CITOLOGIA NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "CITOLOGIA NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR"

Transcrição

1 NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR 1. NÚCLEO CELULAR-ESTRUTURA A remoção do núcleo de uma ameba, utilizando-se uma microagulha, faz com que essa célula permaneça viva e se movimentando. No entanto, cessam as atividades anabólicas e ela morre em poucos dias. Esse experimento faz concluir que o núcleo celular é a estrutura responsável pelo controle das atividades celulares essenciais para os processos metabólicos, especialmente os que envolvem a síntese de ácidos nucléicos e proteínas, que mantêm o crescimento e a reprodução celulares. Estrutura do Núcleo Interfásico de Células Eucariontes Componentes: Carioteca. Nucleoplasma. Nucléolos. Cromatina. Nucléolo Poros da carioteca BIOLOGIA CITOLOGIA Cromatina e Cromossomos O material genético é formado por proteínas básicas (histonas) associadas à molécula de DNA. O termo cromatina refere-se ao material genético descondensado, encontrado no núcleo interfásico. Os filamentos de cromatina são os cromonemas e apresentam regiões que, durante a intérfase, podem apresentar-se espiraladas e não-espiraladas, denominadas, respectivamente, heterocromatina e eucromatina. Cada cromonema, durante a divisão celular, sofre condensação e se transforma em cromossomo. Número Cromossômico Cada tipo de organismo apresenta um número cromossômico comum a cada uma das células constituintes. Uma célula que apresenta duas séries completas de cromossomos é chamada diplóide (2n). Espermatozóides e óvulos, que têm somente uma série de cromossomos, são ditos haplóides (n). O número cromossômico haplóide presente nos gametas é fundamental para o restabelecimento da diploidia que ocorre na fecundação. Observe a tabela abaixo: Organismo Células somáticas(2n) Gametas (N) Mosca da banana 8 4 Homem Feijão Pato Cromatina Núcleo celular interfásico Carioteca Carioteca Nas células eucariontes, o núcleo é delimitado pela membrana nuclear ou carioteca, que, ao microscópio eletrônico, apresenta-se formada por dois folhetos e intercalada por poros. A carioteca, tal como ocorre com a membrana plasmática, é lipoprotéica e pode apresentar ribossomos aderidos à sua face voltada para o hialoplasma. Nucleoplasma O interior do núcleo é formado por uma substância semilíquida, um gel protéico, denominado carioplasma ou nucleoplasma, que apresenta composição química semelhante a do hialoplasma. Em uma célula somática, os cromossomos organizam-se aos pares, os chamados cromossomos homólogos. Esses cromossomos apresentam correspondência gênica, pois os genes alelos ocupam posições correspondentes. Cada posição ocupada por um gene é denominada locus. Cariótipo Exame das características cromossomiais de um conjunto cromossômico de determinada espécie. A técnica resume-se em coletar células do indivíduo e fotografá-las quando estiverem em divisão celular, com alto grau de condensação. Através desse exame, é possível diagnosticar anomalias cromossômicas. Os indivíduos com síndrome de Down, por exemplo, manifestam um cariótipo formado por 47 cromossomos, pois há um cromossomo 21 a mais. Essa anomalia é também chamada de trissomia do 21. Editora Exato 16

2 Cariótipo humano 2. O CICLO CELULAR A renovação de todos os constituintes celulares seguida de divisão celular é chamada de ciclo celular e pode ser dividida em duas etapas distintas: a intérfase e a divisão celular. 3. INTÉRFASE A intérfase é a fase mais longa do ciclo celular. Caracteriza-se pela intensa atividade metabólica da célula e é dividida em três subfases: G1, S e G2. Nos períodos G1 e G2, há produção de RNA e proteínas, e no período S ocorre a síntese DNA. É importante considerar que a intérfase é fundamental para a divisão celular, pois possibilita a duplicação do material genético, antes de cada divisão celular, fator importante na transferência da carga gênica de uma célulamãe para as células-filhas. Observe o gráfico a seguir: como o câncer somente são possíveis devido à ocorrência de mitose. A produção de espermatozóides e óvulos depende da ocorrência de meiose. Fica claro, portanto, que o objetivo da meiose é a produção de células haplóides que, devido aos mecanismos de recombinação gênica, deve contribuir para o aumento da diversidade das espécies. 5. MITOSE Processo de divisão celular em que as células filhas apresentam o mesmo patrimônio genético que a matriz. Para que uma célula se disponha a realizar sua divisão, a fim de originar duas outras, é preciso que tenha atingido um certo grau de desenvolvimento. Característica: processo de divisão celular em que as células filhas apresentam o mesmo patrimônio genético que a matriz. Observe o esquema que representa a mitose: n célula-mãe células filhas n n 2n 2n 2n 2C C Quantidade de DNA por núcleo G1 S G2 Etapas da mitose Prófase Metáfase Anáfase Telófase. Descrição e visualização das etapas: Tempo Intérfase Mitose Intérfase Variação da quantidade DNA ao longo do ciclo celular Na Intérfase temos: - Material genético (DNA) na forma de cromatina. - Intensa atividade metabólica em nível celular (ex.: síntese do RNA-r). - Duplicação do DNA. - Duplicação dos centríolos. - Síntese de RNA e Proteínas. 4. DIVISÃO CELULAR As células de um organismo podem-se dividir por dois processos, a mitose e a meiose. Na mitose, uma célula-mãe produz duas células-filhas com o mesmo número cromossômico e as mesmas características genéticas, enquanto que, na meiose, são formadas quatro células com a metade do número cromossômico. Processos como cicatrização, regeneração, crescimento por aumento do número de células, reposição de células perdidas e, mesmo, doenças Prófase É, de modo geral, a fase mais longa da mitose. Durante a prófase, ocorrem mudanças no núcleo e no citoplasma. O núcleo é sede de grandes transformações. No seu interior, os filamentos da cromatina enrolamse, tornando-se cada vez mais grossos, curtos, espessos e coráveis, sendo possível observar que cada Editora Exato 17

3 cromossomo é constituído por duas cromátides. As cromátides de um cromossomo estão unidas pelo centrômero. Os dois pares de centríolos começam a afastar-se em sentidos opostos, formando-se entre eles o fuso acromático ou mitótico, constituído por um sistema de microtúbulos protéicos, que se agregam para formar fibrilas. Estas podem ter uma disposição radical ao nível dos pólos da célula e vão constituir o áster. No fim da prófase, de um e de outro lado de cada centrômero, formam-se duas zonas específicas sobre as quais se fixam as fibras protéicas. Quando os centríolos atingem os pólos, a membrana nuclear fragmenta-se e os nucléolos desaparecem, terminando assim esta fase. Metáfase Os cromossomos atingem o seu máximo encurtamento devido a uma forte condensação dos cromátides. Os pares de centríolos estão agora nos pólos da célula. O fuso acromático completa o seu desenvolvimento, notando-se que algumas das suas fibrilas se ligam aos cromossomos, fibrilas cromossômicas, enquanto outras vão de pólo a pólo. Os cromossomos dispõem-se com os centrômeros no plano equatorial (plano eqüidistante entre os dois pólos), voltados para o centro desse plano e os braços para fora. Os cromossomos assim imobilizados originam uma figura tradicionalmente chamada placa equatorial e estão prontos para serem divididos. Anáfase Telófase Na telófase, a membrana nuclear reorganiza-se à volta dos cromossomos de cada célula-filha. Os nucléolos reaparecem, dissolve-se o fuso mitótico, e os cromossomos, devido à sua descondensação, alongam-se, tornando-se menos visíveis. A célula fica constituída por dois núcleos, terminando assim a mitose. Mitose e Câncer O câncer é uma doença relacionada com a mutação de genes celulares que controlam o crescimento e a mitose das células. Essas mutações podem ser causadas por diversos fatores como: Exposição à radiação ionizante, como raios x, raios gama e luz ultravioleta. Exposição a certas substâncias químicas denominadas carcinógenos. Os carcinógenos encontrados no cigarro são responsáveis por 25% de todas as mortes causadas por câncer. Tendência hereditária familiar. As células cancerosas não respeitam os limites habituais de crescimento e tendem a se espalhar pela corrente sangüínea, ou linfa, formando novos focos de câncer, denominados metástases. Os aglomerados de células cancerosas são denominados tumores. O câncer, se não diagnosticado e tratado precocemente, pode ser uma doença letal, isso se deve ao fato de os tecidos cancerosos competirem com os tecidos normais por nutrientes. Os tumores benignos não apresentam as características invasivas e nem emitem metástases como os tumores malignos. A gravidade desses tumores está mais relacionada com sua localização no organismo. 6. MEIOSE No início da anáfase, dá-se a clivagem de cada um dos centrômeros, separando-os dos cromátides que passam a constituir dois cromossomos independentes. As fibrilas ligadas a eles encurtam-se e estes cromossomos começam a afastar-se, migrando para pólos opostos. A anáfase é caracterizada pela migração dos cromossomos-filhos. No final da anáfase, os dois pólos da célula têm coleções completas e equivalentes de cromossomos e, portanto, de DNA. Divisão Reducional Ocorrência: células gaméticas (germinativas), produção de esporos. A meiose mantém constante o número de cromossomos das espécies de reprodução sexuada; ocorrem duas divisões nucleares com redução de 2n cromossomos para n cromossomos. Editora Exato 18

4 Meiose 1ª divisão (reducional) 2ª divisão (equacional) n 2n Célula mãe n n n n n 4 células haplóides - filhas Meiose é o processo pelo qual células diplóides formam células haplóides, com recombinação gênica, o que ocorre, na maior parte das vezes, na formação de gametas, e, em casos menos comuns, na formação de esporos, e que consiste em duas divisões celulares sucessivas: primeiramente, uma divisão reducional, e, logo a seguir, uma divisão comum, ou equacional. Etapas: na meiose, temos duas divisões Divisão I (R!) leptóteno zigóteno PrófaseI paquíteno diplóteno Metáfase I Anáfase I Telófase I diacinese Intercinese: período entre as divisões I e II Divisão II (E!) Prófase II Metáfase II Anáfase II Telófase II Divisão I da Meiose Prófase I A prófase I da meiose é relativamente longa e bem mais complexa que a prófase da mitose. Ela compreende diversas subfases, a saber: LEPTÓTENO - (do gr. Leptos, finos ; tainos, fita ). É o início do processo e, portanto, é aqui que ocorre o aparecimento dos cromossomos, em função da espiralização dos cromossomos (já duplicados durante a intérfase). ZIGÓTENO - (do gr. Zigos, par ). Os cromossomos homólogos se juntam, formando pares. Esse fenômeno é conhecido como pareamento, ou sinapse cromossômica. PAQUÍTENO - (do gr. Pakhis, grosso ). Cada cromossomo torna-se mais espesso, pois as suas cromátides se dispõem paralelas, presas apenas pelo centrômero. Os cromossomos homólogos entrelaçam as suas cromátides em pontos bem definidos, porém totalmente aleatórios. E esse entrelaçamento, que é chamado crossingover (sobrecruzamento), só ocorre entre uma cromátide de um cromossomo homólogo. Nunca se faz entre as duas cromátides do mesmo cromossomo. Por isso, dizemos que o crossing ocorre entre cromátides homólogas, porém, não irmãs. DIPLÓTENO - (do gr. Diplos, duplos ). Os centrômeros dos cromossomos vão se afastando reciprocamente. E, então, os pontos de entrelaçamento das cromátides se tornam mais visíveis. Esses pontos constituem os quiasmas. Os quiasmas vão deslizando para as extremidades dos cromossomos à proporção que eles se afastam. Mas a essa altura, as cromátides já trocaram segmentos com genes. Houve uma permuta gênica entre elas. DIACINESE - (do gr. Dia, através de ; kinesis, movimento ) Nessa fase, os cromossomos homólogos se separam completamente. Suas cromátides já contêm genes permutados. A cariomembrana desaparece. O material nuclear se mistura com o material citoplasmático e os cromossomos se dispõem desordenadamente entre as fibrilas do fuso mitótico. Leptóteno Os fenômenos que ocorrem na prófase I tornam-se longos, podendo, em alguns casos, durar semanas, meses ou anos. A prófase I ocupa cerca de 90% do tempo global da meiose. Os cromossomos, inicialmente finos e longos, condensam-se, tornando-se mais visíveis. Cada cromossomo é constituído por dois cromátides, embora ainda não se distingam. Editora Exato 19

5 Zigóteno Os dois cromossomos homólogos de cada par emparelham, constituindo esse conjunto bivalente, ou díade cromossômica. Este processo designa-se sinapse e consiste numa justaposição, gene a gene, entre dois cromossomos homólogos. Diacinese Os cromossomos homólogos de cada bivalente atingem o máximo de condensação. Estes cromossomos afastam-se um do outro, ficando somente unidos por alguns pontos de quiasma. Durante os acontecimentos descritos, os nucléolos desagregam-se, e vai-se formando o fuso acromático. No final da prófase I, o invólucro nuclear desaparece completamente. Metáfase I Paquíteno Em cada bivalente, existem quatro cromatídios, designando-se cada um destes conjuntos por tétrade. Os cromossomos homólogos emparelham intimamente em toda a sua extensão, continuam a condensar-se, experimentando conseqüentemente um encurtamento e um espessamento. Em cada cromossomo tornam-se visíveis os dois cromátides unidos pelo centrômero. Durante a sinapse, podem observar-se, nos cromossomos emparelhados, vários pontos de cruzamento, que são nódulos de recombinação ou pontos de quiasma entre dois cromátides dos dois cromossomos homólogos. Nesse nível, pode haver quebra de cromátides, ocorrendo trocas recíprocas de segmentos entre cromátides de cromossomos homólogos. Estas trocas são designadas por crossing-over. Os bivalentes ligam-se aos microtúbulos do fuso acromático por zonas específicas dos centrômeros, com os pontos de quiasma no plano equatorial e os centrômeros dos cromossomos homólogos voltados para pólos opostos. A orientação de cada par de homólogos, em relação aos pólos da célula, realiza-se ao acaso, independentemente da sua origem materna ou paterna. Anáfase I Verifica-se a segregação, ou seja, a separação dos cromossomos homólogos de cada bivalente e a migração de cada um dos cromossomos para pólos opostos migração polar. Cada um desses cromossomos é constituído por duas cromátides. Editora Exato 20

6 O modo como se realiza a migração é puramente aleatório, podendo ocorrer vários tipos de recombinação de cromossomos maternos e paternos. Telófase I Telófase II Inicia-se quando os cromossomos atingem os pólos do fuso acromático. Nesta fase, verifica-se a descondensação dos cromossomos, o aparecimento do nucléolo e do invólucro nuclear. Os dois núcleos formados têm, cada um deles, metade do número de cromossomos do núcleo inicial. A citocinese pode ocorrer ao longo dos dois últimos estágios, determinando a formação de duas células haplóides. Divisão II da meiose Metáfase II Inicia-se quando os cromossomos atingem os pólos dos fusos acromáticos. Ocorre então descondensação dos cromossomos, originando-se os núcleos resultantes, com constituição dos invólucros nucleares e dos nucléolos. A citocinese determina a formação de quatro células-filhas haplóides. 1 O que é carioteca? 2 O que é ciclo celular? ESTUDO DIRIGIDO 3 Explique a telófase (última etapa da mitose). 4 Caracterize meiose. Os cromossomos, cada um com dois cromátides, dispõem-se na zona equatorial de cada fuso a- cromático, com os centrômeros nos respectivos planos equatoriais. Anáfase II EXERCÍCIOS 1 (UFV-MG) Todos os nomes relacionados a seguir correspondem a estruturas ou a constituintes nucleares, exceto: a) envolório nuclear. b) cromatina. c) centríolo. d) nucléolo. e) cromossomos. Os centrômeros dividem-se e cada cromossomo com uma só cromátide migra para o pólo respectivo. Estes cromossomos podem ser geneticamente diferentes, devido aos fenômenos de crossing-over verificados na prófase I. 2 (UNIUBE-MG) Um núcleo eucarionte diferencia-se do procarionte: a) pelo número de cromossomos. b) pelo número de mitocôndrias. c) pela membrana nuclear. d) pela membrana celular. e) pelo número de núcleos. Editora Exato 21

7 3 (FCC-BA) Nas células em intérfase, o material genético aparece na forma de: a) carioteca. b) fuso acromático. c) nucléolo. d) cromatina. e) cariolinfa. 4 (PUC-RJ) Entre as estruturas intracelulares e- numeradas abaixo, marque a única que não é organela citoplasmática: a) retículo endoplasmático. b) aparelho de Golgi. c) nucléolo. d) lisossomo. e) mitocôndria. 5 (PUC-SP) Na célula, com núcleo diferenciado, o DNA é encontrado: a) só no interior do núcleo, no suco nuclear. b) só no interior do núcleo, nos cromossomos. c) no núcleo e nos cromossomos. d) no núcleo, nos plastos e no complexo de Golgi. e) no núcleo, nos plastos e nas mitocôndrias. 6 Analise os seguintes enunciados: I A mitose é um processo de divisão celular no qual a célula se divide produzindo duas células-filhas iguais. II A duplicação do DNA, nas células que irão sofrer mitose, ocorre na intérfase. III A mitose pode ser realizada para o crescimento e desenvolvimento do organismo e reposição de células mortas. Assinale a alternativa CORRETA: a) Apenas a afirmação I está errada. b) Todas as afirmações estão erradas. c) Apenas uma afirmação está correta. d) Todas as afirmações estão corretas. Estudo Dirigido GABARITO 1 É um tipo de membrana plasmática composta por duas membranas lipoprotéicas. Essa membrana possui vários poros em sua superfície. 2 A renovação de todos os constituintes celulares, seguida de divisão celular, é chamada de ciclo celular e pode ser dividida em duas etapas distintas: a intérfase e a divisão celular. 3 Na telófase, a membrana nuclear reorganiza-se à volta dos cromossomos de cada célula-filha. Os nucléolos reaparecem, dissolve-se o fuso mitótico e os cromossomos, devido à sua descondensação, alongam-se, tornando-se menos visíveis. 4 É o processo pelo qual células diplóides formam células haplóides, com recombinação gênica. Exercícios 1 C 2 C 3 D 4 C 5 E 6 D 7 A 7 O processo de regeneração dos tecidos lesionados é feito pelo processo mitótico. Então, podemos dividir a mitose em quatro fases: a) Prófase, Metáfase, Anáfase e Telofáse. b) Telófase, Prófase, Procariose e Meteorose c) Prófase, Metáfase, Prófase II, e Metáfase II d) Prófase, Simbiose, Metáfase e G 2 Editora Exato 22

O núcleo celular é uma estrutura presente nas células eucarióticas, que contém o DNA da célula. denominado interfase (núcleo interfásico).

O núcleo celular é uma estrutura presente nas células eucarióticas, que contém o DNA da célula. denominado interfase (núcleo interfásico). NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR O núcleo celular é uma estrutura presente nas células eucarióticas, que contém o DNA da célula. Período em que a célula não se encontra em divisão é denominado

Leia mais

A Célula. Núcleo Celular

A Célula. Núcleo Celular A Célula Núcleo Celular Uma das principais características da célula eucarionte é a presença de um núcleo de forma variável, porém bem individualizado e separado do restante da célula: Ao microscópio óptico

Leia mais

Núcleo Celular. Carlos Moura

Núcleo Celular. Carlos Moura Núcleo Celular Carlos Moura Características do núcleo: Descoberta do núcleo celular por Robert Brown 1833; Presente nas células eucariontes; Delimitado pelo envoltório celular Carioteca. Regular as reações

Leia mais

Assista aos vídeos e descreva os processos que ocorrem durante a meiose

Assista aos vídeos e descreva os processos que ocorrem durante a meiose http://4.bp.blogspot.com/-bl7zu4klob4/udtgfm6ygvi/aaaaaaaaamk/yomlckp4xrm/s1600/slide2.png 1 http://4.bp.blogspot.com/-bl7zu4klob4/udtgfm6ygvi/aaaaaaaaamk/yomlckp4xrm/s1600/slide2.png 2 Possibilita a reprodução

Leia mais

Biologia Professor Leandro Gurgel de Medeiros

Biologia Professor Leandro Gurgel de Medeiros Biologia Professor Leandro Gurgel de Medeiros MEIOSE 1. Considerações Iniciais Processo de divisão celular; Responsável pela formação de gametas e esporos; Células EUCARIONTES (2n); Duplicação dos cromossomos;

Leia mais

Mitose e Meiose. Trabalho realizado por Ana Catarina Cúcio, nº 36088 Catarina Maia, nº 38365 Mafalda Pereira, nº 37533

Mitose e Meiose. Trabalho realizado por Ana Catarina Cúcio, nº 36088 Catarina Maia, nº 38365 Mafalda Pereira, nº 37533 Genetica e Selecção em Aquacultura Mestrado em Biologia Marinha Universidade do Algarve Mitose e Meiose Trabalho realizado por Ana Catarina Cúcio, nº 36088 Catarina Maia, nº 38365 Mafalda Pereira, nº 37533

Leia mais

Divisão Celular: Mitose e Meiose

Divisão Celular: Mitose e Meiose 1) Conceitos Prévios Cromossomo: Estrutura que contém uma longa molécula de DNA associada a proteínas histonas, visível ao microscópio óptico em células metafásicas. Cromossomo Condensação Proteína histona

Leia mais

3º trimestre- LISTA DE EXERCICIOS - Biologia - CESINHA Ensino Médio 1º ano classe: Prof. Cesinha Nome: nº

3º trimestre- LISTA DE EXERCICIOS - Biologia - CESINHA Ensino Médio 1º ano classe: Prof. Cesinha Nome: nº . 3º trimestre- LISTA DE EXERCICIOS - Biologia - CESINHA Ensino Médio 1º ano classe: Prof. Cesinha Nome: nº Valor: 10 Nota:. 1. (Uel 2015) Leia o texto a seguir. Quando se fala em divisão celular, não

Leia mais

BIOLOGIA - AULA 02 E 03 : CITOLOGIA e DIVISÃO CELULAR

BIOLOGIA - AULA 02 E 03 : CITOLOGIA e DIVISÃO CELULAR BIOLOGIA - AULA 02 E 03 : CITOLOGIA e DIVISÃO CELULAR CITOLOGIA A célula é a unidade morfológica e fisiológica do ser vivo, ou seja, é a menos parcela do ser que tem forma e função definida. A manutenção

Leia mais

NÚCLEO e DIVISÃO CELULAR

NÚCLEO e DIVISÃO CELULAR NÚCLEO e DIVISÃO CELULAR CÉLULA EUCARIONTE Cláudia Minazaki NÚCLEO Único; Normalmente: central Formato: acompanha a forma da célula Tamanho: varia com o funcionamento da célula Ciclo de vida da célula

Leia mais

CICLO CELULAR. intérfase. ciclo celular. divisão. intérfase divisão intérfase divisão intérf...

CICLO CELULAR. intérfase. ciclo celular. divisão. intérfase divisão intérfase divisão intérf... CICLO CELULAR O ciclo celular ou ciclo de vida da célula corresponde ao conjunto de transformações pelas quais a célula passa, desde a sua formação até o seu desaparecimento. ciclo celular intérfase divisão

Leia mais

Unidade 6 Reprodução nos seres vivos

Unidade 6 Reprodução nos seres vivos Unidade 6 Reprodução nos seres vivos Reprodução sexuada Os descendentes apresentam carateres comuns entre si e em relação aos progenitores de típicos da espécie a que pertencem, mas diferem significativamente

Leia mais

A função básica do ciclo celular das células somáticas é duplicar todo o conteúdo de DNA...

A função básica do ciclo celular das células somáticas é duplicar todo o conteúdo de DNA... Atividade extra Fascículo 4 Biologia Unidade 9 Questão 1 A função básica do ciclo celular das células somáticas é duplicar todo o conteúdo de DNA. O processo de divisão celular é composto por cinco etapas:

Leia mais

Reprodução Sexuada Meiose e Fecundação

Reprodução Sexuada Meiose e Fecundação Reprodução Sexuada Meiose e Fecundação Aula nº 15 a 22/Out Aula nº 17 a 27/Out Aula nº 20 a 3/Nov Prof. Ana Reis2008 E há mais! Para tornar fecunda uma perdiz, basta que ela se encontre sob o vento: muitas

Leia mais

Mitose Divisão Equacional

Mitose Divisão Equacional Mitose Divisão Equacional Mitose X Meiose Mitose = Divisão Equacional E! Velocidade da divisão celular Em seres pluricelulares: 1. Desenvolvimento diferenciação celular 2. Crescimento 3. Renovação 4. Regeneração

Leia mais

A reprodução refere-se á função através da qual seres vivos produzem descendentes,dando continuidade à sua espécie.

A reprodução refere-se á função através da qual seres vivos produzem descendentes,dando continuidade à sua espécie. A reprodução refere-se á função através da qual seres vivos produzem descendentes,dando continuidade à sua espécie. Todos os organismos vivos resultam da reprodução a partir de organismos vivos pré-existentes,

Leia mais

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR O núcleo celular (descoberto por Robert Brown, 1833) é uma estrutura presente nas células eucarióticas, que contém o DNA da célula. Delimitado pelo envoltório

Leia mais

BIOLOGIA DIVISÃO CELULAR

BIOLOGIA DIVISÃO CELULAR DIVISÃO CELULAR Módulo 8 Página 02 à 16 MITOSE MITOSE ü Evento complexo ü Divide célulaà núcleo à DNA ü Células somáticas de eucarionte e células procariontes ü Divisão conservativa ou equacional ü Célula-mãe

Leia mais

Núcleo e ciclo celular

Núcleo e ciclo celular Módulo 2 Unidade 4 Núcleo e ciclo celular Para início de conversa... Você já reparou que para que todas as coisas funcionem corretamente é preciso que haja organização? É preciso que algumas pessoas comandem,

Leia mais

Cromossomos e Divisão Celular

Cromossomos e Divisão Celular Cromossomos e Divisão Celular Genética Tema: o Cromossomos o Divisão celular: Mitose Meiose Cromossomos 1) Conceitos Prévios Cromossomo: Estrutura que contém uma longa molécula de DNA associada a proteínas

Leia mais

Núcleo. Biologia Turma 1 Professora Mariana Projeto Aprendendo a Aprender PET-BICE Aula 5 Exercícios:

Núcleo. Biologia Turma 1 Professora Mariana Projeto Aprendendo a Aprender PET-BICE Aula 5 Exercícios: Biologia Turma 1 Professora Mariana Projeto Aprendendo a Aprender PET-BICE Aula 5 Exercícios: 1) O que é carioteca? Como se chama os organismos que tem carioteca? 2) O que é ciclo celular? 3) (UNIUBE-MG)

Leia mais

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR: Mitose e Meiose

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR: Mitose e Meiose NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR: Mitose e Meiose NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR O núcleo celular (descoberto por Robert Brown, 1833) é uma estrutura presente nas células eucarióticas, que contém o DNA da célula. Delimitado

Leia mais

Ciclo Celular. Ciclo Celular 22/05/ ) Conceitos Prévios. 1) Conceitos Prévios

Ciclo Celular. Ciclo Celular 22/05/ ) Conceitos Prévios. 1) Conceitos Prévios Cromossomo: Estrutura que contém uma longa molécula de DNA associada a proteínas histonas, visível ao microscópio óptico em células metafásicas. Cromossomo Cromossomo Simples 2 braços 1 centrômero Condensação

Leia mais

Divisão Celular Mitose e Meiose Cap. 8

Divisão Celular Mitose e Meiose Cap. 8 Divisão Celular Mitose e Meiose Cap. 8 Divisão celular - Mitose +/- 1 hora de duração Interfase Citocinese Período entre duas divisões celulares consecutivas Cromatina descondensada DNA cromossômico em

Leia mais

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR 1º EM Biologia Professor João NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR O núcleo celular é a organela responsável pelo controle das atividades celulares. Nas células eucariontes o núcleo é separado do citoplasma por uma

Leia mais

Divisão Celular: Mitose e Meiose

Divisão Celular: Mitose e Meiose Aula Biologia Tema: Divisão celular: Mitose e Meiose 1) Conceitos Prévios Cromossomo: Estrutura que contém uma longa molécula de DNA associada a proteínas histonas, visível ao microscópio óptico em células

Leia mais

BIORESUMO NÚCLEO CELULAR E MULTIPLICAÇÃO CELULAR

BIORESUMO NÚCLEO CELULAR E MULTIPLICAÇÃO CELULAR BIORESUMO NÚCLEO CELULAR E MULTIPLICAÇÃO CELULAR 1-CONCEITO É chamada de núcleo celular a região da célula que encontra envolvida pela carioteca possui como principal função de armazenar o material genético.

Leia mais

d) 23, 46, 26. 23 d) DNA nucleotídeos desoxirribose uracila desoxirribose timina e) DNA ácidos desoxirribonucléicos

d) 23, 46, 26. 23 d) DNA nucleotídeos desoxirribose uracila desoxirribose timina e) DNA ácidos desoxirribonucléicos 01 - (IBMEC RJ) O núcleo celular foi descoberto pelo pesquisador escocês Robert Brown, que o reconheceu como componente fundamental das células. O nome escolhido para essa organela expressa bem essa ideia:

Leia mais

Módulo Núcleo. 2) O esquema a seguir apresenta um experimento realizado com uma alga unicelular.

Módulo Núcleo. 2) O esquema a seguir apresenta um experimento realizado com uma alga unicelular. Módulo Núcleo Exercícios de Aula 1) O envelope nuclear encerra o DNA e define o compartimento nuclear. Assinale a afirmativa INCORRETA sobre o envelope nuclear. a) É formado por duas membranas concêntricas

Leia mais

DIVISÃO CELULAR: MITOSE E MEIOSE

DIVISÃO CELULAR: MITOSE E MEIOSE Divisão Reducional Divisão Equacional Divisão Equacional DIVISÃO CELULAR: MITOSE E MEIOSE Prof. Leonardo F. Stahnke CICLO CELULAR E SUAS FASES Em organismos unicelulares a divisão da célula é considerada

Leia mais

Ciclo Celular. Prof. Tiago Collares, Dr. (MSN) ( )

Ciclo Celular. Prof. Tiago Collares, Dr. (MSN) ( ) Ciclo Celular Prof. Tiago Collares, Dr. tiago_collares@hotmail.com (MSN) collares.t@gmail.com (e-mail ) O Ciclo Celular Toda célula se origina da divisão de uma célula preexistente; Nos eucariontes, o

Leia mais

Ciclo Celular e Divisão Celular (Mitose e Meiose)

Ciclo Celular e Divisão Celular (Mitose e Meiose) Ciclo Celular e Divisão Celular (Mitose e Meiose) CICLO CELULAR Eventos que preparam e realizam a divisão celular Mecanismos responsáveis pelo crescimento e desenvolvimento Células somáticas célula duplica

Leia mais

Ciclo celular. Ciclo celular 13/03/2017. Interfase. Interfase FACULDADE EDUCACIONAL DE MEDIANEIRA DIVISÃO CELULAR. Ciclo de vida de uma célula.

Ciclo celular. Ciclo celular 13/03/2017. Interfase. Interfase FACULDADE EDUCACIONAL DE MEDIANEIRA DIVISÃO CELULAR. Ciclo de vida de uma célula. FACULDADE EDUCACIONAL DE MEDIANEIRA Ciclo celular Ciclo de vida de uma célula. Profª. Dra. Patrícia Bellon. Março/2017 Ciclo celular Interfase Precede a divisão celular. Interfase + Divisão Celular Fase

Leia mais

CITOLOGIA II NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR

CITOLOGIA II NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR CITOLOGIA II NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR Prof. Francisco Sallas chicosallas@hotmail.com www.tapetedepedra.weebly.com NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR O núcleo celular (descoberto por Robert Brown, 1833) é uma estrutura

Leia mais

Núcleo Celular. Biomedicina primeiro semestre de 2012 Profa. Luciana Fontanari Krause

Núcleo Celular. Biomedicina primeiro semestre de 2012 Profa. Luciana Fontanari Krause Núcleo Celular Biomedicina primeiro semestre de 2012 Profa. Luciana Fontanari Krause Núcleo Celular Eucarioto: núcleo delimitado por membrana nuclear (carioteca) Portador dos fatores hereditários e controlador

Leia mais

Meiose. Texto extraído do site:

Meiose. Texto extraído do site: Meiose Texto extraído do site: http://www.sobiologia.com.br/ Diferentemente da mitose, em que uma célula diplóide, por exemplo, se divide formando duas células também diplóides (divisão equacional), a

Leia mais

MITOSE PROFASE INTERFASE

MITOSE PROFASE INTERFASE MITOSE Profa. Márcia Dois momentos: cariocinese mitose propriamente dita - corresponde a formação de dois núcleos-filhos citocinese divisão do citoplasma em dois completando o processo Preparação Interfase

Leia mais

Mitose. É realizada por células eucarióticas, tanto somáticas como germinativas;

Mitose. É realizada por células eucarióticas, tanto somáticas como germinativas; MITOSE É o processo de divisão celular através do qual uma célula eucariótica dá origem a duas outras células semelhantes entre si e, semelhantes à célula-mãe ; 2n=2 Mitose 2n=2 2n=2 É realizada por células

Leia mais

A célula em divisão. Meiose

A célula em divisão. Meiose A célula em divisão Meiose A meiose é a divisão celular que possibilitou a consolidação da reprodução sexuada entre os seres vivos......pois ela origina células com a metade do número de cromossomas presentes

Leia mais

Prof. Juliana -

Prof. Juliana - Mitose e Meiose CICLO CELULAR Célula encaminhada à progressão no ciclo por mecanismos de regulação relacionados a crescimento multiplicação diferenciação celular condição de latência. Falhas nos mecanismos

Leia mais

CITOLOGIA. Núcleo celular. Córtex Vestibulares - Livro Córtex Vestibulares

CITOLOGIA. Núcleo celular. Córtex Vestibulares - Livro Córtex Vestibulares Córtex Vestibulares - Livro 4 CITOLOGIA Núcleo celular Componentes do núcleo interfásico: A) carioteca ou membrana nuclear ou cariolema B) suco nuclear ou cariolinfa ou carioplasma C) nucléolo D) cromatina

Leia mais

Biologia SÉRIE: 9º ano. Meiose. Profª Luciana Barroso

Biologia SÉRIE: 9º ano. Meiose. Profª Luciana Barroso Biologia SÉRIE: 9º ano Meiose Profª Luciana Barroso DIVISÃO CELULAR MEIOSE 2 O QUE É? Processo de divisão celular em que o nº de cromossomos é reduzido à metade nas células-filhas. Acontece em duas etapas.

Leia mais

DIVISÃO CELULAR - MEIOSE

DIVISÃO CELULAR - MEIOSE DIVISÃO CELULAR - MEIOSE Profº Me. Fernando Belan Alexander Fleming Divisão celular - Meiose Divisão Reducional Reduz o número de cromossomos das células diplóides pela metade R! Ocorre nos animais durante

Leia mais

Núcleo Interfásico. Prof. Leandro

Núcleo Interfásico. Prof. Leandro Núcleo Interfásico Prof. Leandro Introdução Intérfase = período em que a célula c não se encontra em divisão (intenso metabolismo). Núcleo = compartimento de células c eucarióticas, delimitado por carioteca,

Leia mais

Apostila de Biologia 03 Ciclo Celular Matheus Borges

Apostila de Biologia 03 Ciclo Celular Matheus Borges Apostila de Biologia 03 Ciclo Celular Matheus Borges 1.0 Interfase 1.1 G1 Dividida em 3 fases G1,S e G2 ; replicação do DNA e transcrição gênica. Cromatina simples. Cromossomos não são visíveis descondensados.

Leia mais

O NÚCLEO E OS CROMOSSOMOS. Maximiliano Mendes - 2015 http://www.youtube.com/maxaug http://maxaug.blogspot.com

O NÚCLEO E OS CROMOSSOMOS. Maximiliano Mendes - 2015 http://www.youtube.com/maxaug http://maxaug.blogspot.com O NÚCLEO E OS CROMOSSOMOS Maximiliano Mendes - 2015 http://www.youtube.com/maxaug http://maxaug.blogspot.com O NÚCLEO Estrutura presente apenas nas células eucariontes, onde se encontra o DNA genômico

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia. Ciclo celular. Prof. Msc. Macks Wendhell Gonçalves

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia. Ciclo celular. Prof. Msc. Macks Wendhell Gonçalves Pontifícia Universidade Católica de Goiás Departamento de Biologia Ciclo celular Prof. Msc. Macks Wendhell Gonçalves Mitose e Meiose Conceitos: - Mitose e meiose é responsável pela continuidade genética

Leia mais

NÚCLEO. Presente apenas em células eucarióticas, sendo indispensável para a sobrevivência desta;

NÚCLEO. Presente apenas em células eucarióticas, sendo indispensável para a sobrevivência desta; NÚCLEO ASPECTOS GERAIS DO NÚCLEO Presente apenas em células eucarióticas, sendo indispensável para a sobrevivência desta; Contém em seu interior DNA que forma os cromossomos, estruturas portadoras dos

Leia mais

CROMOSSOMOS. Profa. Dra. Viviane Nogaroto

CROMOSSOMOS. Profa. Dra. Viviane Nogaroto CROMOSSOMOS Cromossomos EUCARIOTOS Cada cromossomo carrega um subconjunto de genes que são arranjados linearmente ao longo do DNA Tamanho: -DNA de cromossomo de E. coli: 1.200 µm -DNA de cromossomo humano:

Leia mais

Mitose. Fases da Mitose. Aparelho Mitótico. Prófase

Mitose. Fases da Mitose. Aparelho Mitótico. Prófase Mitose A mitose é um processo de divisão celular, característico de todas as células somáticas vegetais e animais. É um processo contínuo que é dividido didaticamente em 5 fases: Profáse, metáfase, anáfase,

Leia mais

Módulo Intérfase. Tarefa de Fixação 1) Analise o esquema a seguir e depois RESPONDA as questões propostas.

Módulo Intérfase. Tarefa de Fixação 1) Analise o esquema a seguir e depois RESPONDA as questões propostas. Módulo Intérfase Exercícios de Aula 1) A interfase é a fase em que ocorre o repouso celular. A afirmativa está: a) correta, porque praticamente não há atividade metabólica celular. b) correta, pois ocorrem

Leia mais

DIVISÃO CELULAR (mitose e meiose)

DIVISÃO CELULAR (mitose e meiose) CENTRO UNIVERSITÁRIO RIO DO MARANHÃO- UNICEUMA DIVISÃO CELULAR (mitose e meiose) Prof.Fernando Luís Bacelar Lobato São Luís 2011 DIVISÃO CELULAR A capacidade de duplicar-se é a característica mais extraordinária

Leia mais

DIVISÃO CELULAR. Multiplicação celular:

DIVISÃO CELULAR. Multiplicação celular: DIVISÃO CELULAR Multiplicação celular: Para que uma célula se multiplique o genoma também precisa se multiplicar REPLICAÇÃO do DNA precede multiplicação celular DIVISÃO CELULAR MITOSE: divisão das células

Leia mais

Ciclo de Vida Celular. Professora: Luciana Ramalho 2017

Ciclo de Vida Celular. Professora: Luciana Ramalho 2017 Ciclo de Vida Celular Professora: Luciana Ramalho 2017 Tipos de células Procarionte Sem núcleo Ex: Bactérias Eucarionte Com núcleo Ex: Vegetal, Protozoário, Animal e Fungos Exercício (FEI) Uma célula procarionte

Leia mais

CICLO CELULAR. Conjunto de modificações por que passa uma célula, desde seu aparecimento até sua própria duplicação.

CICLO CELULAR. Conjunto de modificações por que passa uma célula, desde seu aparecimento até sua própria duplicação. CICLO CELULAR Conjunto de modificações por que passa uma célula, desde seu aparecimento até sua própria duplicação. DIVIDIDO EM: INTÉRFASE DIVISÃO CELULAR MITOSE MEIOSE Divisão Celular O Ciclo Celular

Leia mais

NÚCLEO E MITOSE. 9º ANO BIOLOGIA LUCIANA ARAUJO 1º Bimestre

NÚCLEO E MITOSE. 9º ANO BIOLOGIA LUCIANA ARAUJO 1º Bimestre NÚCLEO E MITOSE 9º ANO BIOLOGIA LUCIANA ARAUJO 1º Bimestre I. Diferença entre célula procarionte e eucarionte. PROCARIONTE EUCARIONTE CARIOTECA Não Sim NÚCLEO Não Sim MATERIAL GENÉTICO Sim Sim ORGANELAS

Leia mais

DIVISÃO CELULAR. ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO PADRE REUS Biologia- 3º trim- 1º anos Professora: Patrícia Perez INTÉRFASE MITOSE

DIVISÃO CELULAR. ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO PADRE REUS Biologia- 3º trim- 1º anos Professora: Patrícia Perez INTÉRFASE MITOSE DIVISÃO CELULAR Os seres vivos multiplicam suas células com a finalidade de reproduzir-se, crescer e repor células perdidas. Os mais simples, como os seres procariontes, apenas duplicam seu DNA, partem

Leia mais

Óvulo ( ) + Espermatozóide ( ) formam um zigoto ( ) Óvulo (haplóide) + Espermatozóide (haplóide) formam um zigoto (diplóide)

Óvulo ( ) + Espermatozóide ( ) formam um zigoto ( ) Óvulo (haplóide) + Espermatozóide (haplóide) formam um zigoto (diplóide) Óvulo ( ) + Espermatozóide ( ) formam um zigoto ( ) Óvulo (haplóide) + Espermatozóide (haplóide) formam um zigoto (diplóide) + + Óvulo ( ) Espermatozóide ( ) Óvulo (n=3) Espermatozóide (n=3) Zigoto ( )

Leia mais

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR LUCIANA SIMÕES RAFAGNIN MARINHO

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR LUCIANA SIMÕES RAFAGNIN MARINHO NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR LUCIANA SIMÕES RAFAGNIN MARINHO NÚCLEO Sua presença é a principal característica das células eucariontes Algumas células possuem mais de um (musculares estriadas esqueléticas)

Leia mais

Biologia e Geologia (Ano II)

Biologia e Geologia (Ano II) Biologia e Geologia (Ano II) Resumo da segunda parte da Matéria de Biologia 11º Ano O Essencial sobre a Reprodução Assexuada e Sexuada Em 17 Páginas Autor: Objectivos propostos: Identificar estratégias

Leia mais

2. (Uel 2015) Leia o texto a seguir.

2. (Uel 2015) Leia o texto a seguir. TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: Desde que médicos começaram a solicitar regularmente exames de tomografia computadorizada, cientistas se preocupam que o procedimento de imageamento médico possa aumentar

Leia mais

Exercícios de revisão sobre DIVISÃO CELULAR:MITOSE E MEIOSE

Exercícios de revisão sobre DIVISÃO CELULAR:MITOSE E MEIOSE Professor: Altemar Santos. Exercícios de revisão sobre DIVISÃO CELULAR:MITOSE E MEIOSE 1. (Imed 2016) Suponha que uma determinada espécie de tartaruga possua 550 cromossomos no núcleo de uma célula do

Leia mais

CICLO CELULAR. Profª Ana Luisa Miranda Vilela

CICLO CELULAR. Profª Ana Luisa Miranda Vilela CICLO CELULAR Profª www.bioloja.com CICLO CELULAR e adultos aproximadamente 100 trilhões de células, todas derivadas do ovo fertilizado. grande número de células se dividem continuamente, substituindo

Leia mais

MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO SÍNDROME DE DOWN-É NORMAL SER DIFERENTE

MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO SÍNDROME DE DOWN-É NORMAL SER DIFERENTE MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO SÍNDROME DE DOWN-É NORMAL SER DIFERENTE Professora PDE: Gisleine Adamis do Carmo Professor orientador: Dr. Wagner José Martins Paiva DISCIPLINA: CIÊNCIAS SECRETARIA DO ESTADO

Leia mais

BIOLOGIA E GEOLOGIA- 11º ANO. Reprodução sexuada - Meiose

BIOLOGIA E GEOLOGIA- 11º ANO. Reprodução sexuada - Meiose BIOLOGIA E GEOLOGIA- 11º ANO Reprodução sexuada - Meiose Ocorre a união de duas células sexuais para a formação de um ovo ou zigoto. A reprodução sexuada constitui um processo biológico comum a quase todos

Leia mais

Ciclo celular Interfase e divisão celular

Ciclo celular Interfase e divisão celular Ciclo celular Interfase e divisão celular Equipe de Biologia Ciclo Celular Consiste num conjunto de processos que ocorrem desde a formação de uma célula até a sua própria divisão em duas células-filhas,

Leia mais

Prof. Msc. Cleysyvan Macedo

Prof. Msc. Cleysyvan Macedo Prof. Msc. Cleysyvan Macedo Ciclo Celular Fase Mitótica Fase Interfase MITOSE CITOCINESE Interfase É a fase em que a célula não está se dividindo. Os filamentos de cromatina duplicam-se nessa fase. Divide-se

Leia mais

-A meiose é um dos processos evolutivamente mais importantes para a diversificação dos seres vivos

-A meiose é um dos processos evolutivamente mais importantes para a diversificação dos seres vivos -A meiose é um dos processos evolutivamente mais importantes para a diversificação dos seres vivos - Sem a meiose não seria possível o surgimento da fecundação sem a duplicação do número de cromossomos

Leia mais

Entendendo a herança genética (capítulo 5) Ana Paula Souto 2012

Entendendo a herança genética (capítulo 5) Ana Paula Souto 2012 Entendendo a herança genética (capítulo 5) Ana Paula Souto 2012 CÂNCER 1) O que é? 2) Como surge? CÂNCER 1) O que é? É o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado

Leia mais

01 - (Unifra RS) Analise as afirmativas a seguir.

01 - (Unifra RS) Analise as afirmativas a seguir. 01 - (Unifra RS) Analise as afirmativas a seguir. I. No fim da meiose, as célulasfilhas são idênticas à célula-mãe, pois possuem o mesmo número cromossômico. II. Na interfase, no estágio S, ocorre a duplicação

Leia mais

TD de Revisão de Biologia- 9º ano- 4ª etapa Profa: Ana Gardênia Assunto: Mitose e Meiose

TD de Revisão de Biologia- 9º ano- 4ª etapa Profa: Ana Gardênia Assunto: Mitose e Meiose TD de Revisão de Biologia- 9º ano- 4ª etapa Profa: Ana Gardênia Assunto: Mitose e Meiose 1. A interfase é definida como o período que antecede as divisões celulares. Sobre este processo, responda: a) Qual

Leia mais

Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes

Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes Organização do Material Genético nos Procariontes e Eucariontes Procariontes Eucariontes Localização Organização Forma Disperso no citoplasma

Leia mais

Ciclo Celular. Dividido em: - Intérfase - Divisão celular: Dois tipos fundamentais. Mitose Meiose

Ciclo Celular. Dividido em: - Intérfase - Divisão celular: Dois tipos fundamentais. Mitose Meiose Meiose Ciclo Celular Dividido em: - Intérfase - Divisão celular: Dois tipos fundamentais Mitose Meiose Antes de qualquer divisão celular há duplicação do DNA durante a intérfase. Divisão Celular O Ciclo

Leia mais

Ciclo Celular 25/02/2014. Ciclo celular. O ciclo celular é todo o ciclo de vida da célula, dividido em duas fases principais - interfase e mitose

Ciclo Celular 25/02/2014. Ciclo celular. O ciclo celular é todo o ciclo de vida da célula, dividido em duas fases principais - interfase e mitose Vera Andrade http://histologiavvargas.wordpress.com/ Ciclo Celular G1 (Gap, lacuna) S (Síntese) G2 (Gap) Fase M Divisão Celular (Mitose) e Citocinese G1 (Gap) O ciclo celular é todo o ciclo de vida da

Leia mais

Núcleo e Divisão Celular. Professora: Emmanuelle Disciplina: Biologia Turma: 1º Médio

Núcleo e Divisão Celular. Professora: Emmanuelle Disciplina: Biologia Turma: 1º Médio Núcleo e Divisão Celular Professora: Emmanuelle Disciplina: Biologia Turma: 1º Médio São Paulo, 2013 Estrutura da Aula Núcleo Celular Cromatina e nucléolo Cromossomos Ciclo Celular Mitose Meiose I Meiose

Leia mais

PROFA. ROSE LOPES 1º ANO

PROFA. ROSE LOPES 1º ANO PROFA. ROSE LOPES 1º ANO - 2013 A capacidade de duplicar-se é a característica mais extraordinária dos organismos vivos. Para fazê-lo, multiplicamos o material interno de nossas células e, depois, as dividimos.

Leia mais

Exercícios de Biologia Divisões Celulares - Gametogênese

Exercícios de Biologia Divisões Celulares - Gametogênese Exercícios de Biologia Divisões Celulares - Gametogênese Esta lista foi feita para complementar as vídeo-aulas sobre Divisões Celulares disponibilizadas em Parceria com O Kuadro www.okuadro.com TEXTO PARA

Leia mais

A descoberta da célula

A descoberta da célula A descoberta da célula O que são células? As células são a unidade fundamental da vida CITOLOGIA A área da Biologia que estuda a célula, no que diz respeito à sua estrutura e funcionamento. Kytos (célula)

Leia mais

a) T2 e T3. b) T1 e T3. c) T3 e T4. d) T1 e T4.

a) T2 e T3. b) T1 e T3. c) T3 e T4. d) T1 e T4. Lista de Exercícios (BIO-LEO) 1. (Faculdade Albert Einstein 2016) O gráfico abaixo refere-se ao processo de divisão celular que ocorre durante a espermatogênese humana: Nesse processo de divisão ocorre:

Leia mais

Biologia. Ensino médio 1º ano

Biologia. Ensino médio 1º ano Biologia Ensino médio 1º ano Divisão celular Mitose Meiose Ciclo celular Divisão da célula que se inicia com o surgimento da célula, a partir da divisão de uma célula préexistente, e termina quando ela

Leia mais

AULA 1 ORGANIZAÇÃO CELULAR DOS SERES VIVOS

AULA 1 ORGANIZAÇÃO CELULAR DOS SERES VIVOS AULA 1 ORGANIZAÇÃO CELULAR DOS SERES VIVOS Apesar da diversidade entre os seres vivos, todos guardam muitas semelhanças, pois apresentam material genético (DNA) em que são encontradas todas as informações

Leia mais

- Nosso corpo é formado por inúmeras estruturas macro e microscópicas;

- Nosso corpo é formado por inúmeras estruturas macro e microscópicas; CAPÍTULO 01 A CÉLULA - Nosso corpo é formado por inúmeras estruturas macro e microscópicas; - O funcionamento interligado e harmonioso dessas estruturas mantém o corpo vivo, em funcionamento; A ORGANIZAÇÃO

Leia mais

2014.1 BIOLOGIA CELULAR. Profº Antônio Batista Neto

2014.1 BIOLOGIA CELULAR. Profº Antônio Batista Neto 2014.1 BIOLOGIA CELULAR Profº Antônio Batista Neto 2 A CÉLULA A célula representa a unidade estrutural e funcional dos seres vivos, da mesma forma que o átomo é a unidade fundamental dos compostos químicos.

Leia mais

Exercícios de Biologia Divisões Celulares - Mitose

Exercícios de Biologia Divisões Celulares - Mitose Exercícios de Biologia Divisões Celulares - Mitose Esta lista foi feita para complementar as vídeo-aulas sobre Divisões Celulares disponibilizadas em Parceria com O Kuadro www.okuadro.com TEXTO PARA AS

Leia mais

Engenharia de alimentos. Biologia Celular 1º Período

Engenharia de alimentos. Biologia Celular 1º Período Engenharia de alimentos Biologia Celular 1º Período Introdução Introdução Núcleo presente apenas em células eucarióticas. Localizam-se os cromossomos: estruturas filamentosas portadores dos genes, nos

Leia mais

Considerando a figura e o assunto relacionado com ela, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa CORRETA.

Considerando a figura e o assunto relacionado com ela, analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa CORRETA. Lista Biologia MEIOSE 01 - (UNIMONTES MG/2010/Verão) Em um estudo citogenético da planta medicinal conhecida como Marcela (Achyroclene scatureioides) foi identificado que o número diploide dessa espécie

Leia mais

Entendendo a herança genética (capítulo 5) Ana Paula Souto 2012

Entendendo a herança genética (capítulo 5) Ana Paula Souto 2012 Entendendo a herança genética (capítulo 5) Ana Paula Souto 2012 CÂNCER 1) O que é? 2) Como surge? CÂNCER 1) O que é? É o nome dado a um conjunto de mais de 100 doenças que têm em comum o crescimento desordenado

Leia mais

A reprodução permite a perpetuação da espécie, mas não a sobrevivência do indivíduo.

A reprodução permite a perpetuação da espécie, mas não a sobrevivência do indivíduo. REPRODUÇÃO A reprodução é uma função característica dos seres vivos que permite o aparecimento de novos indivíduos, através da divisão celular. A reprodução permite a perpetuação da espécie, mas não a

Leia mais

Divisão celular processo através do qual cada célula, em regra,

Divisão celular processo através do qual cada célula, em regra, De que modo as células asseguram a sua continuidade? Divisão celular Divisão celular processo através do qual cada célula, em regra, origina duas células-filhas geneticamente iguais à célula-mãe. As células

Leia mais

Divisão Celular: Mitose e Meiose. Divisão Celular: Mitose e Meiose

Divisão Celular: Mitose e Meiose. Divisão Celular: Mitose e Meiose Tema: Divisão celular: Mitose e Meiose 1) Conceitos Prévios Cromossomo: Estrutura que contém uma longa molécula de DNA associada a proteínas histonas, visível ao microscópio óptico em células metafásicas.

Leia mais

Profa. Josielke Soares josisoares@ig.com.br

Profa. Josielke Soares josisoares@ig.com.br Profa. Josielke Soares josisoares@ig.com.br A célula é a menor unidade estrutural básica do ser vivo. A palavra célula foi usada pela primeira vez em 1667 pelo inglês Robert Hooke. Com um microscópio muito

Leia mais

Augusto Adolfo Borba. Miriam Raquel Moro Conforto

Augusto Adolfo Borba. Miriam Raquel Moro Conforto AUTORIA: EDIÇÃO DE CONTEÚDO: EDIÇÃO: CRÉDITOS DAS IMAGENS DE ABERTURA: Augusto Adolfo Borba Elvira Sampaio Miriam Raquel Moro Conforto Shutterstock/Sebastian Kaulitzki; istockphoto.com/henrik Jonsson;

Leia mais

SÍNDROME DE DOWN - É NORMAL SER DIFERENTE

SÍNDROME DE DOWN - É NORMAL SER DIFERENTE SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO Superintendência da Educação Diretoria de Políticas e Programas Educacionais Programa de Desenvolvimento Educacional GISLEINE ADAMIS DO CARMO SÍNDROME DE DOWN - É NORMAL

Leia mais

Lista sobre organelas, metabolismo e divisão celular/ 1º ano/ Biologia

Lista sobre organelas, metabolismo e divisão celular/ 1º ano/ Biologia 1. (Uel 2015) Leia o texto a seguir. Quando se fala em divisão celular, não valem as regras matemáticas: para uma célula dividir significa duplicar. A célula se divide ao meio, mas antes duplica o programa

Leia mais

Química do material genético

Química do material genético 1 O NÚCLEO No núcleo estão os cromossomos, onde estão "armazenadas" as informações genéticas de cada espécie. Os seguintes componentes constituem o núcleo celular: Membrana Nuclear: também chamada de carioteca

Leia mais

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR

NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR NÚCLEO E DIVISÃO CELULAR O núcleo celular (descoberto por Robert Brown, 1833) é uma estrutura presente nas células eucarióticas, que contém o DNA da célula. Delimitado pelo envoltório

Leia mais