Questão 46. Questão 48. Questão 47. Questão 49. alternativa C. alternativa D. alternativa D

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Questão 46. Questão 48. Questão 47. Questão 49. alternativa C. alternativa D. alternativa D"

Transcrição

1 Questã 46 Se uma pessa cnseguiu percrrer a distância de m em 45 minuts, sua velcidade escalar média, nesse interval, fi: a),0 km/h d) 6,0 km/h b) 3,0 km/h e) 6,7 km/h alternativa C c) 4,0 km/h A velcidade escalar média ( v m ) para uma distância S = m = 3,0 km em um interval de temp t = 45 min = 3 h é dada pr: 4 v S 3,0 t = 3 vm 4,0 4 Questã 47 Umestudante,bservandaltdeumatrre cm um binócul, vê uma pedra ser abandnada d repus. Quand essa pedra passa pela altura de 60 m, estudante dispara um crnômetr e pára quand ela chega a sl. Observand que crnômetr marca s, estudante, a determinar a altura da trre, encntra: Despreze a resistência d ar e adte g = 10m/s a) 65 m d) 80 m b) 70 m e) 85 m c) 75 m Supnd que a altura h = 60 m seja em relaçã a sl, a velcidade (v) da pedra quand crnômetr é acinad é dada pr: gt 10 h = vt + 60 = v + v = 0 m/s Aplicand a Equaçã de Trricelli para mviment da pedra d instante em que ela fi abandnada até acinament d crnômetr, vem: 0 v = v 0 + gh 0 = 10 h h = 0 m Assim, a altura ( h T ) da trre é dada pr: ht = h + h ht = ht = 80 m Questã 48 Pr uma superfície hrizntal, um menin empurra um caixte de massa 15 kg, aplicand-lhe uma frça cnstante e paralela à superfície de api; dessa frma, caixte adquireumavelcidadecnstante.seceficiente de atrit dinâmic entre caixte e a superfície de api é igual a 0,4, a frça aplicada pel menin tem intensidade de: a) 45 N d) 60 N b) 50 N e) 63 N Adte: g = 10 m/s c) 58 N Cm caixte tem velcidade cnstante, tems que a frça (F) aplicada pel menin tem intensidade igual à frça de atrit dinâmic. Assim, tems: F = fat. fat. = µ N F = µ mg = 0, N = mg F = 60 N Questã 49 Um crp de 0,5 kg é abandnad d pnt A de uma pista nã hrizntal e perfeitamente plida. Estand pnt A a certa altura d sl, crp desliza pela pista cm velcidade escalar variand cm temp de acrd cm gráfic dad. Desprezand a resistência d ar e sabend que, n instante em que crp é abandnad (t = 0s),suaenergia mecânica é igual a 40 J, pdems afirmar

2 física quepntmaispróximdslatingid pel crp está a uma altura de: Dad: g = 10 m/s a) nula d) 5,0 N b),50 N e) 50,0 N c) 5,00 N Island s crps e marcand as frças, tems: a) 0,8 m d) 5,0 m b) 3,0 m e) 7, m alternativa B c) 4,0 m O pnt mais próxim d sl atingid pel crp crre n instante t = 8 s, pis sua velcidade é máxima. Cm a energia mecânica se cnserva, a altura (h) d crp nesse instante é dada pr: m v Em = Ec + Eg Em = + m g h 40 = 0, ,5 10 h h = 3,0 m Questã 50 N cnjunt da figura, s fis e as plias sã cnsiderads ideais e blc B encntra-se apiad sbre uma mesa plana e hrizntal. Adtand-se g = 10 m/s, a frça de reaçã nrmal, impsta pela mesa a blc B, tem intensidade: D equilíbri (R = 0), vem: T = mag T sen 30 + N = mb g mag sen 30 + N = mb g, N = 5,00 10 N = 5,0 N Questã 51 Um menin prende, na extremidade A de uma barra rígida AB, um crp de massa 4 kg e, na extremidade B, utr crp, de massa 6 kg. A barra AB tem pes desprezível e cmpriment de 1, m. O pnt da barra pel qual nós a levantams, mantend seu equilíbri hrizntal, está distante da extremidade A: a) 64 cm d) 70 cm b) 66 cm e) 7 cm c) 68 cm alternativa E D enunciad pdems cnstruir a seguinte figura: Na situaçã de equilíbri, mment resultante em relaçã a pnt O é nul. Assim, tems: PA x = P B (1, x) ma g x = mb g (1, x)

3 física 3 4 x = 6(1, x) x = 0,7 m x = 7 cm Questã 5 N rótul da embalagem de um prdut imprtad está escrit: cnservar sb temperaturas de 5 F a3 F. Se pnt de fusã deste prdut é 4 C e de ebuliçã é 40 C, cnclui-se que, n interval de temperatura recmendad, prdut se encntra: a) sempre n estad sólid. b) sempre n estad líquid. c) sempre n estad gass. d) n estad líquid e n estad gass. e) n estad sólid e n estad líquid. alternativa A As temperaturas de cnservaçã d prdut expressas na escala Celsius vêm de: θc 5 3 = θc θf = 5 9 θ C 3 3 = 5 9 θc = 15 C θ C = 5 C Cm pnt de fusã desse prdut é de 4 C, pdems afirmar que mesm encntra-se sempre n estad sólid. Questã 53 Clca-se n interir de uma panela de ferr, de massa kg e aquecida à temperatura de 30 C, 1 litr de água a 90 C. Admitind-se que smente haja trca de calr entre a panela e a água, pde-se afirmar que equilíbri térmic crre à temperatura de: Dads: calr específic d ferr = 0,1 cal/(g C) calr específic da água = 1 cal/(g C) densidade da água = 1 g/cm 3 alternativa E Send sistema termicamente islad e sabend-se que 1 litr de água pssui uma massa de g, tems: Qf + Qa = 0 mf cf θf + ma ca θa = ,1 ( θ 30) ( θ 90) = 0 θ=80 C Questã 54 Um ml de gás ideal, inicialmente a 7 C, sfre uma transfrmaçã até 87 C, cnfrme diagrama a seguir. Em seguida, essa massa de gás sfre uma transfrmaçã istérmica, até duplicar seu vlume. O diagrama que melhr representa a pressã d gás em funçã d vlume, durante a transfrmaçã istérmica, é: a) b) Dad: R = 0,08 atm /(ml K) a) 60 C d) 75 C b) 65 C e) 80 C c) 70 C

4 física 4 c) d) real, invertida e mair. e) real, invertida e menr. alternativa B Pelas prpriedades d fc imagem e d centr óptic btems a imagem O, cm segue: d) Assim, a imagem cnjugada relativa a esse bjet é virtual, direita e mair. e) Cm em uma transfrmaçã istérmica prdut p V é cnstante, a duplicarms vlume a pressã se reduz à metade, cm indicad na alternativa D. Questã 55 Um bjet real O é clcad diante de um espelh esféric côncav, que bedece às cndições de Gauss, cnfrme a figura a seguir. A imagem cnjugada, relativa a esse bjet, é: Questã 56 Um gefísic, para determinar a prfundidade de um pç de petróle, utilizu uma fnte snra na abertura desse pç, emitind pulss de nda de freqüência 440 Hz e cmpriment de nda de 75 cm. Recebend ec desses pulss após 6 s de sua emissã, gefísic determinu que a prfundidade d pç é de: a) 495 m d) m b) 990 m e) m alternativa B c) m Da Equaçã Fundamental da Ondulatória, vem: v =λ f = 0, v = 330 m/s Cm puls chega a fund d pç e vlta em t = 6 s, a prfundidade d pç (d) é dada pr: v = S 330 = d t 6 d = 990 m Questã 57 a) virtual, direita e menr. b) virtual, direita e mair. c) real, direita e mair. A intensidade d vetr camp elétric gerad pr uma carga Q puntifrme, psitiva e fixa em um pnt d vácu, em funçã da distância (d) em relaçã a ela, varia cnfrme gráfic dad. A intensidade d vetr camp elétric, n pnt situad a 6 m da carga, é:

5 física 5 Questã 59 N circuit dad, geradr tem resistência interna igual a Ω. A ptência dissipada internamente n geradr é: a) 10 5 N/C c) N/C e) N/C b) N/C d) N/C alternativa A Para uma carga puntifrme, tems: E = kq E = kq 6 d 5 kq = kq E = 6 5 E = 10 N/C kq a) 1 W d) 1 W b) 15 W e) 4 W alternativa C Simplificand circuit, tems: c) 18 W Questã 58 Um cert resistr de resistência elétrica R, a ser submetid a uma d.d.p. de 6,00 V, é percrrid pr uma crrente elétrica de intensidade 4,00 ma. Se dispuserms de três resistres idêntics a este, assciads em paralel entre si, terems uma assciaçã cuja resistência elétrica equivalente é: a) 4,50 kω d) 1,5 kω b) 3,0 kω e) 0,50 kω c),0 kω Aplicand a Lei de Ohm-Puillet n sentid hrári, vem: 10i 30 = 0 i = 3 A Assim, a ptência dissipada (P d ) n geradr é dada pr: Pd = ri = 3 Pd = 18 W alternativa E Da definiçã de resistência elétrica, tems: U 6 R = = i R = 1,5 kω Assciand esses três resistres em paralel, vem: R 1,5 R eq. = 3 = 3 R eq. = 0,50k Ω Questã 60 Dis crpúsculs A e B, de massas m A em B, carregads eletricamente cm cargas respectivamente iguais a + qe+ 4q, penetram cm mesma velcidade v em um camp magnétic unifrme. A direçã da velcidade das cargas é perpendicular às linhas de induçã desse

6 física 6 camp. A relaçã m, entre as massas ds ma B crpúsculs, para que eles descrevam trajetórias de mesm rai, é: a) 1 4 b) 1 c) d) 3 e) 4 alternativa A Cm as partículas penetram perpendicularmente a camp (B), tems: mv R = mv A mv B ma 1 QB = = qb 4qB m 4 RA = R B B

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE GRADUAÇÃO FÍSICA FOLHA DE QUESTÕES

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE GRADUAÇÃO FÍSICA FOLHA DE QUESTÕES CONCURSO DE DMISSÃO O CURSO DE GRDUÇÃO FÍSIC FOLH DE QUESTÕES 007 1 a QUESTÃO Valr: 1,0 Um hmem está de pé diante de um espelh plan suspens d tet pr uma mla. Sabend-se que: a distância entre s lhs d hmem

Leia mais

A grandeza física capaz de empurrar ou puxar um corpo é denominada de força sendo esta uma grandeza vetorial representada da seguinte forma:

A grandeza física capaz de empurrar ou puxar um corpo é denominada de força sendo esta uma grandeza vetorial representada da seguinte forma: EQUILÍBRIO DE UM PONTO MATERIAL FORÇA (F ) A grandeza física capaz de empurrar u puxar um crp é denminada de frça send esta uma grandeza vetrial representada da seguinte frma: ATENÇÃO! N S.I. a frça é

Leia mais

Questão 46. Questão 47. Questão 48. alternativa D. alternativa B. Dados: calor específico do gelo (água no estado sólido)...

Questão 46. Questão 47. Questão 48. alternativa D. alternativa B. Dados: calor específico do gelo (água no estado sólido)... Questã 46 A partir de um bjet real de altura H, dispst verticalmente diante de um instrument óptic, um artista plástic necessita bter uma imagemcnjugadadealturaigualah.nesse cas, dependend das cndições

Leia mais

ESCOLA POLITÉCNICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO

ESCOLA POLITÉCNICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO Avenida Prfessr Mell Mraes, nº 1. CEP 05508-900, Sã Paul, SP. PME 100 MECÂNICA A Terceira Prva 11 de nvembr de 009 Duraçã da Prva: 10 minuts (nã é permitid us de calculadras) 1ª Questã (,5 pnts): Um sólid

Leia mais

Questão 46. Questão 47 Questão 48. alternativa A. alternativa B. partem do repouso, no ponto A, e chegam, simultaneamente,

Questão 46. Questão 47 Questão 48. alternativa A. alternativa B. partem do repouso, no ponto A, e chegam, simultaneamente, Questã 46 Um pequen crp é abandnad d repus, n pnt, situad a uma altura h, e atinge sl cm uma velcidade de módul v. Em seguida, mesm crp é disparad verticalmente para cima, a lng da mesma trajetória descrita

Leia mais

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa D. alternativa E. alternativa B

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa D. alternativa E. alternativa B Questão 46 No interior de um ônibus que trafega em uma estrada retilínea e horizontal, com velocidade constante de 90 km/h, um passageiro sentado lança verticalmente para cima um pequeno objeto com velocidade

Leia mais

Questão 48. Questão 46. Questão 47. Questão 49. alternativa A. alternativa B. alternativa C

Questão 48. Questão 46. Questão 47. Questão 49. alternativa A. alternativa B. alternativa C Questã 46 O ceficiente de atrit e índice de refraçã sã grandezas adimensinais, u seja, sã valres numérics sem unidade. Iss acntece prque a) sã definids pela razã entre grandezas de mesma dimensã. b) nã

Leia mais

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa D. alternativa C

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa D. alternativa C Questã 46 N instante t = 0 s, um móvel A parte d repus cm aceleraçã escalar cnstante e descreve uma trajetória retilínea. Nesse mesm instante, utr móvel B passa pr A, cm velcidade escalar cnstante, descrevend

Leia mais

PROVA DE FÍSICA MÓDULO III DO PISM (triênio )

PROVA DE FÍSICA MÓDULO III DO PISM (triênio ) QUESTÕES OBJETIVAS PROVA DE FÍSICA MÓDULO III DO PISM (triêni 2004-2006) Use, se necessári: cnstante de Planck, h = 6,63x10-34 J.s; carga d elétrn, q = 1,60x10-19 C; cnstante eletrstática, k = 9x10 9 N.M

Leia mais

Dados: [massa] = M; [comprimento] = L; [tempo] = T sen 30 = cos 60 = 0,5; sen 60 = cos 30 = 0,87

Dados: [massa] = M; [comprimento] = L; [tempo] = T sen 30 = cos 60 = 0,5; sen 60 = cos 30 = 0,87 FÍSICA O enunciado abaixo refere-se às questões 46 e 47. Um corpo homogêneo, com a forma de paralelepípedo e de massa,80 kg, encontra-se apoiado sobre uma superfície plana e horizontal, conforme mostra

Leia mais

Questão 46. Questão 47. Questão 49. Questão 48. alternativa B. alternativa B. alternativa A. alternativa D. A distância média da Terra à Lua é

Questão 46. Questão 47. Questão 49. Questão 48. alternativa B. alternativa B. alternativa A. alternativa D. A distância média da Terra à Lua é Questão 46 A distância média da Terra à Lua é 3,9 10 m. Sendo a velocidade da luz no vácuo igual a 30, 10 5 km/s, o tempo médio gasto por ela para percorrer essa distância é de: a) 0,77 s d) 77 s b) 1,3

Leia mais

Questão 11. Questão 12. Resposta. Resposta S 600. Um veículo se desloca em trajetória retilínea e sua velocidade em função do tempo é apresentada

Questão 11. Questão 12. Resposta. Resposta S 600. Um veículo se desloca em trajetória retilínea e sua velocidade em função do tempo é apresentada Questã Um veícul se deslca em trajetória retilínea e sua velcidade em funçã d temp é apresentada na fiura. a) Identifique tip de mviment d veícul ns intervals de temp de 0 a 0 s,de 0 a 30 s e de 30 a 0

Leia mais

Física 2. v (km/h) t(h) Resposta: 02

Física 2. v (km/h) t(h) Resposta: 02 Física 2 Valores de algumas grandezas físicas celeração da gravidade: m/s 2 Densidade da água: 1 g/cm 3 Carga do elétron: 1,6 x -19 C Constante de Planck: 6,6 x -34 J.s Velocidade da luz no vácuo: 3 x

Leia mais

VESTIBULAR UFPE UFRPE / ª ETAPA

VESTIBULAR UFPE UFRPE / ª ETAPA VESTIBUAR UFPE UFRPE / 1999 2ª ETAPA NOME DO AUNO: ESCOA: SÉRIE: TURMA: FÍSICA 3 VAORES DE AGUMAS GRANDEZAS FÍSICAS Aceleração da gravidade: 1 m/s 2 Calor específico da água: 1, cal/g ºC Calor latente

Leia mais

Física FUVEST ETAPA. Resposta QUESTÃO 1 QUESTÃO 2. b) A energia cinética (E c ) do meteoro é dada por:

Física FUVEST ETAPA. Resposta QUESTÃO 1 QUESTÃO 2. b) A energia cinética (E c ) do meteoro é dada por: Física QUSTÃO 1 Uma das hipóteses para explicar a extinçã ds dinssaurs, crrida há cerca de 6 milhões de ans, fi a clisã de um grande meter cm a Terra. stimativas indicam que meter tinha massa igual a 1

Leia mais

Halliday & Resnick Fundamentos de Física

Halliday & Resnick Fundamentos de Física Halliday & Resnick Fundaments de Física Mecânica Vlume 1 www.grupgen.cm.br http://gen-i.grupgen.cm.br O GEN Grup Editrial Nacinal reúne as editras Guanabara Kgan, Sants, Rca, AC Farmacêutica, LTC, Frense,

Leia mais

Questão 11. Questão 13. Questão 12. Resposta. Resposta. b) a intensidade da força de atrito entre os dois blocos.

Questão 11. Questão 13. Questão 12. Resposta. Resposta. b) a intensidade da força de atrito entre os dois blocos. Questão 11 Um veículo está rodando à velocidade de 36 km/h numa estrada reta e horizontal, quando o motorista aciona o freio. Supondo que a velocidade do veículo se reduz uniformemente à razão de 4 m/s

Leia mais

M.Sc. Jose Eduardo Ruiz Rosero 1. ENG1116 Tópicos especiais Energia solar

M.Sc. Jose Eduardo Ruiz Rosero 1. ENG1116 Tópicos especiais Energia solar 1 ENG1116 Tópics especiais Energia slar M.Sc. Jse Eduard Ruiz Rser 2 Ementa Cnquistas e desafis da energia slar Cnceits básics Radiaçã slar Física das células slares Célula slar Cmpnentes de um sistema

Leia mais

= 36 = (m/s) = 10m/s. 2) Sendo o movimento uniformemente variado, vem: V = V 0 0 = 10 4,0. T T = 2,5s

= 36 = (m/s) = 10m/s. 2) Sendo o movimento uniformemente variado, vem: V = V 0 0 = 10 4,0. T T = 2,5s 11 FÍSICA Um veículo está rodando à velocidade de 36 km/h numa estrada reta e horizontal, quando o motorista aciona o freio. Supondo que a velocidade do veículo se reduz uniformemente à razão de 4 m/s

Leia mais

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES 2015 / 2016

CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES 2015 / 2016 CONCURSO DE ADMISSÃO AO CURSO DE FORMAÇÃO E GRADUAÇÃO FÍSICA CADERNO DE QUESTÕES 2015 / 2016 1 a QUESTÃO Valor: 1,0 Um copo está sobre uma mesa com a boca voltada para cima. Um explosivo no estado sólido

Leia mais

Halliday & Resnick Fundamentos de Física

Halliday & Resnick Fundamentos de Física Halliday & Resnick Fundaments de Física Mecânica Vlume 1 www.grupgen.cm.br http://gen-i.grupgen.cm.br O GEN Grup Editrial Nacinal reúne as editras Guanabara Kgan, Sants, Rca, AC Farmacêutica, LTC, Frense,

Leia mais

Aula 02 Álgebra Complexa

Aula 02 Álgebra Complexa Campus I Jã Pessa Disciplina: Análise de Circuits Curs Técnic Integrad em Eletrônica Prfª: Rafaelle Felician Aula 02 Álgebra Cmplexa 1. Númers Cmplexs Intrduçã Circuits CC smas algébricas de tensões e

Leia mais

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 30/08/2009

Concurso Público para Cargos Técnico-Administrativos em Educação UNIFEI 30/08/2009 Dads para questões específicas: 34 34 8 h = 6,63 10 J.s h = 1,05 10 J.s c = 3,00 10 m/s Cnstante ds gases R = 8,3 J/(ml.K) =,0 cal/(ml.k) c = 4, J/(kg.K) lg = 0,30 lg 3 = 0,48 lg 4 = 0,60 lg 5 = 0,70 ln(33/73)=

Leia mais

, cujos módulos são 3N. Se F A

, cujos módulos são 3N. Se F A VTB 008 ª ETAPA Sluçã mentada da Prva de Física 0. nsidere duas frças, F A e F B, cujs móduls sã 3N. Se F A e F B fazem, respectivamente, ânguls de 60 e cm eix-x ( ângul é medid n sentid anti-hrári em

Leia mais

Fisica 1 A B. k = 1/4πε 0 = 9, N.m 2 /C Um automóvel faz o percurso Recife-Gravatá a uma velocidade média de 50 km/h.

Fisica 1 A B. k = 1/4πε 0 = 9, N.m 2 /C Um automóvel faz o percurso Recife-Gravatá a uma velocidade média de 50 km/h. Fisica 1 Valores de algumas constantes físicas celeração da gravidade: 10 m/s 2 Densidade da água: 1,0 g/cm 3 Calor específico da água: 1,0 cal/g C Carga do elétron: 1,6 x 10-19 C Velocidade da luz no

Leia mais

Mais problemas resolvidos! Atrito e força centrípeta:

Mais problemas resolvidos! Atrito e força centrípeta: Mais prblemas reslvids! Atrit e frça centrípeta: Prblema 04. a figura a lad, um prc brincalhã escrrega em uma ο rampa cm uma inclinaçã de 35 e leva dbr d temp que levaria se nã huvesse atrit. Qual é ceficiente

Leia mais

Questão 47. Questão 48. Questão 46. alternativa E. alternativa B. O enunciado abaixo refere-se às questões

Questão 47. Questão 48. Questão 46. alternativa E. alternativa B. O enunciado abaixo refere-se às questões O enunciad abaix refere-se às questões 46 e 47. Um cr hmgêne, cm a frma de araleleíed e de massa,80 kg, encntra-se aiad sbre uma suerfície lana e hrizntal, cnfrme mstra a figura a seguir. Sbre esse cr

Leia mais

Adotando-se o solo como origem dos espaços e orientando a trajetória para cima, do trecho compreendido entre os instantes 0 e 15,0s, vem: s = N Área

Adotando-se o solo como origem dos espaços e orientando a trajetória para cima, do trecho compreendido entre os instantes 0 e 15,0s, vem: s = N Área 46 b FÍSICA Um estudante que se encontrava sentado em uma praça, em frente de um moderno edifício, resolveu observar o movimento de um elevador panorâmico. Após haver efetuado algumas medidas, concluiu

Leia mais

VESTIBULAR UFPE UFRPE / ª ETAPA

VESTIBULAR UFPE UFRPE / ª ETAPA VESTIBULAR UFPE UFRPE / 1998 2ª ETAPA NOME DO ALUNO: ESCOLA: SÉRIE: TURMA: FÍSICA 1 VALORES DE ALGUMAS GRANDEZAS FÍSICAS Aceleração da gravidade : 10 m/s 2 Número de Avogadro : 6,0 x 10 23 /mol Constante

Leia mais

Halliday & Resnick Fundamentos de Física

Halliday & Resnick Fundamentos de Física Halliday & Resnick Fundaments de Física Mecânica Vlume 1 www.grupgen.cm.br http://gen-i.grupgen.cm.br O GEN Grup Editrial Nacinal reúne as editras Guanabara Kgan, Sants, Rca, AC Farmacêutica, LTC, Frense,

Leia mais

Física - 1. Dados numéricos

Física - 1. Dados numéricos Física - 1 Dados numéricos celeração da gravidade: 1 m/s Densidade da água: 1, g/cm 3 Velocidade da luz no vácuo: 3, x 1 8 m/s 1 atm = 1, x 1 5 N/m = 1 4 π o = 9, x 1 9 N.m C 1. O gráfico da velocidade

Leia mais

FÍSICA II. 02. Uma das extremidades de um fio de comprimento 3,0 m é presa a um diapasão elétrico; a outra passa por

FÍSICA II. 02. Uma das extremidades de um fio de comprimento 3,0 m é presa a um diapasão elétrico; a outra passa por FÍSICA II Esta prova tem por finalidade verificar seus conhecimentos das leis que regem a natureza. Interprete as questões do modo mais simples e usual. Não considere complicações adicionais por fatores

Leia mais

Alguns aspectos da Óptica Geométrica - P. A. Tipler, vol 2, cap 33 Propriedades da Luz, e cap 34 Imagens Ópticas

Alguns aspectos da Óptica Geométrica - P. A. Tipler, vol 2, cap 33 Propriedades da Luz, e cap 34 Imagens Ópticas Alguns aspects da Óptica Gemétrica - P. A. Tipler, vl 2, cap 33 Prpriedades da Luz, e cap 34 Imagens Ópticas Um puc de História da Luz - Os espelhs datam de ~ 2000 a.c. - Prpagaçã linear da luz registrs

Leia mais

UDESC 2017/1 FÍSICA. Comentário

UDESC 2017/1 FÍSICA. Comentário 7/ FÍSICA I. Incorreta. A corrente elétrica induzida é gerada através da variação de campo magnético, logo campo magnético constante não gera corrente elétrica induzida. II. Correta. Se o campo magnético

Leia mais

SIMULADO DE FÍSICA. a) 26 m. b) 14 m. c) 12 m. d) 10 m. e) 2 m

SIMULADO DE FÍSICA. a) 26 m. b) 14 m. c) 12 m. d) 10 m. e) 2 m SIMULADO DE FÍSICA 1. Num estacionamento, um coelho se desloca, em seqüência, 12 m para o Oeste, 8 m para o Norte e 6 m para o Leste. O deslocamento resultante tem módulo. a) 26 m b) 14 m c) 12 m d) 10

Leia mais

a) Supondo ser constante a velocidade da bala, vem: t = 5, s = 5,0ms b) Entendendo pelo texto que o cilindro não completou uma rotação, temos:

a) Supondo ser constante a velocidade da bala, vem: t = 5, s = 5,0ms b) Entendendo pelo texto que o cilindro não completou uma rotação, temos: 17 FÍSICA Um cilindro oco de 3,0 m de comprimento, cujas bases são tampadas com papel fino, gira rapidamente em torno de seu eixo com velocidade angular constante. Uma bala disparada com velocidade de

Leia mais

PROVA DE FISICA. a) Kg. m/s 2 e N.m b) Kg. m/s 2 e kgf c) Kgf e kcal d) Kg. m 2 /s 2 e J e) N e Kg. m/s 2

PROVA DE FISICA. a) Kg. m/s 2 e N.m b) Kg. m/s 2 e kgf c) Kgf e kcal d) Kg. m 2 /s 2 e J e) N e Kg. m/s 2 1 PROVA DE FISICA 1. Duas grandezas da física consideradas de importância fundamental para a compreensão dos fenômenos naturais são: força e energia. As suas unidades, no sistema internacional, são respectivamente

Leia mais

As figuras acima mostram as linhas de indução de um campo magnético uniforme B r

As figuras acima mostram as linhas de indução de um campo magnético uniforme B r 1) No sistema mostrado abaixo, as roldanas e os fios são ideais e o atrito é considerado desprezível. As roldanas A, B, e C são fixas e as demais são móveis sendo que o raio da roldana F é o dobro do raio

Leia mais

Comprimento do tubo L = 10,0 cm

Comprimento do tubo L = 10,0 cm 1 a QUESTÃO Valor: 1,0 O sistema da figura abaixo é um leve flutuador de vidro formado por um tubo cilíndrico, fechado na parte superior, ligado a um balão esférico que tem uma abertura na sua parte inferior,

Leia mais

Apostila de Física MOVIMENTO DE QUEDA LIVRE (1 a versão - Versão provisória - setembro/2000) Prof. Petrônio Lobato de Freitas

Apostila de Física MOVIMENTO DE QUEDA LIVRE (1 a versão - Versão provisória - setembro/2000) Prof. Petrônio Lobato de Freitas Apstila de Física MOVIMENTO DE QUEDA LIVRE (1 a versã - Versã prvisória - setembr/000) Prf. Petrôni Lbat de Freitas A Experiência de Galileu Observand a queda de um bjet pdems ntar que a sua velcidade

Leia mais

Dado: g = 10 m/s 2. (A) 5,6 x 10 2 J (D) 1,4 x 10 2 J (B) 1,4 x 10 3 J (C) 3,5 x 10 3 J

Dado: g = 10 m/s 2. (A) 5,6 x 10 2 J (D) 1,4 x 10 2 J (B) 1,4 x 10 3 J (C) 3,5 x 10 3 J 41 A quantidade de calor Q transferida para o ar durante o tempo t através da superfície aquecida de um ferro de passar roupa de área A é dada por Q = h t A (q - q 0 ), onde q é a temperatura da superfície

Leia mais

Capítulo 6 - Medidores de Grandezas Elétricas Periódicas

Capítulo 6 - Medidores de Grandezas Elétricas Periódicas Capítul 6 - Medidres de Grandezas Elétricas Periódicas 6. Intrduçã Neste capítul será estudad princípi de funcinament ds instruments utilizads para medir grandezas (tensões e crrentes) periódicas. Em circuits

Leia mais

1 a Questão: (2,0 pontos)

1 a Questão: (2,0 pontos) a Questão: (, pontos) Um bloco de massa m, kg repousa sobre um plano inclinado de um ângulo θ 37 o em relação à horizontal. O bloco é subitamente impulsionado, paralelamente ao plano, por uma marretada,

Leia mais

Como Z constitui-se claramente a hipotenusa de um triângulo retângulo, tem-se

Como Z constitui-se claramente a hipotenusa de um triângulo retângulo, tem-se UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAIBA CENTRO DE TENOLOGIA DEPARTAMENTO DE TECNLOGIA MECÂNICA PROF. ANTONIO SERGIO NUMEROS COMPLEXOS Os númers cmplexs representam uma imprtante ferramenta em matemática. Um númer

Leia mais

SIMPLES DEMONSTRAÇÃO DO MOVIMENTO DE PROJÉTEIS EM SALA DE AULA

SIMPLES DEMONSTRAÇÃO DO MOVIMENTO DE PROJÉTEIS EM SALA DE AULA SIMPLES DEMONSTRAÇÃO DO MOVIMENTO DE PROJÉTEIS EM SALA DE AULA A.M.A. Taeira A.C.M. Barreir V.S. Bagnat Institut de Físic-Química -USP Sã Carls SP Atraés d lançament de prjéteis pde-se estudar as leis

Leia mais

TIPO DE PROVA: A. Questão 1. Questão 3. Questão 2. Questão 4. alternativa E. alternativa A. ver comentário. alternativa E

TIPO DE PROVA: A. Questão 1. Questão 3. Questão 2. Questão 4. alternativa E. alternativa A. ver comentário. alternativa E Questã TIPO DE PROVA: A N primeir semestre deste an, a prduçã de uma fábrica de aparelhs celulares aumentu, mês a mês, de uma quantidade fixa. Em janeir, fram prduzidas 8 000 unidades e em junh, 78 000.

Leia mais

Exemplo. T 1 2g = -2a T 2 g = a. τ = I.α. T 1 T 2 g = - 3a a g = - 3a 4a = g a = g/4. τ = (T 1 T 2 )R. T 1 T 2 = Ma/2 T 1 T 2 = a.

Exemplo. T 1 2g = -2a T 2 g = a. τ = I.α. T 1 T 2 g = - 3a a g = - 3a 4a = g a = g/4. τ = (T 1 T 2 )R. T 1 T 2 = Ma/2 T 1 T 2 = a. Exercícios Petrobras 2008 eng. de petróleo Dois corpos de massa m 1 = 2 kg e m 2 = 1 kg estão fixados às pontas de uma corda com massa e elasticidade desprezíveis, a qual passa por uma polia presa ao

Leia mais

Gabarito Comentado. Gabarito dos Exercícios Complementares Revisão Ciências da Natureza Física Ensino Médio Material do aluno

Gabarito Comentado. Gabarito dos Exercícios Complementares Revisão Ciências da Natureza Física Ensino Médio Material do aluno Gabarito dos Exercícios Complementares Revisão Ciências da Natureza 01. Alternativa B Utilizando a expressão: v m = X t Onde: X = 3.146 m v m = 17 m/s t =? Teremos: 17 = 3.146 t t = 3.146 17 t = 185 s

Leia mais

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE GOIÁS PONTIFÍI UNIERSIDDE TÓLI DE GOIÁS DEPRTMENTO DE MTEMÁTI E FÍSI Prfessres: Edsn az e Renat Medeirs EXERÍIOS NOT DE UL II Giânia - 014 E X E R Í I OS: NOTS DE UL 1. Na figura abaix, quand um elétrn se deslca

Leia mais

MATEMÁTICA 1 o Ano Duds

MATEMÁTICA 1 o Ano Duds MATEMÁTICA 1 An Duds 1. (Ufsm 011) A figura a seguir apresenta delta d ri Jacuí, situad na regiã metrplitana de Prt Alegre. Nele se encntra parque estadual Delta d Jacuí, imprtante parque de preservaçã

Leia mais

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa B. alternativa D

Questão 46. Questão 48. Questão 47. alternativa B. alternativa D Questã 46 Na medida de temperatura de uma pessa pr mei de um termômetr clínic, bservu-se que nível de mercúri estacinu na regiã entre 38 Ce39 C da escala, cm está ilustrad na figura. Após a leitura da

Leia mais

= Q moeda F at. . t = 0 mv 0. g t

= Q moeda F at. . t = 0 mv 0. g t 25 e FÍSICA Uma moeda é lançada horizontalmente, com velocidade inicial de 10 m/s, sobre uma superfície áspera, horizontal. Sabendo-se que a moeda atinge o repouso 10 s após o lançamento, o coeficiente

Leia mais

PROCESSO SELETIVO TURMA DE 2015 FASE 1 PROVA DE FÍSICA E SEU ENSINO

PROCESSO SELETIVO TURMA DE 2015 FASE 1 PROVA DE FÍSICA E SEU ENSINO PROCESSO SELETIVO TURMA DE 2015 FASE 1 PROVA DE FÍSICA E SEU ENSINO Caro professor, cara professora esta prova tem 2 partes; a primeira parte é objetiva, constituída por 14 questões de múltipla escolha,

Leia mais

PROVA DE FÍSICA II. Dado: calor latente de fusão da água = 3,5 x 10 5 J/kg. A) 100 B) 180 D) Zero C) 240 E) 210

PROVA DE FÍSICA II. Dado: calor latente de fusão da água = 3,5 x 10 5 J/kg. A) 100 B) 180 D) Zero C) 240 E) 210 PROVA DE FÍSCA Esta prova tem por finalidade verificar seus conhecimentos das leis que regem a natureza. nterprete as questões do modo mais simples e usual. Não considere complicações adicionais como fatores

Leia mais

Lista de exercícios Conceitos Fundamentais

Lista de exercícios Conceitos Fundamentais Curs: Engenharia Industrial Elétrica Disciplina: Análise Dinâmica Prfessr: Lissandr Lista de exercícis Cnceits Fundamentais 1) Em um circuit trifásic balancead a tensã V ab é 173 0 V. Determine tdas as

Leia mais

FÍSICA CADERNO DE PROVA

FÍSICA CADERNO DE PROVA 2ª FASE EXAME DISCURSIVO 11/12/2016 FÍSICA CADERNO DE PROVA Este caderno, com dezesseis páginas numeradas sequencialmente, contém dez questões de Física. Não abra o caderno antes de receber autorização.

Leia mais

QUESTÃO 16 QUESTÃO 17 PROVA DE FÍSICA II

QUESTÃO 16 QUESTÃO 17 PROVA DE FÍSICA II 7 PROVA DE FÍSICA II QUESTÃO 16 Uma barra homogênea de massa 4,0 kg e comprimento 1,0 m está apoiada em suas extremidades sobre dois suportes A e B conforme desenho abaixo. Coloca-se a seguir, apoiada

Leia mais

1. Na Figura, o fluxo de campo magnético na espira aumenta de acordo com a equação

1. Na Figura, o fluxo de campo magnético na espira aumenta de acordo com a equação Lista de exercícios 9 - Indução e Indutância 1. Na Figura, o fluxo de campo magnético na espira aumenta de acordo com a equação φ B = 6,0t2 + 7,0t, onde φb está em miliwebers e t em segundos. (a) Qual

Leia mais

COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD PISM III- TRIÊNIO PROVA DE FÍSICA

COMISSÃO PERMANENTE DE SELEÇÃO COPESE PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO PROGRAD PISM III- TRIÊNIO PROVA DE FÍSICA PISM III- TRIÊNIO 008-00 Na solução da prova, use quando necessário: Aceleração da gravidade g = 0 m / s 8 ;Velocidade da luz no vácuo c = 3,0 0 m/s Permeabilidade magnética do vácuo = 7 µ T m A 0 4π 0

Leia mais

Professora Florence. 1,0 C e q3

Professora Florence. 1,0 C e q3 TEXTO PARA A PRÓXIMA QUESTÃO: Dados: Aceleração da gravidade: 10 m/s 3 Densidade do mercúrio: 13,6 g/cm Pressão atmosférica: 5 1,0 10 N/m Constante eletrostática: k 1 4,0 10 N m C 0 0 1. (Ufpe 01) Três

Leia mais

Profa. Dra. Ignez Caracelli - DF

Profa. Dra. Ignez Caracelli - DF CURSO: ENGENHARIA - UFSCar FÍSICA 4 - TURMA 09.904-0 Prfa. Dra. Ignez Caracelli - DF EXERCÍCIO 1 - ONDAS 4 de utubr de 016 1. Balançand um barc, um menin prduz ndas na superfície de um lag até entã quiet.

Leia mais

CIRCUITOS COM CAPACITORES

CIRCUITOS COM CAPACITORES CIRCUITOS COM CAPACITORES 1. (Ufpr 13) Considerando que todos os capacitores da associação mostrada na figura abaixo têm uma capacitância igual a C, determine a capacitância do capacitor equivalente entre

Leia mais

Exame: Matemática Nº Questões: 58 Duração: 120 minutos Alternativas por questão: 4 Ano: 2009

Exame: Matemática Nº Questões: 58 Duração: 120 minutos Alternativas por questão: 4 Ano: 2009 Eame: Matemática Nº Questões: 8 Duraçã: 0 minuts Alternativas pr questã: An: 009 INSTRUÇÕES. Preencha as suas respstas na FOLHA DE RESPOSTAS que lhe fi frnecida n iníci desta prva. Nã será aceite qualquer

Leia mais

INSTITUTO GEREMÁRIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: FÍSICA CIOS DE RECUPERAÇÃO FINAL

INSTITUTO GEREMÁRIO DANTAS COMPONENTE CURRICULAR: FÍSICA CIOS DE RECUPERAÇÃO FINAL INSTITUTO GEREMÁRIO DANTAS Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio Fone: (21) 21087900 Rio de Janeiro RJ www.igd.com.br Aluno(a): 3º Ano: C31 Nº Professora: Saionara Chagas Data: / /2016 COMPONENTE

Leia mais

a) Calcular a energia cinética com que a moeda chega ao piso.

a) Calcular a energia cinética com que a moeda chega ao piso. Dados: Considere, quando necessário: g = 10 m/s 2 ; sen 30 = cos 60 = 1/2; cos 30 = sen 60 = 3/2; calor específico da água = 1 cal/g C. 1) Uma pessoa deixa uma moeda cair, e, então, ouve-se o barulho do

Leia mais

Olimpíada Brasileira de Física ª Fase Prova para alunos de 3º ano

Olimpíada Brasileira de Física ª Fase Prova para alunos de 3º ano Leia atentamente as instruções abaixo antes de iniciar a prova: 1 Esta prova destina-se exclusivamente a alunos de 3 o ano. 2 A prova contem vinte questões. 3 Cada questão contem cinco alternativas, das

Leia mais

INDUÇÃO ELETROMAGNÉTICA

INDUÇÃO ELETROMAGNÉTICA INDUÇÃO ELETROMAGNÉTICA 1. (ITA 2009) Uma haste metálica com 5,0 kg de massa e resistência de 2,0 Ω desliza sem atrito sobre duas barras paralelas separadas de 1,0 m, interligadas por um condutor de resistência

Leia mais

aceleração da gravidade g = 10 m/s 2 índice de refração do ar n = 1 π = 3,14

aceleração da gravidade g = 10 m/s 2 índice de refração do ar n = 1 π = 3,14 FÍSICA (Cada questão desta prova vale até cinco pontos) Use, quando necessário, os seguintes valores numéricos: aceleração da gravidade g = 10 m/s 2 índice de refração do ar n = 1 π = 3,14 Questão 01 Um

Leia mais

- Carga elétrica - Força elétrica -Campo elétrico - Potencial elétrico - Corrente elétrica - Campo magnético -Força magnetica

- Carga elétrica - Força elétrica -Campo elétrico - Potencial elétrico - Corrente elétrica - Campo magnético -Força magnetica GOIÂNIA, / / 2016 PROFESSOR: Jonas Tavares DISCIPLINA: Física SÉRIE: 3º ALUNO(a): Trabalho Recuperação 1º semestre No Anhanguera você é + Enem RELAÇÃO DE CONTEÚDOS PARA RECUPERAÇÃO - Carga elétrica - Força

Leia mais

IJSO Preparação de Física (Lista 03) Aluno: Código:

IJSO Preparação de Física (Lista 03) Aluno: Código: IJSO Preparação de Física (Lista 03) Aluno: Código: Dados: g = 10 m /s 2 1 atm = 1,0.10 5 Pa Parte I: Questões (valor: 8,5) 01. (1,0) Dois trens I e II, cujas frentes distam A metros entre si no instante

Leia mais

1. Arthur monta um circuito com duas lâmpadas idênticas e conectadas à mesma bateria, como mostrado nesta figura:

1. Arthur monta um circuito com duas lâmpadas idênticas e conectadas à mesma bateria, como mostrado nesta figura: 1. Arthur monta um circuito com duas lâmpadas idênticas e conectadas à mesma bateria, como mostrado nesta figura: Considere nula a resistência elétrica dos fios que fazem a ligação entre a bateria e as

Leia mais

PROCESSO SELETIVO TURMA DE 2016 FASE 1 PROVA DE FÍSICA E SEU ENSINO

PROCESSO SELETIVO TURMA DE 2016 FASE 1 PROVA DE FÍSICA E SEU ENSINO PROCESSO SELETIVO TURMA DE 2016 FASE 1 PROVA DE FÍSICA E SEU ENSINO Caro professor, cara professora, esta prova tem 2 partes; a primeira parte é objetiva, constituída por 14 questões de múltipla escolha,

Leia mais

CIRCUITO SÉRIE/PARALELO Prof. Antonio Sergio-D.E.E-CEAR-UFPB.

CIRCUITO SÉRIE/PARALELO Prof. Antonio Sergio-D.E.E-CEAR-UFPB. CIRCUITO SÉRIE/PARALELO Prf. Antni Sergi-D.E.E-CEAR-UFPB. Os circuit reativs sã classificads, assim cm s resistivs, em a) Circuits série. b) Circuits paralel c) Circuit série-paralel. Em qualquer cas acima,

Leia mais

FÍSICA. c = 10 feijões. Dados: Aceleração da gravidade: 10 m/s 3. Densidade da água: 1 g/cm3 = 103 kg/m Calor específico da água: 1 cal/g.

FÍSICA. c = 10 feijões. Dados: Aceleração da gravidade: 10 m/s 3. Densidade da água: 1 g/cm3 = 103 kg/m Calor específico da água: 1 cal/g. FÍSICA Dados: Aceleração da gravidade: 10 m/s 3 Densidade da água: 1 g/cm3 = 103 kg/m Calor específico da água: 1 cal/g. C -19 Carga do elétron = 1,6 x 10 C -31 Massa do elétron = 9 x 10 kg 8 Velocidade

Leia mais

PROVA MATRIZ DE FÍSICA - EFOMM 2009

PROVA MATRIZ DE FÍSICA - EFOMM 2009 1ª Questão: PROVA MATRIZ DE FÍSICA - EFOMM 2009 Um marinheiro, desejando aquecer 1 litro de água, que, inicialmente, encontra-se na temperatura de 86 F, usa um aquecedor do tipo rabo quente cuja resistência

Leia mais

Portanto 7 maneiras diferentes

Portanto 7 maneiras diferentes TC 4 UECE 0 FASE PROF.: Célio Normando Conteúdo: Força de Atrito. A figura abaixo ilustra um bloco de massa igual a 8 kg, em repouso, apoiado sobre um plano horizontal. Um prato de balança, com massa desprezível,

Leia mais

PROVA DE FÍSICA. P (atm) V (litros) Dados que podem ser necessários para a resolução das questões desta prova:

PROVA DE FÍSICA. P (atm) V (litros) Dados que podem ser necessários para a resolução das questões desta prova: PROVA DE FÍSICA Dados que podem ser necessários para a resolução das questões desta prova: Velocidade da luz no vácuo: c = 3,0 x 10 8 m/s. Valor da aceleração da gravidade: g = 10 m/s 2. 1 atm = 1,01 x

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE ENGENHARIA ELÉTRICA E INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA ELETRÔNICA

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE ENGENHARIA ELÉTRICA E INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA ELETRÔNICA UNIERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE CENTRO DE ENGENHARIA ELÉTRICA E INFORMÁTICA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA ELÉTRICA ELETRÔNICA LISTA DE EXERCICIOS #4 () O circuit a seguir é usad cm pré-amplificadr e

Leia mais

Direção do deslocamento

Direção do deslocamento Referência: Sears e Zemansky Física I Mecânica Capítul 6: TRABALHO E ENERGIA CINÉTICA Resum: Prfas. Bárbara e Márcia. INTRODUÇÃO A imprtância d cnceit de energia se baseia n princípi da cnservaçã da energia:

Leia mais

Respostas Caderno de Exercícios 4

Respostas Caderno de Exercícios 4 4 Unidade 9 Eletrodinâmica Parte II capítulo 1 Associação de dispositivos elétricos em circuitos residenciais. D 3. C 4. A 5. D 6. A 7. A 8. D 9. C 10. D 11. D 1. a) i total 5 A b) R$ 7,9 14. D 15. B 16.

Leia mais

Aula 03 Modelização de Sistemas

Aula 03 Modelização de Sistemas Aula 03 Mdelizaçã de Sistemas Mdelizaçã de Sistemas entrada (input) saída (utput) carr / massa / mla Mdelizaçã de Sistemas carr / massa / mla Mdelizaçã de Sistemas carr / massa / mla frça aplicada deslcament

Leia mais

C 04. Qual o módulo do campo elétrico resultante no ponto A, da figura a seguir, sendo que as partículas se encontram no vácuo.

C 04. Qual o módulo do campo elétrico resultante no ponto A, da figura a seguir, sendo que as partículas se encontram no vácuo. ª série EM - Lista de Questões para a EXAME FINAL - FÍSICA 01. Em uma carga elétrica região? (Lembre-se E q mc atua uma força elétrica de 4N. Qual o Valor do capo elétrico gerado nesta F e q ) 0. Qual

Leia mais

FÍSICA II. (Dados sen 30 o = 0,5 e g = 10 m/s 2 )

FÍSICA II. (Dados sen 30 o = 0,5 e g = 10 m/s 2 ) FÍSCA Esta prova tem por finalidade verificar seus conhecimentos das leis que regem a natureza. nterprete as questões do modo mais simples e usual. Não considere complicações adicionais por fatores não

Leia mais

TRABALHO DA FORÇA ELÉTRICA E ENERGIA POTENCIAL

TRABALHO DA FORÇA ELÉTRICA E ENERGIA POTENCIAL TRLHO D FORÇ ELÉTRIC E ENERGI POTENCIL 1. (OF 006) Um corpo esférico, condutor, oco, de espessura irrelevante e com carga total nula tem um raio R = 50,0 cm e envolve um corpo esférico, a ele concêntrico,

Leia mais

PROGRAD / COSEAC Padrão de Respostas Física Grupos 05 e 20

PROGRAD / COSEAC Padrão de Respostas Física Grupos 05 e 20 1 a QUESTÃO: Dois blocos estão em contato sobre uma mesa horizontal. Não há atrito entre os blocos e a mesa. Uma força horizontal é aplicada a um dos blocos, como mostra a figura. a) Qual é a aceleração

Leia mais

Solução Comentada da Prova de Física

Solução Comentada da Prova de Física Solução Comentada da Prova de Física 01. Uma partícula parte do repouso, no instante t = 0, na direção positiva do eixo x. O gráfico da aceleração da partícula ao longo eixo x, em função do tempo, é mostrado

Leia mais

1ª QUESTÃO Valor 1,0 = 1. Dados: índice de refração do ar: n 2. massa específica da cortiça: 200 kg/m 3. 1 of :36

1ª QUESTÃO Valor 1,0 = 1. Dados: índice de refração do ar: n 2. massa específica da cortiça: 200 kg/m 3. 1 of :36 1ª QUESTÃO Valor 1,0 Uma lâmpada é colocada no fundo de um recipiente com líquido, diretamente abaixo do centro de um cubo de cortiça de 10 cm de lado que flutua no líquido. Sabendo que o índice de refração

Leia mais

CONCURSO DE ADMISS A o AO CURSO DE GRADUAQA0 FISICA L + Q

CONCURSO DE ADMISS A o AO CURSO DE GRADUAQA0 FISICA L + Q CONCURSO DE ADMISS A o AO CURSO DE GRADUAQA0 MOTO BRMtUJRO FISICA CADERNO DE QUESTOES 2011 QUESTAO IValor: 1,00 + Q ± Q L + Q \ figura acima apresenta trés corpos de peso P, dispostos nos vertices de urn

Leia mais

EM34B Mecânica dos Fluidos 1

EM34B Mecânica dos Fluidos 1 EM34B Mecânica ds Fluids 1 Prf. Dr. André Damiani Rcha archa@utfpr.edu.br Parte II: 2 Escp da Mecânica ds Fluids Mecânica ds fluids é estud de fluids em repus u em mviment. Ela tem sid tradicinalmente

Leia mais

a) Represente as demais forças que atuam na caixa e escreva quem exerce cada uma dessas forças. b) Calcule o módulo dessas forças.

a) Represente as demais forças que atuam na caixa e escreva quem exerce cada uma dessas forças. b) Calcule o módulo dessas forças. 1) Dois carros, A e B, em movimento retilíneo acelerado, cruzam um mesmo ponto em t = 0 s. Nesse instante, a velocidade v 0 de A é igual à metade da de B, e sua aceleração a corresponde ao dobro da de

Leia mais

TIPO DE PROVA: A. Questão 1. Questão 3. Questão 4. Questão 2. alternativa B. alternativa A. alternativa D. alternativa C

TIPO DE PROVA: A. Questão 1. Questão 3. Questão 4. Questão 2. alternativa B. alternativa A. alternativa D. alternativa C Questã TIPO DE PROVA: A Ds n aluns de uma escla, 0% têm 0% de descnt na mensalidade e 0% têm 0% de descnt na mesma mensalidade. Cas equivalente a esses descnts fsse distribuíd igualmente para cada um ds

Leia mais

11 O gráfico na figura descreve o movimento de um caminhão de coleta de lixo em uma rua reta e plana, durante 15s de trabalho.

11 O gráfico na figura descreve o movimento de um caminhão de coleta de lixo em uma rua reta e plana, durante 15s de trabalho. 11 O gráfico na figura descreve o movimento de um caminhão de coleta de lixo em uma rua reta e plana, durante 15s de trabalho. a) Calcule a distância total percorrida neste intervalo de tempo. b) Calcule

Leia mais

2. O gráfico abaixo representa a variação da velocidade de um móvel em função do tempo decorrido de movimento.

2. O gráfico abaixo representa a variação da velocidade de um móvel em função do tempo decorrido de movimento. Revisão ENEM 1. Duas bolas de dimensões desprezíveis se aproximam uma da outra, executando movimentos retilíneos e uniformes (veja a figura). Sabendo-se que as bolas possuem velocidades de 2m/s e 3m/s

Leia mais

Espelhos Esféricos (Método Analítico)

Espelhos Esféricos (Método Analítico) Espelhos Esféricos (Método Analítico) Espelhos Esféricos (Método Analítico) 1. Considere um espelho côncavo de aumento, com distância focal f = 1,0 m, usado para uma pessoa fazer a barba. Calcule a distância

Leia mais

PROCESSO DE INGRESSO NA UPE

PROCESSO DE INGRESSO NA UPE PROCESSO DE INGRESSO NA UPE FÍSICA 2º dia 1 FÍSICA VESTIBULAR Nas questões com respostas numéricas, considere π = 3,00 e o módulo da aceleração da gravidade como g = 10,0 m/s 2 1. Um tanque de uma refinaria

Leia mais

Questão 46. Questão 47. Questão 48. Questão 49. alternativa C. alternativa A. alternativa B

Questão 46. Questão 47. Questão 48. Questão 49. alternativa C. alternativa A. alternativa B Questão 46 Um ferreiro golpeia, com a marreta, uma lâmina de ferro, em ritmo uniforme, a cada 0,9 s. Um observador afastado desse ferreiro vê, com um binóculo, a marreta atingir o ferro e ouve o som das

Leia mais

matemática 2 Questão 7

matemática 2 Questão 7 Questã TIPO DE PROVA: A Na figura, a diferença entre as áreas ds quadrads ABCD e EFGC é 56. Se BE =,a área d triângul CDE vale: a) 8,5 b) 0,5 c),5 d),5 e) 6,5 pr semana. Eventuais aulas de refrç sã pagas

Leia mais

Prova de Questões Analítico-Discursivas FÍSICA

Prova de Questões Analítico-Discursivas FÍSICA 1 Um garoto lança horizontalmente uma bola, da altura de 80,0 cm, com a intenção de atingir um buraco situado a 0,0080 km do ponto de lançamento, conforme figura abaixo. Com qual velocidade inicial, em

Leia mais

Exercícios de Física Movimento Harmônico Simples - MHS

Exercícios de Física Movimento Harmônico Simples - MHS Exercícios de Física Movimento Harmônico Simples - MHS 1.Um movimento harmônico simples é descrito pela função x = 7 cos(4 t + ), em unidades de Sistema Internacional. Nesse movimento, a amplitude e o

Leia mais

Mecânica e Ondas. Docentes da disciplina: João Seixas e Mario J. Pinheiro MeMEC Departmento de Física e Instituto de Plasma e Fusão Nuclear,

Mecânica e Ondas. Docentes da disciplina: João Seixas e Mario J. Pinheiro MeMEC Departmento de Física e Instituto de Plasma e Fusão Nuclear, Mecânica e Ondas Série 5 Docentes da disciplina: João Seixas e Mario J. Pinheiro MeMEC Departmento de Física e Instituto de Plasma e Fusão Nuclear, Instituto Superior Técnico, Av. & 1049-001 Lisboa, Portugal

Leia mais