Situação global das Arboviroses no Brasil e Estado de São Paulo e da Febre Amarela no contexto atual

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Situação global das Arboviroses no Brasil e Estado de São Paulo e da Febre Amarela no contexto atual"

Transcrição

1 Situação global das Arboviroses no Brasil e Estado de São Paulo e da Febre Amarela no contexto atual Gizelda Katz Central/CIEVS- CVE Prof. Alexandre Vranjac

2

3 ARBOVIROSES ARthropod BOrne VIRUS (Vírus Transmitido por Artrópodos) Ciclo de Transmissão: Hospedeiro Vertebrado Virêmico Hospedeiro Vertebrado Susceptível Aves Mamíferos Répteis Artrópodos Vetores Incubação Extrínseca Aves Mamíferos Répteis Homem Mosquitos (50%) Carrapatos (23%) Flebotomíneos (14%) Ceratopogonídeos Outros Homem

4

5

6

7 Espectro Clínico da Dengue 6 (0,06%) Óbitos (1,1%) Casos Graves (29%) Casos Dengue Infecções Guzman, MG, Kouri G, Valdes L, et al. Epidemiological studies ondengue in Santiago de Cuba, Am J Epidemiol 2000; 152:

8 FEBRE AMARELA

9 2,5 a 3 bilhões de pessoas vivem em áreas com transmissão de dengue

10 Entrada do vírus dengue no Brasil 2016: 2,3 milhões de casos (OPAS), 4274 casos foram declarados graves óbitos

11 Número de casos de Dengue no Brasil de A incidência aumentou 30 vezes nas últimas cinco décadas 12milhões de casos

12 Número de casos confirmados 1990/ CASOS

13 Chikungunya

14

15

16 Incidência (por 100 mil hab.) de febre de chikungunya por município de residência, Brasil, casos acesso 15/02/2017

17 Distribuição dos casos de Chikungunya confirmados, Estado de SP Casos importados: 189 Casos importados:885 Casos autóctones: 226 Fonte: Sinan net, 01/04/16

18 Distribuição dos municípios com casos confirmados (autóctones, importados, autoc. + imp.) de Chikungunya, Estado de São Paulo, 2017 Casos Notificados: 885 Fonte: Sinan Net /Sinan Online: Casos confirmados:(54) municípios:13

19

20 ZIKA VÍRUS: Emergência de Saúde Pública

21 Países e territórios que mostram distribuição histórica do vírus Zika,

22 Países e territórios que mostram distribuição histórica do vírus Zika,

23 Países e territórios que mostram distribuição histórica do vírus Zika,

24 Unidades da Federação com casos prováveis de febre pelo vírus Zika com confirmação laboratorial. Brasil, 2015/2016 Nº de casos: Incidência:105,3 por hab. Fonte: Sinan net, 17/01/2017

25 Casos prováveis de Zika em gestantes, semana epidemiológica 1 a 49/2016,por UF de residência, Brasil, Fonte:

26 Fonte: Casos confirmados (/10 mil nascidos vivos) de recém-nascidos e crianças com alterações no crescimento e desenvolvimento possivelmente relacionadas à infecção pelo vírus Zika e outras etiologias infecciosas, por município de residência da mãe, Brasil, 2015 e 2016

27 Distribuição dos casos de Zika Vírus confirmados segundo o município de residência. Estado de São Paulo, Nº de Gestantes:757 Fonte: SINANNET Dados atualizados: Nº de casos:4.144

28 Casos Notificados, Investigados e Descartados de Microcefalia Estado de São Paulo, 2015 a Fevereiro 2017

29 FEBRE AMARELA NO BRASIL De caráter temporal: - certa regularidade até padrão cíclico de 5 a 7 anos, alternados por períodos com pequena ocorrência de casos. De caráter espacial: Período de

30 F E B R E M A A R E L A

31 Provável rota de difusão territorial do vírus da febre amarela no Brasil de 1998 a Legenda: Área de ocorrência do evento Amazônia Legal Extra Amazônica Tipo do evento Casos humanos Epizootias Casos e epizootias Fonte: SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE/MS

32 Evolução das áreas de risco para febre Amarela Brasil, Fonte: MS/SVS/DEVEP/CGDT/COVEV Endêmica Transição Risco potencial Indene 32

33 Febre Amarela no Estado de São Paulo 1850: primeira epidemia FAU 1889: epidemia em Campinas Planalto 1895: Araraquara (3 anos) 1942: último registro de FAU Brasil 1953: último caso de FAS SP 2000: 2 casos FAS autóctone 2003: epizootia

34 Mapa das áreas com ou sem recomendação de vacinação contra Febre Amarela. Brasil, 2008

35 Área de recomendação de vacinação contra Febre Amarela, 2009 Distribuição dos casos de febre amarela silvestre por classificação e município provável de infecção. São Paulo, 2009.

36 Distribuição geográfica dos casos humanos e epizootias em primatas não humanos (PNH) confirmados para Febre Amarela, por município do local provável de infecção (LPI). Brasil, julho/2014 dezembro/2016. Distribuição geográfica do caso humano e epizootias em primatas não humanos (PNH) confirmados para Febre Amarela, por município do local provável de infecção (LPI). São Paulo, 2016.

37 Área com recomendação para vacinação Febre Amarela População residente: pessoas Com 455 municípios

38 Distribuição geográfica dos casos confirmados e em investigação de febre amarela à SVS/MS, por município do LPI dez/ março/2017 Nº de Casos:448 MG( 349), ES(93)

39

40 Nº de PNH positivos :41

41 São José do Rio Preto e Região - SP

42

43 São José do Rio Preto-SP

44

45

46 CAJOBI

47

48

49

50

51

52

53 SEVERINIA

54

55 A boa vigilância não garante, necessariamente, a tomada de decisões corretas, mas reduz a chance de tomarmos decisões erradas Alexandre D. Langmuir New England Journal of Medicine; 1963; 268: )

56 Aedes aegypti Quais são os fatores determinantes para a proliferação do Aedes?

57 Doenças Transmitidas por Aedes Problema complexo Determinantes Sociais, Econômicos, Ambientais e Culturais Crescimento e urbanização da população Mudanças climáticas Aumento na mobilidade da população e do fluxo de turistas

58

59 Diante de um quadro tão preocupante é fundamental a construção de uma sólida aliança entre todos os setores do governo e sociedade civil O inimigo é comum e tem demonstrado mais competência na sua luta pela sobrevivência, mesmo que involuntariamente à custa de sofrimento e de morte em humanos. Adaptada de Roberto de Andrade Medronho Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 24(5): , mai, 2008

60 Central/CIEVS Plantão 24h Telefones: (11) Fone:

Investigação epidemiológica de doenças transmitidas pela fêmea do Aedes aegypti: dengue, chikungunya e zika. Deborah Bunn Inácio

Investigação epidemiológica de doenças transmitidas pela fêmea do Aedes aegypti: dengue, chikungunya e zika. Deborah Bunn Inácio Investigação epidemiológica de doenças transmitidas pela fêmea do Aedes aegypti: dengue, chikungunya e zika Deborah Bunn Inácio Investigação epidemiológica de doenças transmitidas pela fêmea do Aedes aegypti:

Leia mais

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E ENFRENTAMENTO DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BRASÍLIA, 20 DE OUTUBRO DE 2016

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E ENFRENTAMENTO DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BRASÍLIA, 20 DE OUTUBRO DE 2016 SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E ENFRENTAMENTO DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BRASÍLIA, 20 DE OUTUBRO DE 2016 Situação Epidemiológica da Dengue, por temporada, Brasil 2013/2014:

Leia mais

Informativo Epidemiológico de Dengue, Chikungunya e Zika

Informativo Epidemiológico de Dengue, Chikungunya e Zika Informativo Epidemiológico de Dengue, Chikungunya e Zika Ano 11, nº 38, setembro de 2016. Semana epidemiológica 37 de 2016. GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL DENGUE SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO DF No Distrito

Leia mais

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA ATUAL

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA ATUAL INFORME EPIDEMIOLÓGICO Nº 09 SEMANA EPIDEMIOLÓGICA (SE) 02/2016 (10 A 16/01/2016) MONITORAMENTO DOS CASOS DE MICROCEFALIA NO BRASIL A partir desta edição, o informe epidemiológico do COES passa a apresentar

Leia mais

INFORME TÉCNICO 001/2016

INFORME TÉCNICO 001/2016 SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE INFORME TÉCNICO 001/2016 Vigilância Epidemiológica da Febre do ZIKA Vírus no Estado do Rio de Janeiro Rio de Janeiro,

Leia mais

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E ENFRENTAMENTO DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BRASÍLIA, 26 DE JANEIRO DE 2017

SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E ENFRENTAMENTO DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BRASÍLIA, 26 DE JANEIRO DE 2017 SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA E ENFRENTAMENTO DA DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE BRASÍLIA, 26 DE JANEIRO DE 2017 Situação Epidemiológica da Dengue, Brasil, SE 1 a 3/2015 a 2017 2015:

Leia mais

Semana Epidemiológica de Início de Sintomas

Semana Epidemiológica de Início de Sintomas Boletim Epidemiológico Volume 47 N 18-2016 Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde ISSN 2358-9450 Monitoramento dos casos de dengue, febre de chikungunya e febre pelo vírus Zika até a Semana

Leia mais

ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS

ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS Aedes aegypti, Zika vírus e Microcefalia epidêmica ASPECTOS EPIDEMIOLÓGICOS Alexandre Otavio Chieppe Aedes aegypti Aedes albopictus Indicadores Entomológicos LIRAa de outubro de 2015 Mapa: IIP para Aedes

Leia mais

Semana Epidemiológica de Início de Sintomas

Semana Epidemiológica de Início de Sintomas Boletim Epidemiológico Volume 47 N 8-2016 Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde ISSN 2358-9450 Monitoramento dos casos de dengue, febre de chikungunya e febre pelo vírus Zika até a Semana

Leia mais

1- Dengue. Casos prováveis

1- Dengue. Casos prováveis Nº 3, Semana Epidemiológica 03, 18/01/2016 1- Dengue Introdução A dengue é uma doença febril aguda, causada pelos vírus DENV1, DENV2, DENV3, DENV4 transmitida pela picada de mosquitos do gênero Aedes,

Leia mais

Boletim semanal #1 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da zika e suas consequências

Boletim semanal #1 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da zika e suas consequências Boletim semanal #1 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da zika e suas consequências 4 de março de 2016 Reunião das diretoras da OPAS e da OMS com a presidenta do Brasil

Leia mais

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA 1. 1 minutos, uma vez por semana, em nome de sua saúde. Você sabia que com apenas 1 minutos por semana você pode afastar o perigo da dengue, chikungunya e

Leia mais

INFORME TÉCNICO SEMANAL: DENGUE, CHIKUNGUNYA, ZIKA E MICROCEFALIA RELACIONADA À INFECÇÃO PELO VÍRUS ZIKA

INFORME TÉCNICO SEMANAL: DENGUE, CHIKUNGUNYA, ZIKA E MICROCEFALIA RELACIONADA À INFECÇÃO PELO VÍRUS ZIKA 1. DENGUE Em 2016, até a 6ª semana epidemiológica (SE) foram notificados 7.478 casos suspeitos de dengue. No ano de 2015, o município superou o registro de número de casos de anos anteriores, revelando

Leia mais

Vigilância da doença causada pelo zika vírus nos Estados Unidos

Vigilância da doença causada pelo zika vírus nos Estados Unidos Centros de Controle e Prevenção de Doenças Vigilância da doença causada pelo zika vírus nos Estados Unidos Marc Fischer, MD, MPH Arboviral Diseases Branch 8 de junho de 2016 Objetivos Atualizar a epidemiologia

Leia mais

Boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de Dengue, Febre Chikungunya e Febre Zika. Nº 2, Semana Epidemiológica 02, 11/01/2016

Boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de Dengue, Febre Chikungunya e Febre Zika. Nº 2, Semana Epidemiológica 02, 11/01/2016 Boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de Dengue, Febre Chikungunya e Febre Zika. Nº 2, Semana Epidemiológica 02, 11/01/2016 Dengue Introdução A dengue é uma doença febril aguda, causada pelos

Leia mais

Informativo Epidemiológico Dengue, Chikungunya e Zika Vírus

Informativo Epidemiológico Dengue, Chikungunya e Zika Vírus Informativo Epidemiológico Dengue, Chikungunya e Zika Vírus Janeiro de 216 Semana Epidemiológica 2 (3/1 a 9/1)* A Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul (SES/RS) por meio do Centro Estadual

Leia mais

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO Nº 05 VÍRUS ZIKA SEMANA 15 MATO GROSSO DO SUL / 2016

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO Nº 05 VÍRUS ZIKA SEMANA 15 MATO GROSSO DO SUL / 2016 BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO Nº 05 VÍRUS ZIKA SEMANA 15 MATO GROSSO DO SUL / 2016 MAPA DE MUNICÍPIOS COM CONFIRMAÇÃO LABORATORIAL DE CASOS DE VÍRUS ZIKA NO MATO GROSSO DO SUL, 2016. Governo do Estado de Mato

Leia mais

Novo informe epidemiológico mostra redução de 73% dos casos de dengue no Pará

Novo informe epidemiológico mostra redução de 73% dos casos de dengue no Pará Novo informe epidemiológico mostra redução de 73% dos casos de dengue no Pará O segundo informe do ano apresenta 212 casos de dengue, doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti Dados do novo informe

Leia mais

Trabalho Final Atividades Integradoras IV. Aline dos Santos Novaes Martins

Trabalho Final Atividades Integradoras IV. Aline dos Santos Novaes Martins Trabalho Final Atividades Integradoras IV Aline dos Santos Novaes Martins Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado de São Paulo CVE/SP Missão A missão do Centro de Vigilância Epidemiológica Alexandre

Leia mais

Cenário Epidemiológico da Dengue no Rio Grande do Norte

Cenário Epidemiológico da Dengue no Rio Grande do Norte GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE PÚBLICA COORDENADORIA DE PROMOÇÃO À SAÚDE PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE NO RN Cenário Epidemiológico da Dengue no Rio Grande

Leia mais

Boletim Epidemiológico. Dengue Chikungunya Zika. Dia de Mobilização Nacional contra o Aedes aegypti

Boletim Epidemiológico. Dengue Chikungunya Zika. Dia de Mobilização Nacional contra o Aedes aegypti Nº 006/2016 26/02/2016 Boletim Epidemiológico Dengue Chikungunya Zika Dia de Mobilização Nacional contra o Aedes aegypti Participação da Escola Preparatória de Cadetes do Ar: 12/02/2016 10 horas Palestra

Leia mais

Informativo Epidemiológico de Dengue, Chikungunya e Zika

Informativo Epidemiológico de Dengue, Chikungunya e Zika Informativo Epidemiológico de Dengue, Chikungunya e Zika Ano 11, nº 01, janeiro de 2016 Semana epidemiológica 51 e 52 de 2015 GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL DENGUE SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE No Distrito

Leia mais

Boletim semanal #2 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da zika e suas consequências

Boletim semanal #2 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da zika e suas consequências Boletim semanal #2 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da zika e suas consequências 11 de março de 2016 Reunião do Comitê de Emergências discutiu zika, microcefalia

Leia mais

Boletim semanal # 10 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da Zika e suas consequências

Boletim semanal # 10 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da Zika e suas consequências Boletim semanal # 10 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da Zika e suas consequências 27 de junho de 2016 Comitê de Emergência avaliou que risco de propagação do Zika

Leia mais

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO 001/2015

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO 001/2015 SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA E AMBIENTAL GERÊNCIA DE DOENÇAS TRANSMITIDAS POR VETORES E ZOONOSES -

Leia mais

Nota Técnica nº 13 LEISHIMANIOSE VICERAL

Nota Técnica nº 13 LEISHIMANIOSE VICERAL CENTRO DE INFORMAÇÕES ESTRATÉGICAS E RESPOSTA EM VIGILÂNCIA EM SAÚDE Nota Técnica nº 13 LEISHIMANIOSE VICERAL Centro de Informações Estratégicas e Resposta em Vigilância em Saúde Departamento de Epidemiologia/

Leia mais

DENGUEDEDENGUE BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DA DENGUE. Dengue é um grave problema de saúde pública enfrentado em diversos países.

DENGUEDEDENGUE BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DA DENGUE. Dengue é um grave problema de saúde pública enfrentado em diversos países. Ano 2 Nº 4 16 de Junho de 2009 BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO DA DENGUE Dengue é um grave problema de saúde pública enfrentado em diversos países. A transmissão da doença se dá através da picada do mosquito transmissor

Leia mais

Mapa da dengue no Brasil

Mapa da dengue no Brasil Mapa da dengue no Brasil Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) Participação de 1.463 municípios Pesquisa realizada em outubro 1600 1400 1438 1463 Identifica focos de infestação do mosquito,

Leia mais

Boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de Dengue, Febre Chikungunya e Febre Zika. Nº 21, Semana Epidemiológica 22, 31/05/2016

Boletim epidemiológico de monitoramento dos casos de Dengue, Febre Chikungunya e Febre Zika. Nº 21, Semana Epidemiológica 22, 31/05/2016 Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais Subsecretaria de Vigilância e Proteção a Saúde Superintendência de Vigilância Epidemiologica, Ambiental e Saúde do Trabalhador Diretoria de Vigilância Ambiental

Leia mais

Boletim Epidemiológico. Dengue Chikungunya Zika

Boletim Epidemiológico. Dengue Chikungunya Zika Boletim Epidemiológico Dengue Chikungunya Zika Nº 001/2016 06/01/2016 Situação Atual da Dengue no Município de Barbacena Durante o ano de 2015 foram confirmados 27 casos(12 autóctones e 15 importados)

Leia mais

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA

INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA INFORME SEMANAL DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA 1. O Agente de Controle de Endemias: aliado de sua saúde Vistoria de imóveis, depósitos, terrenos baldios para buscar foco de doenças transmitidas por vetores,

Leia mais

Boletim semanal # 11 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus Zika e suas consequências

Boletim semanal # 11 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus Zika e suas consequências Boletim semanal # 11 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus Zika e suas consequências 19 de julho de 2016 www.paho.org/bra/salazika OPAS/OMS fecha acordo com Fiocruz Amazônia

Leia mais

Assunto: Atualização da investigação de caso suspeito de sarampo em João Pessoa/PB - 22 de outubro de 2010

Assunto: Atualização da investigação de caso suspeito de sarampo em João Pessoa/PB - 22 de outubro de 2010 MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Departamento de Vigilância Epidemiológica Esplanada dos Ministérios, Edifício Sede, 1º andar 70.058-900 Brasília-DF Tel. 3315 2755/2812 NOTA TÉCNICA

Leia mais

Boletim semanal # 9 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da Zika e suas consequências

Boletim semanal # 9 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da Zika e suas consequências Boletim semanal # 9 Resposta da Representação da OPAS/OMS no Brasil para a epidemia do vírus da Zika e suas consequências 30 de maio de 2016 www.paho.org/bra/salazika OPAS/OMS: não há justificativa para

Leia mais

Subsecretaria de Vigilância à Saúde. Secretaria de Estado de Saúde

Subsecretaria de Vigilância à Saúde. Secretaria de Estado de Saúde Subsecretaria de SITUAÇÃO EPIDEMIOLÓGICA DE 2014-2015* até a SE 45 Histórico das Epidemias de dengue no DF Gráfico 01: Série histórica de dengue em residentes do DF, SE*46 16.000 15.229 14.000 12.000 12.281

Leia mais

MICHELE CAPUTO NETO Secretário de Estado da Saúde do Paraná

MICHELE CAPUTO NETO Secretário de Estado da Saúde do Paraná MICHELE CAPUTO NETO Secretário de Estado da Saúde do Paraná Setembro/2016 Série Histórica Paraná A incidência de dengue no Paraná aumentou três vezes de 2013 a 2015. Em relação ao último período epidemiológico

Leia mais

Brasil está sentado em bomba-relógio, diz especialista sobre febre amarela

Brasil está sentado em bomba-relógio, diz especialista sobre febre amarela Brasil está sentado em bomba-relógio, diz especialista sobre febre amarela O aumento de casos de febre amarela silvestre (transmitida em regiões rurais e de mata) em Minas Gerais pode ser um surto cíclico

Leia mais

CAPACITAÇÃO AGENTE COMUNITÁRIOS

CAPACITAÇÃO AGENTE COMUNITÁRIOS CAPACITAÇÃO AGENTE COMUNITÁRIOS Prefeitura Municipal de Corumbá Paulo Roberto Duarte Secretária Municipal de Saúde Dinaci Vieira Ranzi Gerência de Vigilância em Saúde Viviane Campos Ametlla Coordenação

Leia mais

Boletim Semanal da Dengue

Boletim Semanal da Dengue Prefeitura de Nova Lima Secretaria Municipal de Saúde Departamento de Vigilância em Saúde Vigilância em Saúde Boletim Semanal da Dengue Semana Epidemiológica 09 Este boletim tem por objetivo apresentar

Leia mais

INFORMATIVO SOBRE FEBRE AMARELA

INFORMATIVO SOBRE FEBRE AMARELA INFORMATIVO SOBRE FEBRE AMARELA A Febre Amarela (FA) é uma doença febril aguda de grande importância epidemiológica por sua gravidade clínica e potencial de disseminação. O agente etiológico é um arbovírus

Leia mais

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), nas últimas décadas. houve um crescimento da dengue em nível mundial de 30 vezes,

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), nas últimas décadas. houve um crescimento da dengue em nível mundial de 30 vezes, NOTA TÉCNICA 31/08/2016 Vacina Dengue Sociedade Brasileira de Imunizações SBIm Sociedade Brasileira de Infectologia SBI Sociedade Brasileira de Pediatria SBP 1) A doença Segundo a Organização Mundial da

Leia mais

Vacinação contra Febre Amarela em Santa Catarina. Arieli Schiessl Fialho

Vacinação contra Febre Amarela em Santa Catarina. Arieli Schiessl Fialho apresentam Vacinação contra Febre Amarela em Santa Catarina Arieli Schiessl Fialho A Doença A Febre Amarela (FA) é uma doença infecciosa febril aguda, imunoprevenível, endêmica e enzoótica nas florestas

Leia mais

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO ZIKA VIRUS RELATÓRIO DA SITUAÇÃO FEBRE AMARELA 20 DE MAIO DE 2016 RESUMO No final de Dezembro de 2015, foi detectado em Angola um surto de febre amarela que foi confirmado pelo Instituto Pasteur de Dacar

Leia mais

Aedes aegypti, mosquito transmissor e medidas preventivas

Aedes aegypti, mosquito transmissor e medidas preventivas Aedes aegypti, mosquito transmissor e medidas preventivas Marly Satimi Shimada msatimi@yahoo.com.br Manaus- AM Dengue Problema de saúde pública Amazonas em 2011: A maior epidemia de dengue da sua história,

Leia mais

Assunto: Atualização dos casos notificados de microcefalia no estado da Bahia.

Assunto: Atualização dos casos notificados de microcefalia no estado da Bahia. NOTA INFORMATIVA Nº 01/2015 - DIVEP//SUVISA/SESAB Assunto: Atualização dos casos notificados de microcefalia no estado da Bahia. Situação epidemiológica atual Na Bahia, até 1º de dezembro de 2015, foram

Leia mais

Casos de FHD Óbitos e Taxa de letalidade

Casos de FHD Óbitos e Taxa de letalidade Casos de dengue Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Total 2003 20.471 23.612 - - - - - - - - - - 44.083 2002 94.447 188.522 237.906 128.667 60.646 23.350 12.769 10.149 6.682 7.138 9.246 9.052

Leia mais

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CENTRO ESTADUAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE NOTA TÉCNICA SOBRE FEBRE DO ZIKA VÍRUS

ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE CENTRO ESTADUAL DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE NOTA TÉCNICA SOBRE FEBRE DO ZIKA VÍRUS Descrição da Doença NOTA TÉCNICA SOBRE FEBRE DO ZIKA VÍRUS 15 de dezembro de 2015 Febre do Zika Vírus é uma doença viral aguda, transmitida principalmente por mosquitos, tais como Aedes aegypti, caracterizada

Leia mais

Vigilância Epidemiológica da Febre do Chikungunya

Vigilância Epidemiológica da Febre do Chikungunya SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE SUBSECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE COORDENAÇÃO DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA DIVISÃO DE TRANSMISSÍVEIS E IMUNOPREVENÍNEIS GERÊNCIA

Leia mais

OS CAMINHOS DA FEBRE AMARELA NO TEMPO E NO ESPAÇO

OS CAMINHOS DA FEBRE AMARELA NO TEMPO E NO ESPAÇO Universidade Federal da Bahia Instituto de Saúde Coletiva OS CAMINHOS DA FEBRE AMARELA NO TEMPO E NO ESPAÇO Maria da Glória Teixeira SETEMBRO 2008 FAS: série histórica de casos e taxa de letalidade. Brasil

Leia mais

UNOESC NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA PALESTRA SOBRE DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA

UNOESC NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA PALESTRA SOBRE DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA UNOESC NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA PALESTRA SOBRE DENGUE, CHIKUNGUNYA E ZIKA Bibiana Paula Dambrós* Daniela Ries Winck** Resumo Trata-se de um relato de atividade de extensão, realizado com objetivo

Leia mais

Informativo Epidemiológico Dengue, Chikungunya e Zika Vírus Janeiro de 2016

Informativo Epidemiológico Dengue, Chikungunya e Zika Vírus Janeiro de 2016 Informativo Epidemiológico Dengue, Chikungunya e Zika Vírus Janeiro de 2016 Semana Epidemiológica 05 (31/01 a 06/02)* A Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Sul (SES/RS), por meio do Centro Estadual

Leia mais

Surtos e epidemias: Diretrizes estaduais

Surtos e epidemias: Diretrizes estaduais Secretaria de Estado de Saúde Surtos e epidemias: Diretrizes estaduais Gilson Jácome dos Reis Coordenador do CIEVS-RJ PRESSUPOSTOS: Cenário epidemiológico Transição demográfica e epidemiológica Diminuição

Leia mais

Distribuição das doenças e agravos segundo características relacionadas às pessoas, ao tempo e ao espaço (I): Séries temporais

Distribuição das doenças e agravos segundo características relacionadas às pessoas, ao tempo e ao espaço (I): Séries temporais Distribuição das doenças e agravos segundo características relacionadas às pessoas, ao tempo e ao espaço (I): Séries temporais IESC/UFRJ Mestrado em Saúde Coletiva Especialização em Saúde Coletiva Modalidade

Leia mais

Aedes aegypti: temos competência para controlar, afinal somos Agentes de Saúde

Aedes aegypti: temos competência para controlar, afinal somos Agentes de Saúde Aedes aegypti: temos competência para controlar, afinal somos Agentes de Saúde Paulo Roberto Urbinatti Laboratório de Entomologia em Saúde Pública/FSP/USP urbinati@usp.br Aedes aegypti - fêmea BIOECOLOGIA

Leia mais

Boletim Epidemiológico - Arboviroses transmitidas pelo Aedes aegypti

Boletim Epidemiológico - Arboviroses transmitidas pelo Aedes aegypti SECRETARIA DE SAÚDE SECRETARIA EXECUTIVA DE VIGILÂNCIA À SAÚDE GERÊNCIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA SE 49 Ano 2015 Período de referência: 04/01/2015 a 12/12/2015 Data de Emissão: 18/12/2015 Boletim Epidemiológico

Leia mais

Mapa da dengue no Brasil

Mapa da dengue no Brasil Mapa da dengue no Brasil Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) Participação de 1.463 municípios 1,7% mais cidades que em 2012 Pesquisa realizada outubro Identifica focos de infestação do

Leia mais

NOTA TÉCNICA NT 01 / DVDTV / 2016 26/01/2016 DENGUE CHIKUNGUNYA ZIKA

NOTA TÉCNICA NT 01 / DVDTV / 2016 26/01/2016 DENGUE CHIKUNGUNYA ZIKA NOTA TÉCNICA NT 01 / DVDTV / 2016 26/01/2016 DENGUE CHIKUNGUNYA ZIKA Epidemiologia Dengue, Chikungunya e Zika são arboviroses de grande importância sócio econômica, que afetam o ser humano e constituem

Leia mais

Febre do Chikungunya. Sinonímia: Chikungunya, CHIK, CHIKV, infecção pelo vírus Chikungunya.

Febre do Chikungunya. Sinonímia: Chikungunya, CHIK, CHIKV, infecção pelo vírus Chikungunya. GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE SECRETARIA DE ESTADO DA SAÚDE PÚBLICA COORDENADORIA DE PROMOÇÃO À SAÚDE SUBCOORDENADORIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA PROGRAMA ESTADUAL DE CONTROLE DA DENGUE E

Leia mais

SCIH NOTIFICAÇÃO DE DOENÇAS COMPULSÓRIAS

SCIH NOTIFICAÇÃO DE DOENÇAS COMPULSÓRIAS M-N05 1 de 6 Data de Emissão: Histórico de Revisão / Versões Data Versão/Revisões Descrição Autor 1.00 Proposta inicial EB; MT 1 INTRODUÇÃO A notificação compulsória consiste na comunicação da ocorrência

Leia mais

Chikungunya: o próximo desafio

Chikungunya: o próximo desafio Chikungunya: o próximo desafio Febre do Chikungunya É uma doença infecciosa febril, causada pelo vírus Chikungunya: CHIKV O nome chikungunya deriva de uma palavra em Makonde (língua do grupo Banto) que

Leia mais

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO ZIKA VIRUS RELATÓRIO DA SITUAÇÃO FEBRE AMARELA 26 DE MAIO DE 2016 RESUMO No final de Dezembro de 2015, foi detectado em Luanda, Angola, um surto de febre amarela. Os primeiros casos foram confirmados pelo

Leia mais

Busca por vacina contra febre amarela lota postos de saúde em Novo Progresso

Busca por vacina contra febre amarela lota postos de saúde em Novo Progresso Busca por vacina contra febre amarela lota postos de saúde em Novo Progresso Em Novo Progresso à preocupação com a febre amarela só aumenta, já que a doença está avançando em outros Estados. Na região

Leia mais

INFORMATIVO CIEVS 003/2015

INFORMATIVO CIEVS 003/2015 SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DO RIO DE JANEIRO SUBSECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE SUPERINTENDÊNCIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA E AMBIENTAL INFORMATIVO CIEVS 003/15 Centro de Informações Estratégicas

Leia mais

Impacto de alterações ambientais sobre doenças transmitidas por vectores

Impacto de alterações ambientais sobre doenças transmitidas por vectores Impacto de alterações ambientais sobre doenças transmitidas por vectores Aula de Parasitologia Patrícia Salgueiro Instituto Biociências, UNESP, Botucatu, SP 20 agosto 2012 Sumário Alterações ambientais

Leia mais

1) Introdução à Epidemiologia 2) Epidemiologia e suas áreas de interesse 3) Medidas em epidemiologia 4) Freqüência absoluta versus relativa

1) Introdução à Epidemiologia 2) Epidemiologia e suas áreas de interesse 3) Medidas em epidemiologia 4) Freqüência absoluta versus relativa Saúde Coletiva e Ambiental Aula 7 Medidas da Saúde Coletiva Prof. Ricardo Mattos Bibliografia de Referência: Medronho, 2008 (Cap. 2) UNIG, 2009.1 Sumário da Aula 1) Introdução à Epidemiologia 2) Epidemiologia

Leia mais

Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 12 de 2016

Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 12 de 2016 Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 12 de 216 A vigilância da influenza no Brasil é composta pela vigilância

Leia mais

Concurso Público 2016

Concurso Público 2016 Ministério da Saúde FIOCRUZ Fundação Oswaldo Cruz Concurso Público 2016 Educação Profissional de Nível Médio em Vigilância em Saúde Prova Discursiva Questão 01 Redigir um texto, com o mínimo de 70 linhas

Leia mais

Epidemiológico. Boletim. Monitoramento dos casos de dengue e febre de chikungunya até a Semana Epidemiológica 20, 2015

Epidemiológico. Boletim. Monitoramento dos casos de dengue e febre de chikungunya até a Semana Epidemiológica 20, 2015 Boletim Epidemiológico Volume 46 N 15-2015 Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde ISSN 2358-9450 Monitoramento dos casos de dengue e febre de chikungunya até a Semana Epidemiológica 20,

Leia mais

Dengue, Malária e Febre Amarela Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Curso de Difusão Cultural: Saúde em Viagens: antes, durante e depois

Dengue, Malária e Febre Amarela Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Curso de Difusão Cultural: Saúde em Viagens: antes, durante e depois Dengue, Malária e Febre Amarela Instituto de Medicina Tropical de São Paulo Curso de Difusão Cultural: Saúde em Viagens: antes, durante e depois Ana Maria Ribeiro de Castro Duarte Bióloga - PqC Superintendência

Leia mais

Influência dos Insetos Vetores na Dinâmica Evolutiva do Dengue

Influência dos Insetos Vetores na Dinâmica Evolutiva do Dengue Influência dos Insetos Vetores na Dinâmica Evolutiva do Dengue Programa de Computação Científica - FIOCRUZ 8 de outubro de 2004 Aspectos Gerais Origem Emergência e Epidemia Aspectos Gerais do Vírus da

Leia mais

Nota Técnica sobre a Vacina contra Dengue

Nota Técnica sobre a Vacina contra Dengue São Paulo, 22 de maio de 2017 Nota Técnica sobre a Vacina contra Dengue 1) A doença no Brasil e no Mundo A Dengue é reconhecida como um importante problema de saúde pública, que alcança proporções mundiais.

Leia mais

Reunião Comitê Dengue. Situação Epidemiológica www.cve.saude.sp.gov.br. Situação Entomológica do Aedes aegypti. no Estado de São Paulo

Reunião Comitê Dengue. Situação Epidemiológica www.cve.saude.sp.gov.br. Situação Entomológica do Aedes aegypti. no Estado de São Paulo Reunião Comitê Dengue Situação Epidemiológica www.cve.saude.sp.gov.br Situação Entomológica do Aedes aegypti no Estado de São Paulo NÚMERO DE CASOS AUTÓCTONES DE DENGUE NO ÚLTIMOS ANOS, ESTADO DE SP 2007-2015*

Leia mais

Vigilância sindrômica Síndromes febris ictero-hemorrágicas

Vigilância sindrômica Síndromes febris ictero-hemorrágicas Vigilância sindrômica Síndromes febris ictero-hemorrágicas Estratégias de Vigilância Perfil clínico-epidemiológico e vigilância Várias doenças com apresentações sindrômicas semelhantes Várias formas clínicas

Leia mais

Dengue no Brasil e no mundo

Dengue no Brasil e no mundo Dengue no Brasil e no mundo 113 países no mundo convivem com a dengue; 50 mil mortes por ano no mundo; Aproximadamente, 2,5 a 3 bilhões de pessoas vivem em países onde a dengue é endêmica. O maior surto

Leia mais

Situação da transmissão da Dengue no Município de São Paulo em 2015

Situação da transmissão da Dengue no Município de São Paulo em 2015 Situação da transmissão da Dengue no Município de São Paulo em 2015 Coletiva de imprensa 18/10/2015 Coeficiente de incidência acumulado de dengue, Estado e Município de São Paulo - 2015 Fonte: ESP: CVE

Leia mais

A INCIDÊNCIA DE CASOS NOVOS DE AIDS EM CRIANÇA NO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA/RS/BRASIL 1

A INCIDÊNCIA DE CASOS NOVOS DE AIDS EM CRIANÇA NO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA/RS/BRASIL 1 A INCIDÊNCIA DE CASOS NOVOS DE AIDS EM CRIANÇA NO MUNICÍPIO DE SANTA MARIA/RS/BRASIL 1 Brum. C. N. ; Zuge. S. S. ; Ribeiro, A. C. ; Tronco, C. S. ; Tolentino, L. C. ; Santos, É. É. P. ;Padoin, S. M. M.

Leia mais

A Epidemiologia Descritiva

A Epidemiologia Descritiva A Epidemiologia Descritiva A Epidemiologia no seu processo descritivo estuda a distribuição de frequências das doenças e dos agravos à saúde coletiva em função das variáveis ligadas ao tempo, ao espaço

Leia mais

RESULTADO DO LIRAa JANEIRO FEVEREIRO/15

RESULTADO DO LIRAa JANEIRO FEVEREIRO/15 RESULTADO DO LIRAa JANEIRO FEVEREIRO/15 1º LIRAa 2015 - Situação dos municípios brasileiros Participação voluntária de 1.844 municípios Pesquisa realizada entre janeiro/fevereiro de 2015; Identifica focos

Leia mais

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO

RELATÓRIO DA SITUAÇÃO 4BABAY ZIKA VIRUS RELATÓRIO DA SITUAÇÃO FEBRE AMARELA 2 DE SETEMBRO DE 2016 PRINCIPAIS ATUALIZAÇÕES Informação atualizada sobre a situação epidemiológica em Angola (até 25 de Agosto): o Não há novos casos

Leia mais

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2016 ( X ) ENSINO ( ) PESQUISA ( X ) EXTENSÃO ( ) ( X

PROJETO DAS FACULDADES MAGSUL 2016 ( X ) ENSINO ( ) PESQUISA ( X ) EXTENSÃO ( ) ( X Pedagogia: Aut. nº 93110 de 13/08/1986 - Reconhecido Port. nº 717 de 21/12/89 - Ren. Rec. Port. nº 286 de 21/12/2012 Educação Física: Aut. Port. nº 766 de 31/05/2000 - Rec. Port. nº 3.755 de 24/10/05 -

Leia mais

FEBRE AMARELA. Alerta 001/CCD/2017. Alerta. 17 de janeiro - Município de São Paulo

FEBRE AMARELA. Alerta 001/CCD/2017. Alerta. 17 de janeiro - Município de São Paulo Alerta 001/CCD/2017 Prefeitura do Município de São Paulo Secretaria Municipal da Saúde Coordenação de Vigilância em Saúde - COVISA Alerta FEBRE AMARELA 17 de janeiro - Município de São Paulo 2017 Segundo

Leia mais

Curso de Atualização no Combate Vetorial ao Aedes aegypti

Curso de Atualização no Combate Vetorial ao Aedes aegypti Curso de Atualização no Combate Vetorial ao Aedes aegypti Ações integradas para o combate ao Aedes aegypti Curso de Atualização no Combate Vetorial ao Aedes aegypti Ações integradas para o combate ao Aedes

Leia mais

Epidemiologia. Disciplina: Higiene e profilaxia animal. Fábio Raphael Pascoti Bruhn

Epidemiologia. Disciplina: Higiene e profilaxia animal. Fábio Raphael Pascoti Bruhn Epidemiologia Disciplina: Higiene e profilaxia animal Fábio Raphael Pascoti Bruhn Epidemiologia Conceito: epi (sobre) + demo (povo) Estudo da distribuição dos estados de saúde e eventos em populações,

Leia mais

Interface Atenção Básica e Vigilância Epidemiológica no processo de investigação da Dengue. Deborah Bunn Inácio Maria Catarina da Rosa

Interface Atenção Básica e Vigilância Epidemiológica no processo de investigação da Dengue. Deborah Bunn Inácio Maria Catarina da Rosa Interface Atenção Básica e Vigilância Epidemiológica no processo de investigação da Dengue Deborah Bunn Inácio Maria Catarina da Rosa Roteiro Dengue Situação Epidemiológica; Características da doença no

Leia mais

Situação epidemiológica da nova influenza A (H1N1) no Brasil, 2009

Situação epidemiológica da nova influenza A (H1N1) no Brasil, 2009 Ano 09 - N⁰ 02 23 de Julho de 2009 Influenza Edição Especial Situação epidemiológica da nova influenza A (H1N1) no Brasil, 2009 APRESENTAÇÃO Desde a declaração de Emergência de Saúde Pública de Importância

Leia mais

Vigilância Epidemiológica. Profa. Rachel Sindeaux

Vigilância Epidemiológica. Profa. Rachel Sindeaux Vigilância Epidemiológica Profa. Rachel Sindeaux Vigilância Atividade contínua, permanente e sistemática; Foco para resultados inespecíficos para obtenção de metas; Utilização de dados relacionados com

Leia mais

Assunto: Procedimentos a serem adotados para a vigilância da Febre do vírus Zika no Brasil

Assunto: Procedimentos a serem adotados para a vigilância da Febre do vírus Zika no Brasil MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETARIA DE VIGILÂNCIA EM SAÚDE Departamento de Vigilância das Doenças Transmissíveis Esplanada dos Ministérios, Edifício Sede, 1º andar, Ala Sul 70.058-900 Brasília-DF Tel. 3315

Leia mais

Epidemiológico. Informe. Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 13 de 2016

Epidemiológico. Informe. Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 13 de 2016 Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a 13 de 216 A vigilância da influenza no é composta pela vigilância sentinela de Síndrome Gripal

Leia mais

ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO DOS CASOS DE LEISHMANIOSE EM HUMANOS E CÃES NO MUNICÍPIO DE MINEIROS GOIÁS

ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO DOS CASOS DE LEISHMANIOSE EM HUMANOS E CÃES NO MUNICÍPIO DE MINEIROS GOIÁS ESTUDO EPIDEMIOLÓGICO DOS CASOS DE LEISHMANIOSE EM HUMANOS E CÃES NO MUNICÍPIO DE MINEIROS GOIÁS Beatriz Resende Freitas 1, Eduardo Leopoldo Rabelo 2 ; Karla Irigaray Nogueira Borges 3, Karolyne Almeida

Leia mais

Secretaria de SAÚDE. Dengue, Chikungunya e Zika Vírus

Secretaria de SAÚDE. Dengue, Chikungunya e Zika Vírus SAÚDE Dengue, Chikungunya e Zika Vírus SAÚDE SAÚDE Sinais e sintomas SAÚDE Ciclo do mosquito Aedes Aegypti SAÚDE Características do município de Jaguariúna SAÚDE Jaguariúna Município do Estado de São Paulo

Leia mais

9º ano em AÇÃO. Assunção contra o mosquito!

9º ano em AÇÃO. Assunção contra o mosquito! Paz e Bem 9º ano em AÇÃO Assunção contra o mosquito! Informações sobre o mosquito Mosquito doméstico Hábitos Reprodução Transmissão vertical DENGUE Transmissão: principalmente pela picada do mosquito

Leia mais

Aedes: criadouros e soluções

Aedes: criadouros e soluções Aedes: criadouros e soluções Prefeitura Municipal de Porto Alegre Secretaria Municipal de Saúde Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde Equipe de Vigilância de Roedores e Vetores Porto Alegre - 2016

Leia mais

AVALIAÇÃO DO VALOR PREDITIVO POSITIVO DA SUSPEITA CLÍNICA DE DENGUE DURANTE EPIDEMIAS, NO BRASIL, 2000 A 2006

AVALIAÇÃO DO VALOR PREDITIVO POSITIVO DA SUSPEITA CLÍNICA DE DENGUE DURANTE EPIDEMIAS, NO BRASIL, 2000 A 2006 AVALIAÇÃO DO VALOR PREDITIVO POSITIVO DA SUSPEITA CLÍNICA DE DENGUE DURANTE EPIDEMIAS, NO BRASIL, 2000 A 2006 1 Ana Laura de Sene Amâncio ZARA, 1 João Bosco SIQUEIRA JÚNIOR 1 Instituto de Patologia Tropical

Leia mais

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO n. 4 Dez 2016

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO n. 4 Dez 2016 BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO n. 4 Dez 2016 EDITORIAL Aedes aegipty e o Verão A proximidade dos meses mais quentes do ano, associados a chuvas frequentes, aumenta a proliferação de mosquitos, em especial do A.

Leia mais

Zika Vírus Cobertura pelo ROL- ANS. Cobertura E Codificação

Zika Vírus Cobertura pelo ROL- ANS. Cobertura E Codificação Zika Vírus Cobertura pelo ROL- ANS Cobertura E Codificação A partir Resolução Normativa n 407/2016, vigente a partir de 06/07/2016, os exames diagnósticos para detecção de Zika Vírus passam a ter cobertura

Leia mais

FATORES ASSOCIADOS À INFESTAÇÃO DO AEDES AEGYPTI: UM ESTUDO EM MUNICÍPIO BAIANO

FATORES ASSOCIADOS À INFESTAÇÃO DO AEDES AEGYPTI: UM ESTUDO EM MUNICÍPIO BAIANO FATORES ASSOCIADOS À INFESTAÇÃO DO AEDES AEGYPTI: UM ESTUDO EM MUNICÍPIO BAIANO Luísa Magalhães Araújo (1) Engenheira Sanitarista e Ambiental - UFOB, Mestranda em Meio Ambiente, Águas e Saneamento - UFBA.

Leia mais

Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 09 de 2016

Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 09 de 2016 Informe Epidemiológico Secretaria de Vigilância em Saúde Ministério da Saúde Influenza: Monitoramento até a Semana Epidemiológica 9 de 216 A vigilância da influenza no Brasil é composta pela vigilância

Leia mais

Boletim Semanal da Dengue

Boletim Semanal da Dengue Prefeitura de Nova Lima Secretaria Municipal de Saúde Departamento de Vigilância em Saúde Vigilância em Saúde Boletim Semanal da Dengue Semana Epidemiológica Este boletim tem por objetivo apresentar o

Leia mais

O mosquito Aedes aegypti (Aa)

O mosquito Aedes aegypti (Aa) O mosquito Aedes aegypti (Aa) Transmissor da Dengue, Chikungunya e Zika, ociclo desse mosquito é composto por quatro fases: ovo, larva, pupa e adulto O ruído doaaé muito baixo, inaudível ao ouvido humano

Leia mais

MONITORAMENTO DE PESQUISAS RELACIONADAS À EMERGÊNCIA DE SAÚDE PÚBLICA

MONITORAMENTO DE PESQUISAS RELACIONADAS À EMERGÊNCIA DE SAÚDE PÚBLICA Mestrado Profissional em Epidemiologia Aplicada aos Serviços de Saúde AUDIÊNCIA PÚBLICA NA CÂMARA DOS DEPUTADOS ZIKA E MICROCEFALIA Fundação Oswaldo Cruz Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca

Leia mais