O atendimento psicopedagógico no Hospital das Clínicas São Paulo

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "O atendimento psicopedagógico no Hospital das Clínicas São Paulo"

Transcrição

1 O atendimento psicopedagógico no Hospital das Clínicas São Paulo

2 APRESENTAÇÃO P.p Ana Paula Caterino Pedagoga, Psicopedagoga e Mestranda em Distúrbios do Desenvolvimento pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Atuei como estagiária voluntária de Psicopedagogia do Hospital das Clínicas Hospital Dia Infantil do Instituto de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). Colaboradora do Laboratório de Neurociência Cognitiva e Social da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). Psicopedagoga com atuação em clínica.

3 Psicopedagogia no no ambiente hospitalar. O psicopedagogo na instituição hospitalar tem como objetivo, ser o interlocutor, de todos aqueles que passam por internações, sejam elas de curta, média ou longa duração, doenças crônicas e de pacientes terminais.

4 AMBIENTE HOSPITALAR Ambulatorial e internações: Avaliar o paciente para identificar possíveis Transtornos/Dificuldade de aprendizagem. intervenção de forma eficiente usando habilidades e estratégias para amenizar as dificuldades de aprendizagem, no tempo de internação.

5 AMBIENTE HOSPITALAR Administrativo do hospital: Classe hospitalar intervir na didática do pedagogo da classe hospitalar, ajudando assim nas atividades selecionadas para cada paciente devido a sua patologia.

6 Normas de conduta do psicopedagogo hospitalar Observar todos os setores e dinâmica Hospitalar: Rotinas médicas da equipe de enfermagem; Procedimentos; Hora das refeições; Hora da visita; Não interferir no trabalho do outro, se for discordar e expor sua opinião com embasamento teórico; (PORTO,2010,P.51)

7 Normas de conduta do psicopedagogo hospitalar Anotar todos os setores do hospital e suas atribuições: Da portaria à direção; Usar sempre sutileza; Fazer vínculos afetivos, pois, nosso trabalho é novo e desconhecido para a comunidade hospitalar; É preciso mostrar que não somos detetives nem espiões da direção do hospital (PORTO,2010,P.52)

8 Profissional Psicopedagogo Seja amigo (a); Compartilhe com as equipes as vitória em também a dor; Acima de tudo seja profissional; Entre no hospital sempre com um sorriso no rosto, procurando diluir o clima que quase sempre é pesado;

9 Importante Leia sempre os prontuários para ver a evolução do quadro e as recomendações médicas; Quem transmite notícias de doenças e da morte, é o médico. Nunca aceite essa atribuição; A ÉTICA É UM DOS FATORES MAIS IMPORTANTES NA NOSSA PROFISSÃO!!!!!!!!

10 Minha atuação Avaliação de pacientes do HDI E EHDI. Intervenção individual/grupo. Orientar pais/professores. Acesso aos prontuários.

11 Equipe Multidisciplinar Os profissionais. Psicopedagogos Psicólogos Terapeutas Ocupacionais Psiquiatras Fonoaudiólogos Nutricionistas Pedagogos Neurologistas Odontologistas Assistentes Sociais Fisioterapeuta Enfermeiros Professor de Educação Física

12 Psiquiatria A adaptação não foi fácil, afinal é um Hospital Psiquiátrico Infantil!!! Todos os profissionais que lidam com paciente e suas frustações, devem fazer terapia.

13 Psiquiatria ALGUNS CUIDADOS EM HOSPITAIS PSIQUIÁTRICOS. Portas sempre fechadas com chaves. Proibido materiais pontiagudos (faca e tesoura). Cuidado com clips, ponta de caneta. Proibido qualquer material que apresente risco ao paciente. Cuidado com agressões.

14 Transtornos encontrados e comorbidade com Transtorno de aprendizagem Transtornos Alimentares Transtorno de Ansiedade Transtorno do Espectro Autista Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade Transtorno de Conduta Esquizofrenia Transtorno Bipolar

15 Transtornos encontrados e comorbidade com Transtorno de aprendizagem Transtorno de Gênero Dislexia Transtorno de personalidade borderline Depressão Transtono Obsessivo Compulsivo Família disfuncional

16 Instrumento de Avaliação ] TDE Teste de Desempenho Escolar.

17 Instrumento de Avaliação BACLE Bateria de avaliação competências Leitura e escrita.

18 Programa de intervenção

19 DIFRENTES SETORES Enfermaria/Internação Hospital-Dia/Semi-internação Ambulatórios

20 Internação em período parcial Pacientes de ambos os sexos, idade a partir 6 a 18 anos, que necessitem de atendimento psiquiátrico / horários. Rotina: Período da manhã Psicólogos; Terapeuta Ocupacional; Psiquiatria; Fonoaudióloga; Período da tarde Psicopedagogos; Nutricionistas; Pedagogo (classe hospitalar);

21 Internação em período integral Pacientes de ambos os sexos, idade inferior a 18 anos, que necessitem de atendimento psiquiátrico. Rotina: Período da manhã Pedagogos (classe hospitalar); Psicopedagogos; Período da tarde - Psicólogos; Terapeuta Ocupacional; Psiquiatria; Fonoaudióloga; Nutricionista O tempo de internação depende de cada paciente. Festas de alta!!!

22 Brinquedoteca Momento lúdico Observação Interação

23 Leito dos internados

24 ESTUDO DE CASO PSICOPEDAGOGIA E PSIQUIATRIA: UMA CORRELAÇÃO FUNDAMENTAL PARA A PROMOÇÃO DA APRENDIZAGEME DA SAÚDE MENTAL. Foram realizadas avaliações e intervenções em 3 pacientes com diagnóstico de Esquizofrenia, Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade e Transtorno Ansioso, com idades entre 10 e 14 anos atendidas diariamente durante 3 meses no Hospital Dia.

25 ESTUDO DE CASO Os pacientes foram avaliados com relação às suas possibilidades: Linguagem oral, Escrita, Memória de trabalho (operacional), e Atenção. Foi realizada a intervenção psicopedagógica com material pedagógico e assistência específica. Atividades desenvolvidas foram de suma importância para desenvolvimento da leitura, escrita, compreensão, aritmética e memória, tendo como base as dificuldades identificadas.

26 ESTUDO DE CASO Após estimular o desenvolvimento cognitivo, auxiliando no vínculo ensino-aprendizagem. Observou-se no momento da alta melhora... Desenvolvimento Cognitivo cognitivo Ensino- Aprendizagem Melhoras comportamentais Autonomia de Estudo/Compreensão Relações com os colegas Relacionamento com os colegas

27 CONCLUSÃO Os pacientes voltam para o contexto escolar muito mais preparados depois de uma longa jornada de intervenção psicopedagógica hospitalar.

28

29 REFLEXÃO É no espaço da transcionalidade que se entrelaçam os fios da subjetividade e da objetividade, trama de angústia e de esperança. Fios que se entrelaçam, se acrescentam e se desfazem, adquirindo novas formas e cores, numa dança continua. Dança por vezes suave e encantadora, por outra, vigorosa e arrebatada, agressiva, triste ou apaixonada, mas sempre melodia expressando o mistério da vida. (WINNICOT,1997,P.57)

30 OBRIGADA! Ana Paula Caterino: Contato: (11) Facebook: Psicopedagoga Ana Paula Caterino

31 REFERÊNCIA PORTO, Olívia. Psicopedagogia Hospitalar. 2 edição. Rio de Janeiro: Wak Editora, 2010.

32

33

34

EMENTA - CURSO DE EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA

EMENTA - CURSO DE EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA EMENTA - CURSO DE EXTENSÃO EM EDUCAÇÃO INCLUSIVA Descrição O objetivo deste curso é promover um aprimoramento para estudantes e profissionais das áreas de saúde e/ou educação que buscam ampliar seus conhecimentos

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO EM NEUROPSICOPEDAGOGIA

PÓS-GRADUAÇÃO EM NEUROPSICOPEDAGOGIA PÓS-GRADUAÇÃO EM NEUROPSICOPEDAGOGIA Instituição Certificadora: FALC Amparo Legal: Resolução CNE CES 1 2001 Resolução CNE CES 1 2007 Carga Horária: 420h Período de Duração: 12 meses (01 ano) Objetivos:

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: São Carlos Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: : Técnico em Enfermagem Qualificação:

Leia mais

MENTAL PARA PROFISSIONAIS DE

MENTAL PARA PROFISSIONAIS DE SAúDE MENTAL PARA PROFISSIONAIS DE SAúDE (JUN 2015) PORTO Está preparado para lidar com indivíduos com perturbações mentais? A resposta da maioria dos profissionais de saúde em Portugal será certamente

Leia mais

CURSO DE CAPACITAÇÃO EM PSIQUIATRIA DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA 2017

CURSO DE CAPACITAÇÃO EM PSIQUIATRIA DA INFÂNCIA E DA ADOLESCÊNCIA 2017 Informações Informações Gerais: O curso consiste em 12 módulos que podem ser cursados de maneira independente, porém a capacitação em Psiquiatria da Infância e da Adolescência é concedida somente àqueles

Leia mais

ESTÁGIO: PSICOLOGIA HOSPITALAR: INTERVENÇÃO PSICOLÓGICA EM UMA UNIDADE DE TRANSPLANTE DE MEDULA ÓSSEA

ESTÁGIO: PSICOLOGIA HOSPITALAR: INTERVENÇÃO PSICOLÓGICA EM UMA UNIDADE DE TRANSPLANTE DE MEDULA ÓSSEA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE RIBEIRÃO PRETO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA CENTRO DE PESQUISA E PSICOLOGIA APLICADA ESTÁGIO: PSICOLOGIA HOSPITALAR: INTERVENÇÃO PSICOLÓGICA

Leia mais

115 FÍSICO FÍSICA MÉDICA - RADIOTERAPIA A B A E A C B B C D A E D A A E C D B C B E D A C E E A B D FISIOTERAPIA A B A E A D E B D E A D E C A B

115 FÍSICO FÍSICA MÉDICA - RADIOTERAPIA A B A E A C B B C D A E D A A E C D B C B E D A C E E A B D FISIOTERAPIA A B A E A D E B D E A D E C A B (Gabarito divulgado em 09/12/2013) D E B E B A D D D C D C E A C C B C B E 101 ASSISTENTE SOCIAL A B A E A E A B D C B A E B C B D B D A C E A D D E C E A C 102 - BIÓLOGO A B A E A C A E B E C D A D D

Leia mais

Prevalência de transtornos mentais em pacientes com ulceração

Prevalência de transtornos mentais em pacientes com ulceração doi: 10.20513/2447-6595.2016v56n1p24-28 24 ARTIGO ORIGINAL Prevalência de transtornos mentais em pacientes com ulceração Lisiane Pires Martins dos Santos 1. João Paulo Lima Santos 1. João Joaquim Freitas

Leia mais

NÚCLEO DE APOIO ACADÊMICO NAAC

NÚCLEO DE APOIO ACADÊMICO NAAC NÚCLEO DE APOIO ACADÊMICO Universidade de Santa Cruz do Sul Pró-Reitoria de Graduação COORDENAÇÃO PEDAGÓGICA NAP Núcleo de Apoio Pedagógico Núcleo de Apoio Acadêmico Ações Gerais Coordenadora Profª Drª

Leia mais

SERVIÇO DE ATENÇÃO AO PORTADOR DE OBESIDADE GRAVE

SERVIÇO DE ATENÇÃO AO PORTADOR DE OBESIDADE GRAVE Procedimento Operacional Padrão (POP) SERVIÇO DE PSICOLOGIA POP nº 04 PSI/HU Hospital Universitário Prof. Polydoro Ernani de São Thiago da Universidade Federal de Santa Catarina SERVIÇO DE ATENÇÃO AO PORTADOR

Leia mais

Tal vistoria foi uma demanda do Ministério Público do Estado de Pernambuco e teve como objetivo as demissões ocorridas após as eleições municipais.

Tal vistoria foi uma demanda do Ministério Público do Estado de Pernambuco e teve como objetivo as demissões ocorridas após as eleições municipais. Relatório de Fiscalização CAPS SÃO LOURENÇO MÁRTIR Rua Barão de Caruaru, 116 Muribara São Lourenço da Mata Telefone: não tem Diretor técnico: não tem Por determinação deste Conselho fomos ao estabelecimento

Leia mais

RAPS. Saúde Mental 26/08/2016. Prof.: Beto Cruz PORTARIA Nº 3.088, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011(*)

RAPS. Saúde Mental 26/08/2016. Prof.: Beto Cruz PORTARIA Nº 3.088, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011(*) Saúde Mental Prof.: Beto Cruz betocais2@gmail.com PORTARIA Nº 3.088, DE 23 DE DEZEMBRO DE 2011(*) Institui a Rede de Atenção Psicossocial para pessoas com sofrimento ou transtorno mental e com necessidades

Leia mais

COORDENAÇÃO DO NÚCLEO CURRICULAR FLEXÍVEL PRÁTICAS EDUCATIVAS FICHA DE OBSERVAÇÃO - 1

COORDENAÇÃO DO NÚCLEO CURRICULAR FLEXÍVEL PRÁTICAS EDUCATIVAS FICHA DE OBSERVAÇÃO - 1 FICHA DE OBSERVAÇÃO - 1 ENFERMAGEM NOS CUIDADOS INTEGRAIS AO ADULTO E IDOSO NO PERÍODO PERI OPERATÓRIO Acadêmico: Curso: Período: Turno: Disciplina(s): Local: Campos de Observação: Profissional responsável

Leia mais

dificuldades de Aprendizagem X distúrbio de Aprendizagem

dificuldades de Aprendizagem X distúrbio de Aprendizagem Capacitação Multidisciplinar Continuada Como lidar com as dificuldades de Aprendizagem X distúrbio de Aprendizagem O que é aprendizagem Aprendizagem é um processo de mudança de comportamento obtido através

Leia mais

RESOLUÇÃO. Parágrafo único. O novo currículo será o 0006-LS e entrará em vigor no 1º semestre letivo de 2018.

RESOLUÇÃO. Parágrafo único. O novo currículo será o 0006-LS e entrará em vigor no 1º semestre letivo de 2018. RESOLUÇÃO CONSEPE 30/2017 ALTERA MATRIZ CURRICULAR, BEM COMO, EMENTAS E OBJETIVOS DO CURSO DE PÓS- GRADUAÇÃO LATO SENSU EM PSICOPEDAGOGIA: CLÍNICA E INSTITUCIONAL DA UNIVERSIDADE SÃO FRANCISCO USF E APROVA

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: TÉCNICO DE ENFERMAGEM Qualificação: Técnico

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM CURSO DE ENFERMAGEM ESTÁGIO CURRICULAR III. Bruna Zoehler Baumgart

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM CURSO DE ENFERMAGEM ESTÁGIO CURRICULAR III. Bruna Zoehler Baumgart UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM CURSO DE ENFERMAGEM ESTÁGIO CURRICULAR III Bruna Zoehler Baumgart Relatório de Estágio na Unidade de Internação Psiquiátrica do Hospital de

Leia mais

PSICOPEDAGOGIA,INCLUSÃO E O ATENDIMENTO A PESSOA COM AUTISMO

PSICOPEDAGOGIA,INCLUSÃO E O ATENDIMENTO A PESSOA COM AUTISMO PSICOPEDAGOGIA,INCLUSÃO E O ATENDIMENTO A PESSOA COM AUTISMO VALERIA OLIVEIRA PSICOPEDAGOGA, PSICANALISTA ORIENTADORA EDUCACIONAL ESPECIALISTA EM NEUROPSICOPEDAGOGIA E EDUCAÇÃO ESPECIAL INCLUSIVA. PÓS

Leia mais

Infarto Agudo do Miocárdio Avaliação de Saúde Mental. Versão eletrônica atualizada em Fevereiro 2009

Infarto Agudo do Miocárdio Avaliação de Saúde Mental. Versão eletrônica atualizada em Fevereiro 2009 Infarto Agudo do Miocárdio Avaliação de Saúde Mental Versão eletrônica atualizada em Fevereiro 2009 Grupo de Trabalho: Dra. Ana Luiza Camargo Psicóloga Ana Lucia Martins da Silva Implementação do Protocolo:

Leia mais

ASSISTÊNCIA DOMICILIAR UNIMED VITÓRIA

ASSISTÊNCIA DOMICILIAR UNIMED VITÓRIA ASSISTÊNCIA DOMICILIAR UNIMED VITÓRIA ASSISTÊNCIA DOMICILIAR CIAS CENTRO INTEGRADO DE ATENÇÃO A SAÚDE UNIMED DIAGNÓSTICO SOS CONCEITO FORNECER SERVIÇOS, EQUIPAMENTOS, MATERIAIS E MEDICAMENTOS AO USUÁRIO

Leia mais

CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE: relatório de estágio curricular

CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE: relatório de estágio curricular 1 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL ESCOLA DE ENFERMAGEM Raissa Ribeiro Saraiva de Carvalho CENTRO DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL DO HOSPITAL DE CLÍNICAS DE PORTO ALEGRE: relatório de estágio curricular

Leia mais

Material desenvolvido com conteúdo fornecido pelas unidades acadêmicas responsáveis pelas disciplinas.

Material desenvolvido com conteúdo fornecido pelas unidades acadêmicas responsáveis pelas disciplinas. 1 2 Material desenvolvido com conteúdo fornecido pelas unidades acadêmicas responsáveis pelas disciplinas. Organização Projeto Visual COMEP Paulo Roberto Bueno Pereira Michela Peanho Harumi Toda Watzel

Leia mais

Psicodiagnóstico Institucional e Projeto de Intervenção

Psicodiagnóstico Institucional e Projeto de Intervenção Psicodiagnóstico Institucional e Projeto de Intervenção PSICODIAGNÓSTICO INSTITUCIONAL/HOSPITAL Elemento preliminar ao projeto de Intervenção Mapeamento das áreas que apresentam maior demanda de intervenção

Leia mais

PORTARIA Nº 145, DE 11 DE JANEIRO DE 2017

PORTARIA Nº 145, DE 11 DE JANEIRO DE 2017 PORTARIA Nº 145, DE 11 DE JANEIRO DE 2017 Altera procedimentos na Tabela de Procedimentos, Medicamentos, Órteses, Próteses e Materiais Especiais do SUS para atendimento na Atenção Básica. O Secretário

Leia mais

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico. Qualificação: Sem certificação técnica

Administração Central Unidade de Ensino Médio e Técnico - CETEC. Ensino Técnico. Qualificação: Sem certificação técnica Plano de Trabalho Docente 2013 Ensino Técnico ETEC PAULINO BOTELHO Código: 091 Município: SÃO CARLOS Eixo Tecnológico: Ambiente, Saúde e Segurança Habilitação Profissional: Técnico em Enfermagem Qualificação:

Leia mais

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM EM LEITURA E ESCRITA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE CORNÉLIO PROCÓPIO: ESTRATÉGIAS E DIFICULDADES DOS PROFESSORES

DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM EM LEITURA E ESCRITA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE CORNÉLIO PROCÓPIO: ESTRATÉGIAS E DIFICULDADES DOS PROFESSORES DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM EM LEITURA E ESCRITA NAS ESCOLAS MUNICIPAIS DE CORNÉLIO PROCÓPIO: ESTRATÉGIAS E DIFICULDADES DOS PROFESSORES Glaucea Valéria Batista Vitor (PIBIC//UENP) glauceacp95@hotmail.com

Leia mais

Coordenador Geral dos Programas de Residência Médica. Coordenadora da COREME. Coordenador do Programa de Pediatria

Coordenador Geral dos Programas de Residência Médica. Coordenadora da COREME. Coordenador do Programa de Pediatria PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM PEDIATRIA Coordenador Geral dos Programas de Residência Médica Dr. Arnaldo Prata Barbosa Coordenadora da COREME Dra. Vanessa Soares Lanziotti Coordenador do Programa de

Leia mais

Coordenação de Psicologia

Coordenação de Psicologia Coordenação de Psicologia ESTÁGIO SUPERVISIONADO DO CURSO DE PSICOLOGIA INESP/FUNEDI/UEMG 2º SEMESTRE 2011 ESTÁGIOS OFERECIDOS PARA OS ALUNOS DE 5º ao 7º PERÍODOS (Núcleo Básico) 1. ANÁLISE INSTITUCIONAL

Leia mais

MATRIZ CURRICULAR 2017 FORMAÇÃO DE PSICÓLOGO CICLO BÁSICO. 1º Período

MATRIZ CURRICULAR 2017 FORMAÇÃO DE PSICÓLOGO CICLO BÁSICO. 1º Período PRÓ-REITORIA ACADÊMICA CURSO DE PSICOLOGIA MATRIZ CURRICULAR 2017 FORMAÇÃO DE PSICÓLOGO CICLO BÁSICO 1º Período Teórica Prática Semipresen cial 01 Anatomia Humana 40 40-80 02 História da Psicologia 80

Leia mais

WWW.RMPSIQUIATRIA.COM.BR Coordenador do curso: Rafael Moreno Ferro de Araújo Médico Psiquiatra UFCSPA, Porto Alegre-RS Mestre e Doutorando em Medicina PUCRS, Porto Alegre-RS Professor e coordenador da

Leia mais

CENTRO DE REFERÊNCIA EM TRANSTORNOS DO ESPECTRO AUTISTA CREAPP

CENTRO DE REFERÊNCIA EM TRANSTORNOS DO ESPECTRO AUTISTA CREAPP CREAPP SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE COORDENADORIA DE SERVIÇOS DE SAÚDE CAISM PHILIPPE PINEL CENTRO DE REFERÊNCIA EM TRANSTORNOS DO ESPECTRO AUTISTA CREAPP Coordenadora: Miriam Tornero Gerente: Valdete

Leia mais

SAÚDE MENTAL NO BRASIL E O CAPS. Política Social e trabalho

SAÚDE MENTAL NO BRASIL E O CAPS. Política Social e trabalho SAÚDE MENTAL NO BRASIL E O CAPS ISSN 2359-1277 Denise Santos Borges- dehtaa@hotmail.com Ana Leticia Soares- Soares2329@hotmail.com Carlos Henrique Jessica Ruotolo- jessicaruotolo1@hotmail.com Prof. Me.

Leia mais

As dificuldades na abordagem de adultos autistas e conseqüências concretas

As dificuldades na abordagem de adultos autistas e conseqüências concretas As dificuldades na abordagem de adultos autistas e conseqüências concretas Transtorno do Espectro Autista O autismo é considerado um transtorno do desenvolvimento de causas neurobiológicas. As características

Leia mais

Garantia de Qualidade e Continuidade da Assistência no Atendimento Domiciliar

Garantia de Qualidade e Continuidade da Assistência no Atendimento Domiciliar Garantia de Qualidade e Continuidade da Assistência no Atendimento Domiciliar ANA ADALGISA DE OLIVEIRA BORGES GESTORA DE ATENÇÃO DOMICILIAR - SERVIÇOS PRÓPRIOS UNIMEB-BH Introdução Definição Conceito de

Leia mais

##ATO Portaria nº 251/GM, Em 31 de janeiro de 2002.

##ATO Portaria nº 251/GM, Em 31 de janeiro de 2002. 1 de 5 15/5/2009 15:24 ##ATO Portaria nº 251/GM, Em 31 de janeiro de 2002. Estabelece diretrizes e normas para a assistência hospitalar em psiquiatria, reclassifica os hospitais psiquiátricos, define e

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO DISPOSIÇÕES PRELIMINARES Artigo 1º - O presente regulamento normatiza as atribuições e o funcionamento do núcleo de apoio psicopedagógico da Faculdade de

Leia mais

CONCURSO PÚBLICO - EDITAL 050/2015. ANEXO 1 - Cargos, Número de Vagas, Cargas Horárias, Salários Mensais, Auxílio Alimentação e Pré-requisitos.

CONCURSO PÚBLICO - EDITAL 050/2015. ANEXO 1 - Cargos, Número de Vagas, Cargas Horárias, Salários Mensais, Auxílio Alimentação e Pré-requisitos. CONCURSO PÚBLICO - EDITAL 050/2015 ANEXO 1 - s, Número de, Cargas Horárias, Salários Mensais, e Pré-requisitos. A - s de Nível Fundamental Ajudante Geral 2 40h R$ 968,96 R$ 330,00 Ensino fundamental completo.

Leia mais

CURSO DE ENFERMAGEM - LICENCIATURA

CURSO DE ENFERMAGEM - LICENCIATURA CURSO DE ENFERMAGEM - LICENCIATURA 20 /20 Ano - Semestre. INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO PRÁTICA CLÍNICA Local: Período: de / / a / / Estudante de Enfermagem: Enfermeiro de Referência : Professor da ESESJC:

Leia mais

Recursos Próprios 2013

Recursos Próprios 2013 Recursos Próprios 2013 " Serviços Próprios de Atendimento Pré-Hospitalar (SOS) e Assistência Domiciliar ( Home- Care): reconhecendo a importância destas modalidades assistenciais para o cliente e para

Leia mais

Uso de Medicação Psicotrópica em uma Grande Instituição para Deficientes Mentais - I(1)

Uso de Medicação Psicotrópica em uma Grande Instituição para Deficientes Mentais - I(1) D Deficiência Mental / Déficit Sensorial / Delírio / Depressão / Desenvolvimento / Diabetes Melitus / Diagnóstico / Distúrbio de Leitura / Doença / Doença de Moyamoya / Drogadição DEFICIÊNCIA MENTAL Uso

Leia mais

A psicopedagogia na Argentina: Compreendendo a atuação do psicopedagogo

A psicopedagogia na Argentina: Compreendendo a atuação do psicopedagogo A psicopedagogia na Argentina: Compreendendo a atuação do psicopedagogo IV Congresso de Psicopedagogía escolar. UFU/Nov 2015 OBJETIVO GERAL E TAREFA: Apresentar a atuação da psicopedagogia e seus desafios

Leia mais

INTERVENÇÕES PSICOPEDAGÓGICAS E ARTESANATO: TRABALHANDO AS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM COM PESSOAS COM CÂNCER, DEPENDENTES QUIMICOS E OUTROS...

INTERVENÇÕES PSICOPEDAGÓGICAS E ARTESANATO: TRABALHANDO AS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM COM PESSOAS COM CÂNCER, DEPENDENTES QUIMICOS E OUTROS... INTERVENÇÕES PSICOPEDAGÓGICAS E ARTESANATO: TRABALHANDO AS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM COM PESSOAS COM CÂNCER, DEPENDENTES QUIMICOS E OUTROS... INTRODUÇÃO EM 2012, COMECEI A DESENVOLVER UMA AÇÃO VOLUNTARIA

Leia mais

MODELO ASSISTENCIAL HOSPITAL SAMARITANO -SP

MODELO ASSISTENCIAL HOSPITAL SAMARITANO -SP MODELO ASSISTENCIAL HOSPITAL SAMARITANO -SP Patricia Santesso Laurino Assessora de Aprimoramento e Desenvolvimento Encontro Nacional Unimed de Recursos e Serviços Próprios e Jornadas Nacionais Unimed de

Leia mais

Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia PSICOLOGIA. Comissão de Residência Multiprofissional - COREMU

Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia PSICOLOGIA. Comissão de Residência Multiprofissional - COREMU Programa de Residência Comissão de Residência - COREMU Programa de Residência As Residências Multiprofissionais na área de saúde, criadas a partir da promulgação da Lei n 11.129 de 2005, são orientadas

Leia mais

2. Nome do(s) supervisor(es): PROFA. DRA. SONIA REGINA PASIAN. Psicóloga MARIA PAULA FOSS

2. Nome do(s) supervisor(es): PROFA. DRA. SONIA REGINA PASIAN. Psicóloga MARIA PAULA FOSS UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE RIBEIRÃO PRETO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA E EDUCAÇÃO CENTRO DE PESQUISA E PSICOLOGIA APLICADA ESTÁGIO: AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA

Leia mais

AVALIAÇÃO DOS HOSPITAIS DA CIDADE DE JOÃO PESSOA/PB PARA ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO IDOSA.

AVALIAÇÃO DOS HOSPITAIS DA CIDADE DE JOÃO PESSOA/PB PARA ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO IDOSA. AVALIAÇÃO DOS HOSPITAIS DA CIDADE DE JOÃO PESSOA/PB PARA ATENDIMENTO DA POPULAÇÃO IDOSA. MsC. Elídio Vanzella Professor da Estácio e Ensine Faculdades Email: evanzella@yahoo.com.br Introdução O Brasil

Leia mais

Programa de Residência Multiprofissional em Gerontologia

Programa de Residência Multiprofissional em Gerontologia Programa de Residência Multiprofissional em Gerontologia Cenário de Prática: No primeiro ano, o residente terá atuação na Proteção Especial e Atenção Especializada de Média e Alta Complexidade, em Unidade

Leia mais

ESTÁGIO: AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA I. CARACTERÍSTICAS GERAIS DO ESTÁGIO: 1. Estágio através do CPA ( X ) ou disciplina-estágio ( )

ESTÁGIO: AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA I. CARACTERÍSTICAS GERAIS DO ESTÁGIO: 1. Estágio através do CPA ( X ) ou disciplina-estágio ( ) UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO FACULDADE DE FILOSOFIA, CIÊNCIAS E LETRAS DE RIBEIRÃO PRETO DEPARTAMENTO DE PSICOLOGIA CENTRO DE PESQUISA E PSICOLOGIA APLICADA ESTÁGIO: AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA I. CARACTERÍSTICAS

Leia mais

A IMPORTÂNCIA DA ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL NA ASSISTÊNCIA DOMICILIAR

A IMPORTÂNCIA DA ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL NA ASSISTÊNCIA DOMICILIAR A IMPORTÂNCIA DA ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL NA ASSISTÊNCIA DOMICILIAR PROGRAMA DE ATENÇÃO DOMICILIAR UNIMED-BH CAMILA CARNEIRO DA FONSECA Assistente Social Serviço de Atenção Domiciliar Atenção Domiciliar

Leia mais

Visão: Salvar vidas por ano. O QUE É UMA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI)?

Visão: Salvar vidas por ano. O QUE É UMA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI)? O QUE É UMA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA (UTI)? A UTI é uma área exclusiva e restrita dentro do hospital de tratamento aos pacientes que necessitam de cuidados intensivos e monitorização constante, com

Leia mais

Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade. Dislexia e TDAH. Profa. Dra. Marilene T. Cortez Universidade do Estado de MG

Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade. Dislexia e TDAH. Profa. Dra. Marilene T. Cortez Universidade do Estado de MG Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade Dislexia e TDAH Profa. Dra. Marilene T. Cortez Universidade do Estado de MG O QUE É O TDAH? Se enquadra no DSM-5 (APA, 2014) como uma condição do neurodesenvolvimento.

Leia mais

TABELA 1 CARGOS DE NÍVEL FUNDAMENTAL INCOMPLETO. Carga horária Semanal. AD PCD Total Salário Base CARGO BOMBEIRO HIDRÁULICO

TABELA 1 CARGOS DE NÍVEL FUNDAMENTAL INCOMPLETO. Carga horária Semanal. AD PCD Total Salário Base CARGO BOMBEIRO HIDRÁULICO ANEXO II DO EDITAL N o 01/2016-PMT/TIANGUÁ, DE 13 DE JULHO DE 2016 Códigos e denominação dos cargos, área de atuação, carga semanal, vagas, salário base e qualificação exigida para investidura no cargo;

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO Penápolis/SP 2015 REGULAMENTO DO NÚCLEO DE APOIO PSICOPEDAGÓGICO Artigo 1º - Definição O Apoio Psicopedagógico funciona como apoio educativo, com autonomia

Leia mais

CENTRO DE PREVENÇÃO E TRATAMENTO AO TOXICÔMANOS. Coordenador: Renato Carlos Vieira. Endereço: Rua Álvaro Sarlo, 160. Bairro: Ilha de Santa Maria

CENTRO DE PREVENÇÃO E TRATAMENTO AO TOXICÔMANOS. Coordenador: Renato Carlos Vieira. Endereço: Rua Álvaro Sarlo, 160. Bairro: Ilha de Santa Maria CENTRO DE PREVENÇÃO E TRATAMENTO AO TOXICÔMANOS Coordenador: Renato Carlos Vieira Endereço: Rua Álvaro Sarlo, 160 Bairro: Ilha de Santa Maria CEP: 29051-100 Horários de atendimento: 7 às 19h (Atendimento

Leia mais

HOSPITAL DE CARIDADE SÃO VICENTE DE PAULO. Cartilha Atendimento ao Cliente

HOSPITAL DE CARIDADE SÃO VICENTE DE PAULO. Cartilha Atendimento ao Cliente Cartilha Atendimento ao Cliente Esta cartilha vai ajudá-lo a conhecer quais os atendimentos de saúde devem ser procurados de acordo com a sua necessidade e de sua família. O Hospital de Caridade São Vicente

Leia mais

1. Histórias e perspectivas da Psicoterapia Cognitiva - Aaron Beck

1. Histórias e perspectivas da Psicoterapia Cognitiva - Aaron Beck GRUPO DE ESTUDOS EM TERAPIA COGNITIVA COMPORTAMENTAL O objetivo é estudar e analisar as principais psicopatologias da infância, adolescência e da vida adulta e as principais técnicas de tratamento utilizadas

Leia mais

Dra Eliane Guimarães Área de Gestão de Saúde PROGRAMA PARA VIVER MELHOR

Dra Eliane Guimarães Área de Gestão de Saúde PROGRAMA PARA VIVER MELHOR Dra Eliane Guimarães Área de Gestão de Saúde PROGRAMA PARA VIVER MELHOR Área de Gestão de Saúde Estrutura Organizacional Área de Gestão de Saúde Núcleo Técnico Administrativo Unidade Saúde Corporativa

Leia mais

Superintendência de Gestão, Planejamento e Finanças Gerência de Contratos e Convênios ANEXO II METAS DE PRODUÇÃO

Superintendência de Gestão, Planejamento e Finanças Gerência de Contratos e Convênios ANEXO II METAS DE PRODUÇÃO ANEXO II METAS DE PRODUÇÃO 1. ATIVIDADES MÍNIMAS A REALIZAR 1.1. ASSISTÊNCIA HOSPITALAR Produção. 1.1.1. Realizar, no mínimo, 90% da meta estabelecida no Plano de Metas de 1.1.2. O indicador de aferição

Leia mais

1.1. Matriz Curricular do Curso de Bacharelado em Psicologia

1.1. Matriz Curricular do Curso de Bacharelado em Psicologia 1.1. Matriz Curricular do Curso de Bacharelado em Psicologia 1 SEMESTRE Fundamentos Históricos e Epistemológicos da Psicologia 60 Desenvolvimento do Conhecimento Científico 60 Comunicação e Expressão 60

Leia mais

Fobia Específica. Simpósio de Terapia Cognitivo Comportamental Instituto Brasileiro de Hipnose IBH

Fobia Específica. Simpósio de Terapia Cognitivo Comportamental Instituto Brasileiro de Hipnose IBH Fobia Específica Simpósio de Terapia Cognitivo Comportamental Instituto Brasileiro de Hipnose IBH - 20015 A origem da palavra Fobia Phobos" significa "medo" e serve de raiz para a palavra fobia. Os critérios

Leia mais

PROGRAMA DE ATENÇÃO A PACIENTES CRÔNICOS UNIMED NATAL. Ass. Social ROSSANA CHACON Gerência de Prevenção e Saúde

PROGRAMA DE ATENÇÃO A PACIENTES CRÔNICOS UNIMED NATAL. Ass. Social ROSSANA CHACON Gerência de Prevenção e Saúde PROGRAMA DE ATENÇÃO A PACIENTES CRÔNICOS UNIMED NATAL Ass. Social ROSSANA CHACON Gerência de Prevenção e Saúde rossanachacon@unimednatal.com.br Programa de Atenção a Pacientes Crônicos Elaborado pela Gerência

Leia mais

MUNICÍPIO DE XANXERÊ SC CONCURSO PÚBLICO 01/2015 GABARITO DEFINITIVO

MUNICÍPIO DE XANXERÊ SC CONCURSO PÚBLICO 01/2015 GABARITO DEFINITIVO AGENTE EPIDEMIOLÓGICO 31B 32C 33D 34A 35B 36D 37C 38A 39B 40A ASSISTENTE ADMINISTRATIVO 31A 32B 33B 34D 35D 36A 37C 38B 39D 40C ASSISTENTE SOCIAL 31B 32B 33C 34C 35D 36A 37A 38D 39D 40C AUXILIAR DE SERVIÇOS

Leia mais

ESTRUTURA CURRICULAR CURSO: PSICOLOGIA HORÁRIA 1 SEMESTRE 2 SEMESTRE 3 SEMESTRE

ESTRUTURA CURRICULAR CURSO: PSICOLOGIA HORÁRIA 1 SEMESTRE 2 SEMESTRE 3 SEMESTRE ESTRUTURA CURRICULAR - 2017 CURSO: PSICOLOGIA DISCIPLINA CARGA HORÁRIA C. H. TEORICA C.H. PRÁTICA Nº DE 1 SEMESTRE 1 HISTÓRIA DA PSICOLOGIA 1 ANATOMIA HUMANA 60 60 ---- 3 1/2 1 PSICOLOGIA GERAL 90 90 ----

Leia mais

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE

UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE 1 UNIVERSIDADE CANDIDO MENDES PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU INSTITUTO A VEZ DO MESTRE Crianças com suspeita de Síndrome Alcoólica Fetal e com dificuldades na Aprendizagem Por Eurady Bastos Cantalice Orientador

Leia mais

QUADRO DE VAGAS 2017/2 ESTÁGIO CURRICULAR PSICOLOGIA

QUADRO DE VAGAS 2017/2 ESTÁGIO CURRICULAR PSICOLOGIA ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DA SAÚDE HOSPITAL PSIQUIÁTRICO SÃO PEDRO DIREÇÃO DE ENSINO E PESQUISA QUADRO DE VAGAS 2017/2 ESTÁGIO CURRICULAR PSICOLOGIA LOCAL VAGAS MODALIDADE DE ESTÁGIO Data

Leia mais

Escola Superior de Tecnologia e Educação de Rio Claro ASSER

Escola Superior de Tecnologia e Educação de Rio Claro ASSER Escola Superior de Tecnologia e Educação de Rio Claro ASSER Especialização em Psicopedagogia Institucional 430 horas Clínica 610 horas Objetivos do curso: Analisar criticamente a problemática do fracasso

Leia mais

Por determinação deste Conselho fomos ao estabelecimento acima citado verificar suas condições de funcionamento.

Por determinação deste Conselho fomos ao estabelecimento acima citado verificar suas condições de funcionamento. Relatório de Fiscalização CASE CARUARU Rua Presidente Castelo Branco, s/nº - Cidade Alta Caruaru Diretor técnico: não tem Telefone: (81) 3719 9433 Por determinação deste Conselho fomos ao estabelecimento

Leia mais

Programa de Residência Médica CANCEROLOGIA PEDIÁTRICA. Comissão de Residência Médica COREME

Programa de Residência Médica CANCEROLOGIA PEDIÁTRICA. Comissão de Residência Médica COREME Programa de Residência Médica CANCEROLOGIA PEDIÁTRICA Comissão de Residência Médica COREME Programa de Residência Médica CANCEROLOGIA PEDIÁTRICA Instituída pelo Decreto nº 80.281, de 5 de setembro de 1977,

Leia mais

Tipologia dos Estabelecimentos de Saúde

Tipologia dos Estabelecimentos de Saúde Tipologia dos Estabelecimentos de Saúde O Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde - CNES foi implantado em 29 de dezembro de 2000, através da Portaria SAS n.º 511. O CNES abrange a todos os estabelecimentos

Leia mais

Título: Construção de Um Novo Modelo de Atenção em Saúde Mental na. UBS Vila Pirituba. Tema: Saúde Mental: Álcool e outras drogas COSEMS 2015

Título: Construção de Um Novo Modelo de Atenção em Saúde Mental na. UBS Vila Pirituba. Tema: Saúde Mental: Álcool e outras drogas COSEMS 2015 Título: Construção de Um Novo Modelo de Atenção em Saúde Mental na UBS Vila Pirituba Tema: Saúde Mental: Álcool e outras drogas COSEMS 2015 Autores: Andréa Salvoni Carneiro de Campos, Elizabeth Chinche

Leia mais

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO AVANÇADA DE VITÓRIA IESFAVI REGULAMENTO NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE E APOIO PSICOPEDAGÓGICO NAAP

INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO AVANÇADA DE VITÓRIA IESFAVI REGULAMENTO NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE E APOIO PSICOPEDAGÓGICO NAAP INSTITUTO DE ENSINO SUPERIOR E FORMAÇÃO AVANÇADA DE VITÓRIA IESFAVI REGULAMENTO NÚCLEO DE ACESSIBILIDADE E APOIO PSICOPEDAGÓGICO NAAP Art. 1º O presente regulamento tem por finalidade normatizar as atividades

Leia mais

Caracterização clínica e demográfica dos militares contratados internados no Serviço de Psiquiatria do Hospital Militar Principal em 2007

Caracterização clínica e demográfica dos militares contratados internados no Serviço de Psiquiatria do Hospital Militar Principal em 2007 Caracterização clínica e demográfica dos militares contratados internados no Serviço de Psiquiatria do Hospital Militar Principal em 2007 Dra. Joana Alexandre Dra. Teresa Babo Dra. Sofia Moreira Introdução

Leia mais

Transtorno de Personalidade Obsessivo Compulsivo. II Simpósio Terapia Cognitivo Comportamental Instituto Brasileiro de Hipnose IBH

Transtorno de Personalidade Obsessivo Compulsivo. II Simpósio Terapia Cognitivo Comportamental Instituto Brasileiro de Hipnose IBH Transtorno de Personalidade Obsessivo Compulsivo II Simpósio Terapia Cognitivo Comportamental Instituto Brasileiro de Hipnose IBH - 2014 Modelo atual do DSM-5, Os transtornos de personalidade são caracterizados

Leia mais

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTEIRO

ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTEIRO DEFINIÇÃO DOS GRUPOS ESTADO DA PARAÍBA PREFEITURA MUNICIPAL DE MONTEIRO EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO N o 001 / 2016 ANEXO I N O DE VAGAS PARA OS CARGOS DO CONCURSO PÚBLICO Função Exigência mínima para o

Leia mais

Doutora em Psicologia e Educação USP, Mestre em Psicologia da Educação PUC-SP, Neuropsicóloga, Psicopedagoga, Psicóloga, Pedagoga.

Doutora em Psicologia e Educação USP, Mestre em Psicologia da Educação PUC-SP, Neuropsicóloga, Psicopedagoga, Psicóloga, Pedagoga. Contribuições das Neurociências para a Qualidade e Inclusão na Educação Profa. Dra. Nádia Aparecida Bossa Doutora em Psicologia e Educação USP, Mestre em Psicologia da Educação PUC-SP, Neuropsicóloga,

Leia mais

Como Prevenir o Suicídio?

Como Prevenir o Suicídio? Como Prevenir o Suicídio? Profa. Ana Carolina Schmidt de Oliveira Psicóloga CRP 06/99198 Especialista em Dependência Química (UNIFESP) Doutoranda (UNIFESP) anacarolina@vidamental.com.br vidamental.com.br

Leia mais

IMPLANTAÇÃO DO SERVIÇO DE TERAPIA OCUPACIONAL NO CENTRO HOSPITALAR DO SISTEMA PENITENCIÁRIO DE SÃO PAULO

IMPLANTAÇÃO DO SERVIÇO DE TERAPIA OCUPACIONAL NO CENTRO HOSPITALAR DO SISTEMA PENITENCIÁRIO DE SÃO PAULO IMPLANTAÇÃO DO SERVIÇO DE TERAPIA OCUPACIONAL NO CENTRO HOSPITALAR DO SISTEMA PENITENCIÁRIO DE SÃO PAULO ARIANA SANTIAGO ZOCARATTO CRISTIANE SINNES ORSETTI DANIELA HABIRO PRISCILLA FERES SPINOLA THÉLBIA

Leia mais

ANEXO 3 CONHECIMENTOS GERAIS EM SAÚDE

ANEXO 3 CONHECIMENTOS GERAIS EM SAÚDE ANEXO 3 PROGRAMA CONHECIMENTOS GERAIS EM SAÚDE 1. Conhecimentos sobre o SUS - Legislação da Saúde: Constituição Federal de 1988 (Título VIII - capítulo II - Seção II); Lei 8.080/90 e Lei 8.142/90; Norma

Leia mais

Política de Avaliação Fisioterapêutica dos Pacientes e Continuidade do Cuidado NORMA Nº 001

Política de Avaliação Fisioterapêutica dos Pacientes e Continuidade do Cuidado NORMA Nº 001 1- Objetivo Página: 1/10 Estabelecer plano de cuidado e prestar atendimento fisioterapêutico às necessidades imediatas e continuadas do paciente interno e externo. 2- Definições 2.1 Plano de cuidado: visa

Leia mais

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANA BEZERRA. Nº 02/2015, 19 de janeiro de 2015

HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANA BEZERRA. Nº 02/2015, 19 de janeiro de 2015 HOSPITAL UNIVERSITÁRIO ANA BEZERRA Nº 02/2015, 19 de janeiro de 2015 Nº 1 De 30 de julho de 2013 SUPERINTENDÊNCIA... 4 PORTARIAS... 4 Portaria nº 026, de 14 de janeiro de 2015.... Erro! Indicador não

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DO JABOATÃO DOS GUARARAPES ESTADO DO PERNAMBUCO. Concurso Público REF. EDITAL N 001/2015 GABARITO PRELIMINAR TARDE

PREFEITURA MUNICIPAL DO JABOATÃO DOS GUARARAPES ESTADO DO PERNAMBUCO. Concurso Público REF. EDITAL N 001/2015 GABARITO PRELIMINAR TARDE PREFEITURA MUNICIPAL DO JABOATÃO DOS GUARARAPES ESTADO DO PERNAMBUCO Concurso Público REF. EDITAL N 001/2015 GABARITO PRELIMINAR TARDE 2. GRUPO OCUPACIONAL INFRAESTRUTURA E MEIO AMBIENTE NIVEL TÉCNICO

Leia mais

Fracasso Escolar: um olhar psicopedagógico

Fracasso Escolar: um olhar psicopedagógico Fracasso Escolar: um olhar psicopedagógico Profa. Dra. Nádia Aparecida Bossa Doutora em Psicologia e Educação USP, Mestre em Psicologia da Educação PUC-SP, Neuropsicóloga, Psicopedagoga, Psicóloga, Pedagoga.

Leia mais

Ciclo de Debates SUS: Políticas Sociais e de Assistência à Saúde do Idoso

Ciclo de Debates SUS: Políticas Sociais e de Assistência à Saúde do Idoso Senado Federal Ciclo de Debates SUS: Políticas Sociais e de Assistência à Saúde do Idoso Brasília, 26 de maio de 2009 Professora Dra Maria Alice Toledo Professora adjunta de Geriatria e Psiquiatria da

Leia mais

ANEXO II REMUNERAÇÃO R$

ANEXO II REMUNERAÇÃO R$ CARGO FUNÇÃO ESCOLARDADE REQUSTOS* ANEXO REMUNERAÇÃO R$ CARGA HORÁRA SEMANAL N VAGAS N VAGAS PORTADORES DEFCÊNCA Auxiliar de Serviços Auxiliar de Serviços Alfabetizado 260,00 40 156 20 24 Agente de Serviços

Leia mais

CONTROLE DE CONTEÚDO - TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: PSICOLOGIA (TRE-SP AJAP)

CONTROLE DE CONTEÚDO - TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: PSICOLOGIA (TRE-SP AJAP) CONTROLE DE CONTEÚDO - TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE SÃO PAULO ANALISTA JUDICIÁRIO ÁREA: PSICOLOGIA (TRE-SP AJAP) 1 Ortografia oficial. GRAMÁTICA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTO DA LÍNGUA PORTUGUESA CONTEÚDO

Leia mais

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico

Plano de Trabalho Docente Ensino Técnico Plano de Trabalho Docente 2014 Ensino Técnico Etec Etec: PROFESSOR MASSUYUKI KAWANO Código: 136 Município: Tupã Eixo Tecnológico: Ambiente e Saúde Habilitação Profissional: Técnico em Enfermagem Qualificação:

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PEDRO OSÓRIO / RS CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2016

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PEDRO OSÓRIO / RS CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2016 ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL PREFEITURA MUNICIPAL DE PEDRO OSÓRIO / RS CONCURSO PÚBLICO Nº 01/2016 EDITAL N 02/2016 PRIMEIRA RETIFICAÇÃO DO EDITAL DE ABERTURA E INSIÇÕES Cesar Roberto Couto de Brito, Prefeito

Leia mais

O ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO PARA ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS. Lilian Rinaldi Ibanhez Psicopedagoga UNIFEOB ORGANIZAÇÃO

O ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO PARA ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS. Lilian Rinaldi Ibanhez Psicopedagoga UNIFEOB ORGANIZAÇÃO O ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO PARA ESTUDANTES UNIVERSITÁRIOS Lilian Rinaldi Ibanhez Psicopedagoga UNIFEOB ORGANIZAÇÃO Centro Universitário da Fundação de Ensino Octávio Bastos - UNIFEOB São João da Boa

Leia mais

DIVULGAÇÃO DO GABARITO OFICIAL REFERENTE AO CONCURSO PÚBLICO Nº. 015/2014.

DIVULGAÇÃO DO GABARITO OFICIAL REFERENTE AO CONCURSO PÚBLICO Nº. 015/2014. DIVULGAÇÃO DO GABARITO OFICIAL REFERENTE AO CONCURSO PÚBLICO Nº. 015/2014. O Prefeito Municipal do Município de Água Doce, Estado de Santa Catarina e a Coordenação dos Concursos Públicos e Processos Seletivos

Leia mais

Nível:SUPERIOR Cargo: ANALISTA CLÍNICO Tipo 2 Tipo 3

Nível:SUPERIOR Cargo: ANALISTA CLÍNICO Tipo 2 Tipo 3 Tipo 1 Nível:SUPERIOR Cargo: ANALISTA CLÍNICO Tipo 2 Tipo 3 Questão Resposta Questão Resposta Questão Resposta Questão Resposta Questão Resposta Questão Resposta 1 D 41 NULA 1 E 41 NULA 1 A 41 NULA 2 D

Leia mais

O AUTISMO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

O AUTISMO NA EDUCAÇÃO INFANTIL O AUTISMO NA EDUCAÇÃO INFANTIL Carmen Lucia Lopes Galvão Universidade Estadual do Rio de Janeiro - lumiar13@yahoo.com.br INTRODUÇÃO Este estudo buscará refletir sobre o autismo e o papel do educador na

Leia mais

PLANO DE AULA. - Data show, - Leitura e explicação do manual do estagiário conforme IES

PLANO DE AULA. - Data show, - Leitura e explicação do manual do estagiário conforme IES PLANO DE AULA Disciplina: ENFERMAGEM em Psiquiatria Professor(a): Suzy Helena Ramos Souza Curso: ENFERMAGEM Semestre/Ano Anual Turma:3º ano 2010 Atividades temáticas Estratégias/bibliografia Semana Aulas

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAÍRA SP PROCESSO SELETIVO EDITAL 001/2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUAÍRA SP PROCESSO SELETIVO EDITAL 001/2017 PRIMEIRA RETIFICAÇÃO A Prefeitura Municipal de Guaíra, Estado de São Paulo, torna público que realizará por meio do INSTITUTO EXCELÊNCIA LTDA - ME, na forma prevista no artigo 37, inciso IX, da Constituição

Leia mais

PROPOSTA DA LINHA DE CUIDADO DA SAÚDE DO IDOSO. Área Técnica Saúde da Pessoa Idosa

PROPOSTA DA LINHA DE CUIDADO DA SAÚDE DO IDOSO. Área Técnica Saúde da Pessoa Idosa PROPOSTA DA LINHA DE CUIDADO DA SAÚDE DO IDOSO Área Técnica Saúde da Pessoa Idosa OBJETIVOS GERAIS Orientar e potencializar a atenção primária para detecção precoce de situações de vulnerabilidade social

Leia mais

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO ESPECIALIZADO NAPE FACULDADE DE CALDAS NOVAS - UNICALDAS APRESENTAÇÃO

REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO ESPECIALIZADO NAPE FACULDADE DE CALDAS NOVAS - UNICALDAS APRESENTAÇÃO REGULAMENTO DO NÚCLEO DE ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO ESPECIALIZADO NAPE FACULDADE DE CALDAS NOVAS - UNICALDAS APRESENTAÇÃO O NAPE é o Núcleo de Apoio Psicopedagógico Especializado foi criado com o propósito

Leia mais

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO CLARO - RJ CONCURSO PÚBLICO - EDITAL N o 01/2013 ANEXO I

PREFEITURA MUNICIPAL DE RIO CLARO - RJ CONCURSO PÚBLICO - EDITAL N o 01/2013 ANEXO I 001 ADVOGADO 002 ARQUITETO 003 ASSISTENTE SOCIAL 004 BIÓLOGO AMBIENTAL 005 BIÓLOGO (SAÚ) 006 CIRURGIÃO-NTISTA 007 CONTADOR Curso de Nível Superior em Direito e Curso de Nível Superior em Arquitetura e

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA

PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO AVALIAÇÃO PSICOLÓGICA 1 - JUSTIFICATIVA A cada dia cresce a expectativa de que os profissionais da área da Psicologia possam oferecer para a população em geral,

Leia mais

EMENTAS DAS DISCIPLINAS

EMENTAS DAS DISCIPLINAS EMENTAS DAS DISCIPLINAS CURSO DE GRADUAÇÃO DE PSICOLOGIA Morfofisiológica e Comportamento Humano Estudo anátomo-funcional de estruturas orgânicas na relação com manifestações emocionais. Comunicação e

Leia mais

A Criança Hospitalizada

A Criança Hospitalizada A Criança Hospitalizada O brincar no hospital Profª Graça Pimenta UCSal A criança acometida por uma doença continua sendo criança e, para garantir seu equilíbrio emocional,o brincar é essencial. O brincar

Leia mais