Portfólio. Alberto Medeiros. Administração de Sistemas de Informação

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "Portfólio. Alberto Medeiros. Administração de Sistemas de Informação"

Transcrição

1 Portfólio Alberto Medeiros Administração de Sistemas de Informação setembro de 2006

2 Sumário Apresentação 1 Curriculum Vitae 2 Unidades e objetivos 6 Recursos Instrucionais: apresentação gráfica 10 Recursos Instrucionais: site 14 Recursos Instrucionais: textos 17 Avaliação dos resultados 18 Bibliografia 19

3 Apresentação 1 Após mais de três décadas como professor ministrando aulas de tecnologia têxtil, assumi em 2003 a disciplina de Administração de Sistemas de Informação em faculdades de Administração de Empresas. Esse tema não era novo para mim, já que dirijo há anos uma empresa multinacional produtora de software de gestão (ERP); sou usuário da informática muito antes dela se popularizar; e fui um dos primeiros usuários e divulgadores da Internet no Brasil. Vi-me, então, diante de um desafio. Apenas a prática não era o suficiente. Pela primeira vez encontrei-me na necessidade de sistematizar esse conhecimento, a fim de poder ensiná-lo adequadamente e de obter bons resultados para a aprendizagem dos alunos. Após a consulta à vasta e boa bibliografia existente, acabei optando por adotar inicialmente um livro que considerei conter o conjunto necessário de ensinamentos, de forma didática adequada, com boas ilustrações e bom suporte ao professor. Tratava-se do livro Sistemas de Informação e as Decisões Gerenciais na Era da Informática de James O Brien. Mais tarde juntei ao conteúdo de minhas aulas, também os livros Sistemas de Informações Gerenciais de Kenneth Laudon e Jane Laudon; Administração de Tecnologia de Informação de Efraim Turban, R. Kelly Rainer e Richard Potter; e Tecnologia da Informação para a Gestão, de Efraim Turban com Ephraim McLean e James Wetherbe. A metodologia de ensino adotada por mim, no entanto, não se baseia apenas nesses livros, mas também na oferta de leitura de diversos outros autores e de artigos não apenas os acadêmicos como também os publicados em revistas especializadas, que são precedidas de aulas expositivas, acompanhadas por apoio visual preparado em software para apresentação. Há ainda outro recurso instrucional que apresenta ótimos resultados e que eu utilizo à exaustão: o site na Internet que contém os recursos desta disciplina e de outras por mim ministradas. Este portfólio tem a finalidade de apresentá-lo à minha forma de trabalhar esta disciplina em particular, que foi estruturada para atender tanto os cursos de graduação em Administração de Empresas e em Engenharia de Produção e também apresentar os recursos utilizados a fim de e obter o melhor resultado de meus a- lunos. Alberto Medeiros setembro de 2006

4 Curriculum Vitae 2 CURRICULUM LATTES. Base de dados mais atualizada pode ser obtida em: FORMAÇÃO ACADÊMICA Doutorando em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), com a tese Sistemas Integrados de Gestão de Recursos: Proposta para um Modelo de Decisão Multicritérios para Avaliação Estratégica, orientada pelo Prof. Dr. Tamio Shimizu, com projeto de pesquisa já qualificado e com defesa prevista para o primeiro semestre de Mestre em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), com a dissertação Análise de Novas Tecnologias de Comunicação de Dados Utilizadas na Gestão da Cadeia de Suprimentos, orientada pelo Prof. Dr. Marcelo Schneck de Paula Pessôa e defendida em abril de Bacharel em Comunicação Social (habilidade propaganda e marketing) pela FAAP (1976). Técnico Têxtil pela Escola SENAI "F. Matarazzo" (1970). Pós-graduado (latu senso) em Administração Industrial pela Fundação A. Penteado (1982). Extensão em Weaving Technology no Osaka Prefectural Textile Research Institute, no Japão (1975), o que propiciou estágios profissionais em diversas empresas têxteis e produtoras de equipamentos e acessórios para o setor. Estágio nos laboratórios de pesquisa e desenvolvimento do IWS (International Wool Secretariat), em Ilkley, Inglaterra (1985). ATIVIDADES ACADÊMICAS Professor de Gestão de Tecnologia de Informação no curso de pós-graduação (latu senso) de Administração de Negócio na Universidade Presbiteriana Mackenzie desde Professor de Administração de Sistemas de Informação nos cursos de graduação de Administração de Empresas, Administração de Marketing e Administração de Sistemas de Informação da Faculdade Taboão da Serra, desde 2003.

5 Curriculum Vitae 3 Pesquisador do GTI Grupo de Tecnologia de Informação do Departamento de Engenharia de Produção a Escola Politécnica da Universidade de São Paulo. Área de interesse de pesquisa: Gestão de Tecnologia de Informação. Professor de Tecnologia de Materiais do curso de pós-graduação (latu senso) de moda da Faculdade Santa Marcelina, em São Paulo. entre 1999 e Professor, desde 2000, de cursos de pós-graduação (latu senso) em Tecnologia Têxtil e Tecnologia de Informação promovidos pelo INPG (Instituto Nacional de Pós Graduação) nas cidades onde essa entidade mantém convênio com entidades locais. Professor, entre 1987 e 1999, de tecnologia do departamento têxtil da FEI - Faculdade de Engenharia Industrial, em São Bernardo do Campo. Professor-chefe do departamento de tecelagem da Escola SENAI "Francisco Matarazzo", em São Paulo, lecionando Tecnologia de Tecelagem e Padronagem, entre 1973 e OBRAS PUBLICADAS Artigos publicados em periódicos estrangeiros. MEDEIROS Jr, A. A titulação dos fios. Revista Latinoamericana de Tecnologia Textil, Cidade do México, v. 1, n. 7, MEDEIROS Jr, A. Aspectos de Histologia. Revista Latinoamericana de Tecnologia Textil, Cidade do México, v. 1, n. 9, p. 7-12, Artigos publicados em periódicos nacionais. MEDEIROS Jr, A. O Alinhamento Estratégico de WebEDI na Gestão da Cadeia de Suprimentos: Estudos de Caso. Revista FacTuS, São Paulo, v. 1, p , MEDEIROS Jr, A. Aspectos de Histologia. Textilia Têxteis Latinoamericanos, São Paulo, MEDEIROS Jr, A. Torção de fios: aspectos teóricos. Textilia Têxteis Latinoamericanos, São Paulo, MEDEIROS Jr, A. Noções de padronagem em tecidos planos. Textilia Têxteis Latinoamericanos, São Paulo, MEDEIROS Jr, A. Vamos surfar juntos. Textilia Têxteis Latinoamericanos, São Paulo, 1995.

6 Curriculum Vitae 4 (artigo sobre a Internet, incipiente naquela época) MEDEIROS Jr, A. A titulação dos fios. Textilia Têxteis Latinoamericanos, São Paulo, Capítulos de livros em publicações estrangeiras. MORAES, W.; MEDEIROS Jr, A.; LAURINDO, F.J.B. Impacts and Revenues Models from Brazilian Portals. In: Encyclopaedia of Portal Technology and Applications. Editor: Tatnall, Arthur. Hershey: Idea Group, (a ser publicado em 2007). MEDEIROS Jr, A.; PESSOA, M.S.P.; LAURINDO, F.J.B. Evolution Stages in Web Applications. In: Encyclopaedia of E-Commerce, E-Government and Mobile Commerce. Editor: Khosrow-Pour, Mehdi. Hershey: Idea Group, Livro publicado. MEDEIROS Jr, Alberto de. Cálculo Estrutural de Tecidos por Urdume e Trama. São Paulo: Contêxtil Assessoria Têxtil S.C. Ltda., v p. Trabalhos em eventos internacionais. MEDEIROS Jr, A.; SHIMIZU, T. Proposal of a Multi-criteria Decision Model for ERP Strategic and Operational Evaluation. 3 rd INTERNATIONAL CON- FERENCE ON PRODUCTION RESEARCH Anais... Curitiba, PR, Brasil, MEDEIROS Jr, A.; PESSOA, M.S.P.; LAURINDO, F.J.B. The Web Involved in Nolan s Stages.. In: 2005 IRMA INTERNATIONAL CONFERENCE, Anais... Sandiego, CA, Organização de Congresso XVIII Congresso Nacional de Técnicos Têxteis Outras publicações Apostilas diversas sobre Tecnologia Têxtil. Apostilas diversas sobre Tecnologia de Informação. OUTRAS ATIVIDADES PROFISSIONAIS Diretor Geral e sócio-gerente da Intex Brasil Ltda., multinacional subsidiária da empresa Intex Consulting GmbH sediada em Wuppertal, Alema-

7 Curriculum Vitae 5 nha, e com filiais em São Paulo, Shangai, Bangkok e New Delhi, produtora do ERP intex voltado à indústria têxtil. Desde Diretor, desde 1990, da empresa A.Medeiros Ltda. Voltada à consultoria em geral com suporte de software e, desde 1995, prestando serviços de soluções tecnológicas em Internet. Sócio-gerente entre 1993 e 1995 da Safira Sedas, empresa de comercialização de tecidos em seda para decoração. Diretor da Tecelagem Safira Ltda., com fábrica em Petrópolis, RJ e escritório em S. Paulo, atuando nas áreas comercial, administrativa e industrial. Entre 1989 e Sócio-gerente da CONTÊXTIL Assessoria Têxtil SC Ltda., entre 1979 e 1990, empresa de consultoria e treinamento para a Indústria Têxtil. Diretor de indústrias têxteis de porte, como o Lanifício Sehbe S.A. (fiações cardada e penteada; tecelagem; acabamento e confecções), em Caxias do Sul (RS), e o Lanifício Record S.A. (tecelagem e acabamento), em São Paulo. Entre janeiro de 1984 e dezembro de Colaborações diversas, com importantes entidades, tais como o IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas); USP (Universidade de São Paulo); ABI- MAQ/SINDIMAQ (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas/ Sindicato da Indústria de Máquinas); MEC (Ministério da Educação); Poder Judiciário; ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas); FEBRALÃ (Federação Brasileira da Lã) e ICE (Instituto Italiano de Comércio Exterior, da Embaixada Italiana), entre outras. Participação entre novembro de 92 e maio de 93 como especialista da FIA- USP (Fundação Instituto de Administração da USP) na no diagnóstico e elaboração de projetos para implantação dos Polos de Modernização das Tecelagens e Faccionistas de Americana e Região. Delegado brasileiro dos trabalhos do comitê técnico do IWTO (International Wool Textile Organization), em Palm Beach, USA (1988). DESTAQUES PROFISSIONAIS Homenagem 1988, no Recife, pela ABTT (Associação Brasileira de Técnicos Têxteis), com o diploma de Mérito Profissional - Destaque Nacional, por relevante contribuição ao desenvolvimento da Indústria Têxtil nacional. Professor homenageado pelos formandos em Engenharia Têxtil da FEI, turma de 1990.

8 Curriculum Vitae 6 DADOS PESSOAIS Fluência na fala e leitura da língua inglesa. Facilidade de entendimento de italiano e, obviamente, espanhol. 54 anos, casado e pai de três filhos adultos. Residência: Rua João XXIII, Vargem Grande Paulista SP Telefones: Celular (11) Residência Fone/Fax (11)

9 Unidades e objetivos 7 UNIDADES A disciplina é ministrada em seis unidades, que abrangem a totalidade dos conhecimentos necessários do tema. Unidade 1: Introdução aos Sistemas de Informação; O Valor da Informação e Os Estágios da Informatização e a Obtenção de Vantagens Competitivas Unidade 2: As Bases Tecnológicas Unidade 3: SI das Empresas Conectadas. Unidade 4: As Organizações Decidindo com Conhecimento Unidade 5: Operando as Organizações com Sistemas de Informação Unidade 6: Os Sistemas de Segurança e os Desafios Éticos. OBJETIVO GERAL A disciplina tem por objetivo propiciar aos alunos de administração a possibilidade de aprenderem como utilizar e gerenciar as informações para revitalizar os processos empresariais, melhorar a tomada de decisão gerencial e conquistar vantagem competitiva. OBJETIVOS ESPECÍFICOS Unidade 1 Introdução aos sistemas de informação e Os Estágios da Informatização e a Obtenção de Vantagens Competitivas Ao final da unidade o aluno deverá estar apto a: entender por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para usuários finais nas empresas e possibilitar a identificação das cinco áreas dos sistemas de informação; identificar os estágios de desenvolvimento da informatização nas organizações, conforme a teoria de estágios de Nolan, e reconhecer o uso da Tecnologia de Informação como estratégia competitiva.. Unidade 2 - As Bases Tecnológicas. Ao final da unidade o aluno deverá estar apto a: identificar a história do desenvolvimento dos computadores e identificar os principais tipos, tendências e usos dos sistemas dos handhelds, dos microcomputadores, dos mainframes e dos supercomputadores; descrever as tendências principais na área de software; dar exemplos de tipos de software aplicativo e de sistemas; definir as funções de um sistema operacional e descrever os principais usos das linguagens de alto nível, quarta geração, orientada a objetos e em redes; identificar os principais tipos de a- plicações e o valor comercial da Internet e outras redes de telecomunicações para as empresas; identificar avanços e tendências principais nas indústrias, tecnologias e aplicações de telecomunicações; identificar os componentes, funções e tipos básicos de redes de telecomunicações; explicar as funções dos principais tipos de hardware, software e mídias

10 Unidades e objetivos 8 de redes de telecomunicações; explicar como o software de gerenciamento de banco de dados ajuda os usuários finais e apóia as operações e a administração de negócios; dar exemplos sobre cada um dos seguintes conceitos: elementos lógicos dos dados; estruturas fundamentais dos bancos de dados; principais tipos de bancos de dados; desenvolvimento de bancos de dados. Unidade 3 - SI das Empresas Conectadas Ao final da unidade o aluno deverá estar apto a: fornecer exemplos que demonstrem o uso da internet, intranets ou extranets para realizar atividades em cada uma das funções organizacionais; reconhecer como as empresas estão utilizando intranets e extranets para as comunicações e a colaboração, publicação e compartilhamento de informações e operações e administração dos negócios; identificar os diversos componentes de hardware, software, dados e de rede de uma arquitetura de Tecnologia da Informação da intranet; identificar diversas maneiras pelas quais o uso de intranets e extranets podem propiciar economias de custo ou benefícios de receita para uma empresa; fornecer exemplos de diversas maneiras pelas quais as empresas podem implementar comércio eletrônico empresa-consumidor (B2C) e empresa-a-empresa (B2B) na Internet; identificar e dar exemplos de diversas maneiras pelas quais as aplicações de comércio eletrônico propiciam significativo valor comercial para uma empresa e seus clientes; identificar os diversos desafios do pagamento eletrônico e soluções para a segurança do pagamento eletrônico na Internet.; identificar as diversas ferramentas de groupware para comunicações e conferências eletrônicas e administração do trabalho e dar exemplos de como elas podem melhorar a colaboração entre equipes e grupos de trabalho em uma empresa. Unidade 4 - As Organizações Decidindo com Conhecimento Ao final da unidade o aluno deverá estar apto a: identificar o papel e alternativas de relatórios dos sistemas de informação gerencial; descrever como o processamento analítico online pode atender as necessidades de informação dos gerentes; explicar o conceito de sistema de apoio à decisão e como ele difere dos sistemas tradicionais de informação gerencial; explicar como os sistemas de informação executiva podem apoiar as necessidades de informação dos executivos e gerentes; identificar como as redes neurais, lógica difusa, algoritmos genéticos, realidade virtual e agentes inteligentes podem ser utilizados nos negócios; dar e- xemplos de diversas maneiras pelas quais os sistemas especialistas podem ser utilizados nas situações de tomada de decisões nos negócios; entender como se processa a gestão do conhecimento e as suas aplicações.

11 Unidades e objetivos 9 Unidade 5 Operando as Organizações com Sistemas de Informação Unidade 6 - Ao final da unidade o aluno deverá estar apto a: fornecer exemplos de como os sistemas integrados de gestão de informação (também conhecidos por ERP Enterprise Resource Planning) apóiam os processos empresariais dentro e entre as funções organizacionais de contabilidade, finanças, administração de recursos humanos, marketing e administração da produção e das operações com o uso de sistemas; identificar como funcionam os sistemas de CRM (Customer Relationship Management) Os Sistemas de Segurança e os Desafios Éticos. Ao final da unidade o aluno deverá estar apto a: identificar diversos tipos de controles de Sistemas de Informação, controles de procedimentos e controles de instalações e explicar como eles podem ser utilizados para garantir a qualidade e segurança dos sistemas de informação; i- dentificar maneiras de controlar o desempenho e segurança do uso da Internet pelas empresas e seus usuários finais e parceiros comerciais; identificar diversas questões éticas no modo como a Tecnologia da Informação afeta o emprego, individualidade, condições de trabalho, privacidade, crime, saúde e soluções para problemas sociais; propor diversas maneiras pelas quais os usuários finais gerenciais podem ajudar a atenuar os efeitos nocivos e aumentar os efeitos benéficos da Tecnologia da Informação.

12 Recursos Instrucionais: apresentação gráfica. 10 A apresentação gráfica é considerada um importante apoio à aprendizagem, auxiliando o professor não apenas quanto à visualização dos pontos em discussão, como também mantendo uma espinha dorsal da aula, o que faz com que o ensino seja desenvolvido de uma forma lógica. Foram organizados mais de cerca de 500 slides abordando todos os itens de todas as aulas. Eles não se restringem apenas às imagens dos livros adotados, mas também a outros temas pertinentes à aula, possibilitando um aprofundamento deles conforme outras visões. A seguir, alguns dos slides de cada aula. O conjunto completo de cada aula está encadernado à parte. Unidade 1: Introdução aos Sistemas e à Tecnologia de Informação nas Empresas. Os Estágios da Informatização nas Organizações e a Obtenção de Vantagens Competitivas com o Uso de TI. bits & bytes

13 Recursos Instrucionais: apresentação gráfica. 11 Unidade 2: As Bases Tecnológicas I. Introdução ao Hardware II. Introdução ao Software III. Introdução às Redes IV. Introdução ao Gerenciamento de Bancos de Dados

14 Recursos Instrucionais: apresentação gráfica. 12 Unidade 3 : Os Sistemas de Informação das Empresas Interconectadas Internet, Intranet, Extranet E-Negócios Sistemas colaborativos de informação. Unidade 4: As Organizações Decidindo com Conhecimento: Sistemas de Informação para Apoio à Decisão Gerencial Gestão do Conhecimento.

15 Recursos Instrucionais: apresentação gráfica. 13 Unidade 5: Operando as Organizações com Sistemas de Informação. ERP Enterprise Resources Planning CRM Customer Relationship Management Unidade 6: A Segurança e os Desafios Éticos da Tecnologia da Informação

16 Recursos Instrucionais: site 14 O site é um poderoso recurso não apenas como meio de comunicação, como também na função de exemplo de um importante recurso de sistema de informação. Para cada disciplina ministrada os recursos são disponíveis a partir de: A partir dessa homepage o aluno também tem acesso à agenda do professor, ao seu Curriculum Lattes e acesso a uma Linha Direta para envio de mensagens. Neste portfólio, estão exemplificadas apenas as telas de Administração de Sistemas de Informação.

17 Recursos Instrucionais: site. 15 A navegação é feita pelas seguintes áreas: Apresentação Quadro de avisos Programa Planejamento Biblioteca Links úteis Temas de seminário Linha direta Apresentação É apresentado um texto de boa vinda, com os princípios adotados pelo professor. Quadro de avisos Apesar de simples, é um poderoso recurso de informação, tanto para os que visitam o site com freqüência, quanto para os que recebem prévio anunciando novidades. Esse é enviado a partir de uma lista classificada por curso que comtém os endereços eletrônicos dos alunos. Além da agenda da próxima aula, são anunciados os textos que serão necessários para as aulas, com link para arquivos em formato pdf. Programa Nessa área, encontra-se a ementa, o conteúdo programático, os objetivos e os critérios de avaliação, em formato html. Planejamento O planejamento de cada aula é apresentado, dia-a-dia, inclusive as aulas de reposição e a jornada de administração.

18 Recursos Instrucionais: site. 16 Biblioteca No decorrer do curso é propiciada aos alunos a leitura de diversos textos relativos aos temas das unidades. Nesta área encontramse tanto textos acadêmicos, quanto textos retirados de revistas online, em formato pdf, com casos recentes e que são utilizados para discussão em grupo, seminários, etc. Ver Recursos instrucionais: textos. Também estão da biblioteca as miniaturas de apresentação de cada aula em seis possibilidades: dois; três e seis miniaturas por página em cores e em branco e preto, para que os alunos possam escolher a forma que melhor atendo as suas necessidades. Links úteis A partir desta página o aluno pode navegar pelos links interessantes para a sua formação profissional, e particularmente indicados para o seminário: Bibliotecas: possibilita acessar as principais bibliotecas universitárias do Brasil. Fontes de informação: fornece acesso às principais publicações online disponíves. Produtores de software: acesso aos principais produtores de sistemas ERP e CRM disponíveis no Brasil. Temas de seminário Ao final do curso os alunos apresentam um seminário cujos temas estão sugeridos nesta página. Ver: Avaliação dos resultados. Linha direta Esta página é destinada ao envio de ao professor. Nela o aluno poderá descrever a sua dúvida, enviar sugestões, fazer reclamações, etc. Após o envio o sistema emite um recibo para que, se necessário, o aluno possa comprová-lo.

19 Recursos Instrucionais: textos 17 Pela metodologia adotada, especial importância é dada à leitura de textos tanto acadêmicos, de diversos pesquisadores, quanto os obtidos em revistas de qualidade, como Exame, HSM Management e InfoExame, além de capítulos de livros. De autoria do professor, estão disponíveis diversos papers escritos pelo professor e um Glossário de Sistemas de Informação, com mais de 1500 definições.

20 Avaliação dos resultados 18 Além das obrigatórias provas bimensais, sempre descritivas, diversas avaliações ocorrem no decorrer das aulas. Já no dia em que o professor se apresenta, os alunos fazem uma pré-avaliação cujas questões são repetidas ao final do curso em forma de pós-avaliação. Com isso pode-se avaliar o seu crescimento do conhecimento. Além disso, a cada unidade ministrada, há a leitura obrigatória de um ou mais textos que são discutidos em grupo e geram um relatório em forma de análise crítica. Outros trabalhos em grupo são: o estudo matricial e o seminário. No estudo matricial, a classe é dividida em grupos dispostos em forma de matriz. Inicialmente todos os participantes de cada grupo formado estudam um único texto, que é diferente para cada grupo, quando depois os grupos são reformulados tendo como participantes um componente de cada um dos grupos anteriores, o que significa que cada participante leu um texto diferente do outro. Esse novo grupo discute algumas perguntas formuladas anteriormente e as respondem para avaliação. No seminário, na primeira semana de aulas são sorteados diversos temas que deverão ser desenvolvidos pelos alunos para serem apresentados na última semana de aulas antes da última avaliação.

21 Referências bibliográficas Básica: O'BRIEN, J.A. Sistemas de Informação e as Decisões Gerenciais na Era da Internet. São Paulo: Editora Saraiva, 2000 Sistemas de Informação e as Decisões Gerenciais na Era da Internet. São Paulo: Saraiva, 2ed, 2004 LAUDON, J. P. e LAUDON K. C. Gerenciamento de sistemas de informação. Rio de Janeiro: LTC, e Sistemas de Informação Gerenciais. 5ed. São Paulo: Pearson, 2004, TURBAN, E.; RAINER JR., R. K. e POTTER, R. E. Administração de Tecnologia de Informação. Teoria e prática. Rio de Janeiro: Campus, 2003 ; MCLEAN, E.; WETHERBE, J. Tecnologia de Informação para gestão. Transformando os Negócios na Economia Digital. 3.ed. Porto Alegre: Bookman, Complementar ALBERTIN, A.L. Administração de Informática Funções e Fatores Críticos de Sucesso. São Paulo: Atlas, 2002 COLÂNGELO Filho, L. - Implantação de Sistemas ERP.- Um Enfoque de Longo Prazo. São Paulo: Atlas, 2001 CORRÊA, H.; GIANESI. I.; CAON, M. - Planejamento, Programação e Controle de Produção. MRPII/ERP Conceitos, Uso e Implantação. São Paulo: Atlas, 1997 Davenport, T. e PRUSAK, L. - Conhecimento Empresarial. Rio de Janeiro: Campus, 1999 GRAEML, A.R. - Sistemas de Informação O Alinhamento da Estratégia de TI com a Estratégia Corporativa. São Paulo: Atlas, 2000 LAURINDO, F.J.B., Tecnologia da Informação Eficácia nas Organizações. São Paulo: Futura, 2002 McGOWAN, W. et al. - Revolução em Tempo Real. Rio de Janeiro: Campus, 1997 NORTON, P. Introdução à Informática. São Paulo: Makron Books, 1997 POLLONI, E.G.F. Administrando Sistemas de Informação. São Paulo: Futura, 2001 PRESSMANN, R. S. Engenharia de software. Trad. J.C.B. Santos. Rev. P.C. Masiero et. al. São Paulo: Makron Books, RESENDE, D.A. Tecnologia da Informação Integrada à Inteligência Empresarial. São Paulo: Atlas, 2002 Planejamento de Sistemas de Informação e Informática. São Paulo: Atlas, 2003 e ABREU, A.F. Tecnologia da Informação Aplicada a Sistemas de Informação Empresariais. São Paulo: Atlas, 3ed, 2003

22 Referências bibliográficas 20 ROSINI, A.M. e PALMISANO, A. - Administração de Sistema de Informação. São Paulo: Thomson, 2003 STAIR, R. M. e REYNOLDS, G. W. Sistemas de informação. Uma abordagem gerencial. 4ed. Rio de Janeiro: LTC, 2002 WALTON, R. - Tecnologia da Informação O uso de TI pelas empresas que obtêm vantagem competitiva. São Paulo: Atlas, 1998.

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ADMINISTRAÇÃO LINHA DE FORMAÇÃO ESPECÍFICA EM COMÉRCIO INTERNACIONAL ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Carga horária semanal Etapa 4 5 OBJETIVO Realizar escolhas sobre a adoção de tecnologias e sistema

Leia mais

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO - UNIVERSITAS

FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO - UNIVERSITAS Curso de Administração Autorizado pela Portaria nº 2573, de 04 de dezembro de 2001. FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO - UNIVERSITAS CURSO: ADMINISTRAÇÃO PLANO SEMESTRAL DE ENSINO - 2009 Disciplina: Adm. de Sist.

Leia mais

Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PLANO DE CURSO

Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PLANO DE CURSO C U R S O D E E N G E N H A R I A D E P R O D U Ç Ã O Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10 Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Código: ENGP -

Leia mais

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 PLANO DE CURSO

CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 PLANO DE CURSO CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Autorizado pela Portaria nº 1.399 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Código: ADM - 251 Pré-requisito: ------- Período Letivo:

Leia mais

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010

PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 PLANO DE ENSINO PROJETO PEDAGÓCIO: 2010 Curso: Administração Disciplina: Administração de Sistemas de Informação Carga Horária Semestral: 80 Semestre do Curso: 6 1 - Ementa (sumário, resumo) Sistemas de

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação

Estratégias em Tecnologia da Informação Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 6 Sistemas de Informações Estratégicas Sistemas integrados e sistemas legados Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados Material de apoio 2 Esclarecimentos

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 09 Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina

Leia mais

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ

CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ PLANO DE ENSINO - 2º SEMESTRE 2011 Disciplina ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS Professor MSC. ADOLFO FRANCESCO DE OLIVEIRA COLARES Carga Horária Semanal Curso ADMINISTRAÇÃO Carga Horária

Leia mais

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web

Estratégias em Tecnologia da Informação. Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Estratégias em Tecnologia da Informação Capítulo 11 Posição e Vantagem Competitiva Aplicações integradas Aplicações Web Material de apoio 2 Esclarecimentos Esse material é de apoio para as aulas da disciplina

Leia mais

Profº.: Daniel Gondim. Relatórios Gerenciais e Sistemas Web

Profº.: Daniel Gondim. Relatórios Gerenciais e Sistemas Web Profº.: Daniel Gondim Relatórios Gerenciais e Sistemas Web Roteiro Relatórios Gerenciais Relatórios Programados; Relatórios de Exceção; Relatórios de Solicitação; Sistemas de Informações Web Definições

Leia mais

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação

Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação INSTITUTO VIANNA JÚNIOR LTDA FACULDADES INTEGRADAS VIANNA JÚNIOR Planejamento Estratégico de Tecnologia da Informação Lúcia Helena de Magalhães 1 Teresinha Moreira de Magalhães 2 RESUMO Este artigo traz

Leia mais

Fundamentos do Sistema de Informação nas Empresas. Objetivos do Capítulo

Fundamentos do Sistema de Informação nas Empresas. Objetivos do Capítulo Objetivos do Capítulo Explicar por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para os profissionais das empresas e identificar as cinco áreas dos sistemas de informação que esses profissionais

Leia mais

MAPA DE PROBLEMAS Administração de Sistemas de Informações Profa.MS.c. Cláudia Brazil Marques

MAPA DE PROBLEMAS Administração de Sistemas de Informações Profa.MS.c. Cláudia Brazil Marques MAPA DE PROBLEMAS Administração de Sistemas de Informações Profa.MS.c. Cláudia Brazil Marques Nr. DESCRIÇÃO DO PROBLEMA CONHECIMENTOS COMPE TÊNCIAS PERFIS AULA 1 Qual o comportamento da organização como

Leia mais

PLANO DE ENSINO. I. Dados Identificadores. ADMINISTRAÇÃO Disciplina Gestão da Informação Código Semestre 7º Carga Horária Semestral: 80 Semanal: 4

PLANO DE ENSINO. I. Dados Identificadores. ADMINISTRAÇÃO Disciplina Gestão da Informação Código Semestre 7º Carga Horária Semestral: 80 Semanal: 4 PLANO DE ENSINO I. Dados Identificadores Curso ADMINISTRAÇÃO Disciplina Gestão da Informação Código Semestre 7º Carga Horária Semestral: 80 Semanal: 4 II. Objetivos Objetivo Geral: Preparar o futuro profissional

Leia mais

Apresentação da disciplina e proposta didática Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza

Apresentação da disciplina e proposta didática Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza Apresentação da disciplina e proposta didática Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza Este documento está sujeito a copyright. Todos os direitos estão reservados para o todo ou quaisquer partes do documento, em

Leia mais

PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012

PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012 PLANO DE ENSINO DO 2º SEMESTRE LETIVO DE 2012 Curso: TECNOLOGIA EM GESTÃO COMERCIAL Habilitação: TECNÓLOGO Disciplina: NEGÓCIOS INTELIGENTES (BUSINESS INTELLIGENCE) Período: M V N 4º semestre do Curso

Leia mais

PROGRAMA DIÁRIO DE AULA CURSO: ADMINISTRAÇÃO

PROGRAMA DIÁRIO DE AULA CURSO: ADMINISTRAÇÃO Objetivo: Ao final do curso o aluno deverá ser capaz de: A terminologia usual de informática; Identificar os elementos que constituem um Sistema de Informação; e as implicações do uso das redes, e seus

Leia mais

Conceitos de Sistemas de Informação

Conceitos de Sistemas de Informação Conceitos de Sistemas de Informação Prof. Miguel Damasco AEDB 1 Objetivos da Unidade 1 Explicar por que o conhecimento dos sistemas de informação é importante para os profissionais das empresas e identificar

Leia mais

Objetivos. Universo. Transformação. Administração 10/10/2012. Entender as definições de e-business e e- commerce;

Objetivos. Universo. Transformação. Administração 10/10/2012. Entender as definições de e-business e e- commerce; Objetivos Administração Profª Natacha Pouget Módulo: Gestão de Inovação e Ativos Intangíveis Tema da Aula: E-Business e Tecnologia da Informação I Entender as definições de e-business e e- commerce; Conhecer

Leia mais

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo

Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE. Prof. Luís Rodolfo Unidade III PRINCÍPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Prof. Luís Rodolfo Vantagens e desvantagens de uma rede para a organização Maior agilidade com o uso intenso de redes de computadores; Grandes interações

Leia mais

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES

NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES NOTAS DE AULA - TELECOMUNICAÇÕES 1. Conectando a Empresa à Rede As empresas estão se tornando empresas conectadas em redes. A Internet e as redes de tipo Internet dentro da empresa (intranets), entre uma

Leia mais

Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10. Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PLANO DE CURSO

Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10. Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO PLANO DE CURSO C U R S O D E E N G E N H A R I A D E P R O D U Ç Ã O Autorizado pela Portaria nº 1.150 de 25/08/10 DOU Nº 165 de 27/08/10 Componente Curricular: ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Código: ENGP-580

Leia mais

PLANO DE TREINAMENTO

PLANO DE TREINAMENTO DIRETORIA DE GESTÃO DE PESSOAS COORDENADORIA DE DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS Curso: Curso de Desenvolvimento de Servidores PLANO DE TREINAMENTO Treinamento: Controle de Sistemas de Informação Módulo II Método

Leia mais

Sistemas de Informação. O uso de sistemas de informações como ferramentas de gestão

Sistemas de Informação. O uso de sistemas de informações como ferramentas de gestão Sistemas de Informação O uso de sistemas de informações como ferramentas de gestão Objetivos Impactos na gestão das empresas: Macro mudanças no ambiente Novas tecnologias de comunicação e informática Macro

Leia mais

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01

CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS Autorizado pela Portaria no 1.393 de 04/07/01 DOU de 09/07/01 Componente Curricular: Administração de Sistemas de Informação Código: CTB-252 Pré-requisito: ------- Período Letivo:

Leia mais

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. Sistema de Informação de Marketing: ferramenta de construção da vantagem competitiva em organizações 03/09/2008

Núcleo de Pós Graduação Pitágoras. Sistema de Informação de Marketing: ferramenta de construção da vantagem competitiva em organizações 03/09/2008 Núcleo de Pós Graduação Pitágoras Professor: Fernando Zaidan Disciplina: Arquitetura da Informática e Automação MBA Gestão em Tecnologia da Informaçao Sistema de Informação de Marketing: ferramenta de

Leia mais

Os novos usos da tecnologia da informação na empresa

Os novos usos da tecnologia da informação na empresa Os novos usos da tecnologia da informação na empresa Internet promoveu: Transformação Novos padrões de funcionamento Novas formas de comercialização. O maior exemplo desta transformação é o E- Business

Leia mais

Sistemas de Informações e o Uso comercial

Sistemas de Informações e o Uso comercial ADMINISTRAÇÃO DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - ASI Elabora por Prof.Mestra Rosimeire Ayres Conectan a Empresa à Rede Intranet Internet Extranet B2B B2C B2E C2C As empresas estão se tornan empresas conectadas

Leia mais

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO CONHECENDO E CONCEITUANDO SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Franco Vieira Sampaio 1 Atualmente a informática está cada vez mais inserida no dia a dia das empresas, porém, no início armazenavam-se os dados em folhas,

Leia mais

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM CURSO: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM CURSO: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: Sistemas de Informação C.H. Teórica: 20 PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM CURSO: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Período Letivo: Série: Periodo: Semestre de 2 sem/2012 4ª Série

Leia mais

www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br

www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br Outras Apostilas em: www.projetode redes.co m.br www.redesde com p uta dores. com. br Centro Universitário Geraldo di Biase 1. Enterprise Resouce Planning ERP O ERP, Sistema de Planejamento de Recursos

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Capítulo 7: Sistemas de Informação Colaborativos 7-1 Sistemas de Informação e as decisões gerenciais na era da Internet James A. O'Brien Saraiva S/A Livreiros Editores, 2001 Editora Saraiva The McGraw-Hill

Leia mais

Fundamentos do Comércio Eletrônico

Fundamentos do Comércio Eletrônico Administração e Finanças Uniban Notas de Aula Comércio (e-commerce) Prof. Amorim Fundamentos do Comércio Comércio Mais do que a mera compra e venda de produtos on-line. Engloba o processo on-line inteiro:

Leia mais

Público Alvo: Investimento: Disciplinas:

Público Alvo: Investimento: Disciplinas: A Universidade Católica Dom Bosco - UCDB com mais de 50 anos de existência, é uma referência em educação salesiana no país, sendo reconhecida como a melhor universidade particular do Centro-Oeste (IGC/MEC).

Leia mais

Apresentação da disciplina e proposta didática Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza

Apresentação da disciplina e proposta didática Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza Apresentação da disciplina e proposta didática Prof. MSc Hugo Vieira L. Souza Este documento está sujeito a copyright. Todos os direitos estão reservados para o todo ou quaisquer partes do documento, em

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 2009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação ( X ) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Disciplina Professor

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Pós-graduação

MANUAL DO CANDIDATO. Pós-graduação MANUAL DO CANDIDATO Pós-graduação Prezado(a) Candidato(a), Agradecemos o interesse pelos nossos cursos. Este manual contém informações básicas pertinentes ao curso, tais como: objetivos do curso e das

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, ORGANIZAÇÕES, ADMINISTRAÇÃO E ESTRATÉGIA

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, ORGANIZAÇÕES, ADMINISTRAÇÃO E ESTRATÉGIA Laudon & Laudon Essentials of MIS, 5th Edition. Pg. 3.1 SISTEMAS DE INFORMAÇÃO, ORGANIZAÇÕES, ADMINISTRAÇÃO E ESTRATÉGIA 3.1 2003 by Prentice Hall 3 ão, Organizações ões, Administração e Estratégia OBJETIVOS

Leia mais

Sistemas de Informação Empresarial. Gerencial

Sistemas de Informação Empresarial. Gerencial Sistemas de Informação Empresarial SIG Sistemas de Informação Gerencial Visão Integrada do Papel dos SI s na Empresa [ Problema Organizacional ] [ Nível Organizacional ] Estratégico SAD Gerência sênior

Leia mais

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 02 ASSUNTO DA APOSTILA: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN CAPÍTULO 01 continuação Páginas 03 à 25 1 COMPONENTES DE UM SISTEMA DE INFORMAÇÃO Especialistas

Leia mais

O que é comércio eletrônico?

O que é comércio eletrônico? COMÉRCIO ELETRÔNICO O que é comércio eletrônico? O comércio eletrônico ou e-commerce é a compra e venda de mercadorias ou serviços por meio da Internet, onde as chamadas Lojas Virtuais oferecem seus produtos

Leia mais

Plano de Ensino TURMA: 1 /2013 EMENTA

Plano de Ensino TURMA: 1 /2013 EMENTA Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CURSO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado

Leia mais

Sistemas de Informação Gerenciais Primeira Aula

Sistemas de Informação Gerenciais Primeira Aula Faculdade Pitágoras de Uberlândia Pós-graduação Sistemas de Informação Gerenciais Primeira Aula Prof. Me. Walteno Martins Parreira Júnior www.waltenomartins.com.br Maio -2013 Bibliografia básica LAUDON,

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS

SISTEMAS DE NEGÓCIOS. a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS a) SISTEMAS DE APOIO EMPRESARIAIS 1. COLABORAÇÃO NAS EMPRESAS Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar a colaborar, comunicando idéias, compartilhando

Leia mais

PLANO DE ENSINO 2009

PLANO DE ENSINO 2009 PLANO DE ENSINO 009 Fundamental I ( ) Fundamental II ( ) Médio ( ) Médio Profissionalizante ( ) Profissionalizante ( ) Graduação (X) Pós-graduação ( ) I. Dados Identificadores Curso Administração de Empresas

Leia mais

72h/a Teórica Prática Total Teórica Prática Total. 2h/a 2h/a 4h/a 36h/a 36h/a 72h/a 4

72h/a Teórica Prática Total Teórica Prática Total. 2h/a 2h/a 4h/a 36h/a 36h/a 72h/a 4 CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO AMAPÁ Disciplina Negócios e Comércio Eletrônico Curso Administração Professor (a) Msc. Adolfo F. de O. Colares Carga Horária Semanal Carga Horária Semestral 4h/a 72h/a Teórica

Leia mais

Unidade: Sistemas Integrados. Unidade I:

Unidade: Sistemas Integrados. Unidade I: Unidade: Sistemas Integrados Unidade I: 0 Unidade: Sistemas Integrados De Sistemas Funcionais a Sistemas Integrados Segundo Turban, Rainer Jr., Potter (2005, p. 302), a tecnologia de sistemas de informação

Leia mais

EMENTA / PROGRAMA DE DISCIPLINA. ANO / SEMESTRE LETIVO Administração 2015.2. Informática Aplicada à Administração ADM 044. 68h 1º

EMENTA / PROGRAMA DE DISCIPLINA. ANO / SEMESTRE LETIVO Administração 2015.2. Informática Aplicada à Administração ADM 044. 68h 1º Faculdade Anísio Teixeira de Feira de Santana Autorizada pela Portaria Ministerial nº 552 de 22 de março de 2001 e publicada no Diário Oficial da União de 26 de março de 2001. Endereço: Rua Juracy Magalhães,

Leia mais

Faculdades Integradas Teresa D Ávila

Faculdades Integradas Teresa D Ávila Faculdades Integradas Teresa D Ávila CURSO DE ADMINISTRAÇÃO Reconhecido pela Portaria Ministerial nº. 4.571 de 28/12/05 e publicado no DOU em 29/12/05. Componente Curricular: Administração de Sistemas

Leia mais

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL

SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1 SISTEMAS DE NEGÓCIOS B) INFORMAÇÃO GERENCIAL 1. SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL (SIG) Conjunto integrado de pessoas, procedimentos, banco de dados e dispositivos que suprem os gerentes e os tomadores

Leia mais

Sistema. Atividades. Sistema de informações. Tipos de sistemas de informação. Everson Santos Araujo everson@everson.com.br

Sistema. Atividades. Sistema de informações. Tipos de sistemas de informação. Everson Santos Araujo everson@everson.com.br Sistema Tipos de sistemas de informação Everson Santos Araujo everson@everson.com.br Um sistema pode ser definido como um complexo de elementos em interação (Ludwig Von Bertalanffy) sistema é um conjunto

Leia mais

Universidade Federal de Goiás Instituto de Informática Sistemas de Informação Código da Matriz Curricular: 109P1NB

Universidade Federal de Goiás Instituto de Informática Sistemas de Informação Código da Matriz Curricular: 109P1NB Universidade Federal de Goiás Instituto de Informática Sistemas de Informação Código da Matriz Curricular: 109P1NB Plano de Disciplina Ano Letivo: 2013-2 º Semestre Dados da Disciplina Código Disc. Nome

Leia mais

GESTÃO EMPRESARIAL E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

GESTÃO EMPRESARIAL E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO GESTÃO EMPRESARIAL E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO * César Raeder Este artigo é uma revisão de literatura que aborda questões relativas ao papel do administrador frente à tecnologia da informação (TI) e sua

Leia mais

MBA em Gestão Estratégica e Marketing Digital Objetivo do curso:

MBA em Gestão Estratégica e Marketing Digital Objetivo do curso: Com carga horária de 420 horas o curso MBA em Gestão Estratégica e Marketing Digital é desenvolvido em sistema modular, com 01 encontro por bimestre (total de encontros no curso: 04) para avaliação nos

Leia mais

Administração de Sistemas. E-mail: fdenis_natal@yahoo.com.br MSN: fdenis_natal@hotmail.com

Administração de Sistemas. E-mail: fdenis_natal@yahoo.com.br MSN: fdenis_natal@hotmail.com Administração de Sistemas de Informação PROF. FELIPE DENIS M. DE OLIVEIRA E-mail: fdenis_natal@yahoo.com.br MSN: fdenis_natal@hotmail.com Facebook: Felipe Oliveira OBSERVAÇÕES IMPORTANTES Freqüência: Mínimo

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI SISTEMAS DE INFORMAÇÃO - SI Elaborado e adaptado por: Prof.Mestra Rosimeire Ayres Sistemas Colaborativos Empresariais (ECS) Os sistemas colaborativos nas empresas nos oferecem ferramentas para nos ajudar

Leia mais

E-Business global e colaboração

E-Business global e colaboração E-Business global e colaboração slide 1 2011 Pearson Prentice Hall. Todos os direitos reservados. 2.1 Copyright 2011 Pearson Education, Inc. publishing as Prentice Hall Objetivos de estudo Quais as principais

Leia mais

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser:

Dados x Informações. Os Sistemas de Informação podem ser: CONCEITOS INICIAIS O tratamento da informação precisa ser visto como um recurso da empresa. Deve ser planejado, administrado e controlado de forma eficaz, desenvolvendo aplicações com base nos processos,

Leia mais

Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010. Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999

Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010. Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999 FSI capítulo 2 Referências bibliográficas: Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informações gerencias, editora Pearson, 2010 Laudon K., Laudon J., Sistemas de Informação, editora LTC, 1999 Porter M., Competitive

Leia mais

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO

FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO @ribeirord FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO Rafael D. Ribeiro, M.Sc,PMP. rafaeldiasribeiro@gmail.com http://www.rafaeldiasribeiro.com.br Sistemas de Informação Sistemas de Apoio às Operações Sistemas

Leia mais

Atividade Capitulo 6 - GABARITO

Atividade Capitulo 6 - GABARITO Atividade Capitulo 6 - GABARITO 1. A Internet é uma força motriz subjacente aos progressos em telecomunicações, redes e outras tecnologias da informação. Você concorda ou discorda? Por quê? Por todos os

Leia mais

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM CURSO: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas

PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM CURSO: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Disciplina: Teoria Geral de Sistemas C.H. Teórica: 60 PLANO DE ENSINO E APRENDIZAGEM CURSO: Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas Período Letivo: Série: Periodo: Semestre de 1 sem/2012 2ª

Leia mais

Sistemas de Informação James A. O Brien Editora Saraiva Capítulo 5

Sistemas de Informação James A. O Brien Editora Saraiva Capítulo 5 Para entender bancos de dados, é útil ter em mente que os elementos de dados que os compõem são divididos em níveis hierárquicos. Esses elementos de dados lógicos constituem os conceitos de dados básicos

Leia mais

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1

Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundamentos de Sistemas de Informações: Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Estudantes na Escola de Administração da FGV utilizam seu laboratório de informática, onde os microcomputadores estão em rede

Leia mais

Por que estudar sistemas de informação?

Por que estudar sistemas de informação? Por que estudar sistemas de informação? Por que estudar sistemas de informação? Isto é o mesmo que perguntar por que alguém deve estudar contabilidade, finanças, as, marketing, RH ou qualquer outra grande

Leia mais

MBA Gestão de Negócios FIA-ROTARY Turmas Março 2016

MBA Gestão de Negócios FIA-ROTARY Turmas Março 2016 A Fundação de Rotarianos de São Caetano do Sul - ROTARY Colégio Eduardo Gomes objetivando o desenvolvimento profissional de seus associados e seus familiares estabeleceu parceria educacional com a Fundação

Leia mais

A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A EMPRESA CONTEMPORÂNEA 1 Wailton Fernando Pereira da Silva 2 e-mail: wailton@ubbi.com.br

A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A EMPRESA CONTEMPORÂNEA 1 Wailton Fernando Pereira da Silva 2 e-mail: wailton@ubbi.com.br A TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E A EMPRESA CONTEMPORÂNEA 1 Wailton Fernando Pereira da Silva 2 e-mail: wailton@ubbi.com.br 1. Introdução O advento dos microprocessadores disseminou a informática a tal ponto

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL. Introdução. Prof. Cássio Marques

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL. Introdução. Prof. Cássio Marques SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAL Introdução 2015 OBJETIVOS GERAIS Levar o aluno ao conhecimento dos termos técnicos próprios da tecnologia da informação bem como os principais tipos de hardwares e softwares

Leia mais

Objectivos de aprendizagem

Objectivos de aprendizagem Capítulo 6 1 Telecomunicações e redes 2 Objectivos de aprendizagem ƒ Identificar as principais tendências e os grandes desenvolvimentos nas empresas, nas tecnologias e nas aplicações de negócio, das telecomunicações

Leia mais

Introdução aos Sistemas de Informação. Departamento de Engenharia Rural Centro de Ciências Agrárias - UFES Bruno Vilela Oliveira bruno@cca.ufes.

Introdução aos Sistemas de Informação. Departamento de Engenharia Rural Centro de Ciências Agrárias - UFES Bruno Vilela Oliveira bruno@cca.ufes. Introdução aos Sistemas de Informação Departamento de Engenharia Rural Centro de Ciências Agrárias - UFES Bruno Vilela Oliveira bruno@cca.ufes.br Nesta aula Apresentação da disciplina Avaliação Recursos

Leia mais

Informática como Ferramenta de Gestão. Humberto S Sartini http://web.onda.com.br/humberto

Informática como Ferramenta de Gestão. Humberto S Sartini http://web.onda.com.br/humberto Informática como Ferramenta de Gestão Humberto S Sartini http://web.onda.com.br/humberto Palestrante Humberto Sartini Analista de Segurança do Provedor Onda S/A Participante dos projetos: Rau-Tu Linux

Leia mais

Interact Solutions Apresentação do SA-Performance Manager. Por: Anderson Pereira Diretor de Negócios Unidade Excellence

Interact Solutions Apresentação do SA-Performance Manager. Por: Anderson Pereira Diretor de Negócios Unidade Excellence Interact Solutions Apresentação do SA-Performance Manager Por: Anderson Pereira Diretor de Negócios Unidade Excellence Interact Group Fundação: agosto / 1999 80 Colaboradores diretos 85 Colaboradores nas

Leia mais

Visão Geral dos Sistemas de Informação

Visão Geral dos Sistemas de Informação Visão Geral dos Sistemas de Informação Existem muitos tipos de sistemas de informação no mundo real. Todos eles utilizam recursos de hardware, software, rede e pessoas para transformar os recursos de dados

Leia mais

PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS

PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS PÓS-GRADUAÇÃO PROJETOS DIGITAIS Coordenadora: Pedro Segreto 06/04/2015 > 09/2016 400 horas Idioma: Português Aulas: Segundas e quartas das 19h30 às 22h30 PÚBLICO-ALVO Profissionais e pesquisadores das

Leia mais

MANUAL DO CANDIDATO. Pós-graduação

MANUAL DO CANDIDATO. Pós-graduação MANUAL DO CANDIDATO Pós-graduação Prezado(a) Candidato(a), Agradecemos o interesse pelos nossos cursos. Este manual contém informações básicas pertinentes ao curso, tais como: objetivos do curso e das

Leia mais

Gerenciamento de Dados e Gestão do Conhecimento

Gerenciamento de Dados e Gestão do Conhecimento ELC1075 Introdução a Sistemas de Informação Gerenciamento de Dados e Gestão do Conhecimento Raul Ceretta Nunes CSI/UFSM Introdução Gerenciando dados A abordagem de banco de dados Sistemas de gerenciamento

Leia mais

Sistemas de Informação

Sistemas de Informação Sistemas de Informação Informação no contexto administrativo Graduação em Redes de Computadores Prof. Rodrigo W. Fonseca SENAC FACULDADEDETECNOLOGIA PELOTAS >SistemasdeInformação SENAC FACULDADEDETECNOLOGIA

Leia mais

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI. Resposta do Exercício 1

Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI. Resposta do Exercício 1 Respostas da Lista de Exercícios do Módulo 1: Fundamentos dos SI Resposta do Exercício 1 Fundação Getúlio Vargas Leia o texto e responda o seguinte: a) identifique os recursos de: Hardware: microcomputadores,

Leia mais

Sociedade e Tecnologia

Sociedade e Tecnologia Unidade de Aprendizagem 15 Empresas em Rede Ao final desta aula você será capaz de inovações influenciam na competitividade das organizações, assim como compreender o papel da Inteligência Competitiva

Leia mais

Capítulo 13: Tecnologia da Informação. Prof.: Roberto Franciscatto

Capítulo 13: Tecnologia da Informação. Prof.: Roberto Franciscatto Capítulo 13: Tecnologia da Informação Prof.: Roberto Franciscatto Introdução Uma informação é um arranjo de dados (nomes, palavras, números, sons, imagens) capazes de dar forma ou sentido a algo do interesse

Leia mais

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 1º Semestre. Karlise Soares Nascimento

Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO. SEMESTRE ou ANO DA TURMA: 1º Semestre. Karlise Soares Nascimento Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO EIXO TECNOLÓGICO: INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO CURSO: SUPERIOR EM TECNOLOGIA EM SISTEMAS PARA INTERNET FORMA/GRAU:( ) integrado ( ) subsequente ( ) concomitante ( ) bacharelado

Leia mais

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani

Planejamento Estratégico de TI. Prof.: Fernando Ascani Planejamento Estratégico de TI Prof.: Fernando Ascani Ementa Conceitos básicos de informática; evolução do uso da TI e sua influência na administração; benefícios; negócios na era digital; administração

Leia mais

Tema 1. Sistemas de Informação: Estratégia, Desafios e Oportunidades

Tema 1. Sistemas de Informação: Estratégia, Desafios e Oportunidades Conceito de planejamento estratégico O conceito de planejamento estratégico está associado à dinâmica que a empresa espera imprimir em suas operações frente ao mercado. Para tanto, procura organizar-se

Leia mais

131 Gestão da Informação

131 Gestão da Informação UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ Pró-Reitoria de Graduação e Educação Profissional Coordenação de Políticas de Acesso e Permanência Unidade de Ocupação de Vagas Remanescentes PROCESSO DE OCUPAÇÃO DE VAGAS

Leia mais

INFORMAÇÃO E VANTAGEM COMPETITIVA EM ORGANIZAÇÃO DE MÓVEIS E ELETROS

INFORMAÇÃO E VANTAGEM COMPETITIVA EM ORGANIZAÇÃO DE MÓVEIS E ELETROS INFORMAÇÃO E VANTAGEM COMPETITIVA EM ORGANIZAÇÃO DE MÓVEIS E ELETROS Elane de Oliveira, UFRN 1 Max Leandro de Araújo Brito, UFRN 2 Marcela Figueira de Saboya Dantas, UFRN 3 Anatália Saraiva Martins Ramos,

Leia mais

Figura 1 - Processo de transformação de dados em informação. Fonte: (STAIR e REYNOLDS, 2008, p. 6, adaptado).

Figura 1 - Processo de transformação de dados em informação. Fonte: (STAIR e REYNOLDS, 2008, p. 6, adaptado). Tecnologia da Informação (TI) A tecnologia é o meio, o modo pelo qual os dados são transformados e organizados para a sua utilização (LAUDON; LAUDON, 1999). Os dados podem ser considerados como fatos básicos,

Leia mais

Disciplina: Gestão Estratégica de TI Profº: João Carlos da Silva Junior

Disciplina: Gestão Estratégica de TI Profº: João Carlos da Silva Junior Disciplina: Gestão Estratégica de TI Profº: João Carlos da Silva Junior Conceitos Por que eu preciso deste curso? Não sou de TI Sou de TI conteúdo utilizado exclusivamente para fins didáticos 2 Não sou

Leia mais

I. DO PROCESSO SELETIVO 1.1. O processo seletivo docente será composto de três etapas: homologação da inscrição, prova didática e entrevista.

I. DO PROCESSO SELETIVO 1.1. O processo seletivo docente será composto de três etapas: homologação da inscrição, prova didática e entrevista. Rua do Salete, 50, Barris - Salvador - Bahia. Tel: (71) 2108-8562 / 2108-8503 home page: www.cairu.br - E-mail: presidencia@fvc.br E D I T A L A FVC - Fundação Visconde de Cairu, informa a abertura das

Leia mais

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Pólo de Viseu Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social

UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Pólo de Viseu Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social UNIVERSIDADE CATÓLICA PORTUGUESA Centro Regional das Beiras Pólo de Viseu Instituto Universitário de Desenvolvimento e Promoção Social DISCIPLINA Controlo Informático da Gestão LICENCIATURA Informática

Leia mais

MBA em Gestão Estratégica da Informação.

MBA em Gestão Estratégica da Informação. MBA em Gestão Estratégica da Informação. Apresentação O MBA em Gestão Estratégica da Informação (MBA-GEI), denominado anteriormente de Curso de Especialização em Gerência Estratégica da Informação (GEI),

Leia mais

Implementação Estratégica da TI com foco nos Negócios

Implementação Estratégica da TI com foco nos Negócios Implementação Estratégica da TI com foco nos Negócios Projeto para a disciplina Sistemas de Informação Gerencial Curso: MBA em Gestão e Negócios UNIMEP Elaborada por: Profº. Ms Flávio Ibelli Callegari

Leia mais

Plano de Ensino PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO EMENTA

Plano de Ensino PLANO DE ENSINO IDENTIFICAÇÃO EMENTA EIXO TECNOLÓGICO: Gestão e Negócios CURSO: Bacharelado em Administração MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO Plano de Ensino IDENTIFICAÇÃO FORMA/GRAU:( )integrado ( )subsequente ( ) concomitante ( x ) bacharelado (

Leia mais

DCC133 Introdução à Sistemas de Informação. E-business global e colaboração

DCC133 Introdução à Sistemas de Informação. E-business global e colaboração Curso de Bacharelado em Sistemas de Informação DCC133 Introdução à Sistemas de Informação TÓPICO 2 E-business global e colaboração Prof. Tarcísio de Souza Lima OBJETIVOS DE ESTUDO Identificar e descrever

Leia mais

ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET

ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET AULA 05 ASSUNTO DO MATERIAL DIDÁTICO: SISTEMAS DE INFORMAÇÃO E AS DECISÕES GERENCIAIS NA ERA DA INTERNET JAMES A. O BRIEN MÓDULO 01 Páginas 26 à 30 1 AULA 05 DESAFIOS GERENCIAIS DA TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO

Leia mais

Sheyla Mara Coraiola Curriculum Vitae

Sheyla Mara Coraiola Curriculum Vitae Sheyla Mara Coraiola Curriculum Vitae Julho/2015 Sheyla Mara Coraiola Curriculum Vitae Dados pessoais Nome Sheyla Mara Coraiola Nome em citações bibliográficas CORAIOLA, S. M. Sexo Feminino Cor ou Raça

Leia mais

Dados Pessoais. Resende/RJ - Fone/Fax: (024) 3383-9000. Formação Acadêmica

Dados Pessoais. Resende/RJ - Fone/Fax: (024) 3383-9000. Formação Acadêmica C U R R I C U L U M V I T A E Dados Pessoais Nome: E-mail: Site: Currículo Lattes: End. profissional: Miguel Carlos Damasco dos Santos contato@profdamasco.site.br.com http://www.profdamasco.site.br.com

Leia mais

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS SISTEMAS DE INFORMAÇÃO GERENCIAIS O PODER DA INFORMAÇÃO Tem PODER quem toma DECISÃO Toma DECISÃO correta quem tem SABEDORIA Tem SABEDORIA quem usa CONHECIMENTO Tem CONHECIMENTO quem possui INFORMAÇÃO (Sem

Leia mais

MBA em Marketing Estratégico

MBA em Marketing Estratégico MBA em Marketing Estratégico Início em 28 de setembro de 2015 Aulas as segundas e quartas, das 19h às 22h Valor do curso: R$ 21.600,00 À vista com desconto: R$ 20.520,00 Consultar planos de parcelamento.

Leia mais

Unidade II TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Prof. Me. Elvis Pontes

Unidade II TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO. Prof. Me. Elvis Pontes Unidade II TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO Prof. Me. Elvis Pontes Conceitos e Componentes de Software Software (SW) são: os programas de computador; é a parte intangível do computador, representada pelos programas,

Leia mais