12/31/00. Segurança da Informação e Crimes Digitais. Disclosure

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "12/31/00. Segurança da Informação e Crimes Digitais. Disclosure"

Transcrição

1 l Richard 12/31/00 Segurança da Informação e Crimes Digitais Marcelo Caiado, M.Sc., CISSP, GCFA, EnCE, GCIH Chefe da Divisão de Segurança da Informação Procuradoria Geral da República Disclosure 1. O 2. As 3. As palestrante não recebeu nenhum pagamento por parte dos organizadores menções de fabricantes e produtos são apenas para efeitos ilustrativos opiniões são pessoais do palestrante, e não retratam o entendimento oficial do MPF "If you spend more on coffee than on IT security, then you will be hacked. What's more, you deserve to be hacked." A. Clarke 1

2 Fraudes cibernéticas Fonte: Fraudes cibernéticas Fraudes cibernéticas l Case Target 2

3 Países mais afetados - Online banking Malware (fonte: TrendMicro) - Crescimento substancial em transações via dispositivos móveis Alvos Modus Operandi(MO) no Crime Cibernético Phishing Scam Spear Phishing Trojan / Virus SQL Injection Bots Scareware XSS Drive by download 9 3

4 Comportamento Hacker Vazamento de dados Modo Hacking 10 Crimes cibernéticos Elementos fundamentais (3) Não use senhas fáceis nevermind password strongpassword pipoca arroba aleluia starwars Chewbaka panela samsung Thinkcentre c4r4mb qazwsx asdzxc senha Vazamentos de informações Era da informação: o valor dos dados Onipresente Mecanismos de segurança completos para proteção aos dados Pontos mais fracos são o principal alvo Desastres em razão de um único ponto de vazamento Todos os dados podem ser roubados e destruídos se o ponto mais fraco é invadido Não há 100% de segurança garantida Proteção contra possíveis ameaças e em pontos vulneráveis 12 4

5 Tendências nas ameaças Cada vez mais programas maliciosos Roubo de informações pessoais (PII) para venda Dados confidenciais roubados por organizações Ameaças ao País Exploração de dispositivos móveis O crime está cada vez mais organizado e transnacional Hacktivismo 13 Engenharia Social 14 Segurança habilita o funcionamento da empresa Confidencialidade, Integridade e Disponibilidade Abordagem equivocada e complacência Segurança é apenas um custo, ou somente é pensada após um sério incidente O Valor da Segurança Métricas, proteção e prevenção 15 5

6 Perícia Digital PREPARAÇÃO IDENTIFICAÇÃO CONTENÇÃO ERRADICAÇÃO RESTAURAÇÃO LIÇÕES APRENDIDAS 16 Perícia Digital Incremento dos crimes cibernéticos Restrições orçamentárias e de pessoal Falta de cultura de segurança no Brasil Utilização de criptografia e anti-forense Comprometimento da alta administração Novas mídias MOM Meios Oportunidade Motivação 17 Perícia Digital Formação Legado de poucos profissionais Sólida base em ciência da computação Importância da experiência Área de elevados níveis de confidencialidade Conhecimentos multidisciplinares TI, Jurídico, RH, Investigação, etc Elevados investimentos Certificações: devem ser um caminho e não um fim Norma Complementar nº 17/IN01/DSIC/GSIPR 18 6

7 Caso real (1) Caso real (2) Caso real (3) CPI DA ESPIONAGEM - RELATÓRIO FINAL Comissão Parlamentar de Inquérito destinada a investigar a denúncia de existência de um sistema de espionagem, estruturado pelo governo dos Estados Unidos, com o objetivo de monitorar s, ligações telefônicas, dados digitais, além de outras formas de captar informações privilegiadas ou protegidas pela Constituição Federal 7

8 Caso real (4) Caso real (5) Links DFIR HTCIA Brasilia - SANS Hacker Techniques, Exploits & Incident Handling (SEC 504 GCIH) - (24/9 - Brasilia ) Schneier on Security - https://www.schneier.com/ Krebs on Security - SANS Institute Blogs - 8

9 Conclusão Temos de identificar e deter as pessoas por trás desses teclados de computador e uma vez que identificá-las ( ) devemos elaborar uma resposta que seja eficiente não apenas contra o que ataque específico, mas para toda a atividade ilegal semelhante. Robert Mueller, Diretor do FBI Mesmo a melhor infra-estrutura de segurança da informação não pode garantir que intrusões ou outras ações maliciosas não ocorrerão. Quando um incidente de segurança ocorre, torna-se crítico para a organização ter uma maneira eficaz de responder a este incidente. Tradução: CERT/CC CSIRT FAQ

Segurança da Informação em Órgãos Públicos

Segurança da Informação em Órgãos Públicos Segurança da Informação em Órgãos Públicos Marcelo Caiado, M.Sc., CISSP, GCFA, EnCE, GCIH Chefe da Divisão de Segurança da Informação Procuradoria Geral da República marcelobc@mpf.mp.br http://www.tecmundo.com.br/privacidade/80767-brasilexposed-crise-seguranca-internet-brasileira.htm

Leia mais

Introdução a Segurança de Redes Segurança da Informação. Filipe Raulino filipe.raulino@ifrn.edu.br

Introdução a Segurança de Redes Segurança da Informação. Filipe Raulino filipe.raulino@ifrn.edu.br Introdução a Segurança de Redes Segurança da Informação Filipe Raulino filipe.raulino@ifrn.edu.br Objetivos Entender a necessidade de segurança da informação no contexto atual de redes de computadores;

Leia mais

Segurança e Proteção da Informação. Msc. Marcelo Carvalho Tavares marcelo.tavares@unir.br

Segurança e Proteção da Informação. Msc. Marcelo Carvalho Tavares marcelo.tavares@unir.br Segurança e Proteção da Informação Msc. Marcelo Carvalho Tavares marcelo.tavares@unir.br 1 Segurança da Informação A informação é importante para as organizações? Por que surgiu a necessidade de se utilizar

Leia mais

Papel dos CSIRTs no Cenário Atual de Segurança

Papel dos CSIRTs no Cenário Atual de Segurança Papel dos CSIRTs no Cenário Atual de Segurança Cristine Hoepers cristine@nic.br NIC BR Security Office NBSO Brazilian Computer Emergency Response Team Comitê Gestor da Internet no Brasil http://www.nbso.nic.br/

Leia mais

INTERNET BANKING: DICAS DE SEGURANÇA. Palavras-chave: Segurança da Informação; Internet Banking; Fraudes; Riscos.

INTERNET BANKING: DICAS DE SEGURANÇA. Palavras-chave: Segurança da Informação; Internet Banking; Fraudes; Riscos. 1 INTERNET BANKING: DICAS DE SEGURANÇA Alexandre Kaspary 1 Alexandre Ramos 2 Leo Andre Blatt 3 William Rohr 4 Fábio Matias Kerber 5 Palavras-chave: Segurança da Informação; Internet Banking; Fraudes; Riscos.

Leia mais

Agenda. Desafios Gerenciais da Segurança da Informação

Agenda. Desafios Gerenciais da Segurança da Informação Desafios Gerenciais da Segurança da Informação Marcelo Caiado, M.Sc., CISSP, GCFA, EnCE, GCIH Chefe da Divisão de Segurança da Informação Procuradoria Geral da República marcelobc@mpf.mp.br "If you spend

Leia mais

Perícia Computacional Forense. gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br

Perícia Computacional Forense. gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br Perícia Computacional Forense gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br Perícia Computacional Forense gilberto@sudre.com.br http://gilberto.sudre.com.br 3 Agenda» A nova Economia» Segurança da

Leia mais

Por que os hackers amam o seu banco de dados? Renato Bognar Principal System Engineer

Por que os hackers amam o seu banco de dados? Renato Bognar Principal System Engineer Por que os hackers amam o seu banco de dados? Renato Bognar Principal System Engineer O que iremos ver Por que seus bancos de dados são tão atrativos? Quais os pontos de atenção? Quem são os hackers afinal?

Leia mais

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA

Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA 2011 Relatório sobre Segurança da Informação nas Empresas RESULTADOS DA AMÉRICA LATINA SUMÁRIO Introdução... 4 Metodologia... 6 Resultado 1: Cibersegurança é importante para os negócios... 8 Resultado

Leia mais

Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios. Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br

Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios. Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br Segurança e privacidade na era da mobilidade: riscos e desafios Aldo Albuquerque aldo@tempest.com.br Aldo Albuquerque 20 anos de experiência na área de TI, 15 deles relacionados à segurança da informação

Leia mais

Cibersegurança, Gestão de Risco e Adoção de Medidas

Cibersegurança, Gestão de Risco e Adoção de Medidas Workshop: Cibersegurança: Aspetos Económicos Cibersegurança, Gestão de Risco e Adoção de Medidas José A. S. Alegria Direção de Segurança e Privacidade Portugal Telecom Setembro, 2013 Workshop: Cibersegurança:

Leia mais

INTELIGÊNCIA E DEFESA CIBERNÉTICA Estratégias para Combater Crimes Digitais. Prof. Deivison Pinheiro Franco deivison.pfranco@gmail.

INTELIGÊNCIA E DEFESA CIBERNÉTICA Estratégias para Combater Crimes Digitais. Prof. Deivison Pinheiro Franco deivison.pfranco@gmail. INTELIGÊNCIA E DEFESA CIBERNÉTICA Estratégias para Combater Crimes Digitais Prof. Deivison Pinheiro Franco deivison.pfranco@gmail.com Quem Sou Eu? Mestrando em Inovação Tecnológica, Especialista em Ciências

Leia mais

Conscientização sobre a Segurança da Informação. Suas informações pessoais não tem preço, elas estão seguras?

Conscientização sobre a Segurança da Informação. Suas informações pessoais não tem preço, elas estão seguras? Conscientização sobre a Segurança da Informação Suas informações pessoais não tem preço, elas estão seguras? PROFISSIONAIS DE O que é Segurança da Informação? A Segurança da Informação está relacionada

Leia mais

Evolução dos Problemas de Segurança e Formas de Proteção

Evolução dos Problemas de Segurança e Formas de Proteção Evolução dos Problemas de Segurança e Formas de Proteção Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto.br Nic.br http://www.nic.br/ Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no

Leia mais

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA

PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA PROJETO RUMOS DA INDÚSTRIA PAULISTA SEGURANÇA CIBERNÉTICA Fevereiro/2015 SOBRE A PESQUISA Esta pesquisa tem como objetivo entender o nível de maturidade em que as indústrias paulistas se encontram em relação

Leia mais

Prof. Jefferson Costa www.jeffersoncosta.com.br

Prof. Jefferson Costa www.jeffersoncosta.com.br Prof. Jefferson Costa www.jeffersoncosta.com.br Preservação da: confidencialidade: Garantia de que o acesso à informação seja obtido somente por pessoas autorizadas. integridade: Salvaguarda da exatidão

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Plano de Trabalho Docente 2014. Qualificação: Técnico em informática

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Plano de Trabalho Docente 2014. Qualificação: Técnico em informática Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico ETEC RODRIGUES DE ABREU Código: 135 Município: Bauru Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnico em Informática Qualificação:

Leia mais

3º Fórum Brasileiro de CSIRTS

3º Fórum Brasileiro de CSIRTS CENTRO DE DEFESA CIBERNÉTICA 3º Fórum Brasileiro de CSIRTS Cel QEM José Ricardo Souza CAMELO Centro de Defesa Cibernética - CDCiber 1 1 CENTRO DE DEFESA CIBERNÉTICA OBJETIVO Discutir aspectos técnicos

Leia mais

CONTEÚDOS PARA TREINAMENTOS, CURSOS DE CAPACITAÇÃO, PALESTRAS

CONTEÚDOS PARA TREINAMENTOS, CURSOS DE CAPACITAÇÃO, PALESTRAS CONTEÚDOS PARA TREINAMENTOS, CURSOS DE CAPACITAÇÃO, PALESTRAS Os conteúdos listados abaixo são uma prévia dos temas e podem ser adequados ao cliente de acordo com o perfil e demanda da empresa/instituição.

Leia mais

http://cartilha.cert.br/

http://cartilha.cert.br/ http://cartilha.cert.br/ Códigos maliciosos são usados como intermediários e possibilitam a prática de golpes, a realização de ataques e o envio de spam Códigos maliciosos, também conhecidos como pragas

Leia mais

BOAS PRÁTICAS DE SEGURANÇA EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (TI)

BOAS PRÁTICAS DE SEGURANÇA EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (TI) BOAS PRÁTICAS DE SEGURANÇA EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO (TI) André Gustavo Assessor Técnico de Informática MARÇO/2012 Sumário Contextualização Definições Princípios Básicos de Segurança da Informação Ameaças

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Paulino Botelho Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Informação e Comunicação Habilitação Profissional: Técnico em Informática Qualificação:

Leia mais

Sobre o Symantec Internet Security Threat Report

Sobre o Symantec Internet Security Threat Report Sobre o Symantec Internet Security Threat Report O Symantec Internet Security Threat Report apresenta uma atualização semestral das atividades das ameaças na Internet. Nele se incluem as análises dos ataques

Leia mais

Códigos Maliciosos.

Códigos Maliciosos. <Nome> <Instituição> <e-mail> Códigos Maliciosos Agenda Códigos maliciosos Tipos principais Cuidados a serem tomados Créditos Códigos maliciosos (1/3) Programas especificamente desenvolvidos para executar

Leia mais

ILLIX INTELIGÊNCIA E SEGURANÇA

ILLIX INTELIGÊNCIA E SEGURANÇA ILLIX INTELIGÊNCIA E SEGURANÇA SOBRE A ILLIX A ILLIX é uma empresa que provê soluções especializadas em proteção de dados e comunicações, segurança, tecnologia e defesa de negócios. Detectar, prevenir

Leia mais

Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede

Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede Evolução Tecnológica e a Segurança na Rede Miriam von Zuben miriam@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasill Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto br

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICAS CORPORATIVAS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS POLÍTICAS CORPORATIVAS 8 - Política de segurança da informação 8.1 Introdução A informação é um ativo que possui grande valor para a COOPERFEMSA, devendo ser adequadamente utilizada e protegida contra ameaças e riscos. A adoção

Leia mais

CYBERGYM #CG003 POR PROGRAMAS DE TREINO DO +972-46 679 701. www.cybergym.co.il. sales@cybergym.co.il

CYBERGYM #CG003 POR PROGRAMAS DE TREINO DO +972-46 679 701. www.cybergym.co.il. sales@cybergym.co.il CYBERGYM #CG003 POR PROGRAMAS DE TREINO DO FORTALEÇA O ELO HUMANO NA SUA ARMADURA CIBERNÉTICA A CYBERGYM oferece vários tipos de programas de treino, almejando as necessidades da sua organização. Todos

Leia mais

Privacidade. Cristine Hoepers, D.Sc. cristine@cert.br!

Privacidade. Cristine Hoepers, D.Sc. cristine@cert.br! Privacidade Cristine Hoepers, D.Sc. cristine@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Comitê Gestor da Internet

Leia mais

EN-3611 Segurança de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt

EN-3611 Segurança de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt EN-3611 Segurança de Redes Aula 01 Introdução Prof. João Henrique Kleinschmidt Santo André, maio de 2012 Roteiro PARTE I Apresentação da Disciplina PARTE II Introdução à Segurança de Redes Apresentação

Leia mais

Importância dos Grupos de Resposta a Incidentes de Segurança em Computadores

Importância dos Grupos de Resposta a Incidentes de Segurança em Computadores Importância dos Grupos de Resposta a Incidentes de Segurança em Computadores Cristine Hoepers cristine@nic.br NIC BR Security Office NBSO Comitê Gestor da Internet no Brasil http://www.nbso.nic.br/ I Seminário

Leia mais

TEORIA GERAL DE SISTEMAS

TEORIA GERAL DE SISTEMAS TEORIA GERAL DE SISTEMAS Vulnerabilidade dos sistemas e uso indevido Vulnerabilidade do software Softwares comerciais contém falhas que criam vulnerabilidades na segurança Bugs escondidos (defeitos no

Leia mais

Qual a importância da Segurança da Informação para nós? Quais são as características básicas de uma informação segura?

Qual a importância da Segurança da Informação para nós? Quais são as características básicas de uma informação segura? Qual a importância da Segurança da Informação para nós? No nosso dia-a-dia todos nós estamos vulneráveis a novas ameaças. Em contrapartida, procuramos sempre usar alguns recursos para diminuir essa vulnerabilidade,

Leia mais

Segurança de Sistemas

Segurança de Sistemas Faculdade de Tecnologia Senac Pelotas Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Segurança de Sistemas Prof. Edécio Fernando Iepsen Segurança de Sistemas Verificar e definir

Leia mais

ENGENHARIA SOCIAL. Andresa Luchtemberg Pereira 1 Diuli Keiti da Luz Tiscoski 1 Marcos Henrique Henkes 1 Eva Lourdes Pires 2

ENGENHARIA SOCIAL. Andresa Luchtemberg Pereira 1 Diuli Keiti da Luz Tiscoski 1 Marcos Henrique Henkes 1 Eva Lourdes Pires 2 ENGENHARIA SOCIAL Andresa Luchtemberg Pereira 1 Diuli Keiti da Luz Tiscoski 1 Marcos Henrique Henkes 1 Eva Lourdes Pires 2 RESUMO: Engenharia Social é o uso da persuasão humana para obtenção de informações

Leia mais

A Evolução dos Problemas de Segurança e Formas de Proteção

A Evolução dos Problemas de Segurança e Formas de Proteção A Evolução dos Problemas de Segurança e Formas de Proteção Cristine Hoepers cristine@cert.br Klaus Steding-Jessen jessen@cert.br Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil

Leia mais

Noções de Segurança na Internet. Seminário de Tecnologia da Informação Codevasf

Noções de Segurança na Internet. Seminário de Tecnologia da Informação Codevasf Noções de Segurança na Internet Conceitos de Segurança Precauções que devemos tomar contra riscos, perigos ou perdas; É um mal a evitar; Conjunto de convenções sociais, denominadas medidas de segurança.

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Sistema de Gestão da Segurança da Informação (SGSI) (Material Complementar)

Estratégias em Tecnologia da Informação. Sistema de Gestão da Segurança da Informação (SGSI) (Material Complementar) Estratégias em Tecnologia da Informação Sistema de Gestão da Segurança da Informação (SGSI) (Material Complementar) Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina

Leia mais

Códigos Maliciosos. Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br

Códigos Maliciosos. Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br Códigos Maliciosos Prof. MSc. Edilberto Silva edilms@yahoo.com http://www.edilms.eti.br Agenda Códigos maliciosos Tipos principais Cuidados a serem tomados Créditos Códigos maliciosos (1/3) Programas especificamente

Leia mais

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades

Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Computação em Nuvem: Riscos e Vulnerabilidades Bruno Sanchez Lombardero Faculdade Impacta de Tecnologia São Paulo Brasil bruno.lombardero@gmail.com Resumo: Computação em nuvem é um assunto que vem surgindo

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação A segurança da informação está relacionada com proteção de um conjunto de informações, no sentido de preservar o valor que possuem para um indivíduo ou uma organização. Características básicas: Confidencialidade;

Leia mais

GUIA DE TRANQÜILIDADE

GUIA DE TRANQÜILIDADE GUIA DE TRANQÜILIDADE NA INTERNET versão reduzida Você pode navegar com segurança pela Internet. Basta tomar alguns cuidados. Aqui você vai encontrar um resumo com dicas práticas sobre como acessar a Internet

Leia mais

Segurança da Informação Prof. Jeferson Cordini jmcordini@hotmail.com

Segurança da Informação Prof. Jeferson Cordini jmcordini@hotmail.com Segurança da Informação Prof. Jeferson Cordini jmcordini@hotmail.com Segurança da Informação Segurança da Informação está relacionada com proteção de um conjunto de dados, no sentido de preservar o valor

Leia mais

Insider Threats Estamos convidando os inimigos a entrar?

Insider Threats Estamos convidando os inimigos a entrar? Insider Threats Estamos convidando os inimigos a entrar? Miriam von Zuben miriam@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação

Leia mais

Requisitos de controlo de fornecedor externo

Requisitos de controlo de fornecedor externo Requisitos de controlo de fornecedor externo Cibersegurança para fornecedores classificados como baixo risco cibernético Requisito de 1. Proteção de ativos e configuração de sistemas Os dados do Barclays

Leia mais

Incidentes de Segurança em Redes de Governo Cenário Atual e Desafios Futuros

Incidentes de Segurança em Redes de Governo Cenário Atual e Desafios Futuros Incidentes de Segurança em Redes de Governo Cenário Atual e Desafios Futuros 2º Fórum Brasileiro de CSIRTs São Paulo, 17/09/2013 Objetivo Apresentar o atual cenário de incidentes de segurança em redes

Leia mais

Panorama de segurança da informação na Rede Nacional de Ensino e Pesquisa e o papel dos times de segurança

Panorama de segurança da informação na Rede Nacional de Ensino e Pesquisa e o papel dos times de segurança Panorama de segurança da informação na Rede Nacional de Ensino e Pesquisa e o papel dos times de segurança Yuri Alexandro Analista de Segurança da Informação Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança

Leia mais

Não podemos mudar os ventos mas podemos ajustar as velas

Não podemos mudar os ventos mas podemos ajustar as velas Não podemos mudar os ventos mas podemos ajustar as velas Segurança da Informação em Ambientes Informáticos Ética nas Redes Informáticas a) falsidade informática; b) dano sobre dados ou programas informáticos;

Leia mais

Segurança em Internet Banking.

Segurança em Internet Banking. <Nome> <Instituição> <e-mail> Segurança em Internet Banking Agenda Internet Banking Riscos principais Cuidados a serem tomados Créditos Internet Banking (1/4) Permite: realizar ações disponíveis nas agências

Leia mais

Monitoramento e Detecção de Ameaças. IPDI - Instituto de Peritos em Tecnologias Digitais e Telecomunicações

Monitoramento e Detecção de Ameaças. IPDI - Instituto de Peritos em Tecnologias Digitais e Telecomunicações Monitoramento e Detecção de Ameaças IPDI - Instituto de Peritos em Tecnologias Digitais e Telecomunicações Como prevenir e identificar ameaças digitais Visão Geral Características das Ameaças Digitais

Leia mais

VIII Fórum de Auditoria Segurança da Informação VIII. Fórum Estadual de Auditoria. Cláudio Reginaldo Alexandre. Cláudio Reginaldo Alexandre

VIII Fórum de Auditoria Segurança da Informação VIII. Fórum Estadual de Auditoria. Cláudio Reginaldo Alexandre. Cláudio Reginaldo Alexandre VIII Fórum Estadual de Auditoria 1 Panorama Atual Leitura dos Números 2 Fonte: http://www.nbso.nic.br 3 Origem dos Incidentes 2008 Mês Total worm (%) dos (%) invasão (%) aw (%) scan (%) fraude (%) jan

Leia mais

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS PARTE II POLÍTICAS CORPORATIVAS

MANUAL DE CONTROLES INTERNOS PARTE II POLÍTICAS CORPORATIVAS 1 Política de segurança da informação 1.1 Introdução A informação é um ativo que possui grande valor para a COGEM, devendo ser adequadamente utilizada e protegida contra ameaças e riscos. A adoção de políticas

Leia mais

Política de Segurança da Informação

Política de Segurança da Informação Política de Segurança da Informação 29 de janeiro 2014 Define, em nível estratégico, diretivas do Programa de Gestão de Segurança da Informação. ÍNDICE 1 OBJETIVO... 3 2 PÚBLICO ALVO... 3 3 RESPONSABILIDADES

Leia mais

INTRODUÇÃO. O conteúdo programático foi pensado em concursos, assim simularemos algumas questões mais usadas em vestibular e provas de concursos.

INTRODUÇÃO. O conteúdo programático foi pensado em concursos, assim simularemos algumas questões mais usadas em vestibular e provas de concursos. INTRODUÇÃO Essa apostila foi idealizada como suporte as aulas de Informática Educativa do professor Haroldo do Carmo. O conteúdo tem como objetivo a inclusão digital as ferramentas de pesquisas on-line

Leia mais

Sistemas para Internet 06 Ataques na Internet

Sistemas para Internet 06 Ataques na Internet Sistemas para Internet 06 Ataques na Internet Uma visão geral dos ataques listados na Cartilha de Segurança para Internet do CGI Comitê Gestor da Internet Componente Curricular: Bases da Internet Professor:

Leia mais

TEORIA GERAL DE SISTEMAS

TEORIA GERAL DE SISTEMAS TEORIA GERAL DE SISTEMAS Vulnerabilidade dos sistemas e uso indevido Roubo de identidade Hackers e cibervandalismo Roubo de informações pessoais (número de identificação da Previdência Social, número da

Leia mais

4º Fórum Brasileiro de CSIRTs São Paulo, SP 18 de setembro de 2015

4º Fórum Brasileiro de CSIRTs São Paulo, SP 18 de setembro de 2015 4º Fórum Brasileiro de CSIRTs São Paulo, SP 18 de setembro de 2015 Perspectivas e Desafios para 2016 Cristine Hoepers cristine@cert.br Klaus Steding-Jessen jessen@cert.br O que mudou em 2015? Como isso

Leia mais

Gestão da Segurança da Informação

Gestão da Segurança da Informação Gestão da Segurança da Informação Você vai aprender: Conceitos básicos de segurança; Princípios da segurança e o ciclo de vida da informação; Vulnerabilidades de segurança; Ameaças à segurança; Ataques

Leia mais

http://cartilha.cert.br/

http://cartilha.cert.br/ http://cartilha.cert.br/ Via Internet Banking você pode realizar as mesmas ações disponíveis nas agências bancárias, sem enfrentar filas ou ficar restrito aos horários de atendimento Realizar transações

Leia mais

Defesa contra os ataques de phishing direcionados atuais

Defesa contra os ataques de phishing direcionados atuais Defesa contra os ataques de phishing direcionados atuais Introdução O email é phishing ou é legítimo? Essa é a pergunta que os funcionários e especialmente os executivos estão fazendo com frequência cada

Leia mais

Bloqueie ameaças avançadas e proteja dados confidenciais para usuários em roaming

Bloqueie ameaças avançadas e proteja dados confidenciais para usuários em roaming TRITON AP-ENDPOINT Bloqueie ameaças avançadas e proteja dados confidenciais para usuários em roaming Desde danos a reputações até multas e penalidades de agências reguladoras, uma violação de dados pode

Leia mais

Proteção no Ciberespaço da Rede UFBA. CPD - Divisão de Suporte Yuri Alexandro yuri.alexandro@ufba.br

Proteção no Ciberespaço da Rede UFBA. CPD - Divisão de Suporte Yuri Alexandro yuri.alexandro@ufba.br Proteção no Ciberespaço da Rede UFBA CPD - Divisão de Suporte Yuri Alexandro yuri.alexandro@ufba.br Agenda Segurança o que é? Informação o que é? E Segurança da Informação? Segurança da Informação na UFBA

Leia mais

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PARTE 2

SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PARTE 2 SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO PARTE 2 Segurança da Informação A segurança da informação busca reduzir os riscos de vazamentos, fraudes, erros, uso indevido, sabotagens, paralisações, roubo de informações ou

Leia mais

MATC99 Segurança e Auditoria de Sistemas de Informação

MATC99 Segurança e Auditoria de Sistemas de Informação MATC99 Segurança e Auditoria de Sistemas de Informação Malware, scam e fraudes Italo Valcy Fraudes Fraudes na Internet Engenharia social Phishing / Scam Código malicioso Engenharia

Leia mais

Desafios na Segurança da Informação

Desafios na Segurança da Informação Desafios na Segurança da Informação Pedro Carlos da Silva Lara Doutorando em Modelagem Computacional Laboratório Nacional de Computação Científica UFJF 16 de Outubro de 2012 Conteúdo Fundamentos de Segurança

Leia mais

COMPUTAÇÃO APLICADA À ENGENHARIA

COMPUTAÇÃO APLICADA À ENGENHARIA Universidade do Estado do Rio de Janeiro Campus Regional de Resende Curso: Engenharia de Produção COMPUTAÇÃO APLICADA À ENGENHARIA Prof. Gustavo Rangel Globalização expansionismo das empresas = visão

Leia mais

Aula 03 Malware (Parte 01) Visão Geral. Prof. Paulo A. Neukamp

Aula 03 Malware (Parte 01) Visão Geral. Prof. Paulo A. Neukamp Aula 03 Malware (Parte 01) Visão Geral Prof. Paulo A. Neukamp Mallware (Parte 01) Objetivo: Descrever de maneira introdutória o funcionamento de códigos maliciosos e os seus respectivos impactos. Agenda

Leia mais

Guia De Criptografia

Guia De Criptografia Guia De Criptografia Perguntas e repostas sobre a criptografia da informação pessoal Guia para aprender a criptografar sua informação. 2 O que estamos protegendo? Através da criptografia protegemos fotos,

Leia mais

Qualidade. Introdução à Administração de Empresas. Prof. Luiz Antonio 01/03/2007

Qualidade. Introdução à Administração de Empresas. Prof. Luiz Antonio 01/03/2007 Introdução à Administração de Empresas Prof. Luiz Antonio 01/03/2007 Histórico Era Artesanal (séc. XIX) Etapas da produção controladas pelo artesão. Compra dos materiais e insumos Acabamento Entrega do

Leia mais

Guia do funcionário seguro

Guia do funcionário seguro Guia do funcionário seguro INTRODUÇÃO A Segurança da informação em uma empresa é responsabilidade do departamento de T.I. (tecnologia da informação) ou da própria área de Segurança da Informação (geralmente,

Leia mais

Segurança em Dispositivos Móveis.

Segurança em Dispositivos Móveis. <Nome> <Instituição> <e-mail> Segurança em Dispositivos Móveis Agenda Dispositivos móveis Riscos principais Cuidados a serem tomados Créditos Dispositivos móveis (1/2) Tablets, smartphones, celulares,

Leia mais

CARTILHA DE SEGURANÇA

CARTILHA DE SEGURANÇA ESTADO DE SERGIPE TRIBUNAL DE CONTAS DO ESTADO CARTILHA DE SEGURANÇA COORDENADORIA DE INFORMÁTICA Sumário O que é informação... 3 Cuidado com a Engenharia Social... 3 Dicas de Senhas... 4 Recomendações

Leia mais

Novembro/2013. Segurança da Informação BYOD/Redes Sociais Marco Vinicio Barbosa Dutra Coordenador de Segurança

Novembro/2013. Segurança da Informação BYOD/Redes Sociais Marco Vinicio Barbosa Dutra Coordenador de Segurança Novembro/2013 Segurança da Informação BYOD/Redes Sociais Marco Vinicio Barbosa Dutra Coordenador de Segurança Segurança da Informação BYOD/Consumerização Redes Sociais Perguntas Não vendo cofres, vendo

Leia mais

Desafios da Segurança na 3ª Plataforma Tecnológica

Desafios da Segurança na 3ª Plataforma Tecnológica Desafios da Segurança na 3ª Plataforma Tecnológica 1. Situação atual 2. Governação e riscos da segurança da informação 1. Tecnologias em utilização 2 Uma nova plataforma de inovação TI IDC Visit us at

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação Segurança da Informação 2 0 1 3 OBJETIVO O material que chega até você tem o objetivo de dar dicas sobre como manter suas informações pessoais, profissionais e comerciais preservadas. SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO,

Leia mais

Desenvolvimento e disponibilização de Conteúdos para a Internet

Desenvolvimento e disponibilização de Conteúdos para a Internet Desenvolvimento e disponibilização de Conteúdos para a Internet Por Matheus Orion OWASP A Open Web Application Security Project (OWASP) é uma entidade sem fins lucrativos e de reconhecimento internacional,

Leia mais

Auditoria em Tecnologia da Informação

Auditoria em Tecnologia da Informação Auditoria em Tecnologia da Informação Por Especialista em Segurança da Informação (UNESA) Especialista em Gestão Estratégica de Tecnologia da Informação (UFRJ) MCSO Módulo Security Office Auditor Líder

Leia mais

I Seminário sobre Segurança da Informação e Comunicações

I Seminário sobre Segurança da Informação e Comunicações I Seminário sobre Segurança da Informação e Comunicações OBJETIVO CONHECER OS CONCEITOS BÁSICOS MAIS UTILIZADOS NA SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÕES Segurança: Condição daquele ou daquilo em que

Leia mais

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETÁRIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA BAIANO CAMPUS CATU Segurança e Desafios Éticos de e-business Profª. Eneida Rios Crimes

Leia mais

Pensamento do Dia! Bruce Schneier http://www.schneier.com

Pensamento do Dia! Bruce Schneier http://www.schneier.com »»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»««Segurança Preventiva Agenda Estado Actual da Segurança na Internet Abordagem Reactiva vs Abordagem Preventiva Ferramentas de Análise e Diagnóstico Sistemas de Monitorização de

Leia mais

Cartilha de Boas práticas em Segurança da Informação

Cartilha de Boas práticas em Segurança da Informação Cartilha de Boas práticas em Segurança da Informação Classificação: Pública Versão: 1.0 Julho/2012 A Cartilha DS tem como objetivo fornecer dicas de segurança da informação para os usuários da internet,

Leia mais

Segurança da Informação

Segurança da Informação Segurança da Informação Segurança e Vulnerabilidades em Aplicações Web jobona@terra.com.br Definição: Segurança Segundo o dicionário da Wikipédia, o termo segurança significa: 1. Condição ou estado de

Leia mais

Direito Digital Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva

Direito Digital Porque Educação Executiva Insper Cursos de Curta e Média Duração Educação Executiva 1 Porque Educação Executiva Insper A dinâmica do mundo corporativo exige profissionais multidisciplinares, capazes de interagir e formar conexões com diferentes áreas da empresa e entender e se adaptar

Leia mais

Defesa em profundidade utilizando. recursos da Nuvem Microsoft MDC201

Defesa em profundidade utilizando. recursos da Nuvem Microsoft MDC201 Defesa em profundidade utilizando recursos da Nuvem Microsoft MDC201 Defesa em profundidade utilizando recursos da Nuvem Microsoft Quem é o palestrante? Alberto Oliveira CISSP MVP MCTS MCITP MCSA MCSE

Leia mais

Malwares. Algumas das diversas formas como os códigos maliciosos podem infectar ou comprometer um computador são:

Malwares. Algumas das diversas formas como os códigos maliciosos podem infectar ou comprometer um computador são: Malwares Códigos Maliciosos - Malware Códigos maliciosos (malware) são programas especificamente desenvolvidos para executar ações danosas e atividades maliciosas em um computador. Algumas das diversas

Leia mais

Introdução a Segurança da Informação

Introdução a Segurança da Informação Introdução a Segurança da Informação Caio S. Borges 1, Eduardo C. Siqueira 1 1 Faculdade de Informática Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) CEP 90.619-900 Porto Alegre RS Brasil

Leia mais

http://cartilha.cert.br/

http://cartilha.cert.br/ http://cartilha.cert.br/ Manter seu computador seguro é essencial para se proteger dos riscos envolvidos no uso da Internet Um grande risco que você pode correr ao usar a Internet é o de achar que não

Leia mais

3. ( ) Para evitar a contaminação de um arquivo por vírus, é suficiente salvá-lo com a opção de compactação.

3. ( ) Para evitar a contaminação de um arquivo por vírus, é suficiente salvá-lo com a opção de compactação. 1. Com relação a segurança da informação, assinale a opção correta. a) O princípio da privacidade diz respeito à garantia de que um agente não consiga negar falsamente um ato ou documento de sua autoria.

Leia mais

Principais Ameaças na Internet e

Principais Ameaças na Internet e Principais Ameaças na Internet e Recomendações para Prevenção Cristine Hoepers cristine@cert.br Klaus Steding-Jessen jessen@cert.br Esta Apresentação: http://www.cert.br/docs/palestras/ Centro de Estudos,

Leia mais

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente 2014. Ensino Técnico Etec Dr. José Luiz Viana Coutinho Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: Escola Técnica Estadual Dr. José Luiz Viana Coutinho Código: 073 Município: Jales Eixo Tecnológico: Informação

Leia mais

Privacidade na Web. Cristine Hoepers cristine@cert.br!

Privacidade na Web. Cristine Hoepers cristine@cert.br! Privacidade na Web Cristine Hoepers cristine@cert.br! Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR Comitê Gestor da Internet

Leia mais

Curso de Sistemas de Informação 8º período Disciplina: Tópicos Especiais Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-1

Curso de Sistemas de Informação 8º período Disciplina: Tópicos Especiais Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-1 Curso de Sistemas de Informação 8º período Disciplina: Tópicos Especiais Professor: José Maurício S. Pinheiro V. 2009-1 Aula 4 Introdução aos Sistemas Biométricos 1. Identificação, Autenticação e Controle

Leia mais

Gestão Estratégica de Riscos de Segurança da Informação no Setor Público: Práticas com o RealISMS.

Gestão Estratégica de Riscos de Segurança da Informação no Setor Público: Práticas com o RealISMS. Gestão Estratégica de Riscos de Segurança da Informação no Setor Público: Práticas com o RealISMS. Claudio Dodt, ISMAS, CISSP, CISA, ISO 27001 Lead Auditor Business Continuity & Security Senior Consultant

Leia mais

OBJETIVO DA POLÍTICA DE SEGURANÇA

OBJETIVO DA POLÍTICA DE SEGURANÇA POLÍTICA DE SEGURANÇA DIGITAL Wagner de Oliveira OBJETIVO DA POLÍTICA DE SEGURANÇA Hoje em dia a informação é um item dos mais valiosos das grandes Empresas. Banco do Brasil Conscientizar da necessidade

Leia mais

Asser Rio Claro. Descubra como funciona um antivírus. Como o antivírus protege o seu computador. A importância de um antivírus atualizado

Asser Rio Claro. Descubra como funciona um antivírus. Como o antivírus protege o seu computador. A importância de um antivírus atualizado Administração Informática Asser Rio Claro Descubra como funciona um antivírus Responsável por garantir a segurança do seu computador, o antivírus é um programa de proteção que bloqueia a entrada de invasores

Leia mais

Segurança na Internet. Disciplina: Informática Prof. Higor Morais

Segurança na Internet. Disciplina: Informática Prof. Higor Morais Segurança na Internet Disciplina: Informática Prof. Higor Morais 1 Agenda Segurança de Computadores Senhas Engenharia Social Vulnerabilidade Códigos Maliciosos Negação de Serviço 2 Segurança de Computadores

Leia mais

Impeça ataques de ameaças avançadas, identifique usuários de alto risco e controle ameaças internas

Impeça ataques de ameaças avançadas, identifique usuários de alto risco e controle ameaças internas TRITON AP-EMAIL Impeça ataques de ameaças avançadas, identifique usuários de alto risco e controle ameaças internas Desde iscas de engenharia social até phishing direcionado, a maioria dos ataques digitais

Leia mais