Conceitos Iniciais MARCEL SANTOS SILVA

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Conceitos Iniciais MARCEL SANTOS SILVA"

Transcrição

1 Conceitos Iniciais MARCEL SANTOS SILVA

2 DPI - INPE Criada em 1984, a Divisão de Processamento de Imagens (DPI) faz parte da Coordenação Geral de Observação da Terra/OBT do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais/INPE; Pesquisa e desenvolvimento científico e tecnológico em processamento digital de imagens de satélites e sensores remotos, e em geoprocessamento; Assegurar o domínio tecnológico neste segmento.

3 DPI - INPE Os principais objetivos da DPI são: Especificar, projetar e desenvolver sistemas para processamento de imagens e geoprocessamento, adequados às necessidades brasileiras. Fomentar a criação de competência em processamento de imagens, geoprocessamento e tecnologias associadas em universidades e empresas de serviço e usuários, visando a ampla utilização da tecnologia de sensoriamento remoto no país. Participar de projetos de interesse nacional, em sua área de competência. Linhas de Pesquisa: Geoprocessamento; Processamento de Imagens; Uso da Terra na Amazônia; Sistemas.

4 TERRALIB É uma biblioteca de software base para o domínio geográfico; É um ambiente cooperativo para o desenvolvimento de Aplicativos Geográficos de arquitetura Integrada; É um FreeSoftware - Código Fonte Aberto; É destinada a programadores/analista de sistemas.

5 TERRALIB É um ambiente para o desenvolvimento de novos projetos de sistemas geográficos: Aplicações; Teste de conceitos e procedimentos. É um produto para desenvolvedores de software com conteúdo geográfico.

6 TERRALIB É uma biblioteca de software, livre e de código fonte aberto, que oferece suporte para a construção de uma nova geração de aplicativos geográficos baseados na arquitetura integrada.

7 Motivação Novas tendências no desenvolvimento de GIS Aplicativos Geográficos Transição dos atuais sistemas monolíticos para sistemas dedicados. Arquitetura Integrada uso de Sistemas de Banco de Dados (SGBDs) extensíveis para armazenar, manipular e gerenciar os dados geográficos. A falta de tecnologias free na área de Sistemas de Informações Geográficas.

8 SPRING x TERRALIB O QUE É? USUÁRIOS SPRING GIS MONOLÍTICO USUÁRIOS DE GIS TERRALIB BIBLIOTECA BASE PARA CONSTRUÇÃO DE APLICATIVOS MÓVEIS. DESENVOLVEDORES DE APLICATIVOS GEOGRÁFICOS ARQUITETURA DUAL INTEGRADA CÓDIGO FONTE FECHADO ABERTO

9 SPRING x TERRALIB

10 Aplicativos com tecnologia TERRALIB TerraView (DPI). TerraStat (DPI e Laboratório de Estatística Espacial UFMG). TerraCrime (DPI e Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança Pública MG) TerraSaude (DPI, FIOCRUZ, PRODABEL (BH)) SIGMUN (FUNCATE). Powered by (DPI/FUNCATE). Preview (TECGRAF/PUC-Rio).

11 TerraView TerraView é um aplicativo construído sobre a biblioteca de geoprocessamento TerraLib com a finalidade de: Apresentar à comunidade um fácil visualizador de dados geográficos com recursos de consulta a análise destes dados.

12 TerraView O TerraView manipula: dados vetoriais (pontos, linhas e polígonos) e matriciais (grades e imagens), ambos armazenados em banco de dados relacionais ou georelacionais de mercado, incluindo ACCESS, PostGress, MySQL e Oracle.

13 Modelo de dados Para operar o TerraView é necessário compreender como é definido o modelo de dados da TerraLib, sobre o qual este aplicativo foi construído. Portanto, os seguintes conceitos são apresentados: Banco; Plano de Informação; Vista; Tema.

14 BANCO TODOS os dados geográficos estão armazenados no Banco de Dados. O TerraView então utiliza todo o poder de um SGBD para armazenar e recuperar: Dados tabulares (tabelas de atributos); Geometrias (pontos, linhas, polígonos, grades ou imagem).

15 BANCO TODOS os dados geográficos estão armazenados no Banco de Dados. O TerraView então utiliza todo o poder de um SGBD para armazenar e recuperar: Dados tabulares (tabelas de atributos); Geometrias (pontos, linhas, polígonos, grades ou imagem).

16 BANCO

17 PLANO DE INFORMAÇÃO Camada de dados com informações geográficas (geometria e atributos). Plano pode ser importado. Cada PI armazena os parâmetros de projeção cartográfica no qual foi criado. Para consultar um PI utiliza-se uma vista do banco onde encontrase tal PI e associar um tema a este PI. Um PI pode ser utilizado por diferentes vistas (em diferentes projeções) associados a diferentes temas.

18 PLANO DE INFORMAÇÃO

19 VISTA Área de trabalho de um mapa interativo, que permite mostrar, consultar e analisar os dados geográficos. Uma vista contém um conjunto de temas e são apresentados na Aba de visualização, em função dos parâmetros cartográficos definidos para a vista.

20 VISTA

21 TEMA Um tema é definido para exibir o conteúdo de um PI que está no banco ativo. Um tema mostra um PI na projeção cartográfica da vista a qual está associado. Um mesmo PI pode ser apresentado por diferentes temas que podem ser adicionadas a varias vistas.

22 TEMA

23 ESQUEMA TerraView

24 Principais funções Criação de um Banco de Dados. Importação de Dados: Vetoriais; Matriciais; Tabelas. Visualização dos Dados. Consulta de Dados. Legendas.

25 Plugins Plugins são módulos de software construídos como bibliotecas de ligação dinâmica. Incluindo esses módulos em um diretório de Plugins, é possível acrescentar novas funcionalidades ao TerraView.

26 Plugins PDI - Processamento Digital de Imagens Disponibiliza uma ampla gama de funcionalidades em processamento de imagens digitais. TerraEdit Permite a edição de planos de informação vetoriais e a edição dos atributos descritivos associados aos elementos vetoriais.

27 Plugins TerraPrint Permite diagramar documentos para serem impressos contendo mapas visualizados no TerraView. WMS Cliente Possibilita a visualização de camadas de informação a partir de servidores WMS (Web Map Service).

28 Plugins Tema Externo Possibilita o acesso e a visualização de temas criados em bancos de dados TerraView externos. Tema Shapefile Possibilita o acesso e a visualização de temas criados diretamente a partir de arquivos no formato shape.

29 Plugins Preenchimento de Células Plugin para preenchimento de atributos de planos celulares com base em dados de entrada vetoriais e matriciais. Cópia de Banco de Dados Cria um banco de dados com uma cópia parcial ou total do banco de dados que está ativo.

30 Plugins Adaptador do Oracle Spatial Usado para adaptar um banco Oracle Spatial para o modelo conceitual da TerraLib, permitindo seu uso pelo TerraView. Flow Permite a criação e classificação de fluxos no mapeamento de redes.

31 Plugins Relação de Plugins de terceiros (sem suporte dadpi/inpe) TerraSegreg GPMNetwork copytheme2layer TerraCluster Overlay Union Dissolve Mosaic openmodellertv TerraNetwork

32 Referências Documentação Oficial Download do TerraView Relação de plugins Fórum de discussão

TerraView. O TerraView está estruturado da seguinte forma: - Modelo de dados

TerraView. O TerraView está estruturado da seguinte forma: - Modelo de dados TerraView O TerraView é um aplicativo desenvolvido pelo DPI/INPE e construído sobre a biblioteca de geoprocessamento TerraLib, tendo como principais objetivos: - Apresentar à comunidade um fácil visualizador

Leia mais

Importação de arquivos Raster e Vetorial no Terraview

Importação de arquivos Raster e Vetorial no Terraview MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Departamento de Modernização e Programas da Educação Superior DEPEM MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Executiva Diretoria de Desenvolvimento

Leia mais

TerraLib e Aplicativos. Emiliano F. Castejon INPE Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais DPI Divisão de Processamento de Imagens

TerraLib e Aplicativos. Emiliano F. Castejon INPE Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais DPI Divisão de Processamento de Imagens TerraLib e Aplicativos Emiliano F. Castejon INPE Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais DPI Divisão de Processamento de Imagens Divisão de Processamento de Imagens http://www.dpi.inpe.br/ Competência

Leia mais

AULA 10- Plugins Tema Shapefile e Tema Externo

AULA 10- Plugins Tema Shapefile e Tema Externo 10.1 AULA 10- Plugins Tema Shapefile e Tema Externo Nessa aula serão apresentados dois plugins do TerraView que permitem acesso a fontes de dados externos ao banco de dados ao qual se está conectado, como

Leia mais

Sistemas de Informação Geográfica Prof. Tiago Eugenio de Melo, MSc.

Sistemas de Informação Geográfica Prof. Tiago Eugenio de Melo, MSc. Sistemas de Informação Geográfica Prof. Tiago Eugenio de Melo, MSc. SUMÁRIO Apresentação da ementa Introdução Conceitos Básicos de Geoinformação Arquitetura de SIGs Referências Bibliográficas APRESENTAÇÃO

Leia mais

A utilização de Sistema de Informação Geográfica baseada em software livre na área de Segurança Pública

A utilização de Sistema de Informação Geográfica baseada em software livre na área de Segurança Pública A utilização de Sistema de Informação Geográfica baseada em software livre na área de Segurança Pública Alan Peixoto Medeiros Universidade Presidente Antônio Carlos Rodovia MG 368 KM 12 Colônia Rodrigo

Leia mais

O Termo SIG é aplicado para sistemas que realizam o tratamento computacional de dados geográficos

O Termo SIG é aplicado para sistemas que realizam o tratamento computacional de dados geográficos Prof. Herondino O Termo SIG é aplicado para sistemas que realizam o tratamento computacional de dados geográficos Inserir e integrar, numa única base de dados informações espaciais provenientes de: meio

Leia mais

SOFTWARES DE GEOPROCESSAMENTO

SOFTWARES DE GEOPROCESSAMENTO SOFTWARES DE GEOPROCESSAMENTO Ferramentas Proprietário para SIG É um conjunto de aplicativos computacionais de Sistemas de Informações Geográficas (SIGs) desenvolvido pela empresa norte americana Esri

Leia mais

Cadastro Técnico Tecnologia em Geoprocessamento IFG/Goiânia CADASTRO TÉCNICO. Curso de Tecnologia em Geoprocessamento Prof. João Paulo Magna Júnior

Cadastro Técnico Tecnologia em Geoprocessamento IFG/Goiânia CADASTRO TÉCNICO. Curso de Tecnologia em Geoprocessamento Prof. João Paulo Magna Júnior CADASTRO TÉCNICO Curso de Tecnologia em Geoprocessamento Prof. João Paulo Magna Júnior CADASTRO INFORMATIZADO NO TERRAVIEW Cadastro Informatizado O cadastro informatizado ou SIG Cadastral consiste em um

Leia mais

Geoprocessamento com Software Livre. Anderson Maciel Lima de Medeiros Consultor em Geotecnologias

Geoprocessamento com Software Livre. Anderson Maciel Lima de Medeiros Consultor em Geotecnologias Geoprocessamento com Software Livre Anderson Maciel Lima de Medeiros Consultor em Geotecnologias SUMÁRIO O que é Software Livre? A GLP GNU Geoprocessamento Algumas Geotecnologias Geotecnologias Livres

Leia mais

Plataforma TerraLib. Lúbia Vinhas. EUsISSeR São José dos Campos, Outubro 2010

Plataforma TerraLib. Lúbia Vinhas. EUsISSeR São José dos Campos, Outubro 2010 Plataforma TerraLib Lúbia Vinhas E.F.Castejon, K.R.Ferreira, J.P.Garrido, L.T.Hara, A.M.V.Monteiro, M.Motta, G.Ribeiro EUsISSeR São José dos Campos, Outubro 2010 DPI Divisão de Processamento de Imagens

Leia mais

AULA 1 Iniciando o uso do TerraView

AULA 1 Iniciando o uso do TerraView 1.1 AULA 1 Iniciando o uso do TerraView Essa aula apresenta a interface principal do TerraView e sua utilização básica. Todos os arquivos de dados mencionados nesse documento são disponibilizados junto

Leia mais

AULA 1 Iniciando o Uso do TerraView

AULA 1 Iniciando o Uso do TerraView 1.1 AULA 1 Iniciando o Uso do TerraView Essa aula apresenta o software TerraView apresentando sua interface e sua utilização básica. Todos os arquivos de dados mencionados neste documento bem como o executável

Leia mais

AULA 15 Plugin Preenchimento de Células

AULA 15 Plugin Preenchimento de Células 15.1 AULA 15 Plugin Preenchimento de Células Nessa aula são apresentadas as funcionalidades do plugin de preenchimento de células. O plugin Preenchimento de Células possibilita calcular valores para atributos

Leia mais

SPRING 3.6.03 - Apresentação

SPRING 3.6.03 - Apresentação SPRING 3.6.03 - Apresentação GEOPROCESSAMENTO Conjunto de ferramentas usadas para coleta e tratamento de informações espaciais, geração de saídas na forma de mapas, relatórios, arquivos digitais, etc;

Leia mais

OpenJUMP. Pontos fracos do OpenJUMP

OpenJUMP. Pontos fracos do OpenJUMP OpenJUMP No início foi chamado apenas de JUMP (JAVA Unified Mapping Platform), e se tornou popular no mundo livre de SIG(Sistema de informação Geográfica), desenhado por Vivid Solutions. Atualmente é desenvolvido

Leia mais

SIG - Sistemas de Informação Geográfica

SIG - Sistemas de Informação Geográfica SIG - Sistemas de Informação Geográfica Gestão da Informação Para gestão das informações relativas ao desenvolvimento e implantação dos Planos Municipais de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica

Leia mais

Tecnologias de Geoprocessamento desenvolvidos no INPE SPRING, TerraLib, TerraView,.

Tecnologias de Geoprocessamento desenvolvidos no INPE SPRING, TerraLib, TerraView,. Tecnologias de Geoprocessamento desenvolvidos no INPE SPRING, TerraLib, TerraView,. Dr. Carlos A Felgueiras Gerente de Desenvolvimento do SPRING DPI - Divisão de Processamento de Imagens INPE Instituto

Leia mais

AULA 12 - Plugin WMS Cliente

AULA 12 - Plugin WMS Cliente AULA 12 - Plugin WMS Cliente Nessa aula será apresentado o plugin do TerraView chamado WMS Cliente que é uma das formas de acesso a fontes de dados externos ao banco de dados ao qual se está conectado,

Leia mais

GEOPROCESSAMENTO. Conjunto de ferramentas usadas para coleta e tratamento de informaçõ. ções espaciais, geraçã

GEOPROCESSAMENTO. Conjunto de ferramentas usadas para coleta e tratamento de informaçõ. ções espaciais, geraçã GEOPROCESSAMENTO Conjunto de ferramentas usadas para coleta e tratamento de informaçõ ções espaciais, geraçã ção o de saídas na forma de mapas, relatórios, rios, arquivos digitais, etc; Deve prover recursos

Leia mais

WORKSHOP GEOTECNOLOGIAS DO INPE O SIG SPRING CARLOS A FELGUEIRAS DPI - INPE

WORKSHOP GEOTECNOLOGIAS DO INPE O SIG SPRING CARLOS A FELGUEIRAS DPI - INPE WORKSHOP GEOTECNOLOGIAS DO INPE O SIG SPRING 1 CARLOS A FELGUEIRAS DPI - INPE SPRING Sistema de PRocessamento de INformações Georeferenciadas Introdução Processamento de Imagens Manipulação de Mapas Temáticos

Leia mais

ARQUITETURA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA

ARQUITETURA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA 3 ARQUITETURA DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA Gilberto Câmara Gilberto Ribeiro de Queiroz 3.1 DESCRIÇÃO GERAL O termo Sistemas de Informação Geográfica (SIG) é aplicado para sistemas que realizam

Leia mais

Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento

Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento Cenário atual de uso e das ferramentas de software livre em Geoprocessamento Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org 1 Sumário Conceitos GIS e Software Livre Ferramentas: Jump Qgis Thuban MapServer

Leia mais

Associação de dados cartográficos e alfanuméricos no TerraView

Associação de dados cartográficos e alfanuméricos no TerraView MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO MEC Secretaria de Educação Superior - SESu Departamento de Modernização e Programas da Educação Superior DEPEM MINISTÉRIO DAS CIDADES Secretaria Executiva Diretoria de Desenvolvimento

Leia mais

SIGs. Gerais e específicos

SIGs. Gerais e específicos SIGs Gerais e específicos Gerais ArcView É o SIG mais popular do mundo É possível: Usar a informação geográfica para apoiar na tomada de decisão; Visualizar e analisar dados espaciais; Criar e manter conjuntos

Leia mais

TerraLib: A arquitetura de uma biblioteca de software livre para GIS

TerraLib: A arquitetura de uma biblioteca de software livre para GIS Objetivo : A arquitetura de uma biblioteca de software livre para GIS Lúbia Vinhas Time INPE / Divisão de Processamento de Imagens http://www.dpi.inpe.br Apresentar uma experiência de design, geração e

Leia mais

Capítulo 5 INTERNET E NOVAS TECNOLOGIAS

Capítulo 5 INTERNET E NOVAS TECNOLOGIAS Capítulo 5 INTERNET E NOVAS TECNOLOGIAS 5.1 - GEOPROCESSAMENTO E INTERNET...2 5.2 - BIBLIOTECAS DIGITAIS...4 5.2.1 - Introdução...4 5.2.2 - Natureza dos Dados Geográficos...4 5.2.3 - Apresentação dos Dados...5

Leia mais

GEOPROCESSAMENTO. Herondino Filho

GEOPROCESSAMENTO. Herondino Filho GEOPROCESSAMENTO Herondino Filho Sumário 1. Introdução 1.1 Orientações Avaliação Referência 1.2 Dados Espaciais 1.2.1 Exemplo de Dados Espaciais 1.2.2 Aplicações sobre os Dados Espaciais 1.3 Categoria

Leia mais

GEONFORMAÇÃO PARA NÃO ESPECIALISTAS

GEONFORMAÇÃO PARA NÃO ESPECIALISTAS GEONFORMAÇÃO PARA NÃO ESPECIALISTAS - Produtos Cartográficos - Geoprocessamento - Sistemas de Informações Geográficas (GIS) - Serviços de Mapas - Demo de um GIS aplicado na PMSP CARTOGRAFIA (conceitos)

Leia mais

Arquiteturas, Padrões e Serviços para Geoprocessamento. Lúbia Vinhas 13/05/2008

Arquiteturas, Padrões e Serviços para Geoprocessamento. Lúbia Vinhas 13/05/2008 Arquiteturas, Padrões e Serviços para Geoprocessamento Lúbia Vinhas 13/05/2008 Desejo saber estatísticas sobre áreas queimadas. Desejo fazer análises por localização, por classes de uso ou ainda por seleção

Leia mais

http://mapas.ipea.gov.br/i3geo/

http://mapas.ipea.gov.br/i3geo/ IPEAMAPAS Disponibilização de forma espacializada dos dados publicados pelo IPEA; Permite interatividade com outros dados disponíveis (infraestrutura, assistência social, saúde, educação, cultura e dados

Leia mais

Diferenças entre Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados para GIS - SGBDs

Diferenças entre Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados para GIS - SGBDs Diferenças entre Sistemas Gerenciadores de Banco de Dados para GIS - SGBDs O objetivo deste documento é fazer uma revisão bibliográfica para elucidar as principais diferenças entre os SGBDs, apontando

Leia mais

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO. Profª Iana Alexandra Alves Rufino [iana_alex@uol.com.br]

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO. Profª Iana Alexandra Alves Rufino [iana_alex@uol.com.br] INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO Profª Iana Alexandra Alves Rufino [iana_alex@uol.com.br] Introdução ao Geoprocessamento Conceitos básicos Componentes de um SIG Exemplos de aplicações Conceitos Geoprocessamento

Leia mais

MAPAS E BASES DE DADOS EM SIG. QUANTUM GIS E POSTGRE SQL Operar e programar em tecnologia SIG com software open source

MAPAS E BASES DE DADOS EM SIG. QUANTUM GIS E POSTGRE SQL Operar e programar em tecnologia SIG com software open source MAPAS E BASES DE DADOS EM SIG QUANTUM GIS E POSTGRE SQL Operar e programar em tecnologia SIG com software open source 1 02 DESTINATÁRIOS Todos os que trabalhando ou que virão a trabalhar com tecnologia

Leia mais

Técnicas de Cartografia Digital

Técnicas de Cartografia Digital Técnicas de Cartografia Digital Maria Cecília Bonato Brandalize 2011 Aula 8 1. Vetoriais 2. Matriciais 3. Vantagens e Desvantagens 1. Vetoriais 2. Matriciais 3. Vantagens e Desvantagens Como são representados

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA Jugurta Lisboa Filho Departamento de Informática Universidade Federal de Viçosa (MG) jugurta@dpi.ufv.br Universidade Federal de Viçosa Departamento de Informática Tópicos

Leia mais

OBTENÇÃO DE IMAGEM DO GOOGLE EARTH PARA CLASSIFICAÇÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO

OBTENÇÃO DE IMAGEM DO GOOGLE EARTH PARA CLASSIFICAÇÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO OBTENÇÃO DE IMAGEM DO GOOGLE EARTH PARA CLASSIFICAÇÃO DE USO E OCUPAÇÃO DO SOLO ROGER TORLAY 1 ; OSVALDO T. OSHIRO 2 N 10502 RESUMO O sensoriamento remoto e o geoprocessamento trouxeram importantes avanços

Leia mais

OFICINA USO DO I3GEO. Levindo Cardoso Medeiros. levindocm@gmail.com

OFICINA USO DO I3GEO. Levindo Cardoso Medeiros. levindocm@gmail.com OFICINA USO DO I3GEO Levindo Cardoso Medeiros levindocm@gmail.com ESTRUTURA INTRODUÇÃO UTILIZANDO O I3GEO Aprendendo a navegar pelo I3Geo Propriedades do mapa ADICIONANDO E MANIPULANDO CAMADAS Adicionando

Leia mais

O Impacto da Mudança do Referencial Geodésico para Usuários de SIG Urbano

O Impacto da Mudança do Referencial Geodésico para Usuários de SIG Urbano O Impacto da Mudança do Referencial Geodésico para Usuários de SIG Urbano Clodoveu Davis Centro de Desenvolvimento e Estudos da PRODABEL Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte

Leia mais

Solução espacial do GEOBANK, banco de dados do Serviço Geológico do Brasil, CPRM Autores:

Solução espacial do GEOBANK, banco de dados do Serviço Geológico do Brasil, CPRM Autores: Solução espacial do GEOBANK, banco de dados do Serviço Geológico do Brasil, CPRM Histórico Década de 70 Arquivos de dados de análises geoquímicas e de levantamentos aerogeofísicos Ambiente Computador de

Leia mais

Palavras-chave: i3geo, gvsig, Mapserver, integração, plugin. Contato: edmar.moretti@terra.com.br ou edmar.moretti@gmail.com

Palavras-chave: i3geo, gvsig, Mapserver, integração, plugin. Contato: edmar.moretti@terra.com.br ou edmar.moretti@gmail.com III Jornada Latinoamericana e do Caribe do gvsig Artigo: Integração do software i3geo com o gvsig Autor: Edmar Moretti Resumo: O i3geo é um software para a criação de mapas interativos para internet qu

Leia mais

Tópicos de Estatística Espacial Visualização de Dados

Tópicos de Estatística Espacial Visualização de Dados Tópicos de Estatística Espacial Visualização de Dados Anderson Castro Soares de Oliveira Visualização de Dados Espaciais Visualizar os dados é uma primeira ferramenta descritiva para gerar hipóteses ao

Leia mais

Site da disciplina: Site do Laboratório de Geotecnologias Aplicadas: https://moodleinstitucional.ufrgs.br. http://www.ufrgs.

Site da disciplina: Site do Laboratório de Geotecnologias Aplicadas: https://moodleinstitucional.ufrgs.br. http://www.ufrgs. Universidade Federal do Rio Grande do Sul Instituto de Geociências Departamento de Geografia Sistemas de Informações Geográficas I GEO 01007 Professora: Eliana Lima da Fonseca Site da disciplina: https://moodleinstitucional.ufrgs.br

Leia mais

Banco de Dados Geográficos

Banco de Dados Geográficos INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais CAP Computação Aplicada Banco de Dados Geográficos Prof. Gilberto Câmara Assit. Gilberto Ribeiro de Queiroz Lista de Exercícios 1 por Claudiney Calixto

Leia mais

Conhecendo os usuários de um Sistema de Banco de Dados

Conhecendo os usuários de um Sistema de Banco de Dados Conhecendo os usuários de um Sistema de Banco de Dados Palestra Grupo PET/DSC 09 de Dezembro de 2009 Prof. Carlos Eduardo Pires cesp@dsc.ufcg.edu.br Agenda Conceitos Gerais Sistema de Banco de Dados Tipos

Leia mais

Tutorial Mapa-Temático

Tutorial Mapa-Temático Tutorial Mapa-Temático O objetivo deste tutorial é apresentar o passo-a-passo da produção de mapas temáticos, uma das diversas utilidades do TerraView (software livre de geoprocessamento que adotamos por

Leia mais

Acesso ao Servidor de Mapas (ARCMAP)

Acesso ao Servidor de Mapas (ARCMAP) Acesso ao Servidor de Mapas (ARCMAP) Versão 1.0 Histórico de Revisão Data Versão Descrição Autor 05/03/2014 1.0 Criação do documento Frederico dos Santos Soares APRESENTAÇÃO O presente documento tem como

Leia mais

AULA 6 - Operações Espaciais

AULA 6 - Operações Espaciais 6.1 AULA 6 - Operações Espaciais Essa aula descreve as operações espaciais disponíveis no TerraView. Antes de iniciar sua descrição é necessário importar alguns dados que serão usados nos exemplos. Exercício:

Leia mais

PROCESSAMENTO DIGITAL DE IMAGENS SPRING 5.0.6

PROCESSAMENTO DIGITAL DE IMAGENS SPRING 5.0.6 Universidade do Estado de Santa Catarina UDESC Centro de Ciências Humanas e da Educação CCE/FAED Deapartamento de Geografia DG Curso Mestrado em Planejamento Regional e Desenvolvimento Sócio Ambiental

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS Laboratório de Ensino, Pesquisa e Projetos em Análise Espacial TUTORIAL DE SPRING Alexandro Medeiros

Leia mais

Banco de Dados Espaciais. Banco de Dados Espaciais

Banco de Dados Espaciais. Banco de Dados Espaciais Banco de Dados Espaciais Henrique Cota Camêllo Banco de Dados Espaciais Sua estrutura de funcionamento é semelhante a dos bancos relacionais convencionais. Sua principal diferença é suportar feições geométricas

Leia mais

AULA 5 Manipulando Dados Matriciais: Grades e Imagens. 5.1 Importando Grades e Imagens Interface Simplificada

AULA 5 Manipulando Dados Matriciais: Grades e Imagens. 5.1 Importando Grades e Imagens Interface Simplificada 5.1 AULA 5 Manipulando Dados Matriciais: Grades e Imagens Nessa aula serão apresentadas algumas funcionalidades do TerraView relativas à manipulação de dados matriciais. Como dados matriciais são entendidas

Leia mais

AULA 5 Manipulando Dados Matriciais: Grades e Imagens. 5.1 Importando Grades e Imagens Interface Simplificada

AULA 5 Manipulando Dados Matriciais: Grades e Imagens. 5.1 Importando Grades e Imagens Interface Simplificada 5.1 AULA 5 Manipulando Dados Matriciais: Grades e Imagens Nessa aula serão apresentadas algumas funcionalidades do TerraView relativas a manipulação de dados matriciais. Como dados matriciais são entendidas

Leia mais

Introdução ao SIG. Objetivos Específicos 18/11/2010. Competência: Apresentar: Utilidade de um SIG

Introdução ao SIG. Objetivos Específicos 18/11/2010. Competência: Apresentar: Utilidade de um SIG MINISTÉRIO DO MEIO AMBIENTE - MMA INSTITUTO CHICO MENDES DE CONSERVAÇÃO DA BIODIVERSIDADE - ICMBio DIRETORIA DE PLANEJAMENTO, ADMINISTRAÇÃO E LOGÍSTICA - DIPLAN COORDENAÇÃO GERAL DE GESTÃO DE PESSOAS -

Leia mais

Histórico das Revisões

Histórico das Revisões TerraSIG MANUAL DO USUÁRIO Dezembro/2007 Histórico das Revisões Data Versão Descrição Autor 17.12.2007 1.0 Confecção Cristhiane 20.12.2007 1.0 Confecção Cristhiane 20.12.2007 1.0 Integração Isabele 21.12.2007

Leia mais

OBSERVATÓRIO RIO DAS METROPOLES NÚCLEO RM NATAL (CCHLA-UFRN) & GRUPO DE GOPROCESSAMENTO DO NORDESTE (CRN INPE)

OBSERVATÓRIO RIO DAS METROPOLES NÚCLEO RM NATAL (CCHLA-UFRN) & GRUPO DE GOPROCESSAMENTO DO NORDESTE (CRN INPE) OBSERVATÓRIO RIO DAS METROPOLES NÚCLEO RM NATAL (CCHLA-UFRN) & GRUPO DE GOPROCESSAMENTO DO NORDESTE (CRN INPE) APRESENTAÇÃO 1. O ATLAS SOCIO-ECONÔMICO-AMBIENTAL DA RM NATAL, COM BASE EM APLICATIVO DESENVOLVIDO

Leia mais

G E O P R O C E S S A M E N T O N A N U V E M

G E O P R O C E S S A M E N T O N A N U V E M G E O P R O C E S S A M E N T O N A N U V E M A empresa Com 16 anos de experiência, a Tecnomapas fornece soluções tecnológicas para diversas instituições públicas do país que abrangem as áreas de licenciamento

Leia mais

Título Utilização de Software Livre Terralib para o Cadastro de Redes de Água e Esgoto. Tema: Sistema de Informações Geográficas - SIG

Título Utilização de Software Livre Terralib para o Cadastro de Redes de Água e Esgoto. Tema: Sistema de Informações Geográficas - SIG Título Utilização de Software Livre Terralib para o Cadastro de Redes de Água e Esgoto Tema: Sistema de Informações Geográficas - SIG Autor/apresentador Eng. José Maria Viillac Pinheiro Currículo Sócio

Leia mais

AS ROUPAS NOVAS DO IMPERADOR. Gilberto Câmara. Revista InfoGeo, 12, 2000.

AS ROUPAS NOVAS DO IMPERADOR. Gilberto Câmara. Revista InfoGeo, 12, 2000. AS ROUPAS NOVAS DO IMPERADOR Gilberto Câmara Revista InfoGeo, 12, 2000. Em 1994, publiquei o artigo "Anatomia de Sistemas de Informação Geográfica", que apresentava os diferentes componentes da tecnologia

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E DA NATUREZA DEPARTAMENTO DE GEOCIÊNCIAS Laboratório de Ensino, Pesquisa e Projetos em Análise Espacial TUTORIAL DE SPRING Alexandro Medeiros

Leia mais

AULA 17 KML Manager. Nessa aula serão apresentadas as funcionalidades do KML Manager.

AULA 17 KML Manager. Nessa aula serão apresentadas as funcionalidades do KML Manager. 17.1 AULA 17 KML Manager Nessa aula serão apresentadas as funcionalidades do KML Manager. KML (Keyhole Markup Language) é um formato de arquivo e uma gramática XML que serve para modelar e armazenar características

Leia mais

PTR 2355/2389 Princípios de Geoprocessamento. Atividade Prática: Laboratório SIG

PTR 2355/2389 Princípios de Geoprocessamento. Atividade Prática: Laboratório SIG PTR 2355/2389 Princípios de Geoprocessamento Atividade Prática: Laboratório SIG Docentes: Prof. Dr Claudio Luiz Marte Prof. Dr. José Alberto Quintanilha Elaboração Roteiro: Mariana Abrantes Giannotti Colaboração:

Leia mais

Aprendendo a Usar o ArcExplorer

Aprendendo a Usar o ArcExplorer Aprendendo a Usar o ArcExplorer O ArcExplorer é um software simples de visualização e consultas de arquivos utilizados em geoprocessamento. Muito embora seja um software livre e conseqüentemente, para

Leia mais

Tecnologias Digitais de Geoprocessamento

Tecnologias Digitais de Geoprocessamento Gilberto Pessanha Ribeiro Engenheiro Cartógrafo - UERJ Mestre em Ciências Geodésicas - UFPR Doutor em Geografia UFF Especialista em Geologia do Quaternário Museu Nacional/UFRJ gilberto@eng.uerj.br gilberto@globalgeo.com.br

Leia mais

INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB

INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB Belo Horizonte/MG 24 a 27/11/2014 INFOAMBIENTE: GESTÃO AMBIENTAL DE RODOVIAS COM SIG-WEB Adriano Peixoto Panazzolo (*), Augusto Gattermann Leipnitz, Daniela Viegas, Társio Onofrio Cardoso da Silva, Thiago

Leia mais

Pesquisa e Desenvolvimento de Sistemas de Informações Geográficas (SIG) Utilizando QT

Pesquisa e Desenvolvimento de Sistemas de Informações Geográficas (SIG) Utilizando QT Pesquisa e Desenvolvimento de Sistemas de Informações Geográficas (SIG) Utilizando QT SILVA, Nilton Correia da PINHEIRO, Dhiancarlo Macedo Centro Universitário de Anápolis - UniEVANGÉLICA CEP: 75083-515

Leia mais

Caderno de Exercícios. 6ª Edição

Caderno de Exercícios. 6ª Edição Caderno de Exercícios 6ª Edição UFF Niterói-RJ 2010 Caderno de Exercícios PRÁTICAS EM TERRAVIEW, TERRASIG E GEOSNIC Autores: Alexandre Curvelo de Andrade Cesar Augusto Valdeger de Oliveira Cristiane Nunes

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA - UFBA Instituto de Ciências Ambientais e Desenvolvimento Sustentável Prof. Pablo Santos 4 a Aula SISTEMA DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA - SIG Introdução Definições Necessárias

Leia mais

CADASTRO DE METADADOS POR SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE BANCO DE DADOS GEOGRÁFICO (SGBD) EM SIG PARA UNIDADES DE CONSERVAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

CADASTRO DE METADADOS POR SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE BANCO DE DADOS GEOGRÁFICO (SGBD) EM SIG PARA UNIDADES DE CONSERVAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CADASTRO DE METADADOS POR SISTEMA DE GERENCIAMENTO DE BANCO DE DADOS GEOGRÁFICO (SGBD) EM SIG PARA UNIDADES DE CONSERVAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Raphael de Oliveira Fernandes Vivian Castilho da Costa

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA (I)

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA (I) UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO ESCOLA SUPERIOR DE AGRICULTURA LUIZ DE QUEIROZ DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA DE BIOSSISTEMAS DISCIPLINA: LEB450 TOPOGRAFIA E GEOPROCESSAMENTO II PROF. DR. CARLOS ALBERTO VETTORAZZI

Leia mais

Curso de Economia para Jornalistas. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada Erivelton Pires Guedes erivelton.guedes@ipea.gov.br mapas@ipea.gov.

Curso de Economia para Jornalistas. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada Erivelton Pires Guedes erivelton.guedes@ipea.gov.br mapas@ipea.gov. Curso de Economia para Jornalistas Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada Erivelton Pires Guedes erivelton.guedes@ipea.gov.br mapas@ipea.gov.br IpeaMapas Roteiro Missão do Ipea Objetivos principais Principais

Leia mais

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO. Autor: Emerson Soares dos Santos

INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO. Autor: Emerson Soares dos Santos INTRODUÇÃO AO GEOPROCESSAMENTO Autor: Julho de 2010 Material para Exercícios Práticos APRENDENDO TerraView 3x tem graduação e mestrado em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso e atualmente

Leia mais

S pring, Terralib e produtos derivados

S pring, Terralib e produtos derivados S pring, Terralib e produtos derivados (Tecnologias e Metodologias de Geoprocessamento Desenvolvidas na DPI) Dr. Carlos A Felgueiras Gerente de Desenvolvimento do SPRING DPI - Divisão de Processamento

Leia mais

Mapserver Servidor de Mapas. João Araujo

Mapserver Servidor de Mapas. João Araujo Mapserver Servidor de Mapas João Araujo Por que fazer mapas? Mapas têm tido papel prepoderante nas atividades humanas por milhares de anos. Desde o início, mapas eram usados para mostrar onde as coisas

Leia mais

Apostila do curso: Quantum GIS Básico Módulo I

Apostila do curso: Quantum GIS Básico Módulo I Apostila do curso: Quantum GIS Básico Módulo I Helio Larri Vist Geógrafo Mestre em Sensoriamento Remoto Ayr Müller Gonçalves Educador Físico e Graduando em Segurança da Informação Rai Nunes dos Santos

Leia mais

Por que Geoprocessamento?

Por que Geoprocessamento? Um pouco sobre a NOSSA VISÃO Processamento Digital é um endereço da Web criado pelo geógrafo Jorge Santos com objetivo de compartilhar dicas sobre Geoprocessamento e Software Livre. A idéia surgiu no ano

Leia mais

I Encontro Brasileiro de usuários QGIS

I Encontro Brasileiro de usuários QGIS I Encontro Brasileiro de usuários QGIS Uso do QGIS no Processamento Digital de Imagens de Sensoriamento Remoto Jorge Santos jorgepsantos@outlook.com www.processamentodigital.com.br Dicas, tutoriais e tudo

Leia mais

Por que Geoprocessamento?

Por que Geoprocessamento? Um pouco sobre a NOSSA VISÃO Processamento Digital é um endereço da Web criado pelo geógrafo Jorge Santos com objetivo de compartilhar dicas sobre Geoprocessamento e Software Livre. A idéia surgiu no ano

Leia mais

Geoprocessamento e Padrões OGC

Geoprocessamento e Padrões OGC Geoprocessamento e Padrões OGC Martin Pereira 36 slides Agenda Geoprocessamento Definição Histórico SIG OGC Definição Importância Histórico Padrões Slide 2 de 36 Geoprocessamento Definição Disciplina do

Leia mais

Sistemas de Informação Geográfica (SIG) para Agricultura de Precisão

Sistemas de Informação Geográfica (SIG) para Agricultura de Precisão 01 Sistemas de Informação Geográfica (SIG) para Agricultura de Precisão Rodrigo G. Trevisan¹; José P. Molin² ¹ Eng. Agrônomo, Mestrando em Engenharia de Sistemas Agrícolas (ESALQ-USP); ² Prof. Dr. Associado

Leia mais

Banco de Dados de Imagens: características e aplicações

Banco de Dados de Imagens: características e aplicações Banco de Dados de Imagens: características e aplicações CAP 378 / 2010 Tópicos em Observação da Terra Carlos Alberto Pires de Castro Filho Leonardo Arthur Esteves Lourenço Introdução: Banco de Dados -

Leia mais

BANCO DE DADOS GEOGRÁFICOS

BANCO DE DADOS GEOGRÁFICOS BANCO DE DADOS GEOGRÁFICOS E WEBMAPPING - I 3 GEO Prof. Angelo Augusto Frozza, M.Sc. http://about.me/tilfrozza ROTEIRO Apresentação Instalação do i 3 Geo Visão geral do i3geo Características e funcionalidades

Leia mais

INTRODUÇÃO AO USO DO ENVI EM SENSORIAMENTO REMOTO/SIG

INTRODUÇÃO AO USO DO ENVI EM SENSORIAMENTO REMOTO/SIG CURSOS PRESENCIAIS INTRODUÇÃO AO USO DO ENVI EM SENSORIAMENTO REMOTO/SIG Aplicações Básicas em Sensoriamento Remoto com a Utilização do Software ENVI PROPOSTA DO CURSO ENVI 100: O curso proposto visa a

Leia mais

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Medianeira PLANO DE ENSINO CURSO ENGENHARIA DE AMBIENTAL MATRIZ 519

Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Medianeira PLANO DE ENSINO CURSO ENGENHARIA DE AMBIENTAL MATRIZ 519 Ministério da Educação UNIVERSIDADE TECNOLÓGICA FEDERAL DO PARANÁ Câmpus Medianeira PLANO DE ENSINO CURSO ENGENHARIA DE AMBIENTAL MATRIZ 519 FUNDAMENTAÇÃO LEGAL - Abertura e aprovação do projeto do curso:

Leia mais

Por que Geoprocessamento?

Por que Geoprocessamento? Um pouco sobre a NOSSA VISÃO Processamento Digital é um endereço da Web criado pelo geógrafo Jorge Santos com objetivo de compartilhar dicas sobre Geoprocessamento e Software Livre. A idéia surgiu no ano

Leia mais

ESTUDO COMPARATIVO DE SOFWARES GRATUITOS DE GEOPROCESSAMENTO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE ENGENHARIA

ESTUDO COMPARATIVO DE SOFWARES GRATUITOS DE GEOPROCESSAMENTO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE ENGENHARIA ESTUDO COMPARATIVO DE SOFWARES GRATUITOS DE GEOPROCESSAMENTO PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE ENGENHARIA 1. Introdução Nos últimos anos, a área de geotecnologias ganhou maior visibilidade através da popularização

Leia mais

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE ESTUDOS SÓCIOAMBIENTAIS LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE IMAGENS E GEOPROCESSAMENTO

UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE ESTUDOS SÓCIOAMBIENTAIS LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE IMAGENS E GEOPROCESSAMENTO UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS INSTITUTO DE ESTUDOS SÓCIOAMBIENTAIS LABORATÓRIO DE PROCESSAMENTO DE IMAGENS E GEOPROCESSAMENTO MANUAL DE UTILIZAÇÃO DA PÁGINA WEB DO LAPIG WANESSA CAMPOS SILVA Goiânia Junho

Leia mais

Sistema de Informações Geográficas Aplicado a Bacias Hidrográficas Aula 1. Frederico Damasceno Bortoloti

Sistema de Informações Geográficas Aplicado a Bacias Hidrográficas Aula 1. Frederico Damasceno Bortoloti Sistema de Informações Geográficas Aplicado a Bacias Hidrográficas Aula 1 Frederico Damasceno Bortoloti Agenda Revisão das funcionalidades do ArcGIS Criação de documentos de mapa Classificação de camadas

Leia mais

Relações mais harmoniosas de convívio com a natureza; O mundo como um modelo real que necessita de abstrações para sua descrição; Reconhecimento de

Relações mais harmoniosas de convívio com a natureza; O mundo como um modelo real que necessita de abstrações para sua descrição; Reconhecimento de Relações mais harmoniosas de convívio com a natureza; O mundo como um modelo real que necessita de abstrações para sua descrição; Reconhecimento de padrões espaciais; Controle e ordenação do espaço. Técnicas

Leia mais

3. FERRAMENTAS DE VISUALIZAÇÃO... 8 4. IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO... 12

3. FERRAMENTAS DE VISUALIZAÇÃO... 8 4. IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO... 12 1. O SOFTWARE TERRAVIEW... 4 2. BANCOS DE DADOS... 4 2.1 CRIANDO UM BANCO DE DADOS... 4 2.2 ABRINDO UM BANCO DE DADOS... 6 3. FERRAMENTAS DE VISUALIZAÇÃO... 8 3.1 SELEÇÃO DE OBJETOS... 9 4. IMPORTAÇÃO

Leia mais

SISTEMA GERENCIADOR DE BANCO DE DADOS

SISTEMA GERENCIADOR DE BANCO DE DADOS BANCO DE DADOS Universidade do Estado de Santa Catarina Centro de Ciências Tecnológicas Departamento de Ciência da Computação Prof. Alexandre Veloso de Matos alexandre.matos@udesc.br SISTEMA GERENCIADOR

Leia mais

Introdução ao ArcGIS

Introdução ao ArcGIS Introdução ao ArcGIS Maria Cecilia Brandalize Novembro, 2011 Tópicos O que é um SIG? A estrutura do ArcGIS Dados utilizados no ArcGIS Operações básicas com o ArcGIS Edição de dados Combinação de dados

Leia mais

Geoprocessamento em Belo Horizonte

Geoprocessamento em Belo Horizonte Áreas de Abrangência dos Centros de Saúde Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte 2002 VENDA NOVA PAMPULHA NORTE NORDESTE Geoprocessamento em Belo Horizonte NOROESTE LESTE OESTE CENTRO SUL BARREIRO

Leia mais

QGIS 2.4 Estatísticas de Grupo Somatório de Áreas

QGIS 2.4 Estatísticas de Grupo Somatório de Áreas QGIS 2.4 Estatísticas de Grupo Somatório de Áreas Jorge Santos 2014 Conteúdo Sumário Capítulo 1... 3 Introdução... 3 1.1 Demanda... 3 1.2 O Complemento Group Stats...3 1.3 Instalação do Complemento Group

Leia mais

Disciplina de Banco de Dados Introdução

Disciplina de Banco de Dados Introdução Disciplina de Banco de Dados Introdução Prof. Elisa Maria Pivetta CAFW - UFSM Banco de Dados: Conceitos A empresa JJ. Gomes tem uma lista com mais ou menos 4.000 nomes de clientes bem como seus dados pessoais.

Leia mais

MiniCurso 4 horas Introdução ao SPRING

MiniCurso 4 horas Introdução ao SPRING MiniCurso 4 horas Introdução ao SPRING Dr. Carlos A Felgueiras (carlos@dpi.inpe.br) Gerente de Desenvolvimento do SPRING DPI - Divisão de Processamento de Imagens INPE Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais

Leia mais

Bases de Dados Geoespaciais: Conceitos e Tendências. Paulo Costa Paulo.fernando.costa@vale.com

Bases de Dados Geoespaciais: Conceitos e Tendências. Paulo Costa Paulo.fernando.costa@vale.com Paulo Costa Paulo.fernando.costa@vale.com Sumário Dados e informações Base de dados Normatização dos Dados Banco de dados único Interoperabilidade de dados Tendências DADOS E INFORMAÇÕES Dados são observações

Leia mais

Dado: Fatos conhecidos que podem ser registrados e têm um significado implícito. Banco de Dados:

Dado: Fatos conhecidos que podem ser registrados e têm um significado implícito. Banco de Dados: MC536 Introdução Sumário Conceitos preliminares Funcionalidades Características principais Usuários Vantagens do uso de BDs Tendências mais recentes em SGBDs Algumas desvantagens Modelos de dados Classificação

Leia mais

Software Livre e GIS: Quais são as alternativas?

Software Livre e GIS: Quais são as alternativas? Software Livre e GIS: Quais são as alternativas? Tiago Eugenio de Melo tiago@comunidadesol.org 1 Sumário Conceitos GIS e Software Livre Ferramentas: Thuban Qgis Jump MapServer O Futuro das Tecnologias

Leia mais

FACULDADE INTEGRADAS DE PARANAÍBA ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS. Bancos de Dados Conceitos Fundamentais

FACULDADE INTEGRADAS DE PARANAÍBA ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS. Bancos de Dados Conceitos Fundamentais FACULDADE INTEGRADAS DE PARANAÍBA ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS Bancos de Dados Conceitos Fundamentais Tópicos Conceitos Básicos Bancos de Dados Sistemas de Bancos de Dados Sistemas de Gerenciamento de Bancos

Leia mais