DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO B48

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO B48"

Transcrição

1 DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO B48

2 Manual de Instalação DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO B48 APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em soluções completas de alta performance para comunicação de dados e telecomunicações e fabricante local de cabos ópticos e metálicos. Líder nacional em cabling, a Furukawa Industrial S.A., indústria de origem japonesa está há mais de 30 anos no Brasil. A empresa é parte de um sólido grupo internacional, formado pela The Furukawa Electric Co. Ltda, que atua intensamente no setor de Comunicação há mais de 120 anos. ÍNDICE 1. Aplicação 4 2. Características 4 3. Configuração 4 4. Dimensões 6 5. Montagem do Módulo Básico 6 6. Montagem do Kit de Ancoragem e Acomodação 7 7. Utilização do DIO B48 para Fusão 9 8. Terminação em Campo ou Cabos Pré-Conectorizados Utilização com Módulos MPO Limpeza do Produto Dados Técnicos Cuidados e Segurança Assistência Técnica 16 Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

3 1. Aplicações Distribuição e administração da secção óptica do cabeamento estruturado para instalação em salas ou armários de distribuição principal ou distribuição horizontal. 2. Instruções de montagem O DIO B48 é um produto responsável por acomodar e proteger as conexões ou as emendas ópticas de transição entre os cabos ópticos e as extensões ópticas (ou pigtails). É um roduto de uso interno para montagem em rack padrão 19 (ocupação de 1U). Suporta a instalação de placas de adaptadores ópticos ou módulos (cassetes) no padrão LGX. Suporta conectores tipo SC, ST, FC e LC Duplex. Permite a montagem de: Até 03 placas de adaptadores ópticos padrão LGX (08 ou 12 posições); Até 03 módulos cassetes MPO; Até 02 bandejas de emendas para 12 ou 24 fibras ópticas; 01 kit de ancoragem. 3. Configuração 3.1. Módulo Básico O módulo básico do DIO B48 é composto pelos seguintes itens: Bandeja externa (fixada no rack) Bandeja interna deslizante 02 suportes laterais para a bandeja externa (com parafusos) Chapa metálica frontal para acomodação dos cordões ópticos (com parafusos) O produto é fornecido com um Kit completo de ancoragem e acomodação das fibras: Prensa cabos Rosca curta preto PG13,50 (x4) Espaçador Inox com parafusos (x4) Fita Hellermann branca (x8) Suporte de identificação das fibras (x2) Cartão de identificação das fibras (x2) Porca gaiola M5 Bicromatizado (x4) Parafusos M5 x 10 mm cabeça philips oxidado preto (x4) CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

4 Etiqueta de radiação laser Manual de instruções (português/espanhol) Clip auto adesivo RA18 (x4) O produto deverá ser configurado de acordo com a aplicação desejada, conforme mostrado no diagrama a seguir. Configuração máxima para cada aplicação: Emenda por fusão: 48 Conectorização em campo: 72 fibras Linha HDMPO: 72 fibras 3.2. Acessórios Os acessórios necessários para instalação, placas e kits de adaptadores ópticos, bandejas de emenda, extensões ópticas (ou pigtails) e módulos MPO são vendidos separadamente. DIO B48 Módulo Básico Bandeja de emenda (12 ou 24 fibras) Painel p ara adaptadores ópticos ST/FC (08 fibras) Painel p ara adaptadores ópticos SC (08 fibras), LC duplex (16 fibras) Painel para adaptadores ópticos SC (12 fibras), LC duplex (24 fibras) Cassete Modular HDMPO (12 ou 24 fibras) Tabela 1. Ítem que compõem o DIO B48 Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

5 4. Dimensões Abaixo (figura 1) são mostradas as dimensões do DIO B48: Figura1. Dimensões do DIO B48 Largura: 440 mm Altura: 1U Profundidade: 335 mm 5. Montagem do Módulo Básico 5.1. Com uma chave Phillips, montar o suporte frontal na bandeja interna (figura 2) utilizando parafusos Phillips M3 com cabeça chata. Figura 2. Montagem do suporte frontal Montar as porcas gaiola no rack Fixar o DIO B48 na estrutura do rack utilizando parafusos Phillips M5. CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

6 6. Montagem do Kit de Ancoragem e Acomodação 6.1. Retirar a contra-porca do prensa-cabo e rosqueá-la manualmente ao corpo do prensa-cabo através do furo de passagem, conforme indicado na figura 4. Furos de passagem Contra-porca Corpo do prensa-cabo Figura 4. Montagem do prensa-cabo 6.2. Instalar os elementos de tração conforme indicado na figura 5, de acordo com a posição do prensa-cabo. Figura 5. Montagem dos suportes de ancoragem Instalar os 04 clips plásticos auto-adesivos para acomodação dos tubetes e pigtails (figuras 6 e 7). Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

7 Figura 6. Posições para instalação dos clips plásticos auto-adesivos NOTA: Os pontos mais adequados para a fixação dos clips plásticos poderão variar de acordo com a quantidade de cabos ópticos e suas posições de entrada no DIO (furos). NOTA: Os furos localizados ao lado dos clips plásticos (figura 6) são destinados à instalação opcional de abraçadeiras plásticas. Figura 7. Instalação dos clips auto-adesivos NOTA: Após a instalação dos clips plásticos auto-adesivos, os mesmos não poderão ser removidos a fim de não danificar a fita adesiva. CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

8 7. Utilização do DIO B48 para Fusão Quando o DIO B48 for utilizado para fusão, as placas para adaptadores e as bandejas de emenda deverão ser montados Instalar as placas de adaptadores, inserindo manualmente os pinos plásticos das placas nos furos do painel frontal do DIO (figura 8). Placa para adaptadores Figura 8. Montagem da placa para adaptadores Instalar as bandejas de emenda (até 02) conforme indicado na figura 9. Bandeja de emenda Figura 9. Montagem das bandejas de emenda. NOTA: A bandeja inferior deverá ser fixada à base do DIO utilizando os 02 parafusos M4x8mm que acompanham o kit bandeja de emenda. NOTA: A bandeja superior (quando houver) deverá ser fixada à bandeja inferior utilizando os pinos de encaixe Instalação do Cabo Definir a posição de entrada do cabo óptico. Existem 04 furos para entrada de cabos na parte traseira do DIO. Caso seja utilizada montagem com bandeja de emenda, deverão ser utilizados os 02 furos das extremidades. Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

9 7.3.2 Preparar a extremidade do cabo óptico conforme figura 10. Limpar adequadamente os tubos loose (tubetes) e cortar o elemento de tração do cabo 200 mm a partir da capa externa. Figura 10. Preparação do cabo Inserir o cabo óptico através do prensa-cabo (figura 11) Figura 11. Ancoragem com prensa-cabo. NOTA: O prensa-cabo PG13.5 fornecido suporta cabos com diâmetro entre 6 e 12 mm; para cabos com diâmetro superior, a ancoragem deverá ser feita no interior da bandeja do DIO, utilizando o suporte de ancoragem do cabo Fixar o elemento de tração do cabo no furo passante do suporte metálico para ancorar o cabo no interior da bandeja do DIO (figura 12). CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

10 Figura 12. Ancoragem no interior da bandeja Acomodar a reserva de tubos loose nos clips plásticos ao redor da bandeja de emenda conforme mostrado na figura 13. Figura 13 Acomodação dos tubos loose 7.4 Instalação das fibras na bandeja Iniciando pela bandeja inferior, posicionar as anilhas de identificação próximas à entrada da bandeja e prender os tubos loose com abraçadeira Com caneta marcar sobre os tubos loose um ponto a aproximadamente 25mm da entrada da bandeja (figura 14). Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

11 Figura 14. Marcação do tubo loose Com o cortador de tubos loose (roletador), retirar o tubo de proteção gradualmente, expondo as fibras ópticas em proporções de 30 em 30 cm para não forçar as fibras, até a marcação definida anteriormente Cuidadosamente realizar a limpeza completa da geléia das fibras ópticas, acomodando-as no interior da bandeja para posterior fusão com as extensões ópticas ou pigtails Instalação dos pigtails (figura 15). Figura 15. Pigtails instalados na placa de adaptadores CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

12 Conectados pigtails aos adaptadores, respeitando a seqüência de cores das fibras, de acordo com a Norma ABNT (tabela 2) ou ENCORE. Tabla 2 Padrão de cores ABNT Acomodar a reserva de pigtails nos clips plásticos e fixá-los na entrada da bandeja de emenda com abraçadeira plástica (figura 16). Figura 16. Pigtails fixados com abraçadeira Realizar as fusões atendendo aos requisitos especificados no manual de operação da máquina de emenda. Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

13 Acomodar o excesso de pigtails e fibras no interior da bandeja Recolocar o filme de proteção na bandeja de emenda Repetir o processo para a segunda bandeja de emenda (se houver). 8. Terminação em Campo ou Cabos Pre-Conectorizados 8.1. Instalar as placas de adaptadores, conforme descrito no item Poderá ser instalado o kit de ancoragem e acomodação fornecido com o módulo básico, conforme descrito no item 6. cabo A montagem do cabo deve ser feita de acordo com as especificações técnicas do 8.4. Realizar teste de abertura e fechamento da bandeja deslizante observando se algum ajuste na ancoragem do cabo é necessário. NOTA: Para esta aplicação não deverão ser instaladas as bandejas de emenda. 9. Utilização com Módulos MPO 9.1. Instalar os Módulos HDMPO, inserindo manualmente os pinos plásticos dos cassetes nos furos do painel frontal do DIO (figura 17). Módulo Cassete e CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

14 NOTA: Para esta aplicação não deverão ser instaladas as bandejas de emenda. do cabo A montagem do cabo deve ser feita de acordo com as especificações técnicas 9.3. Realizar teste de abertura e fechamento da bandeja deslizante observando se algum ajuste na ancoragem do cabo é necessário. 10. Limpeza do Produto O DIO B48 deve ser limpo usando flanela macia seca ou levemente umedecida com água, não devendo o mesmo ser exposto a produtos químicos que venham a danifica a pintura do produto. 11. Dados Técnicos Dimensões da caixa: 64x495x315mm Dimensões do produto: 1Ux440x335mm Cor: Preta - RAL 9005 Material: Aço Carbono Peso Líquido: 3,3 kg Código (módulo básico) Descrição: DIO B48 Argentina Brasil Bolivia Chile Colombia Ecuador Paraguay Perú Uruguay Venezuela

15 Cuidados e Segurança O instalador deve ter cuidados necessários ao manuseio de cabos e cordões ópticos, principalmente no manejo da fibra óptica nua. Deve ser tomado um cuidado especial durante a acomodação das unidades básicas no interior do DIO, verificando os raios de curvatura ou qualquer interferência com outros componentes durante a abertura e fechamento do mesmo. Usar estilete e tesoura com cautela. Conectores ópticos devem sempre ser limpos a cada reconexão. Fique atento para os avisos de radiação laser, evitando manipular conectores quando os lasers estiverem ligados e evitando direcionar os conectores na direção dos olhos. Use óculos de proteção apropriados para o tipo de laser presente no enlace. 13. ASSISTÊNCIA TÉCNICA Caso necessite de assistência técnica ou maiores informações para aplicação deste produto, contatar-nos: Central de Serviços ao Cliente: Site: CENTRAL DE SERVIÇO AO CLIENTE CENTRAL DE SERVICIO AL CLIENTE

16 CENTROS DE PRODUÇÃO BRASIL MATRIZ CURITIBA - PR R. Hasdrubal Bellegard, 820 Cidade Industrial CEP: Tel.: (41) Fax: (41) ARGENTINA BUENOS AIRES Ruta Nacional 2, km 37,5 Centro Industrial Ruta 2 Berazategui Província de Buenos Aires Tel.: (54 22) VENDAS / REGIONAIS BRASIL ESCRITÓRIO NACIONAL DE VENDAS SÃO PAULO - SP Av. das Nações Unidas, º andar - Ed. Brasilinterpart CEP: Tel.: (11) Fax: (11) BELO HORIZONTE - MG Cel.: (31) BRASÍLIA - DF Cel.: (61) CURITIBA - PR Tel.: (41) PORTO ALEGRE - RS Cel.: (51) RECIFE - PE Cel.: (81) RIO DE JANEIRO - RJ Cel.: (21) SALVADOR - BA Cel.: (71) ARGENTINA ESCRITÓRIO - BUENOS AIRES Moreno, Piso 15B Cód. Postal C1091AAR Ciudad Autónoma de Buenos Aires Tel.: (54 11) CENTROS DE DISTRIBUIÇÃO BRASIL RECIFE - PE Rodovia BR 101 Sul km 80,7 Anexo A, Setor K - Prazeres CEP: Jaboatão dos Guararapes - PE VITÓRIA - ES Rodovia BR 101 Norte km 10 Lote A - Parte - Carapina CEP: Serra - ES PANAMÁ CEVA Freight Management Panama, S de RL France Field - Zona Libre de Colón, Panamá

DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO HDMOD

DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO HDMOD DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO HDMOD 2 Manual de Instalação DIO HDMOD Manual de Instalação DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO HDMOD APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada

Leia mais

PONTO DE CONSOLIDAÇÃO LGX 1P/2P

PONTO DE CONSOLIDAÇÃO LGX 1P/2P PONTO DE CONSOLIDAÇÃO LGX 1P/2P Manual de Instalação PONTO DE CONSOLIDAÇÃO LGX 1P/2P APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em soluções completas de alta performance

Leia mais

CEIP 120F CAIXA DE EMENDA INTERNA DE PAREDE 120

CEIP 120F CAIXA DE EMENDA INTERNA DE PAREDE 120 CEIP 120F CAIXA DE EMENDA INTERNA DE PAREDE 120 Manual de Instalação CEIP 120F CAIXA DE EMENDA INTERNA DE PAREDE 120 APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em soluções

Leia mais

DIO A270 DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO A270

DIO A270 DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO A270 DIO A270 DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO A270 Manual de Instalação DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO A270 APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em soluções completas

Leia mais

GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER

GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER Manual de Instalação GUIA VERTICAL PARA RACK DATA CENTER APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em soluções completas de alta

Leia mais

CABOS TIPO: Tight-Buffer.

CABOS TIPO: Tight-Buffer. CABOS TIPO: Tight-Buffer. Manual de Instalação CABOS TIPO: Tight-Buffer APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Empresa especializada em soluções completas de alta performance para comunicação de dados e

Leia mais

DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO BT VERSÃO CURTA

DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO BT VERSÃO CURTA DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO DIO BT VERSÃO CURTA Manual de Instalação DISTRIBUIDOR INTERNO ÓPTICO - DIO BT VERSÃO CURTA APRESENTAÇÃO FURUKAWA INDUSTRIAL S.A. Produtos Elétricos Empresa especializada em

Leia mais

ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER

ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER ITMAX SOLUÇÃO DATA CENTER DATA CENTER A Furukawa apresenta a solução ITMAX para Data Center, com produtos especialmente desenvolvidos para atender este mercado que requer componentes de alta performance.

Leia mais

A Solução Furukawa Broadband System. FTTH e FTTA

A Solução Furukawa Broadband System. FTTH e FTTA A Solução Furukawa Broadband System FTTH e FTTA A linha Furukawa Broadband System oferece diversas opções de cabos, divisores (Splitters), equipamentos e acessórios de infraestrutura óptica. Uma linha

Leia mais

Manual de Instalação Adelift Light com Divisória de Lona

Manual de Instalação Adelift Light com Divisória de Lona Página 1 de 13 Objetivo: O objetivo desse manual é ajudar na identificação dos componentes e orientar os procedimentos para instalação do sistema Adelift Light, e sua divisória, no implemento rodoviário.

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE PRÓ-REITORIA DE ADMINISTRAÇÃO COORDENAÇÃO DE LICITAÇÃO ANEXO II DO EDITAL DO PREGÃO ELETRÔNICO N.º 63/2016/AD 1 Patch panel padrão 19, categoria ansi/tia/eia-568-b.21, módulo

Leia mais

CAPA COM A FOTO DA MÁQUINA

CAPA COM A FOTO DA MÁQUINA Manual de Instalação A vida fica melhor com um Garen no portão CAPA COM A FOTO DA MÁQUINA GAREN - Automatizador de Portões Av. Dr. Labieno da Costa Machado nº 4292 - Distrito Industrial CEP: 17400-000

Leia mais

Instalação do Kit da Chave do Sensor da Porta do NetShelter AP9513

Instalação do Kit da Chave do Sensor da Porta do NetShelter AP9513 Instalação do Kit da Chave do Sensor da Porta do NetShelter AP9513 Este kit é para utilização com o NetShelter VX, NetShelter SX, ou outros gabinetes padrão de 19 polegadas. Componentes Chave (2) Ímã (2)

Leia mais

INTRODUÇÃO - LEIA TODO MANUAL DE INSTRUÇÕES ANTES DA MONTAGEM

INTRODUÇÃO - LEIA TODO MANUAL DE INSTRUÇÕES ANTES DA MONTAGEM INSTRUÇÕES DE MONTAGEM ELOS ACESSÓRIOS PARA CABO REDE SUBTERRÂNEA PÁG. 1 / 7 EMCF 36kV TAM. 3 Edição: JUN 14 DESCRIÇÃO: A EMENDA ELOS COMPACTA FRIA é um acessório de cabo de média tensão isolado com EPR

Leia mais

Manual do Usuário. Antena Parabólica Vazada 806 a 960MHz - 18,5dBi. Este manual aplica- se somente ao produto que o acompanha

Manual do Usuário. Antena Parabólica Vazada 806 a 960MHz - 18,5dBi. Este manual aplica- se somente ao produto que o acompanha ANTENA PARABÓLICA Manual do Usuário Cód: ANT060002 Antena Parabólica Vazada 806 a 960MHz - 18,5dBi Este manual aplica- se somente ao produto que o acompanha VHT Fab. e Com. de Equip. de Telecomunicação

Leia mais

SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD/LED 2A 400 MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD/LED 2A 400 MANUAL DE UTILIZAÇÃO SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD/LED 2A 400 MANUAL DE UTILIZAÇÃO 1 Características: - Fixação na parede. - Para TV s e monitores Plasma ou LCD até 46. * - Para TV s e monitores LED até 55.

Leia mais

OBJETIVOS DA SEÇÃO. Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a:

OBJETIVOS DA SEÇÃO. Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a: OBJETIVOS DA SEÇÃO Após concluir com êxito o módulo sobre Área de Trabalho, o aluno deve estar apto a: I. Definir os critérios da Área de Trabalho para o Sistema de Cabeamento Siemon, tanto para interfaces

Leia mais

1. INTRODUÇÃO 2. CARACTERÍSTICAS

1. INTRODUÇÃO 2. CARACTERÍSTICAS 1. INTRODUÇÃO 2. CARACTERÍSTICAS O TediPrompter é um projetor de textos portátil especialmente desenvolvido para apresentações em público como seminários, programas ao vivo e discursos políticos e religiosos.

Leia mais

Coluna Articulada. Linha Frog

Coluna Articulada. Linha Frog Linha Frog Frog Apresentação As Colunas articuladas da Linha Frog são utilizadas em ambientes comerciais ou industriais onde a derivação do cabeamento é feita no sentido vertical. Sua instalação é prática

Leia mais

PB 202P Manual de Operação

PB 202P Manual de Operação PB 202P ÍNDICE 1 IDENTIFICAÇÃO... 3 2 INSTALAÇÃO... 3 2.1 Conteúdo... 3 2.2 Desembalagem... 3 2.3 Instruções de Instalação... 3 3 DOCUMENTOS... 4 3.1 Especificações das Moedas... 4 3.2 Condições das Moedas...

Leia mais

MANUAL DE UTILIZAÇÃO

MANUAL DE UTILIZAÇÃO SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD/LED STANDARD MANUAL DE UTILIZAÇÃO 1 Características: - Fixação na parede. - Para TV s e monitores Plasma ou LCD até 42. - Para TV s e monitores LED até 46.

Leia mais

SUPORTE MÓVEL PARA PROJETOR, DVD OU NOTEBOOK

SUPORTE MÓVEL PARA PROJETOR, DVD OU NOTEBOOK SUPORTE MÓVEL PARA PROJETOR, DVD OU NOTEBOOK MANUAL DE UTILIZAÇÃO 1 Características: - Deslocamento através de rodízios. - Ajustes para diferentes tamanhos de equipamentos. - Base para a utilização de

Leia mais

GABINETE MTMAX MTGAB-192UR

GABINETE MTMAX MTGAB-192UR GABINETE MTMAX MTGAB-192UR 1- Esta sugestão de montagem aqui descrita está baseada no gabinete MTGAB-192UR- MTMAX (com 2 unidades de rack 19Pol), poderá ser modificada pelo cliente pois se trata de um

Leia mais

Equipamentos Industriais Perfis em Alumínio

Equipamentos Industriais  Perfis em Alumínio Equipamentos Industriais www.obr.com.br Os Perfis de Alumínio OBR oferecem uma grande quantidade de seções com elementos de conexão e acessórios adequados à sua necessidade. Os Perfis de Alumímio são extrudados

Leia mais

PORTEIROS ELETRÔNICOS RESIDÊNCIAIS - KITs

PORTEIROS ELETRÔNICOS RESIDÊNCIAIS - KITs RESIDÊNCIAIS KITs 7.0 INTRODUÇÃO AOS PORTEIROS ELETRÔNICOS RESIDÊNCIAIS KITs O Porteiro Eletrônico Residencial é um sistema constituído por quatro componentes básicos. 7.1 PRIMEIRO COMPONENTE Painel instalado

Leia mais

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO Procuradoria Regional do Trabalho da 17ª Região / ES

MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO Procuradoria Regional do Trabalho da 17ª Região / ES MINISTÉRIO PÚBLICO DA UNIÃO MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO Procuradoria Regional do Trabalho da 17ª Região / ES OBRA: ANEXO VII ORÇAMENTO ESTIMATIVO Serviços de instalação de cabeamento estruturado e infraestrutura

Leia mais

PROCEDIMENTO DE EXECUÇÃO

PROCEDIMENTO DE EXECUÇÃO Ferramentas utilizadas PROCEDIMENTO DE EXECUÇÃO Furadeira Parafusadeira Serrote Estilete Escada Linha de marcar Nível a laser / mangueira de nível Trena metálica Lápis de carpinteiro Martelo Tesoura para

Leia mais

Manual de Instalação do Leitor Bio 3000

Manual de Instalação do Leitor Bio 3000 Manual de Instalação do Leitor Bio 3000 2 Sumário 1. Apresentação... 4 2. Especificações Técnicas... 4 3. Configuração do Sistema... 4 4. Esquema de Ligação... 5 5. Fixação do Equipamento... 6 6. Manutenção...

Leia mais

Instruções de Instalação em Rack

Instruções de Instalação em Rack Instruções de Instalação em Rack Reveja a documentação fornecida com o rack para obter informações sobre cabeamento e segurança. Ao instalar o subsistema de armazenamento em um rack, considere o seguinte:

Leia mais

Linha de Quadros BELBOX. Apresentação

Linha de Quadros BELBOX. Apresentação Apresentação A Linha de Quadros Belbox possui ampla aplicação em projetos para os segmentos industrial, comercial e predial. Sua versatilidade possibilita a utilização como quadros para distribuição, comandos

Leia mais

SUPORTE ARTICULÁVEL P/LCD 15 /23 C/BASE MORSA ROBUST MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SUPORTE ARTICULÁVEL P/LCD 15 /23 C/BASE MORSA ROBUST MANUAL DE UTILIZAÇÃO SUPORTE ARTICULÁVEL P/LCD 15 /23 C/BASE MORSA ROBUST MANUAL DE UTILIZAÇÃO 1 Características: - Disponível em dois modelos: - Simples. - Duplo (disponível em dois tamanhos: 380 ou 530 mm de altura). - Compatível

Leia mais

QUADROS SISTEMA VDI. Localização no Website TIGRE: Obra predial Eletricidade Quadros Sistema VDI. Corpo Reforçado com mais entradas para eletrodutos.

QUADROS SISTEMA VDI. Localização no Website TIGRE: Obra predial Eletricidade Quadros Sistema VDI. Corpo Reforçado com mais entradas para eletrodutos. QUADROS SISTEMA VDI Localização no Website TIGRE: Obra predial Eletricidade Quadros Sistema VDI NOVEMBRO/2009 Função: Abrigar tubulações, fiações e dispositivos das instalações de Telefone (Voz), Rede

Leia mais

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA 2014

APRESENTAÇÃO CORPORATIVA 2014 APRESENTAÇÃO CORPORATIVA 2014 Política de Qualidade Atender as expectativas dos nossos clientes e requisitos regulamentares com a participação de todos os funcionários, buscando a melhoria contínua em

Leia mais

ADAPTADOR RJ-45 PARA BORNE AA-400

ADAPTADOR RJ-45 PARA BORNE AA-400 ADAPTADOR RJ-45 PARA BORNE Manual do usuário Adaptador RJ-45 para Borne MAN-PT-DE-AA400 Rev.: 1.00-11 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso. Para garantir o uso correto e eficiente, é imprescindível

Leia mais

18/51 ANEXO 1 DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS EMPRESAS E PREÇOS REGISTRADOS DELTA CABLE TELE INFORMATJCA COM E REP COMERCIAIS LTOA ENDEREÇO CNPJ

18/51 ANEXO 1 DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS EMPRESAS E PREÇOS REGISTRADOS DELTA CABLE TELE INFORMATJCA COM E REP COMERCIAIS LTOA ENDEREÇO CNPJ MI NISTÉRIO DA EDUCAÇÃO ANEXO 1 DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS EMPRESAS E PREÇOS REGISTRADOS EMPRESA (9) DELTA CABLE TELE INFORMATJCA COM E REP COMERCIAIS LTOA ENDEREÇO CNPJ TELEFONE/FAX REPRESENTANTE LEGAL

Leia mais

TM-10 MANUAL DE INSTRUÇÕES TM-10

TM-10 MANUAL DE INSTRUÇÕES TM-10 MANUAL DE INSTRUÇÕES TM-10 TM-10 Leia atentamente este Manual de Instruções antes de montar e operar o equipamento. Após a leitura deste manual, guarde-o em local seguro para futura referência. Anote o

Leia mais

Yep. Porta Inferior/Superior 80/100 Baixo Basculante com Pistão. Partes do Produto

Yep. Porta Inferior/Superior 80/100 Baixo Basculante com Pistão. Partes do Produto Yep Porta Inferior/Superior 80/00 Baixo Basculante com Pistão Partes do Produto - Porta (x) Pessoas Necessárias para Montagem Ferramentas Necessárias (Não Fornecidas) Componentes pessoa Chave Fenda Chave

Leia mais

Inovação, tecnologia e confiança. Estruturada sobre estes três pilares, a Immense oferece desde 1999 soluções para os mais exigentes projetos de

Inovação, tecnologia e confiança. Estruturada sobre estes três pilares, a Immense oferece desde 1999 soluções para os mais exigentes projetos de Inovação, tecnologia e confiança. Estruturada sobre estes três pilares, a Immense oferece desde 1999 soluções para os mais exigentes projetos de escritórios corporativos. São mobiliários projetados para

Leia mais

ManUaL técnico de instalação ano de garantia

ManUaL técnico de instalação ano de garantia MANUAL TÉCNICO DE INSTALAÇÃO 2013 1 ano de garantia Manual de Instalação Conteúdo O produto foi projetado para instalação na maioria dos modelos de s de rodas dos diversos fabricantes nacionais e importados.

Leia mais

MÁSCARA DE SOLDA CR-02

MÁSCARA DE SOLDA CR-02 MÁSCARA DE SOLDA CR-02 *Imagens meramente ilustrativas Manual de Instruções Sumário 1. DADOS TÉCNICOS... 3 2. APRESENTAÇÃO... 4 3. CARACTERÍSTICAS... 4 4. LISTA DE PARTES... 6 5. GRAU DE ESCURECIMENTO...

Leia mais

TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA STANDARD

TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA STANDARD TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA STANDARD MANUAL DE UTILIZAÇÃO CARACTERÍSTICAS: 1 As Telas de Projeção Elétricas Standard foram projetadas em tubo de alumínio extrudado, pintura eletrostática, mancal injetado

Leia mais

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Grua SMC-7000

MANUAL DE INSTRUÇÕES. Grua SMC-7000 MNUL DE INSTRUÇÕES Grua SMC-7000 Leia atentamente este Manual de Instruções antes de montar e operar o equipamento. pós a leitura deste manual, guarde-o em local seguro para futura referência. note o número

Leia mais

Rodízios Deslizantes. Descrição:

Rodízios Deslizantes. Descrição: ROLMENO LINDDO Sistema Deslizante SDS 600 Slow LNÇMENO Código Descrição Embalagem 0086.600SX2 Rodízio SDS 600 Slow p/ 2 4 kits / caixa 0086.600SX3 Rodízio SDS 600 Slow p/ 3 4 kits / caixa 0086.600SXC mortecedor

Leia mais

BARRA ANTI-PÂNICO MODELO 1800

BARRA ANTI-PÂNICO MODELO 1800 BARRA ANTI-PÂNICO MODELO 1800 PARA FAZER A INSTALAÇÃO, CONTRATE UM UM PROFISSIONAL QUALIFICADO, A SOPRANO A SOPRANO NÃO NÃO SE RESPONSABILIZA SE POR DANOS POR DANOS CAUSADOS CAUSADOS À BARRA À FECHADURA

Leia mais

OBR Equipamentos Industriais Ltda Perfis em Alumínio

OBR Equipamentos Industriais Ltda  Perfis em Alumínio OBR Equipamentos Industriais tda www.obr.com.br Perfis em Alumínio Os Perfis de Alumínio OBR oferecem uma grande quantidade de seções com elementos de conexão e acessórios adequados à sua necessidade.

Leia mais

CAF. Caixas CAF. Caixas metálicas, monobloco fabricadas em aço carbono, aço inox ou alumínio.

CAF. Caixas CAF. Caixas metálicas, monobloco fabricadas em aço carbono, aço inox ou alumínio. CAF Caixas CAF Caixas metálicas, monobloco fabricadas em aço carbono, aço inox ou alumínio. REVISÃO 04 29/10/2014 PAINÉIS METÁLICOS SÉRIE CAF Painel monobloco com placa de montagem removível para montagem

Leia mais

TITECON é utilizado em substratos sólidos (concreto, bloco e tijolo maciço), para a fixação de:

TITECON é utilizado em substratos sólidos (concreto, bloco e tijolo maciço), para a fixação de: Titecon Parafuso para concreto 1. APRESENTAÇÃO: 1.1 Descrição TITECON é um parafuso para aplicações leves e médias em materiais como concreto, blocos e tijolos maciços, de instalação rápida e fácil sem

Leia mais

DISPONIBILIDADE DE ACESSO AO USUÁRIO FINAL DOS SERVIÇOS MULTIMÍDIA DE MANEIRA RÁPIDA, PRÁTICA E FUTURE PROOF.

DISPONIBILIDADE DE ACESSO AO USUÁRIO FINAL DOS SERVIÇOS MULTIMÍDIA DE MANEIRA RÁPIDA, PRÁTICA E FUTURE PROOF. DISPONIBILIDADE DE ACESSO AO USUÁRIO FINAL DOS SERVIÇOS MULTIMÍDIA DE MANEIRA RÁPIDA, PRÁTICA E FUTURE PROOF. Furukawa Broadband System A linha Furukawa Broadband System tem produtos voltados ao segmento

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO FCI INOX

MANUAL DE INSTALAÇÃO FCI INOX MANUAL DE INSTALAÇÃO FCI INOX Parabéns você acaba de adquirir um filtro central de inox. A seguir lhe mostraremos o passo a passo para fazer a correta instalação do seu filtro central de inox, garantindo

Leia mais

MATERIAIS DE INSTALAÇÃO DE TELECOMUNICAÇÔES - SNSG

MATERIAIS DE INSTALAÇÃO DE TELECOMUNICAÇÔES - SNSG DIRETORIA DE OPERAÇÃO DO GERÊNCIA REGIONAL NORTE GRN SERVIÇO NORTE DE TELECOMUNICAÇÕES SNTL ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA ET-SNTL-001/2012 MATERIAIS DE INSTALAÇÃO DE TELECOMUNICAÇÔES - SNSG COMPANHIA HIDRO ELÉTRICA

Leia mais

Projeto Instalação Sala 3D v. 1.0 Pearson Sistemas do Brasil

Projeto Instalação Sala 3D v. 1.0 Pearson Sistemas do Brasil / 2 v..0 Pearson Sistemas do Brasil Pearson Centro de Serviços Compartilhados Rua Deolinda, 70 Jardim Macedo Ribeirão Preto SP Brasil Pág./2 Departamento de Qualidade em TI Fone +55 (6) 3603 9272 2/ 2

Leia mais

CADEIRA COM ADUTOR MANUAL DE CONFECÇÃO

CADEIRA COM ADUTOR MANUAL DE CONFECÇÃO UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE MECÂNICA TECNOLOGIA ASSISTIVA (http://www.damec.ct.utfpr.edu.br/assistiva/) CADEIRA COM ADUTOR MANUAL DE CONFECÇÃO PROJETO ELABORADO

Leia mais

smar Especificações e informações estão sujeitas a modificações sem prévia consulta.

smar  Especificações e informações estão sujeitas a modificações sem prévia consulta. smar www.smar.com.br Especificações e informações estão sujeitas a modificações sem prévia consulta. Informações atualizadas dos endereços estão disponíveis em nosso site. web: www.smar.com/brasil2/faleconosco.asp

Leia mais

KIT DE ILUMINAÇÃO COM FIBRAS OPTICAS PARA DECORAÇÃO

KIT DE ILUMINAÇÃO COM FIBRAS OPTICAS PARA DECORAÇÃO MANUAL DE INFORMAÇÕES AO USUÁRIO E CONDIÇÕES DE GARANTIA A Fibra Óptica Brasileira KIT DE ILUMINAÇÃO COM FIBRAS OPTICAS PARA DECORAÇÃO ATENÇÃO: Não utilize este equipamento sem antes consultar este manual.

Leia mais

Objetivo Geral Compreender a montagem de um DIO ou caixa de emenda e realizar a conectorização do cabeamento óptico.

Objetivo Geral Compreender a montagem de um DIO ou caixa de emenda e realizar a conectorização do cabeamento óptico. ( ) Prova ( ) Prova Semestral ( ) Exercícios ( ) Prova Modular ( ) Segunda Chamada ( ) Exame Final ( ) Prática de Laboratório ( ) Aproveitamento Extraordinário de Estudos Nota: Disciplina: Turma: Aluno

Leia mais

Manuais Instalação. Linha Sicflex

Manuais Instalação. Linha Sicflex Manuais Instalação Linha Sicflex - Antes de dar início ao processo de montagem, leia e - A montagem do produto deverá ser executada sobre uma Lateral 3 Base Prateleira - Parafuso 4x40 - Bucha 4 - Parafuso

Leia mais

ESTE MANUAL FOI OPTIMIZADO PARA SER IMPRESSO NOS DOIS LADOS DA FOLHA. POUPE PAPEL! VERSÃO 1 (10/2009) MANUAL TÉCNICO

ESTE MANUAL FOI OPTIMIZADO PARA SER IMPRESSO NOS DOIS LADOS DA FOLHA. POUPE PAPEL! VERSÃO 1 (10/2009) MANUAL TÉCNICO ESTE MANUAL FOI OPTIMIZADO PARA SER IMPRESSO NOS DOIS LADOS DA FOLHA. POUPE PAPEL! VERSÃO 1 (10/2009) MANUAL TÉCNICO ON SECRETÁRIAS, MESAS DE REUNIÃO, MÓDULOS E POSTOS DE TRABALHO CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS

Leia mais

Estação Power 10. Instruções de montagem

Estação Power 10. Instruções de montagem Estação Power 10 Instruções de montagem (Náilon) (Náilon) (Náilon) (Náilon) (curvo) - 1 - LISTA DE PARTES N o Descrição Qtd. 1 Tubo de suporte 1 2 Tubo em T 1 3 Viga horizontal 1 4 Tubo de guia 2 5 Tubo

Leia mais

SUPORTE DE SUSTENTAÇÃO PARA CABOS ÓPTICOS AÉREOS TIPO FDS PRL - ACS Nº 0020 ILUSTRAÇÃO VISTA SUPERIOR SUPORTE FDS TIPO 2 PARAFUSOS'

SUPORTE DE SUSTENTAÇÃO PARA CABOS ÓPTICOS AÉREOS TIPO FDS PRL - ACS Nº 0020 ILUSTRAÇÃO VISTA SUPERIOR SUPORTE FDS TIPO 2 PARAFUSOS' SUPORTE DE SUSTENTAÇÃO PARA CABOS ÓPTICOS AÉREOS TIPO FDS PRL - ACS Nº 0020 ILUSTRAÇÃO VISTA SUPERIOR SUPORTE FDS TIPO 2 PARAFUSOS' ILUSTRAÇÃO VISTA LATERAL SUPORTE FDS TIPO 2 PARAFUSOS' ILUSTRAÇÃO ILUSTRAÇÃO

Leia mais

Manual de Instalação e Manutenção. Torniquete Hexa. revisão: 6 data de atualização:16/01/09

Manual de Instalação e Manutenção. Torniquete Hexa. revisão: 6 data de atualização:16/01/09 Manual de Instalação e Manutenção Torniquete Hexa revisão: 6 data de atualização:16/01/09 Índice 1 - Apresentação pg.03 2 - Dimensões principais e vão livre para manutenção pg.04 3.1. Identificação dos

Leia mais

Guia de Hardware. HP t200 Zero Client for MultiSeat

Guia de Hardware. HP t200 Zero Client for MultiSeat Guia de Hardware HP t200 Zero Client for MultiSeat Copyright 2011 Hewlett-Packard Development Company, L.P. As informações aqui contidas estão sujeitas à alteração sem aviso. Microsoft e Windows são marcas

Leia mais

MESA PARA CADEIRA DE RODAS MANUAL DE CONFECÇÃO (Regulável em altura pelo comprimento dos pés)

MESA PARA CADEIRA DE RODAS MANUAL DE CONFECÇÃO (Regulável em altura pelo comprimento dos pés) UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ DEPARTAMENTO ACADÊMICO DE MECÂNICA TECNOLOGIA ASSISTIVA (http://www.damec.ct.utfpr.edu.br/assistiva/) MESA PARA CADEIRA DE RODAS MANUAL DE CONFECÇÃO (Regulável

Leia mais

CONVERSOR-ISOLADOR DE SINAIS TRM-670

CONVERSOR-ISOLADOR DE SINAIS TRM-670 CONVERSOR-ISOLADOR DE SINAIS TRM-670 Introdução Obrigado por ter escolhido nosso CONVERSOR-ISOLADOR DE SINAIS TRM-670. Para garantir o uso correto e eficiente do TRM-670, leia este manual completo e atentamente

Leia mais

06/ REV. 2. imagem meramente ilustrativa SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO. Manual de Instruções

06/ REV. 2. imagem meramente ilustrativa SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO. Manual de Instruções 06/11 705-09-05 775361 REV. 2 imagem meramente ilustrativa SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO Manual de Instruções INTRODUÇÃO Parabéns pela escolha do Ventilador Coluna Turbo 40 Inox. Para garantir o melhor desempenho

Leia mais

SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD SMALL MANUAL DE UTILIZAÇÃO

SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD SMALL MANUAL DE UTILIZAÇÃO SUPORTE ARTICULÁVEL DE PAREDE PARA PLASMA/LCD SMALL MANUAL DE UTILIZAÇÃO 1 Características: - Fixação na parede. - Para Tv s e monitores Plasma ou LCD com padrão VESA 75x75, 100x100, 200x100 ou 200x200

Leia mais

MANUAL DE MONTAGEM PLATAFORMA PARA ANDAIME SUSPENSO MANUAL PFM

MANUAL DE MONTAGEM PLATAFORMA PARA ANDAIME SUSPENSO MANUAL PFM MANUAL DE MONTAGEM PLATAFORMA PARA ANDAIME SUSPENSO MANUAL PFM (REVISÃO-0) SUMÁRIO. COMPONENTES PRINCIPAIS DA PLATAFORMA PARA ANDAIME SUSPENSO MANUAL...PÁG. 0. CARACTERISTICAS GERAIS DA PLATAFORMA PARA

Leia mais

Gerência de Compra GERÊNCIA DN

Gerência de Compra GERÊNCIA DN 1 1 16/01529 MESA RETA DE 1800X800X740MM (L X P X H) - (CHEFIA) UND 1 MESA RETANGULAR COM ESTRUTURA METÁLICA E TAMPO AMADEIRADO. A ESTRUTURA É AUTOPORTANTE PRODUZIDA EM CHAPA DE AÇO, COMPOSTA POR 2 QUADROS

Leia mais

LINHA ÓPTICA. Distribuidor Interno Óptico Gaveta. Distribuidor Interno Óptico Fit

LINHA ÓPTICA. Distribuidor Interno Óptico Gaveta. Distribuidor Interno Óptico Fit Distribuidor Interno Óptico Gaveta Módulo montado. Estrutura padrão 19 com gaveta metálica deslizante, frente em acrílico. Fornecido com módulos que fazem a reserva técnica de cabos, acomodação das emendas

Leia mais

Rebarbar: o diâmetro usual dos discos de rebarbar é de 115 ou 125 m consoante o modelo da rebarbadora.

Rebarbar: o diâmetro usual dos discos de rebarbar é de 115 ou 125 m consoante o modelo da rebarbadora. A REBARBADORA A rebarbadora pode ser utilizada para trabalhos de esmerilagem, rebarbagem e corte de metais (chapa metálica, perfis de alumínio, chapas em ferro fundido, etc.) e materiais de construção)

Leia mais

BLOCOS DE TOMADAS.

BLOCOS DE TOMADAS. BLOCOS DE TOMADAS ÍNDICE Descrição Aplicações Referências Exemplo de configuração Instalação Informação ténica Exemplos de compatibilidade Dimensões Descrição Invólucros de chão para instalações salientes

Leia mais

FORNO ELÉTRICO VCC-8028

FORNO ELÉTRICO VCC-8028 Manual de Instruções FORNO ELÉTRICO VCC-8028 SOMENTE PARA USO DOMÉSTICO Leia atentamente as informações contidas neste manual antes de usar o aparelho. INFORMAÇÕES DE SEGURANÇA: 1. Antes de utilizar o

Leia mais

bambozzi Manual de Instruções Fonte Inversora INVERT WMI-140ED +55 (16) 3383

bambozzi Manual de Instruções Fonte Inversora INVERT WMI-140ED +55 (16) 3383 bambozzi A SSISTÊNCIAS T ÊCNICAS AUTORIZADAS acesse: www.bambozzi.com.br/assistencias.html ou ligue: +55 (16) 3383 3818 Manual de Instruções BAMBOZZI SOLDAS LTDA. Rua Bambozzi, 522 Centro CEP 15990-668

Leia mais

PB 201 Manual do Usuário

PB 201 Manual do Usuário PB 201 ÍNDICE 1. IDENTIFICAÇÃO 2.INSTALAÇÃO 2.1 Conteúdo 2.2 Desembalagem 2.3 Instrução de Instalação 3.MOEDAS 3.1 Especificações das Moedas 3.2 Condições das Moedas 4.OPERAÇÃO 4.1 Contagem 4.2 Pré-Determinação

Leia mais

GABINETE MTMAX MTBDJ-2UR

GABINETE MTMAX MTBDJ-2UR GABINETE MTMAX MTBDJ-2UR 1- Esta sugestão de montagem aqui descrita está baseada no gabinete MTBDJ-2UR- MTMAX (com 2 unidades de rack 19Pol), poderá ser modificada pelo cliente pois se trata de um gabinete

Leia mais

Detalhes que fazem a diferença! TWIN. Manual de Execução

Detalhes que fazem a diferença! TWIN. Manual de Execução Detalhes que fazem a diferença! Sistema Twin TL TWIN Manual de Execução Índice Índice O Sistema TWIN é um sistema de corrediças sincronizado para portas de madeira ou alumínio, de até 80 Kg. cada folha.

Leia mais

EXAUSTOR PLASSON MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR PLASSON REV.02-03/2013-MI0006P

EXAUSTOR PLASSON MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR PLASSON REV.02-03/2013-MI0006P MANUAL DE INSTALAÇÃO EXAUSTOR PLASSON REV.02-03/2013-MI0006P 0 SUMÁRIO INTRODUÇÃO... 2 IMPORTANTE... 3 SEGURANÇA... 3 CUIDADOS AO RECEBER O EQUIPAMENTO... 4 1) Instalação dos exaustores... 5 3) Montagem

Leia mais

ANEXO VII. Registro de Preços Ponto de Rede. Planilhas de Serviços de Pontos de Rede Itens 01. 7) Anexo VII ao Orientador nº 362/2012. Fls.

ANEXO VII. Registro de Preços Ponto de Rede. Planilhas de Serviços de Pontos de Rede Itens 01. 7) Anexo VII ao Orientador nº 362/2012. Fls. PREFEITURA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO CASA CIVIL EMPRESA MUNICIPAL DE INFORMATICA S.A - IPLANRIO Processo 7) Anexo VII ao Orientador nº 362/2012 ANEXO VII Registro de Preços Rede Planilhas de Serviços

Leia mais

Legrand Cabling Systems

Legrand Cabling Systems Legrand Cabling Systems Módulo IV TIA 568.C - Parâmetros para projeto Conceitos de projeto para sistemas de cabeamento estruturado 03/2016 CENTRO DE SUPORTE TÉCNICO / FORMAÇÃO Paulo Morais (31) 9 9922-4489

Leia mais

TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA TENSIONADA

TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA TENSIONADA TELA DE PROJEÇÃO ELÉTRICA TENSIONADA MANUAL DE UTILIZAÇÃO 1 Parabéns! Tenha certeza que você fez a melhor opção adquirindo o que há de melhor no mercado, por um preço justo, com padrão de qualidade IEC

Leia mais

AGITADOR 3D Modelos TW3/TW3T. FinePCR. Manual de Operação

AGITADOR 3D Modelos TW3/TW3T. FinePCR. Manual de Operação AGITADOR 3D Modelos TW3/TW3T FinePCR Manual de Operação ÍNDICE 1. Informações Gerais 2 1.1. Aviso Importante 2 1.2. Informações e Contatos do Distribuidor 2 1.3. Informações e Contatos do Fabricante 2

Leia mais

SEMEADEIRA MANUAL INSTRUÇÕES DO OPERADOR

SEMEADEIRA MANUAL INSTRUÇÕES DO OPERADOR R SEMEADEIRA MANUAL INSTRUÇÕES DO OPERADOR INDÚSTRIA MECÂNICA KNAPIK LTDA Rua Prefeito Alfredo Metzler, 480 Bairro Santa Rosa 89.400-000 Porto União - SC Telefone (42)3522-2789 - 3522-1819 E-mail: vendas@knapik.com.br,

Leia mais

RECOMENDAÇÕES DE FIXAÇÃO. Francisco Ceará Barbosa, Amarais - Campinas - SP fibralit.com.br

RECOMENDAÇÕES DE FIXAÇÃO. Francisco Ceará Barbosa, Amarais - Campinas - SP fibralit.com.br Francisco Ceará Barbosa, 89 - Amarais - Campinas - SP -.08-00 - fibralit.com.br Fone: 9 000-0800 0 0809 - Fax: 9 - fibralit@fibralit.com.br ORIENTAÇÃO DE COMO PROCEDER NA ESTRUTURAÇÃO E FIXAÇÃO DE PLACAS

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO Suportes para projetores! ATENÇÃO: Este produto requer conhecimento técnico para instalação. O produto deste manual poderá sofrer alterações sem prévio aviso. GSP-111 GSP-105 GSP-104

Leia mais

Installation instructions, accessories. Reboque, amovível. Volvo Car Corporation Gothenburg, Sweden

Installation instructions, accessories. Reboque, amovível. Volvo Car Corporation Gothenburg, Sweden Installation instructions, accessories Instrução n.º 31269488 Versão 1.5 Peça N.º 31269508, 31269514, 31269512, 31269510, 31269516, 31269539 Reboque, amovível IMG-260235 Volvo Car Corporation Reboque,

Leia mais

III CONSTRUÇÃO DOS SUPORTES DAS BOBINAS

III CONSTRUÇÃO DOS SUPORTES DAS BOBINAS III CONSTRUÇÃO DOS SUPORTES DAS BOBINAS Serão construídos dois suportes, um para a bobina transmissora, o qual será fixado na barra do detector de metal em posição vertical e outro, para a bobina receptora

Leia mais

Router CNC. Manual. Estrutura Física. A estrutura física da C37 Router CNC é composta das seguintes partes:

Router CNC. Manual. Estrutura Física. A estrutura física da C37 Router CNC é composta das seguintes partes: Manual Estrutura Física A estrutura física da C37 Router CNC é composta das seguintes partes: Mesa MDF 15mm 01 X número 01 01 X número 02 01 X número 03 01 X número 04 01 X número 05 01 X número 06 01

Leia mais

Linha Agrícola MS 180 FORNO A LENHA MANUAL DE INSTRUÇÕES

Linha Agrícola MS 180 FORNO A LENHA MANUAL DE INSTRUÇÕES Linha Agrícola MANUAL DE INSTRUÇÕES MS 180 FORNO A LENHA MODELOS MS 180 Forno a Lenha 0,60 x 0,80m MS 180 IN Forno a Lenha 0,60 x 0,80m com Inox interno MS 181 Forno a Lenha 0,60 x 1,00m MS 181 IN Forno

Leia mais

PRENSA PARA ESTÊNCIL A TINTA

PRENSA PARA ESTÊNCIL A TINTA MANUAL PARA A FABRICAÇÃO DE UMA PRENSA PARA ESTÊNCIL A TINTA Vivaldo Armelin Júnior 2006 Todos os direitos Reservados e pertencentes ao Portal ArteEducar. Proibido qualquer uso que não seja em sala de

Leia mais

ARMARIOS MURAIS 19 OLIVETEL SA

ARMARIOS MURAIS 19 OLIVETEL SA ARMARIOS MURAIS 19 ÍNDICE Conteúdo Informação geral, normas e conformidade CE 1 Modelos e dimensões 2 Flexibilidade, produtividade, qualidade e segurança 3 Escalabilidade e Acessórios 4 Contactos e Informação

Leia mais

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2013 GERÊNCIA ADMINISTRATIVA TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS

EDITAL DE LICITAÇÃO PREGÃO ELETRÔNICO Nº 004/2013 GERÊNCIA ADMINISTRATIVA TERMO DE REFERÊNCIA LOTE 2 ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS LOTE 2 EDITAL DE LICITAÇÃO MEMORIAL DESCRITIVO MOBILIÁRIO DIRETORIA 1 MESAS COM TAMPO DE MADEIRA 1.1 MESA PRINCIPAL COM TAMPO DE MADEIRA C/ DETALHE EM COURO - O Tampo da mesa deverá ser confeccionado em

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO

MANUAL DE INSTALAÇÃO MANUAL DE INSTALAÇÃO Os equipamentos do Kit Chuva atendem as exigências da norma NBR 15527: Água de chuva - Aproveitamento de coberturas em áreas urbanas para fins não potáveis Requisitos. KIT CHUVA Filtro

Leia mais

Caixa de passagem Ex e / Ex tb

Caixa de passagem Ex e / Ex tb Tomadas/Plugs Painéis Caixa de passagem Ex e / Ex tb Segurança aumentada, tempo e jatos potentes d água. Características Construtivas Caixa de passagem e ligação fabricada em liga de alumínio fundido copper

Leia mais

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS

SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS SISTEMA ECO PIPE ALCANCE GLOBAL, SOLUÇÕES ESPECÍFICAS Características técnicas: Temperatura trabalho: - C a +70 C Pressão de trabalho: -0,13 a 13 bar Material: Tubo de alumínio estrudado sem costura, passagem

Leia mais

INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS EM PEX (tubos e conexões) SINAPI LOTE 1 SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL

INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS EM PEX (tubos e conexões) SINAPI LOTE 1 SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL SINAPI SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA CONSTRUÇÃO CIVIL CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA INSTALAÇÕES HIDRÁULICAS EM PEX (tubos e conexões) LOTE 1 Versão: 002 Vigência: 06/2015

Leia mais

MEMORIAL DESCRITIVO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ - CAMPUS DE OEIRAS

MEMORIAL DESCRITIVO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ - CAMPUS DE OEIRAS Projeto de Telefonia e Lógica por Cabeamento estruturado MEMORIAL DESCRITIVO INSTALAÇÕES DE TELEFONIA E LÓGICA POR CABEAMENTO ESTRUTURADO UNIVERSIDADE ESTADUAL DO PIAUÍ - CAMPUS DE OEIRAS FAZENDA TALHADA,

Leia mais

Partes do Produto. 2- Lateral Esquerda (1X) 1- Lateral Direita (1X) Componentes. A- Parafuso Minifix (20x) E- Fixador RV8 (16x)

Partes do Produto. 2- Lateral Esquerda (1X) 1- Lateral Direita (1X) Componentes. A- Parafuso Minifix (20x) E- Fixador RV8 (16x) Axis Armário 4 ortas artes do roduto 3- Chapéu/Base (4X) 6- Rodapé Frontal (X) 7- Rodapé raseiro (X) 3- Fundo de Gaveta (4X) 8- raseiro de Gaveta (4X) 9- Frente de Gaveta (4X) *uxadores vendidos separadamente

Leia mais

MANUAL DE INSTALAÇÃO. Suporte M001-POLI. Para Monitores de Plasma e LCD de 30 à 61

MANUAL DE INSTALAÇÃO. Suporte M001-POLI. Para Monitores de Plasma e LCD de 30 à 61 MANUAL DE INSTALAÇÃO 001-05 Suporte M001-POLI Para Monitores de Plasma e LCD de 30 à 61 Parabéns! Você adquiriu um produto desenvolvido por quem faz exclusivamente equipamentos para Home Theater há mais

Leia mais

I n s t r u ç ã o p a r a I n s t a l a ç ã o d e P r o d u t o s

I n s t r u ç ã o p a r a I n s t a l a ç ã o d e P r o d u t o s Recomendações Iniciais: Cuidados com o produto: A limpeza final dos banheiros feita após a obra comumente com ácidos (muriático ou similar), causam danos ao acabamento dos Sobre o local de instalação:

Leia mais

REFLETOR PLANO UNIVERSAL E LINHA PRATIC

REFLETOR PLANO UNIVERSAL E LINHA PRATIC REFLETOR PLANO UNIVERSAL E LINHA PRATIC SOLUÇÕES EM INSTALAÇÕES ESPECIAIS OU PISCINAS JÁ CONSTRUÍDAS. CONHEÇA AS SOLUÇÕES PRATIC E PLANO UNIVERSAL SOLUÇÕES DA LINHA PRATIC Introdução SOLUÇÕES DO REFLETOR

Leia mais

Manual de Montagem, Instalação e Uso Mosquiteira Recolhível 40 TELAS

Manual de Montagem, Instalação e Uso Mosquiteira Recolhível 40 TELAS Manual de Montagem, Instalação e Uso Medição Inicie fazendo a medição da largura e altura, meça em pelo menos dois pontos e utilize a menor medida. Largura Interno L Sobrepor L Observe que sempre será

Leia mais