QUADRO 3 Rendimentos Tributáveis, Deduções e Imposto Retido na Fonte

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "QUADRO 3 Rendimentos Tributáveis, Deduções e Imposto Retido na Fonte"

Transcrição

1 Entenda o Comprovante de Rendimentos dos Assistidos Para a Declaração do IRPF exercício 2017, ano-calendário 2016, a FAPES preparou um roteiro explicando os principais campos do Comprovante de Rendimentos Pagos e de Imposto sobre a Renda Retido na Fonte enviado aos Assistidos e Beneficiários Assistidos da Fundação. QUADRO 3 Rendimentos Tributáveis, Deduções e Imposto Retido na Fonte Item 1 Total dos Rendimentos: Contempla o total dos rendimentos pagos pela FAPES a título de Complementação de Aposentadoria ou Pensão, bem como os pagamentos do benefício previdenciário e do FAMS Tributável que transitaram em folha de pagamento no ano de 2016, EXCETO os rendimentos com

2 exigibilidade suspensa, o Abono Anual (13º Salário), os rendimentos dos assistidos residentes no exterior e os rendimentos isentos e não tributáveis. Item 3 Contribuição a Entidades de Previdência Complementar... : Corresponde ao valor total de contribuições vertidas ao Plano Básico de Benefícios, EXCETO a parcela sobre o Abono Anual (13º). Item 4 Pensão Alimentícia: Corresponde ao total da pensão alimentícia paga no ano-calendário, EXCETO a parcela sobre o Abono Anual (13º). Item 5 Imposto sobre a Renda Retido na Fonte: Corresponde ao total do imposto de renda retido na fonte sobre os rendimentos informados no item 1. QUADRO 4 Rendimentos Isentos e Não Tributáveis Item 1 Parcela Isenta dos Proventos de Aposentadoria, Reserva Remunerada, Reforma e Pensão (65 anos ou mais): Neste campo é informada a parcela isenta, no valor de R$ 1.903,98 (ano calendário 2016), a partir do mês em que o assistido completou 65 anos, limitada ao valor anual de R$ ,74, incluindose a parcela referente ao Abono Anual (13º). Item 3 Pensão, Proventos de Aposentadoria ou Reforma por moléstia grave, Proventos de Aposentadoria ou Reforma por acidente em serviço: Corresponde ao total dos benefícios pagos no ano de 2016, INCLUSIVE o Abono Anual (13º), pagos aos portadores de moléstia grave, comprovada de acordo com a Legislação vigente, ou para os casos de aposentadoria por acidente em serviço. Item 7 Outros (Auxílio Doença, Pecúlio, Auxílio Funeral, Isento por Decisão Judicial, IN1343): Auxílio-doença: corresponde ao valor total pago ao assistido que esteve em gozo do benefício de auxílio-doença ao longo do ano-calendário, INCLUINDO o Abono Anual (13º).

3 Pecúlio: consiste no valor pago, em parcela única, decorrente do óbito de participante do Plano Básico de Benefícios aos dependentes devidamente habilitados. Auxílio Funeral: consiste no valor pago, em parcela única, decorrente do óbito do empregado estatutário das empresas do Sistema BNDES (ativo ou aposentado) aos dependentes devidamente habilitados. Isento por Decisão Judicial: corresponde ao total de benefício pago no ano-calendário que se encontra isento da retenção do imposto de renda por Decisão Judicial. IN 1343: consiste no valor utilizado para deduzir a base de cálculo do imposto de renda incidente sobre a Complementação FAPES e que corresponde às contribuições efetuadas exclusivamente pelo participante no período de 01/01/1989 a 31/12/1995. QUADRO 5 Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva (Rendimento Líquido) Item 1 13º (Décimo Terceiro) Salário: Neste campo, é informado o valor líquido relativo ao Abono Anual (13º), ou seja, o rendimento bruto menos as deduções legais (dependentes, parcela maior de 65 anos, pensão alimentícia, contribuição FAPES etc.), EXCETO os rendimentos com exigibilidade suspensa. Item 2 Imposto sobre a Renda Retido na Fonte sobre o 13º (Décimo Terceiro) Salário: Corresponde ao valor total do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte (IRRF) incidente sobre o Abono Anual (13º). QUADRO 6 Rendimentos Recebidos Acumuladamente (Sujeito à tributação exclusiva) Tópico 6.1 Quantidade de Meses: Informação da quantidade de meses referente a rendimentos pagos pela Previdência Social no caso do pagamento de rendimentos relativos a anos-calendário anteriores ao do recebimento.

4 Item 1 Total dos Rendimentos Tributáveis (inclusive Décimo Terceiro Salário): Contempla os rendimentos tributáveis recebidos acumuladamente, relativos a anos-calendário anteriores ao do recebimento, inclusive décimo terceiro salário, decorrentes de aposentadoria ou pensão pagos pelo INSS. Caso o contribuinte seja isento do pagamento de imposto de renda, a informação dos rendimentos pagos está descrita no Item 6. Item 5 Imposto sobre a Renda Retido na Fonte: É o total do imposto de renda retido na fonte sobre os rendimentos recebidos acumuladamente, informados na linha 01 deste quadro. QUADRO 7 Informações Complementares Pensão Alimentícia: são informados o nome, o CPF do beneficiário e o valor pago no anocalendário. Este valor está incluído no Quadro 3, Item 4. Pensão Alimentícia 13º salário: contempla o nome e o CPF do beneficiário, além do valor pago no ano-calendário. Imposto com Exigibilidade Suspensa: é o imposto que teve sua retenção e recolhimento suspensos por decisão judicial. Rendimento Tributável (Exigibilidade Suspensa): é o rendimento tributável, cuja tributação está sendo questionada na Justiça. Este valor NÃO consta no Quadro 3, Item 1. O programa IRPF 2016 disponibilizado pela Receita Federal possui campo próprio para o preenchimento dos rendimentos tributáveis com exigibilidade suspensa. IR Depósitos Judiciais: é o imposto retido e depositado na CAIXA por decisão judicial. São informados o número do processo, a Vara, a Seção Judiciária ou Tribunal e o valor do imposto depositado em juízo. Este valor NÃO consta no Quadro 3, Item 5. Décimo Terceiro Líquido (Exigibilidade Suspensa): é o rendimento tributável líquido relativo ao Abono Anual (13º), cuja tributação está sendo questionada na Justiça.

5 IR Décimo Terceiro Salário (Depósitos Judiciais): é o imposto retido e depositado por decisão judicial relativo ao Abono Anual (13º). Este valor NÃO consta no Quadro 5, Item 1. IMPORTANTE: Em caso de necessidade, os assistidos, os beneficiários assistidos ou os exparticipantes com ações judiciais devem solicitar orientação sobre a Declaração de Ajuste Anual aos seus advogados.

2) Como localizar o Comprovante de Rendimentos? Para localizar o Comprovante de Rendimentos o servidor deve proceder da seguinte forma:

2) Como localizar o Comprovante de Rendimentos? Para localizar o Comprovante de Rendimentos o servidor deve proceder da seguinte forma: Comprovante de Rendimentos Perguntas Frequentes 1) O que é Comprovante de Rendimentos? Comprovante de Rendimentos é um documento disponibilizado ao servidor pela Secretaria de Estado da Administração contendo

Leia mais

Janeiro-Dezembro/2014

Janeiro-Dezembro/2014 IRRF - Décimo terceiro salário 2014 - Roteiro Aqui serão analisados os aspectos gerais relacionados à retenção do Imposto de Renda incidente no pagamento do décimo terceiro salário. Introdução Os rendimentos

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: BARBARA NOLLI BITTENCOURT Data de Nascimento: 16/02/1985 Título Eleitoral: 167745080256 Possui cônjuge ou companheiro(a)? Não Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos - THZMPX - Dedução INSS da base de imposto de renda sobre salários e férias do empregado quando ela tiver

Parecer Consultoria Tributária Segmentos - THZMPX - Dedução INSS da base de imposto de renda sobre salários e férias do empregado quando ela tiver - THZMPX - Dedução INSS da base de imposto de renda sobre 19/02/2016 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 6 3. Análise da Legislação... 7 4. Conclusão... 9

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOAS JURÍDICAS PELO TITULAR

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOAS JURÍDICAS PELO TITULAR IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: CAMILA PAVAN Data de Nascimento: 01/08/1987 Título Eleitoral: 0019425001970 Houve mudança de endereço? Não Endereço: Rua MIGUEL DANHA Número: 2001 Complemento: Bairro/Distrito:

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: Cristiane Foroni Barrionuevo Data de Nascimento: 17/01/1983 Título Eleitoral: 018509301945 Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes é pessoa com doença grave

Leia mais

FOLHA DE ROSTO. Estes dados são cópia fiel dos constantes em nossos arquivos. Informações protegidas por sigilo fiscal.

FOLHA DE ROSTO. Estes dados são cópia fiel dos constantes em nossos arquivos. Informações protegidas por sigilo fiscal. . MIDAS Módulo de Impressão de Declarações Assinadas Usuário: 606422628 Data/Hora de impressão: 31/07/2013 12:11:21 CPF do declarante: 318.386.618-83 ND: 08/24.152.429 Data/Hora Entrega: 29/04/2013 22:17:53

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: RODRIGO GERMANO DELMASSO MARTINS Data de Nascimento: 09/06/1980 Título Eleitoral: 014536812011 Possui cônjuge ou companheiro(a)? Sim CPF do cônjuge ou companheiro(a):

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: LIGIA TINTI FRATTINI Data de Nascimento: 05/07/1988 Título Eleitoral: 331666040191 Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes é pessoa com doença grave ou portadora

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: JEFFERSON LUIZ PETENUCCI MONTAGNINI Data de Nascimento: 23/05/1983 Título Eleitoral: Possui cônjuge ou companheiro(a)? Não Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes

Leia mais

Nome: PEDRO DOS SANTOS LIMA GUERRA CPF: Data de Nascimento: 14/09/1981 Título Eleitoral: CEP: DDD/Telefone: (41)

Nome: PEDRO DOS SANTOS LIMA GUERRA CPF: Data de Nascimento: 14/09/1981 Título Eleitoral: CEP: DDD/Telefone: (41) IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: PEDRO DOS SANTOS LIMA GUERRA Data de Nascimento: 14/09/1981 Título Eleitoral: Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes é pessoa com doença grave ou portadora

Leia mais

Manual do Aposentado e Pensionista

Manual do Aposentado e Pensionista Manual do Aposentado e Pensionista 1 SUMÁRIO Qual é o significado de Aposentado e Pensionista?...3 Quando é realizado o pagamento do Benefício?...3 Quais as formas de recebimento dos Benefícios?...3 Quando

Leia mais

Entenda como é realizado o cálculo do Imposto de Rende Retido na Fonte:

Entenda como é realizado o cálculo do Imposto de Rende Retido na Fonte: Entenda como é realizado o cálculo do Imposto de Rende Retido na Fonte: Observação: Como exemplo, será utilizado o Demonstrativo de Pagamento fictício apresentado abaixo, cuja competência é de junho de

Leia mais

TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE A INSTRUÇÃO NORMATIVA 1343 DE 5 DE ABRIL DE 2013.

TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE A INSTRUÇÃO NORMATIVA 1343 DE 5 DE ABRIL DE 2013. TIRE SUAS DÚVIDAS SOBRE A INSTRUÇÃO NORMATIVA 1343 DE 5 DE ABRIL DE 2013. No período de 01.01.1989 a 31.12.1995, por força da legislação vigente, as contribuições efetuadas pelos participantes para a previdência

Leia mais

Cartilha de Tributação 2016

Cartilha de Tributação 2016 Cartilha de Tributação 2016 Como funciona o Imposto de Renda incidente sobre Planos de Previdência Complementar *? * Na modalidade de Contribuição Definida ou Variável Conforme a legislação tributária

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 14 13 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 15 - Data 29 de fevereiro de 2016 Processo Interessado CNPJ/CPF ASSUNTO: IMPOSTO SOBRE A RENDA DE PESSOA FÍSICA - IRPF PENSÃO ALIMENTÍCIA

Leia mais

Nome: MARCELO GONCALVES CARDOSO CPF: Data de Nascimento: 26/08/1974 Título Eleitoral:

Nome: MARCELO GONCALVES CARDOSO CPF: Data de Nascimento: 26/08/1974 Título Eleitoral: IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: MARCELO GONCALVES CARDOSO Data de Nascimento: 26/08/1974 Título Eleitoral: 0186223480108 Houve mudança de endereço? Sim Um dos declarantes é pessoa com doença grave

Leia mais

GUIA PARA ELABORAÇÃO DA DECLARAÇÃO DE IR PREVIDÊNCIA

GUIA PARA ELABORAÇÃO DA DECLARAÇÃO DE IR PREVIDÊNCIA Enviamos a todos os clientes que tenham realizado no ano-calendário de 2015 contribuições para o plano de previdência, resgates ou recebido renda de aposentadoria, o INFORME DE RENDIMENTO FINANCEIRO E

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOAS JURÍDICAS PELO TITULAR

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOAS JURÍDICAS PELO TITULAR IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: NEWTON GOMES FERREIRA Data de Nascimento: 01/12/1956 Título Eleitoral: Houve mudança de endereço? Não Endereço: AVENIDA DOS EUCALIPTOS Número: 560 Complemento: Bairro/Distrito:

Leia mais

IRPF 2013 Imposto de Renda Pessoa Física

IRPF 2013 Imposto de Renda Pessoa Física CIRCULAR Nº 10/2013 São Paulo, 21 de Fevereiro de 2013. IRPF 2013 Imposto de Renda Pessoa Física Ano-Base 2012 Prezado cliente, No dia 19 de Fevereiro de 2013 a Receita Federal publicou a Instrução Normativa

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 2 1 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 155 - Data 24 de junho de 2014 Processo Interessado CNPJ/CPF ASSUNTO: IMPOSTO SOBRE A RENDA DE PESSOA FÍSICA - IRPF HONORÁRIOS ADVOCATÍCIOS.

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: ENIO SHOPF Data de Nascimento: 27/08/1961 Título Eleitoral: 36555760426 Houve mudança de endereço? Não Endereço: Distrito RINCAO DOS ALVES Número: S/N Complemento: INTERIOR

Leia mais

- Orientações para preenchimento da DIRF na Instrução Normativa nº 1.587, de 15 de setembro de 2015 através do link abaixo:

- Orientações para preenchimento da DIRF na Instrução Normativa nº 1.587, de 15 de setembro de 2015 através do link abaixo: Caro Responsável pelo Departamento de Pessoal, Seguindo os moldes de atualizações passadas, segue abaixo, o link para instalação da DIRF 2016 e também rotinas para a geração e importação do arquivo. Antes

Leia mais

02 O que eu preciso fazer

02 O que eu preciso fazer 01 Quais são os documentos que necessito apresentar para requerer minha aposentadoria no FusanPrev e atualizar minha situação no SaneSaúde? Cópia simples dos seguintes documentos: - Identidade e CPF do

Leia mais

ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS POLICIAIS FEDERAIS ANSEF NACIONAL

ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS POLICIAIS FEDERAIS ANSEF NACIONAL ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS POLICIAIS FEDERAIS ANSEF NACIONAL Orientação para declaração do Imposto de Renda em relação aos recebimentos da ação da GOE. Para a Declaração do Imposto de Renda 2013/2012, o contribuinte

Leia mais

COMPROVANTE DE RENDIMENTOS PAGOS E DE RETENÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA NA FONTE

COMPROVANTE DE RENDIMENTOS PAGOS E DE RETENÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA NA FONTE COMPROVANTE DE RENDIMENTOS PAGOS E DE RETENÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA NA FONTE Ano Calendário/ 2010 Quer entender um pouco mais sobre este documento? Conheça as informações que devem constar em cada quadro

Leia mais

IRPF, IRPJ e CSLL: Tabelas Progressivas do Imposto de Renda vigentes desde 1998

IRPF, IRPJ e CSLL: Tabelas Progressivas do Imposto de Renda vigentes desde 1998 IRPF, IRPJ e CSLL: Tabelas Progressivas do Imposto de Renda vigentes desde 1998 Resumo: Neste Roteiro apresentaremos para nossos leitores as Tabelas Progressivas, anual e mensal, para cálculo do Imposto

Leia mais

Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais(DEFIS)

Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais(DEFIS) Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais(DEFIS) Declaração Original Exercício 2016 Ano-Calendário 2015 Período abrangido pela Declaração: 01/01/2015 a 31/12/2015 1 Identificação do Contribuinte

Leia mais

Guia de Tributos Retidos na Fonte: IRRF sobre 13º Salário. Resumo: 1) Introdução:

Guia de Tributos Retidos na Fonte: IRRF sobre 13º Salário. Resumo: 1) Introdução: Guia de Tributos Retidos na Fonte: IRRF sobre 13º Salário Resumo: No presente Roteiro de Procedimentos, serão abordados os aspectos atinentes ao Imposto de Renda a ser retido na fonte sobre os rendimentos

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Tributação do Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) incidente sobre Loterias prêmios pagos em dinheiro

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Tributação do Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) incidente sobre Loterias prêmios pagos em dinheiro Tributação do Imposto de Renda Retido na Fonte (IRRF) incidente sobre Loterias prêmios pagos em 17/07/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: JOE CARLO VIANA VALLE Data de Nascimento: 02/09/1964 Título Eleitoral: 0000746962070 Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes é pessoa com doença grave ou portadora

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: ORDALINO DE SOUZA E SILVA Data de Nascimento: 10/07/1940 Título Eleitoral: 0088295710116 Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes é pessoa com doença grave

Leia mais

Previdencia PREVIDÊNCIA

Previdencia PREVIDÊNCIA Cartilha 2 Previdencia PREVIDÊNCIA 3 A MAPFRE Previdência desenvolveu para os participantes dos planos de previdência complementar: PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre), FGB Tradicional (Fundo Gerador

Leia mais

Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 7 de fevereiro de 2011

Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 7 de fevereiro de 2011 Instrução Normativa RFB nº 1.127, de 7 de fevereiro de 2011 DOU de 8.2.2011 Dispõe sobre a apuração e tributação de rendimentos recebidos acumuladamente de que trata o art. 12-A da Lei nº 7.713, de 22

Leia mais

Novo Plano de Contribuição Definida -CD

Novo Plano de Contribuição Definida -CD Previ-Siemens Novo Plano de Contribuição Definida -CD Protection notice / Copyright notice Agenda A Importância de um plano de previdência Plano de Aposentadoria CD -Previ-Siemens Contribuições Procedimentos

Leia mais

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO

PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO PODER JUDICIÁRIO FEDERAL JUSTIÇA DO TRABALHO TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO DA 1ª REGIÃO Gab Des Valmir de Araujo Carvalho Av. Presidente Antonio Carlos,251 10o. andar Castelo Rio de Janeiro 20020-010 RJ

Leia mais

NOME: GILSON MAGNONI BORTOLI CPF: DECLARA#$O DE AJUSTE ANUAL IDENTIFICA#$O DO CONTRIBUINTE IMPOSTO SOBRE A RENDA - PESSOA F"SICA

NOME: GILSON MAGNONI BORTOLI CPF: DECLARA#$O DE AJUSTE ANUAL IDENTIFICA#$O DO CONTRIBUINTE IMPOSTO SOBRE A RENDA - PESSOA FSICA NOME: GILSON MAGNONI BORTOLI CPF: 513.092.629-34 IDENTIFICA#$O DO CONTRIBUINTE EXERC"CIO 2016 ANO-CALEND!RIO 2015 DEPENDENTES ALIMENTANDOS RENDIMENTOS TRIBUT!VEIS RECEBIDOS DE PESSOA JUR"DICA PELO TITULAR

Leia mais

DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES (Lei n 8.429/1992, Decreto n 5.483/2005 e Portaria Interministerial MP/CGU n 298/2007)

DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES (Lei n 8.429/1992, Decreto n 5.483/2005 e Portaria Interministerial MP/CGU n 298/2007) DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES (Lei n 8.429/1992, Decreto n 5.483/2005 e Portaria Interministerial MP/CGU n 298/2007) DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES ( ) Declaração de Ingresso Preencher os itens 1, 2, 8, 9,

Leia mais

1. IDENTIFICAÇÃO DO AGENTE PÚBLICO CPF: TÍTULO ELEITORAL: DATA DE NASCIMENTO: NÚMERO: COMPLEMENTO: (apto, sala, bloco) BAIRRO/DISTRITO: CEP:

1. IDENTIFICAÇÃO DO AGENTE PÚBLICO CPF: TÍTULO ELEITORAL: DATA DE NASCIMENTO: NÚMERO: COMPLEMENTO: (apto, sala, bloco) BAIRRO/DISTRITO: CEP: DECLARAÇÃO DE BENS E VALORES (Lei n.º. 8.429/92 e Decreto n.º. 5.483/2005) ( ) Declaração de Ingresso Preencher os itens 1, 2, 8, 9, 11 e 12 ( ) Declaração de desligamento Preencher todos os itens ( )

Leia mais

Material Explicativo

Material Explicativo Material Explicativo ABBprev Sociedade de Previdência Privada Este material explicativo tem como objetivo fornecer informações sobre um dos benefícios que as patrocinadoras ABB Ltda e Cooperativa de Crédito

Leia mais

Tron Informática

Tron Informática 13º Salário Gratificação Natalina 1 Veja uma vídeo-aula sobre este assunto em: http://www.trontv.com.br/t/index.php/videos/gestao-contabil/fp/76-como-calcular calcular-o-13-salario.html A Gratificação

Leia mais

ANEXO I LEIAUTE DO ARQUIVO. Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte Dirf (Alterado pelo Ato Declaratório Cotec nº 6, de 20 de outubro de 2010)

ANEXO I LEIAUTE DO ARQUIVO. Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte Dirf (Alterado pelo Ato Declaratório Cotec nº 6, de 20 de outubro de 2010) ANEXO I LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte Dirf (Alterado pelo Ato Declaratório Cotec nº 6, de 20 de outubro de 2010) 1. Regras gerais Estas regras que devem ser respeitadas

Leia mais

ANEXO I CÓDIGO: RAMAL:

ANEXO I CÓDIGO: RAMAL: SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL UNIVERSIDADE FEDERAL DO OESTE DO PARÁ PRÓ-REITORIA DE PLANEJAMENTO INSTITUCIONAL DIRETORIA DE GESTÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESSOAS ANEXO I Ministério do Planejamento, Orçamento e

Leia mais

Previdência Privada. A tabela a seguir apresenta algumas diferenças entre o FAPI e PGBL.

Previdência Privada. A tabela a seguir apresenta algumas diferenças entre o FAPI e PGBL. Previdência Privada Modalidades de Previdência Privada Aberta 1) FAPI Fundo de Aposentadoria Programada Individual Inspirado no IRA Individual Retirement Account, dos Estados Unidos, onde o contribuinte

Leia mais

INFORMAÇÃO TRIBUTÁRIA CONTRIBUIÇÕES JANEIRO/1989 A DEZEMBRO/1995 INSTRUÇÃO NORMATIVA RFB Nº 1.343/2013

INFORMAÇÃO TRIBUTÁRIA CONTRIBUIÇÕES JANEIRO/1989 A DEZEMBRO/1995 INSTRUÇÃO NORMATIVA RFB Nº 1.343/2013 INFORMAÇÃO TRIBUTÁRIA CONTRIBUIÇÕES JANEIRO/1989 A DEZEMBRO/1995 INSTRUÇÃO NORMATIVA RFB Nº 1.343/2013 Considerando a publicação da Instrução Normativa (IN) nº 1.343 em 08 de abril de 2013 pela Receita

Leia mais

Coordenação-Geral de Tributação

Coordenação-Geral de Tributação Fls. 2 1 Coordenação-Geral de Tributação Solução de Consulta nº 232 - Data 11 de dezembro de 2015 Processo Interessado CNPJ/CPF ASSUNTO: IMPOSTO SOBRE A RENDA RETIDO NA FONTE - IRRF CLÁUSULA CONTRATUAL.

Leia mais

OPERAÇÕES COM PARTICIPANTES EMPRÉSTIMO PLANOS I, II E III PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS

OPERAÇÕES COM PARTICIPANTES EMPRÉSTIMO PLANOS I, II E III PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS OPERAÇÕES COM PARTICIPANTES EMPRÉSTIMO PLANOS I, II E III PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS QUEM PODE SOLICITAR EMPRÉSTIMO PARTICIPANTES ATIVOS PARTICIPANTES ASSISTIDOS Manter vínculo empregatício remunerado

Leia mais

ANEXO I DECLARAÇÃO DE COMPOSIÇÃO FAMILIAR E RENDA PER CAPITA

ANEXO I DECLARAÇÃO DE COMPOSIÇÃO FAMILIAR E RENDA PER CAPITA ANEXO I DECLARAÇÃO DE COMPOSIÇÃO FAMILIAR E RENDA PER CAPITA Eu,, portador(a) do RG nº, Órgão Expedidor, e CPF nº, candidato(a) ao Processo Seletivo para Ingresso nos Programas da Assistência Estudantil

Leia mais

PARECER. Trata-se de consulta formulada acerca da obrigatoriedade ou não dos Regimes Próprios de Previdência de contribuírem com o PASEP.

PARECER. Trata-se de consulta formulada acerca da obrigatoriedade ou não dos Regimes Próprios de Previdência de contribuírem com o PASEP. PARECER EMENTA: Contribuição PASEP. Regimes Próprios de Previdência. Trata-se de consulta formulada acerca da obrigatoriedade ou não dos Regimes Próprios de Previdência de contribuírem com o PASEP. As

Leia mais

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS DECLARAÇÃO DE AJUSTE ANUAL DE IMPOSTO DE RENDA DA PESSOA FÍSICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS DECLARAÇÃO DE AJUSTE ANUAL DE IMPOSTO DE RENDA DA PESSOA FÍSICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS DECLARAÇÃO DE AJUSTE ANUAL DE IMPOSTO DE RENDA DA PESSOA FÍSICA Portaria Interministerial MP/CGU nº. 298, de 6 de setembro de

Leia mais

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL EXERCÍCIO 2014 Ano-Calendário 2013

SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL EXERCÍCIO 2014 Ano-Calendário 2013 MINISTÉRIO DA FAZENDA SECRETARIA DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL EXERCÍCIO 2014 Ano-Calendário 2013 RECIBO DE ENTREGA DA - OPÇÃO PELAS DEDUÇÕES LEGAIS DECLARAÇÃO ORIGINAL IDENTIFICAÇÃO DO DECLARANTE CPF do

Leia mais

Planos individuais recebem maior volume de recursos: R$16,7 bilhões

Planos individuais recebem maior volume de recursos: R$16,7 bilhões Contribuições para planos abertos de caráter previdenciário chegam a R$ 19 bi no 3º trimestre, 49,98% maior que o registrado no mesmo período ano anterior Planos individuais recebem maior volume de recursos:

Leia mais

Guia de Declaração de IRPF 2011. Ano-calendário 2010. Previdência. IR 2010 Prev e Cp_v2

Guia de Declaração de IRPF 2011. Ano-calendário 2010. Previdência. IR 2010 Prev e Cp_v2 Guia de Declaração de IRPF 2011 Ano-calendário 2010 Previdência IR 2010 Prev e Cp_v2 Quem é obrigado a declarar? Está obrigada a apresentar a Declaração de Ajuste Anual do Imposto sobre a Renda referente

Leia mais

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A

AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A AGENDA T R A B A L H I S T A E P R E V I D E N C I Á R I A FEVEREIRO / 2016 D S T Q Q S S 01 02 03 04 05 05 06 07 08 09 10 10 11 12 13 14 15 15 16 17 18 19 19 20 21 22 23 24 25 26 27 25 28 29 29-1 - AGENDA

Leia mais

DIREITO PREVIDENCIÁRIO. Professora: Renata Salles Mesquita

DIREITO PREVIDENCIÁRIO. Professora: Renata Salles Mesquita DIREITO PREVIDENCIÁRIO Professora: Renata Salles Mesquita EMPREGADO, TRABALHADOR AVULSO E EMPREGADO DOMÉSTICO: ESSES CONTRIBUEM COM UM PERCENTUAL SOBRE OS SEUS SALÁRIOS-DE-CONTRIBUIÇÃO, DEVENDO SER RESPEITADOS

Leia mais

TOTAL , , ,02 0,00 0,00 TOTAL NOME: MARCIO DELLA VALLE BIOLCHI

TOTAL , , ,02 0,00 0,00 TOTAL NOME: MARCIO DELLA VALLE BIOLCHI DECLARAÇÃO DE AJUSTE ANUAL IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE EXERCÍCIO 2015 ANO-CALENDÁRIO 2014 Nome: Data de Nascimento: 23/05/1979 Título Eleitoral: Houve mudança de endereço? Sim Um dos declarantes é pessoa

Leia mais

PAP AUXÍLIO MORADIA CPF informado na Inscrição Ranquemanto Relação de documentos

PAP AUXÍLIO MORADIA CPF informado na Inscrição Ranquemanto Relação de documentos 15259916719 1º 12025688741 2º Documento da republica: Declaração informando se está dividindo o valor do aluguel atualmente e com quem,comprovante de pagamento do aluguel dos meses de junho e julho de

Leia mais

Venc. Básico 323,47 Venc. Básico (VB+GAE) 1.003,50 Anuênio (25%) 80,86 Anuênio (25%) 250,87 Insalubridade (20%) 64,69 Insalubridade (20%) 200,70

Venc. Básico 323,47 Venc. Básico (VB+GAE) 1.003,50 Anuênio (25%) 80,86 Anuênio (25%) 250,87 Insalubridade (20%) 64,69 Insalubridade (20%) 200,70 CONSEQÜÊNCIAS DA INCORPORAÇÃO DA GAE AO VENCIMENTO BÁSICO: ALTERAM AS VANTAGENS DE ANUÊNIO E ADICIONAL DE TEMPO DE SERVIÇO QUE SÃO CALCULADAS SOBRE O VENCIMENTO BÁSICO: EXEMPLOS: 1) Graduado Titular 20

Leia mais

2.2 Além da comprovação da situação de moradia do grupo familiar, os (as) discentes que não residem com o grupo familiar devem apresentar.

2.2 Além da comprovação da situação de moradia do grupo familiar, os (as) discentes que não residem com o grupo familiar devem apresentar. ANEXO II RELAÇÃO DE DOCUMENTOS OBRIGATÓRIOS 1. DOCUMENTOS DE IDENTIFICAÇÃO DO (A) DISCENTE E DOS MEMBROS DO GRUPO FAMILIAR 1.1. Documento de identidade RG (para maiores de 18 anos). 1.2. Cadastro de Pessoa

Leia mais

I - R E L A T Ó R I O

I - R E L A T Ó R I O Acórdão 2a Turma INTEGRAÇÃO DAS HORAS EXTRAS AO 13º SALÁRIO. A Lei nº 4090/62, em seu artigo 1º, 1º, dispõe que a gratificação natalina corresponderá a 1/12 da remuneração devida em dezembro, multiplicada

Leia mais

REGRAS BÁSICAS - PLANO DE BENEFÍCIOS FAF CNPB Nº

REGRAS BÁSICAS - PLANO DE BENEFÍCIOS FAF CNPB Nº 1 - BENEFÍCIOS OFERECIDOS O Plano de Benefícios FAF oferece os seguintes benefícios aos seus participantes, ou aos dependentes de participantes falecidos: I - quanto aos participantes: - suplementação

Leia mais

Estamos vivendo a AGEING SOCIETY

Estamos vivendo a AGEING SOCIETY Estamos vivendo a AGEING SOCIETY HC monitora crianças em busca de longevidade - O Estado de São Paulo, 16/09/07. Expectativa de vida de 150 anos (Instituto Barshop - Universidade do Texas EUA) Isto É,

Leia mais

IRPF 2015 ANO CALENDÁRIO 2014

IRPF 2015 ANO CALENDÁRIO 2014 IRPF 2015 ANO CALENDÁRIO 2014 Declaração Pré-Preenchida do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física A partir do exercício 2015, ano-calendário 2014, a RFB disponibilizará ao contribuinte a Declaração Pré-Preenchida

Leia mais

DIRF PRINCIPAIS NOVIDADES E CUIDADOS

DIRF PRINCIPAIS NOVIDADES E CUIDADOS PRINCIPAIS NOVIDADES E CUIDADOS Fevereiro 2011 FUNDAMENTO LEGAL Instrução Normativa RFB nº 1.033, de 14 de maio de 2010, publicada no DOU de 17.5.2010; alterada pela Instrução Normativa RFB 1.076, de

Leia mais

Códigos de Recolhimentos (GPS)

Códigos de Recolhimentos (GPS) Códigos de Recolhimentos (GPS) Relação dos Códigos de Recolhimento (Campo 3 GPS): Código Descrição 1007 Contribuinte Individual Recolhimento Mensal 1104 Contribuinte Individual Recolhimento Trimestral

Leia mais

AFABB-DF ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DO BANCO DO BRASIL NO DISTRITO FEDERAL

AFABB-DF ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DO BANCO DO BRASIL NO DISTRITO FEDERAL AFABB-DF ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS E PENSIONISTAS DO BANCO DO BRASIL NO DISTRITO FEDERAL SÚMULA PARA CUMPRIMENTO DA INSTRUÇÃO NORMATIVA IN RFB Nº 1.343/2013 DA RECEITA FEDERAL A IN RFB 1.343/2013

Leia mais

R EP Ú BLI C A F E DE R AT I V A D O BRAS I L TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL RIDALVO COSTA

R EP Ú BLI C A F E DE R AT I V A D O BRAS I L TRIBUNAL REGIONAL FEDERAL DA 5ª REGIÃO GABINETE DO DESEMBARGADOR FEDERAL RIDALVO COSTA AGRAVO DE INSTRUMENTO (TURMA) Nº 71731 - CE AGRTE: MARPEX - INDUSTRIA DE PESCA S/A ADV/PROC: NELSON WILIANS FRATONI RODRIGUES E OUTROS AGRDO: INSS - INSTITUTO NACIONAL DO SEGURO SOCIAL REPTE: PROCURADORIA

Leia mais

Lista de Documentos Solicitados Edital Complementar nº 1 do Edital nº 2/ PAP

Lista de Documentos Solicitados Edital Complementar nº 1 do Edital nº 2/ PAP 145.784.087-10 Aluno: Copia do RG e CPF. Irmão menores de 18 anos - Certidão de nascimento. Mãe: copia do RG e CPF, Carteira de Trabalho atualizada- com frente e verso da folha de identificação (foto),

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Patrocínio a Time de Futebol Profissional

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Patrocínio a Time de Futebol Profissional 15/10/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação... 3 3.1 SEFIP... 4 4. Conclusão... 5 5. Informações Complementares... 6 6. Referências...

Leia mais

Tabelas Práticas. Tabela de Códigos de Pagamento do INSS RELAÇÃO DE CÓDIGOS DE PAGAMENTO GUIA DE PREVIDÊNCIA SOCIAL. Especificação da Receita

Tabelas Práticas. Tabela de Códigos de Pagamento do INSS RELAÇÃO DE CÓDIGOS DE PAGAMENTO GUIA DE PREVIDÊNCIA SOCIAL. Especificação da Receita Tabela de Códigos de Pagamento do INSS RELAÇÃO DE CÓDIGOS DE PAGAMENTO GUIA DE PREVIDÊNCIA SOCIAL Item Código de Receita (GPS) Especificação da Receita 1 1007 Contribuinte Individual - Recolhimento Mensal

Leia mais

Obs.: Estes são apenas modelos sugestivos.

Obs.: Estes são apenas modelos sugestivos. 1 Segue abaixo os modelos sugestivos das seguintes declarações: 1. Declaração de desempregado; 2. Declaração que não exerce atividade remunerada, ou do lar; 3. Declaração sobre recebimento de pensão alimentícia

Leia mais

CÓDIGOS DE RECEITA - GPS

CÓDIGOS DE RECEITA - GPS CÓDIGOS DE RECEITA - GPS Os códigos de receita para recolhimento das contribuições sociais destinadas à Previdência Social e das destinadas às outras entidades ou fundos, recolhidas por meio de Guia da

Leia mais

ANEXO ÚNICO LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte Dirf

ANEXO ÚNICO LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte Dirf Dirf - Declaração do imposto de renda retido na fonte RESPO - Responsável pelo preenchimento ANEXO ÚNICO LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte Dirf 1. Regras gerais Estas regras

Leia mais

ANO XXVI ª SEMANA DE NOVEMBRO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 48/2015

ANO XXVI ª SEMANA DE NOVEMBRO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 48/2015 ANO XXVI - 2015-4ª SEMANA DE NOVEMBRO DE 2015 BOLETIM INFORMARE Nº 48/2015 ASSUNTOS CONTÁBEIS IMPOSTO DE RENDA RETIDO NA FONTE - TRATAMENTO CONTÁBIL... Pág. 705 IMPOSTO DE RENDA PESSOA JURÍDICA GANHOS

Leia mais

Página 1

Página 1 Códigos da Guia da Previdência Social - GPS Tabela atualizada até o Ato Declaratório Executivo CODAC nº 46, de 11.7.2013 (D.O.U de 15.7.2013). Código de Receita (GPS) 1007 Contribuinte Individual - Recolhimento

Leia mais

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES ABRIL DE 2010

CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES ABRIL DE 2010 CALENDÁRIO DE OBRIGAÇÕES ABRIL DE 2010 DIA OBRIGAÇÃO FATO GERADOR Cadastro Geral de Empregados e Desempregado - CAGED (1ª via) Enviar ao Ministério do Trabalho a relação de admissões e desligamentos ocorridos

Leia mais

DECRETO Nº 4.248, DE 09 DE OUTUBRO DE 2014.

DECRETO Nº 4.248, DE 09 DE OUTUBRO DE 2014. DECRETO Nº 4.248, DE 09 DE OUTUBRO DE 2014. Estabelece procedimentos e prazos para a entrega da declaração dos bens e rendas que compõem o patrimônio privado dos agentes públicos municipais, de que trata

Leia mais

1. GPS- CÓDIGOS DE PAGAMENTO

1. GPS- CÓDIGOS DE PAGAMENTO PARTE 1 OBRIGAÇÕES PREVIDENCIÁRIAS TABELAS PRÁTICAS 1. GPS- CÓDIGOS DE PAGAMENTO ITEM CÓDIGO DE RECEITA (GPS) ESPECIFICAÇÃO DA RECEITA 1 1007 Contribuinte Individual - Recolhimento Mensal 2 1104 Contribuinte

Leia mais

ANO º SEMESTRE

ANO º SEMESTRE EDITAL Nº: 157/2016, de 20/12/2016 PROCESSO SELETIVO E MATRÍCULA DOS ESTUDANTES APROVADOS NOS CURSOS DE GRADUAÇÃO PELO SISTEMA DE SELEÇÃO UNIFICADA - SiSU ANO 2017 1º SEMESTRE ANEXO II DOCUMENTOS EXIGIDOS

Leia mais

Direito Previdenciário

Direito Previdenciário Direito Previdenciário Prof. Hugo Goes www.hugogoes.com.br SEGURADO EMPREGADO DOMÉSTICO Aquele que presta serviços de forma contínua, subordinada, onerosa e pessoal e de finalidade não lucrativa à pessoa

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: JORGE LUIZ DOS SANTOS Data de Nascimento: 31/07/1955 Título Eleitoral: Houve mudança de endereço? Não Um dos declarantes é pessoa com doença grave ou portadora de deficiência

Leia mais

MÓDULO 5 FOLHA DE PAGAMENTO

MÓDULO 5 FOLHA DE PAGAMENTO MÓDULO 5 FOLHA DE PAGAMENTO 5.3 IR-FONTE/DECLARAÇÃO DE DEPENDENTES/ COMPROVANTE DE RENDIMENTOS ESTE FASCÍCULO SUBSTITUI O DE IGUAL NÚMERO ENVIADO ANTERIORMENTE AOS NOSSOS ASSINANTES. RETIRE O FASCÍCULO

Leia mais

Folheto explicativo PLANO A

Folheto explicativo PLANO A Folheto explicativo PLANO A Como está o seu planejamento para a aposentadoria? Você já parou para pensar que a vida está passando rápido demais? A gente sabe que ao longo dos anos muitas prioridades surgem

Leia mais

Folheto explicativo PLANO D

Folheto explicativo PLANO D Folheto explicativo PLANO D Como está o seu planejamento para a aposentadoria? Plano D Previ Novartis Veja algumas vantagens do plano: 1 2 Flexibilidade para planejar o seu futuro; Contrapartida da empresa

Leia mais

Guia do IRPF: Recolhimento complementar (mensalão) Resumo: 1) Introdução: 2) Conceitos: 2.1) Dependentes:

Guia do IRPF: Recolhimento complementar (mensalão) Resumo: 1) Introdução: 2) Conceitos: 2.1) Dependentes: Guia do IRPF: Recolhimento complementar (mensalão) Resumo: Analisaremos neste Roteiro de Procedimentos as principais regras (inclusive exemplos de cálculo) que envolvem o recolhimento complementar (antigo

Leia mais

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2016

PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2016 PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2016 Estabelece a incidência do imposto sobre a renda a valores de bens e direitos adquiridos por herança ou doação de que trata o inciso XVI da Lei 7.713, de 22 de dezembro

Leia mais

FAQ SOLICITAR ORIGINAIS E CÓPIAS DE TODA DOCUMENTAÇÃO

FAQ SOLICITAR ORIGINAIS E CÓPIAS DE TODA DOCUMENTAÇÃO FAQ SOLICITAR ORIGINAIS E CÓPIAS DE TODA DOCUMENTAÇÃO 1. Todos os membros do grupo familiar são maiores de idade? Menores de idade: solicitar apenas RG, Certidão de Nascimento e CPF; Maiores de idade:

Leia mais

Divulgamos a Medida Provisória nº 670, de , que traz os reajustes da tabela do Imposto de Renda das Pessoas Físicas.

Divulgamos a Medida Provisória nº 670, de , que traz os reajustes da tabela do Imposto de Renda das Pessoas Físicas. INFORME JURÍDICO 16/03/2015 464 Prezados (as) IRPF Reajustes da Tabela Divulgamos a Medida Provisória nº 670, de 10.03.2015, que traz os reajustes da tabela do Imposto de Renda das Pessoas Físicas. A Medida

Leia mais

ANEXO. LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte Dirf

ANEXO. LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte Dirf ANEXO LEIAUTE DO ARQUIVO Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte Dirf 1. Regras gerais Estas regras devem ser respeitadas em todos os arquivos gerados, quando não excepcionadas por regra específica

Leia mais

ANEXO IV - DECLARAÇÃO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA IGUAL OU INFERIOR A 1,5 SALÁRIO-MÍNIMO (TERMO DE COMPROVAÇÃO DE RENDA)

ANEXO IV - DECLARAÇÃO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA IGUAL OU INFERIOR A 1,5 SALÁRIO-MÍNIMO (TERMO DE COMPROVAÇÃO DE RENDA) ANEXO IV - DECLARAÇÃO DE RENDA FAMILIAR BRUTA MENSAL PER CAPITA IGUAL OU INFERIOR A 1,5 SALÁRIO-MÍNIMO (TERMO DE COMPROVAÇÃO DE RENDA) Eu,, portador(a) do CPF:, aprovado(a) dentro das vagas reservadas

Leia mais

ABONO SALARIAL DO PIS/PASEP - EXERCÍCIO 2011/ Cronograma. Matéria elaborada com base na legislação vigente em: 04/07/2011.

ABONO SALARIAL DO PIS/PASEP - EXERCÍCIO 2011/ Cronograma. Matéria elaborada com base na legislação vigente em: 04/07/2011. ABONO SALARIAL DO PIS/PASEP - EXERCÍCIO 2011/2012 - Cronograma Matéria elaborada com base na legislação vigente em: 04/07/2011. Sumário: 1 - Introdução 2 - Conceito 3 - Beneficiário 4 - Requerimento 4.1

Leia mais

Boletim Técnico. DIRF 2015 Ano-Calendário Procedimento para Implementação. Procedimento para Utilização

Boletim Técnico. DIRF 2015 Ano-Calendário Procedimento para Implementação. Procedimento para Utilização DIRF 2015 Ano-Calendário 2014 Produto : Microsiga Protheus Gestão de Pessoal Versão 11 Gestão Pública Chamado : TRKH58 Data da publicação : 19/01/15 País(es) : Brasil Banco(s) de Dados : Todos DIRF A Secretaria

Leia mais

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Faculdade de Direito Direito Previdenciário Profª. Ms. Tatiana Riemann QUALIDADE DE SEGURADO

Pontifícia Universidade Católica de Goiás Faculdade de Direito Direito Previdenciário Profª. Ms. Tatiana Riemann QUALIDADE DE SEGURADO QUALIDADE DE SEGURADO Qualidade de Segurado - art. 13, Dec. 3.048/99 detém a qualidade de segurado aquele que exerce atividade remunerada, em caso de segurados obrigatórios, ou está contribuindo, em caso

Leia mais

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE

MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE MUDANÇAS NAS REGRAS DO SEGURO-DESEMPREGO, ABONO SALARIAL ANUAL, AUXILIO-DOENÇA E PENSÃO POR MORTE Em 30/12/2014, por meio das Medidas Provisórias 664 e 665, publicadas no Diário Oficial da União, as normas

Leia mais

Guia Unicred do IMPOSTO DE RENDA 2016

Guia Unicred do IMPOSTO DE RENDA 2016 Guia Unicred do IMPOSTO DE RENDA 2016 1 ÍNDICE Imposto de Renda 2016... 03 Obrigatoriedade de entrega da declaração... 04 Orientações gerais.... 05 Formas de entrega.... 06 Multa pelo atraso na entrega...

Leia mais

GUIA DE RECOLHIMENTO Códigos

GUIA DE RECOLHIMENTO Códigos GUIA DE RECOLHIMENTO Códigos O COORDENADOR-GERAL DE ARRECADAÇÃO E COBRANÇA, no uso da atribuição que lhe confere o inciso III do art. 312 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil,

Leia mais

O novo modelo de previdência do setor público. Outubro/2013

O novo modelo de previdência do setor público. Outubro/2013 O novo modelo de previdência do setor público Outubro/2013 MODELO ADOTADO PREVIDÊNCIA BÁSICA SPPREV ou INSS + PREVIDÊNCIA COMPLEMENTAR Benefícios variáveis, dependendo do valor acumulado pelo servidor

Leia mais

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como é calculada a contribuição previdenciária sobre a remuneração paga ao transportador autônomo de veículo

Parecer Consultoria Tributária Segmentos Como é calculada a contribuição previdenciária sobre a remuneração paga ao transportador autônomo de veículo Como é calculada a contribuição previdenciária sobre a remuneração paga ao transportador 30/06/2014 Sumário Título do documento 1. Questão... 3 2. Normas apresentadas pelo cliente... 3 3. Análise da Legislação...

Leia mais

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES

RENDIMENTOS TRIBUTÁVEIS RECEBIDOS DE PESSOA FÍSICA E DO EXTERIOR PELOS DEPENDENTES IDENTIFICAÇÃO DO CONTRIBUINTE Nome: GERALDO RESENDE PEREIRA Data de Nascimento: 20/04/1955 Título Eleitoral: 0001886791970 Houve mudança de endereço? Sim Endereço: Rua JOÃO CANDIDO CAMARA Número: 1195

Leia mais

SERVI OS DE INTERNET RS LTDA - ME CNPJ: 18607543/0001-37 Setembro de 2016 2 ROBERTO TEIXEIRA DA SILVA Admissªo: 01/07/2015 Descrição Referência Vencimentos Descontos 22 88 Declaro ter recebido a importância

Leia mais