Unidade I ESTATÍSTICA. Prof. Celso Guidugli

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Unidade I ESTATÍSTICA. Prof. Celso Guidugli"

Transcrição

1 Unidade I ESTATÍSTICA Prof. Celso Guidugli

2 Visão geral da estatística Estatística: Conjunto de métodos e processos destinados a permitir o entendimento de um universo submetido a certas condições de incerteza, ou seja, de não determinismo matemático.

3 Campos de atuação da estatística População: Conjunto com todos os elementos que têm em comum uma característica que está sendo estudada. Grande quantidade de valores. Valores prováveis. Amostra: Subconjunto da população formado por apenas alguns dos elementos dela. Pequena quantidade de valores. Valores reais.

4 Campos de atuação da estatística População e amostra são formadas por elementos com diversas características. Característica estudada: Variável estatística. Características ti principais: i i Definem a proporcionalidade entre população e suas amostras. Características secundárias: Demais características que não interferem nos estudos estatísticos.

5 Tipos de variáveis estatísticas Variáveis qualitativas: Indicam qualidades; não são mensuráveis. Exemplos: religião, cor de cabelos, marca de refrigerantes preferida. Variáveis quantitativas: Indicam quantidades, portanto, são mensuráveis. Exemplos: altura dos estudantes de uma escola, salários dos funcionários de uma empresa, notas de uma prova de estatística.

6 Tipos de variáveis estatísticas qualitativas Variáveis nominais: Não é possível fazer qualquer ordenação. Exemplo: você pratica esportes? Variáveis ordinais: É possível fazer ordenações. Por exemplo: qual a intensidade com que você pratica esportes?

7 Tipos de variáveis estatísticas quantitativas Variáveis discretas: Assumem apenas alguns poucos valores, normalmente inteiros. São contadas. Por exemplo: número de filhos numa família, gerentes que irão participar da convenção de vendas. Variáveis contínuas: Assumem qualquer valor numérico dentro de uma faixa lógica. São medidas. Por exemplo: peso dos alunos de uma escola, salários dos funcionários de uma empresa.

8 Interatividade Estamos estudando o comportamento salarial dos administradores em determinada região do país. Essa variável estatística é: a) Qualitativa nominal. b) Qualitativa ordinal. c) Quantitativa discreta. d) Quantitativa ordinal. e) Quantitativa contínua.

9 Amostragem Prever o comportamento de uma população a partir de amostras dela tiradas ou vice versa. Amostra é um pedaço coerente da população: Seus elementos devem refletir todas as características determinantes da população (as características principais).

10 Amostragem Características da população: conhecidas antecipadamente. Sexo: Homens 48,2% Classe Econômica: A 8% Mulheres 51,8% B 22% Idade: 16 a 20 anos 12,3% C 43% 20 a 30 anos 24,6% D 27% 30 a 40 anos 26,9% Time de Futebol Arranca Toco FC 45% 40 a 50 anos 15,8% Preferido SE Deixa que xuto 32% 50 a 60 anos 14,6% CA Avezessobrio 23% acima de 60 anos 5,8% Dados Fictícios

11 Amostragem A relação entre população e amostra é algo provável, ou seja, dotado de alguma margem de erro, que depende de: homogeneidade; tamanho da amostra; confiabilidade.

12 Processo estatístico Passos: 1. Definir o objeto do estudo, as populações e as amostras envolvidas. 2. Coletar os dados amostrais. 3. Tabular e representar os dados d colhidos na forma de tabelas e gráficos. 4. Cálculo dos parâmetros estatísticos. Esses passos correspondem à estatística descritiva. 5. Indução de parâmetros amostrais em parâmetros populacionais ou vice-versa. Esses passos correspondem à estatística indutiva.

13 Coletar os dados amostrais Atividade de campo Dados brutos: exatamente como foram colhidos (vide apostila). Tabela 1.1 Dados brutos de uma amostra de alunos de uma universidade Ordem Nome do aluno Estado Civil Curso matriculado Qualidade Idade em atribuída à Sexo anos instituição Renda Familiar Nº de DPs 1 Daiane solteiro Jornalismo Ótima F 19 R$ 3.220, Alberto solteiro Administração Boa M 20 R$ 4.050, Rui casado Direito Regular M 25 R$ 1.950, Carolina casado Engenharia Ruim F 21 R$ 1.682,00 6 Organização dos dados: sequência de procedimentos que organizam e resumem os dados.

14 Interatividade Quando falamos de amostragem, não podemos afirmar que: a) É possível prever o comportamento de uma população a partir do estudo de suas amostras. b) As relações entre uma população e suas amostras são prováveis, ou seja, existe uma margem de erro. c) Uma amostra é um pedaço da população, portanto, podemos conhecer uma população tomando-se alguns elementos quaisquer. d) Quanto mais heterogênea for uma população, maior será a margem de erro. e) Quanto maior a amostra, menor a margem de erro.

15 Representação dos dados Representação mais imediata e resumida: Quadros e tabelas analíticas. Gráficos.

16 Definições fundamentais Frequência simples: número de vezes que um mesmo valor se repete na distribuição estudada. Existem 11 alunos casados na tabela, logo, a frequência simples de casados é 11. Frequência total: somatório de todas as frequências simples. No total, existem 42 alunos na tabela, logo, a frequência total é 42. Frequência relativa: frequência simples dividida pela frequência total. Como existem 11 alunos casados num total de 42, podemos dizer que a frequência relativa é de 0,262 ou 26,2%.

17 Dados não agrupados em classes Tabela de frequências ou distribuição de frequências para dados não agrupados. Variáveis qualitativas e variáveis quantitativas discretas.

18 Dados agrupados em classes Tabela de frequências ou distribuição de frequências para dados agrupados. Variáveis quantitativas contínuas. Número de classes. Limites de classes. Intervalos de classes.

19 Dados agrupados em classes

20 Interatividade Considerando as tabelas encontradas na apostila, que resumem os dados brutos de uma amostra de alunos de uma universidade, podemos afirmar que: a) A frequência simples de solteiros é de 28 e a frequência relativa de salários entre $5.075 e $6.448 é de 19,0%. b) Dez alunos têm renda familiar entre $3.702 e $5.075 e 9,5% fazem jornalismo. c) 9,5% dos alunos têm quatro dependências e 31% têm renda familiar menor do que $956. d) Existem 3 alunos divorciados e 18,5% fazem administração. e) 57,1% dos alunos são homens e todos têm renda familiar menor do que $

21 Frequências acumuladas Frequência acumulada acima de determinado valor: quantidade total de elementos acima de dado valor. Por exemplo: existem 14 alunos que têm acima de 3 dependências. Frequência acumulada abaixo de determinado valor: Quantidade total de elementos abaixo de dado valor. Por exemplo: existem 30 alunos que têm abaixo de 30 anos.

22 Distribuição ou tabela de frequências

23 Distribuição ou tabela de frequências

24 Representações gráficas Histogramas: normalmente, representação das frequências simples. Diagrama de ogiva: normalmente, representação das frequências acumuladas. Setorgrama: normalmente, representação das frequências relativas.

25 Histograma

26 Histograma

27 Diagrama de ogiva

28 Setorgrama

29 Interatividade A partir do gráfico abaixo, podemos afirmar que a porcentagem dos trabalhadores na área de produção dessa empresa é de: a) 24%. b) 9%. c) 6%. d) 33%. e) 16%.

30 ATÉ A PRÓXIMA!

Unidade I ESTATÍSTICA. Prof. Celso Ribeiro Campos

Unidade I ESTATÍSTICA. Prof. Celso Ribeiro Campos Unidade I ESTATÍSTICA Prof. Celso Ribeiro Campos Visão geral da estatística Estatística: Conjunto de métodos e processos destinados a permitir o entendimento de um universo submetido a certas condições

Leia mais

Unidade I. Profa. Ana Carolina Bueno

Unidade I. Profa. Ana Carolina Bueno Unidade I ESTATÍSTICA Profa. Ana Carolina Bueno Estatística Interpretar processos em que há variabilidade. Estatísticas indica qualquer coleção de dados quantitativos, ou ainda, ramo da matemática que

Leia mais

CAD. 8 SETOR A AULAS 45-48

CAD. 8 SETOR A AULAS 45-48 CAD. 8 SETOR A AULAS 45-48 48 ESTATÍSTICA STICA Prof. Suzart ESTATÍSTICA Elabora métodos para coleta, organização, descrição, análise e intepretação de dados. Experimentos não-determinísticos. Determinação

Leia mais

Conceito de Estatística

Conceito de Estatística Conceito de Estatística Estatística Técnicas destinadas ao estudo quantitativo de fenômenos coletivos, observáveis. Unidade Estatística um fenômeno individual é uma unidade no conjunto que irá constituir

Leia mais

Estatística Descritiva Lista 1 de exercícios (nivelamento)

Estatística Descritiva Lista 1 de exercícios (nivelamento) 1. População é um conjunto de: a) Pessoas. b) Elementos quaisquer. c) Pessoas com uma característica comum. d) Elementos com pelo menos uma característica em comum. e) Indivíduos de um mesmo município,

Leia mais

CONTROLE ESTATÍSTICO DE PROCESSOS

CONTROLE ESTATÍSTICO DE PROCESSOS CONTROLE ESTATÍSTICO DE PROCESSOS ANEXOS INTRODUÇÃO ANEXO 1 TABELA I Fator para estimar o desvio padrão ANEXO 2 TABELA II Valores padronizados para distribuição normal ANEXO 3 TABELA III Distribuição de

Leia mais

Adilson Cunha Rusteiko

Adilson Cunha Rusteiko Janeiro, 2015 Estatística , A Estatística Estatística: É a parte da matemática aplicada que fornece métodos para coleta, organização, descrição, análise e interpretação

Leia mais

Unidade I ESTATÍSTICA APLICADA. Prof. Luiz Felix

Unidade I ESTATÍSTICA APLICADA. Prof. Luiz Felix Unidade I ESTATÍSTICA APLICADA Prof. Luiz Felix O termo estatística Provém da palavra Estado e foi utilizado originalmente para denominar levantamentos de dados, cuja finalidade era orientar o Estado em

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CÁLCULO DAS PROBABILIDADES E ESTATÍSTICA I

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CÁLCULO DAS PROBABILIDADES E ESTATÍSTICA I UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CÁLCULO DAS PROBABILIDADES E ESTATÍSTICA I Departamento de Estatística Tarciana Liberal CONCEITOS FUNDAMENTAIS DE ESTATÍSTICA O que a Estatística significa para você? Pesquisas

Leia mais

CURSO DE ESTATÍSTICA STICA DESCRITIVA Adriano Mendonça Souza Departamento de Estatística - UFSM -

CURSO DE ESTATÍSTICA STICA DESCRITIVA Adriano Mendonça Souza Departamento de Estatística - UFSM - CURSO DE ESTATÍSTICA STICA DESCRITIVA Adriano Mendonça Souza Departamento de Estatística - UFSM - A imaginação é mais importante que o conhecimento Albert Einstein Estatística stica?!? Conjunto de técnicas

Leia mais

Resumo de Dados. Tipos de Variáveis

Resumo de Dados. Tipos de Variáveis Resumo de Dados Tipos de Variáveis Exemplo 2.1 Um pesquisador está interessado em fazer um levantamento sobre alguns aspectos socioeconômicos dos empregados da seção de orçamentos da Companhia MB. Usando

Leia mais

Medidas Descritivas de Posição, Tendência Central e Variabilidade

Medidas Descritivas de Posição, Tendência Central e Variabilidade Medidas Descritivas de Posição, Tendência Central e Variabilidade Prof. Gilberto Rodrigues Liska UNIPAMPA 27 de Março de 2017 Material de Apoio e-mail: gilbertoliska@unipampa.edu.br Sumário 1 Introdução

Leia mais

DISCIPLINA: PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA TURMA: Informática de Gestão

DISCIPLINA: PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA TURMA: Informática de Gestão Aula # 04 DISCIPLINA: PROBABILIDADE E ESTATÍSTICA TURMA: Informática de Gestão Escala de Medidas de Variáveis. Frequência absoluta e relativa de dados quantitativos. Professor: Dr. Wilfredo Falcón Urquiaga

Leia mais

EXERCÍCIOS SEÇÃO 1 - ESTATÍSTICA 1

EXERCÍCIOS SEÇÃO 1 - ESTATÍSTICA 1 EXERCÍCIOS SEÇÃO 1 - ESTATÍSTICA 1 1. População ou universo é: a) Um conjunto de pessoas; b) Um conjunto de elementos quaisquer c) Um conjunto de pessoas com uma característica comum; d) Um conjunto de

Leia mais

Estatística Autor: Colaboradores:

Estatística Autor: Colaboradores: Estatística Autor: Prof. Mauricio Martins do Fanno Colaboradores: Prof. Flávio Celso Müller Martin Prof. Fábio Gomes da Silva Profa. Ana Carolina Bueno Borges Professor conteudista: Mauricio Martins do

Leia mais

AULA 1 - CONCEITOS BÁSICOS E APRESENTAÇÃO DE DADOS PARTE 1

AULA 1 - CONCEITOS BÁSICOS E APRESENTAÇÃO DE DADOS PARTE 1 AULA 1 - CONCEITOS BÁSICOS E APRESENTAÇÃO DE DADOS PARTE 1 INFORMAÇÕES Professor: Roberto C. Leoni BLOG: http://aedbest.wordpress.com Apostilas com exercícios e gabaritos Software R http://cran.r-project.org/

Leia mais

IFF FLUMINENSE CST EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL

IFF FLUMINENSE CST EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL IFF FLUMINENSE CST EM MANUTENÇÃO INDUSTRIAL Estatística e Probabilidade CH: 40 h/a Classificação de variáveis, Levantamento de Dados: Coleta; Apuração; Apresentação; e Análise de resultados. Séries Estatísticas.

Leia mais

Aula 1 -Fundamentos e conceitos básicos (Notas de aula) Prof. Idemauro Antonio Rodrigues de Lara

Aula 1 -Fundamentos e conceitos básicos (Notas de aula) Prof. Idemauro Antonio Rodrigues de Lara Aula 1 -Fundamentos e conceitos básicos (Notas de aula) Prof. Idemauro Antonio Rodrigues de Lara Adquirir conhecimento dos fundamentos da Estatística, em seus campos Descritivo e Inferencial, como base

Leia mais

CURSO DE SPSS AULA 2 MEDIDAS DESCRITIVAS. UFBA/FACED José Albertino Lordello Sheila Regina Pereira

CURSO DE SPSS AULA 2 MEDIDAS DESCRITIVAS. UFBA/FACED José Albertino Lordello Sheila Regina Pereira CURSO DE SPSS AULA 2 MEDIDAS DESCRITIVAS UFBA/FACED José Albertino Lordello Sheila Regina Pereira MEDIDAS RESUMO Uma maneira conveniente de descrever um grupo como um todo é achar um número único que represente

Leia mais

Departamento de Estatística

Departamento de Estatística Laboratório de Ciências - Aula 3 Departamento de Estatística 7 de Janeiro de 2014 Introdução Suponha que dispomos de um conjunto de dados, por exemplo, número de gols (ou número de impedimentos, chutes

Leia mais

Análise da Informação Económica e Empresarial

Análise da Informação Económica e Empresarial Análise da Informação Económica e Empresarial Aula 5: Tratamento de informação quantitativa Noções básicas: Unidade estatística, População, Variável; distribuição. Redução de dados: Tabela de frequências.

Leia mais

POR QUE ESTUDAR ESTATÍSTICA?

POR QUE ESTUDAR ESTATÍSTICA? Prof. Gilberto Gil POR QUE ESTUDAR ESTATÍSTICA? Estatística é a arte e a ciência de coletar, analisar, apresentar, e interpretar dados, para que se tomem decisões sob incerteza. PRINCIPAIS CONCEITOS Na

Leia mais

MEDIDAS DE POSIÇÃO E DE DISPERSÃO. Profª Andréa H Dâmaso

MEDIDAS DE POSIÇÃO E DE DISPERSÃO. Profª Andréa H Dâmaso MEDIDAS DE POSIÇÃO E DE DISPERSÃO Profª Andréa H Dâmaso Bioestatística e Delineamento Experimental - 2012 Tópicos da aula Medidas de tendência central e dispersão Variáveis contínuas: distribuição normal

Leia mais

Estatística Descritiva (I)

Estatística Descritiva (I) Estatística Descritiva (I) 1 O que é Estatística Origem relacionada com a coleta e construção de tabelas de dados para o governo. A situação evoluiu: a coleta de dados representa somente um dos aspectos

Leia mais

A ESTATÍSTICA Introdução Histórica

A ESTATÍSTICA Introdução Histórica A ESTATÍSTICA Introdução Histórica Desde a antigu idade, os homens faziam registros: Número de habitantes; Nascimentos e óbitos; Avaliavam bens e riquezas do povo, para cobrar impostos; Estoque de alimentos,

Leia mais

PLANO DE ENSINO. Disciplina: Estatística e Probabilidade Carga Horária: 40h Período: 1º. Ementa

PLANO DE ENSINO. Disciplina: Estatística e Probabilidade Carga Horária: 40h Período: 1º. Ementa Disciplina: Estatística e Probabilidade Carga Horária: 40h Período: 1º PLANO DE ENSINO Ementa Classificação de variáveis, Levantamento de Dados: Coleta; Apuração; Apresentação e Análise de resultados.

Leia mais

PERFIL PROFISSIONAL DOS ESTUDANTES DO CURSO DE ESTATÍSTICA NOTURNO

PERFIL PROFISSIONAL DOS ESTUDANTES DO CURSO DE ESTATÍSTICA NOTURNO PERFIL PROFISSIONAL DOS ESTUDANTES DO CURSO DE ESTATÍSTICA NOTURNO Andreza Jardelino da Silva 1,Ednário B. de Mendonça 2, Márcia Marciele dos Santos Silva 3, Kleber N. N. O. Barros 4 Departamento de Estatística,

Leia mais

Estatística. Apresentação de Dados em Gráficos

Estatística. Apresentação de Dados em Gráficos Estatística Apresentação de Dados em Gráficos Sobre os gráficos... Cada tipo de gráfico tem uma indicação específica Regra: Deve apresentar título e escala Título abaixo da ilustração Escalas Legendas

Leia mais

18/08/2009 TÁ NA MÉDIA! FILIPE S. MARTINS

18/08/2009 TÁ NA MÉDIA! FILIPE S. MARTINS ESTATÍSTICA BÁSICA AULA 02 TÁ NA MÉDIA! FILIPE S. MARTINS ESTATÍSTICA - ROTEIRO MÉTODO PERIMENTAL FASES DO MÉTODO PLANEJAMENTO E COLETA DE DADOS CRÍTICA E APURAÇÃO DOS DADOS POSIÇÃO E ANÁLISE DOS DADOS

Leia mais

Universidade Federal Fluminense INSTITUTO DE MATEMÁTICA E ESTATÍSTICA DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA

Universidade Federal Fluminense INSTITUTO DE MATEMÁTICA E ESTATÍSTICA DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA Universidade Federal Fluminense INSTITUTO DE MATEMÁTICA E ESTATÍSTICA DEPARTAMENTO DE ESTATÍSTICA Estatística Geral I Prof: Jony Arrais Pinto Junior Lista 08 1. Utilizando os dados da Tabela 01 da Lista

Leia mais

Prof. Anderson Rodrigo da Silva.

Prof. Anderson Rodrigo da Silva. Prof. Anderson Rodrigo da Silva anderson.silva@ifgoiano.edu.br Sobre Estatística Conjunto de conceitos e métodos. Ciência que recolhe fatos e fenômenos, analisa-os e interpreta-os quanto ao número de frequência,

Leia mais

Prof. Dr. Engenharia Ambiental, UNESP

Prof. Dr. Engenharia Ambiental, UNESP INTRODUÇÃO A ESTATÍSTICA ESPACIAL Análise Exploratória dos Dados Estatística Descritiva Univariada Roberto Wagner Lourenço Roberto Wagner Lourenço Prof. Dr. Engenharia Ambiental, UNESP Estrutura da Apresentação

Leia mais

Nov/2016. José Roberto Motta Garcia

Nov/2016. José Roberto Motta Garcia José Roberto Motta Garcia garcia.cptec@gmail.com Fases da análise de dados Tratamento de dados Resumo estatístico dos dados - comandos Resumo estatístico dos dados - resultados Agrupamento pela soma (via

Leia mais

RACIOCÍNIO LÓGICO / ESTATÍSTICA LISTA 1

RACIOCÍNIO LÓGICO / ESTATÍSTICA LISTA 1 RACIOCÍNIO LÓGICO / ESTATÍSTICA LISTA 1 I. Conceitos Iniciais RESUMO TEÓRICO 1 1. A Estatística Descritiva ou Dedutiva é o ramo da Estatística que tem por objetivo descrever e analisar fatos relacionados

Leia mais

Introdução e Generalidades. Júlio Osório

Introdução e Generalidades. Júlio Osório e Generalidades Júlio Osório 1 1. Definir Estatística. Objectivos 2. Descrever as utilizações da Estatística. 3. Caracterizar Estatística Descritiva e Estatística Inferencial. 4. Definir população, amostra,

Leia mais

Apresentação gráfica de séries estatísticas

Apresentação gráfica de séries estatísticas 15 R E S U M O 04 Apresentação gráfica de séries estatísticas 4.1 INTRODUÇÃO Além da apresentação tabular, outra forma de se resumir e apresentar dados estatísticos são por meio de gráficos. A principal

Leia mais

ESTATÍSTICA DESCRITIVA

ESTATÍSTICA DESCRITIVA ESTATÍSTICA DESCRITIVA Organização Descrição Quantificação de variabilidade Identificação de valores típicos e atípicos Elementos básicos: Tabelas Gráficos Resumos numéricos CONCEITOS BÁSICOS Variável

Leia mais

Distribuição de frequências:

Distribuição de frequências: Distribuição de frequências: Uma distribuição de frequências é uma tabela que reúne o conjunto de dados conforme as frequências ou as repetições de seus valores. Esta tabela pode representar os dados em

Leia mais

Estatística. Professora: Eliana Carvalho Estatística e Probabilidade 1

Estatística. Professora: Eliana Carvalho Estatística e Probabilidade 1 Estatística Fonte bibliográfica: FARIAS, Alberto Alves Introdução a Estatística MEYER, Paul L. Probabilidade: Aplicações à Estatística MONTGOMERY, Douglas C; Estatística aplicada e probabilidade para engenheiros.

Leia mais

Matemática Ensino Médio Anotações de aula Estatística Marco Polo

Matemática Ensino Médio Anotações de aula Estatística Marco Polo Matemática Ensino Médio Anotações de aula Estatística Marco Polo Prof. José Carlos Ferreira da Silva 2016 1 ÍNDICE ESTATÍSTICA Introdução... 04 Conceitos preliminares...04 Distribuição de frequência unitárias...

Leia mais

A Estatística é um conjunto de processos ou técnicas empregadas na investigação e análise de fenômenos coletivos ou de massa.

A Estatística é um conjunto de processos ou técnicas empregadas na investigação e análise de fenômenos coletivos ou de massa. Conceitos O que é Estatística? A Estatística é um conjunto de métodos destinados à coleta, organização, resumo, apresentação e análise de dados de observação, bem como da tomada de decisões razoáveis baseadas

Leia mais

Construção da base de dados

Construção da base de dados Construção da base de dados Exemplos de Inquéritos O instrumento de notação Codificação e dicionário das variáveis Data view e variable view Introdução de dados Dicionário de Dados Para cada questão

Leia mais

Elementos de Estatística

Elementos de Estatística Elementos de Estatística Lupércio F. Bessegato & Marcel T. Vieira UFJF Departamento de Estatística 2013 Gráficos & Tabelas Descrição Tabular e Gráfica Tabelas: Tipos de variáveis e tabelas Frequências

Leia mais

SINTETIZANDO DADOS QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS

SINTETIZANDO DADOS QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS SINTETIZANDO DADOS QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS Prof. Dr. Ivan Bezerra Allaman Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC Cronograma Dados qualitativos 1 Dados qualitativos 2 3 Para sintetizarmos as informações

Leia mais

Estatística descritiva básica: Tabelas e Gráficos

Estatística descritiva básica: Tabelas e Gráficos Estatística descritiva básica: Tabelas e Gráficos ACH2021 Tratamento e Análise de Dados e Informações Marcelo de Souza Lauretto marcelolauretto@usp.br www.each.usp.br/lauretto *Parte do conteúdo baseada

Leia mais

Autores: Fernando Sebastião e Helena Silva

Autores: Fernando Sebastião e Helena Silva Apontamentos de Estatística Descritiva Unidade Curricular: Estatística Aplicada Área Científica: Matemática Ano Lectivo: 2007/2008 Curso: Contabilidade e Finanças Regime: Diurno + Pós-Laboral Escola: Superior

Leia mais

Unidade I ESTATÍSTICA APLICADA. Prof. Mauricio Fanno

Unidade I ESTATÍSTICA APLICADA. Prof. Mauricio Fanno Unidade I ESTATÍSTICA APLICADA Prof. Mauricio Fanno Estatística indutiva Estatística descritiva Dados no passado ou no presente e em pequena quantidade, portanto, reais e coletáveis. Campo de trabalho:

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA JAIME MONIZ

ESCOLA SECUNDÁRIA JAIME MONIZ ESCOLA SECUNDÁRIA JAIME MONIZ Matemática Aplicada às Ciências Sociais 10º ano 2009/2010 Ficha de trabalho 1: Interpretando dados. Noções básicas de Estatística. Sondagens e amostras. Organizando os dados.

Leia mais

AMEI Escolar Matemática 8º Ano Estatística: Organização e Tratamento de Dados

AMEI Escolar Matemática 8º Ano Estatística: Organização e Tratamento de Dados AMEI Escolar Matemática 8º Ano Estatística: Organização e Tratamento de Dados Conteúdos desta unidade: Organização, representação e interpretação de dados; Medidas de tendência central; Medidas de localização.

Leia mais

Matéria: Matemática Assunto: Representação e análise de dados Prof. Dudan

Matéria: Matemática Assunto: Representação e análise de dados Prof. Dudan Matéria: Matemática Assunto: Representação e análise de dados Prof. Dudan Matemática Estatística A ciência encarregada de coletar, organizar e interpretar dados é Chamada de estatística. Seu objetivo

Leia mais

Introdução à Bioestatística. Profº Lucas Neiva-Silva Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre 2008

Introdução à Bioestatística. Profº Lucas Neiva-Silva Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre 2008 Introdução à Bioestatística Profº Lucas Neiva-Silva lucasneiva@yahoo.com.br Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre 2008 Estatística Do grego statistós, de statízo, que significa estabelecer,

Leia mais

SINTETIZANDO DADOS QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS

SINTETIZANDO DADOS QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS SINTETIZANDO DADOS QUALITATIVOS E QUANTITATIVOS Prof. Dr. Ivan Bezerra Allaman Universidade Estadual de Santa Cruz - UESC Cronograma Dados qualitativos 1 Dados qualitativos 2 Para sintetizarmos as informações

Leia mais

NOÇÕES BÁSICAS DE ESTATÍSTICA

NOÇÕES BÁSICAS DE ESTATÍSTICA NOÇÕES BÁSICAS DE ESTATÍSTICA Tipos de Estatísticas Estatística descritiva É a parte mais conhecida. Quem vê o noticiário, na televisão ou nos jornais, sabe o quão freqüente é o uso de médias, índices

Leia mais

Avaliação. Diagnóstico. Gerente Apuração de dados. Sistema integrado. Tudo que você precisa está a sua disposição no ambiente virtual.

Avaliação. Diagnóstico. Gerente Apuração de dados. Sistema integrado. Tudo que você precisa está a sua disposição no ambiente virtual. NÍVEL DE ENSINO: Graduação Tecnológica CARGA HORÁRIA: 40h PROFESSOR-AUTOR: Ricardo Saraiva Diniz DE DADOS ANÁLISE E INTERPRETAÇÃO APRESENTAÇÃO Desempenho Olá! Seja muito bem-vindo à disciplina Análise

Leia mais

Fases do Método Estatístico

Fases do Método Estatístico Fases do Método Estatístico Coleta de dados São inúmeras as maneiras de coletar dados, e a amostragem é a maneira mais frequente. Embora a amostragem seja um conceito simples, muitas vezes inúmeras e complexas

Leia mais

Plano de Ensino Docente. TURMA: 2º semestre

Plano de Ensino Docente. TURMA: 2º semestre Plano de Ensino Docente IDENTIFICAÇÃO CURSO: Licenciatura em Matemática FORMA/GRAU:( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado (x) licenciatura ( ) tecnólogo MODALIDADE: ( x ) Presencial

Leia mais

NOÇÕES DE ESTATÍSTICA. TÓPICOS EM ESTUDO Coleta e organização de dados; Frequência absoluta e relativa; Medidas de tendências central.

NOÇÕES DE ESTATÍSTICA. TÓPICOS EM ESTUDO Coleta e organização de dados; Frequência absoluta e relativa; Medidas de tendências central. NOÇÕES DE ESTATÍSTICA TÓPICOS EM ESTUDO Coleta e organização de dados; Frequência absoluta e relativa; Medidas de tendências central. HISTÓRIA Os primeiros registros da Estatística na humanidade nos remetem

Leia mais

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ INSTITUTO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM MATEMÁTICA PARFOR PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM I - IDENTIFICAÇÃO: PROFESSOR(A)

Leia mais

Comprovação Estatística de Medidas Elétricas

Comprovação Estatística de Medidas Elétricas Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina Departamento Acadêmico de Eletrônica Métodos e Técnicas de Laboratório em Eletrônica Comprovação Estatística de Medidas Elétricas Florianópolis,

Leia mais

Estatística descritiva básica: Medidas de tendência central

Estatística descritiva básica: Medidas de tendência central Estatística descritiva básica: Medidas de tendência central ACH2021 Tratamento e Análise de Dados e Informações Marcelo de Souza Lauretto marcelolauretto@usp.br www.each.usp.br/lauretto *Parte do conteúdo

Leia mais

Professora conteudista: Maria Ester Domingues de Oliveira

Professora conteudista: Maria Ester Domingues de Oliveira Estatística Básica Professora conteudista: Maria Ester Domingues de Oliveira Sumário Estatística Básica Unidade I 1 INTRODUÇÃO...2 2 COLETAS DE DADOS...6 3 TIPOS DE VARIÁVEIS... 4 DISTRIBUIÇÃO DE FREQUÊNCIAS...11

Leia mais

AT = Maior valor Menor valor

AT = Maior valor Menor valor UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA TABELAS E GRÁFICOS Departamento de Estatística Luiz Medeiros DISTRIBUIÇÃO DE FREQUÊNCIA Quando se estuda uma massa de dados é de frequente interesse resumir as informações

Leia mais

Amostragem Objetivos - Identificar as situações em que se deve optar pela amostragem e pelo censo. - Compreender e relacionar AMOSTRA e POPULAÇÃO.

Amostragem Objetivos - Identificar as situações em que se deve optar pela amostragem e pelo censo. - Compreender e relacionar AMOSTRA e POPULAÇÃO. Amostragem Objetivos - Identificar as situações em que se deve optar pela amostragem e pelo censo. - Compreender e relacionar AMOSTRA e POPULAÇÃO. - Que é Amostragem Aleatória Simples. - Métodos para a

Leia mais

Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 2. Tabelas e Diagramas de Freqüência

Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 2. Tabelas e Diagramas de Freqüência Tabelas e Diagramas de Freqüência Probabilidade e Estatística I Antonio Roque Aula 2 O primeiro passo na análise e interpretação dos dados de uma amostra consiste na descrição (apresentação) dos dados

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS CURSO: MATEMÁTICA DISCIPLINA: ESTATÍSTICA E PROBABILIDADE SÉRIE: 1ª CARGA HORÁRIA: 144 HORAS PROFESSORA: Maria Ivete Basniak ANO LETIVO: 2013 EMENTA: Variáveis e gráficos; Distribuições

Leia mais

F r F N BANCO DO BRASIL E CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Estatistica. b) Variável qualitativa

F r F N BANCO DO BRASIL E CAIXA ECONÔMICA FEDERAL. Estatistica. b) Variável qualitativa Estatistica Introdução: A talvez seja a parte da Matemática que mais se preocupa com o comportamento social, visto que tal conteúdo é repleto de coletas de dados, para que se possa então fazer a análise

Leia mais

1ª Lista de Exercícios

1ª Lista de Exercícios 1ª Lista de Exercícios 1. Classificar as variáveis a seguir: a) número de sementes por vagem (0, 1, 2,...) Variável quantitativa discreta b) peso de 100 sementes, em g Variável quantitativa contínua c)

Leia mais

Estatística

Estatística Estatística 1 2016.2 Sumário Capítulo 1 Conceitos Básicos... 3 MEDIDAS DE POSIÇÃO... 3 MEDIDAS DE DISPERSÃO... 5 EXERCÍCIOS CAPÍTULO 1... 8 Capítulo 2 Outliers e Padronização... 12 VALOR PADRONIZADO (Z)...

Leia mais

Estatística Descritiva (I)

Estatística Descritiva (I) Estatística Descritiva (I) O que é Estatística Para muitos, a Estatística não passa de conjuntos de tabelas de dados numéricos. Os estatísticos são as pessoas que coletam esses dados. A Estatística originou-se

Leia mais

ESTATÍSTICA. Objectivo: recolha, compilação, análise e interpretação de dados. ESTATÍSTICA DESCRITIVA INFERÊNCIA ESTATÍSTICA

ESTATÍSTICA. Objectivo: recolha, compilação, análise e interpretação de dados. ESTATÍSTICA DESCRITIVA INFERÊNCIA ESTATÍSTICA 1 ESTATÍSTICA Objectivo: recolha, compilação, análise e interpretação de dados. ESTATÍSTICA DESCRITIVA INFERÊNCIA ESTATÍSTICA Estatística descritiva : o objectivo é sintetizar e representar de uma forma

Leia mais

Conceitos básicos, probabilidade, distribuição normal e uso de tabelas padronizadas

Conceitos básicos, probabilidade, distribuição normal e uso de tabelas padronizadas Conceitos básicos, probabilidade, distribuição normal e uso de tabelas padronizadas Prof. Marcos Vinicius Pó Métodos Quantitativos para Ciências Sociais Alguns conceitos População: é o conjunto de todos

Leia mais

Acção Local de Estatística Aplicada

Acção Local de Estatística Aplicada Acção Local de Estatística Aplicada Parceria Propósito Disponibilizar instrumentos para apoio ao ensino e à aprendizagem da Estatística, em acesso livre! Como? (Edutainment) Entretenimento Estatística

Leia mais

Estatística Descritiva

Estatística Descritiva C E N T R O D E M A T E M Á T I C A, C O M P U T A Ç Ã O E C O G N I Ç Ã O UFABC Estatística Descritiva Centro de Matemática, Computação e Cognição March 17, 2013 Slide 1/52 1 Definições Básicas Estatística

Leia mais

Métodos Estatísticos Aplicados à Economia I (GET00117) Estatística Descritiva

Métodos Estatísticos Aplicados à Economia I (GET00117) Estatística Descritiva Universidade Federal Fluminense Instituto de Matemática e Estatística Métodos Estatísticos Aplicados à Economia I (GET00117) Estatística Descritiva Ana Maria Lima de Farias Departamento de Estatística

Leia mais

MOQ-12: PROBABILIDADES E PROCESSOS ESTOCÁSTICOS. VA s e Distribuições

MOQ-12: PROBABILIDADES E PROCESSOS ESTOCÁSTICOS. VA s e Distribuições Motivação: MOQ-2: PROBABILIDADES E PROCESSOS ESTOCÁSTICOS VA s e Distribuições Definimos anteriormente Espaço de Probabilidades como sendo a tripla (W,, P(.)), em que, dado um eperimento, W representa

Leia mais

Curso de IPE Aula 1 de Estatística Descritiva. Prof. Dr. Valdecir Marvulle 2013

Curso de IPE Aula 1 de Estatística Descritiva. Prof. Dr. Valdecir Marvulle 2013 Curso de IPE Aula 1 de Descritiva Prof. Dr. Valdecir Marvulle 2013 Dados: Coleção de fatos numéricos observados. Exemplos: Peso dos pacientes atendidos numa unidade de saúde. Freqüência respiratória após

Leia mais

Métodos Estatísticos Básicos

Métodos Estatísticos Básicos Aula 2 - Distribuição de frequências Departamento de Economia Universidade Federal de Pelotas (UFPel) Março de 2014 Distribuição de frequência Tabela primitiva (dados brutos): é uma tabela com a relação

Leia mais

ESTATÍSTICA APLICADA

ESTATÍSTICA APLICADA ESTATÍSTICA APLICADA TEMA I ESTATÍSTICA DESCRITIVA SUMÁRIO: CLASSIFICAÇÃO DOS DADOS SEGUNDO A ESCALA DISTRIBUIÇÕES DE FREQUENCIA PARA DADOS CONTÍNUOS. DISTRIBUIÇÃO EM CLASSES Distribuição para Dados Quantitativos

Leia mais

DISCIPLINA: EPIDEMIOLOGIA E BIOESTATÍSTICA LICENCIATURA: ENFERMAGEM; FISIOTERAPIA

DISCIPLINA: EPIDEMIOLOGIA E BIOESTATÍSTICA LICENCIATURA: ENFERMAGEM; FISIOTERAPIA Aula nº 1 Data: 3 de Outubro de 2002 1. INTRODUÇÃO: POPULAÇÕES, AMOSTRAS, VARIÁVEIS E OBSERVAÇÕES Conceito de Bioestatística e importância da disciplina no âmbito da investigação biológica. Limitações

Leia mais

Ficha de Trabalho nº 11 Matemática 7º ano Maio / 2011 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ESTATÍSTICA

Ficha de Trabalho nº 11 Matemática 7º ano Maio / 2011 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ESTATÍSTICA Ficha de Trabalho nº 11 Matemática 7º ano Maio / 2011 INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA ESTATÍSTICA Recorda: A Estatística é um ramo da Matemática que nos ajuda a recolher, organizar e interpretar dados para tirar

Leia mais

ESTATÍSTICA Medidas de Síntese

ESTATÍSTICA Medidas de Síntese 2.3 - Medidas de Síntese Além das tabelas e gráficos um conjunto de dados referente a uma variável QUANTITATIVA pode ser resumido (apresentado) através de Medidas de Síntese, também chamadas de Medidas

Leia mais

Prof. Francisco Crisóstomo

Prof. Francisco Crisóstomo Unidade II ESTATÍSTICA BÁSICA Prof. Francisco Crisóstomo Unidade II Medidas de posição Medidas de posição Tem como característica definir um valor que representa um conjunto de valores (rol), ou seja,

Leia mais

AMOSTRAGEM. É a parte da Teoria Estatística que define os procedimentos para os planejamentos amostrais e as técnicas de estimação utilizadas.

AMOSTRAGEM. É a parte da Teoria Estatística que define os procedimentos para os planejamentos amostrais e as técnicas de estimação utilizadas. AMOSTRAGEM É a parte da Teoria Estatística que define os procedimentos para os planejamentos amostrais e as técnicas de estimação utilizadas. Nos planejamentos amostrais, a coleta dos dados deve ser realizada

Leia mais

BIBLIOGRAFIA INTRODUÇÃO À BIOESTATÍSTICA OBJETIVOS DO CURSO ESTATÍSTICA ESTATÍSTICA ESTATÍSTICA

BIBLIOGRAFIA INTRODUÇÃO À BIOESTATÍSTICA OBJETIVOS DO CURSO ESTATÍSTICA ESTATÍSTICA ESTATÍSTICA BIBLIOGRAFIA INTRODUÇÃO À BIOESTATÍSTICA BIOESTATÍSTICA BÁSICA E CLÍNICA Beth Dawson; Robert G. Trapp Ed.Mc Graw Hill 3ª edição PROFESSORA: Carolina Peixinho carolina@peb.ufrj.br BIOESTATÍSTICA: PRINCÍPIOS

Leia mais

III - Amostragem. Prof. Herondino

III - Amostragem. Prof. Herondino III - Amostragem Prof. Herondino População e amostra População uma população é o conjunto de todos os itens, objetos, coisas ou pessoas a respeito das quais a informação é desejada para a solução de um

Leia mais

Estatística Descritiva. Estatística. 2 - Estatística Descritiva. UNESP FEG DPD Prof. Edgard

Estatística Descritiva. Estatística. 2 - Estatística Descritiva. UNESP FEG DPD Prof. Edgard Estatística 2 - Estatística Descritiva 02-1 Organização e Descrição de Dados Características de interesse: VARIÁVEIS Tipos de Variáveis Variável Qualitativa: classificação por tipos atributos Variável

Leia mais

Curso de Estatística para Engenheiros

Curso de Estatística para Engenheiros Curso de Estatística para Engenheiros Representação Gráficas das Séries e Distribuição de Freqüências 1 Objetivos do Capítulo: Observar as diferentes maneiras de resumir e apresentar os dados coletados;

Leia mais

Cálculo das Probabilidades e Estatística I

Cálculo das Probabilidades e Estatística I Cálculo das Probabilidades e Estatística I Prof a. Juliana Freitas Pires Departamento de Estatística Universidade Federal da Paraíba - UFPB juliana@de.ufpb.br Introdução O que é Estatística? Coleção de

Leia mais

INTRODUÇÃO A ESTATISTICA PROF. RANILDO LOPES

INTRODUÇÃO A ESTATISTICA PROF. RANILDO LOPES INTRODUÇÃO A ESTATISTICA PROF. RANILDO LOPES DESCRIÇÃO DOS DADOS CONTÍNUOS Trazem informações que expressam a tendência central e a dispersão dos dados. Tendência Central: Média ( x ), Mediana ( Md ),

Leia mais

Análise descritiva de Dados. A todo instante do nosso dia-a-dia nos deparamos com dados.

Análise descritiva de Dados. A todo instante do nosso dia-a-dia nos deparamos com dados. Análise descritiva de Dados A todo instante do nosso dia-a-dia nos deparamos com dados. Por exemplo, para decidir pela compra de um eletrodoméstico, um aparelho eletrônico ou até mesmo na compra de uma

Leia mais

Técnicas de Amostragem. É o estudo de um pequeno grupo de elementos retirado de uma população que se pretende conhecer.

Técnicas de Amostragem. É o estudo de um pequeno grupo de elementos retirado de uma população que se pretende conhecer. Técnicas de Amostragem O que é? É o estudo de um pequeno grupo de elementos retirado de uma população que se pretende conhecer. Esses pequenos grupos retirados da população são chamados de Amostras. Por

Leia mais

Cursos / Treinamentos

Cursos / Treinamentos Cursos / Treinamentos Carga Horária 1 Estatística Básica em Todos os Níveis. 16 Horas 2 Estatística Avançada. 60 Horas 3 Formação de Auditores Internos da Qualidade. 32 Horas 4 Controle Estatístico de

Leia mais

MEDIDAS DE TENDÊNCIA CENTRAL

MEDIDAS DE TENDÊNCIA CENTRAL MEDIDAS DE TENDÊNCIA CENTRAL Professor Jair Wyzykowski Universidade Estadual de Santa Catarina Média aritmética INTRODUÇÃO A concentração de dados em torno de um valor pode ser usada para representar todos

Leia mais

Seminário interdisciplinar II. Estudo do projeto 2 Como son los alumnos de la classe? da autora Carmem Batanero

Seminário interdisciplinar II. Estudo do projeto 2 Como son los alumnos de la classe? da autora Carmem Batanero Seminário interdisciplinar II Estudo do projeto 2 Como son los alumnos de la classe? da autora Carmem Batanero 14/5/2015 1 1-Introdução Este trabalho surge no âmbito da disciplina de Seminário Interdisciplinar

Leia mais

Cap 1 - Bioestatística Cap V Princípios de estatística

Cap 1 - Bioestatística Cap V Princípios de estatística Estatística Geral (Tabelas e frequencias) Item: Tabulação de dados (cronograma) Cap 1 - Bioestatística Cap V Princípios de estatística Profº: Glauco Vieira de Oliveira ICET/CUA/UFMT Estruturação Cabeçalho

Leia mais

Estatística: é uma medida numérica, que descreve uma característica da amostra. A Estatística é uma função da amostra: S = f(x 1, X 2,...

Estatística: é uma medida numérica, que descreve uma característica da amostra. A Estatística é uma função da amostra: S = f(x 1, X 2,... 3. ANÁLISE DESCRITIVA DE DADOS 3.1. Conceitos: Parâmetro Populacional: normalmente denotado por, é uma característica populacional de interesse, que pode ser expressa através de uma quantidade numérica.

Leia mais

(tabelas, gráficos e sumários estatísticos, de posição e de dispersão)

(tabelas, gráficos e sumários estatísticos, de posição e de dispersão) ESTATÍSTICA DESCRITIVA a) Conceito: Apresentação numérica, tabular e/ou gráfica com o propósito resumir ou sumarizar as informações contidas num conjunto de dados observados (estatística: tabelas, gráficos

Leia mais

u unidades elementares, i = 1, 2,..., N.

u unidades elementares, i = 1, 2,..., N. 1. ANÁLISE DESCRITIVA DE VARIÁVEIS QUANTIOTATIVAS 1.1. CONCEITOS: População: é formada pelo conjunto de indivíduos (ou itens) que queremos abranger em nosso estudo e para os quais desejamos que as conclusões

Leia mais

CAPÍTULO 3 POPULAÇÃO E AMOSTRA

CAPÍTULO 3 POPULAÇÃO E AMOSTRA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS GCN 7901 ANÁLISE ESTATÍSTICA EM GEOCIÊNCIAS PROFESSOR: Dr. ALBERTO FRANKE CONTATO: alberto.franke@ufsc.br F: 3721 8595 CAPÍTULO 3 POPULAÇÃO E AMOSTRA As pesquisas de opinião

Leia mais

Noções de Amostragem

Noções de Amostragem Noções de Amostragem AMOSTRAGEM Amostragem: é a área da estatística que estuda técnicas e procedimentos para retirar e analisar uma amostra com o objetivo de fazer inferência a respeito da população de

Leia mais