Vigor Alimentos S.A. Apresentação de Resultados 4º Trimestre e ano de 2015

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Vigor Alimentos S.A. Apresentação de Resultados 4º Trimestre e ano de 2015"

Transcrição

1 Vigor Alimentos S.A. Apresentação de Resultados 4º Trimestre e ano de 2015 Teleconferência de Resultados (Tradução Simultânea) 16 de março de :30 (horário de Brasília) 14:30 (horário de Nova York)

2 MISSÃO Sermos os melhores naquilo que nos propusemos a fazer, com foco absoluto em nossas atividades, garantindo os melhores produtos e serviços aos clientes, solidez aos fornecedores, rentabilidade aos acionistas e a oportunidade de um futuro melhor a todos os nossos colaboradores. VALORES Atitude de Dono Disponibilidade Franqueza Disciplina Determinação Simplicidade Humildade 2

3 Destaques de 2015 Vigor encerra 2015 com receita bruta consolidada de R$6 bilhões (+19%); Forte crescimento da operação com melhor mix de produtos e consistente evolução do resultado financeiro; Rentabilidade e geração de caixa atingem níveis recordes; EBITDA¹ de R$456,4 milhões (+29%) e lucro líquido² de R$242,8 milhões (+2 vezes); Redução significativa da alavancagem financeira para 1,7x (dez/13: 4,1x); Aquisição de 100% da Danubio; Altos investimentos em CAPEX devido a nova fábrica em Barra do Piraí/RJ; Estruturação do negócio de queijos e novos produtos; Expansão geográfica e expressivos investimentos na estrutura comercial; Fortalecimento das marcas e investimentos de marketing mais elevados; Constante inovação e consolidação da liderança na categoria de Iogurte Grego (market-share: 36%); Melhorias dos níveis de serviços aos clientes. Nota: (1) EBITDA exclui efeito do ganho de ágio da aquisição da Danubio no 1S15, sendo ágio total de R$128,9 milhões; e (2) Lucro Líquido inclui ganho líquido do ágio de IR/CS de R$85,1 milhões. 3

4 Evolução da Receita Líquida e do EBITDA¹ Em R$ Milhões e % 10,8% 12,1% 4,8% 5,1% 8,1% 8,7% 3,6% 3,6% 1.229,5 44, ,9 4,8% 64,6 4,3% 2.693,2 137, ,6 354, ,6 456, Receita Líquida Consolidada EBITDA Consolidado Margem Controladora Margem Consolidado Evoluções consistentes ao longo dos últimos 4 anos, tanto da receita líquida, quanto do EBITDA. Nota: (1) Exclui efeito do ganho de ágio da aquisição da Danubio no 1S15 (R$128,9 milhões); EBITDA LTM da controladora inclui resultados de equivalência patrimonial da Itambé. 4

5 Volume Comercializado Em toneladas mil 253,4 824,5 921,9 Crescimento Controladora - % 24,4% 10,6% 12,8% 14,5% 209,2 100,5 125,0 392,8 449,9 Crescimento Consolidado - % 21,1% 46,2% Controladora Consolidado 7,6% 11,8% No 4T15, o volume cresceu 24,4% na controladora e 21,1% no consolidado; Mercearia e Spreads avançou 40,9% na controladora e 25,2% no consolidado. Lácteos avançou 8,1% na controladora e 12,7% no consolidado; Em 2015, os volumes totalizaram 449,9 mil ton. na controladora, com crescimento de 14,5%, e 921,9 mil ton. no consolidado com crescimento de 11,8%. 5

6 Receita Líquida Em R$ Milhões Crescimento Controladora - % 1.158, , , ,6 22,1% 73,0% 23,2% 52,3% 518,7 897, , ,5 Crescimento Consolidado - % 27,4% 63,2% 16,1% 18,8% Controladora Consolidado No 4T15, a receita líquida cresceu 73,0% para R$897,3 milhões na controladora e 27,4% para R$1.476,7 milhões no consolidado; Na controladora, Mercearia e Spreads somou R$554,4 milhões e Lácteos R$310,8 milhões no 4T15; Em 2015, a receita líquida atingiu R$2.878,5 milhões na controladora e R$5.219,6 milhões no consolidado, sendo 1,5x e 1,2x superiores a 2014, respectivamente. 6

7 Lucro Bruto e Margem Bruta Em R$ Milhões e % 38,8% 33,1% 35,2% 35,5% Crescimento Controladora - % 46,7% 47,8% 53,6% 41,5% 30,0% 30,2% 28,9% 27,7% 1.577, , ,2 665,5 426,2 201,3 347,4 297,4 Controladora Consolidado Margem Controladora Margem Consolidado Crescimento Consolidado - % 28,0% 22,7% 63,9% 29,7% No 4T15, a controladora registrou lucro bruto de R$297,4 milhões (+47,8%) e margem bruta de 33,1%. No consolidado, R$426,2 milhões (+22,7%) e margem bruta de 28,9%; Em 2015, o lucro bruto da controladora somou R$1.022,2 milhões, crescimento expressivo de 53,6% e margem de 35,5% (+0,3 p.p.). No consolidado, lucro bruto de R$1.577,5 milhões (+29,7%) e margem de 30,2% (+2,5 p.p.). 7

8 Lucro Bruto por Tonelada Em R$ Mil por Tonelada Controladora 7,365 7,180 Consolidado 5,162 5,008 2,003 3,159 3,122 5,620 3,569 2,380 4,708 4,800 4,402 4,810 1,349 3,053 3,116 6,398 2,272 4,126 5,539 1,661 3,878 5,239 5,392 3,646 3,743 6,094 4,195 5,828 1,682 4,146 4,775 1,316 3,459 5,330 5,662 1,711 3,951 3,854 4T14 1T15 2T15 3T15 4T T14 1T15 2T15 3T15 4T ROL/Volume CPV/Volume ROL/Volume CPV/Volume Na controladora, o lucro bruto atingiu R$2.380 por tonelada no 4T15, um aumento significativo de 18,8% sobre o 4T14. No consolidado, o lucro foi de R$1.682 por tonelada (+1,3%) no 4T15; Em 2015, o lucro bruto somou R$2.272 por tonelada na controladora, com expansão de 34,1% sobre No consolidado, R$1.711, evoluindo 15,9% no ano. 8

9 Despesas com Vendas, Gerais e Administrativas Em R$ Milhões e % da ROL 32,2% 28,6% 25,6% 23,4% 20,9% 20,7% 21,6% 23,3% 1.218,2 949,8 737,2 539,9 167,0 271,7 187,4 305,4 Controladora Consolidado % ROL (Controladora) % ROL (Consolidado) No 4T15, o SG&A totalizou R$187,4 milhões na controladora, equivalente a 20,9% da receita líquida, e R$305,4 milhões no consolidado, ou 20,7% da receita do período; Em 2015, o SG&A foi de R$737,2 milhões na controladora, ou 25,6% da receita líquida. No consolidado, as despesas foram de R$1.218,2 milhões, ou 23,3% da receita; Destaque para a diluição de despesas na controladora e melhoria do nível de alavancagem operacional. 9

10 EBITDA e Margem EBITDA¹ Em R$ Milhões e % Crescimento Controladora - % 11,5% 13,7% 10,8% 12,1% 117,2% 106,8% 211,2% 71,1% 9,8% 8,8% 8,7% 8,1% 456,4 354,9 349,5 204,3 145,3 123,1 59,5 102,1 Controladora Consolidado Margem Controladora Margem Consolidado Crescimento Consolidado - % 67,9% 158,2% 42,2% 28,6% No 4T15, o EBITDA da controladora cresceu 106,8% e atingiu R$123,1 milhões, com margem EBITDA de 13,7% (+2,2 p.p.). No consolidado, o EBITDA totalizou R$145,3 milhões, aumento de 42,2% e margem de 9,8% (+1,0 p.p.); Em 2015, EBITDA de R$349,5 milhões (+71,1%) na controladora e R$456,4 milhões (+28,6%) no consolidado. Os resultados ao longo do ano refletem a evolução expressiva das operações da Companhia, com alto crescimento das receitas, ganhos de produtividade e eficiência operacional. Nota: (1) Exclui efeito do ganho de ágio da aquisição da Danubio no 1S15, sendo ágio total de R$128,9 milhões. 10

11 Lucro Líquido¹ e Margem Líquida Em R$ Milhões e % 4,3% 4,9% 3,5% 3,4% 3,4% 2,7% 7,6% 4,7% 242,8 218,6 Crescimento Controladora - % 370,7% 230,6% 96,6% n.a. Crescimento Consolidado - % 120,0 69,9% 366,8% 66,1 39,8 43,9 50,4 22,3 Controladora Consolidado Margem Controladora Margem Consolidado 26,9% 102,3% No 4T15, a controladora registrou lucro líquido de R$43,9 milhões (+96,6%) e margem líquida de 4,9% (+0,6 p.p.). No consolidado, R$50,4 milhões (+26,9%) e margem líquida de 3,4%; Em 2015, sem excluir o ágio da Danubio, a controladora contabilizou lucro líquido de R$218,6 milhões e margem de 7,6%. O consolidado, R$242,8 milhões e margem de 4,7%. Se excluído o ágio, a controladora atingiu R$133,5 milhões e margem líquida de 4,6% (+1,1 p.p.), e o consolidado R$157,7 milhões e margem de 3,0% (+0,3 p.p.). Nota: (1) Exclui efeito do ganho de ágio da aquisição da Danubio no 1S15, sendo ganho líquido de IR/CS de R$85,1 milhões;. 11

12 Alavancagem Financeira Alavancagem Consolidada (Dívida Líquida/EBITDA LTM¹): 4,1x 354,9 361,7 356,6 413,3 456,4 202,7 2,2x 2,1x 2,0x 1,9x 1,7x dez-13 dez-14 mar-15 jun-15 set-15 dez-15 EBITDA LTM Alavancagem Redução significativa da alavancagem financeira, passando de 4,1x em dez/13 para 1,7x em dez/15; Redução da dívida líquida consolidada no ano em R$13,9 milhões para R$753,4 milhões; Os patamares de alavancagem e EBITDA atingidos em dez/15 equivalem a uma redução da dívida líquida da ordem de R$230 milhões, se considerado a alavancagem de dez/14. Nota (1): Exclui efeito do ganho de ágio da aquisição da Danubio no 1S15 (R$128,9 milhões) por isso, o indicador de alavancagem difere do apresentado nas Demonstrações Financeiras (1,3x); EBITDA LTM da controladora inclui resultados de equivalência patrimonial. EBITDA LTM no ano de 2013 é pro-forma para Itambé. 12

13 Ciclo Financeiro¹ Controladora Consolidado 9,7% 10,0% 8,6% 5,8% Ciclo em Dias % ROL Ciclo em Dias % ROL Importante redução no capital de giro empregado em 2015, passando de 9,7% para 5,8% na controladora e de 10,0% para 8,6% no consolidado; Redução no ciclo em dias de 32 dias para 5 dias na controladora e de 35 dias para 25 dias no consolidado, resultante dos trabalhos de eficiência no capital de giro; Receita líquida na controladora cresce 52% enquanto o capital de giro reduz 10%, e no consolidado a ROL cresce 19% enquanto ao capital de giro aumenta apenas 1%. Nota: (1) Ciclo Financeiro = Contas a Receber + Estoques Fornecedores 13

14 Fluxo de Caixa Controladora Consolidado ,1 +297,5 132,9 312,6 (27,5) 21,5 (122,5) 418,0 418,0 317,0 317,0 264,2 467,4 (49,6) 93,8 (214,1) 682,0 682,0 561,7 561,7 132,9 264,2 Caixa 0,0 inicial Caixa das operações Capital de giro Financia - mentos Investi - mentos Caixa 0,0 final Caixa 0,0 inicial Caixa das operações Capital de giro Financia - mentos Investi - mentos Caixa 0,0 final Crescimento significativo da geração de caixa, mesmo com maiores investimentos em CAPEX e marketing; Em 2015, a controladora registrou R$312,6 milhões de geração de caixa operacional e aumento da necessidade de capital de giro de apenas R$27,5 milhões. No consolidado, a geração de caixa operacional foi de R$467,4 milhões, com aumento do capital de giro de apenas R$49,6 milhões; Investimento total no ano de R$122,5 milhões na controladora e R$214,1 milhões no consolidado. 14

15 Endividamento e Liquidez Endividamento Líquido Controladora Consolidado dez/15 set/15 dez/14 R$ mil dez/15 set/15 dez/ Dívida bruta (+) Curto prazo (+) Longo prazo (-) Caixa e equivalentes Dívida líquida Indicadores 38,3% 41,9% 26,2% % Curto prazo 45,3% 55,4% 38,6% 61,7% 58,1% 73,8% % Longo Prazo 54,7% 44,6% 61,4% 94,2% 48,4% 68,6% % Caixa/ Curto prazo 94,2% 55,7% 66,4% n.a. n.a. n.a. Dívida Líquida/EBITDA¹ 1,7x 1,9x 2,2x Perfil do Endividamento (Consolidado) Por Indexador 1,8% 13,9% 1,1% 83,3% CDI FIXO IPCA TJLP Por Modalidade 2,9% Debêntures 8,7% 4,3% K-Giro e Capex 9,1% 34,5% NCE 10,3% 30,2% FGPP/NPR 4131 FINAME PPE Nota (1): Exclui efeito do ganho de ágio da aquisição da Danubio no 1S15 (R$128,9 milhões) por isso, o indicador de alavancagem difere do apresentado nas Demonstrações Financeiras (1,3x); EBITDA LTM da controladora inclui resultados de equivalência patrimonial da Itambé. 15

16 Nova Planta em Barra do Piraí, Rio de Janeiro Uma das mais modernas plantas de Lácteos da América Latina, construída dentro dos melhores e mais sofisticados padrões de eficiência energética, localizada a 120 km da cidade do Rio de Janeiro e próxima a Minas Gerais, Espírito Santo e regiões do Nordeste, foco de expansão de vendas para Companhia. Capacidade de produção de toneladas / mês, 17 mil metros quadrados de área construída, terreno de 341 mil metros quadrados, capacidade de expansão com utilidades e sistema de tratamento de efluentes pronto para futura ampliação. 16

17 Obrigado! Equipe de RI vigor.com.br/ri Q&A

V I G O R A L I M E N T O S 4T15

V I G O R A L I M E N T O S 4T15 V I G O R A L I M E N T O S 4T15 São Paulo, 15 de março de 2016 - A Vigor Alimentos S.A. (BM&FBovespa: VIGR3) divulga seus resultados do quarto trimestre de 2015 (4T15) e ano de 2015. As informações completas

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T14

Teleconferência de Resultados 4T14 Teleconferência de Resultados DESTAQUES A Receita Operacional Líquida (ROL) atingiu R$ 3.452,2 MM em. Forte crescimento das operações Contact Center na América Latina (ex-brasil), que totalizaram uma receita

Leia mais

Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações contábeis

Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações contábeis Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações contábeis KPMG Auditores Independentes Março de 2016 KPDS 143316 Relatório dos auditores independentes sobre as demonstrações contábeis Conteúdo

Leia mais

Magazine Luiza. Teleconferência de Resultados 1T17 05 de Maio de 2017

Magazine Luiza. Teleconferência de Resultados 1T17 05 de Maio de 2017 Magazine Luiza Teleconferência de Resultados 1T17 05 de Maio de 2017 Destaques 1T17 Vendas E-commerce Lucro Bruto Despesas Operacionais EBITDA Lucro Líquido Capital de Giro Endividamento Luizacred Vendas

Leia mais

VIGOR DAY Reunião Anual com Investidores 28 de dezembro de 2015

VIGOR DAY Reunião Anual com Investidores 28 de dezembro de 2015 VIGOR DAY Reunião Anual com Investidores 28 de dezembro de 2015 MISSÃO Sermos os melhores naquilo que nos propusermos a fazer, com foco absoluto em nossas atividades, garantindo os melhores produtos e

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2015

Teleconferência de Resultados 2015 Teleconferência de Resultados 2015 André B. Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO Harley Lorentz Scardoelli Vice-Presidente Executivo de Finanças (CFO) Laminador de chapas grossas entrará em operação

Leia mais

A Vigor Alimentos S.A. divulga os resultados do 3T13

A Vigor Alimentos S.A. divulga os resultados do 3T13 A Vigor Alimentos S.A. divulga os resultados do 3T13 São Paulo, 12 de novembro de 2013 - A Vigor Alimentos S.A. (BM&FBovespa: VIGR3) anuncia hoje os resultados do terceiro trimestre de 2013 (3T13). As

Leia mais

Apresentação Institucional Incluindo resultados de 2015 JBS S.A. UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS

Apresentação Institucional Incluindo resultados de 2015 JBS S.A. UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS Apresentação Institucional Incluindo resultados de 2015 JBS S.A. UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS A JBS AT A GLANCE Receita Líquida de R$163 bilhões em 2015 Segunda maior empresa global de alimentos¹

Leia mais

Você espera o melhor. A gente faz. Locamerica Day

Você espera o melhor. A gente faz. Locamerica Day Você espera o melhor. A gente faz. Locamerica Day SEÇÃO 1 Visão Geral da Companhia História de Empreendedorismo e Crescimento 2015/16 1993 Fundação com 16 carros 2008 PRIVATE EQUITY Maior disciplina financeira

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T16

Teleconferência de Resultados 2T16 Teleconferência de Resultados 2T16 Relações com Investidores São Paulo, 5 de Agosto de 2016 RESSALVA SOBRE DECLARAÇÕES FUTURAS Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são

Leia mais

4º Trimestre 2012 Apresentação de Resultados 11 de Março de 2013

4º Trimestre 2012 Apresentação de Resultados 11 de Março de 2013 4º Trimestre 2012 Apresentação de Resultados 11 de Março de 2013 Disclaimer Considerações futuras, se contidas nesse documento, são exclusivamente relacionadas às perspectivas do negócio, estimativas de

Leia mais

Destaques do 1T12: Mensagem da Administração

Destaques do 1T12: Mensagem da Administração Vigor registra Receita Líquida de R$ 314,1 milhões e EBITDA de R$ $24,9 milhões, representando um crescimento de 8,2% e 167,9%, respectivamente, quando comparado com igual período do ano anterior Destaques

Leia mais

Conference Call de Resultado 1T17

Conference Call de Resultado 1T17 Conference Call de Resultado 1T17 Agenda Destaques do 1T17 Projetos em Andamento Resultados Expectativas e Guidance para 2017 Destaques do 1T17 As Vendas Totais atingiram R$ 2,9 bilhões no 1T17, crescimento

Leia mais

Apresentação de Resultados 1T16

Apresentação de Resultados 1T16 Apresentação de Resultados 1T16 29 de abril de 2016 Aviso Legal Esta apresentação contém certas declarações futuras e informações relacionadas à Companhia que refletem as visões atuais e/ou expectativas

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de de Maio de 2015

Resultados 1º Trimestre de de Maio de 2015 Resultados 1º Trimestre de 2015 8 de Maio de 2015 Receita líquida avança 14,8%, com sólido crescimento orgânico Cnova Receita líquida: +14,8% Vendas mesmas lojas: +4,0% EBITDA (1) : R$ 1,057 bilhão Margem

Leia mais

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T16 UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS

APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DO 1T16 UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS APRESENTAÇÃO DOS RESULTADOS DO UMA COMPANHIA GLOBAL DE ALIMENTOS São Paulo, 12 de Maio de 2016 RESULTADOS CONSOLIDADOS 2 DESTAQUES CONSOLIDADOS DO RECEITA LÍQUIDA (R$ MILHÕES) LUCRO BRUTO (R$ MILHÕES)

Leia mais

Conferência de Resultados 2T13 15 de agosto, 2013

Conferência de Resultados 2T13 15 de agosto, 2013 Conferência de Resultados 2T13 15 de agosto, 2013 Operacionais & Financeiros Receita bruta de R$845,4 milhões, um crescimento de 13,2% ante o 2T12 Margem bruta de 31,5%, 1,4p.p acima do 2T12 SSS de 9,8%

Leia mais

Teleconferência de Resultados 2T de agosto de Magazine Luiza

Teleconferência de Resultados 2T de agosto de Magazine Luiza Teleconferência de Resultados 2T16 04 de agosto de 2016 Magazine Luiza Destaques do 2T16 Vendas e Margem Bruta E-commerce Despesas Operacionais EBITDA e Lucro Líquido Endividamento Crescimento da receita

Leia mais

Conference Call de Resultado OPÇÕES 1T16

Conference Call de Resultado OPÇÕES 1T16 Conference Call de Resultado OPÇÕES 1T16 Agenda Destaques do 1T16 Inaugurações e Eventos Relevantes Projetos em Andamento Resultados Destaques do 1T16 (1/2) EBITDA atingiu R$ 129 milhões no 1T16, crescimento

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T06 e José Carlos Grubisich Carlos Fadigas

Teleconferência de Resultados 4T06 e José Carlos Grubisich Carlos Fadigas Teleconferência de Resultados e 2006 José Carlos Grubisich Carlos Fadigas Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são apenas fatos históricos,

Leia mais

RESULTADO DO 3º TRIMESTRE DE 2014

RESULTADO DO 3º TRIMESTRE DE 2014 RESULTADO DO 3º TRIMESTRE DE 2014 Receita bruta cresce Receita bruta atinge Margem EBITDA atinge 11,7% R$800,7 MM 17,7% Dickson Esteves Tangerino Presidente Octávio Fernandes Vice-Presidente de Operações

Leia mais

2T17. Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17. carros

2T17. Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17. carros 2T17 Divulgação de Rsultados 2T17 e 1S17 carros Divulgação de Resultados 2T17 e 1S17 Frota em 30/06/2017: 151.750 carros Destaques Operacionais Diárias - Aluguel de Carros (mil) Destaques Financeiros Receita

Leia mais

Teleconferência de Resultados 3T14

Teleconferência de Resultados 3T14 Teleconferência de Resultados 3T14 André B. Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO André Pires de Oliveira Dias Vice-Presidente e Diretor de RI Construção de planta de perfis estruturais no México

Leia mais

resultados 2T08 25 de julho de 2008

resultados 2T08 25 de julho de 2008 resultados 2T08 25 de julho de 2008 1 mercado alvo CF&T - Brasil > Mercado Alvo 1 Receita Líquida (R$ bilhões, nominal) CAGR (2003-2007) = 15,9% 14 13,0 12 10 8 7,2 8,7 10,1 11,4 +13,2% 6 4 3,6 4,1 2 +12,0%

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T14

Teleconferência de Resultados 4T14 Teleconferência de Resultados 4T14 André B. Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO André Pires de Oliveira Dias Vice-Presidente Executivo Finanças e Controladoria Sobre oferta mundial de aço segue

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T16. 6 de maio de Magazine Luiza

Teleconferência de Resultados 1T16. 6 de maio de Magazine Luiza Teleconferência de Resultados 6 de maio de 2016 Magazine Luiza Destaques Vendas E-commerce Margem Bruta EBITDA e Lucro Líquido Capital de Giro Endividamento Luizacred Aumento da receita bruta de 3% totalizando

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Novembro de 204 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO 3T4 2 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO

Leia mais

Resultados do 1T de abril de 2008

Resultados do 1T de abril de 2008 Resultados do 25 de abril de 2008 mercado alvo CF&T Brasil > Mercado Alvo 1 Receita Líquida (R$ bilhões, nominal) CAGR (2002-2007) = 15,5% 11,5 13,0 10,1 8,7 6,3 7,2 +13,1% 2002 2003 2004 2005 2006 2007

Leia mais

Vigor Day. Dezembro, 2013

Vigor Day. Dezembro, 2013 Vigor Day Dezembro, 2013 2 Apresentadores Gilberto Xandó CEO, Vigor Alimentos S.A. Anne Napoli Diretora de Marketing Luis Henrique Gennari Diretor Comercial Maurício Hasson CFO e Diretor de Relações com

Leia mais

2º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS

2º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS fg 2º TRIMESTRE DE 2016 Retomada do crescimento de vendas totais e mesmas lojas, aliada a ganho consistente de market share no mercado total a. A receita líquida totalizou R$4,3 bilhões no 2T16, com retomada

Leia mais

Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2015

Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2015 Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2015 SEÇÃO 1 Visão Geral da Companhia História de Empreendedorismo e Crescimento 2014 1993 Fundação com 16 carros 2008 PRIVATE EQUITY maior disciplina financeira

Leia mais

Informações Consolidadas

Informações Consolidadas METALÚRGICA GERDAU S.A. e empresas controladas Desempenho da Gerdau no 2 o trimestre As Demonstrações Financeiras Consolidadas da Metalúrgica Gerdau S.A. são apresentadas em conformidade com as normas

Leia mais

Teleconferência dos Resultados 3T2009 Gerdau S.A. Consolidado IFRS

Teleconferência dos Resultados 3T2009 Gerdau S.A. Consolidado IFRS Teleconferência dos Resultados 3T2009 Gerdau S.A. Consolidado IFRS André Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO Osvaldo B. Schirmer Vice-presidente e Diretor de RI 5 de novembro de 2009 Teleconferência

Leia mais

Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica.

Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Resultados 2T12 Aviso Esta apresentação poderá conter certas projeções e tendências que não são resultados financeiros realizados, nem informação histórica. Estas projeções e tendências estão sujeitas

Leia mais

Conference Call Resultados 4T13 e 2013

Conference Call Resultados 4T13 e 2013 Conference Call Resultados 4T13 e 2013 1 Juros 2013 Inflação * : Geral: 5,91% Serviços: 8,75% Desvalorização do Real Em um ano complexo para os negócios, especialmente para calçados, a Alpargatas cresce

Leia mais

Teleconferência dos Resultados 3T2010 Gerdau S.A. Consolidado IFRS

Teleconferência dos Resultados 3T2010 Gerdau S.A. Consolidado IFRS Teleconferência dos Resultados 3T2010 Gerdau S.A. Consolidado IFRS André Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO Osvaldo B. Schirmer Vice-presidente e Diretor de RI 05 de novembro de 2010 1 Contexto

Leia mais

24 de Julho de 2014 RESULTADOS 2T14 E 1S14

24 de Julho de 2014 RESULTADOS 2T14 E 1S14 24 de Julho de 2014 RESULTADOS E 1S14 Consolidado: Destaques do Receita líquida avança 13,4%, com crescimento mesmas lojas de 9,5%: Crescimento impulsionado pelo desempenho do Alimentar e da Nova Pontocom;

Leia mais

Comentário do Desempenho

Comentário do Desempenho Gerdau S.A. Comentário do Desempenho Controladora 1T16 Desempenho no 1º trimestre Controladora A Gerdau S.A. é uma sociedade anônima de capital aberto, com sede no Rio de Janeiro, capital. A Companhia

Leia mais

Apresentação de Resultados 1T de Abril de 2012

Apresentação de Resultados 1T de Abril de 2012 Apresentação de Resultados 26 de Abril de 2012 DESTAQUES Receita Líquida de R$ 825 milhões: crescimento de 32,6% YoY Receita positivamente impactada pelos novos negócios Novo patamar de receita da Ability:

Leia mais

Teleconferência de Resultados 3T13

Teleconferência de Resultados 3T13 Teleconferência de Resultados COLARABODORES E POSIÇÕES DE ATENDIMENTO Colaboradores e Posições de atendimento (em Mil) Colaborador por empresa (%, em Mil) 107,1 113,4 109,2 3,4% 1,7% 16,2% 50,6 50,8 49,3

Leia mais

4T08 / 2008 RESULTADOS 3T11

4T08 / 2008 RESULTADOS 3T11 RESULTADOS 4T08 / 2008 3T11 Novembro de 2011 1 Principais Indicadores 3T11 Receita operacional líquida consolidada de R$ 827,0 milhões, um aumento de 35,3% em relação ao terceiro trimestre de 2010 EBITDA(*)

Leia mais

SOMOS Educação ER 1T17

SOMOS Educação ER 1T17 SOMOS Educação ER 1T17 1 São Paulo, 15 de maio de 2017 A SOMOS Educação S.A. (BM&FBOVESPA: SEDU3) divulga seus resultados do 1º trimestre de 2017 ( 1T17 ). Os comentários aqui incluídos referem-se aos

Leia mais

APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS Mar, 2017

APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS Mar, 2017 APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS 2016 28 Mar, 2017 APRESENTAÇÃO DE RESULTADOS - 2015 31Mar, 2016 0 DESTAQUES Evolução dos principais indicadores 2016 Resultados Receita de locação de R$40,2m em 2016, crescimento

Leia mais

Resultados 3º Trimestre de de Outubro de 2016

Resultados 3º Trimestre de de Outubro de 2016 Resultados 3º Trimestre de 2016 28 de Outubro de 2016 3T16: Receita líquida: R$ 15,1 bilhões EBITDA ajustado (1) : R$ 619 milhões Número de lojas: 2.089 (2) Inclui R$ 1.824 milhões de recebíveis de cartão

Leia mais

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14

Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Apresentação de Resultados 2T14 e 1S14 Destaques do Período Geração de caixa. Geração de caixa no semestre de R$ 82 milhões (proporcional) e R$ 64 milhões (IFRS). Redução de alavancagem no semestre. Dívida

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14

Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Apresentação de Resultados 3T14 e 9M14 Highligts i. Geração de caixa. Geração de caixa nos nove primeiros meses de R$ 169,0 milhões (proporcional) e de R$ 86,9 milhões no trimestre, crescimento significativo

Leia mais

Negócios em evolução com disciplina de capital

Negócios em evolução com disciplina de capital Resultados 2T16 Aviso Geral As afirmações nesta apresentação são projeções ou afirmações sobre expectativas futuras. Tais afirmações estão sujeitas a riscos conhecidos e desconhecidos e incertezas que

Leia mais

Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO

Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO Teleconferência dos Resultados - 4º Trimestre de 2007 GERDAU S.A. CONSOLIDADO André Gerdau Johannpeter Diretor-Presidente e CEO Osvaldo B. Schirmer Vice-Presidente Executivo de Finanças e Controladoria

Leia mais

Resultados do ano de 2015

Resultados do ano de 2015 Resultados do ano de 2015 2 de março de 2016 Disclaimer Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores

Leia mais

Brasil Pharma. Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016

Brasil Pharma. Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016 Brasil Pharma Conferência de Resultados 2T16 11 de Agosto de 2016 2 Destaques 2T16 Destaques: Margem Bruta Margem bruta de 30,0%, com crescimento de 1,6 p.p. em relação ao 1T16 e 2,4 p.p. em relação ao

Leia mais

3º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS

3º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS 3T16 com ganho consistente de market share a combinado com melhoria de rentabilidade A receita líquida totalizou R$4,1 bilhões no 3T16, confirmando a tendência de crescimento das vendas mesmas lojas de

Leia mais

RESULTADOS 1T13. Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo. 30 de abril de 2013

RESULTADOS 1T13. Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo. 30 de abril de 2013 RESULTADOS 1T13 Grupo Pão de Açúcar e Viavarejo 30 de abril de 2013 RESULTADO GPA CONSOLIDADO 1T13 Vendas Brutas R$ milhões, 1T13 x 1T12 Cresc. mesmas lojas vs 1T12 14.984 +9,7% ML +6,6% EBITDA R$ milhões,

Leia mais

resultados 3T08 24 de outubro de 2008

resultados 3T08 24 de outubro de 2008 resultados 3T08 1 24 de outubro de 2008 mercado alvo CF&T - Brasil > Mercado Alvo 1 Receita Líquida (R$ bilhões, nominal) CAGR (2003-2007) = 15,9% 14 12 10 8 6 7,2 8,7 10,1 11,4 +13,2% 13,0 5,7 6,4 4 +12,0%

Leia mais

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A.

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. MD&A - ANÁLISE DOS RESULTADOS CONSOLIDADOS Primeiro Trimestre de 2014 (1) Informações financeiras selecionadas e operacionais: (R$ milhões) 1T14 1T13 4T13 Variação Variação

Leia mais

Destaques do 2º trimestre de 2016

Destaques do 2º trimestre de 2016 Destaques do 2º trimestre Principais Destaques Melhora do EBITDA e da margem EBITDA no 2T16 em relação ao 1T16, em todas as operações de negócio. Fluxo de caixa livre positivo de R$ 807 milhões no 2T16:

Leia mais

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A.

ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S.A. MD&A - ANÁLISE DOS RESULTADOS CONSOLIDADOS Primeiro Trimestre 2012 (1) Informações financeiras selecionadas: (R$ milhões) 1º Tri 12 1º Tri 11 4º Tri 11 Variação 1T12 X 1T11 Variação 1T12 X 4T11 Receita

Leia mais

Mensagem da Administração. Prezados Acionistas,

Mensagem da Administração. Prezados Acionistas, Mensagem da Administração Prezados Acionistas, Apresentamos as demonstrações financeiras da Companhia relativas ao exercício encerrado em 31 de dezembro de 2013. Antes de tecer comentários específicos

Leia mais

Desempenho no 3º trimestre de 2016 Controladora

Desempenho no 3º trimestre de 2016 Controladora Desempenho no 3º trimestre Controladora A Metalúrgica Gerdau S.A. é uma empresa holding que controla direta ou indiretamente todas as empresas Gerdau no Brasil e no exterior. É uma sociedade anônima de

Leia mais

Destaques do Período. CADE aprova a fusão No dia 7 de novembro o CADE aprovou a fusão sem restrições.

Destaques do Período. CADE aprova a fusão No dia 7 de novembro o CADE aprovou a fusão sem restrições. 1 Considerações Gerais Considerações referentes às perspectivas do negócio, estimativas de resultados operacionais e financeiros, e às perspectivas de crescimento da B2W, eventualmente expressas neste

Leia mais

APRESENTAÇÃO TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 2T de agosto de 2016

APRESENTAÇÃO TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 2T de agosto de 2016 APRESENTAÇÃO TELECONFERÊNCIA DE RESULTADOS 15 de agosto de 2016 AVISO LEGAL Esta apresentação contém declarações sobre o futuro que estão sujeitas a riscos e incertezas. Estas declarações são baseadas

Leia mais

1º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS. Ganhos consistentes de market share e melhora na tendência de vendas

1º TRIMESTRE DE 2016 DIVULGAÇÃO DE RESULTADOS. Ganhos consistentes de market share e melhora na tendência de vendas \ Ganhos consistentes de market share e melhora na tendência de vendas A receita líquida totalizou R$4,7 bilhões no 1T16, com melhora sequencial nas vendas mesmas lojas durante o trimestre e ganho de market

Leia mais

Informações Consolidadas

Informações Consolidadas METALÚRGICA GERDAU S.A. e empresas controladas Desempenho no 1 o trimestre As Demonstrações Financeiras Consolidadas da Metalúrgica Gerdau S.A. são apresentadas em conformidade com as normas internacionais

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T15

Teleconferência de Resultados 4T15 Teleconferência de Resultados 4T15 Relações com Investidores São Paulo, 19 de Fevereiro de 2016 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não

Leia mais

Resultados do 1T17 27 de Abril de 2017

Resultados do 1T17 27 de Abril de 2017 Resultados do 27 de Abril de 2017 Transformação Negócio Online Evolução Estratégica do Marketplace 4 mil parceiros, 2 milhões de SKUs selecionados pelo nível de serviço e alinhamento com a nossa visão

Leia mais

ReuniãoAPIMEC. São Paulo, 8 de dezembro, 2010

ReuniãoAPIMEC. São Paulo, 8 de dezembro, 2010 ReuniãoAPIMEC São Paulo, 8 de dezembro, 2010 Visão geral da Companhia QUEM SOMOS Líder mundial na fabricação de produtos têxteis de cama e banho para o lar Fundada em 1967 Líder no mercado brasileiro de

Leia mais

Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2016

Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2016 Você espera o melhor. A gente faz. Junho / 2016 SEÇÃO 1 Visão Geral da Companhia História de Empreendedorismo e Crescimento 2015/16 1993 Fundação com 16 carros 2008 PRIVATE EQUITY Maior disciplina financeira

Leia mais

Lucro líquido da BRF cresce 109,4% e chega aos R$2,2 bilhões em 2014

Lucro líquido da BRF cresce 109,4% e chega aos R$2,2 bilhões em 2014 Lucro líquido da BRF cresce 109,4% e chega aos R$2,2 bilhões em 2014 Aumento da eficiência operacional resultou em EBITDA de R$4,9 bilhões no acumulado do ano, 56,4% superior ao de 2013 São Paulo, 26 de

Leia mais

Teleconferência. Resultados do 2T de Agosto de 2011

Teleconferência. Resultados do 2T de Agosto de 2011 Teleconferência Resultados do 2T11 1 12 de Agosto de 2011 AVISO LEGAL Esta apresentação poderá conter considerações referentes as perspectivas futuras do negócio, estimativas de resultados operacionais

Leia mais

Teleconferência de Resultados Desempenho do 1T17. MAHLE Metal Leve S.A. 12 de maio de h00 (horário de Brasília) 1 MAHLE

Teleconferência de Resultados Desempenho do 1T17. MAHLE Metal Leve S.A. 12 de maio de h00 (horário de Brasília) 1 MAHLE Teleconferência de Resultados Desempenho do 1T17 MAHLE Metal Leve S.A. 12 de maio de 2017 14h00 (horário de Brasília) 1 Destaques 1T17 As vendas ao Mercado Interno Equipamento Original (EO Interno) cresceram

Leia mais

Aquisição da Operação de Suínos da Cargill 2 de Julho de Empresa Global de Alimentos

Aquisição da Operação de Suínos da Cargill 2 de Julho de Empresa Global de Alimentos Aquisição da Operação de Suínos da Cargill 2 de Julho de 205 Empresa Global de Alimentos Disclaimer Fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações

Leia mais

Divulgação de Resultados 3T16 e 9M16

Divulgação de Resultados 3T16 e 9M16 Divulgação de Resultados 3T16 e 9M16 Destaques 3T16 Receita líquida - Aluguel de Carros (R$ milhões) Receita líquida - Gestão de Frotas (R$ milhões) 317,1 362,5 154,1 163,5 3T15 3T16 3T15 3T16 Evolução

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T de abril de 2016

Teleconferência de Resultados 1T de abril de 2016 Teleconferência de Resultados 1T16 27 de abril de 2016 Agenda Cenário Setorial Destaques Operacionais Destaques Financeiros 2 Financiamento de Veículos Inadimplência em Financiamentos de Veículos Pessoa

Leia mais

Destaques do 1º trimestre de 2016

Destaques do 1º trimestre de 2016 Destaques do 1º trimestre Principais Destaques O EBITDA e margem EBITDA consolidada no 1T16 apresentaram aumento em relação ao 4T15, apesar do cenário do mercado de aço no mundo. Fluxo de caixa livre positivo

Leia mais

Resultados 1º Trimestre de 2015

Resultados 1º Trimestre de 2015 Resultados 1º Trimestre de 2015 07 de Maio de 2015 Principais Destaques do Resultado do Receita Líquida de R$ 5,4 bilhões, estável vs. excluindo-se o 1 efeito CADE 1 Ganho de market share no período 2

Leia mais

JBS S.A. JBS S.A. Resultado do 3º Trimestre de Reunião Pública com Analistas e Investidores 16 de novembro de 2009

JBS S.A. JBS S.A. Resultado do 3º Trimestre de Reunião Pública com Analistas e Investidores 16 de novembro de 2009 Resultado do 3º Trimestre de 2009 Reunião Pública com Analistas e Investidores 16 de novembro de 2009 JBS S.A. JBS S.A. Confiamos em Deus, respeitamos a natureza Apresentadores Joesley Mendonça Batista

Leia mais

PRINCIPAIS DESTAQUES

PRINCIPAIS DESTAQUES RESULTADOS DO 1T16 Divulgação Imediata A MRS atinge marcas históricas no 1T16, com recordes de transporte tanto no Heavy Haul (minério de ferro, carvão e coque) quanto na Carga Geral (demais produtos transportados).

Leia mais

Teleconferência de Resultados 4T de março de 2016

Teleconferência de Resultados 4T de março de 2016 Teleconferência de Resultados 4T15 22 de março de 2016 Agenda Cenário Setorial Destaques Operacionais Destaques Financeiros 2 Financiamento de Veículos Inadimplência em Financiamentos de Veículos Pessoa

Leia mais

Teleconferência de Resultados 1T15

Teleconferência de Resultados 1T15 Teleconferência de Resultados 1T15 Relações com Investidores São Paulo, 08 de maio de 2015 Ressalva sobre declarações futuras Esta apresentação contém declarações prospectivas. Tais informações não são

Leia mais

Ecovias dos Imigrantes anuncia resultados do 1T16 Lucro líquido cresceu 16,9% no 1T16

Ecovias dos Imigrantes anuncia resultados do 1T16 Lucro líquido cresceu 16,9% no 1T16 Ecovias dos Imigrantes anuncia resultados do 1T16 Lucro líquido cresceu 16,9% no 1T16 São Bernardo do Campo, 12 de maio de 2016 A Concessionária Ecovias dos Imigrantes S.A. anuncia seus resultados referentes

Leia mais

resultados 3T09 23 de outubro de 2009

resultados 3T09 23 de outubro de 2009 resultados 3T09 23 de outubro de 2009 1 mercado alvo CF&T - Brasil > Mercado Alvo 1 Receita Líquida (R$ bilhões, nominal) CAGR (2004-2008) = 15,0% 16,0 15,2 14,0 13,0 12,0 11,5 10,0 8,0 8,7 10,1 +17,3%

Leia mais

Apresentação Institucional

Apresentação Institucional Apresentação Institucional Novembro de 205 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO 3T5 2 Sumário A VIA VAREJO EM RESUMO B POSICIONAMENTO DA VIA VAREJO C DESTAQUES DO

Leia mais

1T17. Recuperação de +3,8 p.p. em margem bruta no 1T17, consistente com a tendência de melhora gradual demonstrada desde o 2T16.

1T17. Recuperação de +3,8 p.p. em margem bruta no 1T17, consistente com a tendência de melhora gradual demonstrada desde o 2T16. ., São Paulo, Brasil, 26 de abril de 2017 - A Restoque Comércio e Confecções de Roupas S.A. ( Companhia ) (LLIS3), maior empresa do setor de vestuário e acessórios de alto padrão no Brasil, apresenta seus

Leia mais

Apresentação de Resultados 1º semestre de 2016

Apresentação de Resultados 1º semestre de 2016 Apresentação de Resultados 1º semestre de 2016 1 2 3 4 5 6 Resultados 1º semestre de 2016 (1) Em milhões de Reais, exceto onde indicada outra unidade de medida. (2) Este indicador não contempla o valor

Leia mais

Receita Operacional Bruta

Receita Operacional Bruta Prezado Acionista, O foco no crescimento orgânico continua, assim como no fortalecimento de todas as linhas de negócios em que atuamos, na melhora de nossa qualidade de atendimento, no reforço de nosso

Leia mais

Magazine Luiza. Abril 2016

Magazine Luiza. Abril 2016 Magazine Luiza Abril 2016 2 Magazine Luiza Visão Geral Abrace o Novo Desempenho Financeiro 3 Quem somos? Estados com Lojas Centros de Distribuição Alhandra Simões Filho 786 lojas 20 mil funcionários Ribeirão

Leia mais

Resultado do 2T14. Crescimento do EBITDA ajustado de 22,3% e evolução da margem de 0,6 p.p.

Resultado do 2T14. Crescimento do EBITDA ajustado de 22,3% e evolução da margem de 0,6 p.p. São Paulo, Brasil, 23 de julho de 2014 - O GPA [BM&FBOVESPA: PCAR4 (PN); NYSE: CBD] anuncia os resultados do 2º trimestre de 2014. Os comentários referem-se ao resultado consolidado do Grupo ou unidades

Leia mais

Prezado Acionista, Receita Operacional Bruta. Despesas Operacionais. Ebitda

Prezado Acionista, Receita Operacional Bruta. Despesas Operacionais. Ebitda Prezado Acionista, A Companhia obteve expansão de margens graças a um maior controle de custos e despesas. Receita Operacional Bruta A receita bruta consolidada da Companhia no terceiro trimestre de 2016

Leia mais

Agenda GPA Day. Principais Mensagens: Corporativo e Unidades de Negócio. 11h00 11h20. Gestão Financeira Christophe Hidalgo. 11h20 12h00.

Agenda GPA Day. Principais Mensagens: Corporativo e Unidades de Negócio. 11h00 11h20. Gestão Financeira Christophe Hidalgo. 11h20 12h00. DAY 2015 Agenda GPA Day 10h30 11h00 Principais Mensagens: Corporativo e Unidades de Negócio Ronaldo Iabrudi 11h00 11h20 Gestão Financeira Christophe Hidalgo 11h20 12h00 Q&A 12h00 13h30 Brunch 13h30 14h20

Leia mais

Companhia Brasileira de Distribuição

Companhia Brasileira de Distribuição Companhia Brasileira de Distribuição Grupo Pão de Açúcar ABAMEC São Paulo Novembro Visão do Mercado Mercado de Varejo Alimentício: R$67bi CBD 14,1% Carrefour 14,1% Bompreço 4,5% Sonae 4,5% Outros 59,2%

Leia mais

Apresentação de Resultados 3T14

Apresentação de Resultados 3T14 Apresentação de Resultados 14 de Novembro de 2014 Teleconferência Português Data: 14/11/14 11:00 Brasília (08:00 NY) Tel: (11) 2188-0155 Password: Qualicorp Webcast: www.qualicorp.com.br/ri Inglês Data:

Leia mais

Estar Mais Próximo do Cliente REUNIÃO PÚBLICA 2014

Estar Mais Próximo do Cliente REUNIÃO PÚBLICA 2014 Estar Mais Próximo do Cliente REUNIÃO PÚBLICA 2014 AGENDA Modelo de Negócios Evolução do Negócio Conquistas 2014 Resultados 9M14 Novos Serviços ao Cliente Atendimento ao Cliente 2 B2W DIGITAL: VISÃO Ser

Leia mais

Springs Global: EBITDA soma R$ 55,0 milhões, com margem EBITDA de 10,7%

Springs Global: EBITDA soma R$ 55,0 milhões, com margem EBITDA de 10,7% BM&FBOVESPA: SGPS3 Springs Global: EBITDA soma R$ 55,0 milhões, com margem EBITDA de 10,7% São Paulo, 15 de maio de 2017 - A Springs Global Participações S.A. (Springs Global), líder em produtos de cama,

Leia mais

LOJAS RENNER S.A. RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2014 (1T14) LOJAS RENNER S.A.

LOJAS RENNER S.A. RESULTADOS DO PRIMEIRO TRIMESTRE DE 2014 (1T14) LOJAS RENNER S.A. RESULTADOS 1T14 LOJAS RENNER S.A. Companhia constituída em 1965 e de capital aberto desde 1967. Capital totalmente pulverizado desde 2005, com 100% de free float, sendo considerada a primeira corporação

Leia mais

Apresentação dos Resultados 4T13 e Relações com Investidores

Apresentação dos Resultados 4T13 e Relações com Investidores Apresentação dos Resultados 4T13 e 2013 Relações com Investidores Índice Abertura e Planejamento Estratégico: Leonardo Nogueira Diniz CEO Desempenho Operacional: Rodrigo Martins Diretor Comercial Desempenho

Leia mais

ÁUDIO CONFERÊNCIA 4T11

ÁUDIO CONFERÊNCIA 4T11 ÁUDIO CONFERÊNCIA 4T11 MARÇO 2012 Resultado 2011 da Oi S.A. Com a aprovação da reestruturação societária, em 27/02/2012, tanto TNL, quanto Coari e os acionistas de TMAR foram incorporados pela Oi S.A.,

Leia mais

AGENDA DESEMPENHO FINANCEIRO NOSSO NEGÓCIO VANTAGENS COMPETITIVAS OPORTUNIDADES

AGENDA DESEMPENHO FINANCEIRO NOSSO NEGÓCIO VANTAGENS COMPETITIVAS OPORTUNIDADES Dezembro de 2015 1 DISCLAIMER Esta apresentação pode incluir declarações que representem expectativas sobre eventos ou resultados futuros de acordo com a regulamentação de valores mobiliários brasileira

Leia mais

4º trimestre de 2010 BANCO ABC BRASIL

4º trimestre de 2010 BANCO ABC BRASIL 11 de fevereiro de 2011 BANCO ABC BRASIL Teleconferências 14 de fevereiro de 2011 Português 11h00 São Paulo / 8h00 US EST +55 (11) 2188-0155 Inglês 12h00 São Paulo / 9h00 US EST +55 (11) 2188-0155 1 866

Leia mais

J.P. Morgan - 7th Annual Brazil Retail Check Up

J.P. Morgan - 7th Annual Brazil Retail Check Up J.P. Morgan - 7th Annual Brazil Retail Check Up 21 de agosto de 2013 Magazine Luiza - Overview Destaques 2T13 E-commerce Aquisição Época Cosméticos Loja Virtual Comunidade de Heliópolis Expectativas para

Leia mais

Apresentação do Roadshow Teleconferência de Resultados 2T16

Apresentação do Roadshow Teleconferência de Resultados 2T16 Apresentação do Roadshow Teleconferência de Resultados 2T16 1 Nota Importante As declarações a respeito de perspectivas futuras sobre os negócios e projeções de resultados operacionais e financeiros da

Leia mais

DESTAQUES DO PERÍODO. Teleconferência 2T13 Data: 26 de julho de 2013.

DESTAQUES DO PERÍODO. Teleconferência 2T13 Data: 26 de julho de 2013. SANTOS BRASIL REGISTRA CRESCIMENTO OPERACIONAL EM TODAS AS UNIDADES DE NEGÓCIO: 10% DE CRESCIMENTO NO VOLUME DE CONTÊINERES MOVIMENTADOS; 19% DE CRESCIMENTO NO VOLUME DE CONTÊINERES ARMAZENADOS; E AUMENTO

Leia mais