BASES DO CONTRATO...3

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "BASES DO CONTRATO...3"

Transcrição

1 UNIT LINKED DB VIDA Condições Gerais DEFINIÇÕES BASES DO CONTRATO INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO ÂMBITO DA COBERTURA GESTÃO DAS UNIDADES DE PARTICIPAÇÃO PRÉMIOS ENCARGOS BENEFICIÁRIOS RESGATE LIQUIDAÇÃO DOS VALORES SEGUROS RENÚNCIA INCONTESTABILIDADE CADUCIDADE COMUNICAÇÕES LEI APLICÁVEL E FORO REGIME FISCAL...10

2 Condições Gerais As presentes Condições Gerais são estabelecidas para regular o Contrato de Seguro de vida na modalidade, seguros ligados a fundos de investimento, denominado UNIT LINKED DB VIDA consoante indicação na proposta de seguro, entre: 1º A entidade que solicita a celebração do Contrato de Seguro e é responsável pelo pagamento do respectivo Prémio e que assume o risco de investimento das provisões matemáticas da apólice e que figura na proposta de seguro como Proponente, sendo doravante designada TOMADOR DO SEGURO ou TOMADOR; e 2º A DB VIDA - Companhia de Seguros de Vida, S.A., doravante designada DB VIDA, Relativamente à constituição de seguro sobre a vida da pessoa indicada como Candidato na proposta de seguro e doravante designada PESSOA SEGURA, e revertendo a prestação a efectuar pela DB VIDA nos termos deste Contrato para a pessoa singular ou colectiva para o efeito indicada na proposta de seguro e doravante designada BENEFICIÁRIO. 1. DEFINIÇÕES 1.1. Nestas Condições Gerais, nas Condições Particulares e nas Actas Adicionais, salvo se do contexto resultar sentido diferente, os termos abaixo indicados terão o significado que a seguir lhes é apontado: a) Acta Adicional - documento que titula quaisquer eventuais alterações à Apólice, dela passando a fazer parte integrante para todos os efeitos legais e contratuais; b) Apólice - conjunto de documentos que titulam o Contrato celebrado entre o Tomador do Seguro e a DB VIDA, constituído pelas Condições Gerais e as Particulares acordadas, bem como as Actas Adicionais que se emitam no decurso do Contrato, quando referidos em conjunto; c) Capital Seguro valor em percentagem das unidades de conta adquiridas em cada momento, a liquidar em caso de falecimento da Pessoa Segura, durante a vigência da Apólice; d) Contrato de Seguro / Contrato - o conjunto de direitos e obrigações consignados na Apólice e que regulam as relações entre os intervenientes no Contrato de Seguro; e) Data Aniversaria - data em que se completa cada aniversário de vigência da Apólice; Página 2 de 10

3 f) Prémio Único/Sucessivo - prémio bruto acrescido das cargas fiscais e parafiscais, que corresponde ao valor pago pelo Tomador à DB VIDA pela contratação do seguro e as sucessivas entregas feitas pelo Tomador para reforço do valor da Unidade de Conta nos termos previstos no presente Contrato; g) Sinistro - facto ou acontecimento susceptível de determinar o pagamento da Unidade de Conta constituída no montante da sua ocorrência; h) Unidade de Conta corresponde em cada momento ao produto do número de Unidades de Participação de cada Fundo afectas à Apólice, pelo valor da respectiva Unidade de Participação naquela data. i) Unidades de Participação - divisão em partes, de características idênticas e sem valor nominal, de cada fundo; 1.2. Os termos definidos no número 1.1. supra compreendem a respectiva utilização no feminino e no masculino e nas formas plural e singular. 2. BASES DO CONTRATO As presentes Condições Gerais e as Condições Particulares acordadas destinam-se a regulamentar o Contrato de Seguro de Vida estabelecido em Unidades de Participação na modalidade UNIT LINKED DB VIDA, celebrado entre o Tomador e a DB VIDA, com base nas declarações constantes da proposta de seguro por aquele subscrita. Página 3 de 10

4 3. INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO 1. Salvo disposição em contrário, o presente Contrato de Seguro tem o seu início às zero horas da data fixada nas Condições Particulares e a Cobertura acordada entra em vigor imediatamente após aquele momento. 2. Salvo se outra disposição contratual determinar o seu vencimento antecipado, o presente Contrato termina às vinte e quatro horas da data limite indicada para o efeito nas Condições Particulares. 4. ÂMBITO DA COBERTURA 1. Nos termos consignados neste Contrato, a DB VIDA garante o pagamento do valor da Unidade de Conta no termo do Contrato, e obriga-se a liquidar, no caso de morte da Pessoa Segura durante a vigência do Contrato, o valor da Unidade de Conta na data da morte acrescido do Capital Seguro consignado nas Condições Particulares. 2. As garantias consignadas na presente Apólice são válidas para o mundo inteiro, salvo se nos documentos que a integram se estabelecer um âmbito mais restrito. 5. GESTÃO DAS UNIDADES DE PARTICIPAÇÃO Os prémios pagos por cada Tomador são materializados em um ou vários fundos da DB VIDA, de acordo com a opção do mesmo, mediante a apresentação dos mesmos, no momento da subscrição. A DB VIDA avaliará, diariamente, o valor da Unidade de Participação dos fundos, de acordo com as normas fixadas na lei, dividindo o património líquido global do mesmo pelo número de unidades de participação em circulação. O valor da Unidade de Participação será arredondado por defeito até à quarta casa decimal. O valor da Unidade de Conta do Contrato bem como a composição da carteira de investimentos serão informados ao Tomador de Seguro anualmente e sempre que solicitado. TRANSFERÊNCIA DA UNIDADE DE CONTA Página 4 de 10

5 Durante a vigência do contrato o Tomador poderá optar por transferir, no todo ou em parte, a sua Unidade de Conta para outro fundo gerido pela DB VIDA. A DB VIDA reserva-se o direito de cobrar a importância de 25 Euros por cada alteração, sempre que se verificarem mais de duas transferências durante uma anuidade. O pedido deverá ser feito com a antecedência mínima de 10 dias úteis relativamente a cada data efeito, obrigando-se a DB VIDA a emitir a correspondente Acta Adicional. LIQUIDAÇÃO DO(S) FUNDO(S) No suposto concreto de liquidação de um fundo, se a DB VIDA não receber instruções do Tomador, procederá à afectação em partes iguais entre o resto dos fundo existentes, e informará oportunamente o Tomador. Se os interesses das Pessoas Seguras o exigirem, nomeadamente em caso de diminuição substancial do rendimento do(s) fundo(s), a DB VIDA poderá proceder à dissolução e liquidação do(s) fundo, mediante pré -aviso mínimo de 3 meses, publicado nos boletins de cotações de Valores e em dois jornais de grande circulação, um do Porto e outro de Lisboa. Página 5 de 10

6 6. PRÉMIOS 1. O Tomador poderá em qualquer altura pagar outros Prémios, sem prejuízo de eventuais limites para o efeito fixados pela DB VIDA, começando os mesmos a capitalizar após boa cobrança dos valores entregues. 2. Os prémios pagos líquidos de encargos de subscrição, serão alocados a cada um dos Fundos de acordo com a opção feita pelo Tomador constante da proposta de adesão. 7. ENCARGOS 1. Os encargos de subscrição são expressos em % do valor de cada Prémio Único; PRÉMIO ÚNICO ENCARGO ATÉ % DE A ,5% A PARTIR DE % 2. Ao valor da Unidade de Conta existente em cada fundo, será retirado com a periodicidade mensal, o prémio de risco para a cobertura em caso de falecimento, se a mesma existir. 8. BENEFICIÁRIOS 1. Sem prejuízo do disposto no número 8.3. infra, o Tomador pode, desde que com autorização escrita da Pessoa Segura, alterar a cláusula beneficiária, mas estas alterações só se consideram válidas, após a recepção da respectiva comunicação por escrito nos escritórios da DB VIDA, acompanhada da autorização para o efeito concedida pela Pessoa Segura. 2. O direito do Tomador do Seguro previsto no número anterior cessa em qualquer caso, imediata e automaticamente, no momento em que o Beneficiário designado adquire o direito ao pagamento das Unidades de Conta existentes. Página 6 de 10

7 3. A cláusula beneficiária será considerada irrevogável com a comunicação escrita à DB VIDA da renúncia do Tomador à faculdade de alterar aquela cláusula e a correspondente aceitação deste benefício por parte do Beneficiário. 4. Sendo a cláusula beneficiária irrevogável será necessário o acordo prévio do Beneficiário para o exercício de qualquer direito ou faculdade que importe a modificação das condições contratuais nomeadamente para efectuar resgates parciais ou o resgate total da Apólice. 5. Todas as alterações à cláusula beneficiária serão consagradas em Acta Adicional. 9. RESGATE 1. Em qualquer momento de vigência do contrato, o Tomador poderá exercer o direito de resgate total ou parcial das Unidades de Participação. O pedido de resgate deverá ser feito por escrito e a DB VIDA efectivará o resgate no prazo máximo de 10 dias úteis. 2. O montante a receber como consequência do exercício deste direito será o valor de realização das unidades afectas à apólice nesse momento, aplicadas as eventuais penalizações e após retenção na fonte de acordo com o regime fiscal em vigor. 3. Os valores de resgate estão sujeitos a uma penalização de 0,5% sobre o valor da unidade de conta, durante as três primeiras anuidades. 10. LIQUIDAÇÃO DOS VALORES SEGUROS 1. A liquidação das Unidades de Conta e do Capital Seguro, quando devidos ao abrigo deste Contrato, será efectuada após a recepção na sede da DB VIDA dos elementos seguidamente identificados e a aceitação por esta do Sinistro como risco coberto pelo presente Contrato: a) Pessoa Segura: certidão de nascimento ou bilhete de identidade da Pessoa Segura e, em caso de morte, certificado de óbito, atestado médico indicando as causas e evolução da doença que causou o falecimento; b) Beneficiário: documentos comprovativos da sua qualidade e direitos, nomeadamente bilhete de identidade, cartão de contribuinte, certidão de habilitação de Página 7 de 10

8 herdeiros ou certidão do processo de inventário se a estas houver lugar, bem como outros documentos que possam ser solicitados pela DB VIDA O valor da Unidade de Conta e o Capital Seguro serão pagos ao Beneficiário designado ou, não tendo sido designado ou tendo já falecido ou não existindo à data em que adquire o direito ao seu pagamento e na ausência de disposição beneficiária que regule esta situação, serão pagos ao Tomador, e se na data do pagamento estes já tiverem falecido, serão pagos aos herdeiros do Beneficiário ou do Tomador, consoante os casos, de acordo com as regras que disciplinam a sucessão legítima Se o Beneficiário for menor e não houver disposição beneficiária que regule esta matéria, a DB VIDA depositará o valor devido em nome daquele, em instituição bancária indicada pelos seus representantes legais, em conta a prazo e até que atinja a maioridade A liquidação dos valores seguros será efectuada na sede da DB VIDA contra a emissão de recibo assinado pelo Beneficiário, mas em qualquer circunstância, esta reserva-se a faculdade de definir outro local que facilite o pagamento Os valores seguros poderão, por solicitação do Tomador ou do Beneficiário, ser liquidados por meio de uma das seguintes opções: a) Pagamento do capital numa só vez; b) Transformação em renda; c) Transformação noutro seguro; d) Qualquer combinação entre as outras opções. 11. RENÚNCIA 1. Sendo o Tomador uma pessoa individual, é - lhe reconhecido o direito de renunciar à presente Apólice nos 30 dias subsequentes à sua recepção devendo, para o efeito, devolver a mesma por correio registado para a sede da DB VIDA, acompanhada de declaração de renúncia a todos os direitos que para si emergem do presente Contrato, sem prejuízo do disposto no número seguinte. 2. A renúncia nos termos do número anterior determinará: Página 8 de 10

9 a) A resolução do Contrato, extinguindo-se todas as obrigações dele decorrentes, com efeitos a partir da data de celebração do mesmo; e b) A devolução dos Prémios pagos até à data de recepção da declaração de renúncia, descontados os custos em que a DB VIDA tenha eventualmente incorrido. 3. O exercício do direito de renúncia não dá lugar a qualquer indemnização. 12. INCONTESTABILIDADE 1. A celebração do presente Contrato baseia-se nas declarações prestadas pela Pessoa Segura e/ou Tomador, tanto na proposta como nas prestadas no decurso da vigência do mesmo. 2. O presente Contrato é incontestável a partir da data da sua entrada em vigor, sem prejuízo do disposto na legislação em vigor. 13. CADUCIDADE O presente Contrato extingue-se por caducidade nas seguintes situações: a) termo do prazo do contrato indicado nas Condições Particulares; b) com a liquidação das Unidades de Conta em caso de resgate total ou em caso de morte da Pessoa Segura; c) quando se verifique, ao abrigo deste Contrato ou da lei, qualquer outra causa que determine a nulidade ou anulabilidade do mesmo. 14. COMUNICAÇÕES 1. Para os efeitos desta Apólice e sem prejuízo do disposto no número seguinte, é considerado como domicílio do Tomador, o indicado nas Condições Particulares. 2. O Tomador deve informar a DB VIDA por escrito, no prazo de 30 dias, sempre que mude de domicílio, passando a haver-se como novo domicílio aquele que para o efeito seja indicado na comunicação do Tomador. Página 9 de 10

10 3. O Tomador que tiver residência fora de Portugal deve designar domicílio em território português, para efeitos de execução da presente Apólice. 15. LEI APLICÁVEL E FORO A presente Apólice rege-se pelo disposto na lei portuguesa e as partes elegem desde já, dentro dos limites legais da competência convencional, como foro competente para todas as questões que venham a suscitar-se relativas à aplicação, interpretação ou integração das disposições da mesma o foro Tribunal da Comarca de Lisboa. Exceptuam-se os casos em que tal foro envolva graves inconvenientes para uma das partes, sem que os interesses da outra o justifiquem. 16. REGIME FISCAL Na data de início do contrato será comunicado à Pessoa Segura, o regime fiscal em vigor nessa data, não recaindo sobre a DB VIDA qualquer ónus ou encargo em consequência de alteração do mesmo. Página 10 de 10

BIG Alocação Condições Gerais

BIG Alocação Condições Gerais ARTIGO PRELIMINAR Entre a, e o Tomador do Seguro mencionado nas Condições Particulares é estabelecido o contrato de seguro que se regula pelas, Especiais e Particulares da Apólice, de acordo com as declarações

Leia mais

Condições Gerais EUROVIDA PPR

Condições Gerais EUROVIDA PPR Artigo Preliminar Entre a Eurovida, Companhia de Seguros S.A. e o Tomador de Seguro identificado nas Condições Particulares celebra-se o presente contrato de seguro individual que se regula pelas presentes

Leia mais

Fidelity Poupança. Condições Gerais e Especiais

Fidelity Poupança. Condições Gerais e Especiais 1. DEFINIÇÕES 1.1. Para os efeitos do presente Contrato, entende-se por:» I.C.A.E.: Instrumento de Captação de Aforro Estruturado ;» Seguradora: ;» Tomador de Seguro: a Entidade que celebra o Contrato

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. Tomador do seguro A entidade que celebra o contrato de seguro com a VICTORIA e que assume a obrigação de pagamento do prémio.

CONDIÇÕES GERAIS. Tomador do seguro A entidade que celebra o contrato de seguro com a VICTORIA e que assume a obrigação de pagamento do prémio. CONDIÇÕES GERAIS 1 Definições Para efeitos deste Contrato, entende-se por: 1.1 Partes envolvidas no contrato Empresa de seguros VICTORIA - Seguros de Vida, S.A., entidade que emite a apólice e que, mediante

Leia mais

Seguro Poupança Crescente. Condições Gerais e Especiais da Apólice. www.ocidentalseguros.pt

Seguro Poupança Crescente. Condições Gerais e Especiais da Apólice. www.ocidentalseguros.pt Ocidental Companhia Portuguesa de Seguros de Vida, SA. Sede: Avenida Dr. Mário Soares (Tagus Park), Edifício 10, Piso 1, 2744-002 Porto Salvo. Pessoa coletiva n.º 501 836 926, matriculada sob esse número

Leia mais

Condições Gerais. Cláusula Preliminar. Cláusula 1ª - Definições. Página 2.9

Condições Gerais. Cláusula Preliminar. Cláusula 1ª - Definições. Página 2.9 Condições Gerais... 2 Cláusula Preliminar... 2 Cláusula 1ª - Definições... 2 Cláusula 2ª Regime e Lei Aplicável... 3 Cláusula 3ª Objecto do Contrato... 3 Cláusula 4ª Início e Duração do Contrato... 3 Cláusula

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS. Protecção Vida Empresas RAMO VIDA GRUPO - TEMPORÁRIO ANUAL RENOVÁVEL

CONDIÇÕES GERAIS. Protecção Vida Empresas RAMO VIDA GRUPO - TEMPORÁRIO ANUAL RENOVÁVEL CONDIÇÕES GERAIS Protecção Vida Empresas RAMO VIDA GRUPO - TEMPORÁRIO ANUAL RENOVÁVEL CONDIÇÕES GERAIS Protecção Vida Empresas RAMO VIDA GRUPO - TEMPORÁRIO ANUAL RENOVÁVEL 3 DEFINIÇÕES DISPOSIÇÕES FUNDAMENTAIS

Leia mais

Condições Gerais EUROVIDA PROTECÇÃO. Artigo Preliminar

Condições Gerais EUROVIDA PROTECÇÃO. Artigo Preliminar Artigo Preliminar Entre a EUROVIDA, Companhia de Seguros S.A. e o Tomador de Seguro identificado nas Condições Particulares celebra-se o presente contrato de seguro individual que se regula pelas presentes

Leia mais

Solução Poupança Zurich Condições Gerais

Solução Poupança Zurich Condições Gerais Solução Poupança Zurich Condições Gerais Cláusula Preliminar Entre a Zurich - Companhia de Seguros Vida, S.A., entidade legalmente autorizada a exercer a atividade seguradora no Ramo Vida, doravante designada

Leia mais

Condições Gerais. Cláusula Preliminar. Cláusula 1ª - Definições

Condições Gerais. Cláusula Preliminar. Cláusula 1ª - Definições Condições Gerais... 2 Cláusula Preliminar... 2 Cláusula 1ª - Definições... 2 Cláusula 2ª - Regime e Lei Aplicável... 3 Cláusula 3ª - Objecto do Contrato... 3 Cláusula 4ª - Início e Duração do Contrato...

Leia mais

Condições Gerais + POUPANÇA. Produto comercializado por: IMGV71 (CAP_POU/12/2012)

Condições Gerais + POUPANÇA. Produto comercializado por: IMGV71 (CAP_POU/12/2012) Condições Gerais + POUPANÇA Produto comercializado por: IMGV71 (CAP_POU/12/2012) Generali Vida S.A. Sede: Rua Duque de Palmela, n.º 11 I 1269-270 Lisboa Tel. 213 112 800 I Fax. 213 563 067 I Email: generali@generali.pt

Leia mais

PROPOSTA DE SEGURO SEGURO DE CAPITALIZAÇÃO POUPANÇA AUTO PREENCHER A CANETA PRETA

PROPOSTA DE SEGURO SEGURO DE CAPITALIZAÇÃO POUPANÇA AUTO PREENCHER A CANETA PRETA POUPANÇA E INVESTIMENTO PROPOSTA DE SEGURO SEGURO DE CAPITALIZAÇÃO PREENCHER A CANETA PRETA SEGURO DE CAPITALIZAÇÃO 3 0 ALTERAÇÃO À APÓLICE Nº (*) AGÊNCIA/AGENTE Nº FM IB CONTA COBRANÇA Nº (*) PREENCHER

Leia mais

Condições Gerais.03 .03 .04 .04 .05 .05 .05 .05 .05 .06 .06 .06 .06 .06 .06 .06

Condições Gerais.03 .03 .04 .04 .05 .05 .05 .05 .05 .06 .06 .06 .06 .06 .06 .06 ÍNDICE Condições Gerais.03 Artigo 1º Definições.03 Artigo 2º Âmbito do Seguro.04 Artigo 3º Produção de Efeitos e Duração do Contrato.04 Artigo 4º Prémio do Seguro.05 Artigo 5º Inexactidão da Declaração

Leia mais

Condições Gerais +RENDA. Produto comercializado por:

Condições Gerais +RENDA. Produto comercializado por: Condições Gerais +RENDA Mod. IMGV - 82CH (06/2012) Generali Vida S.A. Sede: Rua Duque de Palmela, n.º 11 I 1269-270 Lisboa Tel. 213 112 800 I Fax. 213 563 067 I Email: generali@generali.pt I www.generali.pt

Leia mais

ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES ARTIGO 2.º OBJECTO DO CONTRATO ARTIGO 3.º INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO. SEGURO REAL VIDA Condições Gerais

ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES ARTIGO 2.º OBJECTO DO CONTRATO ARTIGO 3.º INÍCIO E DURAÇÃO DO CONTRATO. SEGURO REAL VIDA Condições Gerais ARTIGO 1.º DEFINIÇÕES 1. Para efeitos do presente contrato entende-se por: Seguradora: a Real Vida Seguros, S.A., que subscreve com o Tomador de Seguro o presente contrato; Tomador de Seguro: A entidade

Leia mais

PRÉVOIR PPR NOVA VERSÃO INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS ANEXO À PROPOSTA PRÉVOIR PPR

PRÉVOIR PPR NOVA VERSÃO INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS ANEXO À PROPOSTA PRÉVOIR PPR Este documento apresenta-se como um resumo das Condições Gerais e Especiais do seguro Prévoir PPR e não dispensa a consulta integral das mesmas. SEGURADOR FINALIDADE SEGMENTO-ALVO CONDIÇÕES DE SUBSCRIÇÃO

Leia mais

TAXA GARANTIDA 1ª SÉRIE

TAXA GARANTIDA 1ª SÉRIE Prospecto Informativo TAXA GARANTIDA 1ª SÉRIE ICAE NÃO NORMALIZADO Os elementos constantes deste prospecto informativo reportam-se a 31 de Dezembro de 2009 (actualização dos ns.8, 9 e 10 da Parte III)

Leia mais

Condições Gerais IV CLÁUSULAS OBRIGATÓRIAS E FINAIS

Condições Gerais IV CLÁUSULAS OBRIGATÓRIAS E FINAIS I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJETO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

REAL PPR Condições Gerais

REAL PPR Condições Gerais Entre a, adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se o presente contrato de seguro que se regula pelas Condições Particulares e desta apólice,

Leia mais

REAL INVESTIMENTO SEGURO Ficha de Produto

REAL INVESTIMENTO SEGURO Ficha de Produto Tipo de Cliente Descrição Segmento-alvo Particulares, Profissionais Liberais e Empresas. O Real Investimento Seguro é um produto de capitalização a 5 anos, assente num Contrato de Investimento, de entrega

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR PPR BIC GARANTIDO (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril)

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR PPR BIC GARANTIDO (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR PPR BIC GARANTIDO (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE SEGUROS DE VIDA S.A. Sede Social: Rua Castilho, 52, 1250-071 Lisboa N.I.P.C.

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS LEVE PPR - G763300V2

CONDIÇÕES GERAIS LEVE PPR - G763300V2 ARTIGO PRELIMINAR Entre a Fidelidade - Companhia de Seguros, S.A., adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se o presente contrato de seguro

Leia mais

SEGURO CA PPR [CAPITAL] CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES DE CAPITALIZAÇÃO

SEGURO CA PPR [CAPITAL] CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES DE CAPITALIZAÇÃO CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES DE CAPITALIZAÇÃO SEGURO CA PPR [CAPITAL] Crédito Agrícola Vida - Companhia de Seguros, S.A. Rua Castilho, 233-7º 1099-004 Lisboa CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE CA PPR [CAPITAL CAPITAL]

Leia mais

II DO INVESTIMENTO. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE

II DO INVESTIMENTO. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJETO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

Plano Empresas Reforma

Plano Empresas Reforma Plano Empresas Reforma Condições gerais e especiais 1110599-01.20104 Pela protecção dos valores da vida. Liberty Seguros, S.A. - Av. Fontes Pereira de Melo, n.º 6 1069-001 Lisboa Telef. 808 243 000 - Fax

Leia mais

Protecção Vida Empresas

Protecção Vida Empresas C ONDIÇÕES G ERAIS E E SPECIAIS Protecção Vida Empresas RAMO VIDA GRUPO MISTO CONDIÇÕES GERAIS PROTECÇÃO VIDA EMPRESAS 2 Condições Gerais Artigo 1.º DEFINIÇÕES 1.1. Para efeitos do presente contrato de

Leia mais

CAIXA SEGURO 2014 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

CAIXA SEGURO 2014 PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO PROSPETO SIMPLIFICADO (atualizado a 30 de abril de 2012) CAIXA SEGURO 2014 SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) NÃO NORMALIZADO PRODUTO FINANCEIRO

Leia mais

INVESTIMENTO GARANTIDO 2011 CONDIÇÕES GERAIS

INVESTIMENTO GARANTIDO 2011 CONDIÇÕES GERAIS INVESTIMENTO GARANTIDO 2011 CONDIÇÕES GERAIS ARTIGO 1º - DEFINIÇÕES 1. Para os efeitos do presente contrato, considera-se: a) COMPANHIA - A entidade seguradora, GROUPAMA SEGUROS DE VIDA, S.A., com o NIPC

Leia mais

II DO INVESTIMENTO AUTÓNOMO E PARTICIPAÇÃO NOS RESULTADOS. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE.

II DO INVESTIMENTO AUTÓNOMO E PARTICIPAÇÃO NOS RESULTADOS. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE. I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJECTO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR MODALIDADE: P.P.R PLANO A (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril)

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR MODALIDADE: P.P.R PLANO A (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR MODALIDADE: P.P.R PLANO A (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE SEGUROS DE VIDA S.A. Sede Social: Rua Castilho, 52, 1250-071

Leia mais

Companhia de Seguros Açoreana, S.A. PROSPECTO INFORMATIVO INVESTSEGURO

Companhia de Seguros Açoreana, S.A. PROSPECTO INFORMATIVO INVESTSEGURO Companhia de Seguros Açoreana, S.A. PROSPECTO INFORMATIVO INVESTSEGURO Dezembro de 2004 1/6 Parte I Informações sobre a empresa de seguros 1. Denominação ou firma da empresa de seguros: Companhia de Seguros

Leia mais

TAXA GARANTIDA 3ª SÉRIE

TAXA GARANTIDA 3ª SÉRIE TAXA GARANTIDA 3ª SÉRIE PROSPECTO SIMPLIFICADO ICAE INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (NÃO NORMALIZADO) Os elementos constantes deste Prospecto Simplificado reportam-se a 30 de Abril de 2009

Leia mais

II DO INVESTIMENTO AUTÓNOMO E PARTICIPAÇÃO NOS RESULTADOS. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE.

II DO INVESTIMENTO AUTÓNOMO E PARTICIPAÇÃO NOS RESULTADOS. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE. I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJETO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR PPR BIC II

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR PPR BIC II INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA PPR PPR BIC II (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE SEGUROS DE VIDA S.A. Sede Social: Rua Castilho, 52, 1250-071 Lisboa N.I.P.C.509056253

Leia mais

CAIXA SEGURO 2014 6M - ICAE NÃO NORMALIZADO / / (PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO)

CAIXA SEGURO 2014 6M - ICAE NÃO NORMALIZADO / / (PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO) Empresa de Seguros PROSPECTO SIMPLIFICADO (Dezembro de 2009) CAIXA SEGURO 2014 6M - ICAE NÃO NORMALIZADO / / (PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO) Data de início de comercialização a 2 de Dezembro de 2009 Nome

Leia mais

II DO INVESTIMENTO. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE/REEMBOLSO

II DO INVESTIMENTO. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE/REEMBOLSO I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJECTO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

II DO INVESTIMENTO AUTÓNOMO E PARTICIPAÇÃO NOS RESULTADOS. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE.

II DO INVESTIMENTO AUTÓNOMO E PARTICIPAÇÃO NOS RESULTADOS. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE. I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJETO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

Procedimentos a adoptar em caso de:

Procedimentos a adoptar em caso de: Procedimentos a adoptar em caso de: Sinistro; Vencimento; Resgate; Reembolso Prazos máximos de liquidação De acordo com a Circular nº 10/2009, de 20 de Agosto, do Instituto de Seguros de Portugal 1. SEGUROS

Leia mais

PROSPECTO SIMPLIFICADO (actualizado a 31 de Dezembro de 2008) Designação: Liberty PPR Data início de comercialização: 19 de Abril de 2004

PROSPECTO SIMPLIFICADO (actualizado a 31 de Dezembro de 2008) Designação: Liberty PPR Data início de comercialização: 19 de Abril de 2004 PROSPECTO SIMPLIFICADO (actualizado a 31 de Dezembro de 2008) Designação: Liberty PPR Data início de comercialização: 19 de Abril de 2004 Empresa de Seguros Entidades comercializadoras Autoridades de Supervisão

Leia mais

Quais as principais diferenças entre um seguro de vida individual e um seguro de vida de grupo?

Quais as principais diferenças entre um seguro de vida individual e um seguro de vida de grupo? SEGURO VIDA Que tipo de seguros são explorados no ramo vida? A actividade do ramo Vida consiste na exploração dos seguintes seguros e operações: Seguro de Vida, Seguro de Nupcialidade /Natalidade, Seguro

Leia mais

REAL PPR SEGURO MAIS Informações Pré-Contratuais

REAL PPR SEGURO MAIS Informações Pré-Contratuais TIPO DE CLIENTE Particulares, Profissionais Liberais e Empresas. SEGMENTO-ALVO Este produto destina-se a Clientes com perfil de risco conservador, que privilegiam a preservação do capital investido e a

Leia mais

APÓLICE DE PPR I PLANO POUPANÇA REFORMA ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE ARTIGO PRELIMINAR...3

APÓLICE DE PPR I PLANO POUPANÇA REFORMA ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE ARTIGO PRELIMINAR...3 2 APÓLICE DE PPR I PLANO POUPANÇA REFORMA ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE ARTIGO PRELIMINAR...........................................3 CAPÍTULO I DEFINIÇÕES, OBJECTO E ÂMBITO DO CONTRATO ARTIGO 1º

Leia mais

Condições Gerais +POUPANÇA GRUPO

Condições Gerais +POUPANÇA GRUPO Condições Gerais +POUPANÇA GRUPO Mod. GV 71 (06_2014) Generali Vida S.A. Sede: Rua Duque de Palmela, n.º 11 I 1269-270 Lisboa Tel. 213 112 800 I Fax. 213 563 067 I Email: generali@generali.pt I www.generali.pt

Leia mais

VIVA SÉNIOR CONDIÇÕES GERAIS. Esta Apólice cobre o risco de morte da Pessoa Segura e complementarmente o risco de morte por acidente.

VIVA SÉNIOR CONDIÇÕES GERAIS. Esta Apólice cobre o risco de morte da Pessoa Segura e complementarmente o risco de morte por acidente. VIVA SÉNIOR CONDIÇÕES GERAIS Esta Apólice cobre o risco de morte da Pessoa Segura e complementarmente o risco de morte por acidente. CAPÍTULO I GENERALIDADES ARTº 1º - DEFINIÇÕES 1.1. Para os efeitos do

Leia mais

Ficha Técnica. Colecção Guia de Seguros e Fundos de Pensões. Título Seguros Ramos Vida e Planos de Poupança. Edição Instituto de Seguros de Portugal

Ficha Técnica. Colecção Guia de Seguros e Fundos de Pensões. Título Seguros Ramos Vida e Planos de Poupança. Edição Instituto de Seguros de Portugal Ficha Técnica Colecção Guia de Seguros e Fundos de Pensões Título Seguros Ramos Vida e Planos de Poupança Edição Instituto de Seguros de Portugal Coordenação editorial Direcção de Comunicação e Relações

Leia mais

Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros

Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros Data início de comercialização: 2007/05 por tempo indeterminado Empresa de Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros Popular, com sede social na - 1099-090

Leia mais

SEGURO PLANO DE PROTECÇÃO FINANCEIRA

SEGURO PLANO DE PROTECÇÃO FINANCEIRA SEGURO PLANO DE PROTECÇÃO FINANCEIRA O seguro que paga a conta do seu cartão emitido pela Unicre nos momentos em que mais precisa, com todo o conforto e segurança. Quando se pergunta porquê ter um plano

Leia mais

Liberty Caução. Condições gerais e especiais. Pela protecção dos valores da vida. 1070327-01.2006

Liberty Caução. Condições gerais e especiais. Pela protecção dos valores da vida. 1070327-01.2006 Condições gerais e especiais 1070327-01.2006 Pela protecção dos valores da vida. Liberty Seguros, S.A. Av. Fontes Pereira de Melo, nº 6 1069-001 Lisboa Fax 21 355 33 00 Pessoa Colectiva n.º 500 068 658

Leia mais

SERVIÇOS FORMAÇÃO. Out. 2003

SERVIÇOS FORMAÇÃO. Out. 2003 SERVIÇOS FORMAÇÃO Out. 2003 TI /V007-SVF-2003 INDICE SOBRE O CONTRATO... 3 Duração... 3 Período de subscrição... 3 Forma de Pagamento... 3 Direitos do Tomador de Seguro... 3 CARACTERÍSTICAS... 4 Condições

Leia mais

Artigo Preliminar... 03. Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões

Artigo Preliminar... 03. Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões ÍNDICE CONDIÇÕES GERAIS Artigo Preliminar... 03 Capítulo I - Definições, Objecto e Garantias do Contrato, Âmbito Territorial e Exclusões Artigo 1.º - Definições... 03 Artigo 2.º - Objecto do contrato...

Leia mais

CapitAll Allianz Top 20 (Não Normalizado)

CapitAll Allianz Top 20 (Não Normalizado) www.allianz.pt Companhia de Seguros Allianz Portugal, S.A. R. Andrade Corvo, 32 1069-014 Lisboa Telefone +351 213 165 300 Telefax +351 213 165 570 e-mail: info@allianz.pt Capital Social 39.545.400 CRC

Leia mais

SEGURO UNIT LINKED CA INVESTIMENTO -1ª SÉRIE (Não Normalizado)

SEGURO UNIT LINKED CA INVESTIMENTO -1ª SÉRIE (Não Normalizado) CONDIÇÕES GERAIS SOLUÇÕES CAPITALIZAÇÃO SEGURO UNIT LINKED CA INVESTIMENTO -1ª SÉRIE (Não Normalizado) 1 CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE CA Investimento 1ª Série (Não Normalizado) SEGURO INDIVIDUAL Cláusula

Leia mais

CapitAll Allianz Oásis 2006 (Não Normalizado)

CapitAll Allianz Oásis 2006 (Não Normalizado) CapitAll Allianz Oásis 2006 (Não Normalizado) Condições Gerais Artigo Preliminar: A Companhia de Seguros Allianz Portugal, S.A. e o Tomador mencionado nas Condições Particulares, estabelecem entre si o

Leia mais

Protecção Princípio Vida. Coberturas Base

Protecção Princípio Vida. Coberturas Base PROTECÇÃO VIDA Protecção Princípio Vida Coberturas Base 1/19 T E M P O R Á R I O A N U A L R EN O V Á V E L Ramo Vida - Grupo C O N D I Ç Õ E S G E R A I S 2/19 Artigo 1º - DEFINIÇÕES Artigo 2º - DISPOSIÇÕES

Leia mais

VALOR GARANTIDO VIVACAPIXXI

VALOR GARANTIDO VIVACAPIXXI VALOR GARANTIDO VIVACAPIXXI CONDIÇÕES GERAIS CAPÍTULO I GENERALIDADES ARTº 1º - DEFINIÇÕES 1. Para os efeitos do presente contrato, considera-se: a) Companhia - a entidade seguradora,, que subscreve com

Leia mais

Não existe garantia de capital nem rendimento.

Não existe garantia de capital nem rendimento. 91-67 Informação actualizada a: 01/04/2012 Designação Comercial: Operação de Capitalização Série Nº 67 (I.C.A.E - Não normalizado) Data início de Comercialização: 07/05/2009 Empresa de Seguros Entidades

Leia mais

INVESTIMENTO PORTUGAL TOP SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE)

INVESTIMENTO PORTUGAL TOP SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) PROSPETO SIMPLIFICADO Agosto 2012 INVESTIMENTO PORTUGAL TOP SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) Período de comercialização: de 13 de agosto de 2012

Leia mais

Condições Gerais Generali +Poupança

Condições Gerais Generali +Poupança Condições Gerais Generali +Poupança Generali Vida Companhia de Seguros S.A. Sede: Rua Duque de Palmela, n.º 11 1269-270 Lisboa Tel. 213 112 800 Fax. 213 563 067 Email: generali@generali.pt www.generali.pt

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA - PPR POSTAL PPR RENDIMENTO MAIS

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA - PPR POSTAL PPR RENDIMENTO MAIS INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA - PPR POSTAL PPR RENDIMENTO MAIS (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR MAPFRE SEGUROS DE VIDA S.A. Sede Social: Rua Castilho, 52, 1250-071

Leia mais

II DO INVESTIMENTO. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE

II DO INVESTIMENTO. FORMAÇÃO E DETERMINAÇÃO DO CAPITAL SEGURO E DO VALOR DE RESGATE I CONDIÇÕES PRELIMINARES E ESSENCIAIS 1. DEFINIÇÕES 2. OBJETO E GARANTIAS DO CONTRATO 3. ÂMBITO TERRITORIAL 4. CAPITAL SEGURO 5. BENEFICIÁRIOS 6. PESSOA SEGURA 7. VIGÊNCIA DO CONTRATO. INÍCIO E DURAÇÃO

Leia mais

SEGUROS. ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões

SEGUROS. ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões SEGUROS ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões 1 SEGUROS DO RAMO VIDA 2 Conceitos importantes 2 Pagamento do prémio do seguro 3 Como é pago o prémio? 3 Quando e como deve ser feito

Leia mais

POUPANÇA. Simplifica. PPR Capital Garantido. Crie o futuro hoje.

POUPANÇA. Simplifica. PPR Capital Garantido. Crie o futuro hoje. POUPANÇA PPR Capital Garantido Crie o futuro hoje. Simplifica Já pensou como vai ser quando se reformar? E se começar já a poupar? Assegure agora o seu futuro! No ActivoBank com o PPR Capital Garantido,

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM RISCO

Leia mais

APÓLICE DE SEGURO SANOS SORRISO CONDIÇÕES GERAIS

APÓLICE DE SEGURO SANOS SORRISO CONDIÇÕES GERAIS APÓLICE DE SEGURO SANOS SORRISO CONDIÇÕES GERAIS ARTIGO PRELIMINAR Entre a Companhia de Seguros Tranquilidade, S.A., adiante designada por Tranquilidade e o Tomador de Seguro mencionado nas Condições Particulares

Leia mais

Condições Gerais.03 .03 .03 .03 .03 .03 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .05 .05 .05 .05 .05 .05 .05

Condições Gerais.03 .03 .03 .03 .03 .03 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .04 .05 .05 .05 .05 .05 .05 .05 ÍNDICE Condições Gerais.03 Artigo 1º Definições.03 Artigo 2º Objecto do Contrato.03 Artigo 3º Garantias do Contrato.03 Artigo 4º Âmbito Territorial.03 Artigo 5º Exclusões.03 Artigo 6º Início e Duração

Leia mais

Através da sua rede de Balcões do Banco Espírito Santo, S.A.. Instituto de Seguros de Portugal e Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Através da sua rede de Balcões do Banco Espírito Santo, S.A.. Instituto de Seguros de Portugal e Comissão do Mercado de Valores Mobiliários. Mod. Versão 91-60 Informação actualizada a: 19/04/2011 Designação Comercial: Operação de Capitalização T- 1ª Série (ICAE- Não Normalizado) Período de Comercialização: de17/12/2008 a 17/12/20 Empresa de

Leia mais

Instituto de Seguros de Portugal (ISP). Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Instituto de Seguros de Portugal (ISP). Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM). Informação Actualizada a: 14 de Setembro de 2012 Designação Comercial: Data Início de Comercialização: 6 de Dezembro de 2010 EMPRESA DE SEGUROS ENTIDADES COMERCIALIZADORAS AUTORIDADES DE SUPERVISÃO RECLAMAÇÕES

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A. - Sede Social: 1099-090 Lisboa - Portugal - CRCL / Pes. Col. 504 917 692 Capital Social 7.500.000 Euro Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO

Leia mais

Texto a manuscrever pelo cliente: Tomei conhecimento das advertências

Texto a manuscrever pelo cliente: Tomei conhecimento das advertências Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. FA FR0000290728 Groupama Seguros

Leia mais

INFORMAÇÕES FUNDAMENTAIS AO INVESTIDOR PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

INFORMAÇÕES FUNDAMENTAIS AO INVESTIDOR PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO MAPFRE INVEST CRESCENTE 2015 NÃO NORMALIZADO Entidade gestora: Instrumento de Captação de Aforro Estruturado Contrato de Seguro ligado a Fundo de Investimento MAPFRE Seguros de Vida, S.A., com sede social:

Leia mais

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO (UNIT LINKED) MAPFRE INVESTIMENTO DINÂMICO (Não Normalizado)

INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO (UNIT LINKED) MAPFRE INVESTIMENTO DINÂMICO (Não Normalizado) 21102015 INFORMAÇÃO PRÉ-CONTRATUAL SEGURO DE VIDA LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO (UNIT LINKED) MAPFRE INVESTIMENTO DINÂMICO (Não Normalizado) (nos termos do Dec.-Lei n.º 72/2008 de 16 de Abril) SEGURADOR

Leia mais

INFORMAÇÕES FUNDAMENTAIS AO INVESTIDOR PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

INFORMAÇÕES FUNDAMENTAIS AO INVESTIDOR PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO EMPRESA DE SEGUROS Barclays Investimento Fundo Autónomo: Rendimento Nome: CNP Barclays Vida y Pensiones, Compañia de Seguros, S.A. - Agência Geral em Portugal; Endereço da Sede Social: Plaza de Cólon,

Leia mais

Solução Poupança Zurich Solução Investimento Zurich

Solução Poupança Zurich Solução Investimento Zurich olução Poupança Zurich olução Investimento Zurich Proposta de eguro (preencher com maiúsculas) Zonas de cor a preencher pela Zurich Cliente n.º Cliente Associado Mediador Proposta n.º Gestor egócio Cob.

Leia mais

REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS. Capítulo I - Disposições Gerais... 2. Capítulo II... 4. Secção I - Serviços de Saúde... 4

REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS. Capítulo I - Disposições Gerais... 2. Capítulo II... 4. Secção I - Serviços de Saúde... 4 REGULAMENTO DE BENEFÍCIOS Capítulo I - Disposições Gerais... 2 Capítulo II... 4 Secção I - Serviços de Saúde... 4 Secção II - Complementos de Reforma... 5 Capítulo III - Benefícios suportados pelo Fundo

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. Designação: VICTORIA PPR Acções

Leia mais

Produto Financeiro Complexo

Produto Financeiro Complexo Zurich Companhia de Seguros Vida, S.A. PROSPECTO SIMPLIFICADO (atualizado a 8 de fevereiro de 2013) Empresa de Seguros Entidades Comercializadoras Autoridades de supervisão Reclamações DB MULTIFUNDOS,

Leia mais

EUROVIDA POUPANÇA PPR

EUROVIDA POUPANÇA PPR 1. O que é o Eurovida Poupança PPR? O Eurovida Poupança PPR é uma solução financeira sob a forma de contrato de seguro de vida, de médio e longo prazo, orientada para a pequena poupança. Através desta

Leia mais

APÓLICE DE SEGURO DE SAÚDE INDIVIDUAL CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE PROTECÇÃO DENTÁRIA ARTIGO PRELIMINAR

APÓLICE DE SEGURO DE SAÚDE INDIVIDUAL CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE PROTECÇÃO DENTÁRIA ARTIGO PRELIMINAR APÓLICE DE SEGURO DE SAÚDE INDIVIDUAL CONDIÇÕES GERAIS DA APÓLICE PROTECÇÃO DENTÁRIA ARTIGO PRELIMINAR Entre a, adiante designada por Segurador, e o Tomador de Seguro mencionado nas condições particulares,

Leia mais

PROTOCOLO. 1. A Fidelidade Mundial é uma entidade legalmente autorizada a desenvolver a actividade seguradora em Portugal;

PROTOCOLO. 1. A Fidelidade Mundial é uma entidade legalmente autorizada a desenvolver a actividade seguradora em Portugal; PROTOCOLO Entre Sindicato dos Educadores e Professores Licenciados pelas Escolas Superiores de Educação e Universidades, pessoa colectiva número 503 902233, com sede em Lisboa, na Avenida de Paris, nº

Leia mais

PLANOS DE POUPANÇA Reembolso do valor do plano de poupança Transferência do plano de poupança Gestão dos planos de poupança Glossário

PLANOS DE POUPANÇA Reembolso do valor do plano de poupança Transferência do plano de poupança Gestão dos planos de poupança Glossário PLANOS DE POUPANÇA 1 PLANOS DE POUPANÇA 2 Que tipo de planos de poupança existem? 2 Sob que forma podem existir os fundos de poupança? 2 Reembolso do valor do plano de poupança 2 Em que casos é possível

Leia mais

RENDA SEMESTRAL BES VIDA 2014 2ª SÉRIE (NÃO NORMALIZADO)

RENDA SEMESTRAL BES VIDA 2014 2ª SÉRIE (NÃO NORMALIZADO) Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las RENDA SEMESTRAL BES VIDA 2014 2ª SÉRIE (NÃO NORMALIZADO) Entidade Gestora: BES-VIDA, COMPANHIA DE SEGUROS,

Leia mais

Instituto de Seguros de Portugal e Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

Instituto de Seguros de Portugal e Comissão do Mercado de Valores Mobiliários. Mod. Versão 65.01 Informação actualizada a: 04/04/2011 Designação Comercial: Fidelity Poupança Data de início de Comercialização: 01/02/2007 Empresa de Seguros Entidade Comercializadora Autoridades de

Leia mais

PROPOSTA DE SEGURO LEVE LEVE PPR PROSPECTO INFORMATIVO CONDIÇÕES GERAIS, ESPECIAIS

PROPOSTA DE SEGURO LEVE LEVE PPR PROSPECTO INFORMATIVO CONDIÇÕES GERAIS, ESPECIAIS PROPOSTA DE SEGURO LEVE LEVE PPR PROSPECTO INFORMATIVO CONDIÇÕES GERAIS, ESPECIAIS LEVE MAIS INFORMAÇÕES PRÉ-CONTRATUAIS SEGURO DE VIDA INDIVIDUAL CONDIÇÕES GERAIS, ESPECIAIS PROPOSTA DE SEGURO Seguro

Leia mais

PPR MetLife Condições Gerais

PPR MetLife Condições Gerais PPR MetLife Condições Gerais Tenha o descanso merecido depois de uma vida de trabalho. Instinto Protector PEANUTS 2013 Peanuts Worldwide Condições Gerais PPR METLIFE ARTIGO PRELIMINAR Entre a Companhia

Leia mais

PROPOSTA DE SEGURO INDIVIDUAL AÇOREANA MAXI PERFORMANCE Investimento 11 12-1 Ano

PROPOSTA DE SEGURO INDIVIDUAL AÇOREANA MAXI PERFORMANCE Investimento 11 12-1 Ano PROPOSTA DE SEGURO INDIVIDUAL AÇOREANA MAXI PERFORMANCE Investimento 11 12-1 Ano 2º ciclo de Campanhas 2012 - Edição Limitada (Versão 47/17) 2º ciclo de Campanhas 2012 Apólice N.º Seguro novo alteração

Leia mais

CONDIÇÕES GERAIS LEVE PPR - 2.ª SÉRIE - G763500

CONDIÇÕES GERAIS LEVE PPR - 2.ª SÉRIE - G763500 LEVE PPR - 2.ª SÉRIE - G763500 ARTIGO PRELIMINAR Entre a Fidelidade - Companhia de Seguros, S.A., adiante designada por Segurador, e o Tomador do Seguro identificado nas Condições Particulares, estabelece-se

Leia mais

PROSPECTO SIMPLIFICADO MAPFRE GARANTIA 011 FI

PROSPECTO SIMPLIFICADO MAPFRE GARANTIA 011 FI PROSPECTO SIMPLIFICADO MAPFRE GARANTIA 011 FI Contrato de Seguro Ligado a Fundos de Investimento Produto Financeiro Complexo - Instrumento de Captação de Aforro Estruturado Período de Comercialização 26-10-2010

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM RISCO

Leia mais

POSTAL FUTURO DEZEMBRO 2016 SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE)

POSTAL FUTURO DEZEMBRO 2016 SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) PROSPETO SIMPLIFICADO 20 de setembro de 2012 POSTAL FUTURO DEZEMBRO 2016 SEGURO LIGADO A FUNDOS DE INVESTIMENTO INSTRUMENTO DE CAPTAÇÃO DE AFORRO ESTRUTURADO (ICAE) Período de comercialização: de 20 de

Leia mais

Condições Gerais Generali PPR +Seguro

Condições Gerais Generali PPR +Seguro Condições Gerais Generali PPR +Seguro Generali Vida Companhia de Seguros S.A. Sede: Rua Duque de Palmela, n.º 11 1269-270 Lisboa Tel. 213 112 800 Fax. 213 563 067 Email: generali@generali.pt www.generali.pt

Leia mais

EUROVIDA PPR (Proposta de Seguro)

EUROVIDA PPR (Proposta de Seguro) Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A. Sede Social: 1099-090 Lisboa Portugal CRCL / Pes. Col. 504 917 692 Capital Social 7.500.000 Euro 02.01.2013 (Proposta de Seguro) Proposta: Apólice: Cliente:

Leia mais

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO

Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Informações Fundamentais ao Investidor PRODUTO FINANCEIRO COMPLEXO Um investimento responsável exige que conheça as suas implicações e que esteja disposto a aceitá-las. TODOS OS INVESTIMENTOS TÊM RISCO

Leia mais

Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros

Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A., sociedade anónima pertencente ao Grupo Banco Seguros Eurovida Companhia de Seguros de Vida, S.A. - Sede Social: - 1099-090 Lisboa - Portugal - CRCL / Pes. Col. 504 917 692 Capital Social 7.500.000 Euro Data início de comercialização: 2000/04/13 por tempo

Leia mais

SEGUROS. ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões

SEGUROS. ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões SEGUROS ASF Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões Ficha Técnica Coleção Guia de Seguros e Fundos de Pensões Título Seguros Ramo Vida e Planos de Poupança Edição Autoridade de Supervisão

Leia mais

Comissão Mercados e Valores Mobiliários. Existindo o risco de perda dos montantes investidos.

Comissão Mercados e Valores Mobiliários. Existindo o risco de perda dos montantes investidos. Mod. Versão: 42.00 Informação actualizada a: 01/04/2012 Designação Comercial: Poupança Vida BES (I.C.A.E.) Data início de Comercialização: 24/08/2009 Data fim de Comercialização: Em comercialização Empresa

Leia mais

CONTRATO DE GESTÃO DE CARTEIRA (S)

CONTRATO DE GESTÃO DE CARTEIRA (S) CONTRATO DE GESTÃO DE CARTEIRA (S) ENTRE ALTAVISA GESTÃO DE PATRIMÓNIOS, S.A., pessoa colectiva n.º 507 309 189, com sede em Matosinhos, na Rua Roberto Ivens, n.º 1280, 1.º andar sala 6 4450 251 Matosinhos,

Leia mais