Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas"

Transcrição

1 Professor: Rui Morcela Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 8º Turma: A Nº Alunos: 20 Aula Nº: 11 e 12 Aula U.D. Nº: 7 e 8 de 10 Instalações: Pavilhão Data: Hora: 10h15min Duração: 75 minutos Unidade Didáctica: Basquetebol Sumário: Treino do domínio das tecnologias com os diferentes tipos de lançamento: Lançamento na passada, apoio e suspensão. Desmarcação, posição base defensiva e ressalto. Drible de protecção e drible de progressão. Jogo formal 5x5. Material: 10 bolas de basquetebol, 8 cones, apito, cronometro, 10 coletes, 4 tabelas de basquetebol. Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Tempo P T Chamada; Instrução sobre os conteúdos e objectivos a abordar no decorrer da aula; Alunos sentados na bancada do pavilhão. Explicação de regras específicas da modalidade. Alunos ouvem e prestão atenção à informação transmitida pelo professor 5 5

2 Aquecimento; Mobilização geral dos principais grupos musculares e articulações solicitados durante a actividade. Aquecimento: Jogo da bandeira: Turma dividida em 2 grupos de 10 alunos. O objectivo do jogo passa que cada equipa consiga roubar a bandeira da equipa adversária, tentando defender a sua bandeira. Quando se é tocado no campo adversário terá que permanecer imóvel até que o colega o salve. Critérios de êxito: Manutenção dos grupos; Correcta postura e execução dos movimentos; Definição de estratégias; Relação com os colegas; 7 5 Grupos: * Condicionantes: 1. Quando o Professor apitar todos os alunos terão que passar para o campo adversário. 2. Cada equipa terá 5 bolas de esponja que serve para matar o adversário. 3. Cada aluno poderá apenas rematar uma vez e tem que estar no campo adversário. Alunos posicionam-se em meia-lua e de frente para o professor. Mobilização articular e alongamentos: Cintura escapular, cintura pélvica, pulsos, joelhos e tornozelos. 12

3 Fase Principal Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Treino da relação e coordenação com os outros com recurso às tecnologias já diagnosticadas: Tipos de lançamento: - lançamento parado/apoio; - lançamento em suspensão; Recepção: - a um tempo - a dois tempos Posição base defensiva; Drible progressão; Drible protecção; Ressalto. Exercício 1 os alunos estão em grupos de 2 junto das tabelas efectuando o lançamento para cima, o outro colega efectua a recepção. O aluno que efectua o lançamento para cima de seguida fará oposição, posição base defensiva, para que o colega não consiga lançar ao cesto. Repete o exercício 5 vezes de seguida muda de aluno. Critérios de êxito: - a) Tempo P 16 T 12 Condicionantes: Feedback por parte do professor aos alunos devido a aspectos técnicos a melhorar. 1- Quando efectuar a recepção terá que apanhar a bola no ponto mais alto que conseguir. 2- A recepção é feita a um tempo. Ao sinal do Professor a recepção é feita a dois tempos. 3- Cada cesto vale 1 ponto. Terão que dar a contagem no final do exercício. 4- Quando der sinal trocam de pares. Feedback por parte do professor aos alunos devido a aspectos técnicos a melhorar. 28

4 28 Tipos de lançamento: - lançamento na passada; - lançamento parado/apoio; - lançamento em suspensão; Rotação sobre o pé eixo; Passe; - passe peito; - passe picado; Desmarcação; Recepção: - a um tempo; - a dois tempos; Ressalto. Exercício 2 Os alunos estão dispostos da seguinte maneira: Grupos: * 2 O exercício consiste o aluno na posição 3 efectua o passe picado ou passe de peito para a posição 1 e desmarca-se para a posição 2 ou 6, o jogador da posição 4 (atacante) recebe a bola efectuando a rotação sobre o pé eixo para que consiga efectuar o passe para o colega ficando assim situação de 2x1, o jogador na posição 5 efectua oposição passiva Critérios de êxito: - a) 20` Feedback por parte do professor aos alunos devido a aspectos técnicos a melhorar. Condicionantes: 1- O jogador na posição 5 apenas pode dar 1 passo depois de o atacante receber a bola. 48

5 Explicação de algumas regras básicas do Basquetebol. 2- O jogador na posição 4 não pode driblar. 3- Quem efectua o lançamento e o defesa terão que efectuar ressalto. Pausa para água Critérios de êxito: - a) 2 48 Tipos de lançamento: - lançamento na passada; - lançamento parado/apoio; - lançamento em suspensão; Rotação sobre o pé eixo; Passe; - passe peito; - passe picado; - passe ombro; Desmarcação; Recepção: - a um tempo; - a dois tempos; Ressalto. Drible: - drible protecção; - drible progressão. Feedback por parte do professor aos alunos devido a aspectos técnicos a melhorar. Exercício 3 - Situação de jogo formal 5x5. Condicionantes: Os alunos têm que alternar o passe nunca podendo efectuar duas vezes seguidas por exemplo passe de peito. Os alunos têm que alternar ao fazerem os lançamentos. A bola terá que passar por todos os alunos antes de ser lançada ao cesto. Só poderão efectuar drible ao sinal do Professor

6 Fase Final Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Tempo P T Retorno à calma; Alongamentos; Balanço da aula e considerações finais. Definição do funcionamento dos objectivos da próxima aula. Alunos dispersos em frente do professor fazem Mobilização articular e alongamentos: cintura escapular, cintura pélvica, joelhos e tornozelos. Os alunos realizam os alongamentos com empenho e com correcção. Os alunos ouvem o professor com atenção *Aquecimento e exercício 2 Grupos Bruno Mendes; Cristina; David Morais; David Teixeira; Diogo Sousa. - Guilherme, Inês, João Canário, João Machado, João Valente. - Luís, Marco, Mariana, Mário, Miguel. - Nuno, Ricardo, Rita, Simão, Sónia. a) Ver critérios de êxito em anexo

7 ANEXO: aula Critérios de êxito. Drible de progressão Tronco ligeiramente inclinado à frente; Contactar a bola com a mão aberta, dedos estendidos e afastados, o batimento através da flexão do pulso; Não olhar para a bola; Batimento da bola com os dedos em extensão e afastados; Pulso realiza um movimento de cima para baixo; Bola batida para a frente e ao nível da cintura; Correr mantendo o controlo e domínio da bola. Não se pode interromper o drible e iniciá-lo de novo; Drible de protecção Interposição da perna e braço contrário à mão que dribla entre a bola e o defensor; M.I flectidos para diminuir a altura do drible (mais estável); A bola toca o chão entre os pés do atacante; O pulso faz um movimento enérgico;

8 Passe de peito Bola à altura do peito, polegares na parte posterior da bola. Trajectória da bola tensa em direcção ao alvo; Rotação externa dos pulsos; Avanço de um dos apoios na direcção do passe Passe Picado: Partir da posição base ofensiva; Bola à altura do peito, dedos para cima, polegares na parte posterior da bola; Extensão dos M.S. na direcção do solo e para a frente; Rotação externa dos pulsos (terminar com as palmas das mãos viradas para fora e os polegares a apontar para dentro e para baixo); Avanço de um dos apoios na direcção do passe. Lançamento em Apoio/Lançamento parado Enquadrar com o cesto (olhar dirigido para o cesto); M.I. flectidos, com os pés à largura dos ombros, com o pé do lado da mão que lança ligeiramente avançado; Pega da bola: mão que lança colocada por baixo da bola com os dedos afastados e a apontar para cima; a outra mão colocada ligeiramente ao lado e à frente; Lançamento da bola por cima e à frente da cabeça; Flexão completa do pulso e dos dedos (provocando um efeito de back-spin na bola); Extensão total do corpo (pés, pernas, tronco e M.S.).

9 Lançamento na passada Lado direito 1º apoio com o pé direito, 2º apoio esquerdo, com elevação do joelho direito; Lado esquerdo 1º apoio com o pé esquerdo, 2º apoio direito, com elevação do joelho esquerdo; No lançamento na passada, após dirigirmos o olhar para a tabela, devemos executar o 1ºapoio, após paragem do drible ou recepção da bola e fazendo o 2ºapoio e impulsão com o outro pé. A bola deve sair da mão do jogador antes de ele chegar ao ponto mais alto do seu salto; Empurrar a bola para o cesto com a mão lançadora, tocando-lhe em último lugar com os dedos indicador e médio; Executar o movimento de forma contínua; Manter enquadramento do corpo com o cesto; Queda no solo em posição equilibrada; Lançamento em suspensão: Não exagerar a extensão do braço no final do movimento; A bola deve sair da mão do jogador antes de ele chegar ao ponto mais alto do seu salto; Flexão do pulso da mão lançadora; Extensão dos M.I.; O M.S. lançador deve manter-se estendido após o lançamento; Mão, cotovelo e ombro do M.S. que lança, devem estar alinhados com o cesto; Queda no solo em posição equilibrada; Queda no mesmo ponto onde foi feita a impulsão. Recepção Corpo ligeiramente flectido e olhar dirigido para a bola; M.S. em extensão para a frente, com a palma das mãos viradas para a bola;

10 Dedos afastados em extensão; Recepção da bola com flexão dos M.S.; Deslocamento de um apoio para trás, no momento em que os M.S. iniciam o movimento de flexão. Desmarcação: Criar linhas de passe, para receber a bola; Ocupar espaços livres da marcação adversária.

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Mário Santos Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 9º Turma: A Nº Alunos: 21 Aula Nº: 11 e 12 Aula U.D. Nº: 7 e 8 de 10 Instalações: Pavilhão Data: 13-10-2009 Hora: 12h15min Duração: 75 minutos Unidade

Leia mais

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Mário Santos Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 8º Turma: A Nº Alunos: 20 Aula Nº: 1 e 2 Aula U.D. Nº: 1 e 2 de 3 Instalações: Pavilhão Data: 13-04-2010 Hora: 10h20min Duração: 75 minutos Unidade Didáctica:

Leia mais

Anexo 40. Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Anexo 40. Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Carmelinda Vieira / Rui Morcela Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 7º Turma: B Nº Alunos: 20 Aula Nº: 60 Aula U.D. Nº: 1 de 3 Instalações: Pavilhão Data: 12-04-2010 Hora: 12h00m Duração: 35 minutos Unidade

Leia mais

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Rui Morcela Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 8º Turma: A Nº Alunos: 20 Aula Nº: 81 Aula U.D. Nº: 3 de 6 Instalações: Pavilhão Data: 14-05-2010 Hora: 9h20m Duração: 35 minutos Unidade Didáctica: Ginástica

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE Informação - Prova de Equivalência à Frequência 2º Ciclo do Ensino Básico 2015 Alunos com Necessidades Educativas Especiais Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 julho Aprovado

Leia mais

UNIDADE DIDÁCTICA DE BASQUETEBOL

UNIDADE DIDÁCTICA DE BASQUETEBOL ESCOLA BÁSICA DO 2º E 3º CICLOS MARQUÊS DE POMBAL EDUCAÇÃO FÍSICA UNIDADE DIDÁCTICA DE BASQUETEBOL DOCUMENTO DE APOIO 6º ANO CARACTERIZAÇÃO DA MODALIDADE O basquetebol é um jogo desportivo colectivo, pr

Leia mais

Aula Teórica. Prof. Cláudio Gomes

Aula Teórica. Prof. Cláudio Gomes Aula Teórica História do Basquetebol Em 1891, o director da secção de Educação Física do Springfield College (USA), pediu o Professor James Naismith para criar um actividade que satisfizesse o interesse

Leia mais

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Rui Morcela Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 8º Turma: A Nº Alunos: 20 Aula Nº: 60 Aula U.D. Nº: 3 de 8 Instalações: Pavilhão Data: 12-03-2010 Hora: 9h20m Duração: 35 minutos Unidade Didáctica: Ginástica

Leia mais

Grupo I Voleibol (25 pontos)

Grupo I Voleibol (25 pontos) Agrupamento de Escolas Dr. Vieira de Carvalho PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DO 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO 2014 1ª FASE PROVA DE EDUCAÇÃO FÍSICA Duração da prova: 45 minutos --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE BENAVENTE Informação Prova de Equivalência à Frequência Prática 3º Ciclo do Ensino Básico 2014/2015 Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 julho Aprovado em Conselho Pedagógico de 06

Leia mais

O voleibol é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cujo objectivo é

O voleibol é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cujo objectivo é Caracterização do O voleibol é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cujo objectivo é enviar a bola por cima da rede, fazendo-a cair no campo adversário e evitando que ela caia no nosso

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA FERNANDO NAMORA 2014/2015

ESCOLA SECUNDÁRIA FERNANDO NAMORA 2014/2015 Parte Introdutória ESCOLA SECUNDÁRIA FERNANDO NAMORA 2014/2015 Etapa: 3ª Etapa Unidade de Ensino:10ª UE Aula nº: 64-65,66 Professor: Bernardo Tavares Data: 13/04/2015 + 16/04/2015 Turma: 7 Nº previsto

Leia mais

Coopera com os companheiros Aceita opções e falhas dos seus colegas Respeita companheiros e adversários Conhece Jogo: objectivo e regras

Coopera com os companheiros Aceita opções e falhas dos seus colegas Respeita companheiros e adversários Conhece Jogo: objectivo e regras Jogo 7x7 Jogo 5x5 FUTEBOL Coopera com os companheiros Aceita opções e falhas dos seus colegas Respeita companheiros e adversários Conhece Jogo: objectivo e regras Recepção e controlo Enquadar ofensivamente

Leia mais

Agrupamento de Escolas da Amadora 3 ESCOLA SECUNDÁRIA FERNANDO NAMORA 2014/2015. Plano de aula

Agrupamento de Escolas da Amadora 3 ESCOLA SECUNDÁRIA FERNANDO NAMORA 2014/2015. Plano de aula Parte Introdutória Plano de aula Etapa: 4ª Etapa Unidade de Ensino: 12ª UE Aula nº: 53 e 54 Ana Lares Data: 11/05/2015 14/05/2015 Turma: 7ºano Duração da aula: 45 90 Nº previsto de alunos: 28 Material:

Leia mais

EB 2,3 MARTIM DE FREITAS EDUCAÇÃO FÍSICA 2011/2012 2º CICLO NÍVEIS INTRODUTÓRIO, ELEMENTAR E AVANÇADO. JOGOS PRÉ DESPORTIVOS (excepto Raquetes) 5º Ano

EB 2,3 MARTIM DE FREITAS EDUCAÇÃO FÍSICA 2011/2012 2º CICLO NÍVEIS INTRODUTÓRIO, ELEMENTAR E AVANÇADO. JOGOS PRÉ DESPORTIVOS (excepto Raquetes) 5º Ano EB 2,3 MARTIM DE FREITAS EDUCAÇÃO FÍSICA 2011/2012 2º CICLO NÍVEIS INTRODUTÓRIO, ELEMENTAR E AVANÇADO JOGOS PRÉ DESPORTIVOS (excepto Raquetes) 5º Ano 1. Se tem a bola, passar a um companheiro liberto 2.

Leia mais

Escola Secundária de Alfredo dos Reis Silveira

Escola Secundária de Alfredo dos Reis Silveira Escola Secundária de Alfredo dos Reis Silveira UNIDADE DIDÁCTICA DE BADMINTON NÚCLEO DE ESTÁGIO 2001/2002 CRISTÓVÃO SILVA RUI VIEIRA ÍNDICE ÍNDICE... 1 INTRODUÇÃO... 2 NOTA METODOLÓGICA... 3 DEFINIÇÃO

Leia mais

GINÁSTICA DE APARELHOS

GINÁSTICA DE APARELHOS GINÁSTICA DE APARELHOS Plinto O plinto é um aparelho utilizado para a realização de saltos tanto na posição transversal como longitudinal. Segurança: Deve-se verificar se a distância do trampolim ao aparelho

Leia mais

COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LECTIVO 2015/2016 DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DISCIPLINA:EDUCAÇÃO FÍSICA 8º ANO COMPETÊNCIAS/CONTEÚDOS

COLÉGIO DE SANTA DOROTEIA LISBOA ANO LECTIVO 2015/2016 DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DISCIPLINA:EDUCAÇÃO FÍSICA 8º ANO COMPETÊNCIAS/CONTEÚDOS DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA DISCIPLINA:EDUCAÇÃO FÍSICA 8º ANO COMPETÊNCIAS/CONTEÚDOS 2º PERÍODO Competências a desenvolver Conteúdos Aulas previstas Cooperar com os companheiros para o alcance do objectivo

Leia mais

2.1. História da Modalidade

2.1. História da Modalidade 2.1. História da Modalidade II. Unidade Didáctica de Basquetebol O Basquetebol, considerado um dos desportos mais praticados em todo o mundo, foi criado em Dezembro de 1891, na Universidade de Springfield

Leia mais

PI Instrução inicial: Exercícios/ Objectivos

PI Instrução inicial: Exercícios/ Objectivos 5º Unidade de Ensino 21.01 a 15.02 10 Aulas Professor Estagiário: João Santos Turma: 7º B Objectivos : Gestão rotinas organizativas; Desenvolvimento competências de instrução e questionamento; Garantir

Leia mais

Corfebol. Sinais dos Árbitros

Corfebol. Sinais dos Árbitros Corfebol Sinais dos Árbitros 2006 Este livro deve ser considerado um apêndice às Regras de Corfebol. Contém os sinais aprovados para serem utilizados pelos Árbitros de Corfebol. Todos os sinais devem ser

Leia mais

INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Educação Física 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO

INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Educação Física 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO INFORMAÇÃO - PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Educação Física 2º CICLO DO ENSINO BÁSICO - 2017 O presente documento visa divulgar as caraterísticas da prova de equivalência à frequência do 2 º ciclo

Leia mais

LANÇAMENTO DO PESO Técnica Rectilínea Sequência Completa

LANÇAMENTO DO PESO Técnica Rectilínea Sequência Completa LANÇAMENTO DO PESO Técnica Rectilínea Sequência Completa PREPARATION GLIDE DELIVERY RECOVERY DESCRIÇÃO DAS VÁRIAS FASES A Técnica Rectilínea do Lançamento do Peso está dividida nas seguintes fases:,, e.

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS Agrupamento de Escolas Elias Garcia Departamento de Expressões Secção de Educação Física CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 7º ANO ATIVIDADES FÍSICAS CRITÉRIO 4 VOLEIBOL (PARTE DO NÍVEL ELEMENTAR 7º ANO) - Elementar

Leia mais

Planificação Anual Departamento Expressões e Tecnologias

Planificação Anual Departamento Expressões e Tecnologias Modelo Dep-01 Agrupamento de Escolas do Castêlo da Maia Planificação Anual Departamento Expressões e Tecnologias Ano: 6º ano Ano letivo: 201.2014 Disciplina: Educação Física Turmas: A, B, C, D, E, F, G,

Leia mais

ANDEBOL. Nível Introdutório

ANDEBOL. Nível Introdutório Nível ANDEBOL Nível Não Com posse de bola: Desmarca-se, oferecendo linha de passe. Opta por passe, ou por drible em progressão para finalizar. Finaliza em remate em salto. Perde a posse de bola, assume

Leia mais

BADMINTON. no Desporto Escolar - Iniciação ao Treino

BADMINTON. no Desporto Escolar - Iniciação ao Treino BADMINTON no Desporto Escolar - Iniciação ao Treino B DMINTON REGULAMENTOS CAMPO SINGULARES 1 Linha de serviço longo de singulares ou linha de fundo 2 Linha lateral de singulares 4 Linha de serviço curto

Leia mais

Escola Secundária Braamcamp Freire - Pontinha 2012/2013

Escola Secundária Braamcamp Freire - Pontinha 2012/2013 Plano de Aula Professor: Sandra Cintrão Gonçalves Turma: 7º 2ª Espaço: SG Data: 15/11/2012 Dia: quinta-feira Hora: 8h15 Duração: 90min Nº Aula: 24,25 Unidade Ensino: Etapa: 1 Matérias Abordadas: Ginástica

Leia mais

INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE EDUCAÇÃO FÍSICA

INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE EDUCAÇÃO FÍSICA INFORMAÇÃO-PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 3º CICLO DO ENSINO BÁSICO PROVA 26 / 2017 (Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho) O presente documento divulga informação relativa à prova

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE S. PEDRO DA COVA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE S. PEDRO DA COVA ESCOLA SECUNDÁRIA DE S. PEDRO DA COVA INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA DE EDUCAÇÃO FÍSICA PROVA 26 / 2015 ---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Leia mais

3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 17/2016, de 4 de abril)

3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 17/2016, de 4 de abril) INFORMAÇÃO PROVA DE EQUIVALÊNCIA À FREQUÊNCIA Educação Física 2016 Prova 26 / 2016 1ª e 2ª fase 3.º Ciclo do Ensino Básico (Decreto-Lei nº 17/2016, de 4 de abril) O presente documento divulga informação

Leia mais

Planificação Anual Departamento Expressões e Tecnologias

Planificação Anual Departamento Expressões e Tecnologias Modelo Dep-01 Agrupamento de Escolas do Castêlo da Maia Planificação Anual Departamento Expressões e Tecnologias Ano: 5º ano Ano letivo: 201.201 Disciplina: Educação Física Turmas: A, B, C, D, E, F, G,

Leia mais

UNIDADE DIDÁCTICA DE ANDEBOL

UNIDADE DIDÁCTICA DE ANDEBOL ESCOLA BÁSICA DO 2º E 3º CICLOS MARQUÊS DE POMBAL EDUCAÇÃO FÍSICA UNIDADE DIDÁCTICA DE ANDEBOL DOCUMENTO DE APOIO 9º ANO BREVE HISTÓRIA DA MODALIDADE O Andebol era já um jogo bastante difundido na Alemanha

Leia mais

CONTEÚDOS TÉCNICOS E TÁCTICOS DOS ESCALÕES DE FORMAÇÃO

CONTEÚDOS TÉCNICOS E TÁCTICOS DOS ESCALÕES DE FORMAÇÃO CONTEÚDOS TÉCNICOS E TÁCTICOS DOS ESCALÕES DE FORMAÇÃO Técnico/táctica individual ofensiva com e sem bola (procedimentos gerais) a) Os aspectos da técnica e táctica ofensiva prevalecem sobre os defensivos

Leia mais

PERFIL DE APRENDIZAGENS ESPECÍFICAS Educação Física 5.º ano

PERFIL DE APRENDIZAGENS ESPECÍFICAS Educação Física 5.º ano Jogos Pré-Desportivos Educação Física 5.º ano Conhecer o objetivo do jogo, o funcionamento e as regras do jogo. Jogos sem bola: Em situação de ataque cria oportunidades com superioridade numérica para

Leia mais

Protocolo de Avaliação Inicial. Educação Física

Protocolo de Avaliação Inicial. Educação Física Protocolo de Avaliação Inicial Educação Física ÁREA DAS ACTIVIDADE FÍSICAS 1- JOGOS DESPORTIVOS COLECTIVOS 1.1. FUTEBOL. Jogo reduzido 5x5 (4+GR; 2 balizas) ou 4x4 (3+GR; 2 balizas). Critérios de êxito:

Leia mais

Unidade didática de Basquetebol Objetivos gerais do Basquetebol

Unidade didática de Basquetebol Objetivos gerais do Basquetebol Livro do Professor 117 Unidade didática de Basquetebol Objetivos gerais do Basquetebol Cooperar com os companheiros no objetivo do Basquebol, desempenhando com oportunidade e correção as ações solicitadas

Leia mais

Unidade didática do Andebol Objetivos gerais do Andebol

Unidade didática do Andebol Objetivos gerais do Andebol 126 Recursos do Professor Unidade didática do Andebol Objetivos gerais do Andebol Cooperar com os companheiros no alcance do objetivo do Andebol, desempenhando com oportunidade e correção as ações solicitadas

Leia mais

PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA - 3º CICLO

PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA - 3º CICLO AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE MARTIM DE FREITAS ESCOLA BÁSICA 2/3 MARTIM DE FREITAS Ano letivo 2016/2017 PLANIFICAÇÃO DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA - 3º CICLO Ano/Turma 7º/8º/9º Período N.º aulas previstas

Leia mais

I - DISTRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS E RESPECTIVA CARGA HORÁRIA PARA DESENVOLVIMENTO DOS 10 BLOCOS DE ACTIVIDADES 8.º ANO. 3º 3-7 Jan Dez Jan-

I - DISTRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS E RESPECTIVA CARGA HORÁRIA PARA DESENVOLVIMENTO DOS 10 BLOCOS DE ACTIVIDADES 8.º ANO. 3º 3-7 Jan Dez Jan- I - DISTRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS E RESPECTIVA CARGA HORÁRIA PARA DESENVOLVIMENTO DOS 10 BLOCOS DE ACTIVIDADES 8.º ANO DOCENTE 8.º ANO 1 Blocos Av. Inic. 19Set-21 Out Sequência de Espaços por Docentes/Turmas

Leia mais

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação Planificação Anual Professor: Gonçalo Barradas Disciplina: Educação Física Ano: 5º Turma: A Ano letivo: 204-2015 Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação Cooperar com os companheiros

Leia mais

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada

Fase Preparatória Objectivos Operacionais Estratégias / Organização Objectivos comportamentais / Componentes críticas Chamada Professor: Rui Morcela Ano Lectivo: 2009/10 Ano: 8º Turma: A Nº Alunos: 20 Aula Nº: 58 e 59 Aula U.D. Nº: 1 e 2 de 8 Instalações: Pavilhão Data: 9-3-2010 Hora: 10h20m Duração: 75 minutos Unidade Didáctica:

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA

ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA ESCOLA SECUNDÁRIA DE ANADIA Bateria de Exercícios Andebol NÚCLEO DE ESTÁGIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA 2000.200 ANDEBOL BATERIA DE EXERCÍCIOS Este documento pretende acima de tudo fornecer ao professor uma quantidade

Leia mais

UNIDADE DIDÁCTICA DE ATLETISMO

UNIDADE DIDÁCTICA DE ATLETISMO NOTA: Com a apresentação deste texto, da autoria e responsabilidade do Director Técnico Regional (professor José Costa) pretende-se contribuir para auxiliar os professores com maiores dificuldades de Planificação

Leia mais

Exercícios para a activação geral e o retorno à calma

Exercícios para a activação geral e o retorno à calma Anexo III Exercícios para a activação geral e o retorno à calma Mobilização da articulação do ombro 1 Objectivos: Aumentar a amplitude da mobilização dos ombros e parte superior Modo de execução: na posição

Leia mais

Planificação Detalhada Anual : 8º Ano Educação Física

Planificação Detalhada Anual : 8º Ano Educação Física Planificação Detalhada Anual : 8º Ano Educação Física DOMÍNIO/TEMA Aptidão SUB TEMA (Conteúdos) Resistência Força Velocidade Flexibilidade Coordenação Equilíbrio OBJETIVOS GERAIS Elevar o nível funcional

Leia mais

Documento de Apoio de Atletismo

Documento de Apoio de Atletismo Documento de Apoio de Atletismo Foi na antiga Grécia, onde as actividades atléticas tinham particular relevância na educação, que o Atletismo surgiu como uma modalidade desportiva, que era objecto de competição,

Leia mais

ESCOLA: Escola Básica 2,3 D. Miguel de Almeida DISCIPLINA: Educação Física ANO: 6.º ANO LETIVO 2013/2014

ESCOLA: Escola Básica 2,3 D. Miguel de Almeida DISCIPLINA: Educação Física ANO: 6.º ANO LETIVO 2013/2014 ENSINO BÁSICO Agrupamento de Escolas Nº de Abrantes ESCOLA: Escola Básica, D. Miguel de Almeida DISCIPLINA: Educação Física ANO:.º ANO LETIVO 0/0 METAS DE APRENDIZAGEM: Domínio da Aptidão Física (EDF00);

Leia mais

Badminton. Badminton

Badminton. Badminton Badminton Badminton Badmínton História da Modalidade Atualmente, acredita-se que o jogo da poona, de origem indiana e trazido para a Europa pelos oficiais ingleses, esteja na origem do badmínton. Em 1873,

Leia mais

Documento de Apoio de Andebol

Documento de Apoio de Andebol Documento de Apoio de Andebol Caracterização da Modalidade O andebol distingue-se pelas suas variadas acções que vão desde as corridas, aos arranques, às paragens, aos saltos de diversas formas e à combinação

Leia mais

Basquetebol. Objetivo O objetivo do jogo é introduzir a bola no cesto do adversário e evitar que a outra equipa marque pontos. Material.

Basquetebol. Objetivo O objetivo do jogo é introduzir a bola no cesto do adversário e evitar que a outra equipa marque pontos. Material. Origem e Regras Origem A descoberta do basquetebol, enquanto modalidade, teve lugar em Massachussets, em 1891. O seu inventor foi James Naismith, professor de anatomia da School for Christian Workers (hoje

Leia mais

352)(6625 5(1$72 2/,9(,5$ Documento da Modalidade BADMINTON ',6&,3/,1$ '( EDUCAÇÃO FÍSICA

352)(6625 5(1$72 2/,9(,5$ Documento da Modalidade BADMINTON ',6&,3/,1$ '( EDUCAÇÃO FÍSICA Documento da Modalidade BADMINTON EDUCAÇÃO FÍSICA COMPONENTE TÉCNICA 1. POSIÇÃO FUNDAMENTAL Esta posição, também denominada de posição básica, coloca o jogador numa posição de espera dinâmica que lhe permite

Leia mais

Informação - Prova de Equivalência à Frequência de. Educação Física. Ano Letivo 2016/2017 Código da Prova: 26

Informação - Prova de Equivalência à Frequência de. Educação Física. Ano Letivo 2016/2017 Código da Prova: 26 Informação - Prova de Equivalência à Frequência de Educação Física Ano Letivo 2016/2017 Código da Prova: 26 3º Ciclo do Ensino Básico Tipo de Prova: Escrita e prática 1. Objeto de avaliação O presente

Leia mais

Educação Física! Agrupamento de Escolas Martim de Freitas! Francisco Pinto

Educação Física! Agrupamento de Escolas Martim de Freitas! Francisco Pinto ì Educação Física! Agrupamento de Escolas Martim de Freitas! Francisco Pinto Caraterização! O que é o Basquetebol? O Basquetebol é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cujos objectivos

Leia mais

Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos Educação Física - CEF 2º ano Ano letivo

Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos Educação Física - CEF 2º ano Ano letivo Escola Básica da Madalena Grelha de Conteúdos Educação Física - 2º ano Ano letivo 2012 2013 1º PERIODO Testes de Condição Física Avaliação da velocidade, flexibilidade, força muscular, agilidade e medidas

Leia mais

Prof. Est.: Patrícia Sousa Ano / Turma: 9ºD Nº de alunos: 19 (15masc.+4fem.) Aula Nº: 46 e 47 Data: 14/01/2011 U. Didáctica: Ginástica solo/aparelhos

Prof. Est.: Patrícia Sousa Ano / Turma: 9ºD Nº de alunos: 19 (15masc.+4fem.) Aula Nº: 46 e 47 Data: 14/01/2011 U. Didáctica: Ginástica solo/aparelhos 1 Plano de Aula Prof. Est.: Patrícia Sousa Ano / Turma: 9ºD Nº de alunos: 19 (15masc.+4fem.) Hora: 10:20h 11h50 Duração: 90 (72 ) Espaço: Salão Aula Nº: 46 e 47 Data: 14/01/2011 U. Didáctica: Ginástica

Leia mais

Lançamento Dardo e do Disco

Lançamento Dardo e do Disco Lançamento Dardo e do Disco Trabalho elaborado por: -Diana Isabel nº2 -Marina Gomes nº10 10ºD 2013/2014 Lançamento Do Dardo O que é? Lançamento de dardo é uma modalidade do atletismo na qual o atleta lança

Leia mais

Basquetebol. Educação Física 9º B. Escola EB 2/3 Júlio Dinis 2011/2012. Núcleo de Estágio de Educação Física e Desporto Sandra Barbosa

Basquetebol. Educação Física 9º B. Escola EB 2/3 Júlio Dinis 2011/2012. Núcleo de Estágio de Educação Física e Desporto Sandra Barbosa Educação Física 9º B Escola EB 2/3 Júlio Dinis 2011/2012 Núcleo de Estágio de Educação Física e Desporto Sandra Barbosa ÍNDICE INTRODUÇÃO... 4 1- CARACTERIZAÇÃO DA MODALIDADE... 5 REGULAMENTO... 5 CAMPO...

Leia mais

Miguel Baracho Plano de Unidade de Ensino 7 10º ano Turma 3

Miguel Baracho Plano de Unidade de Ensino 7 10º ano Turma 3 Miguel Baracho Plano de Unidade de Ensino 7 10º ano Turma 3 Objetivos Andebol: Remate em salto e organização ofensiva com compensação ofensiva, largura e profundidade 4x4. Badminton: Deslocam-se mantendo

Leia mais

Escola Secundária D.Pedro V. Ginástica de Solo. Ana Abel 06/04/13

Escola Secundária D.Pedro V. Ginástica de Solo. Ana Abel 06/04/13 Escola Secundária D.Pedro V Ginástica de Solo Ana Abel 06/04/13 Introdução Este trabalho sobre ginástica é um elemento de avaliação das disciplinas de Educação Física e Prática de Actividades Físicas e

Leia mais

I - DISTRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS E RESPECTIVA CARGA HORÁRIA PARA DESENVOLVIMENTO DOS 10 BLOCOS DE ACTIVIDADES 7.º ANO

I - DISTRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS E RESPECTIVA CARGA HORÁRIA PARA DESENVOLVIMENTO DOS 10 BLOCOS DE ACTIVIDADES 7.º ANO I - DISTRIBUIÇÃO DE ESPAÇOS E RESPECTIVA CARGA HORÁRIA PARA DESENVOLVIMENTO DOS 10 BLOCOS DE ACTIVIDADES 7.º ANO DOCENTE 7.º ANO 1 Sequência de Espaços por Docentes/Turmas e Estimativa de Carga Horária

Leia mais

Ficha de observação de aulas leccionadas Educação Física. Ano lectivo 2009/2010

Ficha de observação de aulas leccionadas Educação Física. Ano lectivo 2009/2010 Anexo VII ESCOLA SECUNDÁRIA CAMPOS MELO GRUPO DE EDUCAÇÃO FÍSICA Ficha de observação de aulas leccionadas Educação Física Ano: Turma: Prof. : Ano lectivo 2009/2010 Data: Unidade Didáctica: Comportamentos

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 11º ANO 12º ANO

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 11º ANO 12º ANO CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 11º ANO e 12º ANO JOGOS DESPORTIVOS COLECTIVOS (11.º ano e 12.º ano) ACÇÕES PSICO-MOTORAS Futebol Voleibol Basquetebol Andebol Em situação de jogo 4x4 ou 5x5 - Enquadra-se ofensivamente

Leia mais

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. pequena organização. - Exercitação massiva e alternada

Planificação Anual. Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação. pequena organização. - Exercitação massiva e alternada Planificação Anual Professor: Joaquim Costa Disciplina: Educação Física Ano: 6º Turma: B Ano letivo: 2014-2015 Competências Aprendizagens Atividades/Estratégias Avaliação Cooperar com os companheiros na

Leia mais

Planificação Detalhada Anual : 9º Ano Educação Física. Ao longo do ano* Testes Fitnessgram (opcional)

Planificação Detalhada Anual : 9º Ano Educação Física. Ao longo do ano* Testes Fitnessgram (opcional) DOMÍNIO/TEMA: Atletismo DOMÍNIO/TEMA Aptidão físicas Direção de Serviços da Região Norte Planificação Detalhada Anual : 9º Ano Educação Física Resistência Força Velocidade Flexibilidade Coordenação Equilíbrio

Leia mais

Bateria de Exercícios

Bateria de Exercícios Bateria de Exercícios 2010/2011 Índice 1. RELAÇÃO CORPOR/VOLANTE... 4 1.1 O volante pingo de chuva I :... 4 1.2 O volante pingo de chuva II... 4 2. RELAÇÃO COM O OUTRO/PERCEPÇÃO DAS TRAJECTÓRIAS... 4 2.1

Leia mais

UNIDADE DIDÁCTICA DE FUTSAL

UNIDADE DIDÁCTICA DE FUTSAL ESCOLA BÁSICA DO 2º E 3º CICLOS MARQUÊS DE POMBAL EDUCAÇÃO FÍSICA UNIDADE DIDÁCTICA DE FUTSAL DOCUMENTO DE APOIO 7º ANO BREVE HISTÓRIA DA MODALIDADE O Futsal surge no final do século XX, na década de 90,

Leia mais

2012/13 ESCOLA SECUNDÁRIA DA LOUSÃ CORFEBOL DOCUMENTO DE APOIO CARLOS QUARESMA

2012/13 ESCOLA SECUNDÁRIA DA LOUSÃ CORFEBOL DOCUMENTO DE APOIO CARLOS QUARESMA 2012/13 ESCOLA SECUNDÁRIA DA LOUSÃ CORFEBOL DOCUMENTO DE APOIO CARLOS QUARESMA ÁREA CURRICULAR DE EDUCAÇÃO FÍSICA CURSO FORMAÇÃO PROFISSIONAL Sebenta de CORFEBOL Documento de Apoio 1 Índice História Regras

Leia mais

Escola Secundária Campos Melo Plano de aula Professor Carlos Carvalho Disciplina Educação Física Unidade Didáctica

Escola Secundária Campos Melo Plano de aula Professor Carlos Carvalho Disciplina Educação Física Unidade Didáctica Anexo V Escola Secundária Campos Melo Plano de aula Professor Carlos Carvalho Disciplina Educação Física Unidade Didáctica Aula Número 8 Voleibol Local Pavilhão Data 1//2009 Hora : 11:40 Duração 90 minutos

Leia mais

Agrupamento de Escolas Eng. Fernando Pinto de Oliveira FUTEBOL (DE 11)

Agrupamento de Escolas Eng. Fernando Pinto de Oliveira FUTEBOL (DE 11) Agrupamento de Escolas Eng. Fernando Pinto de Oliveira Ano Letivo 2016/2017 FUTEBOL (DE 11) O QUE É O FUTEBOL? É um jogo desportivo coletivo praticado por duas equipas de 11 jogadores. O jogo é dirigido

Leia mais

DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 5.º Ano

DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 5.º Ano 1. COMPETÊNCIAS ESSENCIAIS DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA 5.º Ano COMPETÊNCIAS GERAIS CG2. Usar adequadamente linguagens das diferentes áreas do saber cultural, científico e tecnológico para se expressar.

Leia mais

CONTEÚDOS ANO DE ESCOLARIDADE 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º

CONTEÚDOS ANO DE ESCOLARIDADE 5º 6º 7º 8º 9º 10º 11º 12º PROGRAMÁTICOS DE EDUCAÇÃO FÍSICA 2016-17 Capacidades Condicionais e Coordenativas Gerais Resistência Geral; Força Resistente; Força Rápida; Força Rápida; Velocidade de Reação Simples e Complexa; Velocidade

Leia mais

modalidade Basquetebol

modalidade Basquetebol modalidade Basquetebol Documento de apoio às aulas de Educação Física Criado em: 2017/Maio/19 Atualizado em: 2017/Maio/19 ref: Documento_de_apoio_n10_Basquetebol Basquetebol "Em 1891, na cidade de Springfield,

Leia mais

O que é Defesa Pessoal?

O que é Defesa Pessoal? DEFESA PESSOAL O que é Defesa Pessoal? Habilitação de tácticas e técnicas sistematizadas e acessíveis a qualquer pessoa pelo treino, dotando-a de mecanismos necessários e suficientes a parar qualquer acção

Leia mais

DOCUMENTO DE APOIO Educação Física MODALIDADE Atletismo Grupo de Educação Física

DOCUMENTO DE APOIO Educação Física MODALIDADE Atletismo Grupo de Educação Física AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE FIGUEIRÓ DOS VINHOS DOCUMENTO DE APOIO Educação Física MODALIDADE Atletismo 1. DISCIPLINAS Podemos dividir as várias disciplinas em três grupos fundamentais: as corridas, os concursos

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. ENSINO SECUNDÁRIO DISCIPLINA: Educação Física ANO: 11º ANO LETIVO 2011/2012

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. ENSINO SECUNDÁRIO DISCIPLINA: Educação Física ANO: 11º ANO LETIVO 2011/2012 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ENSINO SECUNDÁRIO DISCIPLINA: Educação Física ANO: 11º ANO LETIVO 2011/2012 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS

Leia mais

PREVINA OU ELIMINE A BARRIGA

PREVINA OU ELIMINE A BARRIGA PREVINA OU ELIMINE A BARRIGA OS EXERCÍCIOS ABDOMINAIS APRESENTADOS ABAIXO ESTÃO DIVIDIDOS DE ACORDOS COM SEU GRAU DE DIFICULDADE, ESTANDO CLASSIFICADOS COMO: EXERCÍCIOS LEVES EXERCÍCIOS INTERMEDIÁRIOS

Leia mais

Componentes Técnicas. Fig. 1 Tabela de Basquetebol. Fig. 2 Campo de Basquetebol

Componentes Técnicas. Fig. 1 Tabela de Basquetebol. Fig. 2 Campo de Basquetebol BASQUETEBOL Componentes Técnicas O Basquetebol é um jogo desportivo colectivo praticado por duas equipas, cujo objectivo é introduzir a bola no cesto da equipa adversária (marcando pontos) e, simultaneamente,

Leia mais

Exercícios para Aperfeiçoamento da Defesa Individual Homem-a-Homem

Exercícios para Aperfeiçoamento da Defesa Individual Homem-a-Homem Exercícios para Aperfeiçoamento da Defesa Individual Homem-a-Homem Pressionar a bola torna o drible e o passe mais difíceis, e aumenta as chances de ocorrer um erro do ataque. O objectivo principal é impedir

Leia mais

Duração da Prova: 60 minutos com 30 minutos de tolerância. EXEMPLO

Duração da Prova: 60 minutos com 30 minutos de tolerância. EXEMPLO Prova de Aferição de Expressões Físico-Motoras Prova 28 2.º Ano de Escolaridade 2017 Decreto-Lei n.º 17/2016, de 4 de abril Guião da Prova Duração da Prova: 60 minutos com 30 minutos de tolerância. 8 Páginas

Leia mais

2012 / Programa Nestum Rugby nas Escolas. Introdução ao Tag-Rugby e ao Bitoque

2012 / Programa Nestum Rugby nas Escolas. Introdução ao Tag-Rugby e ao Bitoque 2012 / 2013 Programa Nestum Rugby nas Escolas Introdução ao Tag-Rugby e ao Bitoque Introdução O que é o TAG RUGBY? O Tag Rugby é usado como uma alternativa de ensino do rugby de XV nas escolas, ou como

Leia mais

Miguel Baracho Plano de Unidade de Ensino 10º ano Turma 3

Miguel Baracho Plano de Unidade de Ensino 10º ano Turma 3 Miguel Baracho Plano de Unidade de Ensino 10º ano Turma 3 Objetivos Dança: Consolidar a Erva cidreira e o Sariquité. Introduzir a Rumba e o Regadinho. Ginástica de aparelhos: Atingir as competências do

Leia mais

Ação de Formação para Treinadores organizada pela Associação de Basquetebol do Porto. Guifões 21/05/2012. Conceitos defensivos a desenvolver nos S14

Ação de Formação para Treinadores organizada pela Associação de Basquetebol do Porto. Guifões 21/05/2012. Conceitos defensivos a desenvolver nos S14 Ação de Formação para Treinadores organizada pela Associação de Basquetebol do Porto Guifões 21/05/2012 Introdução: Os jogadores Conceitos defensivos a desenvolver nos S14 Os nossos jogadores sabem cada

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 10º ANO. Grupo Disciplinar de Educação Física

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 10º ANO. Grupo Disciplinar de Educação Física CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS 10º ANO Grupo Disciplinar de Educação Física JOGOS DESPORTIVOS COLECTIVOS Futebol Voleibol Basquetebol Andebol Em situação de jogo 4x4 ou 5x5 - Enquadra-se ofensivamente e realiza

Leia mais

Voleibol Atual Técnicas e Fundamentos do jogo. Percy Oncken

Voleibol Atual Técnicas e Fundamentos do jogo. Percy Oncken Voleibol Atual Técnicas e Fundamentos do jogo. Percy Oncken TÉCNICO CBV SAQUE POR CIMA - Sem SALTO Saque sem salto 1 a ensinar; Técnica geral será utilizada, nos saques com salto TRANSFERÊNCIA. POSTURA

Leia mais

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO 2º CEB 5º ANO DE ESCOLARIDADE

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO 2º CEB 5º ANO DE ESCOLARIDADE CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS DA DISCIPLINA DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO 2º CEB 5º ANO DE ESCOLARIDADE Os conteúdos lecionados no 1º, 2º e 3º períodos são os mesmos mas com etapas diferentes a saber: 1º Período - recuperação

Leia mais

EB 2,3 MARTIM DE FREITAS EDUCAÇÃO FÍSICA 3º CICLO. NÍVEIS INTRODUTÓRIO (I), ELEMENTAR (E) e AVANÇADO (A) JOGOS DESPORTIVOS COLETIVOS ANDEBOL I E A

EB 2,3 MARTIM DE FREITAS EDUCAÇÃO FÍSICA 3º CICLO. NÍVEIS INTRODUTÓRIO (I), ELEMENTAR (E) e AVANÇADO (A) JOGOS DESPORTIVOS COLETIVOS ANDEBOL I E A EB 2,3 MARTIM DE FREITAS EDUCAÇÃO FÍSICA 3º CICLO NÍVEIS INTRODUTÓRIO (I), ELEMENTAR (E) e AVANÇADO (A) JOGOS DESPORTIVOS COLETIVOS ANDEBOL GR+3 x 3+GR (meio-campo, marcação direta) 1. Circulação de bola

Leia mais

DgestE Direção-GeraL dos Estabelecimentos Escolares DSRAI Direção de Serviços da Região Algarve Agrupamento de Escolas Júlio Dantas

DgestE Direção-GeraL dos Estabelecimentos Escolares DSRAI Direção de Serviços da Região Algarve Agrupamento de Escolas Júlio Dantas ENSINO BÁSICO PLANIFICAÇÃO ANUAL - 205-206 DISCIPLINA: EDUCAÇÃO FÍSICA 3º CICLO 7º e 8º anos ACTIVIDADES FÍSICAS DISTRIBUIÇÃO POR PERÍODOS º Período 2º Período 3º Período 3º Ciclo (7º e 8º anos) A - JDC:,

Leia mais

BASQUETE PROFESSOR: GERSON APARECIDO DE SOUZA JUNIOR

BASQUETE PROFESSOR: GERSON APARECIDO DE SOUZA JUNIOR SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA/SECRETARIA DE EDUCAÇÃO POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS COMANDO DE ENSINO POLICIAL MILITAR COLÉGIO DA POLÍCIA MILITAR UNIDADE POLIVALENTE MODELO VASCO DOS REIS EDUCAÇÃO

Leia mais

EDUCAÇÃO FÍSICA 11º ANO PLANIFICAÇÃO

EDUCAÇÃO FÍSICA 11º ANO PLANIFICAÇÃO ESCOLA SECUNDÁRIA JOÃO GONÇALVES ZARCO-402011 Objetivos gerais: Realizar atividades de forma autónoma, responsável e criativa Cooperar com outros em tarefas e projetos comuns Relacionar harmoniosamente

Leia mais

Voleibol. Origem e Regras Origem

Voleibol. Origem e Regras Origem Origem e Regras Origem Originariamente designado por minonette, o jogo foi inventado em 1895, no estado de Massachusetts, EUA, por William G. Morgan, como resposta ao recém-criado basquetebol. Objetivo

Leia mais

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. COSTA MATOS. Campo de badminton

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DR. COSTA MATOS. Campo de badminton BADMINTON Caracterização: O badminton é um jogo que pode ser disputado em singulares (individualmente) ou em par (pares), não tendo qualquer limitação temporal, isto é, o jogo termina assim que um jogador/par

Leia mais

INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 3º Ciclo do Ensino Básico Despacho Normativo nº 1-a/2017, de 10 de fevereiro

INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 3º Ciclo do Ensino Básico Despacho Normativo nº 1-a/2017, de 10 de fevereiro INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 3º Ciclo do Ensino Básico Despacho Normativo nº 1-a/2017, de 10 de fevereiro Disciplina: EDUCAÇÃO FÍSICA Código: 26 Tipo de Prova: ESCRITA E PRÁTICA O presente

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. ENSINO SECUNDÁRIO DISCIPLINA: Educação Física ANO: 10º ANO LETIVO 2011/2012

ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL. ENSINO SECUNDÁRIO DISCIPLINA: Educação Física ANO: 10º ANO LETIVO 2011/2012 ESCOLA SECUNDÁRIA DR. SOLANO DE ABREU ABRANTES PLANIFICAÇÃO ANUAL ENSINO SECUNDÁRIO DISCIPLINA: Educação Física ANO: 10º ANO LETIVO 2011/2012 COMPETÊNCIAS CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS ATIVIDADES ESTRATÉGIAS

Leia mais

UNIDADE DIDÁCTICA DE ATLETISMO

UNIDADE DIDÁCTICA DE ATLETISMO ESCOLA BÁSICA DO 2º E 3º CICLOS MARQUÊS DE POMBAL EDUCAÇÃO FÍSICA UNIDADE DIDÁCTICA DE ATLETISMO DOCUMENTO DE APOIO 6º ANO Caracterização da Modalidade O atletismo pode ser dividido em cinco sectores:

Leia mais

Escola EBS de Pinheiro. Metodologias a utilizar. Testes de Condição Física; fichas de autoavaliação;

Escola EBS de Pinheiro. Metodologias a utilizar. Testes de Condição Física; fichas de autoavaliação; Escola EBS de Pinheiro Ano Letivo 2012/2013 Turma 10A Educação Física Professora: Ana Cristina Correia da Silva Botelho Matérias/Conteúdos CAPACIDADES MOTORAS (Condicionais e Coordenativas) FORÇA VELOCIDADE

Leia mais

PLANO DA 6ª UNIDADE DE ENSINO 3ª ETAPA APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO

PLANO DA 6ª UNIDADE DE ENSINO 3ª ETAPA APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO ESCOLA BÁSICA E SECUNDÁRIA DE CARCAVELOS PLANO DA 6ª UNIDADE DE ENSINO 3ª ETAPA APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO Professoras orientadoras: Maria João Martins Ana Cristina Carvalho Estagiária: Diana Vieira

Leia mais

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASTRO VERDE Projecto Curricular de Turma 8º A e 8º B Planificação - Educação Física (2010/2011) - 1

ESCOLA SECUNDÁRIA DE CASTRO VERDE Projecto Curricular de Turma 8º A e 8º B Planificação - Educação Física (2010/2011) - 1 1º Período Projecto Curricular de Turma 8º A e 8º B Planificação - Educação Física (2010/2011) - 1 - Melhora a aptidão física elevando as capacidades motoras de modo harmonioso e adequado às suas necessidades

Leia mais

ESCRITA E PRÁTICA 1. INTRODUÇÃO

ESCRITA E PRÁTICA 1. INTRODUÇÃO INFORMAÇÃO-Prova de Equivalência à Frequência 3º Ciclo do Ensino Básico Despacho Normativo nº 1-G/2016, de 6 de abril Disciplina: EDUCAÇÃO FÍSICA Código: 26 Tipo de Prova: ESCRITA E PRÁTICA 1. INTRODUÇÃO

Leia mais

Planificação de Educação Física - VocSECUNDÁRIO. Grupo Disciplinar de Educação Física 2016/2017

Planificação de Educação Física - VocSECUNDÁRIO. Grupo Disciplinar de Educação Física 2016/2017 Planificação de Educação Física - VocSECUNDÁRIO Grupo Disciplinar de Educação Física 2016/2017 Índice Geral Introdução... 3 Plano Real de Escola - VocSECUNDÁRIO - 1º ano 4 Matérias 4 Aptidão Física...6

Leia mais