Pacote de autenticações de Remetente

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Pacote de autenticações de Remetente"

Transcrição

1 Pacote de autenticações de Remetente Visando sempre melhorar a qualidade dos envios e gestão de marketing de seus clientes, elaboramos este pacote de autenticações para configurarção do remetente das suas campanhas.

2 Índice 1.Porque autenticar o remetente? SPF Delegação de Domínio / Subdomínio Tracking Personalizado Return Path Sender ID Caller ID Exemplos de Cabeçalho...11

3 1. Por que autenticar o remetente? Visando sempre melhorar a qualidade dos envios e gestão de marketing de seus clientes, a Experian Virtual Target elaborou este pacote de autenticações para o remetente das suas campanhas de marketing. Autenticação de remetente ajuda a proteger sua marca, reduzindo a chance do seu ser confundido como spam. Os ISPs (Provedor de Serviço de Internet) assim como os sistemas AntiSpam e de segurança em redes corporativas se baseiam nas autenticações existentes no remetente para validar e decidir quais s devem aceitar ou rejeitar. Cenário Recomendado SPF Delegação de Domínio/ Subdomínio Obrigatória Obrigatória Cenário Aceitável SPF Tracking Obrigatória Recomendado Sender ID Caller ID Recomendado Recomendado 2. SPF O SPF (Sender Policy Framework) é um sistema para evitar fraudes na internet, ou seja, evitar que IPs não autorizados façam envios de com o seu domínio. O SPF é um autenticador de senders autorizados, ele irá informar aos provedores dos destinatários que a Virtual Target está autorizada a enviar s em nome do seu domínio. Essa configuração é muito importante pois ajudará a evitar que seus s marketing caiam nas caixas de lixo eletrônico ou spam, aumentando consideravelmente o índice de aceitação da mensagem pelos provedores.

4 O sistema permite ao administrador de um domínio definir e publicar uma política SPF onde serão designados os endereços das máquinas autorizadas a enviar mensagens em nome deste domínio e ao administrador de um serviço de estabelecer critérios de aceitação de mensagens em função da checagem das políticas SPF publicadas para cada domínio. Como efetuar essa configuração? Esse procedimento é feito diretamente no painel de controle do seu provedor de hospedagem. Será necessário ter os dados de login, para acesso ao painel, como administrador. Na entrada TXT da zona DNS, deve ser criada uma entrada do tipo TXT e inserida a seguinte sintaxe: Host Tipo Valor TXT v=spf1 include:spf.virtualtarget.com.br a mx ~all Caso seu domínio já possua uma entrada TXT utilizada pelo SPF, então ela deve ser editada: v=spf1 include:_spf.locaweb.com.br include:spf.virtualtarget.com.br a mx ~all A string include:spf.virtualtarget.com.br a mx ~all deve ser inserida em qualquer ordem, na linha já criada. Uma parte fundamental de um registro SPF é a cláusula ~all, usada à direita do registro para definir qual resposta será retornada em uma consulta SPF, caso nenhuma das outras cláusulas se aplique. Todas as opções destes prefixos são: + Pass: Significa que o IP está autorizado a enviar mensagens em nome do domínio, sendo que o domínio consultado pode, então, ser considerado responsável pelo envio da mensagem. - Fail: Significa explicitamente que apenas o IP(s) informado(s) no registro SPF está autorizado a enviar mensagens em nome do domínio consultado. Este resultado pode ser utilizado para rejeitar a mensagem ou para marcála para ser avaliada mais rigorosamente. ~ SoftFail: Neste caso, o domínio consultado informa que acha determinado(s) IP(s) autorizado, mas que não pode fazer uma afirmação taxativa. A mensagem não deve ser rejeitada apenas com base neste resultado, mas é recomendável submetê-la a outros testes. Softfail também tem sido usado para indicar uma situação transitória, em que o SPF está sendo adotado por um domínio.

5 ? Neutral: O dono do domínio não tem como, ou não quer definir se um determinado endereço IP está ou não autorizado a enviar mensagens em nome do domínio. Este resultado deve ser tratado exatamente como se não existisse um registro SPF, não devendo ser avaliado de forma mais rigorosa devido a isto. Verifique com a empresa que hospeda os seus servidores de quais Includes ou IPs ela possui para os seus servidores pois a expressão -all significa que só os IPs e Hosts habilitados na entrada TXT do SPF poderão disparar s pelo domínio de sua empresa. Por exemplo, se você utiliza um provedor e o IP do servidor de é , então ele deverá ser inserido na entrada, na seguinte forma: v=spf1 ip4: include:spf.virtualtarget.com.br a mx ~all 3. Delegação de Domínio/ Subdomínio A delegação de domínio/subdomínio permitirá que a Virtual Target seja responsável pela implementação de várias autenticações no seu remetente como DKIM e Sender ID. Essa forma de autenticação é indicada pois a Virtual Target é quem efetuará qualquer manutenção, quando necessário. Delegar consiste em transferir parte da autorização da zona DNS do domínio ou subdomínio para uso exclusivo das campanhas de marketing. Este processo permitirá que a Virtual Target aplique e atualize todas as configurações existentes para a autenticação do seu remetente. Nome de domínio: seudominio.com.br Site atual: Servidores que usa: Server.seudomínio.com.br Subdomínio criado para ser usado pela Virtual Target subdominio.seudominio.com.br Entenda como funciona a delegação de domínio ou subdomínio Delegar um nome de domínio específico ou subdomínio para os servidores DNS Virtual Target. Atualizar os registros DNS para o domínio e apontar para os dois servidores DNS: ns1.vttrack.com.br e ns2.vttrack.com.br

6 Este mesmo processo será efetuado em caso de subdomínios, basta criar um subdomínio subdominio.seudominio.com.br e configurar o DNS da seguinte forma: Host Tipo Valor Subdominio NS ns1.vttrack.com.br Subdominio NS ns2.vttrack.com.br Alguns gerenciadores de hospedagem não suportam a adição ou alteração de registros do tipo NS. Neste caso, você poderá comprar um novo domínio exclusivo para envio de s. Procedimento para delegação de DNS A- Criar um subdomínio para uso exclusivo das campanhas de marketing ou comprar um novo domínio exclusivo para isso. Sugestões de subdomínio: relacionamento.seudominio.com.br, .seudominio.com.br e envio. seudominio.com.br. Evite criar domínios ou subdomínio utilizando palavras como mkt, marketing, promoção, venda, cadastro e emkt. B- Delegar o NS do subdomínio ou novo domínio para a Virtual Target. Para isso, basta fazer (ou solicitar ao administrador do servidor DNS) a criação de 2 entradas do tipo NS na zona DNS: Host Tipo Valor Subdomínio NS ns1.vttrack.com.br Subdomínio NS ns2.vttrack.com.br Não deve existir outras entradas, somente as entradas do tipo NS apontadas para os servidores Virtual Target, por este motivo, a necessidade de criar um novo domínio ou delegar um subdomínio. C- Escolher os s que serão utilizados como remetente no envio de marketing. Escolher também os s para onde as respostas devem ser direcionadas, se houver essa necessidade. Importante que esses s sejam validos.

7 Remetente Resposta >> Delegando um subdomínio/domínio para a Virtual Target e passando todas as informações para nossa equipe, entraremos em contato assim que o procedimento interno for concluído. Em caso de dúvidas, entre em contato com o suporte do seu provedor de hospedagem. - Atente-se ao nome de domínio que será utilizado nos envios. - Nunca utilizar nos envios da Virtual Target endereços de provedores gratuitos. Recomendado Aceitável Nunca utilizar Ex: D- Informar para a equipe Virtual Target pelo Nome da empresa: ID: Domínio: Subdomínio / Domínio para disparos de (s) de remetente: (s) de resposta: (opcional) 4. Tracking Personalizado Hoje em dia existe uma grande preocupação de nossos clientes em relação aos endereços dos links contidos nas mensagens, pois ao passar o mouse em qualquer link de seus s irá aparecer o domínio da Virtual Target: trk.virtualtarget.com.br. Isso ocorre devido a uma máscara (tracking) que todos os links recebem para que a plataforma possa contabilizar os cliques em cada link do seu . O problema é que ao notar este endereço, o destinatário pode criar uma desconfiança em relação ao recebido e inibir o clique prejudicando os resultados dos seus envios. Para esta situação a Virtual Target oferece uma funcionalidade que permite ao usuário personalizar os links de seus s, dando a referência e confiabilidade esperada.

8 O endereço de tracking padrão da plataforma é: trk.virtualtarget.com.br, porém a plataforma disponibiliza a personalização do endereço de tracking com o domínio que desejar. Para criar um tracking diferente do utilizado pelo Virtual Target é necessário ter acesso ao gerenciamento de DNS do domínio desejado (solicitar ao responsável pela administração do e inserir uma entrada CNAME no DNS que aponte para customtrk.virtualtarget.com.br, conforme exemplo: tr.meudominio.com.br IN CNAME customtrk.virtualtarget.com.br Substitua os valores de tr e meudomínio pelos valores que você escolher, por exemplo: newletter.seudominio.com.br É possível incluir na plataforma quantos registros desejar, porém só será possível cadastrá-los caso o DNS já esteja publicado. O sistema valida o domínio cadastrado e não permite incluí-lo caso não esteja devidamente configurado. Após efetuar a configuração, informe a nossa equipe de suporte para aguardarmos a propagação no DNS e validarmos a configuração. Feito isso, acesse a plataforma, menu Envios >> Domínios personalizados >> clique no botão novo domínio e digite as informações solicitadas, como nome e subdomínio criado. Após configurada, a plataforma irá habilitar um campo na aba Dados gerais da tela de inclusão de envio, onde será possível selecionar qual domínio será utilizado para aquele envio. 5.Return Path Return-Path é o endereço de usado pelo servidor de remetente para entregar a mensagem no servidor de destinatário, essa informação encontra-se no cabeçalho da mensagem. O objetivo da configuração do return-path é melhorar a entrega, visto que a reputação dos envios se restringirá ao domínio do cliente conforme exemplo abaixo: Sem a configuração o destinatário recebe o cabeçalho do assim: Return-path: Com a configuração receberá assim: Return-Path: Ex:

9 Como efetuar essa configuração? Solicitar ao administrador do a criação de um subdomínio conforme as a orientação abaixo: Acesse o Painel de Controle do seu provedor de hospedagem e crie um subdomínio, ex: comunicado.meudominio.com.br Na área de DNS do subdomínio criado, crie uma entrada txt efetue a inclusão do SPF. O campo TXT deve ficar preenchido da seguinte forma: v=spf1 include:spf.virtualtarget.com.br -all Ainda na área de DNS, você deverá efetuar a inclusão da entrada MX. O campo MX deverá ficar da seguinte forma: customrp.virtualtarget.com.br subdominio.dominio.com.br IN MX(10) customrp.virtualtarget.com.br subdominio.dominio.com.br IN TXT v=spf1 include:spf.virtualtarget.com.br -all Após efetuar a configuração, você deverá informar à equipe de suporte da experian Virtual Target o nome do subdomínio criado, para que possamos validar e configurar a informação na sua conta dentro da plataforma. 6. Sender ID Sender ID Framework é uma tecnologia desenvolvida pela Microsoft para validar a identidade de um remetente. Ele combina as tecnologias SPF (Sender Policy Framework) e Microsoft CallerID. O Sender ID são listas de endereços IPs que têm permissão para enviar em nome do seu domínio. Quando os provedores recebem um de via endereço IP , eles verificam o registro do Sender ID no domínio dominio.com.br e o IP Se o IP estiver na lista, o será considerado genuíno. Se não estiver, o poderá ser considerado um phishing e poderá ser filtrado, rejeitado ou descartado. Saiba mais sobre Sender ID em aspx.

10 Como efetuar essa configuração? Esse procedimento é feito diretamente no painel de controle do seu provedor de hospedagem. Será necessário ter os dados de login, para acesso ao painel, como administrador. Na entrada TXT da zona DNS, deve ser criada uma entrada do tipo TXT e inserida a seguinte sintaxe: Host Tipo Valor TXT spf2.0/pra,mfrom include:senderid.virtualtarget.com.br all O Sender ID não substitui a configuração SPF. Por teste motivo, crie uma nova linha TXT na sua zona DNS. 7. CallerID CallerID é uma tecnologia desenvolvida pela Microsoft para combater a falsificação de s através do armazenamento de uma string XML no registro TXT do DNS. Para saber mais sobre essa tecnologia acesse: Como efetuar essa configuração? Esse procedimento é feito diretamente no painel de controle do seu provedor de hospedagem. Será necessário ter os dados de login, para acesso ao painel, como administrador. Na entrada TXT da zona DNS, deve ser criada uma entrada do tipo TXT e inserida a seguinte sintaxe: Host Tipo Valor _ep TXT <ep xmlns= 'http://ms.net/1'testing='true'> <out><m><indirect>spf.virtualtarget.com.br</indirect></m></out></ep>

11 8. Exemplos de Cabeçalhos HEADER PADRÃO Return-Path: Received: from mta-t4.vttrack.com.br (vt virtualtarget.com.br [ ]) Received-SPF: pass (domain of designates as permitted sender) Authentication-Results: spf=pass (domain of designates as permitted sender) dkim=pass DKIM-Signature: v=1; a=rsa-sha1; c=relaxed/relaxed; s=k1; d=dkim.vttrack.com.br; Received: by vt virtualtarget.com.br id hih4440sh4s3 for < >; (envelopefrom From: " Descrição do Envio " To: "Nome do destinatário" < > Subject: =?ISO ?Q?[TESTE]Assunto Envio Reply-To: " Descrição do Envio " List-Unsubscribe: <http://tr2.virtualtarget.com.br/index.dma/dmaoptout?4427,64,629347,a0ec1c11e2e18335f2e80d421e2bc43a,f orce,2>, Message-ID: virtualtarget.com.br>

12 HEADER DNS DELEGADO Authentication-Results: sender-id=pass (sender IP is ) dkim=pass header.d=meudominio.com.br; x-hmca=pass X-SID-PRA: Descrição do X-DKIM-Result: pass X-AUTH-Result: pass Return-Path: Received: from mta-t4. envio.meudominio. (md-1. envio.meudominio.. [ ]) Received-SPF: pass (domain of envio.meudominio.com.br designates as permitted sender) Authentication-Results: spf=pass (domain of envio.meudominio.com.br designates as permitted sender) envio.meudominio.com.br; dkim=pass envio.meudominio.com.br DKIM-Signature: v=1; a=rsa-sha1; c=relaxed/relaxed; s=k1; d=dkim.vttrack.com.br; Received: by md-1. envio.meudominio.com.br id hih4440sh4s3 for < >; (envelope-from envio.meudominio.com.br >) From: " Descrição do Envio " < envio.meudominio.com.br > To: "Nome do Destinatário" Subject: =?ISO ?Q?[TESTE] Assunto Envio Reply-To: "Descrição do Envio" envio.meudominio.com.br > List-Unsubscribe: <http://clique. envio.meudominio.com.br /index.dma/dmaoptout?0000,00,629347,a0ec1c11e2e18335f2e80d421e2bc43a,force,2>, envio.meudominio.com.br > Message-ID: md-1. envio.meudominio.com.br >

13 Rua Bandeira Paulista, º andar São Paulo SP Brasil Fale com a gente Descubra tudo sobre a Experian Virtual Target virtualtarget.com.br Acompanhe-nos no Facebook facebook.com/experianvirtualtarget Siga-nos no Twitter twitter.com/virtualtarget Experian Marketing Services A Experian Marketing Services oferece ao mercado um portfólio de soluções completas para entendimento, prospecção, rentabilização e fidelização de clientes. Entre elas, as melhores práticas e ferramentas tecnológicas para marketing direto, marketing analítico e marketing digital.

CONFIGURAÇÕES PARA AUTENTICAÇÃO

CONFIGURAÇÕES PARA AUTENTICAÇÃO CONFIGURAÇÕES PARA AUTENTICAÇÃO ALL IN MAIL CRIAR NOVO ENVIO ANIVERSÁRIO SÉRIE MANUAIS DA FERRAMENTA ALL IN MAIL INTRODUÇÃO As configurações para autenticação de envio de e-mail marketing são premissas

Leia mais

Entregabilidade nos provedores A entregabilidade é um grande desafio para as ações de e-mail marketing no mercado brasileiro. Confira dicas para

Entregabilidade nos provedores A entregabilidade é um grande desafio para as ações de e-mail marketing no mercado brasileiro. Confira dicas para provedores A entregabilidade é um grande desafio para as ações de e-mail marketing no mercado brasileiro. Confira dicas para aumentar a entregabilidade nos provedores Hotmail, Gmail e Yahoo!Mail. provedores

Leia mais

Como Criar uma Nova Campanha. Série Manuais

Como Criar uma Nova Campanha. Série Manuais Como Criar uma Nova Campanha Série Manuais Como Criar uma Nova Campanha de Email 2 INTRODUÇÃO Para melhorar a qualidade de envio e o gerenciamento das campanhas de email marketing de nossos clientes, estamos

Leia mais

AKNA SOFTWARE. Configurações. de DNS

AKNA SOFTWARE. Configurações. de DNS AKNA SOFTWARE Configurações de DNS ÍNDICE Introdução... 03 SPF... 03 DKIM... 03 CNAME... 04 Obtenção de parâmetros... 05 Via alertas do sistema... 05 Via menu do sistema... 06 Passo a passo da configuração...

Leia mais

Checklist para ações de E-mail Marketing

Checklist para ações de E-mail Marketing Checklist para ações de E-mail Marketing Os tópicos abordados neste checklist são úteis antes de começar e depois de concluir o desenvolvimento de uma mensagem de email marketing, pois abrange desde os

Leia mais

Manual de criação de envios no BTG360

Manual de criação de envios no BTG360 Manual de criação de envios no BTG360 Série manuais da ferramenta ALL in Mail Introdução O BTG 360 utiliza a tecnologia do behavioral targert para que você alcance resultados ainda mais assertivos com

Leia mais

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Guia Rápido de Uso Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema HOT SMS. SUMÁRIO 1 Acesso ao sistema...3 2 Entenda o Menu...4 3 Como enviar torpedos...6 3.1 Envio

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Manual de Utilização Google Grupos Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução... 3 Página

Leia mais

CONFIGURAÇÕES PARA ENVIO DE ARQUIVO XML E PDF POR E-MAIL

CONFIGURAÇÕES PARA ENVIO DE ARQUIVO XML E PDF POR E-MAIL Sumário Apresentação... 1 1. Procedimentos iniciais... 2 2. Cadastrar e-mail do cliente... 4 3. Configurar Servidor NF-e... 8 4. Enviar DANF-e em XML e PDF... 11 5. Validar dados do configurador de e-mail...

Leia mais

AQUI SEGUEM OS TÓPICOS TRATADOS NESSE GUIA, PARA QUE VOCÊ APRENDA A USAR O SISTEMA CLUBE TURISMO MOBILE.

AQUI SEGUEM OS TÓPICOS TRATADOS NESSE GUIA, PARA QUE VOCÊ APRENDA A USAR O SISTEMA CLUBE TURISMO MOBILE. GUIA RÁPIDO DE USO AQUI SEGUEM OS TÓPICOS TRATADOS NESSE GUIA, PARA QUE VOCÊ APRENDA A USAR O SISTEMA CLUBE TURISMO MOBILE. 1 Acesso ao sistema...3 2 Entenda o Menu...3 2.1 Contatos...3 2.2 Mensagens...4

Leia mais

Portal de Licitações COMPAGAS

Portal de Licitações COMPAGAS Portal de Licitações COMPAGAS Procedimento para evitar que mensagens enviadas pelo portal sejam bloqueadas pelos filtros anti spam de serviços de webmail. Freqüentemente o Portal de Licitações COMPAGAS

Leia mais

Uma nova Virtual Target

Uma nova Virtual Target A Virtual Target é uma ferramenta muito imediata. Ao dispararmos as campanhas, já começamos a receber os resultados de interação e identificar a conversão. A marca, para nós, é sinônimo de comprometimento.

Leia mais

OAB Online... 4. Acesso ao Sistema... 9. Publicações... 9. Marcar Prazo...10. Pesquisa por Publicações...11. Configuração de Preferências...

OAB Online... 4. Acesso ao Sistema... 9. Publicações... 9. Marcar Prazo...10. Pesquisa por Publicações...11. Configuração de Preferências... Índice Introdução OAB Online............................................ 4 Sistema OAB On-line Acesso ao Sistema........................................ 9 Publicações............................................

Leia mais

BLACKBERRY - PME e PL Passo a Passo Registro Site BIS www.claro.blackberry.com. BlackBerry PME e Profissional Liberal

BLACKBERRY - PME e PL Passo a Passo Registro Site BIS www.claro.blackberry.com. BlackBerry PME e Profissional Liberal BLACKBERRY - PME e PL Passo a Passo Registro www.claro.blackberry.com É essencial que o usuário do BlackBerry faça um registro no site www.claro.blackberry.com O site funciona de forma semelhante a um

Leia mais

Departamento de Tecnologia da Informação DTI Coordenadoria de Relacionamento com o Cliente CRC. Treinamento Básico do Correio Eletrônico

Departamento de Tecnologia da Informação DTI Coordenadoria de Relacionamento com o Cliente CRC. Treinamento Básico do Correio Eletrônico Departamento de Tecnologia da Informação DTI Coordenadoria de Relacionamento com o Cliente CRC Treinamento Básico do Correio Eletrônico Brasília Março de 2012 SUMÁRIO 1. Introdução... 3 1.1 Como acessar

Leia mais

GUIA ENVIO DE EXTRATO POR E-MAIL

GUIA ENVIO DE EXTRATO POR E-MAIL GUIA ENVIO DE EXTRATO POR E-MAIL ÍNDICE ITEM Página 1. Objetivo...3 2. Requisitos...3 3. Configurações...3 Página 2 de 11 1. Objetivo Este guia tem como objetivo orientar sobre como realizar a configuração

Leia mais

Manual de Programação Basic para iniciantes. Manual de auxílio para personalização de mensagens com o uso de programação BASIC

Manual de Programação Basic para iniciantes. Manual de auxílio para personalização de mensagens com o uso de programação BASIC Manual de Programação Basic para iniciantes Manual de auxílio para personalização de mensagens com o uso de programação BASIC Programação BASIC para quem não é programador Você, cliente da plataforma Virtual

Leia mais

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema TORPEDO MOBILE. 1 Acesso ao sistema...

Guia Rápido de Uso. Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema TORPEDO MOBILE. 1 Acesso ao sistema... Guia Rápido de Uso Aqui seguem os tópicos tratados nesse guia, para que você aprenda a usar o Sistema TORPEDO MOBILE 1 Acesso ao sistema... 2 2 Entenda o Menu...... 3 2.1 Contatos...... 3 2.2 Mensagens......

Leia mais

Índice. E-mail Marketing Nomer. www.nomer.com.br

Índice. E-mail Marketing Nomer. www.nomer.com.br Índice 1 - Visão geral... 2 2 - Acessando o E-mail Marketing Nomer... 2 3 - Passos para concluir o envio de uma campanha... 5 4 - Recursos... 6 4.1 - Listas de contatos... 6 4.2 - Cadastros de contatos

Leia mais

Manual de utilização da Ferramenta para disparo de E-mkt

Manual de utilização da Ferramenta para disparo de E-mkt Manual de utilização da Ferramenta para disparo de E-mkt 1 Índice Menu e-mail marketing...03 Conteúdo da mensagem...04 Listas de contatos...15 Ações de e-mail marketing...19 Perguntas frequentes...26 2

Leia mais

Manual do Instar Mail Sumário

Manual do Instar Mail Sumário Manual do Instar Mail Sumário 1 - Apresentação do sistema... 2 2 - Menu cliente... 2 3 - Menu Importação... 5 4 - Menu Campanhas... 9 5 - Menu banco de arquivos... 16 6 - Menu agendamento... 16 7 - Menu

Leia mais

http://divulgafacil.terra.com.br/novahospedagem_4/configuracoes.html

http://divulgafacil.terra.com.br/novahospedagem_4/configuracoes.html Page 1 of 9 Veja abaixo como proceder para alterar as configurações de hospedagem do seu site: Na nova plataforma de hospedagem, a estrutura de diretórios FTP vai mudar um pouco. Ou seja, em caso de atualização

Leia mais

Manual de Integração Via Gadget. Passo a passo para realizar a integração entre websites e a plataforma Virtual Target.

Manual de Integração Via Gadget. Passo a passo para realizar a integração entre websites e a plataforma Virtual Target. Manual de Integração Via Gadget Passo a passo para realizar a integração entre websites e a plataforma Virtual Target. Manual de Integração Via Gadget 1. Introdução 1.1. O que é? Virtual Target Gadgets

Leia mais

AULA 6: SERVIDOR DNS EM WINDOWS SERVER

AULA 6: SERVIDOR DNS EM WINDOWS SERVER AULA 6: SERVIDOR DNS EM WINDOWS SERVER Objetivo: Instalar e detalhar o funcionamento de um Servidor de DNS (Domain Name System) no sistema operacional Microsoft Windows 2003 Server. Ferramentas: - ISO

Leia mais

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx

Conecta S_Line. 2.2 Downloads Para instalar o Conecta S_Line, basta acessar www.sline.com.br/downloads.aspx 1 Introdução O Conecta S_Line permite que o laboratório envie à Central S_Line os resultados de exames gerados pelo Sistema de Informação Laboratorial (LIS) em forma de arquivos digitais. Todo o processo

Leia mais

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.72

Documentação. Programa de Evolução Contínua Versão 1.72 Documentação Programa de Evolução Contínua Versão 1.72 Sumário Resumo das Novidades... 3 Configuração das Novidades... 5 Exibição de variações nas listagens... 5 Novo Sistema de Lista de Desejos... 7 Resumo

Leia mais

MANUAL DO ADMINISTRADOR

MANUAL DO ADMINISTRADOR WinShare Proxy admin MANUAL DO ADMINISTRADOR Instalação do WinShare Índice 1. Instalação 2. Licenciamento 3. Atribuindo uma senha de acesso ao sistema. 4. Configurações de rede 5. Configurações do SMTP

Leia mais

Configurações de envio com o uso de RSS

Configurações de envio com o uso de RSS Configurações de envio com o uso de RSS Saiba como integrar o email marketing ao RSS e torne o processo de alimentação de conteúdo de newsletters automatizado. Configuração de envios com o uso de RSS Visão

Leia mais

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE DOMÍNIOS

O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE DOMÍNIOS O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE DOMÍNIOS A POP3 reuniu aqui as principais orientações para registro, renovação e transferência de domínios, entre outras questões que possam ajudar você a entender como funcionam

Leia mais

I - O que é o Mobilize-se

I - O que é o Mobilize-se Índice O que é o Mobilize-se...03 A campanha de lançamento...12 Divulgação da campanha...14 Como irá funcionar o sistema para o ouvinte da rádio...20 O que a rádio deve fazer para se inscrever no Mobilize-se...36

Leia mais

INTRODUÇÃO AO AMBIENTE MOODLE DA UFPA. Guia rápido

INTRODUÇÃO AO AMBIENTE MOODLE DA UFPA. Guia rápido INTRODUÇÃO AO AMBIENTE MOODLE DA UFPA Guia rápido A PLATAFORMA MOODLE Moodle (Modular Object Oriented Distance LEarning) é um Sistema para Gerenciamento de Cursos (SGC). Trata-se de um programa para computador

Leia mais

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal.

A barra de menu a direita possibilita efetuar login/logout do sistema e também voltar para a página principal. MANUAL DO SISCOOP Sumário 1 Menu de Navegação... 3 2 Gerenciar País... 5 3- Gerenciamento de Registro... 8 3.1 Adicionar um registro... 8 3.2 Editar um registro... 10 3.3 Excluir um registro... 11 3.4

Leia mais

Manual de Instalação

Manual de Instalação Manual de Instalação Certificado Digital do tipo A1 Sistema Operacional Microsoft Windows Vista Proibida a reprodução total ou parcial. Todos os direitos reservados 1 Para a confecção desta instrução,

Leia mais

Guia operação site www.atu.com.br

Guia operação site www.atu.com.br Guia operação site www.atu.com.br OBS: as telas no site bem como no sistema de gestão poderão sofrer alguma alteração, com base nos exemplos ilustrativos deste manual. 1. Objetivo Este guia tem como objetivo

Leia mais

Procuramos criar um manual que sirva como uma referência rápida para você.

Procuramos criar um manual que sirva como uma referência rápida para você. Índice 1 Visão geral 2 Acessando o E-mail Marketing 3 Passos para concluir o envio de uma campanha 4 Recursos 4.1 Listas de contatos 4.2 Cadastros de contatos (destinatários) 4.2.1 Adicionando um contato

Leia mais

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW BEM-VINDO AO dhl PROVIEW Guia de Usuário O DHL PROVIEW COLOCA VOCÊ NO CONTROLE DE SEUS ENVIOS. PROVIEW O DHL ProView é uma ferramenta de rastreamento on-line que permite o gerenciamento dos envios, a programação

Leia mais

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade

Follow-Up Acompanhamento Eletrônico de Processos (versão 3.0) Manual do Sistema. 1. Como acessar o sistema Requisitos mínimos e compatibilidade do Sistema Índice Página 1. Como acessar o sistema 1.1 Requisitos mínimos e compatibilidade 03 2. Como configurar o Sistema 2.1 Painel de Controle 2.2 Informando o nome da Comissária 2.3 Escolhendo a Cor

Leia mais

IREasy Manual do Usuário Versão do manual - 0.0.9

IREasy Manual do Usuário Versão do manual - 0.0.9 OBJETIVOS DO PROGRAMA DE COMPUTADOR IREasy Permitir a apuração do Imposto de Renda dos resultados das operações em bolsa de valores (mercado à vista, a termo e futuros). REQUISITOS MÍNIMOS DO COMPUTADOR

Leia mais

Manual Carteiro Virtual

Manual Carteiro Virtual Manual Carteiro Virtual CONFIGURAÇÕES INICIAIS Introdução...3 Como acessar o Carteiro Virtual...4 Personalizando seus dados de acesso...6 LISTAS DE CONTATOS Criando Lista de Contatos...8 Inserindo contatos

Leia mais

Renovação Online de certificados digitais A1 (Voucher)

Renovação Online de certificados digitais A1 (Voucher) Renovação Online de certificados digitais A1 (Voucher) Todos os direitos reservados. Imprensa Oficial do Estado S.A. 2012 página 1 de 18 Renovação Online Renovação Online de certificados digitais A1 (Voucher)

Leia mais

MANUAL DE MEMBRO COMUNIDADE DO AMIGO

MANUAL DE MEMBRO COMUNIDADE DO AMIGO SUMÁRIO Efetuando o Login na comunidade... 3 Esqueceu sua senha?... 3 Página Principal... 4 Detalhando o item Configurações... 5 Alterar Foto... 5 Alterar Senha... 5 Dados Pessoais... 6 Configurações de

Leia mais

Este manual é de uso exclusivo de clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores da Hit Agência Digital. Em caso de dúvidas, entre em contato

Este manual é de uso exclusivo de clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores da Hit Agência Digital. Em caso de dúvidas, entre em contato Este manual é de uso exclusivo de clientes, parceiros, fornecedores e colaboradores da Hit Agência Digital. Em caso de dúvidas, entre em contato através do e-mail: hit@hitdigital.com.br E-mail marketing

Leia mais

Manual de utilização do STA Web

Manual de utilização do STA Web Sistema de Transferência de Arquivos Manual de utilização do STA Web Versão 1.1.7 Sumário 1 Introdução... 3 2 Segurança... 3 2.1 Autorização de uso... 3 2.2 Acesso em homologação... 3 2.3 Tráfego seguro...

Leia mais

Índice. E-mail Marketing DLopes

Índice. E-mail Marketing DLopes Índice 1 - Visão geral... 2 2 - Acessando o E-mail Marketing DLopes... 2 3 - Passos para concluir o envio de uma campanha... 5 4 - Recursos... 6 4.1 - Listas de contatos... 6 4.2 - Cadastros de contatos

Leia mais

Manual de Instalação Certificado Digital. do tipo A1 (Sistema Operacional Windows Vista)

Manual de Instalação Certificado Digital. do tipo A1 (Sistema Operacional Windows Vista) Manual de Instalação Certificado Digital do tipo A1 (Sistema Operacional Windows Vista) Instalação do certificado digital tipo A1 no Windows Vista Para a confecção deste manual, foi utilizado o Sistema

Leia mais

Mecanismos de Autenticação dos Emails

Mecanismos de Autenticação dos Emails Mecanismos de Autenticação dos Emails De uma forma generalizada, pode-se identificar os seguintes problemas relacionados com a autenticidade dos emails: Envio de mensagens não solicitadas (spam), que pode

Leia mais

Manual do Usuário. E-DOC Peticionamento Eletrônico TST

Manual do Usuário. E-DOC Peticionamento Eletrônico TST E-DOC Peticionamento APRESENTAÇÃO O sistema E-DOC substituirá o atual sistema existente. Este sistema permitirá o controle de petições que utiliza certificado digital para autenticação de carga de documentos.

Leia mais

Esta é a tela inicia, aqui podemos visualizer os relatórios de envio, gráficos de inscrições,cancelamentos, etc.

Esta é a tela inicia, aqui podemos visualizer os relatórios de envio, gráficos de inscrições,cancelamentos, etc. CRIANDO UMA CAMPANHA Esta é a tela inicia, aqui podemos visualizer os relatórios de envio, gráficos de inscrições,cancelamentos, etc. O primeiro passo é adicionar uma lista, as lista basicamente são grupos

Leia mais

Tutorial HelpDesk. 1. Entendendo como funciona o Ticket. 2

Tutorial HelpDesk. 1. Entendendo como funciona o Ticket. 2 Tutorial HelpDesk Índice Analítico 1. Entendendo como funciona o Ticket. 2 2. Respondendo os Tickets. 3 Opções de envio de resposta e finalização de atendimento: 3 Alterando prioridade das mensagens. 4

Leia mais

Índice. http://www.gosoft.com.br/atualiza/gosoftsigadmservico.pdf Versão 4.0

Índice. http://www.gosoft.com.br/atualiza/gosoftsigadmservico.pdf Versão 4.0 Índice I ENVIO DE BOLETOS POR E-MAIL... 2 APRESENTAÇÃO... 2 ALTERAÇÕES NO SIGADM CONDOMÍNIO... 4 ALTERAÇÕES NO SIGADM IMÓVEIS... 6 ALTERAÇÕES NO SIGADM CONCILIAÇÃO BANCÁRIA... 8 ALTERAÇÕES NO SIGADM CONDOMÍNIO

Leia mais

Manual das funcionalidades Webmail AASP

Manual das funcionalidades Webmail AASP Manual das funcionalidades Webmail AASP 1. Configurações iniciais 2. Regras 3. Histórico da conta 4. Autorresposta 5. Dados de acesso (alterando senha de acesso) 6. Identidade (assinatura) 7. Redirecionamento

Leia mais

Omega Tecnologia Manual Omega Hosting

Omega Tecnologia Manual Omega Hosting Omega Tecnologia Manual Omega Hosting 1 2 Índice Sobre o Omega Hosting... 3 1 Primeiro Acesso... 4 2 Tela Inicial...5 2.1 Área de menu... 5 2.2 Área de navegação... 7 3 Itens do painel de Controle... 8

Leia mais

Introdução. Olá! Seja bem-vindo ao emailmanager. O melhor sistema de email marketing do mercado.

Introdução. Olá! Seja bem-vindo ao emailmanager. O melhor sistema de email marketing do mercado. 1 Introdução Olá! Seja bem-vindo ao emailmanager. O melhor sistema de email marketing do mercado. Esta guia disponibiliza as principais etapas para sua iniciação ao uso do emailmanager. Nesta guia você

Leia mais

Manual do Instar Mail v2.0

Manual do Instar Mail v2.0 Manual do Instar Mail v2.0 Sumário Conteúdo Menu Principal... 2 Menu Cliente... 3 Pagina Categorias do Instar-Mail... 4 Importação... 4 Campanhas... 8 Cadastramento de campanhas do Instar-Mail... 9 Ações

Leia mais

INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB

INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB INFORMATIVO - CURRÍCULO WEB As pessoas que pretendam trabalhar no SENAC/PE deverão cadastrar o currículo no Banco de Talentos da Instituição, de acordo com os cinco passos abaixo: 1º Acessar o site www.pe.senac.br/trabalheconosco

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Criação de Formulários no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Criação de Formulários no Google Drive Introdução...

Leia mais

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL

Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Universidade de São Paulo Centro de Informática de Ribeirão Preto TUTORIAL HOTMAIL Tutorial Hotmail Sobre o MSN Hotmail Acessando o Hotmail Como criar uma conta Efetuando o login Verificar mensagens Redigir

Leia mais

Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado. Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel

Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado. Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel Cadastramento e compra de vale transporte para o Cartão Metrocard Metropolitano Integrado Em substituição ao Vale Transporte Temporário de Papel Acesso para cadastramento da empresa 2 Caso já tenha se

Leia mais

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL

USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL USANDO O ROUNDCUBE WEBMAIL ATENÇÃO! Para utilizar este tutorial não se esqueça: Onde estiver escrito seusite.com.br substitua pelo ENDEREÇO do seu site (domínio). Ex.: Se o endereço do seu site é casadecarnessilva.net

Leia mais

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW GUIA RÁPIDO DE USO

BEM-VINDO AO dhl PROVIEW GUIA RÁPIDO DE USO BEM-VINDO AO dhl PROVIEW GUIA RÁPIDO DE USO O DHL PROVIEW COLOCA VOCÊ NO CONTROLE DE SEUS ENVIOS. PROVIEW O DHL ProView é uma ferramenta de rastreamento on-line que permite a visibilidade dos envios e

Leia mais

MANUAL DO INSTAR-MAIL 1.0. Pagina de login e senha do Instar-Mail

MANUAL DO INSTAR-MAIL 1.0. Pagina de login e senha do Instar-Mail 1º Passo: Acesse o seguinte endereço http://www.smtp.com.br/sg/cliente/logar.php MANUAL DO INSTAR-MAIL 1.0 2º Passo: Será apresentada uma tela solicitando o seu login e senha: Sendo assim: Digite o seu

Leia mais

Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário. 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S.

Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário. 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S. Como acessar o novo webmail da Educação? Manual do Usuário 15/9/2009 Gerencia de Suporte, Redes e Novas Tecnologias Claudia M.S. Tomaz IT.002 02 2/14 Como acessar o Webmail da Secretaria de Educação? Para

Leia mais

Manual para Utilização Site DVA Express. Versão 2.0 para Parceiros.

Manual para Utilização Site DVA Express. Versão 2.0 para Parceiros. Manual para Utilização Site DVA Express Versão 2.0 para Parceiros. Introdução O presente manual tem por finalidade instruir os parceiros e representantes na utilização do site para consultas, rastreabilidade

Leia mais

Configuração do Outlook para o servidor da SET

Configuração do Outlook para o servidor da SET Configuração do Outlook para o servidor da SET Selecione Ferramentas + Contas... no seu Outlook Express. Clique no botão Adicionar + Email, para acrescentar uma nova conta, ou no botão Propriedades para

Leia mais

Portal Contador Parceiro

Portal Contador Parceiro Portal Contador Parceiro Manual do Usuário Produzido por: Informática Educativa 1. Portal Contador Parceiro... 03 2. Acesso ao Portal... 04 3. Profissionais...11 4. Restrito...16 4.1 Perfil... 18 4.2 Artigos...

Leia mais

MANUAL SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS/SIAPENET

MANUAL SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS/SIAPENET SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO SEMI-ÁRIDO PRÓ-REITORIA DE GESTÃO DE PESSOAS MANUAL SISTEMA INTEGRADO DE ADMINISTRAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS/SIAPENET MÓDULO SERVIDOR/PENSIONISTA

Leia mais

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza

Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões. Prof. MSc. Hugo Souza Programação Orientada a Objetos com PHP & MySQL Cookies e Sessões Prof. MSc. Hugo Souza Se você precisar manter informações sobre seus usuários enquanto eles navegam pelo seu site, ou até quando eles saem

Leia mais

15/8/2007 Gerencia de Tecnologia da Informação Claudia M.S. Tomaz

15/8/2007 Gerencia de Tecnologia da Informação Claudia M.S. Tomaz 15/8/2007 Gerencia de Tecnologia da Informação Claudia M.S. Tomaz MANUAL DE UTILIZAÇÃO DO WEBMAIL GETEC 01 2/13 Como acessar o Webmail da Secretaria de Educação? Para utilizar o Webmail da Secretaria de

Leia mais

Renovação Online de certificados digitais A3 (Voucher)

Renovação Online de certificados digitais A3 (Voucher) Renovação Online de certificados digitais A3 (Voucher) Todos os direitos reservados. Imprensa Oficial do Estado S.A. 2012 página 1 de 19 Requisitos para a Renovação Certificados A3 Em Cartão/Token (Navegador

Leia mais

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B

Guia de administração. BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange. Versão: 4.1 Service pack: 4B BlackBerry Professional Software para Microsoft Exchange Versão: 4.1 Service pack: 4B SWD-313211-0911044452-012 Conteúdo 1 Gerenciando contas de usuários... 7 Adicionar uma conta de usuário... 7 Adicionar

Leia mais

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit

Presskit Guia Rápido. Release 2.0. Presskit Presskit Guia Rápido Release 2.0 Presskit 06/07/2009 Sumário 1 Login 2 Login e Senha...................................... 2 Esqueci minha senha.................................. 2 Fale Com o Suporte...................................

Leia mais

WebMail --------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Manual do cliente

WebMail --------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Manual do cliente WebMail --------------------------------------------------------------------------------------------------------------- Manual do cliente www.plugin.com.br 1 ÍNDICE Prefácio...3 Sobre Este Manual... 3

Leia mais

INDICADORES ETHOS PARA NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS E RESPONSÁVEIS. Sistema on-line

INDICADORES ETHOS PARA NEGÓCIOS SUSTENTÁVEIS E RESPONSÁVEIS. Sistema on-line Sistema on-line O Instituto Ethos Organização sem fins lucrativos fundada em 1998 por um grupo de empresários, que tem a missão de mobilizar, sensibilizar e ajudar as empresas a gerir seus negócios de

Leia mais

WinGate - Passo a passo

WinGate - Passo a passo WinGate - Passo a passo Configurando os Computadores de sua rede Nesta etapa, mostraremos como preparar os computadores de sua rede para a instalação do WinGate. 1ª Parte É necessário que os computadores

Leia mais

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012)

NFE Nota Fiscal eletrônica. Versão 2.0 (07/2012) NFE Nota Fiscal eletrônica Versão 2.0 (07/2012) Sumário INTRODUÇÃO... 2 COMO OBTER AUTORIZAÇÃO PARA EMISSÃO DA NOTA FISCAL ELETRÔNICA... 3 2º VIA DE SOLICITAÇÃO/AUTORIZAÇÃO DE IMPRESSÃO DE DOCUMENTOS FISCAIS...

Leia mais

Módulo e-rede OpenCart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados

Módulo e-rede OpenCart v1.0. Manual de. Instalação do Módulo. estamos todos ligados Módulo e-rede OpenCart v1.0 Manual de Instalação do Módulo estamos todos ligados ÍNDICE 01 02 03 04 Introdução 3 Versão 3 Requerimentos 3 Manual de instalação 4 05 06 4.1 vqmod 4 4.2 Instalação e ativação

Leia mais

Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal

Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal Guia Prático do Usuário Sistema e-commerce e Portal 29/11/2012 Índice ÍNDICE... 2 1. APRESENTAÇÃO... 3 2. O QUE É E-COMMERCE?... 4 3. LOJA FOCCO... 4 4. COMPRA... 13 5. E-MAILS DE CONFIRMAÇÃO... 14 6.

Leia mais

Licenciamento por volume da Adobe

Licenciamento por volume da Adobe Licenciamento por volume da Adobe Admin Console para clientes do VIP Guia do usuário do Value Incentive Plan (VIP) Versão 2.5 November 21, 2013 Sumário O que é o Admin Console para clientes do VIP?...

Leia mais

MANUAL DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - ALUNO

MANUAL DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - ALUNO MANUAL DO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM - ALUNO 0800 703 3180 SUMÁRIO Apresentação Ambiente Virtual de Aprendizagem 1. Primeiro Acesso 1.1 Navegar em cursos 1.2 Enquete 1.3 Dados Cadastrais 2. Cursos

Leia mais

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA

FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA FERRAMENTAS DE COLABORAÇÃO CORPORATIVA Compartilhamento de Arquivos no Google Drive Sumário (Clique sobre a opção desejada para ir direto à página correspondente) Utilização do Google Grupos Introdução...

Leia mais

Guia de Configuração Rápida de D-igitalizar para E-mail

Guia de Configuração Rápida de D-igitalizar para E-mail Xerox WorkCentre M118i Guia de Configuração Rápida de D-igitalizar para E-mail 701P42686 Este guia fornece uma referência rápida para configurar a função Digitalizar para E-mail no Xerox WorkCentre M118i.

Leia mais

COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) OUTUBRO/2010

COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) OUTUBRO/2010 PROCEDIMENTOS DE CONFIGURAÇÃO DO AD, DNS E DHCP COORDENAÇÃO DE TECNOLOGIA (COTEC) OUTUBRO/2010 Rua do Rouxinol, N 115 / Salvador Bahia CEP: 41.720-052 Telefone: (71) 3186-0001. Email: cotec@ifbaiano.edu.br

Leia mais

Manual do Usuário Sistema APR Web. Aprovação de Projeto Elétrico e Análise de Carga na Rede via Web

Manual do Usuário Sistema APR Web. Aprovação de Projeto Elétrico e Análise de Carga na Rede via Web Manual do Usuário Sistema APR Web Aprovação de Projeto Elétrico e Análise de Carga na Rede via Web Belo Horizonte Março de 2015 SUMÁRIO APR Web 1 Introdução... 5 2 Objetivo... 5 3 Acessar o sistema APR

Leia mais

Mídia Brasil Online Manual do Usuário

Mídia Brasil Online Manual do Usuário 1) Menu Principal O Menu Principal se estende no topo da tela do MBO, apresentando as seguintes opções: Clicar sobre cada uma dessas opções permite o acesso às diferentes seções do site. 2) Funções do

Leia mais

SISTEMA DE SEGURANÇA DIGITAL - SSD MANUAL DE OPERAÇÃO

SISTEMA DE SEGURANÇA DIGITAL - SSD MANUAL DE OPERAÇÃO SISTEMA DE SEGURANÇA DIGITAL - SSD MANUAL DE OPERAÇÃO Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica - SETEC Página 1 APRESENTAÇÃO O Sistema de Segurança Digital é um sistema de cadastro único que objetiva

Leia mais

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software

MANUAL DO ANIMAIL 1.0.0.1142 Terti Software O Animail é um software para criar campanhas de envio de email (email Marketing). Você pode criar diversas campanhas para públicos diferenciados. Tela Principal do sistema Para melhor apresentar o sistema,

Leia mais

e-mails editores de e-mails Como configurar contas de nos principais Como configurar contas de e-mails nos principais editores de e-mails

e-mails editores de e-mails Como configurar contas de nos principais Como configurar contas de e-mails nos principais editores de e-mails Como configurar contas de e-mails nos principais editores de e-mails Podemos acessar nossos e-mails pelo webmail, que é um endereço na internet. Os domínios que hospedam com a W3alpha, acessam os e-mails

Leia mais

A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet.

A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet. Prezado Cliente, A CMNet disponibilizou no dia 24 de junho para download no Mensageiro a nova versão do Padrão dos Sistemas CMNet. No Padrão 9 você encontrará novas funcionalidades, além de alterações

Leia mais

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR

Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR Microsoft Office Outlook Web Access ABYARAIMOVEIS.COM.BR 1 Índice: 01- Acesso ao WEBMAIL 02- Enviar uma mensagem 03- Anexar um arquivo em uma mensagem 04- Ler/Abrir uma mensagem 05- Responder uma mensagem

Leia mais

Satélite. Manual de instalação e configuração. CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br

Satélite. Manual de instalação e configuração. CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br Satélite Manual de instalação e configuração CENPECT Informática www.cenpect.com.br cenpect@cenpect.com.br Índice Índice 1.Informações gerais 1.1.Sobre este manual 1.2.Visão geral do sistema 1.3.História

Leia mais

VVS Sistemas (21)3405-9500

VVS Sistemas (21)3405-9500 Índice Assunto Página Apresentação... 2 Funcionamento do Módulo... 3 Instalação do Módulo... 4 Configurações no C-Plus NF-e... 9 Acessando os arquivos... 11 Apresentação Apresentamos o módulo C-Plus NF-e

Leia mais

Manual SAGe Versão 1.2

Manual SAGe Versão 1.2 Manual SAGe Versão 1.2 Cadastramento de Usuário (a partir da versão 12.08.01 ) Conteúdo Introdução... 2 Cadastramento... 2 Desvendando a tela inicial... 4 Completando seus dados cadastrais... 5 Não lembro

Leia mais

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR

MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE ATENÇÃO À SAÚDE DEPARTAMENTO DE ATENÇÃO BÁSICA COORDENAÇÃO DE ATENÇÃO DOMICILIAR SAF SUL Qd. 02, Bl. E/F, Ed. Premium Torre II Auditório Sala 05 Telefone: (61) 3315 9052

Leia mais

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes)

Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) Guia de Utilização do Microsoft Dynamics CRM (Gestão de Relacionamento com Clientes) 1. Sobre o Microsoft Dynamics CRM - O Microsoft Dynamics CRM permite criar e manter facilmente uma visão clara dos clientes,

Leia mais

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388

Seu manual do usuário BLACKBERRY INTERNET SERVICE http://pt.yourpdfguides.com/dref/1117388 Você pode ler as recomendações contidas no guia do usuário, no guia de técnico ou no guia de instalação para BLACKBERRY INTERNET SERVICE. Você vai encontrar as respostas a todas suas perguntas sobre a

Leia mais

Configuração de Digitalizar para E-mail

Configuração de Digitalizar para E-mail Guia de Configuração de Funções de Digitalização de Rede Rápida XE3024PT0-2 Este guia inclui instruções para: Configuração de Digitalizar para E-mail na página 1 Configuração de Digitalizar para caixa

Leia mais

Nota Fiscal Paulista. Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO

Nota Fiscal Paulista. Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO Nota Fiscal Paulista Manual do TD REDF (Transmissor de Dados Registro Eletrônico de Documentos Fiscais) Versão 1.1 15/02/2008 Página 1 de 17 Índice Analítico 1. Considerações Iniciais 3 2. Instalação do

Leia mais

Faturamento Eletrônico - CASSEMS

Faturamento Eletrônico - CASSEMS 1 Conteúdo 1. Informações Iniciais... 3 1.1. Sobre o documento... 3 1.2. Organização deste Documento... 3 2. Orientações Básicas... 3 2.1. Sobre o Faturamento Digital... 3 3. Instalação do Sistema... 4

Leia mais

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO

1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO 1 ÍNDICE 1 REQUISITOS BÁSICOS PARA INSTALAR O SMS PC REMOTO... 3 1.1 REQUISITOS BASICOS DE SOFTWARE... 3 1.2 REQUISITOS BASICOS DE HARDWARE... 3 2 EXECUTANDO O INSTALADOR... 3 2.1 PASSO 01... 3 2.2 PASSO

Leia mais