AULA 6 GEOGRAFIA URBANA. Reestruturação urbano industrial

Save this PDF as:
 WORD  PNG  TXT  JPG

Tamanho: px
Começar a partir da página:

Download "AULA 6 GEOGRAFIA URBANA. Reestruturação urbano industrial"

Transcrição

1 AULA 6 GEOGRAFIA URBANA Reestruturação urbano industrial

2 Indutor: Reestruturação produtiva em São Paulo: Crescimento maior do INTERIOR (perda de peso relativo da metrópole no crescimento industrial). Dados Valor de Produção Industrial (Fonte: Lencioni, 1994, p. 199) Anos RMSP Interior ,7% 29,3% ,6% 41,3% ,5% 43,5% Lencioni (1994): Industrialização do interior é próxima da Grande SP (150 km raio) Desconcentração industrial que reforça a expansão da metrópole (sob nova forma: fragmentada, difusa, descontínua). Reforço do poder da metrópole: decisão e controle do processo de valorização do capital estão ainda concentrados. Baixada Santista, Vale Paraíba, Campinas, Sorocaba, Rio Claro e Piracicaba (MACROMETROPOLE PAULISTA)

3 Def. institucional de Macrometrópole (Emplasa): formada por 3 regiões metropolitanas e 2 aglomerados urbanos (Jundiaí e Piracicaba)

4 Outras questões importantes: Município de São Paulo: desindustrialização é relativa a fragmentos (Mooca, Água Branca, Ipiranga) Industrialização ainda é importante na metrópole de São Paulo. Ex: setor automobilístico e químico no ABC. PIB Municipal (Indústria) 2009: 1) São Paulo: 66,8 bilhões (17% do PIB total) 2) São Bernardo: 10 bilhões (34,6% do PIB total) 3) Campinas: 6 bilhões (19% do PIB total)

5 Induzido: mudanças no crescimento urbano (dados de população) a) Desaceleração do crescimento NO CONJUNTO da metrópole (médias são menores no tempo. As taxas dos municípios que crescem mais também diminuem) 1960 p/ 1970: 20% (Diadema) 1970 p/ 1980: 18% (Embu) 1980 p/ 1990: 12% (Santana do Parnaíba ) 1990 p/ 2000: 8% (Vargem Paulista ) 2000 p/ 2010: 4% (Santana do Parnaíba ) Evolução da taxa de crescimento populacional na metrópole de SP (taxa anual média na metrópole) De 1960 para 1970: 5,44% De 1970 para 1980: 4,46 % De 1980 para 1991: 1,88% De 1991 para 2000: 1,65% De 2000 para 2010: 1,03%

6 DINÂMICA INTERNA (onde ainda há crescimento) Dois tipos diferentes Crescimento de população nos municípios (FRANJA URBANA) 1) Tipo acontece nos municípios com as mais altas taxas ( entre 2 e 3%): Santana do Parnaíba: 3,82% Cotia: 3,05 Mairiporã: 3,02% Vargem Paulista: 2,78% Arujá: 2,38% Fruto de processo duplo: expansão de condomínios horizontais (generalização do fenômeno é mais atual) para classes média e alta E Periferização dos mais pobres

7 2) Tipo acontece nos municípios com crescimento maior que a média (entre 1 e 2%) Cajamar: 2,36% Taboão: 2,15% Pirapora do Bom Jesus: 2,41% Ferraz de Vasconcelos: 1,69% Itaquaquecetuba: 1,66% Mogi das Cruzes: 1,62% Caieiras: 1,97% Francisco Morato: 1,98% Mesmo processo: periferização em função da expulsão pela valorização imobiliária (peso do aluguel)

8 Crescimento maior da população nas franjas metropolitanas Fonte:

9 Dinâmica urbana - Município de São Paulo: crescimento maior dos bairros mais afastados e mais pobres. Aumento da pobreza urbana e migração constante.

10 Dados Censo 2010: Crescimento maior na cidade de SP: 1) Mercado imobiliário elite: Morumbi, Vila Andrade (Panambi) 2) Periferização: zonas norte (Jaraguá) e leste (Guaianases e São Miguel) 3) Bairros centrais e antigos (áreas industriais): Vila Leopoldina, Bom Retiro e Cambuci Apesar disso: zona sul é ainda a maior concentração de população (os 5 maiores distritos em população somam 1,5 milhão de pessoas) Grajaú, Jardim Ângela, Jardim São Luís, Cidade Ademar

11 Novas periferias mais distantes

12 Novas periferias mais distantes

13 Resultado: Tecido urbano fragmentado. Metrópole difusa e espraiada.

14 Tecido urbano Lefebvre: Estas palavras, o tecido urbano, não designam, de maneira restrita, o domínio edificado nas cidades, mas o conjunto das manifestações do predomínio da cidades sobre o campo. Nessa acepção, uma segunda residência, uma rodovia, um supermercado em pleno campo, fazem parte do tecido urbano. Revolução Urbana, p.17

15 Crescimento difuso nas franjas da metrópole. Vargem Paulista tecido urbano da metrópole. Chácaras de produção agrícola convivendo com loteamentos espalhados pelo município.

16 Vargem Paulista. Rod. Raposo Tavares e os condomínios industriais com incentivos municipais.

17 Tecido urbano fragmentado e difuso na metrópole. Franja da metrópole contem usos desiguais. Santana do Parnaíba dos pobres (UIT Cidade São Pedro) Tamboré 3, Santana do Parnaíba. Loteamento para classes mais abastadas.

18 Tecido urbano fragmentado. Itapecerica da Serra. Bairro Branca Flor: bairro popular. Condomínio fechado Mancha urbana compacta, extravasamento da zona sul de São Paulo.

19 Nova tendência urbanização Mancha urbana com limites difusos e fragmentada nas bordas F. Ascher (metápolis): ultrapassa a ideia de metrópole e contem nova forma: metropolização como fenômeno que supera a metrópole Dinâmica metropolitana marcada pelas migrações pendulares: Bacias de emprego X bacias de moradia Países centrais (Europa): tendência reforçada pelos transportes coletivos rápidos (TGV) Crescimento: radio-concêntrico, linear ou por metástase Efeito túnel: espaços vazios gerados pela rede de transportes rápidos (TGV ou aeroportos)

20 Bibliografia Lencioni, S. Reestruturação urbano-industrial no estado de São Paulo: a região da metrópole desconcentrada. Ascher, F. Metapolis. Acerca do futuro das cidades Lefebvre, H. Revolução urbana Harvey, D. A condição pós moderna

2ª Região SP Ano de 2013

2ª Região SP Ano de 2013 1ª de Arujá 483 304... 1ª de Barueri 2.966 2.299 2.988 2ª de Barueri 3.250 3.073 2.408 3ª de Barueri 3.093 2.544 2.559 1ª de Caieiras 1.046 1.001 545 1ª de Cajamar 264 799 394 1ª de Carapicuíba 34 447

Leia mais

PESQUISA. Abril/2015

PESQUISA. Abril/2015 PESQUISA Abril/2015 ALPHA FM EM NÚMEROS 1º Lugar entre as emissoras qualificadas: Atinge em média 135.118 ouvintes por minuto, de segunda a sexta-feira, das 06h às 19h. Em 30 dias atinge 1.575.204 ouvintes

Leia mais

PESQUISA. Setembro/2015

PESQUISA. Setembro/2015 PESQUISA Setembro/2015 ALPHA FM EM NÚMEROS 1º Lugar entre as emissoras qualificadas: Atinge em média 145.379 ouvintes por minuto, de segunda a sexta-feira, das 06h às 19h. 4º Lugar no ranking geral entre

Leia mais

PESQUISA. Outubro/2015

PESQUISA. Outubro/2015 PESQUISA Outubro/2015 ALPHA FM EM NÚMEROS 1º Lugar entre as emissoras qualificadas: Atinge em média 143.807 ouvintes por minuto, de segunda a sexta-feira, das 06h às 19h. 4º Lugar no ranking geral entre

Leia mais

GOVERNANÇA METROPOLITANA. As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana

GOVERNANÇA METROPOLITANA. As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana As cidades e os desafios da Mobilidade Urbana Março / 2012 Mobilidade é o deslocamento de pessoas e bens nas cidades. É sustentável quando: Valoriza o deslocamento do pedestre. Proporciona mobilidade às

Leia mais

Uso de Serviços Públicos de Saúde

Uso de Serviços Públicos de Saúde Uso de Serviços Públicos de Saúde Metodologia Pesquisa quantitativa, com aplicação de questionário estruturado através de entrevistas pessoais. OBJETIVO GERAL Levantar junto à população da área em estudo

Leia mais

MOBILIDADE METROPOLITANA E PROJETO URBANO

MOBILIDADE METROPOLITANA E PROJETO URBANO MOBILIDADE METROPOLITANA E PROJETO URBANO SEMINÁRIO RIO METROPOLITANO: DESAFIOS COMPARTILHADOS O FUTURO DA MOBILIDADE NA METRÓPOLE VERTICALIDADES Aspectos metropolitanos HORIZONTALIDADES Interações entre

Leia mais

MAIOR POPULAÇÃO NEGRA DO PAÍS

MAIOR POPULAÇÃO NEGRA DO PAÍS MAIOR POPULAÇÃO NEGRA DO PAÍS A população brasileira foi estimada em 184,4 milhões de habitantes, em 2005, segundo a PNAD, sendo que 91 milhões de pessoas se declararam de cor/raça parda ou preta, aproximando-se

Leia mais

TABELA DE PREÇOS PME

TABELA DE PREÇOS PME TABELA DE PREÇOS PME TABELA DE PREÇOS PME SEM COPARTICIPAÇÃO TABELA VÁLIDA NO PERÍODO: DE 01/04/2016 ATÉ 30/06/2016. SÃO PAULO, REGIÃO METROPOLITANA E ABC ***SMART 200 E 300 SANTAMÁLIA: COBERTURA REGIONAL

Leia mais

Atuação SH/CDHU Projeto ZL Vórtice. setembro/2014

Atuação SH/CDHU Projeto ZL Vórtice. setembro/2014 Atuação SH/CDHU Projeto ZL Vórtice setembro/2014 PLANO ESTADUAL DE HABITAÇÃO 2011-2023 www.cdhu.sp.gov.br/peh-new/peh.asp NECESSIDADES HABITACIONAIS - PROJEÇÃO 2011 ESTADO DE SÃO PAULO TOTAL DE DOMICÍLIOS

Leia mais

ZARA S EXPRESS TABELA DE PONTOS - SERVIÇOS AVULSOS MOTO FRETE FONE: 11 2606-9330 / NEXTEL: 11 94759-1121 /94707-8867 RÁDIO: 35*22*75829 / 35*1*28443

ZARA S EXPRESS TABELA DE PONTOS - SERVIÇOS AVULSOS MOTO FRETE FONE: 11 2606-9330 / NEXTEL: 11 94759-1121 /94707-8867 RÁDIO: 35*22*75829 / 35*1*28443 ZARA S EXPRESS TABELA DE PONTOS - SERVIÇOS AVULSOS MOTO FRETE FONE: 11 2606-9330 / NEXTEL: 11 94759-1121 /94707-8867 RÁDIO: 35*22*75829 / 35*1*28443 LOCALIDADES/REGIÃO SERVIÇO MÍNIMO LOCALIDADE CENTRO

Leia mais

Projetos de Expansão e Modernização da CPTM

Projetos de Expansão e Modernização da CPTM Projetos de Expansão e Modernização da CPTM Jun/2012 Silvestre Eduardo Rocha Ribeiro Diretor de Planejamento e Projetos Jundiaí Várzea Paulista Campo Limpo Paulista Francisco Morato Franco da Rocha Caieiras

Leia mais

EMPREGO DOMÉSTICO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO 2013

EMPREGO DOMÉSTICO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO 2013 Abril DE 2014 EMPREGO DOMÉSTICO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO 2013 Em 2013, cresceu o número de diaristas e diminuiu o de mensalistas com e sem carteira de trabalho. Elevou-se o rendimento médio

Leia mais

NOVOS CAMINHOS DA MIGRAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO

NOVOS CAMINHOS DA MIGRAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO NOVOS CAMINHOS DA MIGRAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO NOVOS CAMINHOS DA MIGRAÇÃO NO ESTADO DE SÃO PAULO SONIA REGINA PERILLO Demógrafa, Analista da Fundação Seade Oâmbito mundial como nacional (Martine, 1993;

Leia mais

Principais desafios para desligamento da TV Analógica e implantação da TV Digital José Alexandre Bicalho

Principais desafios para desligamento da TV Analógica e implantação da TV Digital José Alexandre Bicalho Principais desafios para desligamento da TV Analógica e implantação da TV Digital José Alexandre Bicalho Agência Nacional de Telecomunicações Brasília, 30 de agosto de 2016 Cronograma de Desligamento 2016/2017

Leia mais

EVOLUÇÃO DAS VIAGENS COM UTILIZAÇÃO DE METRÔ E TREM METROPOLITANO RESULTADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE 2012

EVOLUÇÃO DAS VIAGENS COM UTILIZAÇÃO DE METRÔ E TREM METROPOLITANO RESULTADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE 2012 EVOLUÇÃO DAS VIAGENS COM UTILIZAÇÃO DE METRÔ E TREM METROPOLITANO RESULTADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE 2012 Maria Cecilia Masagão Andreoli de Oliveira 20ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA CATEGORIA

Leia mais

MOTIVO DA URBANIZAÇÃO:

MOTIVO DA URBANIZAÇÃO: URBANIZAÇÃO CONCEITO: É a transformação de espaços naturais e rurais em espaços urbanos, concomitantemente à transferência em larga escala da população do campo para a cidade êxodo rural em razão de diversos

Leia mais

DESLOCAMENTO PENDULAR INTRAMETROPOLITANO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

DESLOCAMENTO PENDULAR INTRAMETROPOLITANO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO DESLOCAMENTO PENDULAR INTRAMETROPOLITANO NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Elzira Lúcia de Oliveira/ Universidade Federal Fluminense (UFF) e-mail: elziralucia@globo.com Jéssica Monteiro da Silva Tavares/

Leia mais

Previsão da Velocidade de Fluxo Livre em Rodovias de Pista Dupla Paulistas

Previsão da Velocidade de Fluxo Livre em Rodovias de Pista Dupla Paulistas Previsão da Velocidade de Fluxo Livre em Rodovias de Pista Dupla Paulistas Contextualização O HCM Níveis de Serviço: A a E Nível F : Congestionamentos Diretrizes para Elaboração de Estudos e Projetos Rodoviários

Leia mais

ATUAÇÃO DA SH/CDHU Portfólio

ATUAÇÃO DA SH/CDHU Portfólio Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo ATUAÇÃO DA SH/CDHU Portfólio Reunião do Grupo de Trabalho sobre Responsabilidade com o Investimento 16 de junho de 2014 PORTFÓLIO

Leia mais

VI Congreso ALAP. Dinámica de población y desarrollo sostenible con equidad

VI Congreso ALAP. Dinámica de población y desarrollo sostenible con equidad VI Congreso ALAP Dinámica de población y desarrollo sostenible con equidad Transição da Mobilidade na Região Metropolitana de São Paulo: reflexões teóricas sobre o tema Aparecido Soares da Cunha Etapa

Leia mais

METRÔ DE SÃO PAULO EXPANSÃO ALBERTO EPIFANI Gerente de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos - METRÔ

METRÔ DE SÃO PAULO EXPANSÃO ALBERTO EPIFANI Gerente de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos - METRÔ METRÔ DE SÃO PAULO EXPANSÃO 2012-2030 ALBERTO EPIFANI Gerente de Planejamento e Expansão dos Transportes Metropolitanos - METRÔ SÃO PAULO 13//06/2012 Expansão 2012-2030 2 REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

Leia mais

CONSULTA PÚBLICA Nº 0

CONSULTA PÚBLICA Nº 0 CONSULTA PÚBLICA Nº 0 Alteração do Art. 15 do Regulamento de Numeração do SMP Art. 15 O Código Nacional tem formato padronizado, composto por 2 (dois) caracteres numéricos, representado por séries que

Leia mais

URBANIZAÇÃO BRASILEIRA

URBANIZAÇÃO BRASILEIRA URBANIZAÇÃO BRASILEIRA Urbanização é um conceito geográfico que representa o desenvolvimento das cidades. Neste processo, ocorre a construção de casas, prédios, redes de esgoto, ruas, avenidas, escolas,

Leia mais

PRINCIPAIS HOSPITAIS CREDENCIADOS Ampla cobertura no Estado de SP. Hospital Nipo-Brasileiro Melhor relação custo-benefício

PRINCIPAIS HOSPITAIS CREDENCIADOS Ampla cobertura no Estado de SP. Hospital Nipo-Brasileiro Melhor relação custo-benefício SMART 500 Confira as condições especiais SMART 500 Para você que não abre mão de bom preço com qualidade. Melhor preço + qualidade + atendimento + praticidade LINHA SMART 500 a partir de 139,72 ACOMODAÇÃO

Leia mais

TABELA 2 a 29 pessoas plano sem coparticipação. 54 a 58 + 59 anos 49 a 53. Plano 0 a 18 19 a 23 24 a 28 29 a 33 34 a 38 39 a 43 44 a 48

TABELA 2 a 29 pessoas plano sem coparticipação. 54 a 58 + 59 anos 49 a 53. Plano 0 a 18 19 a 23 24 a 28 29 a 33 34 a 38 39 a 43 44 a 48 Operadora Unimed Guarulhos Tabela Empresarial Mínimo de 2 pessoas Corretor: Rosana Gouveia Contato: (11) 4263-1275 (11) 97587-3736 (whatsapp) Email: rg-i@outlook.com TABELA 2 a 29 pessoas plano sem coparticipação

Leia mais

} Fundado em novembro de 2004. } É composto por um conjunto de mais de 45 empresas. operadoras. } Operam nos 39 municípios da RMSP

} Fundado em novembro de 2004. } É composto por um conjunto de mais de 45 empresas. operadoras. } Operam nos 39 municípios da RMSP Cartão BOM CMT- Consórcio Metropolitano de Transportes } Fundado em novembro de 2004. } É composto por um conjunto de mais de 45 empresas operadoras } Operam nos 39 municípios da RMSP O sistema do CMT

Leia mais

Outubro 2009 INDIVIDUAL / FAMILIAR

Outubro 2009 INDIVIDUAL / FAMILIAR Outubro 2009 INDIVIDUAL / FAMILIAR A Unimed Paulistana é uma Cooperativa Médica e todos os médicos que atendem aos beneficiários dos planos são donos da empresa. Isso garante a qualidade dos serviços prestados.

Leia mais

DIA 04/05/2015 (SEGUNDA-FEIRA)

DIA 04/05/2015 (SEGUNDA-FEIRA) ROTEIRO DE ELEIÇÃO DE DELEGADOS SINDICAIS 2015/2016 DIA 04/05/2015 (SEGUNDA-FEIRA) 8h30 13h30 14h30 08h30 9h40 CDD PAULISTA CDD JARDIM AMÉRICA CDD ESTÁDIO AC CONSOLAÇÃO AC FREI CANECA AC PRAÇA DO CARMO

Leia mais

O TREM DE ALTA VELOCIDADE E A CIDADE DE SÃO PAULO

O TREM DE ALTA VELOCIDADE E A CIDADE DE SÃO PAULO O TREM DE ALTA VELOCIDADE E A CIDADE DE SÃO PAULO APRESENTAÇÃO SMT NOVEMBRO / 2010 RT DT/SPT 085/10 Laurindo Junqueira 11 3396.7820 laurindojunqueira@sptrans.com.br TREM DE ALTA VELOCIDADE 41 CIDADES ATENDIDAS

Leia mais

O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP. Lucas Alonso 21ª AEAMESP SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA

O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP. Lucas Alonso 21ª AEAMESP SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP Lucas Alonso 21ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA AEAMESP O impacto da integração tarifária na mobilidade urbana da RMSP 2 Análise da

Leia mais

Problemas ambientais no setor paulista da Serra do Mar:

Problemas ambientais no setor paulista da Serra do Mar: Problemas ambientais no setor paulista da Serra do Mar: condicionantes físicos e DH associadas Lucí Hidalgo Nunes luci@ige.unicamp.br Antonio Carlos Vitte acvitte@ige.unicamp.br Departamento de Geografia,

Leia mais

O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO. Porto Alegre 2015

O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO. Porto Alegre 2015 O PROCESSO DE URBANIZAÇÃO Porto Alegre 2015 INDUSTRIALIZAÇÃO NO CAMPO: IMPUSIONA A MODERNIZAÇÃO AGRÍCOLA, CONCENTRANDO TERRAS E DIMNUINDO A OFERTA DE POSTOS DE TRABALHOS REPULSÃO MIGRAÇÃO CAMPO-CIDADE

Leia mais

INTERDEPENDÊNCIA ECONÔMICA: UM ESTUDO DE CASO PARA A REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO. Fernando S. Perobelli Eduardo A. Haddad Geoffrey J.D.

INTERDEPENDÊNCIA ECONÔMICA: UM ESTUDO DE CASO PARA A REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO. Fernando S. Perobelli Eduardo A. Haddad Geoffrey J.D. INTERDEPENDÊNCIA ECONÔMICA: UM ESTUDO DE CASO PARA A REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Fernando S. Perobelli Eduardo A. Haddad Geoffrey J.D. Hewings TD Nereus 15-2013 São Paulo 2013 Interdependência Econômica:

Leia mais

Estoque de Outorga Onerosa Residencial Outubro 2015

Estoque de Outorga Onerosa Residencial Outubro 2015 Estoque de Outorga Onerosa Residencial Outubro 2015 O relatório sobre o Estoque de Outorga Onerosa é realizado com o objetivo de analisar as informações sobre o estoque de potencial construtivo na cidade

Leia mais

Laura Cristina Ribeiro Pessoa, Ana Clara Dermachi Bellan, Nelson Baltrusis e Maria Camila D Ottaviano..

Laura Cristina Ribeiro Pessoa, Ana Clara Dermachi Bellan, Nelson Baltrusis e Maria Camila D Ottaviano.. Capítulo 2 Laura Cristina Ribeiro Pessoa, Ana Clara Dermachi Bellan, Nelson Baltrusis e Maria Camila D Ottaviano.. 2. Renda, Ocupação e Habitação na Metrópole de São Paulo Este capítulo tem como objetivo

Leia mais

PESQUISA DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO VARIAÇÃO (%) DO VALOR MÉDIO COMPARADO COM O IGP- M NOS ÚTLIMOS 12 MESES 3,8

PESQUISA DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL NO MUNICÍPIO DE SÃO PAULO VARIAÇÃO (%) DO VALOR MÉDIO COMPARADO COM O IGP- M NOS ÚTLIMOS 12 MESES 3,8 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO FEVEREIRO DE 2015 As pessoas que procuraram moradias para alugar em fevereiro de 2015 encontraram valores menores do que em janeiro,

Leia mais

Estoque de Outorga Onerosa não Residencial

Estoque de Outorga Onerosa não Residencial Estoque de Outorga Onerosa não Residencial Setembro 2015 O relatório sobre o Estoque de Outorga Onerosa é realizado com o objetivo de analisar as informações sobre o estoque de potencial construtivo na

Leia mais

Estoque de Outorga Onerosa Residencial Dezembro 2014

Estoque de Outorga Onerosa Residencial Dezembro 2014 Estoque de Outorga Onerosa Residencial Dezembro 2014 O relatório sobre o Estoque de Outorga Onerosa é realizado com o objetivo de analisar as informações sobre o estoque de potencial construtivo na cidade

Leia mais

Estoque de Outorga Onerosa Residencial Julho 2014

Estoque de Outorga Onerosa Residencial Julho 2014 Estoque de Outorga Onerosa Residencial Julho 2014 O relatório sobre o Estoque de Outorga Onerosa é realizado com o objetivo de analisar as informações sobre o estoque de potencial construtivo na cidade

Leia mais

LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 30 de setembro de 2006)

LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 30 de setembro de 2006) LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 30 de setembro de 2006) Esta lista foi elaborada pela equipe do site OBSERVATÓRIO DAS VIOLÊNCIAS POLICIAIS-SP (www.ovp-sp.org) a partir de notícias de

Leia mais

São Paulo e Brasil. São Paulo. do Brasil. 3% da área 22% da população 31% do PIB 33% das exportações 41% das importações. América do Sul.

São Paulo e Brasil. São Paulo. do Brasil. 3% da área 22% da população 31% do PIB 33% das exportações 41% das importações. América do Sul. São Paulo e Brasil América do Sul Brasil São Paulo São Paulo 3% da área 22% da população 31% do PIB 33% das exportações 41% das importações do Brasil Fontes: IBGE, Seade e Ministério do Desenvolvimento,

Leia mais

2.6. Sistemas de Abastecimento de Água

2.6. Sistemas de Abastecimento de Água 2.6. Sistemas de Abastecimento de Água A RMSP está localizada na porção sudeste do estado de São Paulo e abrange 39 municípios. Destes, 33 são operados pela SABESP e 6 têm Administração Municipal. Do total

Leia mais

1. Arrecadação de ICMS entre os municípios da Região Metropolitana de São Paulo

1. Arrecadação de ICMS entre os municípios da Região Metropolitana de São Paulo nº 45 Fevereiro 2015 1. Arrecadação de ICMS entre os municípios da Região Metropolitana de São Paulo Este artigo apresenta a evolução da arrecadação do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de

Leia mais

O Estado de São Paulo no Censo 2010. Elaboração : Suzana Pasternak

O Estado de São Paulo no Censo 2010. Elaboração : Suzana Pasternak O Estado de São Paulo no Censo 2010 Elaboração : Suzana Pasternak Colaboraram Lucia Maria Machado Bógus e Eliana Rodrigues Introdução O Estado de São Paulo atinge, em 2010, uma população de 41.252.162

Leia mais

O DEPRN atua em todo o território do Estado por meio de 7 divisões regionais compostas por Equipes Técnicas.

O DEPRN atua em todo o território do Estado por meio de 7 divisões regionais compostas por Equipes Técnicas. ANEXO - Relação das Diretorias e Equipes Técnicas do DEPRN Diretoria Geral Rua Anete Queiroz Lacerda, 80 Vila Gomes, São Paulo - SP CEP 05591-080 Atendimento ao Público: entrada pela Av. Prof. Lucas de

Leia mais

Talento Jovem Programa de Bolsas de Estudos

Talento Jovem Programa de Bolsas de Estudos Programa de Bolsa de Estudos Rotary e Faculdades Integradas Rio Branco em prol da Educação 1 4610 RCSP 1001 4610 RCSP-Alto da Lapa 1002 4610 RCSP-Alto de Pinheiros 1003 4610 RCSP-Armando de Arruda Pereira

Leia mais

1. Produto Interno Bruto Municipal de 2012

1. Produto Interno Bruto Municipal de 2012 nº 44 Janeiro 2015 1. Produto Interno Bruto Municipal de 2012 O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística IBGE, em parceria com as Secretarias Estaduais e os órgãos estaduais de estatística, divulgou,

Leia mais

LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 31 de julho de 2006)

LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 31 de julho de 2006) LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 31 de julho de 2006) Esta lista foi elaborada pela equipe do site OBSERVATÓRIO DAS VIOLÊNCIAS POLICIAIS-SP (www.ovp-sp.org) a partir de notícias de jornais

Leia mais

O TREM DE ALTA VELOCIDADE E A CIDADE DE SÃO PAULO

O TREM DE ALTA VELOCIDADE E A CIDADE DE SÃO PAULO O TREM DE ALTA VELOCIDADE E A CIDADE DE SÃO PAULO APRESENTAÇÃO SMT NOVEMBRO / 2010 RT DT/SPT 085/10 Laurindo Junqueira 11 3396.7820 laurindojunqueira@sptrans.com.br TREM DE ALTA VELOCIDADE 41 CIDADES ATENDIDAS

Leia mais

Projetos de Expansão e Modernização

Projetos de Expansão e Modernização Projetos de Expansão e Modernização Março/2012 Jundiaí Várzea Paulista Campo Limpo Paulista Francisco Morato Franco da Rocha Caieiras REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO Itaquaquecetuba Osasco Barueri São

Leia mais

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR

O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR O MERCADO IMOBILIÁRIO NO INTERIOR INTERIOR DE SÃO PAULO Flavio Amary Vice-presidente do Interior do Secovi-SP e Diretor Regional em Sorocaba e Região PARTICIPAÇÃO % DO

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO SETEMBRO DE 2013.

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO SETEMBRO DE 2013. PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO SETEMBRO DE 2013. Os imóveis destinados para aluguel na capital paulista tiveram um pequeno aumento (+0,2%) em setembro de 2013, relativamente

Leia mais

LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 31 de maio 2010)

LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 31 de maio 2010) LISTA DE MORTOS POR POLICIAIS E ENCAPUZADOS (de 1 a 31 de maio 2010) Esta lista foi elaborada pela equipe do site OBSERVATÓRIO DAS VIOLÊNCIAS POLICIAIS-SP (www.ovp-sp.org) a partir de notícias de jornais

Leia mais

MÍDIA KIT 2015/16 A MAIOR REVISTA GRATUITA DE SÃO PAULO

MÍDIA KIT 2015/16 A MAIOR REVISTA GRATUITA DE SÃO PAULO Revista MÍDIA KIT 2015/16 A MAIOR REVISTA GRATUITA DE SÃO PAULO 15 ANOS DE CREDIBILIDADE Com 15 anos de presença marcante nos bairros de São Paulo, a Revista Em Condomínios leva ao morador de apartamentos

Leia mais

VII Congresso da Associação Latino- Americana de População (ALAP)

VII Congresso da Associação Latino- Americana de População (ALAP) VII Congresso da Associação Latino- Americana de População (ALAP) XX Encontro Nacional de Estudos Populacionais ( ABEP) Migração na metrópole: um estudo de caso sobre a Região Metropolitana de São Paulo

Leia mais

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO MARÇO DE 2015

PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO MARÇO DE 2015 PESQUISA MENSAL DE VALORES DE LOCAÇÃO RESIDENCIAL CIDADE DE SÃO PAULO MARÇO DE 2015 As casas e apartamentos tiveram seus aluguéis mais altos em março, relativamente aos valores de fevereiro. Subiram em

Leia mais

SP 09/94 NT 184/94. Volume das rodovias de acesso e saída da capital. Engº Fernando G. Gonçalves Salvador Engº Marcos Vinicius Brito

SP 09/94 NT 184/94. Volume das rodovias de acesso e saída da capital. Engº Fernando G. Gonçalves Salvador Engº Marcos Vinicius Brito SP 09/94 NT 184/94 Volume das rodovias de acesso e saída da capital Engº Fernando G. Gonçalves Salvador Engº Marcos Vinicius Brito O crescimento populacional no município de SP, aliado a outros fatores

Leia mais

CRESCIMENTO DAS CIDADES. Profº Anderson Carlos

CRESCIMENTO DAS CIDADES. Profº Anderson Carlos CRESCIMENTO DAS CIDADES Profº Anderson Carlos URBANIZAÇÃO É o crescimento da proporção entre a população que vive em cidades em comparação com os habitantes de zonas rurais. A transferência da população

Leia mais

Nova Política Comercial

Nova Política Comercial A Cultura já tem grade de programação diferenciada. Agora também com proposta comercial diferenciada. O cálculo da tabela de preços da TV Cultura deixou de ser baseado no IPC - Índice Potencial de Consumo

Leia mais

A GEOGRAFIA DO VOTO NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DO BRASIL: 1989-2006

A GEOGRAFIA DO VOTO NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DO BRASIL: 1989-2006 A GEOGRAFIA DO VOTO NAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DO BRASIL: 1989-2006 Cesar Romero Jacob Dora Rodrigues Hees Philippe Waniez Violette Brustlein Fernando Collor de Melo Eleição presidencial de 1989 Primeiro

Leia mais

PLANO COPARTICIPAÇÃO PME

PLANO COPARTICIPAÇÃO PME PLANO COPARTICIPAÇÃO PME Além das coberturas e vantagens já oferecidas em todos os planos comercializados pela UP, estamos disponibilizando os planos Coparticipação PME: O que é o plano Coparticipação?

Leia mais

PLANTÕES DE FÉRIAS GEOGRAFIA

PLANTÕES DE FÉRIAS GEOGRAFIA PLANTÕES DE FÉRIAS GEOGRAFIA Nome: Nº: Série: 2º ANO Turma: Profª JÉSSICA CECIM Data: JULHO 2016 1. ROTEIRO a) Industrialização Brasileira e Urbanização 2. EXERCÍCIOS 1. A respeito do processo da industrialização

Leia mais

Tabela Distribuição das outorgas nas sub-bacias da BAT. Penha - Pinheiros % Billings - Tamanduateí %

Tabela Distribuição das outorgas nas sub-bacias da BAT. Penha - Pinheiros % Billings - Tamanduateí % A distribuição dos pontos de captação subterrânea não é homogênea na BAT. Aproximadamente 45% das outorgas estão situadas na sub-bacia Penha-Pinheiros, região densamente ocupada por residência, condomínios,

Leia mais

São Paulo. DMI anual. Subtítulo da Apresentação. Dia/mês/ano

São Paulo. DMI anual. Subtítulo da Apresentação. Dia/mês/ano São Paulo Subtítulo da Apresentação DMI anual Dia/mês/ano Sobre o DMI O que é? O DMI-VivaReal (Dados do Mercado Imobiliário) avalia o preço médio para compra e aluguel de imóveis em 35 cidades do Brasil.

Leia mais

milhões de habitantes, distribuídos numa área aproximada de 167 mil km²;

milhões de habitantes, distribuídos numa área aproximada de 167 mil km²; REGIÕES METROPOLITANAS - As primeiras Regiões Metropolitanas do Brasil foram instituídas em 1973. Através da Lei Complementar Federal 14, de 8 de junho, foram estabelecidas oito: as Regiões Metropolitanas

Leia mais

Manual de Vendas. Abril 2011. Plano Pessoa Física e Plano Pequena e Média Empresa - PME. Paulistana

Manual de Vendas. Abril 2011. Plano Pessoa Física e Plano Pequena e Média Empresa - PME. Paulistana Manual de Vendas Plano Pessoa Física e Plano Pequena e Média Empresa - PME Abril 211 Paulistana A Unimed Paulistana quer você de bem com a vida, sempre. Paulistana A Unimed Paulistana é uma Cooperativa

Leia mais

Cidade de Prova - 01 ADAMANTINA. Cidade de Prova - 02 AMERICANA. Cidade de Prova - 03 ANDRADINA. Cidade de Prova - 04 APIAI

Cidade de Prova - 01 ADAMANTINA. Cidade de Prova - 02 AMERICANA. Cidade de Prova - 03 ANDRADINA. Cidade de Prova - 04 APIAI Cidade de Prova - 01 ADAMANTINA 001-029 - Agente de Organização Escolar - Adamantina 2.195 Total na Cidade 2.195 Cidade de Prova - 02 AMERICANA 001-030 - Agente de Organização Escolar - Americana 1.115

Leia mais

Palavras Chave: segunda residência; produção do espaço urbano; dinâmica imobiliária; Santos SP; segregação socioespacial 2. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

Palavras Chave: segunda residência; produção do espaço urbano; dinâmica imobiliária; Santos SP; segregação socioespacial 2. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA INSTITUCIONAL/IFSP PROJETO DE PESQUISA TÍTULO DO PROJETO: O turismo de segunda residência na Baixada Santista e a dinâmica imobiliária em Santos - SP Área do Conhecimento (Tabela do CNPq): 6. 1 3. 0 0.

Leia mais

RELATÓRIO TARIFÁRIO - RMSP

RELATÓRIO TARIFÁRIO - RMSP EXTENSÃO ABC COMUM 195 - - SAO BERNARDO DO CAMPO (TERMINAL METROPOLITANO FERRAZOPOLIS)- DIADEMA (TERMINAL METRO 13,096 3,90 - - 3,90 - - ABC COMUM 195 201 - Integração com 1 AZUL DO METRO - SAO BERNARDO

Leia mais

Região Metropolitana de São Paulo

Região Metropolitana de São Paulo RORAIMA AMAPÁ AMAZONAS PARÁ MARANHÃO CEARÁ DO N ORTE PARAÍBA PIAUÍ PERNAMBUCO ACRE TOCANTINS ALA GOAS RONDÔNIA SERGIPE MATO G ROSSO BAHIA GOIÁS DF MINAS GERAIS MATO G ROSSO DO S UL E SPÍRITO SANTO RIO

Leia mais

Momento Econômico e Perspectivas de um Novo Mercado. Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP VPITU. 27/10/2016 Construindo o Grande ABC

Momento Econômico e Perspectivas de um Novo Mercado. Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP VPITU. 27/10/2016 Construindo o Grande ABC Momento Econômico e Perspectivas de um Novo Mercado Celso Petrucci Economista-Chefe do Secovi-SP 27/10/2016 Construindo o Grande ABC VPITU Economia 2 Atividade econômica - % de crescimento do PIB no Brasil

Leia mais

Workshop Internazionale Equinox 2016 Atelier de Criação Urbana- Wellbeing and Creative City Ascoli Piceno, Itália settembre 2016

Workshop Internazionale Equinox 2016 Atelier de Criação Urbana- Wellbeing and Creative City Ascoli Piceno, Itália settembre 2016 Workshop Internazionale Equinox 2016 Atelier de Criação Urbana- Wellbeing and Creative City Ascoli Piceno, Itália 12-24 settembre 2016 Apresentação POLÍTICA HABITACIONAL E PRODUÇÃO DO ESPAÇO URBANO NA

Leia mais

O Desafio de Unificar o Atendimento ao Cidadão

O Desafio de Unificar o Atendimento ao Cidadão O Desafio de Unificar o Atendimento Julio Semeghini Subsecretaria de Tecnologia e Secretaria de Governo Governo do Estado de São Paulo 11 de agosto 2015 Governo do Estado de São Paulo - Secretaria de Governo

Leia mais

INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA 1º FASE

INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA 1º FASE INDUSTRIALIZAÇÃO BRASILEIRA 1º FASE Até 1822- Era praticamente proibido a instalação de qualquer tipo de estabelecimentos industriais na colônia, pois tudo vinha da metrópole. Até 1930 a indústria brasileira

Leia mais

Organização do Espaço na Cidade de São Paulo

Organização do Espaço na Cidade de São Paulo Organização do Espaço na Cidade de São Paulo A Copa do Mundo e o Desenvolvimento da Zona Leste Arq. Alberto Fasanaro Lauletta Setembro / 2011 Histórico da Expansão Urbana Até 1929 LEGENDA São Paulo Região

Leia mais

Fantasia: Fantasia: Fantasia:

Fantasia: Fantasia: Fantasia: UF: SP Município: Araraquara REDE MULHER DE TELEVISAO LTDA CNPJ: 02.344.518/0001-78 Nº Fistel: 50405944373 Classe: A Prefixo:: AVENIDA PAULISTA, 326, - 20º ANDAR - BELA VISTA Cidade: São Paulo UF: SP CEP:

Leia mais

CAOS LOGÍSTICO REGIONAL

CAOS LOGÍSTICO REGIONAL CAOS LOGÍSTICO REGIONAL O POLO, O PORTO E AS CIDADES NÃO PODEM PARAR Carolina Lembo Gerente do Departamento de Infraestrutura ÍNDICE 1. Contextualização 2. Vantagens do Polo de Cubatão 3. Entraves Logísticos

Leia mais

PIRACICABA ANGELO FRIAS NETO

PIRACICABA ANGELO FRIAS NETO PIRACICABA ANGELO FRIAS NETO Presidente da ACIPI Associação Comercial e Industrial de Piracicaba e Diretor do Secovi SP PIRACICABA CARACTERÍSTICAS ECONÔMICAS Território e População Área: 1.378,501 km²

Leia mais

1. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) - Regiões Metropolitanas

1. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) - Regiões Metropolitanas nº 43 Dezembro 2014 1. Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) - Regiões Metropolitanas Introdução Na edição n 27 deste boletim foram apresentados dados sobre o IDHM (Índice de Desenvolvimento

Leia mais

OBSERVATÓRIO DAS METRÓPOLES: Território, Coesão e Governança Democrática

OBSERVATÓRIO DAS METRÓPOLES: Território, Coesão e Governança Democrática UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO INTITUTO DE PESQUISA E PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL OBSERVATÓRIO DAS METRÓPOLES: Território, Coesão e Governança Democrática Relatório de Pesquisa Dimensão socioespacial

Leia mais

MAPA DA DESIGUALDADE 2016 CLIQUE AQUI PARA COMEÇAR

MAPA DA DESIGUALDADE 2016 CLIQUE AQUI PARA COMEÇAR MAPA DA DESIGUALDADE 2016 CLIQUE AQUI PARA COMEÇAR TEMA PARA NAVEGAR PELOS INDICADORES, CLIQUE NO TEMA INDICADOR ASSISTÊNCIA SOCIAL CULTURA 2 EDUCAÇÃO ESPORTE HABITAÇÃO INCLUSÃO DIGITAL MEIO AMBIENTE SAÚDE

Leia mais

A ordenação do espaço urbano pela adoção de novos padrões de acessibilidade

A ordenação do espaço urbano pela adoção de novos padrões de acessibilidade 1 19ª SEMANA DE TECNOLOGIA METROFERROVIÁRIA A ordenação do espaço urbano pela adoção de novos padrões de acessibilidade Após longos anos de tramitação, a Política Nacional de Mobilidade Urbana foi finalmente

Leia mais

vereador José Police Neto

vereador José Police Neto vereador José Police Neto O que é o Conselho Participativo Municipal? O Conselho Participativo Municipal tem caráter eminentemente público e é um organismo autônomo da sociedade civil, reconhecido pelo

Leia mais

Fragmentação e segregação socioespacial na RMBH

Fragmentação e segregação socioespacial na RMBH SEMINÁRIO NACIONAL AS METRÓPOLES E AS TRANSFORMAÇÕES URBANAS: 9, 10 e 11 DE DEZEMBRO DE 2015 Fragmentação e segregação socioespacial na RMBH Jupira Mendonça Luciana Andrade Alexandre Diniz História marcada

Leia mais

EXTRATO DE OIS DECORRENTE DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ORDEM DE INÍCIO DE SERVIÇO OIS Nº 08/9L1-001 DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS CDHU Nº

EXTRATO DE OIS DECORRENTE DE ATA DE REGISTRO DE PREÇOS ORDEM DE INÍCIO DE SERVIÇO OIS Nº 08/9L1-001 DA ATA DE REGISTRO DE PREÇOS CDHU Nº ORDEM DE INÍCIO DE SERVIÇO OIS Nº 08/9L1-001 DA ATA DE REGISTRO DE 56265705000195 ASSINATURA: 06/07/09 PRAZO: 60 DIAS OBJETO: Urbanização e Infraestrutura EMPREENDIMENTO: Monte Mor C - Infraestrutura MUNÍCIPIO:

Leia mais

Governo do Estado de São Paulo Secretaria de Economia e Planejamento. Região Metropolitana de Campinas

Governo do Estado de São Paulo Secretaria de Economia e Planejamento. Região Metropolitana de Campinas Governo do Estado de São Paulo Secretaria de Economia e Planejamento Região Metropolitana de Campinas 1 2 1. Caracterização Regional A Região Metropolitana de Campinas - é formada por 19 municípios 1,

Leia mais

A+B1 B2+C DE 58 Estações 04 Linhas 900 Carros Linha 1 - Azul 2,200.000 Linha 2 - Verde 1,200.000 Linha 3 - Vermelha 3,000.000 Linha 5 - Lilás 563.000 Estações Fluxo Estações Fluxo Estações Fluxo Estações

Leia mais

Tabela 1 - Preços da gasolina nos municípios do Estado de São Paulo

Tabela 1 - Preços da gasolina nos municípios do Estado de São Paulo Tabela 1 - Preços da gasolina nos municípios do Estado de São Paulo Nº DE POSTOS PREÇO AO CONSUMIDOR MARGEM DO PREÇO DE VENDA DA DISTRIBUIDORA AMOSTRADOS PREÇO MÉDIO PREÇO MÍNIMO PREÇO MÁXIMO POSTO PREÇO

Leia mais

desenvolvimento urbano sustentável: cidades & águas

desenvolvimento urbano sustentável: cidades & águas câmara dos vereadores de são paulo I 03.2015 desenvolvimento urbano sustentável: cidades & águas carlos leite urbanista, phd I prof. fau.mackenzie I stuchi & leite projetos e consultoria www.stuchileite.com

Leia mais

A DISPONIBILIDADE HÍDRICA DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

A DISPONIBILIDADE HÍDRICA DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO A DISPONIBILIDADE HÍDRICA DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO CAMILA CRISTINA PACHECO LOMBA (Mestranda em Geog. Humana - USP/Bolsista ANPUR/IPEA) camilageografia@yahoo.com.br RESUMO A Região Metropolitana

Leia mais

Comitê de Meio Ambiente CTC ÚNICA. "O Setor Sucroenergético e a Crise Hídrica Avanços com Boas Práticas" COMITÊ DE MEIO AMBIENTE (CMA) CTC-UNICA

Comitê de Meio Ambiente CTC ÚNICA. O Setor Sucroenergético e a Crise Hídrica Avanços com Boas Práticas COMITÊ DE MEIO AMBIENTE (CMA) CTC-UNICA Comitê de Meio Ambiente COMITÊ DE MEIO AMBIENTE (CMA) CTC-UNICA CTC ÚNICA "O Setor Sucroenergético e a Crise Hídrica Avanços com Boas Práticas" AS MUDANÇAS DO CLIMA E A CRISE HÍDRICA A Organização das

Leia mais

PROGRAMA DE CORREDORES METROPOLITANOS. Instituto de Engenharia

PROGRAMA DE CORREDORES METROPOLITANOS. Instituto de Engenharia PROGRAMA DE CORREDORES METROPOLITANOS Instituto de Engenharia Introdução quem é a EMTU/SP Estrutura Organizacional EMTU/SP responsabilidades Gerenciamento do sistema de transporte público intermunicipal

Leia mais

Síntese das Informações Pesquisa Domiciliar. Dezembro de 2013

Síntese das Informações Pesquisa Domiciliar. Dezembro de 2013 Síntese das Informações Pesquisa Domiciliar Dezembro de 2013 PESQUISA DE MOBILIDADE 2012 REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO SÍNTESE DAS INFORMAÇÕES PESQUISA DOMICILIAR DEZEMBRO DE 2013 DIRETORIA DE PLANEJAMENTO

Leia mais

ATUALIZAÇÃO: 10/05/2012 a 25/05/2012 ATUALIZAÇÃO: 05/10/2012 A 20/10/2012

ATUALIZAÇÃO: 10/05/2012 a 25/05/2012 ATUALIZAÇÃO: 05/10/2012 A 20/10/2012 ATUALIZAÇÃO: 10/05/2012 a 25/05/2012 ATUALIZAÇÃO: 05/10/2012 A 20/10/2012 CODIGO IMOVEIS COM RENDA BAIRRO ZONA AREA % RENTBL ALUGUEL PREÇO PREÇO COMERCIALZAÇÃO ( VENDA COM RENDA ) ABL MENSAL (*) MENSAL

Leia mais

Características do candidato a Empreendedor Individual (MEI) no Brasil. SEBRAE-SP/Planejamento Abril de 2009

Características do candidato a Empreendedor Individual (MEI) no Brasil. SEBRAE-SP/Planejamento Abril de 2009 Características do candidato a Empreendedor Individual (MEI) no Brasil SEBRAE-SP/Planejamento Abril de 2009 1 Metodologia do trabalho Definição de candidato a MEI: Consideramos como proxy de candidato

Leia mais

ARCO METROPOLITANO. Ordenamento urbano e desenvolvimento social na Baixada Fluminense. Roberto Kauffmann Conselho Empresarial da Construção Civil

ARCO METROPOLITANO. Ordenamento urbano e desenvolvimento social na Baixada Fluminense. Roberto Kauffmann Conselho Empresarial da Construção Civil ARCO METROPOLITANO Ordenamento urbano e desenvolvimento social na Baixada Fluminense Roberto Kauffmann Conselho Empresarial da Construção Civil 29 de setembro de 2015 Baixada Fluminense I & II Municípios:

Leia mais

Migração Intrametropolitana: um estudo comparativo entre as Regiões Metropolitanas do Nordeste (Fortaleza, Recife e Salvador)

Migração Intrametropolitana: um estudo comparativo entre as Regiões Metropolitanas do Nordeste (Fortaleza, Recife e Salvador) Migração Intrametropolitana: um estudo comparativo entre as Regiões Metropolitanas do Nordeste (Fortaleza, Recife e Salvador) Palavras-chave: Migração; Intrametropolitana; Região Metropolitana de Fortaleza;

Leia mais

I REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO I.1 - CARACTERIZAÇÃO GERAL

I REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO I.1 - CARACTERIZAÇÃO GERAL I REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO I.1 - CARACTERIZAÇÃO GERAL A Região Metropolitana de São Paulo é constituída pelo município de São Paulo e mais 38 municípios que se agrupam em torno da Capital do Estado,

Leia mais

Industrialização Brasileira

Industrialização Brasileira Industrialização Brasileira Aula 26 LEMBRAR QUE A URBANIZAÇÃO SEMPRE FOI INFLUENCIADA PELA ECONOMIA. Algodão Maranhão. Açúcar Nordeste Brasileiro. Borracha Acre. Café- Sudeste. Minério- Minas Gerais. A

Leia mais