade Leticia Bechara Pedagoga e Coordenadora Trevisan Escola de Negócios Sucesso $$$ sonho habilidade Passos para Faculdade 1- Conhecer você mesmo. 2- Características da faculdade.

Leia mais

FACULDADE MURIALDO Credenciada pelo MEC (Portaria 1257/de 16/09/ 2011) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2013

FACULDADE MURIALDO Credenciada pelo MEC (Portaria 1257/de 16/09/ 2011) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2013 FACULDADE MURIALDO Credenciada pelo MEC (Portaria 1257/de 16/09/ 2011) EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DE INVERNO 2013 A Faculdade Murialdo, instalada na Rua Marquês do Herval, 701, Centro de Caxias do Sul,

Leia mais

PROCESSOS SELETIVOS 2016/1 NO IFG DÚVIDAS FREQUENTES

PROCESSOS SELETIVOS 2016/1 NO IFG DÚVIDAS FREQUENTES PROCESSOS SELETIVOS 2016/1 NO IFG DÚVIDAS FREQUENTES QUAL A DIFERENÇA ENTRE O VESTIBULAR E O TÉCNICO INTEGRADO? O Vestibular seleciona candidatos para os diversos cursos superiores oferecidos pelo IFG.

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO REITORIA. EDITAL N.º 001/2015 de 07/01/2015 PROCESSO SELETIVO 2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO REITORIA. EDITAL N.º 001/2015 de 07/01/2015 PROCESSO SELETIVO 2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO REITORIA EDITAL N.º 001/2015 de 07/01/2015 PROCESSO SELETIVO 2015 O reitor em exercício da reitoria da Universidade Federal de Mato Grosso

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PROGRAMA INGLÊS SEM FRONTEIRAS NÚCLEO DE LÍNGUAS - NucLi EDITAL Nº 03, DE 13 DE OUTUBRO DE 2014

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS PROGRAMA INGLÊS SEM FRONTEIRAS NÚCLEO DE LÍNGUAS - NucLi EDITAL Nº 03, DE 13 DE OUTUBRO DE 2014 EDITAL Nº 03, DE 13 DE OUTUBRO DE 2014 Edital nº 03, de 13 de outubro de 2014, da Universidade Federal de Pelotas UFPEL, referente ao processo seletivo simplificado para a função de PROFESSOR BOLSISTA

Leia mais

Ministério da Educação Secretaria de Educação Superior Diretoria de Políticas e Programas de Graduação. Sistema de Seleção Unificada - SISU

Ministério da Educação Secretaria de Educação Superior Diretoria de Políticas e Programas de Graduação. Sistema de Seleção Unificada - SISU Perguntas Frequentes Ministério da Educação Secretaria de Educação Superior Diretoria de Políticas e Programas de Graduação Sistema de Seleção Unificada - SISU 1 - O que é o Sistema de Seleção Unificada

Leia mais

AÇÃO AFIRMATIVA NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: PASSADO E FUTURO

AÇÃO AFIRMATIVA NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: PASSADO E FUTURO Grupo de Estudos Multidisciplinares da Ação Afirmativa AÇÃO AFIRMATIVA NA EDUCAÇÃO SUPERIOR: PASSADO E FUTURO João Feres Júnior IESP-UERJ Veronica Toste Daflon IESP-UERJ Passado A distribuição nacional

Leia mais

DIVULGAÇÃO FINAL DOS RESULTADOS

DIVULGAÇÃO FINAL DOS RESULTADOS DIVULGAÇÃO FINAL DOS RESULTADOS COTAS APROVADAS - EDITAL 14/2012 - BOLSAS DE MESTRADO INSTITUIÇÃO PPG aprovados FEEVALE Diversidade e Inclusão 2 FEEVALE Processos e Manifestações Culturais 2 FEEVALE Qualidade

Leia mais

Política de Bolsas e Financiamentos

Política de Bolsas e Financiamentos Política de Bolsas e Financiamentos Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que

Leia mais

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO AMAZONAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS Gabinete da Reitora EDITAL Nº 27/2009

FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO AMAZONAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS Gabinete da Reitora EDITAL Nº 27/2009 FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO AMAZONAS UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS Gabinete da Reitora EDITAL Nº 27/2009 A FUNDAÇÃO UNIVERSIDADE DO AMAZONAS torna público que o Processo Seletivo para preenchimento de

Leia mais

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE 2009

Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE 2009 Ministério da Educação Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira RESUMO TÉCNICO CENSO DA EDUCAÇÃO SUPERIOR DE 2009 Brasília DF 2010 SUMÁRIO APRESENTAÇÃO... 5 PROCESSO DE COLETA

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Pró-Reitoria de Graduação Diretoria de Processos Seletivos

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA Pró-Reitoria de Graduação Diretoria de Processos Seletivos EDITAL Nº 09-C, DE 08 DE JANEIRO DE 2014, COMPLEMENTAR AO EDITAL N o 09, DE 19 DE DEZEMBRO DE 2013, PARA OS CURSOS QUE EXIGEM CERTIFICAÇÃO EM HABILIDADES ESPECÍFICAS PROCESSO SELETIVO UFU EDIÇÃO 2014-1

Leia mais

EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES

EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES EDITAL Nº 010/2012 VESTIBULAR DE VERÃO 2013/1- UCEFF FACULDADES 1. ABERTURA A Faculdade de Empresarial de Chapecó mantida pela Unidade Central de Educação FAEM Faculdade Ldta UCEFF Faculdades, de acordo

Leia mais

ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING EDITAL Nº 29, DE 16 DE SETEMBRO DE 2014. PROCESSO SELETIVO VERÃO 2015

ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING EDITAL Nº 29, DE 16 DE SETEMBRO DE 2014. PROCESSO SELETIVO VERÃO 2015 ESCOLA SUPERIOR DE GESTÃO COMERCIAL E MARKETING EDITAL Nº 29, DE 16 DE SETEMBRO DE 2014. PROCESSO SELETIVO VERÃO 2015 Art. 1º A Escola Superior de Gestão Comercial e Marketing (ESIC), e por sua Comissão

Leia mais

CENTRO UNIVERSITÁRIO LA SALLE EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE ALUNOS 2014/1 EDITAL N.º 023/2013

CENTRO UNIVERSITÁRIO LA SALLE EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE ALUNOS 2014/1 EDITAL N.º 023/2013 1. ABERTURA CENTRO UNIVERSITÁRIO LA SALLE EDITAL DO PROCESSO DE SELEÇÃO DE ALUNOS 2014/1 EDITAL N.º 023/2013 O Reitor do Centro Universitário La Salle UNILASALLE, na forma do que dispõe o art. 44, Inciso

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 2º edição de 2013 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

1º PASSO: ACESSAR O SITE DA SELEÇÃO DO FIES: http://fiesselecao.mec.gov.br/

1º PASSO: ACESSAR O SITE DA SELEÇÃO DO FIES: http://fiesselecao.mec.gov.br/ GESTÃO DE FINANCIAMENTOS DA FACULDADE AGES AGOSTO DE 2015 1º PASSO: ACESSAR O SITE DA SELEÇÃO DO FIES: http://fiesselecao.mec.gov.br/ O SITE DA SELEÇÃO PODERÁ TAMBÉM SER ACESSADO ATRAVÉS DO ENDEREÇO: http://sisfiesportal.mec.gov.br/

Leia mais

Passo a passo para inscrição no Processo Seletivo UFES 2016

Passo a passo para inscrição no Processo Seletivo UFES 2016 Passo a passo para inscrição no Processo Seletivo UFES 2016 A UFES torna público que estão abertas no período de 22/08 a 22/09 as inscrições para o PS UFES 2016. Leia atentamente o Edital Nº 08/2015- CCV/UFES,

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Participação - 1º edição de 2012

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Participação - 1º edição de 2012 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Participação - 1º edição de 2012 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior

Leia mais

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA TRANSFERÊNCIAS DE CURSO COM BOLSA PROUNI 2015/2

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA TRANSFERÊNCIAS DE CURSO COM BOLSA PROUNI 2015/2 PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA TRANSFERÊNCIAS DE CURSO COM BOLSA PROUNI 2015/2 1. Abertura O Coordenador do PROUNI, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos UNISINOS,

Leia mais

ThaO que é o FIES? Quem pode solicitar o FIES?

ThaO que é o FIES? Quem pode solicitar o FIES? ThaO que é o FIES? O Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) é um programa do Ministério da Educação (MEC) destinado à concessão de financiamento a estudantes regularmente matriculados em cursos superiores

Leia mais

REFORMA UNIVERSITÁRIA

REFORMA UNIVERSITÁRIA Comentários da Profa. Dra. MARIA BEATRIZ LUCE (Coord. Núcleo Política Gestão Educação - UFRGS e membro CNE/ Brasil) Conferência DESAFIOS DA REFORMA DA EDUCAÇÃO SUPERIOR NO BRASIL: ACESSO, EXPANSÃO E RELAÇÕES

Leia mais

EDITAL Nº 03/2015 de 09 de Março de 2015.

EDITAL Nº 03/2015 de 09 de Março de 2015. EDITAL Nº 03/2015 de 09 de Março de 2015. O Pró-Reitor de Graduação, considerando o disposto no parágrafo 3º da RESOLUÇÃO/UEPB/CONSEPE/0592014, torna público que estarão abertas nos dias 10 e 11/03 as

Leia mais

Coordenação do Processo Seletivo

Coordenação do Processo Seletivo Coordenação do Processo Seletivo Edital nº 002/12 Processo Seletivo Inverno 2012/2 A Diretora Geral da Faculdade Catuaí, mantida pela Associação de Ensino de Cambé, com base em dispositivos constantes

Leia mais

UNIFACS. As melhores NOTAS NO VESTIBULAR Ganham BOLSA NA UNIFACS. unifacs.br

UNIFACS. As melhores NOTAS NO VESTIBULAR Ganham BOLSA NA UNIFACS. unifacs.br seletiva UNIFACS As melhores NOTAS NO VESTIBULAR Ganham BOLSA NA UNIFACS unifacs.br 1. Objetivo Estabelecer diretrizes, critérios e condições para a concessão de bolsa parcial de aos candidatos aprovados

Leia mais

FACULDADE MURIALDO Credenciada pelo MEC (Portaria 1257 de 16/09/ 2011) EDITAL EXTRA VESTIBULAR 2016/1

FACULDADE MURIALDO Credenciada pelo MEC (Portaria 1257 de 16/09/ 2011) EDITAL EXTRA VESTIBULAR 2016/1 FACULDADE MURIALDO Credenciada pelo MEC (Portaria 1257 de 16/09/ 2011) EDITAL EXTRA VESTIBULAR 2016/1 A FACULDADE MURIALDO, instalada na Rua Marquês do Herval, 701, Centro de Caxias do Sul, Estado do Rio

Leia mais

Prouni. O que é? Quem pode aderir? Quando o estudante pode se inscrever? Como funciona?

Prouni. O que é? Quem pode aderir? Quando o estudante pode se inscrever? Como funciona? Índice O que é? Quem pode aderir? Quando o estudante pode se inscrever? Como funciona? Documentos para inscrição Chamadas, pré-seleção e aprovação: Notas de corte Como calcular a renda familiar bruta mensal

Leia mais

VESTIBULAR DE LICENCIATURA EM MÚSICA

VESTIBULAR DE LICENCIATURA EM MÚSICA 1. ABERTURA O REITOR DO INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SERTÃO PERNAMBUCANO - IF SERTÃO-PE, no uso de suas atribuições legais, em conformidade com a Lei nº 9.394/96 (LDB), a Portaria

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PROCESSOS SELETIVOS PARA OCUPAÇÃO DE VAGAS NA UFG 2015

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS PROCESSOS SELETIVOS PARA OCUPAÇÃO DE VAGAS NA UFG 2015 PROCESSOS SELETIVOS PARA OCUPAÇÃO DE VAGAS NA UFG 2015 SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA SISU-2015 Total de vagas oferecidas 6285 Goiânia 3925 86 cursos Jataí 1080 25 cursos Catalão 990 21 cursos Goiás 290

Leia mais

EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA SEMESTRE 2015/2

EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA SEMESTRE 2015/2 Admissão EDITAL PARA INGRESSO NO PROGRAMA DE PÓS- GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA QUÍMICA SEMESTRE 2015/2 A admissão no PPGEQ da UFRGS é feita em duas etapas: inscrição e seleção. 1 INSCRIÇÃO As inscrições para

Leia mais

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2

EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 EDITAL Nº 04/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2014/2 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2015 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

Sistema Fies Oferta de Vagas Processo seletivo 2º/2015

Sistema Fies Oferta de Vagas Processo seletivo 2º/2015 Secretaria de Superior Diretoria de Políticas e Programas de Graduação - Fies Sistema Fies Oferta de Vagas Processo seletivo 2º/2015 Julho/2015 PROCESSO SELETIVO 2º/2015 Publicação da Portaria Normativa

Leia mais

II. Inscrição 3. As inscrições para o Vestibular estarão abertas no período de 6 de janeiro de 2015 a 28 de fevereiro de 2015 e poderão ser feitas:

II. Inscrição 3. As inscrições para o Vestibular estarão abertas no período de 6 de janeiro de 2015 a 28 de fevereiro de 2015 e poderão ser feitas: EDITAL DO PROCESSO SELETIVO DA FACULDADE DE MEDICINA DO ABC VESTIBULAR AGENDADO 2015 (Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Gestão Hospitalar, Nutrição, S. Ambiental e T. Ocupacional) A Faculdade de Medicina

Leia mais

ProUni. Page 1 of 6. http://prouni.mec.gov.br/prouni2006/relatorios/2aviatermo/impressao_1_07.asp

ProUni. Page 1 of 6. http://prouni.mec.gov.br/prouni2006/relatorios/2aviatermo/impressao_1_07.asp Page 1 of 6 Ministério da Educação MEC Secretaria de Educação Superior SESu Diretoria de Políticas e Programas de Graduação Dipes Programa Universidade para Todos Prouni Termo Aditivo 2º Semestre de 2013

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO. EDITAL COMPLEMENTAR N o 29/2015

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO. EDITAL COMPLEMENTAR N o 29/2015 MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO EDITAL COMPLEMENTAR N o 29/2015 CONVOCAÇÃO DE CANDIDATOS INSCRITOS NA LISTA DE ESPERA DO SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA (SiSU) PARA PREENCHIMENTO

Leia mais

EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSISTAS

EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSISTAS PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DO RIO GRANDE DO SUL PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO FACULDADE DE PSICOLOGIA PROGRAMA DE EDUCAÇÃO TUTORIAL EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSISTAS O Programa de Educação Tutorial (PET)

Leia mais

igualdade e inclusão na universidade um guia rápido para ingressar, permanecer e concluir o Ensino Superior

igualdade e inclusão na universidade um guia rápido para ingressar, permanecer e concluir o Ensino Superior i gual dadeei ncl us ãona uni v er s i dade um gui ar ápi dopar ai ngr es s ar,per manecereconcl ui roens i nosuper i or igualdade e inclusão na universidade um guia rápido para ingressar, permanecer e

Leia mais

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2014

Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2014 Ministério da Educação - MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Sistema de Seleção Unificada - Sisu Termo de Adesão - 1ª edição de 2014 1 - Dados cadastrais da Instituição de Educação Superior - IES

Leia mais

Turno de funcionamento. integral (noite/manhã)

Turno de funcionamento. integral (noite/manhã) CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIVATES EDITAL DE 31 DE AGOSTO DE 2015 PROCESSO SELETIVO VESTIBULAR PARA O ANO DE 2016 (Processo Seletivo Vestibular 2016, Processo Seletivo Vestibular Complementar 2016/A e Processo

Leia mais

Legislação do curso. Vagas. 45 Noturno 45

Legislação do curso. Vagas. 45 Noturno 45 De acordo com a Lei nº 9.394 de 20/12/96 e o Regimento Geral, a Reitora da Universidade Salvador - UNIFACS, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições para o Processo Seletivo

Leia mais

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Superior

Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará. Eixo Temático Educação Superior Documento Base do Plano Estadual de Educação do Ceará Eixo Temático Educação Superior Ceará, 2015 1 Socioeconômico Diagnóstico Para compreender a situação da educação no estado do Ceará é necessário também

Leia mais

Crédito Estudantil Ibmec

Crédito Estudantil Ibmec Crédito Estudantil Ibmec Queremos receber bons estudantes e torná-los excelentes alunos. Olhando para o futuro, também queremos que eles sejam os melhores profissionais do mercado. Sabemos que ter uma

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE ENSINO

UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO PRÓ-REITORIA DE ENSINO EDITAL 07/2012 - PROEN (Processo Seletivo de Vagas Ociosas para Ingresso nos Cursos de Graduação em 1º/2012) A UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO, por intermédio da Pró- Reitoria de Ensino (PROEN), com base

Leia mais

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO COMISSÃO DE PROCESSOS VESTIBULARES COMPROV

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO COMISSÃO DE PROCESSOS VESTIBULARES COMPROV SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE PRÓ-REITORIA DE ENSINO COMISSÃO DE PROCESSOS VESTIBULARES COMPROV EDITAL PRE Nº 021/2015 Processo Seletivo SiSU 2015.2 A Universidade Federal

Leia mais

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA TRANSFERÊNCIAS DE CURSO COM BOLSA PROUNI 2015/1

PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA TRANSFERÊNCIAS DE CURSO COM BOLSA PROUNI 2015/1 PROGRAMA UNIVERSIDADE PARA TODOS PROUNI EDITAL DE INSCRIÇÃO PARA TRANSFERÊNCIAS DE CURSO COM BOLSA PROUNI 2015/1 1. Abertura O Coordenador do PROUNI, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos UNISINOS,

Leia mais

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015

EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 EDITAL Nº 35/2014 EDITAL DE ABERTURA DO VESTIBULAR 2015 A Comissão Coordenadora do Processo Seletivo das Faculdades Integradas de Vitória FDV, para conhecimento de todos os interessados, torna público

Leia mais

PROCESSO SELETIVO DE VERÃO 2015 EDITAL

PROCESSO SELETIVO DE VERÃO 2015 EDITAL U N I V E R S I D A D E D E P A S S O F U N D O V i c e - R e i t o r i a d e G r a d u a ç ã o S e c r e t a r i a G e r a l d o s C u r s o s Campus I Rodovia BR 285 Km 292,7 - Bairro São José CEP 99052-900

Leia mais

INFORMAÇÕES REFERENTES AOS CURSOS:

INFORMAÇÕES REFERENTES AOS CURSOS: De acordo com a Lei nº 9.394 de 20/12/96 e o Regimento Geral, a Reitora da Universidade Salvador - UNIFACS, no uso de suas atribuições, torna pública a abertura das inscrições do Processo Seletivo UNIFACS

Leia mais

EDITAL Nº 01/COPERVE/2016

EDITAL Nº 01/COPERVE/2016 EDITAL Nº 01/COPERVE/2016 A Universidade Federal de Santa Catarina UFSC, através da Comissão Permanente do Vestibular COPERVE, considerando o disposto na Portaria Normativa MEC nº 21, de 05 de novembro

Leia mais